Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    Barbacena

    Compartilhe
    LuizBaggio
    Neófito
    avatar
    Neófito

    Mensagens : 23
    Reputação : 2

    Barbacena

    Mensagem por LuizBaggio em Sex Mar 02, 2018 11:35 am



    Resumo

    Barbacena é um município do estado de Minas Gerais, no Brasil. Localiza-se a uma latitude 21º13'33" sul e a uma longitude 43º46'25" oeste. Sua população estimada em julho de 2017 era de 136 689 habitantes.

    É um grande produtor de frutas e de flores. Se destaca como centro de ensino, com expressiva influência regional, tendo também um comércio diversificado. Barbacena fica na Serra da Mantiqueira. Dista 169 quilômetros da capital do estado, Belo Horizonte. O município, com 788,001 quilômetros quadrados, ocupa o sítio de um antigo aldeamento de índios puris, na região conhecida como Campo das Vertentes.



    Fatos Notórios

    O Hospital Colônia de Barbacena foi fundado em 1903 e, após pouco tempo de sua inauguração, tornou-se referência nacional em Psiquiatria, sendo procurado por diversas famílias que buscavam tratamento para seus "desajustados".

    Tendo inicialmente cerca de 200 leitos. O Colônia estava operando muito acima de sua capacidade normal, contanto com em média 5 mil pacientes por internação na década de 1950 - Há um relato, do Doutor Jairo Toledo, que em um único dia, dezessete pacientes vieram a morrer durante a madrugada, vítimas do intenso frio.

    Os pacientes, oriundos de diversos estados do Brasil, chegavam em Barbacena por trem, em vagões abarrotados, cuja condição desumana fez surgir a expressão "trem de doido" para significar viagem ao inferno.

    Enquanto o plano do Hospital Colônia era primariamente atender a pessoas com transtornos mentais, o local acabou por tornar-se um campo de extermínio para aqueles que não se adequavam aos padrões normativos da época ou não atendiam aos interesses políticos de classes dominantes.

    Com o alto índice de mortalidade no Colônia, o cemitério próximo já não possuía mais espaço para comportar tantos mortos. Visando uma alternativa, funcionários corruptos encontraram no tráfico de corpos uma maneira de amenizar a situação e lucrar com isso - Diversas Universidades ao redor do país encomendavam os restos mortais das vítimas do Colônia para seus Laboratórios Anatômicos, como por exemplo a Faculdade de Medicina da Universidade de Minas Gerais. Quando a procura era baixa, os corpos eram meramente dissolvidos em ácido.



    Cultura Local

    A cidade tem um calendário de eventos e festividades no qual se destacam o Jubileu de São José realizado em abril, a Exposição Agropecuária, em maio e a Festa das Rosas, em outubro.

    Na Casa da Cultura, antigo prédio da primeira cadeia pública, funciona a Biblioteca Pública Municipal e o Conservatório Municipal. O prédio foi tombado pelo IEPHA em 1983, embora tenha recebido diversas reformas até a última década de 80, o que adulterou sua conformação original. A Casa tem história para contar: abrigou o primeiro quartel do século XIX, serviu de casa de detenção dos revoltosos da histórica Revolução Liberal, em 1842, e até 1953 funcionou como espaço prisional. Em seguida, recebeu a Escola Normal do município e, entre 1957 e 1980, sediou a Faculdade de Odontologia de Barbacena.
    vontheevil
    Sacerdote de Cthulhu
    avatar
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2793
    Reputação : 13
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/512.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Re: Barbacena

    Mensagem por vontheevil em Sex Mar 02, 2018 2:46 pm

    FUPAC - Sexta feira, perto da hora do almoço, saio da última aula da manhã, passo no refeitório e pego 3 latinhas de brahma, e sigo para o fundo da faculdade - para o outro lado da rodovia, depois do estacionamento, onde o povo se encontra pra fumar maconha. Marcos e o povo da Geologia estão la assim como a Manoela de arquitetura e o Francisco (não sei que curso o Francisco faz).

    Sento com eles 15 minutinhos e comento que estou pensando em matar as aulas práticas da tarde e almoçar em casa, precisava só de uma ou 2 bolas pra abrir o apetite. Não, não tenho nada comigo, mas trouxe umas beras. Sim, só um nadinha pra dividir aqui. Pergunto se algo vai acontecer de tarde ou mais a noite? Final de semana ja começou pra mim, tem algo bom rolando nos arredores?
    Puxo papo com todos ali, largo metade da minha lata na mão de alguém agradeço o ciga e me despeço, falou povo deixa eu descobrir o que a Val fez de almoço la em casa, deixa eu pegar estrada. Cumprimento todos de longe e volto pra casa pensando: esqueci de passar na sala da Anne, vou mandar uma mensagem mais tarde dizendo que fiquei com preguiça das aulas práticas e to indo dormir
    LuizBaggio
    Neófito
    avatar
    Neófito

    Mensagens : 23
    Reputação : 2

    Re: Barbacena

    Mensagem por LuizBaggio em Seg Mar 05, 2018 11:58 am

    O clima daquele dia estava bastante preguiçoso – com nuvens acinzentadas que cobriam o firmamento, ocultando o Sol e deixando a cidade sob uma fina sombra. Ela, aliada à suave brisa, fazia convite a qualquer um para se relaxar e adormecer. No entanto, ainda era meio dia e, inopinadamente, praticamente todos voltariam aos seus afazeres, mesmo desejando mais um pouco de descanso.

    Uma constante exceção à essa regra: Alex.

    Partindo da faculdade, Alex vencia as distâncias da estrada com bastante facilidade, muito embora houvesse acabado de ingerir álcool e maconha, fosse pela familiaridade do percurso, fosse pela resistência aparentemente inata que o jovem homem possuía para lidar com essas substâncias, estava indo bem. Todavia, na altura do cruzamento da Rua Tomás Gonzaga com a João Pinheiro, pelo qual normalmente passava para chegar ao bairro nobre de Campos, onde morava com a família, fora obrigado a parar.

    Um homem fardado acenara para que encostasse o carro, enquanto outro homem devolvia documentos para um motorista anteriormente parado. Formando fila com outro carro à frente, parados sobre o acostamento, e outro veículo, cujas luzes vermelha e azul banhavam os arredores, fizera as mãos de Alex gelarem. Era uma blitz.

    Alex sentia o nervosismo aumentar um pouco, quando os traços do policial já se mostravam completamente nítidos.


    - Boa tarde... Documentos, por gentileza.

    O policial parecia incomodado.
    vontheevil
    Sacerdote de Cthulhu
    avatar
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2793
    Reputação : 13
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/512.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Re: Barbacena

    Mensagem por vontheevil em Ter Mar 06, 2018 9:07 am

    Respiro fundo e sem parecer afobado retiro os óculos escuros, baixo o vidro do carro e coloco o som no mudo antes de chegar na blitz - o ideal é sempre parecer pronto a ser reconhecido e a cooperar

    - Boa tarde... Documentos, por gentileza.

    - Claro, puxo do porta luvas o documento e pego minha carteira de motorista do carteira

    espero ele recolher os papeis e continuo

    -aconteceu algo senhor? o movimento na faculdade até aqui parece normal.... (sempre é bom colocar na cabeça deles que a gente é estudante - 2 ou 3 bolas de um baseado e uma latinha incompleta não me acusarão de nada mesmo num possível bafômetro) continuo encarando o policial com um sorriso discreto no rosto
    LuizBaggio
    Neófito
    avatar
    Neófito

    Mensagens : 23
    Reputação : 2

    Re: Barbacena

    Mensagem por LuizBaggio em Qua Mar 07, 2018 11:13 am


    Alex pôde ver as palavras “Sgto. Rodrigues” na placa de identificação do policial.

    O sargento colhera a documentação de Alex e, logo em seguida, fora acompanhado do outro policial, mas deste não fora possível identificar o nome. Em seguida, ambos os policiais se afastaram alguns poucos metros de seu veículo e começaram a conversar algo, em baixo tom.

    Alex conseguira apenas compreender com clareza algumas poucas palavras esparsas.


    - Doutor... Atentado... Perto... Saídas...

    Cria, Alex, que o policial houvera ignorado sua pergunta, ou que qualquer coisa do gênero houvesse ocorrido. Na realidade, não se importava muito com o que quer que fosse, contanto que pudesse seguir seu caminho. No entanto, ao retornarem os policiais para próximo do carro de Alex, devolveram seus documentos e, então o sargento respondera:

    - Você é o filho do doutor, não é? - a cidade era relativamente pequena e, como tudo corre à boca miúda, o sargento não pôde evitar um certo ar de desdém ao tratar com um dos mais proeminentes projetos de escória que os ricaços da cidade produziram. - Nada que deva lhe preocupar... Me diga, por um acaso viu algum sujeito alto, com cabelo castanho, mais ou menos até aqui (o policial demonstrara com as mãos, à altura dos ombros)? Atende pelo nome de Thiago.
    vontheevil
    Sacerdote de Cthulhu
    avatar
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2793
    Reputação : 13
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/512.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Re: Barbacena

    Mensagem por vontheevil em Qui Mar 08, 2018 8:43 am

    coração batendo rápido enquanto os policiais conversam, tento manter um sorriso discreto no rosto e um olhar tranquilo

    - Você é o filho do doutor, não é?

    -Sim, a maldição dos nomes iguais não é mesmo? sou o terceiro Alex, mas não sigo os passos dos outros dois


    - Nada que deva lhe preocupar... Me diga, por um acaso viu algum sujeito alto, com cabelo castanho, mais ou menos até aqui (o policial demonstrara com as mãos, à altura dos ombros)? Atende pelo nome de Thiago.

    -Frequenta a faculdade? (paro e penso e respondo com toda a sinceridade) não, não o vi.
    LuizBaggio
    Neófito
    avatar
    Neófito

    Mensagens : 23
    Reputação : 2

    Re: Barbacena

    Mensagem por LuizBaggio em Ter Mar 13, 2018 4:25 pm

    O policial de nada desconfia, relativamente a eventuais nervosismos de Alex. Este era bastante convincente quando queria ou precisava, no entanto, o sargento torcera o nariz para o comentário espirituoso acerca dos nomes herdados. Talvez porque ele não tivesse achado graça, ou mesmo porque trouxesse certo desdém por aquele que julgava ser um caso perdido. Independentemente, Alex percebera o desgosto do sargento.

    - Certo... – respondera o policial. – Obrigado, de qualquer forma. Cuide-se! – O policial agora forçava a expressão para parecer simpático a Alex, sorrindo-o, sendo nítido, no entanto, que não se tratava de gentileza, mas nervosismo.

    Desta vez Alex estava livre, mas aquela blitz não era normal – não naquela hora, nem naquele local. Interrompido em seus pensamentos, quando os policiais já haviam se afastado razoavelmente de seu carro, o telefone tocava. Era Anne.
    vontheevil
    Sacerdote de Cthulhu
    avatar
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2793
    Reputação : 13
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/512.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Re: Barbacena

    Mensagem por vontheevil em Seg Mar 26, 2018 11:09 am



    dirijo mais uns 2 minutos e procuro um acostamento para ligar de volta para Anne

    -Desculpe, acabei saindo mais cedo da faculdade porque não estava me sentindo tão ok assim, e quando você me ligou estava parado numa blitz aqui perto da curva fechada da BR, tudo bem com você menina?
    Conteúdo patrocinado


    Re: Barbacena

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Ter Set 25, 2018 7:39 pm