Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    Terra 666

    Compartilhe
    Lord_Suiciniv
    Investigador
    avatar
    Investigador

    Mensagens : 79
    Reputação : 0

    Re: Terra 666

    Mensagem por Lord_Suiciniv em Ter Ago 07, 2018 8:37 pm

    Sebastian Lisboa
    PV 07/15
    FDV 07/08

    Dia 01
    2331
    Nos bolsos:
    Dinheiro: 15 dolares
    Vitalidade:
    Escoriado......................[L]
    Machucado................-1[L]
    Ferido........................-1[L]
    Ferido Gravemente....-2[ ]
    Espancado.................-2[ ]
    Aleijado.....................-5[ ]
    Incapacitado..................[ ]

    Sebastian olhava ao redor, o lugar era absurdamente limpo, mesmo procurando um cheiro diferente, ele não encontrava, apenas o cheiro de alvejante e produtos de limpeza, todo aquele aposento brilhava de uma forma impecavel, e sebastian tinha a sensação de que ele não encontraria um grão de poeira nem se passasse o proximo seculo procurando. Parece que paranoia não era o unico problema de felix.

    - Eu já disse meu amigo, estamos na minha casa. - Ele dizia sorrindo, mas um pouco confuso com aquela pergunta do tzimisce. - Desculpa cara, acabamos não nos apresentando direito. Eu me chamo Felix, e estou sem bando ultimamente, e você? - Ele se apresentava mais formalmente, enquanto estendia a mão para sebastian apertar. Quando este o fizesse, Felix iria utizar o aperto de mão secreto, que seita costuma utilizar para reconhecer um ao outro.

    - Porra cara, serio mesmo que você me ensinaria a arte da vicissitude? Isso seria perfeito demais, eu aceito. - Felix ficava entusiasmado com aquela proposta do nodista.

    Enquanto isso, ele pega o telefone e ligava para Belatrix, visto que Henry não estava atendendo o telefone. - Boa noite chefe? Tudo bem? - O sinal telefonico ali em baixo era um pouco ruim, mas dava para conversar com uma certa dificuldade, nada que atrapalhasse as coisas.
    Lord_Suiciniv
    Investigador
    avatar
    Investigador

    Mensagens : 79
    Reputação : 0

    Re: Terra 666

    Mensagem por Lord_Suiciniv em Ter Ago 07, 2018 8:50 pm

    Henry Marmaduke
    PV 06/10
    FDV 06/07

    Dia 01
    2138
    Vitalidade:
    Escoriado......................[ ]
    Machucado................-1[ ]
    Ferido........................-1[ ]
    Ferido Gravemente....-2[ ]
    Espancado.................-2[ ]
    Aleijado.....................-5[ ]
    Incapacitado..................[ ]

    Henry observava o movimento do onibus, a principio ele percebia que havia um homem que não tirava os olhos do vampiro desde que ele havia entrado na condução, não dando a menor oportunidade do vampiro bater a carteira do jovem a sua frente, mas em uma deteminada parada, esse homem descia e seguia seu caminho. Uma vez que esse homem deixava o onibus, o caminho até a carteira do jovem ficava livre. O vampiro calmamente aproximava sua mão do bolso do mortal e pegava a carteira dele, verificando alem dos documentos de identidade, cartão de credito, cerca de 42 dolares ali.

    Insatisfeito, o vampiro não pegava o dinheiro e deixava cair no chão, aproveitando para bancar o bom moço e avisar ao jovem distraido que ele havia derrubado a carteira no chão. - Eita, realmente, obrigado, a carteira é minha sim.- Ele pegava a carteira, já verificando se estava faltando alguma coisa, uma vez confirmado que não estava faltando nada, o jovem guarda a certeira no mesmo bolso que Henry havia roubado. - Me chamo Lucas, prazer em conhece-lo Samuel. Eu estou ouvindo uma musica brasileira que ta fazendo sucesso recentemente... embora eu não faça a menor ideia do que a letra diz, o ritmo é muito foda, quer ouvir? - Ele passava um dos fones para Samuel, enquanto pulava para o lado, oferecendo para que o tzimisce sentasse no mesmo banco que ele, afim de facilitar a divisão do fone.

    Musica:

    Winterfell
    Neófito
    avatar
    Neófito

    Mensagens : 39
    Reputação : 0

    Re: Terra 666

    Mensagem por Winterfell em Ter Ago 07, 2018 10:57 pm

    “Quem caralhos é esse maluco”? ((Ele é desconhecido? Conhecido? Como é a aparência dele? Suas roupas? Seu cheiro? Parece ser um Cainita, como por exemplo tem traços característicos de humanidade baixa, sendo um predador obvio ou e muito pálido e coisa assim? Caso você role dados considere auspícios 01, olfato ativado para investiga-lo)).

    Simplesmente não tava entendendo o puto. “Eu nem fiz nada ainda! Quale a sua caralho?! Vai ficar me secando mesmo porra?” Tipo porque esse puto tá encucado comigo? “Dei bobeira em algum momento”? Ate começo a recapitular os meus passos, pensando em algo que possa ter feito. “Eu to sendo até chato de tão cuidadoso, além disso, ele já estava dentro do ônibus quando entrei então, mesmo que tivesse feito algo ele não teria como saber.” Aquele comportamento não tinha um motivo claro. “Vai ver tem algum fundo psicológico, pode ser um racista ou coisa assim, essas coisas de barril”. Não acho que tenham descoberto que não sou humano. “Continuar no ‘poker face’ aqui e qualquer coisa desço no mesmo ponto e trucido o mala”. Afinal a melhor forma de resolver seus problemas é matando-os. “A merda é que assim não vou conseguir abordar o muleque”. E queria mesmo alguma grana ou ao menos alguma aproximação desse barril. “Gayzinho do caralho me secando o tempo todo.” Estava bancando o ‘passageiro desentendido’ e pensando no que faria com ele quando descêssemos juntos, mas pra minha surpresa ele desce antes de mim. “Awe porra!” Observo o terminal em que ele desce e também como se comporta lá em baixo, ((como se logo liga para alguém e coisa assim)), “Realmente o que foi isso afinal”? Digo não tinha nem como ser o meu rosto, troquei de aparência hoje mesmo. “Deixa isso pra lá por enquanto.” Olho pro carinha a minha frente. “A carteira”.      

    Pegar a carteira do barril foi tão fácil quanto pensei que seria. “42 dolares”. Era uma boa grana, mas não era nada me que atiçasse a cobiça. “Acho que essa carteira serve melhor como gancho de conversa do que propriamente como fonte de renda”.

    Insatisfeito, o vampiro não pegava o dinheiro e deixava cair no chão, aproveitando para bancar o bom moço e avisar ao jovem distraido que ele havia derrubado a carteira no chão. - Eita, realmente, obrigado, a carteira é minha sim.

    Devolvo e espero ele terminar de verificar ‘numa boa,’ não ofendido e mesmo não dando muita atenção ao ato. Na melhor medida ‘quem não deve não teme’. - Me chamo Lucas, prazer em conhece-lo Samuel. Aperto a mão dele efetuando um cumprimento mais ‘descolado’. Sem aquelas ‘frescuras’ das apresentações dos mais velhos, mas sem chegar também a ser marginal e invasivo demais. - Eu estou ouvindo uma musica brasileira que ta fazendo sucesso recentemente... embora eu não faça a menor ideia do que a letra diz, o ritmo é muito foda, quer ouvir? Me mostro interessado. – A também não entendo a letra mas quero sim. Digo chegando no espaço que ele abriu pra mim e colocando um dos fones. – Curto muito esse funk eletrônico desses latinos. Ouço a musica junto com ele como quem está curtindo a batida, balançando sutilmente a cabeça para um lado e para o outro, só que sem fazer movimentos bruscos demais, para não tombar o fone. “Que coisa bosta.” Torno a conversar quando a musica termina. – Bem dançante mesmo. Confirmo com ele a ‘minha apreciação’ por assim dizer. Por mais que no fundo tenha achado a musica bem pobre em recursos. “Ao menos tem uma pegada bem sexual”. – Acho que consigo imitar um pouco o ritmo no beatbox, saca só. Imito um trecho do ritmo da musica com o auxilio da boca e mãos. Observando a reação dele para dosar o momento certo de parar. – Quero encontrar depois uns lugares pra ir com uns sons assim, cheguei a pouco em NY e ainda não estou tão por dentro da noite por aqui. Olho pra ele como se velo tivesse me dado a ideia. – Ai, aonde você vai quando quer curtir um som maneiro?
    Lord_Suiciniv
    Investigador
    avatar
    Investigador

    Mensagens : 79
    Reputação : 0

    Re: Terra 666

    Mensagem por Lord_Suiciniv em Ter Ago 07, 2018 11:35 pm

    Henry Marmaduke
    PV 06/10
    FDV 06/07

    Dia 01
    2138
    Vitalidade:
    Escoriado......................[ ]
    Machucado................-1[ ]
    Ferido........................-1[ ]
    Ferido Gravemente....-2[ ]
    Espancado.................-2[ ]
    Aleijado.....................-5[ ]
    Incapacitado..................[ ]

    Henry prestava atenção na fisionomia do homem, o homem já tinha sua idade avançada, e sua fisionomia não era estranha para Henry, o homem lembrava muito as aulas de história mortal que Henry havia assistido quando era mais jovem. O homem vestia um terno surrado, sujo até, e uma camiseta social branca por baixo, igualmente surrada, parecia que o homem havia tido uma noite dificil. Mas julgando apenas pela aparencia do homem, ele parecia ser um mortal qualquer.

    Homem:


    Quando o vampiro já estava perdendo a paciencia, e pronto para trucidar aquele maldito barril, o homem vai embora do onibus, antes do onibus andar de novo, o vampiro prestava atenção no cara de bigode, que acendia um cigarro e ia caminhando com tranquilidade na direção oposta da que o onibus estava se dirigindo.

    Henry então tenta improvisar um beatbox, apesar do vampiro não saber bem a tecnica necessaria para fazer algo do genero, ele não se sai de todo mal, certamente um conhecedor da pratica perceberia incontaveis falhas na tecnica, e reprovaria aquele som, mas para um ouvinte casual, o som tinha ritmo, era divertido, e lembrava de fato a batida da musica. No caso em que se encontravam, aquele barulho havia sido o suficiente. - É cara, você não vai ganhar a vida com isso, mas o som ficou maneiro. - O jovem dava uma risada descontraida e dava duas tapinhas de leve na perna do vampiro.

    - Olha cara, eu conheço um pub massa, ele não toca funk e tal, o som deles é mais de rock anos 90 sabe? Inclusive tava indo para lá agora, vou me encontrar com a turma, se você quiser pode vir junto, sempre tem espaço para gente nova no grupo, o nome do pub é Wonderwall, já ouviu falar? - Henry já havia ouvido falar daquele pub, em suas andanças pela grande maçã, era um pub relativamente novo, havia sido aberto apenas no ano passado, mas que estava criando um bom publico de clientes assiduos, a banda cover que tocava regularmente no pub era do sobrinho do dono, e algumas pessoas inclusive diziam que o som da musica que levava o titulo do bar, ficava melhor na voz do cantor da banda cover, do que na voz do proprio Liam Gallagher, era o principal motivo do pub estar atraindo tantos clientes.

    Lucas:

    IronHearth
    Neófito
    avatar
    Neófito

    Mensagens : 38
    Reputação : 0

    Re: Terra 666

    Mensagem por IronHearth em Qua Ago 08, 2018 8:52 pm

    Ao ver que o vampiro tinha um certo toque com limpeza Sebastian pensa que ele pode estar lidando com um Malkaviano AT.
    - Eu já disse meu amigo, estamos na minha casa.
    "- Isso não responde à minha pergunta como eu gostaria... mas tudo bem, darei um jeito de descobrir por mim mesmo."
    - Desculpa cara, acabamos não nos apresentando direito. Eu me chamo Felix, e estou sem bando ultimamente, e você?
    - Meu nome é Sebastian, prazer! E... obrigado por sua ajuda!
    O cumprimento do Sabá deixava Sebastian mais aliviado. Pelo menos agora ele sabia que estava lidando com um Sabá... ou um espião Camarilla infiltrado no Sabá.... enfim, seja lá o que fosse era muito provável que mesmo que fosse um espião infiltrado não iria estragar o disfarce por um cainita da base da pirâmide como Sebastian. Era esse o pensamento que se passava no nodista agora.
    - Porra cara, serio mesmo que você me ensinaria a arte da vicissitude? Isso seria perfeito demais, eu aceito.
    - Não se empolgue tanto... é uma disciplina muito difícil de aprender. Mas quem sabe você leva jeito pra coisa... A proposta parecia vantajosa para o outro vampiro, mas o fato é que o Tzmisce tinha uma dívida e pretendia saldá-la. Além do mais ele ainda não confiava em Felix e uma proposta como aquela talvez poderia fazer Felix protelar qualquer tentativa contra o Tzmisce.
    - Boa noite chefe? Tudo bem?
    - Sim... tá tudo bem... Dizia ao telefone com uma voz um pouco hesitante, propositalmente. Em seguida ele olhava para Félix e dizia:
    - Destranque a porta, o sinal está ruim, vou lá pra fora.


    Lord_Suiciniv
    Investigador
    avatar
    Investigador

    Mensagens : 79
    Reputação : 0

    Re: Terra 666

    Mensagem por Lord_Suiciniv em Qua Ago 08, 2018 9:28 pm

    Sebastian Lisboa
    PV 07/15
    FDV 07/08

    Dia 01
    2334
    Nos bolsos:
    Dinheiro: 15 dolares
    Vitalidade:
    Escoriado......................[L]
    Machucado................-1[L]
    Ferido........................-1[L]
    Ferido Gravemente....-2[ ]
    Espancado.................-2[ ]
    Aleijado.....................-5[ ]
    Incapacitado..................[ ]

    - O educado seria dizer o nome do seu bando não acha meu amigo? Pelo menos sempre que meu antigo banco cruzava com outros irmãos de outros bandos, era assim que nos apresentavamos... - Felix parecia um pouco incomodado com a pequena quebra de etiqueta sabbath do seu convidado.

    - Não se preocupe com a dificuldade, eu aprendo rapido e sou um estudante dedicado. - o Malkaviano AT ficava animado com a perspectiva de aprender vicissitude, praticamente tremia de excitação, ou alguma outra pertubação que o maluco viesse a ter.

    Belatrix rapidamente capitava a hesitação na voz do chefe, assim como a ordem no fundo da chamada, pedindo para destrancar a porta. - Você está em ambiente inimigo? O que você pode me falar por telefone de forma discreta? - A sacerdote falava em um tom de voz serio, enquanto prestava bastante atenção.

    - Destranque a porta, o sinal está ruim, vou lá pra fora.

    - Não vai adiantar amigo, o sinal da região é ruim, por isso eu escolhi este lugar como minha casa, é mais dificil para a bastarda triangular as nossas chamadas, especialmente daqui de baixo, é mais seguro conversar aqui em baixo. - Ele dizia em um tom de voz preocupado, a paranoia dele atacando novamente e ficando mais visivel.
    IronHearth
    Neófito
    avatar
    Neófito

    Mensagens : 38
    Reputação : 0

    Re: Terra 666

    Mensagem por IronHearth em Qua Ago 08, 2018 10:03 pm

    - O educado seria dizer o nome do seu bando não acha meu amigo? Pelo menos sempre que meu antigo banco cruzava com outros irmãos de outros bandos, era assim que nos apresentavamos...
    Sebastian parava por um instante, como se tivesse esquecido de algo...
    - Ah desculpe, com a agitação do que passamos nem me lembrei desse detalhe. O nome do meu bando é Daba hunun.
    Sebastian volta a atenção para o telefone.
    - Você está em ambiente inimigo? O que você pode me falar por telefone de forma discreta?
    - Não se preocupe comigo, está tudo bem, eu tive uns problemas com a polícia de New York, mas um irmão desconhecido do sabá apareceu na hora certa e agora estamos em seu refúgio. Te ligo novamente daqui 10 minutos, precisamos ver uma situação do nosso bando. Não saia de perto do telefone.
    Sebastian desliga o telefone enquanto mantem sua tranquilidade mesmo refém do Malkaviano. Ele continua fuçando no celular como se estivesse verificando suas ligações e então lembra que pode descobrir onde está de uma forma bem inusitada. Ele abre o whatsapp e manda a sua localização para Belatrix junto com a mensagem.
    "Ele está me mantendo preso no subsolo de um galpão."
    Ele aproveita para olhar no mapa onde exatamente ele está. Agora, sabendo a informação, ele testa Felix.
    - E que região é esta, Felix? Eu não nos vi chegando, estava ocupado com a vicissitude. Após a resposta ele continua:
    - E por que você está sem bando? O que faz em New York?
    Lord_Suiciniv
    Investigador
    avatar
    Investigador

    Mensagens : 79
    Reputação : 0

    Re: Terra 666

    Mensagem por Lord_Suiciniv em Qua Ago 08, 2018 10:49 pm

    Sebastian Lisboa
    PV 07/15
    FDV 07/08

    Dia 01
    2336
    Nos bolsos:
    Dinheiro: 15 dolares
    Vitalidade:
    Escoriado......................[L]
    Machucado................-1[L]
    Ferido........................-1[L]
    Ferido Gravemente....-2[ ]
    Espancado.................-2[ ]
    Aleijado.....................-5[ ]
    Incapacitado..................[ ]

    - Ah desculpe, com a agitação do que passamos nem me lembrei desse detalhe. O nome do meu bando é Daba hunun.

    - Daba Hunun... acho que já ouvi falar, de passagem... - Ele fala como se estivesse tentando puxar da memoria alguma coisa, mas sem muito sucesso. - Mas não se preocupe com isso, sei como é o estresse de viver em uma cidade controlada pela bastarda. - Ele da uma piscadela cumplice para o tzimisce.


    - Tudo bem Sebestian, tome cuidado, você sabe o nome desse irmão? Eu conheço... - Mas Sebastian já havia desligado o telefone antes que a moça pudesse terminar de falar. Segundos mais tarde o vampiro mandava a sua localização para o telefone de Belatrix, aproveitando em seguida para verificar por si mesmo onde ele estava, sem que Felix percebesse o que ele estava fazendo.

    Mapa:

    Rapidamente após sebastian mandar a localização junto da mensagem para Belatrix ela respondia a mensagem. " Qual o nome desse irmão desconhecido, Sebastian? " Alguma coisa deve estar interferindo no sinal do gps, talvez seja o subsolo, mas aqui diz que você está debaixo d'agua.

    - E que região é esta, Felix? Eu não nos vi chegando, estava ocupado com a vicissitude. Após a resposta ele continua:
    - E por que você está sem bando? O que faz em New York?

    - Estamos em Arvene, algo errado com o seu bando? Precisam de ajuda? Estou sempre disposto a ajudar um irmão em necessidade. - Ele dizia em um tom preocupado com o bando do seu convidado. - Eu moro em New York, eu pertencia a um bando chamado Noir Dream, a alguns meses atrás, o meu bando foi emboscado e morto pelos algozes da bastarda, por sorte eu não estava junto, havia ficado no carro, e consegui fugir antes que me percebessem. Estou me escondendo e sem bando desde então... Infelizmente eu era ainda novo no bando, e o pessoal não me dizia muita coisa, nunca soube que haviam outros bandos em new york, quantos outros bandos existem? e onde encontra-los? Talvez eu possa me juntar a um deles... Eu quero me vingar pelo meu bando, mas não posso fazer isso sozinho. - Em suas palavras haviam dor e odio, parecia que Felix sentia dor enquanto relembrava o que aconteceu com seu antigo bando.

    off: Como ductus, você reconhece o nome daquele bando Noir Dream, sabe que o bando havia sido destruido em uma emboscada a algum tempo atrás, mas não muito mais do que isso. Como ductus você também sabe quais outros bandos estão na cidade (info está na sinopse da cronica, mas não onde ficam as suas bases), apenas Lucifer e os perpetuos teriam essa informação.
    IronHearth
    Neófito
    avatar
    Neófito

    Mensagens : 38
    Reputação : 0

    Re: Terra 666

    Mensagem por IronHearth em Qui Ago 09, 2018 10:29 am

    Mas não se preocupe com isso, sei como é o estresse de viver em uma cidade controlada pela bastarda.
    Exatamente! Sebastian respondia sem querer dar continuidade ao assunto.
    - Tudo bem Sebestian, tome cuidado, você sabe o nome desse irmão? Eu conheço...
    Ao ver a localização Sebastian estranhava o fato de parecer estar debaixo da água, no entanto assim que Felix dizia que eles estavam em Arvene, Sebastian conclui que aquilo poderia ser possível, uma vez que o galpão pudesse ser algum armazem na doca e o subsolo ficaria numa parte submersa.
    - Estamos em Arvene, algo errado com o seu bando? Precisam de ajuda? Estou sempre disposto a ajudar um irmão em necessidade
    - Sim... estão precisando de mim... "- E eu deles!! É melhor ir arrumando uma desculpa para dar o fora daqui..."
    - Eu moro em New York, eu pertencia a um bando chamado Noir Dream, a alguns meses atrás, o meu bando foi emboscado e morto pelos algozes da bastarda, por sorte eu não estava junto, havia ficado no carro, e consegui fugir antes que me percebessem. Estou me escondendo e sem bando desde então... Infelizmente eu era ainda novo no bando, e o pessoal não me dizia muita coisa, nunca soube que haviam outros bandos em new york, quantos outros bandos existem? e onde encontra-los? Talvez eu possa me juntar a um deles... Eu quero me vingar pelo meu bando, mas não posso fazer isso sozinho.
    - Noir Dream? Eu já ouvi falar do seu bando... Expressava uma surpresa na resposta de Felix. E rapidamente respondia a mensagem de Belatrix.
    "- Ele diz que se chama Felix, o único sobrevivente do bandoNoir Dream, morto em uma emboscada. Você pode checar essa informação?"
    Então Sebastian concluía as respostas às perguntas de Felix.
    "- Você parece ansioso por saber informações do Sabá, hein!"
    - Sim, há outros bandos em New York... E como você está sozinho é natural que deva se juntar a um novo bando, até porque realmente não conseguirá se vingar sozinho.

    Caminhava pela sala, agora expressando mais tranquilidade. Sebastian queria sondar mais sobre o seu salvador.
    - Apesar de ficar sabendo do que aconteceu ao seu bando, eu não soube dos detalhes. Gostaria que você me contasse tudo que sabe, quem era cada integrante de seu bando, suas habilidades, como foram vencidos? E os inimigos? O que você soube ou viu?
    Lord_Suiciniv
    Investigador
    avatar
    Investigador

    Mensagens : 79
    Reputação : 0

    Re: Terra 666

    Mensagem por Lord_Suiciniv em Qui Ago 09, 2018 1:00 pm

    Sebastian Lisboa
    PV 07/15
    FDV 07/08

    Dia 01
    2338
    Nos bolsos:
    Dinheiro: 15 dolares
    Vitalidade:
    Escoriado......................[L]
    Machucado................-1[L]
    Ferido........................-1[L]
    Ferido Gravemente....-2[ ]
    Espancado.................-2[ ]
    Aleijado.....................-5[ ]
    Incapacitado..................[ ]

    - Sim... estão precisando de mim...

    - Então precisamos ir ajuda-los, eu te levo até eles, onde eles estão? é mais rapido ir de carro. - O Malkaviano falava em um tom preocupado e um pouco pertubado também, aquele homem certamente era instavel. Naquele momento, em toda sua instabilidade, o vampiro começava a dedilhar o sofá, parecia ser uma ação inconsciente, uma vez que em momento algum, Felix deixava de olhar preocupadamente com o irmão que havia salvo. - Não me diga que eles também se meteram em problemas com a bastarda... - O malkaviano arregalava os olhos e levava as duas mãos a cabeça. - Ah meu deus, ah meu deus, ah meu deus...

    Durante o pequeno surto do malkaviano, Sebastian aproveitava para enviar mais uma mensagem para Belatrix, no entanto a mensagem não era enviada, aparentemente o celular havia ficado sem sinal, se eles realmente estavam na região das docas, e o subsolo do armazem ficava submerso, não é de se estranhar que o sinal telefonico ficasse indo e voltando. Sebastian teria que esperaro sinal retornar para concluir o envio daquela mensagem.

    - Sim, há outros bandos em New York... E como você está sozinho é natural que deva se juntar a um novo bando, até porque realmente não conseguirá se vingar sozinho.

    Agora mais controlado, mas ainda exibindo uma expressão preocupada, Felix parava de dedilhar o sofá e levava suas mãos até o colo, enlaçando os dedos. - Exatamente, se você puder me apresentar aos outros bandos, para eu me juntar a algum deles, ou até mesmo me apresentar ao seu ductus, poderei me juntar a um bando, e juntos nos vingarmos pelo que eles fizeram. - Ele sorria animadamente com a perspectiva de finalmente poder vingar os companheiros de bando.

    - Apesar de ficar sabendo do que aconteceu ao seu bando, eu não soube dos detalhes. Gostaria que você me contasse tudo que sabe, quem era cada integrante de seu bando, suas habilidades, como foram vencidos? E os inimigos? O que você soube ou viu?

    - Do que importa você saber o que eles eram capazes de fazer? Estão todos mortos meu amigo, eu os vi, foram emboscados por dois algozes e outros 6 mortais fortemente armados, eles não tiveram a menor chance de reação. - O odio retornava aos olhos de Felix, era fervoroso aquela expressão, o vampiro ainda apertava com força as mãos. - Se eu tivesse ido ajudar, teria acabado morto também... Você entende Sebastian? Eu não pude fazer nada por eles, porra!!! - Ele falava mais alto, quase gritando de raiva, no entanto, sebastian não sentia que o malkaviano não estivesse com raiva de Sebastian, mas sim de si próprio, por não ter sido capaz de ajudar o seu bando.
    IronHearth
    Neófito
    avatar
    Neófito

    Mensagens : 38
    Reputação : 0

    Re: Terra 666

    Mensagem por IronHearth em Qui Ago 09, 2018 1:17 pm

    - Então precisamos ir ajuda-los, eu te levo até eles, onde eles estão? é mais rapido ir de carro.
    "-Nem a pau que vou te levar à localização do meu bando, eu maluco!"
    - Relaxa, não é nada de vida ou morte. Precisam de mim para os afazeres normais de um bando, como a valderie...
    Sebastian reparava em como o Malkaviano realmente era pirado, paranoico, desesperado, cheio das fobias... ou seria aquilo tudo uma encenação de um excelente ator? Seja lá o que fosse, Sebastian só pensava em dar o fora dali, sozinho, é claro...
    "- Se bem que uma carona pelo menos até a ponte viria bem a calhar..."
    - Exatamente, se você puder me apresentar aos outros bandos, para eu me juntar a algum deles, ou até mesmo me apresentar ao seu ductus, poderei me juntar a um bando, e juntos nos vingarmos pelo que eles fizeram.
    - Vamos fazer o seguinte... Você me deixa nas proximidades da ponte de Manhathan e deixa seu contato comigo. Eu vou até o nosso ductus e intercedo por você. Preciso chegar sozinho primeiro, meu bando é um pouco receioso quanto a pessoas estranhas. Mas são excelentes companheiros e darão a vida por você, uma vez aceito.
    Olhava para a porta e após um segundo de silêncio Sebastian concluía:
    - Tenho um novo rosto agora. A Bastarda não vai mais nos encontrar. O perigo já passou.
    - Do que importa você saber o que eles eram capazes de fazer? Estão todos mortos meu amigo, eu os vi, foram emboscados por dois algozes e outros 6 mortais fortemente armados, eles não tiveram a menor chance de reação.
    Caminhava para o lado da porta enquanto dava uma réplica:
    - É importante saber sim as habilidades de seus companheiros, para assim conhecermos melhor os nossos inimigos. Preciso saber quantos no seu bando tinham habilidades em combate, suas disciplinas e seus níveis... Um verdadeiro Sabá não deveria negligenciar isso, Félix! Isso pode fazer toda a diferença. Não queremos acabar como o Noir Dream, não é mesmo?!
    Decretava tentando demonstrar que ele estava omitindo informações importantes, pelo menos para mim.
    Lord_Suiciniv
    Investigador
    avatar
    Investigador

    Mensagens : 79
    Reputação : 0

    Re: Terra 666

    Mensagem por Lord_Suiciniv em Qui Ago 09, 2018 2:16 pm

    Sebastian Lisboa
    PV 07/15
    FDV 07/08

    Dia 01
    2342
    Nos bolsos:
    Dinheiro: 15 dolares
    Vitalidade:
    Escoriado......................[L]
    Machucado................-1[L]
    Ferido........................-1[L]
    Ferido Gravemente....-2[L]
    Espancado.................-2[ ]
    Aleijado.....................-5[ ]
    Incapacitado..................[ ]

    Rolagem de dados:


    Felix rolou 6 dados de 10 lados com dificuldade 6 para emboscada que resultou 3, 10, 7, 9, 6, 8 - Total: 6 Sucessos
    Sebastian rolou 4 dados de 10 lados com dificuldade 6 para resistir emboscada que resultou 3, 3, 3, 10 - Total: 2 Sucessos

    Felix rolou 9 dados de 10 lados com dificuldade 9 para estaca no coração que resultou 1, 7, 6, 3, 2, 7, 1, 7, 1 - Total: -3 Sucessos + 1Fdv
    Felix rolou 4 dados de 10 lados com dificuldade 6 para dano que resultou 2, 1, 5, 7 - Total: 0 Sucessos + 2 potencia
    Sebastian rolou 3 dados de 10 lados com dificuldade 6 para absorver que resultou 1, 9, 9 - Total: 1 Sucessos
    Dano final: 1 L (Ferido gravemente -2)

    Iniciativa

    Sebastian 5 + 10 = 15
    Felix 7 + 3 = 10




    - Relaxa, não é nada de vida ou morte. Precisam de mim para os afazeres normais de um bando, como a valderie...

    - Ahh, ainda bem então, eu pensei que eles estavam com problemas serios. - Felix suspirava de alivio ao ouvir que não era nada realmente preocupante.

    Sebastian começava a suspeitar cada vez mais de Felix, e decidia por não revelar a posição de seu bando, e buscava um jeito de dispensar o malkaviano para se juntar ao bando o mais rápido possível.

    - Vamos fazer o seguinte... Você me deixa nas proximidades da ponte de Manhathan e deixa seu contato comigo. Eu vou até o nosso ductus e intercedo por você. Preciso chegar sozinho primeiro, meu bando é um pouco receioso quanto a pessoas estranhas. Mas são excelentes companheiros e darão a vida por você, uma vez aceito.

    - Pefeitamente compreensivel... É realmente necessario ser um pouco desconfiado nas noites de hoje mesmo, espero que seu ductus me aceite mesmo. Vai ser excelente, fazer parte um bando novamente. - Ele dizia naquele mesmo tom animado, enquanto se levantava do sofá, percebendo que Sebastian já estava indo na frente até a porta.

    - É importante saber sim as habilidades de seus companheiros, para assim conhecermos melhor os nossos inimigos. Preciso saber quantos no seu bando tinham habilidades em combate, suas disciplinas e seus níveis... Um verdadeiro Sabá não deveria negligenciar isso, Félix! Isso pode fazer toda a diferença. Não queremos acabar como o Noir Dream, não é mesmo?!

    - Tem razão Sebastian, um verdadeiro sabá não deveria negligenciar isso. - Felix falava em um tom de auto reprovação, - O nome do nosso ductus era... - Enquanto Sebastian ia na frente até a porta, Felix aproveitava para pegar uma estaca que ele possuia escondido em sua jaqueta, e sem fazer barulho, ou mudar o tom de sua voz, ele avançava contra as costas do coração de Sebastian, procurando enfiar aquela estaca no coração do ductus. A estaca entrava, mas por pura sorte também de Felix, ele queria muito cravar aquela estaca no peito de Sebastian, mas em seu amago, Felix sabia que não havia sido sua habilidade que havia acertado aquela estaca, acertar o peito e alguém já é dificil, enquanto esse alguém se move e sobe uma escada é ainda mais complicado, mas o importante é que havia acertado.

    A estaca se fixava fundo nas costas de Sebastian, mas não fundo o suficiente para realmente perfurar o seu coração, permitindo que apesar de ter sido ferido fortemente por aquela estaca, ele ainda conseguia se mover, no limite permitido pelos seus ferimentos. - Tsc... Parece que não consegui colocar fundo o suficiente... - Felix reclamava, seu tom de voz mudava, o vampiro falava mais seriamente, até mesmo com um certo desdem em relação a Sebastian, não havia mais sinais da paranoia ou loucura na voz de Felix, era como se fosse uma pessoa completamente diferente.
    IronHearth
    Neófito
    avatar
    Neófito

    Mensagens : 38
    Reputação : 0

    Re: Terra 666

    Mensagem por IronHearth em Qui Ago 09, 2018 6:14 pm

    Dar as costas ao maldito tinha sido um erro, um erro que talvez custaria muito caro a Sebastian se ele não conseguisse reverter aquela situação. Na primeira oportunidade o maldito desgraçado tentava empalar Sebastian com uma estaca. O Tzmisce é surpreendido com a estaca de madeira entrando em suas costas e rasgando sua carne. Um grito ecoava, abafado naquele "bunker".
    - Aaaaaaaaaaaaah!
    "- Filho da puta, disgraçado! Seu discabaçado!"
    Mil pensamentos se passavam na mente de Sebastian. Imediatamente ele reconhecia que agora estava em um combate mortal. No entanto, diferente de Félix, o nodista não perdia tempo pronunciando mais nenhuma palavra. Sua atenção, sua energia e seu foco eram todos direcionados ao combate, em uma forma de neutralizar ou destruir aquele patife maldito.
    Imediatamente Sebastian agarra Felix com a intenção de iniciar o beijo vampírico usando o seu sangue para aumentar sua força imediatamente, a medida que incitava o próprio frenesi. (+3 força)
    Uma vez agarrado Felix Sebastian tocara o rosto de Felix e, usando o legado do clã Tzmisce, herança do primeiro de todos os vampiros, o nodista irá transformar a face de Félix em um rosto sem palpebras. Um conjunto de pele e cartilagens cobrirá completamente a lacuna dos olhos de seu inimigo, deixando-o impossibilitado de enxergar. (1FV no processo de Vicissitude)
    Lord_Suiciniv
    Investigador
    avatar
    Investigador

    Mensagens : 79
    Reputação : 0

    Re: Terra 666

    Mensagem por Lord_Suiciniv em Qui Ago 09, 2018 9:34 pm

    Sebastian Lisboa
    PV 12/15
    FDV 08/08


    Dia 01
    0027
    Nos bolsos:
    Dinheiro: 15 dolares
    Vitalidade:
    Escoriado......................[L]
    Machucado................-1[L]
    Ferido........................-1[L]
    Ferido Gravemente....-2[L]
    Espancado.................-2[ ]
    Aleijado.....................-5[ ]
    Incapacitado..................[ ]

    Rolagem de dados:

    Turno 1
    Sebastian rolou 7 dados de 10 lados com dificuldade 6 para agarrar que resultou 7, 10, 7, 8, 6, 3, 7 - Total: 7 Sucessos + 1 potencia


    Felix rolou 7 dados de 10 lados com dificuldade 6 para se soltar que resultou 3, 1, 8, 7, 9, 7, 7 - Total: 4 Sucessos + 2 potencia

    Turno 2
    Sebastian rolou 6 dados de 10 lados com dificuldade 6 para beijo que resultou 2, 8, 3, 2, 9, 8 - Total: 3 Sucessos

    Felix rolou 4 dados de 10 lados com dificuldade 8 para resistir ao beijo que resultou 1, 5, 2, 5 - Total: -1 Sucessos +1 Fdv

    Sebastian rolou 10 dados de 10 lados com dificuldade 6 para continuar agarrado que resultou 2, 2, 4, 6, 7, 8, 2, 4, 8, 5 - Total: 4 Sucessos + 1 potencia
    Felix rolou 10 dados de 10 lados com dificuldade 6 para se soltar que resultou 8, 9, 4, 4, 4, 9, 4, 6, 7, 3 - Total: 5 Sucessos + 2 potencia

    Felix rolou 6 dados de 10 lados com dificuldade 6 para soco que resultou 1, 4, 7, 3, 5, 10 - Total: 1 Sucessos
    Felix rolou 8 dados de 10 lados com dificuldade 6 para dano que resultou 2, 9, 9, 7, 2, 10, 9, 6 - Total: 7 Sucessos + 2 potencia
    Sebastian rolou 3 dados de 10 lados com dificuldade 6 para absorver que resultou 10, 9, 6 - Total: 3 Sucessos
    Dano final: 6 / 2 = 3 C (Incapacitado)

    Turno 3:
    Sebastian rolou 1 dados de 10 lados com dificuldade 4 para curtir a onda que resultou 10 - Total: 1 Sucessos

    Turno 4:
    Sebastian rolou 12 dados de 10 lados com dificuldade 6 para agarrar que resultou 5, 8, 6, 10, 2, 10, 4, 7, 5, 10, 2, 10 - Total: 11 Sucessos + 1 Potencia

    Felix rolou 10 dados de 10 lados com dificuldade 6 para se soltar que resultou 8, 8, 2, 4, 3, 10, 8, 6, 2, 6 - Total: 6 Sucessos + 2 potencia

    Turno 5:
    Sebastian rolou 8 dados de 10 lados com dificuldade 6 para mordida que resultou 7, 1, 1, 6, 1, 2, 4, 7 - Total: 0 Sucessos

    Sebastian rolou 12 dados de 10 lados com dificuldade 6 para continuar agarrado que resultou 7, 6, 3, 7, 9, 4, 6, 5, 6, 10, 4, 1 - Total: 6 Sucessos +1 potencia
    Felix rolou 10 dados de 10 lados com dificuldade 6 para se soltar que resultou 4, 2, 3, 5, 2, 2, 10, 6, 2, 3 - Total: 3 Sucessos + 2 potencia

    Turno 6:
    Sebastian rolou 8 dados de 10 lados com dificuldade 6 para mordida que resultou 1, 2, 9, 4, 2, 7, 3, 3 - Total: 1 Sucessos
    Sebastian rolou 7 dados de 10 lados com dificuldade 6 para dano que resultou 2, 10, 3, 1, 10, 9, 2 - Total: 3 Sucessos + 1 potencia
    Felix rolou 1 dados de 10 lados com dificuldade 6 para absorver que resultou 10 - Total: 2 Sucessos
    Dano Final: 2 A ( Machucado -1 Agravado)

    Sebastian rolou 9 dados de 10 lados com dificuldade 6 para continuar agarrado que resultou 7, 4, 1, 5, 7, 7, 8, 1, 5 - Total: 2 Sucessos + 1 potencia
    Felix rolou 7 dados de 10 lados com dificuldade 6 para se soltar que resultou 7, 8, 6, 9, 10, 6, 7 - Total: 8 Sucessos + 2 potencia

    Felix rolou 5 dados de 10 lados com dificuldade 6 para facada que resultou 8, 5, 7, 1, 1 - Total: 0 Sucessos

    Turno 7:
    Sebastian rolou 9 dados de 10 lados com dificuldade 6 para agarrar que resultou 2, 3, 5, 9, 10, 4, 10, 6, 8 - Total: 7 Sucessos + 1 potencia

    Felix rolou 7 dados de 10 lados com dificuldade 6 para se soltar que resultou 3, 6, 7, 10, 7, 2, 8 - Total: 6 Sucessos + 2 potencia

    Turno 8:
    Sebastian rolou 8 dados de 10 lados com dificuldade 6 para mordida que resultou 3, 1, 1, 1, 9, 8, 6, 9 - Total: 1 Sucessos
    Sebastian rolou 7 dados de 10 lados com dificuldade 6 para dano que resultou 10, 9, 3, 3, 6, 2, 3 - Total: 4 Sucessos + 1 potencia
    Felix rolou 1 dados de 10 lados com dificuldade 6 para absorver que resultou 9 - Total: 1 Sucessos
    Dano Final: 4 A ( Aleijado -5 Agravado)

    Sebastian rolou 9 dados de 10 lados com dificuldade 6 para continuar agarrado que resultou 6, 4, 1, 4, 1, 3, 10, 10, 6 - Total: 2 Sucessos + 1 potencia
    Felix rolou 3 dados de 10 lados com dificuldade 6 para se soltar que resultou 7, 2, 1 - Total: 0 Sucessos + 2 potencia


    Turno 9
    Sebastian rolou 8 dados de 10 lados com dificuldade 6 para mordida que resultou 3, 9, 7, 10, 2, 7, 8, 5 - Total: 5 Sucessos
    Sebastian rolou 11 dados de 10 lados com dificuldade 6 para dano que resultou 7, 3, 1, 6, 2, 5, 2, 4, 8, 1, 10 - Total: 2 Sucessos + 1 potencia
    Felix rolou 1 dados de 10 lados com dificuldade 6 para absorver que resultou 3 - Total: 0 Sucessos
    Dano final: 3 A ( Morte Final)


    Sebastian se enfurecia com aquele ataque que Felix havia desferido contra ele, por sorte a estaca não havia entrado fundo o suficiente, e isso dava ao vampiro a oportunidade de revidar, o tzimisce movimentava seu sangue pelo seu corpo afim de ficar mais forte, e aproveitando que Felix perdia tempo para falar besteiras, ele pulava em cima do seu oponente para agarra-lo. Sebastian que havia sido treinado para momentos como aquele agarrava seu alvo de maneira altamente eficaz, o deixando imobilizado.

    Mas Felix também não estava ali para perder, assim como seu inimigo utilizava seu sangue para adquirir vantagens contra o oponente. (+2 força +1 rapidez nivel 1) e se debatia contra o agarrão do Tzimisce, Felix não era um oponente fraco tão pouco, e por pouco, não conseguia se soltar do abraço de urso do ductos, mas não havia sido o caso dessa vez.

    O nodista expoe suas presas monstruosas e crava no pescoço do vampiro em seus braços, iniciando o processo do beijo, que ao mesmo tempo que convertia o sangue adquirido em mais força (força +3) para manter aquele abraço de urso ainda mais apertado, para evitar que Felix se soltasse. No entanto Felix juntava suas forças, sentindo aquele prazer delicioso que o beijo trazia, mas sabendo que o se ele se deixasse levar, seria morto naquele momento e a ultima coisa que Felix queria era morrer nas mãos de um imundo membro do Sabbath, por isso, ele reune toda sua vontade (1 fdv) para escapar do extase e resistir ao beijo.

    Felix quebrava o transe do beijo e se sacudia mais uma vez, enquanto buscava mais força de seu sangue para se libertar (força +3), dessa vez o esforço é o suficiente e o vampiro conseguia se libertar dos braços do tzimisce com uma certa dificuldade, verdade seja dita, se o tzimisce não estivesse ferido, provavelmente Felix não seria capaz de se libertar daquele abraço. Aproveitando da velocidade sobrenatural que seus dons vampiricos lhe proporcionavam, Felix já revidava com um soco poderoso contra Sebastian, que perdia o equilibrio e caia escada abaixo sentindo muita dor, e sem conseguir se mover direito tamanha era a dor que o tzimisce estava sentindo.

    - Ufa, essa foi por pouco heim Sebastian, seja um bom menino e continue no chão pode ser? - Felix falava em um tom desdenhoso, até mesmo debochado, enquanto levava sua mão até o cabeço o ajeitando para trás, enquanto exibia um sorriso vitorioso.

    No entanto, a besta dentro do corpo de Sebastian não havia se dado por vencido, para ela, aquilo estava longe de terminar. A besta assumia o controle do corpo do vampiro, e aos poucos Sebastian se levantava, como em uma cena de zumbi, onde o monstros iniciava curvado para frente, e a medida que se levantava ia endireitando o corpo, finalmente de pé, o tzimisce tinha sua cabeça levemente para trás, seus olhos eram completamente negros, e ele exibia um ar monstruoso, bestial, e completamente irracional.

    - Filho da mãe, você é um merdinha persistente, tenho que admitir. - Felix falava surpreso ao ver o tzimisce se levantar. - Deixou a besta assumir? Que deselegante... - Ele balançava a cabeça negativamente. - Que seja, vamos lá. - Ele então pega dentro de sua jaqueta uma faca de combate.

    A besta fazia seu sangue se mover pelo corpo, para curar os ferimentos causados no combate e diminuir um pouco o perigo que o tzimisce se encontrava. Em seguida avançava pelas escadas afim de agarrar Felix, conseguia agarra-lo com maestria com uma força descomunal, de modo que Felix não conseguia se soltar.

    O tzimisce se prepara para morder o pescoço do seu alvo, mas não mira direito, acabando errando a mordida, dando a oportunidade para Felix tentasse se libertar novamente, mas a força do Tzimisce era grande demais para que Felix conseguisse se libertar. - Eu não vou morrer aqui porra! - Utilizando mais um pouco do sangue que lhe sobrava, Felix invocava os dons da rapidez para ajuda-lo nessa batalha feroz.

    O ductus então tentava morder novamente o pescoço de Felix, e dessa vez obtinha sucesso, cravando suas presas no pescoço de sua vitima, que gritava de dor, o esforço da mordida dava a oportunidade para que Felix se libertasse dos braços de Sebastian, porém a dor daquela mordida, aliado a baixa reserva de sangue acabava dificultando o movimento de Felix, que ao tentar esfaquear a monstruosidade do Sabbath, acabava por errar o alvo.

    A besta urrava como se estivesse debochando de Felix, pela sua tentativa falha de esfaquea-la, e avançava mais uma vez para outro abraço de urso, que encaixava perfeitamente, e a vitima mais uma vez era incapaz de se soltar daquele abraço. Em seguida a besta mordia mais uma vez o vampiro causando grande dor a sua vitima, praticamente separando a cabeça de Felix de seu corpo em uma abocanhada monstruosa.

    A dor era tamanha que Felix gritava desesperado de dor. - Miseravel!!! Besta malditaaaaa. - O vampiro utilizava suas ultimas forças para tentar se libertar, mas seu esforço era em vão, e para piorar a sua situação, a sua propria besta estava tentando se libertar, e conseguia, a besta de Felix urrrava, desperada, enquanto via a morte se aproximando.

    Por fim, Sebastian dava a ultima mordida de misericordia, separando de vez a cabeça de Felix do corpo, a cabeça caia no chão e ia rolando pela escada, a medida que virava cinzas, coisa que acontecia bastante rapidamente, o mesmo acontecia com o corpo, ainda nos braços da besta que urrava vitoriosa, apesar dos inumeros ferimentos causados pelo combate, Sebastian havia se saido vitórioso contra Felix.

    A besta então jogava seu próprio peso contra a porta pelo menos 3x até conseguir arromba-la, ganhando acesso ao ar livre, ele farejava o ar de forma animalesca, em busca de uma vitima para saciar sua fome monstruosa, em seguida sai correndo em direção a rua onde um pobre desavisado caminhava com seu cachorro, a besta então pulava em cima dos dois, ignorando os rosnados do cachorro e se deliciando no sangue tanto do barril quanto do cachorro, assim como em suas viceras, criando uma cena verdadeiramente dantesca.

    Alguns minutos depois, Sebastian recupera a sua consciencia, ele estava deitado em uma poça de sangue enorme, coberto pelos orgãos e corpos tanto do cachorro quanto do barril que era seu dono. Ele não fazia a menor ideia de onde estava, ou que horas eram.
    IronHearth
    Neófito
    avatar
    Neófito

    Mensagens : 38
    Reputação : 0

    Re: Terra 666

    Mensagem por IronHearth em Dom Ago 12, 2018 10:03 am

    Uma luta selvagem, era o resultado daquele encontro. O maldito Félix, no final das contas, era um capacho da bastarda, concluía o ductus. Aquele combate parecia a mais pura carnificina em que os oponentes tentavam por tudo rasgar a carne um do outro, em nome apenas da sobrevivência. Berros de dor e fúria ecoavam dentro daquele recinto fechado. Sebastian tinha sua visão turvada e apenas uma leve consciência do mundo ao seu redor. Agia por instinto, apenas. A besta é quem estava no controle.

    Ele apenas acordava algum tempo depois em meio a uma poça de sangue, coberto de órgãos humanos. Não era a primeira vez que aquilo acontecia.
    "- Parece que estou vivo..." Pensava assim que acordava.

    Imediatamente se colocava de pé. Não sabia quanto tempo havia passado nem exatamente onde estava. Mas sabia que não era bom ficar ali. Pegava a carteira do morto e o celular ou relógio para olhar as horas e depois o atirava no mar (o celular ou o relógio, se ele ainda estiver na orla) e dava o fora dali. Se estiver ainda na orla, mergulhará na água para lavar visualmente o sangue da vítima em seu corpo e suas roupas.
    Lord_Suiciniv
    Investigador
    avatar
    Investigador

    Mensagens : 79
    Reputação : 0

    Re: Terra 666

    Mensagem por Lord_Suiciniv em Dom Ago 12, 2018 2:10 pm

    Sebastian Lisboa
    PV 12/15
    FDV 08/08


    Dia 01
    0035
    Nos bolsos:
    Dinheiro: 31 dolares
    Vitalidade:
    Escoriado......................[L]
    Machucado................-1[L]
    Ferido........................-1[L]
    Ferido Gravemente....-2[L]
    Espancado.................-2[ ]
    Aleijado.....................-5[ ]
    Incapacitado..................[ ]

    Após sobreviver a aquela luta feroz por sua vida, sebastian dá graças a Cain por ainda estar vivo, e começa a procurar pelo celular ou relogio do falecido barril que, em um ato heroico e pouco voluntario, deu sua vida para satisfazer a fome bestial do tzimisce, depois de procurar por alguns minutos Sebastian realmente encontra o celular do homem, porém em meio a agressividade da besta, o aparelho estava completamente quebrado, se tornando impossivel utilizar aquilo para ver as horas.

    Sebastian também encontrava a carteira do barril, e dentro dela encontrava os documentos do mortal, cartão de credito, bem como 16 dolares, que o vampiro rouba para si.

    Em seguida ele caminha por uma rua paralela, até a agua, mas antes de pular ele ouve uma buzina vindo diretamente de trás dele, assim como percebe farois altos em sua direção.

    - Ei, você ai!!! Sebastian? - Uma voz familiar gritava vindo de dentro do carro, essa voz pertencia a Belatrix.
    IronHearth
    Neófito
    avatar
    Neófito

    Mensagens : 38
    Reputação : 0

    Re: Terra 666

    Mensagem por IronHearth em Dom Ago 12, 2018 7:08 pm

    Sebastian apanhava apenas o dinheiro, deixando o restante para trás. Assim que ele chegava até a água escutava uma voz familiar.
    - Ei, você ai!!! Sebastian?
    - Belatrix?! Como me achou?

    Antes de entrar no carro, o Tzmisce chegava até a sua companheira de bando e pedia para ela checar as suas costas.
    - Olhe minhas costas tem uma estaca aí? Se tiver, não a toque por favor...

    Lord_Suiciniv
    Investigador
    avatar
    Investigador

    Mensagens : 79
    Reputação : 0

    Re: Terra 666

    Mensagem por Lord_Suiciniv em Dom Ago 12, 2018 7:30 pm

    Sebastian Lisboa
    PV 12/15
    FDV 08/08


    Dia 01
    0038
    Nos bolsos:
    Dinheiro: 31 dolares
    Vitalidade:
    Escoriado......................[L]
    Machucado................-1[L]
    Ferido........................-1[L]
    Ferido Gravemente....-2[L]
    Espancado.................-2[ ]
    Aleijado.....................-5[ ]
    Incapacitado..................[ ]

    - Belatrix?! Como me achou?

    Ao ouvir a confirmação de Sebastian a mulher descia do veiculando, deixando-o ligado e corria até o ductus para abraça-lo. - Você mandou sua localização, achei melhor vir procurar... Tentei falar com o Henry, mas o celular dele dava fora de area. Maldito. - Mas para no meio do caminho quando ouve o tzimisce perguntar.

    - Olhe minhas costas tem uma estaca aí? Se tiver, não a toque por favor...

    Ela então fica apreensiva e da a volta no ductus para poder ver melhor o que havia em suas custas. - Na verdade, tem sim, parece que está presa... - Ela falava pensativa. - Em que merda você se meteu Sebastian? - Ela voltava até a frente do vampiro e o interrogava, com uma certa expressão de decepção misturada com preocupação.

    - De toda forma, você me conta no carro, precisamos dar o fora daqui. - Ela acompanhava o ductus ferido de volta para o carro que ainda estava ligado.
    IronHearth
    Neófito
    avatar
    Neófito

    Mensagens : 38
    Reputação : 0

    Re: Terra 666

    Mensagem por IronHearth em Seg Ago 13, 2018 1:43 pm

    "- ótimo, ainda podemos ter alguma chance então... pensava em relação à estaca."
    Após entrar dentro do carro Sebastian contava o que tinha acontecido.
    - Fiz um joguinho com um mortal mas eu dei azar de ter entrado em um táxi da Camarilla. Esse tal Felix provavelmente era um vampiro da Bastarda. Queria ter pego mais informações sobre ele... Mas ainda temos o local. Você podia contratar um detetive particular e pedir pra ele vir urgentemente vigiar este ponto, tirar fotos de pessoas que chegarem, dos carros, das placas e enviar essas informações para nós por um número ou um email anônimo para que se ele for pego não cheguem a nós. E depois de enviar as fotos ele deve seguir essas pessoas que estiveram no refúgio do tal Felix. Com sorte, poderemos descobrir uma posição da Bastarda na cidade. No final da história, essa merda toda ainda poderia resultar em algum proveito... Querendo ou não, se for pensar bem, "ser apanhado" pela bastarda é um excelente plano para tentar pegar informações sobre o inimigo. Uma das possibilidades, talvez não a menos arriscada, claro...

    Sebastian estava no carro em uma posição em que segurava no corrimão do veículo para evitar o contato da estaca com o banco.
    - Você possui Auspícius, Belatrix? Consegue ver o passado com o seu Auspícius? Aqui Sebastian se referia ao nível 3 da disciplina.
    - Caso contrário temos que procurar urgentemente alguém ou algum bando que possua essa disciplina. Felix foi o último a manusear esta estaca. Podemos arrancar muitas informações dele através deste pedaço de toco nas minhas costas, dependendo da habilidade do usuário desta disciplina, incluindo o verdadeiro nome de Felix... Pode ser que não resulte em nada, mas pode ser que resulte em alguma informação importante também. Precisamos tentar!
    Lord_Suiciniv
    Investigador
    avatar
    Investigador

    Mensagens : 79
    Reputação : 0

    Re: Terra 666

    Mensagem por Lord_Suiciniv em Seg Ago 13, 2018 8:03 pm

    Sebastian Lisboa
    PV 12/15
    FDV 08/08


    Dia 01
    0045
    Nos bolsos:
    Dinheiro: 31 dolares
    Vitalidade:
    Escoriado......................[L]
    Machucado................-1[L]
    Ferido........................-1[L]
    Ferido Gravemente....-2[L]
    Espancado.................-2[ ]
    Aleijado.....................-5[ ]
    Incapacitado..................[ ]

    Após o ductus se posicionar da maneira que podia no carro, Belatrix dava partida no carro e ia embora o mais rapido possivel daquele lugar. - Sebastian, estamos em terrritorio inimigo, assuma que todo barril que respira nessa cidade, está conectado a camarilla, estamos em uma proporção de 2:1 nessa porra. - Ela dizia decepcionada com o erro de principiante que o Ductus havia assumido ter cometido. - Eu conheço o cara certo para o trabalho, mas não vai ser barato, eficiencia e discrição nunca são. - A bela vampira prestava atenção no transito, agora já saindo da area do porto, o movimento nas ruas ganhava alguma vida.

    - Você possui Auspícius, Belatrix? Consegue ver o passado com o seu Auspícius?

    - Sinto muito Sebastian, Auspicios não é a minha prioridade de estudo, então eu ainda sou uma aprendiz nesse dom de sangue. - Ela dizia um pouco desapontada, por não poder ser util no plano de seu ductus. - Eu conheço os outros bandos, mas o que são capazes, é segredo, para evitar que espalhemos informações comprometedoras caso sejamos pegos. De toda forma, eu acho que seria mais prudente informar-mos o ocorrido a Lucifer, ele é muito melhor em lidar com a Camarilla do que qualquer um de nós. Mas a decisão final é sua, obviamente. - Ela dizia sorrindo enquanto ultrapassava um carro particularmente devagar.

    off: Como ductus, você sabe que ela tem Vicissitude 2, Dominação 2, Auspicios 1, Animalismo 0
    Conteúdo patrocinado


    Re: Terra 666

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Sab Out 20, 2018 9:31 pm