Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    A Torre de Marfim

    Compartilhe
    Nost
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 162
    Reputação : 7

    A Torre de Marfim

    Mensagem por Nost em Sab Nov 18, 2017 5:16 pm



           O Carrasco Covarde, a maior taberna da cidade de Mezanthi, o clima do estabelecimento era bastante agitado, tanto que até agora, antes do sol se pôr de vez, o barulho das conversas e canecos ecoavam até o lado de fora. Claro, esse movimento era justificável, afinal Mezanthi era uma cidade extremamente movimentada, localizada onde dois rios de cruzavam o comércio ali era agitado.
           Mas no canto da taberna o clima era um pouco diferente, mais quieto e silencioso, ali se encontrava um grupo inusitado de pessoas, elas tinham sido reunidas ali, por diferentes motivos, alguns por dinheiro, ou por curiosidade...


           Zaphyra tinha recém chego em Mezanthi, tinha passado um tempo na Antiga Zartar, mas as influências da sua família a alcançaram lá, agora estava na cidade dos pântanos, procurando um novo trabalho antes que seu dinheiro chegasse ao fim, não demora para contatarem a jovem, para certos grupos de pessoa sua chegada era sempre acompanhada de sua fama.


           Ainda que se sentisse desconfortável Raizen se encontrava agora protegido sobre as muralhas da civilização, tinha se perdido de seus companheiros fugitivos a três dias atrás, estavam em seu acampamento improviso quando foram atacados por algo que ele não consegue lembrar, cada vez que ele tentava alcançar a memória, ela escapava de seu foco, como se sua mente se recusasse a se lembrar. Perdido na nova cidade o Druida acabou em uma taberna agitada, chamado por alguns caras ele estava ouvindo sobre algum trabalho, ele não sabia o porque tinha aceitado o trabalho tão facilmente, mas sentia que deveria continuar.


           Bhori tem tido problemas para conseguir se sustentar, logo após seus problemas com a nobreza da cidade nenhum ferreiro o tinha aceitado em suas oficinas, e com sua própria casa e forja queimada, poucas opções restavam para ele, acabou tendo que realizar outros tipos de trabalho, o que o levava aquele momento, aceitando um tipo de missão que boa parte das pessoas da cidade não aceitariam, mas ele precisaria de dinheiro para se manter vivo e buscar sua vingança.


           Não fazia muito tempo que Hastur estava na região, mas era inevitável a ele ter sua atenção atraída para aquele grande torre de marfim que se elevava no horizonte da cidade, ele conseguia sentir a riqueza de energia que fluía dela, sua curiosidade lhe chamava para aquele lugar, e ironicamente nesses últimos dias rumores de que o feiticeiro tinha sumido estavam correndo pelas ruelas da cidade, não demorou para Hastur procurar fazer partes de um dos grupos que almejavam entrar e investigar a torre.


           No fim o motivo de todos eles estarem ali é simples, perto do portão norte da cidade se situava uma torre, ela era a morada de um dos mais ricos e poderosos homens da cidade, o feiticeiro Eliphas Levi, mas estranhamente ele não tem sido visto a muito tempo, os diferentes grupos da cidade já começaram a se agitar, mas ninguém tinha tido a coragem de entrar na torre e tomar para si os tesouros, ou mesmo para descobrir o que aconteceu.
           E isso nos leva novamente aquele canto da taberna, um homem corpulento, usando um sobre tudo e com um capuz fazendo sombra sobre o rosto coloca um mapa sobre a mesa, no papel estava detalhado os pontos mais importantes de Mezanthi, ele então colocou seu dedo sobre a torre de Eliphas e começou a explicar -Estamos contratando vocês para investigarem o que aconteceu com o Eliphas e recuperar uma certa pedra roxa, ele geralmente usava ela presa num colar. Ao falar nisso o homem colocou um saco sobre a mesa -Aqui, como prometi 40 moedas de ouro para vocês, 10 pra cada, apenas como garantia... Nesse momento, por um instante, pode se ver um sorriso sobre a sombra do capuz -Pagaremos melhor para os que retornarem.
    zignon
    Garou de Posto Cinco
    avatar
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2050
    Reputação : 49
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/312.png

    Re: A Torre de Marfim

    Mensagem por zignon em Sab Nov 18, 2017 6:17 pm

    - Bem senhor, o trabalho que está me pedindo, é a minha especialidade, porém tenho duas perguntas para lhe falar, como é seu nome? pois presumo que será nosso contato e a segunda pergunta, é: Você é o proprietário da pedra ou pretende, digamos, pega-la emprestada? Pois esta segunda hipótese encarece um pouco o preço inicial, pois eu particularmente tenho um pouco de alergia, em mexer com a lei... E a infiltradora sorri e diz: - Topo o trabalho se ajustar esse valor inicial. Mas se a pedra for sua, ai tudo bem.
    Claude Speedy
    Mutante
    avatar
    Mutante

    Mensagens : 685
    Reputação : 14

    Re: A Torre de Marfim

    Mensagem por Claude Speedy em Dom Nov 19, 2017 2:45 am

    Escondido pelas sombras de um capuz tanto quanto o nosso empregador ouço a tal Zaphira pedir nomes e exigir que a pedra seja dele... Que tipo de realidade uma mercenária pediria isso? Me sinto desconfortável e fico atento às próximas palavras dela enquanto me mantenho de braços cruzados ouvindo e meu nome não será pronunciado.

    Se perguntarem qual é, meramente me apresentarei como "inominável"
    vikinius
    Samurai Urbano
    avatar
    Samurai Urbano

    Mensagens : 123
    Reputação : 2

    Re: A Torre de Marfim

    Mensagem por vikinius em Dom Nov 19, 2017 7:23 am

    -Essa jovem está certa.Na minha situação,quero viver o mais invisível possível, por isso qualquer coisa que arrisque essa invisibilidade deve ser bem compensada,senhor.
    Simon Black
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 239
    Reputação : 10

    Re: A Torre de Marfim

    Mensagem por Simon Black em Dom Nov 19, 2017 8:38 am

    Raizen caminhara a esmo nos últimos dias. Encontrava-se mais soturno do que antes, afinal havia se separado de seus companheiros após um ataque noturno. O pior foi que não conseguia nem mesmo lembrar o que os atacara, sabia apenas que, possivelmente, era o único sobrevivente de sua vila.

    Respirou fundo, espantando aqueles pensamentos, e encarou seus companheiros na mesa. Havia chegado em Mezanthi e vagara até encontrar a taberna O Carrasco Covarde. Em seguida, encarou o homem corpulento a sua frente. Ajeitou-se sobre a cadeira enquanto o ouvia falar sobre o motivo dele o ter chamado até aquela mesa.

    Pensou no que acontecera com ele até chegar ali. Será que fora por isso que Cernunnos o mantivera vivo até ali?

    – Como é esse Eliphas Levi? – perguntou encarando o homem que os contratava – Personalidade e fisicamente... – completou, seu tom de voz era rouco e levemente baixo, como se as palavras arranhassem sob sua garganta.
    Nost
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 162
    Reputação : 7

    Re: A Torre de Marfim

    Mensagem por Nost em Dom Nov 19, 2017 5:03 pm

          O homem ouve as interrogativas de Zaphyra em silêncio, apenas após Bhori dar sua opinião é que ele começou a falar -Tinha ouvido falar bem de você mocinha… Respirou fundo, impaciente, como se tivesse que explicar algo um tanto óbvio -Mas eu apenas estou intermediando esse trabalho, e tanto para mim quanto pra vocês é melhor não sabermos muito um dos outros. Ao acabar de falar o homem levarou sua mão ao olho direito e o coçou antes de voltar a falar -Quanto ao dinheiro, imagino que não vão achar um trabalho que pague melhor, na verdade, só o adiantamento deve valer alguns meses de seus outros trabalhos. E realmente, 10 moedas de ouro para cada um era uma quantia considerável. -Mas se acham insatisfatória a quantia, posso garantir que ela nem se compara ao pagamento final...
          Antes que houvesse qualquer resposta a negociação, Raizen tomou a iniciativa e mudou o rumo da conversa ao questionar outros detalhes do trabalho. O homem sorriu ao ver que nem todos tentariam negociar e voltou a seu antigo tom mais sério -Eliphas não é de sair muito, mas geralmente enviava pelo menos uma vez por dia um de seus servos para comprar ervas e outras coisas, mas já fazem mais de três semanas que ninguém sai. Antes de continuar levou sua caneca à boca, engolindo um longo gole para refrescar sua garganta e então falou -Quanto a ele, ele é particularmente estranho, ele parece um velho homem normal, mas seus olhos, se olhar bem… Nesse momento poderia se notar que as mãos do homem tremeram, ele tossiu e voltou a falar -Mas basicamente ele é um velho, barbas longas, roupas simples, o que o difere tanto é exatamente o colar com a pedra roxa, que é o que queremos. Esperarou então qualquer outra indagação, se não houvesse mais nada a responder levantaria e deixando a bolsa de moedas sobre a mesa -Nos encontramos daqui 2 dias nesse mesmo lugar, nessa mesma mesa para a entrega e pagamento. E começaria a se afastar deixando o recém formado grupo.
    zignon
    Garou de Posto Cinco
    avatar
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2050
    Reputação : 49
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/312.png

    Re: A Torre de Marfim

    Mensagem por zignon em Dom Nov 19, 2017 6:13 pm

    Zaphyra fica pensado no que sua vida se tornou nestes últimos dias. Há três semanas atrás sua vida era de tranquilidade, a cidade de Zartar era hospitaleira, não lhe faltava serviços e dinheiro não era problema, mas a sorte não dura para sempre, contatos lhe avisaram que alguém estivera procurando uma pessoa com a sua descrição e ao verificar, viu que era seu pai com mais dois guerreiros prontos para captura-la.
     
     
    Pegou rapidamente o que pode e fugiu em tempo de ver seu pai, arrombar a porta da sua casa confortável, escondida na floresta e lembrou-se do ferreiro de Mezanthi e seu convite para ela se mudar para aquela próspera cidade, que conhecera há um ano e meio, em um serviço bem remunerado de captura de uma joia. E fazia quinze dias que chegara e seu dinheiro estava rareando, a ferraria do Bhori não existia mais e os boatos é que ele tinha entrado em rota de colisão com algum nobre e estava um tanto sumido e desempregado e sem ferraria, até que a dois dias atrás o encontrara numa rinha de galos onde apostara e ganhara um troco enganando algumas pessoas e ele lhe falou desse trabalho de pegar essa pedra ou colar de um feiticeiro desaparecido e o resto bem, vocês já sabem... 
     

    O saco de moedas estava perto da ladina, ela olha bem para ele e em um movimento rápido ela pega o saco e olhando para o contratante gordo, fala: - Desculpe a minha curiosidade em saber seu nome, vou chama-lo de tio, está bem? E meu nome, pode chamar de Sombra, pois é o que sou, quando estou lenta. Olha para todos para ver a reação dela ter pego o saco de moeda e continua com um sorriso: - Dez moedas, você terá meu esforço de dez moedas e galerinha, o que vocês sabem fazer? Precisamos preparar um plano e dividir essa grana, né? E tio daqui a dois dias prepara a grana que estarei aqui lhe esperando e olha para Bhori e dá uma piscada.
    vikinius
    Samurai Urbano
    avatar
    Samurai Urbano

    Mensagens : 123
    Reputação : 2

    Re: A Torre de Marfim

    Mensagem por vikinius em Dom Nov 19, 2017 10:50 pm

    Bhori observa o rumo que a negociação tomou e ficou com um certo desgosto interior.De fato esperava arrancar mais dinheiro daquele idiota."Sinceramente,pegar um colar por 10 moedas de ouro adiantadas,além de um pagamento muito maior depois...Dinheiro fácil!",pensou ele.
    -Espero que o pagamento total faça o risco valer a pena. Resmungou enquanto pegava o adiantamento,momento no qual a jovem dá uma piscada para ele.
    -Ei,garota!- chama calmamente enquanto se aproxima do ouvido dela.Ao chegar perto,sussurra: - Preciso que faça um pequeno favor para mim...Te explicarei lá fora.Enquanto se retira para esperar a garota na entrada da taberna,Bhori reflete sobre os últimos acontecimentos em sua vida.


    Desde que tentara enganar um nobre forjando uma relíquia falsa,sua vida virara um inferno em Terra.Simplesmente sua família fora morta de forma cruel em sua frente e,incapacitado de ajudá-las,só pudera assistir.Após isso fora queimado junto com sua casa e ferraria,mas sobrevivera milagrosamente.As queimaduras intensas em seu corpo deixaram marcas,entretanto nenhuma delas era mais profunda que a marca em seu coração.A marca do ódio.Teve que assumir a identidade de morto,apesar de alguns poucos o reconhecerem,porém nenhum desses boatos chegava aos ouvidos do nobre que o "matou".Este permanece em sua antiga cidade,procurando aumentar sua coleção de itens raros e relíquias."Por enquanto",pensava Bhorni.Ele tem treinado e procurado uma forma de se vingar de forma que este nobre se arrependesse de cada tortura feita enquanto matava sua mulher grávida.

    Após viver migrando de cidade em cidade para permanecer "morto" para o nobre,Bhorni teve seus recursos exauridos e ao procurar um emprego,encontrou uma jovem que atendera há mais de um ano atrás.A princípio estranhara alguém tão jovem carregar consigo uma atmosfera tão intimidadora,mas a atendeu com o máximo de normalidade que a situação permitiu.Reencontrá-la fez Bhorni perceber que nesse tempo ele não foi o único que teve a vida virada de cabeça pra baixo,ele notou uma atmosfera diferente naquela jovem.Agora era essa jovem que seria sua chance de fazer a missão enquanto cumpre seu objetivo de permanecer "morto".
    Simon Black
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 239
    Reputação : 10

    Re: A Torre de Marfim

    Mensagem por Simon Black em Dom Nov 19, 2017 11:36 pm

    As palavras do homem corpulento lhe trouxeram uma sensação de mau agouro. Entretanto, talvez aquela fosse uma forma de conhecer um pouco não só sobre a cidade, mas também possíveis novos conhecimentos sobre o que lhe atormenta há tantos anos.

    – Certo senhor. Aqui estarei, dentro de dois dias... – murmura vendo o homem sair de perto deles, vira-se para a mulher que se autodenominou Sombra e completa – Acredito que a primeira coisa a fazer é descobrirmos mais sobre essa Torre.
    Claude Speedy
    Mutante
    avatar
    Mutante

    Mensagens : 685
    Reputação : 14

    Re: A Torre de Marfim

    Mensagem por Claude Speedy em Ter Nov 21, 2017 10:56 am

    Um mago assustador? Certo...Quem sabe alguém que possa ensinar mais sobre os elementos que regem as forças místicas que aprendi e me proteger delas.

    Dez moedas de ouro é um preço para eles, mas vejo que há muito mais na Torre que possa me interessar. Me volto ao grupo enquanto nos afastamos e pergunto

    -Vocês tem algum plano de ação? Porque eu já imaginei como podemos entrar.
    zignon
    Garou de Posto Cinco
    avatar
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2050
    Reputação : 49
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/312.png

    Re: A Torre de Marfim

    Mensagem por zignon em Ter Nov 21, 2017 11:06 pm

    - Queridos, eu, como vocês ouviram, sou a sobra e podem me chamar assim, antes de conhecer torre ou o dono, o mago misterioso, precisamos nos conhecer, não é verdade? Não precisam dar nomes verdadeiros, não vai mudar nada se é verdadeiro ou falso, porém as nossas habilidades precisam ser conhecidas para sabermos o que podemos esperar, um do outro, pois um bom plano é o resultado da soma das suas partes... 
     
     
    Pisca para Bhori e continua, - Você, olhando para ele, como quer ser chamado e o que você faz bem? Vejo que é forte, deve ser um guerreiro, um homem de frente, de poucas palavras e ação nervosa, olha para Hastur, e fala: - Você deve ser um conjurador, fala de conhecer os mistérios do mago, porque deve ser um igual ou coisa parecida e o caladão aí, olha para Raizen, não é de muitas palavras... será um batedor? Ou daqueles que rezam para as árvores e as cabritas? Estou só especulando, para vocês se animarem a falar.
     
     

    - Uma sombra é uma sombra, eu entro e você não me vê, eu saio e você nem sabe que entrei, abro o escondido e acho o impercebível.... Sou mulher, sou frágil, sou perigosa, não sou para o seu bico. Marcou, estou lá. Confiou, está feito, mas não me engane, que está morto. Olha em volta olhando um por um: - Calma, não fiquem com medinho, só quero que se apresentem direito e então elaboramos um plano e estou ansiosa para ouvir o seu, Sr. admirador de magos. E cruza os braços e fica esperando seus cúmplices falarem.
    vikinius
    Samurai Urbano
    avatar
    Samurai Urbano

    Mensagens : 123
    Reputação : 2

    Re: A Torre de Marfim

    Mensagem por vikinius em Qua Nov 22, 2017 12:14 am

    Bhori se reteve na na porta da taverna e quando estava prestes a sair viu o homem corpulento se retirar e aquele grupo de estranhos começarem uma tentativa de comunicação."E lá vamos nós",pensou enquanto retornava para aquele grupo de estranhos,exceto,é claro,pela jovem que se denomina Sombra.Enquanto ela falava,Bhori observava que os demais possuíam certo respeito por ela.Respeito que é incomum visto que era uma das mais jovens do grupo e possuía um físico relativamente frágil.Mas tudo isso era compensado por sua atmosfera,quase que uma aura,que Bhori percebia ao redor dela."Com certeza tem muitos segredos,essa jovem",falou enquanto dava uma olhada no resto do grupo,"Não só ela,mas todos aqui têm algo escondido",observou Bhori.
    - Bem,eu sou um guerreiro de linha de frente,como você bem observou.Possuo habilidades metalúrgicas,resumindo:podem me considerar o ferreiro do grupo.Meu nome é Bhori e é importante que saibam de uma coisinha sobre mim:para a maioria das pessoas dessa cidade eu estou morto e prefiro continuar assim.Dá uma pausa e olha o mais profundo que consegue nos olhos de cada um:-Se qualquer pessoa perguntar por mim,vocês jamais me viram ou ouviram falar sobre mim.Preciso me manter "morto" para conseguir completar meu objetivo e não tolero que ninguém atrapalhe esse percurso.Respira e completa em tom mais rígido do que gostaria:-Eu sou um homem que não tenho nada mais a perder.Lembrem-se disso.Retorna o olhar para a jovem e fala em um tom amigável:-Preciso de sua ajuda para me manter invisível.Quero que ande como minha sombra e finja ser minha filha,caso perguntem.Bhori para brevemente ao falar a palavra "filha".Era notável que essa palavra causava-lhe certo desconforto.-Além disso,não sei se todos são capazes de me reconhecer após esse tempo e diversas cicatrizes desfigurando minha pele,mas preciso que haja como se fôssemos uma família de peregrinos que está apenas de passagem por aqui.Para brevemente ao perceber como esse favor é muito grande para uma desconhecida.-Se for motivar,posso pagar 1 moeda de ouro por esse favor.Depois se volta para todos:- Se algum nobre careca com barba trançada procurar saber sobre mim...Digam que nunca me viram e observem se não estão sendo seguidos.Ele é mais perigoso que podemos imaginar.
    zignon
    Garou de Posto Cinco
    avatar
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2050
    Reputação : 49
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/312.png

    Re: A Torre de Marfim

    Mensagem por zignon em Qua Nov 22, 2017 12:31 am

    Sombra ouve atentamente a proposta de Bhori e acha que é razoável o seu pedido e responde: - Papai, isso não é favor, é reconhecimento, você sempre vai proteger sua filhinha, não é? E essa moeda pode ser minha mesada, não? Nunca um pagamento. E aí? Meus tios, acho que é a vez de vocês.... Fala aí tio.
    Claude Speedy
    Mutante
    avatar
    Mutante

    Mensagens : 685
    Reputação : 14

    Re: A Torre de Marfim

    Mensagem por Claude Speedy em Qua Nov 22, 2017 9:46 am

    Sorrio oculto pela sombra do capuz e pelo rosto que estou "vestindo", em seguida respondo ao pai e filha sobre os comentários. A garota por alguma razão percebe que sou um ocultista pesar de meus esforços em me parecer com um gatuno e isso não é nada bom, significa que terei de me esforçar mais para aprender a me disfarçar como alguém igual ela. Infelizmente vou ter de confirmar e esquivar de dizer meu nome.

    -Sou sim um estudante das artes místicas, garota. Não dê atenção ao nosso ganancioso empregador, ele é só um canalha ganancioso e esta negociando pesado. Quanto ao senhor Bhori, seria sim interessante que nossa memória fosse apagada com mais uma moeda de ouro extra.


    Nunca me importei com ouro, o comércio em larga escala precisa de moedas, já eu sou um homem simples e sobrevivo praticamente de caça e agricultura com ajuda dos poderes dos grandes antigos que ignoram nossa existência. Só venho a exigir que o favor seja pago para fazer com que eles não sabiam de que minha ganância real é pelo que esse mago nos pode ensinar e bom os manter pensando que só sou um outro aventureiro querendo fazer fortuna com mais uma pilhagem. Tenho tentado há muito tempo chegar até os conhecimentos de Eliphas, mas eu precisava de mais pessoas para me ajudar nessa ação, especialmente  para que tudo pareça um mero assalto e arrombamento e que o ataque a ele pareça ser aleatório.

    E esse grupo é evidentemente até um melhor disfarce do que eu poderia conseguir sozinho.
    vikinius
    Samurai Urbano
    avatar
    Samurai Urbano

    Mensagens : 123
    Reputação : 2

    Re: A Torre de Marfim

    Mensagem por vikinius em Qua Nov 22, 2017 11:50 am

    Ouço o que o ocultista fala sobre pagamento e fico pasmo.Eu ofereci apenas à garota e isso porquê ela me fará um favor maior que os demais.Contudo deixo seguir,melhor dar um estímulo antes que aquele nobre tente comprá-los a verdade.
    - O pagamento era apenas para a garota,pois o favor dela será maior que os demais.Pagarei para ela a moeda de ouro e para os demais 5 moedas de prata para cada.Mas como garantia,apenas no final disso tudo.Falo com seriedade para cada um:Se acharem ruim o preço desse favor,considerem que não me conhecer assegura a segurança de vocês.Tenham certeza que aquele que for me procurar tem recursos para nos matar rápida e sorrateiramente,então quanto menos me conhecerem,mais estarão seguros.Faço uma breve pausa e olho para o mago extorsor:- Você tem um plano,certo?Conte-nos.Garanto que quanto mais cedo resolvermos como entrar nessa torre,mais rápido receberemos o pagamento.
    zignon
    Garou de Posto Cinco
    avatar
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2050
    Reputação : 49
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/312.png

    Re: A Torre de Marfim

    Mensagem por zignon em Qua Nov 22, 2017 8:04 pm

    A Zaphyra olha para todos, e não gosta do estudante de magia, achou que ele não recebeu com agrado o seu diagnóstico de função e entende que ele ainda esconde algo, e que cara de pau de pedir a moeda de ouro ou seria mais um subterfúgio dele? Ela pensa consigo, se ele aceitar o acordo do Bhori, é porque ele está encobrindo algo, mas se ele protestar, é porque é um filho da puta mesmo.
     
     
    E se lembra que o quarto membro não se manifestou, deve se achar superior aos demais, decide provoca-lo para arrancar algo dele: - Tio, diz apontando para Raizen, gostei do seu casaco de peles, muito da hora e você o que faz, é um ranger mesmo como penso ou um curtidor de peles? Se for quero que faça um para mim também. Estou curiosa, se vamos trabalhar juntos, precisamos se conhecer, não é? E dá um risinho provocativo.
    Claude Speedy
    Mutante
    avatar
    Mutante

    Mensagens : 685
    Reputação : 14

    Re: A Torre de Marfim

    Mensagem por Claude Speedy em Qua Nov 22, 2017 11:56 pm

    Ser perseguido por um rico mercador é um sonho perto do que esta atrás de mim, se um dia deus meramente souber que eu existo ela automaticamente destruiria nosso mundo sem esforços...

    Peço o dinheiro meramente como disfarce do verdadeiro pagamento e o espanto claro em seus olhos me deixa tranquilo em notar que gerei o efeito que eu gostaria, ele oferece um pouco menos e barganha para aceitarmos, não confirmo e nem nego, meramente continuo respondendo aos questionamentos dele.

    Noto que a gatuna tenta ler meus pensamentos, mas com a reação perdida em seus olhos somente por uma capacidade mágica perceberia minha atuação eu tento evitar de falar mais para que ela possa tentar me entender.

    Quem não fala, não diz nada. Ele que fique desconfiado de minha indiscrição.

    -Nós precisamos vigiar os servos dele que abastecem a Torre, intervir na rotina de um deles e com isso posso fazer com que algum de nós seja disfarçado como um deles. Mas quem eu fosse utilizar esse poder teria de ser uma pessoa hábil em agir de forma sutil...

    E falando isso, jogo a isca.

    zignon
    Garou de Posto Cinco
    avatar
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2050
    Reputação : 49
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/312.png

    Re: A Torre de Marfim

    Mensagem por zignon em Qui Nov 23, 2017 12:07 am

    A espiã ouve o plano do aluno de magia e fica claro que o plano é dirigido para ela e ela pensa consigo mesmo, que vai confiar nele quando a galinha criar dente, ele que é mágico que vá, meus instintos me dizem para não confiar nele... 
     
     
    Ela fala com ele: - Plano muito bom, mas tem dois defeitos, primeiro, demora muito essa observação e segundo quem entrar com tua magia de disfarce é um sério candidato a se ferrar.... Mas se você confia no plano, acho que você tem o perfil sorrateiro suficiente e já conhece de magia.
    vikinius
    Samurai Urbano
    avatar
    Samurai Urbano

    Mensagens : 123
    Reputação : 2

    Re: A Torre de Marfim

    Mensagem por vikinius em Qui Nov 23, 2017 12:13 am

    Me ofereceria para essa parte arriscada,visto que realmente não tenho nada a perder,mas não sou um dos melhores sorrateiros e creio que minhas cicatrizes dificultariam a parte do disfarce.Fiquei com receio de ele indicar a garota
    Mas percebi a engenhosidade por trás de suas palavras ao indicá-lo como principal candidato a esse plano.- A garota está certa.Se existe alguém que deve saber fazer esse plano funcionar,é você.Garanto que darei cobertura quando as lutas começarem,mas furtividade não é comigo.
    Claude Speedy
    Mutante
    avatar
    Mutante

    Mensagens : 685
    Reputação : 14

    Re: A Torre de Marfim

    Mensagem por Claude Speedy em Qui Nov 23, 2017 10:43 am

    Alguma coisa estranha existe nessa garota, fica cada vez mais claro que ela é tomada completamente pelo medo e é uma total covarde.

    Primeiro preocupada com legalidade dos bens, depois assustada com um plano simples onde toda equipe estará de prontidão dando cobertura. Como alguém pode ser tão medrosa e se dispor a esse tipo de serviço?

    Por que alguém a contratou, afinal?

    Mas guardo essa opinião para mim.

    Notei a excessiva covardia dela e justamente para que apoiassem que eu fosse na frente.

    Pelo visto sou o sujeito mais esperto do grupo... pelo menos é que parece.

    -Pois é, garota... Só é um sério candidato se for inábil em passar furtivamente. Quanto à observação não demora muito, ela já foi feita pelo nosso empregador e os horários deles já estão fixados apesar de ninguém sair há três semanas. Certamente confiarei em ter seu apoio, Bhori...


    Excelente, agora ninguém desconfiará de minhas reais ambições.
    Conteúdo patrocinado


    Re: A Torre de Marfim

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Qua Dez 13, 2017 1:22 am