Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    Prólogo: Salah al-Azah

    Compartilhe
    Rodrigo Naga
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 189
    Reputação : 0

    Prólogo: Salah al-Azah

    Mensagem por Rodrigo Naga em Sex Abr 22, 2016 1:15 pm

    Os aromas e sons da cidade. Aquela bagunça estranhamente familiar e adorável. Os sons do comercio, as especiarias, o tilintar das moedas, o som de ferro sendo moldado, as comidas e bebidas sendo vendidas e as pessoas... Ah as pessoas, ela são o sangue e a força de Sendoure. Ricos e pobres, feios e belos, comerciantes e compradores. Tudo aquilo que faz uma cidade pulsar de vida. Contudo não importa a vida e a luz de uma cidade sempre as sombras são presentes.

    A sombra atual de Sendoure tinha um nome, Helmut Gruber, todos os negócios da cidade passavam por sua mão, de uma maneira ou outra e todas as moedas de ouro tinham sua marca, seja em peso ou sangue. Exceto um, sim, ainda sim existia um jovem mercador que não admitia que Gruber pudesse controlar a cidade. O jovem Salah al-Azah tinha uma reunião com um jovem chamado Muda Bolkiah, um mercador o qual não encontrava-se na folha de pagamento de Helmut.

    O local desta reunião seria um pouco afastado da cidade, próximo a um pequeno oásis a algumas horas de Sendoure. Os preparativos dessa reunião tinham sido arranjados já alguns dias e os negócios a serem tratados nela também ficavam cada dia mais claros: O Levante contra Helmut e a guerra civil de Rohrmarch. Os boatos que corriam na corte eram que Gruber possuia um "irmão": Hans, um Brechts, o qual era conhecido como um promeniente mercador de armas e ele que estaria alimentando a guerra, junto do dinheiro que Helmut levantava de Sendoure.

    Agora sozinho em seu luxuoso quarto, Salah, tinha que pensar em como sair do reino e ir até a reunião...
    Melroc
    Troubleshooter
    avatar
    Troubleshooter

    Mensagens : 931
    Reputação : 0

    Re: Prólogo: Salah al-Azah

    Mensagem por Melroc em Sex Abr 22, 2016 3:49 pm

    A muito tempo que Salah não vivia no palácio real, preferia morar entre os Al-Azah e os considerava sua verdadeira família. Precisava ir ao encontro de Muda Bolkiah, mais tinha que ser discreto, a organização de Gruber era poderosa e tinha olhos por todos os lados.

    Descidiu vestir seu traje de explorador e um turbante para não chamar atenção. Sairia antes do sol do meio dia, quando os mercados de Ghoudaïa, a capital de Sedoure, estariam cheios de clientes e comerciantes. Passaria pelos mercados para despistar qualquer espião que pudesse segui-lo antes de rumar para o oásis de Bolkiah.

    Pegou seu camelo, mas não o montou, preferiu levá-lo a pé, segurando-o por seus arreios e com seu turbante escondendo seu rosto. Salah estava atento e verificava o tempo todo se não estava sendo seguido.

      Data/hora atual: Sab Out 21, 2017 8:24 am