Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


  • Este Tópico está bloqueado. Você não pode editar as mensagens ou responder.

HERANÇA MALDITA: ENGANANDO A TODOS

Compartilhe
Melroc
Troubleshooter
avatar
Troubleshooter

Mensagens : 931
Reputação : 0

Re: HERANÇA MALDITA: ENGANANDO A TODOS

Mensagem por Melroc em Ter Nov 24, 2015 10:34 am

OFF 01:
Foi mau Necro, fui muito displicente. tentarei ser mais detalhista. Fui bem no teste, mas horroroso na representação Embarassed

Primeiro o elfo vasculhava o chão com os olhos em busca de rastros. passava com cuidado por entre os corpos mutilados e queimados, tentando entender o que havia acontecido e separa os rastros dos que haviam perecido daqueles que poderiam estar vivos. Seus passos eram leves e lentos, como se flutuasse, uma técnica antiga aprendida entre os elfos rastreadores. Quando avistou um rastro peculiar, agachou para sentir o chão e entender o padrão formado pelas pegadas. Um rastro pesado de um homem e ainda quente, não era dos pés de nenhum dos mortos. Tinha uma passada selvagem e feroz.

-Veja Corax - Falava com seu Corvo empoleirado em seu ombro - Acho que encontramos o rastro do Druida. O rastro ainda está quente, ele pode estar nas proximidades. Vai Corax, me avise se avistar nosso irmão dos ermos. - O corvo alça vou para observar as proximidades.

Enquanto isso Elendil segue os rastros para saber qual a direção que o Druida tomou.

OFF 02:
Só vou seguir o rastro enquanto ele ainda estiver na campina, não vou entrar na floresta.
Necromancer Ignaltus
Garou de Posto Cinco
avatar
Garou de Posto Cinco

Mensagens : 2380
Reputação : 12
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png

Re: HERANÇA MALDITA: ENGANANDO A TODOS

Mensagem por Necromancer Ignaltus em Ter Nov 24, 2015 10:00 pm


As marcas da batalha eram claras, mas desinteressantes para o proposito do grupo. Os cadáveres já haviam sido despidos de qualquer coisa útil, restando apenas ferramentas de assassinos danificadas e trajes queimados, assim como meia dúzia de cadáveres de alguns poucos dias.

Seguindo os rastros, Elendil segue até onde acha prudente, sem se separar do grupo: os rastros seguiam mata adentro, perdendo-s ena floresta, mas o patrulheiro não tinha dúvidas que poderia segui-los facilmente.

Com um grasnar leve, Corax avisa o filho de Lenorienn que seus companheiros começam a se adiantar.

Haldor se aproxima, vigilante, se aproxima da maga que foi até a casa. O servo de Tauron olha ao redor e determina que estavam seguros... por enquanto.

Colleen estava tentando forçar a porta sem sucesso. A mansão era grande e robusta, deve ter tido tempos melhores, mas parecia não ter sido cuidada em meses. As ervas cresciam ao gosto de Allihanna, até onde as chamas da batalha de outrora terminara,  enquanto teias de aranha abraçavam os cantos mais sombrios da fachada da porta.

DE REPENTE, Corax grasna.

Todos olham e o padrão de sobrevoo do parceiro do seu amigo patrulheiro indica uma das janelas do segundo andar da mansão. Ali, uma imagem de uma mulher é vista, mas ela some num piscar como se tratasse de um devaneio, ou alguém que ao nota-los escondeu-se muito rápido.

Havia mais alguém na mansão.

O que fazer agora?

1) Arrombar; pedir para que Haldor brinque de lenhador com a porta da frente.

2) Por fogo em tudo; por medida de segurança, arrumar uma forma de atear fogo a mansão e deixar que o problema se resolva sozinho.

3) Fugir e buscar um paladino; voltar a Malpetrim e pedir ajuda de algum dos poucos paladinos de Khalmyr na cidade, pois ali poderiam fantasmas dos antigos residentes.

4) Seguir o rastro do druida; voltar mais tarde, pois podem conseguir alguma cura divina extra se apaziguarem o druida Bewerur.
Colleen
Tecnocrata
avatar
Tecnocrata

Mensagens : 438
Reputação : 0

Re: HERANÇA MALDITA: ENGANANDO A TODOS

Mensagem por Colleen em Qua Nov 25, 2015 12:20 am

Me afastarei alguns passos da casa, afim de ter uma boa visão da janela e de me colocar plenamente a vista de quem quer que esteja lá - ainda que a pessoa tenha corrido para dentro.

"Quem está aí?! Abra a porta agora e não precisará nos temer, mas se permanecer oculta vamos entrar de qualquer jeito e nesse caso podemos não ser tão amigáveis!" Grito em direção a janela.

Então olho para o companheiro elfo e falo apenas para que ele escute: "O que você acha?"
John Corleone
Samurai Urbano
avatar
Samurai Urbano

Mensagens : 134
Reputação : 0

Re: HERANÇA MALDITA: ENGANANDO A TODOS

Mensagem por John Corleone em Qua Nov 25, 2015 6:01 pm

Fico apreensivo... "Tem alguém nos observando... Acho melhor lidarmos com isso antes de procurar o urso na floresta. Pode ser Lisian lá dentro, se ninguém responder, vou arrombar a porta."...

Haldor começa a entoar uma prece para Tauron (detectar magias)
Necromancer Ignaltus
Garou de Posto Cinco
avatar
Garou de Posto Cinco

Mensagens : 2380
Reputação : 12
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png

Re: HERANÇA MALDITA: ENGANANDO A TODOS

Mensagem por Necromancer Ignaltus em Qua Nov 25, 2015 11:11 pm

Off:
Melroc, você pode controlar Corax como se fosse outro personagem teu também.

Apesar dos apelos, ninguém aparece. A mansão é um silêncio inexorável do lado de onde os aventureiros estavam.

Haldor roga a Tauron por sentidos místicos que possam ver o que os olhos e sabedoria mundana não percebem. Mas não havia nada próximo envolvido em magia ou invisível.
Colleen
Tecnocrata
avatar
Tecnocrata

Mensagens : 438
Reputação : 0

Re: HERANÇA MALDITA: ENGANANDO A TODOS

Mensagem por Colleen em Qua Nov 25, 2015 11:26 pm

Percebendo que Haldor ficou mais interessado no que há na casa, falo com ele:

Derrube essa porta. Mas não vamos entrar antes de dar uma boa olhada lá dentro... se for um fantasma, então não deve sair da casa, mesmo sem a porta.

Melroc
Troubleshooter
avatar
Troubleshooter

Mensagens : 931
Reputação : 0

Re: HERANÇA MALDITA: ENGANANDO A TODOS

Mensagem por Melroc em Qui Nov 26, 2015 10:39 am

O Elfo se aproxima da parte da floresta por onde o druida passou. Já estava pensando em avisar seus companheiros quando Corax chamou sua atenção. Elendil percebe que Corax estava agitado com a visão da figura que apareceu na janela. Ele sabia que seu amigo emplumado era como uma criança, ingênuo e curioso, e aquela aparição havia chamado a atenção de Corax.

O Corvo decidiu posar no parapeito da janela para ver quem poderia ter aparecido na janela.

- Corax, saia daí! - Elendil tentava alertar a ave em um tom alto, mas sem gritar para não chamar atenção, enquanto se aproximava do casarão e de seu companheiros. A curiosidade de Corax era maior e sem dar ouvidos a seu mestre, dá um salto para dentro do casarão.

- Droga Corax! - O elfo amaldiçoava o corvo ao mesmo temo que começava a correr, retirando seus dois sabres das bainhas - HALDOR, SE VOCÊ NÃO DERRUBAR ESSA PORTA, EU MESMO FAÇO ISSO! - Elendil alertava o clérigo do deus da força enquanto corria em direção a porta.

O elfo tinha muita estima por seu pequeno amigo, eram como irmãos e estava juntos a muito tempo. Corax era um animal bondoso, não via maldade no mundo e sua curiosidade muitas vezes o colocava em apuros. Se antes os aventureiro tinham que entrar no casarão para recuperar uma joia e para encontrar alguém que saiba o que havia ocorrido naquela campina, agora precisavam resgatar um companheiro.
John Corleone
Samurai Urbano
avatar
Samurai Urbano

Mensagens : 134
Reputação : 0

Re: HERANÇA MALDITA: ENGANANDO A TODOS

Mensagem por John Corleone em Qui Nov 26, 2015 10:42 am

Calma... Pode haver uma armadilha, não confio naqueles ladrões...

Vou procurar por armadilhas na porta e arrombar
Necromancer Ignaltus
Garou de Posto Cinco
avatar
Garou de Posto Cinco

Mensagens : 2380
Reputação : 12
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png

Re: HERANÇA MALDITA: ENGANANDO A TODOS

Mensagem por Necromancer Ignaltus em Qui Nov 26, 2015 4:48 pm

Haldor resolve examinar a entrada para não agir de forma imprudente.

Surpreendentemente, apesar de não ser um ladrão, ele consegue verificar o objeto: ele passou a mão pelas madeiras, verificando se alguma estava solta, verificou as fretas por linhas ou cabos e por fim mexeu na fechadura e viu que não havia nada inesperado em seu buraco. Hoje ele deu sorte. Levantando-se satisfeito, ele sabia que não havia perigo, como seu deus o havia imbuído com a sabedoria para o trabalho.

Ele, então, sob os olhos impacientes de Colleen e Elendil, começou a forçar a obstrução de madeira, mas, seus músculos não davam conta. A coisa parecia bem construída. Talvez, se tentasse de outra forma obteria melhor resultado.
Necromancer Ignaltus
Garou de Posto Cinco
avatar
Garou de Posto Cinco

Mensagens : 2380
Reputação : 12
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png

Re: HERANÇA MALDITA: ENGANANDO A TODOS

Mensagem por Necromancer Ignaltus em Sex Nov 27, 2015 9:52 pm

Por fim, Haldor decidiu arrombar aporta, porém, quando o seu corpo chocou-se contra a madeira maciça, ele acabou dando um um uivo de dor. A madeira forte e bem aparafusada foi demais para ele que acabou ferindo o ombro.

Condição:
Haldor tem o ombro laceado pelo golpe dado contra a estrutura, que possui dureza acima do que ele esperava, está com o ombro esquerdo dolorido, qualquer teste feito, sendo de Força ou Destreza, incluído ataque ao usar arma de duas-mãos, com ele terá penalidade -2 nas jogadas e nos testes até receber cuidados de primeiro socorros num teste bem sucedido.

Os companheiros podiam ver a má condição do colega. Porém, um som revelou que a porta se destrancara, aparentemente após o golpe, mas foi como um clic. Ela abriu lentamente, revelando o seu interior obscuro, iluminado apenas pela luz do dia, mas facilmente perceptível.


O lugar não tinha sido muito bem cuidado nos últimos meses, mas também não parecia estar completamente abandonado. Então, uma voz velha e cansada chegou a todos.

- Por favor, permitam-me guardar suas armas, chapéus e capas, dizia um velho mordomo ali no meio do hall, surgido do nada. Ele parecia tristemente exausto e os anos estavam evidentemente pesando sobre ele.

Em primeiro momento é claro, que vocês resistem, mas o velho de semblante exausto insiste e insiste.
Melroc
Troubleshooter
avatar
Troubleshooter

Mensagens : 931
Reputação : 0

Re: HERANÇA MALDITA: ENGANANDO A TODOS

Mensagem por Melroc em Sab Nov 28, 2015 9:37 am

Elendil entra no casarão empunhando seus sabres, procurava uma escada para subir ao andar superior e encontra seu amigo. A visão do mordomo surpreende o elfo que para atônito e sem entender o que estava acontecendo.

- Eu to tendo uma alucinação ou vocês também estão vendo esse mordomo? - Elendil fala à seus companheiros sem acreditar no que estava vendo.

Colleen
Tecnocrata
avatar
Tecnocrata

Mensagens : 438
Reputação : 0

Re: HERANÇA MALDITA: ENGANANDO A TODOS

Mensagem por Colleen em Dom Nov 29, 2015 3:03 am

"Eu também estou vendo. E ele surgiu do nada.", digo para Elendil.

Depois viro para o mordomo (que talvez seja uma fantasma, mas ignoro esse detalhe) e digo "O senhor saberia nos dizer quem é o dono da casa? Queremos informações sobre o que aconteceu por aqui."
Necromancer Ignaltus
Garou de Posto Cinco
avatar
Garou de Posto Cinco

Mensagens : 2380
Reputação : 12
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png

Re: HERANÇA MALDITA: ENGANANDO A TODOS

Mensagem por Necromancer Ignaltus em Seg Nov 30, 2015 10:14 pm

- Por favor, primeiramente, a educação, a quem interessa, tão rudemente sem serem apresentados, vós devem nomear-se e permitir-me guardar suas armas, chapéus e capas, repetia o decrepito ancião diante deles.
Colleen
Tecnocrata
avatar
Tecnocrata

Mensagens : 438
Reputação : 0

Re: HERANÇA MALDITA: ENGANANDO A TODOS

Mensagem por Colleen em Seg Nov 30, 2015 10:40 pm

Não vou entregar arma nenhuma. Por acaso você não percebeu que acabamos de arrombar a porta? Se quisesse educação então que nos recebesse educadamente, abrindo a porta quando nós batemos, para começar. Responda antes que eu resolva colocar fogo nesse mausoléu e aí você vai ter que assombrar uma ruína incendiada.

Digo isso fazendo uma cara ameaçadora, mas me preparo para pular porta a fora se algo der errado.
Necromancer Ignaltus
Garou de Posto Cinco
avatar
Garou de Posto Cinco

Mensagens : 2380
Reputação : 12
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png

Re: HERANÇA MALDITA: ENGANANDO A TODOS

Mensagem por Necromancer Ignaltus em Ter Dez 01, 2015 10:44 pm

- A mocinha deveria ser mais ponderada, não é assim que se apresenta-se a uma residência de tão nobre porte, em forma rude e desconsiderada, vós devem nomear-se e permitir-me guardar suas armas, chapéus e capas, ou não poderão seguir adiante e ter com minha senhora qualquer assunto do vosso interesse, e adiante-se e digam quem são vós também, repetia com voz maçante e cansada o velhote que parecia feito de ar e poeira, de forma que transparecia poder cair no chão e desmanchar-se a qualquer momento.
Colleen
Tecnocrata
avatar
Tecnocrata

Mensagens : 438
Reputação : 0

Re: HERANÇA MALDITA: ENGANANDO A TODOS

Mensagem por Colleen em Sab Dez 05, 2015 8:01 am

Olha para Elendil e Haldor e solto um longo suspiro.

"... Acho que é inútil tentar conversar com essa figura."

Após dizer isso entro na casa e começo a examinar o cômodo, ignorando o 'fantasma'. Se não houver nada digno de nota para encontrar, vou partir para outros cômodos e para o andar superior.
Melroc
Troubleshooter
avatar
Troubleshooter

Mensagens : 931
Reputação : 0

Re: HERANÇA MALDITA: ENGANANDO A TODOS

Mensagem por Melroc em Sab Dez 05, 2015 11:18 am

- Concordo com você Colleen - O elfo coloca seus sabres nas bainhas e as entrega para o mordomo. Retira seu arco e aljava contendo suas flechas e os entrega em seguida.

Se volta para o cansado e sonolento mordomo - Meu nome é Elendil Melianon não nos-pretendemos demorar se puder chamar sua senhora com agilidade. - O elfo olhava incrédulo, não acreditava que aquele decrépito serviçal pudesse ser rápido.
John Corleone
Samurai Urbano
avatar
Samurai Urbano

Mensagens : 134
Reputação : 0

Re: HERANÇA MALDITA: ENGANANDO A TODOS

Mensagem por John Corleone em Sab Dez 05, 2015 6:39 pm

-Sou Haldor, e vou te ajudar com as armas. - Acompanho o mordomo para saber a onde ele levará nossos equipamentos.

No caminho aproveito para tentar entender o que era aquele lugar e saber o que ele podia me contar da batalha que parecia ter acabado de acontecer.

-O que aconteceu aqui em sua casa? Parece que foi travada uma batalha do lado de fora.
Necromancer Ignaltus
Garou de Posto Cinco
avatar
Garou de Posto Cinco

Mensagens : 2380
Reputação : 12
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png

Re: HERANÇA MALDITA: ENGANANDO A TODOS

Mensagem por Necromancer Ignaltus em Sab Dez 05, 2015 10:17 pm


Observar o ancião mover-se era como ver o próprio tempo e espaço estarem em câmera-lenta. A voz do homem carregava uma morosidade dos anos de servidão que chegavam todos por sobre Elendil, Haldor e Colleen, fazendo-os sentir-se também cansados e esgotados; uma louca ansiedade por sair correndo de perto daquela criatura os atingia, como o receio de que se permanecessem mais tempo junto a ele também pegariam aquela morosidade, como uma doença de gente-velha!

Sem esperar, Colleen seguiu adiante, enquanto seus dois companheiros esperavam com a paciência de todos os santos que o mordomo cumpri-se sua tarefa demorada de guardar seus pertences na porta à direita, do que devia ser o armário da entrada.

- Ah, sim... As vezes temos visitas inoportunas, ...gente sem educação... que chega sem serem anunciados por uma carta ou bilhete formal. Por sorte, ...minha senhora sempre fez questão de ofertar sacrifícios... e... e... e ter boas relações com as religiões locais... tanto quanto com as figuras ilustres e políticas, ...por isso acho que haviam sempre... haviam sempre... esses bons patrulheiros... que se livravam destes... daqueles... esses sujeitos vagabundos... sem pedir nada em troca, aludiu vagarosamente o mordomo sobre os acontecimentos mais recentes.

Se ao menos não tivéssemos tido aqueles minotauros meses atrás... minha senhora não sai de seu quarto a meses com medo e pavor, acrescentou de repente.

Agora... fiquem naquele quarto... por favor..., disse apontado para a porta da esquerda, enquanto vou trazer-lhes um chá gelado, falou-lhes virando-se com a vagarosidade com a qual as pirâmides de Azguer se decompunham.

Naquele momento o idoso começou a desvanecer-se, vagarosamente, enquanto caminhava pelo corredor escuro a frente de todos. Então, ele não estava mais lá.

E agora? O que fazer?


1) Ouvir o mordomo; esperar na sala atrás da porta indicada para beber o chá gelado.

2) Seguir o ancião; tomar o corredor escuro que o velho seguiu antes de desaparecer.

3) Checar o armário da sala; recuperar seus pertences que foram guardados.

4) Subir; tomar a escada e ir ao andar superior.



Melroc
Troubleshooter
avatar
Troubleshooter

Mensagens : 931
Reputação : 0

Re: HERANÇA MALDITA: ENGANANDO A TODOS

Mensagem por Melroc em Seg Dez 07, 2015 10:31 am

Elendil segue o mordomo sem dar muita atenção ao que ele falava. Aquelas palavras eram muito tedioso e cansativa, perincipalmente para um elfo. Ele decidiu abrir a porta apontada pelo mordomo, achava que esperar sozinho naquela sala era melhor do que ouvir mais uma palavra daquele mordomo "zumbi".

Não quis se sentar, preferiu vasculhar a sala com os olhos a fim de encontrar algo de interessante.
Conteúdo patrocinado


Re: HERANÇA MALDITA: ENGANANDO A TODOS

Mensagem por Conteúdo patrocinado

  • Este Tópico está bloqueado. Você não pode editar as mensagens ou responder.

Data/hora atual: Sab Out 21, 2017 8:12 am