Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    Krossis - Livio

    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2613
    Reputação : 160
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Krossis - Livio Empty Krossis - Livio

    Mensagem por Hellkite em Ter 2 Out - 17:40

    Krossis esta correndo pelas ruas enevoadas de Kardunia, carregando em suas mãos, próximo ao peito, algo importante... O que seria? Ah sim, seu cavalo de brinquedo, talhado pelo seu próprio pai. Os outros garotos diziam que era lixo, falavam que era pobre, os pais de Krossis eram pobres, fadados a serem pobres pro resto de suas vidas. Krossis socou o nariz do moleque valentão, Briggs, que começou a sangrar. E agora corriam atrás dele.

    Olhando para trás, Krossis não viu quem estava a frente, era outro dos moleques. Um soco no estomago, dolorido, e Krossis caiu sem ar no chão... o cavalinho saiu de suas mãos, quicando ate parar a alguns metros a sua frente. Briggs estava agora a sua frente, com o pé por sobre o brinquedo. Com a voz irritante e sorriso cinico, ele diz:

    “Você não tem nada, nem terá nada! E o pouco que tem, terá este fim!”

    Briggs pisou uma vez, duas vezes, varias vezes por sobre o brinquedo.

    **

    Krossis desperta de seu torpor, ainda um tanto desorientado do sonho. Os últimos raios de sol da tarde já se foram, e ouvia-se do lado de fora de sua mansão de Nova Garza, no jardim, o canto dos primeiros pássaros noturnos.

    O vampiro estava deitado em sua cama. Sabia que finalmente havia chegado o dia da audiência com a Imperatriz Neeshna. Quanto tempo se passou desde a sua condecoração como herói de guerra? Dois anos?

    Krossis gira seu corpo para pegar a sineta que estava sobre o criado-mudo, e o toca apenas uma vez. Em alguns instantes a porta do quarto se abre, e por ela entra Alice, a sua bela serva ruiva, vestindo seu tipico uniforme preto e branco.

    Krossis - Livio Alice_10

    Ela faz uma singela reverencia, dobrando ligeiramente o joelho e curvando-se. Alice sempre foi prestativa e devotada, além de ser uma ótima guarda-costas.

    - Boa noite, meu senhor. Hoje é o dia da audiência com a Imperatriz. Deseja que eu auxilie o senhor a se vestir? Ou deseja alimentar-se primeiro? - diz, retirando um dos adereços que cobriam seu pulso.
    Sandinus
    Wyrm
    Sandinus
    Wyrm

    Mensagens : 9025
    Reputação : 59
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Krossis - Livio Empty Re: Krossis - Livio

    Mensagem por Sandinus em Qua 3 Out - 8:52

    Krossis acorda um tanto quanto confuso, seu sonho relembrando a infância e o que sofreu naquela época vem ou outra retornava para perturba-lo, mas dessa vez apesar de acordar confuso ele ouve o som dos pássaros noturnos e relembra da última frase proferida por Briggs em seu sonho e sussurra ela consigo:

    -"Você não tem nada, nem terá nada! E o pouco que tem, terá este fim!"

    Ele põe a mão no seu rosto e começa a sorrir cada vez mais alto e longamente que em seguida vai diminuindo com o tempo.

    -Haha...Briggs...Briggs...que pobre coitado você era, eu não entendo o porque ser ofendido por você me magoava tanto...Talvez porque eu era uma criança tola hahahaha.

    O vampiro vira-se para o lado e toca seu sinete, imediatamente sua bela serva alice adentra o quarto.

    - Boa noite, meu senhor. Hoje é o dia da audiência com a Imperatriz. Deseja que eu auxilie o senhor a se vestir? Ou deseja alimentar-se primeiro? - diz, retirando um dos adereços que cobriam seu pulso

    Krossis levanta e estava completamente despido, ele aproxima-se de Alice acaricia seu rosto, gira ela agarrando-a de costa contra seu corpo para em seguida sussurar em seu ouvido:

    -Alice...imagine quantos tem inveja de mim por ter tantas coisas e ainda por cima belas servas como você que satisfazem todos o meus desejos e minha fome...

    O vampiro vai beijando a nuca da moça, e descendo, passando por seus ombros, braço e ante-braço enquanto suas mãos fazem o mesmo. Ao fim, ele agarra o pulso da jovem  então morde lentamente com suas presas, bebendo seu sangue doce e jovial até  limite que el sabe que ela pode resistir para continuar com seu serviços de momento.

    -Alice, agora traga meu melhor traje! -Dizia ele enquanto dirigia-se até um vaso de rosas vermelhas próximo a sua cama, pegando uma rosa e cheirando-a - Hoje é o dia de meu reconhecimento como herói de guerra! Passaram-se anos, mas o que são esses anos para quem tem a eternidade!? Hahaha! Quero estar muito bem apresentável para a imperatriz! - Dessa vez ele dirige-se até uma mesa que estava próxima onde pousava um vinho caro e uma taça de cristal. Ele pega a garrafa e enche até metade da taça, cheira enquanto gira a taça lentamente e dá alguns goles, observando em seguida o vinho na taça. - "La Passion Sanglante", um dos melhores vinhos de toda Dominus, minha cara e doce Alice. Um vinho digno de um herói!

    Assim que se veste ele segue em sua carruagem até o palácio da imperatriz, se apresenta aos arautos e aguarda calmo e pacientemente ser chamado.
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2613
    Reputação : 160
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Krossis - Livio Empty Re: Krossis - Livio

    Mensagem por Hellkite em Ter 16 Out - 0:09

    Terminados os preparativos, Krossis é acompanhado por Alice até a carruagem que estava no portão de sua residência. No jardim ele é saudado pelos homens de sua companhia, todos em formação militar, liderados pela segunda-em-comando, Elisie Barakus.

    Alice se despede, e o vampiro entra na carruagem, que era luxuosa, com bancos caros e macios. A carruagem leva Krossis pelas ruas da cidade de Nova Garza, que tinha suas ruas todas cobertas de pedras e bem arborizada, ao contrario do que imaginaria uma pessoa estrangeira de uma cidade dominada por demonios. As casas eram todas de arquitetura moderna, feitas com materiais caros e provavelmente utilizando de muita mão-de-obra na sua feitura. Haviam mulheres (ou seriam súcubos?), que usavam vestidos bufantes, algumas jovens carregando sombrinhas (apesar de ja estar escuro), e alguns humanoides vestidos elegantemente, alguns deles usando monóculos e cartolas, acompanhados de seus escravos pessoais. Haviam também demônios, porem estes eram em menor numero. Mas que chamavam a atenção, sim eles chamavam.

    O palácio imperial era realmente uma obra de arte, com suas altas torres recheadas de bandeiras ondulando com as brisas, as estatuas de gárgulas, homens e mulheres nus talhadas no mais fino mármore adornando as laterais, os grandes vitrais multicoloridos refletindo a luz do luar em varias tonalidades. Não fosse a presença de alguma marca gótica aqui ou ali, o palácio poderia ter sido construído no reino adversário de Galia.

    Os arautos anunciam com suas trombetas a chegada do ilustre convidado. Krossis desce elegantemente, e aguarda ser anunciado.

    - Sir Krossis Vogher, capitão da companhia vermelha, a flor bruta, algoz da batalha do Vale, matador do paladino Singelvan! - diz o arauto.

    No tapete vermelho Krossis adentra o grande salão, sendo acompanhado pelos olhos da alta nobreza de Nova Karzek. Humanos, humanoides, demônios, todos se admiram com o andar altivo do herói de guerra, que finalmente teria a recompensa pelos seus esforços e dedicação durante a guerra contra Galia.

    Krossis caminha como se estivesse levitando, seguindo o tapete vermelho em um corredor que parecia interminável, ouvindo os cochichos e suspiros de seus admiradores. Finalmente o vampiro para, voltando seu olhar para cima, onde numa posição elevada estava sentada a Imperatriz de Nova Karzek, Neeshna. Era uma bela tiefling, com três chifres e cabelos prateados. Chamava a atenção a manopla magica que ocupava o lugar de seu braço esquerdo, unida ao corpo por uma esfera de luminosidade leitosa esverdeada.

    Krossis - Livio Neeshn10

    A Imperatriz observava altiva a figura de Krossis em silencio. E todos aguardavam o primeiro pronunciamento de Vogher, como mandava o protocolo.
    Sandinus
    Wyrm
    Sandinus
    Wyrm

    Mensagens : 9025
    Reputação : 59
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Krossis - Livio Empty Re: Krossis - Livio

    Mensagem por Sandinus em Seg 22 Out - 13:41

    Krossis se aproxima da imperatriz e se ajoelha a frente dela colocando sua mão direita aberta em seu peito esquerdo, cumprimentando a imperatriz de modo educado e cordial, demonstrando subordinação.

    -Vossa Majestade Imperial...

    Ele estica sua mão direita para pegar a mão da imperatriz e assim que ela estende ele a beija, levantando-se em seguida e se posicionado ao lado direito da Imperatriz, só que mantendo-se no degrau abaixo dela. Ele para por um momento observando a todos com um leve sorriso, se curva para os demais e começa seu pronunciamento:

    -Senhoras e Senhores, é um prazer incomensurável estar aqui na presença de vocês. Primeiramente, quero agradecer a presença de todos vocês que deixaram um pouco de suas ocupações para estar aqui, demonstrando seu apoio a nossa imperatriz, a nossos aguerridos homens que deram suas vidas para que essa guerra culminasse com nossa vitória e por fim a mim.

    A luta foi difícil, muitas vidas foram perdidas e desde já me direciono a vossa majestade imperial, para pedir-lhe que ponha os nomes desses homens que se sacrificaram por nosso império no hall de heróis, pois sem eles não teríamos êxito! Muito sangue foi derramado meus amigos, porém o sangue de nossos inimigos foi o que de longe mais encharcou o terreno do Vale! Gália caiu e seu principal Líder foi derrotado por mim com essas mãos nuas!


    Dizia ele enquanto erguia suas mãos e mostrava aos demais fechando-as brutalmente em seguida, como se demonstrasse que esmagou seu inimigo.

    -Singelvan foi destroçado e sua cabeça está encravada em uma das dezenas de lanças que formam um grande trono no centro da sala de meu palácio, não só ele, mas de todos os inimigos que ousaram me desafiar e ainda há lanças vazias para aqueles que porventura sujam...

    Ele encerrava encarando ambos os presentes olhando nos olhos de cada um.

    -Assumirei a responsabilidade independente do que seja que a vossa majestade imperial me conceda. Estou aqui para servir a este reino da melhor forma possível e esmagar cada inimigo que ameace nosso império! A derrota de Gália é apenas um aviso para aqueles que tentarem algo contra nós! A piedade não existe para inimigos, a não ser a tortura, encarceramento e a morte...

    Ele vira-se para a Imperatriz

    -Portanto Vossa Majestade Imperial, seu nobre servo está aqui apenas para lhe servir da forma que você desejar...Não há mais nada para falar, sou um homem de ação e não de palavras, fique a vontade para prosseguir!

    Vogher deixou seu recado, foi bem objetivo e prático, não era muito de discursos.
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2613
    Reputação : 160
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Krossis - Livio Empty Re: Krossis - Livio

    Mensagem por Hellkite em Ter 30 Out - 22:16

    O pronunciamento de Vogher é ouvido com muita atenção pelos presentes: demônios, humanos e representantes de outras raças. A voz do vampiro é ampliada pela acústica do local, atingindo a todos, mesmo os mais afastados, e trazia em suas palavras uma exaltação a vitória ocorrida no campo de batalha contra Galia. O pedido pelo hall de heróis é respondido por um aceno de cabeça da Imperatriz, que aprova com um sorriso de canto de boca toda a fala do herói de guerra.

    Ao final imediatamente irrompe uma grande salva de palmas por parte dos ouvintes, algumas mesmo a contragosto, principalmente por parte dos demônios que pressentiam o que toda aquela cerimonia significava.

    Um dos arautos começa a bater com seu cajado contra o chão, e aos poucos as palmas vão diminuindo. Era hora da Imperatriz se pronunciar.
    Neeshna se levanta do trono, e observa a multidão com postura altiva. Com voz imponente, ela começa.

    - Sir Krossis Vogher, flor bruta, agradeço suas palavras. Elas trazem lembranças ainda vivas na memoria de todos, do êxito de Nova Karzek contra a inimiga Galia! Seus paladinos e cavaleiros de Mitz, que em sua arrogância se diziam portadores da luz, cairam prostrados no chão, batidos pelas nossas forças conjuntas, chamadas por eles de exercito do mal.

    A Imperatriz faz um gesto englobando a todos.

    - Eu não me sinto má hoje... E vocês? - pergunta, e risos e gargalhadas ecoam pelo salão.

    Neeshna faz um sinal de silencio.

    - Bem e mal são conceitos que mudam conforme a pessoa que fala. E mostramos a Galia, que este exercito do mal consegue ser mais ordenado e eficiente que o deles! É certo que alguns de vocês - diz, lançando o olhar para alguns dos presentes, que tentam se esconder entre a multidão - não obedece ao comando central, ao invés disso agindo de maneira irresponsável e mesquinha... Inclusive mesmo depois da guerra, continuam a maltratar e matar indiscriminadamente os cidadãos de nosso império.

    A imperatriz estala um dedo, e um servo traz uma bandeja coberta por um tampo metálico. Ele abre o tampo, e la esta a cabeça gorda de um demônio, com a língua de fora e olhos esbranquiçados. Um murmúrio de espanto se faz ouvir.

    - Este é o ex-governador das terras ao sul do Imperio. Ele não está mais apto ao cargo, e foi descomissionado por mim.

    Neeshna então põe a mão esquerda sobre o ombro de Vogher. O vampiro sente a pegada firme da imperatriz.

    - Sir Krossis Vogher é o novo governador de Nova Benalia. Saudem-no!

    **

    Após a cerimonia, os mais altos membros da nobreza de Nova Karzek foram convidados para um grande jantar, numa mesa farta repleta de diferentes iguarias exóticas e bebidas. Foram feitas apresentações de dançarinos e cantores, seguidos de discursos entediantes e brados de guerra.

    A Imperatriz estava sentada no meio da mesa, e ao seu lado estava Krossis. Neeshna havia comido pouco, e o fazia com a elegância esperada de uma imperatriz. Mesmo sendo uma tiefling, sabia se portar muito bem em uma comemoração como aquela. Ela limpa os lábios com um guardanapo fino, e volta seu olhar para Krossis.

    - Espero não te-lo pego assim de surpresa, Krossis. Desculpe por te-lo feito aguardar tanto, mas precisei de tempo para tomar as medidas necessárias para que tudo isto se tornasse possível. Você tem alguma duvida que queira tirar comigo? - pergunta numa mistura de formalidade e informalidade.
    Sandinus
    Wyrm
    Sandinus
    Wyrm

    Mensagens : 9025
    Reputação : 59
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Krossis - Livio Empty Re: Krossis - Livio

    Mensagem por Sandinus em Seg 5 Nov - 9:26

    O pronunciamento de Vogher é ouvido com muita atenção pelos presentes: demônios, humanos e representantes de outras raças. A voz do vampiro é ampliada pela acústica do local, atingindo a todos, mesmo os mais afastados, e trazia em suas palavras uma exaltação a vitória ocorrida no campo de batalha contra Galia. O pedido pelo hall de heróis é respondido por um aceno de cabeça da Imperatriz, que aprova com um sorriso de canto de boca toda a fala do herói de guerra.

    Ao final imediatamente irrompe uma grande salva de palmas por parte dos ouvintes, algumas mesmo a contragosto, principalmente por parte dos demônios que pressentiam o que toda aquela cerimonia significava.

    Krossis fica feliz quando a imperatriz aceita sua sugestão para nomeação no hall de heróis. Mas ele pouco se importa, o pedido foi apenas para soar  humilde e e embelezar seu discurso, nem ele lembrava quem foram os que faleceram em combate.

    -Obrigado vossa majestade imperial! Dúvidas suas famílias ficarão felizes com isso.

    O pronunciamento de Vogher é ouvido com muita atenção pelos presentes: demônios, humanos e representantes de outras raças. A voz do vampiro é ampliada pela acústica do local, atingindo a todos, mesmo os mais afastados, e trazia em suas palavras uma exaltação a vitória ocorrida no campo de batalha contra Galia. O pedido pelo hall de heróis é respondido por um aceno de cabeça da Imperatriz, que aprova com um sorriso de canto de boca toda a fala do herói de guerra.

    Ao final imediatamente irrompe uma grande salva de palmas por parte dos ouvintes, algumas mesmo a contragosto, principalmente por parte dos demônios que pressentiam o que toda aquela cerimonia significava.

    O comentário ácido e divertido da imperatriz também refletiu em Krossis que  abaixou um pouco a cabeça e deu uma leve gargalhada contida.

    - Bem e mal são conceitos que mudam conforme a pessoa que fala. E mostramos a Galia, que este exercito do mal consegue ser mais ordenado e eficiente que o deles! É certo que alguns de vocês - diz, lançando o olhar para alguns dos presentes, que tentam se esconder entre a multidão - não obedece ao comando central, ao invés disso agindo de maneira irresponsável e mesquinha... Inclusive mesmo depois da guerra, continuam a maltratar e matar indiscriminadamente os cidadãos de nosso império.

    A imperatriz estala um dedo, e um servo traz uma bandeja coberta por um tampo metálico. Ele abre o tampo, e la esta a cabeça gorda de um demônio, com a língua de fora e olhos esbranquiçados. Um murmúrio de espanto se faz ouvir.

    - Este é o ex-governador das terras ao sul do Império. Ele não está mais apto ao cargo, e foi descomissionado por mim.

    Neeshna então põe a mão esquerda sobre o ombro de Vogher. O vampiro sente a pegada firme da imperatriz.

    - Sir Krossis Vogher é o novo governador de Nova Benalia. Saudem-no!

    O vampiro acena positivamente concordando com as palavras da imperatriz e também tem fica em parte surpreso quando vê a cabeça do demônio na bandeja, nem ele esperava que ela trouxesse a cabeça do "descomissionado" para uma reunião como aquela, no entanto a atitude acaba complementando as palavras do vampiro que abre um leve sorriso de satisfação em ameaça a todos aqueles que ousassem confronta-lo ou confrontar a imperatriz.

    Por fim, com seu novo cargo definido o vampiro vira-se para a imperatriz e curva-se para ela, complementando suas palavras assim que ela acaba.

    -É uma honra colossal receber esse cargo, trabalharei firme para o crescimento do império e de Nova Benalia!

    A Imperatriz estava sentada no meio da mesa, e ao seu lado estava Krossis. Neeshna havia comido pouco, e o fazia com a elegância esperada de uma imperatriz. Mesmo sendo uma tiefling, sabia se portar muito bem em uma comemoração como aquela. Ela limpa os lábios com um guardanapo fino, e volta seu olhar para Krossis.

    - Espero não te-lo pego assim de surpresa, Krossis. Desculpe por te-lo feito aguardar tanto, mas precisei de tempo para tomar as medidas necessárias para que tudo isto se tornasse possível. Você tem alguma duvida que queira tirar comigo? - pergunta numa mistura de formalidade e informalidade.

    A elegância da imperatriz não surpreende Vogher que apesar da situação estava muito atento a tudo e todos pois era muito desconfiado, ele tenta também diminui um pouco as formalidades.

    -Minha senhora, atender a seu pedido é sempre um honra e um orgulho para qualquer pessoa, eu estaria pronto a qualquer momento. Quanto a dúvidas eu queria apenas saber mais como está a situação de Nova Benalia, as ameaças principais e os desafios que vossa majestade quer que eu cumpra. Há objetivos específicos e prioridades que você deseja?
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2613
    Reputação : 160
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Krossis - Livio Empty Re: Krossis - Livio

    Mensagem por Hellkite em Dom 18 Nov - 22:55

    - Minha senhora, atender a seu pedido é sempre um honra e um orgulho para qualquer pessoa, eu estaria pronto a qualquer momento. Quanto a dúvidas eu queria apenas saber mais como está a situação de Nova Benalia, as ameaças principais e os desafios que vossa majestade quer que eu cumpra. Há objetivos específicos e prioridades que você deseja?

    A imperatriz ouve com atenção as palavras de Vogher, voltando sua atenção total a ele. Sua expressão era de seriedade, como se estivesse lendo também cada pequena nuance em sua entonação. Ela permanece em silencio alguns instantes, e diz:

    - Nova Benalia é um território que considero muito importante, mas que se encontra agora em estado de rebelião, devido a incompetência do antigo governador.

    Ela lança um rápido olhar para os outros presentes, que apesar de estarem comendo e bebendo em suas taças, prestavam atenção a cada uma das palavras sendo ditas ali. Ela cruza os dedos da mão.

    - Tenho certeza que saberá esmagar qualquer revolta de maneira eficiente, e trazer a paz de volta a província - diz, e então com a taça de vinho em sua mão, faz um brinde - Nova Karzek Eterna!

    Segue-se mais uma hora de jantar, e então a Imperatriz se despede, deixando o restante dos convidados para aproveitarem a festa. Mas não demora muito Vogher é chamado para uma ala mais afastada do palácio.

    A Imperatriz Neeshna estava em uma espaçosa sacada, observando os jardins do castelo na noite de lua cheia.

    Krossis - Livio Castle11

    Ela aguarda até que o vampiro esteja a seu lado, e ainda voltada para o jardim, ela diz:

    - Bonito, não? Muitos já me perguntaram por que faço questão de contratar os melhores jardineiros das terras ocidentais, para trabalharem nos jardins do palácio. Eles imaginam que tenho inveja de Galia, e que o palácio nada mais é que uma copia barata do original.

    Neeshna se vira e encara Vogher. Era certamente exótica a tiefling, fazendo o vampiro imaginar qual seria sua ancestralidade. Sua pele era alaranjada e seus cabelos brancos platinados. E seus lábios estavam com alguma tintura acinzentada.

    - E você, Vogher, por que acha que eu faço questão de ter assim, um tão belo jardim? Acha que tenho inveja dos nossos inimigos também? - lança a pergunta, enquanto fita de cima a baixo o novo governador.
    Sandinus
    Wyrm
    Sandinus
    Wyrm

    Mensagens : 9025
    Reputação : 59
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Krossis - Livio Empty Re: Krossis - Livio

    Mensagem por Sandinus em Seg 26 Nov - 15:52

    - Nova Benalia é um território que considero muito importante, mas que se encontra agora em estado de rebelião, devido a incompetência do antigo governador.

    - Tenho certeza que saberá esmagar qualquer revolta de maneira eficiente, e trazer a paz de volta a província - diz, e então com a taça de vinho em sua mão, faz um brinde - Nova Karzek Eterna!

    A resposta da imperatriz é clara quanto a importância do local que Vogher foi presenteado para governar, ele para um pouco digerindo as palavras da imperatriz enquanto está continua seu breve discurso.

    -Não a decepcionarei, esmagarei todos aqueles que se rebelarem e assim manterei a ordem no local para sua reestruturação! - Ele junta-se a ela e Brinda a Nova Karzec.

    Dito isto ela se retira e Vogher mantém-se comemorando com os demais, quando em seguida é chamado. Ele dirige-se até o local e encontra a imperatriz de costas admirando os jardins, o vampiro para por um momento admirando o corpo da imperatriz de modo discreto enquanto se aproxima lentamente. Ela percebe que ele chega e assim que o vampiro se aproxima lhe dirige a palavra:

    - Bonito, não? Muitos já me perguntaram por que faço questão de contratar os melhores jardineiros das terras ocidentais, para trabalharem nos jardins do palácio. Eles imaginam que tenho inveja de Galia, e que o palácio nada mais é que uma copia barata do original.

    Então ela vira-se e encara o vampiro que não fez questão de não demonstrar sua curiosidade e até atração para a imperatriz, ele analisa ela agora com calma e mais de perto, seus traços, a cor de sua pele o formato de seus olhos e boca além das curvas do próprio corpo da tiefling.

    Krossis então aproxima-se da imperatriz, lentamente e carinhosamente gira seu corpo de volta para a sacada encostando seu corpo no da imperatriz sutilmente, então aproxima seu rosto do rosto dela e sussurra apontando para um grupo de flores.

    Krossis - Livio Corazz10

    -Sabe como chama-se aquela flor? Coração Sangrando, uma bela e raríssima flor, ela florece no início do verão e na primavera, sabe aquele outro grupo?

    Krossis - Livio Flor-m10

    -Aquela chama-se Flor Morcego, acho que não preciso explicar os motivos, ela tem um preto extremamente raro na natureza e é bela e exótica...

    Ele encosta com um pouco mais de pressão na imperatriz tocando na mão esquerda dela com sua mão esquerda após descer por seu ombro e braços lentamente e sussurrando ao pé de seu ouvido complementa a explicação:

    -Coisas belas e exóticas costumam se atrair, por esse motivo você tem tanto interesse e preocupação com seu jardim, sua beleza e excentricidade refletem também seus desejos e atrações...

    O vampiro gira a imperatriz e agora a encara muito próxima, sua face agora estava a meio palmo da imperatriz enquanto ele encarava a moça e olhava de seus olhos para sua boca com desejo.

    -Talvez seja por isso que eu também estou aqui...

    Dito isso ele ajusta os cabelos da imperatriz com sua mão direita, enquanto desce acariciando seu rosto e lentamente tenta beija-la.
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2613
    Reputação : 160
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Krossis - Livio Empty Re: Krossis - Livio

    Mensagem por Hellkite em Dom 9 Dez - 13:58

    Krossis então aproxima-se da imperatriz, lentamente e carinhosamente gira seu corpo de volta para a sacada encostando seu corpo no da imperatriz sutilmente, então aproxima seu rosto do rosto dela e sussurra apontando para um grupo de flores.

    A imperatriz se deixa levar pelo jogo de sedução iniciado por Vogher, sentindo a proximidade do corpo frio do vampiro ao seu. Com um sorriso na ponta dos lábios ela ouve as palavras sussurradas, prestando atenção a sua explicação enquanto observava seu rosto. Achava-o muito bonito.

    Ele encosta com um pouco mais de pressão na imperatriz tocando na mão esquerda dela com sua mão esquerda após descer por seu ombro e braços lentamente e sussurrando ao pé de seu ouvido complementa a explicação:

    -Coisas belas e exóticas costumam se atrair, por esse motivo você tem tanto interesse e preocupação com seu jardim, sua beleza e excentricidade refletem também seus desejos e atrações...

    A mão esquerda de Vogher toca na manopla magica de Neeshna, que por via de encantamentos poderosos, era capaz de sentir como se fosse sua própria mão.
    - Sim, é verdade - murmura, dando uma risadinha feminina.

    O vampiro gira a imperatriz e agora a encara muito próxima, sua face agora estava a meio palmo da imperatriz enquanto ele encarava a moça e olhava de seus olhos para sua boca com desejo.

    -Talvez seja por isso que eu também estou aqui...

    Dito isso ele ajusta os cabelos da imperatriz com sua mão direita, enquanto desce acariciando seu rosto e lentamente tenta beija-la.

    A imperatriz sente o toque da mão forte mas carinhosa sobre seus cabelos, que passeia pela sua face até segurar a ponta de seu queixo. Neeshna observa fundo nos olhos do vampiro, sabendo de seu grande poder, mas não tinha medo. Ela então fecha os olhos e permanece com a boca semi-aberta, esperando pela de seu companheiro.

    O primeiro toque é exploratório, e vendo que a imperatriz era receptiva ao seu beijo, Vogher o faz de maneira suave e demorada, sem pressa, a maneira dos elfos. A tiefling o segura pela nuca, e o vampiro sente o gosto de canela, sem saber se era o sabor residual de alguma sobremesa, ou se era algo especial da imperatriz.

    O segundo beijo é mais intenso, e Vogher tem a impressão que a mulher com quem estava há muito tempo não havia beijado uma outra pessoa. O peso de se ter uma posição de comando de um grande império. Por um instante esquece-se que eram pessoas poderosas, somente para aproveitar aquele momento como um homem e uma mulher.

    Ao final daquele beijo, a imperatriz se afasta e põe a mão sobre o peito, para se recompor. Ela expira e inspira, molha os lábios, e diz:
    - Muito bom, Vogher, muito bom... Vejo que não precisa usar magia alguma para encantar as mulheres... Mas me diga, você me acha bonita e atraente, ou somente está interessado no poder que tenho?
    Sandinus
    Wyrm
    Sandinus
    Wyrm

    Mensagens : 9025
    Reputação : 59
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Krossis - Livio Empty Re: Krossis - Livio

    Mensagem por Sandinus em Dom 9 Dez - 21:09

    Vogher consegue convencer a imperatriz a beija-lo com seu jogo de sedução. Mesmo com certo receio ele se saiu vitorioso contra seu próprio medo, quem sabe ela recusasse e poderia puni-lo de alguma forma? Porém, no fundo, ele sabia que ela não resistiria, nunca mulher alguma resistiu porque a imperatriz iria resistir, meso sendo quem é?

    Não demora e logo ele percebe que a jovem imperatriz estava sem ter alguém a muito tempo, talvez o peso do cargo e suas responsabilidades tenham privado a moça de muitos prazeres.

    -Vejo que a um bom tempo a imperatriz anda bastante ocupada para certos prazeres. Não devia se privar, há sempre tempo para as coisas boas da vida e no meu caso pós-vida... Disse ele com ar de brincadeira.

    A conversa se desenrola e a imperatriz lhe faz uma indagação bastante direta e objetiva:

    Muito bom, Vogher, muito bom... Vejo que não precisa usar magia alguma para encantar as mulheres... Mas me diga, você me acha bonita e atraente, ou somente está interessado no poder que tenho?

    Ele não se surpreende com a pergunta, afinal, ter poder e riqueza atrai muitos aproveitadores. Vogher não precisava de riqueza, porém, poder nunca seria de mais.

    -Realmente, nunca precisei de me utilizar de magia para isso, minha senhora. Quanto a sua segunda pergunta. Uma mulher, bela, atraente e poderosa...quem não iria querer obter tal flor rara? Não é de hoje que você me atrai, Neeshna. Desejo-te a um bom tempo. Já tive incontáveis mulheres e alguns homens, mas ninguém me chamou tanta atenção quanto você, não é só beleza e poder você tem algo a mais que eu ainda não consegui traduzir...Que mistérios lhe cercam, Neeshna?

    O Vampiro cerra os olhos de modo curioso, aguardando a resposta da imperatriz.

    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2613
    Reputação : 160
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Krossis - Livio Empty Re: Krossis - Livio

    Mensagem por Hellkite em Dom 16 Dez - 18:05

    -Vejo que a um bom tempo a imperatriz anda bastante ocupada para certos prazeres. Não devia se privar, há sempre tempo para as coisas boas da vida e no meu caso pós-vida... Disse ele com ar de brincadeira.

    A imperatriz passeia com os dedos pelos ombros largos do vampiro, o dedo indicador avançando até os lábios dele e brincando com o canino pontiagudo.

    Ela se fere e então leva o dedo até a boca e o chupa. O cheiro de sangue se torna quase irresistível para Vogher.
    - É verdade... Um cargo como o meu me priva de sensações que há muito anseio... Mas é difícil encontrar alguém em quem confiar... Eu fico muito vulnerável, fisicamente e emocionalmente...

    -Realmente, nunca precisei de me utilizar de magia para isso, minha senhora. Quanto a sua segunda pergunta. Uma mulher, bela, atraente e poderosa...quem não iria querer obter tal flor rara? Não é de hoje que você me atrai, Neeshna. Desejo-te a um bom tempo. Já tive incontáveis mulheres e alguns homens, mas ninguém me chamou tanta atenção quanto você, não é só beleza e poder você tem algo a mais que eu ainda não consegui traduzir...Que mistérios lhe cercam, Neeshna?

    Neeshna ouve as palavras do vampiro com um sorriso na ponta dos lábios. Ela se afasta do abraço, anda com graça pelo balcão e se apoia novamente na proteção de pedra.
    - Quem não gostaria de obter a flor mais poderosa de Dominus? - diz, e seus olhos parecem faiscar com essas palavras - Gostava de mim, Vogher? Conte-me mais. Foi durante nosso primeiro encontro? Eu lhe disse que o recompensaria... E cumpri com meu prometido. Não nos falamos mais depois, mas sempre o tive em meus pensamentos. Eu preciso de alguém em confiar... E sua lealdade foi comprovada.

    Neeshna mostra a mao direita, a palma voltada para Vogher.
    - Nenhum anel, nada simbolizando compromisso. Não aceitei nenhuma proposta de casamento, não havia um que fosse digno de estar ao meu lado. Não sei se eu sou apenas uma peça a mais nos seus planos, vampiro, mas estou disposta a talvez considerar algo... E para alguém ser digno, deve provar através de suas ações.
    Sandinus
    Wyrm
    Sandinus
    Wyrm

    Mensagens : 9025
    Reputação : 59
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Krossis - Livio Empty Re: Krossis - Livio

    Mensagem por Sandinus em Sab 22 Dez - 21:01

    A imperatriz começa a brincar com as presas de Vogher e acaba se furando o cheiro de sangue é imediatamente sentido pelo vampiro que sente um grande vontade de toma-lo, não sem antes passar sua língua na presa que perfurou o dedo da imperatriz.

    -Por sorte, Neeshna, já passei da fase "cria vampírica" e posso controlar meus instintos, mas não posso deixar de dizer que seu sangue cheira maravilhosamente bem... Quanto a sua vulnerabilidade, caso confie em mim, eu suprirei ela protegendo-te.


    Falava ele enquanto encarava a imperatriz nos olhos.

    - Quem não gostaria de obter a flor mais poderosa de Dominus? - diz, e seus olhos parecem faiscar com essas palavras - Gostava de mim, Vogher? Conte-me mais. Foi durante nosso primeiro encontro? Eu lhe disse que o recompensaria... E cumpri com meu prometido. Não nos falamos mais depois, mas sempre o tive em meus pensamentos. Eu preciso de alguém em confiar... E sua lealdade foi comprovada.

    Ele volta a se aproximar da Imperatriz e pega sua mão direita. Voltando a ficar bem próximo dela.

    -Eu já tinha visto você em outras oportunidades, mas nunca tão próximo como no nosso primeiro encontro, seu cheiro, seu corpo e sua aura de poder me seduziram e a cada mulher que fiquei após esse encontro eu imaginava você no lugar delas...


    Neeshna mostra a mao direita, a palma voltada para Vogher.
    - Nenhum anel, nada simbolizando compromisso. Não aceitei nenhuma proposta de casamento, não havia um que fosse digno de estar ao meu lado. Não sei se eu sou apenas uma peça a mais nos seus planos, vampiro, mas estou disposta a talvez considerar algo... E para alguém ser digno, deve provar através de suas ações.

    O vampiro sorri com as palavras da imperatriz, ele ergue sua mão junto com a dela entrelaçadas, aproxima-se lentamente e beija mais uma vez a imperatriz de modo mais ardente, mordendo superficialmente o lábio inferior da imperatriz fazendo-o sangrar um pouco enquanto experimenta o sangue e o beijo da tiefling. Então após alguns longos segundos termina o beijo lentamente e sorri para ela.

    -Desculpe por isso imperatriz, as vezes sou um pouco mais voraz do que deveria... Quanto a considerar algo, essa mão direita pode ser ainda mais bonita com um anel de compromisso entre nós...
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2613
    Reputação : 160
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Krossis - Livio Empty Re: Krossis - Livio

    Mensagem por Hellkite em Sab 29 Dez - 18:56


    Krossis - Livio Neeshn10

    -Desculpe por isso imperatriz, as vezes sou um pouco mais voraz do que deveria... Quanto a considerar algo, essa mão direita pode ser ainda mais bonita com um anel de compromisso entre nós...

    A Imperatriz passa a língua lentamente sobre o pequeno corte no lábio de maneira sensual, sentindo o próprio sangue na boca. Ela lança um olhar safado para o vampiro, sorrindo ligeiramente com o canto da boca, como se estivesse se divertindo com todo este jogo de sedução.

    - Sim, um belo anel de diamantes forjado em Hammerhein como anel de compromisso, é o que gostaria de ter... Faça um bom trabalho em Nova Benalia, fique famoso e poderoso, e então poderá me desposar...

    Neeshna então dá dois passos para trás. Ela diz uma palavra de comando, e sua manopla do braço esquerdo vai ao chão, com um sonoro “Clang!” A tiefling havia sido mutilada, é verdade, mas continuava com a mesma capacidade de encantar os homens. Certamente deveria correr em seu sangue o legado de uma súcubo.

    Em seguida ela solta o colar em forma de caveira de seu pescoço, e então seu vestido cai ao chão, revelando formas sinuosas e bem proporcionadas. Estava totalmente nua a frente do vampiro, mas não sentia nem um pingo de vergonha.

    - Venha servir sua Imperatriz, governador! - diz em tom de comando.


    Sandinus
    Wyrm
    Sandinus
    Wyrm

    Mensagens : 9025
    Reputação : 59
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Krossis - Livio Empty Re: Krossis - Livio

    Mensagem por Sandinus em Qui 3 Jan - 15:02

    O vampiro avança até a imperatriz e começa a beija-la ardentemente por alguns minutos e depois desce seus beijos pelo pescoço, seios, descendo mais por seu adomem. Então ergue a imperatriz e senta-a na sacada ajoelhando-se para com sua boca para "acaricia-la" ainda mais.

    Passa mais alguns minutos ele ergue-se e volta-se para beija-la na boca novamente, então retira suas roupas, desce a tiefling da sacada, posicionando-a de costas para sí e carinhosamente reclina o corpo da imperatriz sobre a sacada de modo que ela mantenha-se seus pés no chão numa posição em "L" invertido.

    O vampiro então encaixa-se na imperatriz ao mesmo tempo que ergue seus cabelos um pouco para mostrar sua nuca e beija-a mais uma vez, enquanto explora o interior de seu corpo com o dele imitando as ondas do mar quando trazem e levam de volta a água quebrada na margem. Suas mãos delineiam as curvas da imperatriz em carícias enquanto seus gemidos sussurrados excitam ainda mais o vampiro.

    Depois de mais alguns minutos ele vira-a ficando de frente para ele e ergue-a na altura de sua cintura de modo que ela o abrace com suas pernas e apoie-se na nuca de Vogher que a beijando mais uma vez ao mesmo tempo que levantava e abaixava a moça em movimentos contínuos, aumentando o atrito em seus corpos durante um bom tempo.

    Por fim seguia caminhando com ela entrelaçada em seu corpo até seu quarto, deitando-a em sua cama e amando-a pelo resto da noite.
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2613
    Reputação : 160
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Krossis - Livio Empty Re: Krossis - Livio

    Mensagem por Hellkite em Ter 8 Jan - 20:19


    Krossis - Livio Neeshn10

    A Imperatriz aprecia os carinhos do vampiro, e o calor de seu corpo contrastava com o frio habitual dos mortos-vivos. Neeshna não tinha medo de Krossis e seu potencial toque mortífero, amando-o e entregando-se como uma mulher igual a qualquer outra.

    Mas não havia somente uma entrega, não... A tiefling conhecia as artes do amor, e fazendo jus a sua descendência das demonias do sexo, sabia como agradar um homem, mesmo um que não tinha mais energia vital dentro de si. Elas se deixa sugar pelo vampiro, quase desfalecendo pelo intenso orgasmo em conjunto com o extase da mordida.

    A noite passa, e faltando pouco para a mesma dar lugar aos primeiros raios de sol, o lorde vampiro se volta para a porta do quarto para um ultimo olhar para a sua imperatriz, nua e exausta envolta nos lençóis brancos, dormindo como se fosse uma bebe.

    **

    Depois de uma longa viagem em sua forma alada, o lorde vampiro e governador de Nova Benalia chega na cidade de Astrakhan, localizada próximo da fronteira de sua província. Sua comitiva ainda demoraria a chegar, e Krossis preferiu viajar sozinho para não ficar vulnerável em uma viagem que levaria dias.

    A cidade de Astrakhan era de tamanho médio, protegida por altos muros de cor marrom-claro, em cujos cantos estavam torres de arqueiros. No topo da amurada alguns soldados faziam ronda, provavelmente orcs. Sobrevoando silenciosamente por sobre os muros sem chamar a atenção ele passa, atravessando bairros residenciais ate chegar em uma área restrita da cidade, guardada por demônios brutos e enormes, portando imensos machados de batalha. Após passar em frente de diversas residências luxuosas, Krossis aterrissou no portão que guardava a mansão de Lady Shederun, mandante da cidade.

    O Lorde Vampiro, que já era esperado, é conduzido até o salão de entrada. Ao cruzar o grande portal, o vampiro olhou para a maravilhosa arquitetura do local: era um amplo salão, bem iluminado por inúmeros candelabros e lustres de cristais. O dourado era predominante, havendo um grande numero de arabescos feitos em ouro adornando as paredes e o teto.

    Uma mulher de cabelos negros, dois grandes chifres, com asas negras de longas penas vem recebe-lo. Lady Shederun.

    Krossis - Livio Lady_s10

    - Seja bem-vindo a cidade de Astrakhan, governador Krossis. Espero que tenha feito uma boa viagem... Já conhecia Astrakhan? Faço questão de deixar a cidade em ordem! - diz a erynie em tom orgulhoso.


    Sandinus
    Wyrm
    Sandinus
    Wyrm

    Mensagens : 9025
    Reputação : 59
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Krossis - Livio Empty Re: Krossis - Livio

    Mensagem por Sandinus em Ter 8 Jan - 21:24

    A noite foi intensa e a imperatriz estava exausta, Vögher por outro lado sequer demonstrava cansaço, afinal, mortos vivos não cansam. Ele só parou quando a imperatriz já se forças desfaleceu em um sono profundo para descansar. O vampiro dormiu um pouco e logo viu os primeiros raios de sol surgir, ele levata-se, vai até um jarro próximo onde repousavam flores vermelhas, pega uma delas e pousa próximo a face da imperatriz de modo que quando ela acordasse a primeira coisa que enxergasse seria a flor deixada por ele. Por fim, olha mais uma vez pra sua amada, toma sua forma gasosa e voa até a cidade de Astrakhan, ele tinha coisas a tratar com a Lady Shederun.

    Krossis não iria perder tempo acompanhando sua comitiva por dias e arriscando-se nas estradas. Assim que chega logo observa a cidade que parecia muito próspera e segura, ele dá uma volta no local e então dirige-se até o portão do palácio da Lady Shederun. Uma velha conhecida de Krossis, porém nunca mantiveram muito contato.

    Ele é guiado até o salão de entrada e é recebido pessoalmente e enquanto aguarda a Erynei observa a bela arquitetura do local que era focada no dourado e no ouro. Não demora muito e logo a lady se aproxima.

    - Seja bem-vindo a cidade de Astrakhan, governador Krossis. Espero que tenha feito uma boa viagem... Já conhecia Astrakhan? Faço questão de deixar a cidade em ordem! - diz a erynie em tom orgulhoso.

    O vampiro observa a bela diaba a sua frente e logo responde esticando sua mão direita, beijando em seguida a mão da diaba.

    -Lady Shederun, que prazer em revê-la! A quanto tempo não nos vemos não é? Parece que cada ano que passa sua beleza aumenta!

    Ele vira-se para a porta de entrada:

    -Devo admitir que Astrakhan é próspera e muito segura. Tomei a liberdade de sobrevoar um pouco a cidade para analisá-la e realmente sua administração é louvável!

    Termina ele voltando sua atenção para ela.

    -Tenho interesse em seus métodos! Podíamos aproveitar e discutir também sobre eles!

    Dizia ele com um largo sorriso e já oferecendo seu braço direito para a Lady e esperando que ela o guiasse.
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2613
    Reputação : 160
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Krossis - Livio Empty Re: Krossis - Livio

    Mensagem por Hellkite em Ter 15 Jan - 21:56


    Krossis - Livio Lady_s10

    -Lady Shederun, que prazer em revê-la! A quanto tempo não nos vemos não é? Parece que cada ano que passa sua beleza aumenta!

    Lady Shederun sorri com a cordialidade demonstrada com o velho conhecido. O cumprimento de Krossis fora exatamente da mesma maneira quando haviam sido apresentados, já faz alguns anos.

    A erynie leva a mão que havia sido beijada até seus próprios lábios, e beija exatamente sobre o local onde foi cumprimentada. Fora do protocolo.

    - E seus galanteios nunca ficam fora de moda... pelo menos não para mim, governador.

    -Devo admitir que Astrakhan é próspera e muito segura. Tomei a liberdade de sobrevoar um pouco a cidade para analisá-la e realmente sua administração é louvável!

    Os olhos da diaba parecem brilhar com o elogio. Adorava palavras bonitas relacionadas a sua administração em Astrakhan.

    - Faço incontáveis esforços para que a Imperatriz Neeshna e o Governador se orgulhem desta cidade! Também realizo diariamente estes voos para me assegurar que tudo corre bem pelas ruas e casas, e puno imediatamente qualquer infeliz que seja mal-intencionado. Deve ter visto a fileira de criminosos empalados nas estacas na entrada da cidade. Trata-se de um aviso bem efetivo para que todos se comportem por aqui.

    -Tenho interesse em seus métodos! Podíamos aproveitar e discutir também sobre eles!

    A mansão de Lady Shederun, além de luxuosa, era bem extensa, com longos corredores. De braços cruzados, a diaba vai conduzindo o vampiro até seu quarto.

    - Ah sim, disponho de um efetivo razoável de patrulha pelas ruas, mas estou pensando em aumenta-lo...- diz, e sua face se torna um tanto desconcertada - Bem, infelizmente nem tudo ocorre 100%, Lorde Krossis, tive problemas com rebeldes instalados aqui. Eu tinha um espião no meio deles, mas infelizmente muitos conseguiram escapar. Ainda tentei trazer a justiça para alguns destes rebeldes que fugiram para fora de Karzek, mas minha incompetente líder pos tudo a perder...

    Finalmente ao chegar ao destino, Lady Shederun desgruda de Krossis e abre a porta, revelando ser um quarto magnifico, todo mobiliado, com um tapete felpudo, uma cama luxuosa com lençóis e travesseiros brancos. Ela molha os lábios antes de falar.

    - Este é seu quarto. Fique seguro de que nada lhe acontecerá nas horas diurnas, ficarão guardas a postos da minha inteira confiança... E se quiser... Posso até lhe fazer companhia... Apesar de ser há tanto tempo, me lembro que nos divertimos bastante em nossa noite juntos. E posso dizer que meu marido nem se importou, pois ele disse que já tinha previsto isto... Ele tem esse dom. Somente não sei dizer se ele previu o que estará acontecendo agora... - diz, segurando no braço de Krossis.
    Sandinus
    Wyrm
    Sandinus
    Wyrm

    Mensagens : 9025
    Reputação : 59
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Krossis - Livio Empty Re: Krossis - Livio

    Mensagem por Sandinus em Seg 21 Jan - 23:37

    - Faço incontáveis esforços para que a Imperatriz Neeshna e o Governador se orgulhem desta cidade! Também realizo diariamente estes voos para me assegurar que tudo corre bem pelas ruas e casas, e puno imediatamente qualquer infeliz que seja mal-intencionado. Deve ter visto a fileira de criminosos empalados nas estacas na entrada da cidade. Trata-se de um aviso bem efetivo para que todos se comportem por aqui.

    O lorde ergue  a sobrancelha e põe sua mão no queixo pensativo:

    -Empalamento por estacas sempre é efetivo, mas eu tenho estudado métodos interessantes e novos de punição em público, um mais terrível que o outro, aliás, mais belo...

    O Vampiro sorri  e enquanto caminhava dissertava os métodos para a Lady Shederun

    -Você ja ou viu falar no ESCAFISMO? Pois bem, o criminoso tem que ingerir, obrigatoriamente, leite e mel até ficar com diarreia. Em seguida, o corpo era untado com mel e jogado em um bote de madeira, ficando pés, mãos e cabeça expostos.

    A intenção é atrair insetos como abelhas, mosquitos, vespas para devorarem a pessoa ainda viva. Enquanto passavam os dias, a pessoa era alimentada mais ainda com mais leite e mel para que tivesse mais diarreia.

    Aos poucos o método fazia com que a carne apodrecesse vagarosamente, levando uma morte lenta e dolorosa.


    Ele quase gargalha e prossegue:

    -Tem o que chamam de ASA DE ÁGUIA, que consistia em fazer dois grandes cortes ao lado da coluna vertebral, nas costas da vítima.

    Depois do corte, os carrascos ou nós, puxamos as costelas para que se parecessem com asas. Em seguida, puxamos o pulmão para fora e jogamos sal nas feridas. Eles sofrem por horas até a morte...


    O vampiro  balança a cabeça como se analisasse algo e continua:

    -Acho que esse posso fazer com as mãos nuas! É bom lembrar também a minha preferido, o TOURO DE BRONZE! Que nada mais é que um touro feito de bronze com espaço suficiente para caber uma pessoa dentro. A pessoa é colocada , o touro é tampado e ascendemos uma fogueira deixando cozinhar, em seguida como a cereja do bolo, crucificamos seu corpo como exemplo...

    Vogher sorri com ar de satisfação.

    -Tem outros que depois eu lhe contarei...

    Enquanto avança pelos corredores Krossis não deixa de se atentar a belíssima casa da Lady, tinha uma decoração que o agradava, sentia-se confortável.

    - Ah sim, disponho de um efetivo razoável de patrulha pelas ruas, mas estou pensando em aumenta-lo...- diz, e sua face se torna um tanto desconcertada - Bem, infelizmente nem tudo ocorre 100%, Lorde Krossis, tive problemas com rebeldes instalados aqui. Eu tinha um espião no meio deles, mas infelizmente muitos conseguiram escapar. Ainda tentei trazer a justiça para alguns destes rebeldes que fugiram para fora de Karzek, mas minha incompetente líder pos tudo a perder...

    -Não se preocupe quanto a isto, a segurança é aceitável, todavia, tem meu total apoio quanto o aumento do efetivo e sugiro que aumente o máximo que puder, talvez Neshna precise de efetivo em futuras guerras caso seja necessário.

    Finalmente ao chegar ao destino, Lady Shederun desgruda de Krossis e abre a porta, revelando ser um quarto magnifico, todo mobiliado, com um tapete felpudo, uma cama luxuosa com lençóis e travesseiros brancos. Ela molha os lábios antes de falar.

    - Este é seu quarto. Fique seguro de que nada lhe acontecerá nas horas diurnas, ficarão guardas a postos da minha inteira confiança... E se quiser... Posso até lhe fazer companhia... Apesar de ser há tanto tempo, me lembro que nos divertimos bastante em nossa noite juntos. E posso dizer que meu marido nem se importou, pois ele disse que já tinha previsto isto... Ele tem esse dom. Somente não sei dizer se ele previu o que estará acontecendo agora... - diz, segurando no braço de Krossis

    Krossi sorri maliciosamente enquanto aproxima-se da Lady também molhando seus lábios:

    -Não acha que estamos nos aproveitando de mais da "boa vontade" de seu marido? Encerrava, lambendo lentamente o canto direito da boca da Lady enquanto aguardava a resposta.
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2613
    Reputação : 160
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Krossis - Livio Empty Re: Krossis - Livio

    Mensagem por Hellkite em Ter 29 Jan - 9:03


    Krossis - Livio Lady_s10

    -Não acha que estamos nos aproveitando de mais da "boa vontade" de seu marido? Encerrava, lambendo lentamente o canto direito da boca da Lady enquanto aguardava a resposta.

    Lady Shederun faz uso de suas habilidades, movimentando a corda que estava presa a sua cintura como se fosse uma cobra, serpenteando seu caminho por em volta dos dois, os envolvendo e os apertando um contra o outro. O vampiro pode sentir contra seu corpo como a diaba tinha formas generosas, a maciez de algumas partes contrapondo com sua força física.

    - Bem, se ele tem alguma coisa contra, que se manifeste agora, porque a diversão já vai começar - diz com um sorriso safado, enquanto a corda os arrasta para a cama.

    **

    O embate sexual entre os dois fez Krossis relembrar das particularidades que envolviam alguém que possuísse asas; e sendo a erynie possuidora de um belo par de asas negras, não era fácil a movimentação de uma posição para outra, dando ambos a preferencia por aquelas que os parceiros ficavam de pé.

    Depois de satisfeitas as vontades, Lady Shederun permaneceu deitada ao lado do governador, apoiando a cabeça com uma das mãos, enquanto com a outra passava pelo peito desnudo do amante. Depois de uma troca de elogios quanto a performance, a mandante da cidade decide falar sobre algo que a incomodava já faz algum tempo.

    - Krossis, amigo de longa data, sei que sua comitiva ainda demorara alguns dias para chegar em Astrakhan... Nesse período de tempo, gostaria de contar com sua ajuda com um problema que não consigo resolver...

    A diaba toma um gole de uma taça de vinho que um servo tinha trazido enquanto ambos estavam transando.

    - Como eu disse, existe este problema com os rebeldes, que provavelmente contam com a ajuda de algum nobre da cidade. Meu espião sabia que o líder dos rebeldes recebiam informações importantes de alguém do alto escalão, porem sua identidade permaneceu sem ser descoberta... Você poderia ajudar nas investigações? Sei que esta não é uma tarefa digna para um governador, mas eu peço em nome dos velhos tempos, Krossis - diz Shederun, dando um beijo prolongado para reforçar seu pedido.


    Sandinus
    Wyrm
    Sandinus
    Wyrm

    Mensagens : 9025
    Reputação : 59
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Krossis - Livio Empty Re: Krossis - Livio

    Mensagem por Sandinus em Qua 30 Jan - 15:31

    Após se deliciarem de prazer Krossis percebe uma angustia estampada na face da Lady, ela parecia preocupada com algo e decide explicitar suas preocupações para o vampiro:

    - Krossis, amigo de longa data, sei que sua comitiva ainda demorara alguns dias para chegar em Astrakhan... Nesse período de tempo, gostaria de contar com sua ajuda com um problema que não consigo resolver...

    Vogher apenas volta seus olhos para os olhos da Lady aguardando que ela diga do que se trata, então, logo e ela começa a relatar a situação com mais detalhes:

    - Como eu disse, existe este problema com os rebeldes, que provavelmente contam com a ajuda de algum nobre da cidade. Meu espião sabia que o líder dos rebeldes recebiam informações importantes de alguém do alto escalão, porem sua identidade permaneceu sem ser descoberta... Você poderia ajudar nas investigações? Sei que esta não é uma tarefa digna para um governador, mas eu peço em nome dos velhos tempos, Krossis - diz Shederun, dando um beijo prolongado para reforçar seu pedido.

    O vampiro observa a moça em silêncio por um tempo tornando a situação ainda mais constrangedora para a Lady, afinal, não é realmente um pedido digno de um governador:

    -De fato, esse tipo de pedido não é digno de minha posição, percebe que recorrer a mim simplesmente por isso demonstra certa fraqueza por sua parte? Uma pessoa como você, com o poder que tem não consegue solucionar esse tipo de problema? Eu não estarei aqui para sempre caso não consiga resolver estes problemas...

    O vampiro vira-se para o outro lado e senta-se na cama vestindo-se:

    -No entanto, como a Imperatriz confiou em mim para tal posição e levando em consideração uma ameaça rebelde é minha responsabilidade auxiliar nestes tipos de problemas, apesar de não ser de meu agrado. Prefiro resolver problemas maiores...

    Ele termina de se vestir e senta-se numa das poltronas que ficava do mesmo lado que ele estava da cama, cruza as pernas, apoia seu queixo em suas mãos entrelaçadas e volta a indagar a lady:

    -O que você já tem em mente?

    Encerrava ele olhando sem expressão para a moça.
    Conteúdo patrocinado


    Krossis - Livio Empty Re: Krossis - Livio

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Qui 21 Nov - 8:08