Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    Capítulo 2: Mortos que Caminham e Demônios que Gargalham

    Freak(out)
    Tecnocrata
    Freak(out)
    Tecnocrata

    Mensagens : 366
    Reputação : 13

    Capítulo 2: Mortos que Caminham e Demônios que Gargalham  Empty Capítulo 2: Mortos que Caminham e Demônios que Gargalham

    Mensagem por Freak(out) em Ter Jan 07, 2020 5:49 pm



    Kraven e a Bruxa espreitavam aquela embarcação de tripulação reduzida. Muitos desciam feridos, desanimados e suas atenções estavam voltadas unicamente para a carga e para os próprios companheiros. Isso impediu que não apenas a dupla na fortaleza fosse percebida, como também a nau aberrativa Tzimisce feita de carne, que agora transportava Camilo e Luthero, aproximando-se à sotavento pela escuridão.

    – Ajudem-nos! Há feridos à bordo! – gritava um dos homens que desembarcou para a fortaleza, supondo que os guardas estavam todos lá dentro. – Houve um acidente trágico! Traidores infiltrados na tripulação tentaram roubar a carga e tomar o navio!

    Camilo e Luthero já estavam perto demais para conseguir ouvir essas palavras claramente na noite silenciosa. A vantagem seria do mais audacioso, afinal será apenas uma questão de tempo até o restante da tripulação sobrevivente perceber que algo está errado.

    RESUMO DE BEAUMONT:
    * Reserva de Sangue: 04
    * Força de Vontade: 03/07
    * Vitalidade: Ok.

    RESUMO DE CAMILO:
    * Reserva de Sangue: 08
    * Reserva de Sangue Alquímico: 10
    * Força de Vontade: 03/04
    * Vitalidade: Escoriado (Agravado).

    RESUMO DE KRAVEN:
    * Reserva de Sangue: 18
    * Força de Vontade: 06/08
    * Vitalidade: Machucado (Agravado): -1
    mitzrael
    Tecnocrata
    mitzrael
    Tecnocrata

    Mensagens : 443
    Reputação : 22
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh48.png

    Capítulo 2: Mortos que Caminham e Demônios que Gargalham  Empty Re: Capítulo 2: Mortos que Caminham e Demônios que Gargalham

    Mensagem por mitzrael em Sex Mar 06, 2020 7:15 pm

    Kraden olhava pra bruxa e voltava o seu olhar pra embarcação .

    -Entao dama da noite ? o que devemos fazer ? atacar antes de atracarem ? ja que estao enfraquecidos e desorientados ?
    ou esperar se organizarem ? e ver o que fizemos aqui?

    Se atacarmos mataremos poucos e pegamos o que queremos e partiremos sem ser notados o que acha ?


    Kraden falava com as pontas de suas asas mexendo , era claro a vontade de lutar do barbaro .

    Beaumont
    Troubleshooter
    Beaumont
    Troubleshooter

    Mensagens : 782
    Reputação : 30
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh39.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh48.png

    Capítulo 2: Mortos que Caminham e Demônios que Gargalham  Empty Re: Capítulo 2: Mortos que Caminham e Demônios que Gargalham

    Mensagem por Beaumont em Seg Mar 09, 2020 10:07 pm

    A viagem serviu bastante para que eu pudesse meditar sobre os últimos acontecimentos. A chegada no território de toledo, meu envolvimento com o principado e o mais importante. A estranha aliança com Velasco e Yorak. Todo aquele envolvimento era apenas uma forma de ter influencia suficiente para poder controlar a igreja, o verdadeiro objetivo de sua Lady. Já fazia muito tempo que eu não a sentia, mas seus sentimentos não se perderiam porem, na imensidão do mar. Eu poderia passar muito tempo apenas com a companhia daquela abominação. Eu ainda não estava tão bem em me alimentar daquele "treco" mas em uma noite ou outra eu mordi. Precisava do sangue e mais ainda, esse era o nosso único alimento em alto mar. Nós estamos ficando sem opções nas noites que se passaram, essa foi a nossa principal alimentação. 

    Camilo passou a maior parte do seu tempo em seus estudos, imerso no aprendizado do conhecimento obtido na cabana de Yorak, vez ou outra eu o ajudava nas traduções e na leitura complicada que existia. Mas alguém precisava ficar aqui em cima, controlar a embarcação e avistar quando o nosso destino se cruzasse com o nosso...

    E assim aconteceu. Nosso navio constituído de carne e corpos estava se aproximando de algo. Eu então precisava descer e incomodar Camilo outra vez. Desta vez precisamos avançar com o plano. 

    Beaumont : - Monge das trevas, nossa embarcação cruzou o caminho dos mortais outra vez. Eles possuem feridos e o nosso estoque de sangue está em baixa. Talvez esteja na hora de diferenciar o nosso paladar...
    Claude Speedy
    Garou de Posto Cinco
    Claude Speedy
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2467
    Reputação : 49

    Capítulo 2: Mortos que Caminham e Demônios que Gargalham  Empty Re: Capítulo 2: Mortos que Caminham e Demônios que Gargalham

    Mensagem por Claude Speedy em Qui Mar 12, 2020 1:05 pm

    @Beaumont escreveu:
    Beaumont : - Monge das trevas, nossa embarcação cruzou o caminho dos mortais outra vez. Eles possuem feridos e o nosso estoque de sangue está em baixa. Talvez esteja na hora de diferenciar o nosso paladar...

    -De fato, o Senhor proveu o que precisavamos... Sinto pela perda de Maquiavel nessa hora... Entre nós ele seria o melhor para uma aproximação.

    Eu então tomo parte do sangue alquímico... como um deleite enquanto oro agradecendo ao senhor por seu presente...

    -Cristo, por três dias esteve nas trevas do Abismo.

    Citando as passagens da carta de São Pedro...

    Utilizo um pouco do sangue para cuidar do ferimento gerado pelo gélido ataque dos servos da bruxa...

    Como penitência deixei a ferida em meu corpo por toda viagem, enquanto lia os livros que o Florentino carregava antes de partir.
    De fato ele é um melhor administrador, me surpreendo um pouco sobre como o fraco passou de um ingênuo e novo vampiro que sugou um monge em uma noite de descontrole para um sujeito astuto.

    As palavras sobre ele ter sido possuído vieram da jovem Luna, certamente uma promissora criatura...


    Depois de tomar um pouco do sangue, me curar, uso de minhas próprias forças para gerar uma sombra escura e imensa que cobre o outro barco como um todo.



    (Off: Tomei um ponto do sangue alquímico, regenerei o agravado. Depois usei Tenebrosidade 2 para escurecer a visão de todos ali em uma área e assim facilitar a minha vista. Minha idéia é depois gerar tentáculos para prender e trazer os marinheiros até Beumount que não pode vê-los na escuridão.)

    Freak(out)
    Tecnocrata
    Freak(out)
    Tecnocrata

    Mensagens : 366
    Reputação : 13

    Capítulo 2: Mortos que Caminham e Demônios que Gargalham  Empty Re: Capítulo 2: Mortos que Caminham e Demônios que Gargalham

    Mensagem por Freak(out) em Sex Mar 27, 2020 4:50 pm

    A Bruxa ouviu atentamente as palavras do Bárbaro, concordando com um aceno constante de cabeça a cada palavra.

    – De fato, guerreiro. Essa é a melhor hora. Criarei uma distração, para que você possa atacá-los de surpresa. De preferência por cima, já que parece estar tão ávido por usar suas asas.

    A Bruxa aproximou-se confiante, prestes a tentar mais uma artimanha como a que ela fez com os soldados, mas algo que nem ela e nem Kraven esperavam aconteceu.

    Os marinheiros começaram a gritar em pânico conforme uma espécie de nuvem negra expandia-se pela região do ancoradouro. Era uma escuridão incrivelmente sinistra, densa e sobrenatural.

    – Maldição! – gritou a bruxa. – O que é isso, agora?!

    Kraven sabia exatamente o que estava acontecendo. A palavra “padreco” veio em sua mente assim que ele bateu os olhos naquilo. Diferente da bruxa, ele poderia cobrir a distância pelo ar, chegando rápido à concentração de trevas.

    A nau Tzimisce emparelhou com o navio ancorado. Os marinheiros, assustados, fracos, cansados e feridos, estavam completamente sem condições de reagir ou mesmo fugir. Eles estavam completamente à mercê de Camilo e Luthero.

    Off: Kraven pode chegar rápido na área de sombras, mas a bruxa irá demorar um pouco. Por enquanto, Camilo e Luthero estão na vantagem.

    RESUMO DE BEAUMONT:
    * Reserva de Sangue: 04
    * Força de Vontade: 03/07
    * Vitalidade: Ok.

    RESUMO DE CAMILO:
    * Reserva de Sangue: 08
    * Reserva de Sangue Alquímico: 09
    * Força de Vontade: 03/04
    * Vitalidade: Ok.

    RESUMO DE KRAVEN:
    * Reserva de Sangue: 18
    * Força de Vontade: 06/08
    * Vitalidade: Machucado (Agravado): -1
    mitzrael
    Tecnocrata
    mitzrael
    Tecnocrata

    Mensagens : 443
    Reputação : 22
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh48.png

    Capítulo 2: Mortos que Caminham e Demônios que Gargalham  Empty Re: Capítulo 2: Mortos que Caminham e Demônios que Gargalham

    Mensagem por mitzrael em Ter Mar 31, 2020 5:41 pm

    Eu sei bem é que está por traz dessas trevas bruxa , e o Padreco ele não muda seu modo de ataque .
    mas isso so vai ajudar meu ataque irei onde se encontra o artefato e deixarei o trabalho sujo pra eles kkkkkkkk

    isso me deixo excitado bruxa quem sabe quando eu voltar não te possua encima desses corpos mortos kkkkkk

    Kraden via tudo aquilo como um espetaculo de sangue morte .

    E melhor vc ficar aqui e usar de seus artificius pra me ajudar de longe ja volto com nosso trofeu

    Kraden abria suas longas asas e voltava o olhar pra Bruxa .

    E dava um sorriso de canto mostrando a ponta de seu caninno e seguia em direção ao navio
    usando toda sua força pra chegar antes das trevas seu alvo era a cabine do comandante .

    Pensando :

    Posso sentir o cheiro do sangue daqui kkk
    que noite linda
    Beaumont
    Troubleshooter
    Beaumont
    Troubleshooter

    Mensagens : 782
    Reputação : 30
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh39.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh48.png

    Capítulo 2: Mortos que Caminham e Demônios que Gargalham  Empty Re: Capítulo 2: Mortos que Caminham e Demônios que Gargalham

    Mensagem por Beaumont em Qua Abr 01, 2020 1:20 pm

    O plano era muito bem trabalhado...Mas para o monge guerreiro e não para mim. No momento em que a bruma negra se fez presente eu nada poderia ver. Entrar no abismo negro era tão perturbador para mim quanto para qualquer um dos seres mortais no interior daquele barco. Eu ainda assim tentei avançar, mas logo hesitei.  Ouvir era ainda mais complicado, ouvindo os gritos abafados do lado de fora da bruma eu tentei manter a calma e ver qual seria o próximo passo do Monge guerreiro. Enquanto isso talvez estivesse na hora de ver o que a nau do demônio poderia nos prover para prender os dois navios e impedir uma fuga imediata do nosso inimigo...
    Claude Speedy
    Garou de Posto Cinco
    Claude Speedy
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2467
    Reputação : 49

    Capítulo 2: Mortos que Caminham e Demônios que Gargalham  Empty Re: Capítulo 2: Mortos que Caminham e Demônios que Gargalham

    Mensagem por Claude Speedy em Qua Abr 01, 2020 5:03 pm

    A mortalha assustadora para os mortais e vampiros...
    Saltando para dentro como um feroz pastor necessitado pelo sangue e carne de um cordeiro,

    Assim, que suas presas feriram o marinheiro atemorizado...
    Percebendo que o Malkaviano temia aquela escuridão assim como outros vampiros não convertidos, o sacerdote enquanto bebia do vinho do sangue gera um caminho entre as trevas tanto para o Malkaviano poder entrar sem medo quanto para um ou dois outros marinheiro aterrorizados com a escuridão poderem fugir diretamente para Beaumount.

    Nunca antes em sua não-vida ele se sentiu tanto como um Pastor guiando o rebanho quanto agora...
    Enquanto aquela escuridão cercava o convés deixando apenas uma cobertura perfeita de medo.

    Conteúdo patrocinado


    Capítulo 2: Mortos que Caminham e Demônios que Gargalham  Empty Re: Capítulo 2: Mortos que Caminham e Demônios que Gargalham

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Seg Abr 06, 2020 12:24 pm