Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    Uma Antessala Vermelha - Ezra

    Lnrd
    Tecnocrata
    Lnrd
    Tecnocrata

    Mensagens : 385
    Reputação : 22

    Uma Antessala Vermelha - Ezra - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Ezra

    Mensagem por Lnrd em Ter Abr 16, 2019 10:38 am

    Kadir deixou escapar um curto riso, cujo motivo não era tão claro. A elegância exótica que emanava parecia ainda mais surreal naquele ambiente cujo verde dos musgos parecia etéreo banhado de orvalho. Naquela parte da cidade, as estrelas brilhavam ligeiramente mais fortes e selvagens.
    - Você o carrega neste momento. És o herdeiro legítimo. Seu avô o designou.

    Seguia caminhando, um lento rio deslizando por entre curvas sinuosas. Eram águas misteriosas, daquelas que teme-se supersticiosamente por terem a potência de esconder criaturas das profundezas, mas que correm gentis a quem nelas se arrisca – ou por bravura, ou por ignorância.
    - Escrever livros e por sonhos em palavras, por isso elas têm bastante poder. Diga-me quais são os seus, se conseguir traduzi-los em verbos, substantivos etc. Os jardins serão testemunhas... .

    Uma Antessala Vermelha - Ezra - Página 3 Saede10
    Uma Antessala Vermelha - Ezra - Página 3 Sds10
    gaijin386
    Sacerdote de Cthulhu
    gaijin386
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2518
    Reputação : 3

    Uma Antessala Vermelha - Ezra - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Ezra

    Mensagem por gaijin386 em Qua Abr 17, 2019 4:11 pm

    - Nunca diria que sou um criador eu decifro o que foi esquecido já que me ocupo de traduções de antigas escrituras, mas ao fim disso talvez eu ponha tudo em um livro, mas com certeza o literato não era eu, mas bem aqui estamos eu a caixa e você e bem não sendo desrespeitoso eu gostaria de acertar as coisas aqui para que possamos seguir em frente, pois não gostaria de deixar nenhum negócio inacabado. Ele me designou? Para que? Estava sendo cortês, mas realmente não estava gostando muito de estar ali a uma hora dessas e bem tudo ainda estava nebuloso, mas será a caixa apenas um ardil?
    Lnrd
    Tecnocrata
    Lnrd
    Tecnocrata

    Mensagens : 385
    Reputação : 22

    Uma Antessala Vermelha - Ezra - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Ezra

    Mensagem por Lnrd em Qui Abr 18, 2019 10:59 am

    O homem deteve o passo ritmado, virando-se na direção do jovem que o acompanhava. Tinha uma expressão algo consternada, lembrando o anfitrião envergonhado que falha em entreter o convidado ou o adulto guardião que vê sofrer a criança.
    - Meu falatório o incomoda? Perdão, meu senhor – Fez uma mesura simples, flexionando levemente o corpo – É o mal de quem crê ter muito a dizer – Voltara a sorrir com aquela última pontuação.

    Baixando os olhos límpidos para a caixa, aparente gatilho de toda aquela situação, aproximou-se alguns passos de Ezra e suspirou.
    - Bem... se tiver a gentileza de abrir a caixa... Apenas para conferirmos. Qualquer charlatão poderia tentar enganá-lo abrindo a encomenda sem testemunhas, dizendo que veio quebrada etc.
    gaijin386
    Sacerdote de Cthulhu
    gaijin386
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2518
    Reputação : 3

    Uma Antessala Vermelha - Ezra - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Ezra

    Mensagem por gaijin386 em Qui Abr 18, 2019 1:24 pm

    Ezra não respondeu, mas então colocou a caixa no chão e a abriu. O pensamento se passa na cabeça de Ezra espero que o que quer que seja esteja ai...
    Lnrd
    Tecnocrata
    Lnrd
    Tecnocrata

    Mensagens : 385
    Reputação : 22

    Uma Antessala Vermelha - Ezra - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Ezra

    Mensagem por Lnrd em Sex Abr 19, 2019 11:38 am

    Estava longe se ser um cofre hermeticamente selado, abrindo-se a eles apenas com o esforço típico necessário a um tampão de madeira. Não havia iluminação artificial ligada ao longo do estranho jardim, mas a claridade da lua era suficiente para guiar a investida que finalizaria aquela negociação.
    No início, era possível apenas discernir o material de invólucro, um preenchimento que tomava a caixa quase por completo, no intuito de que o conteúdo não quebrasse com algum impacto inesperado.

    Perdido no interior dele, um livro.

    Uma olhada mais atenta, entretanto, era suficiente para corrigir o engano e colocar as coisas num lugar bastante inusitado. Não, não era um livro. Era um álbum de fotografias – algo que, por mais que raro nos dias de hoje, era impossível de ser considerado uma antiguidade propriamente dita.
    De fato, estava bastante bem conservado.
    Era um objeto sóbrio, de capa preta, com o nome “Mendell” inscrito na capa. Dentro, inacreditavelmente, fotos e mais fotos de Levi ao lado de um infante Ezra.

    As imagens mais antigas mostravam-no mesmo enquanto bebê ao lado do avô. Mas à medida que as páginas seguiam e a qualidade da reprodução tornava-se mais acurada, acompanhavam mais o rapaz adolescente e menos o velho. No fim, alguns registros dele já adulto. Algumas não só não podiam ser reconhecidas, mas pareciam capturadas à distância, como se tiradas secretamente por algum tipo de detetive.
    - Livros... palavras, imagens... sempre os livros – Kadir parecia absorto nos próprios pensamentos.
    gaijin386
    Sacerdote de Cthulhu
    gaijin386
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2518
    Reputação : 3

    Uma Antessala Vermelha - Ezra - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Ezra

    Mensagem por gaijin386 em Sex Abr 19, 2019 3:02 pm

    Ezra olha atônito para o livro e seu conteúdo e recua assustado alguns passos e olha para Kadir a primeira vista parecia que um abismo havia se formado e ele havia sido tragado por ele ... Queria gritar e protestar, mas da garganta apenas um balbuciar se pode constatar...

    - O que ... O que é isto? Por que? O jovem Mendell assustado conseguiu enfim questionar já que aquele livro continha não apenas o avô, mas sim a ele mesmo em todas as etapas de vida até o atual momento e enfim pensou o que ele poderia querer ao acompanhar sua vida não era o que digamos chamar de interessante um tradutor amante de história albino com uma grande casa com grande necessidade de reparos e um bolso que mal conseguia sustenta-lo. Olhou para o caminho da porta e o mesmo pareceu começar a ficar deveras atraente...
    Lnrd
    Tecnocrata
    Lnrd
    Tecnocrata

    Mensagens : 385
    Reputação : 22

    Uma Antessala Vermelha - Ezra - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Ezra

    Mensagem por Lnrd em Dom Abr 21, 2019 11:54 pm

    Kadir acompanhou a reação do rapaz, não demonstrando estar particularmente assustado com ela. Era de se esperar, afinal, que alguém diante de um material daqueles entrasse num verdadeiro surto: o bilhete habilmente escrito numa língua estranha que ele particularmente conhecia; a visita inesperada ao endereço dele; o bilhete no vidro do carro no porto; aquelas fotos. Era óbvio que Kadir, 37 ou o que quer que estivesse por trás daquilo tinha muita informação sobre Ezra. Mas quanto?

    Os olhos do jovem o haviam traído, ao que a figura misteriosa logo se interpôs:
    - Fugir? Agora? E não saber nem a resposta desse quebra-cabeças, nem o papel de seu avô nele? – Não havia no corpo do homem menção de tentar impedi-lo. Levando em consideração o guarda na construção e o motorista no carro, entretanto, aquilo poderia ser apenas um blefe. Talvez pudessem tentar alguma coisa caso ele corresse.

    Sem ter uma resposta, como alguém que entra num monólogo e coloca-se a falar independente da plateia, iniciou um discurso enigmático.
    - Tudo gira ao redor de uma única questão, caro Ezra Mendell. É preciso saber ler o conto sendo escrito nas páginas dessa cidade. É uma história antiga, um romance que começou antes de você nascer e, dependendo das suas escolhas, pode prosseguir depois de... bem, pode prosseguir. Este momento é apenas o seu prelúdio. Como pretende levar em frente este capítulo, dando prosseguimento à parte do conto antes sob responsabilidade de Levi?

    Tudo indicava que aquela pessoa tinha a irritante dificuldade de ser direta no próprio discurso, como se não tivesse pressa alguma na vida.
    gaijin386
    Sacerdote de Cthulhu
    gaijin386
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2518
    Reputação : 3

    Uma Antessala Vermelha - Ezra - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Ezra

    Mensagem por gaijin386 em Seg Abr 22, 2019 1:45 am

    Ezra sentiu a tentação de sair correndo ou a de apalpar a arma em seu sobretudo, mas outro sentimento começara a deixa-lo inquieto era a curiosidade ... A curiosidade do acadêmico ... Daquele que não gosta de uma pergunta sem resposta, mesmo que a verdade revelada seja ruim ou cruel ele precisava ter uma noção, ou seja, precisava saber mais do que a família tinha feito ao aceitar o vinculo com Kadir ou 37.

    OOC:
    Spoiler:
    Ele parece sincero? Ou está tentando me enrolar?

    - Eu precisaria saber para julgar ... Não posso simplesmente opinar sob meias verdades .... O que eu preciso saber? O que minha família fez trabalhando para os seus familiares? Enfim ele diz.
    Lnrd
    Tecnocrata
    Lnrd
    Tecnocrata

    Mensagens : 385
    Reputação : 22

    Uma Antessala Vermelha - Ezra - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Ezra

    Mensagem por Lnrd em Ter Abr 23, 2019 9:14 pm

    Era difícil a Ezra discernir as reais intenções daquele que alegava ser o cliente 37. Fatos, entretanto, eram sempre sujeitos à interpretação, de modo que mesmo verdades sempre escondiam diferentes agendas. O certo era algo variável de pessoa para pessoa... .

    Ao ouvir o interesse do rapaz, um lampejo de um sorriso corta o rosto de traços fortes e angulares de Kadir. Talvez o compreendesse, vendo nele um jovem espelho de si, menos turvo e arranhado, alguém disposto a um salto de fé no abismo do perigo para compreender aquilo que os comuns jamais ousariam encarar.
    Ergueu os olhos para a escuridão cintilante acima e voltou a falar.
    - Deve estar a par de que seu avô era um homem cujo eruditísmo ultrapassava o terreno das ciências corriqueiras, do banal e do ordinário, abarcando antigas formas de sabedoria “alternativa”, “metafísica”. O interesse dele por antiguidades de velhos mundos estava para além do vil comércio, da mera busca por dinheiro, sendo alguém cuja vida fora dedicada à busca do conhecimento.

    Um vento noturno sacudiu a folhagem daquele parque citadino, provocando uma onda no verde quase negro das árvores e arbustos àquela luz escassa, acompanhada por um suave chacoalhar de folhas nos galhos.
    - Se nunca se deu conta disso... tente puxar da memória se alguma vez não o viu estudando algum exótico livro de alquimia antiga, algum excêntrico papiro egípcio, algum documento polêmico versando sobre “ciências ocultas”. Curiosidades e mimos caros para gente que não tem mais em onde investir, mas... Ah, apostaria que não estou fazendo nenhuma grande revelação... – de fato, o homem já tinha dado provas contundentes de ter acesso a um dossiê sobre Ezra. Deduzir os interesses dele não era tarefa tão difícil a quem investigasse a fundo. Ainda mais se, de alguma forma, tivesse o consentimento de Levi para tanto – Obviamente, sendo eu um comprador costumeiro dele, ele também sabia dos meus gostos “pouco ortodoxos” por materiais antigos... .

    Era difícil dizer, mas a figura parecia ter se inclinado mais na direção do jovem, como se pronto a confessar algo certo pudor preferiria que não se espalhasse com a brisa.
    - O velho Mendell certa vez me surpreendeu oferecendo, obviamente pelo preço certo, determinada edição de um livro sobre a antiga Ordem de Hermes. Claro, há muitas histórias sobre ela, mas poucas fontes são suficientemente confiáveis... . Tal nome desperta algum sino na sua mente?
    gaijin386
    Sacerdote de Cthulhu
    gaijin386
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2518
    Reputação : 3

    Uma Antessala Vermelha - Ezra - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Ezra

    Mensagem por gaijin386 em Qua Abr 24, 2019 12:05 am

    Ezra parecia ficar contente que a conversa tenha tomado rumos que a ela ao menos eram interessantes é claro que lembrava do mutuo interesse do avô pelas ditas ciências ocultas de antigos papiros egípcios a tábuas babilônicas indo idade média passando por Paracelsus ... A Ordem de Hermes realmente não era lhe era um termo estranho... E novamente ele se recordou da ampla biblioteca de Levi Mendell e seu amor pelos livros e com o o mesmo esmiuçava assuntos com grande voracidade e parecia um entusiasmar-se quando o assunto era o oculto.

    - A Ordem de Hermes? Você quer saber sobre eles? Interessante ... Como era mesmo ... Os lábios da sabedoria estão fechados, exceto aos ouvidos do entendimento sim o Kybalion ou as ideias de Hermes Trismegisto. A priori o Livro dos Mortos também lhe é atribuído e a uma correlação com o malfadado Necronomicon.

    OOC:
    Spoiler:
    Bem eu devo jogar o teste de Ocultismo pra saber a noção do quanto sei para o dialogo?

    - Agora o que você diz realmente faz sentido eu creio que Levi tenha dito uma coisa ou outra sobre o assunto em nossas conversas e bem deixe-me recordar em suas exatas palavras... Diz Ezra tentando lembrar o que podia sobre o assunto.
    Lnrd
    Tecnocrata
    Lnrd
    Tecnocrata

    Mensagens : 385
    Reputação : 22

    Uma Antessala Vermelha - Ezra - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Ezra

    Mensagem por Lnrd em Qui Abr 25, 2019 1:55 pm

    A história da antiga Ordem de Hermes, assim como do patrono dela, o famoso Três-Vezes-Grande Hermes, era algo de conhecimento geral, domínio público: e de tal maneira, era um apanhado de clichês e absurdos, com o pouco de válido soterrado sob pilhas de besteiras e equívocos – inclusive coisas que deveriam ser creditadas a outras organizações sendo creditadas àquele nome e vice-versa.

    Teorias conspiratórias ou versões de entusiastas eram as mais variadas, com maiores ou menores graus de aproximação da realidade. Não era incomum mesmo algum livro detetivesco, filme de mistério ou coisa do tipo fazer menção a tal sociedade “secreta”. “Uma cortina orquestrada pelos próprios membros”, poderia ser sugerido, um plano de ocultação que, ao invés de negar, prefere embaralhar os dados.

    Era pois um verdadeiro mito, não necessariamente no senso de uma “mentira”, mas no de algo que paira sobre o imaginário de muita gente, mas que apresenta-se de forma diferente para cada qual. Basicamente, ninguém saberia distinguir o factual do meramente ficcional e sem sentido. Mesmo pessoas especializadas e estudiosas do assunto não tinham um acordo sobre a natureza da questão, uma palavra final, cada lado clamando a própria interpretação como a definitiva.

    De toda a maneira, Kadir volta a sorrir quando aquele rapaz confirma não ser um ignorante sobre o assunto, citando nomes e passagens, inclusive dispondo-se a ajuda-lo, caso fosse esse o ponto.
    - Ah, não, não. Faz uma oferta generosa, mas não estou aqui para conseguir de você informações sobre a Ordem. Tenho, digamos, minhas próprias fontes... e creio que meu acesso seja um tanto quanto “privilegiado”, “exclusivo”... talvez você se interessasse em ter o mesmo acesso. Garanto que não o encontrará facilmente por aí... – era estranho, mas os olhos do 37 pareciam mais luminosos e vivazes, quase como se brilhassem com uma luz própria.

    Naquele momento curioso, uma lembrança solta, daquelas que racionalmente descarta-se como inútil, mas que a intuição insiste em manter por perto, retorna à mente de Ezra.

    Quando mais novo, deparara-se com um livro entre as coisas do avô. A capa chamara a atenção por indicações estranhas, símbolos que ele reconhecera como pertencendo justamente àquele círculo místico-filosófico. O que marcara não fora o tomo em si, mas a reação de Levi: ele parecera estranhamente irritado, incomodado ao pegar o neto próximo daquele volume, algo pouco condizente com a personalidade dele – tanto quanto a contradição daquele revolver que encontrara no cofre.
    - Este não – interditara, sem maiores explicações.

    No fim daquele mesmo dia, Ezra teve a impressão de sentir um odor diferente na fumaça que vinha da lareira do escritório. De fato, nunca mais vira aquele livro... .

    Teria sido um truque do subconsciente sugerir relação entre aquelas coisas, as de antes e as de agora? De fato, era difícil admitir que aquele homem tivesse deliberadamente destruído tal volume, sendo melhor jogar tal questão para o esquecimento. Era o tipo de pecado que o filho recusa a admitir no pai.
    - Como eu dizia – voltara o “37” a falar, na postura sedutora de alguém que vende uma ideia – todo esse estratagema é para fazer a você uma oferta que antes foi feita ao seu avô, mas que ele teve de recusar por conta das próprias responsabilidades... .

    "Notas sobre a Casa Tremere da Ordem de Hermes", lembrara-se, de súbito, do título daquele livro. Por algum motivo, não tinha até então se dado conta daquilo, nunca tendo procurado novamente por tal referência. Era estranho que esse detalhe só tivesse voltado à tona naquela situação insólita.
    gaijin386
    Sacerdote de Cthulhu
    gaijin386
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2518
    Reputação : 3

    Uma Antessala Vermelha - Ezra - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Ezra

    Mensagem por gaijin386 em Sab Abr 27, 2019 5:38 pm

    “Espero ter me tornado imortal através do meu legado – você.
    Tentado pelos filhos de Antiapóstolos, você terá também de fazer escolhas.
    Espero que as faça sabiamente.”

    Estas palavras vinha a mente de Ezra neste momento a ultima mensagem escrita de Levi a seu neto e eles a considerava importantes, mas eram cercadas de mistério e além disso o cartão postal com o quadro de Pietro Novelli no qual irmão ataca irmão Cain e Abel... "Notas sobre a Casa Tremere da Ordem de Hermes" o livro que Levi achou prudente eu não ler ...

    Ele avalia com cuidado as palavras de Kadir para responder passando um minuto de silêncio ele disse - O que você propôs a ele?

    Lnrd
    Tecnocrata
    Lnrd
    Tecnocrata

    Mensagens : 385
    Reputação : 22

    Uma Antessala Vermelha - Ezra - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Ezra

    Mensagem por Lnrd em Seg Abr 29, 2019 11:38 pm

    Um salto de fé – repetira Kadir após a pergunta de Ezra. A voz dele era tão calma quanto aquela hora, etão encantadora quanto um sonho –. Um passo no escuro. O contrário de "ver para crer". Se eu mostrasse a ele... ele não teria mais a opção de negar. De tal forma, apesar de conhecer as condições, seu avô nunca soube exatamente o que havia atrás dessa porta. E isso o corroía. A tal ponto de ter colocado você na presente situação... .

    As pupilas dele pareciam de tal forma dilatadas que seria fácil ver-se nelas, mesmo sob aquela luz fraca da noite. Seria só impressão? Seria outra coisa?

    – Tudo o que posso lhe dizer é isso: acredite ou não, faço parte de uma “família” larga e poderosa que descende da Antiga Ordem de Hermes. Uma família espalhada por todo o mundo e unida por profundos laços de sangue. Laços inquebráveis. Uma família com acesso a conhecimentos e práticas que o mundo mundano julgaria “impossíveis”, "fantasiosos", "mágicos" – Até então falava solenemente, mas a última palavra trouxe um rápido sorriso à face dele – Falo tolices? Talvez... mas antes de rir ou me julgar insano, ou pior, de estar tentando te ludibriar...  lembre-se que seu avô não só acreditava nisso, como preparou você para esse momento. Para aceitar o que ele não pôde. Para alcançar o que ele não pôde. Para... digamos... “imortalizar” aquilo que ele construiu.

    Como se reunindo inspiração, fechou os olhos por alguns segundos. Aquela brisa gélida voltou a correr, levantando algumas folhas do chão como num balé de forças invisíveis. Ao descerrar as pálpebras, declarou:
    - Ofereci a Levi juntar-se à família. Tornar-se um “parente”. Ter acesso a segredos tão profundos que mudariam radicalmente o que ele entendia por mundo, por vida, por morte, por tempo... . Tornar-se, irremediavelmente, algo para além do “gado” que cobre a terra. Em troca... ajudar a fortalecer a família, servir à família. Tornar-se-ia me discípulo enquanto o introduziria a ela... .

    Devia ser estranho um homem jovem como aquele dizendo que seria o "mestre" de Levi. Era difícil entender quando, em que data tal proposta fora feita. Talvez quando falasse de si se referisse à organização à qual pertencia. "37" podia ser a "família", o nome da organização.

    Com uma pequena pausa, como se houvesse um “detalhe” que não podia ser omitido naquele contrato sem par, completou:
    - A condição era, e ainda é, submeter-se à lei da família, e adianto que ela não é nada condescendente com quem a trai. Mas repito: aceitar seria não ser mais o mesmo humano de antes, e seu avô não pôde arcar com isso por conta das responsabilidades com as pessoas que dependiam dele.

    Por fim colocou a coisa de forma prática. Isso é, o máximo que ele parecia conseguir, uma vez que era tudo por demais nublado, incerto.
    - Essas “pílulas” são mais amargas do que se poderia esperar, admito. Você pode voltar para casa agora e passar o resto da vida se questionando sobre o que deixou de aceitar. Podemos, é claro, continuar como cliente e fornecedor... . Você também pode optar por assinar o trato às cegas, apenas sabendo que ele é sem retorno e te mudará completamente... Ou... .

    Novamente os dentes brancos dele voltaram a aparecer num sorriso algo sarcástico, algo desafiador.
    - ... Ou você pode pedir para que eu te mostre. Mas aí não eu não teria outra opção além de "alistar" você.

    Parado, mantendo aquela expressão, aguardou a resposta.
    gaijin386
    Sacerdote de Cthulhu
    gaijin386
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2518
    Reputação : 3

    Uma Antessala Vermelha - Ezra - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Ezra

    Mensagem por gaijin386 em Qua Maio 01, 2019 12:48 pm

    -O glamour que você agora me passa me faz lembranças a Maçonaria, os Iluminatti ou Ordo Templi Orientis quanto a juramentos de segredos e sigilo eu sempre cumpro minhas promessas ... Saber que pode mudar o mundo ... as chaves de vida e morte além de quaisquer saber mundano ... Repete Ezra mais falando para si do que para Kadir aparentemente o pesquisador e a curiosidade haviam sido atiçadas pelo misterioso 37... O que era o saber proibido? O que Levi não podia transmitir naquele momento? Por que ele um erudito queimaria um livro?

    Ezra passou a andar da direita para esquerda pensativo por fim disse -A oferta foi feita a meu avô então quando eu era ainda um infante? Por isso ele não quis aceitar? Mas mesmo assim ele ficou ligado a vocês ... O que quero saber além é claro da verdade é que se aceitar e se me juntando a vocês o legado de Levi correria risco? O Albino parecia mais resoluto.

    Lnrd
    Tecnocrata
    Lnrd
    Tecnocrata

    Mensagens : 385
    Reputação : 22

    Uma Antessala Vermelha - Ezra - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Ezra

    Mensagem por Lnrd em Sex Maio 03, 2019 1:33 pm

    Kadir ajeitava os panos daquelas vestes estrangeiras, tecidos e apetrechos que deixavam-no com certa atmosfera excêntrica, exótica, mística. Um gênio oferecendo três desejos. Mas talvez um demônio oferecendo espelhos em troca da liberdade – quem sabe pretendesse toma-la de qualquer forma, fosse ou não aceito o contrato.

    Ouvira os questionamentos, ponderava sobre as respostas.
    - Não se engane: um homem pode tanto esquecer daquilo que lhe era importante na infância quanto construir um império por cima disso, seja preservando a aparência original, seja soterrando-a sob a enormidade dos seus próprios feitos... . O que fará do legado de Levi é por sua conta, mas se contentará apenas em ser um guardião do passado? Será que não vai aspirar por seguir em frente, construindo a própria marca?

    Também pusera-se a andar:
    - Escolher um futuro é sempre des-escolher milhares de outros. A mim me interessa o que fará daqui em diante. Quanto ao resto... cabe apenas a você decidir como lidará com seu legado, e de que legado fala. Família? Negócios? Conhecimento? Uns o chamarão com mais intensidade que outros, tenha certeza.

    Encarou uma das estátuas, seres fantásticos que eram o próprio passado petrificado.
    - Então... o que decides?



    gaijin386
    Sacerdote de Cthulhu
    gaijin386
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2518
    Reputação : 3

    Uma Antessala Vermelha - Ezra - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Ezra

    Mensagem por gaijin386 em Dom Maio 05, 2019 12:07 pm

    - Não serei apenas um mero guardião de um legado digno, mas o estenderei com colaborações. Diz Ezra resoluto ele então para por um momento e diz - Então quando começamos? Como estudioso não posso manter-me ignorante a conhecimento... Ezra agora se comportava como avido do saber e diferente daqueles que buscam os prazeres da carne ele buscava os do intelecto.
    Lnrd
    Tecnocrata
    Lnrd
    Tecnocrata

    Mensagens : 385
    Reputação : 22

    Uma Antessala Vermelha - Ezra - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Ezra

    Mensagem por Lnrd em Seg Maio 06, 2019 11:46 am

    Como se uma chave invisível tivesse sido virada, desligando o Kadir que estivera alí até aquele momento, o homem pareceu uma máquina voltando a um estado inicial frio e neutro. Tanto a postura corporal quanto a expressão facial mudaram completamente e o que havia de charme e sorriso fora substituído por seriedade pétrea.
    Nada, entretanto, era tão duro quanto o olhar. Este parecia atravessar Ezra, não como se mirasse para alguém, mas encarasse apenas uma coisa, um objeto. Como nos momentos em que, sem sentimento algum por aquela coisa, tenta-se decidir por descarta-lo ou não.

    Apesar disso, pareceram mais brilhantes que nunca, cravados firmemente. Uma cobra aguarda a mínima brecha de movimento para atacar.

    Naquele novo corpo, falando como se quem estivesse diante dele não fosse ao menos digno, voltou a dirigir-se ao jovem.
    - Começamos mudando. Como disse, é preciso que você se torne, radical e irremediavelmente, algo além desse "gado". E não falo metaforicamente. Só depois poderei recebe-lo como um honrado membro da família... .

    Naquele tom subitamente nada agradável, começara a ser mais curto nas palavras.
    - A iniciação é dura e você ficará confuso. Talvez me odeie se não conseguir se entregar ao prazer do momento. Apenas lembre-se de que não devera de forma alguma permitir que descubram sua natureza. Oculte-se. Ah, também não esqueça que você aceitou isso... e que não há mais volta.

    Antes de dar prosseguimento àquela deveras inesperada cerimônia iniciática, as palavras finais de Kadir foram apenas: “Chega de teoria. Precisamos de práxis". O rosto dele então adquiriu uma expressão monstruosa, no sentido mais literal que se poderia imaginar. Não parecia mais humano, com estranhos dentes surgindo-lhe na boca.

    E assim, partiu para cima de Ezra.

    Na roda das estações, aquele ritual já fora feito incontáveis vezes, sendo uma experiência particular em cada pessoa. Quem já havia presenciado muitos deles, entretanto, costumava separar os participantes em categorias.

    Havia quem paralisasse diante do inesperado. Havia quem se entregava à situação.
    E havia quem lutasse.
    gaijin386
    Sacerdote de Cthulhu
    gaijin386
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2518
    Reputação : 3

    Uma Antessala Vermelha - Ezra - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Ezra

    Mensagem por gaijin386 em Ter Maio 07, 2019 2:56 pm

    Obviamente Ezra não estava esperando tal ataque, pois em seu pensamento ele achava que seria uma iniciação erudita ou juramento de segredo tal qual as ordens ocultas tais como a maçonaria ou a dos Ossos Cruzados, mas não era o que estava acontecendo tal qual filme antigo os quadros passavam em câmera lenta onde Kadir se revelara algo fora da normalidade ... algo não humano e tal qual as lendas de Brann Stoker ele tentou afasta-lo com uma estrela de Davi que possuía, porém Kadir por um instante parou, mas logo resumiu seu avanço visto que o símbolo apesar de sagrado, não possui o necessário para o seu funcionamento ... A fé.

    - Que pesadelo é este? e sacou do revolver e atirou, mesmo pensando que isso iria atrair mais pessoas, mas um medo interior o fez lutar como um animal acuado em um canto esperando que balas ao menos o atrasassem isto se Ezra fosse um atirador experiente o que infelizmente ele não era, pois apenas sabia o que vira na televisão que era aponte no alvo e puxe o gatilho ... coisas como tranco e recuou de disparos não eram considerados na equação.
    Lnrd
    Tecnocrata
    Lnrd
    Tecnocrata

    Mensagens : 385
    Reputação : 22

    Uma Antessala Vermelha - Ezra - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Ezra

    Mensagem por Lnrd em Qui Maio 09, 2019 4:37 pm

    As chances de acertar daquele tiro sem prumo eram deveras baixas, mas a mão do destino resolvera ajudar Ezra naquele momento de agonia – ou decidira simplesmente brincar um pouco mais com ele.

    A bala acertara o ombro daquele homem que até então parecera tão educado, embebendo os exóticos tecidos que vestia numa grande mancha, mas o resultado geral não era nem de longe que se poderia esperar: a dor, apesar de presente visivelmente presente, não parecia suficientemente forte para detê-lo ou ao menos para embaraçar-lhe o passo.

    Olhou o ferimento e, como um riso, fê-lo fechar-se.
    Então, com o mesmo braço, já recuperado, levara as mãos com unhas em forma de garras na direção do pescoço do “discípulo”, visando agarra-lo. Tudo indicava que o renascimento dele seria feito a fórceps.
    - Não resista – aquilo não era um pedido, de modo que uma estranha dormência parecia tomar conta do rapaz... .
    gaijin386
    Sacerdote de Cthulhu
    gaijin386
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2518
    Reputação : 3

    Uma Antessala Vermelha - Ezra - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Ezra

    Mensagem por gaijin386 em Qui Maio 09, 2019 9:40 pm

    O olhar de Kadir parecia diferente de tudo que havia visto até então, mesmo em suas leituras mais fantásticas nada havia para comparar com o que estava vivenciando. Recuando para afastar-se o jovem Mendel tenta juntar sua força de vontade para não ser subjugado pelo estranho feito hipnótico do olhar de Kadir e se conseguir alguma distância ele correrá da sala e em sua mente só vem uma passagem da Tora.

    Filho meu, não te ponhas a caminho com eles; desvia o teu pé das suas veredas;
    Porque os seus pés correm para o mal, e se apressam a derramar sangue.


    Provérbios 1:15,16
    Conteúdo patrocinado


    Uma Antessala Vermelha - Ezra - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Ezra

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Qua Ago 21, 2019 3:02 pm