Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    La Taverne du Pendu

    Compartilhe
    Makaveli Killuminati
    Garou de Posto Cinco
    avatar
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2131
    Reputação : 41
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1312.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh42.png

    Re: La Taverne du Pendu

    Mensagem por Makaveli Killuminati em Ter Fev 20, 2018 8:52 am

    Olivianna não retrucou com o elfo, pois percebeu que ambos eram teimosos demais para assumir qualquer culpa e a discussão não daria em nada. O resultado de sua busca fora frustrante, miseráveis três peças de pratas e quinze peças de cobre, uma mixaria que não cobria nada que tinha gasto. Enraivecida, a nobre orlesiana chuta o corpo desfalecido do taverneiro mesquinho por uma, duas vezes, resmungando baixinho.

    - Esse miserável não tem mais nada. Os alimentos já estão separados. Você está pronto? - Perguntou a nobre, fitando os sacos deixados em cima do balcão.

    Tudo que Olivianna tinha carregava consigo, provavelmente não voltaria mais para aquela taverna, sua estadia tinha terminado antes que o imaginado. A noite não começara da forma que planejou, mas desejava que terminasse com a sensação de missão cumprida. Tamlen não era um elfo fácil, mas Olivianna não esperava facilidade por toda tensão entre as suas raças.

    Não havia porque esconder o corpo do taverneiro, adentrando a madrugada ou ao amanhecer já se dariam conta que algo estava errado por ali, pois os hóspedes logo desceriam quando percebessem que o silêncio tomou conta do local. Apenas pela curiosidade humana que é maior que o juízo. Mesmo se quisessem, não tinham tanto tempo assim. Por sorte ninguém teriam o reconhecido. Mas era muito otimismo contar com a sorte. Terminado o roubo, seria melhor a nobre desaparecer da cidade. Não queria deixar rastros para seu irmão a encontrar. E disfarçar a origem nobre nunca fora o ponto forte de Olivianna, que apesar de ter uma mente aberta, mantinha seus trejeitos de nobres e mantinha pequenos luxos de sua vida passada.
    Garahel
    Tecnocrata
    avatar
    Tecnocrata

    Mensagens : 466
    Reputação : 42
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png

    Re: La Taverne du Pendu

    Mensagem por Garahel em Qui Fev 22, 2018 1:50 pm




    Quando Olivianna termina suas buscas, Tamlen deixa sua vigia na escada e volta a se aproximar da humana resmungante.


    - Sim, estou pronto - responde o elfo, pegando alguns dos sacos de comida para que ela não carregue tudo sozinha - Vamos logo antes que alguém resolva descer.


    Logo ambos deixam a taverna pela porta dos fundos, destrancando-a com a chave pendurada na parede ao lado. As ruas estão completamente desertas e silenciosas. Não se ouve nem mesmo passos de guardas ou qualquer coisa do tipo. É como se toda a vida tivesse se esvaído daquelas escuras vias iluminadas pela pálida luz lunar. Apesar disso, o vento traz um forte cheiro de fumaça.


    Tamlen começa a se esgueirar pelas sombras, e gesticula para que Olivianna siga-o.


    off:
    Rola Destreza (Furtividade), com uma penalidade de -1 por estar carregando sacos  bounce
    Makaveli Killuminati
    Garou de Posto Cinco
    avatar
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2131
    Reputação : 41
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1312.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh42.png

    Re: La Taverne du Pendu

    Mensagem por Makaveli Killuminati em Sex Fev 23, 2018 9:17 am

    A nobre orlesiana consentiu com a cabeça, ajudou o elfo a carregar os sacos e deixou a taverna definitivamente. A porta se fecha atrás dos dois, o que se apresenta a sua frente são as ruas vazias e silenciosas, um pouco diferente das noites de Val Royeaux. A única presença era o cheiro de fumaça trazido pelo vento, que poderia ser do aquecimento das residências ou a brasa calcinada de algum ferreiro, qualquer coisa, e se fosse algo incomum, seria até bom para a dupla se uma distração tivesse alertado os guardas.

    - Tá sentindo esse cheiro? - Olivianna perguntou baixinho, apenas por precaução. Tamlen conhecia melhor a cidade e saberia informar o quão incomum poderia ser aquele cheiro.

    A ladina seguiu o elfo e continuou o percurso furtivamente. Ambos aproveitavam os trechos mais escuros das ruas, fugindo até mesmo do pouco reflexo lunar. Tamlen não poderia ver, mas atrás dele Olivianna sorria, como quem estivesse tendo prazer em fazer aquilo.
    Garahel
    Tecnocrata
    avatar
    Tecnocrata

    Mensagens : 466
    Reputação : 42
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png

    Re: La Taverne du Pendu

    Mensagem por Garahel em Dom Fev 25, 2018 11:05 pm




    O elfo e a humana seguem esgueirando-se pela cidade, embora o esforço pareça desnecessário. Não encontram uma vivalma no caminho, nem sequer um guarda. Ainda assim, por precaução, continuam furtivos, andando pelas sombras.


    - Sim, estou - responde Tamlen, também aos sussurros, diante da pergunta de Olivianna - Mas não faço ideia de onde esteja vindo. E a cidade está deserta demais. Mesmo para os padrões dos últimos dias...


    De fato, algo estranho está acontecendo. Afinal, por mais que as pessoas estejam temerosas demais para sair de suas casas à noite, a guarda está supostamente triplicada. Mas não se vê nem sinal de guarda algum, ou de qualquer ser vivo.


    À medida que os dois aproximam-se das grandes favelas onde moram os elfos, o cheiro de fumaça fica cada vez mais forte, e Olivianna pode notar o corpo do elfo cada vez mais tenso. Seus cabelos longos ocultam sua expressão facial, mas é perceptível que sua testa está franzida. A preocupação é explícita em sua linguagem corporal.


    Finalmente alcançam um dos portões que separam o Alto Quarteirão do resto de Halamshiral. O nome da área humana não é apenas uma referência à alta classe; ela é fisicamente alta. Por isso, o portão dá para uma rampa mais ou menos regular que desce até as favelas. O normal é que os portões fiquem fechados à noite, com pelo menos meia dúzia de guardas vigiando cada um.


    Mas o portão está escancarado. O único guarda no local está dormindo profundamente sentado no chão. Quando os dois aproximam-se do portão e olham para baixo, enfim descobrem a origem do cheiro de fumaça.


    Fogo. Muito fogo. Elfos lutando, elfos fugindo. Guardas, chevaliers e soldados com o estandarte da Coroa ateando fogo nos barracos, matando elfos e perseguindo os fugitivos. Uma cena indescritível de morte e destruição.


    Tamlen fica paralisado por alguns momentos, os olhos arregalados estampados com um desespero nítido. Mas então sua expressão se fecha, e é tomada por uma raiva igualmente intensa. Jogando no chão os sacos que carrega e desembainhando sua espada, ele corre. Mas não em direção às favelas. Corre em direção ao guarda dormindo e corta-lhe a garganta em um piscar de olhos.


    E então vira-se para Olivianna. Quase não há mais humanidade em seu rosto, apenas uma expressão animalesca de puro ódio.


    - Saia da cidade - diz, com a voz sibilante - Não há mais nada para você aqui. - o elfo então começa a se virar para descer a rampa, mas, como se lembrando de algo, volta-se novamente para a humana - Encontre Madre Giselle. Se ela não nos ajudar depois disso, ninguém mais vai - e, sem se despedir, corre ladeira abaixo.


    off:
    TÁ PEGANDO FOGO, BICHO


    O pai da Olivianna era amigo da Madre Giselle, pq os dois tinham visões de mundo parecidas e eram caridosos com os mais pobres. Elas já se conheceram antes e sua perso sabe que a Giselle é da Chantria de Jader  bounce
    Makaveli Killuminati
    Garou de Posto Cinco
    avatar
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2131
    Reputação : 41
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1312.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh42.png

    Re: La Taverne du Pendu

    Mensagem por Makaveli Killuminati em Qua Fev 28, 2018 9:50 am

    A noite era estranha, e Olivianna se perguntava por que estariam se esgueirando, afinal, não havia ninguém nas ruas. O elfo concordava, não com a opção de não se esgueirarem, mas com a estranheza da situação. A nobre orlesiana tinha um mal pressentimento sobre aquilo. Era como se tivessem movido os soldados para outro local, já que nenhum estava nas ruas.

    A medida que a dupla caminhava pelas ruas se aproximando das elferias, Olivianna e Tamlen escutava o som do que estavam esperando. A incerteza de que algo estava acontecendo se torna uma certeza, mas sem visualizar o que era, Olivianna ainda tentava se manter otimista.

    - É melhor nos apressarmos. - Comentou em seguida aos barulhos, temerosa. O portão escancarado a sua frente parecia denotar um mal sinal, já que Tamlen não estava com uma aparência nada boa. Quando chegaram ainda mais perto, Olivianna nota o guarda dormindo, embora remoía a dúvida se realmente estava dormindo. E observando escada abaixo, a cena de horror.

    As musculaturas da ladina tensionaram, sua testa franziu, seus olhos não acreditavam no que via. Orlais estava virando um campo de guerra. O mais influente império de Thedas, implodindo.

    Não houve tempo para despedidas. O elfo, enfurecido e com razão, finda com a vida do guarda dormente, passa seu recado para Olivianna e parte descendo as escadas. A nobre orlesiana consente com a cabeça, mas o elfo não a via mais.

    Olivianna não partiu de imediato, ficou ali observando por algum tempo, principalmente para identificar as pessoas que estavam por trás daquele massacre. O estandarte da coroa estava por todos os cantos e Olivianna estava incrédula quanto aquilo. A reputação da Imperatriz não prescindia com a barbárie que presenciava. Talvez entre os Chevaliers conseguiria identificar algum nobre relevante antes de partir.

    Não abusando de sua sorte, Olivianna parte com uma parte do seu roubo. Seu destino, Jader. Não poderia simplesmente ignorar o que estavam fazendo. A nobre percebia que a guerra estava indo longe demais.
    Garahel
    Tecnocrata
    avatar
    Tecnocrata

    Mensagens : 466
    Reputação : 42
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png

    Re: La Taverne du Pendu

    Mensagem por Garahel em Sab Mar 17, 2018 5:37 pm




    Logo o corpo de Tamlen perde-se no meio da fumaça e entre tantos outros elfos em revolta. A situação é extremamente caótica, e Olivianna percebe que não há só humanos perseguindo elfos. Há humanos lutando entre si também.


    Tentando identificar brasões e rostos para entender melhor o que estava acontecendo, a ladina consegue perceber claramente os brasões da Casa Valmont, a realeza, o símbolo da Imperatriz; e da Casa De Chalons, à qual pertence o principal opositor da Coroa, o Duque Gaspard. Pela dinâmica da luta, parece que quem incendiou os prédios e atacou os elfos primeiramente foram os soldados da Imperatriz; e que estes foram atacados pelo exército de Gaspard. Apesar disso, os soldados opositores também não hesitam em matar os elfos que veem pela frente.


    Entre os rostos, não identifica ninguém conhecido. Isso porque os mais importantes estão mascarados, e os sem máscara não são conhecidos a ponto de Olivianna identificá-los de tão longe. O que pode ver é muitas armaduras de chevaliers - curiosamente, a maior parte sob a bandeira de Gaspard. Algo estranho, visto que a ordem é jurada a proteger o trono de Orlais.


    Após recuperar parte do saque largado por Tamlen no chão, a humana apressa-se em deixar a cidade. Não é uma tarefa difícil encontrar o portão por onde entrou na cidade, e que, agora, está abandonado. Seus pés estão caminham em direção à Estrada Imperial, que a levará até Jader.


    Garahel
    Tecnocrata
    avatar
    Tecnocrata

    Mensagens : 466
    Reputação : 42
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png

    Re: La Taverne du Pendu

    Mensagem por Garahel em Sab Mar 17, 2018 5:43 pm


    PRÓLOGO ENCERRADO




    A história continua aqui.

    Olivianna recebeu 2.000 XP e avançou para o nível 2! Com isso, ela passa a ter acesso aos poderes de classe do nível 2 de ladina (bônus de façanha com Perfurar Armadura); bônus de 1d6+1 na Saúde (role o dado no tópico de dados); um ponto para gastar em uma das habilidades primárias de ladina (Comunicação, Destreza ou Percepção); e um foco de alguma das habilidades primárias de ladina. Faça suas decisões e me avise por MP ou no off-topic para que eu atualize a ficha.
    Conteúdo patrocinado


    Re: La Taverne du Pendu

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Sab Dez 15, 2018 7:53 am