Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    Amoghasiddi - Kether

    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2634
    Reputação : 162
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Amoghasiddi - Kether - Página 3 Empty Re: Amoghasiddi - Kether

    Mensagem por Hellkite em Qui Ago 30, 2018 9:13 pm

    Eron ouve a tudo com muito interesse, prestando atenção nas explicações, e ao ver a imagem no pano mostrado por Amogha mostra-se surpreso. Ele olha espantado para o símbolo, e depois para o monge, incrédulo.

    - Olha, chega uma parte na vida que voce começa a se perguntar sobre o sentido das coisas, e o fato de voce ser um monge me deixa a vontade para dizer umas ideias minhas, que podem parecer meio loucas... – diz, e suspira. Ele parece estar se lembrando de alguma coisa, ao observar para o vazio, e então continua – Bem, quando vi Zannete pela primeira vez, senti como se já a tivesse visto antes. Não algo passageiro, mas um grau de familiaridade bem grande, como voce disse casar e fazer parte da família. Senti que ela era família, embora isto fosse algo impossível. Já me aventurei muito por este mundo, e percorri Dominus de um canto a outro. Eu poderia te me encontrado antes com Zannete, porem por algum infortúnio isto não aconteceu, neste mundo, nesta vida. Mas poderia ter ocorrido em outro mundo, outra vida... As vezes existem tantas coincidências, que eu me pergunto se tudo realmente é por obra do acaso, ou existe algo maior por tras de tudo isto...

    O dono da estalagem parece imaginar algo, mas logo se da conta do papelão que estava fazendo. Ele finge tossir um pouco, toma um pouco de agua, e diz:

    - Bobagens. Não conheço Kolen um-olho, mas o símbolo eu conheço. Eu sou nascido do norte de Galia, próximo do Norte Gelado. Acabei perseguindo a vida de aventureiro aos 18, mas na minha juventude as vilas da região eram muitas vezes atacadas pelos guerreiros de Balduvia. Um desses grupos era bem organizado, e diziam que seu chefe era um oriental de Ling-Xao, que havia derrotado o chefe anterior e acabou desposando sua filha. E como bandeira e brasão usavam este símbolo que voce me mostrou agora.
    Kether
    Garou de Posto Cinco
    Kether
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2293
    Reputação : 91
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1312.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh26.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh34.png

    Amoghasiddi - Kether - Página 3 Empty Re: Amoghasiddi - Kether

    Mensagem por Kether em Sex Ago 31, 2018 12:57 pm

    O monge olhava para o homem que viajava em suas conjecturas e quando ele retornou a "realidade" e continuou se discurso Amogha apenas acenou com a cabeça e parou por um momento contemplativo.

    - Bem senhor, não há loucura no que pensa. Muito pelo contrário há vários aspectos de uma mente iluminada. Isso que o senhor diz chamamos de Samsara, a roda da vida. Nós vivemos muitas vidas e nelas contraímos Karma que pode nos afastar ou aproximar do Dharma que é a iluminação. Nestas diversas vidas, podemos sim ter cruzado nossos destinos e desta forma temos essa impressão de que conhecemos uma determinada pessoa que nunca havíamos visto antes. O seu desejo de ajudar Zannete pode ser também um reflexo de ter sido numa destas vidas um familiar ou pode ser também que nelas tivesse sido um algoz. Desta forma nesta nova vida para transformar seu Karma ruim em Karma bom, resgatar esta dívida moral que teve com ela.

    O monge sorri para o dono da estalagem.

    - Ou isso tudo pode ser uma loucura de um homem que dedica sua vida para ajudar os necessitados em busca da felicidade e paz interior.

    Depois o rosto de Amogha se torna um pouco mais pesado e sério.

    - Este homem Ling-Xao... Balduvia... Bem pela manhã partirei com a pessoa que me acompanha para alcançar Zannete e ao encontrá-la partirei para esta região. Talvez minha esposa e filho esteja ainda viva. Não encontrei seus corpos em minha terra natal.

    Amogha se despede do homem e sobe para o quarto (caso tenha alguma dívida ele paga). Ao chegar no quarto ele se encaminha para perto da janela e observa o que havia do lado de fora, principalmente para saber se haveria uma rota de fuga caso fosse necessário. Depois se senta numa cadeira ainda próximo a janela para poder desfrutar da brisa noturna.

    - Amogha, está tudo bem? - pergunta Redris.

    O monge balança a cabeça afirmativamente e olha na direção da voz...

    - Sim... descobri onde está Zannete. Pela manhã partiremos.

    teste de inteligência para saber se conhece algo sobre o Ling-Xao:

    Int = 12 +1
    Kether efetuou 1 lançamento(s) de dados Amoghasiddi - Kether - Página 3 1139504.7c7e302e16a24865f62067a0b289ee5e (d20.) :
    14


    coloquei uma cor estranha por não saber se é O Redris ou A Redris nesse momento.

    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2634
    Reputação : 162
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Amoghasiddi - Kether - Página 3 Empty Re: Amoghasiddi - Kether

    Mensagem por Hellkite em Ter Set 04, 2018 10:17 pm

    O taverneiro fica com uma expressão serena ao ouvir a opinião de Amogha sobre suas ideias, como se aquelas palavras trouxessem a paz interior para um homem preocupado com sua existência.

    - Este homem Ling-Xao... Balduvia... Bem pela manhã partirei com a pessoa que me acompanha para alcançar Zannete e ao encontrá-la partirei para esta região. Talvez minha esposa e filho esteja ainda viva. Não encontrei seus corpos em minha terra natal.

    Eron põe a mão sobre o ombro do monge para expressar sua simpatia.

    - Tenha fé, amigo, que tudo dará certo! As deusas cuidam de nós, só basta que façamos a nossa parte. Quanto a Ling-Xao, este não é o nome do chefe do grupo, e sim do reino de onde ele veio, o reino oriental que fica a leste de Dominus. Infelizmente não sei como ele se chama, desculpe.

    Depois da conversa o monge sobe aos aposentos, e ao lançar um olhar para a cama, o monge percebe que Redris ainda estava em sua forma feminina, embaixo das cobertas.

    - Amogha, está tudo bem? - pergunta Redris.

    O monge balança a cabeça afirmativamente e olha na direção da voz...

    - Sim... descobri onde está Zannete. Pela manhã partiremos.

    A ruiva fica boquiaberta e pede por explicações, as quais são dadas com detalhes por Amogha. Redris ao final fica calado e pensativo, e apenas diz que estava cansado e que iria dormir. Certamente sua cabeça estava confusa diante de toda aquela situação.

    **

    Pela manhã Amogha e Redris acordam, sendo que agora o ruivo era novamente o rapaz franzino que o monge se lembrava. Eles comem um rápido desjejum e saem da estalagem. Para evitar confusões, Redris segue usando o manto e o capuz, e desta maneira permanece durante a viagem.

    Porém um fato chamou a atenção de Amoghasiddi: ao saírem, do lado de fora estava o gordo briguento do dia anterior, Gill Svenson, aos cochichos com dois outros homens que estavam montando cavalos. E estes dois homens seguiam a distancia Amogha e Redris, sempre mantendo o mesmo espaçamento, até chegarem próximos da capital de Galia, União.

    Amoghasiddi - Kether - Página 3 Twomen10

    O ruivo da um suspiro de alivio ao ver do alto de uma colina a grande cidade. Ele para seu cavalo e se dirige a Amoghasiddi.

    - Finalmente chegamos! Amogha, tenho que confessar, realmente não sei como será quando encontrar com minha esposa... Sai de minha casa a procura de uma cura para a minha maldição, e no fim acabo descobrindo que tudo não passava de uma farsa. Agora estou sendo procurado – diz, e olha para tras. Ao longe estavam os dois homens em seus cavalos, que também estavam parados. – Ah, que coisa, estes salafrarios me dão nos nervos! Vão ficar nos seguindo ate quando?
    Kether
    Garou de Posto Cinco
    Kether
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2293
    Reputação : 91
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1312.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh26.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh34.png

    Amoghasiddi - Kether - Página 3 Empty Re: Amoghasiddi - Kether

    Mensagem por Kether em Seg Set 10, 2018 1:03 pm

    Amoghasiddi que já havia reparado nos perseguidores a algum tempo e ficara em silêncio para não preocupar seu companheiro de viagem.

    - Eles com certeza esperam por um momento para nos atacarem, acredito que devam estar a espera de mais homens do seu bando. Ou aguardavam exatamente este local onde não poderemos partir em retirada devido a ravina. Sugiro que se prepare Redris, pois iremos entrar em combate agora com eles. Se souber combater montado, mantenha-se em seu cavalo; como eu não sei irei pegá-los a pé.

    O monge desmonta e alonga o corpo se pondo de frente para os dois homens, ele então pega seu bastão que estava preso na sela de sua montaria e começa a andar na direção dos dois perseguidores, ele segue usando o bastão com apoio para a caminhada mas a postos para desferir um golpe caso os homens demonstrem disposição para combate, se não ele irá seguir até uma distancia segura onde irá perguntar.

    Durante o caminho ele olha algumas vezes para Redris para saber o que o guerreiro iria fazer.

    - Procuram por iluminação divina? Não somos sábios o suficiente para isso...
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2634
    Reputação : 162
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Amoghasiddi - Kether - Página 3 Empty Re: Amoghasiddi - Kether

    Mensagem por Hellkite em Dom Set 16, 2018 6:54 pm

    Amoghasiddi decide enfrentar seus perseguidores, e Redris o acompanha montado em seu cavalo. Os homens acompanham a caminhada do monge armado com o bastão ate eles, sem fazer menção de sacar suas armas. Mas em suas faces estavam estampados risos de ironia, e eles trocavam piadas entre si.

    - Procuram por iluminação divina? Não somos sábios o suficiente para isso...

    Um olha para o outro, e então começam a rir. De sua posição acima da montaria, o que parecia ser o chefe, diz:

    - Não sei que conversa é essa de iluminação, mas temos uma conversa ai com o seu companheiro de viagem... Ele ta de capuz e tal, mas seria um jovem ruivo? Voce deve ser o monge que bateu em uns bandidinhos de estrada, so que eu e meu amigo aqui temos experiência no negocio... Olha, a gente não tem nada contra você, que tal você so entregar o rapaz, hein? Ai você volta para a sua peregrinação.

    O local estava em silencio, sendo possível ouvir o farfalhar dos ramos sendo balançados pelo vento. Amogha, sem se distrair, lança um olhar rápido para Redris, que estava próximo, com a mao repousando no cabo da espada longa.
    Kether
    Garou de Posto Cinco
    Kether
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2293
    Reputação : 91
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1312.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh26.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh34.png

    Amoghasiddi - Kether - Página 3 Empty Re: Amoghasiddi - Kether

    Mensagem por Kether em Seg Set 17, 2018 12:59 pm

    O monge continua se aproximando dos dois bandidos agora mais pronto ainda para ataca-los uma vez que eles informaram que eram mais experientes que o grupo anterior.

    Munido desta informação ele avança agora em carga pelo flanco esquerdo do animal, e aproveitando de sua baixa estatura, com seu bastão em punho e ataca as pernas do dianteiras do cavalo enquanto escorrega por baixo do animal. Enquanto ele fazia a carga ele fala.

    - Infelizmente para vocês essa não é uma opção! Gwaaaaaaaaaaa!
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2634
    Reputação : 162
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Amoghasiddi - Kether - Página 3 Empty Re: Amoghasiddi - Kether

    Mensagem por Hellkite em Qui Set 27, 2018 8:19 pm

    Amogha nem sequer cogita em se render, aproximando-se do cavalo do chefe da dupla, um homem forte com físico de guerreiro, de sobrancelhas e barba espessas e um olhar severo.

    Amoghasiddi - Kether - Página 3 Bounty10

    O monge então subitamente dispara em uma rápida carga, sem dar tempo de reação para os caçadores de recompensa, que somente praguejam em voz alta.

    NRPG: Ataque bem-sucedido nas pernas do cavalo.

    Com os olhos fixos nas pernas do cavalo, Amogha desfere um golpe lateral, causando dor suficiente na montaria para que ela se erguesse em duas patas.

    NRPG: Ride. 4.

    Conforme o cavalo se levanta, o chefe é tomado de surpresa, e ele é derrubado para trás, caindo de costas no chão.

    Amogha aproveita o momento para passar por baixo do cavalo, observando como o inimigo caído se rasteja para tras, procurando por uma posição defensiva enquanto tenta se levantar.

    Enquanto isto, Redris avança com seu cavalo em direção do outro membro da dupla. Diferente do chefe, aquele homem não tinha um grande físico, porem ele tinha uma aparência mais bem cuidada. Só que palavras arcanas e movimentos manuais fizeram surgir uma energia azul em sua mão: era um mago!

    Amoghasiddi - Kether - Página 3 Bounty11

    NRPG: Redris save: 8. Falhou.

    Redris, que anteriormente parecia estar decidido em seu ataque, subitamente muda de expressão em seu rosto, aparentando confusão diante do que estava acontecendo. O ruivo diminui o passo de seu cavalo até parar.

    O mago inimigo fala para Redris, ao mesmo tempo que aponta para o monge.

    - Ei, fale para seu amigo parar de nos atacar! Não somos inimigos, voce sabe disso, estamos aqui para ajudar! - diz, em tom preocupado.

    Redris olha em direção de Amoghasiddi, perplexo.

    - Por que esta atacando eles, Amogha!? Eles não vão nos fazer mal!!! Está maluco? Pare agora! - ordena o rapaz.
    Kether
    Garou de Posto Cinco
    Kether
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2293
    Reputação : 91
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1312.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh26.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh34.png

    Amoghasiddi - Kether - Página 3 Empty Re: Amoghasiddi - Kether

    Mensagem por Kether em Sex Set 28, 2018 8:23 am

    Amoghasiddi se aproveitando da posição que estava devido a movimentação do guerreiro que tombara do cavalo mantendo o animal entre eles, observa que o outro homem na verdade era um mago! Então eles realmente estariam em desvantagem, caso Redris não tivesse forças o suficiente para vencer os truques daquele homem.

    Tendo reparado nisso, o monge grita partindo para cima do mago.

    - REDRIS ESTES HOMENS FIZERAM VOCÊ SE AFASTAR DE SUA ESPOSA!!! ELES NÃO SÃO NOSSOS AMIGOS!!! SÃO OS RESPONSÁVEIS POR TODA A SUA TRISTEZA E DESGRAÇA!!! LIBERE SUA FÚRIA CONTRA ELES!!!

    O monge tentava trazer a fúria de Redris ao mesmo tempo que iria atacar o mago para que ele perdesse sua concentração ou quebrasse seu controle sob o companheiro.

    Desta vez o monge não iria atacar o animal já que ele deveria estar nervoso com a reação da montaria do outro perseguidor. Então utilizando de suas habilidades acrobáticas provenientes de seu treinamento marcial ele corre e apoia seu cajado no chão pegando impulso para dar um golpe com as pernas com maior alcance, e com alguma sorte o mago se desequilibraria e tombaria.

    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2634
    Reputação : 162
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Amoghasiddi - Kether - Página 3 Empty Re: Amoghasiddi - Kether

    Mensagem por Hellkite em Dom Set 30, 2018 9:36 pm

    - REDRIS ESTES HOMENS FIZERAM VOCÊ SE AFASTAR DE SUA ESPOSA!!! ELES NÃO SÃO NOSSOS AMIGOS!!! SÃO OS RESPONSÁVEIS POR TODA A SUA TRISTEZA E DESGRAÇA!!! LIBERE SUA FÚRIA CONTRA ELES!!!

    As palavras de Amoghasiddi trazem a tona lembranças que contradizem com o seu sentimento de amizade com aqueles homens. Bandidos atacando na estrada e na sua casa, bandidos exatamente como estes dois, haviam ferido sua família e feito ele se afastar do aconchego da fazenda. Noções conflitantes trazem uma maior confusão, e Redris leva as mãos a cabeça para acalmar as vozes interiores.

    O monge salta sobre o chefe do grupo caído e mira no arcano que tentava controlar a mente do rapaz ruivo. Ele estava desatento, dividindo suas atenções em dois campos diferentes.

    Já decidido, Amogha corre e apoia o bastão no chão, alçando o seu corpo e permitindo que saltasse com os dois pés em direção do inimigo.

    NRPG: Jump Skill. Roll 18.
    NRPG: Attack. Roll 9. Sucesso.

    O ataque atinge o mago pela lateral, fazendo com que tambem perdesse o equilibrio e caisse.

    Redris observa como o arcano cai de seu cavalo, atingido por Amogha, e novamente sentimentos conflitantes atormentam o seu ser. “Libere sua fúria contra eles”, foi o que o monge havia dito, e foi isto o que ele fez, e novamente a transformação ocorre, com a enorme forma ruiva feminina agarrando sua espada e saltando de seu cavalo, aterrissando com sua ponta cravando no peito do mago deitado no chão, que morre imediatamente.

    Com sangue nos olhos ela mira no inimigo restante, que cambaleante se levanta e sai correndo em fuga desabalada.
    Kether
    Garou de Posto Cinco
    Kether
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2293
    Reputação : 91
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1312.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh26.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh34.png

    Amoghasiddi - Kether - Página 3 Empty Re: Amoghasiddi - Kether

    Mensagem por Kether em Ter Out 16, 2018 8:00 am

    - Pare!!! - grita para a bárbara. - Não vale a pena o esforço de caçar um animal que foge com medo. Ele se tornará duas vezes mais perigoso! - complementa mais para si que para a companheira.

    Nem mesmo o monge estava tão certo disso, afinal o inimigo estava vivo e eles não teriam mais respostas sobre o ocorrido tão pouco entenderiam mais do porque tudo aquilo aconteceu com Redris e com sorte com a própria família de Amogha. O monge fica observando o inimigo fugir por um tempo, depois se vira para o pobre animal que ele havia atacado para verificar se havia algum ferimento grave.

    Ao constatar que não ele o puxa pelas rédeas até o cavalo do mago que também passa a guiar pelas rédeas.

    - Redris... Me perdoe por ter incitado a sua fúria... - diz ao amigo
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2634
    Reputação : 162
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Amoghasiddi - Kether - Página 3 Empty Re: Amoghasiddi - Kether

    Mensagem por Hellkite em Dom Out 28, 2018 11:49 pm

    Com fúria nos olhos e semblante raivoso, Redris inicia a perseguição ao fugitivo.

    - Pare!!! - grita para a bárbara. - Não vale a pena o esforço de caçar um animal que foge com medo. Ele se tornará duas vezes mais perigoso! - complementa mais para si que para a companheira.

    O grito forte de Amogha traz a barbara de volta a si, que puxa as rédeas do cavalo com força, como se também pudesse puxar as rédeas de si mesma. Ela observa o inimigo fugindo, grita para o alto de frustração, e da meia volta.

    Depois de verificar os ferimentos do animal que tinha ferido, Amogha o puxa e o junta ao outro animal, que estava próximo. Redris se aproxima e desmonta.

    - Redris... Me perdoe por ter incitado a sua fúria... - diz ao amigo

    Em um impulso, a barbara puxa o monge de encontro a si. Redris em sua versão feminina era maior que Amogha, que se sente totalmente envolvido pelo parente. Estava suada devido ao combate, mas isto não incomodava, pois era um abraço que lembrava o de sua esposa.

    - Muito obrigada, Amogha... Minha cabeça estava confusa, e este maldito me fez acreditar que era um amigo. Posso te dizer que foi uma sensação horrível, ter sido ludibriado desta maneira. Não fosse por voce, estaríamos os dois enrascados... - diz com seriedade nos olhos.

    Tanto Redris como Amogha verificam os pertences dos caçadores de recompensas, e tem a grata surpresa de que ambos tinham espólios. Poções magicas, pergaminhos e armas de qualidade. Porém nenhuma pista a mais do que os meliantes já tinham falado.

    A ruiva põe a mão por sobre a testa para diminuir a claridade do sol que incidia sobre eles naquela tarde, vendo a cidade de União ao longe.

    - Vamos seguir caminho... Você me disse que minha esposa estava em União, certo? Talvez na taverna da Raposa encontremos respostas.

    **

    O caminho até a cidade transcorre sem maiores incidentes. Embora Amoghasiddi já tivesse passado por União anteriormente, para Redris era uma grande novidade. Tratava-se de uma vasta cidade, que se espalhava por uma área bem extensa, com edificações, torres e muralhas bem mais imponentes.

    Seguindo pela estrada, Amogha e Redris cruzam com um numero cada vez maior de transeuntes, sejam eles comerciantes e fazendeiros em suas carroças, moradores locais e estrangeiros de outros lugares de Dominus. O monge viu elfos, anões, humanos de Rabiah, meio-orcs... Alguns armados, outros trajando vestes de nobres. Na terra, cavalos e seus cavaleiros. No ar, coisas que pareciam enormes mosquitos de metal, e também barcos voadores. União era uma cidade estranha, e muito movimentada.

    A dupla segue em direção do portão sul de Uniao, por onde passam pelo edifício da guarda e seguem em direção da taverna da Raposa depois de perguntar por direções.

    Após andarem por algumas ruas, eles chegam na estalagem “A raposa esperta”, que logo na entrada encontram a dita cuja, empalhada. No balcão, servindo alguns fregueses, está o anão, Kiror Duskhood, que logo percebe que tem visitas.

    Amoghasiddi - Kether - Página 3 Kirord10

    Redris, desde o incidente com os caçadores, decidiu permanecer com o manto sobre o rosto, fazendo uma figura misteriosa. O anão coça a barba e diz:

    - Hmm, sejam bem-vindos... Por favor, sentem-se numa mesa, que logo minha filha ira atende-los. Beghila!

    Uma jovem anã de cabelos azul-escuros presos numa trança e olhos castanhos aparece.

    Amoghasiddi - Kether - Página 3 Beghil10

    - Bem vindos na taverna Raposa Esperta, tão esperta que morreu de velhice. Em que posso servi-los?


    Kether
    Garou de Posto Cinco
    Kether
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2293
    Reputação : 91
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1312.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh26.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh34.png

    Amoghasiddi - Kether - Página 3 Empty Re: Amoghasiddi - Kether

    Mensagem por Kether em Sex Nov 09, 2018 12:52 pm

    O monge levanta o capuz de viagem, permitindo que a anã visse seu rosto e as características marcantes do seu povo. Aquele era um teste para ver se a jovem iria ter alguma reação ao vê-lo.

    - Olá jovem Beghila. Acredito que este seja o seu nome. Nós gostaríamos de uma refeição leve, e também de uma ajuda. Estou a procura de minha irmã, ela se chama Zannete. Na cidade onde ela vivia com seu marido um amigo informou que ela poderia ser encontrada aqui. Se desejar certificar com ela antes diga que Amoghasiddi veio a mando de Redris ao seu encontro. E que trago notícias de sua irmã, sobrinha e pais urgentes. Você pode estranhar mas em nossa terra quando casamos passamos a chamar os irmãos e irmãs de nossas esposas como se fossemos a mesma família. Acredito que para vocês chamam de cunhado e cunhada.

    Amoga havia notado a expressão de estranheza da jovem quando ele falou da família de Zannete como se ele não fizesse parte da mesma.
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2634
    Reputação : 162
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Amoghasiddi - Kether - Página 3 Empty Re: Amoghasiddi - Kether

    Mensagem por Hellkite em Seg Nov 19, 2018 9:24 pm

    Amogha, que também estava de capuz, revela a sua face, e Beghila não esconde a sua surpresa ao ve-lo. Enquanto o monge fala, a anã lança olhares para o pai, que também acompanha ouvindo a tudo com a mão puxando a barba para baixo vários vezes. Ao final ele se aproxima, olha para os fregueses para verificar se estavam prestando atenção, e então diz para o monge e para Redris, “por favor, me acompanhem”.

    O sr Duskhood vai para a porta dos fundos de sua estalagem, atravessa um pequeno jardim com um varal com roupas estendidas, e chega ate a frente de um quarto da área externa. Ele bate na porta três vezes e diz, “Lady Zan, voce tem visitas...”

    Um barulho de alguém se levantando da cama e se espreguiçando se faz ouvir.

    A porta se abre.

    Amoghasiddi - Kether - Página 3 Lady_z10

    Uma mulher da idade de Amogha, cabelos na altura dos ombros, uma longa trança e de físico impecável abre a porta. Ela olha para Amogha e toma um susto, dando dois passos para trás até se recuperar. Ela olha atrás dele e ve Redris, e leva a mão até o peito, sem ar.

    - Amoghasiddi? Redris? - diz, incrédula.

    Ela então abre um grande sorriso de felicidade, e lagrimas brotam no canto de seus olhos. Sem dizer mais nada Zannete se lança para abraçar os dois.

    NRPG: Fim do arco. Amogha sobe dois níveis. Aventura continua normalmente, os dois níveis contabilizados apenas depois de duas semanas de treinamento.
    Kether
    Garou de Posto Cinco
    Kether
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2293
    Reputação : 91
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1312.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh26.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh34.png

    Amoghasiddi - Kether - Página 3 Empty Re: Amoghasiddi - Kether

    Mensagem por Kether em Ter Nov 20, 2018 6:53 pm

    O monge preferiu aguardar dois dias antes de falar com Zannete, deixou que ela e Redris tivessem seu tempo e comemorassem o reencontro. Nem tudo foi flores entre eles, Amogha chegou a conversar com Redris intercedendo a favor de Zannete o que ajudou ao jovem compreender e perdoa-la pelo engodo.

    Neste tempo o monge guardou seu tempo com meditações e exercícios físicos e artísticos, como a caligrafia, que serviam para apurar a precisão e agilidade. No final do terceiro dia Zannete o procurou para saber como era possível que justamente ele houvesse encontrado Redris e trago ele para ela.

    Zannete se aproximava do local onde Amogha estava sentado. Ela sabia que ele não meditava, apenas descansava após um treinamento físico. As linhas que o monge havia traçado no chão de terra marcavam que ele havia realizado um treino vigoroso, e ela mesmo havia visto parte do treino do monge o que a levou ao período no qual eles treinavam juntos no templo.

    Recordações:



    - Irmão... - disse se aproximando.

    O monge não se virou para ela apenas apontou para a moringa de água e depois para uma folha a qual ele estava concentrado. Ela então pegou o objeto levando para o parente e depois voltou a atenção para o local que Amogha indicara. Eles então passam a observar alguns louva deus.



    Após terminarem a observação, Amogha se vira para Zannete.

    - Fico feliz em encontrá-la, Zannete.

    -Como em todo este mundo, justamente você encontrou meu marido e o trouxe para mim Amoghasiddi?

    - Os sábios diriam que é a lei do Karma, aqueles que não seguem os ensinamentos diriam que foi o destino. Eu acredito que meu encontro com Redris foi uma maneira do Dharma trazer a verdade para o mundo.

    Ele para por um momento e a observa, a jovem era uma guerreira fabulosa, mas como todo guerreiro não tinha a paciência nem a calma dos mais sábios e este era um dos motivos pelos quais ela e o pai sempre discutiam. Então ele sorri para a mulher.

    - Eu retornei após meu período de peregrinação para casa. E... - ele faz uma pausa a dor da perda podia ser sentida na sua voz - e tudo estava destruído... Procurei por Tara e meu filho, nossa casa estava queimada. No templo mestre Gampo, os outros monges e famílias estavam mortos. As cinzas ainda estavam quentes então parti em busca dos responsáveis pelo ocorrido.

    Amogha bebe um gole da água que havia na moringa.

    - No caminho eu ouvi sons de batalha, eram dois ou três salteadores que atacavam um jovem de cabelos vermelhos, que não tinha muita habilidade com a espada. Eu resolvi ajudá-lo e descobri com um dos atacantes o mesmo emblema dos homens que atacaram o templo. Mas o homem não resisitiu aos ferimentos e acabou morrendo. Conversei com o jovem e ele me contou a sua história. O repreendi pois ele havia abandonado a família e os deixara em perigo. Com isso ele retornou para casa, e descobriu que a esposa havia partido e sempre era vista com um homem na cidade. Este homem se revelou um monge renegado e sua companheira de missão a esposa do jovem e por coincidência a irmã de minha amada Tara.

    Amogha pega o pano que encontrara no templo e com um dos homens que atacaram Redris e entrega um deles para Zannete.

    - Tenho alguns nomes e um reino para seguir como pistas para tentar encontrar Tara e nosso filho. Uma vez que não encontrei seus corpos. O homem que contratou os ladrões é Kolen um-olho, e o homem que usa este símbolo como bandeira se chama Ling-Xao e ele é o comandante de um grupo chamado homens de Balduvia. Eram vistos no norte de Gália, eu vou para lá e gostaria da sua ajuda e de Redris. Sei que não posso pedir isso, mas é família Zannete e é tudo o que temos.

    O monge falou tudo de uma única vez assustando Zannete.

    - Eu... eu... eu vou pensar Amogha. Você me trouxe muito no que pensar.

    Redris estava próximo ouvindo a tudo, sai antes que Zannete terminasse de falar. Mas seus passos chamam a atenção dos monges que não conseguem ver ao certo quem era que estava ali, nem a quanto tempo a pessoa ali estava.

    - Vou ficar até a lua cheia, o que seriam duas luas irmã. Viajar sem a luz da lua será mais difícil nestas terras. Neste meio tempo irei retomar meus estudos e buscarei informações de vilas que próximas que possam ter sido saqueadas. Fale com seu marido e a última noite da lua próxima lua será minha última noite aqui.

    Nos dias que seguiram o monge seguiu a rotina de treinamentos na primeiras horas da manhã, depois durante o dia trabalhava na estalagem cortando lenha, carregando as compras e as sacarias com os produtos como pagamento pela alimentação e estadia. E a noite ele conversava com o anão e sua filha sobre os acontecimentos da cidade e algumas vezes com um ou outro viajante que participasse da conversa.

    Off:

    Alterações na ficha:

    Saves => +4/+4/+4
    BAB => +3

    Habilidades:

    Still Mind (Ex)
    A monk of 3rd level or higher gains a +2 bonus on saving throws against spells and effects from the school of enchantment.

    Ki Strike (Su)
    At 4th level, a monk’s unarmed attacks are empowered with ki. Her unarmed attacks are treated as magic weapons for the purpose of dealing damage to creatures with damage reduction. Ki strike improves with the character’s monk level. At 10th level, her unarmed attacks are also treated as lawful weapons for the purpose of dealing damage to creatures with damage reduction. At 16th level, her unarmed attacks are treated as adamantine weapons for the purpose of dealing damage to creatures with damage reduction and bypassing hardness.

    Slow Fall (Ex)
    At 4th level or higher, a monk within arm’s reach of a wall can use it to slow her descent. When first using this ability, she takes damage as if the fall were 20 feet shorter than it actually is. The monk’s ability to slow her fall (that is, to reduce the effective distance of the fall when next to a wall) improves with her monk level until at 20th level she can use a nearby wall to slow her descent and fall any distance without harm.

    Flurry of Blows Attack Bonus => +1/+1

    Unarmed damage => 1d8

    Move => +10fts

    Poderia usar uma variante de monge
    https://dnd-wiki.org/wiki/Monk,_Retooled_(3.5_Class)
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2634
    Reputação : 162
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Amoghasiddi - Kether - Página 3 Empty Re: Amoghasiddi - Kether

    Mensagem por Hellkite em Sab Dez 08, 2018 7:06 pm

    REENCONTRO

    O monge preferiu aguardar dois dias antes de falar com Zannete, deixou que ela e Redris tivessem seu tempo e comemorassem o reencontro. Nem tudo foi flores entre eles, Amogha chegou a conversar com Redris intercedendo a favor de Zannete o que ajudou ao jovem compreender e perdoa-la pelo engodo.

    Após o reencontro inicial, Amogha pode ver como Redris havia se ressentido por toda a mentira que havia vivido até então. Foram intensas brigas e acusações, as quais muitas vezes Zannete se sentia desesperançada em tentar se explicar, e não fosse a ajuda do monge para argumentar, talvez agora não estivessem mais juntos. Embora ainda houvesse ressentimento, Amogha viu satisfeito que ambos haviam se entendido, tendo flagrado os dois se beijando sentados em um banco em frente ao jardim interno da taverna da Raposa esperta.

    Na mesma noite das pazes, Lady Zan veio procura-lo.

    - Eu retornei após meu período de peregrinação para casa. E... - ele faz uma pausa a dor da perda podia ser sentida na sua voz - e tudo estava destruído... Procurei por Tara e meu filho, nossa casa estava queimada. No templo mestre Gampo, os outros monges e famílias estavam mortos. As cinzas ainda estavam quentes então parti em busca dos responsáveis pelo ocorrido.

    Zannete leva a mão a boca, pasma. A informação era chocante demais. Não fosse seu treinamento de monja, teria entrado em estado de choque. Ela faz seus exercícios de respiração e se obriga a acalmar, fechando os olhos e ressoando um mantra. Mas Amogha percebe que de seus olhos fechados escorrem lagrimas de tristeza.

    Lady Zan suspira novamente e abre os olhos. Tambem havia dor em sua voz.

    - Lamento muito, irmão, lamento muitíssimo. Não sabia. Oh Tara, minha irmã, não pude estar ao seu lado quando mais precisava... E nem pude conhecer meu sobrinho... Mestre Gampo... Pai... É na dor da perda que vejo as consequências do caminho que escolhi. Mas... Como controlar nossos sentimentos?

    A monja volta seus olhos verdes para Amoghasiddi e num rápido impulso o abraça, e desata a chorar, permitindo-se chorar pela morte de seus entes queridos. Os dois permanecessem abraçados por um longo tempo até que...

    Resoluta, ela se ergue e segura Amogha pelos ombros, fitando intensamente seus olhos.

    - É um peso que carreguei durante muitos anos, mas que encontrei alivio junto com Redris, meu amor. Mas a verdade que deixei o templo, porque eu o amava, Amogha, assim como a minha irmã. Eu vi nos olhos dela o amor que ela tinha por você. E me vi em uma encruzilhada. E para não faze-la sofrer em uma possível disputa, eu parti para não mais voltar. As vezes fazemos coisas erradas para fazer o certo.

    Após a confissão, é possível ver como Zannete se sente melhos após isto, como se uma carga sobre seus ombros tivesse desaparecido em um instante.

    - Tenho alguns nomes e um reino para seguir como pistas para tentar encontrar Tara e nosso filho. Uma vez que não encontrei seus corpos. O homem que contratou os ladrões é Kolen um-olho, e o homem que usa este símbolo como bandeira se chama Ling-Xao e ele é o comandante de um grupo chamado homens de Balduvia. Eram vistos no norte de Gália, eu vou para lá e gostaria da sua ajuda e de Redris. Sei que não posso pedir isso, mas é família Zannete e é tudo o que temos.
    O monge falou tudo de uma única vez assustando Zannete.

    - Eu... eu... eu vou pensar Amogha. Você me trouxe muito no que pensar.

    Redris estava próximo ouvindo a tudo, sai antes que Zannete terminasse de falar. Mas seus passos chamam a atenção dos monges que não conseguem ver ao certo quem era que estava ali, nem a quanto tempo a pessoa ali estava.

    - Vou ficar até a lua cheia, o que seriam duas luas irmã. Viajar sem a luz da lua será mais difícil nestas terras. Neste meio tempo irei retomar meus estudos e buscarei informações de vilas que próximas que possam ter sido saqueadas. Fale com seu marido e a última noite da lua próxima lua será minha última noite aqui.
    Nos dias que seguiram o monge seguiu a rotina de treinamentos na primeiras horas da manhã, depois durante o dia trabalhava na estalagem cortando lenha, carregando as compras e as sacarias com os produtos como pagamento pela alimentação e estadia. E a noite ele conversava com o anão e sua filha sobre os acontecimentos da cidade e algumas vezes com um ou outro viajante que participasse da conversa.

    Era de manhã, e finalmente o dia fatídico se aproximara. Amoghasiddi estava arrumando suas roupas e pertences em sua mochila, quando na porta do quarto em que estava acomodado aparece a figura masculina franzina de Redris e a forma forte, esguia e resoluta de Lady Zan. Estavam de mãos dadas. Um olha para o outro, e é Zannete quem se pronuncia.

    - Conversamos muito a respeito, e iremos acompanha-lo em sua jornada. Existem ainda muitas coisas que precisam ser esclarecidas, além de segredos que minha própria ordem, Arakna, escondeu de mim. Mas antes quero resolver o problema da maldição de meu marido... Nos tempos em que estive aqui em União, pude entrar em contato com um arquimago, que concordou em quebrar o feitiço que transforma Redris. E nós gostariamos que nos acompanhasse, afinal voce foi um grande amigo de meu marido, e ele insistiu que estivesse presente para assistir.
    Kether
    Garou de Posto Cinco
    Kether
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2293
    Reputação : 91
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1312.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh26.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh34.png

    Amoghasiddi - Kether - Página 3 Empty Re: Amoghasiddi - Kether

    Mensagem por Kether em Seg Dez 10, 2018 1:02 pm

    Amogha se soltava do abraço de Lady Zan, que havia lhe pego de surpresa, mas nada seria mais surpreendente do que a monja iria fazer com a sua revelação que seguiria.

    - É um peso que carreguei durante muitos anos, mas que encontrei alivio junto com Redris, meu amor. Mas a verdade que deixei o templo, porque eu o amava, Amogha, assim como a minha irmã. Eu vi nos olhos dela o amor que ela tinha por você. E me vi em uma encruzilhada. E para não faze-la sofrer em uma possível disputa, eu parti para não mais voltar. As vezes fazemos coisas erradas para fazer o certo.

    - Eu... eu... eu não fazia noção disso. Oh Zan! Como a julguei mal com tudo o que ocorrera! Seu pai nunca disse-nos o verdadeiro motivo pelo seu abandono. Como foi forte e tamanha iluminação a sua por abdicar de seu amor, pela felicidade de Tara.

    O monge estava realmente abalado, ele tinha carinho por Zanete, mas era por Tara por quem se apaixonara. Lady Zan no início quando eram crianças era realmente muito próxima de Amogha. Como tinham idades parecidas eles estavam quase sempre próximos quando não estavam com seus afazeres no templo.

    Mas nas refeições, meditações e orações sempre estavam por perto. Zanete era como uma irmã para Amogha, mas seu coração sempre fora de Tara a irmã mais nova de sua grande amiga. E isso explicava tudo, toda a mudança de Zan para com ele quando numa tarde após as meditações quando os dois aprendizes limpavam o grande salão do templo.

    Flashback escreveu:

    - Lady, tenho de confessar-te uma coisa.

    - Diga Amogha - respondeu a jovem com olhar cheio de ternura para o rapaz ao seu lado.

    - Está chegando o período de minha peregrinação, e por isso fui falar com o Sifu. Fui pedir permissão para quando voltar casar com sua irmã. - Amogha estava feliz, exultante e não reparou naquele milésimo de segundos de dor que Zan sentiu ao ouvir a sua confissão.

    - Fico feliz por vocês... - respondeu a jovem, que logo depois deixou o esfregão que usava cair e saiu em silêncio a passos largos.

    Quando Amoghasiddi olhou para o local onde o esfregão caíra não mais viu Lady Zan, e a cada dia que se passava ele só a via a distância. Ela nunca mais teve tempo para conversar com ele. Então dias antes da partida de Amogha para sua peregrinação Lady Zan fora banida do templo, ou pelo menos foi o que Amogha ficou sabendo.


    Amogha na noite anterior havia se despedido da família de anões que haviam o acolhido tão bem, prometendo que um dia iria voltar para que pudessem celebrar a amizade construída, e que se o destino permitisse Amogha viria com sua família.

    Ao acordar e fazer suas abluções, o monge coloca seus pertences na sua sacola de viagem. Quando ele ia pegar seu bastão de viagem a porta de seu quarto se abre, eram Redris e Zanete, eles estavam ali a sua porta, unidos, de mãos dadas. Então ela fala:

    - Conversamos muito a respeito, e iremos acompanha-lo em sua jornada. Existem ainda muitas coisas que precisam ser esclarecidas, além de segredos que minha própria ordem, Arakna, escondeu de mim. Mas antes quero resolver o problema da maldição de meu marido... Nos tempos em que estive aqui em União, pude entrar em contato com um arquimago, que concordou em quebrar o feitiço que transforma Redris. E nós gostaríamos que nos acompanhasse, afinal você foi um grande amigo de meu marido, e ele insistiu que estivesse presente para assistir.

    O monge fica feliz e abre um sorriso respondendo:

    - Ora Redris meu amigo! Será uma honra estar lá. Talvez este arquimago tenha poderes adivinhatórios que nos ajude a encontrar Tara e nosso filho.
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2634
    Reputação : 162
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Amoghasiddi - Kether - Página 3 Empty Re: Amoghasiddi - Kether

    Mensagem por Hellkite em Dom Dez 16, 2018 10:14 pm

    O casal fica feliz pela companhia e abraça Amoghasiddi. Era um momento importante, onde finalmente Lady Zan e Redris poderiam se ver livres da maldição que havia estragado sua vida pacata na fazenda, e nada melhor que ter ao lado uma pessoa tão importante para os dois.

    O trio sai da taverna e vai para a rua. O sol estava alto, indicando ser por volta do meio-dia, e as vias estavam movimentadas. Eles então atravessam o ponto de controle para a área nobre da cidade, e dirigem-se ate a casa de Laeroth, que mais parecia um mini-castelo, com torres e sacadas para todos os lados. A propriedade era cercada por um muro alto, e em sua entrada estavam dois vigias.

    Após dizerem que tinham uma audiência com o mago Laeroth, eles tem sua passagem liberada e são levados até uma sala grande, que acomodava facilmente todo o grupo. Estavam ao redor de uma mesa quadrada de madeira castanha quase negra, talhada com motivos silvestres e adornada com pedras preciosas. Nas paredes estavam quadros de pintores famosos da terra dos elfos e de Galia, todos indicando uma cena de batalha, seja contra exércitos como monstros fantásticos. Haviam também alguns pedestais, que continham objetos raros e muito provavelmente mágicos.

    Laeroth estava com o semblante fechado, com as mãos nas temporas e os cotovelos na mesa, continuando nesta mesma posição por vários minutos, sem se alterar, mesmo quando todos se sentaram.

    Finalmente Lady Zan o cutucou, e então Laeroth abriu os olhos.

    Amoghasiddi - Kether - Página 3 Laerot10

    - Ah sim, vocês já estão aqui... Sim, sim... E então, quais as novidades sobre o caso?

    A monja olhou sério para Laeroth.
    - Lembra quando eu falei que ia trazer meu marido aqui para que pudesse livra-lo da maldição? Aqui estou! - diz em tom firme.

    O elfo levanta-se e olha para Amogha. “Por favor deite-se na mesa...”

    “É o outro!”, exclama Lady Zan.

    O elfo acena com a cabeça. “Que seja, que seja... Deite-se do mesmo jeito...”

    Redris duvida da sanidade mental daquele mago, mas sem muitas alternativas, ele sobe na mesa e se deita. Laeroth coloca e acende varias velas ao seu redor, e queima incenso com cheiro de ervas medicinais. Toma um pouco de hidromel e começa a murmurar palavras arcanas. Lady Zan esta apreensiva, e se apoia em Amoghasiddi, mordendo o lábio inferior de preocupação.

    Laeroth continua a movimentar as mãos mais rápido e mais rápido, e suas palavras aumentam de intensidade. A forma de Redris, de rapaz ruivo franzino, começa a tremeluzir e a brilhar, com uma luz magica amarela de grande intensidade, impedindo que os monges pudessem discernir alguma coisa.

    Subito, uma explosão multicolorida ocorre!

    Os olhos dos presentes demoram para se acostumar... Até que podem reconhecer Redris... Em sua forma de barbara humana ruiva!

    Amoghasiddi - Kether - Página 3 Redris11

    Lady Zan da um grito e corre ate Redris, que estava inconsciente... Sem crer, a monja passa a mão pelo corpo do esposo esposa, e constata a feminilidade do marido. Ela se volta para o mago, raivosa. “Deu errado! Faça de novo! Você o deixou na forma amaldiçoada!”

    Laeroth permanece com a face impassível.
    - Pelo contrario, deu certo. A maldição foi eliminada. Esta é a forma natural dele. Ou dela.

    O impacto da noticia foi muito forte. A monja recua dois passos, incrédula. A mão no peito para buscar ar. E pela primeira vez na vida, Zannete desmaia.
    Kether
    Garou de Posto Cinco
    Kether
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2293
    Reputação : 91
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1312.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh26.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh34.png

    Amoghasiddi - Kether - Página 3 Empty Re: Amoghasiddi - Kether

    Mensagem por Kether em Seg Dez 17, 2018 1:02 pm

    O monge também fora pego de surpresa com a revelação do mago elfo que não conseguiu segurar Zannete que desmaiava ao seu lado. Ao reparar que a bela monja havia caído ele segue ao seu corpo no chão e tenta trazê-la de volta.

    - Zan... Zan... - falava enquanto dava leves tapinhas na face de Zannete, tentando acordá-la.

    Ele intercalava as tentativas de acordar Zannete com perguntas para o mago.

    - Mas como? Essa forma é a forma real de Redris? Não é possível!

    Então ele voltava as atenções a Zannete, e novamente fala para o elfo enquanto fecha os olhos e acalma seu coração utilizando suas habilidades de combate para perceber as emoções daquele mago.

    - Isso só pode ser uma intervenção de Bloodrayne! Redris fora encontrado ainda criança e era um menino! Você tem absoluta certeza de que a maldição fora desfeita?

    Ele se concentra nas reações do mago para verificar se haveria alguma pista da verdade naquilo que ele falava.
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2634
    Reputação : 162
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Amoghasiddi - Kether - Página 3 Empty Re: Amoghasiddi - Kether

    Mensagem por Hellkite em Sex Dez 28, 2018 11:20 am


    Amoghasiddi - Kether - Página 3 Lady_z10

    - Isso só pode ser uma intervenção de Bloodrayne! Redris fora encontrado ainda criança e era um menino! Você tem absoluta certeza de que a maldição fora desfeita?  

    O monge não podia crer naquela sequencia de eventos... Tudo que lhe havia sido contado sobre os anos de felicidade que haviam passado a sua cunhada com Redris, todas as memorias que tiveram juntos agora pareciam apenas uma brincadeira maléfica das deusas! O mago se defende das acusações de fracasso, mostrando as palmas de suas mãos.

    - Não houve intervenção divina de nenhum tipo, rapaz! Somente utilizei de meus poderes arcanos para cancelar as radiações mágicas que estavam agindo sobre esta mulher. Tenho a mais absoluta certeza que a maldição foi eliminada - diz com autoridade, e Amogha com toda sua experiência, viu que era verdade a sua palavra.

    Zannete se recobrou aos poucos, levantando-se vagarosamente e se apoiando na mesa onde ainda estava deitada a desacordada Redris. A monja leva a mão até a testa como se pudesse com isto segurar sua sanidade mental.

    - Como... pode... ser isto? Quer dizer que o rapaz com quem me apaixonei, o homem com quem eu sou casada, nunca existiu? Que as transformações na realidade eram a magia que estava começando a falhar para deixa-lo naquele estado? E agora, o que eu faço com este meu sentimento? - diz, com a mão esquerda sobre o peito.

    O elfo ancião acena com a cabeça, com a mão no queixo, achando interessante tudo aquilo.

    - De fato... O rapaz parecia mais jovem, esta mulher do norte parece ter sua idade, Zannete. Maldições podem agir desta maneira, mudando a aparência física, como você mesmo notou, inclusive para alguém mais jovem. Mas qual o problema do seu marido ser uma mulher? Por dentro ele continua a mesma pessoa que voce sempre amou...

    Lady Zan olha incrédula para Laeroth.

    - Qual o problema? Qual o problema? Ah, somente os elfos para ver as coisas dessa forma! - diz, achando inútil querer explicar o obvio para alguém de uma cultura tão diferente.

    A monja se vira para Amogha, desesperada.

    - Irmão, e agora, o que eu faço? A pessoa que eu mais amo esta aqui, deitada, mas ao mesmo tempo, não é ela! Ao retirar a maldição, Laeroth matou o Redris que eu amo!

    Descontrolada, ela se volta novamente para o mago elfo. Ela aponta para Redris, que continuava a dormir.

    - Coloque de volta a maldição e faça que jamais a forma dessa mulher apareça! Faça agora! - comanda, com fúria nos olhos.

    Kether
    Garou de Posto Cinco
    Kether
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2293
    Reputação : 91
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1312.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh26.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh34.png

    Amoghasiddi - Kether - Página 3 Empty Re: Amoghasiddi - Kether

    Mensagem por Kether em Sex Jan 04, 2019 10:33 am

    O monge se põe entre a cunhada e o mago em postura defensiva, não para proteger o mago mas para proteger Zan dela mesmo.

    - Não se deixe levar pela fúria! A fúria só vai trazer para você mais sofrimento e dor. Sempre que foi levada por ela a dor aumentou. Vamos aguardar Redris acordar e traçaremos o que fazer. Mantenha-se firme no seu amor por Redris, independente da aparência. O amor não morre assim tão facil Zannete. Laeroth deixe-nos por hora, eu lhe procurarei para conversarmos com os ânimos mais calmos! - diz gesticulando para que o elfo saia.

    Ele então dá um passo para frente e a abraça com carinho afagando-lhe a cabeça.

    - Zan, eu irei ajudá-los a conseguirem ficar juntos. Iremos encontrar uma solução para isso, mas precisamos aguardar Redris acordar. E então buscaremos uma forma de trazer o Redris.

    O monge olha para a bela bárbara deitada com seus cabelos longos vermelhos caídos sobre os ombros e colo.

    "Ela realmente é muito bela... E Zannete está mais... Amogha afaste estes pensamentos" - pensa consigo mesmo.

    - Esta será uma provação para todos nós minha querida cunhada. - aquilo era mais para ele do que para a mulher em seus braços era impossível ele não ter nenhum reflexo.

    Zannete era uma mulher linda, sempre o fora e ainda mais com a inesperada revelação dela, Amogha passara mesmo que inconscientemente a vê-la de forma diferente, quanto a ruiva Redris desde a primeira vez que a vira ele a achou muito atraente, o que levou dentre outros motivos ele sempre pedir para que ela usasse um manto que cobria-lhe todo o corpo e rosto.

    Ele aperta Zannete um pouco mais junto ao seu corpo e lhe sussurra próximo ao ouvido:

    - Estarei aqui ao seu lado até que possamos resolver isso...
    Conteúdo patrocinado


    Amoghasiddi - Kether - Página 3 Empty Re: Amoghasiddi - Kether

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Dom Dez 08, 2019 11:27 am