Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    Jade Vine - O zelo no servir - Jogadora Srta. Moon

    Dycleal
    Antediluviano
    Dycleal
    Antediluviano

    Mensagens : 4886
    Reputação : 107
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png

    Jade Vine - O zelo no servir - Jogadora Srta. Moon Empty Jade Vine - O zelo no servir - Jogadora Srta. Moon

    Mensagem por Dycleal em Qui Jun 13, 2019 11:25 pm

    Jade Vine - O zelo no servir - Jogadora Srta. Moon 40158911 Jade Vine - O zelo no servir - Jogadora Srta. Moon Lunara10

    Dycleal
    Antediluviano
    Dycleal
    Antediluviano

    Mensagens : 4886
    Reputação : 107
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png

    Jade Vine - O zelo no servir - Jogadora Srta. Moon Empty Re: Jade Vine - O zelo no servir - Jogadora Srta. Moon

    Mensagem por Dycleal em Sex Jun 14, 2019 12:05 am

    Jade estava meditando no recém construído poço da lua, o novo santuário era acanhado ainda e os druidas e elfos da noite trabalhavam sem descanso para levantar as estruturas básicas necessárias e a jovem dríade faz um retrospectos dos últimos anos desde a grande batalha que lutou no monte Hyjal, a nova ameaça dos demônios e o agora eterno estado de vigília por um perigo no ar, prestes a acontecer a tirar o sono e o sossego de todos.

    A curandeira era jovem para os padrões do seu povo, duzentos e trinta e dois anos era pelo menos metade da idade dos seus companheiros ali no santuário, mas aquela filha de Lunara, onde corria o sangue do semi-deus Cenarius era especial e sabia que não era por acaso que Tarindrella a convocara para está missão espinhosa de abrir um santuário nos confins dos sertões e enquanto absorvida nestes pensamentos uma mão lhe toca os ombros.

    Ligeiramente assustada, vira-se e vê a sua mestra, Tarindrella, que a designara para estar ali, há um mês atrás e agora lhe sorrindo lhe fala: - Amada Jade, a sua doçura me deixou um rastro que facilitou acha-la e sorriu.

    A ninfa curandeira, sabia que aquelas amabilidades escondiam preocupações profundas, conhecia por demais a mestra, para não sentir esses sentimentos por trás da sua voz suave e melodiosa. E, após uma reverência, pergunta: - O que lhe aflige, mestra? E a mestra sorri e diz: - Sou tão transparente assim para você? Sim, as minhas preocupações são severas, graves até. olha para os lados para se certificar que estão sós e continua: - Estou vindo do Santuário Remulos e o que eu desconfiava está acontecendo, Jaina Proudmore e a nossa sumo sacerdotisa Tyrande Murmuréolo, convocaram a patrulheira Jareath Blackoak para investigar auras estranhas nas ilhas e prais ao norte de Theramore e temo que a Legião Ardente deve estar por trás de tudo, os Défias é só a carapaça do inseto.

    Estranhamente ela se cala, impotente, a missão era deveras perigosa e faltava-lhe coragem para pedir que sua discípula amada fosse para uma missão praticamente suicida e a corajosa Jade fixa o olhar na mestra e diz: - Não precisa pedir amada, é meu dever proteger as vidas que estão em risco naquela região, e logo me terás com notícias, serão apenas dois sois e duas luas que verei deitar e Eluna estará comigo, apenas me abençoe.

    Com lagrimas nos olhos, a mestra emite o canto de Eluna cobrindo o corpo da Dríade com uma aura azulada e diz: - Jade Vine, ordeno que volte sã e salva e com as informações vitais para o nosso povo.

    E Jade trotou pelas trilhas como bem sabia fazer e no prazo que calculou estava em cima de uma rocha observado o mar aberto em volta de Theramore e dormiu em um recôndito de uma rocha e nas primeiras horas do dia começou a sua investigação e por dois dias investigou os acontecimentos nas ilhas e praias ao norte de Theramore e em uma manhã enquanto seguia um grupo de orcs com caixas é surpreendida e golpeada por um porrete e desmaia.

    Ao acordar está amarrada ao pé de uma pequena elevação na praia e um barulho lhe chamam a atenção, uma imensa aranha luta com dois orcs e ao longe dois indivíduos, um com chifres e um mais baixo, mas também forte, correm em direção do conflito e seu coração pensa se conseguirá cumprir com a promessa que fizera para a sua mestra.
    Srta. Moon
    Antediluviano
    Srta. Moon
    Antediluviano

    Mensagens : 3675
    Reputação : 28
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Jade Vine - O zelo no servir - Jogadora Srta. Moon Empty Re: Jade Vine - O zelo no servir - Jogadora Srta. Moon

    Mensagem por Srta. Moon em Seg Jun 17, 2019 1:55 pm

    Jade assim que deixou seu território seguro e abençoada por sua mestra seguiu rumo à completar sua missão pelo visto não seria dada demais se tivesse todo o cuidado do mundo, a principio era este seu raciocínio otimista depois de refletir bastante na missão que realmente era perigosa, ir para uma região que não tinha muito conhecimento procurar por algo que poderia estar acontecendo ou não.
    Sem contar que se sua mestra estivesse certa ela teria que enfrentar o inimigo que estaria em numero maior, ainda assim no primeiro dia de viagem tentou ficar calma repetindo para sim mesma que era preciso ser otimista, tudo daria certo, já no dia seguinte andou pela trilha confiante às vezes tinha que parar sua caminhada e deixar o Capim (Mula) descansar um pouco.
    Quando estava a seguir um grupo de orcs suspeitos, foi pega de surpresa não teve tempo de reagir, pois o golpe que levou foi tão forte que a fez desmaiar, quando despertou viu que estava amarrada presa, olhava para os lado a procura de algo que pudesse ajuda-la a cortar as amarras, quando estava em desespero tentando libertar-se um barulho prendeu sua atenção pelo visto o bando de orcs estava sendo atacados, e esta era sua oportunidade para fugir tinha que encontrar o Capim e rever seus itens e completar sua missão, tinha dado a sua palavra para sua mestra.

    Segue> Gundher Winterbane
    Conteúdo patrocinado


    Jade Vine - O zelo no servir - Jogadora Srta. Moon Empty Re: Jade Vine - O zelo no servir - Jogadora Srta. Moon

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Sab Out 19, 2019 3:33 pm