Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


  • Este Tópico está bloqueado. Você não pode editar as mensagens ou responder.

Capítulo 3: Reencontros

Compartilhe
Elminster Aumar
Administrador
avatar
Administrador

Mensagens : 7802
Reputação : 30
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1311.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1012.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1212.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/512.png

Re: Capítulo 3: Reencontros

Mensagem por Elminster Aumar em Seg Maio 05, 2014 8:49 pm

Debrett deu uma boa olhada em Lyana, e se voltou novamente ao malandro, dizendo com um certo ar paternal.

- Hyn, Hyn, Hyn... - começou o capitão -, uma coisa é eu levar a bordo de meu navio a minha filha. Outra coisa é levar uma atendente qualquer de taberna. Me diga Hyn, você não estaria trocando a minha filha, estaria? Qual o seu interesse nessa garota?
Soviet
Semi-Deus
avatar
Semi-Deus

Mensagens : 6055
Reputação : 6
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png

Re: Capítulo 3: Reencontros

Mensagem por Soviet em Sab Maio 10, 2014 10:19 pm

Lyed já esperava que o Capitão suspeitasse que algo tinha acontecido entre ele e a garota da taverna. Não podia culpá-lo, afinal quem tentaria levar uma desconhecida a bordo de um navio?

- Não aconteceu nada entre nós, senhor. Desde que conheci sua filha, não consigo mais encontrar graça em nenhuma outra mulher. - O malandro bebe outro gole de rum. A fala de Hyn já estava amaciada pelo álcool a algum tempo - Ela só me parece uma boa garota querendo uma vida melhor. Não que ela vá conseguir isso a bordo de um navio, mas pelo menos ela conhecerá novos lugares, terá novas experiências. Vamos, Capitão, o senhor sabe que uma mulher a bordo e comida bem feita serve para animar o ânimo dos marujos.
Elminster Aumar
Administrador
avatar
Administrador

Mensagens : 7802
Reputação : 30
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1311.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1012.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1212.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/512.png

Re: Capítulo 3: Reencontros

Mensagem por Elminster Aumar em Seg Maio 12, 2014 8:15 pm

- Eu sei que uma mulher a bordo serve para trazer má fama e má sorte, Hyn. Eu não acreditava nessas baboseiras de piratas, mas veja só o que aconteceu com a minha filha... - o capitão Debrett observava o malandro com olhos ponderados. - Não Hyn, não posso permitir levar uma pobre garota conosco. Ela estará mais segura aqui. Depois, quando acabar toda essa história envolvendo o Sinistro e a minha filha, talvez eu possa concordar em levar essa garota a algum outro lugar, mais bem frequentado.
Soviet
Semi-Deus
avatar
Semi-Deus

Mensagens : 6055
Reputação : 6
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png

Re: Capítulo 3: Reencontros

Mensagem por Soviet em Qui Maio 15, 2014 10:59 pm

- Uma mulher não trás azar, Capitão. O Desmorto nos atacaria estando Aideen à bordo ou não. O que uma mulher trás é ânimo para a tripulação, já que todo marujo vai tentar impressionar a garota. - Lyed termina seu rum e bate a caneca na mesa - Mas o senhor é o capitão e não me resta nada além de obedecê-lo. Depois eu dou as notícias para a menina, talvez seja bom para ela ter alguma esperança por uma noite.

Hyn se volta para os outros piratas na mesa, esperando que a tom dramático que usou funcione com Debrett. A chance era pequena, mas ela sempre existia.

- Alguém com vontade de perder algum ouro? Quem é homem o suficiente para jogar liar's dice comigo?
Elminster Aumar
Administrador
avatar
Administrador

Mensagens : 7802
Reputação : 30
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1311.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1012.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1212.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/512.png

Re: Capítulo 3: Reencontros

Mensagem por Elminster Aumar em Sab Maio 17, 2014 4:10 pm

O Capitão Debrett mostra o seu lado generoso ao retirar uma algibeira com um amontoado de moedas.

- Dê isso a garota. Aqui tem ouro suficiente para ela comprar passagem num navio e ir embora daqui para tentar uma nova vida.

A conversa estava encerrada, e Hyn desafia os marujos a uma partida de liar's dice. Este era um dos jogos favoritos dos marinheiros, que consistia em tentar adivinhar a quantidade de dados de uma determinada face  dentro dos copos de todos os jogadores da mesa. O jogador que começava a partida dava o seu lance, e em seguida os demais podiam mudar o seu lance, ou simplesmente aumentar o valor do que o primeiro jogador apostou. Quando alguém decidia mudar a aposta, todos os dados que estavam escondidos debaixo do copo eram revelados, definindo assim o vencedor, o apostador ou o desafiante.

Lyed montou uma mesa com outros quatro marujos, e eles passaram o resto da noite jogando, bebendo e se divertindo. Eles apostavam alguns punhados de prata nesse jogo, e o que mais havia ganho ao fim da noite era Hulla, um marujo alto, forte e desengonçado, de forma que poucos apostariam que ele era um bom jogador. Lyed teve com um prejuízo de 12 moedas de prata. O sol estava quase nascendo quando os homens se recolheram para dormir. Alguns alugaram quartos na taverna, enquanto a maioria retornou ao navio.

Hyn era um desses que alugou um quarto na Cauda do Tritão - de fato, ele já vinha a algum tempo hospedado nele - e acordou na manhã seguinte com uma dor de cabeça. O malandro desceu para o saguão e viu Lyana limpando uma mesa com um pano. Hyn olhou em toda a sua volta, avistando muitos piratas e marinheiros, mas em lugar algum encontrou os tripulantes do Marlin Negro. Pensando bem, desde ontem à tarde que ele não os via.
Soviet
Semi-Deus
avatar
Semi-Deus

Mensagens : 6055
Reputação : 6
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png

Re: Capítulo 3: Reencontros

Mensagem por Soviet em Sab Maio 17, 2014 6:59 pm

Lyed praguejava a cada vez que perdia - Tymora, por qual motivo me abandonaste?! - Hyn gritava, completamente bêbado. O malandro não se lembrava de ter terminado o jogo, mas recordava o momento em que escalou as escadas até seu quarto e desabou na cama, caindo em um sono profundo e sonoro.

Na manhã seguinte Lyed arrumou suas poucas coisas e se preparou para partir. Somente quando ele desceu ate o saguão é que ele se deu conta de que não viu mais ninguém do Marlin Negro. - Valkur deve ter levados os imbecis daqui. Obrigado, Capitão.

Ao ver Lyana, o malandro levou a mão ao cinto e tirou a algibeira com as moedas cedidas pelo Capitão Debrett e se aproximou dela com um sorriso triste nos lábios.

- Bom dia, Lyana. Ontem eu falei com o Capitão... Ele se recusou a levá-la conosco. - Hyn olha a garota nos olhos e espera ela receber a notícia. Antes que ela pudesse demonstrar qualquer consternação, o malandro mostra a algibeira para a garota - Mas ele me pediu que lhe entregasse isso. Aqui tem ouro suficiente para você sair desse buraco e procurar uma vida melhor. Em Cormyr, talvez nos Vales.
Elminster Aumar
Administrador
avatar
Administrador

Mensagens : 7802
Reputação : 30
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1311.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1012.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1212.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/512.png

Re: Capítulo 3: Reencontros

Mensagem por Elminster Aumar em Qui Maio 22, 2014 11:15 pm

Lyana abre a boca para dizer algo quando Hyn lhe dá a notícia de que ela não poderia embarcar no navio, mas volta a fechar quando vê o malandro ostentar uma algibeira aparentemente recheada de moedas. Ela repete o gesto uma vez mais sem saber como reagir aquilo. Por fim, consegue dizer com a voz embargada de emoção, mas Lyed ficou na dúvida se era de felicidade ou de tristeza.

- Ob.. obrigada. - Ela guarda a algibeira num bolso escondido de sua vestimenta. - Espero que a minha sorte mude com isso. - diz, voltando a limpar a mesa. Hyn sabia que não conseguiria muito mais que isso da garota. Ele havia lhe tirado uma esperança para lhe dar outra logo em seguida, e a cabeça da menina estava confusa. Por fim ele almoçou lá na taverna, e então rumou com o capitão e os outros até o navio, onde de lá partiriam em busca do Sinistro.

* * *

O Esperança era uma grande embarcação com um único mastro e três níveis de pavimentos por onde estavam distribuídos os remadores. O Capitão Debrett contava com uma tripulação de mais de 70 homens, todos com traços físicos bem definidos e a pele queimada pelo sol. O trabalho a bordo do Esperança era exaustivo: pela manhã e a tarde todos os homens tinham que se revezar nos remos, enquanto à noite eles limpavam os navios, consertavam as velas, faziam suas próprias comidas e por fim dormiam sob o deque principal.

Hyn teve boas lembranças naquele navio, e todas sem exceção envolvia Aideen. Ele também tinha péssimas recordações, e essas envolviam Debrett em sua maioria, com a exceção de quando o Sinistro apareceu e raptou a sua amada. Aquele foi um dia negro e parecia ter acontecido a muito tempo atrás. E pensar que ele, Hyn, em questões de dias, estava indo voltar a se encontrar com Sinistro, e provavelmente com Aideen. A promessa de Debrett era que o Desmorto estava ancorado numa ilha próxima e que a viagem não seria longa até lá. E não foi.

Quatro dias depois, a âncora do Esperança foi largada no fundo do mar. A embarcação foi parada no meio do mar, com água os rodeando por todos os lados, e nenhum sinal de ilha ou navio. Estava de noite e a lua resplandecia de forma imponente no céu estrelado. A tripulação, incluindo Hyn e o próprio capitão, estavam amontoados no deque principal, à espera de algo que Hyn não conseguia compreender. E então, um evento inesperado começou a tomar forma. As águas à frente do Esperança começaram a agitar-se, e a sombra de algo gigantesco subia do fundo mar, elevando-se sobre o nível da água. Era um navio de tamanho colossal, e a primeira coisa a sair da água foram os cinco mastros grossos e altivos, com velas rasgadas de pano cinza. O resto da embarcação saiu, de forma lenta e orgulhosa, revelando-se à luz do luar. O casco do navio não era feito de madeira; ao invés disso, a embarcação era toda revestida de osso, incluindo os mastros e o espigão dianteiro na forma de uma grande caveira. Aquele era o Desmorto, o único navio que desafiava a realidade e as leis da física.

O Desmorto era um navio que se elevava muito acima do Esperança, dado aos seus quatro níveis de andares sobre o nível do mar. Era de se imaginar que ele possuísse mais três ou quatro andares submersos, o que era espantoso. Mesmo Hyn já o tendo visto anteriormente, essa visão lhe trouxe uma nova experiência, com novos sentimentos misturados. Do alto da proa do Desmorto surgiu um Capitão Sinistro auto-confiante, rodeado por sua tripulação de mortos-vivos. Ele encarou diretamente Debrett, que àquela altura tremia de nervosismo.

- Cumpriu a sua parte do combinado? - perguntou Sinistro, sua voz elevando-se de modo firme perante a noite.

Debrett engoliu em seco, e então respondeu.

- Sim, ele está aqui comigo. - Debrett raciocinou por um momento, lembrando-se do seu propósito de estar ali, e perguntou, desta vez com mais confiança. - E a minha filha? Cadê ela?

Sinistro esboçou um sorriso, e então fez um gesto para os mortos-vivos mais atrás do Desmorto. Aideen foi trazida à frente, guarnecida por duas criaturas pútridas, que a seguravam sem modos pelos braços.

- Eles a estão machucando! - bradou Debrett.

- Faça valer a sua parte do trato, e eu mando soltarem a garota - respondeu Sinistro, parecendo se divertir com a situação.

Debrett por um momento pareceu consternado, ou aquilo seria constrangimento? O capitão do Esperança virou-se para Hyn, que estava às suas costas, e disse.

- Sinto muito, Hyn. A vida da minha filha estava em jogo.
Soviet
Semi-Deus
avatar
Semi-Deus

Mensagens : 6055
Reputação : 6
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png

Re: Capítulo 3: Reencontros

Mensagem por Soviet em Qua Maio 28, 2014 12:18 am

Lyed subiu à bordo do Esperança se sentindo satisfeito. Apesar de não ter conseguido levar a garota consigo, pelo menos deu a ela uma oportunidade de algo melhor. O tempo passou e Hyn andava de um lado para o outro do navio, evitando atrapalhar os marujos e relembrando os momentos que passou ali com Aideen. Lyed tentou, inclusive, voltou à cabine aonde foi pego nu com Aideen pelo Capitão Debrett. De pé na cabine, encarando a cama, o malandro não pode deixar de se perguntar o motivo da mudança de humor do Capitão. Ele não perdoaria tão facilmente o que o malandro fez e a grande ironia é que foi Sinistro, quem agora tinha Aideen trancada em seu navio cheio de mortos, quem salvou a vida de Hyn, mesmo sem ter idéia disso. "E os imbecis lutaram por nada!" Instintivamente, Lyed fechou o punho quando lembrou da luta na caverna, quando Sinistro escapou com Aideen e o tal Cajado de Arvandor. Mas ficar pensando nisso não mudará nada nem responderá o motivo do Capitão Debrett ter mudado de atitude.

Nos dias seguintes Hyn tentou passar desapercebido para Debrett e alguns marujos, e jogava e partilhava histórias e bebidas com outros. No terceiro dia Lyed já estava terrivelmente entediado e as piadas e o rum já não animavam mais o malandro. Mesmo fazendo outras coisas, Hyn estava sempre pensando em Aideen, e não importava o que Lyed estivesse fazendo, de vez em quando sempre suspirava e sorria, sem graça, quando alguém estava por perto, já que o malandro e o Capitão não eram os únicos a bordo que sabiam do que aconteceu entre Hyn e a filha de Debrett.

Quando a âncora foi arremessada no meio do mar, sem nenhum pedaço de terra em quilômetros, Lyed se perguntou o motivo de terem parado ali e tornou a se perguntar o motivo da mudança de humor do Capitão. A tripulação toda subir para o convés serviu apenas para reforçar a desconfiança crescente em Hyn. O malandro olho para os céus, fechou os olhos e murmurou algumas palavras.

- Que o futuro me traga bons ventos.

À primeira vista, não foi o que aconteceu. Teria Debrett...? A água ainda escorria do casco quando Sinistro apareceu. Hyn teve vontade de escalar o casco do Desmorto e enfiar seu sabre entre aqueles dentes, mas isso não adiantaria absolutamente nada. Enquanto ouvia a conversa, Lyed compreendeu o que estava acontecendo ali... A forma gradativa como os marujos lhe lançavam olhares e sussurravam coisas entre si, mas quando ouviu as desculpas de Debrett, Lyed sentiu como se uma espada com a lâmina escarlate atravessasse seu peito e queimasse seu coração. O malandro perdeu o fôlego e ficou tonto por um momento, se apoiando no ombro de um pirata que estava à sua frente. Recuperando-se do choque, Hyn se apruma, ajeita o sabre na cintura, toca o pingente embaixo da camisa e sorri para Debrett. Um sorriso triste e sem vida.

- Não o julgo, Capitão. Talvez no seu lugar eu faria o mesmo, mas mesmo assim não deixo de me sentir traído com o que aconteceu. - O malandro então ergue a cabeça e se esforça para sua voz sai acima de qualquer barulho ao redor - Sinistro! Você me quer, seu cadáver de merda? Você me terá, mas só depois que Aideen tiver fora desse seu bote e longe desse monte de carne podre que você chama de tripulação! Me ouviu, Sinistro?
Elminster Aumar
Administrador
avatar
Administrador

Mensagens : 7802
Reputação : 30
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1311.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1012.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1212.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/512.png

Re: Capítulo 3: Reencontros

Mensagem por Elminster Aumar em Qui Jun 12, 2014 10:55 pm

Depois de ter ouvido as palavras de Hyn, Debrett parecia arrependido do que fizera. O pai de Aideen manteve a cabeça baixa, não conseguindo encarar o grande amor de sua filha nos olhos. Enquanto isso, o Capitão Sinistro se abria num sorriso perverso de cima do deque do Desmorto.

- Você não está em posição de negociar comigo. - Gritou para o Lyed. - Olhe para a sua volta, você está sozinho e as portas do inferno o aguardam.

A tripulação de zumbis de Sinistro se agitou sobre o deque. Elas mexiam os braços, convidando Hyn a subir a bordo. Logo em seguida um oficial gritou uma ordem, e uma longa rampa de madeira foi trazida com a ajuda de uma dúzia de mãos. Com o trabalho em conjunto, a tripulação do Desmorto conseguiu fazer uma das pontas da rampa cair sobre o deque do Esperança, a poucos metros de onde estava Debrett e Hyn. Agora as duas embarcações estavam conectadas por uma rampa de madeira larga o bastante para que duas pessoas a atravessassem ao mesmo tempo.

- A troca será feita simultaneamente.

Dito isso, o capitão Sinistro aproximou-se de Aideen e as duas criaturas asquerosas que a estavam segurando a largaram imediatamente. Sinistro fez um gesto para a rampa, convidando Aideen a subir nela. Relutante, a moça subiu numa das pontas da rampa com o Sinistro logo atrás dela, ainda com o sorriso maléfico estampado por debaixo dos fios de sua barba. Debrett, ainda sem olhar nos olhos de Hyn, fez o mesmo gesto que Sinistro, convidando o malandro a subir primeiro em seu lado da rampa.
Soviet
Semi-Deus
avatar
Semi-Deus

Mensagens : 6055
Reputação : 6
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png

Re: Capítulo 3: Reencontros

Mensagem por Soviet em Ter Jun 17, 2014 8:53 pm

- Você devia ter ordenado que os marujos recolhessem a âncora assim que o Desmorto surgiu, Capitão.

Lyed sobe na prancha e caminha sem olhar para trás. Hyn sabia o que deveria fazer e não se arrependia de nada do que aconteceu em sua vida até hoje. Não importava o que aconteceria com Lyed, Aideen estaria segura. Isso se Sinistro manter sua palavra, é claro.

Quando Aideen também estiver na prancha, Lyed lhe mandará um beijo e, quando ambos estiverem o suficiente para poderem ver com clareza o rosto um do outro, o malandro correrá adiante e se jogará sobre Sinistro, na tentativa de derrubar o maldito morte no mar.
Elminster Aumar
Administrador
avatar
Administrador

Mensagens : 7802
Reputação : 30
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1311.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1012.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1212.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/512.png

Re: Capítulo 3: Reencontros

Mensagem por Elminster Aumar em Sex Jun 20, 2014 9:53 pm

- Do que você está falando, Hyn?

O capitão Debrett fez a pergunta que seria respondida logo em seguida com a ação de Lyed. Ao mesmo tempo, o Sinistro avançava pela prancha logo atrás de Aideen, com Debrett fazendo a mesma coisa com Hyn. As duas duplas estavam encurtando a distância que as separava. O malandro só deu tempo de mandar um beijo para a sua amada antes de fazer um ato um tanto impensado.

Vendo que Sinistro estava ao alcance de poucos passos, Hyn iniciou uma corrida na prancha em direção ao capitão morto-vivo. Ele passou por Aideen em velocidade e foi de encontro à Sinistro, planejando empurrá-lo para o fundo do mar. O malandro se jogou contra o corpo muito maior e mais forte do capitão inimigo, e um dos pés do Sinistro ameaçou se deslocar para fora da prancha, porém ele conseguiu se equilibrar num último instante e barrou o avanço de Hyn.

- Boa tentativa - caçoou o capitão.

Sinistro sacou a sua arma, uma espada de uma mão de lâmina larga e retilínea. Ele estava prestes a atacar Hyn, mas algo o fez mudar de ideia e a sua boca se retorceu num sorriso maldoso. O malandro percebeu o que ia acontecer em seguida quando o Sinistro dirigiu o seu olhar em direção à Aideen, que atônita diante da ação de seu amado, não tivera tempo de sair do alcance do capitão do Desmorto. Com a sua força desproporcional, Sinistro precisou de apenas uma das mãos para empurrar as costas de Aideen. Hyn a viu se desequilibrar da borda da prancha e despencar bem diante de seus olhos. Aideen soltou um grito quando foi jogada para o mar, e Sinistro deu a ordem:

- Matem a tripulação rival. Eles quebraram o acordo ao tramarem essa traição e agora vão pagar caro. Matem-nos a todos, menos o covarde que está a minha frente. Dele cuido eu.

Instantaneamente, os mortos comandados por Sinistro pegaram suas armas. Debrett, gritando em desespero por sua filha, não havia percebido ou se importado com todo o resto que estava acontecendo à sua volta, e seus homens no Esperança se mostravam hesitantes em agir sem as suas ordens.
Soviet
Semi-Deus
avatar
Semi-Deus

Mensagens : 6055
Reputação : 6
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png

Re: Capítulo 3: Reencontros

Mensagem por Soviet em Dom Jun 22, 2014 8:42 pm

- Capitão! - Grita Lyed, tentando trazer Debrett de volta - Recolham a âncora! Lutem!

Hyn salta em direção ao mar depois de falar com a tripulação. O malandro não entendia como Debrett pôde confiar em Sinsitro. O maldito está morto, e os mortos não tem honra alguma. Depois que estiver envolvido pelo mar, Lyed procurará por Aideen para trazê-la de volta à superfície e, se Tymora sorrir para eles, de volta ao Esperança para saírem dali.
Elminster Aumar
Administrador
avatar
Administrador

Mensagens : 7802
Reputação : 30
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1311.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1012.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1212.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/512.png

Re: Capítulo 3: Reencontros

Mensagem por Elminster Aumar em Dom Jun 29, 2014 9:21 pm

O capitão Debrett chegou a virar o seu rosto na direção do Sinistro antes de Hyn saltar da prancha. Numa ginga acrobática, o malandro escapou das garras de Sinistro - que instantes antes preparava-se para desferir-lhe um ataque com a sua espada - e mergulhou de cabeça na água com uma perfeição espantosa. As águas noturnas e frias do Mar Interior engolfaram o seu corpo por completo, e Hyn já saiu a procura de sua amada.

Aideen não estava na superfície do mar, então o malandro voltou a mergulhar. A luz da lua era o suficiente para iluminar de modo parco os primeiros metros submersos, e após vagarosos segundos prendendo a respiração, Hyn encontrou-a desacordada e lentamente afundando, a poucos metros dele.
{teste de Força se quiser trazer Aideen de volta a superfície}
Soviet
Semi-Deus
avatar
Semi-Deus

Mensagens : 6055
Reputação : 6
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png

Re: Capítulo 3: Reencontros

Mensagem por Soviet em Ter Jul 01, 2014 5:30 pm

Lyed só lembrou de prender o fôlego quando o mar já se aproximava de si, e Hyn mal sentiu o impacto da água sobre seu corpo. Logo avistou Aideen desacordada, o que era um grande problema. O malandro nada até a filha de Debrett e a segura envolvendo o braço esquerdo sobre seu tórax.

Lyed olha para cima e calcula quanto tempo levará até dar a volta no Esperança. Se for possível nadar até o outro lado da embarcação antes de perder o fôlego, Hyn o fará, senão, o malandro irá até a superfície, tomará um novo fôlego, e levará Aideen e si mesmo para longe dos mortos de Sinistro.
Elminster Aumar
Administrador
avatar
Administrador

Mensagens : 7802
Reputação : 30
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1311.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1012.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1212.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/512.png

Re: Capítulo 3: Reencontros

Mensagem por Elminster Aumar em Sab Jul 05, 2014 9:32 pm

Após envolver Aideen em seus braços, Hyn luta para subir até a superfície do mar e dar uma brecha para que a sua amada tragasse o ar da noite. Ele aproveita a situação para calcular a distância que teria que nadar num mergulho para alcançar o outro lado da embarcação do Capitão Debrett. Seria impossível atravessá-lo de ponta a ponta sem respirar debaixo de água, de modo que Hyn teria que voltar a superfície algumas vezes.

O malandro inicia a travessia voltando a mergulhar com Aideen. Os mais de trinta metros de comprimento do Esperança era uma barreira difícil de ser superada quando se tinha que usar parte de sua força para carregar outra pessoa. Esgotado, Hyn finalmente chega onde queria. E ele vê Aideen começar a recuperar a consciência.

- Hyn... - murmura ela, toda debilitada e fraca. - O nosso filho...

Ela termina a frase sem explicação, voltando a ter uma recaída.
Soviet
Semi-Deus
avatar
Semi-Deus

Mensagens : 6055
Reputação : 6
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png

Re: Capítulo 3: Reencontros

Mensagem por Soviet em Dom Jul 06, 2014 12:06 am

Nosso filho?!

- Aideen, do que você está falando? Aideen!

A notícia tomou Lyed completamente desprevenido. Hyn começou a sentir um leve desespero ali em alto mar, sob a sombra do Desmorto. O malandro não se importaria em morrer se Aideen estivesse viva, esse seria um propósito pelo qual valeria a pena se sacrificar, mas agora... Agora Lyed queria ficar vivo e envelhecer, ver sua beleza definhar em rugas e fios brancos. Queria ver sua memória e razão sumir na mesma medida em que seu filho cresceria forte e inteligente!

- Ei! Vocês aí no Esperança! Estou aqui deste lado! Com Aideen! Joguem uma escada!
Elminster Aumar
Administrador
avatar
Administrador

Mensagens : 7802
Reputação : 30
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1311.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1012.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1212.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/512.png

Re: Capítulo 3: Reencontros

Mensagem por Elminster Aumar em Ter Jul 08, 2014 11:48 pm

Aideen não voltou a responder.

Se Hyn compreendeu direito o que ela havia dito, isso significava que Aideen estava carregando o filho deles. E a queda na água podia ter sido forte o bastante para... não, era melhor não pensar nisso. Aideen continuava sem condições de conversar, ela estava num estado tão fraco que este era apenas mais um indicativo do que estava se passando. Hyn chamou por ajuda, mas o som do choque de espadas havia chego no convés do Esperança, e nenhum marujo atendeu ao seu apelo.

Havia como escalar aquele lado da embarcação, mas carregando Aideen sozinho? Seria um tanto mais complicado. A gritaria típica da frenesi da batalha tomou conta acima deles e essa era a certeza de que ninguém os ouviria ali no mar.
Soviet
Semi-Deus
avatar
Semi-Deus

Mensagens : 6055
Reputação : 6
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png

Re: Capítulo 3: Reencontros

Mensagem por Soviet em Qui Jul 10, 2014 7:06 pm

Lyed não se desespera; se render a este sentimento agora será sua morte. Hyn olha para a embarcação procurando algo no casco que sirva para prender Aideen. Uma corda, corrente, um gancho, qualquer coisa. Se encontrar, Lyed prenderá Aideen e escalará o casco do Esperança, caso não encontre nada, Hyn tentará acordar Aideen. Se ela não acordar, o malandro tentará escalar o casco carregando Aideen.
Elminster Aumar
Administrador
avatar
Administrador

Mensagens : 7802
Reputação : 30
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1311.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1012.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1212.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/512.png

Re: Capítulo 3: Reencontros

Mensagem por Elminster Aumar em Dom Jul 13, 2014 3:21 pm

Havia uma escada na lateral do casco do Esperança, e Hyn nada com Aideen até alcançá-la. Ele vê Aideen voltar a despertar, embora ainda fraca, e o malandro pede para que ela se segurasse nele enquanto ele escalava o navio. Ela envolve os seus braços ao redor do pescoço de Hyn, e ele inicia a subida.

Ao chegar no convés, ele deposita a sua amada no chão, e para para observar o que acontecia a sua volta. Os mortos de Sinistro haviam avançado pela ponte que fazia a ligação entre os dois navios e ocorria um verdadeiro massacre. Os zumbis estavam em muito maior número do que os homens de Debrett, e falando em Debrett, onde ele estava? Hyn então vê. Debrett estava caído e jorrava sangue de uma abertura em seu corpo ocasionada por uma espadada que por pouco não atingiu o seu coração. Os mortos-vivos passavam direto por ele, como se já soubessem o destino de sua vida.

E Sinistro estava altivo, na proa do Desmorto, segurando o Cajado de Arvandor e assistindo o combate que estava sendo facilmente vencido por sua tripulação. Ninguém parecia reparar que Hyn estava ali agachado no convés do Esperança, com Aideen deitada ao seu lado.

Pelo menos por enquanto.
Soviet
Semi-Deus
avatar
Semi-Deus

Mensagens : 6055
Reputação : 6
Conquistas :
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
  • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png

Re: Capítulo 3: Reencontros

Mensagem por Soviet em Qui Jul 17, 2014 11:42 pm

Lyed olha para o convés e quase se rende ao desepero. A tripulação de Debrett estava sendo reduzida a uma pilha de carne morta, e o próprio Debrett agonizava sobre a prancha. Estúpido! Ele pensou que eu iria me entregar pro Sinistro? Não posso dizer que eu gostava do Capitão, mas eu não queria esse destino pra ele... Colocando o dedo sobre os lábios, Lyed pede que Aideen fique em silêncio.

Hyn saca sua espada e continua agachado, procurando algum marujo que estivesse com alguma vantagem, mas depois o malandro pensa com mais calma. Talvez eles o culpassem por aquilo, e era bem capaz disso acontecer. O malandro se esgueira pelo convés até o bote mais próximo e solta suas amarras. Lyed depois pensa em comida e água. Maldição! O Esperança demorou dias para chegar aqui, em um bote deve ser quase uma dezena para volta à costa e sem comida ou água...

Lyed faz um sinal para que Aideen vá até o malandro. Eles precisam sair daquele barco de qualquer jeito.
Conteúdo patrocinado


Re: Capítulo 3: Reencontros

Mensagem por Conteúdo patrocinado

  • Este Tópico está bloqueado. Você não pode editar as mensagens ou responder.

Data/hora atual: Seg Out 23, 2017 5:39 am