Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    Uma Antessala Vermelha - Letícia

    Lnrd
    Tecnocrata
    Lnrd
    Tecnocrata

    Mensagens : 385
    Reputação : 22

    Uma Antessala Vermelha - Letícia - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Letícia

    Mensagem por Lnrd em Qui Maio 02, 2019 2:54 pm

    A curiosa figura de Camille parecia computar a fala de Letícia, processando-a mentalmente, analisando o leque de possibilidades que se abria à frente dela. Não era possível saber se ela conhecia Radiance o suficiente para saber se apreciaria aquela sugestão, mas não parecia disposta a interromper o período de concentração.
    Aquilo podia não só ser pior, provocando um acesso de fúria caso fosse do tipo de estrela egocêntrica e histérica, mas também não resolveria nada – provavelmente não teria uma pianista reserva no bolso.
    - Ok – respondeu acenando positivamente com um gesto de cabeça, batendo o martelo de que teria de ser aquela forma. Ou nada.

    Girou sobre os calcanhares, colocando-se na direção da escada, pondo-se em movimento na direção do gramado, indo emergir lá. “Você vem?”, perguntou virando-se, falando num tom que era difícil discernir se gentileza, se preocupação ou se provocação.

    Na área aberta, algumas das pessoas convidadas já se aglomeravam, mas mesmo essas ainda pareciam dispersas, conversando e bebendo. O piano possuía um delicado tecido cobrindo-o do sereno, e fora a própria produtora que se aproximara de lá, retirando-o.
    Aquele descortinar parecia um sinal de que a apresentação começaria dando em breve, mas o instrumento em si era um espetáculo próprio, sendo ou muito antigo, ou delicadamente feito numa estética antiga.


    Uma Antessala Vermelha - Letícia - Página 3 Expens10

    Além dele, havia também um pequeno púlpito branco, uma plataforma baixa no centro da área. Provavelmente o que quer que acontecesse, teria aquele espaço como palco.
    Aos pés dele, vários objetos estavam espalhados juntos, sem ordenação lógica alguma: iam desde uma pena e uma caneta a um chicote e uma arma.

    Nada daquilo, entretanto, era tão curioso e chamativo quanto as silhuetas que circulavam. Eram visuais tão inusitados que pareciam justamente o avesso de quando se perguntava "mas quem usaria isso?" ao observar-se um estranho desfile de moda conceitual: era aquela gente que comprava aquilo - algo entre o exótico, o lindo... e o cômico.


    Uma Antessala Vermelha - Letícia - Página 3 Moncle10

    Uma Antessala Vermelha - Letícia - Página 3 41d9ec10

    Uma Antessala Vermelha - Letícia - Página 3 1c26de10

    Uma Antessala Vermelha - Letícia - Página 3 3c7ed810


    Conforme a produtora expunha aquela obra que aguardava pelos dedos ausentes de Marcela para tocar-lhe as teclas naquela hora, alguém cortou o ambiente - na verdade quase parecera surgir do nada -, aproximando-se e avaliando o objeto.
    - Antigo, cheio de energia antiga... . Brilharia lindo numa fogueira, não acha, Camille?


    Uma Antessala Vermelha - Letícia - Página 3 Tumblr10

    Uma Antessala Vermelha - Letícia - Página 3 02b10
    nahna
    Tecnocrata
    nahna
    Tecnocrata

    Mensagens : 400
    Reputação : 14

    Uma Antessala Vermelha - Letícia - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Letícia

    Mensagem por nahna em Qui Maio 02, 2019 5:35 pm




    Ficou em silêncio esperando a resposta de Camille enquanto ela permanecia pensativa, mas por fim aceitou aquele improviso...
    Por fim ela concordou, mas Letícia não soube identificar exatamente o seu tom, seguindo-a com o convite.

    Caminhou pelo espaço com os olhos cheios de maravilha e estranheza. Nunca imaginaria que uma festa como aquela pudesse existir.
    Nunca imaginou que alguém realmente pudesse vestir qualquer uma daquelas roupas.
    Sentia-se mais e mais destoante da natureza daquele lugar... um patinho feio em um monte de gansos multicoloridos...
    Apenas desejava que a atenção daquelas pessoas não pirasse sobre ela até a apresentação, e também depois.
    Faria sua apresentação e iria embora... possivelmente para tentar esquecer dessa noite.

    O Piano que Marcela deveria tocar a lembrou como estava nervosa... Era lindo e trabalhado... mas não exótico como as pessoas que o rodeavam... apenas lindo.
    E então alguém fez um comentário elegante sobre a atrocidade de queimá-lo... suspirou.

    "- Posso ver a mesa de som, Camille?" - Perguntou para a anfitriã.
    "- Preciso fazer alguns pequenos ajustes de som, para compensar a falta de acompanhamento."






    Lnrd
    Tecnocrata
    Lnrd
    Tecnocrata

    Mensagens : 385
    Reputação : 22

    Uma Antessala Vermelha - Letícia - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Letícia

    Mensagem por Lnrd em Seg Maio 06, 2019 11:22 am

    Aquela máscara difícil de ler ou penetrar não parecia ser uma arma "secreta" de Camille, muito mais uma característica de mistério constante. Ao menos era o deduzível ao ver que usara do mesmo expediente com aquela mulher pouco respeitosa. Era daquelas coisa que só gente muito rica, do tipo que literalmente queima dinheiro e que fere “subalternos” ao redor apenas porque possuem poder para tanto, diria.
    Apesar de tudo, a produtora soara um pouco mais educada, talvez contrabalanceando a fala direta.
    - Não recordo do nome da senhorita Jezabel na lista de convites que eu finalizei.
    - Ah, 'Mille. Eu perdoo o esquecimento, não farei reclamação alguma. Não estou invadindo o território de ninguém, estou?

    A produtora limitara-se a fazer uma mesura com a cabeça, evitando insistir naquela questão deselegante, saindo-se.
    - Ali, fique à vontade. Se me permitem, deixarei-a trabalhar – dissera indicando o aparelho algo oculto pelo próprio piano, repousado sobre o batente lateral do jardim. Estava conectado sem fiações aos microfones e discretas caixas amplificadoras. Antes de partir, a moça relembrou a deixa - Só comece a música quando avistar Radiance se aproximando.

    Se realmente para deixar Letícia concentrar-se, se visando sair das proximidades daquela personalidade invasiva, ou se apenas para tocar a noite resolvendo problemas mais objetivos, afastou-se.

    As conversas e principalmente os "looks" inusitados prosseguiram, mas não demorou até alguém tomar quase o centro do gramado, ficando ao lado do púlpito. Era totalmente diferente de Camille, mas mesmo assim havia algo de semelhante, quase como membras da mesma "gangue".
    Era inclusive difícil entender como as duas conseguiam andar. Talvez tivesse plataformas enormes.


    Uma Antessala Vermelha - Letícia - Página 3 101b7e10


    - Excelente noite – introduziu de maneira bem mais afável do que a colega parecia capaz –. Sou Sebastiana Chá. Daremos início à apresentação.

    As falas diminuíram, afinal, tudo o que se queria era saber o que aconteceria dali em diante. A apresentadora explicara resumida e rapidamente tratar-se de uma "releitura" de uma obra famosa, cujas regras eram simples: a estrela da noite permaneceria imóvel e à mercê do que a plateia quisesse fazer, responsabilizando-se por qualquer coisa. Sem mais nem menos.

    Alguns aplausos subiram em comemoração àquela "largada" e a moça voltou a sumir entre outras figuras chamativas.

    Os instantes que se seguiram foram longos e incômodos, como quando alguém não sabe o que fazer quando não se pode falar ou estar mexendo aleatoriamente no celular.
    Isso até que um “oh!” fosse ouvido nalgum canto, fazendo os rostos virarem-se para encontrar Radiance que se aproximava.
    Em comparação com o resto da festa, tinha roupas até discretas, módicas e sombrias.
    - Isso vai ser interessante - deixou escapar Jezabel, ainda próxima ao piano.


    Uma Antessala Vermelha - Letícia - Página 3 Antony10
    nahna
    Tecnocrata
    nahna
    Tecnocrata

    Mensagens : 400
    Reputação : 14

    Uma Antessala Vermelha - Letícia - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Letícia

    Mensagem por nahna em Seg Maio 06, 2019 1:10 pm




    Letícia observou o pequeno desafeto entre as duas figuras, mas percebeu que a visitante estava bem acima na cadeia...
    Ao menos o desconforto a tornou mais solícita com seu pedido. Agradeceu com um aceno de cabeça quando Camille mostrou onde ficava a mesa de som.
    Olhou a mesa e logo fez seus ajustes... acrescentou reverb e um pouco de eco para simular a acústica de uma capela... Aquilo deveria combinar bem com o teor contraditório da música...
    Como tudo naquela festa parecia contraditório e inusitado, talvez assim pudesse cair no gosto daquelas pessoas.

    Pegou o microfone, esperando pelo momento certo...

    A atenção então foi para a outra anfitriã, que assim como Camille, também parecia vestir uma obra de arte sem qualquer função. Achava engraçado estar no meio de tantas pessoas esquisitas, mas estava confiante.
    Ao ver Radiance se prepara para começar a cantar, e sorri com o comentário de Jezabel.

    Quando Radiance começa a se aproximar, Letícia começa sua apresentação.

    O estilo de canto que escolheu foi mais lírico, quase sacro... e agora percebia o contraste que fazia com a figura da estrela naquela noite.

    Estilo de canto:
    Estilo de canto escolhido, com os efeitos que Letícia escolheu:

    "- As soon as I'm left alone
    The devil wanders into my soul

    And I pretend to myself
    And I pretend to myself

    I go out
    To the old milestone
    Insanely expecting
    You to come there
    Knowing that I wait for you there
    That I wait for you there

    Come!
    Come!
    Come here at once
    Come!
    Come
    On a night with no moon

    Because all of my being is now in pining
    All of my being is now in pining

    What formerly had cheered me
    Now seems
    Insignificant
    Insignificant"


    Em sua apresentação, Letícia tenta dar um ar de dualidade, entre estar decidida em seu sentimento, mas incerta pela natureza de seu amante.
    Ela observa a reação das pessoas presentes, e de Radiance, mas esquece de todo resto. Deixa suas preocupações e incertezas de lado, como sempre faz quando canta.
    Pelo menos por aquele instante, ela deixa de se preocupar se agradaria ou não, fechando os olhos em muitos momentos, absorvida pela música.






    Lnrd
    Tecnocrata
    Lnrd
    Tecnocrata

    Mensagens : 385
    Reputação : 22

    Uma Antessala Vermelha - Letícia - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Letícia

    Mensagem por Lnrd em Ter Maio 07, 2019 11:29 am

    Apesar da aparência frívola e sem apego a sacralidades, o público reagira de maneira solene à situação, de modo que o único som escutado, para além dos ruídos da noite e do burburinho do riacho próximo, eram os da canção. Não havia fofocas, comentários dispensáveis ou, raridade, celulares sendo mexidos.
    Era, aliás, notável que não havia ninguém fotografando ou filmando a apresentação. Talvez alguma política “da casa”.
    A noite estava clara.

    Tendo a canção como guia, Radiance pôs-se no baixo pedestal, ficando num lugar de destaque, mas só um pouco acima do chão. Tinha os olhos abertos, mirando tudo com um rosto impassível.

    Se por timidez – o que seria incomum naquela gente –, se por uma espécie de falta de reação, qual uma manada antes da liderança indicar o caminho, ninguém se movera, apenas observando aquela cena.

    Afora a música, era o tipo de situação que incomodava, constrangia. Alguém deveria fazer algo ou apenas aguardar?

    Fora aquela Jezabel a primeira a romper o gelo, mas de tal maneira que talvez fosse melhor não tê-lo feito.

    Aproximou-se da pequena plataforma, observando os itens depositados, sendo acompanhada por uma segunda pessoa. Enquanto a mulher não se decidia, a primeira optara por uma tesoura e cortara um pedaço pequeno daquelas roupas negras, voltando ao próprio lugar no círculo de quem apenas via um filme passando. Quando a Jezabel, afastou-se com algo que lembrava vagamente uma mangueira enrolada, mas que Letícia, concentrada que estava, não pôde prestar atenção.

    Logo outras pessoas se aproximaram, tendo reações as mais diversas: uma limitou-se a acariciar o rosto daquele manequim vivo; outra colocou-lhe um anel num dos dedos, quase como um pedido de casamento; outra tirara-lhe um sapato; alguém desenhara algo na sua bochecha.

    Parecia uma brincadeira infantil, não fosse pela sombra do perigo que circulava alguns dos objetos mais perigosos.
    Qual seria o desfecho daquela apresentação?
    nahna
    Tecnocrata
    nahna
    Tecnocrata

    Mensagens : 400
    Reputação : 14

    Uma Antessala Vermelha - Letícia - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Letícia

    Mensagem por nahna em Ter Maio 07, 2019 1:15 pm




    Tudo era estranho e exagerado naquele lugar, e aquela situação logo lhe pareceu uma espécie de ritual exótico.
    Concentrou-se apenas em cantar, alheia ao que acontecia, mas não pôde evitar observar de tempos em tempos Radiance e as pessoas que cercavam.
    Estava aliviada e contente com o rumo que seguia a apresentação... o público era uma boa platéia, afinal de contas... e o canto sem acompanhamentos lhe pareceu bem casado com os sons naturais do ambiente e estranhamente apropriado para o que se passava ao redor de Radiance.

    Não sabia bem que emoção estava sentindo, mas estava curiosa sobre o que acontecia... como se as pessoas estivessem liberadas para serem boas ou más.
    Manteve-se no roteiro, cantando e ambientando o evento...

    OFF - Visual da Letícia:

    leticia2






    Lnrd
    Tecnocrata
    Lnrd
    Tecnocrata

    Mensagens : 385
    Reputação : 22

    Uma Antessala Vermelha - Letícia - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Letícia

    Mensagem por Lnrd em Ter Maio 07, 2019 1:56 pm

    Tudo seguia sem sobressaltos. Até não mais.
    A coisa mudara radicalmente de lugar quando uma voz, reconhecível como a de Jezabel, pediu um “com licença, não fiquem tão perto”.

    Por alguns instantes roubando a atenção, provocou dúvida e incredulidade enquanto deixava a gravidade desenrolar o objeto que tinha em mãos.

    Travava-se de um chicote, mas não um daqueles usados em pequenos jogos sexuais. Era mais uma coisa grande, de domar-se leões ou coisa do tipo. Negro, parecia uma enorme cobra saindo das mãos da mulher e deitando-se no jardim.

    Até que voara.

    Aquele som fora tão desconcertante que mal provocara alguns “oh!” na plateia. Era quase como se não tivesse acontecido. Estavam todos atônitos.

    Aquele barulho, entretanto, fora o de menos.
    Era impossível dizer se fora um truque, afinal nas artes, incluindo o teatro, nem tudo era necessariamente o que parecia. Mas o que se via era que o golpe fizera espirrar um tanto de sangue, rompendo o vestido na altura das costas de Radiance, cuja concentração era tamanha que não movera um músculo.

    O acontecimento finalmente começara a ser processado pelas mentes do público, ao que buchichos, caras assustadas ou indignadas etc. começaram a tomar conta do lugar.
    Principalmente enquanto a sádica convidada – ou não-convidada – preparava-se para um novo bote.
    nahna
    Tecnocrata
    nahna
    Tecnocrata

    Mensagens : 400
    Reputação : 14

    Uma Antessala Vermelha - Letícia - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Letícia

    Mensagem por nahna em Ter Maio 07, 2019 3:57 pm




    Letícia observou incrédula. Não acreditava que estava presenciando aquilo.
    Porque Jezabel fazia aquilo e ninguém intercedia? Porque Radiance estava impassível com a chicotada?
    Se perguntava o que diabos estava fazendo lá no meio daquela gente esquisita.
    Subitamente entendeu a mensagem de Iisa... Aquela gente era perigosa...
    O que poderia fazer, se perguntava, sem se desviar de sua função naquele lugar.

    Se Radiance aceitava aquela situação, talvez fosse melhor não se envolver...
    Voltou a ficar nervosa, ansiosa por terminar sua apresentação e ir embora dalí.






    Lnrd
    Tecnocrata
    Lnrd
    Tecnocrata

    Mensagens : 385
    Reputação : 22

    Uma Antessala Vermelha - Letícia - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Letícia

    Mensagem por Lnrd em Qui Maio 09, 2019 11:05 am

    Um segundo golpe rasgou a pele de Radiance, um corte cuja profundidade era difícil de definir à distância, mas cujo som parecera terrível. Era como um sino certificando que, falso ou não, aquela agressão estava acontecendo, nem que fosse por encenação, por mais que fosse horrível de presenciar e difícil de aceitar. Não era exatamente algo de "bom gosto".

    Aquela passagem de brutalidade explícita servira para separar os tipos de gentes ali: algumas pareciam revoltadas, prontas a deixar o local indignadas, enquanto outras pareciam levemente mais “práticas”, insinuando deter a mão que açoitava. Por outro lado, havia quem estivesse admirando a força da figura que permanecia imóvel. Era a proposta e devia ser respeitada e absorvida lentamente instante após instante, tal qual o desejo que planejara aquela noite. Não deixava de existir, entretanto, rostos mais sádicos, simplesmente gostando daquela visão pérfida.

    Um dado importante era notável naquele cenário dantesco: Jezabel quase exalava violência, de modo que quase possuía uma aura amedrontadora ao redor de si. Seria capaz de acertar alguém que fizesse menção de detê-la?

    Camille podia ser vista nas proximidades, camuflada entre as diversas faces e roupas extravagantes. A presença dela poderia sugerir uma tomada de medidas para mudar os rumos de tudo. E assim o fez: gesticulando para Letícia, parecia dizer-lhe para seguir com o espetáculo. Havia, afinal, uma segunda música no repertório.

    A essa altura, a carrasca mudara de ideia e aproximara-se da estrela fixa ao redor da qual todo aquele microuniverso girava. Abaixou-se na base da plataforma e, muito calmamente, recolheu uma faca. Não dizia nada, mas havia algo de belo e doentio nos olhos dela.
    nahna
    Tecnocrata
    nahna
    Tecnocrata

    Mensagens : 400
    Reputação : 14

    Uma Antessala Vermelha - Letícia - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Letícia

    Mensagem por nahna em Qui Maio 09, 2019 12:00 pm




    Seria aquele um ato de arte doentia? Que espécie de show era aquele? Não parava de se perguntar, abismada.
    Não poderia ser nenhum tipo de encenação... Era real demais, e as reações das pessoas eram muito genuínas.
    Aquelas pessoas escondiam suas faces horrorosas por trás daquele luxo e esquisitices... E estava odiando participar daquilo.
    Cruzou olhares com Camille, que gesticulou para continuar o espetáculo, como uma sugestão de que aquilo era o planejado.

    Terminou a primeira música e suspirou. Deu uma breve pausa para respirar fundo e iniciou a segunda música, agora em um ritmo um pouco mais acelerado, para não se estender além do necessário naquele lugar.

    "- Are you hungry?
    Are you sick?
    Are you begging for a break?
    Are you sweet?
    Are you fresh?
    Are you strung up by the wrists?
    We want the young blood
    Are you fracturing?
    Are you torn at the seams?
    Would you do anything?
    Flea-bitten? Moth eaten?
    We suck young blood
    We suck young blood
    Won't let the creeping ivy
    Won't let the nervous bury me
    Our veins are thin
    Our rivers poisoned
    We want the sweet meats
    We want the young blood"


    Usou um tom menos lírico, mas ainda calmo, com receio de incitar mais violência.
    Observou com tensão Jezabel pegar a faca... mas isso não poderia ir tão longe... poderia?
    Se perguntava, acompanhando, tensa, e olhando para Camille repetidamente.






    Lnrd
    Tecnocrata
    Lnrd
    Tecnocrata

    Mensagens : 385
    Reputação : 22

    Uma Antessala Vermelha - Letícia - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Letícia

    Mensagem por Lnrd em Qui Maio 09, 2019 4:37 pm

    “O show deve continuar”, parecia ser a mensagem mandada por Camille ao resumir-se a pedir para que a música continuasse. Era, no fim das contas, um tipo de jogo: Radiance podia a qualquer momento interromper a apresentação, caso sentisse que a coisa ia longe demais.
    O problema era que talvez aquele momento já tivesse ficado para trás na opinião de muitas pessoas ali. Era horrível e assustador ver aquilo acontecendo. Estaria esperando que alguém vencesse o medo e fosse ajudar? Era algum tipo de metáfora sobre como a violência simplesmente segue mesmo que sob o olhar de testemunhas? Sobre o número de dores que haviam sido sofridas porque alguém resolvera não interferir?
    A faca brilhou no reflexo de alguma iluminação, ou simplesmente da lua, enquanto a cruel Jezabel a observava, girando-a enquanto olhava para o possível alvo ali imóvel.
    - E se... .

    Ela abaixara a faca, mudando de ideia sobre aquele ato medonho.
    Na plateia, expressões pareceram aliviadas, mas tudo foi por pouquíssimo tempo.
    Abaixando-se, a mulher trocara o punhal pelo revólver.
    Aquilo arriscava ultrapassar qualquer limite possível.
    nahna
    Tecnocrata
    nahna
    Tecnocrata

    Mensagens : 400
    Reputação : 14

    Uma Antessala Vermelha - Letícia - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Letícia

    Mensagem por nahna em Qui Maio 09, 2019 5:34 pm




    Letícia se deu conta que estava contribuindo para amenizar aqueles atos... quase dando um ar de normalidade, com sua apresentação.
    Ao ver Jezabel erguer a faca contra a luz da lua, deu um engasgo de susto... achando que a própria carrasca tinha repensado o ato, tentou continuar...
    Ao ver o revólver, contudo, concluiu que aquele era seu limite... não faria parte daquele show hediondo.
    Interrompeu seu canto, e colocou o microfone sobre o piano.

    Olhou para os presente, constatando novamente que não fazia parte daquele lugar, e olhou para Radiance com temor pelos maus tratos.
    Se esforçava, mas não conseguia entender aquele ritual medonho.
    Esperando que o fim da apresentação também desse fim à tortura, abandonou o ambiente em direção ao camarim, com os olhos mareados.

    "- Desculpe..." - Sussurrou para Radiance ao cruzar o olhar, apressando-se.

    Não ficaria ali mais nem um instante.






    Lnrd
    Tecnocrata
    Lnrd
    Tecnocrata

    Mensagens : 385
    Reputação : 22

    Uma Antessala Vermelha - Letícia - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Letícia

    Mensagem por Lnrd em Sab Maio 11, 2019 2:03 pm

    Não que, àquela altura – uma arma, afinal, era algo por demais magnético -, as atenções estivessem postas na melodia ou no significado das letras entoada por Letícia, mas o repentino silêncio fez-se ouvir pesadamente, uma contra-nota naquela ópera.

    A qualquer pessoa sensível, era óbvio que “algo” estava saindo dos trilhos naquela apresentação... ou até mesmo a pausa musical súbita era uma parte combinada, acionada pela deixa dada por Jezabel?

    O fato de ninguém da produção ter se apressado para deter a saída da cantora passava a impressão de que era algo previsto.

    Enquanto aquilo se dava, a mulher que judiava de Radiance prosseguia.
    - Uuuuh. Olhe essas caras. Todo mundo tão na zona de conforto... – tinha lábios crispados em sarcasmo, uma das poucas criaturas realmente divertindo-se.

    "Ok", disse ao mudar de ideia. "Vou com a faca, então. É menos 'rápido'". Como se segurasse um mero lenço, simplesmente deixou o revolver escapar-lhe da mão, indo em direção ao chão.
    Uma decisão ruim que levaria aquela noite numa direção ainda mais estranho do que o previsto.

    Ao bater no chão, um estampido tomou o lugar antes ocupado pela música. Tratava-se de grama, então não poderia ser o de metal contra sólido. Não era. Um disparo havia sido efetuado.

    O caminho de Letícia fora interrompido por um véu negro que rastejara pela pele dela, afogando-a enquanto o mundo à frente dela ia sendo comido pelas bordas.

    Perdera a consciência à beira da morte.

    Era impossível para ela dizer quanto tempo aquilo tudo levara, engolida pelo vazio da inexistência.

    A razão – e a enorme dor – só retornou-lhe quando deitada na cama do “camarim”, o quarto de hóspedes sob o jardim.
    – Se ela morrer, há pessoas que sabem que ela esteve aqui – Argumentava Radiance numa voz distante.
    – Você viu que não foi a minha intenção. Eu apenas estava jogando o seu joguinho sujo – Respondera Jezabel, na postura odiosa dela.
    nahna
    Tecnocrata
    nahna
    Tecnocrata

    Mensagens : 400
    Reputação : 14

    Uma Antessala Vermelha - Letícia - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Letícia

    Mensagem por nahna em Seg Maio 13, 2019 11:17 am




    Letícia caminhava apressada, sem se interromper pelo constrangimentos que pairava sobre a cena.
    O silêncio era tão profundo que ainda pôde ouvir Jezabel, e em seguida o estouro.
    Tentou ignorar e continuar caminhando... Mas a escuridão...
    Tentou respirar profundamente, mas o ar não lhe vinha...
    Perdeu os pés do chão e o sentido de onde o chão estava.

    Logo deixou de sentir qualquer coisa.

    Pareceu-lhe ter ficado perdida por algum tempo, mas a dor aguda a despertou.

    "- Aaaahhh..." - Gemeu alto de dor, deixando escorrer lágrimas pelos cantos dos olhos.

    Ouviu Radiance e Jezabel... Estavam juntas?
    O que estava acontecendo? Estava confusa... Onde estava?

    Colocou a mão sobre o ponto de onde partia a dor e abriu os olhos para procurá-las.
    Estava no camarim...






    Lnrd
    Tecnocrata
    Lnrd
    Tecnocrata

    Mensagens : 385
    Reputação : 22

    Uma Antessala Vermelha - Letícia - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Letícia

    Mensagem por Lnrd em Ter Maio 14, 2019 1:07 pm

    Sangue. Havia sangue espalhado por toda a parte. Muito.
    Manchando a mão que fora levada à ferida, empapando o colchão no qual fora deitada, marcando o trajeto pelo qual fora trazida. A flor da chaga do tiro estava simplesmente aberta e sem sinal qualquer de curativo ou, principalmente, supervisão médica.
    O mais provável era que Letícia tivesse apagado apenas por uns rápidos instantes, de modo que a ambulância ainda não havia chegado para ajudá-la.

    Não estava realmente sozinha, as pessoas que cuidavam dela deviam ter se afastado apenas para tentar buscar socorro. De fato, com as vozes parecendo mais claras e o ambiente mais nítido, era possível ver que a conversa se dava afastada a apenas alguns metros dela.

    O gemino fora sumariamente ignorado.

    - Não podemos chamar ninguém. Vai chamar atenção pra nós, pra a propriedade – dizia aquela Jezabel, a mesma que a cantora vira pela última vez com uma arma na mão. Falava cm uma nota de desprezo na voz.
    - Se ela morrer é que vai baixar um monte de gente aqui – Radiance tinha seriedade e preocupação no rosto, provavelmente lutando para manter a calma.
    - Estou tão cansada e tão faminta com o que fizemos com aquela gente toda... – seus olhos correram pelo ambiente vermelho, pousando sobre a garota ferida.
    - Era só o que faltava... concentre-se, Jezabel.
    - Se déssemos mais sangue ela não se recuperaria?
    - Você está realmente me perguntando isso?
    - Devíamos deixá-la morrer...
    - Não podemos deixa-la morrer – Respondeu, intransigente, àquela postura cansada da companheira.
    - Você está nos deixando sem opções.
    - Você nos deixou sem opções.
    - Foi um acidente... .

    A conversa chegou num beco sem saída, parando por alguns instantes.
    Até que Jezabel voltou a se pronunciar.
    - Ok, o plano: transformamos ela, mandamos ela pra casa e amanhã incendiamos o apartamento com ela dentro antes que alguém perceba o que fizemos.
    - Quê? Você está louca?
    - Estou falando realmente a sério.
    nahna
    Tecnocrata
    nahna
    Tecnocrata

    Mensagens : 400
    Reputação : 14

    Uma Antessala Vermelha - Letícia - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Letícia

    Mensagem por nahna em Ter Maio 14, 2019 1:38 pm




    Ficou em pânico ao olhar para sua mão ensanguentada... e então viu o rastro de sangue no chão... fora arrastada... como um saco furado.
    Chorava copiosamente esforçando-se para se manter em silêncio, percebendo que era sobre ela que aquelas duas conversavam.

    "Essa gente é perigosa" - Alertou-lhe Iisa... porque não levou à serio? Conheceria essas pessoas?
    Agora iria morrer.

    Deixou escapar um soluço... Estava com muita dor e muito medo e conversavam em matá-la de vez.
    Esforçou-se para, apesar da dor imensa, virar-se e rastejar para longe dali... Tentaria se levantar, mas estava fraca.
    Queria fugir... Tentar qualquer coisa para preservar sua vida.

    Tinha tantos planos inacabados...
    Tinha Ricardo...

    Tinha que fugir dali.






    Lnrd
    Tecnocrata
    Lnrd
    Tecnocrata

    Mensagens : 385
    Reputação : 22

    Uma Antessala Vermelha - Letícia - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Letícia

    Mensagem por Lnrd em Qui Maio 16, 2019 11:26 pm

    Como um sonho partido, não demoraria para Letícia perceber que não havia como dirigir-se para a porta daquela cova dourada sem ser notada pelas duas figuras que realizavam uma pequena assembleia sobre o destino dela. De fato, tal impulso logo seria jogado por terra quando, aparentemente procurando refletir sobre o que Jezabel dissera, Radiance virara-se para encarar a moça que havia introduzido àquele evento macabro.
    A outra, acompanhando tal movimento, também avistou a cantora ferida que tentava se mover.
    Silêncio.

    Não houve explosão ou afobação, corrida para tentar contê-la. Pareciam não precisar se tanto alarde. Nenhum dos olhares parecia ressoar preocupação pela vida da garota, miradas que quase a atravessavam, vendo-a como um peso morto com o qual era necessário lidar.
    - “Are you hungry?” – vocalizou a carrasca que tanto fizera mal naquela noite maldita, como se questionasse Radiance, não só cantando, mas imitando a entonação que Letícia usara mais cedo. Era mais que ironia aquele escárnio desproporcional, aquela zombaria ostensiva. Era difícil entender como atrevia-se a brincar numa situação daquelas.
    - Ah, pare com isso – ouvira como resposta enfadada.
    - Pra quê tanta seriedade? Vamos botar um sorriso nessas caras – dissera, inclinando o corpo como se tentando falar a uma criança, apesar de dirigindo-se para uma mulher adulta gravemente ferida.
    nahna
    Tecnocrata
    nahna
    Tecnocrata

    Mensagens : 400
    Reputação : 14

    Uma Antessala Vermelha - Letícia - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Letícia

    Mensagem por nahna em Sex Maio 17, 2019 8:35 am




    Não havia escapatória daquela situação, pensava...
    O maior transtorno que seu ferimento parecia causar era a sujeira no chão.
    Percebeu que agora a atenção das duas figuras estava sobre ela.
    Quisera ter fugido quando podia, quando Marcela avisou que não chegaria.

    Jezabel canta imitando seu tom, como se estivesse fazendo graça de sua situação...
    A dor era grande, mas não impediu Letícia de sentir ódio daquela mulher.
    Tentou alcançar uma parede ou móvel, para então conseguir se sentar.

    Olhou para as duas mulheres, tentando decifrar que tipo de gente era aquela.
    Estava com dor, com frio, e com raiva, mas principalmente, temia pelo inevitável fim de sua vida.
    Não disse nada... Não havia nada que precisasse saber... nem entenderia.






    Lnrd
    Tecnocrata
    Lnrd
    Tecnocrata

    Mensagens : 385
    Reputação : 22

    Uma Antessala Vermelha - Letícia - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Letícia

    Mensagem por Lnrd em Seg Maio 20, 2019 3:42 pm

    Aquela visão devia ter algo de similar ao encarar de uma barragem rompendo-se e liberando um oceano contra o qual não se pode lutar – não só o terror do inevitável, mas o assombro de algo maior que a vida.

    Jezabel e Radiance haviam conversado sobre o que fazer com a garota moribunda, mas era difícil supor o que aquelas figuras estariam dispostas verdadeiramente a fazer para se livrar daquele inesperado incômodo. Tentariam aproveitar o estado fraco de Letícia para esganá-la? Usariam algum objeto para surrá-la? Não seria improvável que tivessem alguma arma ali para defenderem-se no caso de alguma tentativa de assalto.

    Tais opções, entretanto, não explicavam a postura cruel da ricaça ou o teor sem sentido da fala dela. Havia mencionado “transformá-la” e “dar mais sangue”. Era impossível entender o que tentava dizer, talvez apenas fruto de um delírio febril de alguém à beira da morte.

    Então tudo piorou.

    Conforme aproximava-se, era possível jurar que grandes caninos saiam da boca dela, a máscara dos monstros que guardam a morte. Com um movimento rápido e uma pegada rígida, tentou segurar um dos pulsos da vítima, levando o próprio rosto a ele. Mas não estava só: Radiance também tinha aquela aparência entre um anjo e um demônio, limitando-se a tentar se desculpar enquanto mirava o pescoço da ilustre convidada.
    nahna
    Tecnocrata
    nahna
    Tecnocrata

    Mensagens : 400
    Reputação : 14

    Uma Antessala Vermelha - Letícia - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Letícia

    Mensagem por nahna em Seg Maio 20, 2019 10:57 pm




    De repente percebeu que nada daquilo fazia sentido... Estava de fato delirando... seria um sonho ruim?
    Não podia ter certeza, mas esperava acordar a qualquer momento, perto do fim.
    Aqueles dentes pavorosos... mas estava fraca e indefesa... protestou ao movimento das duas mulheres, mas não conseguiu reagir.

    Apenas entregou-se àquela situação irreal, olhando para as duas com olhos assustados.
    Foi se deixando apagar.






    Conteúdo patrocinado


    Uma Antessala Vermelha - Letícia - Página 3 Empty Re: Uma Antessala Vermelha - Letícia

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Seg Ago 19, 2019 3:27 pm