Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    Season 1 - What defines...

    Compartilhe
    Lannister
    Samurai Urbano
    avatar
    Samurai Urbano

    Mensagens : 101
    Reputação : -9

    Re: Season 1 - What defines...

    Mensagem por Lannister em Qua Maio 10, 2017 1:59 pm


    ... a true heroine?



    As palavras de Patel soavam como um tipico discurso pré fabricado. Todas as frases de efeito motivacionais estavam inseridas ali, ele talvez fosse ingenuo o suficiente para acreditar que esse tipo de apoio curaria as feridas de Elizabeth, porém ela apenas tomava goles longos de café enquanto fechava o olhos e respirava fundo tentando afastar os pensamentos ruins. Porém como esperado tudo era sobre ele, era um homem de negócios , não um amigo, Elizabeth não possuía mais amigos, apenas pessoas que precisavam dela, assim como Patel naquele momento.

    -Poupe-me desse discurso vazio Patel, você não faz ideia do que estou passando e o que passei, você enrolou e enrolou com essas frases motivacionais, mas ainda não disse o que veio fazer aqui.

    Elizabeth lembrou dos anos que passou na prisão, junto com vilões e bandidos que ajudou a prender, humilhações, noites sem dormir. Ela não tinha mais forças para revidar, pois toda a força que tinha era direcionada par ao seu luto e força de vontade para não ser tornar uma vilã como eles. Qualquer reação sua ali dentro prolongaria sua pena e era exatamente isso que seus inimigos desejavam, destruí-la por dentro já que não conseguiam destruí-la por fora. Apenas a lembrança dos seus amores faziam com que Lady Paragon manter-se sã dentro do inferno que sua vida se tornara e em todas as visitas eram sempre essas mesmas frases e promessa de que ele iria tira-la de lá e isso nunca veio até que o habeas corpus saiu após 5anso e ela saio de um inferno para outro...

    Elizabeth colocou a xícara sobre o balcão e respirou fundo tentando segurar as lágrimas- Vá embora, apenas vá embora e me deixe em paz, Lady Paragon morreu junto com aquelas pessoas...-Elizabeth então virou-se e deu dois passos em direção a sala quando ouviu barulho de metal agudo, vários estalos, algo que aprecia uma arma engatilhando, virou-se para Patel que estava de costas para a janela e então om estampido, sua reação foi imediata, seus pés deixavam o solo e como uma bala abraçou Patel e virou as costas para a janela recebendo o disparo em seu corpo. Sentiu o projétil em sua pele e então olhou para Patel procurando ferimentos, seus ouvidos captaram passos correndo e ela olhou para trás em direção ao buraco deixado na janela pela arma.-Fique abaixado e ligue para a policia...Estava cansada, podia simplesmente deixar par alá, mas alguém perturbou sua paz, alguém perturbou seu luto...Elizabeth voou atravessando a própria janela do apartamento sem se importar, subiu flutuando no ar com seus ouvidos atentos ao passos correndo tentando filtrar outros sons da cidade disparando como um jato na direção do suposto atirador.

    Percepção+6
    Lannister efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
    8




    [/quote]
    Lannister
    Samurai Urbano
    avatar
    Samurai Urbano

    Mensagens : 101
    Reputação : -9

    Re: Season 1 - What defines...

    Mensagem por Lannister em Qua Maio 10, 2017 2:02 pm

    Victory Point pra Rerolar o teste

    Lannister efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
    7
    Nimaru Souske
    Mutante
    avatar
    Mutante

    Mensagens : 725
    Reputação : 16
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png

    Re: Season 1 - What defines...

    Mensagem por Nimaru Souske em Qua Maio 10, 2017 8:29 pm

    A cabeça de Shadow gira ainda mais para o lado qual estava pendendo, quase que ficando de cabeça para baixo. O som de um estralo de ossos ecoou pelo lugar enquanto sua boca curvava-se para baixo como se sentisse tristeza, mas pela posição de sua face, formava um macabro sorriso.

    - Mas é claro que não. Responde risonho aos dois que lhe perguntaram.

    Sua frase terminou ainda na formação de toda aquela luz, que logo tudo sugou. Se viu em uma composição digna de Dalí com a ousadia de Magritte. Por algum acaso vieram essas referências em sua mente distorcida. Talvez gostara da arte surrealista enquanto homem normal... ou talvez apenas confirmava a sentença: " Um loucura reconhece a outra". Andava pelos campos ásperos de pelos recém depilados que, caso possuísse pés humanos, o incomodaria muito mais ao pinicar a pele. Sem parar, girava verticalmente sua cabeça, que ainda estava virada para baixo, enquanto acompanhava os lindos e alvos rios lácteos que lhe levavam diretamente aquele local que trazia tanta paz a sua mente. Parecia se sentir em casa. Uma casa em chamas rosas que exalavam um cheiro duro tal qual provocava a sensação de "marrom" ao toque.

    Parou em frente à construção, ao mesmo tempo que sua cabeça parava na posição que seria considerada "normal". Puxa o ar por onde seria seu nariz e o solta pela boca, como se apreciasse a visita.

    - Bem mais confortável que aquela igreja, não ?

    Entrou pela porta, a fechou e bateu para avisar sua presença. O som de osso e madeira era incomodo. Transpassou o tapete com ornamentos interessantes, enquanto um brilhoso reflexo lhe cobria, vindo do teto. Seguiu rente a parede, acariciando-a com as pontas de seus dedos enquanto sentia-a se ouriçar e latidos baixos que ressoavam como o piar de uma Anta. Olhou para as três figuras no comodo e focou mais na caveira que falava sozinha que no padre que havia desmaiado.

    " Alguém que parece comigo.. não é algo comum de se ver"

    Pensou enquanto, lentamente, virava-se para o corpo caído. Escutava as lamentações das vozes ao mesmo tempo que o tapete ignorara completamente sua tentativa de transpassa-lo, sugando-o lentamente. Sua mão esquerda se ergue, com o dedo indicador para cima. Parecia pedir permissão para falar, logo após apontando para baixo.

    - ÉÉÉ... Eu acho que ele esta quebrado.

    Tudo fora engolido, até mesmo seu dedo.

    - Na verdade eu estou vendo que será ainda mais fácil. Respondeu baixinho logo após o grito da Loucura.

    Mal terminara de falar e logo sentira algo quente em sua cabeça. Olhou para cima o máximo que sua situação permitia e vira o pitbull.

    - Oi amigão. Quer um ossinho pra brincar ? Só desenterrar aqui.

    Falou sem dar muita importância ao animal, pois não esperava que ele o entendesse. Escutou mais uma vez as indagações das vozes e respondeu alterando sua voz.

    - Meus amigos, meus amigos, Se acalmem. Eu vim lhes oferecer uma diversão ainda maior.

    Pale vê toda aquela massa podre caindo por cima de si após toda a transformação e tenta se tornar insubstancial para evitar o ataque e\ou(caso n consiga evitar) ao menor sair do tapete qual se encontrava enterrado. Saiu frente a seu inimigo, enquanto erguia as mãos como se o chamasse.

    - Vamos começar com a festa de verdade, Putinha de Deus. Sua voz se tornara mais parecida com a da Besta.

    Sua presença exalava um ar pesado que afetaria quem o olhasse.


    Dados:


    Toughness + 8 (caso o insubstancial não salve)

    Nimaru Souske efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
    8




    Poderes:


    Presence of Wahnsinn ( 40 PP)
    *EFFECT: affliction / TYPE: attack / DESCRIPTORS: Mind,madness
    *ACTION: standard/ RANGE: area / DURATION: instant
    Rank 8
    1º degree : Vulnerable \Creeping mental influence
    2º degree: Disable\ Terror
    3º degree: Un-aware\ Insane
    Extra: Cumulative
    Progressive
    Area - Visão
    DESCRIPTION: Com seu toque, Pale consegue induzir qualquer um à
    loucura.

    Nule Dimension(24 pps)
    *EFFECT: Insubstantial/ TYPE: general / DESCRIPTORS: Mind, Madness
    *ACTION: free/ RANGE: personal / DURATION: continuous
    Rank 4 - Incorporeal
    Extra: Affects corporeal
    Continuous
    DESCRIPTION: Os limites da mente são quebrados, rachados e estilhaçados assim como os átomos ao seu redor. A loucura infecta até mesmo as leis da física.



    Jim Jones
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 181
    Reputação : 2

    Re: Season 1 - What defines...

    Mensagem por Jim Jones em Qui Maio 11, 2017 8:23 am

    Eu sentia nojo daquele puto, não é difícil que eu sinta algo do tipo por essas criaturas mal desenvolvidas, mas aquele em especial não se esforçava. Afirma como ele tratava seu próprio território, seu descuido com o seu lar, era como se a própria casa rejeitasse o bastardo. A própria morada sentia nojo dele.

    O soco inesperado me acerta como um pedregulho, so persebo o que houve quando atravesso a parede de uma senhora. Todos os músculos dessa minha forma humana doem, chega a ser difícil me mover. Eu pego novamente minha arma. Penso em usar a granada mas ela não teria muito uso agora que ele estava perto dos nossos, eles também seriam afetados pela explosão. Eu me  levanto e aponto a arma para o pedregulho, não mirava na pele, ia ser fútil a tentativa.Eu mirava no olho do maldito, talvez fosse fatal, talvez não, mas nesse momento não importa mais, é bom eu derrubar  ele.

    Ranged attack 6 Dmg 4 mirando no olho.
    Jim Jones efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
    13
    GodsCorpse
    Tecnocrata

    Tecnocrata

    Mensagens : 327
    Reputação : -3

    Re: Season 1 - What defines...

    Mensagem por GodsCorpse em Sab Maio 13, 2017 12:41 pm

    "Deuses.

    Através dos anos, aqueles entre os espaços guiavam a Humanidade. Era mais coincidência do que qualquer coisa. "Stell'bsna ee. Stell'bsna gotha. Mnahn' shuggnyth", os velhos seres diziam, vendo a inutilidade primitiva daquelas criaturas. Seus arautos mandavam construir monumentos com único propósito de provar como a Humanidade era fútil em suas conquistas.

    Até o surgimento de outros seres. Esses seres interferiam mais, tomando conta dos afazeres mortais. Ensinando eles. Punindo eles. Procriando com eles. Houve combate, mas não havia vencedores. Apenas empates e milhares de seguidores mortos como sacrifícios para esses seres.

    "Deuses" eram o que os humanos os chamaram.

    Acredita-se que eles foram expelidos da Fonte, com a mente coletiva da Humanidade gerando força e crença suficiente para gerar algo novo, algo que se identificassem. A crença foi a diferença e, com o tempo, os velhos deuses foram esquecidos.

    Como seres poderosos que eram, não precisavam de crença para sobreviver. Voltaram aos espaços para cuidarem de seus afazeres.

    Mas os Deuses... Eles precisavam continuar sendo lembrados.

    Quem vai lembrar se não precisam mais de você?"


    - manifesto de Richard Parker, 2018.




    @Balth:





    O que molda um legado?

    A pergunta pode ser encaixada em "O que molda uma pessoa?"
    O que molda uma pessoa são suas ações. É muito fácil usar palavras para demonstrar suas intenções e, por mais que sejam verdadeiras, é quando for fazer algo, realmente fazer algo, que ficará consigo.

    E, quando fizer algo que ficará para as outras pessoas, este será seu legado. O avô de Tommas deixou um, um que ainda é difícil de mudar. Pelo menos uma vez ao ano, o símbolo do Terceiro Reich está desenhado na parede de sua mansão. As câmeras não conseguiam pegar onde era e seu endereço não era fácil de encontrar. Mas alguém ainda assim conseguia fazer.

    As vezes, os tabloides resolvem tocar no assunto. Falar mal do passado, associar qualquer gosto ou atitude do bilionário com nazismo - "Porque Hitler também gostava de cachorros. Coincidência? Acho que não" - e as preferências nas celebridades que namorava (outra coincidência).

    Legado é algo... viscoso. Difícil de se livrar, difícil de moldar. Com o dinheiro que tinha, ele poderia ter iniciado outra vida, mas escolheu o mais difícil: moldar um novo.




    - Vivemos em uma era incrível. Temos acesso a um monte de tecnologias. Alguns séculos atrás diriam que é coisa da mais absurda ficção cientifica e alguns milênios atrás seriamos vistos como deuses. Super Heróis correm, voam e protegem inocentes do mal seja ele extradimensional, extraterrestre ou virando a ali a esquina roubando um banco ou uma lojinha de doces. Porém não há se pode negar que infelizmente nem supers e nem toda a tecnologia do mundo podem resolver os problemas da nossa civilização. Estamos matando nossa mãe. Os cientistas, os sérios de verdade e não os idiotas cegos que negam a verdade, dizem que em pouco tempo nosso mundo não comportara mais vida humana. Seja ela heroica ou não. Ou seja: relógio está correndo e infelizmente estamos atrasados. Então é com orgulho que eu, Tommas Ravencroft Schmitz, dono das empresas Ravencroft, aquela que infelizmente esteve do lado errado da história, mas que depois de um tempo criamos juizo, anunciamos o projeto CAEA: Colonias Auto-sustentáveis Exo-planetarias Avançadas.

    Tommas via uma de suas apresentações. As reações foram... agradáveis sim. Mas ainda era um projeto quase utópico.

    - Você já sabe minha opinião. - Angela desligou a televisão - Esse projeto é um desperdício de dinheiro e você sabe disso.

    Angela Black não tinha filtros quanto as opiniões dos projetos da Empresa Ravencroft - ou seria melhor Ravencraft agora? - e por isso que tinha a posição que tinha. Era destemida e objetiva, e via o projeto como uma cova gigante para se jogar dentro, financeiramente, claro, mas, mesmo com sucesso, ela acreditava que não serviria para nada à empresa.

    - Apenas crianças sonham em voar para as estrelas. O mundo real é aqui embaixo.

    Pode complementar a conversa como quiser




    - O mundo real é aqui embaixo amigo.

    Howard tragou o cigarro e soltou devagar. Estavam os dois no topo do Empire State Building, observando a cidade abaixo. Era uma daquelas festas solidárias e, por coincidência do destino, Castle também fora convidado.

    - Acho nobre, até muito bacana sua ideia Tommas. A gente vê o mundo e acha uma merda, mas... - beat - Por que não mudar o mundo em vez de fugir dele? É por isso que eu estou onde estou: lutando por um país melhor.

    Ele passa o braço no ombro de Tommas e o leva para dentro da festa. Uma bela ruiva passa sorrindo para Tommas e faz lhe sentir um péssimo déjà-vu.

    - Você sabe que poderia ajudar o país assim, não? Contratos militares, novos projetos, armamentos. Nós estamos do lado vencedor daquela guerra. Somos os caras legais. Seria um bom recomeço para a sua empresa. - ele revira os olhos, olha para os lados e sussurra - Eu preciso de você do meu lado, brother... O Oriente Médio está ficando mais tenso: metahumanos usados como armas de combate para pacificar áreas e não estamos prontos para isso. Eu preciso dessa tua cabeça.

    Estouro.

    - Que porra foi essa? - Howard correu para sacada junto com outros convidados da festa.

    Dava para ver a fumaça subindo pela sacada do prédio. Um prédio em chamas, não muito longe dali.

    - Alguém ligue para a polícia. - gritaram.

    Mas alguém iria.

    Alguém poderia Defendê-los.







    @balth

    Mecânica


    • Condições: Nenhuma;
    • Pontuação e Nível de Poder: 120 - 8.
    • Victory Points : 1.



    Cena


    • Localidade: Nova Iorque - Empire State Building ;
    • Data & Horário: ??? - Noite.


    @isaac-sky:



    - O que...? Não... - a cara de Philip está chocada - Meu deus... Por que ele faria isso?

    - Eu não sei. Acho que ele puxou ao pai. - Chris dá seu sorriso debochado de costume. Philipe nem vira o rosto para encará-lo de tanta raiva.

    "Mais uma palavra e ele engole elas com os dentes". Chris sabia medir as pessoas, então não falou nada, manteve o sorriso.

    - Mas eu não iria ai dentro se fosse você... Eles podem juntar os pontos.

    E nisso, infelizmente ele tinha que concordar, não ia poder arriscar a identidade do amigo. Então ficou calado. E esperou...




    -Largue isso - Apollo liberou um pouco da energia solar de seu corpo e a concentrou em suas mãos e na abertura fabricada no uniforme para esse propósito.
    Ergueu as mãos e lançou uma onda de calor intenso, como se fosse um vapor, nas luvas feitas com as ferragens do carro. Pretendia derrete-las, sabendo que o calor não machucaria Whiney.

    Whiney virou os ombros, deixando o disparo de energia acertar o chão atrás dele.

    -Whiney, ninguém se machucou. Ainda dá tempo de parar e tentar de novo, você até mesmo escolheu um carro vazio, sinto que não quer machucar ninguém. Deixe-me ajuda-lo, vamos sair dessa.

    Whiney olha para o chão por um instante, mas se vira para Apollo, saltando do chão e foi com os dois punhos para acertar o herói. Apollo sai de sua trajetória e Whiney vai ao chão, quebrando o concreto. As luzes das janelas se ligam: agora não dava para ignorar a quebradeira.

    - Não tem saída! Essa é a única vida que conheço! Lute comigo herói!







    @isaac-sky

    Mecânica


    • Condições: Nenhuma;
    • Pontuação e Nível de Poder: 120 - 8.
    • Victory Points : 2.



    Cena


    • Localidade: Nova Iorque ;
    • Data & Horário: Terça-Feira 19/11/2017 - Madrugada.


    @Jim Jones:




    No passado...

    Jharg'Ummad lembra de um pequeno raio de luz, cortando a escuridão. Lembrava dos cantos do culto em sua língua nativa. Lembrava do som dos gritos nas noite. E ainda assim, nenhum deles se prestou a tirá-lo de sua prisão. Pelos cantos, queriam invocar sua presença, mas as ignorantes tradições do culto manteve Jharg'Ummad onde estava.

    Uma noite teve apenas gritos.

    - Eu invoco a ti, Jharg'Ummad, venha em minha presença! Proteja meu ser- - o mestre ceremonista se silênciou. Mas ele ainda sentia uma presença naquele cômodo, mesmo após do que soou ser uma chacina. Os sons de seus passos eram de saltos altos.

    - [Eis aqui um dos esquecidos. Uma pena: eles estavam quase pensando em tentar abrir sua prisão, em vez de apenas rezar que você saia sozinho].

    O dialeto da voz feminina era era perfeito.

    - [Seria melhor apenas ficar ai... Para sempre, Jharg'Ummad. Você está destinado a grandes coisas... E isso é ruim.].

    Jharg'Ummad ouve algo ao fundo, um grito gutural que parecia ser do mestre sarcedote. O som se ia para um lado e outro, parecia que estava havendo um confronto.

    - Se afaste vadia! A Grande Sombra irá destruir você, praga! Jharg'Ummad entrará na Terra para à todos! infiéis! - sua respiração dava enfase às palavras, mas voltou ao silêncio novamente depois de um som viscoso ecoar pelo cômodo, tirando o som dos saltos da mulher.

    - Bem apegados. Uma pena. - terminou em inglês.

    Depois disso, silêncio por um mês inteiro.




    - Jesus Cristo. Que fedor. - Jharg'Ummad ouve tosse. Parece que alguém vomitou.

    - O que eles mantinham aqui? Olha esse monte de sangue... - Jharg'Ummad não entende o dialeto no começo, mas depois entende o inglês. Era mais primitivo que o que conhecia - NYPD! Apareçam!...




    - Filho da puta!! - Blockbuster põe a mão sobre o olho. O disparo não parece ter pego dentro da órbita, mas foi suficiente para arrancar parte da pálpebra e arranhar a testa do desgraçado.

    Com a mão no rosto, Blockbuster continua a rosnar e gemer até os outros oficiais começarem a atirar. Se vendo encurralado - e agora ferido - ele corre para o lado oposto do cômodo e, antes que pudesse alcançar a janela, o chão abaixo dele se quebra, fazendo-o cair no andar abaixo.

    Hart ajuda Johnson se levantar - Belo tiro garanhão! Agora corre! Temos que pegar ele antes que chegue na rua. Lee, acione o robô!

    - Aye aye Hart. Equipes, o alvo está tentando sair do edifício. Contornem o perímetro do prédio.







    @Jim Jones

    Mecânica


    • Condições: Dazed, -1 em Toughness;
    • Pontuação e Nível de Poder: 121 - 8.
    • Victory Points : 1.



    Cena


    • Localidade: Nova Iorque - Brooklyn - Edifício Pérola, 6º Andar;
    • Data & Horário:  Segunda-Feira 18/11/2017 - Noite.


    @Lannister:





    - Bem vindo senhoritas para os próximos piores anos da sua vida.

    Disse o guarda para as garotas em fila. O quarteto estava saindo do ônibus quando Elizabeth tropeçou, quase caindo e puxando as outras amarradas no cordão de correntes que as prendia pelo punho. Ela se recompõe, mas sente que o restante já estava irritado com a primeira mancada do dia.

    - Se serve de consolo, seu bando de bundões não irá ficar nem perto da ala masculina dessa prisão, então podem esquecer das visitas  às suas partes privadas. Em contrapartida, vocês tem celas especiais para comodarem da maneira mais desconfortável possível seus poderes. Como a Meltdown ali. - ele aponta para penúltima das prisioneiras, com traje radioativo cobrindo seu corpo inteiro - Aquela ali vai ficar tomando banho todo dia para abaixar a cabecinha quente dela.

    - É bom você rezar que eu não saia dela... - dentro do traje, irradiou uma luz esverdeada - Meu abraço pode ser... terminal.

    O oficial riu, Meltdown riu e então começou gritar quando seu traje disparou uma rajada elétrica que a jogou de joelhos.

    - Muito engraçado. Agora andem logo! Vocês vão tomar um banho antes de entrar na minha prisão.

    Com Elizabeth na frente, a mulher atrás dela dá um puxão na corrente, fazendo com que a heroína se atrase.

    - Vou precisar que me dê uma limpadinha entre minhas pernas, Lady. - ela sussurrou no ouvido de Lady Paragon e deu uma risadinha nojenta, uma que dava calafrios só de imaginar a malícia por trás.

    Grupo:






    Elizabeth
    Dil
    Meltdown - Miranda Patton
    Fan Cheung

    - Andem! - o guarda gritou.




    -Poupe-me desse discurso vazio Patel, você não faz ideia do que estou passando e o que passei, você enrolou e enrolou com essas frases motivacionais, mas ainda não disse o que veio fazer aqui.

    - Mas..Mas.. Não é assim! Você sabe que me importo! O que eu quero é que você viva! - ele suspira.

    Num susto, Lady Paragon toma Patel nos braços e sente a bala raspando pela sua pele resistente. Calibre forte, mas não o bastante. Patel olhou-a de volta quando a heroína procurou ver se houve ferimentos nele.

    - Nossa, como é bom te abraçar assim. - ele deu um pequeno sorriso antes de concordar com o plano de Elizabeth - Cuidado Elly.

    Elizabeth parte pela janela e confia em seus sentidos para perseguir o atacante. Não longe, no prédio ao lado, era possível ouvir o som da escada de emergência sendo pisoteada com força. Metal rangia com os saltos que a pessoa dava, tentando encurtar o caminho para o térreo. Com vôo, a Paragon conseguiu encurtar o espaço rápido suficiente para encurralar o homem de touca ninja no beco de sua fuga.






    @LANNISTER
    Mecânica

    +1 PH.


    • Condições: Nenhuma;
    • Pontuação e Nível de Poder: 122 - 8.
    • Victory Points : 3.



    Cena


    • Localidade: Nova Iorque - Apt. de Lady Paragon;
    • Data & Horário: Terça-Feira - Madrugada.


    @Lyvio:



    -Você conhece Dopu e Maui-Tiki-Tiki, eles vivem com vocês nesse mundo ou dimensão paralela?

    Comstock sorri - Eles já morreram, Annet. Não há ninguém para cultuá-los, apenas amaldiçoar sua existência.

    A "sobrancelhada" que ele deu era para Hela mesmo.

    - Acredito que esteja bastante curiosa em saber o que sou para todo esse assunto, não?

    Antes que pudesse continuar, os meliantes chegam.





    -Olhem para vocês, tão jovens e com um grande potencial desperdiçado por um desejo cego de querer conseguir as coisas mais fáceis...Vocês sabem quem eu sou? A conhecida heroína Hela, antiga e poderosa de mais para vocês! Entregue-me as armas que possuem e vão embora, caso contrário talvez eu não poupe a vida de vocês e ainda usarei seus corpos no meu exército de mortos vivos...

    O que me dizem?

    - Olha isso mano, a velhinha ta chapada! - e claramente, o rapaz também. Ele vira para o amigo e começa gesticular com a arma em direção de Hela - Bate nela. Bate nela.

    Com a coronha da arma, ele bate com ela no rosto da senhora e, nisso, Comstock se levanta instantaneamente e é recebido por balas do outro rapaz. O senhor de cartola cai sentado no banco e sua cabeça fica pendendo para trás. Pior ainda é ver o jovem se vangloriando por matar um senhor.

    - É!!! Isso é por tentar bancar o herói, velhote. E tu! Passa a grana e a coisa...

    - Bengala. - disse o outro.

    - Isso. Bengala e grana! Ou a gente te mata como o velho.

    Esse era o momento que algum super-herói deveria aparecer. E ainda assim, Nova Iorque não tem seus vigilantes bem distribuídos.

    Imagina-se quando uma cidade é a "Capital do Mundo", seria um grande aspirador de heróis e vilões diferentes. E está certo. Mas, como tudo precisa seu equilíbrio, até mesmo Hela entende que, para haver o bem, deve haver o mal. Para existir alguém que se levante contra a injustiça, injustiça deve ocorrer.

    Talvez essa seja a noite injusta para dois senhores num parque a noite. Infelizmente.

    A coronhada na cabeça de Hela dói, mas não foi debilitante. Ainda que sejam desgraçados totais, eles seguraram um pouco quando no sentido de bater uma velhinha, ainda que fosse uma que os ameaçou.







    @Lyvio

    Mecânica

    Pior que tu perdeu o teste disputado de Intimidation. Puxa vida.


    • Condições: Nenhuma;
    • Pontuação e Nível de Poder: 121 - 8.
    • Victory Points : 2.



    Cena


    • Localidade: Nova Iorque - No caminho de casa...;
    • Data & Horário: Segunda-Feira 18/11/2017 - Noite.


    @Nimaru Souske:




    A porrada da mão disforme passou reto pelo corpo de Pale, como se não houvesse nada ali. A mão-monstro solta um gurnindo nojento de seu corpo-mão de pele em carne viva. A loucura de Pale instaurava em qualquer um que encarasse sua presença e, aos poucos, até o padre era devorado por essa forma distorcida, tirando sua concentração... o quanto uma "mão gigante" pudesse se concentrar.

    Atrás, entretanto, Pale houve gritos. Ao se virar, consegue ver oficiais e bombeiros se jogando ao chão. Seus olhos eram órbitas brancas e agarravam as suas cabeças - suas mentes não os deixavam compreender o que era olhar Pale Shadow.




    Pale agora estava em um quarto branco. O chá estava servido.


    - Então, diga irmão: o que lhe trás à casa de deus?... Perdão senhor. "Deus".

    Ele elevou as mãos ao ar, saudando "o senhor". O padre estava bem vestido com as fardas do "serviço". Ainda assim, sua obesidade dava desconforto de encarar. Pale sabia que era seu irmão, mas não conseguia lembrar seu nome, nem o seu "por quê".




    Pale na igreja. Já não havia mais os seres que observavam o confronto: apenas a mão monstruosa, Pale e as vítimas de sua loucura. O fogo se alastrava, puxando abaixo algumas vigas perto dos coitados enlouquecidos. Mesmo intocável, Shadow sabe que é uma questão de tempo de seu irmão arranjar uma contra-medida: seus poderes vem do mesmo lugar, dos mesmos princípios.

    A mente não pode fugir.




    Ele comia umas torradinhas e tomou um gole de chá.

    - Então? - ele começa a tossir. A tosse agrava a cada mordida amais que ele dava nos alimentos até vomitar vermes com farelos de pão, no chão ao lado - É só me matar? Hahah cough...





    @Nimaru Souske
    Mecânica

    Por questão da ordem dos poderes que tu usou, pode ter feito Nule Dimension como uma troca entre os turnos, mas terminou agora em Presence of Wahnsinn, no que entendi.

    Resultado: 1º deegre - Vulnerable, no inimigo.


    • Condições: Nenhuma;
    • Pontuação e Nível de Poder: 122 - 8.
    • Pontos "Heroicos": 2.



    Cena


    • Localidade: Nova Iorque;
    • Data & Horário: ??? - Noite.

    Lyvio
    Semi-Deus
    avatar
    Semi-Deus

    Mensagens : 6982
    Reputação : 13
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png

    Re: Season 1 - What defines...

    Mensagem por Lyvio em Sab Maio 13, 2017 11:19 pm

    Hela não consegue intimidar os meliantes, isso dificilmente falha, mas eles pareciam chapados demais para entender e acreditar. Então o Comstock se levanta e tenta intervir, de súbito ele é alvejado por tiros e lá mesmo cai desacordado. Hela arregala os olhos abismada, ela já viu várias vezes essas coisas, mas nunca se acostumou, ainda mais agora com uma pessoa que ela acabara de conhecer e que a pouco conseguiu chamar a atenção dela. O que ele poderia saber? Quem era ele? Muitas indagações permeavam a mete da velha senhora, as palavras do homem ecoavam em sua mente e instigavam sua curiosidade.

    Quando ela olha para os garotos um deles chega e acerta sua face com uma coronhada.

    A expressão da velha fecha completamente, sua testa franze, seus olhos cerram ainda mais, a raiva a acomete....Covardes, pensava ela, o bem é sempre passivo, ele só surge quando o mal age tentando quebrar o desequilíbrio do cosmos.


    -O mal realmente é necessário e por isso mesmo o bem surge para combate-lo e manter o equilíbrio do cosmos buscando a justiça. A balança da equidade!


    Iniciativa:+10
    Lyvio efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
    8

    Caso vença:

    -Hela teleporta-se para a sombra atrás de algum árvore num raio de 9m para se ocultar dos garotos em seguida, sua escuridão sobre eles.

    Caso perca:

    -Ela entrega a bengala e assim que eles viram-se para ir embora ela lança escuridão sobre eles.

    Nimaru Souske
    Mutante
    avatar
    Mutante

    Mensagens : 725
    Reputação : 16
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png

    Re: Season 1 - What defines...

    Mensagem por Nimaru Souske em Dom Maio 14, 2017 12:33 am

    - (RISADA) PARECE QUE ESTÁ GOSTANDO DA DIVERSÃO QUE EU TROUXE, AMIGUINHO. PODE DEIXAR QUE VOU LHE DAR O SUFICIENTE PARA MERGULHARMOS AINDA MAIS NISSO... Gritou para o padre enquanto ria tal qual alguém que assitia seu programa cômico preferido. Parecia estar sentindo muita satisfação. Mas subitamente fora interrompido por barulho de gritos.

    Pale faz com que as sombras que residem embaixo de suas vestes alonguem-se até aquelas pessoas com o intuito de tira-las dali.

    " Me perdoem, não era pra vocês estarem sofrendo disso..." Por um momento parecia que o humano que já fora antes estava ali, agora. Não mais parecia que a Insanidade estava presente ali. Por pouco tempo.

    Logo viu os homens que estavam em seus espectros alongados se transformarem em xícaras de chá, recém preparadas. Sua quentura fazia com que uma pequena fumaça saísse de seu interior, exalando um xeiro de cabra no cio. Delicioso aroma.

    Shadow estava sentado olhando diretamente para a face do padre.  

    - Venho aqui oferecer assistência. Na verdade venho lhe perguntar se você tem algum interesse nisso. Tenho em minha cabeça que temos que nos unir e ajudar uns aos outros com os fardos que carregamos dentro de nós. Ainda mais quando eles são os mesmo, não concorda ?

    Todas as xícaras vão rapidamente em direção ao homem esguio, que derrama os líquidos em seu orifício ocular. Sua boca se abre e de lá sai uma pequena quantidade de vapor, liberando um som de uma locomotiva em pleno uso. Em seu rosto estava o prazer de solver o chá.


    Novamente o fogo podia ser sentido por seu tato, que agora não mais era imune ao físico. Em suas mãos agora estavam as outras vítimas de sua aparência. As sombras se esticaram por toda a igreja, tocando em cada um ali que não fosse a mão monstruosa. Aproveitou da escuridão da noite que apenas era iluminada pelo fogo e se mesclou com as sobras que este foco luminoso provocava. Afinal:"Onde a luz, ha trevas".

    Apareceu na escuridão da rua, enquanto a chuva começava a lhe molhar a roupa e sua cabeça que agora se encontrava desprotegida. Soltou todos pela calçada e rapidamente voltou para o mesmo local que estava perante o ser disforme.

    - Agora é a vez de me mostrar a sua loucura. Fui limpar um pouco esse chiqueiro para que, agora, pudéssemos provar quem merece mais esta escuridão.


    O sorriso em seu rosto era insano. Quase não cabia nos limites de sua face.

    Parecia convidativo a um ataque.




    Poderes:
    Pelo progressive -> Presence of Wahnsinn ( 40 PP)
    *EFFECT: affliction / TYPE: attack / DESCRIPTORS: Mind,madness
    *ACTION: standard/ RANGE: area / DURATION: instant
    Rank 8
    1º degree : Vulnerable \Creeping mental influence
    2º degree: Disable\ Terror
    3º degree: Un-aware\ Insane
    Extra: Cumulative
    Progressive
    Area - Visão
    DESCRIPTION: Com seu toque, Pale consegue induzir qualquer um à
    loucura.

    White Shadow ( 24 + 16 pps)
    EFFECT: Teleportation / TYPE: movement / DESCRIPTORS: Mind,shadow
    *ACTION: move/ RANGE: rank / DURATION: instant
    Rank 12
    Extra: Change direction 1
    Accurate
    Turnabout( ir e voltar no mesmo turno) 1
    increased Mass 12
    Change Velocity 1
    Change Direction 1
    Flaw: Mediun- shadows
    DESCRIPTION: As sombras são o caminho para a escuridão da mente. Fique longe das sombras, ou ele pode aparecer por lá.

    Delirium Limbs (5 PPs)
    *EFFECT: Elongation / TYPE: general / DESCRIPTORS: Mind,mystic
    *ACTION: free/ RANGE: personal / DURATION: sustained
    Rank 5
    DESCRIPTION: Os braços do delírio alcançam todos aqueles que encararem a face das sombras.

    Tentacles of the great (15 pps)
    *EFFECT: Extra Limbs/ TYPE: general / DESCRIPTORS: Mind,mystic
    *ACTION: none/ RANGE: personal / DURATION: permanent
    Rank 5
    Extra: Continuous
    Projection
    DESCRIPTION: Debaixo de suas vestes, escondem-se tentáculos negros formados por pelas trevas de uma mente perdida, prestes a consumir a todos.

    isaac-sky
    Mutante
    avatar
    Mutante

    Mensagens : 648
    Reputação : 94
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/312.png

    Re: Season 1 - What defines...

    Mensagem por isaac-sky em Ter Maio 16, 2017 1:00 am

    Por um instante Apollo imaginou como a vida poderia ser diferente para Whiney. Ele nunca pareceu ser alguém mau, ele tinha seus erros do passado mas todos possuem...até mesmo o herói solar, mesmo que fossem erros herdados.

    A situação abria os olhos de Brendan, talvez só prender os bandidos não fosse suficiente: E o que acontece depois? Como evitar que essas pessoas não caíssem nos pecados que lhes condenavam.

    "Você poderia ter sido um heroi se tivesse vivido diferente. Se a vida tivesse te tratado diferente...Vou te parar Whiney, por você"

    -Ok Whiney. Você não me dá escolha, vou te impedir antes que alguém inocente se machuque

    Nas manoplas do traje energia era concentrada. Apollo começou a voar na direção do brutamontes, num rasante preciso.

    Ergueu as palmas das mãos e lançou o raio de luz no peito de Whiney. Os raios de luz sendo lançados como se fossem um único laser.

    Laser Solar
    isaac-sky efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
    11
    Lannister
    Samurai Urbano
    avatar
    Samurai Urbano

    Mensagens : 101
    Reputação : -9

    Re: Season 1 - What defines...

    Mensagem por Lannister em Ter Maio 16, 2017 9:35 am


    ... a true heroine?




    Elizabeth olhava pela pequenos quadrados da janela, formados pela grade de proteção. Tentando ver o sol brilhar lá fora, mas apenas os seus feixes tocavam seu rosto. O ônibus balançava e sua mente buscava boas memórias para superar aquele momento triste, e normalmente o sorriso do seu filho era sua memória favorita, então o ônibus parou tirando Elizabeth do seu transe mnemônico, ela olhou na direção da frente do ônibus os guardas penitenciário gritando, dando ordens para descerem em fila e não cometerem erros, Elizabeth apenas obedeceu.

    Ela estava com medo, demorou um pouco para descer fazendo os guardas ordenarem que ela se apresasse então pisou degrau por degrau até sentir o sol atingir seu corpo, ela olhou em direção a ele
    , fechou os olhos sentindo o calor, respirou fundo sentindo a energia entrar em seu corpo, mas de olhos fechados não notou o desnível no chão tropeçando puxando toda a fila atrás dela, franziu a testa , sabia como seria sua estadia lá dentro, as coisas que ouvia eram tão horríveis quanto lá fora, porém por outro lado repetia para si mesma, ela merecia aquilo ou coisa pior. Sim ela merecia o pior.

    Sentiu a corrente ser puxada e parou olhando por cima do ombro, ouvindo uma prisioneira sussurrar no seu ouvido, Elizabeth a encarou nos olhos seria, respirou fundo e quando ouviu o Guardar ordenar novamente que seguissem, Elizabeth não teve pena e puxou a corrente com força praticamente arrastando o grupo junto com ela, continuando a andar.




    Elizabeth subiu uma altura suficiente para nãos er vista, fechou seus olhos e deixou que seus ouvidos a guiassem, filtrava o som da cidade, os ritos de ajuda, as buzinas , alarmes de carros e ambulâncias, procurava os passos que havia ouvido antes, então flutuou devagar na direção do que parecia ser passos longos e saltos, alguém estava realmente desesperado para fugir dali, quando percebeu que o fugitivo deixava o prédio e partiu como um torpedo naquela direção, flutuou no ar vendo o ser encapuzado correr por um beco, Elizabeth fecha os punhos, franze o senho, sim estava com raiva, alguém teve a audácia de perturbar sua paz, além de tentar matar Patel, isso era inadmissível.

    Então disparou novamente passando do fugitivo subindo e descendo com tudo na frente dele quebrando o piso sob seus pés, os olhos de Elizabeth brilhavam em vermelho ela então flutua em direção ao alvo respirando fundo e soltando um ar galado congelando tudo que encontrava epla frente.

    Elizabeth usou Freeze Breath
    Spoiler:
    Freeze Breath: Efeito: Affliction<8> (Flats: None Extras: Area-Cone,Alternate Resistence-Dodge Flaws: None) - 16pp
    * Descrição:Lady Paragon pode converter a energia proveniente do cosmos em um sopro tão frio quanto o espaço congelando todos que estiverem no caminho. Os alvos devem fazer um teste de Dodge ou ficarão Hindered,Immobile and Paralyzed 




    Jim Jones
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 181
    Reputação : 2

    Re: Season 1 - What defines...

    Mensagem por Jim Jones em Ter Maio 16, 2017 7:38 pm

    O que passou.

    Eu estou trancado em meu cativeiro, como um animal engaiolado, subnutrido, mas ainda viveria por mais alguns séculos sem comer.Faz parte da construção do próprio item, resistir ao tempo, sabe. Mas essa resistência só se aplica a meu corpo físico. A minha mente sente cada segundo. Cada maldito segundo que eu passo aqui. Malditos humanos idiotas, cultuando a sombra ao invés de libertar a besta. Eu tinha tomado ver as pequenas preces deles como uma distraçãona minha prisão. Uma hora eles tentariam abrir o caixão. Aí eu estaria livre.

    [Eis aqui um dos esquecidos. Uma pena: eles estavam quase pensando em tentar abrir sua prisão, em vez de apenas rezar que você saia sozinho].
    Quem está aí? Me movo no caixão que me continha. Não conseguia falar. Minha boca estava amarrada assim como meu corpo. Um grunhido é tudo que consigo tirar amarrado do jeito que estava. O rito de minhas debatidas aumentam, eu precisava sair dali, aqueles cultistas malditos tinham que me tirar dali. Não mate esses putos antes. Não!!!!

    Fazendo um esforço físico abismal consigo pronunciar algumas palavras na língua antiga -Não sou destinado... a nada. Eu devoro os... destinos. Grandes feitos... são minhas refeições. Meu futuro é... insaciável. Eu sou aquele que devora. ouço os saltos indo embora. Me recolhendo a minha silenciosa prisão.

    E depois...

    Apareçam e eu apareci, ou melhor me fiz aparecer. Me balanço dentro de minha prisão esperando que o barulho os levassem até mim. Cada vez mais o chão tremia com o peso do caixão. Cada vez em um ritmo mais acelerado. Até que eles abrem e me veem. Nu. Desnutrido. Acorrentado e amarrado. Eles me libertam, agora devo servi-los por um tempo. Essa é a lei.

    Agora...

    O tiro não pega exatamente onde eu queria, más ainda assim é bom o suficiente para chegar perto. O puto volta pra casa, ainda volta correndo, é claro que o chão não aguenta. Espero que não more ninguém embaixo dele odiaria ter que falar com a corregedoria sobre colocar os civis em risco, de novo.

    Hart vem me ajudar, eu não estou em posição de recusar ajuda. Mas também não vou deixar a oportunidade passar. Aproveitar o puto desconcertado elemento surpresa. Saco a bomba de gás do bolso e jogo direto no grandalhão. A altura me dava uma vantagem. Vamos ver se essa pele de pedra te protege do bom e velho gás.


    Jim Jones efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
    3



    Granada de Gás Lacrimogênio: Ranged Cloud Area Affliction 4 (Resisted & Overcomed by Fortitude; 1st - Dazed and Visually Impaired, 2nd - Stunned and Visually Disabled, 3rd - Incapacitated);
    GodsCorpse
    Tecnocrata

    Tecnocrata

    Mensagens : 327
    Reputação : -3

    Re: Season 1 - What defines...

    Mensagem por GodsCorpse em Sex Maio 19, 2017 10:05 pm

    @isaac-sky:



    What makes... a hero?




    Whiney urra em desafio para Apollo e abre os braços para a vinda do herói. Os raios de energia acertam o peito do inimigo, queimando a carne e o impacto quase faz o bruto cair para trás. Ele aproveita o "momentum" para descer seu soco contra Apollo, cortando o ar e acertando o chão.

    Ele grita, mais frustrado ainda, golpeando o ar. O homem antes tão confortável em seu acento da hamburgueria agora parecia estar beirando à insanidade. Cada vez que errava Apollo, ele descontava no ar, sem beleza, sem ritmo, enquanto sua pele fica mais escura em volta do hematomas que seu corpo vestia.

    - Letz... Shake... - bufou entre os dentes antes de saltar de novo e quebrar a manopla na portaria de um prédio em vez de acertar Apollo.

    - Letz... Shake!...

    Apollo ouve o som de sirenes. Logo a polícia estaria chegando para acompanhar esse confronto.







    @isaac-sky

    Mecânica

    +1 PH. You're in the right track.


    • Condições: Nenhuma;
    • Pontuação e Nível de Poder: 125 - 8.
    • Victory Points : 3.



    Cena


    • Localidade: Nova Iorque ;
    • Data & Horário: Terça-Feira 19/11/2017 - Madrugada.


    @Jim Jones:



    - Não sou destinado... a nada. Eu devoro os... destinos. Grandes feitos... são minhas refeições. Meu futuro é... insaciável. Eu sou aquele que devora.

    - Eu sou aquele que devora.






    - Droga, cuidado. Pode haver gente ali embaixo. - falou Hart, mas Lee logo retruca:

    - Ou ele passou por cima ou elas vão sair dali.

    David olha Lee com reprovação, mas o efeito da granada parece estar funcionando. Blockbuster começa a tossir e se bater contra a parede. Dt. Johnson não consegue ver pelo ângulo, mas a reação do gigante.

    Melinda põe a mão no comunicador e acena a cabeça - Sim... pode deixar. Não podemos deixar o Block chegar na rua. Ele mutou desde a última vez, disse os especialistas.

    - Como?

    - Sei lá. Fogo nele. - Lee fora mais fria que o normal para esse tipo de informação. Ela era
    das mais insesíveis quando vinha ser a respeito de meta-humanos. Lee não tinha empatia por nenhum deles.

    A equipe começa a disparar enquanto Blockbuster começa a socar a parede. Entre tosses e coçando os olhos molengas com as mangas de pedra, não serviria muito para aliviar a dor.







    @Jim Jones

    Mecânica

    Bah mano, que sofrência. Felizmente não precisa rolar para Ranged Area Effects.

    Toma um PH ai.

    Blockbuster: Dazed & Visually Impaired.


    • Condições: -1 em Toughness;
    • Pontuação e Nível de Poder: 125 - 8.
    • Victory Points : 2.



    Cena


    • Localidade: Nova Iorque - Brooklyn - Edifício Pérola, 6º Andar;
    • Data & Horário:  Segunda-Feira 18/11/2017 - Noite.


    @Lyvio:



    -O mal realmente é necessário e por isso mesmo o bem surge para combate-lo e manter o equilíbrio do cosmos buscando a justiça. A balança da equidade!

    O homem que deu a coronhada em Hela olha para a própria arma e se vira para o colega - Acho que bati nela forte demais mano...

    Os dois começam a rir e o homem da coronhada - vestido de vermelho para diferenciação - para de rir segundos depois.

    Seu colega se vira a ele - Oh... que foi?

    - Cadê a velha mano?

    Hela desaparece na distração dos dois meliantes consigo mesmos e faz a escuridão surgir sobre eles. Dali, ela consegue ainda ouvi-los.

    - Tá tudo escuro bicho! Puta que pariu!

    - Cadê tu brother? Cadê tu mano?!







    @Lyvio

    Mecânica

    Os inimigos estão vulneráveis à ti e usaram seus turnos para estarem cagados de medo.


    • Condições: Nenhuma;
    • Pontuação e Nível de Poder: 125 - 8.
    • Victory Points : 2.



    Cena


    • Localidade: Nova Iorque - No caminho de casa...;
    • Data & Horário: Segunda-Feira 18/11/2017 - Noite.


    @Nimaru Souske:



    - (RISADA) PARECE QUE ESTÁ GOSTANDO DA DIVERSÃO QUE EU TROUXE, AMIGUINHO. PODE DEIXAR QUE VOU LHE DAR O SUFICIENTE PARA MERGULHARMOS AINDA MAIS NISSO...

    A mão não respondia, apenas cambaleava, emitindo sons grossos com uma tonalidade grotesca. Pareciam arrotos prévios à uma ânsia de vômito, coerente com o estado do corpo do padre.

    Pale escapa com as pessoas da igreja. Ele não precisava, pois não era seu objetivo, mas ainda fez. Loucura precisa ter controle, até a sua.





    - Venho aqui oferecer assistência. Na verdade venho lhe perguntar se você tem algum interesse nisso. Tenho em minha cabeça que temos que nos unir e ajudar uns aos outros com os fardos que carregamos dentro de nós. Ainda mais quando eles são os mesmo, não concorda ?

    - Assistência? Você não se lembra não? Quando Nimble Jack lhe... Bem, deixe para lá. - ele puxa uma das bolachas servidas que, ao morder, liberou várias aranhas que percorreram o corpo do padre e entraram em sua pele. Ele mastiga e volta a falar de boca cheia - Essa porcaria é ótima... hummm... Bem bem... Eu quero continuar com minha igrejinha, meus... servos... É engraçado a fé, querido irmão. Ela faz com que sigamos paradigmas contraditórios e briguemos por coisas que nunca nos foram provadas concretamente. Acreditar é tão forte quanto... estar louco. E nessa casa, sou o locutor desta loucura.

    Ele se levanta da mesa.

    - E não existe coisa melhor do que isso.




    Os dedos da mão funcionam como uma combinação de pés, cavalgando para cima de Pale. A criatura não sabe os limites do poder de seu inimigo, mas salta para cima do mesmo, a fim de imobilizá-lo. Aos poucos, o calor do lugar começa a se tornar insuportável. As vigas ardentes fecham a saída e as janelas começam a quebrar pelo calor.





    @Nimaru Souske
    Mecânica

    * Resultado Progression: 1º deegre - Vulnerable, no inimigo. Resistiu o Progression.

    * Role Strength

    * +1 PH;

    • Condições: Nenhuma;
    • Pontuação e Nível de Poder: 125 - 8.
    • Pontos "Heroicos": 3.



    Cena


    • Localidade: Nova Iorque;
    • Data & Horário: ??? - Noite.


    Desculpa o atraso. Semana de trabalhos. +2pp para vocês que postaram e foram pacientes.
    isaac-sky
    Mutante
    avatar
    Mutante

    Mensagens : 648
    Reputação : 94
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/312.png

    Re: Season 1 - What defines...

    Mensagem por isaac-sky em Sex Maio 19, 2017 10:16 pm

    "Esse...esse não é o Whiney. O poder dele não era esse, esses hematomas...droga, eu tenho que acabar com isso antes que outros herois venham. Eles não vão pegar leve como eu"

    Whiney se mostrava cada vez mais instável. Mais alguns daqueles movimentos e com certeza alguém sairia ferido.


    - É uma questão de medo e reação filho. Um assaltante está com mais medo do que você. Como lidar com a mente dele que é o segredo de sair vivo. Quando um vilão ficava assustado eu mandava ele largar o trabalho...gente com medo faz coisa idiota

    Apollo se lembrou de uma das falas de seu pai. Ele tinha de trabalhar com a raiva de Whiney.

    - Isso é patético Whiney! Você vai passar a noite toda socando o ar e quebrando propriedade alheia. Você pensa que sabe quem sou eu. Vou te mostrar, colosso, quem eu sou
    Apollo ergue os dois braços, com um sutil apertar de um botão o traje forma diversos vazamentos que podem transpassar luz. Ele respira fundo e brada:

    -Na escuridão da desesperança, no frio da noite, todos vejam: Eu sou Apollo, o heroi solar! Apollo usa seu poder de iluminar, uma luz forte o suficiente para ser comparada com a luz do sol. Todos ao redor saberiam que era ele ali.

    "E se as pessoas sabem que eu estou aqui elas serão alertadas para se afastar"

    -Whiney, pare. Última. Chance

    Persuasion
    isaac-sky efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
    3
    Nimaru Souske
    Mutante
    avatar
    Mutante

    Mensagens : 725
    Reputação : 16
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png

    Re: Season 1 - What defines...

    Mensagem por Nimaru Souske em Sex Maio 19, 2017 11:09 pm

    Strength -4

    Nimaru Souske efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
    1
    Balth
    Investigador
    avatar
    Investigador

    Mensagens : 53
    Reputação : 0

    Re: Season 1 - What defines...

    Mensagem por Balth em Sab Maio 20, 2017 1:16 am

    *Tommas acordava lentamente na sua cama na mansão*...*esticava todas as partes do corpo para acordar de uma forma definitiva*--É hora do show!*tomava um breve banho,pegava seu relógio especial depois descia para o café*...*ouvia a tv da cozinha ligada estava no Good Morning America um programa de noticias nacionais e internacionais*--Bom dia pess.*percebendo que era somente seu pai a tomar café*

    --Dormiu bem pai? Cadê a Mãe?

    *Adam*--Ah sim sim...dormi feito uma pedra *dava um sorriso*--Ela foi pro Japão. Ela iria dar uma palestra sobre energia limpa ou algo assim

    *aproveitava o desjejum tostando alguns pães integrais e preparava um café colombiano*

    --Ah tá*comia um pouco enquanto via mais uma besteira gigante sendo feita pelo presidente na tv maldita cenoura psicótica como é que um cara desses consegue governar esse país?*

    *Verificava suas redes sociais (bloqueava os trolls torrando sua paciência no twitter e dava um sorriso pensando devia mandar um virus pra esses babaca mas esse pensamento logo passava já que isso seria mais motivo para o odiarem)e-mails importantes e recebeu pelo whatsapp um convite de Jack Koch para um evento beneficente a noite*
    --Hey pai..O Jack me convidou para uma festa hoje a noite bora?
    *Adam*--Ah filho..brigado..mas eu,Nicolas Newhouse e o Bill Gates vamos ver uma luta em vegas.

    *dava um breve sorriso e terminava o café*
    --Então tá..*pedia um air uber para ir ao escritorio ver projetos e projeções*

    *Próximo no fim do dia deu uma breve parada para um cafézinho afinal..ninguem é de ferro e ligo a minha smart tv coloco no youtube e aproveito para rever a minha palestra no Tedx até aparece minha vice presidente no meu escritório abruptamente*

    *Angela*--Tommas precisamos conversar!

    --Boa noite Angela..como foi seu dia?

    *Angela fecha brevemente os olhos respirando fundo e ela os abre olhando com um pouco de mau humor evitando querer descontar qualquer coisa em mim*--Bem obrigado. Mas essa não é uma visita formal. Eu preciso te exclarecer algumas coisas com você sobre o seu projeto! Ou melhor..do nosso projeto. Porque lembra naquele dia? Que você me convidou para ser sua vice?"My casa es su casa?"

    *Olho curioso*--Não..por favor me exclareça*ainda olhando para a tv*--Sobre oque você quer saber?

    *ela pega o controle da tv,desliga e coloca na mesinha de centro calmamente*
    --Sobre a minha opinião desse seu seu projeto. Apesar de que eu já te disse isso mais de um milhão de vezes a você! Esse projeto é um desperdício de dinheiro e você sabe disso.


    *volto para a minha mesa e sento na cadeira*

    --Então oque você sugere? Que criassemos armas de destruição em massa? Para um presidente que parece um bolo de cenoura? Ou quem sabe começamos a explorar crianças sub-nutridas em países sub-desenvolvidos para a produção de algum celular idiota? Daqui a pouco vai sugerir que eu...*olho para os lados e falo baixo*--Sugira a venda do meu projeto pessoal né?*volto ao tom de voz normal* --O Projeto pode até ser um desperdicio..mas é para algo maior..para um bem maior! E...

    *Ela o interrompe e ao mesmo tempo dá um meio sorriso com o comentário sobre o atual presidente*--Eu sei sei.."para salvar a humanidade e limpar o nome da familia"*ela diz entre aspas*--Eu já ouvi isso um monte de vezes...mas veja devemos ver outras alternativas! Somente apostar em um unico cavalo não é seguro! E você sabe que eu estou certa! Quem sabe..eu não sei...Já pensou em pedir a sua mãe um esboço de  projeto de energia limpa? É oque está na moda não? Talvez devessemos pedir pra ela uma..ajuda que tal?

    *Olho para ela frustado porque apesar de ser uma pessoa consideravelmente inteligente Angela era oque podiamos chamar de "maga das finanças" e solto um breve suspiro*

    --Olha Tommas..você é um grande cara me sinto honrada de ser sua vice mas sério mesmo..precisa se concentrar mais aqui na terra *deu um leve coquinho na minha cabeça* do que no lá em cima. Afinal Apenas crianças sonham em voar para as estrelas. O mundo real é aqui embaixo.


    *Depois dessa breve discussão ela sai do meu escritório para ir para casa. Já eu peço um uber para ir para a festa no endereço onde coincidentemente encontro com o meu grande amigo Howard "Red Thunder" Phillip Castle na entrada do elevador*

    *conversamos amenidades durante a breve estadia no elevador e já na festa a conversa toma os mesmos rumos sérios e patrioticos de sempre*

    - O mundo real é aqui embaixo amigo.

    Howard tragou o cigarro e soltou devagar. Estavam os dois no topo do Empire State Building, observando a cidade abaixo. Era uma daquelas festas solidárias e, por coincidência do destino, Castle também fora convidado.

    - Acho nobre, até muito bacana sua ideia Tommas. A gente vê o mundo e acha uma merda, mas... - beat - Por que não mudar o mundo em vez de fugir dele? É por isso que eu estou onde estou: lutando por um país melhor.

    Ele passa o braço no ombro de Tommas e o leva para dentro da festa. Uma bela ruiva passa sorrindo para Tommas e faz lhe sentir um péssimo déjà-vu.

    - Você sabe que poderia ajudar o país assim, não? Contratos militares, novos projetos, armamentos. Nós estamos do lado vencedor daquela guerra. Somos os caras legais. Seria um bom recomeço para a sua empresa. - ele revira os olhos, olha para os lados e sussurra - Eu preciso de você do meu lado, brother... O Oriente Médio está ficando mais tenso: metahumanos usados como armas de combate para pacificar áreas e não estamos prontos para isso. Eu preciso dessa tua cabeça.

    *respiro profundamente e levanto um dedo*--Sabe..eu adoraria cara..o problema..é que eu não gosto do seu chefe..sabe..eu odeio ceno

    Estouro.

    - Que porra foi essa? - Howard correu para sacada junto com outros convidados da festa.

    Dava para ver a fumaça subindo pela sacada do prédio. Um prédio em chamas, não muito longe dali.

    - Alguém ligue para a polícia. - gritaram.

    *Vendo toda aquele problema e percebendo que aquela era a hora de entrar em ação sacava meu smartfone para realizar um processo de hacking duplo
    desligar as câmeras de segurança e ativar o sistema de incendio junto com os sprinkler do prédio para causar uma distração pois assim poderia entrar numa sala qualquer afastada daquelas pessoas e ativaria a armadura*

    *após a ativação da armadura e abria a janela da sala aonde estava e voava em direção ao prédio em chamas com o unico pensamento em mente: "espero que não seja tarde demais"

    (Gente..desculpe a demora é que tava fazendo minha ação..não sei se está uma maravilha. Estou rolando com o bônus de +15 de tecnologia e se precisar rolar mais alguma coisa me fala)
    Rolador de Dados
    Moderador
    avatar
    Moderador

    Mensagens : 232
    Reputação : 0

    Re: Season 1 - What defines...

    Mensagem por Rolador de Dados em Sab Maio 20, 2017 1:16 am

    O membro 'Balth' realizou a seguinte ação: Lançar dados


    'd20' :

    Resultado : 19, 9
    Lyvio
    Semi-Deus
    avatar
    Semi-Deus

    Mensagens : 6982
    Reputação : 13
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png

    Re: Season 1 - What defines...

    Mensagem por Lyvio em Sab Maio 20, 2017 9:41 am

    Hela desaparece teleportando-se para outro ponto e logo em seguida aponta para os homens e tudo escurece para a visão deles, a bruxa lança sua magia de escuridão sobre eles fazendo-os ficarem desesperados e assustados, completamente cegos então ela se pronuncia:

    -Eu avisei a vocês garotos....mas vocês não quiseram me ouvir...Esse é o castigo para  aqueles criaturas como vocês, porém, sou benevolente. Ajoelhem-se, guardem suas armas e aguardem a polícia chegar para prende-los ou mato vocês! Vocês não me enxergam, mas eu enxergo vocês perfeitamente. Rendam-se e aguardem, ou serão abraçados pela morte...

    O que decidem?


    Deception para desmoraliza-los:


    +10
    Lyvio efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
    5



    Hela então teleporta-se para o Lado oposto de onde estava já que tinha denunciado sua posição e logo em seguida tira seu celular do bolso e liga para a polícia. Mesmo enquanto fala com os meliantes e a polícia Hela olhava constantemente para o senhor Comstock na esperança que ele não estivesse morto.

    É certo que ela mal o conhecia, mas não deixava de ser uma vida perdida, pior, com ele, ela poderia obter muitas informações e quem sabe tirar dúvidas acerca de sua maldição e dos seres que iniciaram isso, além é claro que um novo emprego, afinal, Hela amava o que fazia. Ensinar as pessoas.
    Nimaru Souske
    Mutante
    avatar
    Mutante

    Mensagens : 725
    Reputação : 16
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png

    Re: Season 1 - What defines...

    Mensagem por Nimaru Souske em Dom Maio 21, 2017 2:02 am

    - Acho que tenho que lhe pedir perdão, a propósito. Não ando muito bem da memória como pode ver... Enfia sua mão pela boca e a faz sair pelo todo de sua cabeça, segurando tripas que mais pareciam com a de um boi, que escorriam tinta verde. Meu cérebro não anda em boas condições como antes. Então não me recordo muito bem do que Nimble Jack tenha feito, ficaria grato se me ajudasse a lembrar. Retrai a mão, fazendo o caminho inverso que fizera para demonstrar "seu órgão".

    Observa-o comendo sua bolacha enquanto estrala seus ossos.

    - Mas ai que eu entro, Santo Homem. Sei das nuances da fé e de seu valor para nossa existência. Se levanta e começa a falar gesticulando, como em um discurso. Tanto sei, que vim até o seu interlocutor, como bem disse, para informar sobre minha oferta.


    A Besta dentro de si começou a emitir sons bastante altos que só podiam ser ouvidos em sua consciência, que podia ser descrito como um misto de gargalhada e dor.

    - Nosso pai quer que um de nós guie a humanidade para o caminho. Quer que apenas um seja o vitorioso. O Messias de seu reino. E eu vim trazer a boa nova para quem acho mais digno e preparado para exercer tal papel. Então eu gostaria de prepara-lo e assistência-lo para lidar com os outros de nós que virão à seu encontro. O que me diz ?

    Estendia a sua mão, simbolicamente, para representar a oferta que fez. Olhava fixo para os olhos do Padre enquanto girava novamente sua cabeça em 360 graus em todas as direções.

    Já no Inferno Paroquial, o Espirito humano dentro daquela carcaça óssea ainda encontrava brechas para sair e demonstrar seus valores, mas isso veio com consequências que sua mente já as aceitara e que a Loucura queria presenciar. Não pretendia que seu hospedeiro saísse vivo dali. Apenas pretendia que a Loucura mais forte restasse e frutificasse pelo mundo. A auto preservação de Pale lhe era suficiente para tentar desviar. Tornou-se insubstancial para passar completamente através daquele corpo que tentava lhe atacar, para logo se teleportar para trás do membro grotesco. De lá, sabia que o mesmo teria o impeto de procura-lo, então iria exalar uma força ainda mais forte em direção ao inimigo, vinda da retaguarda, para surpreende-lo sem ao menos estar lá.

    - Não, Querido padre. Eu pedi pra vc me mostrar ASSIM!!!

    Um grito infantil invadiu o local enquanto gemidos de prazer em tons femininos e masculinos, extremamente agudos, se misturavam para formar uma grande sinfonia. Era tão emocionante de assistir que afetaria a mente de qualquer um.

    Poderes:
    Nule Dimension(24 pps)
    *EFFECT: Insubstantial/ TYPE: general / DESCRIPTORS: Mind, Madness
    *ACTION: free/ RANGE: personal / DURATION: continuous
    Rank  4 - Incorporeal
    Extra: Affects corporeal
             Continuous
    DESCRIPTION: Os limites da mente são quebrados, rachados e estilhaçados assim como os átomos ao seu redor. A loucura infecta até mesmo as leis da física.


    White Shadow ( 24 + 16 pps)
    EFFECT: Teleportation / TYPE: movement / DESCRIPTORS: Mind,shadow
    *ACTION: move/ RANGE: rank / DURATION: instant
    Rank  12
    Extra: Change direction 1
             Accurate
             Turnabout( ir e voltar no mesmo turno) 1
             increased Mass 12
             Change Velocity 1
             Change Direction 1
    Flaw: Mediun- shadows
    DESCRIPTION:  As sombras são o caminho para a escuridão da mente. Fique longe das sombras, ou ele pode aparecer por lá.


    Delirium Grip (32 + 6 PPs)
    *EFFECT: mental blast / TYPE: ranged damage / DESCRIPTORS: Mind,madness
    *ACTION: standard/ RANGE: ranged / DURATION: instante
    Rank 8
    Extra: Affects insubstantial 2  
              Indirect 4
    DESCRIPTION: Se olhos são a janela da alma, Pale a transforma em cacos de vidro com apenas sua presença.




    Dados:


    Mental Blast

    +8 + 4

    Nimaru Souske efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
    3



    Jim Jones
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 181
    Reputação : 2

    Re: Season 1 - What defines...

    Mensagem por Jim Jones em Dom Maio 28, 2017 7:10 pm

    Hart era um bom homem, mas era um tanto quanto fraco demais, ele não entendia o que era necessário algumas vezes, meio mole. Enquanto a Lee com toda sua raiva contra os metas acabava sendo cegada as vezes. No fim tudo que eu me importava era com os resultados. Algum dano colateral seria aceitável pela central, se não ficasse muito claro que era falta de cuidado. Lidar com os metas sempre cobrava um preço alto, eles entendiam que quanto mais rápido resolvermos a situação menos dano será causado. É a granada era eficaz.

    Um tiro. Restam cinco no revólver. Após alguns meses eu tomei o costume de contar as balas. Você nunca quer ser pego sem balas contra um cuspidor de fogo ou um muro ambulante.

    - Ele mudou? Por que não falaram isso antes porra? Derruba logo esse puto. Cadê o mecha? - era fantástico o fato do maldito estar mutando. Mais um fator pra acelerar a derrubada. Cinco balas. Eu miro na cara do pedregulho espero ele abrir a boca. Tirar a mão do olho, abrir uma brecha. Então... Quatro balas estão testando na Magnum. Espero que tenha derrubado ele, estou começando a ter fome. Não fico muito amigável quando estou com fome.

    Dmg 4/ attack+6
    Jim Jones efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
    15
    GodsCorpse
    Tecnocrata

    Tecnocrata

    Mensagens : 327
    Reputação : -3

    Re: Season 1 - What defines...

    Mensagem por GodsCorpse em Dom Maio 28, 2017 10:49 pm

    @Balth:



    As luzes do salão se apagampara a surpresa das pessoas no salão, começando um momento de murmúrios e apreensão, mas com o sprinklers ligando, começou uma correria e gritaria - especialmente das mulheres e seus cabelos bem elaborados.

    Howard vira para o lado - O incêndio era lá e os sprinkers ligaram aqui... Tomm- - ele vira para não encontrar mais o amigo.

    - Ótimo. Foi o que imaginei. - com o restante das pessoas, ele sai do local.  

    Entrando nos céus com sua armadura, ela capta em rádio a comunicação dos bombeiros e da polícia.

    "Temos três pessoas presas no quarto andar."
    "Temos mais dois saindo.. rápido rápido!"
    "Não estamos conseguindo alcançar o quarto andar. É fogo demais"
    "Tiramos todo mundo menos aquela família... Que aconteça um milagre..."








    @balth

    Mecânica

    Ficou ótima a postagem Balth. +1 PH.


    • Condições: Nenhuma;
    • Pontuação e Nível de Poder: 122 - 8.
    • Victory Points : 2.



    Cena


    • Localidade: Nova Iorque - Empire State Building ;
    • Data & Horário: ??? - Noite.


    @isaac-sky:



    Não funcionou. Whiney estava longe para ouvir a razão e essa mudança estava sendo refletida em seu corpo. A escuridão dos hematomas espalhavam para pele, deixando sua pele inteira azul e seus olhos vermelhos. O que sobrou era um gigante raivoso. .

    - Letz Shake! - eram as únicas palavras que gritava.

    - Na escuridão da desesperança, no frio da noite, todos vejam: Eu sou Apollo, o herói solar!

    Diante da luz de Apollo, Whiney recua. Recua como se fosse o demônio fugindo da cruz. Ele põe a mão na frente do rosto e se joga contra a parede de um prédio, entrando no que parece ser um salão de festas vazio e vai para escuridão.

    As sirenes chegam. Os dois oficiais saem do carro com armas em punho.

    - Parado! - os policias chegam ao lado de Apollo, mas logo abaixam as armas, reconhecendo o herói - Apollo? O que está acontecendo?




    Depois de tirar dúvidas, um dos oficias se aproxima do buraco da parede enquanto o outro sinaliza para as pessoas se afastarem.

    - Acho que consigo ver algo... - ele liga a lanterna e logo é puxado para dentro da escuridão.







    @isaac-sky

    Mecânica


    • Condições: Nenhuma;
    • Pontuação e Nível de Poder: 126 - 8.
    • Victory Points : 3.



    Cena


    • Localidade: Nova Iorque ;
    • Data & Horário: Terça-Feira 19/11/2017 - Madrugada.


    @Jim Jones:



    - Esto dizendo agora. Fogo nele! - Lee descarregava o pente, com a esperança de atingir falhas da pele de Blockbuster, mas sem sorte - O mecha está a caminho: ele vai interceptar o pedregulho se ele sair do prédio.

    O rádio é passado para todos oficiais:

    - Como comunicado à dt. Lee, Blockbuster tem passado por algumas alterações em seus poderes: Antigamente, considerado apenas uma powerhouse, parece que o mutante é capaz de se fundir a outros minerais semelhantes a sua estrutura, portan-

    - Portanto o puto pode se misturar com pedra, como o chão de toda Nova Iorque. - Lee interrompeu.

    - Precisamente. Por que agora ele não utilizou as paredes do prédio, entretanto, pode ser caso de-

    - Alcool. - concluiu Hart.

    - Talvez... - terminou o rádio.

    A bala de Johnson pega na nuca do indivíduo, que solta um grito assim que se pecha contra a perede. Há apenas rachaduras desta vez, então, ele começa a gritar, soando assustado:

    - Para de atirar porra! O que vocês querem?!

    Ele parece dar uma tregua, mas está pronto a tentar sair novamente.







    @Jim Jones

    Mecânica


    • Condições: -1 em Toughness;
    • Pontuação e Nível de Poder: 126 - 8.
    • Victory Points : 2.



    Cena


    • Localidade: Nova Iorque - Brooklyn - Edifício Pérola, 6º Andar;
    • Data & Horário:  Segunda-Feira 18/11/2017 - Noite.


    @Lyvio:



    Hela conseguia ver a expressão de desesperado dos jovens. Desta vez, o emponderamento que as armas poderiam dar a eles se desvaia com cada segundo que a escuridão se mantinha. E eles se rendem, largando as armas no chão.

    - NYPD, qual sua emergência?

    No que a polícia atende, Hela consegue ver o corpo de Comstock se contorcendo. A maneira que os membros giravam, era como um manequim humano sendo reposicionado para ser posto numa vitrine. As balas caem de seu peito e o corpo levanta do banco, reto e ereto.

    - Isso foi... desconfortável, como sempre.

    Hela vê, através das próprias trevas, mãos surgindo debaixo do homem que lhe deu a coronhada. Elas se agarravam nos calcanhares e o puxavam para dentro do chão. A medida que ele ia descendo - e gritando - as mãos se agarravam no restante de sua roupa e em seus cabelos.

    Imagem de Referência escreveu:

    - Por favor! Fiz o que você disse! Socorro!!.. - foram suas últimas palavras antes de ser tragado pelo chão.

    - Isso foi isso. - limpou as marcas no terno - O que fazer do outro, Hela?

    Comstock deu um sorriso ingênuo.







    @Lyvio

    Mecânica


    • Condições: Nenhuma;
    • Pontuação e Nível de Poder: 126 - 8.
    • Victory Points : 2.



    Cena


    • Localidade: Nova Iorque - No caminho de casa...;
    • Data & Horário: Segunda-Feira 18/11/2017 - Noite.


    @Nimaru Souske:



    - Acho que tenho que lhe pedir perdão, a propósito. Não ando muito bem da memória como pode ver... Meu cérebro não anda em boas condições como antes. Então não me recordo muito bem do que Nimble Jack tenha feito, ficaria grato se me ajudasse a lembrar.

    - Ah... mas isso é uma pena. - ele dá uma arregalada com os olhos quando vê o cérebro numa expressão "Oh, so much brain, so scary".


    - Mas ai que eu entro, Santo Homem. Sei das nuances da fé e de seu valor para nossa existência. Tanto sei, que vim até o seu interlocutor, como bem disse, para informar sobre minha oferta. Nosso pai quer que um de nós guie a humanidade para o caminho. Quer que apenas um seja o vitorioso. O Messias de seu reino. E eu vim trazer a boa nova para quem acho mais digno e preparado para exercer tal papel. Então eu gostaria de prepara-lo e assistência-lo para lidar com os outros de nós que virão à seu encontro. O que me diz?

    - Você quer que eu fale por nós? Pelo pai? - seus olhos parecem brilhar e sua boca começa a pender, maravilhado com o que diz.




    A criatura fica pasma novamente com suas tentativas falhas de tentar aprisionar Pale em meio de seus.... membros.A resposta de Pale é esmagadora para mente fraquejante do hospedeiro: sangue começa a escorrer dos olhos do cadáver que pendia da mão, a ponto de fazer os olhos saltarem. Tamanho o dano que a criatura só consegue se arrastar em direção de Pale. Agora já era quase impossível de sair do local. Pale tinha certeza. Era o fim para criatura com ou sem sua mão.





    @Nimaru Souske
    Mecânica

    Maravilhado, mas ainda role Persuation.

    +1 PH.


    • Condições: Nenhuma;
    • Pontuação e Nível de Poder: 126 - 8.
    • Pontos "Heroicos": 4.



    Cena


    • Localidade: Nova Iorque;
    • Data & Horário: ??? - Noite.

    Nimaru Souske
    Mutante
    avatar
    Mutante

    Mensagens : 725
    Reputação : 16
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png

    Re: Season 1 - What defines...

    Mensagem por Nimaru Souske em Dom Maio 28, 2017 10:58 pm

    Persuation
    Nimaru Souske efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
    17
    Conteúdo patrocinado


    Re: Season 1 - What defines...

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Sab Nov 18, 2017 10:55 pm