Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    O Monte Celestial

    Paulo Gorfo
    Cavaleiro Jedi
    Paulo Gorfo
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 248
    Reputação : 14

    O Monte Celestial Empty O Monte Celestial

    Mensagem por Paulo Gorfo em Qui Out 10, 2019 3:36 pm

    Vocês acordam, um a um, o ambiente é claro, certamente o cume de uma montanha cercada por nuvens expeças demais para ver o chão.
    Estão em algo que parece uma pequena arena, seu corpo está dormente. Parecem séculos de um longo sono e os músculos parecem não querer acordar.
    Aos poucos seus sentidos vão se acostumando com o ambiente, e existe um ponto de luz mais forte que os demais.
    Ao lado de vocês uma movimentação, ainda muito rápido para focar a visão ou acompanhar pelo som, mas alguns corpos parecem serem carregados para fora desta arena, não foi possível identificar quem carregava ou quem era carregado.
    Aos poucos todos vocês vão se pondo de pé, todos tem a altivez de seus feitos, alguns conseguem lembrar destes feitos, outros só parte deles.
    O foco começa a se fazer, vocês olham ao seu redor, alguns estranhos, e algumas figuras que parecem com as descrições que vocês já ouviram em histórias antigas. Olhando para as bordas da arena, mesmo os menos dedicados aos estudos da religião reconhecem os que ali estão, em tronos, distantes alguns metros uns dos outros: Helm, Bane, Ogmah, Torm, Selune, Chauntea e Mystra.
    Alguns outros em um segundo patamar, poucos são capazes de reconhecê-los, mas são divindades menores, e não chegam a vinte.
    Aquele ponto de luz se torna mais visível, Lathander, ele começa a falar, seus ouvidos doem com o poder de sua voz em mistura a fragilidade de seus sentidos, mas seu tom é imperativo.

    - Senhores, eu sou Lathander, o deus Sol, e vocês estão em meus domínios, onde os deuses têm se reunido para concentrar nossos poderes. Alguns de vocês já sabem, mas outros não puderam acompanhar, mas o mundo como vocês conheceram acabou. Os deuses estão enfraquecidos e a humanidade corre risco de extinção. Os deuses decidiram que para salvar o mundo seria necessário trazer lendas de eras antigas para andarem novamente junto aos mortais, e cada um de vocês foi escolhidos por um deus como realizar um grande feito, talvez o mais importante de toda história. Após a escolha dos indivíduos alguns deuses decidiram presentear-lhes com itens para lhes ajudar nessa caminhada, eles logo lhes serão entregues.

    - A missão de vocês é simples, mas muito perigosa. Foram criados oito selos para afastar os deuses do plano material primário, sua missão é destruir estes selos. O que ficou decidido, pela maioria dos deuses é que a humanidade deve ser preservada, em se falando de humanidade são todas as raças humanoides inteligentes. Mas cuidado com eles, considerem todos hostis, mas a salvação deles é o fundamento desta empreita.

    - Para a preservação da humanidade e de suas próprias vidas será imperioso que sua identidade não seja revelada, para isso vocês receberão um item mágico de disfarce. Também é imperioso que vocês não devam usar nenhum poder mágico ou sobrenatural na presenças de qualquer pessoa.

    Lathander olha para o lado e uma mulher esguia, com o cabelo dourado, muito bem vestida entra na arena empurrando uma espécie de carrinho-bandeja, nele uma série de itens estão distribuídos, ela entrega um a um aos recém despertos, e apesar da solenidade do ato, ela se mantém sorrindo.

    Lathander volta a falar - Essa será a última vez que conversaremos pessoalmente, nós deuses juramos não mais pisar na terra. Então se tem algo a perguntar ou a dizer essa é a hora.

    Gelatto
    Adepto da Virtualidade
    Gelatto
    Adepto da Virtualidade

    Mensagens : 1894
    Reputação : 55
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh25.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh19.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh38.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh46.png

    O Monte Celestial Empty Re: O Monte Celestial

    Mensagem por Gelatto em Qui Out 10, 2019 5:42 pm

    ABADDON

    Abaddon sente seu corpo inerte no chão. Sua visão está embaçada. Sua memória vaga. Há um forte cheiro de carne morta ao redor. Sente algo se movendo ao seu redor. Ainda não consegue se mover, seu corpo dói e sangra. A paladina caída permanece calma. Se este é seu destino, que assim seja. Mas nada acontece. Aos poucos começa a sentir seus músculos voltarem. Cerra seu punho, sentindo o tato que indica que estava viva. A dor vai diminuindo, mas não cessa. Tocando seu corpo nota que sua armadura está forjada diretamente na sua carne. Parece alguma loucura, mas não, ela realmente é uma com sua armadura. Abaddon se coloca sentada, notando corpos sendo carregados por vultos desconhecidos. Parecia estar em uma arena. Por um momento imagina ser a única vitoriosa, quando percebe outros corpos se levantando. Havia mais de um vitorioso. Abaddon se recompõe e começa a se levantar.

    Em torno da arena há várias entidades que se intitulam divindades, ou como eles preferem serem chamados, deuses. Alguns Abaddon reconhece devido aos anos de estudo, outros são tão inferiores que Abaddon nem se dá ao trabalho de tentar se lembrar seus nomes. Estava em uma arena cheia de corpos, com vários vitoriosos e cercados por divindades. Sua memória está confusa com os mais recentes acontecimentos. Então um ponto de luz brilhante se intensifica e se revela como a divindade do sol Lathander.

    Lathander vem com um assunto sobre o enfraquecimento das divindades e a o apelo aos heróis do passado. Arsinoe sempre se achou uma heroína traída pelo seu povo, adotando o nome de Abaddon. Ela esboça um sorriso sádico quando é reconhecida por estas divindades da sua verdadeira natureza. Finalmente alguém entende por tudo que ela luta. As explicações de Lathander continuam.

    Uma moça entra na arena carregando um carrinho com artefatos divinos. Ela entrega a Abaddon uma espada forjada pelos deuses. Neste momento percebe que sua armadura ressoa com a presença da espada, como se fossem unos. Detalhes em vermelho-fogo são visíveis pelo metal negro que reveste a carne do seu corpo. Os outros presentes recebem seus presentes dos deuses. Abaddon não é a única escolhida dos deuses, mas não se importa com isso. No íntimo ela sabe que sua devoção não tem comparações.

    O deus-sol finaliza seu discurso e abre espaço para perguntas. Então, Abaddon, com um sorriso sádico, apenas pergunta:

    -"O que ganhamos?"

    O Monte Celestial Fallen-paladin-1
    Katerine Le Blanc
    Troubleshooter
    Katerine Le Blanc
    Troubleshooter

    Mensagens : 860
    Reputação : 15
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png

    O Monte Celestial Empty Re: O Monte Celestial

    Mensagem por Katerine Le Blanc em Qui Out 10, 2019 6:36 pm


    Be bad or something else



    Crowlley nunca foi um cara de palavras e ao mesmo tempo um líder nato, porém, depois que o mesmo havia morrido seus súditos mais fieis e seu amigo choravam por sua morte o que durou por vários anos, mas por alguma razão o demônio sentia como se estivesse esticado ainda no chão como se ainda não estivesse morto. Seu coração batia de vagar e seu corpo parecia pregado no chão, aos poucos seus olhos iam se abrindo lentamente em quanto sua mente fazia várias perguntas sem respostas, a mais comum delas era como ele poderia estar vivo depois de tanto tempo.

    Todo seu corpo estava dormente e seus músculos pareciam não querer acordar fazendo o coração de Crowlley palpitar mais rápido do que o normal, um pouco mais ao longe ele conseguia perceber uma movimentação e com sua visão um pouco embaçada ele não conseguia ver quase nada apenas algumas coisas serem arrastadas, com seu coração voltando a palpitação mais calma o demônio sente seus músculos e aos poucos começa a se levantar, seu pescoço parecia duro que logo que o mesmo ficou a cabeça poderiam ser ouvidos estalos iguais ao do resto de seu corpo, mas também percebia outras pessoas também no mesmo estado.

    Como por instantes Crowlley vê uma luz bastante forte ao qual o demônio forçava a vista para ver além dela, antes que ele conseguisse dizer algo o mesmo ouvia uma voz muito estridente e ao mesmo tempo calma começando a explicar por que eles estavam ali, ainda confuso com tudo aquilo decidiu apenas ouvir em quanto tentava identificar as outras pessoas que estavam com ele, por sorte Crowlley não enxergava Aziraphele o deixando mais calmo em quanto ouvia o deus do sol.

    Depois de algumas horas falando uma moça entrou na arena com uma carrinho contendo artefatos divinos, um deles chamou a atenção do demônio que logo abria um sorriso no canto da boca, era um óculos escuro e bem estilosos aos olhos de Crowlley, o mesmo parecia conter algum tipo de magia já que havia um leve brilho da cor vermelha e alguns entalhes na haste do mesmo como fogo.

    O deus logo terminava de falar e deixava todos abertos a perguntas, uma mulher de armadura logo se pronunciou fazendo o demônio abrir um sorriso no canto rosto demonstrando que havia gostado do jeito da mesma, porém, Crowlley precisava saber de seu amigo. — Eu tenho na verdade uma pergunta, bem eu queria saber se o meu amigo ainda está vivo, o nome dele é Aziraphele. - Com seus olhos fixados na luz ele apenas esperava uma resposta positiva.




    Sailor Paladina
    Mutante
    Sailor Paladina
    Mutante

    Mensagens : 573
    Reputação : 27

    O Monte Celestial Empty Re: O Monte Celestial

    Mensagem por Sailor Paladina em Qui Out 10, 2019 8:01 pm

    Crisanta observa a situação sem fazer movimentos bruscos. Havia sido chamada ao dever mesmo depois dos crimes cometidos. Era uma nova chance de se redimir, a qual não iria desperdiçar. O que Lathander diz, é memorizado por ela e sua única reação é se ajoelhar em reverência. Havia entendido literalmente em alto e bom som e a ela não cabia direito de questionar, apenas cumprir sua missão. As poucas magias que possuia podiam ser facilmente consideradas milagres ou mesmo sorte, por serem sutis o suficiente. Sem dizer palavra, a paladina apenas aguarda a ordem para seguir com sua missão. Embora não tivesse interagido com nenhum dos futuros possíveis companheiros, Crisanta observa a tal Abaddon com o canto do olho, após sua pergunta ousada. Com a máscara em seu rosto seria impossível saber quem a paladina julgava naquele momento. Iria apenas observar por enquanto.
    Paulo Gorfo
    Cavaleiro Jedi
    Paulo Gorfo
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 248
    Reputação : 14

    O Monte Celestial Empty Re: O Monte Celestial

    Mensagem por Paulo Gorfo em Sex Out 11, 2019 9:56 am

    Inicialmente para @Sandinus e @Dycleal não estão nas fileiras Anubis, Hella, Sylvanos e Mielikke, nem quaisquer pessoas que foram conhecidas dos personagem, somente aqueles que foram nomeados e os demais desconhecidos, também não existe a possibilidade daqueles falarem telepaticamente com os personagens. Portanto peço que refaçam seus posts e excluirei os primeiros assim que os novos sejam postados, inicialmente irei apenas ignorar.

    Lathander responde olha para Abbadon

    - Os planos exteriores estão ruindo, vocês ganharão exatamente o mesmo que nós deuses, o direito de continuar existindo seja no plano material primário ou em qualquer outro plano. Mas apesar dos esforços das divindades para revivê-los esta missão pode ser recusada, se assim for sua decisão.

    Em seguida vira seus olhos para Crowlley

    - Aziraphele não foi escolhido para esta missão, nossos poderem são limitados, vocês foram os poucos escolhidos entre centenas de possíveis candidatos de poder semelhante.
    Obsservador
    Mutante
    Obsservador
    Mutante

    Mensagens : 549
    Reputação : 15

    O Monte Celestial Empty Re: O Monte Celestial

    Mensagem por Obsservador em Sex Out 11, 2019 2:41 pm

    O Monte Celestial Halthie

    ---AHHHHHHHHHHHHhhhhhh~
    Brandal acorda com um gritinho desesperado enquanto estica os braços como se tentasse se proteger de algo desesperadamente, demora alguns segundos até perceber que não encontrasse no local onde imagina.
    Sente então o peso do corpo há muito sem uso, sem conseguir levantar de imediato seus olhos percorrem o recinto com perspicácia.
    "Tudo tão claro" pensa o halfling.

    Nota que não está só, mas assim como não reconhece o lugar também não reconhece as pessoas ali. A única coisa que lhe parece familiar são alguns quadros de divindades pendurados ao longe, na luz clara e brilhante sem fim.
    O halfling levanta-se, levemente constrangido pelo excesso que causará a pouco "Uma péssima entrada, mas já tive piores" pensa consigo mesmo enquanto termina de ficar de pé.
    Assim que consegue organizar suas lembranças o quadro de Lathander começa a falar. Uma voz masculina autoritária e mais alta do que qualquer criatura que Brandal já enfrentou conseguiu sequer gritar/rugir.

    Ele ouve tudo de boca aberta, ainda não conseguindo acreditar no que presencia. Somente então nota que todos as "pinturas" estão se movendo, finalmente a moeda para de girar sobre a mesa demonstrando sua verdadeira face.
    "Estou na presença dos deuses, mas porquê?"
    Lathander explica e o halfling fica na dúvida se o mesmo teve a ousadia de invadir seus pensamentos ou fora somente o acaso.
    Ele ouve com atenção as explicações da voz.
    Seus olhos ficam esbugalhados ao ver a Lucky Blade lhe sendo oferecida.
    "Diabos, morri por ela mas a tenho em mãos no final... que reviravolta! Quem imaginaria?"

    Após as ousadas perguntas o halfling aguarda as devidas respostas antes de fazer a sua própria.
    ---QUAIS SÃO OS TERMOS DO CONTRATO? grita de volta incapaz de se decidir se seria capaz de ser ouvido ou não tamanha a distância dos ouvintes.

    Paulo Gorfo
    Cavaleiro Jedi
    Paulo Gorfo
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 248
    Reputação : 14

    O Monte Celestial Empty Re: O Monte Celestial

    Mensagem por Paulo Gorfo em Sex Out 11, 2019 3:00 pm

    Lathander volta seus olhos para o Halfling.

    - Os termos... Deixe-me pensar... Vocês devem voltar à terra e destruir os selos. Vocês não devem matar pessoas no processo. Em contrapartida vocês recebem suas vidas e estes artefatos como presente. E vocês, nós e toda a existência persiste. Acha um bom contrato?
    Sandinus
    Wyrm
    Sandinus
    Wyrm

    Mensagens : 9118
    Reputação : 60
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    O Monte Celestial Empty Re: O Monte Celestial

    Mensagem por Sandinus em Sex Out 11, 2019 4:41 pm

    Menephet acorda confuso, seus olhos abrem-se lentamente e a claridade os incomoda um pouco no início, conforme deus olhos foram se adaptando, o naga apoia-se com seu braço direito e levanta-se, os músculos não obedeciam corretamente mas aos poucos eles também foram se adaptando. O céu era claro e algumas nuvens passavam lentamente arrastadas pelo vento, ele olha ao redor e percebe que estava em meio a uma arena e outras pessoas se erguiam como se também estivessem num sono profundo.

    Não demora e logo uma luz muito mais forte que as demais chama a atenção do Vizir, assim que ele direciona seus olhos enxerga algumas criaturas humanoides e pela aparência de cada uma delas ele como vizir, logo identifica de quem se tratava, seus estudos sobre religiões, costumes e deuses deram o conhecimento a ele para identifica-los e não restava dúvidas a Menephet que o mais brilhante era Lanthander o Deus Sol, os outros eram Helm, Bane, Ogmah, Torm, Selune, Chauntea e Mystra.

    Logo ele lembra do sonho que teve onde Anubis e Hella o contactaram e fizeram uma proposta a ele que foi aceita de pronto. O próprio Anúbis explicou ao Faraó que ele iria reviver e seus votos deveriam ser quebrados ali naquele momento, o vizir, por sua vez, como servo fiel não concordava, mas aceitou de pronto, facilitando assim sua ressurreição.

    De volta ao local ele foca-se nas palavras de Lanthander que esclarecia a ele e ao grupo que acordava sobre o propósito deles, o vizir olha para seu corpo analisando-o e percebe que não ressuscitou como os demais, ele era um morto-vivo, seus osso apareciam em meio a sua carne pútrida mas estranhamente ela não fedia, talvez o poder dos deuses fizeram isso.

    Então ele volta a foca-se em Lanthander. Após as palavras dele uma bela huamana se aproxima e entrega pertences a eles, presentes fornecidos pelos deuses, ele olha para a arena em Busca de Anubis e Hella, mas não os enxergam, por um momento ele acha estranho, mas guarda para si por enquanto.

    O naga ouve os demais e toma a palavra:

    -A Única coissssssa que ansssssseio ssssssaber meu ssssssenhor é ssssse o mago ainda esssssta vivo! Aproveitando a oportunidade, quero pedir perdão a todosssss vocêsssss ssssenhoresssss, pela minha derrota para ele, não pude impedi-lo e detê-lo em esssssspecial ao Grande SSSSSenhor do julgamento Anubisssssss, O Chacal e a Imperatrizzzzz da Doençççça e Degradaçççção, Hella... Nem o poder da Dragonessssa Milenar, minha primeira ancccccessssstral a Alissssandraminartakuna unido assss forççççasssss de todo meu exxxxxxército, a mim e de minha família fomosssss páreossssss para ele, era um poder inimaginável... Masssss não sssse preocupem...prometo não falhar dessssa vezzzzz...

    Ele termina curvando-se enquanto seus olhos percorrem o local mais uma vez buscando Anubis e Hella e um semblante preocupado se instaura.

    "Talvezzzzz elesssss esssstavam sssssem forççççassss para vir até aqui, bem como ossss demaissss deussssessss do panteão egípccccccio...entre outrosssss" Pensava consigo.


    Gelatto
    Adepto da Virtualidade
    Gelatto
    Adepto da Virtualidade

    Mensagens : 1894
    Reputação : 55
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh25.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh19.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh38.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh46.png

    O Monte Celestial Empty Re: O Monte Celestial

    Mensagem por Gelatto em Sex Out 11, 2019 4:48 pm

    ABADDON

    Lathander escreveu:- Os planos exteriores estão ruindo, vocês ganharão exatamente o mesmo que nós deuses, o direito de continuar existindo seja no plano material primário ou em qualquer outro plano. Mas apesar dos esforços das divindades para revivê-los esta missão pode ser recusada, se assim for sua decisão.

    -"O mesmo que vocês? O direito de continuar existindo em qualquer plano? Você está dizendo que nos tornaremos divindades, como vocês?"
    Dycleal
    Semi-Deus
    Dycleal
    Semi-Deus

    Mensagens : 5423
    Reputação : 124
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png

    O Monte Celestial Empty Re: O Monte Celestial

    Mensagem por Dycleal em Sex Out 11, 2019 4:55 pm

    Zaphyra acorda cansada e com frio. Olha ao redor e não reconhece a sua floresta que fora guardiã por milênios e a cerração de nuvens não obstrui a claridade que reina, mas impedem de ver o horizonte que deveria estar na perspectiva da sua visão. Suas armadura de couro batido até dobrada sobre os seus pertences e ela está vestida apenas com uma fina camisola diáfana que cobre seu corpo enquanto dorme seu sonho de guardiã. Ela se veste e recolhe sua coisas e com dificuldade se levanta, parece que dormiu por mil anos e aos poucos percebe que está em uma arena e que vários corpos são recolhidos e outros vão se levantando com ela e se colocando de pé.

    A arauto de Mielikke olha para além da arena, e onde deveria estar as arquibancadas está um anel formados por deuses e paralelamente e mais afastado outro anel maior com outros deuses e lá estão vários outros deuses, pares da sua deusa tanto os mais poderosos no circulo mais central, quanto os deuses menores e semi-deuses no circulo externo e o deus sol e consorte de Mielikke na sua potente voz anuncia as condições daquela reunião e logo uma bela mulher trás um carrinho com vários objetos, os artefatos citados por Lathander e reconhece entre eles o artefato que sua amiga lhe deve ter separado, o desejado livro dos grandes feitos, e enquanto se harmoniza com ele lamenta a ausência naquela reunião da sua amiga Mielikke e do pai Sylvanus.

    A druida faz uma mesura para os deuses do primeiro círculo e faz uma reverencia para os demais deuses, o que é correspondido por alguns com um sorriso e reconhece alguns parceiros em poderosas lutas ancestrais. Zaphyra entende pela dor em seus músculos que foi trazida do mundo dos espíritos para o mundo material e que nesta transição perdera boa parte do seu poder, mas se deleita com a sensação de estar viva novamente e pergunta a Lathander se trabalharão em conjuntos, os heróis revividos, ou se cada um terá uma missão em separado, enfim qual a logística que deverão tomar para tantos seres poderosos passarem despercebidos? E por fim pergunta se poderá ver sua amiga Mielikki e seu pai Sylvanus, a força do carvalho

    Enquanto espera a resposta, expande os seus sentidos para sentir o máximo de sons, imagens e odores possíveis, pois é agradável estar viva de novo e poder mais uma vez poder fazer a diferença.
    Obsservador
    Mutante
    Obsservador
    Mutante

    Mensagens : 549
    Reputação : 15

    O Monte Celestial Empty Re: O Monte Celestial

    Mensagem por Obsservador em Sab Out 12, 2019 11:14 am

    O Monte Celestial Halthie

    A resposta vem de rompante e faz com que o halfling instintivamente tape os ouvidos devido ao som ressonante.
    Primeiro assustado, depois pensativo. "Apenas viver é uma boa barganha, mas será que consigo tirar mais disso? Será sensato tentar barganhar com os deuses?"
    O pensamento rápido muitas vezes já tiraram esse halfling gordinho de situações perigosas mas também já o atrapalhara antes. Ao ouvir o menção sobre tornarem-se deuses fica surpreso.
    "Deuses? Isso é demais..."
    fica em dúvida se proveitoso ou prejudicial. De toda forma responde:

    ---ME PARECE UM BONS TERMOS. ONDE ENCONTRAREMOS ESTES SELOS? QUAIS SUAS PROTEÇÕES? E O QUE MAIS DEVEMOS SABER?

    Apesar de muito pensar o halfling não se demora tanto quanto parece e nem mesmo perde a eloquência ou gratidão na voz.

    Katerine Le Blanc
    Troubleshooter
    Katerine Le Blanc
    Troubleshooter

    Mensagens : 860
    Reputação : 15
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png

    O Monte Celestial Empty Re: O Monte Celestial

    Mensagem por Katerine Le Blanc em Sab Out 12, 2019 9:57 pm


       
    Be bad or something else

       


    Crowlley não ficava tão animado com a ideia de que seu amigo pudesse estar morto, mas logo voltava a ouvir o deus do sol e seus novos companheiros em quanto apenas tentava pensar em seu amigo, mas aquilo era mais importante já que ele teria a chance de salvar o mundo ao invés de destruí-lo.

       

       


       
    Paulo Gorfo
    Cavaleiro Jedi
    Paulo Gorfo
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 248
    Reputação : 14

    O Monte Celestial Empty Re: O Monte Celestial

    Mensagem por Paulo Gorfo em Seg Out 14, 2019 1:07 pm

    Lathander ouve todas as indagações e vai respondendo uma a uma.

    - Vizir Menephet, o mago foi destruído por seus próprios seguidores. Nos seus últimos dias suas ideias estavam tão fundo na mente das pessoas que a existência de um mago poderoso não poderia ser mais tolerada.

    Torm fala, logo após Lathander, sua voz era menos imperiosa, mas as palavras traziam um acalento para os ouvintes.

    - Ninguém o culpa por tombar naquele combate, Imperador. Sua batalha foi grandiosa, mas era uma guerra impossível de ser vencida.

    Após a pergunta de Abaddon, Bane toma a frente e responde, com um ar imponente até a alma mais corajosa refuta em questioná-lo.

    - Abaddon, quem nasceu mortal assim continuará, mas suas almas precisam de um destino depois da morte, se não cooperarem elas também sumirão, assim como os deuses.

    Lathander diz:

    - De fato Abbadon, existe uma diferença entre deuses e mortais, e por milênios nós deuses quisemos andar na superfície que pertence a vocês. Para o bem de toda a existência os mortais reinarão sobre o plano material primário e os mais dignos poderão caminhar com os deuses após a morte, mas nunca existirá uma igualdade.

    As pergunta de Zaphyra são respondidas por Oghma, cada palavra dita por ele parece carregar muito mais conhecimento que quaiquer outras pessoas:

    - O trabalho em conjunto é vital para sua sobrevivência e o sucesso dessa missão. Todos vocês devem ter percebido que vocês estão menos poderosos do que já foram um dia, mas esse foi o máximo possível de extrair das essências divinas utilizadas. Para passarem desapercebidos vocês levarão estes itens capazes de criar uma ilusão sobre suas imagens, mas fiquem atentos que é somente uma ilusão.

    Oghma pondera, então Mystra toma a palavra, ela não fala, sua voz ecoa direto na mente dos "ouvintes":

    - O ritual necessário para reviver suas almas mortas a eras foi muito complicado e juntamente perigoso. Vários deuses foram consumidos no processo, coisa que nem eu nem Oghma fomos capazes de prever, os únicos que mantiveram parte de sua essência, mas não sabemos até quando, são Sylvanos, Tempus e Tyr. Os outros que participaram dos rituais desapareceram, e não fazemos ideia se ainda existem. Os demais deuses que aqui não estão foram completamente esquecidos pelos mortais e pouco a pouco foram sumindo, toda a divindade está presente nestes salões de Lathander, que tem conseguido nos proteger. Por isso é imperioso que consigam cumprir sua missão, nós não conseguiremos realizar outro ritual deste.

    A pergunta de Brandal é respondida por Oghma:

    - Vocês possuem em suas almas parte da essência dos deuses, portanto estes selos serão tão incômodos para vocês quanto foram para nós. Alguns deuses lembram que andavam na terra quando os primeiros selos foram conjurados, a sensação de repugnância nos fez sequer ter vontade de investigá-los, vocês sentirão algo assim. Quanto às suas proteções, nem mesmo eu tenho estas respostas, mas é certo que todas são demasiadas grandes e vocês não poderiam derrotá-las com o poder que possuem atualmente, nem mesmo com os presentes que lhes demos. Porém os perigos do mundo nunca foram tão grandes e grandes tesouros estão maiores do que nunca, acredito que os senhores precisarão se equipar melhor do que estão atualmente.

    Os deuses esperam por mais questionamentos.
    Katerine Le Blanc
    Troubleshooter
    Katerine Le Blanc
    Troubleshooter

    Mensagens : 860
    Reputação : 15
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png

    O Monte Celestial Empty Re: O Monte Celestial

    Mensagem por Katerine Le Blanc em Seg Out 14, 2019 1:39 pm


       
    Be bad or something else

       


    Crowlley logo se lembra de uma coisa que o intrigava já que ele só usava seus poderes de Bruxo e logo levanta a mão. — Eu me lembro que o deus do sol disse que não poderíamos usar poderes mágicos, porém, como eu fico já que eu não uso armas apenas magias. - O mesmo os questionava esperando uma resposta porque odiava usar espadas ou algo do tipo.

       

       


       
    Dycleal
    Semi-Deus
    Dycleal
    Semi-Deus

    Mensagens : 5423
    Reputação : 124
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png

    O Monte Celestial Empty Re: O Monte Celestial

    Mensagem por Dycleal em Seg Out 14, 2019 2:08 pm

    Zaphyra agradece a resposta de Oghma com um reverência e diz: - Me estabelecerei como uma batedora em busca de trabalho, não será tão difícil, eu acho, mas não sei se esta atividade ainda existe ou seria verossímil na cultura atual, por favor Oghma, na sua sabedoria nos discorra das condições cotidianas do mundo para nossa melhor adaptação e suplico que me diga, o que aconteceu com a minha amiga Mielikki, desejo saber, pois eu era a sua arauto, agradeço pelas informações sobre o pai Sylvanus... E dá dois passos para trás, inclinada, como forma de respeito.
    Sandinus
    Wyrm
    Sandinus
    Wyrm

    Mensagens : 9118
    Reputação : 60
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    O Monte Celestial Empty Re: O Monte Celestial

    Mensagem por Sandinus em Seg Out 14, 2019 2:14 pm

    athander ouve todas as indagações e vai respondendo uma a uma.

    - Vizir Menephet, o mago foi destruído por seus próprios seguidores. Nos seus últimos dias suas ideias estavam tão fundo na mente das pessoas que a existência de um mago poderoso não poderia ser mais tolerada.

    As palavras de Lanthander soam como um alívio para Menephet, se antes com tudo que tinha não poderia enfrentar o mago, agora apenas esse grupo não teria a minima chance, ele fica feliz ao ouvir que o mago havia sucumbido.

    Torm fala, logo após Lathander, sua voz era menos imperiosa, mas as palavras traziam um acalento para os ouvintes.

    - Ninguém o culpa por tombar naquele combate, Imperador. Sua batalha foi grandiosa, mas era uma guerra impossível de ser vencida.

    Torm acalenta o gélido coração do Vizir, ele carregava a culpa e morreu carregando-a por ter falhado em deter o mago, mas agora, com o reconhecimento de que era impossível mais uma vez ele tira esse peso de suas costas e atenta-se a resposta dos demais deuses para a indagação dos outro revividos, ele percebe a sabedoria infinita de Oghma, a imponência de Bane e a sutileza de Mystra que soa como uma queda para o naga ao mesmo tempo que responde suas indagações sobre os demais deuses especialmente Anubis e Hella. Ou eles sucumbiram, no ritual, ou foram completamente esquecidos.

    A noticia aflige o Vizir, mas também o estimula a cumprir sua missão já que talvez seu deus patrono tenha se sacrificado para traze-lo de volta, se dentre tantos servos ele escolheu Menephet, é porque ele tem algo especial além é claro da honra em ser trazido de volta da forma como foi.

    -Minha ssssenhora e meusssss sssssenhoressss, há algo que em perturba, onde foi a alma do mago? Essssta perdida para ssssempre ou nem vocêsssss sabem de sssseu paradeiro? Cassssso a resssspossssta sssseja a sssegunda opçççção temo que há a posssssssibilidade dele voltarrrr.

    O Vizir temia que o mago pudesse retornar, esperava estar enganado com seu raciocínio.
    Paulo Gorfo
    Cavaleiro Jedi
    Paulo Gorfo
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 248
    Reputação : 14

    O Monte Celestial Empty Re: O Monte Celestial

    Mensagem por Paulo Gorfo em Seg Out 14, 2019 3:14 pm

    Lathander volta sua atenção para Crowley e lhe responde:

    - Sua restrição quanto ao uso de poderes mágicos está limitada quando na presença de algum membro da humanidade, você poderá usar, e contamos que use, toda sua energia para destruir os selos que estão longe dos mortais.

    Oghma espera Lathander falar e responde aos questionamento de Zaphyra:

    - Perguntar nas cidades por serviço não será a melhor estratégia, as pessoas não gostam de heróis. Na verdade os odeiam, o entendimento atual da humanidade, que foi a doutrina ensinada pelo Mago Maldito, é que os monstros são uma reação natural da existência de pessoas especiais. Portanto sua busca deve ser sutil, em momento algum, alguma pessoa pode suspeitar que vocês estão caçando tesouros ancestrais. Em relação à Mieliki, como adiantou Mystra, eu acho que é a primeira vez que digo que não sei de algo, mas é a única resposta que tenho para lhe dar, não sei de seu paradeiro.

    A pergunta de Menephet cabe a Lathander responder:

    - Os planos superiores ruíram, menos os Montes Celestiais, e aqui a alma dele não está. Os planos inferiores também, o único que ainda existe é o Abismo, mas nenhum deus caminha por lá desde a conjuração do 8º Selo, lá pode ser uma possibilidade. O limbo vem crescendo e a sua infinitude já dobrou de tamanho, se ele estiver por lá, esta será nossa melhor opção. Mas Anubis, Ah Puch ou qualquer outro nome que queiram dar à ele, não nos noticiou à presença de sua alma cruzando a fronteira dos mundos, pode ser que a percepção do deus estivesse embaçada pelos selos ou pode ser que ele ainda esteja no mundo.
    Gelatto
    Adepto da Virtualidade
    Gelatto
    Adepto da Virtualidade

    Mensagens : 1894
    Reputação : 55
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh25.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh19.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh38.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh46.png

    O Monte Celestial Empty Re: O Monte Celestial

    Mensagem por Gelatto em Seg Out 14, 2019 5:32 pm

    -"ha ha Ha Ha HA HA!", Abaddon ri histericamente com a resposta dos deuses! Após alguns instantes, continua:

    -"VOCÊS precisam de nossa ajuda, e o maior prêmio, a imortalidade de uma divindade, não nos é oferecida! Nos aceitam ao seu lado, mas não como um igual! Precisam de nós, mas como servos e não como um aliado! Vocês são todos iguais, nunca mudam e nunca mudarão!", Abaddon critica abertamente os deuses, olhando para os demais que foram escolhidos, cada qual com seus próprios pensamentos e objetivos.

    -"Vocês deuses devem estar muito desesperados para não perceberem que sua existência depende de aceitarmos ou não. Ai, ai... até o mais tolo sabe que viver é melhor que deixar de existir... pois bem, me contento com os termos com duas condições extras apenas: primeira, quando tudo isto terminar, me mandem de volta para meu lar celestial. Tenho assuntos não resolvidos por lá. Ademais, vou lutar pela minha divindade pelos meus próprios esforços algum dia.", dizia fazendo uma reverência mais como desafio do quê como adoração. Levanta a cabeça por um instante e finaliza com um olhar sério: -"E segunda, não esperem adoração de mim!"
    Sandinus
    Wyrm
    Sandinus
    Wyrm

    Mensagens : 9118
    Reputação : 60
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    O Monte Celestial Empty Re: O Monte Celestial

    Mensagem por Sandinus em Seg Out 14, 2019 5:54 pm

    Ao ouvir a critica da humana para com os deuses, o Vizir lança um olhar de reprovação, e de modo educado porém indignado responde ainda curvado para os deuses, mas olhando para Abbadon de canto de olho.

    -Abbadon...ossss deussssessss deram ssssua vida para que nóssss voltásssssemossss a viver para ssssalva-lossss, elessss merecem resssspeito e admiração. Deveria conter suassss palavrassss e ser grato perante elessss. SSSSe você quer ssssse tornar um Deus, evolua, cresççççça em poder e dessssafie um delessss por ssssseu asssspecto, se for poderossssso o sssssuficiente venccccerá e assssssumirá o cargo como tal, porém, enquanto essssstá longe disssssso não deve maissssss do que obediênccccccia, há exemplosssss de mortaisssss que asssssscenderam a Deussssessss a hissssstória e a religião revelam isso, Vecna e CCCCCyric sssssão exemplossss...

    Portanto, torne-sssssse um Deusssss pelo ssssseu próprio esforççççço...

    Ele encerrava, voltando seu olhar para o chão enquanto se curvava perante os Deuses.
    Dycleal
    Semi-Deus
    Dycleal
    Semi-Deus

    Mensagens : 5423
    Reputação : 124
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png

    O Monte Celestial Empty Re: O Monte Celestial

    Mensagem por Dycleal em Seg Out 14, 2019 6:41 pm

    A druida ouve Abbadon falar blasfêmias e ela balança a cabeça calada, ela sabe o peso de ser um deus, foi arauto de uma e na sua época tinha status de semi- deusa mas nunca o quis para si e preferiu continuar arauto e após sua morte, uma guardiã da natureza em sua amada floresta e fica pensando em como irá achar a sua amiga, pois sente que ela está viva em algum lugar e diz para os deuses: - Estou pronta, envia-me.
    Conteúdo patrocinado


    O Monte Celestial Empty Re: O Monte Celestial

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Sex Dez 13, 2019 7:14 pm