Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    [!Prólogo!] O Caminho para Morplah (Lerume) Campanha fechada!

    Compartilhe
    Hylian
    Mutante
    Hylian
    Mutante

    Mensagens : 528
    Reputação : 50
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh41.png

    [!Prólogo!] O Caminho para Morplah (Lerume) Campanha fechada!

    Mensagem por Hylian em Ter Nov 06, 2018 7:18 pm







    Temperatura: 17ºC, confortável
    Umidade: 70%
    Chuva: Grandes chances de chuva
    Tempestade: Pouca chance de tempestade
    Neve: Nenhuma chance
    Vento: 20 KM/H

    Lerume assistia de sobre um penhasco o triste e vergonhoso fim do que fora o empério de sua raça, não era o fim da mesma, porém os domínios Zora agora pertenciam ao imperador a que todos deveriam reverenciar e amar como um deus até mais do que Nayru, o que era uma afronta para um orgulhoso habitante das águas. A jovem Zora não podia fazer nada mais pela sua terra e ir até lá seria suicídio, se mataria em vão, seria uma grande tola se o fizesse além de mal agradecer a ajuda que obtivera para fugir com vida. Graças a Kindra, que estava ao lado dela com os olhos tomados pelo ódio, as duas pareciam ser as únicas a conseguir fugir com vida do lugar que tanto amavam. Todo e qualquer outro Zora que tentasse fugir e fosse pego era condenado a morte por Zurok, um também Zora da mesma idade de Lerume, porém que provara não ter o mesmo caráter. Zurok mostrara seu lado mais perverso ao vender sua dignidade ao grande imperador e escravizar seu próprio povo, maldito!

    As duas Zoras poderiam passar horas ali e não encontrariam meios do que fazer para reverter a situação. Eram centenas de monstros diversos que auxiliavam o traidor em seus planos para agradar seu imperador. Kindra olhou o grandioso rio que levava o nome “Ruto Lake” em homenagem a uma das rainhas que governaram aquelas terras. Aquele rio desaparecia no horizonte até onde os olhos podiam enxergar. Tanto Lerume como Kindra sabiam que o mesmo as levaria para bem longe daquele lugar, até os limites da província de Lanayru.

    As duas estavam em uma parte montanhosa de difícil acesso se desejassem seguir para o sul. Nem Lerume ou Kindra estiveram tão longe dos domínios de Zora antes e isto porquê nasceram em uma época de pouca paz. As duas ainda sabiam que há vinte metros de onde estavam havia uma estrada que os viajantes comuns utilizavam para acessar as pontes que levavam até o Grande reino Zora.

    Era possível ver mais adiante a grande ponte chamada “Luto’s Crossing” mesmo que esta estivesse longe e ela levaria exatamente para o sentido contrário do reino aquático e lar das duas aventureiras, para o oeste. E para o leste outra ponte era possível ver ainda maior a majestosa ponte de cristal que Lerume, Kindra lembravam-se bem quando brincavam ali inclusive com Zurok quando este ainda parecia alguém gentil. Mas o que quer que tivesse acontecido, o que ele fez era impossível de perdoar.

    Pouco antes de fugirem por um caminho secreto que as levou para as montanhas ao leste dos domínios Zora, Agorah, a mestre de ambas entregara a Lerume um pergaminho amassado e suas palavras ainda ecoavam em sua mente como se as gritassem naquele momento “Você precisa sair daqui imediatamente! Nossa deusa Nayru tem grande fé em você, eu sinto, eu sei disso... Eu confio em você! Este papel te levará a Morplah, busque pela princesa, ela é a única que pode nos salvar...”.

    - Olhe! – Exclamou Kindra apontando seu dedo azulado para uma grande torre que aparecia no horizonte do lado oposto reino de Zoras – A Grande Torre de Lanayru... Nossa mestra me disse que podemos encontrar algo lá...



    Localização: Província Lanayru, arredores do Domínio Zoras.
    Sparkles
    Neófito
    Sparkles
    Neófito

    Mensagens : 33
    Reputação : 2

    Re: [!Prólogo!] O Caminho para Morplah (Lerume) Campanha fechada!

    Mensagem por Sparkles em Qui Nov 08, 2018 12:37 am

    Diferente dos de Kindra, os olhos de Lerume continuavam os mesmos de sempre. Olhos de peixe morto, alguns chamariam, mas aos olhos de Lerume eles eram apenas olhos de Lerume. Olhos que agora assistiam a destruição da casa de sua dona, e não podiam fazer nada para ajudar.

    Olhos… — A jovem Zora sussurrou para o nada, antes de ter seu momento de contemplação óptica interrompido pela voz de Kindra.

    A companheira de Lerume e seus olhos odiosos, antes inquietos, agora se focavam em um ponto no horizonte, A Grande Torre de Lanayru.

    Bem, vamos ver… — Lerume falou, calmamente, voltando seu olhar para o pergaminho em suas mãos, confiado a ela por sua mestra, enquanto o abria, procurando por uma direção por onde começar sua jornada por vingança.
    Hylian
    Mutante
    Hylian
    Mutante

    Mensagens : 528
    Reputação : 50
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh41.png

    Re: [!Prólogo!] O Caminho para Morplah (Lerume) Campanha fechada!

    Mensagem por Hylian em Qui Nov 08, 2018 12:11 pm







    Temperatura: 17ºC, confortável
    Umidade: 70%
    Chuva: Grandes chances de chuva
    Tempestade: Pouca chance de tempestade
    Neve: Nenhuma chance
    Vento: 20 KM/H

    Ao contrário de Kindra, Lerume tinha as emoções mais controladas e frias, ou pelo menos sempre deixou aparentar isso, mas a Zora colorida já estava acostumada com o jeito gélido de ser da companheira. Lerume puxou de seus pertences o pergaminho que lhe fora dado por Agorah, a mestre que as ensinou tudo o que sabiam até os dias de hoje. Kindra espiou por cima dos ombros de Lerume curiosamente buscando entender sobre o que se tratava.

    O pergaminho em questão tinha era escrito a mão e as pressas no idioma “Zoriano”.

    PERGAMINHO escreveu:

    “Além do que os olhos podem ver, Morplah existe na imensidão do mais longínquo do horizonte, do mais alto das torres, para atrás das montanhas e depois dos rios e grandiosas florestas. O Velho oeste segue sendo uma terra de difícil acesso... As torres são os guias dos deuses!

    Ass:
    Rainha Mympha”

    - Rainha Mimpha? – Leu Kindra sem acreditar naquilo. Aquela era uma carta escrita pela mulher que durante anos governou e liderou o povo aquático, mas desde que o imperador das trevas aparecera ela, por sua vez, desaparecera. – Então ela pode estar viva?

    Lerume e Kindra notaram que já não era mais prudente continuarem no ponto do penhasco onde estavam. As pontes começavam a se agitar com alguns soldados goblins e outras criaturas horrendas que iam de um lado a outro, muitos deles buscando aqueles que conseguiram fugir. Havia, também, soldados de Zurok no rio logo abaixo dela fazendo escolta, o que as avisara que seria impossível tomarem uma desses dois caminhos sem que fossem vistas, o único meio era se aventurar pelas montanhas do sul atrás delas, muito embora Zoras não fossem os melhores em escolar rochas.




    Localização: Província Lanayru, arredores do Domínio Zoras.
    Sparkles
    Neófito
    Sparkles
    Neófito

    Mensagens : 33
    Reputação : 2

    Re: [!Prólogo!] O Caminho para Morplah (Lerume) Campanha fechada!

    Mensagem por Sparkles em Seg Nov 12, 2018 2:55 am


    Interessante… — Disse Lerume, no mesmo tom de sempre. Ela não sabia se a Rainha Mimpha realmente estava viva ou morta, mas suas palavras carregavam a mesma sabedoria de qualquer forma, e eram elas que interessavam a jovem acima de tudo.

    Lerume olhou para o horizonte em busca de mais respostas. Viu sua antiga casa e as águas que a cercavam. Viu as pontes que conectam seu povo ao resto de Hyrule. Viu até onde podia, até a torre que sua companheira tinha mencionado, a guia dos deuses… Então fechou seus olhos e mergulhou no oceano mais profundo e se deixou levar pelas correntes calmas até o fundo daquela imensidão azul. E então viu Nayru.

    E quando seus olhos se abriram novamente, eles viram inimigos.

    Os lacaios de Zurok agora infestavam tanto as pontes quanto as águas. Parecia que o próprio destino havia escolhido um caminho para ambas Zoras. Lerume se virou para Kindra.

    Não podemos usar o rio, a menos que queiramos morrer… — Lerume olha a companheira nos olhos e faz uma breve pausa — Bem, então vamos por aqui, amiga Kindra — E a Zora começou a caminhar.
    Sparkles
    Neófito
    Sparkles
    Neófito

    Mensagens : 33
    Reputação : 2

    Re: [!Prólogo!] O Caminho para Morplah (Lerume) Campanha fechada!

    Mensagem por Sparkles em Ter Nov 13, 2018 1:26 pm

    Teste de Força (Atletismo)

    Sparkles efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
    19

    Guidance

    Sparkles efetuou 1 lançamento(s) de dados (d4.) :
    3
    Hylian
    Mutante
    Hylian
    Mutante

    Mensagens : 528
    Reputação : 50
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh41.png

    Re: [!Prólogo!] O Caminho para Morplah (Lerume) Campanha fechada!

    Mensagem por Hylian em Qua Nov 14, 2018 11:42 am







    Temperatura: 16ºC, confortável
    Umidade: 77%
    Chuva: Grandes chances de chuva
    Tempestade: Boas chance de tempestade
    Neve: Nenhuma chance
    Vento: 22 KM/H

    Incapaz de escolherem quaisquer outros caminhos, as montanhas do sul lhes pareciam a única saída segura para longe dos Domínios de Zurok e seus guardas. O objetivo era chegar a grandiosa torre de Lanayru e para isso teriam que fazer uma volta maior, talvez levasse horas ou mais de um dia para chegarem lá. Desprovidas de um mapa, apenas com o pouco conhecimento que tinham sobre aquelas terras mais afastadas que nunca tiveram permissão de explorar, Lerume e Kindra resolveram escalar o morro alto em direção a “Ruto Precipice” e ambas as Zoras sabiam que mais ao sul, após o precipício encontrariam o lago sagrado protegido por sua deusa Nayru.

    A escalada não fora difícil o morro nem era tão alto assim, para ser sincero. Kindra e Lerume notaram quando estavam quase atingindo o topo que, em realidade, escalar ali era inútil, se tivessem caminhado um pouco mais para a direita além da mata poderiam ter acessado um nível montanhoso mais baixo e depois era só subir sem a necessidade de escalar. Kindra orgulhosa continuou seu esforço ignorando sua estupidez e desejou que Lerume fizesse o mesmo.

    O campo lá encima era mais verde e florido. O vento aqui estava mais úmido e os céus já se preparavam para o inicio de uma tormenta que anunciava sua chegada em breve. Lá de cima a visão ampla do horizonte era magnifica. Poderiam seguir para o norte, o que seria contra indicado, já o caminho do norte as levaria de volta na direção dos domínios de seu algoz, ao leste elas sabiam que encontrariam o precipício e então lá embaixo o grande lago sagrado de Nayru “Sacred Nayru Lake”.

    –  O Lago sagrado de nossa deusa deve estar cheio daqueles marginais... – Disse Kindra sem poder conter sua raiva, desejando poder mata-los todos ali mesmo, mas ela tinha consciência de que seu nível não era alto o suficiente para fazê-lo – ... Bom, vamos ao sul, não tenho certeza o que vamos encontrar lá, mas temos que chegar na tal torre, não é mesmo?





    Localização: Província Lanayru, arredores do Domínio Zoras.
    Sparkles
    Neófito
    Sparkles
    Neófito

    Mensagens : 33
    Reputação : 2

    Re: [!Prólogo!] O Caminho para Morplah (Lerume) Campanha fechada!

    Mensagem por Sparkles em Sex Nov 16, 2018 1:56 am


    Lerume escalou aquele morro magnificamente, disso ela sabia, mas o que ela não sabia é que tinha deixado de notar um caminho muito mais fácil para chegar até onde ela estava agora. Com sorte, desta vez, sua tolice não lhe custou muito e ela e sua companheira chegaram ao topo sem muitos problemas.

    De onde estava, tinha uma visão ainda melhor do mundo ao seu redor. Podia ver que uma tempestade estava se formando e logo cairia… A Zora também usou de sua sabedoria recém-adquirida para abusar de sua posição vantajosa e começar a girar, procurando por qualquer caminho ou segredo escondido.

    Então Kindra mencionou algo que chamou a atenção de Lerume, que então parou de girar imediatamente.

    Pode valer a pena darmos uma olhada no rio de cima do penhasco — Lerume sabia que Kindra estava certa, muito provavelmente. E se realmente estivesse, não tinha nada que as duas poderiam fazer sozinhas no momento, mas queria, pelo menos, dar uma última olhada no lago antes de continuar sua jornada.
    Hylian
    Mutante
    Hylian
    Mutante

    Mensagens : 528
    Reputação : 50
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh41.png

    Re: [!Prólogo!] O Caminho para Morplah (Lerume) Campanha fechada!

    Mensagem por Hylian em Ter Nov 20, 2018 12:04 am







    Temperatura: 15ºC, confortável
    Umidade: 81%
    Chuva: Grandes chances de chuva
    Tempestade: Boas chance de tempestade
    Neve: Nenhuma chance
    Vento: 24 KM/H

    A beira do precipício mostrara as duas Zoras o quão alto elas estavam e agora tinham noção de altitude de sua localização, pois os vários guardas de Zurok pareciam meras formiguinhas patrulhando o local a mando de seu chefe. O lago era tão imenso que era difícil enxergar o outro lado e, por mais puro e limpo que fosse suas águas, não era possível ver mais do que dois palmos abaixo da superfície. Lerume sabia que lá era o habitat de peixes raros que, segundo os mais anciãos de sua tribo, não havia daqueles peixes em outro lugar no mundo, mas ela nunca esteve em outro lugar para comprovar. Sua mestra, Agorah, sempre lhes dizia que ali era o lar do espírito de Nayru e, portanto, somente a guerreira ou guerreiro lendário teria permissão da mesma para explorar seus mistérios. A única que que pode fazê-lo era a rainha Mympha e mais ninguém.

    Os primeiros pingos do que ameaçava vir a ser uma chuva começavam a cair sobre a cabeça das duas, também sobre o gramado próximo e o grandioso lago. A chuva não era particularmente um problema para os Zora’s nunca fora, porém, viajar em clima de tormenta nunca era uma boa ideia, principalmente com ameaças de tempestades que possivelmente castigariam os Domínios Zoras nas próximas horas.

    –  Vamos logo, temos que encontrar um lugar logo para nos protegermos... – Murmurou Kindra cansada de ver os capangas daquele que um dia fora seu melhor amigo. – Vamos contornar a estrada e as pontes, assim chegaremos a bendita torre!

    Próximo aonde estavam e grudado a uma pequena rocha, havia uma pedra brilhante que chamara a atenção de Lerume. Tratava-se de uma pedra de cor preta cintilante muito misteriosa, porém que ambas já conheciam bem, já que havia muitas delas espalhadas pelos Domínios dos Zoras. Aquela era uma Pedra Minério e ao ser polida poderia revelar-se uma linda joia (ou não).

    Não acredito e se for ouro? Deve valer uma fortuna!! – Exclamou Kindra boquiaberta.


    Pedra Minério




    Localização: Província Lanayru, arredores do Domínio Zoras.


    OFF - Informações escreveu:Caso queira quebrar a pedra para revelar o minério que há dentro, deve lançar um teste de Natureza
    Sparkles
    Neófito
    Sparkles
    Neófito

    Mensagens : 33
    Reputação : 2

    Re: [!Prólogo!] O Caminho para Morplah (Lerume) Campanha fechada!

    Mensagem por Sparkles em Ter Nov 20, 2018 10:04 pm

    Kindra tinha razão para estar com raiva. A beleza do lago sagrado de Nayru era manchada pela frívola existência dos lacaios do traidor Zurok, e Lerume não podia fazer nada, do mesmo jeito que não podia fazer nada para salvar seu lar. Os inimigos eram muitos, mesmo que ali de cima eles não fossem maiores do que formigas… E como Lerume queria poder esmagá-los… Se um deles ousasse ferir ao menos um dos belos peixes que viviam ali…

    Lerume estava prestes a sentir alguma coisa… Um sentimento diferente, algo que nunca sentirá antes… Mas teve sua atenção desviada por um achado interessante.

    Pedra legal… — A garota peixe a observava atentamente — Ouvi dizer que bebês Gorons nascem de ovos parecidos com pedras, acho que um bebê vale mais do que ouro… — Lerume estava realmente curiosa para saber o que havia dentro daquele pedaço de minério, mas não queria demorar em um lugar aberto e desprotegido, pois temia que os seus inimigos as alcançassem — Nós podemos levar a pedra conosco para polirmos quando encontrarmos um lugar para ficar, vai ser muito divertido… — A Zora pegou a pedra e continuou sua jornada, agora à procura de um abrigo para ela e sua companheira.

    Teste Passivo de Inteligência (Natureza) com Trabalho em Equipe (Kindra): 17
    Hylian
    Mutante
    Hylian
    Mutante

    Mensagens : 528
    Reputação : 50
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh41.png

    Re: [!Prólogo!] O Caminho para Morplah (Lerume) Campanha fechada!

    Mensagem por Hylian em Dom Nov 25, 2018 2:57 pm







    Temperatura: 13ºC, confortável
    Umidade: 90%
    Chuva: Chuva forte
    Tempestade: Grandes chances
    Neve: Nenhuma chance
    Vento: 29 KM/H

    O tempo ficara nublado e mais “escuro” do que o normal. Os chuviscos de antes se transformaram rapidamente em chuva mais forte e a tormenta já fazia fortes barulhos nos céus como explosões de raios que ressoavam de longe. Lerume guardara a pedra negra e brilhante em um dos bolsos e continuara seu caminho em direção ao sul contornando os domínios de seu reino acompanhada de sua parceira, Kindra com o objetivo de chegar a famosa torre de Lanayru.

    O campo verde se agitava com a ventania que se formava e pela situação que se formava as duas Zoras sabiam que o clima só pioraria dali para frente, era bom que encontrassem um lugar seguro para se esconderem dos desastres naturais pelas próximas horas ou poderiam estar com sérios problemas.

    Ao sul encontrariam a famosa Montanha Ruto “Ruto Mountain” que era possível enxergar parte do topo, pois havia dois capangas de Zurok que vigiavam o local, mas tinham sua visão comprometida com a forte chuva e a ventania, assim como Lerume e Kindra. As duas teriam que contornar a montanha para seguir seu objetivo. Finalmente encontrariam a entrada de uma caverna aos pés da montanha da falecida princesa Ruto, caso não fossem vistas pelos vigilantes de seu traidor.



    Com uma única árvore morta seca e oca a frente da entrada de uma caverna aos pés da montanha, não havia muito o que fazer, se conseguissem passar pelos vigias, ali parecia ser um bom lugar para se esconderem, embora estivessem literalmente embaixo de seus inimigos. Da entrada não era possível ver nada, o lugar era mal iluminado, úmido, porém parecia ser mais seguro do que correr o risco de ser eletrocutado com um raio, visto os Zoras são mais frágeis a este tipo de clima.

    Teste de Rastreio Capangas do Zurok escreveu:

    Hylian efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
    7
    - 2 (penalidade)





    Localização: Província Lanayru, arredores do Domínio Zoras.


    OFF - Informações escreveu:Role um teste de furtividade para fugir dos capangas de Zurok e contornar a montanha.

    Pedra Minério adquirido com sucesso!
    Sparkles
    Neófito
    Sparkles
    Neófito

    Mensagens : 33
    Reputação : 2

    Re: [!Prólogo!] O Caminho para Morplah (Lerume) Campanha fechada!

    Mensagem por Sparkles em Dom Nov 25, 2018 3:04 pm

    Teste de Destreza (Furtividade) + 2:

    Sparkles efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
    17
    Sparkles
    Neófito
    Sparkles
    Neófito

    Mensagens : 33
    Reputação : 2

    Re: [!Prólogo!] O Caminho para Morplah (Lerume) Campanha fechada!

    Mensagem por Sparkles em Sex Nov 30, 2018 7:33 pm

    O tempo estava piorando e a temperatura caindo. Se o clima continuasse daquele jeito, Lerume e Kindra teriam problemas, as duas Zoras fugitivas precisavam de proteção e calor. — Espero que consigamos acender uma fogueira quando encontrarmos um lugar apropriado para acamparmos, ou podemos morrer de hipotermia…

    Lerume olhou para os céus, sentindo as gotas de chuva caírem contra o seu rosto. Podia ver o céu escuro e tempestuoso, parecia que aquela tormenta não cessaria tão cedo. Aquele era um sinal ruim, mas logo a Zora pôde ver algo pior ainda: inimigos.

    Cuidado… — A Zora alertou a sua companheira, indicando a posição dos guardas com um apontar de seu dedo. — Venha…

    Lerume prosseguiu com cautela, mantendo proximidade ao lado da montanha, tentando não entrar no campo de visão dos inimigos, Kindra seguia logo atrás. Com sorte, e um pouco de ajuda da chuva, as duas conseguiram passar despercebidas pelos lacaios de Zurok, e seguiram até que encontraram a entrada de uma caverna misteriosa que parecia um bom lugar para acamparem…
    Hylian
    Mutante
    Hylian
    Mutante

    Mensagens : 528
    Reputação : 50
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh41.png

    Re: [!Prólogo!] O Caminho para Morplah (Lerume) Campanha fechada!

    Mensagem por Hylian em Sab Dez 01, 2018 3:29 pm







    Temperatura: 13ºC, confortável
    Umidade: 85%
    Chuva: Chuva forte
    Tempestade: Forte Tempestade
    Neve: Nenhuma chance
    Vento: 31 KM/H


    A tempestade ficara ainda pior assim que as duas Zoras conseguiram chegar em seu refúgio, na Ruto’s Cavern. Aquela era como um santuário, embora nenhuma das duas nunca tivessem ouvido falar daquele lugar, apenas das montanhas da antiga princesa, nunca imaginaram que ali existia uma caverna que lhes serviria de abrigo, pelo menos, por enquanto.

    O interior da caverna era bem convidativo, as paredes ainda que fossem feitas de rochas e terras, tinham desenhos e escritas antigas que Lerume e Kindra, embora não entendessem, perceberam que poderia ser algum dialeto muito antigo de seu povo, talvez de anos primitivos, muito antes do que elas poderiam se quer imaginar. Os símbolos e frases se estendiam para todos os lados, embora nada fizesse sentido para nenhuma das duas. A pouco luminosidade do lugar diminuía a cada passo que davam distanciando-se da entrada da caverna. Tudo ali era úmido demais, muito embora não tivesse água no interior, parecesse tudo muito seco. Como um longo corredor estreito elas percorreram forçando suas visões para conseguirem enxergar até finalmente chegar a uma bifurcação. As duas poderiam continuar em frente, ou seguir para o caminho da esquerda.

    - Esta caverna me da calafrios... – Comentou Kindra forçando a visão, desejando que nada ali pudesse lhes fazer mal – Devemos seguir a diante?




    Localização: Província Lanayru, Ruto Cavern.


    Sparkles
    Neófito
    Sparkles
    Neófito

    Mensagens : 33
    Reputação : 2

    Re: [!Prólogo!] O Caminho para Morplah (Lerume) Campanha fechada!

    Mensagem por Sparkles em Seg Dez 03, 2018 12:07 am

    Lerume ficou surpresa ao entrar no abrigo misterioso. Era bem maior por dentro do que parecia ser olhando pelo lado de fora e as paredes estavam cobertas por marcas estranhas, que despertaram a curiosidade de Lerume imediatamente.

    A zora podia ler a língua comum, a língua zora e a língua antiga, mas não conseguia entender aqueles símbolos. Parecia alguma forma antiga da escrita Zora, o que, de certa forma, fazia sentido. Aquela caverna estava aos pés da montanha batizada em honra da antiga Rainha Ruto, uma das antepassadas da atual Rainha Mympha, afinal… Ainda assim, Lerume achava estranho que sua mestra Agorah nunca mencionou aquele lugar em suas lições…

    Lerume esperava que aquela caverna fosse um simples buraco onde ela e sua companheira poderiam descansar e descobrir se havia mesmo um bebê Goron dentro do pedaço de minério que encontraram antes. Felizmente, a única coisa que ela gostava mais do que pedras era explorar cavernas misteriosas em busca de segredos antigos.

    Lerume e Kindra caminharam por um corredor estreito, o caminho ficava mais escuro a cada passo, seguiram até encontrarem uma bifurcação.

    Kindra fez uma reclamação sobre a caverna e inqueriu a companheira sobre qual caminho as duas deveriam escolher. Aquela era uma decisão difícil, não sabia o que encontraria no final de nenhum dos dois, a garota nem sabia exatamente o que estava procurando, mas sabia que em situações como aquela só havia um jeito de decidir o que fazer.

    Vejamos… — Lerume fechou os olhos e foi levada para o topo da Montanha Ruto. Estava sozinha, os lacaios de Zurok não estavam mais ali. Dava as costas para a beirada do monte, a entrada da caverna estava muitos metros abaixo. Olhava para o horizonte com o mesmo olhar de peixe morto de sempre. A zora suspirou e deu um salto-mortal literal para trás, girando repetidamente no ar enquanto caía livremente para a sua morte imaginária. Se caísse de cara seguiria em frente, mas se caísse de costas escolheria o caminho da esquerda.

    Esquerda… — Lerume abriu os olhos e se virou para a companheira antes de seguir em frente. — Tente não se perder, amiga Kindra…
    Hylian
    Mutante
    Hylian
    Mutante

    Mensagens : 528
    Reputação : 50
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh41.png

    Re: [!Prólogo!] O Caminho para Morplah (Lerume) Campanha fechada!

    Mensagem por Hylian em Sab Dez 08, 2018 3:10 pm







    Temperatura: 13ºC, confortável
    Umidade: 85%
    Chuva: Chuva forte
    Tempestade: Forte Tempestade
    Neve: Nenhuma chance
    Vento: 31 KM/H


    O caminho da esquerda levara as duas amigas para uma pequena câmara muito bem iluminada por quatro tochas que eram o suficiente para inclusive manter o local aquecido. O lugar parecia o lar de alguém, pois havia uma cama mal improvisada feita de palha e coberta por um tecido sujo e rasgado sobre dois caixotes. Uma mesa que parecia que a qualquer momento cairia, pois um de seus pés estava frouxo demais e o peso dos copos, pratos, livros e outros itens que existiam sobre o móvel era demais para apenas três pernas firmes. No outro canto jazia um homem que sentava sobre um terceiro caixote que lhe servia de acento. O homem (se é que realmente era humano) não mostrava seu rosto, apenas parte das pernas, pés descalços, braços e as mãos, nada mais. Trajava uma longa veste roxa que lhe cobria quase todo o corpo e rosto escondia-se na penumbra do capuz, apenas o brilho avermelhado de seus olhos se destacavam na escuridão. As duas notaram um símbolo curioso em sua roupa que nunca viram antes, provavelmente poderia pertencer a alguma ceita ou algo do tipo. Em sua mão direita ele segurava um cajado velho e sem graça, mas que era o suficiente para que Lerume e Kindra entendessem que estavam diante de alguém com poderes mágicos.

    –  Aproximem-se, Zoras viajantes... – Murmurou o desconhecido cuja voz era fria e esganiçada. – Eu estava mesmo esperando por vocês... Sejam bem vindas ao templo sagrado da princesa Ruto!

    Kindra não gostara nada daquela situação. Olhara para o ser mágico com desconfiança, embora estivesse curiosa em fazer-lhe algumas perguntas, mas preferira deixar que Lerume tomasse a liderança da situação. Segurara firme sua adaga, ela estaria pronta para atacar, caso fosse necessário.





    Localização: Província Lanayru, Ruto Cavern.


    Sparkles
    Neófito
    Sparkles
    Neófito

    Mensagens : 33
    Reputação : 2

    Re: [!Prólogo!] O Caminho para Morplah (Lerume) Campanha fechada!

    Mensagem por Sparkles em Qui Dez 13, 2018 12:21 am

    As companheiras seguiram pelo caminho que tinham escolhido aleatoriamente, explorando a caverna mais a fundo. Lerume esperava encontrar algum tipo de artefato antigo há muito tempo abandonado e esquecido naquele buraco, talvez alguns esqueletos, então quando encontrou sinais de habitação recente…

    Tochas iluminavam o pequeno quarto, não era nenhum castelo, mas Lerume imaginava que era bom o bastante para uma caverna, em um dos cantos, sentada em um caixote, uma figura bizarra encarava a zora com estranhos olhos vermelhos que brilhavam tanto quanto o fogo das tochas…

    O estranho foi o primeiro a quebrar o silêncio, disse esperava pela chegada das companheiras e que aquele era o Templo Sagrado da Princesa Ruto. A criatura não parecia ser um zora como era de se esperar para alguém que cuidava do templo de uma antiga rainha zora, mas tinha um belo par de pernas…

    Oi, meu nome é… — A garota peixe desviou seu olhar das pernas do homem misterioso para o brilho que saía de dentro de seu capuz. — Pera aí… Se você previu a nossa chegada você deve saber nossos nomes…
    Hylian
    Mutante
    Hylian
    Mutante

    Mensagens : 528
    Reputação : 50
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh41.png

    Re: [!Prólogo!] O Caminho para Morplah (Lerume) Campanha fechada!

    Mensagem por Hylian em Dom Dez 16, 2018 11:19 pm







    Temperatura: 13ºC, confortável
    Umidade: 85%
    Chuva: Chuva forte
    Tempestade: Forte Tempestade
    Neve: Nenhuma chance
    Vento: 31 KM/H


    O homem misterioso que escondia sua identidade demorou alguns segundos para demonstrar qualquer reação a atitude rude de Lerume. Era como se ele estivesse acostumado ou realmente não se importasse com aquela maneira, pois não demonstrara seu descontentamento para com a falta de boas maneiras da menina-peixe.

    –  Não é importante... – Ele murmurou por fim e os olhos que brilhavam em cor vermelha cintilavam da penumbra de seu capuz em direção a Lerume – O nome que lhe deram pouco importa a um estranho, mas quem você é que realmente tem valor...

    Que grosso! – Interrompeu Kindra revoltada com a atitude do estranho misterioso – Então quem é você?

    Novamente os segundos torturaram a curiosidade das zoras e mago parecia gostar da situação, pois manteve-se calado por mais tempo do que da ultima vez.

    Sou o guardião deste lugar! – Exclamou ele orgulhoso de si – Protejo o espírito daqueles que um dia pertenceram a família real e aqui vagam eternamente...

    O mago dava breves tossidas que ele abafava com sua própria vestimenta de tecido velho. Lerume e Kindra perceberam logo que ele não estava bem, embora não desejasse demonstrar sua fraqueza. Não era só fisicamente que ele parecia debilitado, no entanto, Kindra ainda ficara desconfiada, pois sabia que magos podiam ser traiçoeiros.





    Localização: Província Lanayru, Ruto Cavern.


    Sparkles
    Neófito
    Sparkles
    Neófito

    Mensagens : 33
    Reputação : 2

    Re: [!Prólogo!] O Caminho para Morplah (Lerume) Campanha fechada!

    Mensagem por Sparkles em Qua Dez 19, 2018 1:12 am

    Que decepção… Lerume queria muito ver um truque de mágica e saber se aquela criatura estranha era mesmo confiável, mas o homem revidou a marotagem da garota com uma lição moral, uma certamente certa, inclusive.

    Lerume confiaria no estranho por enquanto. Kindra parecia estar pronta para acabar com a vida do homem caso ele tentasse as machucar de alguma forma, e ele parecia ser a melhor chance de conseguir respostas, afinal.

    E algumas respostas, ele deu, mas nenhum delas deixou a garota menos confusa. O estranho afirmou que aquela caverna era a moradia do espírito da família real zora e ele era seu guardião e protetor.

    Lerume não esperava que o espírito da realeza zora estaria em uma caverna debaixo de uma montanha tão longe do mar ou da água… Questionava cada vez mais por que razão sua mestra decidiu não contar sobre aquele lugar a ela, se é que a própria Agorah sabia sobre a existência daquele templo… A zora caminhou até um dos cantos do quarto e colocou sua mão esquerda na parede, em busca de alguma conexão com os espíritos que ali habitavam…

    É um cafofo legal… — Lerume tinha muitas perguntas sobre aquele lugar, mas teve que redirecionar seu interesse para o homem estranho. — Você está bem? Você não parece bem… Exceto suas pernas…
    Hylian
    Mutante
    Hylian
    Mutante

    Mensagens : 528
    Reputação : 50
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh41.png

    Re: [!Prólogo!] O Caminho para Morplah (Lerume) Campanha fechada!

    Mensagem por Hylian em Qui Dez 27, 2018 8:46 pm







    Temperatura: 13ºC, confortável
    Umidade: 85%
    Chuva: Chuva forte
    Tempestade: Forte Tempestade
    Neve: Nenhuma chance
    Vento: 31 KM/H


    O estranho mago nunca respondia as questões que eram direcionadas a ele de prontidão. Era como se ele sempre necessitasse de algum tempo, por mísero que fosse, para poder dar alguma resposta que acreditasse ser plausível, embora na maioria das vezes nunca era.

    –  Isso depende do que você considera estar bem... – Respondera com suavidade – Tudo é relativo, criança... Depende de como você olha para tudo... – Completara o estranho sem mover-se de onde estava nem mesmo quando a protagonista aproximara-se.

    Este cara é maluco... – Interrompeu Kindra impaciente e irritada com as respostas vagas do estranho.

    O objetivo de vocês está em Morplah e não aqui! – Exclamou a voz cansada do mago – Morplah está tão longe que eu diria que fica do outro lado do mundo e vocês poderem o tempo de vocês, quando deviam estar seguindo o destino que a grande Nayru entregara em suas mãos, Lerume...





    Localização: Província Lanayru, Ruto Cavern.


    Conteúdo patrocinado


    Re: [!Prólogo!] O Caminho para Morplah (Lerume) Campanha fechada!

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Qui Jan 24, 2019 4:47 am