Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    1 - [Suporte] Trama

    Compartilhe
    Fenris Andriel
    Investigador
    avatar
    Investigador

    Mensagens : 53
    Reputação : 4

    1 - [Suporte] Trama

    Mensagem por Fenris Andriel em Qui Jun 29, 2017 11:16 am



    Chigiri no Sato.


    O silêncio era o único que ousava se manifestar durante a cerimônia.

    Toda a vila estava presente ante o grande descampado envolto pela névoa espessa. Múltiplas lápides negras despontavam aqui e ali, como se fossem pequenas ilhas milimetricamente enfileiradas em um mar verde e viçoso, de folhas que pareciam estagnadas em seus renovos verde oliva.

    A do Rokudaime Mizukage tinha a forma de sua eterna companheira, Hiramekarei, e estava ao lado da de seus companheiros, membros da elite espadachim de Kirigakure.

    Os quatro Kage’s, com sua famílias e os amigos que haviam lutado com Chojurou na quarta guerra ninja, encontravam-se na ocasião, todos sem seus chapéus, mostrando total respeito pelo amigo que encontrara seu fim tão jovem, como já era de praxe na vida shinobi. Havia indignação e preocupação na face dos mais experientes, já imaginando o que aquele ataque poderia significar.

    Ver a lápide de tão amado governante trazia consigo emoções conflitantes: Uns pranteavam, lágrimas que desciam silenciosas pelas faces pálidas; Outros temiam, as pupilas dilatadas de pavor,  marca daqueles que presenciaram a batalha cruel; Havia aqueles cujas as sobrancelhas quase se encontravam, tal eram as rugas de raiva, a sede de vingança que nutriam pelo misterioso assassino.

    Toda a vila estava desolada. O estranho homem, que nem se dignara a se apresentar antes de destruir toda a parte sul desde o portão até o gabinete central, roubara muito mais do que apenas a vida da Sombra da Água. Roubara a paz da aldeia.

    Após tantas gerações sofrendo pelo ódio ao diferente, perseguindo seus próprios compatriotas, sendo controlados por uma organização criminosa e sendo alvo do desprezo de outras nações, Choujurou finalmente tinha levado a vila para uma época de prosperidade e paz, com o auxílio da aliança shinobi, tentando, a todo o custo, apagar o nome Aldeia da Névoa Sangrenta da história, mas aquelas terras úmidas pareciam amaldiçoadas a viver nas trevas e haviam trago um novo inimigo, ainda mais terrível do que Madara consigo. Buscar felicidade só traria ainda maior desespero.

    - É bom que estejam todos aqui hoje. – Disse uma voz anasalada, acompanhada de um sorriso cheio de dentes serrados e afiados, formando-se a partir das gotículas de água em frente à lápide do Rokudaime Mizukage, tomando, aos poucos, uma forma humanoide.

    A turba se assustou, alguns quase correram, mas quando a silhueta do atual capitão Hozuki Suigetsu tornou-se compreensível  em seu estado quase liquefeito, todos se acalmaram. Ele meio que era famoso por esse tipo de insensibilidade, agindo segundo seu lema de cortar tudo em seu caminho, incluindo o clima de seriedade do funeral de seu companheiro espadachim.

    - Isso facilita o anúncio. – Falou e alguns anciãos olharam feio para o espadachim, que parecia não se importar. – Choujurou havia deixado a escolha do Nanadaime sobre tutela dos novos Espadachins e, depois de uma decisão quase unânime, temos o resultado. – Era possível ver como todos seguravam a respiração diante do anúncio inesperado. – parabéns Nanadaime Mizukage, Kyoya Ootori.

    Todas as faces se viraram para o médico inexpressivo, bem ao lado de Sakura Haruno, com quem discutia as condições em que o corpo de falecido líder havia chegado no hospital instantes antes da aparição do espadachim.

    Os olhos safira do escolhido fulminaram Suigetsu, que se dignou apenas a exibir seu sorriso de tubarão, convidando-o para a lápide de seu companheiro com um aceno de mão debochado. Kyoya inspirou uma vez antes de ceder as provocações do espadachim e caminhar pela multidão com o semblante impassível até parar diante da multidão, todos incrédulos com a decisão.

    O conselho dos anciãos da vila olhava irritado para o garoto, que não tinha mais do que 24 anos. Todos o conheciam: o diretor do hospital de Kirigakure, responsável por toda  ala médica durante a guerra shinobi em conjunto com Tsunade, filho do espião mestre cujas as informações permitiram que a aliança shinobi ficasse muitos passos a frente na guerra contra a Akatsuki. Era de fato um líder competente, mas aqueles que nunca o viram em combate duvidavam que pudesse defender a vila caso um ataque como o anterior acontecesse.

    A opinião geral que se abateu entre os cidadãos da névoa era que mau haviam perdido um Mizukage, já estavam destinados a perder outro.

    - Quase unânime? – Inqueriu baixo, ao lado de Suigetsu, de forma que poucos ouviram.

    - Detentor das Raigas – Sussurrou com aquele sorriso de quem implora para o dono da casa escolher  travessuras ao invés de gostosuras.

    - Ah! – Foi sua resposta, como se todos os mistérios do universo tivessem sido explicados.

    Ele leu as dúvidas estampadas na face de muitos e lamentou profundamente não ter participado mais ativamente da linha de frente na guerra. Odiava ser subestimado.

    - É um dia triste pra nossa vila. – Começou, a voz segura e audível em todas os lugares, um jutsu que fazia a voz ecoar. – Eu era discípulo do Choujurou e sou uma das pessoas que mais vai sentir sua falta. Espero contar com o apoio de todos para reconstruir nossa vila, que ele tanto lutou para tirar das trevas.  – Os semblantes foram, aos poucos, mudando. Pareciam concordar com as falas de seu novo governante.  – Quanto ao culpado... – A pausa dramática serviu para que todos sentissem o peso das palavras que viriam a seguir.  - ...Se arrependerá do dia em que pisou em nossas terras.

    Um grito ecoou em concordância uníssona, assustando os amigos que haviam vindo de outras vilas. Era algo que estava preso desde o momento que todos presenciaram as gargalhadas do assassino, um grito de revolta e dor. As palavras usadas pela turba foram aquelas que faziam o coração de muitas aldeias gelarem, que os fizeram serem desprezados por métodos tão macabros para fortalecer seus shinobis.

    “Chigiri no Sato, aldeia da névoa sangrenta.”

    Uma declaração de guerra. Um mantra de vingança.


    Naruto - Mist Rises.
    ------------------------------------------------------------------------------
    @Lilah

      Data/hora atual: Sex Out 20, 2017 5:43 pm