Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    #Capítulo 01 - Trevas

    Compartilhe
    Lanthys
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 241
    Reputação : 0

    Re: #Capítulo 01 - Trevas

    Mensagem por Lanthys em Sex Set 04, 2015 2:50 pm

    Lanthys então sente seu corpo começar a reagir, embora quase que completamente cego, ele sabe que não foi seu esforço que o colocou de pé, ele sabe que foi Selene quem o fez usando o máximo de suas energias e ele sabe que a irmã de armas está se esgotando para lhe dar apoio... Era chegado o momento de Lanthys fazer algo por eles... Era o chegado o momento do Cavaleiro Garou se fazer presente como todos esperavam dele... Com muita dificuldade e ainda sentindo seu corpo se recuperando, Lanthys vai se erguendo, sua espada agora em forma Garou repousava na mão direita... Lanthys começa a se mover, mesmo sem suas capacidades revigoradas, mesmo sem ainda poder correr, mesmo sem todas as suas forças, ele sabe que sua missão era deter o monstro antes que ela encontrasse Lilith e ele faria isso ou morreria tentando!

    Lanthys: " - Essa serpente caolha não será páreo para vocês dois tenho certeza, eu vou atrás da sanguinolência... Me desejem mais sorte do que tive até agora..."

    Passo a passo se recuperando a cada centímetro percorrido, Lanthys começa seu movimento atrás da mulher demônio... Ele não sabe ao certo onde os aliados estão, como estão, ele só sente que deve ir atrás de Lilith... Ele reluta em deixar seus aliados, mas Leviathan lhe disse que proteger Lilith era o mais importante e ele faria isso e sabia que Naberius e Selene esperavam isso dele, o apoiaram para que fizesse isso, assim ele pensa e sente... Com sua visão turva ele não consegue definir detalhes quaisquer, mas consegue seguir o caminho para onde tem de estar, que é dentro do templo, entre Lilith e a monstruosidade e ele segue seu trajeto aumentando seus passos com o máximo de esforço que sua recuperação lhe permite!
    Yuji Kiba
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 230
    Reputação : 0

    Re: #Capítulo 01 - Trevas

    Mensagem por Yuji Kiba em Sex Set 04, 2015 8:06 pm

    Selene consegue libertar Lanthys, no entanto, enquanto checa como estava o cavaleiro, ela é aprisionada pela criatura. Não conseguia se mover, mas apesar disso seu sentimento não era de medo ou impotência como achou que seria, mas sim raiva, raiva de não poder fazer mais. Ao ver a mulher sumir ao redor da porta aperta os dentes de raiva com tanta força que sua boca chega a sangrar um pouco.

    -Desgraça!

    Vê que Lanthys ainda não esta totalmente recuperado, com algum fôlego a sacerdotisa começa a gritar na direção do colega.

    -Se levante e vá! Não se preocupe comigo e com o Nabe, agente da conta!! Levanta e vá parar aquela vadia, não me faça ir ai chutar a sua bunda pra dentro daquela maldita porta!!!

    Selene se lembra de algumas vezes em que seu pai chegava em casa ferido e cansado e começa a pensar.

    Pensando: “-Pai, se esse é o tipo de vida que você tem, me espanta que ainda fosse capaz de parecer tão despreocupado...”

    O pensamento da sacerdotisa muda no momento em que vê o portal fechando, então se volta para o instrutor.

    -Vamos, temos que dar conta dessa minhoca e ajudar o seu aluno!

    Falava enquanto se mexia tentando se soltar ainda.
    Darkwes
    Mestre Jedi
    avatar
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1390
    Reputação : 0

    Re: #Capítulo 01 - Trevas

    Mensagem por Darkwes em Sex Set 04, 2015 10:38 pm






    Mesmo sem se recuperar completamente dos efeitos do feitiço lançado pela mulher, Lanthys adentra o templo, guiando-se pela luminosidade do corredor de entrada, o cavaleiro segue até sair no mesmo salão onde horas atrás ocorreu sua formatura. Sua visão já estava quase totalmente recuperada e o jovem escuta um grito ecoar advindo da abertura na parede contrária, a mesma pela qual Lilith se revelou durante a cerimônia. O timbre de voz era feminino, mas Lanthys não podia afirmar com certeza se o mesmo tratava-se da voz da matriarca. O certo era que algo estava ocorrendo além da abertura enegrecida e não havia tempo para ponderar a respeito...

    Do lado externo, Naberius se apressa em ajudar Selene, forçando com suas próprias mãos o corpo negro da grande serpente, até que a jovem sacerdotisa é libertada. O cavaleiro mal tem tempo de reagir a investida da criatura que busca atingi-lo com suas presas, mas Naberius é rápido o suficiente para bloqueá-la com sua lâmina. Após soltar-se de Selene, a serpente alada posiciona-se em frente à entrada do templo, impedindo que os dois que ali se encontravam adentrassem na construção. A criatura ainda se pôs a falar com sua voz forte e ríspida, movendo sua mandíbula de forma perturbadora enquanto pronunciava palavras no idioma semelhante a linguagem ancestral do CABAL.

    <- Mortais não atrapalharão os planos de minha senhora! Antes que possam seguir sentirão minhas presas perfurarem sua carne!>*

    O lobo branco então retomou sua postura após auxiliar Selene, apontando sua espada em direção à criatura macabra, no entanto, ambos notam que uma grande quantidade de nightgaunts novamente se aproximava rodeando o templo com seu bater de asas silencioso. Se tratavam de dezenas deles, sem a barreira circundando o templo, Naberius e Selene haviam se tornado um alvo fácil  para as criaturas que, somadas ao adversário viperino, se tornavam um grande problema a ser lidado...

    Naberius olhava para os arredores visivelmente preocupado, comentando a atual situação com a jovem sacerdotisa.

    - Parece que vamos demorar um pouco mais para ajudar Lanthys... mesmo com o portal se fechando, estas criaturas não irão nos deixar em paz minha cara Selene!




    *Off: Lanthys está recuperado dos efeitos do feitiço. Sua transformação está ativa pelos próximos 3 turnos.


    Yuji Kiba
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 230
    Reputação : 0

    Re: #Capítulo 01 - Trevas

    Mensagem por Yuji Kiba em Sex Set 04, 2015 11:01 pm

    Selene olha em volta vendo os seres que rodeavam ela e Naberius. Gira a adaga em sua mão então apertando-a enquanto com a outra pega o pincel, com ele faz uma escrita na lamina da espada de Naberius em seguida se virando para o mesmo.

    -Demorar não é uma opção.

    Então ela olha para a criatura em seu caminho de forma decidida e também falando com todas as criaturas em volta.

    -Pode ter 200, 300, 700 de vocês, vou passar por cima da mesma forma! Então calem a boca e venham lutar seus inúteis!

    A sacerdotisa guarda o pincel se concentrando em sua postura de combate.

    ________________________________________
    Uso de ampliação de dano em Naberius (4 pts)
    Lanthys
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 241
    Reputação : 0

    Re: #Capítulo 01 - Trevas

    Mensagem por Lanthys em Sex Set 04, 2015 11:09 pm

    O cavaleiro finalmente consegue ver claramente, ele esta na sala de sua formatura e o grito corta sua alma, não de terror, não de medo, mas de preocupação que o grito fosse o de Lilith e que ela agora estivesse sem vida... Lanthys corre mais do que nunca, ele sente sua força completamente restaurada e tem pouco tempo antes de ter de enviar sua armadura novamente ao plano de repouso... O cavaleiro toma fòlego, respira fundo, segura firme sua espada e avança com o máximo de velocidade que pode na direção do grito, na direção da sala onde Lilith desaparecera após sua formatura.

    Lanthys: " - Ainda existe esperança, não posso desistir, irei até o fim!"

    Lanthys adentra a sala de onde o grito provavelmente partira quando chegou, preparado para o mair combate de sua vida!
    Darkwes
    Mestre Jedi
    avatar
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1390
    Reputação : 0

    Re: #Capítulo 01 - Trevas

    Mensagem por Darkwes em Sex Set 04, 2015 11:45 pm






    Ao adentrar pelo corredor negro, este dava acesso a uma escadaria circular para o topo onde Lanthys avista uma nova abertura. O jovem se apressa, correndo como se sua vida dependesse de alcançar o novo ambiente a tempo e, quando adentra no novo aposento, este se tratava de um ambiente bem menor que o salão de formatura e não havia muito o que observar além de seus ocupantes. De pé e com uma das mãos erguidas à sua frente, Lanthys observa a mesma mulher de antes que nota a intrusão do cavaleiro, recostada à uma das paredes brancas se encontrava a garota de cabelos brancos que estava presente durante a cerimônia de formatura, seu corpo estava completamente encoberto de um líquido rubro e viscoso, seu próprio sangue. Do outro lado do ambiente, o pequeno de cabelos brancos se debatia aparentemente sendo sufocado por algum tipo de pressão esmagadora. Lilith estava logo atrás do garoto, de joelhos e com suas mãos unidas a sua frente, implorando copiosamente para que tudo aquilo terminasse. A jovem parecia uma pessoa totalmente diferente da avistada anteriormente pelo cavaleiro, não havia nada de sobrenatural na garota, ela apenas reagia como uma jovem humana de sua idade, demonstrando grande fragilidade diante da entidade macabra que parecia se divertir com o sofrimento da matriarca.

    - Já chega! Por favor... chega!! Pare com isso!! Se é a mim que deseja, deixe-o em paz!!


    No lado externo, os nightgaunts que rodeavam o templo passam a se aglomerar ao redor de Selene e Naberius, alguns deles pousam no solo, tintilando suas caudas enquanto se preparam para avançar em direção aos dois que ali se encontravam, seu contingente era tamanho que não era possível contá-los de imediato. Naberius olha em direção à Selene, o cavaleiro agradece ao feitiço lançado em sua espada apenas movendo sua cabeça, em seguida comentando a situação.

    - Selene, Lilith está em perigo e Lanthys deve precisar de ajuda para lidar com aquela mulher... vou fazer com que você tenha a oportunidade de entrar no templo, mas você terá de ser rápida... o que farei será perigoso inclusive a você caso permaneça aqui...

    O cavaleiro encara a serpente franzindo suas sobrancelhas, levando sua mão esquerda à lateral de seu tronco e erguendo a direita empunhando sua espada à frente, com as duas pernas juntas, a direita um pouco à frente, como um esgrimista. Naberius fecha os olhos momentaneamente e murmura algumas palavras antes de prosseguir com o que pretendia.

    - Leviathan, perdoe-me por quebrar minha promessa, mas a situação requer ações drásticas. E um cavaleiro Garou é necessário para lidar com tantas criaturas... espero que retorne em tempo para que desfaça o que vou iniciar, mas se não chegar... realmente teremos de nos encontrar apenas em nossa próxima vida! Mas antes disso... levarei todas essas malditas criaturas comigo!

    O lobo branco então gira o punho num movimento brusco, fazendo com que um círculo luminoso se forme à sua frente. A serpente ainda busca atingi-lo com suas presas, mas o lobo branco a bloqueia, ao mesmo tempo em que uma forte luminosidade se projeta encobrindo o cavaleiro...




    *Off: A transformação de Lanthys está ativa pelos próximos 2 turnos.


    Lanthys
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 241
    Reputação : 0

    Re: #Capítulo 01 - Trevas

    Mensagem por Lanthys em Sab Set 05, 2015 8:14 am

    Lanthys observa a cena dantesca, Lilith ainda está viva, mas um dos vigias está sendo morto de alguma forma! Sem pensar mais ele avança, ele corre como nunca, ele se lança com tudo que tem, em sua mente mentalizando as palavras de Leviathan "Incendiar a lâmina com minha bravura... Leviathan... Eu conseguirei!!",alcançando então distância de ataque, canalizando sua fúria para sua força num impeto sem igual ele observa sua espada como numa explosão se incendiar de chamas esverdeadas, sua coragem e otimismo aumentam e ele deseja com todas as suas forças que esse ataque finalmente cause algum efeito...

    O braço direito que vinha recuado segurando sua espada se move, um movimento brutal em linha reta, no exato momento em que passa pela frente da criatura, visando atingir sua cabeça por completo, único ponto que foi visado e desviado pelo monstro ao invés de transpassado como seus ataques e de Naberius! Naquela fração de milésimos de segundos, Lanthys evoca suas crenças, ele mentaliza Valefor e pede sua ajuda, ele sussurra ainda "Proteja nossa matriarca através de mim Cavaleiro Lendário!"...

    Usando o pé esquerdo como base, após desferir o golpe de espada, Lanthys gira o corpo e com um chute com o pé direito, de forma giratória, tenta atingir o peito da mulher tentando arremessá-la para longe de Lilith e do pequeno, se colocando entre a Matriarca e o Monstro, tentando ganhar tempo e espaço para preparar um novo ataque! Lanthys sentiu as chamas da espada quando de sua provação, sabe que ele tem um recurso extra agora e observa a mulher demônio para verificar o que conseguiu fazer...

    Lanthys: " - Matriarca... Somente minha morte me removerá daqui, acredite em mim!"

    __________________________________________________________________________________________________________
    OFF: Uso 1 ponto de magia e ativo as chamas da espada - 2 ataques no turno, espada e chute
    Yuji Kiba
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 230
    Reputação : 0

    Re: #Capítulo 01 - Trevas

    Mensagem por Yuji Kiba em Dom Set 06, 2015 1:20 pm

    Mesmo cercada Selene se mantinha confiante, já se preparava para partir para cima do monstro que bloqueava a porta quando Naberius começa a agir. Selene não tinha certeza do que aquilo iria significar, mas estava preparada para avançar.

    -Como quiser!

    O movimento de Naberius traz uma grande luminosidade e Selene cobre os olhos rapidamente enquanto corre em direção a porta confiando de que agora o caminho estaria livre para que ela fosse ajudar Lanthys. Sentindo que já estava no limite de seus feitiços a jovem guarda o pincel em suas roupas em quanto corre segurando apenas a adaga a frente do corpo.

    Pensando: -Agora tenho que confiar no meu treinamento físico, espero que não chegue tarde de mais.
    Darkwes
    Mestre Jedi
    avatar
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1390
    Reputação : 0

    Re: #Capítulo 01 - Trevas

    Mensagem por Darkwes em Dom Set 06, 2015 3:37 pm






    No interior do templo, Lanthys parte em direção à mulher pálida sem nenhum aviso prévio, impulsionando seu corpo à frente ao mesmo tempo em que faz sua lâmina se incendiar. O cavaleiro tem tempo de observar a mulher erguer sua mão direita em sua direção, como fizera anteriormente quando Lanthys viu sua lâmina atravessá-la sem lhe causar dano algum. Todavia, em uma pequena fração de segundos, o jovem que se encontrava suspenso no ar ergueu também sua mão direita em direção à mulher, pronunciando algo inaudível.

    Antes que a entidade reagisse, a lâmina garou empunhada pelo cavaleiro atravessou sua jugular, separando sua cabeça de seu corpo. O chute desferido pelo cavaleiro ainda arremessou o corpo decapitado da mulher de encontro à parede branca situada atrás da mesma, tingindo-a de rubro, sua cabeça em contrapartida, foi de encontro ao piso, rolando ainda engolfada em chamas esmeraldas. O jovem de cabelos brancos foi ao chão, ofegante, seu corpo estava cheio de escoriações, membros pareciam ter sido quebrados e ele mal podia se mover. Lilith pareceu chocada com a cena inicialmente, levando uma das mãos em direção aos lábios, mas logo em seguida a matriarca foi em direção ao garoto, checando sua situação.

    - Yeqon!! Yeqon!! Você está bem?!... Aguente firme!! E-eu acho que posso...

    A matriarca estendeu uma das mãos por sobre o corpo do garoto, porém com sua mão direita este removeu a mão de Lilith de perto de si, em seguida movimentando sua cabeça em sentido negativo... o vigia ainda moveu o rosto lateralmente, fitando a garota de cabelos brancos que se encontrava aparentemente sem vida, recostada à uma das paredes, embebida em seu próprio sangue.

    ...

    Do lado externo, Selene se prepara para adentrar no templo assim que surgir a oportunidade, pois a grande serpente ainda mantinha parte de seu grande corpo bloqueando a entrada, mesmo buscando atingir Nagerius com suas presas. A luminosidade em volta do cavaleiro diminui e o círculo luminoso se desfaz, revelando a armadura que envolvia Naberius. Suas peças eram brancas como a neve, encobertas em diversos símbolos e inscrições mágicas, em sua face as feições de um lobo feroz e destemido, o lobo branco. Sua voz metálica cortou o silêncio uma última vez antes do que estava por vir...

    - Selene... Lanthys, estou contando com vocês!!... Arrghhh!!

    O lobo branco levou uma das mãos a cabeça, parecendo sentir algum tipo de dor intensa, repentinamente seus membros superiores se ampliaram ganhando grande massa muscular. Seu tronco também se ampliou abruptamente e suas pernas se retorceram ficando parecidas com as de um lobo, assim como sua face que se alongou, além disso, uma cauda pontiaguda se projetou. Ao final da estranha transformações, Naberius se parecia com um grande lobisomem de metal, de quase três metros de altura. Um uivo feroz se propagou da figura impressionante que o cavaleiro havia se tornado, ao mesmo tempo em que este saltou em direção à grande serpente, segurando o imenso corpo negro da criatura com as garras que se projetaram em suas mãos. O lobo feroz então girou seu corpo, movendo a serpente de onde a mesma se encontrava utilizando-se apenas de sua força bruta, que aparentemente era muito superior em comparação a da serpente alada. No mesmo movimento, Naberius arremessou a serpente contra uma dúzia de nightgaunts que rodeavam o cavaleiro e Selene, abrindo espaço para que a jovem sacerdotisa adentrasse o templo carmesim...




    *Off: A transformação de Lanthys está ativa pelo próximo turno.


    Lanthys
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 241
    Reputação : 0

    Re: #Capítulo 01 - Trevas

    Mensagem por Lanthys em Dom Set 06, 2015 4:51 pm

    Lanthys observa que finalmente algo deu certo, que finalmente a criatura aparentemente tombou... Ele sabe que o pequeno vigia foi o responsável pela vitória, ele fez algo que quebrou o que quer que a criatura fazia para ficar intangível permitindo que sua lâmina fizesse o resto. Lanthys observa onde cabeça da criatura foi parar e antes de tomar outra atitude vai até Lilith e fala com ela rapidamente se ajoelhando ao seu lado e enviando de volta sua armadura garou...

    Lanthys: " - Matriarca... Me perdoe por me atrasar e permitir que os pequenos fossem feridos... Preciso retornar, mestre Naberius e Selene, eles ainda estão lutando por suas vidas lá fora... Ficará bem senhora? Pode ajudar aos vigias a se recomporem?"

    Lanthys se perguntava, onde estaria a criatura que protegia a matriarca durante a formatura e fica em dúvida com uma questão... Mas ele pensaria nisso depois, agora era o momento de saber se Lilith estava em condições de ficar a sós e ainda ajudar os vigiais ou se ele poderia retornar a batalha! Ele se ergue novamente, olha para a matriarca e espera sua resposta para partir rápido em socorro dos amigos e das demais pessoas do templo, pois ainda havia uma criatura lá fora ele pensa, precisava retornar e ajudar aos amigos...

    Yuji Kiba
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 230
    Reputação : 0

    Re: #Capítulo 01 - Trevas

    Mensagem por Yuji Kiba em Dom Set 06, 2015 8:57 pm

    Selene adentra o templo rapidamente, ainda tinha em sua mente as imagens da transformação de Naberius mas não tinha tempo a perder embora se preocupasse com o instrutor. Ao entrar a sacerdotisa vai direto ao local onde Lilith estava e La vê Lanthys e Lilith aparentemente bem. Se surpreende ao ver o corpo decapitado da invasora.

    -O vigia parece muito ferido, ah algo que eu possa fazer?

    Disse enquanto se aproximava de Lilith. Logo se virou para Lanthys.

    -Ainda estamos sob ataque, Nab esta segurando la fora, mas não sei quanto tempo ele aguenta.

    A sacerdotisa olha o corpo ainda em chamas da invasora no chão.

    -Tem certeza que essa vadia não representa mais perigo?
    Darkwes
    Mestre Jedi
    avatar
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1390
    Reputação : 0

    Re: #Capítulo 01 - Trevas

    Mensagem por Darkwes em Dom Set 06, 2015 10:11 pm






    Após o curto embate contra a entidade maligna, Lanthys se volta para a matriarca que se encontrava checando as condições do garoto de cabelos brancos. Lilith tinha lágrimas nos olhos, as enxugando com as mangas do robe branco que começava a ser tingido de rubro ao entrar em contato com o sangue do vigia. A matriarca olha em direção ao jovem cavaleiro, sua respiração estava pesada e sua voz trêmula, sua fisionomia não lembrava em nada a qual Lanthys observara durante a cerimônia de formatura, era como se o jovem estivesse diante de outra pessoa.

    - Não é culpa sua... mas isto foi... inaceitável!... Yeqon está gravemente ferido e Kasdaye... deu sua vida pra me proteger... por que? Por que isto tinha de acontecer...

    A jovem de cabelos negros fechava os olhos ainda de joelhos, apoiando a cabeça do vigia em uma das mãos e lágrimas escorriam em sua face, apesar da impressão inicial do cavaleiro, era difícil não entender a matriarca diante dele como humana. Abruptamente, Selene que cruzara todo o caminho desde a entrada do templo até o salão em poucos segundos, se depara com a cena atual, observando o corpo da mulher pálida decapitado próximo à uma das paredes do local e o que parecia ser seu crânio sendo consumido em chamas. A sacerdotisa se coloca à disposição em ajudar no que for necessário, mesmo estando praticamente esgotada do combate que havia ocorrido do lado externo, mas não parecia haver muito a ser feito, a vigia de feições femininas estava morta e o garoto parecia além de qualquer possibilidade de salvação. Ao menos, a entidade havia sido derrotada...


    De súbito, os que ali se encontravam escutam uma gargalhada se propagar pelo salão, num tom distorcido e ambíguo, como se mais de uma voz fosse emitida ao mesmo tempo, sem dúvidas se tratava da mesma voz produzida pela entidade macabra. A gargalhada ganha volume alertando a matriarca que olha em direção ao crânio em chamas, cuja mandíbula se movia, ainda junto ao piso do salão, mesmo encoberto em chamas esmeraldas. A face da mulher já se encontrava completamente desfigurada, mesmo assim, sua voz continuava a se propagar.

    <- Pobre criaturas tolas... estava a me divertir em ouvir suas vozes acreditando terem me derrotado! Direi uma coisa a vocês... este foi o pior erro que já cometeram!! Ao cortarem este corpo frágil de carne, a única coisa que fizeram é condenar a si mesmos a morte!! Hahahaha...>*


    A gargalhada continuou a se propagar pelo salão de forma sobrenatural, até que o crânio da mulher se dissolveu devido as intensas chamas que a envolviam, o corpo decapitado da mesma passou então a inchar de forma grotesca. Seus membros se retorciam e ganhavam volume de forma inconcebível, sua pele se rasgava, apenas para revelar uma nova camada mais escura e rígida. Aos poucos, o corpo pálido e sem vida se tornava algum tipo de criatura grotesca, cada vez maior, até não ser mais comportado no interior do salão, forçando o teto e o piso que começam a rachar até se partirem. Toda a estrutura do templo passou a estremecer e mesmo Lanthys e Selene tinham dificuldade em permanecer de pé, seria apenas uma questão de tempo até que todo o tempo viesse abaixo devido as proporções colossais que a criatura tomava.

    Os presentes então notam uma espécie de círculo mágico se formando sob seus pés, o mesmo parecia gerado pelo vigia que apoiava a mão direita no piso que se partia, enquanto olhava em direção de Lilith o garoto de cabelos brancos moveu os lábios, mesmo sem produzir nenhum som. A matriarca pareceu querer dizer algo, mas não teve tempo para isso, em uma pequena fração de segundos uma forte luminosidade envolve Lanthys, Selene e Lilith que não podiam ver nada ao seu redor. Os jovens sentem seus corpos flutuarem como se toda sua massa corporal desaparecesse, se tornando pesados novamente abruptamente, logo em seguida, sentiram como se entrassem em queda livre por centenas de metros, em pleno vazio... suas consciências estavam cada vez menos focadas, se tornando difícil se manterem acordados e, mesmo que tentassem, suas vozes pareciam não se propagar...




    *Off: ...


    Yuji Kiba
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 230
    Reputação : 0

    Re: #Capítulo 01 - Trevas

    Mensagem por Yuji Kiba em Seg Set 07, 2015 11:52 am

    A sacerdotisa pensa em usar sua magia de restauração no corpo do vigia, mas já estava em seu limite. Abaixa a cabeça apertando a adaga em sua mão, sentindo raiva de não ter poder fazer nada. Se mantinha de frente ao corpo em chamas, algo dentro dela dizia que matar aquela invasora havia sido fácil de mais. Logo sua desconfiança se prova correta quando a cabeça do ser começa a falar, Selene apenas responde com seu costumeiro jeito de ser.

    -Pensar que você tinha morrido? Não querida, eu já imaginava algo assim, nada do que tu faz pode me surpreender!!

    Selene coloca adaga a sua frente segurando-a firme com a mão direita enquanto se vira rapidamente para Lanthys.

    -Se prepara que vai começar o segundo round!

    Enquanto o corpo da mulher se transformava diante dos seus olhos, a jovem apenas pensava em como iria manter Lilith viva, corria os olhos rapidamente pelo templo procurando outras saídas pra uma escapada rápida.

    -Se a coisa ficar feia, Lan, pega a Matriarca e corre, eu vou tentar segurar esse bicho o maximo que puder, você tem mais jeitão de guarda costas, tenho certeza que vai estar segura contigo...

    Antes que pudesse continuar a falar o que pensava, um circulo mágico surpreende Selene, a forte luminosidade a envolve, a sacerdotisa sente o peso do seu corpo sumir aos poucos e por um momento pensa que talvez tenha morrido, até que volta a sentir a gravidade puxando seu corpo pra baixo.

    Pensando: -E eu achando que a vadia não poderia mais me surpreender...

    Selene tenta se manter calma, mas é difícil até mesmo se manter acordada. Respira rápido e olha em volta tentando ver alguém. Fixava a mente na missão embora fosse difícil, tentava com toda força se manter acordada.
    Lanthys
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 241
    Reputação : 0

    Re: #Capítulo 01 - Trevas

    Mensagem por Lanthys em Seg Set 07, 2015 2:12 pm

    Tudo é muito rápido, tudo é muito brutal, um turbilhão de emoções abate o guerreiro que não tem muita ideia do que está acontecendo de tão surpreso que ficou...Em uma questão de frações de segundos, Lanthys observa a criatura se reestruturar e se agigantar, ele vê o terror nos olhos da matriarca, ele vê o esforço de Yeqon para salvar a todos, ele observa e escuta Selene falar com ele e então, só consegue exprimir uma frase...

    Lanthys em pensamento: " - Eu sabia que devia ter destruído o corpo e a cabeça... "

    Antes de seu corpo parecer uma bolha ao ar de tão leve, ele percebe o movimento do vigia, ele sabe que o vigia os está tentando tirar dali e então a leveza, a falta de consciência tentando vencer o cavaleiro, seus aliados despencando junto com ele e algo precisa ser feito...

    Lanthys em pensamento: " - Eu preciso apanhá-los antes do fim..."

    O jovem então tenta observar e dizer com seus olhos a Selene para que ela apanhe o corpo do vigia desacordado, pois sua voz por mais que tentasse gritar a ela parecia não sair de sua boca... Seria magia? Estariam mortos e caindo ao inferno? Ele não sabia, mas estava junto dos demais, em um brilho intenso e ele não iria parar de tentar salvar a todos enquanto pudesse se mover...

    O cavaleiro que antes da queda estava junto da matriarca e do vigia ainda vivo, se move, gira-se e busca segurar os dois e usa seu corpo o máximo que pode para mover-se de forma a tentar retardar a queda... Ele não sabia onde iriam pousar, nem se iriam pousar, aquilo tudo poderia ser a morte e nada mais mas ele tentaria salvar a todos que pudesse... A matriarca sua prioridade, o vigia se ainda assim fosse possível... Enquanto se movia e tentava apanhar Lilith e Yeqon, Lanthys olha para cima para observar se a criatura grotesca os seguia...
    Darkwes
    Mestre Jedi
    avatar
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1390
    Reputação : 0

    Re: #Capítulo 01 - Trevas

    Mensagem por Darkwes em Seg Set 07, 2015 2:39 pm






    Os jovens perdem completamente a noção de quanto tempo passam em queda livre em meio ao vazio, por mais que tentem, não conseguem se aproximar dos demais, perdendo-os de vista após algum tempo. A impressão era a de que haviam se passado horas até que suas consciências finalmente se dão por vencidas, desligando-se da perturbadora condição em que se encontravam. Eis que de súbito, despertam em um ambiente completamente diferente.

    Ao despertarem, Lanthys e Selene se veem em um ambiente rodeado de grandes pilares e paredes negras, onde o teto parecia tão distante que não podia ser visto em meio a escuridão. Ambos se encontravam deitados, cada um sobre um acolchoado branco, afastados um do outro por alguns metros e havia um recipiente com água e alguns panos úmidos sobre uma pequena bancada entre os dois. Não havia mais ninguém no ambiente que formava um grande círculo de aproximadamente 50 metros diâmetro, ao redor do ambiente haviam algumas estantes construídas em algum tipo de material enegrecido, a maioria destas estava completamente vazia, havendo apenas alguns vasilhames empoeirados sobre algumas prateleiras. A frente os jovens podem observar uma pequena escada de pedra que terminava em uma porta metálica que se encontrava fechada e, no topo desta, uma pequena abertura por onde raios luminosos adentravam quebrando a escuridão do ambiente.

    Ao tentarem se erguer, ambos sentem uma forte dor que parece atravessar seus crânios, deixando-os momentaneamente atordoados, mas aos poucos a dor vai diminuindo. Apesar da estranha sensação, não havia nenhum ferimento em seus corpos e a única coisa que passava a perturbá-los era o silêncio do ambiente em que se encontravam.




    *Off: ...


    Lanthys
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 241
    Reputação : 0

    Re: #Capítulo 01 - Trevas

    Mensagem por Lanthys em Seg Set 07, 2015 3:07 pm

    Lanthys se levanta, a dor tenta impedi-lo, mas ele reage e consegue em alguns instantes se levantar e a mesma parece ceder finalmente... Ele olha em volta e a visão para ele é apesar de conhecida, genérica, pois ele não saberia diferenciar o que existe ali de simples utensílios... Sua premissa era a espada e o combate, não tinha afinidade com recipientes e líquidos incomuns, mas ele sabia quem tinha...

    Lanthys: " - Parece que não foi o inimigo quem nos recebeu ao fundo do poço, literalmente... Tudo indica que alguém nos acolheu e tratou, veja, estamos sem ferimentos... "

    O cavaleiro olha para cima, acredita terem caído dali dado a altura sem igual... Estaria a criatura os seguindo? E Lilith e os vigias... Onde estariam, aliás, onde estavam eles... Eram necessárias respostas, Naberius e a Ilha precisavam de suas forças... Ele olha para Selene e comenta...

    Lanthys: " -Observei ao redor e para mim são tudo vasilhames cheios ou vazios... Será que consegue identificar algo útil a nós Selene? Eu vou verificar aquela porta com luzes saindo dela... Preciso saber quem é nosso anfitrião e onde está a matriarca e seus vigias... Gostaria muito que fosse Mesphito e mais um de seus truques..."

    O cavaleiro segue então em direção a porta para tentar observar algo para dentro pela pequena abertura por onda as luzes emergiam... Ele teria cuidado pois não tinha ideia de que tipo de luz era aquela, se cegante ou não, iria tentar ouvir atrás da porta inicialmente para saber se algo acontecia daquele lado e logo depois, caso não conseguisse ouvir ou ver nada, iria tentar abri-la... Antes de decidir seu próximo passo, após ouvir e observar, Lanthys volta sua audição e sentidos a Selene caso ela precisasse de algo ou tivesse algo a lhe relatar...
    Yuji Kiba
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 230
    Reputação : 0

    Re: #Capítulo 01 - Trevas

    Mensagem por Yuji Kiba em Seg Set 07, 2015 3:15 pm

    Selene sente sua mente apagando aos poucos até que cai em completa escuridão. Seu sonho passa rápido de mais para que se lembre de alguma imagem, para ela so havia completa escuridão. Começa então a sentir o corpo despertando aos poucos e escutar algo como alguém falando com ela, ao tentar abrir os olhos e se mover, tem a sensação de uma dor intensa que a faz trancar a mandíbula, mas permanece calada. Com a visão um tanto turva tem a impressão de ver um homem de terno chamativo mexendo em um aparelho colorido, mas depois de fechar e abrir os olhos novamente, nota apenas Lanthys a poucos metros e a sala escura.

    Pensando: “-Faz tempo que não fico tão mal a ponto de ter alucinações com o Al.”

    A sacerdotisa se lembra de momentos em que bateu a cabeça ou sofreu algum acidente e teve a impressão de ter visto aquele mesmo homem e por algum motivo que já havia esquecido, decidiu chama-lo de “Al”, mas sabia que isso não significava nada.
    Sua mente logo volta a missão, Selene se senta rapidamente, a dor parecia ter diminuído, Selene olha em volta procurando onde estaria a Matriarca, mas tudo que vê é um lugar escuro e isolado. Lanthys estava levantando e pergunta algumas coisas, Selene fica de pé e vai até as estantes olhando os vasilhames e observando se via algo na sala que pudesse indicar onde estariam.

    -Parece que estamos mesmo em algum lugar subterrâneo, mas da pra ver a luz.

    A sacerdotisa responde sussurrando ao seu colega.

    -Talvez tenhamos vindo parar em outra dimensão, meu pai dizia que conheceu um cavaleiro capaz de mandar os outros pra outra dimensão, mas nunca acreditei muito nele...

    Selene logo nota que esta falando coisas desnecessárias e se foca em tentar encontrar algo no lugar que dê a ideia de onde estariam. Olha pela sala procurando pistas enquanto se mantém atenta a Lanthys.
    Darkwes
    Mestre Jedi
    avatar
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1390
    Reputação : 0

    Re: #Capítulo 01 - Trevas

    Mensagem por Darkwes em Seg Set 07, 2015 4:15 pm






    Observando os vasilhames que encontravam-se sobre as prateleiras, Selene não visualiza nenhuma identificação nos mesmos, podendo também concluir que todos se encontravam vazios, o local mais parecia um antigo depósito do que um laboratório. Já Lanthys, ao aproximar-se da porta metálica que fechava o ambiente, observa pela abertura que havia um corredor longo além desta, nas laterais haviam outras portas metálicas semelhantes e, na extremidade oposta, havia uma abertura bem iluminada. De onde se encontrava, o cavaleiro não consegue visualizar o que havia além da abertura, nenhum som se propagava do lado externo, dando a impressão de não haver ninguém nas proximidades, mas ao tentar mover a porta, Lanthys nota que a mesma se encontrava bloqueada pelo lado externo.

    Transcorrido algum tempo, o jovem cavaleiro passa a ouvir passos que aparentam se aproximar de onde estão e, após alguns segundos, o jovem pode ver uma pequena garota de cabelos brancos adentrando o corredor através da passagem iluminada. A garota possuía feições semelhantes à vigia que o rapaz conhecera no templo carmesim, relembrando-o da última vez em que a viu, com seu corpo ensanguentado e sem vida, no entanto, não parecia se tratar da mesma pessoa, o corte de cabelo desta era ligeiramente diferente, mais longo, além disto, esta aparenta ser ainda mais jovem, assemelhando-se a uma criança de dez anos ou menos. A pequena trazia em suas mãos um vasilhame preenchido com água, ou algum outro líquido semelhante, erguendo a mão esquerda em direção a porta ao se aproximar, fazendo a mesma se destrancar, mesmo sem tocá-la.

    A porta metálica se abre com um rangido de metal ligeiramente irritante e a pequena garota não demonstrava ter notado que os ocupantes do ambiente estavam de pé até que porta se abre completamente. Quando a mesma dá um passo à frente se assusta ao ver Lanthys diante dela, deixando o vasilhame cair, derramando todo o líquido.




    *Off: ...


    Yuji Kiba
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 230
    Reputação : 0

    Re: #Capítulo 01 - Trevas

    Mensagem por Yuji Kiba em Seg Set 07, 2015 4:24 pm

    Selene se sente frustrada ao ver que nenhum dos vasilhames da alguma pista, mas vendo o local pensa sobre as possibilidades, cruzando os braços e falando seus pensamentos em voz alta enquanto Lanthys olhava a porta.

    -Não deve ser uma prisão, se fosse não teria uma saída, nem tem para que nos prenderem... Então devemos estar em algum bunker secreto, talvez uma saída de emergência perto do templo.

    A sacerdotisa se aproxima de Lanthys devagar tentando se manter silenciosa.

    -A questão é o que houve com a matriarca.

    A porta se abre e a pequena de cabelos brancos deixa a água cair ao se assustar com Lanthys, por algum motivo naquele momento Selene achou a cena engraçada mas se limitou a dar um pequeno sorriso, depois se aproximando da garota e a ajudando a recolher o que havia caído no chão. A sacerdotisa então conversa com a menina.

    -Desculpe o mal jeito... Será que pode nós dizer o que houve com a matriarca Lilith?

    Embora a aparência da criança fosse inocente, a desconfiança natural de Selene fazia ela pensar se aquilo não seria uma armadilha, tentava se manter atenta a qualquer movimento súbito.
    Lanthys
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 241
    Reputação : 0

    Re: #Capítulo 01 - Trevas

    Mensagem por Lanthys em Seg Set 07, 2015 5:12 pm

    Lanthys percebe que assustou a pequena, provavelmente ela não estava esperando que alguém estivesse atrás da porta quando ela abrisse, por sorte, Lanthys não estava com sua espada na mão... Ao lembrar disso, Lanthys toca em sua capa por dentro para verificar se a mesma estava com ele ou estava desarmado... Ele leva a mão ao peito também buscando por Valefor e dá um passo atrás, visto que Selene já estava conversando com a pequena, as feições de Selene seriam com certeza bem mais úteis agora que a de um troglodita com uma cicatriz atravessando seu rosto... Após Selene dizer suas palavras ele procura suavizar sua voz a algo reconfortante e completa...

    Lanthys: " - Peço perdão pelo inconveniente, não tive intenção de assustar, é que... Não sabemos onde estamos e... Estou preocupado com Yeqon, Kasdaye e nossa matriarca que estava conosco até o momento do combate... Aliás...

    Lanthys fica a imaginar o que aconteceu, não sabe a quanto tempo estavam ali, quanto tempo caíram, a ilha pode ter sido tomada e Naberius ficou lá a combater... Lanthys precisa de informações e rápido, mas não queria assustar mais a menina...

    Lanthys: " - Pode nos dizer o que aconteceu com a batalha na Ilha CABAL? Vencemos a batalha? Ainda está ocorrendo?"

    O guerreiro estava visivelmente preocupado com seu mestre e com todos que estavam junto dele no combate, pois ele se lembra do monstro ter se tornado gigante a ponto de começar a destruir tudo somente com sua elevação, a ilha deveria estar aos pedaços... Lanthys fica observando a pequena esperando que ela possa ajudar com informações, pois se notava pela água que estavam recebendo que não eram prisioneiros do inimigo pelo menos...
    Conteúdo patrocinado


    Re: #Capítulo 01 - Trevas

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Dom Nov 19, 2017 5:02 am