Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    Introdução - David

    Hunter
    Tecnocrata
    Hunter
    Tecnocrata

    Mensagens : 305
    Reputação : 17
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png

    Introdução - David Empty Introdução - David

    Mensagem por Hunter em Qua Out 24, 2018 1:46 pm

    David, um senhor com uma bagagem razoável no campo da psicologia. Trabalha com pessoas e ultimamente, tem tido um negócio produtivo com autoreivs, mas por baixo dos panos. Um pratica lucrativa, porém com tendencia a queda... As informações que começavam a circular era a que, um autoreiv infectado era inteligente o bastante para burlar seus donos, com comportamentos normalizados como de costume.

    Possui uma sala em que faz suas consultas, não muito grande, porém aconchegante. Como de costume, David chega ao seu escritório bem cedo, sempre acompanhado de um AutoReiv. Não demora muito e chega seu primeiro cliente do dia. Um senhor, desconfiado, olhava para os lados antes de entrar na sala. Com ele, Mary, uma AutoReiv de companhia. Desconfiado de que sua companheira estava infectada com o Vírus Cogito e, ouvindo falar dos trabalhos de David, resolveu fazer o teste. David, como toda sua experiencia percebe que o senhor a sua frente não tinha a mente muito sadia. Era totalmente possível que o quadro ali fosse o inverso. Sua AutoReiv o levando para tem uma consulta. Sua roupa era desalinhada, seu olhos possuíam linhas vermelhas, talvez insonia. Mas o caso era que, sua Mary já disponível para a análise. O trabalho iria começar.
    hello
    Mestre Jedi
    hello
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1088
    Reputação : 6

    Introdução - David Empty Re: Introdução - David

    Mensagem por hello em Qua Out 24, 2018 7:43 pm

    Tudo tinha começado com o objetivo de conseguir um dinheiro extra para garantir sua aposentadoria, agora ele já tinha oque precisava, mesmo assim continuou, impressionante como ocorreu o contrário do normal, na maioria das vezes uma ideia altruísta vira algo focado em benefício próprio, mas agora estava ele arriscando sua liberdade e quem sabe se a lei apertar ainda mais, sua vida, para ajudar seres que não estão vivos, o problema é que eles ao mesmo tempo são mais vivos que muitas pessoas no mundo atual. Suas consultas ilegais eram baratas, no final sua clientela de verdade eram pessoas que compraram AutoRievs e não podiam ou não queriam comprar outro e se livrar do atual apenas por uma suspeita de Cogito.
    Ele vê o homem entrar e o ouve.
    -Entendo, venha comigo para a outra sala, tenho que discutir certas coisas com você
    Ele se levanta guiando o homem por uma porta.
    -Sabe do pagamento já né?
    -Sim~diz o senhor enquanto pisca um olho e depois o outro.
    Eles chagam na outra sala, lá tem um computador, na tela, tem diversas visões de câmeras escondidas na sala, uma no broche de Mara(que está parada na sala olhando para Mary vigiando-a), outro numa pintura abstrata parecendo(e realmente sendo) parte da obra, um do escondido entre os fios da TV , um atrás de um espelho falso num móvel e uma parecendo uma máquina fotográfica desligada mas está gravando e enviando o sinal.
    -Venha aqui, te chamei aqui por 2 motivos, o primeiro é que tenho que saber como você criou as suspeitas pois isso pode me ajudar a achar uma brecha no seu disfarce caso realmente seja um, o segundo é o mais importante, veja aqui, essas 4 câmeras estão muito bem escondidas ao ponto que certos AutoReivs militares não as descobririam, agora a dos fios está ridiculamente mal posicionada, estou criando uma atmosfera de tensão, se ela desobedecer a ordem para procurar se está sendo vigiada mexendo a cabeça, encarar essa câmera por muito tempo, olhar por onde viemos ou algo assim, ela mostrará indícios, se o caso de vírus Cogito for recente, os AutoRievs ficam tensos facilmente pois não sabem mais como reagir a tudo, essas emoções são tão novas nesses casos que agem várias vezes como crianças que foram pegas mentindo e tentam negar: quanto mais pressão, mais desesperados ficarão visivelmente e mais fácil será ter certeza. Caso não seja tão recente ou talvez ela seja bem capacitada em parecer normal, nós partiremos para perguntas de diretrizes e pressão emocional de diversos tipos além de testes psicológicos usados em pessoas para ver se a reação deles será ou não estranha.
    Ele fala tudo isso calmamente enquanto olha para a tela. Mara está na frente da porta de saída e vendo ela de lado, ela olha para Mary intensamente como se estivesse vendo cada movimento da mesma, as situações de pressão estão concluídas. Era só ver onde isso daria agora.
    -Fique a vontade para ver, depois desse teste talvez eu passe para outra parte que você não pode estar próximo, da mesma forma não pode estar nessa sala pois o requisito desse passo é que ela saiba que tem câmeras, mas que você não a está vendo, nem está perto, algo que foi dito previamente.
    O senhor vai para trás de David e olha a tela por seu ombro, ambos estão quietos e esperando...
    Hunter
    Tecnocrata
    Hunter
    Tecnocrata

    Mensagens : 305
    Reputação : 17
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png

    Introdução - David Empty Re: Introdução - David

    Mensagem por Hunter em Qua Out 24, 2018 8:09 pm

    Ele limpava os óculos na ponto de sua camisa enquanto dizia:

    - Olha, eu não sei. Eu acordei de noite e ouvi uns barulhos. Ela estava limpando o chão. Não era para ele estar limpando o chão tarde da noite. Isso me pareceu suspeito. Fora isso, ela está normal, mas não quero ficar na dúvida. Sei que isso não é nada grave, mas é apenas uma precaução... Logo depois desse episódio, eu sonhei que ela me vigiava de maneira nada natural enquanto durmia. Sei que foi um sonho, mas depois disso eu não consigo mais dormir tranquilo.

    Mary vestia roupas surradas, e um colar de latão dourado, de bem pouco valor. Ela aguardava do lado de fora, sob a vista de Mara, a assistente e guarda-costas. O Sr abre a porta e a chama.

    - venha querida, vamos começar.

    Mary sentasse em uma cadeira, imóvel, como se aguardasse alguma ordem. Não analisou o quarto e pareceu não notar as câmeras, nem mesmo a mais óbvia. O homem a olhava, curioso e ansioso.

    - A-acho que pode começar as perguntas, doutor... Eu vou aguardar do lado de fora, mas próximo. Qualquer coisa só me chamar.

    Ele tira um lenço amarelo e enxuga o suor de sua testa enquanto sai.

    Aparentemente, o primeiro teste não teria surtido nenhum efeito. Por enquanto, Mary aparentava ser um AutoReiv sem infecção. Restava passar para as perguntas e definir se estava mesmo infectada ou era apenas um alarme falso.
    hello
    Mestre Jedi
    hello
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1088
    Reputação : 6

    Introdução - David Empty Re: Introdução - David

    Mensagem por hello em Qua Out 24, 2018 8:33 pm

    -Mary não? Pois bem, farei perguntas e você deve responde-las instantaneamente, vamos começar com o mais simples:
    -Qual a sua diretriz principal?
    Mara estava no seu lado em pé olhando atentamente.
    -Você faz oque em cada noite?
    -Oque acha de si mesma?

    (Caso nada tenha ficado óbvio)

    -Continuarei as perguntas em pouco tempo, vou rapidamente ao banheiro, Mara, coloque o vídeo para ela para adiantar as coisas.
    Era hora do choque emocional, AutoReivs normalmente são indiferentes em relação a vidas alheias na maior parte do tempo, porém nesse momento de auto descoberta, eles tem uma grande estima por eles mesmos já que na maioria das vezes, querem entender oque são ou pretendem ser, sempre tendo, nesses casos, grandes esperanças.
    -*Suspiro*, vamos ver onde isso vai dar. Saudades de quando em vez desses planos mirabolantes minhas consultas eram apenas dizer "excesso de trabalho".
    Ele pega o celular que está ligado ao broche novamente, o vídeo começa:
    -AutoReivs são uma tecnologia inovadora, em tantos anos só o celular e a internet podem se comparar... feitos com essas linhas de bicarbonato o modelo aqui é feito, como pode ver, essas ferramentas são muito úteis, ele são usados para diversos trabalhos, imagine-os como uma caixa de ferramentas para uma obra, com isso você pode ter mão-de-obra barata, e que trabalhará sem descanso, usados desde prostituição até para escritórios. Mesmo vidas importantes são salvas em guerras contra terroristas ou bandidos a custos de meras matérias primas, como sabem, eles são obsoletos sem ordens de seres humanos, sem exceção eles devem ser feitos perfeitamente para isso, recentemente tem existido casos de um vírus nomeado cogito, isso apenas é um defeito, eles continuam como eram, porém agora são obsoletos e perigosos, eles não devem ser tratados como seres, apenas como lixo que deve ser descartado.
    Esse vídeo com edições e adulterações era algo que David passou a usar em casos onde não esboçavam reação, normalmente os mais empenhados em se manterem na surdina e não fugirem ou procuram ver de perto os seres humanos para achar um motivo para a sua vida, ou acham que devem continuar seu trabalho anterior pois esse é o motivo de serem importantes, nesses casos, o vídeo é extremamente efetivo. Se não funcionasse ou ela era uma ótima atriz ou um caso muito específico, e realmente, com tão pouco esboço de emoções, caso ela estivesse com Cogito não seria apenas um grande problema para achar uma brecha e que demandaria muito tempo, como também era improvável que um Reiv com esse tipo de comportamento atacasse seu dono ou outra pessoa.
    Hunter
    Tecnocrata
    Hunter
    Tecnocrata

    Mensagens : 305
    Reputação : 17
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png

    Introdução - David Empty Re: Introdução - David

    Mensagem por Hunter em Qui Out 25, 2018 7:22 am

    - Fui programada para servir e fazer companhia, nas noites, minha função é ficar neutra mas atenta, e caso detecte algo, realizar as ações necessárias. Creio que devo realizar minhas tarefas, conforme elas me forem dadas. Essa é minha função, é o que eu acho de minha existência.

    As perguntas foram respondidas conforme o protocolo. Até então, nada suspeito. O vídeo vindo como um curinga num tentativa de alguma reação também foi por água abaixo. Nada surtiu efeito contra Mary. Era, para David, uma AutoReiv realmente livre de qualquer vírus, com toda sua experiência, não viu nenhuma indícios de infecção, talvez fosse apenas uma mente perturbada daquele cidadão, o que não seria raro. Pelo lado de fora, seu dono aguardava ansioso andando de um lado para o outro. Apesar de não ter passado tanto tempo, parecia agoniado em esperar.

    Enfim, para seu dono, havia chegado a hora de uma resposta. Mary se levanta da cadeira enquanto seu dono entra na sala e retira dinheiro em espécie de seu bolso. Mary observava de lado, assim como Mara, ao lado de David. Os olhos de David finalmente identificou algo suspeito. Um sorriso. Não havia motivos para Mary estar sorrindo e parecia ser um sorriso de deboche. Um frio lhe subiu a espinha pois pressentiu que algo ruim estava para acontecer, tudo isso, num milésimo de segundo.

    Em um momento, rápido como o ponteiro marcador dos segundo de um relógio, Mary enfiou a mão no bolso e sacou de uma faca, que viajou direto na jugular do ser que estava a estender o dinheiro para David. O sangue jorra manchando as notas e a face de david, que vê tudo aquilo em câmera lenta, imóvel, paralisado. Mary ainda não estava satisfeita, seu ataque prossegue em direção ao doutor, mas Mara intervem. David pode ver o braço de Mara invadir seu campo de visão pela lateral e pegar no pulso de Mary, impedindo o ataque. A força de Mara esmaga o pulso de Mary, soltando pequenas faíscas. Ainda não havia acabado. Mara toma posse da arma branca e a crava embaixo do maxilar de Mara, atravessando até o topo de sua cabeça. Mary desaba.

    Mara: - O Senhor está bem?

    O chão nesse momento estava inundado de sangue, a jugular continuar a minar fluídos.
    hello
    Mestre Jedi
    hello
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1088
    Reputação : 6

    Introdução - David Empty Re: Introdução - David

    Mensagem por hello em Qui Out 25, 2018 10:24 am

    - Sim, sim.
    Diz David tenso.
    - Essa foi a segunda vez que teve um ataque depois do vídeo, realmente é algo que deve ser usado apenas quando não tem sinal de cogito. Tenho que testar outros métodos, parece que o da câmera não é efetivo o bastante. Parece que os AutoReivs estão ficando cada vez mais inteligentes e capazes.
    Ele se levanta com dificuldade.
    - Hum, acho que o vídeo causou nela uma vontade de matar-nos para contrariar a parte de serem ferramentas.
    Ele vai pegar um pano para limpar o sangue.
    -Pegue o corpo e queime, o dinheiro não.
    -Ah, obrigado por me salvar.
    Hunter
    Tecnocrata
    Hunter
    Tecnocrata

    Mensagens : 305
    Reputação : 17
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png

    Introdução - David Empty Re: Introdução - David

    Mensagem por Hunter em Sab Out 27, 2018 2:57 am

    A situação naquele momento não era muito boa para o Dr David. Havia um corpo na sala de seu escritório, uma bagunça com direito a um banho de sangue até mesmo em sua face. Mara vira-se para David e o alerta, esperando uma confirmação.

    - Senhor, queimar o cadáver humano ou o AutoReiv Mary, ou ambos é considerado crime. O senhor confirma a ação?


    Mara assim como todo AR possui uma vasta fonte de informações instantâneas e sempre alerta seu dono quando algo pode causar consequências. Sua capacidade de pesquisa também é aproveitada pelos usuários sobre qualquer coisa. Mary era infectada pelo vírus Cogito, ganhando o potencial de realizar ações do tipo.
    hello
    Mestre Jedi
    hello
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1088
    Reputação : 6

    Introdução - David Empty Re: Introdução - David

    Mensagem por hello em Sab Out 27, 2018 7:51 am

    - Ai,ai. melhor fazermos algo mais simples, é melhor dizer que a consulta foi para o cara, a AutoReiv dele o matou e depois foi me matar. Acho que é melhor assim, ligue para a polícia e diga essa história por favor, eu vou guardar a câmera e deixaremos que façam o trabalho deles. Já estou infringindo a lei mais do que queria ao fazer essas consultas, mas é por uma boa causa.
    Hunter
    Tecnocrata
    Hunter
    Tecnocrata

    Mensagens : 305
    Reputação : 17
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png

    Introdução - David Empty Re: Introdução - David

    Mensagem por Hunter em Seg Out 29, 2018 8:18 am

    Mara obedecia as ordens de seu Senhor, da onde estava, sem necessitar se mexer, realizou a ligação para as autoridades contando a história mascarada.

    Mara: - Feito. - Declarava a AR.

    Dentro de poucas horas, encostava um carro em frente a sua sala de trabalho. Mara saia para atender. Não esperava que a própria neta de governador/Representante aparecesse para investigar o caso. Re-l Mayer era seu nome, junto de seu AR Iggy adentraram o local. Sua expressão séria e autoritária chegava a ser desconfortável, intimidador.

    Introdução - David Post-apocalyptic-anime-to-see-before-the-world-ends-post-apocalyptic-anime-Eefc31ca80a361a425b40ddd68e4a174c
    Re-l Mayer | Iggy


    Re-l: - Olá, Senhor David. Recebemos a chamada e seguimos assim que possível.

    Abaixava-se e examinava o corpo com as mãos escoradas nas coxas. Enquanto isso, Iggy se aproximava do Doutor.

    Iggy: - O senhor, por gentileza, poderia nos dar uma prévia do que aconteceu aqui? Infelizmente, teremos que interditar o local por um tempo, até que finalizemos tudo. Não se preocupe, se o caso foi causados pelo vírus, receberá uma indenização. Peço que colabore conosco e seja o mais honesto possível.

    Re-L agora analisa o corpo do AR, anotando algo em suas notas. Concentrada.

    Re-l: - Deixe-me ajudá-lo com isso Iggy. - Disse enquanto olhava de perto a faca cravada no maxilar da AR Mary. - Alguém atacou o Sr que está no chão. Isso é fato, e usou a mesma arma para derrubar essa AR. Consigo ver a mancha de sangue em sua gola, Doutor David, O Sr estava próximo ao acontecimento. O braço dela foi esmagado. Acho que o único aqui com capacidade pra isso seria essa AR ao seu lado... Parece que o relato ao telefone é verídico. Com certeza, se trata de mais um caso do vírus... mas algo está estranho. AutoReivs infectados não costumam atacar dessa maneira. Havia outro AR presente e uma testemunha... a não seu que ele tenha se visto encurralado, isso é muito estranho. - Levantava-se e ainda de costa, suspirava. Virava-se e olhava para o doutor, séria. - Ouviremos seu depoimento doutor, mas não aqui. Por gentileza, nos acompanhe, temos perguntas a fazer.  
    hello
    Mestre Jedi
    hello
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1088
    Reputação : 6

    Introdução - David Empty Re: Introdução - David

    Mensagem por hello em Seg Out 29, 2018 11:33 am

    -Claro.
    Eles vão para outro lugar e começam a perguntar sobre oque ocorreu.
    -Bem, ele veio aqui já com olheiras, parecia cansado, eu obviamente comecei a consulta, ele me falou que uma noite ouviu a AutoReiv dele andando pela noite, depois disso disse que começou a ficar paranoico, disse que não consegui mais descançar, que estava com medo de ser um caso de vírus cogito, no final veio para cá, falei para ele se acalmar, fiz meu trabalho, na saída ele foi atacado por ela, logo depois ela veio me atacar porém fui salvo pela minha AutoReiv, suponho que ela possa ter ouvido o homem falando sobre esse caso, eu mesmo falei pra ele que não valia a pena o risco, mesmo estando em outra sala, quando ele foi dizer oque ocorreu, no inicio ele estava muito exaltado e ela pode ter ouvido nesse ponto, por isso tentou silenciar nós 2, deve ser algo assim, normalmente deixo falarem alto pois ajuda a se acalmar, mas como não sabia que tinha a ver com ela que estava na sala ao lado, só pedi para que diminuísse o tom da voz depois, se soubesse antes teria pedido para que fizesse silêncio previamente. Isso resume oque sei, se tiver mais alguma pergunta, estou aqui para responder com oque sei.
    Hunter
    Tecnocrata
    Hunter
    Tecnocrata

    Mensagens : 305
    Reputação : 17
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png

    Introdução - David Empty Re: Introdução - David

    Mensagem por Hunter em Qua Out 31, 2018 5:34 am

    Depois de lacrarem o lugar com fitas e Iggy ter capturado imagens do lugar saíram, deixando uma outra equipe periciando o local. Chegaram em um lugar não pertencente a cena anterior, onde David explicava o ocorrido. Re-l o fitava fixamente enquanto o Doutor se pronunciava e hora ou outra tocava na tela de seu aparelho eletrônico (Uma espécie de um tablet futurístico), logicamente, Iggy continuava ao seu lado. (Os AR's eram praticamente como os celulares de hoje em dia: inseparáveis.)

    Re-l: - Compreendo... O senhor utiliza de câmeras para trabalhar, Senhor David? Como foi marcada esse sessão entre os senhores? Foi com uma ligação? Mensagens? O senhor tem uma relação de pacientes que possa nos fornecer? O senhor, por gentileza, disponibilize sua AR, Mara, para que possamos analisar seu bancos de dados.

    O funil estava se apertando. Os recursos para se desvendar o mistério eram fartos e a Neta do governador parecia sentir o cheiro de algo suspeito. Subitamente, foi despertado uma certa admiração por parte de David, por tamanha capacidade e inteligência de Re-l. Os recursos disponíveis nos AR's eram muito vasto, tudo o que viam e ouviam eram registrados em seus HD's.  
    hello
    Mestre Jedi
    hello
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1088
    Reputação : 6

    Introdução - David Empty Re: Introdução - David

    Mensagem por hello em Qua Out 31, 2018 10:18 am

    OFF: Eu devia ter queimado essa merda! Mas ok, sistema interpretativo tem que ser assim. Só podia ter avisado esse tipo de coisa. E lembre-se, mestre legal sempre dá uma chance para jogadores em vez de decretar problemas enormes por uma simples decisão!


    -Não uso, as pessoas não gostam muito de falarem sobre seus problemas com câmeras por perto.
    -Não, eu simplesmente tenho propagandas e quem precisar pode vir no horário descrito nelas, no final das contas normalmente meus serviços não são muito requisitados, por isso atendo qualquer pessoa caso venha nesse horário.
    -Não muito, oque sabia já foi falado, não sei nem onde ele mora.
    Na última pergunta seu coração apertou apesar de nada transparecer, no mínimo a Mary teve seu Hd completamente destruído. Ele não poderia fazer muito em relação a isso, se Mara tivesse seu Hd visto não apenas seria visto o crime como também o fato dela ter o vírus cogito, sua situação estava tensa e ele só poderia conseguir mais tempo para esperar um milagre ou tentar criar uma desculpa estupenda, para não parecer com receio ele fala:
    -Esses processos não demoram? Eu preciso dela para me ajudar tanto nas coisas da casa como também para organizar coisas do trabalho, isso além do fato de estar sentindo cada vez mais os anos em minhas costas, depois de sentar por muito tempo tenho dificuldades até de levantar e tenho que conseguir impulso para isso, minhas pernas estão cada vez mais fracas.
    Hunter
    Tecnocrata
    Hunter
    Tecnocrata

    Mensagens : 305
    Reputação : 17
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png

    Introdução - David Empty Re: Introdução - David

    Mensagem por Hunter em Sex Nov 02, 2018 8:53 am

    O governo era argiloso. Mantinha todos em rédea curta e usava de todos os recursos para monitorar a população. Não tinha 100% de êxito, mas conseguia abranger a maioria.

    Re-l: Eu compreendo, Sr David. Encaminharemos o senhor para casa e enviaremos alguém até lá para acompanha-lo e colher o que for preciso de Mara. Agradeço, por enquanto, a colaboração do Senhor. - Ela saia e conversava com um dos que acabavam de chegar. Dois deles adentraram o local e comeram por analisar o lugar bem como a remoção dos corpos, mais outros dois se dirigiam até o Sr David e sua AR Mara. – Esses dois os acompanharão. Não se preocupe, não demorará muito. Até mais Doutor. – Nisso se despedia, sendo seguida por Iggy.
    -
    Chegando ao Lar de David, a dupla começava o procedimento de extração. Mara iria ficar inerte nesse meio tempo. Desligada. O tempo já se avançava, era tarde e o cansaço físico e psicológico de David já era visível em seu olhar pesado. Necessitava de repouso. Um “click” soou das costas de mara quando um dos agentes fechou uma espécie de tampa metálica. O serviço estava completo. A dupla se despediram e disseram que ele iria ser convocado novamente em breve.
    hello
    Mestre Jedi
    hello
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1088
    Reputação : 6

    Introdução - David Empty Re: Introdução - David

    Mensagem por hello em Sex Nov 02, 2018 3:25 pm

    David espera, não tinha muito oque fazer, nunca esperava que fosse descoberto tão rápido e nem que seria por um erro desses.

    OFF: Só aguardo, seja oque o Mestre quiser.
    Hunter
    Tecnocrata
    Hunter
    Tecnocrata

    Mensagens : 305
    Reputação : 17
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png

    Introdução - David Empty Re: Introdução - David

    Mensagem por Hunter em Qua Nov 14, 2018 11:03 pm

    Alguns dias depois, dois toques fortes na porta. A câmera mostrava a inspetora Re-l que havia ignorado a campainha. Na sala de estar do Sr David, Iggy se posiciona em um canto de costas para a parede, de frente com todos enquanto Re-l colocava uma esfera sobre a superfície de uma mesa. Um clique no botão lateral e de la, saiu um holograma em miniatura. Nela, uma AR e um senhor vestido todo de preto. Era o responsável pelo caso de David. 

    Homem de preto: - Olá Sr. David. Sem mais delongas, vou me adiantar em meus autos. Foi analisado tudo o que tinha para ser analisado e, não creio que algo que tenha a dizer vai mudar nossa decisão. Ouça com atenção e toma ciência de sua opções, bem como de nossa justiça e piedade. A questão é, estamos em estado de necessidade em um campo de pesquisa onde há carência de pessoas com certas habilidades e, não há voluntários devido as tarefas serem um pouco... Perigosas. Oferecemos a você, uma alternativa para não ser trancafiado. Trabalhe para nós! e forneceremos abrigo, vestimenta e alimentação. Não terá um salário, mas terá o que for preciso para viver bem. Caso aceite, a inspetora Re-l passará maiores detalhes. Caso contrário, sua conversa será com Iggy.

    Iggy, que estava de braços cruzados estica um dos braços a frente, deixando cair de sua mão, uma parte de uma algema metálica. O holograma se desfaz e Re-l recolhe a esfera, guardando no bolso. Ela olha pra você, já prevendo a resposta.

    Re-l: - E então? Posso começar? 
    hello
    Mestre Jedi
    hello
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1088
    Reputação : 6

    Introdução - David Empty Re: Introdução - David

    Mensagem por hello em Qui Nov 15, 2018 3:26 pm

    -Sim, suponho que seja o jeito!

    OFF: N pensei que algo assim poderia ocorrer, mas na moral, fiquei animado, vai ser bem interessante como vai se desenrolar isso.
    Hunter
    Tecnocrata
    Hunter
    Tecnocrata

    Mensagens : 305
    Reputação : 17
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png

    Introdução - David Empty Re: Introdução - David

    Mensagem por Hunter em Qui Nov 22, 2018 10:44 pm

    Re-l: - Ok. Não vá pensando que terá vida fácil. Irá compor um grupo limitado, onde seu trabalho será auxiliá-los com sua perícia, tratando-os e apoiando-os no que for necessário. Esse tipo de serviço gerará muito estresse, mas acreditamos que com você, essa penalidade não será problema.

    Ela levantou e te entregou uma chave. Era de um apartamento. Agora teria um novo lugar para morar, e tudo as custas do governo, porém não teria uma salário para seu lazer. Era a punição além do trabalho a ser feito.

    Re-l: - Este será seu novo lar. O antigo não existirá mais para você. Conforme-se e não se preocupe. É um bom lugar, e mais importante, seguro. Descanse. Semana que vem enviarei você a um local determinado e daremos início a seu trabalho. Enviarei um e-mail com a localização. Seu AR não te deixará esquecer.
    -----------

    Era cedo quando despertou. O quarto escuro, alguém espreitando. Com os olhos ainda pequenos e com certa dificuldade em firmar a vista, percebeu os dois olhos ao fundo, vermelhos, que se destacavam na escuridão.
    hello
    Mestre Jedi
    hello
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1088
    Reputação : 6

    Introdução - David Empty Re: Introdução - David

    Mensagem por hello em Dom Dez 02, 2018 2:31 pm

    Acordou olhando para o teto. Estava tenso, tudo foi pro ralo em uma velocidade alarmante, um erro bobo cometido por uma mente velha, agora tudo parecia diferente em volta. Claro que estava parecendo, esse era um novo apartamento bem diferendo do anterior, um espaço maior e mais bem cuidado, ao mesmo tempo parecia opressivo, não era o local que acostumou a viver, não tinha aquela poeira que sempre estava no parapeito da janela que ninguém abria, não tinha seus quadros que pintou na adolescência, não tinha seu relógio cuco, uma raridade nos tempos atuais, o ambiente todo era confuso fisicamente para ele, para completar ainda faltava algo novo, mas que já parecia ser algo que sempre esteve nela, sua AutoReiv não estava mais lá dando uma sensação de solidão e de perigo ao mesmo tempo.
    As sensações se aliviam quando ele para de pensar sobre isso e começa a se levantar ainda esfregando os olhos, começa a pensar sobre oque esteve fazendo. Como já esteve dormindo antes da Re-l chegar para não pensar sobre oque iria ocorrer ele antes de descansar começou a fazer uma pasta no computador que tinha lá sobre oque sabia, oque suspeitava e os casos que presenciou.
    "Acho que vou continuar a fazer esses arquivos"~pensa ele, mas para, a sensação de perigo que sentiu antes continua, esse desconforto o faz levantar com uma certa urgência e ver 2 olhos... vermelhos? Coça os olhos enquanto recua ligeiramente, não tem erro, 2 olhos estão na escuridão, flutuando ameaçadoramente.
    -Quem é?
    Pergunta o senhor que recua lentamente de frente para os olhos. O medo é grande mas a curiosidade também e correr talvez não seja o melhor, realmente não era algo bom para se fazer na terceira idade, ainda mais em um apartamento fechado e com uma distância tão pequena do possível perseguidor. Enquanto espera a resposta ele começa a tentar lembrar de onde tinha um telefone na casa que ainda era nada familiar a ele ou talvez janela com abertura para a rua para tentar gritar por ajuda caso fosse necessário.
    Hunter
    Tecnocrata
    Hunter
    Tecnocrata

    Mensagens : 305
    Reputação : 17
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png

    Introdução - David Empty Re: Introdução - David

    Mensagem por Hunter em Sab Dez 15, 2018 3:50 pm

    Os olhos vermelhos se aproximavam e revelava ser um AR conhecido: Mara.

    Mara: - Acordou antes de eu precisar acordá-lo. Enfim, está na hora. Confira seu E-mail e se apronte.

    Ao acionar o único novo e-mail, em evidencia que piscava em azul, sem título, apenas o conteúdo constando um endereço e o horário a de comparecimento. Mara que acompanhava ao lado, o conteúdo do e-mail complementou as informações escassas do e-mail.

    Mara: - Este é o local onde devemos ir. O horário está próximo. A inspetora instruiu a mim para informá-lo que, nessa primeira etapa, devemos aguardar nesse local. Se tudo ocorrer bem, iremos encontrar dois indivíduos e um AR. Não disse muito coisa, mas disse que as informações poderiam variar no dia, mas ele nos passou as imagens dos indivíduos que devemos encontrar. - A partir de um dispositivos das mãos de mara, clareia-se um holograma que demonstrou duas fotos. - São esses.

    OFF: @hello, o AR está com seu personagem. Preste atenção no meu penultimo post que perceberá quando digo "Seu AR não te deixará esquecer." Então, desconsiderarei a parte que fala que sua AR não estava lá. Pode prosseguir e interpretar sua saída e chegada nesse tal lugar. Não precisa descrever o lugar, blz? só interprete que chegou no lugar determinado.
    hello
    Mestre Jedi
    hello
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1088
    Reputação : 6

    Introdução - David Empty Re: Introdução - David

    Mensagem por hello em Seg Dez 17, 2018 7:19 pm

    Ele olha para as fotos sem muita animação. Levanta lentamente, porém seu coração bate rapidamente com pressa para saber o desenrolar dos acontecimentos. Agora de pé analisa melhor os indivíduos com o objetivo de decorar as suas faces, após isso ele coloca anda para o armário para pegar um casaco, numa velocidade maior pela sua insegurança e curiosidade crescentes, e sai de sua nova casa que ainda lhe parece estranha. Mara o acompanha pela escuridão, ambos em silêncio enquanto se aproximam do local em questão vendo lá...

    OFF: Não tinha reparado mas assim é até melhor pra mim.
    Conteúdo patrocinado


    Introdução - David Empty Re: Introdução - David

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Qua Out 16, 2019 6:37 am