Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


  • Este Tópico está bloqueado. Você não pode editar as mensagens ou responder.

Capítulo 2 - Uma Noite na Taverna

Compartilhe
Elminster Aumar
Administrador
avatar
Administrador

Mensagens : 7836
Reputação : 33
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1311.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1012.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1212.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/512.png

Capítulo 2 - Uma Noite na Taverna

Mensagem por Elminster Aumar em Sex Jan 25, 2013 5:35 pm

- Querem ouvir uma história assustadora?

Raggeti estava sentado numa mesa na Cauda do Tritão com a companhia de velhos amigos piratas e de saborosas prostitutas indecentes. Ele levou a caneca de cerveja lentamente para a sua boca, deixando o suspense vaguear pelas mentes embriagadas de seus colegas. O som da caneca sendo depositada novamente à mesa foi o sinal de que Raggeti começaria a sua narração.

- Aposto que muitos de vocês já ouviram falar da Ilha de Ferro, o Terror dos Piratas, mas quantos de vocês já estiveram lá, eu pergunto? – Ninguém se manifestou. O contramestre, o timoneiro e o vigia do Marlin Negro estavam sentados à mesa, mas também nada disseram. Eles deixariam que seu capitão contasse toda a história vivenciada por eles na Fortaleza-Prisão. – Ninguém? Era o que eu imaginava. Rapazes, tenho uma novidade para vocês.

E assim Raggeti contou o que se passou na ilha, do pirata que morreu e voltou como um fantasma para se vingar dos guardas Sembianos, dos piratas que vinham sendo capturados e transformados em esqueletos para servir à Ilha, e do tesouro magnífico encontrado nos cofres da fortaleza. Claro, como um bom contador de história como era, Raggeti acrescentou detalhes absurdos, feitos que não existiram e uma dose extra de terror. A cera da vela posta sobre a mesa não passava de um cotoco quando ele terminou de falar.

Os piratas estavam espantados com a história de Raggeti, pois o capitão do Marlin Negro passara tanta convicção em suas palavras que só um louco iria contradizê-lo. Quando perguntado sobre como ele assumiu o posto de capitão, Raggeti falara da triste morte de Roosevelt, o Mammon, combatendo o rei fantasma, e de como ele próprio havia se vingado de seu companheiro. Outras perguntas surgiram, e Raggeti respondeu a todas sem deixar fios soltos, satisfazendo assim seus camaradas criminosos. A hora tinha passado e muito da meia-noite, e aos poucos todos foram se retirando para seus recantos dormir ou se divertir com a prostituta. Por fim, sentados à mesa, só restaram os membros da tripulação do Marlin Negro: Frac'Eido, Dyke e Hymma, além do próprio capitão.

- Ouçam minhas palavras
– dizia em voz baixa Raggeti para os outros – Amanhã essa história irá ecoar por toda a taverna, e quando os piratas voltarem ao mar ela se espalhará ainda mais, e a história de como a tripulação do Marlin Negro desvendou os segredos da Ilha de Ferro ressoará pelos quatros ventos do Mar das Estrelas Cadentes. Seremos piratas prestigiados no Mar Interior, e nunca mais passaremos despercebidos em lugar algum. Viva à fama, ao dinheiro e ao rum! Um brinde por favor.
Felarhix
Adepto da Virtualidade
avatar
Adepto da Virtualidade

Mensagens : 1753
Reputação : 0

Re: Capítulo 2 - Uma Noite na Taverna

Mensagem por Felarhix em Qua Jan 30, 2013 8:46 am

Frac se recosta na cadeira e ouve toda a história sem nada dizer e em um semblante inalterado, ele apenas ergue sua caneca especial para que as rameiras venham lhe servir um pouco mais de Rum.

O contramestre continuava com sua aperência assustadora e sua fama só almentara, torturas, mals tratos e todo tipo de maldade vagueavam por sua mente.

-Pois bem, o que faremos agora? Sabe de algum trabalho a se fazer? Não estou suportando esse maldito tédio nessa maldita taverna infestada de lesmas do mar.

O som de sofrimento e dor vaziam falta aos ouvidos dele e quanto antes tivesse de volta ao mar melhor. Maiores seriam as chances de se exigir sua intervensão.

Glemilson
Mestre Jedi
avatar
Mestre Jedi

Mensagens : 1445
Reputação : 0

Re: Capítulo 2 - Uma Noite na Taverna

Mensagem por Glemilson em Sab Fev 02, 2013 12:34 am

Dyke ouve toda à história atentamente e até ajuda em alguns detalhes o seu novo capitão, fazendo gestos e alguns sons, incrementando algumas mentiras. Quando todos saem da mesa e fica apenas a tripulação e o capitão ergue a caneca pedindo um brinde, Dyke ergue sua caneca e em seguida vira tudo em um único e longo gole. -Ao Marlin Negro diz Dyke com um sorriso no rosto, devido a farra as rameiras e tudo mais.
Elminster Aumar
Administrador
avatar
Administrador

Mensagens : 7836
Reputação : 33
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1311.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1012.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1212.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/512.png

Re: Capítulo 2 - Uma Noite na Taverna

Mensagem por Elminster Aumar em Qui Fev 07, 2013 11:16 pm

Raggeti colocou um braço amigo ao ombro do Frac’Eido ao ouvi-lo resmungar.
- Meu caro contramestre, a vida não se resume apenas a torturas e punições. Há tanta diversão em terra firme quanto em alto mar. Vá, pegue uma prostituta e tenha uma noite inesquecível. Pode deixar que eu pago pela vadia. Hoje é dia de comemorar, Frac. Amanhã começarei a traçar os próximos passos do Marlin Negro, mas não antes disso. Por falar em amanhã, já está na hora de eu ir me retirando. Até mais, rapazes.

O Capitão Raggeti saiu em companhia de uma das putas, deixando Frac e Dyke a sós (Hymma havia sumido "misteriosamente"). Mal Raggeti saíra, e o garoto Sean Dorean surgiu, como se tivesse estado à espreita durante todo o tempo. Ele usava uma roupa fina, de veludo caro e com um corselete de couro por cima, e nem parecia um pirata, e sim o filho de um fidalgote. Ele provavelmente havia comprado a roupa com o dinheiro que recebera pela excursão na Ilha de Ferro, ou talvez a tivesse roubado de algum otário nas ruas. Ele deu uma leve tossida para anunciar sua presença, e começou a falar.

- Ei, vocês dois, não possuem nada de interessante para fazer além de beber essa porcaria de cerveja? Se a resposta for sim, eu posso arranjar uma diversão para vocês, e prometo não cobrar nada por isso. Está acontecendo um verdadeiro espetáculo no mercado de escravos, e vocês precisam ver isso.
Glemilson
Mestre Jedi
avatar
Mestre Jedi

Mensagens : 1445
Reputação : 0

Re: Capítulo 2 - Uma Noite na Taverna

Mensagem por Glemilson em Sex Fev 08, 2013 11:41 pm

Dyke olha de cima à baixo as roupas do garoto e começa a gargalhar, um pirata querendo ser um fidalgo. Dyke balança a cabeça negativamente com um sorriso no rosto e ouve o que o rapaz tem à dizer e em seguida lhe responde - Não há nada no mundo melhor do que rum e mulher hahahaha. Dyke bebe um pouco mais e continua - E o que teria de tão bom assim em um monte de escravos sujos e fedorentos? indaga o timoneiro descansando seu copo na mesa novamente.
Felarhix
Adepto da Virtualidade
avatar
Adepto da Virtualidade

Mensagens : 1753
Reputação : 0

Re: Capítulo 2 - Uma Noite na Taverna

Mensagem por Felarhix em Qui Fev 14, 2013 9:02 am

Frac então diz:

-A não ser que estejam presos a troncos para quem quiser dar algumas chibatadas neles eu vou preferir a sugestão do capitão, em arrumar um rameira dessas e levá-la para o quarto. Diga logo! O que tem lá de tão interessante?

O Contramestre dizia e por fim deu mais um gole de rum de sua caneca.
Elminster Aumar
Administrador
avatar
Administrador

Mensagens : 7836
Reputação : 33
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1311.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1012.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1212.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/512.png

Re: Capítulo 2 - Uma Noite na Taverna

Mensagem por Elminster Aumar em Dom Fev 24, 2013 8:42 am

- Se eu contar o que tem, perde a graça - diz Sean. - Vocês precisam ir lá ver com os seus próprios olhos, e ir logo antes que o espetáculo na praça termine. A única coisa que posso dizer é que envolve sangue, muito sangue - fala o garoto sorridente, olhando para o contramestre.
Felarhix
Adepto da Virtualidade
avatar
Adepto da Virtualidade

Mensagens : 1753
Reputação : 0

Re: Capítulo 2 - Uma Noite na Taverna

Mensagem por Felarhix em Ter Mar 05, 2013 8:49 am

Frac paga sua conta e diz:

-Ok, mas se estiver me chamando para algo ridículo você será minha diversão, ouviu?

Então ele pega suas coisas e acompanha o verme do mar.
Glemilson
Mestre Jedi
avatar
Mestre Jedi

Mensagens : 1445
Reputação : 0

Re: Capítulo 2 - Uma Noite na Taverna

Mensagem por Glemilson em Qua Mar 06, 2013 12:44 am

Dyke não é o tipo de homem sanguinario, só entra em uma luta de vida ou morte se realmente for necessário e não confiava muito no garoto ainda não sabia quem era o traidor que estava do lado do antigo capitão.
Dyke balança a cabeça negativamente bebe mais um pouco e pucha uma rameira qualquer que passasse ali perto e diz:
- Não, prefiro ficar aqui com uma dessas haha Dyke diz isso envolvendo a mulher em seus braços.
Elminster Aumar
Administrador
avatar
Administrador

Mensagens : 7836
Reputação : 33
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1311.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1012.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1212.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/512.png

Re: Capítulo 2 - Uma Noite na Taverna

Mensagem por Elminster Aumar em Sab Mar 16, 2013 11:28 am

Sean dá de ombros diante da recusa do timoneiro, e sai da taverna com Frac ao seu encalço. Eles passam por ruas estreitas e sujas, e mais à frente o contramestre começou a ouvir o barulho característico do mercado de escravos da ilha. Mas gritos agourentos - ou doces aos ouvidos cruéis do Frac'Eido - também eram percebidos no mercado: gritos de dor.

Já era bem tarde da noite e o mercado não deveria estar tão movimentado. Mas um grupo bem grande de pessoas estavam envolta de uma praça, algumas com caras assustadas, outras com caras de satisfação perversa. Uma estátua de um antigo Rei Pirata (um dos 77 reis que governaram os piratas há muito tempo atrás em Portão Ocidental, entre os anos de 257 até 429 CV) estava ali perto, e tanto Sean quanto Frac se aproveitaram para subir nela para ter uma boa visão do que estava acontecendo no centro da praça.

A primeira coisa que o contramestre viu foi uma figura bem alta, com roupas rasgadas e uma espada ensanguenta à mão. A lua estava encoberta pelo esporão alto da ilha, de modo que havia pouca luz ali e Frac não conseguia enxergar direito seu rosto. Apenas seus dentes eram visíveis, pois parecia que estava rindo. De qualquer modo, não dava para negar que havia um aspecto um tanto assustador naquele homem.

Atrás dele estava uma fila de escravos, todos sem exceção com caras de extremo pavor, como se estivessem vendo o Senhor dos Mortos ali para buscá-los. E quando Frac viu o que tinha no chão, achou que era isso mesmo que eles estavam vendo ou pressentido. Vários corpos estavam caídos, com partes do corpo arrancadas, dilaceradas e rasgadas, formando uma enorme poça escarlate. Além do pirata que parecia comandar as ações, haviam outros piratas perto dele, mas estes ficavam escondidos às sombras de seu capitão.

- O que está acontecendo? - um marujo qualquer chegara perto da estátua onde Sean e Frac estavam ancorados, querendo informações sobre "o que é que estava pegando".

Sean respondeu com um sorriso no rosto:
- Um capitão vil e cruel comprou uma penca de escravos e os está matando com golpes de espada.

- Isto é errado. Alguém precisa pará-lo - contrapôs o homem.

- Tecnicamente ele está no direito dele. Pagou pelos escravos com ouro legítimo, portanto os escravos são de posse dele e tem o direito de fazer o que quiser com eles.

- Mas matá-los? Qual o propósito disso? Por que alguém gastaria seu dinheiro por uma pilha de corpos sem vida?

- Aí que está a questão, não é mesmo? Por que? Qual o seu palpite Frac? - pergunta o garoto.

Enquanto isso, Dyke estava levando a garota prostituta para o seu quarto, onde teria uma noite de prazer e sem preocupações.
Felarhix
Adepto da Virtualidade
avatar
Adepto da Virtualidade

Mensagens : 1753
Reputação : 0

Re: Capítulo 2 - Uma Noite na Taverna

Mensagem por Felarhix em Seg Mar 18, 2013 9:25 am

Frac abre um sorriso e sem perder de vista a cena que ocorria responde:


-Ora, daqui parece bem divertido. Eu não havia pensado nisso antes, talvez porque nunca precisei. Sempre tive alguns porcos imundos desordeiros para satisfazer as minhas vontades. E pelo visto isso realmente não fere em absolutamente nada do código.


Ele então olha para Sean e diz:

-Até que enfim você deu uma idéia que preste sua lesma do mar.


E em seguida volta seu olhar para a diversão.

Elminster Aumar
Administrador
avatar
Administrador

Mensagens : 7836
Reputação : 33
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1311.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1012.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1212.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/512.png

Re: Capítulo 2 - Uma Noite na Taverna

Mensagem por Elminster Aumar em Seg Mar 18, 2013 5:04 pm

- Eu disse que você iria gostar - disse Sean satisfeito consigo mesmo, também voltando sua atenção em direção ao centro da praça ensanguentada.

Um novo escravo se adiantou e ficou em evidência. Ele tremia e seu olhar era de súplica para todos os que estavam assistindo àquele "espetáculo". Era um elfo do mar. A voz do capitão rasgou o ar da noite: era uma voz entrecortada e recheada de maldade.

- Este é mais um cuja alma pertencerá para sempre ao Capitão Sinistro e servirá no Desmorto com lealdade e afinco. A morte prematura não é nada para quem busca navegar pelo mar por toda a eternidade.

Desta vez foi o grito do elfo do mar que cortou o ar ao ter seu coração perfurado pela lâmina do capitão. Ele morreu na hora, com o rosto a revelar sua última expressão em vida: pavor. Outros escravos foram chamados, e todos foram mortos, cada um de uma maneira diferente. Pela cara de desgosto de Sean, ele estava começando a não gostar daquilo.

- Frac, acho que seria uma boa hora de nos retirarmos. E... acredito que o nosso capitão vá querer saber disso.
Felarhix
Adepto da Virtualidade
avatar
Adepto da Virtualidade

Mensagens : 1753
Reputação : 0

Re: Capítulo 2 - Uma Noite na Taverna

Mensagem por Felarhix em Ter Mar 19, 2013 9:20 am

Frac ouve mais uma sugestão de Sean e diz:


-Agora que a coisa está ficando interessante. Acho que deve ter mais uns dois ou três vermes para morrer ainda. Vamos assistir um pouco mais, depois falamos com o capitão.


O contramestre alternava em olhar a cara de espanto dos que ali estavam presenciando toda a diversão bem como a cara dos vermes mortos. Com certeza aquilo o estava divertindo.
Elminster Aumar
Administrador
avatar
Administrador

Mensagens : 7836
Reputação : 33
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1311.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1012.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1212.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/512.png

Re: Capítulo 2 - Uma Noite na Taverna

Mensagem por Elminster Aumar em Dom Mar 24, 2013 11:04 am

O garoto fez um muxoxo qualquer e continuou ao lado do Frac observando o "espetáculo". O contramestre certamente estava explodindo de felicidade e a matança pública servia como uma inspiração para novas crueldades com os marujos desobedientes. Os últimos escravos foram chamados pelo Capitão Sinistro, e todos foram mortos a sangue frio. Chegou a hora de Frac e Sean retornarem para a Cauda do Tritão.

O caminho até lá estava escuro e silencioso. Já era tarde da noite e a maioria dos criminosos da ilha estavam repousando ou se divertindo com uma mulher numa cama quente, como era o caso de Dyke. Foi quando estavam atravessando uma rua estreita e aparentemente deserta é que eles ouviram o som de uma lata de lixo cair no chão e viram três homens surgir por detrás de uma parede. Eram homens de estatura mediana, vestindo armaduras de couro por baixo de seus trajes de piratas. O do meio, um cara com um fino e longo bigode e um cabelo amarrado em um rabo-de-cavalo, apontou para Sean, que por sua vez engoliu em seco.

- Aí está você moleque de merda - disse o homem ao mesmo tempo em que retirava uma adaga escondida. - Essa roupa é nossa, você não tinha o direito de tirá-la de nós. - Agora ficava claro que a roupa de fidalgote que Sean estava vestindo fora de fato roubada. Os três homens deram alguns passos para frente, todos com expressões ameaçadoras. Sean, por sua vez, deu um passo para trás, se escondendo atrás do corpo do contramestre. "Me ajude", sussurrou quase que implorando o garoto.
Felarhix
Adepto da Virtualidade
avatar
Adepto da Virtualidade

Mensagens : 1753
Reputação : 0

Re: Capítulo 2 - Uma Noite na Taverna

Mensagem por Felarhix em Seg Mar 25, 2013 8:57 am

Ai que delícia, estou em um grande dilema agora. Não sei o que seria melhor para eu Frac'Eido neste momento. Ver você apanhar um bocado ou esfolar esses vermes usando algumas técnicas que acabei de aprender.

Diz o contramestre com um sorriso malefico estanpado no rosto:

-Acho que por ter me proporcionado aquele espetáculo agora a pouco eu vou ajudá-lo.


Então volta sua atenção para os inimigos e retirando seus flagelos presos ao cinto e agitando-os no ar ele diz:

-Olá suas malditas lesmas do mar. Meu nome é Frac'Eido e já devem ter ouvido sobre mim. Acho que ficarão felizes por serem meus objetos de tortura.

Ele avança e ataca o que tinha a adaga:
Ataque:

+5/+4
Felarhix efetuou 2 lançamento(s) de dados (d20.) :
2 , 15

Dano +3/+3
Felarhix efetuou 2 lançamento(s) de dados (d8.) :
2 , 5
Elminster Aumar
Administrador
avatar
Administrador

Mensagens : 7836
Reputação : 33
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1311.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1012.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1212.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/512.png

Re: Capítulo 2 - Uma Noite na Taverna

Mensagem por Elminster Aumar em Seg Mar 25, 2013 8:16 pm

ATAQUES:

Primeiro homem da adaga contra Frac:
Elminster Aumar efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
3

Dano:
Elminster Aumar efetuou 1 lançamento(s) de dados (d4.) :
3

O segundo homem sacou uma espada curta e atacou Frac também:
Elminster Aumar efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
14

Dano:
Elminster Aumar efetuou 1 lançamento(s) de dados (d6.) :
4

O terceiro homem arremessou uma azagaia no Sean:
Elminster Aumar efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
10

Elminster Aumar efetuou 1 lançamento(s) de dados (d6.) :
3

Sean Dorean atacou (+4) com a sua besta o homem da azagaia:
Elminster Aumar efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
7

Dano:
Elminster Aumar efetuou 1 lançamento(s) de dados (d4.) :
1
Elminster Aumar
Administrador
avatar
Administrador

Mensagens : 7836
Reputação : 33
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1311.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1012.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1212.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/512.png

Re: Capítulo 2 - Uma Noite na Taverna

Mensagem por Elminster Aumar em Seg Mar 25, 2013 8:24 pm

Sean Dorean respirou aliviado ao ver que Frac o ajudaria. Afinal de contas o contramestre não era tão ruim assim, deve ter pensado o garoto. Frac'Eido deu um passo à frente e atacou com o seu chicote o homem dianteiro da adaga. O primeiro golpe ele errou por muito, mas o segundo atingiu a mão do homem, que não largou a adaga e tentou enfiá-la no flanco do contramestre, mas a adaga parou em sua armadura de malha. Um segundo homem surgiu para combater Frac, desta vez a figura vinha com uma espada curta, mas novamente a arma parou em sua armadura.

O que ficara para trás sacara uma azagaia e tentara atingir Sean, mas o arremesso não foi bem calculado e acabou acertando às costas do homem da espada curta, que gritou de dor. Sean Dorean riu e disparou com a sua besta de mão, mas a flecha passou longe.

Situação:
Frac'Eido, o contramestre: Inteiro.
Sean Dorean, o menino-ladrão: Inteiro.
O líder do trio com a adaga: Levou 8 de dano.
O infeliz da espada curta: Tomou 4 de dano.
O péssimo de pontaria com a azagaia: Inteiro.
Felarhix
Adepto da Virtualidade
avatar
Adepto da Virtualidade

Mensagens : 1753
Reputação : 0

Re: Capítulo 2 - Uma Noite na Taverna

Mensagem por Felarhix em Ter Mar 26, 2013 8:26 am

Frac continua atacando:

Ataque:

+5/+4
Felarhix efetuou 2 lançamento(s) de dados (d20.) :
20 , 13

Dano +3/+3
Felarhix efetuou 2 lançamento(s) de dados (d8.) :
4 , 3
Felarhix
Adepto da Virtualidade
avatar
Adepto da Virtualidade

Mensagens : 1753
Reputação : 0

Re: Capítulo 2 - Uma Noite na Taverna

Mensagem por Felarhix em Ter Mar 26, 2013 8:43 am

Critico:

+5
Felarhix efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
8

Dano Extra
+3
Felarhix efetuou 1 lançamento(s) de dados (d8.) :
1
Elminster Aumar
Administrador
avatar
Administrador

Mensagens : 7836
Reputação : 33
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1311.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1012.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1212.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/512.png

Re: Capítulo 2 - Uma Noite na Taverna

Mensagem por Elminster Aumar em Ter Mar 26, 2013 6:42 pm

ATAQUES:

Homem de espada curta:
Elminster Aumar efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
19

Dano:
Elminster Aumar efetuou 1 lançamento(s) de dados (d6.) :
2

O homem da azagaia contra Sean:
Elminster Aumar efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
7

Elminster Aumar efetuou 1 lançamento(s) de dados (d6.) :
1

Sean Dorean ataca (+4) com a sua besta o homem da azagaia:
Elminster Aumar efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
7

Dano:
Elminster Aumar efetuou 1 lançamento(s) de dados (d4.) :
2
Conteúdo patrocinado


Re: Capítulo 2 - Uma Noite na Taverna

Mensagem por Conteúdo patrocinado

  • Este Tópico está bloqueado. Você não pode editar as mensagens ou responder.

Data/hora atual: Dom Nov 19, 2017 6:53 am