Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    Damian [skwalker]

    Rebe
    Samurai Urbano
    Rebe
    Samurai Urbano

    Mensagens : 125
    Reputação : 12

    Damian [skwalker] Empty Damian [skwalker]

    Mensagem por Rebe em Qua Fev 05, 2020 2:49 am


    "Hoje ela senta no quarto vazio dos filhos, desejando ter coragem de finalmente acabar com a própria vida e aquele desespero... Ela não tem... Não é lindo?"

    PISANDO EM CACOS


    O jovem Damian cambaleava, certamente as costelas estavam quebradas, o gosto ferroso na boca era um prefácio do sangue que expelia ao tossir, caía no chão imundo com dificuldade para respirar. Um dos olhos mal abria por conta do inchaço proporcionado pelo espancamento sofrido, sabia o que estava acontecendo, seu corpo estava sucumbindo, ao menos iria finalmente se libertar.

    Estranhamente seu mentor sorria, parecia estar flutuando a alguns metros acima do solo, enquanto observava uma chuva de cacos de vidro, vindos do nada, atingirem o beco, rasgando o corpo do jovem e proporcionando mais dor ainda. "Mentor", se é assim que se podia chamar o amigo imaginário que o rapaz enxergava e conversava há anos, com sorte sua mente sucumbiria logo e o tormento estaria encerrado.

    Uma voz rouca podia ser ouvida, os cacos de vidro sendo esmigalhados por pesados passos, parecia simular uma tosse que lembrava alguém com um enfisema pulmonar, era agonizante. Quem quer que fosse, vinha por trás de onde Damian estava caído de bruços, não conseguia olhar para trás, mas sentia a aproximação da coisa.

    - Então você está querendo morrer? Acha que isso vai te libertar de toda a dor? Do Desespero? Tolo. — ria, forçando mais uma tosse com um pigarro que terminava em um cuspe, o pedaço caía próximo ao rosto do garoto, parecia um pedaço de pulmão enegrecido — E se eu te contar que existe uma forma de se livrar dela, ou melhor, levar esse desespero que você está sentido a quem realmente merece?

    Os passos circundam o corpo do rapaz, ficando de frente para ele, conseguindo enxergar aquela mórbida criatura à sua frente. Era uma mulher, mas estranhamente acinzentada, obesa, nua, seios flácidos e caídos, tendo no corpo várias cicatrizes aparentemente feito com o anel de gancho que usava, ainda gotejando sangue, os pés cortados pelos cacos, uma mandíbula desproporcional, dentes tortos, olhos e cabelos escuros embaraçados. Era assustadora, os ratos refugiados no beco pareciam alegres com sua presença, enquanto o próprio mentor "imaginário" de Damian a reverenciava. Aquela "velha bizarra" respondia ao cumprimento do mentor com o aceno de uma das mãos, o que era incrível, ninguém nunca havia o visto além do próprio Damian.



    Damian [skwalker] HNZZWtp


    skwalker
    Neófito
    skwalker
    Neófito

    Mensagens : 26
    Reputação : 0

    Damian [skwalker] Empty Re: Damian [skwalker]

    Mensagem por skwalker em Qua Fev 05, 2020 3:08 am


    "Hoje ela senta no quarto vazio dos filhos, desejando ter coragem de finalmente acabar com a própria vida e aquele desespero... Ela não tem... Não é lindo?"

    PISANDO EM CACOS


    Deitava como um feto apertando o próprio corpo, carne na carne. Massa na massa. Ossos - restantes em outros não encaixes de ossos.

    Dor, melodia infinita, base definitiva do simples fim, sobre mim. Via de relance o próprio mentor, "amigo", concretizando uma despedida perfeita digna de filme, com cenário, lágrimas e fantasia. Realismo fantástico.

    A mente confusa se prende como um peixe no anzol, na presença nova, nojenta e crua. Crueldade que se arrastava vindo na direção, os pelos do corpo arrepiam mesmo ante de a voz sair. A voz. Que destrói os meus sentimentos, e me deixa já morto mais morto, mas, escuto tudo, sou peixe que não larga o anzol, não deixa soltar da boca.

    "Me ...conte", a fala sai cortada, difícil de escapar e rouca, acompanhada de sangue e mais tosse, as mãos buscam apoio na posição fetal, uma tentativa boba e patética de tentar se levantar.

    Dói.
    Tudo.

    Tento achar nos olhos do mentor, o ser que habitava ali. Mais uma imaginação de si ou outrem? Outro? A mente já indo para o buraco, faz uma das mãos agarrar a lateral do torso, o corpo queria alguém para cuidar da costela quebrada. Sangra e dói... de novo.

    "Qual...jeito de... fazer?" Fragilidades de quem tenta se expor sem nada ter a contar. Frágil o corpo jogado. Frágil fim.



    Rebe
    Samurai Urbano
    Rebe
    Samurai Urbano

    Mensagens : 125
    Reputação : 12

    Damian [skwalker] Empty Re: Damian [skwalker]

    Mensagem por Rebe em Qua Fev 05, 2020 6:31 am


    "Hoje ela senta no quarto vazio dos filhos, desejando ter coragem de finalmente acabar com a própria vida e aquele desespero... Ela não tem... Não é lindo?"

    PISANDO EM CACOS



    A velha bizarra começava a rir, enquanto ratos e baratas começavam a sair das lixeiras e boeiros próximos, fazendo um círculo ao redor de ambos, toda a podridão local parecia reagir à sua presença.

    - Oh, querido, você não tem ideia do que é capaz de ser e fazer. Você não contou a ele, Boris? — o mentor balançava a cabeça negativamente, afirmando que não havia tido tempo o suficiente para prepará-lo e que o ataque ao jovem foi prematuro — Chega! Deixe suas desculpas para outro, mas você continua me devendo, e eu vou cobrar. — olhava diretamente para os olhos de Damian, enquanto rasgava a própria pele com o gancho de forma pensativa, parecia que a dor a ajudava a raciocinar — Sua hora ainda não chegou, caso contrário minha irmã mais velha estaria aqui, significa que é uma oportunidade única que estamos tendo.

    - Eu sou Desespero e o seu "amigo imaginário", é um espírito da dor, logo, um dos meus servos. E você sofreu tanto, menino, eu te observava todos os dias através dos espelhos daquele colégio, em como te abusavam, dia após dia. Eu tenho a capacidade de te fazer superar essa condição miserável, resistir aos seus próprios temores e levar desespero aos que merecem, compartilhando uma parte do meu poder com você. Isso é claro, vem com algumas obrigações, uma delas é me servir até o término da sua existência.

    Desespero estala os dedos, tudo ficava escuro e então novamente a iluminação de um quarto escuro se fazia presente, o corpo de Damian não estava mais ferido, ele estava na escola, mas ele sabia muito bem o que iria acontecer, ele já havia vivenciado aquilo, um professor e outros dois estudantes entravam no quarto, estavam com cintos em mãos para açoitar e enforcar, seus pênis eretos dentro das calças, legumes e frutas em uma sacola trazida por um deles, que usariam para abusar do rapaz por toda a noite, em uma brincadeira sádica que apelidavam de "saladinha noturna".

    - Então, o que me diz? Quer mais um pouco disso? Gosta de se sentir essa privada humana e deixar que façam o que quiser com você? Ou quer reagir, mais uma vez, igual fez essa noite? — a voz de Desespero ecoava no local, mas somente Damian parecia escutar.



    skwalker
    Neófito
    skwalker
    Neófito

    Mensagens : 26
    Reputação : 0

    Damian [skwalker] Empty Re: Damian [skwalker]

    Mensagem por skwalker em Qua Fev 05, 2020 2:44 pm


    "Hoje ela senta no quarto vazio dos filhos, desejando ter coragem de finalmente acabar com a própria vida e aquele desespero... Ela não tem... Não é lindo?"

    PISANDO EM CACOS


    A posição fetal ia aos poucos tentando ser substituída pelo um corpo sentado, e até ereto. Falhava, a cada tentativa escorregava no próprio sangue, nos cacos ou simplesmente não tinha forças para levantar... e continuava, agonia que apenas diminuía de volume. Queria ouvir o ser. Desespero.

    Seus olhos bem abertos e fixos, tinham alvo único a mulher, ainda que a cidade ao redor continuasse existindo, os ratos e baratas continuam se movendo e até o tal Boris, antes meu conhecido e agora completamente outro, até ele ainda me observando. Tudo isso importava menos que ela.

    Tentou dizer algo, quando num piscar de olhos tudo mudou. Estar ali. Voltar ao passado. Vivo. Tudo existia e era realidade. Uma realidade desesperadora, que o fez quebrar, se seu cérebro fosse um relógio todas seus pedaços teriam explodido e seu corpo virado líquido. Mas, soube traduzir tudo isso de uma só forma:

    R I N D O

    Ele ria da cara dos três, diferente de como havia sido aquela noite, ele estava outro, mudado e a risada só aumentava e quebrava e continuava, e foi pouco tempo depois que também não pode mais controlar sua fisiologia, mijando e cagando ali mesmo. Em meio ao próprio corpo-caos, gritava:

    - Sim! Eu não quero reagir, quero agir. Agir contra todos eles. Trazer agonia para eles, matar a cada dia um pouco mais todos.

    E quero rir, e rir muito enquanto eles chorarem o próprio desespero, e quando só sobrar loucura e eles me pedirem, para mata-los. Eu vou dizer "talvez", para alimentar uma esperança... que nunca vai acontecer.

    As lágrimas caiam dos olhos, a urina do pau e as fezes do ânus, e a orquestra das risadas, era a base de tudo.



    Rebe
    Samurai Urbano
    Rebe
    Samurai Urbano

    Mensagens : 125
    Reputação : 12

    Damian [skwalker] Empty Re: Damian [skwalker]

    Mensagem por Rebe em Qui Fev 06, 2020 12:39 pm


    "Hoje ela senta no quarto vazio dos filhos, desejando ter coragem de finalmente acabar com a própria vida e aquele desespero... Ela não tem... Não é lindo?"

    PISANDO EM CACOS


    O barulho do estalar de dedos era ouvido novamente e mais uma vez tudo ficava enegrecido. Ao recobrar a consciência, Damian estava de volta ao beco imundo. Os insetos e os ratos que formavam círculos haviam sumido, assim como os cacos no chão, o próprio mentor e Desespero haviam sumido também. Seu corpo estava totalmente restaurado, como se nunca houvesse acontecido absolutamente nada com ele, a sensação de levantar e respirar livremente era prazerosa, libertadora, até uma dor excruciante o atingir no peito.

    Ao abrir a camisa e verificar o que estava ocorrendo, podia ver um símbolo de um gancho sendo rasgado na pele do seu peito, na mesma posição do coração. Era feito de forma lenta, derrubando-o no chão, enquanto se contorcia pela dor, conseguia sentir a presença de Desespero no local, mesmo sem vê-la, enquanto voltava a enxergar o mentor espreitando próximo à uma grande lixeira.

    Durante o processo, seus sentidos eram inundados de sensações e imagens, do seu "aceite" à proposta de Desespero, das suas novas funções, das dádivas que agora tinha e como usá-las, era como um "curso intensivo" sobre o que havia se tornado, uma Essência do Desespero.

    Então a dor cessava, deixando uma marca de cicatriz no seu peito e a voz de Desespero como uma despedida em sua mente:

    - Damian, agora você é um dos meus filhos. Levanta-se, tenha sua vingança e depois continue espalhando pela criação o verdadeiro significado do Desespero.

    FIM DO CAPÍTULO

    Rebe
    Samurai Urbano
    Rebe
    Samurai Urbano

    Mensagens : 125
    Reputação : 12

    Damian [skwalker] Empty Re: Damian [skwalker]

    Mensagem por Rebe em Sex Fev 07, 2020 5:06 pm


    "Hoje ela senta no quarto vazio dos filhos, desejando ter coragem de finalmente acabar com a própria vida e aquele desespero... Ela não tem... Não é lindo?"

    MOSAICO



    Algum tempo havia passado desde o encontro de Damian com Desespero, o suficiente para que o rapaz conhecesse a cidade, o submundo e suas figurinhas importantes, além de de treinar suas novas Dádivas e seguir os conselhos e ensinamentos de Boris.

    Agora, com a identidade falsa de Samuel Williams, estava longe de ser o garoto que era abusado e espancado de forma passiva, e em breve seus antigos captores saberiam muito bem disso.

    New York se tornou o novo lar da Essência, mas também era o lar de outras criaturas sobrenaturais que antes jamais imaginou existirem: vampiros, lobisomens, magos, espíritos, entre outros seres que se escondiam dos olhos humanos, porém que sempre se fizeram presente no caminho da humanidade. Conheceu também parte da história dos 7 Perpétuos, principalmente a de Desespero.

    Samy, como era o apelido da nova identidade de Damian, vivia entre os albergues da cidade, sempre se mudando como medida de segurança.

    Os cacos de sua antiga vida já estavam recolhidos, agora era a hora de formar um mosaico nessa nova existência, de preferência com pedaços complementares dos antigos professores.

    Damian despertava junto dos sinos do albergue, era o aviso de que o "café-da-manhã" estava pronto. Geralmente algum caldo, com sorte ovos mexidos e pão, não era nada luxuoso ou digno de um chefe francês, mas era bom e enchia a barriga, melhor que estar na rua com fome. O local estava repleto de pessoas com histórias sofridas, um verdadeiro "prato cheio" para a Essência do Desespero.

    Seu plano de vingança estava só começando, sabia que A Sala dos Professores havia se estabelecido em New Orleans, eram quase 20h de distância de carro, de avião 5h. Lembrava que a mansão ficava em uma área rural, distante da cidade, mesmo sem saber o endereço ao certo, não seria difícil encontrar.

    Damian [skwalker] LiUnFr5


    skwalker
    Neófito
    skwalker
    Neófito

    Mensagens : 26
    Reputação : 0

    Damian [skwalker] Empty Re: Damian [skwalker]

    Mensagem por skwalker em Sex Fev 07, 2020 6:17 pm


    "Hoje ela senta no quarto vazio dos filhos, desejando ter coragem de finalmente acabar com a própria vida e aquele desespero... Ela não tem... Não é lindo?"

    MOSAICO



    Montagens e remontagens, sangue que cai dos cortes da mão. Pingos. Cacos. Mosaicos. Parte de seu tempo era dedicado á isso: Montar um Mosaico de Desespero, a trama da vingança, ou melhor, o impulso da vingança. Não pensava em tudo, deixava espaço para os improvisos, o caos, o desespero, deixava espaço para o acontecimento em si, mas, sabia bem o que queria e que devia ter calma e precisão, quando atacasse seria para matar, para desmantelar tudo, e mesmo que fosse como uma serpente, seria cuidado e efetivo. Picadas em jugulares. Decapitação. Gritos deles. De todos eles.  

    1. Arranjar dinheiro.
    2. Arranjar conexões em New Orleans.
    3. Achar inimigos contra a "Sala dos Professores".
    4. Chegar com segurança, discrição e dinheiro em New Orleans.
    5. Observar. Observar. Observar.
    6. Conclusão.

    O caldo descia quente e sem gosto nenhum, apenas estufando seu estomago, não reclamava disso, e nem de nada pelo que estava passando. Havia dormido relativamente bem, visitas noturnas comuns de Boris, vez ou outra o próprio som da voz de Desespero ressoando, ecoando. Acordou apenas duas vezes durante a noite, ficou sentado na própria calma observando os outros, desesperados, calmos, malditos ou só perdidos; e logo voltava a dormir. O sino ficou em sua cabeça, o sino que tocava em New Orleans, o sino do intervalo entre 'aulas', para o 'intervalo', para as 'brincadeiras', sinos... sinos... sinos.

    Desenha os olhos por todas as outras pessoas, sentindo como cantava no ouvido as sensações de desespero de certas pessoas que dividiam o alimento. Afim de sua alimentação, aflorou sua dádiva para Farejar Medo, dependendo do que conseguisse descobrir poderia ser um Catalizador, aquele, era sua segunda alimentação do dia, ou melhor - seus trabalhos diários, era preciso continuar trabalhando sem que isso atrapalhe sua vingança, e por enquanto as coisas estavam aliadas e seguindo.

    Precisava começar a pensar em dinheiro, e nas possíveis pessoas que tivessem algum contato em NO.

    Com um suspiro leve, estava pronto para o próprio Desespero.
    Rebe
    Samurai Urbano
    Rebe
    Samurai Urbano

    Mensagens : 125
    Reputação : 12

    Damian [skwalker] Empty Re: Damian [skwalker]

    Mensagem por Rebe em Sex Fev 07, 2020 11:42 pm


    "Hoje ela senta no quarto vazio dos filhos, desejando ter coragem de finalmente acabar com a própria vida e aquele desespero... Ela não tem... Não é lindo?"

    MOSAICO


    Damian se concentrava, o local estava inundado de decepções, tristezas e arrependimentos, mas uma situação desesperadoramente pura era rara e ele sabia disso, era como um sommelier tentando achar a garrafa da safra certa.

    Com os olhos fechados algumas imagens, sensações e até pensamentos vinham à sua mente, até que parava os olhos em um senhor, já de idade, se alimentava com avidez, contudo por mais que preenchesse suas entranhas, com a sensibilidade certa era possível notar o rombo em sua alma.

    Era uma questão com seu filho, ele o abandonou quando ainda era jovem, achou que a criança inesperada iria estragar sua vida profissional, com o passar dos anos sua vida profissional de fato desmoronou, mas o filho se tornou um jovem rico e poderoso e que, por óbvio, o rejeitou quando foi em busca de reconciliação. Todavia, Damian não conseguia ter a certeza se a natureza daquela atitude era de fato altruísta ou se era por mero interesse financeiro.

    Boris observava a Essência utilizando seus poderes em silêncio, ele jamais saberia como é a sensação, mas conseguia sentir quando o poder de Desespero estava sendo utilizado.


    Damian [skwalker] BXuF9up


    skwalker
    Neófito
    skwalker
    Neófito

    Mensagens : 26
    Reputação : 0

    Damian [skwalker] Empty Re: Damian [skwalker]

    Mensagem por skwalker em Sex Fev 07, 2020 11:56 pm


    "Hoje ela senta no quarto vazio dos filhos, desejando ter coragem de finalmente acabar com a própria vida e aquele desespero... Ela não tem... Não é lindo?"

    MOSAICO



    "O que acha? Os jogos se inverteram nessa família. Eu poderia tentar saber mais sobre o filho dele, arranjar algum dinheiro. Então, devo abrir mais seu rombo?" Ecoava em seu pensamento, esperando que Boris talvez entendesse - afinal, ele estava conectado á seus sentimentos e pensamentos, ou pelo menos, é o que imagina.

    Continuava com os olhos concentrados no homem, no velho, tentando me aprofundar mais dentro dele, focava suas atenções para tentar trazer com mais intensidades nos pensamentos de seu alvo os momentos com o filho, os momentos de dor, de angústia. Queria descobrir mais daquele "rico e poderoso" enquanto deixava o vazio dele aflorar, esperava que aquela figura pudesse se dar conta de sua pequenez, do erro em seus atos com o filho, e com todos.

    Ali, um passo mais para seus inimigos, um começo do aprendizado novo: A Humanidade.
    A Humanidade fora dos muros daquela fazenda, daquela sala de aula, daquelas pessoas. Desde que foi largado naquela cidade, tudo era novo para si, as pessoas, os veículos, as coisas á sua volta, afinal, não tinha televisão ou computadores, apenas as aulas e os professores.
    Ali, o seu treinamento e retomada de força própria, ali, a evolução de sua Essência, em todos os sentidos possíveis.

    Concentrado, criava assim um Catalizador, aflorando os males que aquele pai teve com o filho.


    Rebe
    Samurai Urbano
    Rebe
    Samurai Urbano

    Mensagens : 125
    Reputação : 12

    Damian [skwalker] Empty Re: Damian [skwalker]

    Mensagem por Rebe em Sab Fev 08, 2020 6:49 pm


    "Hoje ela senta no quarto vazio dos filhos, desejando ter coragem de finalmente acabar com a própria vida e aquele desespero... Ela não tem... Não é lindo?"

    MOSAICO


    Damian usava uma das suas dádivas para tentar catalisar o sentimento que o pai havia pelo filho.

    O alvo parecia saborear a sopa com menos intensidade, como se houvesse ficado mais ensossa, coçava sua cabeça algumas vezes até terminar o jantar, bufando um pouco após terminar de raspar a tigela com um naco de pão dormido, mas aparentemente nenhuma situação desesperadora.

    Era um pouco frustrante para a Essência, uma vez que ainda não dominava por completo seus poderes, estava os aperfeiçoando através da prática, até estar preparado para sua vingança particular. Em contrapartida, Boris dava uma risada, mais pela expressão no rosto do rapaz do que pelos efeitos que a dádiva surtia ou deixava de surtir.

    Boris: - Calma garoto, o desespero é como uma avalanche, ele começa com uma pequena pedra se soltando e rolando montanha abaixo, isso vai aumentando, até o ponto de soterrar tudo o que toca. — flutuava levemente por cima das cadeiras, parando ao lado do idoso, observando a expressão pensativa do mesmo — Os poderes ajudam, mas um verdadeiro mestre do Desespero não utiliza somente eles para atingir seu objetivo. Acho melhor você o seguir.

    O velho homem entregava a tigela e a pequena bandeja acima dela no final da cantina, mas algo parecia o estar incomodando profundamente, o suficiente para sair bufando pela porta do refeitório, levando as mãos aos bolsos como se procurasse algo, enquanto rumava à saída do albergue.

    Boris evitava sair dos locais que se sentia protegido, por mais que fosse um espírito razoavelmente poderoso, segundo as palavras dele, existiam grandes perigos no mundo espiritual. Era um assunto que Damian ainda não dominava totalmente, mas com o tempo e a instrução necessária seria capaz de trilhar por esse caminho oculto da humanidade comum.
    skwalker
    Neófito
    skwalker
    Neófito

    Mensagens : 26
    Reputação : 0

    Damian [skwalker] Empty Re: Damian [skwalker]

    Mensagem por skwalker em Sab Fev 08, 2020 11:09 pm


    "Hoje ela senta no quarto vazio dos filhos, desejando ter coragem de finalmente acabar com a própria vida e aquele desespero... Ela não tem... Não é lindo?"

    MOSAICO


    Ficava com aquilo na cabeça, as pedras que rolavam, os empurrões que as dádivas permitiam, mas não a queda em si. Lembrava de seus encontros com Desespero, e ver a forma como ela agia, falava e criava todo o ambiente, mesmo numa "conversa simples" sua forma de estar no mundo demonstrava que não era apenas pelos poderes que ela realizava suas tarefas com tanta maestria.

    Observava ainda sentado os movimentos do homem, agindo de forma furtiva e aparentemente despretensiosa deixava sua bandeja no refeitório, e com suas coisas recolhidas em uma bolsa saía dali, pela mesma porta de seu alvo, precisa manter uma distância segura e não ser visto por ele, enquanto poderia entender melhor o que o incomodava tanto - e onde ele iria leva-ló.

    Via ali, uma oportunidade de treinar seus poderes, realizar suas tarefas e ainda alcançar alguém rico, poderoso, talvez, de alguma forma garantir algum dinheiro, algum começo de sua vingança. Tentando ser o mais calmo possível naquelas situações, via Bóris, sua sutileza e precisão no agir e nas palavras, algo que despertava sua curiosidade: O mundo dos Espíritos. E claro, também o inspirava a trilhar de forma promissora o caminho de sua Essência.

    Antes de prosseguir a perseguição furtiva, usava-se de seus conhecimentos inciais de Clavus, as possibilidade de alterar a realidade de si, do mundo, descarregando um pouco da energia de vida que obtinha para alterar seus passos, tornar-se um pouco mais leve, mais ágil, isto poderia ajuda-ló, a manter-se escondido para aquele homem, enquanto precisasse.

    Rebe
    Samurai Urbano
    Rebe
    Samurai Urbano

    Mensagens : 125
    Reputação : 12

    Damian [skwalker] Empty Re: Damian [skwalker]

    Mensagem por Rebe em Ter Fev 11, 2020 5:07 pm


    "Hoje ela senta no quarto vazio dos filhos, desejando ter coragem de finalmente acabar com a própria vida e aquele desespero... Ela não tem... Não é lindo?"

    MOSAICO


    Damian aumentava sua própria agilidade através do uso de Clavus, a dádiva o colocava no limite máximo humano, era como se "deslizasse" pelo mundo, o que permitia uma perseguição sem grandes dificuldades.

    O idoso andava pela rua olhando para os lados, sem jamais imaginar que a essência do Desespero estava em sua cola. Atravessava a rua após andar uns 300 metros, se dirigindo a telefones públicos ao lado de um fast food, o cheiro de frango frito do KFC era irresistível, ainda mais as informações que a seguir seriam de conhecimento de Damian tb.

    Era uma ligação para a gravadora JKG, James King Group, a mais importante de toda Luisiana, com sede em New Orleans. Queria de qualquer forma falar com James King, o próprio fundador e CEO do grupo, se identificando como seu pai. Após alguns minutos de aguardo e a negativa, esbravejava palavrões, ameaçando ir aos jornais para o mundo ver quem ele é e como ele deixava o próprio pai passar fome, morando na rua. Por fim começava a soluçar, dizendo que a última mesada estava quase acabando e que precisava de mais dinheiro para se manter. A ligação caía, e junta dela o idosos aos prontos, olhando para o sol nublado como se fosse encontrar uma divindade rindo da situação.

    skwalker
    Neófito
    skwalker
    Neófito

    Mensagens : 26
    Reputação : 0

    Damian [skwalker] Empty Re: Damian [skwalker]

    Mensagem por skwalker em Ter Fev 11, 2020 8:55 pm


    "Hoje ela senta no quarto vazio dos filhos, desejando ter coragem de finalmente acabar com a própria vida e aquele desespero... Ela não tem... Não é lindo?"

    MOSAICO




    Se aproximava com determinação depois de ver o idoso no chão aos prantos. Ficava na frente do Sol, fazendo uma sombra em seu rosto, olhava para ele por um tempo, sem sorrir, ou se compadecer, apenas observando, então o pai do velho era um rico importante, uma família de degenerados: Um que abandona o outro. Um pai que abandona o filho? Um filho que abandona o pai? Seria engraçado se uma mãe e o pai vendessem o próprio filho, mas, isso só acontece em ficção.

    Riu do próprio devaneio. E logo neutralizou o rosto novamente. Seus olhos fundos no do homem, respirou e esticou a mão.

    - Quer ajuda? Você parece ter tido uma briga e tanto com o telefone.

    Fazia-se amigável, inocente até certa medida, mas, principalmente curioso. Talvez, pudesse arranjar uma passagem para New Orleans, com o velho, e mais, arranjar uma grana e um contato com o tal King, só precisava saber mais, e então começar a arquitetar os desesperos. As quedas. As falsas esperanças. O corte fundo no peito.

    - A gente pode tentar arranjar algo para comer e conversar. Se for assunto de família, eu também acho um saco.

    Jogava a isca, como se não tivesse ouvido a ligação e nem soubesse muito dele, a mão ainda esticada, o toque poderia lhe permitir também se conectar ainda mais com o peso do desespero naquele senhor.

    Rebe
    Samurai Urbano
    Rebe
    Samurai Urbano

    Mensagens : 125
    Reputação : 12

    Damian [skwalker] Empty Re: Damian [skwalker]

    Mensagem por Rebe em Qui Fev 13, 2020 12:15 am


    "Hoje ela senta no quarto vazio dos filhos, desejando ter coragem de finalmente acabar com a própria vida e aquele desespero... Ela não tem... Não é lindo?"

    MOSAICO


    A aproximação de Damian não havia sido das melhores, ele não entendia bem o porquê, mas o idoso de lamúrias passava para uma postura defensiva hostil, como se tivesse sido afrontado por algo que a Essência do Desespero havia dito.

    Velho: - Não, não preciso de ajuda alguma, obrigado. Passar bem. — se levantava, dando as costas para Damian e começando a caminhar para longe, resmungava algo sobre "já ter bastardos demais na sua vida".

    Damian ficava à princípio sem reação, não acreditando que deixou passar aquela oportunidade de aproximação, já imaginando os risos que Boris daria quando soubesse da situação. Seu treinamento para enfim estar preparado para enfrentar A Sala dos Professores parecia estar só no começo, ele ainda precisava aprender muito, essa era uma demonstração sólida da sua inexperiência.

    A vida em Manhattan era difícil para um jovem, negro e pobre, a Essência já havia entendido isso, talvez começar por um lugar mais pobre e com mais Desespero fosse o melhor para ele. O Bronx era mais pobre de New York e não tinha toda a violência do Brooklyn, conhecer as ruas talvez fosse necessário antes de chegar ao topo dos arranha-céus.

    skwalker
    Neófito
    skwalker
    Neófito

    Mensagens : 26
    Reputação : 0

    Damian [skwalker] Empty Re: Damian [skwalker]

    Mensagem por skwalker em Qui Fev 13, 2020 12:35 am


    "Hoje ela senta no quarto vazio dos filhos, desejando ter coragem de finalmente acabar com a própria vida e aquele desespero... Ela não tem... Não é lindo?"

    MOSAICO


    Ele não queria os risos de Boris e tão pouco queria ser tirado de jogo por aquele velho. Deixou ele andar um pouco, encarando com certa raiva a figura, figura que lembrava sua própria história - a mãe e pai que abandonam o próprio filho, seguia em direção ao velho, corria se fosse necessário alcança-ló segurava em seu ombro e o virava para si o encarando agora totalmente diferente:

    Não era mais o bom e inocente garoto, era o próprio resultado da cidade no corpo de um garoto negro, pobre e solitário. Seu rosto quase transfigurado de tamanha fúria, e determinação para conseguir aquelas informações. Não estava disposto a matar o homem, mas, sim fazer ele ter medo da face humana - não queria ser visto como uma figura mítica ou algo do tipo, mas como um ser humano desgarrado de qualquer regra ou obediência. A violência e crueza de New York tomava certa forma no ato do garoto.

    Queria intimidar ele. Queria poder ver nele, a face do desespero. Seria delicioso. Saberia que seu treinamento era difícil, mas não impossível e que a mesma dor e desespero que sentiu jogado numa sarjeta próximo a morte, outros seres deploráveis podiam sentir.

    - Eu quero saber sobre seu filho! Eu queria te ajudar, mas, agora você me mostrou que é tão imundo como ele! Olha nos meus olhos e me conta.

    Não poderia suportar uma briga, mas, podia suportar a intimidação a ponto de alguém o ver como uma figura medonha.
    Ele era.
    A cidade havia o tornado isso.
    A vida.
    A Sala dos Professores.

    Rebe
    Samurai Urbano
    Rebe
    Samurai Urbano

    Mensagens : 125
    Reputação : 12

    Damian [skwalker] Empty Re: Damian [skwalker]

    Mensagem por Rebe em Qui Fev 13, 2020 1:07 am


    "Hoje ela senta no quarto vazio dos filhos, desejando ter coragem de finalmente acabar com a própria vida e aquele desespero... Ela não tem... Não é lindo?"

    MOSAICO


    Damian perdia as estribeiras, correndo até o velho, agarrando-o pelo ombro e o virando, elevando sua voz para intimidá-lo. E era bom no que fazia, sua atuação violenta surtia mais efeito que a aproximação sutil, podia ver pelo temor nos olhos do sujeito, pego de surpresa naquela posição.

    Infelizmente agarrar e gritar com um velho, em Manhattan, pela manhã e no meio da rua, não parecia ser uma boa ideia no fim das contas. Transeuntes olhavam assustados, antes que o idoso pudesse balbuciar alguma coisa, um policial começava a atravessar a rua, comuns na região mais rica da cidade, olhando fixamente para Damian, enquanto falava algo no rádio.

    Damian [skwalker] TMjLQfS

    skwalker
    Neófito
    skwalker
    Neófito

    Mensagens : 26
    Reputação : 0

    Damian [skwalker] Empty Re: Damian [skwalker]

    Mensagem por skwalker em Qui Fev 13, 2020 1:16 am


    "Hoje ela senta no quarto vazio dos filhos, desejando ter coragem de finalmente acabar com a própria vida e aquele desespero... Ela não tem... Não é lindo?"

    MOSAICO




    Soltava o velho, e se afastava dois passos para trás, não tirava os olhos dele.

    "Bóris, você pode me ajudar com algo? Talvez fazer algo com esse policial, temos algo bom em mãos aqui."

    Olhava de canto o policial, tentando perceber se já era o momento de fugir ou ainda não, ficava atento para ele, o movimento a sua volta. Tentava parecer arrependido de te partido para cima do velho, deixando seu corpo mais relaxado, mas, ainda o olhava.

    - Eu posso te ajudar. Sou de New Orleans, cara.

    Apesar do movimento de relaxamento da própria voz e do corpo, era como uma bala pronto para disparar. Sabia que seu próximo destino seria o Bronx, pelo dor, pela pobreza e principalmente pelo Desespero.

    Rebe
    Samurai Urbano
    Rebe
    Samurai Urbano

    Mensagens : 125
    Reputação : 12

    Damian [skwalker] Empty Re: Damian [skwalker]

    Mensagem por Rebe em Qui Fev 13, 2020 1:58 am


    "Hoje ela senta no quarto vazio dos filhos, desejando ter coragem de finalmente acabar com a própria vida e aquele desespero... Ela não tem... Não é lindo?"

    MOSAICO



    "Run boy run
    This world is not made for you
    Run boy run
    They're trying to catch you"

    As palavras pareciam ter fixado na mente do velho, sabia agora que o rapaz era de New Orleans, mesmo local em que seu filho rancoroso fez a carreira de sucesso. Só o tempo diria como ele iria reagir.

    Por outro lado, o presente se tornava muito mais ameaçador para Damian. À medida que o policial se aproximava, percebia pelo seu olhar que estava em apuros, não poderia se dar o luxo de ser tomar uma "dura" ou ser preso, com uma análise mais detalhada iriam descobrir seus documentos falsos, em um cenário pior ainda, acabarem contatando de alguma forma seus antigos algozes.

    Damian fazia a primeira coisa que vinha a sua mente, quase instintivamente, correr e sobreviver, como um animal sendo cercado por predadores.

    O jovem corria, seu físico era melhor que o policial que o perseguia, ainda assim utilizava de Clavus para aumentar sua velocidade ainda mais, era impossível para um policial comum conseguir o alcançar. Todavia, nem tudo eram músculos, sem dúvida o policial havia avisado sobre a perseguição no rádio, a cada esquina e local aberto a Essência prestava atenção na movimentação local, escutou sirenes dobrando um dos quarteirões, sabia que estavam tentando cercá-lo, mas naquele dia ficariam só na tentativa.

    Após percorrer atalhos que seriam impossíveis com veículos, despistava por fim as forças policiais na estação de metrô. As portas se fechavam e o vagão começava a percorrer os trilhos, Damian tinha a chance de recuperar o fôlego e colocar os pensamentos em ordem.

    Próxima parada: Bronx.



    FIM DO CAPÍTULO

    Rebe
    Samurai Urbano
    Rebe
    Samurai Urbano

    Mensagens : 125
    Reputação : 12

    Damian [skwalker] Empty Re: Damian [skwalker]

    Mensagem por Rebe em Sex Fev 14, 2020 2:36 am


    "Hoje ela senta no quarto vazio dos filhos, desejando ter coragem de finalmente acabar com a própria vida e aquele desespero... Ela não tem... Não é lindo?"

    BELEZA NA SARJETA


    Damian [skwalker] A6k2TDj

    O Bronx faz parte da cidade de Nova York desde 1874 e tem um pouco menos moradores do que Manhattan, mas tem quase o dobro do tamanho, com 109 quilômetros quadrados. O Bronx fica ao norte da cidade e é separado de Manhattan pelo rio Harlem. O nome é uma homenagem ao holandês, nascido na Suécia, Jonas Bronck, que estabeleceu a primeira comunidade em 1639 como parte da colônia New Netherland (Nova Holanda). Nos anos 70, o Bronx era quase inabitável. As altas taxa de desemprego e de pobreza alavancaram crimes e o uso de drogas.

    O Bronx tem alguns bairros icônicos. Aqui você vai encontrar a verdadeira Little Italy: sem turistas, só uma autentica atmosfera italiana. Você pode visitar várias lojinhas italianas que servem um café maravilhoso e ótima comida. O Grand Concourse tem um alguns belos edifícios de estilo Art Deco. Os edifícios têm uma decoração bonita por dentro e por fora. Há um bairro infame que deu ao Bronx sua má reputação: Camp Apache. Nos anos 70, este era um bairro de alta criminalidade. Com assassinatos, uso de drogas e incêndios, este bairro era visto como um dos mais perigosos do mundo.

    Culturalmente falando, o Bronx é o berço do rap e do hip hop. Em suas ruas são faladas mais de 75 línguas diferentes, sendo sua população de maioria hispânica e negra, tendo o espanhol como língua predominante junto ao inglês.

    Atualmente o bairro vive um denso investimento e iniciativa de revitalização, uma forma de cada vez se distanciar mais do seu passado tortuoso. Teatros, cinemas, museus, bares e restaurantes se fazem presentes pela região, mas dentre suas grandes atrações se destacam o Zoológico, o estádio dos Yankees e o Jardim Botânico.

    Sabia que no Bronx há uma ilha? City Island é praticamente uma pequena cidade dentro desse distrito de Nova York. A ilha é pequenina e cheia de charme, com jardins floridos, lojinhas de antiguidades e restaurantes com pratos à base de frutos do mar. Para chegar lá é preciso ir de metrô pela linha 6, descer na Pelham Bay Park e pegar o ônibus da linha Bx29.

    Damian [skwalker] K213xsu

    Damian circulava pela religião, seu mentor espiritual não aparecia desde que havia saído do albergue, ausente nas horas mais críticas, mas ele havia conseguido se safar sozinho da polícia e talvez de problemas maiores caso fosse capturado. É a primeira vez que pisava no Bronx, conhecia sua fama, algum tempo lidando com as pessoas nas ruas dava uma ideia de como se comportar se quisesse respirar mais um dia.

    Sabia que as ruas pela manhã tinham uma face totalmente da noite, feirinhas com várias barracas ao ar livre, podia ver alguns turistas tirando foto na escadaria em que filmaram o filme Coringa, mas não tinha tempo para isso. Ainda não havia almoçado e sua barriga roncava, muitos hispânicos e negros pelas ruas, pareciam ser a maioria pela região, alguns olhando encaravam para Damian, provavelmente membros de alguma gangue que simplesmente eram ignorados.

    Damian era determinado em seu âmago e um sobrevivente por prática, adaptar e sobreviver era seu lema.

    skwalker
    Neófito
    skwalker
    Neófito

    Mensagens : 26
    Reputação : 0

    Damian [skwalker] Empty Re: Damian [skwalker]

    Mensagem por skwalker em Seg Fev 17, 2020 6:51 pm


    "Hoje ela senta no quarto vazio dos filhos, desejando ter coragem de finalmente acabar com a própria vida e aquele desespero... Ela não tem... Não é lindo?"

    BELEZA NA SARJETA


    Damian [skwalker] A6k2TDj


    Continuava andando, ia deixando seu olhar se acalmar sobre tudo em sua volta, via ali como um lugar para si, pelo menos por enquanto. Não se intimidava com os olhares estranhos e tortos para si, continuava e até devolvia alguns. Que eles vissem seu rosto.

    A barriga roncando e a possibilidade de se esgueirar bairro à dentro, o fez começar a procurar mantimentos em lixeiras ou quaisquer cantos. Tentava fazer tudo o mais silencioso possível, aquela última atenção que conseguiu com o velho havia deixado ele com um pé atrás.

    Políciais amavam matar pretos. Sorriu, ao lembrar de como correu e se livrou tão bem daqueles desgraçados,  sem ajuda de ninguém a não ser ele mesmo... e Boris?  Onde estaria ele? Tentava se concentrar em Boris durante suas buscas, ele podia ajudar.

    Parou, e olhou em volta por um momento. Estava ali. Vivo. No BronX. Um lugar que como o próprio corpo dele, havia sido deixado de lado e jogado ao nada. Ao urbanismo e capitalismo mortal.


    Conteúdo patrocinado


    Damian [skwalker] Empty Re: Damian [skwalker]

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Qua Set 30, 2020 3:08 am