Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    Krull - Keller

    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2839
    Reputação : 181
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Krull - Keller - Página 3 Empty Re: Krull - Keller

    Mensagem por Hellkite em Sex Mar 06, 2020 5:15 pm



    Krull - Keller - Página 3 340003-parece-que-oliver-stephen-amell-vai-ga-950x0-1

    KRULL
    _______________________________________


    ANTES:

    Krull - Keller - Página 3 Th_kru10
    Uma mensagem para pedir amostras da "Flor" para Rose e seu associado Trimer.

    Krull - Keller - Página 3 Th_jud10
    “Rose enviou apenas duas amostras da rosa vampírica. Ela disse que o processo de encantamento não é fácil, e existe gasto com componentes.”

    Krull - Keller - Página 3 Th_kru10
    Uma mensagem para pedir uma audiência com a governadora em um horário "adequado".

    Krull - Keller - Página 3 Th_jud10
    “O gabinete da governadora disse que a governadora esta ocupada, mas de que voce pode passar lá para conversar com um de seus assessores.”

    **

    NA CASA:

    Krull - Keller - Página 3 Th_kru10
    - Judith, você quer participar também? Faremos anotações nestas folhas aqui. Alysia, a flor está aqui, mas antes gostaria de saber mais sobre sua animação. É um efeito que permanece ou é mais uma expectativa sobre o que faremos hoje? Pode começar a demonstrar sua animação e vamos comparar como está agora com quando tocar a flor.

    Judith acena com a cabeça, visivelmente disposta e devolvendo as caricias de Alysia. Pelo visto sua serva parecia ter apreciado o show de ontem, e estava querendo fazer a mesma coisa com os atores.

    Tanto Judith e Alysia se beijam, e entre os beijos, Alysia diz para Krull,

    Krull - Keller - Página 3 Th_aly10
    “não, com vocês eu não preciso de flor alguma... serve só para dar aquela apimentada a mais...”

    Krull observa enquanto as duas se despem e se tocam. Não parecia ser mesmo uma encenação por parte da outra jovem, se bem que era difícil de se ter certeza. Mas quando ela picou o dedo na rosa, e a mesma sugou seu sangue, que a coisa esquentou. A vontade que já estava na ruiva parece ter se multiplicado, e ela se atirava sobre Judith com muito mais vigor.

    Krull - Keller - Página 3 Th_kru10
    - Isso, muito bem. Lembrem de falar bastante comigo pois quero saber suas opiniões. Estão animadas? Tem alguma vontade especial? Já vou logo avisando que vou gozar na boca e vão me engolir.

    As duas riem, e logo puxam Krull para fazer parte das brincadeiras.

    **

    Depois de 1 hora de embates, Alysia se vestiu e partiu da casa. Judith estava cansada e com a cara feliz, enquanto Krull continuava suas anotações. Ele sabia que a flor aumentava o desejo sexual, e que tinha efeito temporário. No entanto não parecia funcionar como uma droga, pois Alysia não sentia uma necessidade incontrolável em querer a rosa vampírica.

    A serva ainda estava nua, de bruços sobre o tapete com as mãos sob o queixo observando seu mestre.

    Krull - Keller - Página 3 Th_jud10
    “Vejo que o senhor ainda tem duvidas sobre a flor, mas acho que vai ser um verdadeiro sucesso! Olhe só para nós, depois que Lady Whiterose nos enviou a rosa vampírica, nossa vida ficou uma maravilha! Imagine para os outros!”

    Ela se levanta e abraça Krull, descansando a cabeça em seu ombro.

    Krull - Keller - Página 3 Th_jud10
    “Adoro estes nossos momentos juntos...”, sussurra em seu ouvido, beijando-o em sua face.
    ?
    Christiano Keller
    Sacerdote de Cthulhu
    Christiano Keller
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2580
    Reputação : 117
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Krull - Keller - Página 3 Empty Re: Krull - Keller

    Mensagem por Christiano Keller em Sab Mar 07, 2020 12:30 am




    Krull - Keller - Página 3 340003-parece-que-oliver-stephen-amell-vai-ga-950x0-1

    KRULL
    _______________________________________


    Uma amostra vai para Oldu, junto o lembrete das indicações, "apenas mulheres, sem contato com o Sol ou fogo. Depois de experimentar vamos vender caro".
    A outra amostra, Krull oferece para Alysia para ela vender ou alugar para as amigas da profissão. Quando tiver pedidos, pode enviar para ele que providenciará as entregas. Krull sabia que o preço era alto, mas talvez o aluguel ou o uso regular façam as mulheres comprar algumas.

    Para com Alysia e Judith, o momento juntos foi bom e o sangue reposto. Aquelas ações consomem o sangue de Krull, seu alimento único e essencial. Quando Alysia vai embora, Krull diz:

    Krull - Keller - Página 3 Th_kru10
    - Muito bem aqui tem uma flor para você vender ou alugar. Eu acho que vai ganhar muito com isso. Amanhã nos vemos no mesmo horário? Quem sabe você já até arrumou freguesas para algumas flores e pode vir comemorar sua primeira venda ou aluguel com a gente? Lembre-se das instruções de cuidado, apenas mulheres, nada de Sol ou calor.

    Era hora de ver essas flores serem vendidas para todo o canto, hora de começar a faturar. A Senhorita Whiterose tem contas para pagar assim como todos nós e as flores devem render bastante.

    (...)

    Porém quando Judith comenta sobre a flor e as preocupações de Krull para com ela, ele diz:

    Krull - Keller - Página 3 Th_kru10
    - Judith, essa flor é algo que parece muito bom, mas se um homem pegar a flor ele pode querer foder alguém sem permissão. Então isso pode ser perigoso, logo digo para todos que não podem usar para homens. Não podemos tolerar crimes para com as pessoas.

    Krull também acha muito suspeito o fabricante da flor, Trimer. Porém comentar isso com Judith talvez não seja adequado, sem provas era melhor ficar quieto.

    Krull - Keller - Página 3 Th_kru10
    - Também gosto destes momentos Judith, mas sobre as coisas deste mundo eu acho importante a gente sempre ficar com um plano B na mão. Todos podem oferecer uma solução milagrosa, mas assim como lindas as rosas tem espinhos que podem machucar. Precisamos ficar atentos para os ferimentos que os espinhos podem causar. De certa forma as pessoas precisam ser muito poderosas para fazer este tipo de coisa. Tenho algumas coisa para fazer, vou falar com o representante da governadora.

    Krull beija Judith na boca antes de se arrumar. Uma vez pronto, olha para Judith como quem busca um sinal de aprovação e se estiver tudo certo parte para falar com o assessor.

    ?
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2839
    Reputação : 181
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Krull - Keller - Página 3 Empty Re: Krull - Keller

    Mensagem por Hellkite em Ter Mar 17, 2020 10:39 pm



    Krull - Keller - Página 3 340003-parece-que-oliver-stephen-amell-vai-ga-950x0-1

    KRULL
    _______________________________________


    Ao se despedir de Alysia na porta de sua casa, Krull entrega uma das rosas vampíricas para ela, que se compromete a vir visita-los na noite seguinte, trazendo novidades sobre a recepção do produto junto as prostitutas de luxo. Estava tudo correndo muito bem, e o Veintral já imaginava o dinheiro entrando no negocio, porem era necessário tomar cuidado... Ainda temia algum efeito secundário ou não previsto da utilização das rosas.

    Krull se arruma, assim como Judith. Já se aproximava da meia-noite quando saiu de sua casa.

    **

    O local onde a governadora Lilia fazia seus despachos ficava localizado bem no centro de Kardunia, e sempre estava movimentado, com nobres, representantes comerciais e de outros reinos em espera de uma audiência com ela. Porem já fazia algum tempo que ela não recebia ninguém, deixando todo o trabalho burocratico e social com seus assessores.

    E foi numa das salas do Gabinete que Krull foi recebido pela assessora Selina Merkesian Veintral. Pertencia a sua família vampirica, mas somente a tinha visto antes uma vez ou outra durante as festas de confraternização Veintral. Ela estava usando um vestido preto com um generoso decote em V, e tinha em suas mãos um cigarro, e observava Krull com interesse.

    Krull - Keller - Página 3 Selina10

    Krull - Keller - Página 3 Th_sel10
    “Hmm... Krull Redwyne, certo? Sim, Eleonor Teath certamente tinha bom gosto... Voce sabia que ela era uma grande amiga minha, a sua sire? Já fazem 4 anos que desapareceu, certo? Sinto falta dela, ela tinha um ótimo senso de humor... “

    ?
    Christiano Keller
    Sacerdote de Cthulhu
    Christiano Keller
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2580
    Reputação : 117
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Krull - Keller - Página 3 Empty Re: Krull - Keller

    Mensagem por Christiano Keller em Qua Mar 18, 2020 5:02 pm




    Krull - Keller - Página 3 340003-parece-que-oliver-stephen-amell-vai-ga-950x0-1

    KRULL
    _______________________________________


    A assessora da governadora era Selina Merkesian Veintral, uma pessoa da mesma família vampírica de Krull. As famílias eram vampiros de um mesmo tipo ou com criadores em comum. Eleonor Teath fora criada por alguém que compartilhava um mesmo criador de Selina Merkesian. Talvez não seja um criador direto das duas, podem ser de criadores diferentes mas que em algum ponto na cadeia de vampiros se fecha em um mesmo criador.

    O tempo passou rápido, 4 anos sem Eleonor. Uma memória vívida de Eleonor aparece na mente de Krull, ele também sentia falta dela.

    Krull - Keller - Página 3 Th_kru10
    - Milady Selina Merkesian Veintral. É um prazer conversar com a Senhorita. Sou Krull Redwyne e Eleonor realmente tinha bom gosto. Não sabia que eram amigas, se soubesse não demoraria tanto tempo para encontrar com você. Tudo indica que você tem muito bom gosto, mas fico curioso para saber o que a torna especial.

    O papo de galanteador começou. Porém seria aquele momento para conversar ou para tomar uma ação efetiva e melhorar o comércio que Oldu tem com Krull?
    Krull queria dinheiro, mas ser pudesse... Era melhor pensar em como a reunião poderia render boas ações em ouro e poder. Tudo tem seu preço, toda escolha tem um custo, qual seria o custo ou o preço de Selina Merkesian Veintral?

    ?
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2839
    Reputação : 181
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Krull - Keller - Página 3 Empty Re: Krull - Keller

    Mensagem por Hellkite em Qua Mar 25, 2020 10:05 pm



    Krull - Keller - Página 3 340003-parece-que-oliver-stephen-amell-vai-ga-950x0-1

    KRULL
    _______________________________________



    Krull - Keller - Página 3 Th_kru10
    - Milady Selina Merkesian Veintral. É um prazer conversar com a Senhorita. Sou Krull Redwyne e Eleonor realmente tinha bom gosto. Não sabia que eram amigas, se soubesse não demoraria tanto tempo para encontrar com você. Tudo indica que você tem muito bom gosto, mas fico curioso para saber o que a torna especial.

    Selina continua a observar Krull com olhos examinadores e da um sorriso encorajador. Ela apaga o cigarro, afundando-o ate o final em um cinzeiro.

    Krull - Keller - Página 3 Th_sel10
    “Interessante... Não tem falsa humildade, sabe que é atraente e direto ao ponto. Gostei...” Ela se aproxima mais, numa distancia perigosa. “Quer saber o que tenho de especial? Quer que eu te conte, ou quer que eu te mostre?”


    Ela então chama em voz alta por seu assistente. Um rapaz franzino de óculos chega rapidamente.

    Krull - Keller - Página 3 Th_sel10
    “Cancele todos os meus compromissos! Irei para casa depois de tratar com o senhor Redwine.”


    “Mas senhora, alguns deles estão esperando faz semanas!”, responde o rapaz.

    Selina apenas com um olhar gélido responde, sendo que o assistente parece começar a tremer, acenando rapidamente com a cabeça, dando imediatamente meia-volta e saindo.

    A assessora espera o assistente sair, para numa velocidade sobrenatural subitamente envolver Krull em seus braços e lhe dar um beijo demorado. Tinha o gosto do tabaco forte na boca. Depois disso ela se afasta e volta a sentar-se em sua cadeira, como se nada tivesse acontecido. Ela brinca com o tecido do decote, passeando com seu dedo pela lateral de seus seios.

    Krull - Keller - Página 3 Th_sel10
    “Vamos aproveitar que estamos no gabinete para falar de negócios, já que em minha casa vou querer saber somente de outra coisa... O que deseja de Kardunia, senhor Redwine?”
    ?
    Christiano Keller
    Sacerdote de Cthulhu
    Christiano Keller
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2580
    Reputação : 117
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Krull - Keller - Página 3 Empty Re: Krull - Keller

    Mensagem por Christiano Keller em Sex Mar 27, 2020 11:57 am




    Krull - Keller - Página 3 340003-parece-que-oliver-stephen-amell-vai-ga-950x0-1

    KRULL
    _______________________________________


    Selina tinha um apetite voraz e estava com disposição. O que uma flor não faria naquele momento? Era algo para se pensar pois o mercado era amplo e ela não precisava daquilo. O sabor forte de tabaco ficou na boca de Krull por alguns momentos, mas quem não gosta de mulheres que colocam coisas diferentes na boca? A brincadeira com o decote poderia ser apenas provocação, mas ela realmente deseja manter uma discrição.

    Krull - Keller - Página 3 Th_kru10
    - Milady Selina, vamos falar de negócios pois farei várias coisas que deseja saber. Sendo direto, caravanas. O fato de Kardunia tornar-se cada vez mais um ponto importante na rota dos produtos orientais fez com que as estradas virassem alvo de salteadores. Isso aumenta custos e pode levar negócios para outras cidades.

    Krull olhava para Selina, os olhos passavam pela face delicada no começo, mas depois passaram para os lábios e as mãos. Com uma boa postura na cadeira, Krull olha novamente nos olhos de Selina. Precisava ser claro com os pontos que eram relevantes para seus negócios com Oldu. Seu sócio tinha comércio com Rabiah e Galia, então se houver mais segurança nas rotas, podem conseguir mais lucros.

    Krull - Keller - Página 3 Th_kru10
    - As rotas mais interessantes para mim são Rabiah e Galia. Porém também gostaria de saber as rotas que são de melhor interesse para Kardunia. Uma relação de negócios fica melhor quando certos interesses são compartilhados. Logo, se houver algo que possa ser feito para remover alguns salteadores da região, isso seria importante. Mas talvez não apenas mover soldados para acabar com eles, há uma grupo que os financia e ninguém quer soldados que respondem a outras pessoas em suas terras.

    Krull sabe que algumas destas escolhas são complexas e em outros casos os salteadores trabalham para algum grupo. As pessoas que financiam os saltadores que são os verdadeiros inimigos que precisam ser removidos. Se roubam para comer, é preciso combater a fome. Se roubam tecidos ou outros duráveis, alguém os consome e é necessário entender essa cadeia de suprimentos.

    Krull - Keller - Página 3 Th_kru10
    - Digo isso pois alguém está por trás dos salteadores. Se for Kardunia ou você, apenas peço para não atacarem minhas caravanas. Vou supor que não é Kardunia que controla os saltadores. Não sei quem é que os controla, mas você, como representante de Kardunia, sabe que tem que ficar na frente, as vezes expondo sua face para mostrar respeito para eles. Porém pode precisar de alguém como eu, que não está ligado ao governo, para fazer as coisas que precisam ser feitas apenas nas sombras. Então quero fazer o que puder fazer cara a cara, mas se precisar fazer algo nas sombras, irei tão fundo quando você quiser bancar.

    As palavras não soaram tão bem quanto Krull desejava, mas tinham o duplo sentido necessário. Poderia conseguir soldados para proteger a caravana e combater os salteadores. Assim como interagir com Selina.

    ?
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2839
    Reputação : 181
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Krull - Keller - Página 3 Empty Re: Krull - Keller

    Mensagem por Hellkite em Sex Abr 03, 2020 11:59 pm



    Krull - Keller - Página 3 340003-parece-que-oliver-stephen-amell-vai-ga-950x0-1

    KRULL
    _______________________________________


    A vampira, que a principio observava Krull somente imaginando nas brincadeiras que fariam pelo resto da noite, muda para uma expressão mais seria e interessada, ao ouvir os pontos do empreendedor. De fato eram considerações bem pensadas, indicando que aquele não era somente um bonequinho de luxo de Eleonor. Ela ouve a tudo pensativa, e acenando com a cabeça em diversas partes da exposição.

    Ao final ela cruza os dedos da mão na sua frente, e diz, com um sorriso sincero nos lábios,

    Krull - Keller - Página 3 Th_sel10
    “Você me surpreendeu, Krull, sua visão do que esta acontecendo é justamente a descrição de um dos problemas pela qual Kardunia esta sofrendo.”

    Ela se levanta e vai em direção de um grande mapa na parede. Nela esta representada a região de Kardunia e os reinos mais próximos, com tracejados vermelhos ligando as principais cidades. Selina aponta uma que liga Kardunia para o leste.

    Krull - Keller - Página 3 Th_sel10
    “Esta é uma rota de comercio muito importante, de onde vem especiarias e mercadorias vindas dos reinos do oriente, Rabiah e Ling-Xao. Recentemente salteadores vem atacando as caravanas, causando grande prejuízo para o comercio da cidade. Alguns dos comerciantes estão migrando suas conexões para as rotas marítimas, e levando o comercio para a nossa rival Porto Negro.”

    A Veintral então se dirige para um armário, abre uma gaveta e retira uma pasta, mostrando a imagem desenhada de um homem barbudo usando um turbante. “Fiz uma investigação, e este homem, Chadli, é o líder do principal bando de saqueadores do deserto de Rabiah. Como voce bem disse, Kardunia não pode fazer nada contra ele, esta fora de nosso campo de atuação. Mas isto não impede que alguém sem ligação com o governo possa drenar todo o sangue de seu corpo ate que sobre somente uma carcaça seca e vazia.”

    Selina se aproxima de Krull e passa a mão sobre seu peito.
    Krull - Keller - Página 3 Th_sel10
    “Voce faria isto por Kardunia, Krull? Sinto que nossa parceria pode dar ótimos resultados...”

    A face da vampira estava novamente bem próximo, seus olhos passeando rapidamente entre os olhos de Krull e seus lábios.
    ?
    Christiano Keller
    Sacerdote de Cthulhu
    Christiano Keller
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2580
    Reputação : 117
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Krull - Keller - Página 3 Empty Re: Krull - Keller

    Mensagem por Christiano Keller em Sab Abr 04, 2020 5:59 pm




    Krull - Keller - Página 3 340003-parece-que-oliver-stephen-amell-vai-ga-950x0-1

    KRULL
    _______________________________________


    Selina falava e Krull sorria, não apenas por sua beleza, mas por entender o problema que estava acontecendo. Surpreender é algo factível, basta prestar atenção e saber um pouco como as coisas funcionam no mundo. Não precisa ser um gênio para entender que uma caravana tem valor, quem rouba quer o valor, mas este valor serve para um destino. As pessoas fazem isso de forma natural, pegam frutos das árvores para se alimentar, então se os frutos estão em uma carroça ou em uma árvore nada é muito diferente.

    Agora com informações mais claras e disponíveis Krull sabia que Kardunia também era vítima dos salteadores. No entanto eles não estavam preparados para lidar com o tal Chadli. Talvez enviar soldados uniformizados e treinados dentro do território dos outros não seja algo educado para se fazer.

    Ao ver os olhos de Selina procurar pelos lábios, Krull também move seus olhos para os lábios de Selina.

    Krull - Keller - Página 3 Th_kru10
    - Vejo que a cada minuto descobrimos que temos mais interesses em comum. Quero ir direto ao ponto para que você sinta os resultados de uma vez. Mas...

    Krull passa a língua nos lábios com malícia, desejo.

    Krull - Keller - Página 3 Th_kru10
    - Ainda precisamos de discrição e este serviço tem um preço, também preciso de mais algumas informações. Um preço que você pode pagar e informações que você tem, o resto é apenas interesse mútuo. Custos da viagem, um valor pra mim, imunidade aos eventos pois não quero ser acusado de nenhum crime ao fazer isso e tudo que sabe sobre ele. Você concorda com isso e com o que faremos depois?

    Krull sabe o quanto é justo por um assassinato, assim como Selina. Não é um absurdo, mas é mais que um mês de trabalho. Quando olha nos olhos de Selina o plano se faz na mente de Krull em apenas um segundo: uma visita a outra cidade, uma conversa similar, talvez um segundo serviço pelo preço de um, o transporte até perto do acampamento dele, durante a noite Krull avança, entra, altera a mente de duas pessoas para dar testemunho ao conflito de poder, isso causa um racha no grupo de salteadores enquanto Chadli morre misteriosamente. Sem Chadli e o grupo dividido fica mais fácil de lidar com os problemas depois. Krull até considera que um dos grupos pode pedir ajuda para mercadores de Kardunia para fazer da rota um local melhor para todos.

    Krull - Keller - Página 3 Th_kru10
    - Agora se estiver de acordo, que tal uma despedida visto que vou partir por alguns dias? Discrição aqui é importante mas você conhece outro lugar o qual talvez não seja necessário permanecer discretos.

    Krull aproveita que Selina está perto e segura sua mão esquerda, já que a direita ficava brincando com o decote. O toque da pele de ambos imitando os humanos remete para memórias agradáveis.

    ?
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2839
    Reputação : 181
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Krull - Keller - Página 3 Empty Re: Krull - Keller

    Mensagem por Hellkite em Qua Abr 29, 2020 9:43 pm



    Krull - Keller - Página 3 340003-parece-que-oliver-stephen-amell-vai-ga-950x0-1

    KRULL
    _______________________________________


    Krull - Keller - Página 3 Th_kru10
    - Ainda precisamos de discrição e este serviço tem um preço, também preciso de mais algumas informações. Um preço que você pode pagar e informações que você tem, o resto é apenas interesse mútuo. Custos da viagem, um valor pra mim, imunidade aos eventos pois não quero ser acusado de nenhum crime ao fazer isso e tudo que sabe sobre ele. Você concorda com isso e com o que faremos depois?

    Aquele jogo de sedução muito divertia Selina, que mordia a ponta da unha com o pensamento voltado para o embate noturno com aquele vampiro jovem e gostoso. E não somente isto, o que a excitava mais era que não se tratava de apenas mais um arrogante neonato que se achava o rei de Kardunia, mas alguém que tinha finesse e astucia.

    Krull - Keller - Página 3 Th_sel10
    “Ótimo saber que muitas das coisas que iria te dizer, voce já sabe... Sinto uma boa sintonia entre eu e voce, vamos nos dar muito bem. O Governo de Kardunia pagara o que pede, e se por algum acaso houver alguma acusação, criamos alguém para ser incriminado, provavelmente um neonato que incomoda a administração. Fechado.”


    Krull - Keller - Página 3 Th_kru10
    Agora se estiver de acordo, que tal uma despedida visto que vou partir por alguns dias? Discrição aqui é importante mas você conhece outro lugar o qual talvez não seja necessário permanecer discretos.

    Sem se conter mais, Selina avança sobre Krull, que se ve arrastado ate se chocar com a parede, vendo a força sobrenatural da antiga, aumentada pelo passar dos anos se alimentando e prosperando. Ela toca a masculinidade do vampiro com sofreguidão, como se há muito tempo estivesse esperando por isto.

    Krull - Keller - Página 3 Th_sel10
    A culpa é sua por me deixar neste estado... Hmmm... Agora vejo porque Elonor demorou tanto para apresentar voce para a sociedade vampírica... Aposto que vocês passavam dias e noites sobre uma cama, não é, senhor Redwine?

    ?
    Christiano Keller
    Sacerdote de Cthulhu
    Christiano Keller
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2580
    Reputação : 117
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Krull - Keller - Página 3 Empty Re: Krull - Keller

    Mensagem por Christiano Keller em Qui Abr 30, 2020 9:44 pm




    Krull - Keller - Página 3 340003-parece-que-oliver-stephen-amell-vai-ga-950x0-1

    KRULL
    _______________________________________


    As palavras de Selena eram positivas, o acordo estava pronto. Parece que não havia mais nenhum detalhe sobre o ataque ao homem na estrada para resolver o problema dos ataques. O combate parece ser inevitável e de certa forma isso vai ajudar Krull com seus próprios problemas. Certamente a missão é perigosa e arriscada pois o Sol não é amigo de Krull. Mas agora, outras coisas precisavam acontecer com Selina.

    Krull - Keller - Página 3 Th_kru10
    - Acho que você quer pegar alguma coisa. Pode pegar quando e quanto quiser. Vamos resolver este assunto de uma forma mais prática? Acho que tem coisas que você quer fazer, assim como eu.

    Krull passa a língua nos lábios com malícia, perto de Selina rouba um selinho discreto. Apenas para provocar também move os olhos para a saída.

    Krull - Keller - Página 3 Th_kru10
    - A demora de Eleanor para me apresentar foi apenas pois gostamos de ser discretos. As coisas que fizemos, não fizemos apenas em um lugar, de uma só forma. Assim como as coisas que faremos depois de agora.

    Krull toca a cintura de Selina com as mãos e segura firme num sinal de que haveria sexo. Logo.
    Então a mão direita solta da cintura de Selina e aponta para a porta. Não poderia fazer o que queria fazer ali no escritório da prefeitura, não com as portas abertas e talvez com pessoas ouvindo a conversa. Krull também não poderia colocar palavras em sua boca ou gestos em suas ações.

    Na mente de Krull o próximo passo da jogada já estava em movimento, o plano para o ataque estava sendo formado. Iria deixar recados, organizar suprimentos e queria dominar alguns dos soldados do inimigo para resolver seus problemas.

    ?
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2839
    Reputação : 181
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Krull - Keller - Página 3 Empty Re: Krull - Keller

    Mensagem por Hellkite em Qua Maio 06, 2020 10:46 pm



    Krull - Keller - Página 3 340003-parece-que-oliver-stephen-amell-vai-ga-950x0-1

    KRULL
    _______________________________________


    Naquele momento, em que Selina passeava a mão pelo corpo de Krull com grande voracidade, era o jovem que mantinha a calma. Ao sugerir irem para outro lugar, a vampira de imediato mostra suas presas e franze a testa, numa reação violenta, como se quisesse ataca-lo por falar algo como aquilo. Porém logo ela percebe seu erro e se recompõe, e se afasta, arrumando sua roupa que estava amarrotada.

    Krull - Keller - Página 3 Th_sel10
    “Sim, voce esta certo...”, diz, e da um sorriso conciliador. “Gosto disso em voce.”

    **

    Selina desce junto com Krull de sua carruagem, em frente de sua luxuosa mansão, de vários quartos. Os servos abrem as portas e guiam o vampiro para a sala de estar, onde permaneceu sentado aguardando a Lady Veintral se arrumar.

    Krull permaneceu observando a mobília e os belos quadros pintados que decoravam a sala de estar. Nos quadros estavam imagens urbanas noturnas de Kardunia. E acima de um armário estava um grande quadro de Selina.

    De repente, o vampiro sentiu que estava sendo observado.

    Pelo vão de uma porta estava parada uma mulher de cabelos brancos e pele branca, com exceção de duas marcas ovais vermelhas ao redor de seus olhos negros.

    Krull - Keller - Página 3 Vampir10

    Tendo a atenção de Krull, ela faz um sinal de silencio, e subitamente desaparece.

    Pela outra porta da sala de estar aparece Selina, deslumbrante em um robe branco semi transparente, mostrando que seu corpo estava em sua mais perfeita forma, no momento em que foi abraçada. Seja lá há quanto tempo tenha sido isso...

    Krull - Keller - Página 3 Th_sel10
    “E então, admirando meus quadros? São lindos, não são? Mas aposto que agora esteja interessado em alguma outra obra de arte, não, é, meu querido Krull...”, diz, mordiscando o lóbulo de sua orelha.

    ?
    Christiano Keller
    Sacerdote de Cthulhu
    Christiano Keller
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2580
    Reputação : 117
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Krull - Keller - Página 3 Empty Re: Krull - Keller

    Mensagem por Christiano Keller em Qui Maio 07, 2020 2:44 am




    Krull - Keller - Página 3 340003-parece-que-oliver-stephen-amell-vai-ga-950x0-1

    KRULL
    _______________________________________


    A casa era muito bela, assim como a dona. No entanto as imagens na parede mostravam o bom gosto, riqueza, tradição e poder da família. Só que a mulher que apareceu para Krull chamou sua atenção, mas não daquele jeito legal. Ela chamou atenção de um jeito preocupante, alguma coisa parecia errada naquilo, no pedido de guardar silêncio. Do ponto de vista de Krull, um servo comum apenas iria se retirar, um morador da casa poderia se identificar, então a mulher que pede silêncio se não for uma serva e não for uma moradora, poderia ser de outro tipo, como uma intrusa. Porém não pode sair apontando para o que não conhece.

    Krull - Keller - Página 3 Th_kru10
    - Selina, você tem muito bom gosto. Mas uma pessoa pediu silêncio sobre sua presença. Pelo vão de uma porta estava parada uma mulher de cabelos brancos e pele branca, com exceção de duas marcas ovais vermelhas ao redor de seus olhos negros. Quando ela percebeu que a vi, fez sinal de silêncio. Não tinha jeito de serva nem de moradora. Agora eu tenho muito interesse em você. Ela é uma moradora?

    Krull tinha mil pensamentos, desde ações de segurança até como queria fazer um sexo forte com Selina. A mulher deixou Krull preocupado, com a pulga atrás da orelha. Uma ladra, uma assassina, ou uma espiã? Muitas profissões poderiam surgir para estar na casa de Selina naquele momento, o silêncio de Krull, como foi solicitado poderia ter diversas razões. No entanto Krull não recebeu um pagamento por seu silêncio, então não tinha por que o manter.

    ?
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2839
    Reputação : 181
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Krull - Keller - Página 3 Empty Re: Krull - Keller

    Mensagem por Hellkite em Qua Maio 13, 2020 10:54 am



    Krull - Keller - Página 3 340003-parece-que-oliver-stephen-amell-vai-ga-950x0-1

    KRULL
    _______________________________________


    Krull - Keller - Página 3 Th_kru10
    - Selina, você tem muito bom gosto. Mas uma pessoa pediu silêncio sobre sua presença...  Ela é uma moradora?

    Por um breve instante Selina interrompe seus afagos, sua face tensa. O que ela estava querendo? Mas logo em seguida volta a beijar o pescoço de Krull.

    Krull - Keller - Página 3 Th_sel10
    “Não se preocupe, querido... Trata-se de Viridia, a artista que pintou todos esses lindos quadros. Ela mora comigo, e é um tanto excêntrica, e odeia barulho. Viridia é muda.”

    A vampira passa a mão pelo peito de Krull, sentindo a força masculina de seu corpo, mordendo o lábio de antecipação. Trazia agora um sorriso sincero no rosto, diferente do sorriso formal com que ela o tinha recebido em seu escritório.

    Krull - Keller - Página 3 Th_sel10
    “Fico feliz que tenha se preocupado comigo, na minha segurança... De fato tenho muitos inimigos, e seria bem possível que um deles pudesse ter entrado na minha residência. Mas pelo seu aviso, vejo que tenho alguém em quem eu possa confiar... E por isto te darei o meu tesouro...”

    Selina então abre o lacinho que prendia o seu robe branco, que vai ao chão como uma pluma. Krull podia ver que o corpo da vampira era maduro, diferente dos que ele havia experimentado com Judith e Alysia, e por isto mesmo extremamente sedutor.

    Ela da dois passinhos para tras, sentando-se provocativamente no sofá.

    Krull - Keller - Página 3 Th_sel10
    “Faça comigo o que voce fazia com sua sire, Krull. Mostre que Eleonor Teath tinha bom gosto pelos seus homens...”, diz, se exibindo sensualmente.
    ?
    Christiano Keller
    Sacerdote de Cthulhu
    Christiano Keller
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2580
    Reputação : 117
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Krull - Keller - Página 3 Empty Re: Krull - Keller

    Mensagem por Christiano Keller em Qua Maio 13, 2020 6:28 pm




    Krull - Keller - Página 3 340003-parece-que-oliver-stephen-amell-vai-ga-950x0-1

    KRULL
    _______________________________________


    O sorriso maroto aparece na face de Krull que sabia o que deveria fazer. A língua passa pelos lábios para deixar a boca úmida e mais sensual. Com passos firmes na direção de Selina Krull diz algumas palavras:

    Krull - Keller - Página 3 Th_kru10
    - Não posso garantir o silêncio para agradar a sua colega. Também, cada mulher tem suas preferencias e restrições. Não hesite em pedir algo ou restringir alguma ação.

    Krull avança na direção de Selina e beija sua boca.
    +18:
    As mãos de Krull procuram pelas mãos de Selina para segurar num contato mais próximo, entrelaçar os dedos para mostrar proximidade e intimidade. Os beijos percorriam a face para estimular os sentidos, mas depois de alguns instantes passam para a lateral do rosto. Logo um caminho de beijos misturados com pequenos chupões passa pela orelha, pescoço, ombros e peito.

    No peito os lábios procuram os mamilos. Algumas gostavam de brincar com eles, mas outras não gostavam muito das sensações de dor ou sucção. Krull observa os olhos de Selina enquanto suga os mamilos com um pouco mais de intensidade. O olhar poderia revelar muito sobre os desejos e prazeres de Selina. Assim como os pequenos gemidos ou sua respiração ofegante darão o sinal para continuar ou parar com as ações.

    As pernas de Krull então empurram os joelhos de Selina para os lados para abrir espaço ao corpo que desce até ficar de apoiado entre eles. As mãos agora soltam as mão de Selina para passear pelo corpo, atiçar cada centímetro para deixar as sensações ligadas por todos os lados. Logo os beijos descem pela barriga até chegar na região da vulva. As lambidas detalhadas na região exploram o sexo, cada lábio, cada caminho em direção ao prazer. A dedicação e constância nos movimentos eram importantes para fazer Selina perder o controle para a busca ao prazer. A boca bebia e lambia os sucos do sexo que a cada momento aumentavam com o desejo de Selina. As mãos dela agora passam pela cabeça com um carinho, mas quando atinge o clímax segura os cabelos primeiro para puxar mais para perto, depois para afastar e recuperar o folego.

    Krull - Keller - Página 3 Th_kru10
    - Vamos fazer algo mais intenso?

    Se ela aceitar:
    Krull aproveita que Selina estava ainda sentindo as reverberações do clímax e a penetra. Quando chega ao fundo, aguarda por um momento para Selina se adaptar à nova sensação. Logo começa com as estocadas firmes, fortes, porém curtas e rápidas. A ideia é aproveitar o momento para fazer ela se sentir especial. As mãos agora percorrem o peito subindo até a nuca. A maço esquerda segura no pé da orelha e a direta faz pequenos movimentos de carinho ali mesmo no sofá. As estocadas então mudam para longas e lentas para fazer contato com os olhos, buscar um beijo de amor. Quando Selina estiver mais entretida pelas estocadas repetitivas será o momento para descer o polegar até a vulva e massagear o ponto em que os lábios se juntam. As estocadas combinadas com a massagem na parte superior da vulva devem proporcionar uma nova onda de prazer para levar Selina à loucura. Com pequenos beijos roubados olhando nos olhos de Selina bebendo seus gemidos Krull espera levar ela ao delírio.

    Após o segundo orgasmo já é o momento de tentar descobrir coisas novas, desejos mais secretos ou guardados para momentos especiais.

    Krull - Keller - Página 3 Th_kru10
    - Será que você gosta de algo mais exótico? Quer tentar anal?

    Se Selina aceitar:
    Krull levanta as pernas de Selina ali mesmo no sofá com as mãos. Lentamente empurra para dentro do corpo apertado de Selina. O processo é lento para não machucar. A cada centímetro que penetra, Krull observa as reações de Selina. Ela poderia ir à loucura apenas com a pontinha enquanto outras precisam de muito mais. O processo de descoberta é uma mistura de desejo e prazer, mas algumas preferem a dor e alívio. As estocadas curtas e cuidadosas são repetidas conforme Krull observa as reações na face de Selina, mas agora as mãos tem uma ação mais importante ainda. A massagem na vulva é circular para estimular todo o conjunto. É quase como se dois homens estivessem ali, um por trás e outro pela frente. O deslizar dos dedos pelos lábios molhados é marcado por um ritmo constante em busca do prazer. As estocadas e a massagem são marcantes até levar Selina a mais um orgasmo.


    Krull estava perto de seu próprio clímax.

    Krull - Keller - Página 3 Th_kru10
    - Selina, eu vou atingir o clímax em breve. A mestra gosta de drenar até a última gota?

    Se Selina aceitar:
    Krull muda de posição usando as mãos para massagear o membro antes de o oferecer para Selina. Com cuidado Krull sobe sobre o sofa para colocar tudo na altura da boca de Selina. Um pouco antes de atingir o clímax, Krull usa a boca de Selina como um pequeno brinquedo de prazer ao olhar nos seus olhos cheio de luxúria e desejo. Então Krull pega a mão direita de Selina e coloca no membro para que ela o segure enquanto brinca. Os gemidos de prazer com a respiração ofegante são o sinal de que o final estava próximo. Com o olhar fixo no de Selina Krull despeja tudo e em cada movimento um jato voa em direção à língua até que os lábios se fecha para sugar tudo. Com um sorriso maroto, de quem estava contente, Selina mostra a língua e depois engole o conteúdo. Ainda chupando e sorrindo, Selina engole o membro todo antes de soltar com pequenos beijos.


    Krull - Keller - Página 3 Th_kru10
    - Isso foi muito bom. O que faremos agora?

    Krull não sabia se a noite acabou e deveria partir ou se Selina ainda queria mais alguma coisa. Precisava partir para fazer sua missão de assassinato ou para convencer quem estava atrapalhando o comércio da cidade de alguma forma de que deveria parar. Tinha ordens planejadas para Judith e Alyssa, a qual esperava que pudesse vender flores da Senhorita WhiteRose.

    ?
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2839
    Reputação : 181
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Krull - Keller - Página 3 Empty Re: Krull - Keller

    Mensagem por Hellkite em Ter Maio 19, 2020 6:28 pm



    Krull - Keller - Página 3 340003-parece-que-oliver-stephen-amell-vai-ga-950x0-1

    KRULL
    _______________________________________


    Krull - Keller - Página 3 Th_kru10
    - Não posso garantir o silêncio para agradar a sua colega. Também, cada mulher tem suas preferencias e restrições. Não hesite em pedir algo ou restringir alguma ação.

    Selina morde o lábio inferior, tremendo de excitação.

    Krull - Keller - Página 3 Th_sel10
    “Não se importe com Viridia, apesar de não gostar do barulho, ela gosta de ver... E não se preocupe com nossa diferença social, hoje somos apenas um homem e uma mulher que vao transar bem gostoso...”

    A mestra vampira aprova o avanço e as maneiras delicadas de se tratar uma mulher por parte de Krull, e ela sabia como avaliar um amante. Selina já tivera uma grande parcela de amantes vampiros ou não, mas poucos tiveram a habilidade de satisfaze-la, sendo apenas ou tipos bonitos ordinários, ou cafajestes sem habilidade alguma.

    18+:
    Os beijos de Krull faziam cocegas, e aos poucos seu nível de excitação aumentava. Não eram todos que faziam sexo oral, preocupados apenas com seu próprio prazer, logo o fato de Krull beijar seu sexo contou muitos pontos de satisfação para Selina. Sua sensibilidade nesta região era tanta, que o clímax chega bem rápido. Porem não havia tempo para descansar, a vontade era muito maior. Encaixados, o ritmo cadenciado do movimento das cinturas traz nova torrente de sensações, que culminam em outro orgasmo de Selina.

    Sua satisfação era tão grande, que nem hesitou quando Krull propôs gozar em sua boca. Não gostava do gosto do sêmen, mas naquele momento isto não importava. Estava apaixonada por aquele homem que a fizera se sentir tão bem!

    Krull se volta para a porta, e ve que a misteriosa Viridia estava acompanhando as estripulias sexuais dos dois, observando através do vão. Estava seminua, tocando-se intimamente, e em seu rosto parecia estar o de cansaço pós gozo. Teria ela alcançado o orgasmo ao mesmo tempo que ele? A vampira de cabelos brancos faz um outro sinal de silencio e some aos poucos.

    Krull - Keller - Página 3 Th_kru10
    - Isso foi muito bom. O que faremos agora?

    Selina o pega pelas mãos, e o puxa ao seu encontro, de modo a permanecer por cima dela. Estava suada, aquele suor levemente avermelhado característico dos vampiros. Sorrindo, ela entrelaça seus dedos com os de Krull, e diz,

    Krull - Keller - Página 3 Th_sel10
    “Tem algum compromisso? Quero que durma aqui, comigo, abraçado. Vamos passar o dia juntos, não tenho serviço amanhã.”
    ?
    Christiano Keller
    Sacerdote de Cthulhu
    Christiano Keller
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2580
    Reputação : 117
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Krull - Keller - Página 3 Empty Re: Krull - Keller

    Mensagem por Christiano Keller em Qui Maio 21, 2020 4:37 pm




    Krull - Keller - Página 3 340003-parece-que-oliver-stephen-amell-vai-ga-950x0-1

    KRULL
    _______________________________________


    Krull escuta as palavras de Selina, ela queria mair tempo juntos, talvez um tipo de carência ou domínio. Ainda não sabia exatamente qual dos dois, mas não era tão importante naquele momento. Porém tinha que dar ordens para Judith e Alysia, talvez um dia de abstinência para saber como era. Então poderiam confirmar as primeiras vendas das flores e informar Srta. Whiterose sobre quantas precisam. O foco da ação era com as flores para mulheres, precisava deixar claro que para os homens poderia fazer mal para saúde, matar. A última coisa que queria era produzir estupradores em potencial pela cidade. Com um aviso sobre a possível morte, ninguém iria querer arriscar sua vida no papo de outras pessoas.

    Krull - Keller - Página 3 Th_kru10
    - Compromisso? Tenho algumas coisas marcadas.

    Krull avança na direção de Selina e beija sua boca.


    Krull - Keller - Página 3 Th_kru10
    - Um deles envolve ficar abraçado com uma linda mulher na casa dela.

    O sorriso maroto aparece na face de Krull.

    Krull - Keller - Página 3 Th_kru10
    - Preciso apenas mandar um recado para Judith, minha guardiã diurna. Eu procuro avisar onde estou, sabe caso alguma coisa aconteça e eu não volte a tempo.


    Krull separa um papel simples e escreve poucas palavras:
    "Querida Judith, arrumei um serviço para Kardunia e preciso planejar uma viagem a trabalho. Seu próximo encontro com nossa amiga deve tratar sobre abstinência. Será que conseguem ficar apenas as duas? Por favor descreva os detalhes no nosso caderno de efeitos colaterais. Estou na casa de Selina, amiga de Ekatherine. Por favor separe minhas coisas para viagem, o básico mesmo.
    Seu, Krull"

    O recado é simples e com algumas dobras, o bilhete estava fechado. Com uma vela a cera recebia o pequeno brasão de Krull. O bilhete estava pronto para ser entregue para um mensageiro. Uma vez entregue o bilhete, Krull retorna para Selina.

    Krull - Keller - Página 3 Th_kru10
    - Parece que tem planos para amanhã. Algo que pode comentar ou será uma surpresa?

    ?
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu
    Hellkite
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2839
    Reputação : 181
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Krull - Keller - Página 3 Empty Re: Krull - Keller

    Mensagem por Hellkite Ontem à(s) 5:23 pm



    Krull - Keller - Página 3 340003-parece-que-oliver-stephen-amell-vai-ga-950x0-1

    KRULL
    _______________________________________


    Selina acena a cabeça, satisfeita com Krull aceitando seu convite de partilhar sua cama.

    Krull - Keller - Página 3 Th_sel10
    “Seu galanteador... gosto disso. Sim, avise sua criada que não ira retornar. Estes servos são como crianças, ou ficam apavorados, ou aproveitam para bagunçar a casa, quando o mestre não está.”

    A vampira então veste seu robe e vai até o banho. Enquanto isto Krull escreve sua carta e envia para Judith através de um mensageiro. Ele sobe ate o espaçoso quarto de Selina, com moveis de madeira de lei finamente talhados, tapetes importados de Rabiah e mais quadros pintados por Viridia. Selina esta deitada em sua ampla cama de casal, por sobre os lençóis brancos de algodão. Ela faz um sinal para que se deite ao seu lado, e então aninha a cabeça em seu peito.

    Krull - Keller - Página 3 Th_kru10
    - Parece que tem planos para amanhã. Algo que pode comentar ou será uma surpresa?

    A vampira passa a mão pela face de Krull suavemente.

    Krull - Keller - Página 3 Th_sel10
    “Voce vera como eu sei cuidar daqueles a quem tenho apreço.”

    **

    A noite seguinte chega, com a luminosidade do dia aos poucos se desvanecendo em meio as nevoas de Kardunia. O torpor aos poucos passa, e Krull ve que Selina já tinha se levantado. Ele sai do quarto e desce as escadas, e ve que a vampira estava tomando seu desjejum. Ela chama um outro servo, que oferece seu pulso para o visitante.

    Krull - Keller - Página 3 Th_sel10
    “Ah, nada como um bom sangue para começar o dia!”, diz ela, se espreguiçando.

    Após o rápido café da manhã, Selina se levanta e abraça Krull pelas costas, beijando suavemente sua orelha.

    Krull - Keller - Página 3 Th_sel10
    “Foi tão bom ontem a noite, vou querer isto todos os dias, quando voce voltar do seu serviço... Sabe, eu estive pensando... aproveitando que estará em uma missão em nome de Kardunia, para salvaguardar os interesses de nossa cidade em questões de segurança, eu poderia apresenta-lo para a governadora, para talvez ocupar o cargo de Chefe da Guarda de Kardunia.”

    Ela se senta a frente de Krull, e segura em suas mãos. Havia ansiedade em seu olhar.

    Krull - Keller - Página 3 Th_sel10
    “Não sei se ficou sabendo, mas o antigo chefe da guarda abandonou seu posto e fugiu, deixando nossa governadora muito chateada. Dependendo da maneira como transcorrer sua missão contra o saqueador Chadli no deserto de Rabiah, isto poderá servir como um impulso para voce pegar o cargo. Tem interesse?”
    ?
    Christiano Keller
    Sacerdote de Cthulhu
    Christiano Keller
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2580
    Reputação : 117
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Krull - Keller - Página 3 Empty Re: Krull - Keller

    Mensagem por Christiano Keller Ontem à(s) 8:17 pm




    Krull - Keller - Página 3 340003-parece-que-oliver-stephen-amell-vai-ga-950x0-1

    KRULL
    _______________________________________


    Krull escuta as palavras de Selina sobre o dia seguinte. Judith não seria bagunceira, mas recebeu ordens para ter sua própria festinha. Krull precisava lembrar de apagar alguns daqueles detalhes da memória de Judith depois, em especial os detalhes que julgar serem algum tipo de problema. No entanto por enquanto estava tudo bem com Judith e suas ações.

    A curiosidade por Viridia aumenta na medida que vê os quadros. Eles podem parecer simples, mas também pode ser um tipo de vidente. Os quadros chamam sempre muito a atenção de Krull pois meras linhas em uma tela plana podem ser considerados itens valiosos. Da mesma forma como as pinturas podem capturar uma visão no tempo. Será que Krull conhecia alguma daquelas imagens ou eram importantes? Os detalhes sobre a casa de Selina são importantes, então caminhar devagar e observar o local era bom também.

    Na manhã seguinte Selina estava se alimentando e Krull aproveita para se alimentar também. Ao servo diz algumas palavras de conforto.

    Krull - Keller - Página 3 Th_kru10
    - Obrigado pela oportunidade.

    O abraço de Selina é sensual e envolvente. Era certo que ela queria alguma coisa.

    Krull - Keller - Página 3 Th_kru10
    - Chefe da guarda de Kardunia, parece bom, porém tenho minhas dúvidas. Isso parece muita responsabilidade para um guerreiro experiente. Eu também não sei quais são as atribuições do cargo. Se ficar preso em turnos de trabalho eu não poderei apreciar os momentos que tenho com você.

    O sorriso maroto aparece na face de Krull.

    Krull - Keller - Página 3 Th_kru10
    - O cargo parece muito bom, mas realmente gostaria de saber se estou preparado para isso. Se eu não estiver a sua reputação pode ficar manchada, não concorda?


    Krull ainda precisa de uma armadura, um escudo e talvez uma espada. Talvez precise de treinamento com essas coisas para poder se defender. Nas condições atuais Krull tinha mais jeito de Mago ou Ladino do que de Guerreiro, mas poderia tentar pois era muito forte.

    Krull - Keller - Página 3 Th_kru10
    - Preciso de uma armadura, escudo e armas para a missão. Acho melhor não ser algo de Kardunia para caso alguém veja algo, que a culpa recaia sobre algum outro vizinho, o que acha? Assim que souber onde estão essas coisas e você permitir, irei passar em casa para seguir para minha missão.

    ?
    Conteúdo patrocinado


    Krull - Keller - Página 3 Empty Re: Krull - Keller

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Qua Maio 27, 2020 8:56 pm