Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    Verdhanya Varghan

    Sandinus
    Wyrm
    Sandinus
    Wyrm

    Mensagens : 9948
    Reputação : 70
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

     Verdhanya Varghan - Página 10 Empty Re: Verdhanya Varghan

    Mensagem por Sandinus em Sab Abr 04, 2020 12:10 pm

    Barragnar segue tudo como foi descrito por Boca de Prata, a sensação era diferente, a mistura de cheiros das folhas traziam boas lembranças da cozinha do quartel, mesmo estando distante ele sentia falta de seus amigos e até da cidade, mas sabia que tinha suas responsabilidades com a tribo, era seu dever protege-la.

    Com isso em mente ele segue Boca de Prata com os preparativos auxiliando-o para então o ritual se completar, ansiedade e curiosidade estavam estampados na face de Barragnar que acabou não se contendo:

    -O que pretende fazer Boca de Prata?
    AndréMarrão
    Troubleshooter
    AndréMarrão
    Troubleshooter

    Mensagens : 897
    Reputação : 22
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

     Verdhanya Varghan - Página 10 Empty Re: Verdhanya Varghan

    Mensagem por AndréMarrão em Sab Abr 04, 2020 9:29 pm

    Vedhanya @Dycleal
    O Druida-bardo-mago-algumacoisa Taliesin-Merlin Caminha mais a frente. Ao chegar em uma clareira ele começa a entoar um poema, sua voz treinada é linda de se ouvir e quase um transe cai sobre a jovem Druida.


    Macieira para a donzela,
    Carvalho para o senhor,
    Aveleira para os sábios,
    Azevinho para a espada,
    Sorveira para proteção,
    Bétula para um início,
    Amieiro para o fogo,
    Salgueiro para o coração...
    Freixo, o mago.
    Hera faz uma coroa,
    Videira para o vinho
    Quando a taça vem chegando.
    Sabugueiro para anciãos,
    Na alta floresta.
    E o teixo no Samhain,
    Para cobrir a todos nós....

    Tantas árvores tem no canto,
    quanto vezes que terás que pedir,
    a cada árvore um pouco dela
    e deixar um pouco de si.
    Escolha a árvore,
    que dentre estas
    melhor te representa
    e, por fim,
    durma junto dela
    a seiva te contará
    como o cajado pegar,
    pois ele já estará feito
    na Floresta
    em algum lugar.


    Barragnar @Sandinus
    Vou fazer um você, um você com algo de mim. Ele vai pegando um pouco da argila da parte de baixo e amontoando ao teu lado, de forma que você sente com o tempo que o monte de argila sob seus pés vai se reduzindo enquanto escorrega argila debaixo de ti, alguns momentos você acha que poderia cair, mas ele vai tirando com cuidado, ao mesmo tempo que amontoa ele vai dando formas e muito parecido com você, até que por fim depois de um longo tempo ele pede que você o deixe raspar a argila que está debaixo dos teus pés. A Estátua que está a teu lado é muito parecida com você, as diferenças principais são, além da cor, as asas, são majestosas, bem maiores que as tuas são agora, esticadas, ele foi tão detalhista que fez os veios das asas. Ele aponta um ponto e pede que você fique parado ali. Não importando o que ocorra. Um ponto logo atrás da estátua. Assim que você está ali, ele do outro lado da estátua, se transforma em dragão. E No mesmo instante fala algumas palavras em dracônico, uma magia emulando o ataque de sopro de um Dragão dourado.   E O Fogo engolfa a estátua e você. Há uma sensação de ardência em um primeiro momento. E Quando você acha que iria gritar a ardência acaba, na sua frente o Barragnar de argila parece pedra, que começa a se desfazer e a fuligem gerada voa em sua direção e cobre seu corpo, você sente usas asas crescerem e desdobrarem, você sente seu corpo crescer até um pouco mais, os chifres que já eram mais protuberantes até aumentam e você sente queimar em teu ventre algo mais forte do que já sentia, como se uma fornalha aumentasse dentro do seu âmago. Há um espelho logo atrás de boca de prata. Um longo espelho que você só percebe quando ela volta a sua forma de Kobold.
    Dycleal
    Semi-Deus
    Dycleal
    Semi-Deus

    Mensagens : 7022
    Reputação : 143
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png

     Verdhanya Varghan - Página 10 Empty Re: Verdhanya Varghan

    Mensagem por Dycleal em Sab Abr 04, 2020 9:53 pm

    Verdhanya segue Merlin até chegar a uma clareira onde ele começa a cantar uma ode com uma voz cadenciada e hipnótica e a druida se entrega ao cântico ritualístico e ela vê as árvores rodando em torno de si e ela se despoja dos seus itens ficando apenas com um leve manto sobre o corpo, reúne todos os itens na sua capa e faz uma trouxa e a deposita aos pés de um salgueiro que se curva levemente a saudando.

    Ela se deita com a cabeça recostada na trouxa e um sono suave a toma sentindo uma briza a lhe acalentar e um sonho inundado de luz lhe toma e um cajado gira em seu próprio centro e a imagem é bela, e ela se vê correndo pela mata, a princípio nua e depois transformada em animais de toda a espécie e por fim, vestida com seu fino manto ritualístico e a luz se concentra no cajado que emite feixes de luz para cada personagem na floresta, que lhe devolvem mais luz, aumentando o halo de luz ao redor daquele cajado e o tempo não parece passar, se fazendo infinito...
    Sandinus
    Wyrm
    Sandinus
    Wyrm

    Mensagens : 9948
    Reputação : 70
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

     Verdhanya Varghan - Página 10 Empty Re: Verdhanya Varghan

    Mensagem por Sandinus em Sab Abr 04, 2020 10:29 pm

    Barragnar completa o ritual e durante todo ele, varias sensações passam pela mente do Kobold, ele sente o fogo em seu interior se intensificar, seus músculos crescem muito bem como sua altura, todos os seus detalhes dracônicos se intensificam e se fortalecem, agora mais do que nunca ele estava o mais próximo que Pôde dos dragões, o sonho de todos os kobolds, e seus filhos ganhariam essa qualidade, seria um geração de kobolds mais poderosa já vista, sem dúvidas a humilhação que sofreram por tantos anos desaparecerá, dando lugar uma nova raça de grande força e poder.

    O kobold cresce a ponto de se tornar do tamanho de um Hafling, nenhum kobold chegava a altura dos humanos pequenos como eles os chamavam, era mais uma sinal do poder que Barragnar tinha adquirido, sua força, era maior que muitas criaturas bem maiores que ele, era o poder dracônico circulando em suas veias.

    -Me sinto extremamente poderosos Boca de Prata! A energia Dracônica pulsa em meu estômago, as chamas queimam de modo mais intenso e poderoso!

    O Kobold olha para Boca de Prata que volta a sua forma kobold e atrás dele um grande espelho onde Barragnar viu no que se tornou, sua nova aparência o deixou orgulhoso e grato.

    -Sinto como se fosse um dos dragões! Agora poderei representar nossa tribo nas justas de modo justo!
    AndréMarrão
    Troubleshooter
    AndréMarrão
    Troubleshooter

    Mensagens : 897
    Reputação : 22
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

     Verdhanya Varghan - Página 10 Empty Re: Verdhanya Varghan

    Mensagem por AndréMarrão em Ter Abr 28, 2020 6:44 pm

    Assim será Dragor Barragnar! Boa sorte na justa e nos caminhos até lá, vão ter que dar um jeito de chegar os mantimentos por lá, para que a justa possa ocorrer.... Pode ir ajudar seus amigos, ou conhecidos.... Boca de prata sorri. Mas antes deve fazer o ritual similar ao que fiz, a diferença é que os ovos não poderão misturar o barro por você. Boa sorte, talvez a moça das florestas possa te ajudar...
    Sandinus
    Wyrm
    Sandinus
    Wyrm

    Mensagens : 9948
    Reputação : 70
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

     Verdhanya Varghan - Página 10 Empty Re: Verdhanya Varghan

    Mensagem por Sandinus em Qua Abr 29, 2020 9:58 am

    Barragnar se curva levemente para o Dragão e atravessa o portal voltando para a cidade, agora ele estava ainda mais parecido com um dragão do que nunca seu tamanho já estava igual ao de um hafling mais ou menos 1,20m e ele realmente parecia um dragão dourado só que bípde. Muito mais robusto e ameaçador com suas asas que pareciam mais robustas também bem como seus músculos.

    Ele sai para o centro da vila e procura Verdhanya, não encontrando ela ou Merlin, ele decide aguarda-la no centro da vila.
    AndréMarrão
    Troubleshooter
    AndréMarrão
    Troubleshooter

    Mensagens : 897
    Reputação : 22
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

     Verdhanya Varghan - Página 10 Empty Re: Verdhanya Varghan

    Mensagem por AndréMarrão em Qui Abr 30, 2020 7:25 am

    Verdhanya acorda, mas é como se ela não controlasse o que faz. A voz do mago/arqui ressoa em sua mente: 
    Tantas árvores tem no canto, 
    quantas vezes que terás que pedir, 
    a cada árvore um pouco dela 
    e deixar um pouco de si.


    A cada arvore que encontra sai da boca, sem nem pensar, um pedido de forma a rimar.

    Macieira do pomo vermelho,
    Troca algo de ti,
    Por minha imagem num espelho?


    Um vapor sai do chão, formando uma espécie de barreira e ela tem uma função parecida com o espelho, e após fixar a imagem de Verdhanya o vapor é absorvido pela árvore, do tronco da arvore, sai um nó de madeira, talvez um pedaço do cajado, o cheiro de madeira de macieira mais forte do que o esperado, no lugar de onde saiu o nó um novo nó se forma, do tom do vapor se condensando alí e uma pequena imagem de Verdhanya se cristaliza em um novo nó da madeira.

    Carvalho, ó Senhor carvalho,
    Me dê algo de si,
    Deixarei pra ti meu "orvalho"


    O calor se torna forte repentinamente, e Verdhanya sente muito calor e passa a suar, tanto suor que escorre desde sua cabeça, escorregando por suas costa, peito, barriga, coxas e é absorvido pelo chão, quando satisfeito, um dos galhos do carvalho cai ao lado de Verdhanya, se encaixando perfeitamente no nó da macieira.

    Sábia Aveleira 
    que dá avelã,
    O que trocas tu
    Por minha lã?


    Ao passar a mão no cabelo, sai uma mecha inteira na mão e Verdhanya a coloca presa num galho, algumas avelãs caem e rolam até os pedaços do cajado se prendendo e ornamentando ele, como se tivessem sido esculpidas no Cajado.


    Senhor azevinho? 
    O que tenho em troca
    Do meu vinho?


    Usando as próprias unhas pressionadas contra as palmas verte sangue sobre as raízes do azevinho que absorve sedento o liquido vital. Os galhos do azevinho se moldam em volta dos pedaços de Cajado já existentes, enfeitando-os com suas folhas e pequenos frutos, já deixando espaço para outros pedaços do Cajado.


    Ó sorveira da proteção,
    O que recebo pela minha mão?


    Ao tocar o tronco ele parece macio, tao tão macio que deixa a forma da mão da druida nele. Caem alguns frutos da sorveira que se prendem da mesma forma que as avelãs e se misturam aos frutos do azevinho.

    Bétula me ajude 
    com o que for propício
    O que queres?
    De início?


    A respiração da druidas se condensa em frente a seu rosto , é absorvida pela bétula. E folhas da bétula caem e se prendem aos ornamentos do cajado.

    Amieiro, amieiro.
    O que trocas pelo fogo ?
    Meu fogo?

    Um frio se estende pelo corpo de Verdhanya e parece se acumular a sua frente. Como uma labareda e se misturar ao amieiro que parece pegar fogo. As folhas do amieiro caem e se prendem aos ornamentos do cajado, formando uma composição com as outras folhas e frutos.

    Salgueiro do coração forte!
    Darei o meu, 
    para que o teu
    me dê com sorte!

     
    Do Salgueiro brotaram dedos em volta da cabeça de verdhanya e por ali cópias de seus amores apareceram em madeira. Seu companheiro Nadhul em madeira, um bosque todo entalhado em madeira. As fadas que a criaram, tudo em miniaturas perfeitas. Copias desses amores se prendem aos engastes do cajado.

    Antigo Freixo
    Que me dará em troca
    Do meu Eixo 


    Ao encostar no Freixo Verdhanya não sabe onde é alto e onde é baixo, direita e esquerda.  E um engaste para ser onde ficará a cabeça do cajado cai a seu lado quando ela consegue se aprumar,.

    Oh! Frágil hera,
    quem em areia transforma
    o que pedra era...
    Sua seria minha coroa
    Oh! Rainha bela.


    Ao encostar na hera, sentiu um pouco de sua força vital sair para a planta, talvez alguns anos de sua vida tenham ali sido doados.
    E da Hera formou-se uma coroa que cabia exatamente na cabeça de Verdhanya,
    Ao encontrar a Videira, uma sede a obrigou ficar sem eira nem beira.
    E as uvas olhou. A Mão estendeu e elas pareceram ficar mais distantes, e ainda mais apetitosas.

    OH! Videiras das uvas douradas
    Porque não me queres tão perto de ti?
    Se aproxime e aplaque minha sede,
    O Que de mim queres para
    Me dar o que deves?


    As gavinhas da videira estalaram em volta dos braços estendidos e entranharam na pele de verdhanya, as próprias folhas da videira e até as uvas ficaram vermelho sangue e Verdhanya se sentiu a videira como inteiro, a videira era parte dela, ela era parte da videira e no tocar das raízes da videira com outras plantas ela se sentiu a própria floresta, sabia o que tinha em cada local de cada arvore.
    Ela sentia correr em seu corpo mais do que sangue e a videira enrolou um ramo seu no cajado de Verdhanya.
    Encontrou o sabugueiro, antigo sábio e imponente.

    Oh! Sabugueiro,
    Me ensine o que sabes
    E de mim o que terá,
    O Que quereria de tão jovem serva,
    O Senhor das ervas...


    Um ramo do sabugueiro carregado de flores encostou na coroa de era e ela se encheu de flores de sabugueiro e enraizou a coroa na cabeça de Verdhanya.

    E O gigantesco teixo q se situava no meio da floresta tinha algo que parecia um rosto e abaixo dele varios exemplares de outras arvores, alí também alguns animais estavam, todos em harmonia. O Teixo representava a mudança, o novo e aquilo que virá...

    Oh! Teixo do Samhain
    Oh! Harmonioso teixo,
    Nos cubra, Me cubra.
    Que o tempo passe,
    Passe e nos cubra.


    Ao encostar no tronco Verdhanya viu seu futuro, ficou zonza e do teixo saiu uma ampulheta, com uma areia cor de madeira, que ficou no lugar da cabeça do cajado, encaixando-se perfeitamente alí, e com dispositivo para virar quando quisesse e travar, em ambos os lados da ampulheta tinha grafias cuneiformes e de um lado o sol, do outro a Lua.

    E Assim ela foi encontrada por barragnar no outro dia, com uma coroa de Hera que não saia de sua cabeça, flores nesta coroa e um belo cajado, além de lembranças de algo que ainda não aconteceu.


    off:
    Vou descrever o que a coroa e o cajado fazem com calma, pra não viajar muito. Por hora ele pode armazenar 3 mágias, e em caso de rolagem de dados (D20) rola duas vezes e escolhe o melhor resultado.Ah ela sabe onde está cada erva no entorno da floresta. Agora sim podem continuar.
    Dycleal
    Semi-Deus
    Dycleal
    Semi-Deus

    Mensagens : 7022
    Reputação : 143
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png

     Verdhanya Varghan - Página 10 Empty Re: Verdhanya Varghan

    Mensagem por Dycleal em Seg Jun 08, 2020 1:35 pm

    Quando Barragnar encontrou Verdhanya encostada no tronco de um Teixo, a druida estava vestida apenas com uma túnica de ramos de videira e possuía uma coroa de hera firmemente colocada na sua cabeça, com bastantes flores e a jovem segurava um impressionante cajado e ele tinha uma admirável ampulheta como sua cabeça e Verdhanya ao ser chamada abre os olhos os deixando semicerrados e começa a profetizar em uma língua desconhecida e aponta o cajado para o norte, depois para o sul, para o poente e depois para o nascente e as ramas de videira se fundem com o seu corpo e escondendo a sua nudez um brilho exala do seu corpo e ao se dissipar ela está com a sua fina túnica de algodão ensopada com o seu suor e ela parece desfalecer, mas se segura em seu cajado.

    Após alguns segundos se equilibrando, ela se dirige ao local onde deixara os seus pertences e começar a se vestir lentamente e após um momento acocorada em um momento onde murmura algo como uma prece ou mantra, ela abre os olhos e diz para o Kobolt: - Eu vi coisas incompreensíveis, eu vi o futuro, eu vi o meu futuro e a deusa em sua infinita bondade me fundiu a floresta e agora eu e ela somos uma só entidade e a garota que aqui veio ontem, agora já não é a mesma, pois agora eu sou Verdhanya, a vidente, a que está em tudo e em todo lugar e nada da natureza pode se esconder para mim e sou a senhora do tempo e a deusa me constituiu com os poderes necessários para cumprir a minha missão, estou pronta.

    A jovem druida agora tinha uma mecha de cabelos brancos e outra diametralmente oposta na cor verde e sua beleza era admirável como o amanhecer da primavera e ela se dirige ao companheiro de viaja e enlaça seu braço no dele como se o convidasse para um passeio pela floresta e diz: - Me conduza para o grande druida.
    Sandinus
    Wyrm
    Sandinus
    Wyrm

    Mensagens : 9948
    Reputação : 70
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

     Verdhanya Varghan - Página 10 Empty Re: Verdhanya Varghan

    Mensagem por Sandinus em Seg Jun 08, 2020 4:36 pm

    Não só Verdhanya estava mudada, Barragnar também agora podia se dizer que ele era de verdade um dragão dourado, com asas grandes e poderosas seus músculos eram enormes quase desproporcional ao seu tamanho, mas sua mobilidade não era lenta a luz do sol reluzia sua amadura e suas escamas que por vezes se confundiam através da luz. Sua expressão era de uma auto-confiança extrema e visivelmente estava transbordando orgulho.

    Ele observa a companheira e ela realmente estava diferente, parecia muito mais sábia e ao mesmo tempo ameaçadora, quase uma rainha da floresta. Ele sorriu e percebeu que não apenas ele cresceu em poder e majestade mas ela também.

    -Impressionante Verdhanya, você parece muito mais majestosa, poderosa e ameaçadora. Sua beleza se amplificou... Sinto que agora temos capacidades para enfrentar nossos inimigos, principalmente Maggot com minha força e seu poder livraremos essas terras de todo o mal que tenta assola-la, ganharemos respeito entre os povos e podemos finalmente, mesmo que num sonho ainda distante buscar a paz e a cooperação.

    Eles caminham um pouco e logo Barragnar volta sua atenção para a moça.

    -Iremos encontrar o grande druida, mas antes, preciso fazer um ritual com meus futuros filhos que estão por vir, talvez você possa me ajudar passarei a essência dracônica que Boca de Prata me passou. Uma nova reça de kobold está por vir, muita mais poderosa e que sem dúvidas ganhará o respeito dos demais.

    Barragnar vai até as margens de um riacho com Verdhania e recolhe bastante lama e água, ele leva para a tribo e dirige-se até o berçário. Lá ele banha os ovos com essa lama e entoa o ritual feito por Boca de Prata, para sua surpresa, ele tinha em mente algo grande e complexo, como se sua essência dracônica intuitivamente já soubesse o que falar.

    Após o ritual, coma certeza que seus filhos nasceriam iguais a ele, ele segue com Verdhanya para onde ela deseja.
    AndréMarrão
    Troubleshooter
    AndréMarrão
    Troubleshooter

    Mensagens : 897
    Reputação : 22
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

     Verdhanya Varghan - Página 10 Empty Re: Verdhanya Varghan

    Mensagem por AndréMarrão em Qua Jul 29, 2020 10:57 pm

    Depois de terminar o ritual Barragnar se dá conta q fez o ritual com todos os ovos do berçário, fossem seus ou não, agiu naturalmente, mas não se sentiu nem cansado. Seguem a procura de Merlin, o encontram ainda em um bate-papo interminável com Escama-de-arvore.
    Não, não, não! Se voltasse no tempo e alterasse algo q tem impediria de voltar no tempo não criaria um colapso, ao menos não total, vc criaria uma linha do tempo divergente em que a viagem no tempo não era possível e assim vc estaria preso no passado..... quando se dão conta de q vcs estão ali ficam ambos observando todas as mudanças em vocês. Meio que maravilhados, mas esperando vocês falarem algo.
    Dycleal
    Semi-Deus
    Dycleal
    Semi-Deus

    Mensagens : 7022
    Reputação : 143
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png

     Verdhanya Varghan - Página 10 Empty Re: Verdhanya Varghan

    Mensagem por Dycleal em Qua Jul 29, 2020 11:32 pm

    Verdhanya se sente diferente, digamos, que completa agora. O mundo a sua volta tem novas cores, mas vibrantes e que exalam odores, que antes não eram percebidos. Também sentia cada parte do corpo de forma diferente e o tempo não passava como antes, mas estava ligado a ela e ela o tinha sob domínio e demorou um pouco a se acostumar aquela nova realidade e cansada com tanta informação dormiu. E ao dormir foi treinada em sonho de como usar as suas novas habilidades e condições físicas e espirituais.

    Ao acordar, se encontra com Barragnar e pede que a leve até o grande druida. Ele concorda e pede que no caminho o ajude com um ritual que fará com seus filhotes e a druida concorda em ajuda-lo e ao chegarem no rio, ela pega bastante lama e água e entrega para ele ir conduzindo o ritual, onde ela sente a energia dracônica em movimento e fluindo dos seus corpos para os filhotes do amigo e findo o ritual, ela sente uma grande alegria e exulta em ter ajudado a fortalecer aqueles pobres filhotes, que agora crescerão fortes, vigorosos e preparados para a luta e a sobrevivência da especie.

    Após o ritual, caminham por algum tempo, até que avistam Merlin em uma conversa profunda e aparentemente longa com Escama-de-árvore e Verdhanya espera pacientemente eles terminarem o seu debate e assim que eles os notam a presença de ambos, se voltam para eles e Verdhanya faz uma mesura e diz: - Eis-me aqui Grande druida, o Arquidruida sem começo e fim de dias. Estou aqui, instrua-me.
    Sandinus
    Wyrm
    Sandinus
    Wyrm

    Mensagens : 9948
    Reputação : 70
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

     Verdhanya Varghan - Página 10 Empty Re: Verdhanya Varghan

    Mensagem por Sandinus em Qui Jul 30, 2020 9:40 am

    Barragnar chega com Verdhanya no momento que Merlin e Escamas discutiam algo fora do interesse de Barragnar sobre magia e vigem no tempo, ele até espera um pouco eles junto com a druida até que finalmente os dois percebem a presença dos recém chegados, mas ao observarem eles parecem admirados com as mudanças visíveis.

    Verdhanya então decide falar primeiro e Barragnar apenas ouve ela se dirigir a Merlin como um Arquidruida então também se pronuncia.

    -Escamas, Boca de Prata me concedeu o poder para ser o campeão de nossa vila e o poder para abençoar os ovos que estão por vir. Muitos kobold agora nascerão muito mais poderosos e próximos dos dragões e cada vez mais nossa linhagem será poderosa, também estou pronto para as missões atribuídas a mim.
    Conteúdo patrocinado


     Verdhanya Varghan - Página 10 Empty Re: Verdhanya Varghan

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Ter Ago 04, 2020 10:31 am