Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    [!Solo!] O vento frio da noite eterna

    Compartilhe
    Kether
    Mestre Jedi
    avatar
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1335
    Reputação : 46
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh26.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh34.png

    [!Solo!] O vento frio da noite eterna

    Mensagem por Kether em Seg Mar 26, 2018 4:21 pm

    @noasinclair
    Floresta do Grande Carvalho, extremo leste de Querion, 2 meses de viagem distante da Cidadela dos Elfos, dois anos antes da Guerra entre Vallys e Volken.

    - Deixe de ser preguiçosa! Mexa estas asas e vamos logo! Aqueles elfos irão para o rio, parece que vão fazer alguma coisa importante e eu estou curioso para saber o que é!

    Deodora abria os olhos despertando enquanto seu irmão Dwen fazia todo aquele barulho a acordando.

    - Dwen, me deixa dormir... - responde preguiçosamente Deodora.

    - Vamos irmã! Eles já passaram!!!

    Dwen estava realmente com pressa e parte antes mesmo de Deodora se levantar da pequenina calosidade que havia no buraco da árvore que ela fazia de cama no refúgio dela e de seu irmão. Ela acompanha o irmão partir com os olhos e tomada pela preguiça demora ainda mais alguns minutos, tempo o suficiente para que sua preguiça e sono sejam cortados com o barulho típico de um trovão.

    "Mas como? O céu está azul e sem nuvens! Dwen!!!"  - pensa a jovem Pixie, constatando o perigo pelo qual seu irmão mais novo poderia passar.

    Ela então sai voando em sua velocidade máxima rezando para Mielikki, a deusa das florestas, para que seu irmão estivesse bem. Ela chega próximo ao rio vê os elfos que o irmão havia falado, mas também percebe que eles não estavam brincando como sempre faziam nem estavam de mãos dadas ou assoprando um na boca do outro (como ela pensava que era naquele tempo), nem trajavam as roupas leves que costumavam eles usavam roupas mais pesadas ou deles parecia usar uma placa de metal sob o tronco e nas pernas couro, enquanto o outro usava também uma proteção sobre o tronco mas com saliências diferente da proteção lisa do outro elfo, e no lugar de pernas de couro usava um pano que cobria as pernas como se fosse uma rosa recém aberta.

    Eles pareciam lutar contra uma criatura feita de sombras, o combate é feroz com a elfa atacando com magias como relâmpago enquanto o outro elfo seguia correndo com uma espada com a lâmina em chamas. Deodora observa a cena mais preocupada em encontrar o irmão do que com o desenrolar da luta. Enfim ela encontra o irmão que estava escondido, mas tentando se aproximar mais da luta.

    A criatura então começa a conjurar uma bola de energia negra, a elfa conjura uma barreira e o elfo se posiciona defensivamente entre a barreira e a maga. A criatura termina a sua magia e lança a bola na direção dos elfos, Dwen estava no caminho da magia da criatura. Deodora voa novamente com todas as suas forças para salvar o irmão se colocando entre ele e a magia daquele ser de sombras.

    Deodora sente aquela energia tocando seu pequenino corpo, era frio mas não como gelo que com o tempo queimava, era apenas frio. Então ela se vê sendo englobada pela magia que passa pelo corpo do irmão mas não causa nenhum efeito nele. Ela fica aprisionada na esfera de energia negra que colide com a barreira mística da elfa, mas ela continua seguindo até entrar em contato com o elfo que estava parado logo atrás da barreira.

    O jovem elfo também é englobado pela magia, então a esfera para e por algumas frações de segundo Deodora vê seu irmão olhando para ela com lágrimas nos olhos, a criatura de sombras se esvaindo e a elfa parecia gritar algo e gesticular na direção onde estavam. E então apenas trevas.

    [...]

    Floresta das Trevas, Volken. Instantes depois.

    Deodora abria os olhos, ela está sozinha caída no chão. Ela olha ao redor não havia ninguém e as folhagens densas das árvores bloqueavam a passagem dos raios do sol. Ao longe ela escuta sons estranhos que ela nunca havia escutado. Ela tenta voar mas suas asas estão feridas, a dor é lacerante então ela corre com suas pequenas pernas na direção do ruído. Quando ela se aproxima ela vê um grupo de criaturas maiores que os elfos, e muito mais fortes. Alguns tinham a pele cinza outros esverdeadas, seus rostos lembravam o rosto de um Javali mas com feições que lembravam os elfos ou mesmo de outros Pixies.

    Era um grupo grande, eram oito ou dez destas criaturas, usando proteções de ferro e armas grandes e pesadas. Eles caminhavam lentamente ao lado de uma coisa que parecia ser feita com árvores, mas tinham um corte de árvore rolando presa a ela e era isso que fazia este barulho e dois grandes animais que pareciam javalis gigantes, mas tinham as presas no alto da cabeça e eram maiores até que as criaturas que os levavam, a puxavam com bastante esforço. Tanto que várias vezes uma das criaturas batia com um chicote nos pobres animais.
    noasinclair
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 166
    Reputação : 1

    Re: [!Solo!] O vento frio da noite eterna

    Mensagem por noasinclair em Ter Mar 27, 2018 12:24 pm

    Sua mente divagava sobre as lembranças boas que tivera, ainda aturdida. Se remexia tentando despertar, como se de alguma forma ainda tivesse no confortável orifício daquele carvalho.
    Sua barriga roncava aguardando o tão desejado desjejum. No entanto, logo era alvejada pelas recordações de instantes atrás. Relâmpagos... Elfos de armadura! Monstro de sombras?! Dwen... e por fim a esfera de energia negra!!
    Aterrorizada enfim conseguia as energias que lhe faltavam para despertar tomando um profundo fôlego, indagando em seguida para ninguém e para todos.

    -- Dwen !!?

    Sua voz rouca e sem força quase não saía, foi então que se apoiou no chão, levantando com certa dificuldade e tentou voar para procura-lo... em vão. Sentia aquele desconforto e percebia que suas asas estavam feridas.
    Não houve tempo para raciocinar, aquele som estranho era ouvido e instintivamente suas pernas corriam em sua direção, na esperança de encontrar seu irmão.
    Ofegante, com a adrenalina a flor da pele, seus olhos se arregalavam perante o que estava por vir.
    Neste momento, Deodora percebera que já não estava mais na Floresta do Grande Carvalho.

    Seu corpo fraquejava e se estremecia ao mero vento que soprava, sentido suas asas formigarem naquela dor que embora fosse suportável, não estava acostumada a sentir.
    Suas pernas haviam lhe trazido para um cenário tão incomum que parecia ser um pesadelo. Se escondia na primeira oportunidade que tinha, em algum ramo ou pedra que pudesse oculta-la e observava tudo com a mente distante.

    "Dwen... onde está você?''

    Seus pensamentos se voltavam para o paradeiro misterioso de seu irmão, mas logo se via impotente perante aquela situação. Aquelas criaturas estranhas, o que poderia ser? Aquela imagem corrompida das coisas...
    Seria este o inferno que algumas lendas élficas pregavam? Onde estaria Mielikki? ...

    Com sua fé abalada pelo choque que estava tendo, Deodora suspirou profundamente fitando aquelas grandes criaturas sendo chicoteadas e começou a analisar todas as possibilidades, o que ela, um ser diminuto, poderia fazer para liberta-las? ou ajuda-las de alguma forma a romper seus grilhões e encontrarem a liberdade?
    Mesmo tendo seus próprios problemas para lidar, não cabia em seu coração saber que qualquer um que seja fosse subjugados e aprisionados por outros.

    Se mantinha oculta entre a grama rasteira e começava a cogitar seus próximos passos, pois de qualquer forma, ficar ali sem fazer nada, já não era uma opção para pequena Pixie assustada.
    Seu peito encheu-se de coragem, com seus punhos cerrados, pronta para colocar seu plano em ação.
    Kether
    Mestre Jedi
    avatar
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1335
    Reputação : 46
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh26.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh34.png

    Re: [!Solo!] O vento frio da noite eterna

    Mensagem por Kether em Qui Mar 29, 2018 3:57 pm

    Deodora observava o grupo passar buscando uma chance de avançar e tirar aqueles pobres animais da sua situação oprimida. Quando já se preparava para avançar para baixo o objeto que os animais puxavam ela ouve som de cães acompanhados por passos e também passos de cavalo. Ela continua escondida até que consegue avistar um grupo pequeno de três criaturas sendo duas como aquelas que passaram a pouco.

    Dois deles vinham com dois cães de caça negros presos em coleiras e trajavam proteções de ferro que pareciam um monte de elos unidos uns aos outros que cobriam o peito até o meio das coxas, além dos braços até o punho. O terceiro deles estava um pouco mais atrás e vinha montado num cavalo de guerra com armadura de metal.



    Este pequeno grupo ainda estava distante o suficiente para Deodora se afastar dali, mas ela poderia se arriscar a seguir em frente e tentar se esconder no objeto que os animais puxavam...
    noasinclair
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 166
    Reputação : 1

    Re: [!Solo!] O vento frio da noite eterna

    Mensagem por noasinclair em Qui Mar 29, 2018 5:01 pm

    Hesitava ao notar aquelas feras ao longe, acompanhadas daquela estranha montaria metálica. O que poderia ser aquilo? Nunca antes havia presenciado algo assim. Mesmo que decidisse partir, para onde ela iria? Se nem sequer sabia onde estava... Seu corpo tremia, suando frio, e sabendo da ameaça que aqueles cães lhe representavam, podendo possivelmente ser farejada por eles, Deodora não teve outra escolha, não poderia apenas fugir sem saber o paradeiro de seu irmão, ela precisava agir!

    Tudo aquilo estava muito estranho e ela passou a almejar saber o que estava havendo. Seu coração se comprimia de preocupação a todo instante pensando em Dwen, fazendo com que a pequena pixie tomasse a difícil decisão de se arriscar. "Sou tão pequena... Qual a chance de ser vista no meio desse comboio barulhento?"

    Abraçando a pouca coragem que lhe restava, afoita, ela então seguia furtivamente, se esgueirando entre as ramas, pedras e arbustos que podiam ter no caminho em direção á aquele objeto de metal que os animais carregavam, pois talvez se conseguisse se esconder ali, pudesse ter mais respostas do que tinha até o presente momento e quem sabe assim, simultaneamente ajudar aquelas criaturas escravizadas.
    Seu peito latejava em adrenalina, tendo seus movimentos precisos para que não fosse notada, suportando sua dor o máximo que podia para que pudesse ter êxito em seu feito.
    Kether
    Mestre Jedi
    avatar
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1335
    Reputação : 46
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh26.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh34.png

    Re: [!Solo!] O vento frio da noite eterna

    Mensagem por Kether em Ter Abr 03, 2018 7:58 pm

    A pequenina junta toda a sua coragem e parte seguindo a estranha e perigosa comitiva. Eles seguem por bastante tempo, uma viagem pesada para a pixie mas o ritmo com que seguiam não era muito acelerado para aquelas criaturas mas para Deodora era uma marcha acelerada. Quando ela já sentia que não teria mais forças para segui-los, enfim a comitiva para.

    Deodora segue então para o alto de uma árvore, suas asas já não doíam tanto e já conseguia voar (apesar de não ser com a usual desenvoltura mas era melhor que ficar no chão cheio de perigos. Ela agora de uma posição privilegiada pode ver uma cena que congelou seu sangue e causou uma dor no peito. Era uma sensação similar ao pânico.



    Um grande exército daquelas criaturas se agrupava nas cercanias de um forte. Um grande acampamento com pelo menos 20 fogueiras estavam ali. Fora a guarnição que deveria ter no forte, pelo menos umas 600 criaturas como aquelas estavam ali. Sem contar agora 10 seres alados montados sobrevoavam a fortaleza.

    montarias aladas:


    noasinclair
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 166
    Reputação : 1

    Re: [!Solo!] O vento frio da noite eterna

    Mensagem por noasinclair em Ter Abr 03, 2018 11:19 pm

    Aquela exaustiva marcha estava deixando Deodora letárgica, vacilando em alguns momentos ao pestanejar sobre aquela peça metálica na qual havia se alojado, mas se esforçava para permanecer consciente durante toda viagem, pois sabia do perigo que estava correndo. Foi quando pensou em largar a comitiva por um tempo para poder repousar que notou que eles finalmente pararam. Seu olhar se atenuou ao redor e não hesitou em voar para aquela árvore assim que sentiu que podia fazê-lo. Neste momento, Deodora esfregava os olhos aturdidas, duvidando do que estavam diante dela. Aquele exército aterrador, juntamente com aquelas estranhas criaturas aladas, fazia com que um profundo pressentimento ruim lhe trouxesse uma terrível sensação em seu peito. Juntava as mãos como se fosse iniciar uma prece, mas não conseguia tirar os olhos arregalados daquela cena na qual estava distante de tudo o que já havia presenciado em toda sua vida. Seus olhos lacrimejavam instintivamente e suas pernas bambeavam. Paralisada, titubeou em sair daquela posição de impotência, até que engoliu seco e se enfiou nas folhagens da árvore, buscando um local onde pudesse se deitar oculta daqueles seres que aparentavam nefastos ao seu pré-julgamento.

    Suava frio e tinha calafrios meramente pelo medo que estava sentindo. Seu corpo estava cansado e ela carecia de um bom descanso após ter acompanhado aquelas criaturas por tanto tempo. Mas ainda assim era difícil pregar os olhos, visto que ela se sentia no meio da cova dos leões, como se a qualquer momento fosse ser encontrada e devorada por aqueles monstros de asas. Encolhidinha, Deodora começou a sussurrar para si mesma uma canção de ninar que sua mãe cantava para ela quando criança. Suas memória vagavam para o conforto de seus familiares, trazendo proximidade ás tradições feéricas que tinham em comunhão, para que pudesse conceder conforto ás suas preocupações e que talvez pudesse cochilar um pouco.

    Mesmo que não conseguisse de fato dormir, após descansar como podia, iria voltar a observar aquele grande agrupamento de criaturas que nunca antes havia visto e tentar entender o que pretendiam ali, e claro, sempre buscando qualquer indício que pudesse levar á alguma pista do paradeiro de seu irmão Dwen. Enquanto analisava entre as brechas que as folhos proporcionava, também iria procurar o que se alimentar, tendo em mente que se aquela árvore não possuísse frutos, teria de comer algumas folhas para manter o sustento de seu corpo.
    Kether
    Mestre Jedi
    avatar
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1335
    Reputação : 46
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh26.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh34.png

    Re: [!Solo!] O vento frio da noite eterna

    Mensagem por Kether em Seg Abr 16, 2018 8:11 pm

    Kether efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
    5
    +6


    Kether efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
    16
    +2
    Kether
    Mestre Jedi
    avatar
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1335
    Reputação : 46
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh26.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh34.png

    Re: [!Solo!] O vento frio da noite eterna

    Mensagem por Kether em Seg Abr 16, 2018 8:15 pm

    Deodora se alimentava de folhas quando consegue perceber que alguma criatura se aproximava furtivamente dela, porém devido a folhagem ela ainda estava fora da visão, mas a pequenina Pixie sabia exatamente onde a criatura estava. A criatura circundava a árvore onde ela estava escondida, usando provavelmente do mato alto e das árvores caídas como forma de se camuflar.
    noasinclair
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 166
    Reputação : 1

    Re: [!Solo!] O vento frio da noite eterna

    Mensagem por noasinclair em Seg Abr 16, 2018 9:39 pm

    Ao notar o primeiro sinal de movimentação por de trás da folhagem, de súbito ela se assustava, arregalando os olhos instintivamente para tentar ver o que quer que fosse a origem do que a espreitava. Mas ela não pensou duas vezes, rapidamente sem hesitar Deodora se levantou e começou a subir até a copa da árvore, não somente para se manter em segurança, como também para encontrar um ponto onde pudesse ver do que se tratava aquela criatura. Caso fosse uma cobra ou qualquer outro tipo de ameaça, rapidamente tentaria migrar para alguma outra árvore próxima ou algum lugar onde pudesse se esconder novamente. Seu peito acelerava em uma cólera que só existia em momentos de tensão e adrenalina simultânea, arfando, ela esticava bem suas asas, tencionando os joelhos, já se preparando para voar caso fosse necessário.
    Kether
    Mestre Jedi
    avatar
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1335
    Reputação : 46
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh26.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh34.png

    Re: [!Solo!] O vento frio da noite eterna

    Mensagem por Kether em Sex Abr 20, 2018 3:14 pm

    A Pixie repara que as folhagens pararam de se mover, ela se preparava instintivamente para saltar e voar. Foi então quando um sono começou a tomar conta da jovem pixie que vai perdendo os sentidos e tudo fica escuro.

    [...]

    Deodora vai acordando e a primeira sensação que tem é de algo gelado prendendo sua perna esquerda. Ela tateia com as mãos ao mesmo tempo que abre os olhos. Uma corrente... ela estava acorrentada a um poste de metal. Ela vai se sentando enquanto puxa a corrente tentando em vão se soltar. Ela olha ao seu redor. Ela estava no que parecia ser um quarto, não era uma grande tenda como a que os elfos usavam, não era muito maior.

    Ela vê um grupo de quatro pessoas sentadas num dos cantos da cabana. Eles estavam ao redor de uma mesa grande com vários objetos colocados na mesa. Eles discutiam e moviam os objetos, falavam mais tiravam alguns dos objetos ou colocavam outros. Mudavam a arrumação e falavam mais e mais. Porém a Pixie não entendia o que eles falavam. Naquele tempo ela falava apenas a linguagem dos seres da floresta o Silvan.

    O grupo que ela viu:

    Shan


    Giulia


    Arang


    Leona



    Um daqueles cavaleiros negros entra na cabana, faz uma reverência para o homem de cabelos negros, fala alguma coisa e após um gesto breve do homem ele sai.

    Neste momento o homem de cabelos negros se vira para Deodora e sorri para ela. E caminha em sua direção.

    - Olá pequenina, desculpe a forma rude que lhe trataram, mas desejo saber se és uma espiã ou se apenas estava no lugar errado na hora errada. Por isso as correntes. Mas não perca seu tempo tentando quebrá-las elas foram criadas magicamente e absorvem a magia do seu corpo. Me chamo Shan, e sou um mago. Como se chama pequenina Pixie? E o que faz aqui em Volken?
    noasinclair
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 166
    Reputação : 1

    Re: [!Solo!] O vento frio da noite eterna

    Mensagem por noasinclair em Seg Abr 23, 2018 6:06 pm

    Ainda aturdida, olhava para aqueles humanos que ali estavam, tentando entender o que estavam fazendo. Perceber aquela corrente lhe trouxe um arrepio intenso em sua nuca e um pavor contido começava a surgir no âmago de seu peito. Outrora, quando era apenas uma criança, ouvia muito as lendas élficas, enquanto congregava com eles a ceia em datas comemorativas, e foi neste momento que se lembrou que em uma das lendas, haviam seres mesquinhos que aprisionavam Pixies e as tratavam como animais domesticados. Um nervosismo tomava sua cabeça, não era essa vida que queria para si e não poderia admitir que assim fosse. Rapidamente começou a tentar em vão se soltar, quando de repente notou aquele homem se aproximar, ouvindo aquele som familiar ao dizer aquelas palavras em sua língua. -- Você fala a minha língua!? Desculpe?! me tire daqui, não devo nada a ninguém! Eu não faço ideia do que você está dizendo!! E não serei serva de nenhum humano! Por Mielikki, eu juro que vou... Eu vou... Grrr Deodora fechava os punhos e tentava ameaçar dar um soco no rapaz, assim como fazia com seu irmão quando era perturbada, porém, desta vez, ela realmente estava disposta a lutar.
    Kether
    Mestre Jedi
    avatar
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1335
    Reputação : 46
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh26.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh34.png

    Re: [!Solo!] O vento frio da noite eterna

    Mensagem por Kether em Sab Maio 05, 2018 4:23 pm

    A atitude corajosa da pequenina Pixie faz com que o homem sorria.

    - Apesar de sua ameaça pequenina. Não poderei deixá-la sair. E ainda a perdoo por ter sido... - ele para um pouco parecendo buscar a palavra. - Sim! Lhe perdoo por ser tão pouco cortês. Afinal você nos espreitava, eu fui tão caridoso por permitir que continuasse viva e ainda me apresentei...

    Ele olhava para a Pixie aproximando o rosto dela. Por um instante Deodora viu que aquele homem não era normal e que estaria disposto e poderia matá-la a qualquer momento. Ele tinha uma aura de poder emanando dele, ou era o olhar de um grande predador quando avista a presa. Ela não sabia dizer, mas seu instinto de sobrevivência dizia que ela deveria se afastar dele, mas como(?) se ele a mantinha presa por uma corrente mágica.
    noasinclair
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 166
    Reputação : 1

    Re: [!Solo!] O vento frio da noite eterna

    Mensagem por noasinclair em Dom Maio 06, 2018 4:48 pm

    Seu corpo se estremecia com as palavras do sujeito, fazendo com que ainda hesitante, tentasse arriscar alguns passos para trás, encolhendo sua postura outrora determinada.
    Entreolhava os demais no local, esperando que alguém pudesse lhe trazer qualquer tipo de conforto que fosse. A pressão da tensão que se instaurava a deixava em choque e sem reação, mas algo precisava ser feito, antes que fosse julgada como uma opositora de seus conflitos entre nações que nem sequer conhecia. Ainda temerosa diante do rapaz, erguia timidamente a cabeça e fitava seus olhos, para dizer com uma voz suave e levemente rouca.

    -- Desculpe pelo meu jeito... Só sinto que estou sendo injustiçada, eu não estava espreitando vocês. Suspirava enquanto limpava o suor de suas testa e começava a explicar toda a estranha história de seu dia até chegar naquela árvore, esperando que de alguma forma lhe concedessem credibilidade para continuarem o diálogo de forma mais digna. Um olhar tristonho direcionou para as correntes, e com suas pequenas mãos, tentava frustradamente lacear os grilhões, demonstrando que aquilo estava lhe ferindo.

    Seus olhos se enchiam de lágrimas, não conseguindo evitar uma voz lacrimosa para terminar dizendo. -- E é por isso que eu preciso encontrar o meu irmão... Não queria ter causado problemas e nem me envolvido nessa confusão toda! Por favor, eu suplico, me deixe ir...
    Kether
    Mestre Jedi
    avatar
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1335
    Reputação : 46
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh26.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh34.png

    Re: [!Solo!] O vento frio da noite eterna

    Mensagem por Kether em Ter Maio 08, 2018 11:35 am

    O homem olha no fundo dos olhos de Deodora e repara que ainda existia uma fagulha de coragem naquela pequenina criatura.

    - Como posso fazer algo para você se nem ao menos o seu nome você me dá? Apenas quer que lhe concedam seus desejos, mas não está disposta a dar nada em troca? Ora, se nem mesmo os deuses fazem algo sem receber nada em troca, por que você acha que eu iria fazê-lo, pequenina? Afinal, eu estou muito longe de ser um Deus.

    O sorriso daquele homem toma um aspecto feroz quando ele termina de falar. Ele faz um gesto e a mulher negra vem se aproximando.
    noasinclair
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 166
    Reputação : 1

    Re: [!Solo!] O vento frio da noite eterna

    Mensagem por noasinclair em Qui Maio 10, 2018 7:01 pm

    Sua face se ruborescia de nervosismo, suas pernas bambeavam e seus punhos permaneciam cerrados. Mas mesmo estando em uma posição injustiçada de prisioneira mesmo sem ao menos ter cometido nenhum crime, ela resolvia ceder naquele momento.
    Suspirava tentando trazer um ar de serenidade e então passava a mão em seus cabelos, os ajeitando, para que então pudesse dizer segura de si.

    -- Eu me chamo Deodora Ameliwn, nascida e criada na Floresta do Grande Carvalho! Um conflito entre elfos contra uma criatura de Sombras, acarretou em minha chegada nestas terras desconhecidas...

    Seus olhos seu comprimiam a medida que percebia que aquilo tudo poderia soar estranho demais e então pigarreava antes de continuar a dizer.

    -- Tudo bem... Eu explico melhor... A única coisa que eu busco é encontrar meu irmão Dwen, pois no meio do embate que entramos no meio acidentalmente, tive de salvar meu irmão que iria ser atingido por uma esfera forjada em trevas e acabei me sobrepondo na frete... Foi então que tudo ficou escuro e frio... E eu despertei neste lugar. Entende agora? É por isso que me escondi entre seu comboio, imaginei que encontraria respostas de onde estou e qual paradeiro de meu irmão.
    Kether
    Mestre Jedi
    avatar
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1335
    Reputação : 46
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh26.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh34.png

    Re: [!Solo!] O vento frio da noite eterna

    Mensagem por Kether em Sex Jun 01, 2018 1:02 pm

    As explicações da pequenina parecem não tocar aquele homem aterrorizante.

    - Então pequenina você se chama Deodora e vem da longínqua Floresta do Grande Carvalho. E tens apenas um intuito na sua vida, encontrar seu pobre irmãozinho...

    Ele para por um momento olha para os demais membros do grupo que estavam reunidos na outra mesa. Deodora pode ver que ele sorria para os outros que se levantaram de onde estavam e saíram ficando apenas a mulher de pele escura. Ele então se vira para Deodora e estava com um sorriso ferino no rosto.

    - Pequenina... então temos o mesmo destino. Você deseja voltar para a sua terra e eu estou seguindo para lá. Mas como sabes a Floresta do Grande Carvalho é uma floresta encantada onde apenas os seres que vivem, viveram ou possuem a amizade dos elfos conseguem cruzar suas estradas. Eu tenho uma proposta e ela definirá o seu destino.

    Ele faz uma pausa e fica observando a jovem Pixie.

    - Você será nossa guia pela Floresta até a Capital dos Elfos, e eu lhe asseguro que seu irmão será encontrado e trazido para você sem ter sofrido nem ao menos um arranhão por parte de meu exército. Também posso lhe oferecer uma oportunidade de ver onde ele está uma vez por dia através de um artefato mágico que eu possuo. E finalmente, se desejar, poderá estar ao meu lado durante a viagem ou mesmo de uma das minhas consortes.

    Ele faz um gesto para a mulher e diz:

    - Leona, venha aqui. A nossa convidada tem uma escolha para fazer.

    Leona:
    noasinclair
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 166
    Reputação : 1

    Re: [!Solo!] O vento frio da noite eterna

    Mensagem por noasinclair em Sex Jun 29, 2018 8:47 am

    Ouvia as palavras daquele homem com um certo temor, pois embora estivesse lhe propondo algo em seu favor, no fundo ela sabia que não havia outra escolha, sabe-se lá o que fariam como ela caso recusasse.
    Seu desejo era de continuar seguindo sozinha, pois sabia mais de que ninguém de que conseguiria se virar sozinha, visto que passou sua vida inteira sobrevivendo aos desafios da floresta encantada.

    Seu coração pulsou fortemente ao saber que poderia ver seu irmão novamente, através dos artifícios do sujeito, podendo confortar um pouco sua desconfiança para com ele.
    Este gesto apenas pode lhe dar esperanças de que de fato ele iria trazer seu irmão de volta á salvo.

    Ainda que soubesse o risco que estava direcionando para o seu lar em aceitar conduzi-los até lá, Deodora ainda mantinha seu amor próprio e autopreservação, fazendo que acenasse positivamente para o terrível homem que lhe causava arrepios, dizendo com uma voz rouca, porém determinada.

    -- Eu aceito, os levarei até lá, nós temos um trato!

    Quando ouviu as alternativas da viagem, Deodora olhou para o homem e voltou o olhar para Leona, como se estivesse indecisa, já que não conhecia nada sobre aquela mulher.
    Todavia o medo que o rapaz lhe causara foi o suficiente para que ela fosse em direção da mulher e erguendo sua cabeça para manter o contato visual em seus olhos para enfim dizer.

    -- Estaremos juntas durante a viagem, quando podemos partir?

    Suas mãos suavam de nervosismo, aquela situação na qual acabou se metendo fugia de tudo aquilo que jamais imaginou, até porque, mesmo em suas travessuras mais perigosas, as consequências jamais se compararam á proporção em que se encontrava. Um mesclado de preocupação se mantivera presente a todo instante, enquanto o alívio de que estava no caminho certo para encontrar Dwen tentava acalma-la. Ansiando que tudo desse certo, suas escolhas estavam tomadas e já não se podia voltar atrás.
    Kether
    Mestre Jedi
    avatar
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1335
    Reputação : 46
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh26.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh34.png

    Re: [!Solo!] O vento frio da noite eterna

    Mensagem por Kether em Sex Jun 29, 2018 12:52 pm

    Deodora ficara tão feliz pela possibilidade de encontrar o irmão que acabara se esquecendo da corrente que a prendia e quando partiu em direção a Leona sentiu uma dor fria e forte do encontro do metal com sua pele ao retesar da corrente.

    - Ora pequenina... Não esqueças que és minha, e não de minhas consortes. - disse Stormfire para a pixie.

    Ele troca algumas palavras com a mulher e então dá as costas para Deodora e segue saindo da cabana.

    - Me chamo Leona, pequenina. Qual o seu nome? Acredito que poderemos nos tornar aliadas, desde que você não tente me trair.

    Ela repara a expressão de dor na pixie. Se aproxima da ponta da corrente que estava presa por um cadeado a um pilar, recita algumas palavras e sua mão brilha em branco fazendo com que o cadeado desaparecesse da pilastra, o voltando a aparecer preso junto a corrente no ombro direito de Leona.

    - As correntes serão necessárias durante um tempo. Mas venha comigo, irei levá-la até a minha cabana lá poderá comer alguma coisa e se lavar. Podemos até, se tivermos sorte de Giulia estar lá de conseguirmos roupas novas para você. Estes seus trapinhos não servirão para a viagem que faremos.

    Leona parecia uma leoa com os filhotes e ao falar com Deodora tinha aquele olhar de proteção para a pixie, mas se mantinha atenta a tudo o que acontecia ao seu redor.
    noasinclair
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 166
    Reputação : 1

    Re: [!Solo!] O vento frio da noite eterna

    Mensagem por noasinclair em Sex Jun 29, 2018 2:48 pm

    Choramingava de dor ao senti-la enquanto estava distraída. Seu olhar temeroso fitava o sujeito enquanto ele falava. Era estranho para ela toda aquela situação, pois em toda sua vida havia imaginado que a história de que humanos capturavam pixies para escraviza-las e trata-las como mascotes era apenas uma lenda. Todavia, no instante que aquele homem lhe disse ''Não esqueças que és minha'' um profundo pesar recaiu sobre si, constatando novamente o óbvio, ela era uma prisioneira.

    Cabisbaixa e aborrecida, ouvira as palavras de Leona, percebendo-a controlando magicamente as correntes. "Então é ela que me causou essa dor? E essa humilhação de me manter presa...'' Pensativa, ela assentia com a cabeça e dizendo num tom melindroso.

    -- Por que gostaria de saber o meu nome? se para vocês eu sou apenas uma escrava prisioneira... Tudo o que sabem sobre mim é que vim da Floresta do Grande Carvalho e que busco pelo meu irmão.

    Olhava para ela com seus grandes olhos lacrimejando, enxugava as lágrimas com suas mãozinhas e dizia de forma mais firme.

    -- Eu me chamo Deodora Ameliwn, e espero que saiba que mesmo sendo pequena e estando sob correntes, eu não sou inferior a ninguém!

    Tentava impor respeito da maneira que podia, para que então seguisse junto da mulher para sua cabana, realmente esperando ser tratada de forma mais digna.
    Kether
    Mestre Jedi
    avatar
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1335
    Reputação : 46
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh26.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh34.png

    Re: [!Solo!] O vento frio da noite eterna

    Mensagem por Kether em Sex Jun 29, 2018 4:39 pm

    Deodora escreveu:- Por que gostaria de saber o meu nome? se para vocês eu sou apenas uma escrava prisioneira... Tudo o que sabem sobre mim é que vim da Floresta do Grande Carvalho e que busco pelo meu irmão.

    - Porque apesar do que pensa somos pessoas civilizadas e prefiro trata-la pelo seu nome.

    Tudo que Deodora conseguiu de reação de Leona foi um sorriso divertido.

    [...]
    Em algum lugar de Valkeiskyla, anos depois.

    Deodora acordava com o balançar da carruagem, junto com ela estava Leonora. O sonho com a primeira vez que encontrara com a companheira de viagem e com Shon Stormfire sempre retornava e demonstrava como ela era tola com todo aqueles valores e moral. Nenhum deles polpou a vida de seu irmão Dwen, e o que falar dos elfos? Eles se diziam os protetores da Floresta Encantada mas foi de seus arcos que foi disparada a flecha que matou seu irmão. Mesmo ele sendo inocente, aquele julgamento forjado que Dwen sofrera.

    Ao ver no espelho que Stormfire dera para ela o destino do irmão, que estava preso e passaria pelo julgo dos altos magos elficos, e seu Imperador Kalys o Vermelho. Ao saber disso Deodora implorou para que Shon e seu exército que já marchava para a floresta se apressassem para salvar Dwen. E nisto Shon manteve sua palavra e ordenou que seu exército marchasse até as fronteiras da Floresta, enquanto ele, Leona e Giulia (suas esposas) por intermédio de magia partiram num portal até onde o efeito mágico de Shon permitia.

    De lá seguiram a pé escoltados por Deodora, chegaram a tempo apenas de ver a flecha disparada por um patrulheiro elfo perfurar o peito de Dwen que caiu morto a alguns metros de Deodora. Porém para a infelicidade de Deodora, nenhum deles era um clérigo para poder fazer algo e trazer o irmão dela dos mortos. Mas Stromfire, lhe contou uma lenda de que os Dragões teriam o poder necessário para fazê-lo e que na Capital dos Elfos estaria guardada a Orbe dos Dragões, um artefato que daria o controle de todos os Dragões a seu possuidor.

    Deodora conhecia a lenda, e sabia que muitos tentaram controlar o poder da Orbe, mas nenhum daqueles que tentou conseguiu de fato controlar seu poder e foi consumido pelo artefato.

    - Deodora, você está bem? - perguntou Leona para a sua aprendiz. - Durante toda a viagem de Talin para cá você não falou nada. Ainda com raiva do Dragão que não possuía o poder para trazer Dwen de volta?

    Deodora ao ouvir o nome do irmão levou a mão até um colar que ela nunca tirava, pois em seu pingente ainda estava a essência vital de seu irmão. Stormfire havia cobrado um favor a um necromante que conseguira transferir do corpo morto o espírito do jovem e o guardou na pedra, dizendo depois para Deodora que enquanto a pedra estivesse inteira, o corpo do irmão dela não iria ser consumido pelo tempo e então poderia ser trazido de volta a vida.
    Conteúdo patrocinado


    Re: [!Solo!] O vento frio da noite eterna

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Qui Dez 13, 2018 12:13 am