Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Compartilhe
    Lyvio
    Semi-Deus
    avatar
    Semi-Deus

    Mensagens : 6982
    Reputação : 13
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png

    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por Lyvio em Sab Nov 08, 2014 2:06 pm

    Cylla e Ghatark se separam do grupo para resolver algumas coisas a moça vai até o cemitério da cidade para visitar o túmulo de seu finado marido e o anão teve que ir a entrada da cidade para tentar convencer o urso de não segui-los afinal eles iriam de carruagem ele conversa com o animal que senta-se atentamente enquanto ouve as palavras dele o animal inclinava a cabeça de um lado para o outro lembrando um cão quando se está conversando com ele, ele olha atento a seu dono e os vários anos de convivência os fez entender um ao outro. mas o problema não era essa , o urso era teimoso e muitas vezes ignorava a ordem do anão para segui-lo e depois de um bom tempo de "conversa" o urso aparentemente contrariado segue irritado para a floresta.

    Enquanto isso Dundo explica toda a situação a seu pupilo, o mago era gago e perdia muto tempo tentando explicar situação e cansava os demais, depois de um bom tempo tudo fica esclarecido e Dundo indaga Ramus:

    -E...E então, va...vai com eles? É um pe..pe...pe...pedido do r...r..rei, Além di...disso é uma boa oportuni d...d...dade para testar seus es...estudos.
    hitoshura
    Mutante
    avatar
    Mutante

    Mensagens : 521
    Reputação : 0

    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por hitoshura em Dom Nov 09, 2014 12:02 am



    Ramus Oaks Ashford



    Ramus não teve muita opção além de ouvir atentamente e exaustivamente a tudo que seu mentor Dundo tinha a dizer. Era realmente uma atividade que demandava muita paciência, estabelecer uma conversa com um gago não era uma tarefa simples... Mas em 6 anos de convívio havia sido até capaz de aprender os encantamentos para suas magias arcanas com aquele Gnomo. Uma explicação como aquela era simples, o verdadeiro desafio era assistir e entender as aulas do mesmo, 30 minutos e ninguém mais se importava em prestar atenção... Ao término da explicação, o mesmo tentava coletar todas as informações que havia ouvido e coletado e então dizia:

    -- Deixa eu ver se eu entendi...

    O mago ajusta os óculos no rosto, respira fundo e então diz:

    -- Basicamente é uma jornada que irá conter cinco indivíduos: Eu e o senhor Ledall que está conosco, além dele há mais três outros indivíduos: Cylla, Ghatark e Millena, dentre estes Ledall e Cylla são suspeitos de terem compactuado e colaborado para o roubo do Pergaminho...

    Sua expressão logo mudava para uma mais amigável e talvez até neutra enquanto continuava:

    -- A missão consiste em seguir até o Portão dos Ancestrais, cujo acesso se dá no Monastério Abandonado. Nossos oponentes têm o mapa de todas as passagens subterrâneas e não irão estar sujeitos aos perigos que nós estaremos, que são armadilhas, monstros e passagens potencialmente labirínticas... Nós temos que alcançá-los e exterminá-los antes que destruam a barreira mágica que protege o Portão dos Ancestrais e consigam as armas dos antigos heróis.

    Depois de falar o que tinha que falar, o mesmo coçava o queixo por alguns instantes e então continuava seu raciocínio.

    -- Partindo do pressuposto de que esse é o caso, nós iremos perder muito tempo para entender o labirinto, para lidar com os monstros e com as armadilhas. Sem contar o tempo que eles já devem ter ganho contra nós para chegarmos no Monastério... Essa campanha parece perdida a menos que tenhamos alguma vantagem ou conhecimento de passagem secreta ou atalho que o oponente não tenha ou no caso em que a utilização do pergaminho demande um ritual de longa duração. Algum dos casos é verdade?

    Ele então se levantava, se servia e bebia um copo d'água e então concluía seu raciocínio:

    -- Mas bem... Se é um pedido do rei, se ele está disposto a pagar pelos serviços e se isso servir como nota extra para uma cadeira extra-disciplinar eu não tenho nenhuma objeção contra tentar... Podem contar comigo. Eu vou almoçar, juntar meus mantimentos e minhas outras coisas, pegar meu cavalo e os encontro no ponto de encontro, que é o portão principal, correto? A menos que queiram ficar para o almoço, nesse caso serão bem vindos... Estou fazendo Frango, Bacon e Arroz.

    Ele então se limitava a esperar que respondessem á suas perguntas e a seu convite, elucidassem quaisquer dúvidas pendentes e se retirassem ou não para que pudesse finalmente comer seu prato sem olhos famintos ou curiosos secando sua comida. Como ficaram apenas 2 ele não se importou em fazer o convite.

    Lyvio
    Semi-Deus
    avatar
    Semi-Deus

    Mensagens : 6982
    Reputação : 13
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png

    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por Lyvio em Dom Nov 09, 2014 12:29 am

    Dundo já se preparava para continuar a explicação, mas logo é interrompido por Milena, a comandante das tropas internas. Ela tinham uma aparência estranha e sua expressão era sempre neutra e fria:

    -Deixe que eu continuo senhor Dundo...

    Dizia ela interrompendo o mago já sem paciência:

    -Escute garoto...Não haverá necessidade de um cavalo, o rei nos disponibilizará a sua melhor e mais rápida carruagem, cabem apenas quatro pessoas mas irão cinco apertados e isso inclusive você que já o cupa bastante espaço...Nós só soubemos a pouco tempo dessa situação, certamente não chegaremos antes deles, ou antes que eles adentrem na passagem subterrânea que leva ao portão que não fica no monastério, fica um pouco antes.

    A barreira tem pouco de sua força, mas esse pouco é considerado de um grande poder ainda, o que implica em dizer que eles talvez não conseguirão derrubar a barreira facilmente, isso demandará tempo, portanto, acho que poderemos chegar antes que eles a derrubem, mas para isso não podemos esperar que um almoço esteja pronto...Pegue rações de viagem e vamos seguir imediatamente.


    Milena era firme e autoritária em suas palavras, não queria perder mais tempo
    hitoshura
    Mutante
    avatar
    Mutante

    Mensagens : 521
    Reputação : 0

    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por hitoshura em Dom Nov 09, 2014 1:05 am




    O mago ouvia com atenção ás palavras de Milena, ela parecia ser o tipo de indivíduo que quer resultados imediatamente e tratava as pessoas como se fossem ferramentas e não indivíduos, o que ele considerava um defeito relevante considerando que aparentemente ela tinha uma posição importante na milícia local. Se ela fosse uma estrategista não seria um grande problema, se ela fosse uma líder certamente não duraria muito tempo com aquela postura a menos que seus homens a obedecessem governados pelo medo. Depois de fazer aquela instantânea análise da mulher em sua mente ele dizia, com uma expressão claramente incomodada:

    -- Pois bem, eu vou embalar para comer na carruagem... Vou tentar arrumar minhas coisas o mais rápido possível.

    E ali estava exibida uma característica inerente bastante forte de Ramus: Ele adorava comer e não desperdiçava comida. Seguia para seus aposentos e juntava suas coisas na mochila, assim como com um assovio chamava sua coruja. Procurava pelo alforje que acoplava a sua montaria e retirava dele as coisas que houvessem dentro de relevância e finalmente voltava para o grupo com mochila nas costas, grimório e outras tralhas no cinto e uma coruja muito bem sentada em seu ombro. Entregava um saco de dormir e uma corda de seda para Milena e dizia:

    -- Se importaria em carregar essas coisas para mim? Elas normalmente vão na minha montaria, sem ela eu fico sobrecarregado e atraso o grupo... Obrigado. A propósito, esse é meu familiar, Archimedes.

    A coruja abria as asas por alguns instantes, fazendo um barulho característico:

    -- Hwhoooo! Hwhoooo!

    Ramus sorria por alguns instantes e então caminhava até a porta, esperando saírem para trancá-la e segui-los.

    Srta. Moon
    Sacerdote de Cthulhu
    avatar
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2624
    Reputação : 0

    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por Srta. Moon em Dom Nov 09, 2014 3:07 pm

    Tendo conseguido se afastar do grupo Cylla apenas seguiu furtivamente pelas ruas do lugar, andava cabisbaixa não queria ser incomodada pelas pessoas evitava o máximo o contato com elas naquele dia, graças ao rei sua fama de ladra poderia ter voltado quem sabe, isso sacrificaria sua vida pacata a obrigando ir embora da cidade. Antes de chegar ao cemitério lembrou-se de comprar algumas flores, quando o fez seguia seu rumo em meio a isso ela pensava "e depois de completar a missão o que eu vou fazer", já completava oito meses que ela não se envolvia em algo perigoso que precisasse de suas habilidades, afinal ela era agora só uma taverneira e depois da missão teria de conversar com o John sobre o seu emprego.

    Chegando ao cemitério ela foi em direção ao tumulo do seu marido que se encontrava em uma área menos nobre do cemitério, mesmo assim mais cuidada que as valas dos indigentes, foi à forma de demonstrar o desprezo da família do Edward com o seu casamento não o enterrando no mausoléu de sua família na área nobre do lugar. Isso não a incomodava e no túmulo de mármore Cylla apenas deixava as flores junto a uma prece, mesmo não sendo religiosa rezou para Edward, tirou a sujeira do lugar e permaneceu ali por meia hora em silencio antes de seguir seu caminho para o portão principal, Cylla ainda presenteou Edward com uma  musica em seu idioma elfico, não tinha o costume de visitá-lo fora de época o fez devido à missão que recebera do rei e temendo não voltar com vida.
    OFF:
    OFF: "Escolher 20" teste atuação (Canto) +2
    Edu
    Semi-Deus
    avatar
    Semi-Deus

    Mensagens : 6852
    Reputação : 63

    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por Edu em Seg Nov 10, 2014 1:22 am

    Ledall observa parado a tentativa do mago gaguinho explicar a situação toda pro seu aprendiz. Era bastante engraçado a cena toda, estaria rindo aos montes se fosse outra situação. Acompanhou todo o dialogo entre os Rasmus e Milena. Piff, a comandante das tropas internas do reino entendiava, que discurso monótono. Já isso não se repetia em relação ao aprendiz do gnomo. Magos são sempre misteriosos e cheios de truques. O clérigo sabia o que era ter uma carta na manga, pois ele tinha algumas, mas os domadores da trama eram especialistas nisso. Então era por isso que ficava a pergunta na sua cabeça que tipo de segredos aquele gordinho de óculos guardava.

    Deu uma tossida pra limpar a garganta e falou de forma humilde:

    - Er... Senhor Oaks, poderia embrulhar mais um prato de frango com bacon pra viagem? Eu estava, você sabe, na cadeia, até pouco tempo atrás e lá a comida é bem ruim e rara, por isso estou com fome. Você se importaria? - Deu um sorriso pra Rasmus após a pergunta.
    Lyvio
    Semi-Deus
    avatar
    Semi-Deus

    Mensagens : 6982
    Reputação : 13
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png

    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por Lyvio em Seg Nov 10, 2014 2:39 pm

    Enquanto Dundo e Milena explicavam a situação a Ramus, Ledall sentava-se confortavelmente no sofá do garoto assistido a conversa e se divertido enquanto analisava as personalidade dos três e sem timidez pede para o garoto embrulhar parte da comida para ele.

    Cylla por sua vez escolheu ir ao cemitério visitar o túmulo de seu marido, não ficava muito longe dalí, bastava seguir como se fosse para a escola de magia e assim que visualiza-la ir para o lado oposto, um local mais isolado chegando lá ela é recepcionada por dois guardas que vigiavam a entrada, eles olham desconfiados para ela mas a deixam entrar, dentro também tinham guardas fazendo rondas, até o cemitério tinha sido considerado um lugar para se proteger devido a situação, afinal, nunca se sabe quando os mortos podem se erguer de seus túmulos e atacar a população.

    Cylla segue até o túmulo de seu marido e começa a entoar uma bela canção que faz dois guardas que passavam próximos pararem para admirar a voz da moça. Logo ela segue para o portão principale Chega antes que os demais, ela encontra Ghatark terminando o que parecia uma conversa e seu urso então segue para a floresta. O anão vira-se resmungando e vê a moça o observando.

    Na casa de Ramos esperar Dundo explicar as coisas foi um teste de tempo e paciência, o mago fazia questão de detalhar explicitamente tudo sem faltar nada, prolongando a conversa ainda mais devido a sua gagueira, quando pensou em explicar a segunda parte a Ramos a comandante o interrompe e explica rapidamente ao garoto pedindo pressa, sem cerimonia ramos pede de cara lavada que ela segure algumas de suas coisas para não se atarsar a comandante fecha a cara e responde:

    -Isso não é trabalho para uma mulher...Leve isso Ledall...Além disso, faça com que essa sua cojura não cante por favor, detestaria que ela chamasse atenção para nós de alguma forma.

    Dizia ela colocando as coisas em cima do sofá esperando que Ledall levasse.

    Dundo parece gostar mais da coruja do rapaz, ele se aproxima um pouco ergue sua cabeça e acena para ela com um sorriso no rosto.

    Assim que tudo estava pronto o grupo segue.
    Edu
    Semi-Deus
    avatar
    Semi-Deus

    Mensagens : 6852
    Reputação : 63

    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por Edu em Seg Nov 10, 2014 5:04 pm

    Ledall dá um sorriso bem sacana pra Milena, mas não fala nada. Abre a porta da rua e sai rumo a carruagem. Ignorando totalmente o pedido da mulher dele carregar as coisas de Rasmus. Porém antes de sair ainda fala uma frase só pra provocar:

    - O que estamos esperando, vamos.

    Depois já fora da casa do mago ele subiu na carruagem e se sentou no banco calmamente esperando pela mulher e o gordo.
    hitoshura
    Mutante
    avatar
    Mutante

    Mensagens : 521
    Reputação : 0

    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por hitoshura em Seg Nov 10, 2014 5:16 pm




    Ramus ouvia ao pedido de Ledall e parecia fitá-lo de modo analítico por alguns instantes, mas logo dava um sorriso animado, respondendo:

    -- Claro que eu não me importo, é como minha avó sempre dizia: se você gosta de bacon você não pode ser uma má pessoa...

    Feita a pergunta, ele terminava de embalar suas coisas, sem prestar atenção no drama entre Milena e Ledall sobre levarem suas coisas, mas logo que aquele conflito tivesse cessado ele os guiaria para fora da residência.

    -- ...Cadê os outros dois?

    Ele procurava ao chegarem na carruagem, e logo tentava se fazer confortável lá dentro.


    Srta. Moon
    Sacerdote de Cthulhu
    avatar
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2624
    Reputação : 0

    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por Srta. Moon em Seg Nov 10, 2014 6:09 pm

    Cylla saiu bastante preocupada do cemitério, sem contar que ela não gostava de cantar para os curiosos.Pensando novamente nos guardas ela achou estranha a movimentação deles pelo lugar, entre muitas das coisas que pensou a pior delas foi a profanação dos túmulos, aquilo sim era um ato imperdoável de quem o fizesse, ela seguiu até o portão principal parou três ou quatro vezes no meio do caminho, em seu bolso direito ela apenas segurava firme o simbolo sagrado que outrora pertenceu ao seu finado marido, pensava em voltar ao cemitério e pedir a um dos guardas para cuidar do túmulo do Edward, a jovem elfa temia pelo pior naquele momento.

    Contrariada em suas vontades pessoais ela continuou a caminhar em direção ao portão principal um pouco abatida ela encontrava mais a frente o anão e seu urso em um possível “dialogo” logo que ele terminou sua conversa com o urso ele a pegava de surpresa o observando de imediato Cylla olhava para os lados disfarçando, já na espera dos outros componentes do grupo, no momento não queria falar com o anão só tentava manter seus pensamentos distantes do cemitério.
    bitenco
    Garou de Posto Cinco
    avatar
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2431
    Reputação : 1

    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por bitenco em Ter Nov 11, 2014 7:17 pm

    Ghatark ficou do lado de fora da cidade olhando para o urso partir. Um alívio tomou conta de Ghatark sendo refletido por um longo suspiro.

    - Será melhor assim. - resmungou.

    - Agora tenho que esperar os outros chegarem. - já pensou olhando para a cidade reclamando.

    Era incrível como o anão conseguia se irritar rápido mesmo depois de alguma coisa ter dado certo para ele.


    -=-=-=-=-=-
    OFF: Post rápido. Desculpa ai. ^^
    Lyvio
    Semi-Deus
    avatar
    Semi-Deus

    Mensagens : 6982
    Reputação : 13
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png

    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por Lyvio em Qua Nov 12, 2014 8:41 pm

    Mesmo resmungando Milena pegou as coisas de Ramos e o respondeu que os outros dois já os aguardam no portão, o grupo segue e depois de alguns minutos alcançam o portão principal lá já estavam Gathark, Cylla e a carruagem que levaria o grupo um guia já estava os aguardando era um meio-orc ja de certa idade, com um grande calvice, mas podia se perceber que tinha força suficiente ainda para guia-los e controlar os dois cavalos. Ele era o guia do Rei Isquen quando fazia suas viagens a outras cidades são amigos desde a juventude e seu nome é Bulk.

    -Sejam bem vindos meus amigos, dizia o meio-orc, estão prontos?Vamos a passos rápidos até o portão o rei exigiu pressa podem subir!

    Assim que todos sobem ele segue, já passava da metade do dia quando partiram. Eram pelo menos cinco horas viajando de carruagem com algumas pausas em riachos próximos para os animais descansarem um pouco e beberem água, a paisagem não mudava muito par quem conhecia pelo menos na região onde esta Guardiana e Alterone o campo de gramas e plantas baixas dominam a paisagem com uma ou outra árvore perdida, ao lado esquerdo a cordilheira de montanha conhecida como montanhas ancestrais os acompanhava e cada vez que se aproximavam do portão ela também aumentava de tamanho. A tarde foi passando e ao final dela ainda com a luz do sol mesmo que fraca vocês alcançam a ultima barreira antes do portão era um pequeno monte e lá é onde Bulk para:

    -Vocês descerão aqui para não chamar atenção, após esse monte ja se pode ver o portão, mais alguns minutos de caminhada e vocês alcançam, assim que terminarem vocês voltarão a pé.


    Dito isso ele agita as rédeas e parte de volta.
    Edu
    Semi-Deus
    avatar
    Semi-Deus

    Mensagens : 6852
    Reputação : 63

    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por Edu em Qui Nov 13, 2014 4:22 pm

    - Okay ,chefe - Diz Ledall sorrindo.

    O clerigo assim que pisa na terra firme novamente observa o terreno ao redor. Haviam montanhas perto. Lembrava de ter ouvido falar delas em algum lugar, não se lembra aonde. Sua vida era uma espiral de memorias misturadas então natural que isso acontecesse.
    Srta. Moon
    Sacerdote de Cthulhu
    avatar
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2624
    Reputação : 0

    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por Srta. Moon em Qui Nov 13, 2014 10:45 pm

    Cylla ficou surpresa ao ver um meio-orc , já não era de seu agrada andar com um anão agora tinha que aceitar a ajuda do meio-orc para guiá-los em sua carruagem que diga de passagem não era nada confortável, parecia que o Rei estava economizando em quase tudo, custava dar um cavalo para cada um a viagem seguiu tranquila entre uma parada e outra Cylla aproveitava para descansar um pouco, a paisagem local estava um pouco mudada, nada que merecesse alguma atenção especial da elfa.

    Quando o maldito meio-orc falava algo que a jovem nem se deu ao trabalho de prestar atenção apenas pegou seus equipamentos e seguia com o bando calada apenas cuidando o lugar para não ser pega de surpresa.

    OFF: Eca! "Anão e Meio-Orc"
    bitenco
    Garou de Posto Cinco
    avatar
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2431
    Reputação : 1

    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por bitenco em Sex Nov 14, 2014 1:08 pm

    Ghatark subiu na carruagem sem falar nada de inicio, só começando seus resmungos quando a viagem se tornou monótona. Muito tempo parado não era algo que agradava o anão, mesmo quando esta parada se referia a um descanso para suas pernas nestas longas viagens.

    O anão então desceu assim que fora feito a menor menção da parada, já amarrando seus machados as suas mãos para que nenhum infortúnio lhe tirasse suas armas. Assim que este pequeno ajeito fosse feito, Ghatark se colocaria nas andanças em direção aos portões. Apesar de suas passadas curtas, o anão fez de tudo para se colocar a frente de todo mundo. Mal ou bem, ele se sentia confortável com aquelas terras mesmo ele nunca tendo ido muito longe.
    hitoshura
    Mutante
    avatar
    Mutante

    Mensagens : 521
    Reputação : 0

    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por hitoshura em Sex Nov 14, 2014 2:10 pm



    Ramus Oaks Ashford



    Ao alcançarem as carruagens Ramos analisava os indivíduos que o esperavam ali com uma expressão analítica.... Um anão, uma elfa e um meio-orc. Todas as surpresas o aguardaram em apenas um lugar? Ele se perguntou por alguns instantes se a elfa era amiga do anão. "Impossível", ele concluiu abanando os ombros. Sua próxima meta era descobrir se os rumores sobre anões não tomarem banho e serem fedorentos era verdade, iria descobrir na carruagem.... Que subira. Retirava então um embrulho de alimento e entregava para Ledall, estava claramente animado com sua refeição..

    -- Aqui está, senhor Ledall... Arroz, frango e bacon. Bom apetite.

    O mago então fez também sua refeição de modo quieto e calado, ele alimentava Archimedes (sua coruja) também com uma espécie de alpiste. Quando finalmente alcançam seu destino, ele descendia da carroça analisando as redondezas com uma expressão curiosa, antes de voltar a falar.

    -- Bem, talvez antes de partirmos seria interessante nos introduzirmos e falarmos nossas capacidades... Meu nome é Ramos, eu sou um mago. Não sou muito forte nem resistente, mas acredito que minhas magias podem ajudar o grupo a se manter vivo. Esse ao meu lado é meu familiar, Achimedes, mas todos o chamam por Archie, ele é bem inteligente - e levemente tímido, então não precisam se preocupar com ele chamar atenção desnecessária.

    Ele então fitava os outros, esperando que se introduzissem, enquanto sua coruja os cumprimentava

    -- Hwhoooo! Hwhoooo!
    Srta. Moon
    Sacerdote de Cthulhu
    avatar
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2624
    Reputação : 0

    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por Srta. Moon em Sab Nov 15, 2014 11:25 am

    Cylla já estava preparada bastava seguir os demais até os portões forçaria a caminhada só para ver o anão com suas pernas curtas correr um pouco para acompanhá-los, e assim foi quando começou a andar o humano com sua coruja tentava iniciar um dialogo se apresentando ao grupo, Cylla que seguiu a caminhar agora devagar o respondia formalmente –Me Chamo Cylla Saqsaihuaman sou uma simples funcionaria de uma taverna... 

    A jovem continuou a caminhar sem parar pegava seu arco e observava mais a frente não queria ser pega em uma emboscada ou quem sabe alguma criatura do lugar. 
    bitenco
    Garou de Posto Cinco
    avatar
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2431
    Reputação : 1

    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por bitenco em Sab Nov 15, 2014 7:31 pm

    Apesar de curta, o anão bárbaro possuía uma passada rápida o bastante para guiar todo o grupo em sua velocidade máxima, independente se conseguiriam ou não lhe acompanhar. Quando o gordinho começou a tagarelar, Ghatark parou por um instante e olhou bem para ele claramente enraivecido pela aparência daquela pessoa.

    - Meu nome é machado, e seria bom você andar antes que decida beijar seu pescoço - respondeu se virando para sua caminhada. Agora, sem se importar se estavam ou não o acompanhado.
    Edu
    Semi-Deus
    avatar
    Semi-Deus

    Mensagens : 6852
    Reputação : 63

    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por Edu em Seg Nov 17, 2014 12:42 am

    - Hahahahha - Gargalhou Ledall ao ouvir a resposta do anão ao mago.

    Depois se virando pro Mago ele sorri e agradece o prato de comida.

    - Opa obrigado, pelo prato de comida, colega dos truques mágicos - Pega o prato e inspira o cheiro da comida com satisfação - Bom, muito bom. Bem, eu não prefiro falar das minhas habilidades, gosto de deixar como uma... surpresa pros outros - Termina de fala rindo de novo.

    Caminha até Cylla com o prato na mão comendo. Chegando perto dela engole a comida na boca antes de falar.

    - Uma simples funcionaria hein? Esquecendo de mencionar a Cylla, mestre das sombras, a mulher que escapa de qualquer situação adversa. Cadê a elfa sorrateira e mortal das historias da minha mãe?
    Srta. Moon
    Sacerdote de Cthulhu
    avatar
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2624
    Reputação : 0

    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por Srta. Moon em Ter Nov 18, 2014 12:33 pm

    Cylla não se surpreendeu com o que o anão falou para o gordinho, parou de caminhar quando Ledall falava com ela ficou sem jeito com tudo aquilo que ele falou a elfa não era nem a metade das historias que a mãe dele contava para ele quando ele era pequeno, de fato ela já foi uma assassina e ladra no passado quando era bem jovem e imatura.
    -São apenas historias que sua mãe contava de um passado há tempos perdido, hoje em dia sou só uma simples funcionaria... Ou era uma simples funcionaria antes do teu maldito rei reviver a minha fama de ladra na cidade... Cylla voltou a cuidar mais a frente nos portões e logo voltava a olhar para o Ledall -Tome bastante cuidado e não saia fazendo besteiras ou algum ato de heroísmo...
    Conteúdo patrocinado


    Re: Cap 1: A invasão de Runefaust(Todos)

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Sab Nov 18, 2017 6:34 am