Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite

    Sailor Paladina
    Mutante
    Sailor Paladina
    Mutante

    Mensagens : 664
    Reputação : 29

      Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite Empty Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite

    Mensagem por Sailor Paladina em Seg Out 28, 2019 3:44 pm

    Epílogo
    Allen havia descoberto da pior maneira que ser um herói em terras tiranas requeria muito mais que vontade e boas ações. Crescendo sob a tutela de um dos piratas mais cruéis das Ilhas dos Drakes, o Swashbuckler era um privilegiado e inconsequente, recebendo em primeira mão como era ser alguém do populacho batalhando pra sobreviver naquele lugar. Ignorando o casal estranho na ilha, tomando a mão de sua amada e partindo com o tesouro daquela ilha esquecida por todos, Allen segue de volta para Scuttle Town, apenas para dizer ao seu padrasto Barba Negra e seu tio Wycombe que iria 'voltar pra casa', pois a vida de pirata não era pra ele. Seu destino era ser um salvador de donzelas e ter seu nome cantado pelos bardos do mundo. Barba Negra o lembra que embora fosse como um filho pra ele, o rapaz ainda era seu escravo. Mas, se ele topasse se casar em seu navio, trazendo a benção de Solaris pra sua embarcação, sua dívida estava paga. Sem muita escolha, Allen tem suaunião com Pidget abençoada e todos os bucaneiros o parabenizam pela escolha. Como presente de casamento, Barba Negra concede a liberdade pro seu afilhado permitindo que ele navegue os sete mares e busque a vida de herói que procura pra si. O casal passa a lua de mel numa cabine de luxo e espera pelo dia seguinte a fim de viajarem para Avalon, terra dos cavaleiros e princesas.

    Início
    Em seu primeiro dia de casado, Allen não perde tempo naquele lugar. Pidget diz que vai arrumar as bagagens enquanto o rapaz iria agendar as passagens. Sentindo-se um novo homem com um destino brilhante, ele passa por todos com ar vencedor de quem 'parecia' que tinha tinha acabado de vencer uma horda de mortos vivos e uma naga necromante, além de ter sobrevivido a uma explosão. Quem diabos acreditaria numa história dessas? Hah! Fodam-se os incrédulos, aquela experiência o tornou um novo homem. Assobiando e caminhando feliz da vida, Allen olha para os lados e vê como era um sortudo no meio daquela gente sofrida. A elfinha negra que estava disposta a venda na banca não estava mais lá. Possivelmente vendida pra algum escroto mal-intencionado. De fato, caso Allen fosse perguntar, ficaria sabendo que ela havia sido comprada por um taverneiro pra servir de mictório para os seus clientes mais assíduos. Elfas negras costumam ser muito arrogantes e passar o dia levando mijadas e surra de pica na cara lhe servia bem. Já a Alita, caso Wycombe fosse perguntado sobre ela, o destino também não havia sido bom pra ela. Perdeu a aposta e agora era mais uma cum dumpster disponível pros homens e mulheres locais. Allen podia visitá-la se quisesse, mas Wycombe o alerta pra não querer limpar a mulher. Os transeuntes preferiam suas latrinas usadas e fedendo. Chegando no porto, ele marca uma passagem para Avalon. Para a sua sorte, o próximo navio partiria em algumas horas, significando que em breve ele não teria mais que ver gente sendo maltratada somente por não ter nascido rica ou poderosa. O cais onde Allen esperava estava lotado de latrinas pras pessoas na fila.

    Spoiler:
      Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite DvyYweL

    Logo mais Pidget chega com a bagagem. Forte e bem torneada, ela traz as malas sem problemas.
    - Uhuu, cheguei! Conseguiu as passagens querido? Mal vejo a hora de darmos o pé desse lugar!

    Ao ver as latrinas, ela ri maldosa e baixa a calcinha pra urinar numa delas de pé.
    - Bebe meu mijo, safada. Só de imaginar que poderia ser eu nessa situação, dá até arrepio. Miau! Haha.

    O casal sobe no navio e com a partida do mesmo, eles vêem a cidade de Scuttle Town ficar pra trás e desaparecer no horizonte. A viagem dura cerca de duas semanas. Teria sido uma viagem tranquila, não fosse por um pequeno incidente. Correndo atrás de um rato, Pidget acabou sendo mordida por um e infectada, adoecendo com alguma febre. Pra variar não havia um clérigo a bordo. Tendo que fazer uma parada de emergência (sem reembolso) pra o casal descer num bote e a Nejokin doente não infectar mais pessoas, Allen e Pidget se veem no cais de uma pequena cidade a beira-mar. Uma placa com o nome do lugar riscado diversas vezes, identificava onde eles estavam. Elangheria ou Elanghelia. Dois elfos bem vestidos batiam boca sobre qual o nome deveria ficar. Pelo visto era uma discussão geral entre todos os habitantes dali. Ao perceberem Allen se aproxima com Pidget meio desanimada e tossindo ao lado dele, um dos elfos bastante solícito os recebe, sendo mal educadamente interrompido pelo outro em ocasião.
    - Olá, visitantes. Sejam muito bem vindos a Elangheria!
    - ElangheLIA! Já disse a você!
    - *pigarro* como eu dizia, sejam bem vindos. Sua amiga parece estar passando mal. Por favor, leve-a ao templo. Os clérigos de Mitz poderão cuidar dela!

    Um templo da Deusa Mitz podia ser visto a distância.

      Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite GfhVVPF
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2857
    Reputação : 184
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

      Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite Empty Re: Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite

    Mensagem por Hellkite em Ter Nov 05, 2019 5:05 pm

    A vida para Allen depois da aventura na ilha maléfica havia mudado radicalmente. Dono de sua própria liberdade, casado com Pidget, ele via a cidade de Scuttle Town ficar cada vez menor dentro do barco que os levaria ate Avalon. Estava confiante de que as coisas iriam melhorar para os dois, já que ficara cansado das inúmeras maldades na cidade dos piratas.

    E Allen permaneceria assim, confiante, até que a súbita doença da nekojin aconteceu. Cheio de preocupação e permanecendo ao lado da esposa, procurou por algum tipo de remédio ou pessoa que pudesse cura-la, mas sem sucesso. Mesmo brigando com o capitão, tiveram que desembarcar em uma cidade litorânea.

    Allen toma um grande cuidado em esconder o bote com seus pertences e os de Pidget dentro da vegetação, e com ela ao seu lado aproximam da localidade. La encontram dois elfos, que indicam um templo de Mitz. Allen agradece, e com Pidget vao em direção do lugar. Vendo que ela estava cansada, oferece seu ombro como apoio.

    “Força gata, jaja vamos encontrar um clérigo para curar esta doença de seu corpo... quantas vezes te disse para não ir atrás de ratos? Sei que esta no seu sangue, mas precisa controlar seus instintos...”, diz, e passa a mão em seus cabelos, “... e depois que estiver bem, poderemos voltar com nosso plano de nos tornarmos os maiores aventureiros de toda Avalon!”
    Sailor Paladina
    Mutante
    Sailor Paladina
    Mutante

    Mensagens : 664
    Reputação : 29

      Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite Empty Re: Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite

    Mensagem por Sailor Paladina em Qui Nov 07, 2019 10:44 am

    Allen começa a caminhar pela cidade. O ar litorâneo de Elangheria era bem mais limpo e agradável que o de Scuttle Town. Pessoas passavam nas ruas acenando para o casal, crianças jogando bola e até um bardo animando um grupo de pessoas numa esquina à distância. Diante da igreja, um casal de acólitos de Mitz percebe a situação de Pidget e se aproximam pra acudí-la, alegando que o Reverendo Lutz podia ajudá-la. Os dois seguram Pidget a levam pra dentro do templo, chamando o Allen pra vir junto, mas quando o swashbuckler vai passar, uma parede invisível o impede de prosseguir. A moça continua levando Pidget, chamando o reverendo, enquanto o acólito volta para ver do que se tratava o problema com Allen. O humano de nome Ryan estava tão surpreso quanto ele e até passa a mão pela porta, confuso por nunca ter visto alguém ser barrado antes. Pouco mais voltam Pidget, agora já se sentindo melhor, Luana, a acólita e Lutz, o reverendo local. Ryan diz ao pároco que o marido daquela moça que o acompanha não conseguia atravessar a porta do templo. Lutz observa Allen por instantes e suspira entristecido.
    - Compreensível. Este homem carrega consigo a marca de Bloodrayne, Deusa do Sangue e Destruição. Pode ter sido bem intencionado em querer curar sua esposa, mas no momento exala maldade por todos os poros. Jamais conseguiria entrar no templo.

      Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite TmN32oV

    Lutz olha pra Allen com ar de severidade e diz que devotos de Mitz jamais negariam ajuda a alguém em necessidade e portanto a Nekojin agora estava saudável e livre pra ir, mas por ele se tratar de uma pessoa de má índole, seria no mínimo educado de sua parte, partir dali pra sempre enquanto repensa suas atitudes. Pidget se põe entre o sacerdote e o marido intercedendo por ele.
    - Como assim, pessoa de má índole? Miau, nós saímos da Ilha dos Drakes por não tolerar a maldade daquele lugar! Eu admito que sou egoísta, mas o Allen aqui sempre foi a melhor pessoa de Scuttle Town! Eu nem mereço ele!

    Os jovens acólitos se entreolham, com medo de opinar. Podiam estar sendo testados ou coisa parecida. Lutz no entanto permanecia calmo e responde de maneira incisiva a Pidget:
    - O templo é guardado contra pessoas más. Quando ele puder atravessar a porta como todo mundo da cidade, ficarei feliz em acreditar na sua palavra.

    Pidget olha bastante confusa pra Allen, mas ficaria ao seu lado pro que der e vier.
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2857
    Reputação : 184
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

      Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite Empty Re: Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite

    Mensagem por Hellkite em Seg Nov 11, 2019 8:55 pm

    Allen acha estranho não poder atravessar aquela porta, como se uma força invisível o empurrasse de volta. Magia!

    - Compreensível. Este homem carrega consigo a marca de Bloodrayne, Deusa do Sangue e Destruição. Pode ter sido bem intencionado em querer curar sua esposa, mas no momento exala maldade por todos os poros. Jamais conseguiria entrar no templo.

    O swash franze o sobrecenho. Marca de Bloodrayne? Maldade? Que besteira era aquela? Tudo bem que na ilha ele estava um tanto quanto exaltado, e que poderia vir de si mesmo, mas marcado pela deusa da destruição? Isto é um tanto exagerado!

    “Ei, não me olhe desse jeito! Como tem coragem de falar que sou de má índole, nem te conheço? Você como um bom seguidor de Mitz deveria ter mais cuidado ao falar com as pessoas! E quem disse que eu queria ficar aqui nesta porcaria de templo?”, reclama.

    - Como assim, pessoa de má índole? Miau, nós saímos da Ilha dos Drakes por não tolerar a maldade daquele lugar! Eu admito que sou egoísta, mas o Allen aqui sempre foi a melhor pessoa de Scuttle Town! Eu nem mereço ele!

    Allen pega Pidget pelo braço e a puxa. “Olha aqui, muito obrigado por curar minha esposa, mas já vamos embora. Eu ate ia deixar uma caixinha aqui pra vocês, mas sei que vocês não iam aceitar de um cara de ma índole, então até mais!”, diz, emburrado. Pelo menos economizei uma grana.

    - O templo é guardado contra pessoas más. Quando ele puder atravessar a porta como todo mundo da cidade, ficarei feliz em acreditar na sua palavra.

    “Estou pouco me lixando para sua opinião,” diz, dando as costas.

    Allen e Pidget seguem em direção da taverna mais próxima. “Voce esta melhor, querida? Em parte estou agradecido por eles te curarem, mas em compensação estou puto com suas arrogâncias... Espero ser melhor recebido no próximo lugar.”

    A intenção de Allen era encontrar por ali oportunidades para aventuras, além de companheiros para formar um grupo. De preferencia um clérigo que não seguisse Mitz, pois já viu que eles são um saco de se aguentar.

    Off: conforme necessario, rolar diplomacia e gather info.
    Sailor Paladina
    Mutante
    Sailor Paladina
    Mutante

    Mensagens : 664
    Reputação : 29

      Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite Empty Re: Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite

    Mensagem por Sailor Paladina em Qui Nov 14, 2019 4:20 pm

    Allen fica ofendido com a acusação do pároco, mas sua atitude seguinte apenas comprova os receios do homem santo que apenas suspira vendo rapaz partir com a esposa. Allen profere mais alguns impropérios irritados, mas é acalmado por Pidget que o cobre de beijos e um abraço. A nekojin diz que era possível que a permanência do casal em Porto Longe pode ter deixado alguma má influência neles o que confundiu o clérigo. Porém era melhor que mudassem de assunto. Chegando na primeira taverna que encontram, o lugar estava razoavelmente ocupado, com algumas pessoas almoçando e outras bebendo. Um rapaz humano tocava sua viola ao lado de uma elfa flautista numa bela harmonia. As janelas abertas trazendo a brisa do mar era bem relaxantes. Uma jovem humana aponta uma mesa livre pro casal e oferece uma água de coco por conta da casa, junto do cardápio se desejassem algo mais. Allen pergunta a moça se havia ali alguma oportunidade para aventuras, pois tinha um espírito heróico e não aguentava ficar muito tempo parado, quando podia estar salvando donzelas indefesas e encontrando tesouros. A moça abre um enorme sorriso e diz que aquele casal veio ao lugar certo. Havia muitas coisas que a população local gostaria de ver realizado, mas as pessoas ali não eram acostumadas a brandir espadas e lutar contra monstros. Eles contavam com visitantes de fora, ousados o suficiente para se arriscarem nessas empreitadas.
    - Vai ali no balcão e fala com meu chefe. Senhor Jacquin. Ah e não liga pro vozeirão dele. Ele fala alto, mas é gente boa!

    Offtopic: Obter Informações 20+2=22

    Allen vai até o balcão e quando vai tocar o sino escuta uma discussão na cozinha entre funcionários com direitos a "cala a boca!" e "você é pago pra me foder?" etc. O swashbuckler toca o sino e logo é atendido por um homem loiro medianamente gordo, na casa dos 50 que o recebe educadamente, num sotaque elfês. Ele vê sua garçonete acenando pra ele e então abre um sorriso, esfregando as mãos.
    - Ah, quer dizer enton que temos um voluntárrio. Magnifique!

    Jacquin pede para ser acompanhado até a cozinha e Allen percebe que o chão estava ensopado, além de um cheio ruim vindo de um dos aposentos da taverna. O homem explica que havia descoberto uma ideia fabulosa de preservar comida por vários dias, mas que requeria manter os suprimentos no frio. Ele havia encontrado uma varinha mágica que criava frio ao seu redor mantendo o ambiente gelado. Mas então seu empregado estúpido (diz apontando pra outro rapaz) achou por bem desativar a varinha pra "economizar a mágica". Agora o item não funcionava mais. Precisava ser recarregado com um cristal disponível apenas no templo onde foi encontrado.
    - Essa varrinha me foi vendida há alguns meses por aventurreirros como você. Me farria um grrande favor se pudesse recarregá-la pour moi. Vous pouvez faire?

    Caso Allen aceitasse, Jacquin ficaria agradecido, oferecendo um almoço gratuito (da comida ainda boa) e mostrando num papel, o rascunho de um mapa mostrando uma montanha próxima, além de uma caixinha onde ele deveria trazer o tal cristal. Também avisa que havia perigos tanto no caminho como dentro do tal templo, mas nada que um aventureiro veterano não pudesse cuidar!
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2857
    Reputação : 184
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

      Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite Empty Re: Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite

    Mensagem por Hellkite em Sab Nov 16, 2019 2:55 pm

    Allen ouve a historia contada pelo chefe Jacquin e aceita a tarefa de bom grado. “Somos novos por aqui, eu e minha esposa, mas teremos prazer em ajuda-lo, Mr. Jacquin! Vamos iniciar uma companhia aventureira, e todo contato é muito importante para nós!”, diz, selando o acordo com um aperto de mão.

    O jovem swashbuckler então se vira para ver o restante dos frequentadores da taverna, e bate palmas chamando a atenção. “Bom dia! Meu nome é Allen, e esta é Pidget, minha mulher. Somos dois aventureiros experientes, e estamos procurando voluntários para formarmos uma companhia aventureira... Algum interessado?”

    Off: Diplomacia e Gather Info. Caso não tenha interessados, perguntara se conhecem pessoas que gostariam de se juntar a eles. Neste caso, perguntara onde os encontrar e ira conhece-los e fazer a oferta.
    Sailor Paladina
    Mutante
    Sailor Paladina
    Mutante

    Mensagens : 664
    Reputação : 29

      Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite Empty Re: Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite

    Mensagem por Sailor Paladina em Ter Nov 19, 2019 9:15 pm

    Quando Allen bate palmas chamando a atenção de todos os presentes, todos o observam, pensando se tratar de algum bardo que ia começar alguma apresentação, mas quando ele revela estar a procura de parceria pra aventuras, eles começam a olhar uns pros outros como quem esperassem que outro tomasse a iniciativa. Não é como se não fossem com a cara do rapaz ou outro motivo especial. Simplesmente se tratavam de aldeões comuns sem talento pra algo mais além de suas atividades corriqueiras. A garçonete, de nome Thalia, vem até Allen com um sorriso meio envergonhado e fala baixinho reiterando que não havia aventureiros ali. Porém que ele não ficasse triste, pois Avalon era terra da aventura e com a inspiração dada pela princesa Elanghel, muitos aventureiros chegavam em Elangheria a procura das mais variadas missões. Com certeza encontrariam parceiros pelo caminho, não havia dúvidas. A moça pergunta se o casal não gostaria de almoçar antes de partir, claro.
    - Vocês dois são um exemplo disso. Sua presença aqui reforça nosso sentimento de segurança!

    O cheirinho de peixe frito com macarronada deixa Pidget hipnotizada, pedindo a Allen pra almoçarem ali mesmo. Batido o rango e prontos pro que desse e viesse, Allen e Pidget saem da taverna, não sem antes que Jacquin lhes oferecesse um mapa da região de modo que saberiam encontrar qualquer coisa. Lojas de armas, acessórios, mantimentos etc. Enquanto andam pelas ruas, uma cena inusitada surge: uma bela moça humana, com pouca roupa e aparentemente sofrendo de ressaca olha pros dois, dá um soluço e os interpela com cara de choro.
    - Vocês dois ai. Hic... Tão precisando de, hic! Escolta? Por favor, eu preciso de dinheiro hic! Pra inteirar a passagem...

    Spoiler:
      Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite XwKp37R

    A moça diz que era uma boa guerreira, mas as pessoas costumam ter preconceito com gente que apreciava um bom vinho, ou cerveja, ou rum... Pidget se aproxima fungando o cangote da mulher, levantando seu cabelo e percebendo uma coleira. A nejokin chupa a ponta do dedo, lambuzando-o e depois enfia no cu da guerreira, perguntando onde estava seu dono. A moça treme nas bases e diz que era uma mulher livre e aquele colar era apenas um acessório. Avalon não era terra de escravos.
    - Realmente, cu de bêbada não tem dono. Posso chupar depois?

    A guerreira se chateia e tenta dar uma chave de braço em Pidget, mas a gata é mais ágil e inverte a situação, exigindo saber o nome da mulher.
    - Que diabos, você hic! Pergunta meu nome, DEPOIS de hic! perguntar se eu deixo você chupar meu cu?

    A situação começava a chamar atenção de transeuntes na rua que paravam pra observar com curiosidade. Allen conhecia a cultura local dos seus tempos de infância, mas Pidget que não conhecia o sentido de espaço pessoal, tava se divertindo horrores em bulinar a jovem humana. A nekojin aperta mais ainda o braço da mulher, dando uns tapas fortes na bunda dela e voltando a perguntar o nome.
    - Lucina! LUCINA! Aaaai, me larga!

    Se Allen não intervisse, Pidget tomaria conta de toda a situação, "forçando o contrato" com a embriagada.
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2857
    Reputação : 184
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

      Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite Empty Re: Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite

    Mensagem por Hellkite em Ter Nov 26, 2019 11:40 am

    Ao ser avisado por Thalia que na taverna não haviam aventureiros, Allen leva a mão na testa e balança a cabeça. Onde será que os aventureiros dormem? Devem fazer barracas fora da cidade para não gastar dinheiro...

    O swash da de ombros, e depois de almoçar, ele sai com Pidget pelas ruas da cidadezinha. Tinha algumas coisas a falar com sua esposa, mas ai percebe a jovem guerreira em trajes sumários oferecer seus serviços. Estava completamente bêbada. Allen iria ignora-la, mas parecia que a nekojin tinha se interessado nela.

    O herói via a cena desenrolar, até que sua paciência acabou, e puxou Pidget pela orelha para longe da infeliz. “Pidget! Não estamos em Scuttle Town, voce não pode ir forçando a barra encima das pessoas! Comporte-se!”

    Allen se vira para Lucina e faz um cumprimento, curvando-se para a frente. “Lucina, não é? Perdoe minha esposa, ela ainda não está acostumada com os costumes locais... Agradeço a oferta, mas não estamos com dinheiro sobrando para contratar ninguém, tenha um bom dia!”

    O swash puxa Pidget para continuarem caminhando. “Que que deu em voce, mulher?! Não pode ficar atacando as pessoas por ai, isto pode ser considerado estupro, e então passaremos nossos dias aventureiros na cadeia! Por acaso voce esta no cio?”

    Ele olha para tras e da um tchauzinho para a guerreira. Gastar dinheiro com uma bêbada? Ta maluco?

    Allen continua caminhando e observando a bela paisagem. Estava um dia bonito, o ceu limpo com os pássaros voando e cantando. Aquilo lhe dava um grande animo para começar uma vida de aventuras! Ele olha para o lado e ve sua companheira... Engraçado que apesar de casado com ela, a conhecia tão pouco.

    “Escuta, Pidget, queria saber mais sobre voce...”, diz, com um sorriso nos lábios, “me fale do seu passado... de sua vida...”
    Sailor Paladina
    Mutante
    Sailor Paladina
    Mutante

    Mensagens : 664
    Reputação : 29

      Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite Empty Re: Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite

    Mensagem por Sailor Paladina em Ter Nov 26, 2019 4:26 pm

    Thalia sorri meio desconsertada com a chateação de Allen e insinua que provavelmente estavam se aventurando por ai. Como ela própria havia dito, Elanghelia era uma cidade costeira e pacífica, que tinha lá seus problemas, mas geralmente eram resolvidos por pessoas de fora, como eles. Aqueles dois eram aventureiros. Vez por outra aparecem, aceitam uma missão e partem. Allen e Pidget almoçam tranquilamente e resolvem andar pela cidade antes de prosseguir com o pedido de Jacquin, mas acabam se envolvendo numa situação meio chata com uma "aventureira" que estava de passagem. Depois de puxar Pidget pra longe da mulher, o rapaz dá um sermão na esposa e acena um adeus pra garota estranha. Pidget estava com a cabeça e as orelhas baixas com vergonha do que fez, sem discutir com Allen. Mais pra frente Allen já aparentemente bem humorado, vê um mirante na direção de uuma montanha dupla onde um rio que desaguava no mar passava por elas. Era uma visão bem bonita. Pegando na mão de Pidget, ele pergunta sobre a vida dela e a Nekojin que até o momento parecia abalada, fica mais feliz.
    - Bom... você sabe como é a vida dos pobres nas Ilhas né...? Nunca soube quem foi meu pai. Minha mãe teve sete filhotes, quando me teve. Desde criança eu tive que ronronar muito e lamber muitos pés pra ter algum dinheiro pra comer. Geralmente me contentava com restos de comida...

    Pidget diz que seu maior temor era o de ser tornar uma latrina pro resto da vida, tomando porra dos homens e mijo das mulheres que que tinham melhores condições que ela. Seu sonho sempre foi o de deixar aquele reino maldito e se tornar uma aventureira famosa. Quando conheceu Allen pela primeira vez, rapidamente se encantou com suas histórias de outros reinos, de pessoas famosas, ricas e desejadas. Imaginava que ele o levaria pra um lugar assim um dia. Deu até seu colar, uma de suas poucas riquezas pra garantir que ele a levaria consigo se um dia deixasse aquelas ilhas. Quando Allen sumiu sem dar notícia, obviamente ela ficou desesperada e rançosa. Mas quando ele voltou, suas esperanças se renovaram (embora tivesse perdido o colar que ela lhe deu de presente...). Sua vida inteira (dezenove anos), ela viveu numa cultura onde o forte domina o fraco, o rico humilha o pobre, e o dominante domina o submisso. Ver aquela pervertida bêbada se oferecendo ali, não parecia lá muito diferente das latrinas das Ilhas dos Drakes. Era uma cultura enraizada dentro dela, mas que a nekojin estava disposta a mudar e se comportar diferente. Era difícil transformar uma plebeia numa princesa, mas esperava poder contar com Allen pra aprender.
    - Farei de tudo pra que você não me abandone. Eu juro. Eu não ia saber como me comportar nesse reino sozinha... rrrrrr!

    Pidget se inclina na direção de Allen desejando um beijo demorado na boca. Pouco depois, ela o fita nos olhos e esboça um sorriso safado, dizendo:
    - Mas se você quisesse foder aquela safada eu iria curtir hein? Temos dinheiro sobrando ué! Hihihihi. Miau.

    O clima romântico parecia perfeito, mas então uma risada maligna ecoa pelos ares enquanto o céu ensolarado é substituído pela escuridão, onde apenas o pálido brilho da lua e das estrelas, mal era visto pelas pessoas nas ruas. Algumas pessoas vão até as janelas ou portas pra ver o que estava acontecendo, quando de repente um facho luminoso surge na praça central próximo de onde o casal estava e uma figura esquisita aparece no meio dele. Vestia roupas espalhafatosas nas cores amarela e rosa e um chapéu emplumado. Uma máscara sinistra cobria o seu rosto. Todos os transeuntes estavam paralisados de medo com o que viam, incluindo Allen e Pidget.

    Offtopic: Allen, Teste de Vontade 5+1=6 Falha. Pidget, Teste de Vontade 11+0=11 Falha.

    A figura misteriosa começa a proferir ameaças jamais vistas ou ouvidas pela população. Seu vozeirão alto parecia partir de um objeto que ele segurava na frente da máscara.
    - HAAAAAHAHAHAHAHAHAHAHAHA! Cidadãos de Elanghelia! *pigarro* ou Elangheria. Este que vos fala é Mask☆DeMasque! É um imenso prazer informá-los de que MUITO EM BREVE, chegará a sua cidade, o famoso, único e raro Vergnügungspark, direto de Khaz Modan, que irá conquistar todos vocês! Vocês irão encarar a temível Roda Gigante, o pavoroso Trem Fantasma, a espetacular Montanha Russa e o assustador Globo da Morte! Ninguém escapará! Mwahahahahaha!

    Spoiler:
      Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite PD9W7L1

    Mask☆DeMasque ou seja lá quem for, arremessa uma bomba de fumaça aos pés dele e desaparece em plena vista, assim como a luz e a escuridão aparentemente mágicas que haviam surgido. O efeito de medo é cancelado e algumas pessoas correm com medo pras suas casas aos berros.
    - Estamos condenados! - Vamos todos morrer! - O fim do mundo está próximo! - Oh e agora, QUEM poderá nos ajudar?

    Pidget olha pra Allen com uma expressão aflita.
    - Acho que viemos pro pior lugar, na pior hora possível, amore... Que que a gente faz?
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2857
    Reputação : 184
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

      Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite Empty Re: Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite

    Mensagem por Hellkite em Ter Dez 03, 2019 6:08 pm

    Allen ouve o relato de Pidget bem atento, não sabia das dificuldades que ela tinha passado em Scuttle Town, sentindo-se mal em saber que tinha provocado tanta decepção na companheira. Era jovem, e realmente não era conhecido por tratar bem das mulheres, tendo vendido o colar para cair na esbornia.

    - Farei de tudo pra que você não me abandone. Eu juro. Eu não ia saber como me comportar nesse reino sozinha... rrrrrr!

    Allen sorri e afaga seus cabelos. “Não vou te abandonar, formamos um time agora. Mas voce tem que se controlar, garota!”, diz, dando uma bitoca.

    - Mas se você quisesse foder aquela safada eu iria curtir hein? Temos dinheiro sobrando ué! Hihihihi. Miau.

    O swash da um beijo mais longo. Ele então da uma rápida olhada para tras e balança a cabeça. “Ah não, ela não faz meu estilo... Porém pressinto que oportunidades não vão faltar.”

    Então aparece a figura misteriosa fazendo suas ameaças, sendo que Allen e Pidget sentem o medo em suas espinhas, assim como o resto da população, que fugia desesperada. Depois que ele vai embora, o swash tem que colocar a mão no peito para controlar a respiração. Havia algo de magico naquela sensação? Nem contra os zumbis da ilha tinha ficado daquele jeito.

    - Acho que viemos pro pior lugar, na pior hora possível, amore... Que que a gente faz?

    Já recuperado, Allen relembra o acontecido. Aquele tal de Mask parecia mais um fanfarrão, falando coisas sem sentido! Não tinha porque sentirem tanto medo assim dele. Deveria ser magica mesmo.

    Ele puxa ela, seguindo agora em direção do templo com o tal cristal que deveriam encontrar. “Vamos cumprir nosso combinado com o Jacquin. Muito bem... Mas agora me explica onde é que voce aprendeu a lutar daquele jeito? Venceu o Um-olho numa boa... Teve algum instrutor em artes marciais? Você não usa armas, é como uma daqueles monges vindos de Asamura, ou é alguma técnica secreta dos Nekojin?”
    Sailor Paladina
    Mutante
    Sailor Paladina
    Mutante

    Mensagens : 664
    Reputação : 29

      Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite Empty Re: Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite

    Mensagem por Sailor Paladina em Ter Dez 10, 2019 1:38 pm

    Allen tem uma boa conversa com Pidget o que a deixa muito feliz e confiante ao lado dele. Ela promete que iria tentar se controlar, muito embora Allen perceba que o real motivo da nekojin querer aquela bêbada com eles, era certamente pra escravizá-la, aproveitando-se dos vícios dela. Algo bastante comum em Scuttle Town e pra não esquecer: um modo de vida. Pidget iria precisar de exemplos pra entender melhor que era possível viver bem e feliz sem ser às custas de maltratar os outros. Durante o "ataque" de Mask Demasque, mesmo assustada, Pidget se mantinha a frente de Allen com suas garras prontas. A gata aprecia a confiança do marido em dizer que o tal homem podia ser um charlatão usando de mágica e foca no trabalho que conseguiram. Então Allen pergunta sobre as técnicas de luta de Pidget e ela sorri com o dedo no queixo lembrando de seus tempos de adolescente. Ela diz que embora tenha sido escrava por boa parte da vida, nem sempre estava em situações ruins. Um de seus donos era mestre de um templo local que treinava um grupo religioso. O chamavam de Mestre Shredder. Ele era um monge bastante rígido e exigia muita disciplina de seus alunos. Como tinha que arrumar o dojo depois dos treinos, ela aproveitava o horário das aulas pra observar os ensinamentos e imitá-los. Nunca tinha ouvido falar de Asamura, mas reconhecia a palavra monge. Não se considerava uma oficialmente, mas talvez fosse esse o caso.
    - Eu lembro que eu tinha umas tartaruguinhas de estimação, tinha até dado nomes engraçados pra elas... Mas um dia veio um rato safado e as levou com ele. Lembro bem desse dia, porque tentei correr atrás e terminei com uma farpa na minha mão. Eu odeio ratos.

    O casal caminha pela estrada que levava pra fora de Elangheria e Pidget segura a mão de Allen com firmeza. Para a nekojin cada momento era novidade. Um atrevimento sair da cidade e andar por ai como se fossem donos do próprio destino. Como uma gata domesticada sendo largada na selva. Para Allen chegava a ser engraçado como a esposa reagia pra tantas coisas e segurando a vontade de caçar pequenos animais e até uma borboleta que pousa no nariz dela, deixando-a estática. O Sol embora estivesse a pico, estava semi encoberto pelas nuvens e o clima ameno, diferente do das ilhas deixava o ambiente bem mais frio que o habitual. Acostumados com o calor, o casal sente pequeno incômodo com a temperatura, o frio começando a gelar suas pernas. Allen que há muito tempo havia deixado Avalon já se sentia como se tivesse tomando um banho de mar a noite e onde Pidget normalmente estaria com a linguinha de fora pelo calor, agora deixava as orelhas baixas e braços cruzados.
    - Amore, estamos indo buscar esse tal de gelo pro Jacquin, que provavelmente fica num templo gelado. Você vai aguentar esse frio?

    Seguindo o caminho indicado pelo mapa, o casal caminha por cerca de uma hora. Chegam a encontrar bandidos mequetrefes e alguns lobos selvagens, mas todos são facilmente despachados pela dupla, sem nenhum arranhão. Até que enfim, alcançam a tal montanha e o templo bem visível a frente deles. Pidget avisa que vai na frente pra ver se tava tudo seguro, mas assim que termina de subir os degraus ela escorrega no chão de gelo e leva o maior tombo.
    - MIAU! Minha bunda, aaai. Cuidado que tá escorregando aqui amore!

    O templo tinha uma porta de gelo e estava semi fechada. Se empurrada poderia ser aberta e permitir passagem. Difícil era conseguir empurrar sem escorregar. Muito provavelmente um quebra-cabeça!
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2857
    Reputação : 184
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

      Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite Empty Re: Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite

    Mensagem por Hellkite em Qua Dez 18, 2019 8:45 pm

    Durante a caminhada, Allen apreciava aqueles momentos juntos com a esposa, podendo conhece-la ainda mais, sentindo-se sintonizado com aquele jeito inconsequente, simples e puro. Tal como um animal de estimação, devolvia amor com amor, e ódio com ódio.

    A medida que prosseguiam, sentia o frio aumentar, e passou a andar mais junto da nekojin, que era bem quentinha. Esta proximidade aumentou sua libido, mas sabia que aquele não era lugar para satisfaze-lo. Teria bastante tempo para faze-lo ao chegar de volta na cidade.

    Indo até o templo, descobre que o chão era de gelo. Tomando cuidado para nao cair, percebe que a porta estava semi-fechada. Que estranho... Por que um lugar assim permanecia abandonado? Ele coça a ponta do queixo e olha para cima, tentando dimensionar a altura. Depois tenta empurrar a porta, mas infelizmente o chão não dava apoio o suficiente.

    Allen decide então pegar um galho que estava próximo, e com cuidado abre uma fresta pela porta e coloca o galho. Com as costas apoiadas na outra metade da porta, ele força a abertura, pedindo a ajuda da mulher para empurrar.
    Sailor Paladina
    Mutante
    Sailor Paladina
    Mutante

    Mensagens : 664
    Reputação : 29

      Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite Empty Re: Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite

    Mensagem por Sailor Paladina em Ter Dez 24, 2019 1:20 pm

    Allen tenta usar um galho pra dar suporte, mas percebe que ao forçar o instrumento ele começa a partir. A porta era pesada e grossa o suficiente para exigir algo mais forte. Allen percebe no entanto que cada porta tinha uma maçaneta pra cada mão e que possivelmente poderiam ser puxadas com uma corda. O problema era onde achar uma naquele lugar. Estavam desprovidos das ferramentas necessárias pra entrar ali. Enquanto confabulam como iriam fazer, Allen e Pidget ouvem passos e percebem a aproximação de alguém. Ao perceber que havia gente na porta do templo, a figura misteriosa tira o capuz e acena com boas intenções.
    - Opa, oi! Não sabia que tinha mais gente tentando entrar ai. Vocês vieram bem a calhar. Fui atrás de uma corda, mas não tinha muita ideia se iria conseguir puxar sozinha...

    Spoiler:
      Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite UVzPshB

    A moça se apresenta como Rivia e diz ser uma feiticeira. Havia sido contratada pra buscar bastões de gelo nesse templo. Caso ficasse a par da missão do casal, diria que todas as cidades vizinhas mandavam aventureiros ali pra buscar esses bastões mágicos. Era muito mais barato e conveniente do que comprar itens mágicos com efeito parecido. Duravam bem e a utilidade era enorme. Bebida gelada era moda na região e manter os alimentos saudáveis por mais tempo era essencial para os negócios. A jovem mostra um cipó resistente que encontrou num pântano próximo e oferece ao casal perguntando se podiam explorar o templo juntos.
    - Eu nunca entrei ai antes, mas meu contratador foi sucinto ao dizer especificamente que eu não usasse magia de fogo...

    A jovem pergunta o nome deles enquanto se aproxima. Pidget como sempre ainda se acostumando com os costumes locais, fica meio receosa das motivações da garota e a fareja enquanto a rodeia. Percebendo que não havia perigo, volta pro lado de Allen e espera decisão dele.
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2857
    Reputação : 184
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

      Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite Empty Re: Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite

    Mensagem por Hellkite em Sab Dez 28, 2019 12:25 pm

    Infelizmente a tentativa com o galho não deu certo, mas felizmente uma jovem aventureira estava por perto. Allen a examinou de cima a baixo e aprovou, tinha cabelos brancos e um corpo sensual, cujas curvas apetitosas apareciam apesar da roupa.

    - Opa, oi! Não sabia que tinha mais gente tentando entrar ai. Vocês vieram bem a calhar. Fui atrás de uma corda, mas não tinha muita ideia se iria conseguir puxar sozinha...

    O swash faz uma mesura, se apresenta e diz, “ola! Sua presença é bem-vinda. Como se diz na minha terra, qualquer barco aceita um par extra de remos”.

    Allen pega o cipó e o amarra na maçaneta. Em estilo cabo de guerra, chamaria tanto sua esposa quanto a feiticeira para puxar, apoiando-se nos degraus para fazer força.

    “Então, Rivia, me diz ai, que mais que o seu contratante falou sobre o templo? E você é de onde mesmo?”, pergunta, fazendo força para abrir a porta do templo.
    Sailor Paladina
    Mutante
    Sailor Paladina
    Mutante

    Mensagens : 664
    Reputação : 29

      Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite Empty Re: Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite

    Mensagem por Sailor Paladina em Sex Jan 03, 2020 2:37 pm

    Após a amigável apresentação de Allen, Rivia suspira tranquilizada e diz que a terra dele deveria ser um lugar melhor pra se aventurar. Ultimamente Avalon estava passando por algum tipo de transformação estranha. Sutil, mas ainda perceptível aos atentos. Com o desaparecimento da princesa Elanghel, a Rainha L'arachel ficou reclusa e evita fazer aparições públicas. O Rei ainda aparece as vezes pra tranquilizar o povo, mas as más línguas diziam que Loranda, o filho bastardo do Rei Hector podia ser seu sucessor, caso a princesa nunca mais voltasse.
    - Eu venho de uma família nobre na cidade de Geralt, mas cansei de intrigas palacianas. Preferi largar tudo e me aventurar.

    Aquele pingo de informação parecia relevante pro Allen. Se a princesa estava desaparecida, fazia sentido que Elangheria estivesse às moscas. Um principado sem seu líder era puro caos. Provavelmente os barões locais iriam disputar as terras à revelia dos duques. Allen amarra o trinco da porta e o trio consegue puxar a corda, muito embora levem um belo tombo juntos quando cipó arrebenta. Pelo menos a porta agora estava aberta. Em resposta a pergunta de Allen, Rivia diz basicamente as mesmas coisas que Jacquin disseram no que que concerne a prováveis perigos, mas visto que a moça era uma feiticeira, provavelmente foi questão de bom senso avisá-la pra não usar fogo num templo de gelo. Os três entram no lugar e o vapor frio no chão cobria até os tornozelos deles, fazendo os tremer. Logo adiante deles uma escadaria que levava a uma área mais profunda da caverna.

    templo de gelo:
      Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite CsR13Rn

    Ao redor das escadas, quatro correntes pendiam do teto com esferas pesadas em suas pontas. Na parede do lado esquerdo havia rachaduras na parede indicando uma possível passagem secreta. A parte direita levava a uma extensão mais funda da caverna, porém dois ursos enormes hibernavam tranquilamente no local. Acordá-los com barulho seria uma péssima ideia. No topo das escadarias era possível ver que um enorme pilar de pedra servia de prisão a um compartimento secreto. Provavelmente o local onde estariam os bastonetes. Rivia se pergunta como vão resolver esses enigmas sem barulho. Com sorte, aqueles ursos eram os únicos perigos 'vivos' no lugar. Pidget acha que deveriam puxar uma das correntes pra ver se acontecia alguma coisa. Ela até tenciona tomar a iniciativa e fazer isso por sí própria, mas ao dar três passos, ela olha pra Allen, suspira e volta pro lado dele.

    visão de cima do local:
      Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite VwrlrD7
    Offtopic: as esferas azuis são as localizações das correntes pendendo do teto. Parecem puxáveis. O tracejado vermelho é a rachadura na parede.
    área expandida:
      Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite 3sGe5Xm
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2857
    Reputação : 184
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

      Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite Empty Re: Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite

    Mensagem por Hellkite em Qua Jan 08, 2020 11:42 pm

    Rivia se revela uma pessoa bem normal, diferente das outras pessoas que tinha conhecido antes, o que contava pontos positivos. Ela fala sobre alguns acontecimentos em Avalon, que poderiam trazer consequências perigosas para suas futuras aventuras no reino. “É, essa disputa de poder vai desestabilizar toda a sociedade, com a possibilidade de trazer o caos, e fazer virar Avalon uma Scuttle Town gigante, onde ninguém é de ninguém. Tomara que Elanghel apareceça logo.

    Depois de abrirem a grande porta do templo, o trio se depara com um grande enigma. Allen observa todo aquele salão e coça a cabeça. Sabia pelas informações que tinha colhido antes, que era comum aventureiros virem para ca atrás desses bastões, e acha estranho que ainda existisse um enigma tal como este. Sera que havia alguém no templo que armava todo este cenário para cada aventureiro que aparecesse? Tinha louco para tudo...

    Bem, pelo menos, ninguém tinha falado historias de que aventureiros tinham entrado no templo e jamais saído, então os enigmas deveriam ser não letais... Se bem que aqueles ursos não pareciam ser amigáveis com intrusos. Será que o doido do templo tinha arrastado os ursos para ca? Vai saber...

    Felizmente sua nekojin parecia estar ficando mais obediente, controlando seus impulsos. Mas no final, ela estava certa. Deveriam entrar no jogo do maluco do templo, e resolver o que viesse pela frente.

    “Pode puxar a corrente da esquerda, a mais próxima de voce, Pidget. Mas faça de maneira devagar, para não fazer barulho. Se os ursos acordarem, nada de enfrenta-los, vamos dar meia volta o mais rápido possível e sair desse templo!”
    Sailor Paladina
    Mutante
    Sailor Paladina
    Mutante

    Mensagens : 664
    Reputação : 29

      Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite Empty Re: Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite

    Mensagem por Sailor Paladina em Dom Jan 12, 2020 11:04 pm

    Rivia ouve a resposta de Allen e fica curiosa.
    - Scuttle Town? Nunca ouvi falar. O que é estranho, pois conheço muitas das grandes cidades avalonianas...

    Pidget vai até a corrente e dá uma puxada nela, fazendo a mesma baixar. O pilar no topo começa a subir conforme a nekojin puxa a correia. Ela fazia algum esforço, chegando a trincar os dentes. Ela consegue contornar a esfera por trás de uma rocha e mantém a corrente puxada. Assim que larg, Pidget esfrega as mãos e sopra nelas, pois estavam doloridas e geladas. Ao tentar seguir para a segunda corrente, ela tromba numa espécie de parede tão transparente que parecia invisível. Por trás dela dava pra ver a corrente e uma outra passagem na parede que provavelmente levaria ao local. Pidget vai até a parede rachada e vê que havia buracos pequenos que uma pessoa normal não passaria. A Nekojin diz que podia virar uma gata e ir lá dentro. Rivia parecia mais cautelosa.
    - Calma. Você não sabe se existe algum perigo do outro lado.
    - Pffft! Eu podia atravessar esse templo sozinha! Por que vocês não vão cuidar dos ursos? Eu cuido disso aqui!

    Sentindo como se fosse uma afronta da humana, Pidget nem espera e vira uma gatinha preta, passando pelo buraco.
    - Viu não falei que tava tudo beeeeeeeeeeeeeem Ooaoaaaaaaa miaaaaaaaaaaaaaaaaaau!
    *BAMF!*

    Ao ser questionada se estava bem, Pidget afirma que sim, depois de uns palavrões e gemidos de dor. Havia escorregado numa descida de gelo e agora não conseguia subir de volta. Mas tava vendo um caminho pelo outro lado.
    - VÃO! Puxem as outras, eu me viro aqui!

    Rivia olha pra Allen e dá de ombros.
    - Sua namorada deve saber o que está fazendo né...? Bom eu não posso usar fogo, mas sou versátil. Posso por os ursos pra dormir. Você puxa as correntes?
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2857
    Reputação : 184
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

      Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite Empty Re: Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite

    Mensagem por Hellkite em Ter Jan 14, 2020 9:44 pm

    Allen olha de esguelha para Rivia quando diz que não conhecia Scuttle Town, talvez ela nunca tivesse saído do grande reino de Avalon. O swash da de ombros, não valia a pena explicar também. “É uma cidade longe daqui”, comenta.

    Pidget faz conforme o combinado, e parecia que puxar as correntes liberava cada vez mais o pilar de pedra. Para puxar a segunda corrente, ela vai por uma passagem, mas acaba escorregando.

    Allen coça a cabeça, estava meio confuso com tudo aquilo. Além disso, Rivia comenta que iria fazer os ursos dormirem. O rapaz olha para ela com uma sobrancelha levantada, fitando-a com a mão no queixo. Estaria com medo de puxar a corrente? “Mas eles já estão hibernando... Bem, se quiser ter certeza que não acordem, va em frente.”

    O swash olha para a corrente e fica pensativo. Não havia muito mais o que fazer... Sabia que iria desencadear mais algum enigma dos doidos do templo, e não podia fazer nada para se prevenir. Odiava aquele tipo de coisa! Ele alça os ombros e puxa as correntes.
    Sailor Paladina
    Mutante
    Sailor Paladina
    Mutante

    Mensagens : 664
    Reputação : 29

      Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite Empty Re: Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite

    Mensagem por Sailor Paladina em Sex Jan 17, 2020 10:35 am

    Allen vê Rivia se aproximar dos ursos e como ela suspeitava, os animais não estavam realmente hibernando, um deles sentindo o faro já rosna e tenciona se levantar, mas a magia dela põe de volta a ambos pra dormirem. Ela olha pra Allen e pergunta se ele tinha qualquer experiência com templos, cavernas e coisas típicas enfrentadas por aventureiros, pois aquele lugar era praticamente uma área de treino. Ela vai até a corrente mais distante e a puxa, fazendo o pilar central subir mais um pouco. Nesse meio tempo, Pidget passa por um pequeno labirinto na caverna onde se encontrava e sai pela outra porta, alcançando a corrente e puxando-a. Com Allen puxando o último pilar, um "click" alto é ouvido e a passagem central é aberta lá no topo. A parede transparente que impedia a passagem pra segunda corrente afunda no chão dando total acesso ao lugar. Pidget volta e fica do lado de Allen, olhando de soslaio pra feiticeira. A nekojin pergunta se Rivia iria pegar o bastão de gelo ou se tinha mais de um, afinal, eles haviam chegado primeiro, portanto teriam prioridade. Rivia ri um pouco e olha pro casal com certo descaso.
    - Vocês são mesmo principiantes e não dos bons... Lá em cima há um monte de bastões de gelo, suficiente pra vocês levarem mais do que aguentam. Eu só preciso de alguns.

    Rivia diz que nunca mentiu. Já havia vindo naquele lugar várias vezes com o mesmo objetivo, porém não era fácil fazer tudo sozinha. Geralmente vinha com outras pessoas. Não sabia que aquele casal era confiável, mas resolveu lhes dar uma chance.
    - Esse templo testa novatos pra saber como eles se viram em grupo e se usam violência ou esperteza.

    A feiticeira diz pra que não se preocupassem, pois eles veriam coisas muito piores no resto do reino. Isto é, se decidissem ser aventureiros. A moça também diz que a parte expandida da caverna possui outros desafios, mas que a maioria dos que entram ali preferem não arriscar alegando que "são bons demais" pra treinar numa caverna de iniciantes.
    - Enfim, terminamos aqui, vamos lá pegar os bastões? Eu só preciso de dez. - Diz a feiticeira subindo as escadas.

    Caso Allen e Pidget decidissem seguir junto, ao chegarem lá em cima veriam que os pilares formavam uma espécie de cela pra uma "piscina" recheada de pequenos bastões congelados que cabiam facilmente numa sacola. Havia mais de duzentos ali. Os bastões precisavam ser molhados todos os dias pra não derreterem. Rivia põe alguns dentro de uma sacola, a joga por trás dos ombros e diz que foi um prazer conhecê-los. Se quisessem a ver novamente, Geralt ficava a meio dia de viagem pro norte.
    - Tchau!
    Sailor Paladina
    Mutante
    Sailor Paladina
    Mutante

    Mensagens : 664
    Reputação : 29

      Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite Empty Re: Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite

    Mensagem por Sailor Paladina em Sex Jan 17, 2020 6:04 pm

    Allen percebe Pidget colocar as garras pra fora e dá um sinalzinho pra ela se acalmar. Não valia a pena.
    - Olha o topete dessa arrogante. Se a gente tivesse em Scuttle Town, essa daí iria virar latrina no dia seguinte! Humpf!

    A nekojin põe os bastões na sacola e volta com Allen pra Elangheria. Com o tesouro que tinham da última aventura e a amizade de Jacquin, eles facilmente encontram uma ótima casa pra comprar, de primeiro andar, vista para praia e piscina. Talvez fosse melhor que se aventurassem em outra oportunidade.

    Epílogo:
    Meses se passam, a tal ameaça do Mask☆DeMasque na verdade se tratava de um parque de diversões temático que inclusive aumenta bastante o turismo local, fazendo o comércio ficar movimentado. Allen acaba descobrindo que vai ser papai em breve, pra felicidade do casal.
    Conteúdo patrocinado


      Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite Empty Re: Allen 'Suave' Ward II (SP) - Hellkite

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Sab Jun 06, 2020 8:22 am