Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite

    Sailor Paladina
    Mutante
    Sailor Paladina
    Mutante

    Mensagens : 551
    Reputação : 27

      Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite Empty Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite

    Mensagem por Sailor Paladina em Seg Out 28, 2019 3:44 pm

    Epílogo
    Allen havia descoberto da pior maneira que ser um herói em terras tiranas requeria muito mais que vontade e boas ações. Crescendo sob a tutela de um dos piratas mais cruéis das Ilhas dos Drakes, o Swashbuckler era um privilegiado e inconsequente, recebendo em primeira mão como era ser alguém do populacho batalhando pra sobreviver naquele lugar. Ignorando o casal estranho na ilha, tomando a mão de sua amada e partindo com o tesouro daquela ilha esquecida por todos, Allen segue de volta para Scuttle Town, apenas para dizer ao seu padrasto Barba Negra e seu tio Wycombe que iria 'voltar pra casa', pois a vida de pirata não era pra ele. Seu destino era ser um salvador de donzelas e ter seu nome cantado pelos bardos do mundo. Barba Negra o lembra que embora fosse como um filho pra ele, o rapaz ainda era seu escravo. Mas, se ele topasse se casar em seu navio, trazendo a benção de Solaris pra sua embarcação, sua dívida estava paga. Sem muita escolha, Allen tem suaunião com Pidget abençoada e todos os bucaneiros o parabenizam pela escolha. Como presente de casamento, Barba Negra concede a liberdade pro seu afilhado permitindo que ele navegue os sete mares e busque a vida de herói que procura pra si. O casal passa a lua de mel numa cabine de luxo e espera pelo dia seguinte a fim de viajarem para Avalon, terra dos cavaleiros e princesas.

    Início
    Em seu primeiro dia de casado, Allen não perde tempo naquele lugar. Pidget diz que vai arrumar as bagagens enquanto o rapaz iria agendar as passagens. Sentindo-se um novo homem com um destino brilhante, ele passa por todos com ar vencedor de quem 'parecia' que tinha tinha acabado de vencer uma horda de mortos vivos e uma naga necromante, além de ter sobrevivido a uma explosão. Quem diabos acreditaria numa história dessas? Hah! Fodam-se os incrédulos, aquela experiência o tornou um novo homem. Assobiando e caminhando feliz da vida, Allen olha para os lados e vê como era um sortudo no meio daquela gente sofrida. A elfinha negra que estava disposta a venda na banca não estava mais lá. Possivelmente vendida pra algum escroto mal-intencionado. De fato, caso Allen fosse perguntar, ficaria sabendo que ela havia sido comprada por um taverneiro pra servir de mictório para os seus clientes mais assíduos. Elfas negras costumam ser muito arrogantes e passar o dia levando mijadas e surra de pica na cara lhe servia bem. Já a Alita, caso Wycombe fosse perguntado sobre ela, o destino também não havia sido bom pra ela. Perdeu a aposta e agora era mais uma cum dumpster disponível pros homens e mulheres locais. Allen podia visitá-la se quisesse, mas Wycombe o alerta pra não querer limpar a mulher. Os transeuntes preferiam suas latrinas usadas e fedendo. Chegando no porto, ele marca uma passagem para Avalon. Para a sua sorte, o próximo navio partiria em algumas horas, significando que em breve ele não teria mais que ver gente sendo maltratada somente por não ter nascido rica ou poderosa. O cais onde Allen esperava estava lotado de latrinas pras pessoas na fila.

    Spoiler:
      Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite DvyYweL

    Logo mais Pidget chega com a bagagem. Forte e bem torneada, ela traz as malas sem problemas.
    - Uhuu, cheguei! Conseguiu as passagens querido? Mal vejo a hora de darmos o pé desse lugar!

    Ao ver as latrinas, ela ri maldosa e baixa a calcinha pra urinar numa delas de pé.
    - Bebe meu mijo, safada. Só de imaginar que poderia ser eu nessa situação, dá até arrepio. Miau! Haha.

    O casal sobe no navio e com a partida do mesmo, eles vêem a cidade de Scuttle Town ficar pra trás e desaparecer no horizonte. A viagem dura cerca de duas semanas. Teria sido uma viagem tranquila, não fosse por um pequeno incidente. Correndo atrás de um rato, Pidget acabou sendo mordida por um e infectada, adoecendo com alguma febre. Pra variar não havia um clérigo a bordo. Tendo que fazer uma parada de emergência (sem reembolso) pra o casal descer num bote e a Nejokin doente não infectar mais pessoas, Allen e Pidget se veem no cais de uma pequena cidade a beira-mar. Uma placa com o nome do lugar riscado diversas vezes, identificava onde eles estavam. Elangheria ou Elanghelia. Dois elfos bem vestidos batiam boca sobre qual o nome deveria ficar. Pelo visto era uma discussão geral entre todos os habitantes dali. Ao perceberem Allen se aproxima com Pidget meio desanimada e tossindo ao lado dele, um dos elfos bastante solícito os recebe, sendo mal educadamente interrompido pelo outro em ocasião.
    - Olá, visitantes. Sejam muito bem vindos a Elangheria!
    - ElangheLIA! Já disse a você!
    - *pigarro* como eu dizia, sejam bem vindos. Sua amiga parece estar passando mal. Por favor, leve-a ao templo. Os clérigos de Mitz poderão cuidar dela!

    Um templo da Deusa Mitz podia ser visto a distância.

      Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite GfhVVPF
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2612
    Reputação : 159
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

      Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite Empty Re: Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite

    Mensagem por Hellkite em Ter Nov 05, 2019 5:05 pm

    A vida para Allen depois da aventura na ilha maléfica havia mudado radicalmente. Dono de sua própria liberdade, casado com Pidget, ele via a cidade de Scuttle Town ficar cada vez menor dentro do barco que os levaria ate Avalon. Estava confiante de que as coisas iriam melhorar para os dois, já que ficara cansado das inúmeras maldades na cidade dos piratas.

    E Allen permaneceria assim, confiante, até que a súbita doença da nekojin aconteceu. Cheio de preocupação e permanecendo ao lado da esposa, procurou por algum tipo de remédio ou pessoa que pudesse cura-la, mas sem sucesso. Mesmo brigando com o capitão, tiveram que desembarcar em uma cidade litorânea.

    Allen toma um grande cuidado em esconder o bote com seus pertences e os de Pidget dentro da vegetação, e com ela ao seu lado aproximam da localidade. La encontram dois elfos, que indicam um templo de Mitz. Allen agradece, e com Pidget vao em direção do lugar. Vendo que ela estava cansada, oferece seu ombro como apoio.

    “Força gata, jaja vamos encontrar um clérigo para curar esta doença de seu corpo... quantas vezes te disse para não ir atrás de ratos? Sei que esta no seu sangue, mas precisa controlar seus instintos...”, diz, e passa a mão em seus cabelos, “... e depois que estiver bem, poderemos voltar com nosso plano de nos tornarmos os maiores aventureiros de toda Avalon!”
    Sailor Paladina
    Mutante
    Sailor Paladina
    Mutante

    Mensagens : 551
    Reputação : 27

      Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite Empty Re: Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite

    Mensagem por Sailor Paladina em Qui Nov 07, 2019 10:44 am

    Allen começa a caminhar pela cidade. O ar litorâneo de Elangheria era bem mais limpo e agradável que o de Scuttle Town. Pessoas passavam nas ruas acenando para o casal, crianças jogando bola e até um bardo animando um grupo de pessoas numa esquina à distância. Diante da igreja, um casal de acólitos de Mitz percebe a situação de Pidget e se aproximam pra acudí-la, alegando que o Reverendo Lutz podia ajudá-la. Os dois seguram Pidget a levam pra dentro do templo, chamando o Allen pra vir junto, mas quando o swashbuckler vai passar, uma parede invisível o impede de prosseguir. A moça continua levando Pidget, chamando o reverendo, enquanto o acólito volta para ver do que se tratava o problema com Allen. O humano de nome Ryan estava tão surpreso quanto ele e até passa a mão pela porta, confuso por nunca ter visto alguém ser barrado antes. Pouco mais voltam Pidget, agora já se sentindo melhor, Luana, a acólita e Lutz, o reverendo local. Ryan diz ao pároco que o marido daquela moça que o acompanha não conseguia atravessar a porta do templo. Lutz observa Allen por instantes e suspira entristecido.
    - Compreensível. Este homem carrega consigo a marca de Bloodrayne, Deusa do Sangue e Destruição. Pode ter sido bem intencionado em querer curar sua esposa, mas no momento exala maldade por todos os poros. Jamais conseguiria entrar no templo.

      Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite TmN32oV

    Lutz olha pra Allen com ar de severidade e diz que devotos de Mitz jamais negariam ajuda a alguém em necessidade e portanto a Nekojin agora estava saudável e livre pra ir, mas por ele se tratar de uma pessoa de má índole, seria no mínimo educado de sua parte, partir dali pra sempre enquanto repensa suas atitudes. Pidget se põe entre o sacerdote e o marido intercedendo por ele.
    - Como assim, pessoa de má índole? Miau, nós saímos da Ilha dos Drakes por não tolerar a maldade daquele lugar! Eu admito que sou egoísta, mas o Allen aqui sempre foi a melhor pessoa de Scuttle Town! Eu nem mereço ele!

    Os jovens acólitos se entreolham, com medo de opinar. Podiam estar sendo testados ou coisa parecida. Lutz no entanto permanecia calmo e responde de maneira incisiva a Pidget:
    - O templo é guardado contra pessoas más. Quando ele puder atravessar a porta como todo mundo da cidade, ficarei feliz em acreditar na sua palavra.

    Pidget olha bastante confusa pra Allen, mas ficaria ao seu lado pro que der e vier.
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2612
    Reputação : 159
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

      Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite Empty Re: Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite

    Mensagem por Hellkite em Seg Nov 11, 2019 8:55 pm

    Allen acha estranho não poder atravessar aquela porta, como se uma força invisível o empurrasse de volta. Magia!

    - Compreensível. Este homem carrega consigo a marca de Bloodrayne, Deusa do Sangue e Destruição. Pode ter sido bem intencionado em querer curar sua esposa, mas no momento exala maldade por todos os poros. Jamais conseguiria entrar no templo.

    O swash franze o sobrecenho. Marca de Bloodrayne? Maldade? Que besteira era aquela? Tudo bem que na ilha ele estava um tanto quanto exaltado, e que poderia vir de si mesmo, mas marcado pela deusa da destruição? Isto é um tanto exagerado!

    “Ei, não me olhe desse jeito! Como tem coragem de falar que sou de má índole, nem te conheço? Você como um bom seguidor de Mitz deveria ter mais cuidado ao falar com as pessoas! E quem disse que eu queria ficar aqui nesta porcaria de templo?”, reclama.

    - Como assim, pessoa de má índole? Miau, nós saímos da Ilha dos Drakes por não tolerar a maldade daquele lugar! Eu admito que sou egoísta, mas o Allen aqui sempre foi a melhor pessoa de Scuttle Town! Eu nem mereço ele!

    Allen pega Pidget pelo braço e a puxa. “Olha aqui, muito obrigado por curar minha esposa, mas já vamos embora. Eu ate ia deixar uma caixinha aqui pra vocês, mas sei que vocês não iam aceitar de um cara de ma índole, então até mais!”, diz, emburrado. Pelo menos economizei uma grana.

    - O templo é guardado contra pessoas más. Quando ele puder atravessar a porta como todo mundo da cidade, ficarei feliz em acreditar na sua palavra.

    “Estou pouco me lixando para sua opinião,” diz, dando as costas.

    Allen e Pidget seguem em direção da taverna mais próxima. “Voce esta melhor, querida? Em parte estou agradecido por eles te curarem, mas em compensação estou puto com suas arrogâncias... Espero ser melhor recebido no próximo lugar.”

    A intenção de Allen era encontrar por ali oportunidades para aventuras, além de companheiros para formar um grupo. De preferencia um clérigo que não seguisse Mitz, pois já viu que eles são um saco de se aguentar.

    Off: conforme necessario, rolar diplomacia e gather info.
    Sailor Paladina
    Mutante
    Sailor Paladina
    Mutante

    Mensagens : 551
    Reputação : 27

      Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite Empty Re: Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite

    Mensagem por Sailor Paladina em Qui Nov 14, 2019 4:20 pm

    Allen fica ofendido com a acusação do pároco, mas sua atitude seguinte apenas comprova os receios do homem santo que apenas suspira vendo rapaz partir com a esposa. Allen profere mais alguns impropérios irritados, mas é acalmado por Pidget que o cobre de beijos e um abraço. A nekojin diz que era possível que a permanência do casal em Porto Longe pode ter deixado alguma má influência neles o que confundiu o clérigo. Porém era melhor que mudassem de assunto. Chegando na primeira taverna que encontram, o lugar estava razoavelmente ocupado, com algumas pessoas almoçando e outras bebendo. Um rapaz humano tocava sua viola ao lado de uma elfa flautista numa bela harmonia. As janelas abertas trazendo a brisa do mar era bem relaxantes. Uma jovem humana aponta uma mesa livre pro casal e oferece uma água de coco por conta da casa, junto do cardápio se desejassem algo mais. Allen pergunta a moça se havia ali alguma oportunidade para aventuras, pois tinha um espírito heróico e não aguentava ficar muito tempo parado, quando podia estar salvando donzelas indefesas e encontrando tesouros. A moça abre um enorme sorriso e diz que aquele casal veio ao lugar certo. Havia muitas coisas que a população local gostaria de ver realizado, mas as pessoas ali não eram acostumadas a brandir espadas e lutar contra monstros. Eles contavam com visitantes de fora, ousados o suficiente para se arriscarem nessas empreitadas.
    - Vai ali no balcão e fala com meu chefe. Senhor Jacquin. Ah e não liga pro vozeirão dele. Ele fala alto, mas é gente boa!

    Offtopic: Obter Informações 20+2=22

    Allen vai até o balcão e quando vai tocar o sino escuta uma discussão na cozinha entre funcionários com direitos a "cala a boca!" e "você é pago pra me foder?" etc. O swashbuckler toca o sino e logo é atendido por um homem loiro medianamente gordo, na casa dos 50 que o recebe educadamente, num sotaque elfês. Ele vê sua garçonete acenando pra ele e então abre um sorriso, esfregando as mãos.
    - Ah, quer dizer enton que temos um voluntárrio. Magnifique!

    Jacquin pede para ser acompanhado até a cozinha e Allen percebe que o chão estava ensopado, além de um cheio ruim vindo de um dos aposentos da taverna. O homem explica que havia descoberto uma ideia fabulosa de preservar comida por vários dias, mas que requeria manter os suprimentos no frio. Ele havia encontrado uma varinha mágica que criava frio ao seu redor mantendo o ambiente gelado. Mas então seu empregado estúpido (diz apontando pra outro rapaz) achou por bem desativar a varinha pra "economizar a mágica". Agora o item não funcionava mais. Precisava ser recarregado com um cristal disponível apenas no templo onde foi encontrado.
    - Essa varrinha me foi vendida há alguns meses por aventurreirros como você. Me farria um grrande favor se pudesse recarregá-la pour moi. Vous pouvez faire?

    Caso Allen aceitasse, Jacquin ficaria agradecido, oferecendo um almoço gratuito (da comida ainda boa) e mostrando num papel, o rascunho de um mapa mostrando uma montanha próxima, além de uma caixinha onde ele deveria trazer o tal cristal. Também avisa que havia perigos tanto no caminho como dentro do tal templo, mas nada que um aventureiro veterano não pudesse cuidar!
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2612
    Reputação : 159
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

      Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite Empty Re: Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite

    Mensagem por Hellkite em Sab Nov 16, 2019 2:55 pm

    Allen ouve a historia contada pelo chefe Jacquin e aceita a tarefa de bom grado. “Somos novos por aqui, eu e minha esposa, mas teremos prazer em ajuda-lo, Mr. Jacquin! Vamos iniciar uma companhia aventureira, e todo contato é muito importante para nós!”, diz, selando o acordo com um aperto de mão.

    O jovem swashbuckler então se vira para ver o restante dos frequentadores da taverna, e bate palmas chamando a atenção. “Bom dia! Meu nome é Allen, e esta é Pidget, minha mulher. Somos dois aventureiros experientes, e estamos procurando voluntários para formarmos uma companhia aventureira... Algum interessado?”

    Off: Diplomacia e Gather Info. Caso não tenha interessados, perguntara se conhecem pessoas que gostariam de se juntar a eles. Neste caso, perguntara onde os encontrar e ira conhece-los e fazer a oferta.
    Conteúdo patrocinado


      Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite Empty Re: Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Seg Nov 18, 2019 9:22 pm