Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    Capítulo 2 - A Entrada para o Subterrâneo

    Compartilhe
    Soviet
    Semi-Deus
    avatar
    Semi-Deus

    Mensagens : 6055
    Reputação : 6
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png

    Re: Capítulo 2 - A Entrada para o Subterrâneo

    Mensagem por Soviet em Qua Fev 08, 2017 8:38 pm

    Johan olhava para a perna, sem saber ao certo o que pensar além de que aquilo precisava ser remediado o mais depressa possível. O cavaleiro não tinha a escolha de viver como um mestre de armas aleijado ou outro destino futuro que pudesse aguardar outros, guerreiros acometidos pela mesma fatalidade. Filho da Ruína ouvia a discussão ao seu redor, mas era a perna de Johan, e consequentemente sua vida, que estavam sendo discutidas ali, bem como a missão, que nascera quando Nerók foi sequestrado. Sentindo dores por todo o corpo, o cavaleiro fala com certa dificuldade, mas sua voz grave é o suficiente para se fazer ouvido.

    - Não se esqueçam de que vocês estão falando da minha perna, a palavra final é minha. - O cavaleiro tossia, mas não para e aponta para a mulher com o olhar vago, não se lembrava do nome dela, mas parecia que ela conhecia o subterrâneo - Você, mulher azul. Não fomos apresentados durante todo aquele caos lá fora. Você consegue nos guiar aqui, não? Esta missão terá que ser adiada, não podemos continuar com todos nós feridos e eu aleijado. Devemos voltar para Lua Argêntea ou outra cidade próxima, conseguir algumas montarias ou uma carroça. Devemos sair desta montanha imediatamente.

    Johan se volta para o anão - Obrigado pela poção, companheiro. Ela será especialmente útil depois que você decepar minha perna com seu machado. É claro que ela não me servirá de mais nada e tudo o que poderá me dar é uma infecção. Corte-a com seu machado. Belediel, você consegue fazer um curativo, certo? Acredito que a melhor coisa a fazermos agora é nós livrarmos desta perna inútil, sairmos desta montanha e irmos para uma cidade onde tenha algum sacerdote que consiga fazer minha perna crescer novamente.
    Melroc
    Troubleshooter
    avatar
    Troubleshooter

    Mensagens : 931
    Reputação : 0

    Re: Capítulo 2 - A Entrada para o Subterrâneo

    Mensagem por Melroc em Qui Fev 09, 2017 3:21 pm

    Para Naín, as palavras do Paladino colocou um ponto final na discussão. A missão deveria ser adiada e iriam sair dali para procurar a cura para sua perna. Johan se mostra bastante forte aos olhos do anão, uma decisão difícil dada com convicção ao mandar Naín cortar sua perna. Para diminuir o risco de qualquer infecção, Naín decide fazer uma fogueira para aquecer a lâmina de seu Urgosh. Queria fazer um corte rápido e limpo, seria como cortar lenha pensou enquanto pegava sua pederneira e seu isqueiro. Usaria suas tochas para fazer a fogueira, mas talvez não fosse o suficiente.

    - Pequeno Darksol, vá até o corpo da Drow e me traga qualquer coisa que possa pegar fogo. Preciso aquecer bastante meu machado - Disse ele ao ligeiro kobold. - Veja também se ela tem algum mapa ou qualquer outra coisa de valor que nos ajude a sobreviver aqui.

    Enquanto isso o Anão do clã Darkstrider esquenta seu machado ao ponto de deixá-lo incandescente. Escolhe uma pedra lisa e a limpa com água. Depois pede ajuda de seus companheiros para levar Johan até a pedra. Lá coloca a perna estraçalhada sobre a pedra recém lavada, retira o machado incandescente da fogueira e se prepara para realizar o corte.

    - Johan, ... Vai doer! ... e muito! ... No momento que você tomar a poção, cortarei sua perna... Está pronto?

    São as ultimas palavras de Naín antes de prepara seu machado com cuidado e realizar a amputação.
    Edu
    Semi-Deus
    avatar
    Semi-Deus

    Mensagens : 6749
    Reputação : 57

    Re: Capítulo 2 - A Entrada para o Subterrâneo

    Mensagem por Edu em Qui Fev 09, 2017 4:40 pm

    - Eu posso fechar o ferimento da perna do paladino, Nain, não precisa de fogo para cauterizar-lo - Diz Belediel imediatamente remexendo na sua mochila, pegando os seus trajes para frio e os dobrando para fazer algo semelhante a um travesseiro.

    Ela com cuidado bota a cabeça do paladino no seu colo sobre as roupas dobradas.

    - Quando o anão golpear a sua perna com o machado eu quero que você olhe para mim e morda isso - a elfa entregou para ele um pedaço da manga do seu casaco de frio enrolado afim de fazer algo fofo para o paladino morder e abafar o grito - Não podemos correr o risco que ninguem ouça o seu grito de dor quando o golpe acontecer.
    Lyvio
    Semi-Deus
    avatar
    Semi-Deus

    Mensagens : 6838
    Reputação : 9
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png

    Re: Capítulo 2 - A Entrada para o Subterrâneo

    Mensagem por Lyvio em Qui Fev 09, 2017 7:29 pm

    Darksol ouve o pedido do anão e quando iria discordar de fazer a fogueira Belediel interveio, menos mal, então o kobold seguiu até o corpo estraçalhado da Drow e começou a verificar se encontrava algo de util.

    Mecânica:


    Enquanto as pessoas se preparam para amputar a perna de Johan, Darksol escolhe 20 em procurar no corpo da Drow, se acharem que demora muito podem interromper.
    Soviet
    Semi-Deus
    avatar
    Semi-Deus

    Mensagens : 6055
    Reputação : 6
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png

    Re: Capítulo 2 - A Entrada para o Subterrâneo

    Mensagem por Soviet em Qua Fev 15, 2017 12:22 pm

    - Eu sei que vai doer; faça-o logo.

    Johan aceita o convite de Belediel e pousa sua cabeça sobre o colo da elfa, mordendo o pedaço de pano que a clériga tinha lhe dado. O cavaleiro segurava com firmeza o símbolo sagrado de Tyr que carrega no peito com uma mão e com a outra segurava o cabo de Redentora, sua espada. Filho da Ruína conseguiu ouvir o couro de sua luva ranger tamanha a tensão.

    O cavaleiro nunca tinha reparado na beleza da elfa, sempre escondida atrás da dureza de suas palavras, assim como Johan se esconde atrás de sua busca. Isso fez o cavaleiro se lembrar de Raziel, o ser que havia lhe dado uma segunda chance. Fazia muito tempo desde que Johan tinha pensado nele e isso era algo imperdoável. Filho da Ruína olhava para as rochas agora e agradecia silenciosamente O Cruzado enquanto esperava a lâmina de Naín decepar-lhe a perna.
    anderson
    Sacerdote de Cthulhu
    avatar
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2907
    Reputação : 0

    Re: Capítulo 2 - A Entrada para o Subterrâneo

    Mensagem por anderson em Sex Fev 17, 2017 8:37 pm

    Tomdrill observa tudo como um espectador. Não conhecia de ciências médicas para ajudar, não podia curar, mas mais importante, não se importava tanto. Na verdade achava que o infortúnio do Paladino era péssimo, já que havia sobrevivido. Em alguns instantes poderiam ser descobertos e o anão não tinha capa de disfarce. Ia ser um problema se acontecesse. Neste ponto lutava consigo mesmo. Não se agradava do que estava se tornando e se repreendia silenciosamente.

    Ajudou no que podia, mas agora vivia uma verdadeira dialética em seu interior. Advertindo-se, mas também nutrindo suas vinganças pessoais. Tomdrill não era mais o mesmo e fez o propósito de encontrar-se com Will e Simmons depois dali. Precisava de um porto seguro. Talvez até precisasse de outra mulher, mas como? A ideia lhe era nojenta.
    Elminster Aumar
    Administrador
    avatar
    Administrador

    Mensagens : 7753
    Reputação : 24
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1311.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1012.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1212.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/512.png

    Re: Capítulo 2 - A Entrada para o Subterrâneo

    Mensagem por Elminster Aumar em Sex Fev 24, 2017 9:53 pm


    O grupo se reuniu à volta do cavaleiro caído. Naín Darkstrider estava com o machado em mãos, prestes a dar o golpe que deceparia a perna de Johan; Belediel, a elfa, estava dando colo pro cavaleiro e esperando a hora de usar toda a sua sabedoria para estancar o ferimento o mais rápido que pudesse; já o kobold Darksol tinha em suas mãos um pedaço das vestes de Morwen que ele próprio arrancou a pedido do anão; e um pouco mais distante, mas ainda próximos, estavam Kalila e Tomdrill. Ambos aguardavam o desfecho daquela situação.

    O machado foi erguido no ar, Johan instintivamente fechou os olhos e foi então que ele sentiu o duro golpe de Naín; ele sentiu seus músculos, carne e ossos serem cortados de uma vez só, dado o ataque brutal do anão, e era inevitável gritar. Mesmo com um pano na boca, o som de seus gritos abafados ecoavam pelas galerias do Subterrâneo. Belediel fez Johan beber a poção de cura dada por Naín, e logo depois começou a fazer um curativo na perna decepada do cavaleiro. Ela amarrou o pedaço das vestes da drow no lugar em que acontecera o corte, afim de estancar o ferimento. O pano rapidamente tornou-se vermelho, encharcado de sangue. Mesmo aos cuidados de uma experiente sacerdotisa, Johan perdera toda a noção do que estava acontecendo ao seu redor, embora ele ainda estivesse consciente. Enquanto agonizava de dor, suas memórias se voltavam a um tempo remoto, numa era de sangue e mortes, de raiva e de intolerância, e ele recordou-se de um nome há muito esquecido, um nome que representava toda a dor dessa vida antepassada...

    O nome era Cízar Eckhart.

    Johan desmaiou em seguida. A perna dele estava ali, decepada, e agora o grupo precisava de forças para conseguirem sair dali. Os gritos do cavaleiro muito provavelmente teriam chamado a atenção das terríveis feras que habitam a escuridão do Subterrâneo. Sem chegarem a um consenso sobre o que fazer com a drow, o grupo deixou o seu corpo ali mesmo. Drows eram odiados por todas as raças do Norte, e apesar de Morwen nunca ter feito nada que lembrasse as atitudes de um elfo negro, não podia-se dizer que ela era confiável. Até mesmo Alustriel poderia ter se enganado a seu respeito, a respeito os drows eram muito ardilosos... Sendo assim, o único que teve que ser carregado foi Johan. Liderados por Kalila, o grupo andou por cerca de duas horas até finalmente encontrar uma saída para a superfície.

    Quando a luz do sol voltou a recair sobre os seus rostos, eles tiveram a certeza de que fizeram a decisão certa. As consequências do fracasso dessa missão, como o destino de Nerók e o não conhecimento das intenções dos elfos negros em relação a guerra, eram imprevisíveis. Pelo menos os membros da Comitiva das Fronteiras estavam vivos, e com sorte, Johan conseguiria recuperar sua perna em Lua Argêntea, a Gema do Norte.
    Conteúdo patrocinado


    Re: Capítulo 2 - A Entrada para o Subterrâneo

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Qui Set 21, 2017 2:02 am