Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    Dia de treino

    Leomar
    Mestre Jedi
    Leomar
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1286
    Reputação : 23
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh26.png

    Dia de treino - Página 9 Empty Re: Dia de treino

    Mensagem por Leomar em Dom Jul 07, 2019 8:53 pm

    (R.Oc. Nergal força 2,9 +1)

    - Leve e flexível não temos nada pronto. Mesmo de outro material, se está acostumado com escamas, vai ser difícil acostumar com outra. Ouvi dizer que anjos tem ossos fracos, é verdade?

    De fato era, anjos-negros têm esta característica em comum com outros anjos, em relação aos humanos, a densidade óssea era menor, embora maior que de aves. Nergal experimenta um peitoral de aço padrão para humanos, mas além do grande desconforto, aquilo realmente pesava em seus ossos, não dava para usar uma armadura feita para humanos.

    Ricardo mostra ainda uma série de placas de metal que se ajustavam ao corpo com tiras de couro, o tipo armadura "gambiarra" que muitos usavam no dia-a-dia, esta pelo menos permitia mais mobilidade, mas ainda parecia demasiado peso.

    - Vai ser mesmo difícil se não for algo sobre medida. Talvez tenha que recorrer a uma jaqueta de couro, embora mesmo o couro terá de ser cortado para passar as asas.

    Como Ka estava acostumado com a cidade, "perigoso" era normal, talvez por isto não veja a região onde Jussara mora como pior que o resto, já Nergal acha que toda a cidade é perigosa, pois comparada com Verda Ero era mesmo, mas os dois não parecem se dar muita conta desta relatividade.

    Niréia pensa em alguma forma de ajudar Ka sem quebrar muito protocolos mestre-discípulos, como ele parecia muito cru em relação à magia, não havia muito que pudesse ser feito ainda.

    - Você diz que foi testado com água, e os dominadores atestaram grande RESISTÊNCIA, mágica, certo? Quer ser testado com ar?

    Ka não perderia esta. Niréia diz que precisa tirar a armadura para que ela possa tocar seus três e cinco chacras. Ka lera algo sobre estes tais chacras no livro que viu na biblioteca, mas ainda não entendia aquilo. Niréia fica atrás dele, com uma mão em sua nuca, a outra ela vai procurando algum ponto em sua coluna, Ka arrepia um pouco ao sentir as pontas de metal da manopla que ela usava.

    - O exercício mais simples é ver como seu corpo reage à energia externa. Não é o mais útil nem o mais agradável, mas é básico para novatos. Vou basicamente tentar infundir seu corpo com a minha energia e ver como ele reage.

    (pausa curta)

    - A boa notícia é que a magia branca tente a ser a mana que menos reage dolorosamente em outros corpos, talvez sinta frio, cocegas ou, na pior hipótese, contração muscular. Se a contração for muito forte, isto pode resultar numa câimbra, é bem desagradável, mas nada que não regenere depois de repouso.

    O ideal é evitar a resistência, evitando que o corpo reaja a este tipo de energia externa. Mas a reação instintiva do seu corpo será justamente ativar suas defesas e resistências. Em resumo, você tem que sentir como ele reage para depois aprender a evitar este tipo de reação. Se estiver pronto, me avise.
    (off: pode rolar percepção mágica, já que ainda não tem misticismo)
    Dycleal
    Antediluviano
    Dycleal
    Antediluviano

    Mensagens : 4590
    Reputação : 106
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png

    Dia de treino - Página 9 Empty Re: Dia de treino

    Mensagem por Dycleal em Dom Jul 07, 2019 9:18 pm

    Nadhull permanece pronado no chão, as palavras reverberam em sua mente: Escolhas, Liberdade, Objetivo, Desejo... Poder.. Erfir -Sizo.

    Na mente do incubo, invade uma alegria sem controle, fora ouvido, havia algo maior e Piro estava lhe instigando a seguir em frente, mas algo o pertubava, porque fora falado sobre Erfir? Será que aquela Súcubo que o aprisionara tinha algo a ver com o seu caminho? Mas ela não era uma serva de Piro e sua busca era o poder apenas e o que queria do incubo seria seu poder para usar como domínio.

    Nadhull sabe o que quer, sempre soube e depois do acidente e de ter recebido o seu maravilhoso dom, tinha certeza, que o que mais prezava era a liberdade e que queria conceder a liberdade a todos, principalmente os seus irmãos demônios, que pensavam-se fadados ao mesmo destino, ser a escória espiritual e Piro veio para mudar isto e Nadhull tinha o poder para mudar isto e queria mudar e não podia apoiar um projeto de dominação que tiraria a liberdade das pessoas e dos demônios. Agora que sentira a liberdade, sabia que era o supremo dom, só ficando atrás da vida em importância. E de que valia a vida, se não tivesse liberdade.

    Estava claro para o jovem demônio que seu poder era instrumento e não objetivo, e que precisava de foco no treinamento para que este instrumento estivesse útil para instrumentalizar a sua caminhada.

    E o incubo, senta-se na posição de lótus e continua meditando, tentando deixar a sua energia em harmonia com as energias presentes no templo e após um tempo que não tem noção, mas se sentindo pleno se levanta e vai procurar um dos seus mestres espiritualistas para relatar os acontecimentos e suas reflexões e descobertas.
    Leomar
    Mestre Jedi
    Leomar
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1286
    Reputação : 23
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh26.png

    Dia de treino - Página 9 Empty Re: Dia de treino

    Mensagem por Leomar em Seg Jul 08, 2019 6:20 am

    Nadhull estava entusiasmado e sai procurando Gaíla, com quem tinha mais afinidade. Ao encontrá-la, ela estava instruindo uma mulher negra, ele quase a interrompe, falando que teve uma experiência mística, mas a espiritualista manda esperar.

    Dia de treino - Página 9 4a1127268c0a3c9f22ee30894ce62ca1

    Gaíla: - Os "Aduls" são caminhos de conhecimento. Cada um tem seus mistérios, como deve saber. Porém o mais importante nem é o que se aprende com eles, mas a ATITUDE de quem os trilha. Adul pode ser traduzido como caminho da verdade, e estar aberta à verdade é que é o verdadeiro desafio.

    Vivemos cercadas de um mundo com ideias pouco profundas, e pior, muitas mentiras convenientes. O desapego à estas mentiras é mais difícil do que o apego à verdade. Você quer entrar no Adul Tid-Fa e vai encontrar muitos caminhos que se mostrarão contrários à ideia que já tem da fé. A princípio pode se admirar com várias lacunas que serão preenchidas, mas e quando sua busca começar a mostrar que aquilo que você tem como princípio na verdade possui erros? Para trilhar um Adul, o caminhante tem que ter coragem a assumir mais de uma vez: "Eu estava errada", e ainda mais profundamente: "Abandono tudo que me era caro, em nome da verdade".


    - Sim, Magda! Estou pronta para começar minha jornada, quero o conhecimento profundo e não mais o alimento ralo. Estou disposta a pagar o preço, e seguir sua orientação.

    As duas entrelaçam as mãos, Gaíla faz uma prece baixa, depois passa um exercício de meditação para a negra.

    O templo estava cheio e Gaíla teria de ajudar um alto-sacerdote em breve, então Nadhull começa falar ali mesmo.

    - Então teve sua primeira visão mística! Que bom.

    - Sim, mestra. Primeira? Terei outras então? A senhora já teve uma?

    Gaíla, sempre sorrindo:

    - Sim, todo mestre espiritualista tem pelo menos uma grande experiência, sei como é. Você estava sobre influência da fumaça da erva de Arnzug, ela ajuda ampliar alguns sentidos, e pode induzir a várias falsas experiências, que são frutos mais do inconsciente do que uma experiência real com as tramas místicas, mas isto é outra história pra outro tempo. Pelo seu entusiasmo creio que foi sim uma experiência genuína. Poderá passar por teste com algum mago depois, caso reste dúvidas, mas por enquanto me fale um pouco dos detalhes.

    Infelizmente esta experiência maior costuma acontecer só uma vez na vida, mas mesmo que seja única, não tem importância. Ainda lembro nitidamente de minha primeira até hoje. Me diga, o que você viu, ou melhor, o que experimentou?


    Ele começa falando da sensação de vazio espacial e tenta forçar a memória para pegar as palavras exatas. Apesar de pouco tempo da experiência, a memória é algo estranho, e os poucos segundos que ficou esperando ela terminar de falar com a mulher negra, sua memória já começa por perguntas na mente. Gaíla diz mais uma vez para não se preocupar, se for uma visão maior, terá o resto da vida para revivê-la até fixar os mínimos detalhes.

    - Então disseram que estavam na minha porta... Esperando sempre que eu batesse e que atenderiam rápido... Mais precisamente foi: Estou à porta e atendo quando bate...

    - "Estou sempre à porta, e atendo a todos que batem. Não escondo de quem me procura, e bastas levantar a mão para que me toque." Não estou vestida de mistérios nem em suntuosidades como muitos acreditam...

    - Isto mestra, foi exatamente isto. Disseram o mesmo para você na sua vez? - Ele se admira.

    - Não... Não, a minha foi diferente. Mas estes são versos do Livro de Sabedoria.

    - Eu não conhecia.

    - É um bom sinal. Continue, conte com suas palavras o que mais pode ver, ouvir, sentir... Não tenha pressa.
    Dycleal
    Antediluviano
    Dycleal
    Antediluviano

    Mensagens : 4590
    Reputação : 106
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png

    Dia de treino - Página 9 Empty Re: Dia de treino

    Mensagem por Dycleal em Qui Jul 11, 2019 7:01 pm

    Nadhull encontra a mestra Gaíla com uma discípula negra e interrompe a instrução afirmando ter tido uma experiência mística, mas a mestra com um gesto o pede para esperar e ele segura a sua ansiedade e ouve as suas palavras sobre o caminho do conhecimento e parecia que ela falava para ele também e ele absorveu suas palavras sábias.

    Após despachar a discípula ela comenta sobre as experiências místicas, inclusive as suas. Nadhull cita a parte  que disseram estar a porta e a mestra cita alguns versos do livro da sabedoria e Nadhull pensava que a experiencia dela fora parecida com a dele e fica um tanto desconcertado quando compreende o seu engano.

    Mestra o incentiva a contar a experiência com as suas palavras e o incubo pensa, puxando pela memória e diz: - Mestra, a voz me perguntou o que eu queria e após eu gaguejar, me falou que não sou escolhido, pois quem não sabe o que quer não chega a lugar algum e depois, perguntou o que desejo e o que eu quero fazer, mestra, a voz me deixou pensativo e fiquei por muito tempo pronado, rente ao chão pensando nestas perguntas...

    O jovem demônio olha para a mestra e sabe o que pensa, mas formula como transmitir e por fim afirma: - Eu quero liberdade, para mim e todos que estão na ignorância, eu estava na escuridão e não sabia e você me deram luz e alegria, eu pensava ser feliz, mas era um pária, um escravo não só da minha ama, como dos meus desejos e perversões. Eu sinto que recebi esta dádiva por um propósito e o que me separa deste agir rumo ao propósito é a minha ignorância. Por isto, a minha sede por conhecimento e a urgência em dominar este imenso poder que em foi depositado. Mestre, me ajude, me dê uma luz, o que devo fazer para entender o que a voz quer me dizer...
    Lalalady
    Samurai Urbano
    Lalalady
    Samurai Urbano

    Mensagens : 101
    Reputação : 0

    Dia de treino - Página 9 Empty Re: Dia de treino

    Mensagem por Lalalady em Sex Jul 12, 2019 11:50 am

    Ricardo escreveu:- Calma garota, infelizmente as coisas no mercado negro não são tão fáceis assim. Meu amigo Ka aí teve a ideia de ir lá pessoalmente pedir informações e deu merda. Se tivéssemos um pouco menos de sorte não sairíamos inteiros de lá. Eles só negociam com gente poderosa, e o melhor jeito, ou pelo menos o jeito inteligente de negociar lá é por intermediários e intermediários de intermediários. Eu falo com pessoas que tem costas quentes na Corte dos Milagres, eles verificam o que podem conseguir... É um processo cansativo, mas é assim que as coisas funcionam.

    (pausa)

    Você disse que está trabalhando para alguém da Corte, se for um nome quente, isto pode ajudar. Quem é seu contato?



    - Bem, quem encomendou a arma foi Kapitulina, campeã do Mercado das Almas.

    Ricardo faz cara de pensativo.

    - Não conheço o nome dela. Terei que pesquisar com meus contatos primeiro. Teria alguém mais conhecido?

    - Acho que uma pessoa conhecida como "campeã do Mercado das Almas" deve ser, no mínimo, famosa, na Corte. Se VOCÊ não ouviu falar, aí já é outra história... Tem o Harin também, Kapitulina tinha me recomendado falar com ele e por isso vim parar aqui, mas não sei se poderia negociar em seu nome.

    - Harin é rico e isso pode facilitar, mas não é o ideal. Dinheiro certamente chama interesse no mercado negro, mas para negociar com SEGURANÇA o ideal é ter um contato que seja herói ou heroína ou que esteja nos altos graus de influência.

    - Minha mestra é Keela. Essa com certeza você conhece, afinal, dizem que botou fogo na cidade inteira. Mas ela e Kapitulina não se dão bem e, com certeza, se eu usar o nome de uma para conseguir alguma coisa para outra, depois vou aparecer frita ou degolada por aí. Poxa, Ricardo, me facilita algo, você é um cara influente que eu tô vendo...

    Ricardo escreveu:Quando Tirel comenta sobre as propriedades que espera:

    - Mm, é... Quando purificamos o minério ele aparentou dar um corpo* relativamente bom para espada, mas pretende fazer uma verde? Ficaria parecendo jaspe. Meio estranho...


    - Estou justamente procurando um corpo bom. Pretendo usar um metal mais resistente para a alma e promover, com o liônio ou uma liga dele, mais maleabilidade. Se for um tom muito claro de verde que você conseguiu, certamente se trata de uma liga com algum outro metal mais escuro e assim terei que achar qual seria ainda... - ela diz pensativa.
    Leomar
    Mestre Jedi
    Leomar
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1286
    Reputação : 23
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh26.png

    Dia de treino - Página 9 Empty Re: Dia de treino

    Mensagem por Leomar em Dom Jul 14, 2019 6:02 pm

    Vou deixar uns offs na Taverna da Sereia Bêbada para todos daqui a pouco, para não ficar muito off aqui.

    Nadhull

    Por isto, a minha sede por conhecimento e a urgência em dominar este imenso poder que em foi depositado. Mestre, me ajude, me dê uma luz, o que devo fazer para entender o que a voz quer me dizer...

    - Bem, o primeiro passo você já deu. Foi instigado à busca e aceitou o chamado. Tecnicamente nós, espiritualistas, chamamos este passo de "antepifis", aquele que vem antes da epifania. Contra a "urgência" eu não posso ajudar, a compreensão profunda só virá com o tempo, e esta todos tem de trilhar totalmente sós. Mas claro que durante o caminho minha experiência de quem já andou estará a sua disposição.

    Ela se serve de alguma bebida que estava num bule ao lado, faz uma leve careta.

    - Mm, já esfriou! Mas quer um pouco?

    Depois de uns goles ela continua:

    - Fico feliz que tenha recebido justo os versos do Livro da Sabedoria e que tenha me procurado. Pessoalmente é um de meus preferidos. Infelizmente não são todos adeptos de Piro que o conhecem, mesmo sendo uma das escrituras tradicionais da Sutra*.

    *Sutra: são os textos mais sagrados de cada religião, considerados escritos diretamente por cada deus, embora existam muitas controvérsias quanto a isto. Alguns religiosos menos ortodoxos consideram que os textos foram escritos por seguidores fiéis mas "revisados" pelos próprios deuses, e daí vai indo para níveis cada vez menos ortodoxos e menos devotos. Quando se fala do livro central de cada religião podemos referir como: Anĝelina-Sutra, Jara-Sutra, Piro-Sutra, etc.

    - Talvez esta menor deferência se deva ao caráter mais abstrato, já que a maioria dos livros mais estudados de Piro são os mais históricos ou mais diretivos. Muitos tem pressa que digamos a eles o que fazer.

    Ela começa explicar o significado dos versículos que foram ditos, eles são os versículos mais importantes deste livro. Quem o escreveu, escreveu como se fosse a personificação da Sabedoria. "Estou sempre à porta, e atendo a todos que batem" significa que a Sabedoria já está pronta e nunca se recusa aparecer para ninguém que a procura. Muitos dizem ser difícil encontrá-la, mas o texto deixa entender que não a encontram porque não a procuram, ou no mínimo procuram da forma errada.

    "e bastas levantar a mão para que me toque." Gaíla diz que rituais têm suas importâncias, quando se entendem eles, mas que muitos se deixam perder em detalhes insignificantes e perdem a simplicidade e a sinceridade. O "coração simples e sincero" é fundamental numa busca de conhecimento profundo. Assim, as pessoas que mantêm esta simplicidade, consegue ver a Sabedoria em quase tudo que tocam, seja uma xícara de chá, seja admirando um campo no final da tarde.

    Pessoas sem qualquer instrução formal e sem dons mágicos ou espirituais podem, com esta simplicidade, conseguir um sentimento de paz profundo apenas tocando e "sentindo" uma árvore maior do que muitos que se dedicam a meditações prolongados.

    Por orgulho e vaidade, muitos acreditam que as "verdades profundas" devem ser complicadas, exigindo muitos sacrifícios, anos de estudo, etc. Mas o Livro da Sabedoria diz que "Não estou vestida de mistérios nem em suntuosidades". A Verdade é representada como uma mulher jovem nua, a Sabedoria como uma mulher de meia-idade com uma túnica de algodão simples, já a Vaidade é representada vestida de pesadas peles e capa cor púrpura (púrpura é a cor preferida de muitos reis e ricos, pois é muito difícil de conseguir tingir tecidos com esta cor, já que a tinta é feita com moluscos que não se encontram em qualquer lugar).

    O resto do livro é referente a como a personificação Sabedoria se mostraria impressionada e até indignada com como as pessoas gastam energias em busca de inutilidades como a vaidade.

    Gaíla diz que o Livro da Sabedoria não é muito grande, e poderia arrumar uma cópia emprestada para você no final do dia. Agora porém ela tinha só mais alguns poucos minutos, antes de ter que se preparam para ministrar o próximo culto.




    Tirel

    - Acho que uma pessoa conhecida como "campeã do Mercado das Almas" deve ser, no mínimo, famosa, na Corte. Se VOCÊ não ouviu falar, aí já é outra história...

    - Mercado das Almas... Mercado das Almas... - ele revira os olhos como quem tenta lembrar onde já teria ouvido falar deste mercado - A Corte dos Milagres é muito grande, e a maior parte dos mais destacados está em Fajr-Regno, e não aqui. Ninguém é capaz de conhecer a todos. Talvez até seja um nome de respeito no mercado negro, mas aí teríamos de falar com ela para ver como ela poderia falar com um representante do mercado negro. às vezes basta um nome certo ou errado para eles se mostrarem mais ou menos cooperativos. Em outras é bom termos uma carta na manga, literalmente "carta", ou selo, insignia, qualquer coisa que possa indicar que temos mesmo relação com quem falamos ter.

    Já que ele comentou, Kapitulina tinha mesmo um sotaque parecido com dos fajrenses, talvez ela fosse mais conhecida no continente. Já quando ela fala sobre "Minha mestra é Keela" a expressão de Ricardo muda para espanto.

    - Keela com certeza é um nome que abriria QUALQUER porta no mercado negro. Os piores bandidos e assassinos se reúnem lá, mas nem mesmo eles são idiotas o bastante para ficarem no caminho de Keela. Ela deve até ter seus próprios contatos no mercado negro. Se Keela tem algo contra a tal Kapitulina e mesmo assim ela ainda está viva, isto deve significar alguma coisa. Existem acordos dentro da Corte em que um membro não pode matar outro por qualquer motivo, mas se Keela realmente a odiasse, estes acordos não seriam o bastante para ela caçar esta outra. Se me conseguir algum contato de alguma delas...

    - Na verdade Kapitulina não me disse onde encontrá-la, disse apenas que me procuraria (ou ao meu irmão, ela pensa) de tempos em tempos.

    - Isto é mesmo a cara de um membro dos Milagres! "Você não me acha, EU acho você!" Seja como for, vou mesmo precisar entrar em contato com outros contatos mais seguros já que os últimos podem ter sido contaminados, então enquanto vejo isto, você pode tentar me conseguir alguma garantia de suas amigas.
    Christiano Keller
    Mestre Jedi
    Christiano Keller
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1487
    Reputação : 64
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Dia de treino - Página 9 Empty Re: Dia de treino

    Mensagem por Christiano Keller em Dom Jul 14, 2019 10:15 pm

    Ka,

    Niréia disse: escreveu:
    - A boa notícia é que a magia branca tente a ser a mana que menos reage dolorosamente em outros corpos, talvez sinta frio, cocegas ou, na pior hipótese, contração muscular. Se a contração for muito forte, isto pode resultar numa câimbra, é bem desagradável, mas nada que não regenere depois de repouso.

    O ideal é evitar a resistência, evitando que o corpo reaja a este tipo de energia externa. Mas a reação instintiva do seu corpo será justamente ativar suas defesas e resistências. Em resumo, você tem que sentir como ele reage para depois aprender a evitar este tipo de reação. Se estiver pronto, me avise.
    (off: pode rolar percepção mágica, já que ainda não tem misticismo)

    -- Quando vai começar? Não tá nem fazendo cócegas a manopla a temperatura ambiente. É assim mesmo? Para Ka não estava acontecendo nada como distração e estava pensando em fazer trabalhos com Ricardo pois estava interessado em saber mais sobre a armadura de Nergal. Ka então tenta se concentrar no que estava acontecendo, o que Niréia fazia e o que aconteceria com a energia? Quando leu os livros havia comentários sobre fluxo e as armaduras fariam a energia ser acumulada ou canalizada. No entanto Ka pensava em como isso funcionaria no corpo, quais os caminhos que a energia faria e pra onde iria. Será que ela fluiria para suas mãos e delas para o ambiente num efeito mágico?

    Ka mais tarde trabalharia com Ricardo para investigar a amostra da armadura.

    Se Tirel aceitar, Ka também gostaria de ajudar nos testes do material, visto que trabalhariam para fazer os reparos com Liônio, é importante saber como serão misturados os elementos químicos da liga metálica.

    Ka ainda precisava de uma proteção para a face e se Tirel não quiser ajuda ou então depois de fazer os testes essa seria sua próxima atividade.

    Atividades na agenda de Ka:

    Toda iniciadora ir ao culto na ICB;
    Conversar com seu mestre na ICB sobre a Mestra Niréia e seu "aluno" para treinamentos;
    Pedir permissão ao mestre para trabalhar com a Mestra Niréia;
    Conseguir uma proteção para o rosto como ferramenta de trabalho;
    Substituir sua atual armadura de ferro enferrujado por alguma coisa que facilite a magia;
    Melhorar a perícia de serviços manuais;
    Melhorar/conseguir a perícia de intimidação;
    Melhorar a perícia de arma desbalanceada (Martelo);
    Serviço com Tirel;
    Ajudar a Jussara;
    Nergal sugeriu uma viagem, porém precisa se preparar para conhecer novos lugares;
    Dycleal
    Antediluviano
    Dycleal
    Antediluviano

    Mensagens : 4590
    Reputação : 106
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png

    Dia de treino - Página 9 Empty Re: Dia de treino

    Mensagem por Dycleal em Seg Jul 15, 2019 1:25 am

    Nadhull observa que a discípula da mestra ainda estava na sala e ouvia a conversa e poderia ser uma fonte boa para aprendizado em uma conversa, e a sensação de pressa que a fala da mestra passara fora forte, porém Nadhull vai rememorando na mente partes da sua visão e elas lhe trazem um apelo forte do incubo continuar falando, mesmo que fosse para a mestra lhe responder quando lhe entregasse o livro da sabedoria mais tarde.

    O jovem demônio olha para a mestra e diz: - Mestra, sei que tem pouco tempo, mas quero lhe contar um pouco mais da visão enquanto ela está fresca em minha memória, acho que é importante compartilhar as vozes e a imagem que me instruíram, bem, tudo começou com ondas de energia passando pelo meu corpo e a fumaça do incenso faz tudo parecer um sonho e começo a ouvir vozes no meu entorno, sons de passos, como se uma caravana estivesse atravessando ao meu lado, neste momento, os estímulos auditivos são os únicos que me atingem até este momento. Dai começa a se projetar da fumaça feixes de cores que formam a seguinte imagem, de forma nítida, uma mulher com um belo vestido verde e um cinto dourado e braceletes dourado moldam a manga do seu vestido ao corpo, nas suas mãos, há uma pomba branca e voando próximo da sua cabeça uma águia ou falcão e essa ave era vermelha. A mulher estava a margem de um rio corrente e de cada lado do rio tem varias árvores alinhadas e paralelas entre si e as copas das árvores se entrelaçam por cima do rio, formando uma cúpula abobodada e longe onde se origina o rio, tem um forte luz brilhante e dourada com vários círculos que formam um triangulo e uma voz me afirma: "Estas em dúvida sobre como iniciar sua jornada, não destes conta que já foi iniciada" e outra voz me diz: - "Onde me procuras?" e a imagem vai se desvanecendo e tive a impressão de ver três pequenos chifres no meio de uma cabeleira e uma voz pergunta se estou pensando em Erfir-Sizo e que nada garante que nos encontraremos, exceto se nossas escolhas e caminhos forem parecidos.

    Nadhull sabe que ainda tem algo no finzinho da visão, mas está preocupado com o tempo da mestra e diz resumindo: - Desculpe mestra, sei que precisa ir, pense no que eu lhe narrei e quando me entregar o livro da sabedoria comente sobre o que lhe falei, a voz ainda me pediu que me concentrasse no que era importante, que era o que eu desejo, o que eu realmente desejo e que as pessoas podiam me ajudar mas só que podia trilhar o meu caminho era eu mesmo. Olha para a discípula e pergunta para a mestra: - A jovem vai ficar aqui na sala, ou irá com você? Posso conversar com ela e ouvir um pouco sobre o que ela tem para me falar sobre trilhar um caminho, isto, se ela quiser compartilhar e espera as duas se posicionarem.
    Kether
    Garou de Posto Cinco
    Kether
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2291
    Reputação : 91
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1312.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh26.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh34.png

    Dia de treino - Página 9 Empty Re: Dia de treino

    Mensagem por Kether em Seg Jul 15, 2019 9:15 am

    No meio daquela confusão de acontecimentos, Nergal dá um passo para trás para poder se concentrar e entender o que acontecia. Ele prova as armaduras, todas as opções muito pesadas para ele.

    - Ricardo, não posso usar nenhuma destas suas armaduras. Acho que o melhor será esperar você tentar entender sobre o material da minha armadura e então repará-la. Mas como a mestra Niréia falou esta armadura deve ter sido preparada não só com o tratamento do metal mas também com magia para reduzir seu peso. Talvez haja uma dádiva de nossa Deusa Ratnael... Desta maneira eu não vou poder deixar toda a armadura contigo.

    "Ainda mais com aquilo que aconteceu mais cedo..." - pensou.

    Ele se aproxima de Niréia e toca seu ombro roubando a sua atenção por um instante:

    - Mestra Niréia, eu devo ir até mestre Josan e terminar um treinamento que tenho com ele. E hoje é o último dia que ele dispôs para que eu lhe dissesse quanto é 1 mais 1. E não é dois a resposta... Mas acredito que tenha algo com a teoria mágica que ele me explicou anteriormente. Ou mesmo com as lições sobre ingredientes e modos de preparo de poções e culinária... Se o senhor Ka conseguir um local onde possamos treinar a mana branca e eu puder acompanhá-los seria uma honra para mim.

    Nergal se despede de Ka e Tirel, pega os ingredientes que havia comprado na loja de Jussara e parte para a casa do mestre Sen onde terminaria suas aulas de culinária e tentaria entender mais sobre a Filosofia Sen para tentar chegar a solução do problema proposto por Josan.
    Lalalady
    Samurai Urbano
    Lalalady
    Samurai Urbano

    Mensagens : 101
    Reputação : 0

    Dia de treino - Página 9 Empty Re: Dia de treino

    Mensagem por Lalalady em Seg Jul 15, 2019 4:36 pm

    Tirel se despede de Ricardo com a sensação de poucos avanços... "Que cara escorregadio...", pensou.

    Ka se oferece para ajudá-la em suas manipulações com o metal.

    - Claro, podemos trabalhar juntos. Eu, você, o Ricardo e aquele cara ali, ó - ela diz apontando para Lester, que parecia se assemelhar a ela na forma de trabalhar - Antes de ir, porém, me indicaria um bom coureiro para reforçar minhas botas? Tive um pequeno acidente com elas no último treino...

    Nergal se despede de Tirel. Ela o convida mais uma vez à sua tenda.

    - Passe na minha tenda amanhã, estarei trabalhando nos sais pela manhã. Assim, lhe mostro algumas armas! - disse entusiasmada.
    Christiano Keller
    Mestre Jedi
    Christiano Keller
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1487
    Reputação : 64
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Dia de treino - Página 9 Empty Re: Dia de treino

    Mensagem por Christiano Keller em Seg Jul 15, 2019 6:02 pm

    Ka,

    Num momento adequado após resolver o teste mágico com a mestre Niréia.

    Tirel: escreveu:
           --Antes de ir, porém, me indicaria um bom coureiro para reforçar minhas botas? Tive um pequeno acidente com elas no último treino...
           --Claro, tem um coureiro que fez um serviço pra mim. Se quiser coisa boa use o couro de peixe do demônio dele, mas ele também pode fazer só uma costura. Ka passa as instruções de como chegar ao coureiro que o ajudou da ultima vez.

           --Vamos ao trabalho? Ka começa a separar um espaço para começarem a trabalhar.
    Leomar
    Mestre Jedi
    Leomar
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1286
    Reputação : 23
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh26.png

    Dia de treino - Página 9 Empty Re: Dia de treino

    Mensagem por Leomar em Qui Jul 18, 2019 11:49 pm

    NADHULL

    - Mestra, sei que tem pouco tempo, mas quero lhe contar um pouco mais da visão enquanto ela está fresca em minha memória, acho que é importante compartilhar as vozes e a imagem que me instruíram, bem, tudo começou com ondas de energia passando pelo meu corpo e a fumaça do incenso faz tudo parecer um sonho

    - Sim, fale o que lembrar (...) é, você estava sob efeito da erva de Arnzug, ela costuma dar esta impressão de sonho, o que atrapalha um pouco a clareza. É preciso por isto ter moderação quando usá-la para "viajar". Muitos não têm. Algumas imprecisões poderão ser sanadas em seu tempo.


    ...como se uma caravana estivesse atravessando ao meu lado...

    - Uma caravana? Que genérico! Mas isto pode ser importante no futuro. Na minha vez eu ouvi uma música, e isto me levou a conhecer meu marido. Continue.

    (descrições da visão)

    - Mm, é bastante informação. Certamente um norte para buscas, ou um sul, vai se saber... Uma visão assim pode levar anos para se revelar totalmente. O primeiro problema é que algumas coisas podem ou não ser símbolos: um vestido verde pode representar uma maga da terra, ou apenas uma mulher que goste de vestir assim, uma bomba branca pode ser símbolo da paz, ou apenas um animal de estimação. Três chifres são ainda mais complicados, podem ser mesmo três chifres na cabeça de alguém com cabelos vermelhos, ou podem ser três montanhas com um vale de cravos vermelhos, tem muitos lugares assim em Fajr-Regno, chifres podem ser símbolos também de igrejas em escrituras sagradas, poderiam ser três igrejas...

    Quanto a Erfir-Sizo, as vozes falaram para procurá-lo ou evitá-lo?


    - É uma das coisas que queria saber se a senhora poderia me instruir.

    - Parece um título "Vampiro Pálido", mas poderia ser um nome também. Certamente se você esbarrar com alguém com este nome ou encontrar o lugar que viu, vai se lembrar e as visões farão mais sentido. Quanto aos demais conselhos, inclusive o aviso que só tu podes trilhar seu caminho, são conselhos que sempre damos para neófitos no misticismo. Fica claro que forças do outro plano lhe convidam formalmente para iniciar "a jornada". São bons sinais, nem todos têm visões tão tranquilas.

    - A jovem vai ficar aqui na sala, ou irá com você?

    - Agora estarei indo para a Nave Sacratíssima, vocês não podem me acompanhar. Mas conversem, se estiverem confortáveis para isto. Como diz o Livro de Sabedoria: "Conhecimento é a única coisa que multiplica quando divide". Irei pensar nas coisas que disse, falamos mais tarde.

    Ela despede com um beijo na testa de cada. A mulher termina suas orações, arruma um lenço sobre os cabelos. Se apresenta tímida, seu nome é Kadi Nun, ela quer treinar o Adul Tid-Fa, o "Caminho da Religião".




    KA

    -- Quando vai começar? Não tá nem fazendo cócegas a manopla a temperatura ambiente. É assim mesmo?

    - Estou tentando criar um vínculo aos poucos, tentando ver se consigo passar energia por sua coluna. Isto pode demorar, pois não conheço qual seu grau de resistência, e dependendo de como eu canalizar, você pode sentir um choque de magia, literalmente.

    Aos poucos ele vai sentindo um arrepio na coluna, das costas à nuca, onde ela estava com as mãos.

    - Consigo sentir um pouco de sua mana branca, mas está muito estática. Para canalizar magia é preciso movimentar os pontos de energia e os canais entre eles. Os pontos na coluna são os mais fortes, mas a maioria dos iniciantes, e mesmo dos iniciados, acha mais fácil movimentar a energia até os dedos das mãos. As mãos são pontos de grande precisão, tente sentir a energia fluindo da coluna até os dedos.

    Ela aumenta a energia, Ka sente pequenas ondas de frio e arrepio ao longo dos braços, mas ainda concentrados mais próximos à nuca.

    - Como no teste com água, neste deixe a energia fluir através do ar. Deixe sua pele falar com o ar em volta dela. Pode tentar deslocar pequenas massas, criando uma brisa.

    Ka se concentra na sugestão, e sente uma leve brisa em volta de seu corpo.

    - Bom, está deixando a energia fluir aos poucos. Vou soltá-lo agora, tente manter assim por um tempo, ok?

    Ela tira a mão de suas costas, depois de sua nuca, neste momento Ka treme todo, e não consegue manter a pequena brisa.

    - Apenas uma pequena parte de minha energia pode percorrer seu corpo, por isto consegue manifestar apenas potencialmente. Leva tempo para aprender sair da inércia para o fluxo.

    Parecia não haver muito a fazer por enquanto. Quando Ka vai pegar novamente as partes de sua armadura, sente um choque ao tocar no metal, e consegue até ver uma pequena faísca sair de seus dedos. Dá um pequeno grito, mais de susto que de dor.

    - Energia estática! Sua resistência mágica faz com que ele acumule do lado de fora do corpo. Da próxima vez vou tentar te ajudar transformar isto em defesa, pode ser que seja mais fácil assim.

    OFF para Ka e Tirel:
    Off: a cronologia bagunçou um pouco, Ka queria começar os testes logo, Tirel queria deixar pro outro dia, então fiz uma rolagem para cada um, indicando um teste agora e outros vocês fazem quando quiserem. Passaram no primeiro teste, mas foi de raspão, nenhum soma para subir com estes valores. Depois podem fazer mais um ou dois testes durante o dia.

    O primeiro resultado é o seguinte, Tirel imagina que os sais de berílio podem ser os mais prováveis, você testa um iodeto e ela um sulfeto, testam com alumínio derretido mesmo, pois ele tem ponto de fusão baixo (depois podem testar com zinco e estanho tb, e quando chegarem num resultado razoável podem partir para outros de maior ponto de fusão). Vocês usam amostras pequenas para não desperdiçar, os sais até dão uma pequena coloração verde ao derreter, mas quando misturam com o metal esta cor não permanece na liga. Tirel acredita que pode ser questão de dosagem, Ka pensa que pode também estar ligado a quantidade de óxidos nos sais, de qualquer forma o berílio parece ser uma aposta razoável.

    Dycleal
    Antediluviano
    Dycleal
    Antediluviano

    Mensagens : 4590
    Reputação : 106
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png

    Dia de treino - Página 9 Empty Re: Dia de treino

    Mensagem por Dycleal em Sex Jul 19, 2019 12:39 am

    Nadhull se despede da mestra e fala para a jovem: - Se não se sentir a vontade conversando com um incubo eu compreenderei, mas fiquei interessado em dividirmos algumas impressões, pois estamos tentando trilhar nossos caminhos e como a mestra falou, compartilhar nossa visão pode multiplicar resultados, você ouviu meu relato, espero e você, porque decidiu pelo difícil caminho da iluminação?
    Christiano Keller
    Mestre Jedi
    Christiano Keller
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1487
    Reputação : 64
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Dia de treino - Página 9 Empty Re: Dia de treino

    Mensagem por Christiano Keller em Sex Jul 19, 2019 11:59 am

    Ka,

    Após as instruções e teste com a Mestra Niréia, Ka agradece, confirma onde encontrar e como devem proceder. No dia seguinte entrará em contato com o mestre na ICB para organizar a sua parte e então irá informar a mestra e Nergal sobre o espaço, se conseguirá ou não é outra situação.

    Após os testes de sais com Tirel, Ka pergunta:
    -- Então, parece que fizemos os testes de hoje. Passo no seu atelier amanhã? Tenho algumas coisas para fazer na ICB e são cedo, antes do almoço é um horário para resolvermos as coisas? Talvez possa falar com sua contratante por um apoio lá no mercado negro.
    Leomar
    Mestre Jedi
    Leomar
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1286
    Reputação : 23
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh26.png

    Dia de treino - Página 9 Empty Re: Dia de treino

    Mensagem por Leomar em Ter Jul 23, 2019 12:45 am

    NERGAL

    (...)Desta maneira eu não vou poder deixar toda a armadura contigo

    - Sem problema, eu só preciso de uma escama por enquanto.

    (...)Se o senhor Ka conseguir um local onde possamos treinar a mana branca e eu puder acompanhá-los seria uma honra para mim

    - Manterei contato com o templo sempre que precisarmos treinar. Que a Luz nos acompanhe.

    Nergal volta à casa de Josan, desta vez resolve bater a porta ao invés de ir pela janela, desta vez Josan abre.

    - Quem é?

    - Sou eu, Nergal, vim para mais instruções, mestre!

    Ele ainda precisa de alguns segundos para associar o nome.

    - Ah tá, o anjo. - Josan limpa os óculos e os põe novamente, parece só então perceber as asas pretas, Nergal as abre levemente de forma instintiva. Josan se afasta da porta e Nergal entende que pode entrar, o filósofo parecia procurar algo. - Não estou achando meu nasbá, pode ver se está embaixo da cama?

    - Claro, mas o que é um nasbá?

    - É um colar de contas, com dezoito contas, doze no colar e seis maiores nas seis cordas ligadas ao colar. Cada uma destas seis representam um dos nomes do deus.

    Nergal se agacha para debaixo do móvel, o chão estava meio grudento, ele encontra um prato com restos de uvas, um violino, um papiro, uma calcinha (que espera não seja do filósofo), um cubo de madeira com entalhes e então encontra um colar de contas que deve ser ao que ele estava se referindo.

    - Espero que seja este! - (Pois se não fosse, teria que procurar na outra parte da cama, que parecia ainda mais entulhada)

    - Ah sim, eu sabia que deveria estar por ai, procurei em todos os outros lugares e não achava.

    Dia de treino - Página 9 Nasba10
    Ele põe o colar entre os dedos, depois começa passar cada conta das cordas que saem do colar pelos dedos, fazendo uma pequena pausa entre cada, provavelmente fazendo uma prece mental a cada conta. Nergal acredita que não seria educado interromper o pequeno ritual, mas pergunta:

    - Quais são estes seis nomes?

    Sem perder o ar meditativo, Josan responde:

    - Justo, Poderoso, Glorioso, Misericordioso, Amável, Conservador. Seis, em Traarnak é representado por um hexágono, o símbolo de algo completo. Seis representa muita coisa no misticismo, e embora Tamuz possa ser conhecido por dezenas de outros nomes, estes seis são considerados os mais importantes. Lembrando cada um deles, lembramos dezenas de ensinos ligados a cada um. Há várias formas de rezar o nasbá: doze, vinte quatro, seis vezes doze, três mais três mais um... mas às vezes basta seis. (ele passa a sexta bola pelos dedos, tendo escolhido esta forma mais simples) Então, o que deseja?




    TIREL

    (...)tem um coureiro que fez um serviço pra mim. Se quiser coisa boa use o couro de peixe do demônio dele(...)

    Apesar do nome, o peixe-demônio não era uma besta demoníaca, mas era feio demais, por isto o nome. É conhecido por nadar em águas rasas e pantanosas, podendo rastejar fora da água por muito tempo, conhecido também por comer quase qualquer coisa, tanto que alguns homens que vivem em regiões pantanosas os usam como lixeira viva, dando-lhes sobras de comida e até de roupas velhas. Por fim seu couro também é conhecido por ser EXTREMAMENTE resistente, só que também é muito rígido, usado principalmente para cinto, pois outras peças são bem desconfortáveis. Algo feito de couro de peixe-demônio pode passar de pai para filho, para neto.

    Ka sugere na inocência, mas não deve ter pensado que uma bota feita com couro de peixe-demônio, embora resistente, deveria ser dura como pau e Tirel provavelmente não aguentaria calçar algo assim por mais de dois dias. Talvez para Ka não fosse problema, já que deveria estar acostumado com a dureza de armaduras. Seja como for, ela anota o endereço do coureiro, se fosse bom mesmo, ele certamente não trabalharia só com peixe-demônio.

    - Passe na minha tenda amanhã, estarei trabalhando nos sais pela manhã. Assim, lhe mostro algumas armas!

    off: Fiz um primeiro teste para cada um de vocês, pois o Christiano propôs começar na hora, fiquei na dúvida se era com Tirel ou Ricardo, seja como for, fica como se pouco antes de sair fosse te proposto um teste básico, o resultado é que, como você suspeitava de que o sal ideal era algo com berílio, isto parece se confirmar, os sais de berílio derretem adquirindo tons levemente esverdeados, mas neste teste preliminar a cor não passa para o alumínio. Tirel acredita que pode ser questão de achar a dosagem certa, Ka sugere que pode ter efeito do grau de oxidação também. Ainda terão que testar vários sais e ligas, mas pelo menos parece estar no caminho certo. Os outros testes podem ser feitos no dia seguinte de manhã, como propôs, ou a qualquer outro momento.

    Tirel conseguira pouco progresso nesta manhã, mas a quantidade de informações foi razoável, sendo assim resolve que é hora de ir. Voltaria à forja quando fosse conveniente.

    Ao se aproximar de sua tenda, ela escuta a voz de Miela aos gritos com Tirion.

    "Estava demorando..." - Pensa Tirel

    - Não tente me fazer de boba! Está me escondendo alguma coisa, eu sei! Estava com outra fêmea!

    - Pelos deuses! Miela, eu lá tenho tempo de sair com outra? Estou trabalhando aqui a manhã toda, nem tive tempo de ir ao centro, até porque não posso sair muito quando Tirel não está, quem ficaria aqui vigiando as coisas e atendendo clientes?

    - Seu mentiroso discarado. E por acaso alguma "cliente" deixou uma calcinha azul que achei na sua caixa de ferramentas?

    - Haann?? Deve ser da Tirel! Esta tenda é dela também!

    - Não acredito que vai usar sua irmã como desculpa! - Até o momento nenhum tinha percebido Tirel se aproximar, já que Miela falava aos gritos, podia ser ouvida a certa distância - Ela por acaso está ficando rica para comprar algo tão caro? Não é fácil achar tinta azul para usar em roupas íntimas!

    - Eu vou lá saber o que ela usa? Eu não fico fuçando nas coisas dela. Você é louca!

    - Estava na SUA caixa seu cretino! - Ela discutia e dava alguns tapas em Tirion, as crises de ciúme de Miela poderiam demorar um bom tempo. Às vezes ela saia com raiva, dizendo que nunca mais iria voltar a ver Tirion, mas claro que sempre voltava.
    Kether
    Garou de Posto Cinco
    Kether
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2291
    Reputação : 91
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1312.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh26.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh34.png

    Dia de treino - Página 9 Empty Re: Dia de treino

    Mensagem por Kether em Ter Jul 23, 2019 8:44 am

    Nergal se surpreende com a pergunta de Josan, uma vez que ele já havia dito que voltara para continuar os ensinamentos. Mas com Josan, ele havia aprendido que, tudo deveria ser muito bem especificado.

    - Mestre vim concluir minhas aulas de culinária, afinal já me ensinou as entradas, pratos principais mas nada de sobremesas. E os doces são uma alegria aguardada para concluir a experiência da refeição. Pensando desta forma mestre Josan, o doce é uma fonte de energia branca ou vermelha? Afinal ele trás a felicidade e a euforia... E hoje pode ser meu último dia como seu aprendiz. - as últimas palavras de Nergal saíram mais baixas que o restante.

    O anjo negro ainda estava com o desafio do Mestre Sen martelando em sua cabeça "Quanto são um mais um?", naquele primeiro encontro entre eles Nergal respondeu 2. Mas apesar de ser uma resposta, matemática, não era a resposta para o enigma de Josan. Desde aquele início de ensinamentos, Josan alimentara a mente de Nergal, seja nas aulas de culinária onde ele sempre fazia uma analogia as teorias mágicas, ou a alquimia ou simplesmente com as práticas do dia a dia.

    Uma coisa era certa, Josan fez com que Nergal procurasse outras formas de ver, não de entender o que acontece ao seu redor...

    "Por que um mais ou não é dois?" A pergunta retornava como uma martelada na cabeça de Nergal.

    Na verdade um mais um são dois... Isto pela matemática. Mas se formos pensar por outro lado, pelo motivo que me fez procurar a Filosofia Sen, um mais um pode ser um. Nergal enfim parece ter encontrado uma linha de raciocínio então ele comenta.

    - Mestre Josan, um dos motivos que me fizeram procurar a Filosofia Sen foi por acreditarem nos caminhos criados pela união de outros caminhos. Mas estar aqui estudando com o senhor me levou a aprender que para cada desafio devemos utilizar as ferramentas corretas para superá-lo. Se eu desejo curar uma pessoa, devo aprender a manusear as ferramentas de um médico e como funciona o corpo da criatura que eu desejo curar, se eu desejo cozinhar eu tenho de saber o que eu quero proporcionar e quais as propriedades dos ingredientes que irei usar para chegar ao que desejo. Na pergunta que o senhor me fez "quanto são um mais um?".

    Nergal observa o mestre, e continua.

    - Eu havia respondido dois. Utilizando da ferramenta da matemática para responder, sem nem ao menos ponderar o que o senhor desejava saber. Pelo olhar da matemática está correto, mas se for uma visão mais ampla mais filosófica. Um mais um pode ser a união de dois elementos que irão gerar um outro que pode ser a soma dos primeiros ou o conjunto das partes deles... Como uma criança que nasce da união dos pais ou uma cor secundária que nasce da combinação de cores primárias. Ou um caminho secundário que nasce de manas primários como o magma que seria terra com fogo.

    Nergal desvia o olhar de Josan, uma vez que ele estava com medo de ter decepcionado o mestre com a sua visão sobre o problema proposto. Os segundos que se passam assim que Nergal para de falar o deixam ainda mais nervoso. Então ele pergunta, deixando nítido que ele gostaria de uma observação sobre o que ele havia falado.

    - Bem acho que... Er... podemos cozinhar mestre?
    Leomar
    Mestre Jedi
    Leomar
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1286
    Reputação : 23
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh26.png

    Dia de treino - Página 9 Empty Re: Dia de treino

    Mensagem por Leomar em Ter Jul 23, 2019 5:58 pm

    NADHULL

    Kadi Nun se mostrava um tanto tímida, falava baixo, desviava o olhar de tempos em tempos.

    - Sou uma mulher de Jod. (A pronúncia é iód, numa sílaba apenas, Nadhull sabe apenas que Jod é uma cidade do norte de Fajr-Regno, nem das maiores, nem das menores, conhecida por ter mais humanos de pele escura. Há quem chame qualquer humano negro de jodano, mas isto é cultural e em parte preconceito). A religião sempre foi importante na minha região, como estímulo e conforto, pois as dificuldades são muitas. Meu chamado porém foi por um milagre que vivi.

    Quando tinha oito anos, os muros de Jod ainda não eram muito fortes. Fomos enfraquecidos lutando contra Gaja; resistimos ao cerco deles por dias, mas logo depois que eles nos deixaram, sofremos ataque de akil*.

    *Akil é uma raça de diabos, são ferozes e pouco inteligentes, possuem pouca afinidade com magia. Sua aparência é basicamente de um lobisomem com asas e pelos longos que parecem jubas ou crinas. Não se dão bem nem mesmo com outros demônios, mas vez ou outra alguns são usados por íncubos ou súcubos em seus pequenos exércitos como "cães de caça" devido sua agressividade e força.

    - Não tínhamos chance, e seria um massacre se não fugíssemos. Oramos aos anjos de Anĝelina, mas eles não apareceram. Começamos correr em retirada, enquanto eles ainda não tinham derrubado os muros. Um semeador* nos instruiu manter a fé nos deuses, mesmo que sua ajuda não viesse como esperávamos.

    *Semeador no caso é como são chamados alguns sacerdotes locais no leste (Fajr-Regno e Ajros), seriam correspondentes a padres ou pastores. Como as atividades de plantio são vistas em algumas áreas como mais essenciais que atividades de pastoreio, alguns templos preferem o termo semeador que pastor.

    - Não tínhamos tanta fé, mas também não tínhamos opção. Parecia que ninguém viria nos ajudar, corremos três dias com os demônios às nossas costas. Apesar de nenhum herói aparecer, os demônios pareciam estar sempre atrasando, o que não é comum com akil, o vento corria deles para nós, ocultando nosso cheiro; Quando levantaram voo, começou chover, algo raro em Jod; Como não nos alcançaram, eles tinham que caçar, enquanto isto o semeador parecia esbarrar em muitas com frutas o tempo todo. Comemos também vários crisântemos, o gosto não é dos melhores, mas naqueles dias as flores pareciam até aceitáveis. Com ajuda de alguns magos, conseguimos fazer as flores e frutas dar para todos.

    Pedimos ajuda de anjos, mas recebemos aranhas. Elas teciam teias às nossas costas, e emboras os akil estivessem próximos, eles pareciam procurar caminhos que estavam sem teias. Não entendo porque, já que aquelas teias finas não ofereciam qualquer obstáculos a eles. Talvez eles tenham pensado algo tipo "ninguém passou por aqui a muito tempo, pois os humanos não desviariam das teias de aranha", bom, talvez tenham pensado algo assim, mas nunca entendi.

    Mais o maior milagre foi quanto tivemos que passar por um lugar estreito. Estávamos num morro, e o único caminho era para baixo, os akil tinham se adiantado e esperavam num estreito. Havia um caminho pela esquerda, outro pela direita, mas não teria como não passar por eles. Nesta hora o semeador disse:


    - Eu irei pela esquerda, mas todos vocês devem ir pela direita. Se forem vistos, eu chamarei atenção deles para mim, para longe dos demais. Qualquer um que também for visto, deve correr para esquerda. Cada um deve andar devagar, sem gritar, sem chorar, sem correr. Mas antes de atravessar, cada um deve perdoar alguém, com sinceridade. Eu serei o primeiro, e perdoo Sarlo pelo que me roubou.

    - Bem, Sarlo era um escravo dele, que tinha se tornado escravo justamente porque foi pego roubando, mas isto não interessa agora. Acontece que o semeador foi pela esquerda, ainda mais perto dos akil que o outro caminho, ele ficou a menos de quinze, talvez a menos de dez metros deles, eu era pequena e não tinha noção de distância, mas uma coisa era importante: Eles pareciam não enxergar o semeador, mesmo tendo o campo visual totalmente limpo.

    Fomos andando, um a um, e passamos pertíssimo deles, eles olhavam em nossa direção, rosnavam, andavam quase tão perto que dava impressão que poderíamos tocá-los com dois passos, farejavam, mesmo assim pareciam não nos ver.

    Uns vinte de nós passaram assim, até que um dos nossos foi atacado. Outro que ia logo atrás correu para esquerda, neste momento ele e o semeador correram, chamando atenção, e foram mortos. Outros continuavam passando pelo caminho da direita, tremendo de medo, mas em silêncio. Alguns foram vistos e mortos, mesmo assim a maioria continuava passando. Minha mãe me implorava baixinho para eu não chorar.

    Alguns acreditavam que os que foram pegos eram porque não tinham perdoado com sinceridade, embora alguns no desespero tenham corrido gritando pela esquerda, para se sacrificar em nome de outros que passavam pelo outro caminho. Na minha vez eu perdoei uma amiguinha que tinha brigado comigo por alguma bobagem de criança. Mesmo não sendo nada importante, meu perdão funcionou, pois também passei, olhando aqueles diabos de dentes horríveis bem perto de mim, e embora eu visse um olhando direto na minha direção, eu passei, e eles não me atacaram.

    Perdemos cerca de vinte pessoas, mas mais de quatrocentas conseguiram escapar da cidade. Este foi o milagre que me despertou para a fé, que me fez querer ser religiosa. Estudei muito desde então, mas ainda que tenha planejado ser uma monja ou semeadora, algo parecia incompleto. Então resolvi que só o caminho do Adul Tid-Fa é o ideal para mim.
    Dycleal
    Antediluviano
    Dycleal
    Antediluviano

    Mensagens : 4590
    Reputação : 106
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png

    Dia de treino - Página 9 Empty Re: Dia de treino

    Mensagem por Dycleal em Ter Jul 23, 2019 6:38 pm

    O Incubo se sensibiliza pela história, na verdade, ele se identifica, pois o que aconteceu na sua vida com os raios o atingindo e a libertação que lhe ocorre, tanto física quanto espiritual e emocional, foi um verdadeiro milagre e com a voz embargada pela emoção ele diz para a jovem: - Eu te compreendo mais do que você imagina, eu mesmo estar no templo cuidando da minha vida espiritual, em si, já é um milagre vivo, mas que caminho é este, Adul Tid-Fa? E existem outros? Me instrua na minha ignorância, por favor.
    Leomar
    Mestre Jedi
    Leomar
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1286
    Reputação : 23
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh26.png

    Dia de treino - Página 9 Empty Re: Dia de treino

    Mensagem por Leomar em Dom Jul 28, 2019 2:17 pm

    KA

    Ka ajuda Tirel num teste rápido para o corante metálico que ela queria, ela diz ter conseguido uma dica de que os sias necessários seriam de berílio, e de fato conseguem uma leve coloração esverdeada, mas ainda longe de ser a ideal. Logo após os demais seguem seus destinos, combinando de se reencontrar em momentos propícios.

    Ka acompanha Ricardo estudando a escama de metal, começa fazendo medições.

    - Colocar só base por altura não chegará num volume exato, temos que considerar a curvatura também.

    - Eu sei, mas como vai conseguir calcular esta curvatura com precisão, gênio? - Ironiza Ricardo.

    De fato era muita matemática para algo tão pequeno, e Ka não sabia uma aproximação melhor do que Ricardo faria, os dois começam fazer contas com o máximo de aproximação que conseguem.

    Off: vou jogar psicologia aqui, pq quero ver se vocês conseguem tirar algo mais dos PdMs.
    Deu 8 e 3, bate no Q.I. mas não é bastante pra ativar psicologia ainda.

    A liga era bem homogênea, e ambos apostam que seria algo de três ou no máximo quatro elementos, um ou dois não-metálicos. Testes com ácido e sal apontam uma possibilidade grande da base metálica ser alumínio. Se não fosse, teria de ser algum outro metal leve, como estanho. Haviam poucos metais exóticos, como o gálio, que tinham densidade entre alumínio e estanho, e trabalhar com eles era difícil.

    Para a parte não-metálica eles apostam primeiro em carvão, pois trabalhar ferro com carvão é o que gera aço, mas ainda não era uma certeza, havia 70% de chance. Ka já trabalhou com carvão mágico algumas vezes, era mais difícil obter fontes confiáveis em Dafodil, mas dependendo de como se era trabalhado, ele realmente fazia diferença na qualidade das ligas.

    A liga respondia à magnetita, portanto não era isenta de ferro (ou em segunda opção, níquel e cobalto, mas se fosse cobalto isto prejudicaria magos, então é quase certo que não é cobalto) só que a atração era pequena, portanto não era uma base férrea (nem aço).

    Ricardo pensa em possibilidades exóticas, tais como ferro-fantasma, kório, etc. Ka imagina que o segredo pode ser a parte não-metálica. Como a amostra era pequena, todos os testes teriam de ser cuidadosos. Ricardo comenta que terão de derreter a escama, mas ambos chegam ao consenso que é melhor derreter depois de testes preliminares. Nenhum está acostumado a trabalhar com materiais mágicos (fora o carvão mágico e sais alquímicos básicos, comuns no cenário) e mais cedo ou mais tarde vão ter que arrumar alguém que possa ajudá-los.

    Ka resolve dar uma busca no comércio, precisa tanto de material tradicional para continuar os testes, como de ver se encontra algo diferente que possa mecher com sua imaginação.

    "Tenho muito a fazer, mas dentro da forja não conseguirei fazer muito por enquanto."

    NADHULL

    off: vou rolar psicologia só pra ver se consigo tirar algo a mais.
    Deu 8 e 5, nada pra você também

    - O Adul Tid-Fa é o "Caminho da Fé ou da Religião", foi o que escolhi para mim, mas está longe de ser o único.

    Os Aduls, ou "Caminhos Verdadeiros", "Caminhos Profundos", ou como queira chamá-los são estudos aprofundados sobre um tema. Mais do que estudos, eu diria que são... que é um "modo de vida" diferente voltado ao estudo. Magda me explicou que o importante é um compromisso que assumimos com nós mesmos, então é tipo isto, não sei se é fácil explicar, mas como ela disse, é quando cansamos de comida rala e procuramos alimentos mais nutritivos.

    Embora os maiores entendidos dos Aduls sejam os filósofos Sen, muitas escolas ensinam diferentes caminhos. É preciso vocação para a maioria, e podem ser muitos, como por exemplo:

    Adulas-An o Caminho da Vida
    Adul-Nefesh o Caminho da Morte
    Adul Genáh o Caminho do Sexo
    Adulas-Gem o Caminho da Magia
    Adul Konym o Caminho da Matéria

    Aí tem Caminho da Luz, Caminho das Trevas, que podem ou não ser semelhante com Adulas-An e Adul Nefesh, pode-se dividir Adulas-Gem em caminho da magia branca, vermelha, azul, etc. Pode-se ter alguns caminhos das artes, muita coisa depende de quem ensina, de quem aprende...


    Kadi arruma os cabelos no véu.

    - Não sei explicar mais do que isto, ainda estou aprendendo. Mas sei que há muita coisa a ser descoberta.
    Dycleal
    Antediluviano
    Dycleal
    Antediluviano

    Mensagens : 4590
    Reputação : 106
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png

    Dia de treino - Página 9 Empty Re: Dia de treino

    Mensagem por Dycleal em Dom Jul 28, 2019 2:42 pm

    Nadhull ouve atentamente a fala da aluna dedicada e fica maravilhado com a quantidade de conhecimento que tinha pela frente e fala: - Você abriu muito horizontes para mim, estou maravilhado com a quantidade de conhecimento que me esperar para explorar e aprender, vou tirar o resto do dia para meditar sobre tudo isso e quando a mestra chegar, tirarei as minhas dúvidas...
    Conteúdo patrocinado


    Dia de treino - Página 9 Empty Re: Dia de treino

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Qui Set 19, 2019 10:07 pm