Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Compartilhe
    bitenco
    Garou de Posto Cinco
    avatar
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2431
    Reputação : 1

    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por bitenco em Sab Out 18, 2014 9:18 am

    Ghatark ouviu as instruções e rapidamente respondeu com a mesma raiva de sempre.

    - Não vou obedecer as ordens de ninguém... Só não os ataquei antes porque não avançaram nas minhas terras. - Era como o anão se referia a floresta. - Mas se querem minhas lâminas para degolar cada um deles, conte comigo. Ninguém vai fazer algum mal a estas terras!

    Pegando seus machados e roçando um no outro fazendo o barulho característico do metal, Brunstone soltou um pequeno rugido de boca fechada mostrando sua convicção. era claro que o anão iria atrás deles, com alguém ou mesmo sozinho. Sua prudencia inicial se deve só por causa da floresta. Mais longe dela, ele não precisava mais se segurar.
    deadfish
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 225
    Reputação : 0

    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por deadfish em Sab Out 18, 2014 2:44 pm


    Shrouded by the night and by the secret stair I quickly fled. The veil concealed my eyes while all within lay quiet as the dead. Oh night thou was my guide of night more loving than the rising sun .Oh night that joined the lover to the beloved one transforming each of them into the other





    Milena ouve atentamente todos falarem, ela encarava exclusivamente Ganidos, manteve-se pensativa e focada, mesmo após a entrada do seu Mestre Dundo e o anão da floresta Ghatark não deixou sua postura altiva perante a todos ali, deixou que falassem até finalmente ter sua deixa após as palavras de Ganidos.

    -Mandar um contingente não é perda de tempo e sim prevenção Ganidos, não sabemos quem são e se eles possuem esse mapa é por que se acham capaz de enfrentar o que seja que vier, temos que nos preparar para o pior. Meu Rei...

    Milena se aproximou do Rei ficando de frente a ele e de costas para Ganidos.

    -Eu irei juntos com Dundo e Ghatark se assim o senhor desejar, mas pro precaução deveria ouvir Varius e Dundo, Ganidos pode ser esperto, mas não está sendo inteligente. Se essas armas caírem nas mãos de erradas ou mesmo .


    Milena então se afastou olhando para todos

    -Ganidos deve esta ignorando a presença de Runefaust coincidentemente paralelo ao roubo. Temos que trabalhar com todas as possibilidades Incluindo um ato de guerra e com certeza em posso dessas armas Runefaust poderia conquistar todas as cidades com facilidade.



    Lyvio
    Semi-Deus
    avatar
    Semi-Deus

    Mensagens : 7020
    Reputação : 13
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png

    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por Lyvio em Ter Out 21, 2014 12:07 am

    Milena, Dundo e Ghatark

    Milena e Ghatark confirmam que iriam, dundo calou-se, o que indicou ao rei um sim, no entanto o rei ficou preocupado, eram seis inimigos no mínimo como enviar apenas três? O rei coçou sua barba e algo veio em sua mente:

    -Eu queria pedir a opinião de todos vocês sobre algo que me ocorreu agora, eu temo enviar apenas três de vocês para averiguar este problema, sei que é arriscado de minha parte, mas porque não oferecemos a Ledall e Cylla a chance de se redimirem? Tenho certeza que eles seriam mais úteis ajudando esses três do que presos, eu proponho oferecer a liberdade para eles se eles ajudarem os demais a reaver o documento perdido, caso esteja mesmo nas mãos desse pequeno destacamento visto pelo Ghatak, com isso, redimindo seus problemas perante o reino eles seria inocentados...

    Ganidos parece não ter gostado nem um pouco da idéia:

    -Isso é loucura majestade, a sua piedade não tem limites! Condene-os a morte! Afinal, não temos outras suspeitas ou meios que acusem alguém, ao contrario deles que foram visto nos arredores do castelo quando este pergaminho sumiu...

    Ele vira-se para os três:

    -Eu me preocupo com reino e com vocês caros heróis...Se são seis inimigos com aqueles dois serão 8 contra 3, é loucura... Não acham que vocês são mais que suficientes para isso? OU não confiam em suas próprias habilidades? SE confiam não podem se arriscar a isso, portanto meu rei, eu voto contra libertar aqueles dois marginais...


    Varius toma a palavra:

    -Por isso que sugeri um destacamento de pelo menos uns dez a quinze homens...

    Ganidus sorri sarcasticamente e debocha de Varius:

    -Você é falho como chefe militar Varius...A guerra bate a nossas portas, não podemos nos desfazer de dez homens, quanto mais de quinze...Há soldados de Runefaust dentro das muralhas de Alterone pelo que nos foi informado eles podem lançar uma ofensiva a qualquer momento, devemos nos manter preparados para isso, não podemos nos desfazer de soldados!

    Realmente era um argumento bastante forte e Varius ficou sem resposta.

    O rei também se pronuncia:

    -É algo realmente a se preocupar Ganidos, você tem razão...Mas quanto a utilizar os dois prisioneiros na empreitada eu acho válido, no entanto, eles estarão com vocês e vocês que devem decidir se querem leva-los ou não.

    Dizia ele dirigindo-se a Dundo Milena e Gatark.

    Ele olha para todos e uma sombra parece envolve-lo, a serenidade e o medo tomam conta da expressão do rei:

    -Quero avisa-los que uma das relíquias não está junto com as demais no portão dos ancestrais, pelo que se sabe ela foi perdida durante a batalha mil anos atrás...De todas as relíquias ela é a mais poderosa de todas, a Espada da Morte forjada pelo próprio Zeon... Me temo que tenha caído em mãos erradas...com um simples balançar ela pode matar um inimigo sem a necessidade de encostar nele...É uma espada longa negra envolta numa aura arroxeada...Mas ela é um item amaldiçoado e quem a  empunha sofre graves consequências...Essa Arma é temível e uma das mais poderosas relíquias forjadas em toda Rune...

    -----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
    Cylla e Ledall

    Os guardas se retiram enquanto Cylla buscava algo na prisão que pudesse auxilia-la numa possível fuga, mas não encontra nada. Ledall por sua vez ficou calado, não tinha mais o que fazer ou pedir.
    bitenco
    Garou de Posto Cinco
    avatar
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2431
    Reputação : 1

    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por bitenco em Ter Out 21, 2014 11:06 am

    Ghatark sem pensar duas vezes responde ao questionamento do rei.

    - Mande os prisioneiros. Pelo menos teremos dois corpos a mais para jogar na frente do ataque - disse colocando seus dois machados, um em cada ombro. - Se eles tentarem fugir, serão meus machados a criar sentença de... Vossa Majestade. - terminou sua frase com dificuldade pela forma correta de falar.

    O bárbaro não era burro, mas tinha dificuldades com as etiquetas dos reinos e suas pronuncias. Na floresta ele não precisava disso.
    Srta. Moon
    Sacerdote de Cthulhu
    avatar
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2624
    Reputação : 0

    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por Srta. Moon em Qua Out 22, 2014 7:22 am

    Cylla ficou chateada em não encontrar algo de útil para abrir sua cela, ela queria fugir e ainda não encontrava um meio de fazer isso com segurança, e  também não queria sair matando os guardas em meio a sua fuga se conseguisse escapar. No momento Cylla sentou-se no chão pensativa encarava a fechadura pensando em algo que ela poderia usar na mesma para forçar o cadeado e assim permaneceu alguns segundos a pensar sem prestar atenção no que acontecia no corredor e os guardas.
    Edu
    Semi-Deus
    avatar
    Semi-Deus

    Mensagens : 6878
    Reputação : 65

    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por Edu em Qua Out 22, 2014 11:05 am

    Ledall caminhava de um lado pro outro em um circulo perfeito. Era como se estivesse pensando em alguma coisa, porém ninguém de fora pudesse perceber nem de perto o que se tratava.
    Lyvio
    Semi-Deus
    avatar
    Semi-Deus

    Mensagens : 7020
    Reputação : 13
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png

    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por Lyvio em Sab Out 25, 2014 2:00 am

    A Reunião transcorre perfeitamente Ghatark se pronuncia em favor de se unir aos prisioneiros, Dundo e Milena não discordam nem se pronunciam o que para o Rei é sinal de concordância, então ele prossegue:

    -Pois bem...Varius, vá pessoalmente buscar Ledall e Cylla.

    O centauro acena com a cabeça e segue, enquanto isso Ganidos toma a palavra:

    -Se é seu desejo majestade que assim seja, mas depois não poderemos lamentar caso eles falhem porque aqueles dois traiam esses três...

    Dizia ele enquanto dirigia-se a sua cadeira calado.

    O rei olha para Ganidos e responde:

    -Eu assumirei qualquer responsabilidade, por falar nisso...seus corvos já chegaram com algum detalhe dos informantes de Alterone Ganidos, mais alguma coisa que não sabemos?

    -Por enquanto não majestade...

    -Entendo, vamos aguardar Varius trazer os outros dois.
    ----------------------------------------------------------------------------------------------------------------

    Ledall e Cylla

    Depois de cerca de dez minutos passos de armaduras chacolhando são ouvidos no corredor mais uma vez e dentre ele barulho de cascos de cavalo se aproximando, não demora muito e vocês são cumprimentados pelo general Varius famoso por ser o guerreiro mais poderoso de Guardiana, com ele mais 4 soldados, os dois anteriores de armaduras mais leves e dois de armaduras mais pesadas, Varius vestia uma armadura de batalha completa, só estava sem capacete, em suas costas um grande escudo e uma lança repousavam, os soldados de armadura pesada de batalha completa não possuíam escudos, cada um dele possuía uma enorme espadas em suas costas.

    Ele então dirige a palavra a vocês:

    -Bem, aconteceu...algo...que me fez vir aqui em nome do rei antes do julgamento de vocês, ele deseja vê-los...

    Com um aceno de Varius os dois guardas de armadura pesada abriram as grades e se dirigiram até vocês agarrando-os e algemando seus braços.
    Srta. Moon
    Sacerdote de Cthulhu
    avatar
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2624
    Reputação : 0

    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por Srta. Moon em Sab Out 25, 2014 5:18 am

    Depois de alguns minutos de espera logo após a partida do segundo grupo de guardas Cylla ainda não tinha conseguido pensar em como fugiria da prisão, quando escutou ao fundo novamente passos dentre eles escutava o barulho de cascos, por um momento não acreditou que o próprio general Varius estava ali, foi só quando o viu acompanhado de mais quatro soldados que ela percebeu que algo de grave poderia estar acontecendo, uma tentativa de fuga e um ataque a eles naquele momento seria um suicídio estavam bem protegidos, vendo a situação de desvantagem que se encontrava Cylla apenas obedecia às ordens dadas pelo general, ficou novamente a frente de sua cela, não esboçou reação alguma quando foi novamente algemada  os seguiria até a presença do rei novamente.
    deadfish
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 225
    Reputação : 0

    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por deadfish em Sab Out 25, 2014 10:47 am


    Shrouded by the night and by the secret stair I quickly fled. The veil concealed my eyes while all within lay quiet as the dead. Oh night thou was my guide of night more loving than the rising sun .Oh night that joined the lover to the beloved one transforming each of them into the other





    Milena manteve-se calada, sentou-se ao lado de Dundo e seguiu em silencio como o mesmo fazia, seus discursos estavam sendo ignorados e isso a deixava desconfortável, apenas a voz de Ganidos ecoava pelo lugar, falando e falando e dizendo nada coerente, a impressão eu dava era que ele sempre estava indo contra os planos do Rei, como se tentasse impedir algo, aqueles olhos não me enganavam.

    Após o Rei falar Varius deixa o salão em busca dos dois prisioneiros, Milena se levanta e com um gesto de respeito pede para se aproximar do Rei mas ainda de alma rebelde ela se aproxima mesmo sem ter o seu pedido atendido.

    -Majestade, eu entendo a situação, mas nossos inimigos não medirão esforços e sacrificaram que for para atingir seus objetivos, eu acho válido um segundo contingente para o Portal, nem que seja batedores para nos informar com rapidez caso haja alguma mudança no local.

    Milena olha de soslaio para Ganidos e em seguida para o Rei, aproximando-se mais do seu ouvido.

    -Sei que sou nova e meio rebelde, mas eu não confiaria em Ganidos se fosse o senhor, as palavras dele soam desafiadoras a suas próprias Majestade, é atitude de quem deseja ser uma autoridade maior, eu ficaria de olhos abertos

    Edu
    Semi-Deus
    avatar
    Semi-Deus

    Mensagens : 6878
    Reputação : 65

    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por Edu em Dom Out 26, 2014 7:29 pm

    Ledall ainda estava em pé andando de um lado pro outro de forma ininterrupta quando ouvi o barulhos das armaduras e de pessoas subindo. Olhou pra Cylla por um momento e depois pro corredor. Viu surgir o general Varius, sua curiosidade rapidamente despertou. O que o general iria querer ali?

    O homem falou e Ledall se questionou mais ainda. Será que era algo envolvendo o conselheiro Ganidos?

    - Diga-me o que aconteceu General e porque resolveu vir procurar nós aqui? - Indagou o clerigo.
    bitenco
    Garou de Posto Cinco
    avatar
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2431
    Reputação : 1

    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por bitenco em Seg Out 27, 2014 10:00 am

    Aquelas maquinações e palavras pomposas não fazia o jogo do anão. Era visível sua inquietação. Ele olhava para um e depois para outro com sua cara amarrada de sempre. Quando finalmente decidiram ir atrás dos prisioneiros, Ghatark fez uma confirmação com a cabeça e resmungou alguns "até que enfim".
    Lyvio
    Semi-Deus
    avatar
    Semi-Deus

    Mensagens : 7020
    Reputação : 13
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png

    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por Lyvio em Ter Out 28, 2014 9:05 pm

    O rei ouve as palavras de Milena atento:

    -Não adianta enviar batedores agora Milena,já que vocês já seguirão para lá...Deverão ser discretos e fazerem essa função, quando ao Ganidos, você já devia ter se acostumado com ele, é o jeito dele, sempre foi assim não se preocupe, tenho tudo sob controle.

    Percebendo o cochichado Ganidos se pronuncia e volta suas palavras para Milena:

    -Que coisa feia capitã...cochichando com o vossa majestade? Que eu saiba estamos numa reunião onde TODOS devem ouvir e tomar conhecimento dos pensamentos dos outros...Há algum motivo para todo esse seu...sigilo, por acaso não confia em alguém aqui?

    Enquanto isso nos corredores da prisão Varius ouve a indagação de Ledall e responde enquanto caminham para o salão do Rei:

    -Bem, o rei Isquen com toda a sua piedade e esperança achou que vocês poderiam ser úteis...O pergaminho que supos tamente vocês roubaram pode ter caído em mãos erradas, possivelmente nas mãos dos exércitos de Runefaust que ja tomaram Alterone, o anão Ghatark viu um grupo muito suspeito se dirigindo para o monastério abandonado ou para os portões dos ancestrais e como todos sabem, as armas utilizadas pelos heróis antigos para derrotar o dragão das sombras estão guardadas atrás do portão dos ancestrais, o pergaminho que desapareceu nada mais é que todo o mapa dos dois nívesi de caminhos subterrâneos para se chegar aos portões, lá tem descrito onde estão todas as armadilhas e criaturas, quem estiver de posse deste pergaminho chegará ao portão sem problemas e poderá destruir sua barreira mágica e obter as poderosas armas ancestrais o que seria o fim caso caísse em mãos erradas.

    Estão entendendo o problema que vocês foram acusados? É extremamente sério e o rei tendo em vista não ter conseguido obter provas mais concretas sobre vocês decidiu que vocês e mais três deverão ir lá e exterminar esse grupo caso estejam realmente nos portões e como prova, trazer o pergaminho, então ele os inocentará das acusações. Ele irá querer saber se vocês aceitam essa proposta, mais saibam...Qualquer deslize e os três tem plena autorização para executa-los.


    Encerrava Varius com uma entonação ameaçadora nesta ultima parte.

    Não demora muito e Varius chega com Ledall e Cylla, ambos percebem que Milena, Dundo e Gatark estavam no salão de Reuniões, além deles o próprio rei Isquen, Ganidos e Varius chegando com eles.

    Já Dundo Milena e Ghatark logo identificam os dois, Milena lembra que ja os viu pela cidade e do momento que eles chegaram detidos ao castelo, onde ela olhava do alto de uma das torres do portão de entrada. Ghatark também já tinha visto nas poucas vezes que veio a cidade e Dundo os conhecia também da cidade.

    -Aqui estão eles Majestade...


    O rei aproxima-se demabos e pede que os soltem, os guardas os liberam das algemas e o rei Isquen se pronuncia:

    -Varius já deve ter explicado nossa situação a vocês, não temos mais tempo, me digam, aceitam ou recusam?

    O Rei Isquen foi bem objetivo e parecia impaciente.


    bitenco
    Garou de Posto Cinco
    avatar
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2431
    Reputação : 1

    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por bitenco em Qua Out 29, 2014 1:55 am

    - Maldita decisão - resmungou.

    O rei estando impaciente ou não pouco importava, pois Ghatark já estava em seu limite naquela sala de reuniões. Era de conhecimento de todos a falta de paciência do anão e como ele ficava conforme ia se estressando.

    - Deveria ter ido sozinho.

    Seus resmungos ficavam maiores e repetidos a cada passada firme que dava de um lado para o outro. Ele chegou a ameaçar usar seu machado em um dos móveis, mas se conteve... Só não sabe por quanto tempo.

    - A esta hora já tinha matado pelo menos uns... Sete. É. Sete, malditos e fedorentos, orcs. - continuava com seus resmungos.
    Edu
    Semi-Deus
    avatar
    Semi-Deus

    Mensagens : 6878
    Reputação : 65

    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por Edu em Qua Out 29, 2014 11:03 pm

    Ledall ia responder ao general, mas antes que ele pudesse formular uma frase os guardas abriram a sua cela e levaram ele e Cylla para ver o rei. Olhou alguma vezes pra elfa como se perguntasse "o que está acontecendo?". Isso foi até chegarem até o salão real.

    Viu que ali estavam o mago Dundo e o bárbaro Ghartak além daquela mulher que parecia ter bosta em baixo do nariz o tempo todo, como era o nome? Milena, era nome dela. Finalmente tinham tirado as algemas das suas mãos. Sentindo-se melhor sem aqueles objetos de metal nos seus pulsos, Ledall ouviu o rei e respondeu:

    - Sim, majestade. Achou que as circunstancias não nos permitem outro meio de provar a nossa inocência - no meio da fala do clerigo o Barbaro expressou o que tinha em mente e Ledall aproveitou a oportunidade e completou - Com todo o respeito vossa majestade, acho que o bárbaro é verdadeiro. A gravidade situação requer pressa. Acho que devemos partir imediatamente e em segredo rumo ao portal dos ancestrais.
    Srta. Moon
    Sacerdote de Cthulhu
    avatar
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2624
    Reputação : 0

    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por Srta. Moon em Sex Out 31, 2014 10:48 pm

    Cylla permaneceu calada guiada pelos guardas até a presença do rei, ela estava calma e  permanecia calada, encarou Ledall sem saber o que falar, Cylla se encontrava em uma situação desagradável não tinha o que fazer ou falar, apenas escutar e obedecer a boa vontade de todos do salão principal até que alguma oportunidade aparecesse, quando foi ordenado que ela trabalhasse para aquelas pessoas, o que fez foi só o responde-lo que os ajudaria, não tinha outra escolha.
    Lyvio
    Semi-Deus
    avatar
    Semi-Deus

    Mensagens : 7020
    Reputação : 13
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png

    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por Lyvio em Qui Nov 06, 2014 9:14 pm

    Com tudo decidido era hora de partir para o portão dos ancestrais, o rei Isquen sabia da urgência da missão e ordenou que uma carruagem fosse preparada para que todos chegassem mais rápido antes mesmo da reunião não demora muito e um corvo adentra a janela e pousa no obro de Ganidos, era um dos corvos que ele tinha enviado para saber de noticias, todos para apreensivos enquanto o conselheiro retira da pata do animal um pequeno pergaminho ele abre e lê, porém não demonstra emoção, então leva até o rei Isquen que também lê o conteúdo junto com Varius, ele abaixa a cabeça pensativo e volta-se para Dundo:

    -Dundo, acho que iremos precisar de você na cidade...Mas um mago fará falta nesse grupo...Diga-me uma coisa, aquele jovem promissor seu ex aluno chamado Ramus Oaks que voltou a pouco de férias de Alterone onde continua seus estudos de magia ainda está por aqui?


    -Si..si..vossa majestade, e..le está! Responde o mago

    -Então vá até sua casa junto com os demais e explique a ele a situação, eu aproveito e ofereço a vocês um bônus caso descubram algo e resolvam o problema, algumas moedas de ouro como agradecimento.

    Dundo balança a cabeça em sinal positivo.

    Ganidos franzi a testa e parece não se agradar:

    -Majestade, é obrigação deles defenderem o reino, o senhor não tem porque paga-los absolutamente nada!

    -É o meu desejo Ganidus...

    O Conselheiro balança a cabeça em sinal negativo enquanto vai até uma mesa próxima e passa a escrever num pergaminho, talvez uma mensagem para enviar o corvo mais uma vez.

    Após isso o rei sinaliza e todos partem, vocês descem pela cidade e vão seguindo caminho até a casa de Ramus Oaks que ficava próxima a escola de magia. Dundo toma a frente e bate a porta:

    -O..o...de casa!?

    hitoshura
    Mutante
    avatar
    Mutante

    Mensagens : 521
    Reputação : 0

    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por hitoshura em Qui Nov 06, 2014 11:26 pm

    Ramus havia acordado de modo preguiçoso naquele dia. Passara a noite inteira fazendo uma pesquisa sobre trolls que Dundo o havia atribuído e estava terrivelmente entediado aquela manhã, sem muita vontade de continuar estudando aquela manhã. Sua única esperança de salvar a manhã estava sob as costas do prato que decidira preparar para o almoço: Frango com Bacon.

    Ele fazia sua refeição animadamente enquanto cantarolava uma melodia sobre piratas e rum quando ouviu batidas na porta de sua residência. Retirando a gordura dos óculos e os colocando no rosto novamente, o rapaz seguia até a porta com uma expressão curiosa.

    -- Já vai! *Dizia fazendo o caminho até ela. Observava por um pequeno buraco que ele utilizava como "olho mágico" e então notava seu mestre* "Maldito veio visitar na hora do almoço para ter refeição gratuita..." *Pensava inocentemente com um punho fechado enquanto abria a porta*

    -- Bom dia, Mestre! E... Outras pessoas! *Ele dizia com um sorriso gentil e agradável ao abrir a porta, e então notava que havia várias pessoas atrás dele* "Eu não preparei comida para essa multidão de pessoas..." *Pensava levemente desconcertado... Teria que enrolá-los e deixar para almoçar apenas depois*

    -- Entrem! Entrem! *Ele guiava o grupo para dentro, oferecendo que se sentassem na sala de estar enquanto voltava até o fogão para apagar a panela. E então voltava para o grupo* -- Posso oferecê-los água ou algo assim? Quem são seus amigos, mestre?

    Ele ajustava os óculos no rosto com uma expressão curiosa e analítica e então aguarda.
    bitenco
    Garou de Posto Cinco
    avatar
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2431
    Reputação : 1

    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por bitenco em Sex Nov 07, 2014 10:19 am

    Ghatark apoiou seus machados em cada um de seus ombros ouvindo a última parte da conversa. Era de praxe o anão resmungar e ele o fez, indicando que já havia passado do tempo de partirem e que ainda teriam que encontrar com alguém. Impacientemente ele seguiu para fora do castelo, mas não dentro da carruagem.

    - Encontro vocês no portão - disse não dando brecha pata que houvessem retrucas a sua posição.

    O anão caminhou pela cidade decididamente até o portão, sem se importar mais uma vez com a atenção que chamaria dos demais por causa do urso. No caminho ele pensava em como convenceria o animal a ficar na floresta para que ele pudesse seguir junto a carruagem. Infelizmente nada viera a sua cabeça. Ghatark não era do tipo sociável mesmo quando se tratava de outros animais.

    - Você sabe que vai ter que ficar, não sabe - dizia irritado. Não era com o animal sua irritação, mas com ele mesmo pela sua deficiência com as palavras.

    - Eu preciso ir e nem adianta fazer cara feia. Será pro nosso bem... - Apontou para a direção da floresta quando estava chegando aos portões.

    - Vá pra floresta.
    Edu
    Semi-Deus
    avatar
    Semi-Deus

    Mensagens : 6878
    Reputação : 65

    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por Edu em Sex Nov 07, 2014 6:21 pm

    - Bom dia, Pessoa que abriu a porta - Respondeu Ledall ironicamente.

    Acompanhou em silencio quando o amigo do gnomo falou pra que entrassem. Parou em pé na sala de visitas e deu uma rápida olhada no comodo. Ledall tinha como costume sempre observar bem os lugares aonde que ia, nunca sabe o que poderia acontecer no futuro.

    - Não precisa de agua e nós não somos amigos do seu mestre. Acho que Dundo deva ser a pessoa a lhe dizer a razão porque estamos aqui - Falou de forma fria Ledall, sem fazer qualquer expressão notoria, seja de raiva, irritação, sorriso ou simpatia.

    Procurou um sofá ou poltrona em que pudesse se sentar. Já confortável no móvel ele apoiou as duas mãos nas coxas de cada perna e apenas ficou observando a elucidação da cena.
    Srta. Moon
    Sacerdote de Cthulhu
    avatar
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2624
    Reputação : 0

    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por Srta. Moon em Sab Nov 08, 2014 11:17 am

    Cylla não se agradava em nada com a atitude do rei humano cada coisa que seus conselheiros e até mesmo ele falava a ofendia, ela aturava aquilo tudo pelo simples fato do tumulo do seu marido esta naquele reino, não ligava para o ouro ou qualquer outro bem material vindo do rei a partir daquele momento, uma vez que ele já tinha colaborado para aumentar a má fama que ela possuia entre o povoado local. Sem questioná-los ela seguiu com o “grupo” até metade do caminho, em seu contrato ela teria de matar um grupo e recuperar o tal pergaminho, vendo que o anão rabugento se dispersava do bando, ela percebia uma oportunidade de liberdade sem ter que dar uns tapas no anão.
     
    Quando chegou frente a casa da pessoa que eles procuravam Cylla nem se deu ao trabalho de entrar ou seguir com as apresentações apenas acenou para o bando, tinha pressa naquele momento e já estava apreensiva, falou com os demais alegando que iria pegar seus equipamentos em sua casa e visitar o tumulo de seu marido no cemitério do templo de Vulcanom logo os encontraria no portão principal.
    Conteúdo patrocinado


    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Seg Dez 18, 2017 8:57 am