Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


  • Este Tópico está bloqueado. Você não pode editar as mensagens ou responder.

Capítulo 1 - Os Boatos de um Velho Amigo

Compartilhe
Felarhix
Adepto da Virtualidade
avatar
Adepto da Virtualidade

Mensagens : 1754
Reputação : 0

Re: Capítulo 1 - Os Boatos de um Velho Amigo

Mensagem por Felarhix em Ter Set 04, 2012 8:38 am

O Contra-Mestre não ria, pelo menos ninguém da tribulação nunca o viu sorrir. Mas o assunto do capitão lhe agradava.

Mas a sua maior atenção era nas brigas que ocorriam dentro da taverna, de repente ele percebe que um dos malditos cães sarnentos havia se envolvido em briga, até aí tudo bem, se não fosse o maldito corte na testa. Ele então pensa:

"Se aquele porco está achando que vai usar isso para se safar de trabalhar, está enganado. Se quer brigar que ganhe a briga."

Ele dá uma grande golada na sua caneca de rum e novamente a prende ao cinto. E diz para o capitão:

-Olha lá capitão, o maldito do Lewllin está metido em confusão, quer que eu resolva? Parece que está perdendo a briga.
Aythusa
Antediluviano
avatar
Antediluviano

Mensagens : 4216
Reputação : 2

Re: Capítulo 1 - Os Boatos de um Velho Amigo

Mensagem por Aythusa em Ter Set 04, 2012 9:07 am

Lew ficou um tanto atordoado, não esperava que não desse certo. As vezes isso acontecia, ele tinha autoconfiança demais e isso nem sempre era o suficiente.
Ele passou a mão na ferida que sangrava e sentiu uma mão trêmula na sua cintura: era a menina ainda atrás dele.

Ele olhou para o grandão, ainda um pouco atordoado, e começou a cantar uma canção com sua gaita. Conforme tocava, podia-se ver que algumas pessoas próximas adormeciam.

Spoiler:
OFF:
Para essa magia (sono) preciso rolar algum dado? rs
Pac Fawkes
Mutante
avatar
Mutante

Mensagens : 521
Reputação : 0

Re: Capítulo 1 - Os Boatos de um Velho Amigo

Mensagem por Pac Fawkes em Ter Set 04, 2012 11:26 am

De fato, estava ficando interessante a conversa, porém o Contramestre interrompe, parecia que o músico estava encrencado, como sempre, isso não incomodava, mas o fato do rapaz estar perdendo é que era chato, aquele infeliz não ia se safar de trabalhar por causa disso não.. - Mas o quê?... Aquele filho da puta!... Mostra praquele macaco como se briga!!!... Se quiser dar uns cascudos nele... Fique a vontade... O capitão fala ao Contramestre, uma boa zorra na taverna estava prestes a começar, era o que esperava.
Aythusa
Antediluviano
avatar
Antediluviano

Mensagens : 4216
Reputação : 2

Re: Capítulo 1 - Os Boatos de um Velho Amigo

Mensagem por Aythusa em Ter Set 04, 2012 11:41 am

Spoiler:
Para a magia Sono:


Aythusa efetuou 2 lançamento(s) de dados (d4.) :
2 , 4
Elminster Aumar
Administrador
avatar
Administrador

Mensagens : 8049
Reputação : 35
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1311.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1012.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1212.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/512.png

Re: Capítulo 1 - Os Boatos de um Velho Amigo

Mensagem por Elminster Aumar em Ter Set 04, 2012 11:48 am

TESTES DE RESISTÊNCIA VS SONO:
Grandão:
Elminster Aumar efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
1

Outras 5 Pessoas na Taverna:
Elminster Aumar efetuou 5 lançamento(s) de dados (d20.) :
8 , 20 , 15 , 2 , 7
Elminster Aumar
Administrador
avatar
Administrador

Mensagens : 8049
Reputação : 35
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1311.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1012.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1212.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/512.png

Re: Capítulo 1 - Os Boatos de um Velho Amigo

Mensagem por Elminster Aumar em Ter Set 04, 2012 1:35 pm

Apenas os ouvidos atentos do contramestre acostumados a detectar confusão que poderia ter ouvido a briga de Lewellin que ocorria do outro lado da taverna. Mas antes que ele fosse até lá, Dyke Smythe arremessa sua garrafa pelas costas do grandão e o vidro se quebra em seu couro cabeludo. Ele coloca a mão na cabeça e quando a retira vê sangue, o que o deixa furioso. O grandão então se vira procurando quem o atingira. Ao mesmo tempo, Lewellin aproveita da distração para tocar uma música sonífera com sua gaita.

Dyke vê os olhos do grandão se fecharem e ele cair com um baque surdo no chão, dormindo feito uma criança. Outras três pessoas próximas dele caem de modo semelhante. Uma confusão generalizada não foi armada por pouco. Frac’Eido que já estava se levantando de sua mesa para averiguar a situação não precisou mais ir em frente.

O Capitão Barba-Roxa força uma tossida para ter novamente a atenção da conversa.
- Hem-hem... então, estávamos falando da Ilha de Ferro, que também é conhecida por outros nomes, como a Ilha Prisão e o Terror dos Piratas. Segundo se ouve dizer, a séculos atrás as forças navais da nação de Sembia que era responsável por combater a pirataria do Mar Interior mandou construir uma fortaleza isolada numa ilha. – Ele tira com a unha um pedaço de carne que havia ficado presa entre os dentes. – Esta fortaleza tinha o propósito de ser uma prisão fortificada aos piratas. Todos os piratas que as forças navais de Sembia capturavam eram mandados para a Ilha de Ferro, onde eles apodreciam até morrer de velhice. Dizia-se que os sembianos praticavam todos os tipos de torturas aos nossos camaradas, uma forma de puni-los pela vida regada a crimes. Vocês tem certeza de que nunca ouviram falar dela? Os boatos são antigos, mas recorrentes nos dias de hoje.


INFORMAÇÃO:
O Capitão Roosevelt se lembra de ter ouvido falar da Ilha Prisão, porém não se lembra dos detalhes acerca desta história.
Aythusa
Antediluviano
avatar
Antediluviano

Mensagens : 4216
Reputação : 2

Re: Capítulo 1 - Os Boatos de um Velho Amigo

Mensagem por Aythusa em Ter Set 04, 2012 2:01 pm

Lew termina a música no instante que o grandão cai no chão dormindo. Nesse instante ele dá um salto de vitória, guarda a gaita e vira-se novamente para a jovem que estava atrás dele:

- Agora quero vc cuidando desse meu corte...

E volta a beijá-la.
Pac Fawkes
Mutante
avatar
Mutante

Mensagens : 521
Reputação : 0

Re: Capítulo 1 - Os Boatos de um Velho Amigo

Mensagem por Pac Fawkes em Ter Set 04, 2012 2:06 pm

- Ahhh, claro que já ouvi boatos Capitão... Queria apenas saber os detalhes... Mas me diga, provavelmente que não há fortaleza funcionando mais lá... O que mais de importante aquela ilha pode ter pra me chamar atenção? Dizia Roosevelt, voltando a atenção ao Barba-Roxa e limpando a mão cheia de banha na roupa da prostituta.
Elminster Aumar
Administrador
avatar
Administrador

Mensagens : 8049
Reputação : 35
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1311.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1012.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1212.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/512.png

Re: Capítulo 1 - Os Boatos de um Velho Amigo

Mensagem por Elminster Aumar em Ter Set 04, 2012 3:56 pm

- Existem alguns mistérios a serem resolvidos – diz o Capitão Barba-Roxa bebendo mais um gole de rum. – Primeiro de tudo é preciso saber se esta ilha existe. Muitos piratas amigos meus já afirmaram ter visto as altas paredes negras da fortaleza, e muitos outros afirmaram terem conseguido escapar pessoalmente da prisão. Porém a localização da ilha não bate, uns dizem que fica perto da costa de Sembia, outros dizem que fica mais afastada por dentro do Mar Interior, outros falam que é impossível achar sua localização através de um mapa de navegação.

Ao ver que a garrafa de rum acabara, o capitão retira de dentro de suas vestes um cantil em forma de timão. Ele abre o tampo e despeja o conteúdo em sua boca.

- Nestas bandas um pirata precavido vale por três, yohoho. Bom, como eu ia dizendo existem pontos a serem averiguados. Ninguém sabe por que a prisão parou de funcionar. Alguns dizem que os espíritos dos piratas mortos pelos sembianos resolveram se rebelar e matar seus antigos carcereiros. Outros dizem que isto foi obra de alguma raça maligna que habita as profundezas do mar e que quis tomar a ilha como um refúgio. Boatos e mais boatos. Porém a parte realmente interessante vem agora. Segundo algumas línguas, os sembianos escondiam todo o tesouro dos piratas capturados numa única sala nos subterrâneos da fortaleza. Um lugar contendo séculos acumulados de ouro pirata, ouro que foi obtido às duras custas pelos nossos irmãos através de saques a navios mercantes. O que me diz disto, capitão? É de seu interesse?

No bar, o músico havia novamente se virado para a jovem.
- Desculpe, não tive a intenção de causar confusão – a moça passa a mão no corte de Lewellin. – Ele deve ter me confundido com uma outra mulher, a bebida fazem os homens delirarem, você sabe como é. – Ela aceita o beijo do músico e depois sussurra em seu ouvido, causando-lhe certo arrepio: - Tem quartos nos fundos onde podemos ter mais privacidade.
Aythusa
Antediluviano
avatar
Antediluviano

Mensagens : 4216
Reputação : 2

Re: Capítulo 1 - Os Boatos de um Velho Amigo

Mensagem por Aythusa em Ter Set 04, 2012 4:06 pm

Lew nem ouviu o que a jovem disse, pois estava a admirar outra mulher que passara, sem deixar que a moça ali em seus braços desconfiasse. Até que ela fala em seu ouvido sobre quartos vagos.
O rapaz a levanta, pegando-a no colo de frente para ele, fazendo com que a moça envolvesse sua perna no quadril no rapaz, para não escorregar. E segue para o quarto que a menina lhe falou.

Chegando no quarto, ele deita a menina na cama ficando por cima de seu corpo enquanto suas mãos esploram seu corpo, sem deixar de beijá-la....

Spoiler:

OFF:
Não vou descrever nada daqui pra frente...><"
Pac Fawkes
Mutante
avatar
Mutante

Mensagens : 521
Reputação : 0

Re: Capítulo 1 - Os Boatos de um Velho Amigo

Mensagem por Pac Fawkes em Ter Set 04, 2012 5:55 pm

- Hmmmm... Agora você realmente me deixou muito interessado!... Dizia Roosevelt animado com o conteúdo que poderia ter essa suposta fortaleza, imagine quantos navios dariam pra comprar, quantas melhorias, quantas tripulações... Com tanto dinheiro que podia encontrar, quem sabe daria pra montar a maior frota pirata que qualquer pirata já conheceu.

- Barba-Roxa... Estou convencido em realizar uma busca... Me encontre amanhã, no horário de almoço, em frente ao Marlin Negro pra continuarmos discutindo... Caso você esteja também interessado em procurar esse tesouro... É lógico!... Agora... Vá procurar outra sarna pra se coçar... Por quê quero aproveitar essa noite... Se é que me entendes!... HAHAHA... Vá logo seu velho pirata duma figa! Roosevelt tenta dispersar o Barba-Roxa dali, queria ter um momento com um marujo em especial... Longe do Barba-Roxa, claro, mesmo sendo amigo do pirata, o Barba-Roxa continuava sendo pirata... Piratas inteligentes sempre confiam na desonestidade de outro.

E assim que o Barba-Roxa sai de perto da mesa onde estavam Roosevelt e dois de seus marujos, o capitão se apoia na mesa e abaixa um pouco a cabeça... E com o a mão direita pede pra que Frac'Eido chegasse mais próximo, iria sussurrar no ouvido do Contramestre. - Marujo... Traga o músico aqui... Diga que eu quero vê-lo urgentemente.

Roosevelt queria certificar-se melhor, talvez com o conhecimento de bardo de Lewellin ele descobrisse algo a mais sobre a fortaleza do que o Barba-Roxa falou.
Felarhix
Adepto da Virtualidade
avatar
Adepto da Virtualidade

Mensagens : 1754
Reputação : 0

Re: Capítulo 1 - Os Boatos de um Velho Amigo

Mensagem por Felarhix em Qua Set 05, 2012 8:36 am

Frac'Eido ouve o que o capitão barba-roxa tinha a dizer e também ouve o que o capitão Roosevelt disse a respeito e logo em seguida a sua ordem:

-Ok capitão, irei atrás daquele patife agora. Provavelmente deve estar enroscado em algum canto com uma dessas raparigas. Mas vou achá-lo.

O contra-mestre procura informações sobre o local para onde o maldito bardo havia se enfiado. Assim que conseguir ele irá até lá e o trará mesmo que seja a força.
Elminster Aumar
Administrador
avatar
Administrador

Mensagens : 8049
Reputação : 35
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1311.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1012.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1212.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/512.png

Re: Capítulo 1 - Os Boatos de um Velho Amigo

Mensagem por Elminster Aumar em Qua Set 05, 2012 10:55 am

- Yohoho. Tá certo capitão, você sabe onde me encontrar amanhã pela manhã. - O Capitão Barba-Roxa dá uma olhada na puta que estava sentada no colo de Roosevelet e diz: - Vou procurar a minha companhia para a noite. - Pegando um último de pedaço de peixe do prato, o Capitão Barba-Roxa se retira.

Roosevelt dá a ordem ao contramestre de procurar Lewellin. Assim que Frac'Eido sai, o capitão pode dar mais atenção à prostituta que estava em seu colo. A moça dá leves mordidinhas em sua orelha enquanto é apalpada por Roosevelt. Scrum apenas observava calado. O imediato não era de falar e agir muito a menos que recebesse alguma ordem.

O músico havia pago duas peças de prata pelo quarto e já estava tirando sua própria roupa quando batem na porta. Ele ouve a voz de Frac'Eido chamando-o do outro lado. A moça que já estava deitada na cama diz:
- Por favor, não me deixe - ela coloca seus dois braços envolta do músico, como a impedi-lo de ir.

TESTES OCULTOS:

P:
Elminster Aumar efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
3

SM:
Elminster Aumar efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
18
Elminster Aumar
Administrador
avatar
Administrador

Mensagens : 8049
Reputação : 35
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1311.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1012.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1212.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/512.png

Re: Capítulo 1 - Os Boatos de um Velho Amigo

Mensagem por Elminster Aumar em Qua Set 05, 2012 10:57 am

Lewellin percebe que as mãos da moça foram direto para a algibeira que ele portava na cintura.
Aythusa
Antediluviano
avatar
Antediluviano

Mensagens : 4216
Reputação : 2

Re: Capítulo 1 - Os Boatos de um Velho Amigo

Mensagem por Aythusa em Qua Set 05, 2012 11:49 am

Ao ouvir a voz do contramestre ele se assusta, afinal se ele não fizesse o que ele mandasse sofreria depois...
Ao ouvir o pedido da moça ele fica dividido, mas a sente indo direto à sua algibeira e desconfia da jovem. No mesmo instante que percebe o movimento da jovem ele segura seus braços e os ergue à altura da cabeça e pergunta à ela, esquecendo por um minuto o contramestre batendo à porta:

- O que pensa que está fazendo, rameirazinha?!

Ele olha nos olhos dela, esperando uma resposta.
Felarhix
Adepto da Virtualidade
avatar
Adepto da Virtualidade

Mensagens : 1754
Reputação : 0

Re: Capítulo 1 - Os Boatos de um Velho Amigo

Mensagem por Felarhix em Qua Set 05, 2012 12:08 pm

O contramestre já estava impaciente do lado de fora, afinal ele já estava esperando lá por longos 10... segundos. Então grita:

-Abre essa porta logo seu monte de esterco! Porque se eu tiver que arrombar essa merda de porta, ela não será a única coisa arrombada aqui. Vou contar até 5. Um...!

Glemilson
Mestre Jedi
avatar
Mestre Jedi

Mensagens : 1445
Reputação : 0

Re: Capítulo 1 - Os Boatos de um Velho Amigo

Mensagem por Glemilson em Qua Set 05, 2012 1:10 pm

Dyke acerta a garrafa em cheio na cabeça do grandalhão, o homem vira-se tentando acha-lo, mas o próprio Leweliin resolve o assunto com um dos seus truques.

Dyke vai até Hymma e diz:

- Ah, pensei que o maldito iria precisar de ajuda, vamos beber que estou com sede de rum hahahaha.Dyke dá uma gargalhada mostrando seus dentes brancos para Hymma e dá uma batidinha nas suas argolas e sai procurando um lugar para beber com Hymma.
Elminster Aumar
Administrador
avatar
Administrador

Mensagens : 8049
Reputação : 35
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1311.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1012.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1212.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/512.png

Re: Capítulo 1 - Os Boatos de um Velho Amigo

Mensagem por Elminster Aumar em Qua Set 05, 2012 1:26 pm

Hymma e Dyke se dirigem ao balcão e pedem uma cidra de rum. Após os primeiros goles, Hymma diz:
- Enquanto você estava jogando eu vi o capitão conversando com Barba-Roxa, talvez tenha saído algo de útil dessa conversa, quem sabe um novo destino. Não gostaria de ir até a mesa do capitão?

Lá no quarto de Lewellin, a moça tenta acertar um chute na parte íntima do músico a fim de se libertar e fugir.

ATAQUE:
Chute:
Elminster Aumar efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
11


Dano (d3):
Elminster Aumar efetuou 1 lançamento(s) de dados (d6.) :
6
Elminster Aumar
Administrador
avatar
Administrador

Mensagens : 8049
Reputação : 35
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1311.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1012.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1212.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/512.png

Re: Capítulo 1 - Os Boatos de um Velho Amigo

Mensagem por Elminster Aumar em Qua Set 05, 2012 1:31 pm

O chute certeiro da jovem fez Lewellin se curvar de dor e soltá-la. No exato momento em que Frac'Eido chega na contagem do cinco, a porta do quarto se abre e uma moça bonita passa como um furacão por ele, sem dar tempo de reação ao contramestre. A moça estava desnuda na parte de cima, porém segurava a blusa como a tampar suas partes femininas. Por fim ela se perde no aglomerado de pessoas.
Felarhix
Adepto da Virtualidade
avatar
Adepto da Virtualidade

Mensagens : 1754
Reputação : 0

Re: Capítulo 1 - Os Boatos de um Velho Amigo

Mensagem por Felarhix em Qua Set 05, 2012 1:39 pm

O contramestre estava puto de raiva com a demora de resposta por parte do bardo e ele entrou furioso disposto a arrancar uma das orelhas daquele infeliz, já que não estava fazendo uso delas.

Mas no momento em que entrava vê o bardo numa situação na qual parecia ter levado um belo chute nas bolas e isso já, de certa forma, saciou a vontade de fazer o infeliz sofrer.

Frac puxou o Lew pela orelha "ajudando" o a se erguer e em seguida disse:

-Vamos seu monte de esterco, quando o capitão chama é porque ele não quer esperar. Veja esse pancada que levou como uma atitude de sorte sua.
Conteúdo patrocinado


Re: Capítulo 1 - Os Boatos de um Velho Amigo

Mensagem por Conteúdo patrocinado

  • Este Tópico está bloqueado. Você não pode editar as mensagens ou responder.

Data/hora atual: Qui Abr 26, 2018 2:59 am