Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


  • Este Tópico está bloqueado. Você não pode editar as mensagens ou responder.

Apócrifos de João: Novo Testamento - I Pergaminho

Compartilhe
Edu
Semi-Deus
avatar
Semi-Deus

Mensagens : 6994
Reputação : 76

Re: Apócrifos de João: Novo Testamento - I Pergaminho

Mensagem por Edu em Sab Abr 09, 2016 3:58 pm

- Bem como não achamos nada aqui, já é hora que de irmos até a propriedade da familia Donson. Não temos muito tempo até o anoitecer - Diz ela pra Algarion, já começando a andar rumo a propriedade dos Donson.
Necromancer Ignaltus
Garou de Posto Cinco
avatar
Garou de Posto Cinco

Mensagens : 2385
Reputação : 12
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png

Re: Apócrifos de João: Novo Testamento - I Pergaminho

Mensagem por Necromancer Ignaltus em Sab Abr 09, 2016 7:49 pm

ABENTY, ALGARION, KAASH, DAGUILA


Tomando as observações de Abenty e Daguila como as desições mais corretas, sem perder a oportunidade o grupo emprega a ida demorada até as terras da Família Donson.

No entanto, quando lá chegam, resta pouca proteção do abençoado Sol.

O lugar eram milhas de bom campo para o gado, como já tinham ouvido, como os Donson haviam feito a sua riqueza, mesmo quando estavam chegando puderam ver a quantidade do rebanho, nada modesto. Os campos e o curral ainda distante estavam repleto de bovinos tanto gordos como de aparência poderosa, denotando atributos tanto de animais de carga quanto de uma manada destruidora se fosse bem utilizada.

Talvez o gado de corte não fosse a única atividade lucrativa desta família local.

Ao se aproximarem, o grupo é recebido por uma tropa de orcs e meio-orcs mercenários. A sua quantidade e diversidade surpreende, demonstrando que eram parte de alguma companhia contratada, pois os orcs que não eram tribos de espoliadores bárbaros viviam uma vida militar do início ao fim de suas vidas.



Ainda em seus cavalos e grifo, o grupo foi abordado por uma orc cor morena, de cabeça raspada , tatuada e com vários pírcingues. O seu corpo não exibia armas nem muitas proteções, mas os músculos eram poderosos, nem uma grama de gordura visível, as mãos calejadas e andava descalça.


Dohka escreveu:- Eu sou Dohka, líder desse destacamento e chefe de segurança dos senhores Donson por está temporada.

- Vocês tem um minuto para me dizer qual o seu negócio.

O que ela dizia não era uma pergunta.

Ligeiro, Taurus se adianta para convencer os guardas bem pagos a deixá-los falar com os proprietários. O lorde é uma figura conhecida, mas a segurança pesada não parece muito amistosa. Todo o grupo pode notar os sinais e as cicatrizes, bem como as armas: aqueles eram soldados experientes e sabiam dos perigos que se avizinhavam, somente o melhor que o dinheiro poderia pagar.

Taurus retorna com as mãos abando para o resto do grupo.

Taurus escreveu:- Perdoem-me, mas eles todos estão muito nervosos com os últimos acontecimentos e ao que parece o patriarca não deseja que ninguém se aproxime até precisamente amanhã, ao raiar do Sol.

- Eles não quiseram falar bem o porque, mas não foram especialmente delicados quanto a nos enxotar daqui a força se preciso for.

- Ah, eu achei que a minha presença poderia fazê-los mais amistosos, mas ao que parece o clima de guerra tornou a família bem paranoica. No passado eles sempre foram difíceis quando o assunto é a ameaça a sua continuidade e poder na região.



A situação começa a se complicar quando a hora mais crítica se aproxima. Só restou esse lugar, não há outro que senão os arredores da mansão de Lorde Taurus. A luz solar começa se esvaecer.  O grupo não tem muito tempo a perder. O invocador poderia não ter muito conhecimento a respeito, mas o druida e as duas sacerdotisas sabiam o que poderia acontecer se as sombras fossem realmente enviadas de Abigail e tivessem um poder pelo menos abaixo do seu senhor. Naquele lugar, repleto de gente, logo elas poderiam erguer uma horda considerável de inimigos imateriais para depois avançar sobre a indefesa Sun-Dun, onde mais pessoas aumentariam o seu rebanho dos malditos.

Eles precisavam entrar e vistoriar o lugar, mas também não poderiam fazer isso caso se metessem numa luta contra toda a segurança reforçada da propriedade.


1) Pensar e empregar diplomacia - Prestar atenção as pistas dadas por Taurus sobre os Donson e usá-las de uma forma inteligente para obter bônus no seu próximo teste. [O valor mais alto do grupo é escolhido.]

2) Fingir e aguardar - Fazer de conta que vão embora e somente aguardar a merda acontecer para entrar em cena.

3) Serem sorrateiros - Dar a volta e arrumar uma forma de adentrar incógnitos e sem demora, pois o Sol sumirá logo.

4) Usar magia - Escolham magias para lidar com os guardas sem ter de entrar em combate.
Necromancer Ignaltus
Garou de Posto Cinco
avatar
Garou de Posto Cinco

Mensagens : 2385
Reputação : 12
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png

Re: Apócrifos de João: Novo Testamento - I Pergaminho

Mensagem por Necromancer Ignaltus em Sab Abr 09, 2016 7:52 pm

ENNÍNBEL


As servas assentiram em silêncio e trataram de seguir a sua senhora automaticamente assim que ele se virou. Demorou bastante, mas quando já estavam próximas do seu objetivo, a ansia de sua fome e dor necessitando do sopro d avida dos outros para tentar diminuir a sua angústia já entornava como saliva.

Elas aguardavam a permissão de sua senhora, sua Rainha.

O Sol já quase desaparecera, em breve, muito em breve...

Ali, as presas eram uma fartura.
gaijin386
Adepto da Virtualidade
avatar
Adepto da Virtualidade

Mensagens : 1866
Reputação : 0

Re: Apócrifos de João: Novo Testamento - I Pergaminho

Mensagem por gaijin386 em Sab Abr 09, 2016 10:52 pm

- Acham que se formos extremamente sinceras e dizer que o existe grande chance de mortos vivos incorpóreos estarem ali apenas esperando pelo cair da noite para fazerem vitimas nos dariam chances de falar com o tal patriarca? Não sei sempre gostei de ir direto ao assunto. -

Peço desculpas, mas estou sob influência de um forte resfriado e minhas postagens vem sofrendo com a lentidão decorrente.
Necromancer Ignaltus
Garou de Posto Cinco
avatar
Garou de Posto Cinco

Mensagens : 2385
Reputação : 12
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png

Re: Apócrifos de João: Novo Testamento - I Pergaminho

Mensagem por Necromancer Ignaltus em Sab Abr 16, 2016 9:17 pm


Dohka escreveu:- Hum... pode ter mesmo alguma coisa haver com as notícias da cidade. O mestre ficou em polvorosa quando ouviu do ataque.

- Eu levarei um de vós, e só um para tratar com o meu senhor. Todos os outros ficaram sobre a vigília do meu pelotão.

- Sem gracinhas. Nós temos ordens de usar toda a força necessária contra invasores. Vôs deveis saber: espancar, torcer membros, mutilar... tudo, menos matar.

- Quem irá, ou será que deve ser eu quem escolherá?


1) Deixar Dohka escolher; EI, VÃO MESMO CONFIAR NA ESCOLHA DE UMA ORC?! [Será ao gosto da personagem.]

2) Enviar Taurus; ele pode ter mais chances de convencer o patriarca. [Taurus não parece ser muito combativo se a coisa engrossar.]

3) Enviar um de vocês; escolham um membro do grupo, ou se voluntariem. [Escolham vocês mesmo.]

4) Entrar na marra; nós só não podemos matar, não é? Smile [Força bruta, se não funcionar é porque não usou o bastante!]
Edu
Semi-Deus
avatar
Semi-Deus

Mensagens : 6994
Reputação : 76

Re: Apócrifos de João: Novo Testamento - I Pergaminho

Mensagem por Edu em Sab Abr 16, 2016 9:32 pm

Daguila fica quieta enquanto a mulher orc falava. Ficava refletindo se toda a força necessária que eles tinham pra gastar seria suficiente para segura-los. Provavelmente não, mas talvez não fosse muito inteligente apontar isso. Cartas são uteis pra ficar escondidas na manga e não serem reveladas assim ao léu.

A cleriga levanta os dois braços com a mãos abertas sinalizando que não teriam problemas com ela.
anderson
Sacerdote de Cthulhu
avatar
Sacerdote de Cthulhu

Mensagens : 2907
Reputação : 0

Re: Apócrifos de João: Novo Testamento - I Pergaminho

Mensagem por anderson em Sex Abr 22, 2016 10:24 am

O mago não tinha qualquer traquejo social. Só sabia mentir, portanto ficou quieto em seu lugar e deixou que outro fosse fazer o que era preciso.
gaijin386
Adepto da Virtualidade
avatar
Adepto da Virtualidade

Mensagens : 1866
Reputação : 0

Re: Apócrifos de João: Novo Testamento - I Pergaminho

Mensagem por gaijin386 em Sex Abr 22, 2016 11:29 am

Kash'Tael olha e fala aos demais - Certo quais são nossos argumentos? Se um de nós irá até lá será bom saber o que todos pensam para que seja exposto ao sujeito que irá ouvir.
Lyvio
Semi-Deus
avatar
Semi-Deus

Mensagens : 7259
Reputação : 16
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png

Re: Apócrifos de João: Novo Testamento - I Pergaminho

Mensagem por Lyvio em Seg Abr 25, 2016 8:45 am

As sombras sob o comando de Ennibel junto com sua rainha circundam a área na busca pelos humanos mais isolados, assim que visualizam alguém desprevenido avançam em conjunto, buscando drenar a vitalidade dos seus alvos o mais rápido possível, todos atacam um único alvo para não dar tempo dele esboçar qualquer reação ou alarde.
Necromancer Ignaltus
Garou de Posto Cinco
avatar
Garou de Posto Cinco

Mensagens : 2385
Reputação : 12
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png

Re: Apócrifos de João: Novo Testamento - I Pergaminho

Mensagem por Necromancer Ignaltus em Qua Abr 27, 2016 5:08 pm

ALGARION, ABENTY, DAGUILA, KASH'TAEL, TAURUS

A ineficácia do grupo em escolher algum porta-voz entre eles-mesmo parece irritar ligeiramente a líder do grupo de soldia orc que, como havia os prevenido antes aponta para um membro do grupo aleatório e o recolhe para interrogatório do senhor  daquelas terras. Ela fala alto e forte enquanto aponta o dedo para Algarion.


Dohka escreveu:- Você! Será você com a armadura de madeira.

Dois solados orcs de aparência experiente se aproximam e exigem que o druida dessa da sua montaria, o que ele o faz relutantemente, mas não por medo, ele tinha uma expressão de desdem, como se os considera-se um relês aborrecimento.

Dohka escreveu:- Vocês enrolam e não chegam a uma decisão. Só não vou tocar todos daqui porquê agora quero saber se são realmente quem diz que são, pois podem estar apenas ganhando tempo para alguém invadir o lugar.

Como também avisado antes, o restante do pelotão cerca o grupo, impedido que escapem se necessário. Eles o fazem de forma metódica: duas levas de besteiros se posicionam na estrada atrás do grupo, um apontando para o grupo e o outro de prontidão para os substituir se fossem obrigados a dar uma segunda leva de disparos. Aquilo deixava como únicas rotas de fuga ir em direção a casa,onde haveriam mais guardas, seguir para a floresta fechada próxima, onde a corrida seria prejudicada, ou tentar saltar por sobre o curral e passar pela massa de gado. Ainda, pelos lados e fora da mira das setas se encontram os soldados que se apresentaram próximos de Dohka quando vocês chegaram, todos aparentando as suas especialidades e diversidades, o que incluía um orc com um diabrete.



Dohka avisa erguendo um dedo, enquanto Algarion se afasta, sob vigia:
Dohka escreveu:- Eu voltarei em breve e... caso vosso amigo revele intenções contrarias a boa-fé, meu senhor tem meios de cuidar de gente que pensa que pode enganá-lo. Meios que ensinam uma boa lição.

Uma sombra de mal cobriu os personagens, pois Algarion não é nem o mais paciente deles e nem o mais diplomático. Ele tem sim uma formação para lidar com a língua e educação, porém o druida corrompido só utiliza essa habilidade para tratar com aqueles que ele considera fortes demais para lidar e a última impressão que o grupo enxergou foi tudo menos das melhores sobre os Donson e os seus guardas. Caso o aprendiz de bruxa causasse algum desentendimento tudo poderia terminar em muita confusão.l

Eles aguardavam sobre a parca luz avermelhada do crepúsculo.

OFF: Não falta muito tempo agora, mas nada resta senão agudara o desempenho do druida.

Necromancer Ignaltus
Garou de Posto Cinco
avatar
Garou de Posto Cinco

Mensagens : 2385
Reputação : 12
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png

Re: Apócrifos de João: Novo Testamento - I Pergaminho

Mensagem por Necromancer Ignaltus em Qua Abr 27, 2016 5:56 pm

ENNÍNBEL



A rainha das sombras e as suas escravas se arrastaram pelas sombras crescentes , procurando aproximar-se sorrateiramente das presas vivas e conscientes. As duas servas queriam afogar a dor sufocando-a com a força da vida de qualquer um que fosse tal é o seu desespero em que Enninbel as jogou, só não sendo incapazes de vingar-se da sua assassina pelo tenebroso poder que as escravizava, contendo dentro de si a mesma treva saída da sua senhora escura.

O primeiro guarda foi apanhado facilmente, a rainha da treva saltou da escuridão crepuscular sobre este e o desferiu o toque de dreno que o deixou fatigado. Assustado, incapaz de gritar pela exaustão, ele tentou revidar com a sua tocha, a qual estava usando para ascender postes com panos amarrados embebidos em óleo de porco. No entanto, aquilo fora uma resistência vã, sem resultado quando as outras duas sombras caíram sobre ele.

Momentos se passaram, até que uma nova sombra confusa e sofrida se erguia.

Mais um, mas o tempo urgia e tranquiliza-lá não era a intenção de Enníbel agora. Ela seguia para o alvo mais próximo.

O próximo guarda não a notou, como o primeiro, este também teria sido apanhado de surpresa, mas as servas não seguiram tão sorrateiras, tal a sua ânsia e desespero, jogando-se sobre o alvo com fome e desejo tal que uma das shaaeds obteve um garra através do peito e coração, deixando o homem frio num mero instante. Então, apesar da falta de sutileza, mais um foi arrebatado.

Seguiram como a sombra mãe planejou, atacar em grupo.

Ali, outro fazendo a ronda, com certeza encontraria os corpos dos demais. Todas as sombras moveram-se para atacar. Todavia, a quantidade crescente de sombras, desordenadas, apesar de silenciosas, foi um rebuliço maior do que esperado por sua líder e causa o espanto dos animais próximos causando um mal pressentimento no guarda que chegava que, ao prestar atenção, avista as assombrações.

Tomado pelo medo, o soldado corre para dar aviso de perigo. As sombras, mais vagarosas do que uma pessoa não o alcançam até que este toque num sino de aviso freneticamente. Porém, assim que chagam o cercando, a sua mestra trespassa o soldado por um golpe cruel por trás, mesmo surpreso ele tenta erguer a arma, mas é inútil, pois o golpe arrancara grande parte da sua essencial vital de uma única vez.

O corpo esfriou antes mesmo de tocar o chão.

O sino silenciou, mas viriam mais agora.

As sombras se reuniram ao redor da sua mestra.

Dois brutos servos de estoque de mantimentos com gosto por bebida que conheciam mais ou menos as redondezas.

Três soldados orcs ou meio-orcs experientes em combate.

Eles estavam famintos e desesperados.

O gado próximo ameaçava começar um turbilhão, mas poderia saciar a fome.

Ennínbel sentia que essas novas sombras ainda estavam muito desesperadas e confusas para obedecer direito, além de também serem fracas, pois não tinham nenhuma força vital acumulada além do mínimo disponível depois dos corpos terem sido sugados.
Lyvio
Semi-Deus
avatar
Semi-Deus

Mensagens : 7259
Reputação : 16
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png

Re: Apócrifos de João: Novo Testamento - I Pergaminho

Mensagem por Lyvio em Qui Abr 28, 2016 8:33 am

A rainha da sombras agora tinha mais três em seu exército no entanto o aviso soou e muitos outros guardas viriam, era hora de recuar pelo menos por enquanto, a rainha das sombras não tinha medo pois o que tinha em mãos era suficiente para esses guardas comuns não terem a minima chance contra elas, mas o problema seria o alarde, não era hora disso por enquanto.

Ela se aproxima das novas sombras:

-Minhas filhas, sejam bem vindas, esse é o nosso mundo, sua fome e confusão é imensa, mas ao redor está cheio de vida para ser drenada e saciar nossa fome, no entanto devemos ser cutelosas, sigam-me que eu aliviarei sua dor, pois o momento certo vcs saberão como agir.

Esse é de vcs...

Ennibel aponta para um dos bois.

-Ataquem em conjunto que ele morrerá rápido, então sigam-me, devemos nos esconder.

A rainha das sombras assiste suas filhas drenarem o animal para se acalmarem um pouco e facilitar o entendimento de suas ordens então, segue para esconder-se no estoque de bebidas.

Necromancer Ignaltus
Garou de Posto Cinco
avatar
Garou de Posto Cinco

Mensagens : 2385
Reputação : 12
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png

Re: Apócrifos de João: Novo Testamento - I Pergaminho

Mensagem por Necromancer Ignaltus em Qui Abr 28, 2016 12:03 pm

ALGARION, ABENTY, DAGUILA, KASH'TAEL, TAURUS

Demorou.

Demorou bem mais do que o necessário se o grupo houvesse se aprumado para escolhe rum componente de personalidade adequada, como Daguila, Kaash ou mesmo Taurus, conhecido da região.

O precioso tempo perdido cobrava caro o preço da inercia dos heróis. O crepúsculo se findava.


Dohka escreveu:- Meu senhor consentiu-vos uma audiência, mas eu os aviso: cuidado! O patriarca não gosta de ameaças e o seu amigo aqui parece não conhecer como usar nada além da força.

Dito isso, Dohka fez sinal para que os besteiros baixassem as armas e conduziu o grupo para dentro da propriedade. Quando todos já estavam próximos da casa grande, ela não permitiu que continuassem, ao invés disso voltousse a eles e disse, já dividindo os grupos.


Dohka escreveu:- Vós irás em pares, sob os cuidados de três dos guardas mais antigos do patriarca em cada grupo.

E assim ela os obrigou a fazê-lo.

Os cuidados da líder do pelotão orc demonstrava especial cuidado com uma traição. Os guardas mais antigos da casa dificilmente seriam espiões recentemente enviados por alguém que desejava o mal da família Donson, além do que o número escolhido, três, impediria qualquer artimanha surpresa ou que fossem dominados facilmente. Melhor, enquanto dois cuidavam deles, o terceiro poderia ir soar o alarme.

O grupo pode observar que essa recomendação poderia tanto ser da líder de soldia que estava a conduzi-los ou do falado patriarca da família mais rica e influente da região. Se fosse dela, revela uma mente estratégica exemplar, mas se fosse do tal senhor patriarca, poderia ser tanto paranoia quanto a experiência de um homem que lidava com os seus negócios com muito cuidado, o que justificaria o seu poder e influência conquistados.

Enquanto se separavam e eram conduzidos para partes diferentes, notam que Lordes Taurus não fazia parte do seu grupo. Ao contrário, de longe cada par pode ver  rapidamente que ele é conduzido pela orc em trajes monásticos batidos para a casa grande, onde deve falar mais com o senhor daquela propriedade.

Enquanto seguiam, tochas vão sendo acessas por guardas de vigília. O odor de óleo de gordura de porco embebido nos panos alcança-lhes as narinas e logo os estômagos lhes atinge um golpe relembrando quão pouco haviam se alimentado hoje. Logo a lembrança de que Taurus não estava ali para resolver os desentendimentos para eles se fez presente.

Pares:

A - Kaash e Daguila + 3 guardas, ficaram com os estábulos e o curral;

B - Abenty e Bar-Lgura + 3 guardas, ficaram com os alojamentos da guarda;

C - Algarion e irmão grifo + 3 guardas, ficaram com o celeiro e o deposito.

OFF: Mapas em breve.
Edu
Semi-Deus
avatar
Semi-Deus

Mensagens : 6994
Reputação : 76

Re: Apócrifos de João: Novo Testamento - I Pergaminho

Mensagem por Edu em Sex Abr 29, 2016 11:52 pm

Daguila cruzou os braços atrás das costas enquanto andava junto com Kaash e mais o três guardas. Ela sentia que alguma hostilidade da segurança local para com eles.

- A quanto tempo vocês trabalham aqui? - perguntou ela em tom casual enquanto caminhava.

Queria ver se eles mordiam a isca.
Necromancer Ignaltus
Garou de Posto Cinco
avatar
Garou de Posto Cinco

Mensagens : 2385
Reputação : 12
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png

Re: Apócrifos de João: Novo Testamento - I Pergaminho

Mensagem por Necromancer Ignaltus em Dom Maio 01, 2016 1:56 pm

DAGUILA, KASH


Um os três soldados, um sujeito de mais de trinta, com umas mechas de cabelo grisalho, nariz quebrado e com uma cicatriz longa que corria através de um dos braços, murmurou algo, mas falou enquanto os outros dois observavam.

Capanga Veterano escreveu:- Uns bons anos. Em que ano estamos? Bem, não importa.

- O pessoal veio de todo lugar depois da guerra. Cansados, perdidos.

- Por aqui é só um pouco mais tranquilo, mas nunca tivemos grandes preocupações.

- O patriarca paga bem.

Vocês seguiam. A única luz vindo das tochas embebidas em óleo de porco. Não demorou muito, o curral era enorme e parecia bem estruturado a distância. A quantidade de animais formava uma massa vermelho escura ou malhada que se confundia na escuridão que ia engolindo a paisagem. Kash'Tael no entanto enxergava bem ali.

O grupo chegou até a entrada.

Nem todas as tochas estavam acessas, formando um ambiente estranho e tenebroso ali dentro.

Os homens estranharam algo ao lado de vocês. O sujeito de antes falou novamente.

Capanga Veterano escreveu:- Cadê o Tito?

Um dos outros dois se aproximou da entrada e retrucou, como se ao menos soubesse de algo.

Capanga Experiente 1 escreveu:- Talvez... tenha ido mijar?

Capanga Experiente 2 escreveu:- O Tito? Do jeito que ele tem medo de escuro e sempre corre para acender tudo quanto põem ele na vigília? Se ele tivesse ido, aqui estaria tudo acesso e o cheiro de mijo estaria pelos cantos.

O sujeito mais experiente dos três murmurou pensativo, sem ligar para vocês duas.

Capanga Veterano escreveu:- Hum...

MAPAS

CURRAL
Spoiler:

ESTABULO
Spoiler:
gaijin386
Adepto da Virtualidade
avatar
Adepto da Virtualidade

Mensagens : 1866
Reputação : 0

Re: Apócrifos de João: Novo Testamento - I Pergaminho

Mensagem por gaijin386 em Seg Maio 02, 2016 10:12 pm

Soldados... Vários e parece que tem alguém faltando, sussurra para Daguila.

Algo estranho está havendo aqui.
Edu
Semi-Deus
avatar
Semi-Deus

Mensagens : 6994
Reputação : 76

Re: Apócrifos de João: Novo Testamento - I Pergaminho

Mensagem por Edu em Ter Maio 03, 2016 12:41 am

Daguila ouve o sussurro da Drow e acena com a cabeça concordando, no entanto não decide falar nada. Não era tão discreta assim e não queria causar problemas. Ela anda calmamente até os homens que debatiam sobre um tal de Tito e questiona:

- Problemas senhores? Se tem algum morto vivo aqui eu posso ajudar vocês. Acho todos aqui já perceberam uma aura sinistra que tem aqui. Caso tenha uma sombra aqui realmente eu e a drow temos meios de dispersa-la ou até mesmo destruí-la.
Necromancer Ignaltus
Garou de Posto Cinco
avatar
Garou de Posto Cinco

Mensagens : 2385
Reputação : 12
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png

Re: Apócrifos de João: Novo Testamento - I Pergaminho

Mensagem por Necromancer Ignaltus em Qua Maio 04, 2016 12:08 pm

ABENTY, BAR-LGURA


Estava escuro, a preciosa luz perdendo os seus últimos fiapos de manifestação.

Tochas embebidas em óleo de porco iam sendo acendidas. O invocador lembrou-se da fome.

Abenty e Bar-Lgura seguiam. No entanto, os três capangas não iam a frente. Todos nervosos como estavam pela presença da criatura gárgula, andavam atrás dos dois apontando aonde deveriam encaminhar-se para chegar aos alojamentos da propriedade, que era a parte que lhes cabia averiguar.

Chegando lá, tratavam-se de instalações de longo tempo: Quartos comunais com iluminação, um espaço para as necessidades, um sanitário separado a distância e uma pipa para bombear água diretamente para as necessidades.

O ponto tinha certa distância da casa principal, onde deveria residir a família. Um olhar geral e Abenty pode reparar que não parecia haver um arsenal ali, apenas os pertences de quem ali residia.

O lugar era iluminado por lampiões, o que deixava poucos lugares para as sombras se esconderem do lado de dentro. Assim, o verdadeiro problema eram os arredores, pois a noite já engolia tudo.


1) Olhar ao redor dos alojamentos.

2) Inspecionar qualquer canto escuro, incluindo na mobília.

3) Averiguar o sanitário.

4) Voltar.
anderson
Sacerdote de Cthulhu
avatar
Sacerdote de Cthulhu

Mensagens : 2907
Reputação : 0

Re: Apócrifos de João: Novo Testamento - I Pergaminho

Mensagem por anderson em Qua Maio 04, 2016 2:12 pm

O Mago achava graça do medo supersticioso daqueles orcs face a Igor. Era divertido e acalmava um pouco. Sabendo que temiam o demônio, não ousariam qualquer subterfúgio. Observou o quarto. A luminosidade dificultaria qualquer esconderijo das Sombras. Na verdade ainda achava a busca infrutífera. Não era o melhor para procurar criaturas que poderiam se esconder no plano das sombras. O que não quer dizer que ele não tivesse um ás na manga.

Decidira guardá-lo para logo, quando achasse conveniente. Começou a olhar as proximidades dos alojamentos. Não sem primeiro colocar nos olhos a luz que encontra auras mágicas.

- Igor, use sua habilidade para encontrar inimigos invisíveis...

Então começou.

Spoiler:
Falou com Igor telepaticamente e usou detectar magia.
Necromancer Ignaltus
Garou de Posto Cinco
avatar
Garou de Posto Cinco

Mensagens : 2385
Reputação : 12
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png

Re: Apócrifos de João: Novo Testamento - I Pergaminho

Mensagem por Necromancer Ignaltus em Dom Maio 08, 2016 3:24 pm

DAGUILA, KASH


Os capangas da família Donson se entreolham e o que parece ser o mais experiente dentre eles faz sinala para que as duas sacerdotisas sigam na frente. As duas não tem outra alternativa a não  ser seguir.

Adentrando, aquele lugar era enorme, provavelmente utilizado para o controle do gado, assim como para uma coleta de leite mais eficiente. Dada a época da guerra e pelo que se ouviu na cidade, toda a instalação foi erguida com o ouro que transborda pela rota de comercio vigiada pelo exercito.

Passos. O lugar está mal iluminado. O tal Tito, o sujeito com que os outros capangas se preocupam, o rapaz que tem medo do escuro, ele não pode acender todas as tochas. O lugar está bem escuro.

Um dos guardas dos três atrás das sacerdotisas apanha uma das tochas, ele caminha uns três metros atrás enquanto as duas avançam lentamente, a luz iluminando por trás. Os outros dois protegendo os flancos.

Kash podia enxergar bem com a pouca iluminação, mas o problema era mais a frente, onde a única luz seria a da tocha que fosse carregada.

Barulhos, os animais no cercado ao lado estavam incomodados com algo. Eles eram muitos, mas começavam um alvoroço, andando com peço e força. Eles poderiam ficar ali investigando todos os pontos  para ter certeza de não passar nada, o lugar é grande. Mas, também poderiam ir checar o barulho, aonde é mais escuro.


1) Continuar averiguando aqui - Ir com cuidado, numa formação triangular segura com mais tochas, não importa o que se ouça.

2) Seguir ao cercado - Apanhar mais tochas e conduzir todo mundo iluminando onde estão os animais.

3) Dividir-se entre o curral e o cercado - Separar-se para cobrir tudo.

4) Voltar procurando os outros - É perigoso ir sem o resto do grupo.
 

MAPAS

CURRAL
Spoiler:

ESTABULO
Spoiler:
Conteúdo patrocinado


Re: Apócrifos de João: Novo Testamento - I Pergaminho

Mensagem por Conteúdo patrocinado

  • Este Tópico está bloqueado. Você não pode editar as mensagens ou responder.

Data/hora atual: Qui Abr 26, 2018 3:01 am