Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    Em Ĵevurá

    Srta. Moon
    Antediluviano
    Srta. Moon
    Antediluviano

    Mensagens : 4687
    Reputação : 45
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Em Ĵevurá - Página 12 Empty Re: Em Ĵevurá

    Mensagem por Srta. Moon em Sex Set 04, 2020 11:07 am

    A alegria só pode brotar quando arrancamos as tripas de alguém, pois não somos iguais!
    Aquilo já estavá ficando chato, queria apenas matar os anjos e disseca-los mais tarde para ver como funcionava sua estrutura física, ficou onde estava e novamente reforçou seu ultimo comentário ao demônio.
    -Eles vão sentir nossa presença, a plana vai nos entregar basta concentração para fazer isso...provavelmente são treinados em caçar...
    Observou para onde os demais estavam indo, mas permaneceu com o demônio que ajudou ela na luta.


    OFF: vamos ficar parados aqui, vamos matar logo os anjos quero abrir um para ver como ele é por dentro >.<



    template roubado
    DariusNovadek
    Cavaleiro Jedi
    DariusNovadek
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 266
    Reputação : 4

    Em Ĵevurá - Página 12 Empty Re: Em Ĵevurá

    Mensagem por DariusNovadek em Sex Set 04, 2020 12:09 pm

    Kate vê que Mortalha estava com sede de combate, nisso as duas se pareciam, mas não muito naquele momento.. Estava conseguindo controlar muito bem sua impulsividade naquele momento.

    - Se formos realmente atacar, o que não acho que seria uma boa ideia, temos que esperar pelo menos os anjos descerem, se tentarmos surpreende-los, só você e Nadhull conseguiria fazer isso, eu e o Ka só olharíamos de longe.. Até chegarmos até vocês, teria demorado demais..
    Srta. Moon
    Antediluviano
    Srta. Moon
    Antediluviano

    Mensagens : 4687
    Reputação : 45
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Em Ĵevurá - Página 12 Empty Re: Em Ĵevurá

    Mensagem por Srta. Moon em Sex Set 04, 2020 4:51 pm

    Ficar parada feito estatua!
    levantava os braços desistindo de argumentar ficaria ali esperando pela reação dos outros.
    -Tudo bem, tanto faz eles vão nós encontrar, basta ele procurar algum resíduo de plana negra, é questão de tempo, me pergunto o motivo do anjo não ter feito isso logo ao invés de perderem tempo...


    OFF:  >.<



    template roubado
    Leomar
    Adepto da Virtualidade
    Leomar
    Adepto da Virtualidade

    Mensagens : 1692
    Reputação : 28
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh26.png

    Em Ĵevurá - Página 12 Empty Re: Em Ĵevurá

    Mensagem por Leomar em Seg Set 07, 2020 8:50 am

    Em Ĵevurá - Página 12 M1

    A discussão se alongava, e Ka pensava que os demais estavam perdendo o tempo que Azriel conseguiu para os demais. Se continuasse assim, qualquer esforço dela terá sido em vão. Sendo assim ele segue adiante com os animais, e quem quisesse que ficasse para trás. Se os anjos viessem para cima do grupo seria uma coisa, mas ir atrás deles andando era outra totalmente diferente.

    Neste meio-tempo dois anjos se afastam de onde Azriel estava, um foi ver o que diabos aconteceu com os batedores e outro foi ver a encosta ao leste da montanha.




    Traços já indisfarçáveis de ansiedade começavam surgir no rosto de Camaal, ainda assim ele espera Azriel terminar de falar sem interromper, como é costume da etiqueta dos anjos.

    - Estás me dizendo que se perdeste do resto da caravana? Ou és verdadeiramente ingênua, ou entraste em uma caravana realmente incompetente, ou então estás a abusar de nossa inteligência!

    Mesmo que acredites capaz da missão que lhe foi confiada, o fato de estar aqui é prova que no mínimo é imprudente. Mas se sua função é relatar, facilitarei sua missão, e poderás voltar agora mesmo:

    Diga a seu orientador que uma grande concentração de mana negra pode ser sentida no deserto, bem perto de Heséd, que a anomalia se estende por quilômetros, mas que o epicentro não foi ainda descoberto, pois a anomalia está vindo de baixo do solo.

    Pelo que tudo indica, seguidores malditos de Ades ou Piro, provavelmente ambos, criaram portais planares para trazerem as bestas dos Infernos para este plano.

    Grupos de Guardiões foram designados para conter esta abominação e levar os hereges à justiça. Há dias caçamos todo tipo de besta demoníaca que consegue fugir do perímetro e se esconder no deserto. O número é cada vez maior, o que confirma que estão usando portais. Tivemos inclusive de fazer aliança com o exército de Gaja, que está ajudando caçar estes demônios, enquanto os Guardiães mais experientes buscam encontrar o epicentro da anomalia.

    As rotas mais comuns entre as cidades ainda estão seguras, por estarem mais ao norte. Por sinal você deveria estar seguindo por lá, e não aqui.

    Não conseguirá informações mais precisas do que as que acabo de lhe dar, portanto podes voltar e relatar o que passei. Estamos também vigiando as passagens mais comuns para que caravanas incompetentes não sirvam de comida para estas bestas, ou pior: que não sejam inconsequentemente atraídas pelos hereges responsáveis pelo desastre afim de aumentar o erro deles.

    E como deve ter percebido, uma de nossas patrulhas avistou uma destas caravanas incompetentes. Seria possível ser a sua? Está andando com outros anjos ou estava com uma equipe de humanos e centauros?


    Enquanto o guardião explicava, dois outros tinham ido patrulhar mais longe. Não demora muito após ele ter explicado a situação e um novo alerta é disparado.

    - Não estamos realmente seguros. Pelo que vejo teremos que lhe escoltar até descobrir o que aconteceu com nossos batedores. Por favor, siga naquela direção, cuidaremos da retaguarda.

    A instrução pode ser compreendida tanto como proteção quanto ameaça, mas fica claro que não é apenas um pedido.
    Srta. Moon
    Antediluviano
    Srta. Moon
    Antediluviano

    Mensagens : 4687
    Reputação : 45
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Em Ĵevurá - Página 12 Empty Re: Em Ĵevurá

    Mensagem por Srta. Moon em Seg Set 07, 2020 11:17 am

    Ficar parada feito estatua!
    Esperou para ver oq ue fariam, logo estaria fugindo com os demais se todos concordasem com a alternativa de fugir.


    OFF:  >.<



    template roubado
    Pikapool
    Troubleshooter
    Pikapool
    Troubleshooter

    Mensagens : 781
    Reputação : 35

    Em Ĵevurá - Página 12 Empty Re: Em Ĵevurá

    Mensagem por Pikapool em Seg Set 07, 2020 3:05 pm

    A alegria só pode brotar de entre as pessoas que se sentem iguais!
    O certo incomodo que gerava em Camaal fazia-me crer que algo de correto eu estava fazendo ou, e mais provável, muito estupido. Assim que o anjo começou a compartilhar suas informações, eu levei a mão a bolsa e peguei o meu diário para poder anotar tudo. Ouvi atentamente e escrevi cada palavra.

    Tudo ocorria bem, pelo menos até Camaal citar uma caravana. Concei a cabeça sem graça antes de responder:

    - Bem possível, bem possível. Pelo menos não terei que procura-los mais. - Realmente sentia-me envergonhada. Afinal, acabava por concordar com  Camaal. Estava tentando ganhar tempo e eles já haviam sido descobertos. Mesmo assim prossegui respondendo o anjo. - Eu em uma equipe de anjos? Quem me dera... Até ver vocês por aqui, acreditava ser a única anjo na região. - Levei a mão a boca e murmurei em um tom alto o suficiente para que Camaal ouvisse. - E pensar que fiquei feliz em vê-los.

    Olhei com desdém para Camaal, O Instruído enquanto guardava meu diário de volta na bolsa e então apenas acatei as ordens e segui pelo pelo caminho indicado.
    Dycleal
    Semi-Deus
    Dycleal
    Semi-Deus

    Mensagens : 7289
    Reputação : 151
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png

    Em Ĵevurá - Página 12 Empty Re: Em Ĵevurá

    Mensagem por Dycleal em Seg Set 07, 2020 3:45 pm

    Nadhull observar dois dos quatro guardiões se afastarem e diz para os companheiros: - Eles estão se separando, dois ficaram com nossa amiga e dois se afastaram para patrulhar, acho que o Ka e a Kate podem se afastar em direção contraria e levar os animais, Mortalha lhes dará cobertura de mana negra e eu ficarei aqui para dar cobertura a fuga de todos... Logo me juntarei a vocês se os dois desgarrados não vierem para cá... Vão.
    DariusNovadek
    Cavaleiro Jedi
    DariusNovadek
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 266
    Reputação : 4

    Em Ĵevurá - Página 12 Empty Re: Em Ĵevurá

    Mensagem por DariusNovadek em Ter Set 08, 2020 9:59 am

    Kate apenas concorda com a sugestão de Nadhull e segue com Ka para fugir.
    Leomar
    Adepto da Virtualidade
    Leomar
    Adepto da Virtualidade

    Mensagens : 1692
    Reputação : 28
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh26.png

    Em Ĵevurá - Página 12 Empty Re: Em Ĵevurá

    Mensagem por Leomar em Ter Set 15, 2020 5:13 pm

    O anjo que tinha se separado do grupo começa rondar ao sul, no mesmo caminho que vocês faziam antes. Sem muita dificuldades ele encontra a mesma entrada da caverna que vocês tinham achado antes. Vocês tem uma vantagem a frente dele, ele voa devagar pois está analisando o local.

    As opções vão ficando restritas.

    Quem quiser ir para cima do anjo solitário, role furtividade. Como nenhum de vocês tem Furtividade, o teste é com alvo-4. O Christiano pode jogar com alvo-2 porque tem Sobrevivência.


    Quem quiser continuar fugindo, role Corrida, novamente é só o Ka que tem a perícia, então o resto de vocês rola contra a força.


    Há algo mais que podem tentar fazer para desviar? Bem, o Nadhull possui magio do ar, pode tentar fazer uma nuvem de poeira com a areia do deserto.
    O Ka possui ar e terra, e como eu disse lá atrás, ele desperdiçou uma rolagem muito boa de magia que eu consideraria depois, sendo assim posso dar modificadores agora se quiser usar magia. Com ar, pode tentar nuvem de poeira como sugerido antes, com terra é mais arriscado, mas pode tentar criar um tipo de onda mágica correndo pelo solo e refletindo lá na frente, daria um efeito tipo você jogar uma pedra numa direção que quer que o outro olhe para distrair.
    Como saiu bem na rolagem anterior, nesta você pode fazer duas rolagens com 1D12, se tirar 7 ou mais em um dado é um acerto meia-boca, se tirar 7 ou mais nos dois é um acerto melhorzinho.


    Os demais elementos não daria pra fazer algo discreto.


    Basicamente não tem mais nada que dá pra fazer, a menos que alguém tenha uma ideia de gênio. (Eu tava pronto para caçar vocês ou duelar, mas o Pikapool quebrou minhas pernas)
    Em Ĵevurá - Página 12 119231722_3336241396419168_9210061295366833982_n.jpg?_nc_cat=107&_nc_sid=9267fe&_nc_ohc=9ngCnDxT-S0AX_kN8qm&_nc_ht=scontent.fudi2-1




    Azriel chega onde os batedores se encontram mortos. A fêmea do grupo fala com Camaal, que pelo jeito era mesmo o líder do grupo, provavelmente por ser o mais velho, ou algo ligado à alcunha de O Instruído:

    - Acabaram de ser mortos, e usaram magia negra pesada contra Yogotê.

    Camaal dá aquela olhada como quem vai fazer uma pergunta inconveniente.

    - Muito coincidência a senhorita perder o resto de sua companhia justo neste lugar remoto quando algo assim acontece. Não creio que um dos nossos irmãos ousaria andar com os malditos seguidores de Ades; Mas tenho que perguntar: por acaso algum de seus companheiros tinha ou poderia ter poderes de magia negra? E não sabes mesmo onde eles estão?

    - Hanät! Não a sinais de cordas, fora as que estavam com nossos batedores!

    Camaal pensa e diz a Azriel:

    - Caso sua equipe não seja responsável por estas mortes, O que quer que tenha matado estes soldados humanos, está por perto, caçando e pode ser que eles achem seus amigos, se nós não acharmos primeiro!
    Dycleal
    Semi-Deus
    Dycleal
    Semi-Deus

    Mensagens : 7289
    Reputação : 151
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png

    Em Ĵevurá - Página 12 Empty Re: Em Ĵevurá

    Mensagem por Dycleal em Ter Set 15, 2020 9:05 pm

    Nadhull vê ao longe o anjo guardião observando a entrada da caverna, ele está lento perscrutando o local calmamente e seria uma boa oportunidade para usar a sua magia branca e fazer um vento em redemoinho e fazer uma pequena nuvem de poeira, que daria o tempo necessário para o grupo avançar em segurança e com sorte, a areia entrar nos olhos do anjo e ele ficar perdido por um bom tempo. E faz a magia em ondas crescente e mexe os braços de forma a fazer um espiral que levantara a nuvem de areia no anjo, fazendo-a parece um fenômeno natural do deserto.
    Pikapool
    Troubleshooter
    Pikapool
    Troubleshooter

    Mensagens : 781
    Reputação : 35

    Em Ĵevurá - Página 12 Empty Re: Em Ĵevurá

    Mensagem por Pikapool em Qua Set 16, 2020 10:55 pm

    A alegria só pode brotar de entre as pessoas que se sentem iguais!
    Assim que ouvi as palavras da guardiã, quase de imediato já sabia que Camaal iria incomodar-me mais uma vez. E ao olhar para ele via que realmente estava certa.

    - O alquimista que estava comigo dominava tanto a magia branca como a magia negra. - Estremeci ao falar e quase de imediato lembrar da magia que Nadhull havia usado sobre mim. - Mais uma vez Hanät Camaal. Eu não sei onde eles estão. Sei que não acredita em mim, mas realmente não sei onde estão.

    Felizmente a guardiã mais uma vez pronunciava-se e chamava a atenção de Camaal. Infelizmente ele parecia não querer dar-me uma folga.

    - O ferreiro que nos guiava era experiente e possivelmente ele saberá evitar os perigos que os cercam. - Disse ao encarar Camaal. Aquele comportamento nada amistoso estava deixando-me irritada.
    DariusNovadek
    Cavaleiro Jedi
    DariusNovadek
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 266
    Reputação : 4

    Em Ĵevurá - Página 12 Empty Re: Em Ĵevurá

    Mensagem por DariusNovadek em Qui Set 17, 2020 9:07 am

    Nadhull tem uma ótima ideia que consegue arrumar mais uma possibilidade do grupo fugir. Kate ja estava preparada para combate quando isso aconteceu, ao ver que deu certo, apenas fez um movimento com a cabeça, para elogiar Nadhull de forma silenciosa, e já voltou a andar para o mais longe possível.
    Leomar
    Adepto da Virtualidade
    Leomar
    Adepto da Virtualidade

    Mensagens : 1692
    Reputação : 28
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh26.png

    Em Ĵevurá - Página 12 Empty Re: Em Ĵevurá

    Mensagem por Leomar em Sab Set 19, 2020 6:33 pm

    algumas observações off sobre magia no sistema: escreveu:
    Aproveitando que a Azriel falou do alquimista e deu com a língua no dentes que ele domina magia branca e negra, vou pontuar algumas curiosidades do cenário sobre magia. Isto não afeta nada o sistema, só o cenário mesmo, então quem quiser pode pular esta parte.

    Na outra aventura coloquei várias destas curiosidades, em especial sobre magia negra e branca. A magia não segue regras exatas e para os especialistas em pelo menos 10% das vezes de tudo que envolve magia, algo acontecerá fora da "lógica" da própria magia.

    Porém há pelo menos três regras que nunca foram quebradas:

    - Anjos são incapazes de dominar magia negra

    - Demônios são incapazes de dominar magia branca

    - NINGUÉM é capaz de dominar magia negra e branca ao mesmo tempo

    E na outra aventura tínhamos dois personagens que quebravam esta regra. O pior que ao invés de serem discretos eles vira e meche "borboletavam" sobre suas capacidades, e no fim comecei colocar alguém atrás deles toda vez que alguém descobria sobre isto, afinal qualquer coisa que quebra regras principais de um universo chama atenção. Então é hora de usar isto contra Azriel também uahuhauhuaaauuha (risada maligna).

    Alguns pontos gerais sobre dominação na história:

    A dominação sempre esteve ligada aos deuses, embora não exclusivamente (afinal você pode dominar elementos de deuses que não segue), sendo assim, antes dos nascimentos dos deuses-filhos, a maioria esmagadora de todos que tinham dom eram ou de magia da água ou do ar, e a maioria eram fêmeas. A magia negra era quase exclusividade de demônios e quando um(a) humano(a) passava ter o dom da magia negra ele(a) fatalmente estava tendo alguma ajuda de demônios. Dominadores de fogo ou terra eram raríssimos. Também eram raríssimos casos em que uma maga conseguia dominar magia branca e azul ao mesmo tempo, deve ter existido apenas uma meia-dúzia de magas com esta capacidade em todos os milênios.

    Nesta época anterior aos deuses-filhos, toda pessoa que usava magia negra, de qualquer fonte, era chamado de bruxo ou bruxa, e era uma magia proibida punida quase sempre com a morte.

    Nos dias de hoje os termos técnicos ligados à magia mudaram um pouco:

    Para a grande maioria das pessoas "mago" está ligado a qualquer pessoa que use a magia de qualquer fonte, mas em termos mais técnico só é mago quem consegue usar magia com a mana do próprio corpo e/ou do ambiente a sua volta.

    "Quieto" são pessoas que não despertaram nenhum dom para magia, mas um quieto ainda pode praticar alquimia, extraindo mana de outros seres. Por isto a alquimia é chamada de magia falsa.

    "Feiticeiro" é quem usa a mana de animais, plantas e até minerais (ou seja, alquimia) para fazer poções, ou que só consegue fazer magia através de rituais e encantamentos. Sendo assim algumas pessoas consideram que feiticeiros não são "magos de verdade". Isto não impede que existam feiticeiros muito mais poderosos que magos. Aliás é muito mais fácil ser feiticeiro, pois muito da feitiçaria depende de receitas, e sendo assim até centauros conseguem ser feiticeiros através da alquimia.

    Como Azriel falou que o alquimista dominava magia negra e branca, se Camaal tivesse falhado no teste de psicologia, poderia imaginar que Azriel não era muito inteligente (ou pelo menos precisa no que fala) e que o cara era só um alquimista mesmo, não um mago, portanto não seria algo extraordinário. Mas o alvo dele é muito alto e ele agora desconfia bastante que Azriel acredita que um membro de sua equipe possui DOM de magia negra e de magia branca, ainda que isto seja teoricamente impossível. Mas ele (e o resto dos anjos) ainda acredita que Azriel teve estar andando apenas com humanos, pois para eles um anjo andar com demônios é algo mais bizarro do que algum humano desenvolver dom das magias branca e negra. Mas ainda fica um mistério, pois a anjo do grupo percebeu que aqueles batedores não foram mortos por humanos, por isto ele ter enfatizado antes: "O que quer que matou os batedores, pode ir atrás do seu grupo".

    Nos dias atuais, muitos ainda usam o termo "bruxo" para qualquer um que use magia negra, apesar disto ele perdeu seu sentido original, sendo que é usado atualmente também para:
    1) tratar pejorativamente qualquer usuário de magia, de qualquer elemento, incluindo feiticeiros que teoricamente seriam inferiores a magos de verdade ("você não é um mago que usa magia de verdade, é só um 'bruxo' que usa truques")
    2) tratar pejorativamente qualquer pessoa, mesmo os quietos, devido sua falta de personalidade maligna, falta de honra ou empatia, etc.
    3) usuários de magia de QUALQUER elemento que desenvolveu seu dom com ajuda de um patrono mágico. Estes patronos mais comumente são demônios, daí ainda se associar bruxos a magias das trevas (mesmo se for um demônio lhe dando magia do fogo ou terra) mas especula-se que fadas, celestes e elementais também podem ser patronos. Teoricamente até um mago humano poderoso o bastante poderia destravar o dom de um aprendiz "no tranco". Teoricamente...
    4) usuário de magia de qualquer elemento que atingiu um nível muito alto de poder, considerado a excelência ou quase excelência no elemento. Neste caso o termo bruxo deixa de ser pejorativo e se torna um elogio, e este sentido atualmente é mais usado que o original. Existem inclusive várias mulheres chamadas de bruxas brancas por terem desenvolvido muito poder do elemento ar. Um bruxo ou bruxa neste sentido, desenvolve tanto a mana própria (mago) como as artes da feitiçaria.

    Voltando a curiosidades históricas para depois que os deuses-filhos nasceram: com eles também cresceu exponencialmente o número de magos que passaram despertar o dom da terra e o dom do fogo. Além disto, enquanto antes a magia era algo despertado preferencialmente pelas fêmeas, agora um número maior do machos começam despertar o dom da magia.

    O número de mago duais também passou pouco a pouco de raríssimo para raro à medida que os deuses-filhos amadureciam.

    Magos alvicelestes sempre foram o maior número entre os duais, sua maioria são fêmeas e desenvolvem principalmente a magia de cura.

    Depois surgiram os magos verde-celestes e alvirrubros que até hoje são o segundo maior número de magos duais.

    A magia negra também se desenvolveu mais depois do nascimento dos deuses-filhos, e isto mesmo antes de Piro facilitar o vida dos demônios. Quando Piro considerou os demônios como cidadãos equiparados aos humanos em direitos e deveres, a magia negra cresceu exponencialmente.

    Magos negros possuem maior probabilidade de se tornarem duais que magos de elementos opostos (fogo-água ou ar-terra), sendo que de longe os rubro-negros são os mais numerosos, quase chegando ao mesmo número que magos verde-celestes e alvirrubros, isto principalmente graças à La Cour des Miracles, uma das escolas "preferidinhas" de Piro. Depois vem os celestes-negros, que desde a antiguidade estão mais ligados à feitiçaria do que magia propriamente.

    Os magos verde-negros estão quase empatados em número como magos rubro-celestes e magos alviverdes, mas ainda são levemente mais numerosos. E embora elementos opostos tendem a ser, pelo menos na teoria, mais difícil de se conjurar, os magos rubro-verdes são ainda menos numerosos que os rubro-celestes e alviverdes, o que mais uma vez mostra influência dos deuses no despertar dos dons mágicos, como Tamuz e Piro não se dão muito bem, seus elementos parecem não se dar bem também.

    Magos trino são ainda mais raros do que magos duais, e magos que controlem todos os quatro (ou cinco) elementos não passam de lendas. Estes magos trino tendem a desenvolver dois elementos e o terceiro é sempre subdesenvolvido. Mas mesmo entre magos trinos uma coisa é certa: NINGUÉM consegue despertar o dom negro depois de ter despertado o branco e vice-versa.

    Há cerca de oitenta ou setenta anos atrás, quando as guerras que estão vivendo hoje estavam no auge, houve em toda Akaŝa um crescimento vertiginoso de magia de todos os elementos. Os magos começaram a ficar muito mais poderosos, o dom, que normalmente é despertado entre os onze e vinte anos começou a aparecer em crianças de seis, sete anos e em humanos de até quarenta anos. Alguns que só conseguiam usar feitiçaria começaram desenvolver a magia natural também, um número nunca visto de magos duais e trinos apareceu. Com isto os magos passaram a controlar os rumos das guerras. Alguns magos se tornaram grandes tiranos, e alguns foram adorados como se fossem deuses.

    Ainda assim nenhum mago negro conseguiu desenvolver magia branca, e vice-versa.

    Da mesma forma que esta era dos magos surgiu, depois de vinte anos este poder mágico simplesmente sumiu do mundo. Não importava a quanto um mago tinha se tornado forte antes, seus poderes foram reduzindo até sumir. Nem a alquimia funcionava como antes. E novamente as guerras tomaram novos rumos, muitos dos quietos que foram massacrados pelos magos agora se levantavam contra os antigo tiranos.

    Desde então a magia foi, pouco a pouco, voltando para níveis normais, que é o que temos hoje, se é que para magia existe algo que possa se classificar como "normal".

    A tendência de Camaal é acreditar que Azriel falava da capacidade de usar poções mágicas de mana negra ou branca que não seria muito difícil para um alquimista, um erro de linguagem que um humano cometeria facilmente (boa parte dos anjos acredita que os anjos são mais inteligentes que os humanos, o que não deixa de ser verdadeiro e nem é muito difícil), mas analisando a anjo, ele tem a impressão de que Azriel era menos ingênua do que parecia.

    Ele até parecia (e para ver isto não precisava ser muito inteligente) ter um real desejo de que Azriel estivesse envolvida na morte dos batedores, assim poderia julga-la e depois ir atrás de sua equipe. Se fosse um trabalho de humanos, poderiam ser humanos da equipe dela, e ela poderia ser julgada mesmo não tendo sido ela a matar os batedores (e depois iriam em busca dos outros).

    O problema é que era muito difícil eles terem sido mortos por humanos, pois os batedores tinham uma vantagem de terreno enorme. Ninguém ESCALOU ali, portanto algo que voasse e usasse magia negra TINHA que ser um demônio. Outra opção remota seria um humano montado em algo ou alguma coisa que voasse. Haviam pouquissimas criaturas aladas em Akaŝa fortes o bastante para carregarem humanos, e as máquinas voadoras feitas em Fajr-Regno também não eram fáceis de serem vistas por ai. Mesmo se alguém subisse ali num balão, os batedores teriam mais facilidade de acertar os inimigos do que o contrário.

    Como Azriel não possuía magia negra detectável no corpo, também não poderia ser um demônio disfarçado de anjo por alguma ilusão poderosa, ela tinha que ser uma anjo verdadeira. Sendo assim não era provável que fosse a equipe dela responsável por aqueles ataques, ainda que parecesse ter algo suspeito ali.

    - Como assim "domina tanto a magia negra quanto a magia branca"? Por acaso Hanät Azriel afirma que ele é capaz de dominar as manas brancas e negras ao mesmo tempo? Isto nunca foi conseguido por humano nenhum, e se você viu um humano REALMENTE dominando as duas magias, então eu quero pessoalmente informar tal feito na Sagrada Montanha*!

    * Sagrada Montanha é a capital de Ajros, as coisas e pessoas mais importantes para a Sagrada Conduta ficam lá: os arcanjos mais poderosos e influentes, os sacerdotes mais devotos, a principal biblioteca do mundo, etc.

    Camaal, O Instruído dá um suspiro profundo e com a voz mais polida do mundo responde:

    - A Senhorita pode não saber onde sua equipe está, mas não acha que devemos procurá-los para protegê-los? Quem matou nossos batedores está agindo junto de demônios. O seu grupo está preparado para lidar com demônios? Vocês estão preparados para matar demônios? Pois estes homens estavam, e mesmo assim foram mortos!

    Apesar de desconfiar de algo, a preocupação de proteger um possível grupo de humanos contra demônios era verdadeira. Seria o protocolo, mesmo se o anjo não tivesse realmente com desejo de ajudar. De qualquer forma o raciocínio de qualquer Guardião era pragmático numa situação desta: se há demônios perto, eles têm de ser caçados, e qualquer inimigo do inimigo passa ser automaticamente considerado aliado no momento.

    Ele dá ordem para outro anjo (o da lança) ir procurar pistas na trilha principal que ficava a oeste, já que outro já tinha ido para o sul. Ficavam juntos de Azriel só Camaal e a fêmea do grupo dele.

    - Hanät Ruisît, é possível rastrear a fonte de magia negra?

    * Ruisît podia ser um nome incomum para quem falava Esperando, mas em Yrdok era o nome de uma pedra esverdeada. A ruisît não era famosa como esmeralda ou jaspe, mas era uma gema rara. Provavelmente o nome foi homenagem aos olhos claros da anjo. Não que isto faça alguma diferença, é só uma curiosidade.

    - Difícil, quem fez isto gastou tempo para profanar o corpo, mas abandonou a ligação pouco depois, provavelmente com medo que o reforço chegasse logo. Não faz sentido nenhum! O que estes malditos tem na mente? Parece... que colocaram algo dentro do corpo dele...

    - Verifique!

    - Que Anĝelina me perdoe este ato, mas é uma profanação contra outra profanação!

    Ela começa abrir a garganta do cadáver, no lugar onde sente um objeto infundido com magia negra.




    O anjo que estava perto da caverna vê o redemoinho de areia se formando e voa para a fenda no platô de cima. Aparentemente ele não suspeita que o redemoinho tenha influência de magia, pois não é algo incomum de se ver no deserto, e além disto, se fosse estar buscando traços de magia, ele provavelmente estaria esperando encontrar traços de magia negra.

    Como a fenda era um lugar tão bom como a caverna para alguém se esconder, o anjo analisa ela primeiro, em busca de possíveis vestígios de que alguém esteve ou está por ali.

    Outro anjo do grupo se separa, indo para oeste, na estrada principal, felizmente vocês estão a uma montanha de distância. Agora só dois estão com Azriel, um macho e uma fêmea.

    Vocês estão com vantagem, se todos (ou quase todos) concordarem em seguir, deixando Azriel se virar sozinha, vão pegar uma distância boa dos anjos, e é bem provável que não encontrem outros problemas tão cedo.

    A noite de vocês será breve, FISICAMENTE breve pois os dois sóis só se porão completamente por poucas horas. Como se ajeitarão no deserto? Preferem acampar e dormir rapidamente no deserto mesmo, aproveitando as poucas horas de escuridão, com isto preservando um pouco de energia, ou preferem forçar o ritmo e chegar na próxima vila, embora isto fará chegarem exaustos?

    A Mortalha provavelmente estará mais pré-disposta à primeira alternativa, já que algumas horas de descanso podem ajudar o corpo dela lidar com o zirve na perna, mas se quiser ir montada num camelo, pode arriscar a segunda opção. Como ser alado provavelmente ela não gosta de ir montada em outras coisas, mas é uma opção.

    De qualquer forma, façam todos um teste de Vitalidade que é pra ver como lidarão com o cansaço. Vocês ainda não estão com sono, mas certamente ficarão antes da próxima vila.
    Pikapool
    Troubleshooter
    Pikapool
    Troubleshooter

    Mensagens : 781
    Reputação : 35

    Em Ĵevurá - Página 12 Empty Re: Em Ĵevurá

    Mensagem por Pikapool em Dom Set 20, 2020 4:18 am

    A alegria só pode brotar de entre as pessoas que se sentem iguais!
    - Isso mesmo que você ouviu Hanät Camaal. Fique a vontade para relatar isso na Sagrada Montanha. - Respiro profundamente deixando meus ombros caírem e descontraindo todos os músculos. Pois, já estava cansada de ficar ali vendo o "instruído" bancando o macho alfa ainda mais sentido o anseio que tinha por minha cabeça.

    Sentia meus olhos pesarem e tudo que desejava era poder descansar. Mas, novamente o guardião dirigia-me seus questionamentos.

    - Era o que eu queria fazer. Mas, alguém não me permitiu. - Esfrego os olhos antes de prosseguir. - Até onde sei, eles já são experientes. Então, sim. Eles devem estar preparados para qualquer ameaça. E não sei eles, mas eu não vim matar para ninguém. Estou nessa jornada para expandir meus conhecimentos. - Mais uma vez encarei o guardião. - Interessante, Hanät Camaal. Logo após ouvir sobre a peculiaridade de meu companheiro o senhor desejar encontrá-los para oferecer proteção. Pudia jurar que até instantes atras o senhor desejava a cabeça deles... - Sem ânimos para prosseguir alfinetando o mesmo apenas suspirei e abaixei a cabeça para evitar um confronto.

    Sonolenta fiquei apenas ouvindo a conversa de ambos.

    - Ruisît?! Distinto e bonito. - Murmurei ao olhar para Ruisît.

    Voltei minha atenção para observar o que Ruisît estava a fazer e no mesmo momento arrependi-me de tal ato. Ao vê-la retirar um objeto infundido com magia negra da garganta do cadáver, levei as mãos a boca e enjoada virei-me quase que instantaneamente para o outro lado. Sentia meu corpo fraquejar. Não estava acostumada com tais situações.
    Christiano Keller
    Sacerdote de Cthulhu
    Christiano Keller
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2720
    Reputação : 128
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Em Ĵevurá - Página 12 Empty Re: Em Ĵevurá

    Mensagem por Christiano Keller em Ter Set 22, 2020 1:35 am

    Ka,

           Avançavam como poderiam para longe da caverna, mas ao perceber Nadhull tentando uma magia, Ka faz outra. Uma tentativa de fazer um barulho de pedra caindo na caverna poderia ecoar e indicar que alguém, ou alguma coisa, estava escondida na caverna. A pedra poderia ser uma mera consequência do vento, mas a ideia era distrair portanto aquilo poderia servir. A magia de terra era algo ainda diferente de se imaginar para Ka. O metal que tinha em mente era sempre oriundo do calor e da união, já essa pedra era algo que deveria se separar ou afastar-se para fazer barulho. Ka se vira na direção da caverna por um momento para preparar a magia.
           A magia de lançar a pedra começa na mente de Ka. Primeiro respira fundo e exala devagar pensando na distância, buscando o local. Ao respirar tinha que pensar no chão ao seu redor até chegar na caverna. Uma pedra qualquer não faz barulho se atingir areia fofa. Talvez uma pequena pedra do teto da caverna possa se separar e cair na direção do solo para ter mais chance de fazer o som, então a concentração busca a parte superior. A mão de Ka se estende na direção da caverna para direcionar seus pensamentos como em um alvo. Aos poucos o teto da caverna aparece na mente de Ka que escolhe um ponto para tentar soltar uma pequena pedra. Tinha que ser grande o suficiente para fazer barulho, mas pequena para não derrubar o local. Ao encontrar um tipo de estalactite, a mão de Ka se fecha como se segurasse a pedra para fazer força para baixo. Bastava ordenar que ela caia, mas aquilo era difícil. De uma forma inconclusiva Ka pensa que conseguiu fazer a magia, mas não tem certeza. A sorte estava lançada e apenas lhe restava esperar.
           Com os animais andando, Ka apenas acelera um pouco o passo para seguir até a ponta novamente. Pelo caminho Ka observa Mortalha, ela precisava remover a flecha, esconder o ferimento e descansar.
           - Mortalha, acha que consegue tratar esse ferimento sentada num animal? Podemos fazer uma parada para descansar antes da próxima vila. Ka olha para Kate também e diz mas sem esperar resposta: Kate, acha que Azriel terá sorte com eles? Precisamos aprender algo para combate a distância, não acha? Ka pensou em possibilidades, mas eram apenas possibilidades.
           O calor do deserto ou a magia foram fortes, Ka então bebe um pouco de seu chá. Tinha que controlar o consumo de sua bebida pois havia pouca água na região. Ao menos o chá poderia disfarçar o suporto gosto da água. Suposto pois Ka nunca a tomou diretamente, mas pelas condições que via as pessoas, um sabor diferenciado parecia uma bela pedida. Tudo que pensava era em um pequeno momento de descanso quando a escuridão chegar.
    DariusNovadek
    Cavaleiro Jedi
    DariusNovadek
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 266
    Reputação : 4

    Em Ĵevurá - Página 12 Empty Re: Em Ĵevurá

    Mensagem por DariusNovadek em Ter Set 22, 2020 11:34 am

    Seus companheiros conseguem usar magias que facilitaram a fuga de todos. Kate então segue com eles para o deserto, fugindo dos anjos. Após um momento andando, Ka quebrou o silencio:

    Ka escreveu:- Mortalha, acha que consegue tratar esse ferimento sentada num animal? Podemos fazer uma parada para descansar antes da próxima vila. Ka olha para Kate também e diz mas sem esperar resposta: Kate, acha que Azriel terá sorte com eles? Precisamos aprender algo para combate a distância, não acha?

    - Ela terá sim, não sei como ela tava se virando em Jevura, no meio dos demônios, ou se todos os anjos são assim, mas ela ainda é uma anjinha educadinha, teria problemas apenas se os anjos nos achassem, como não acharam, provavelmente logo vão dispensa-la.

    ..

    - Por falar nela, acho que podemos parar logo, se não ficaremos muito longe dela, ai que ela não nos acha mais. E realmente, mortalha precisa descansar por causa do ferimento. Podemos fazer uma vigília durante a noite, Ka e Nadhull, e deixemos Mortalha dormir, para se recuperar melhor do ferimento.


    Depois chegou perto de Ka, para responder sua pergunta sobre ataques a distância.

    - Então, uma vez lancei uma bola de fogo enorme em alguém que estava longe, deu certo, mas realmente preciso treinar mais..
    Dycleal
    Semi-Deus
    Dycleal
    Semi-Deus

    Mensagens : 7289
    Reputação : 151
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png

    Em Ĵevurá - Página 12 Empty Re: Em Ĵevurá

    Mensagem por Dycleal em Ter Set 22, 2020 12:33 pm

    Nadhull ouve os planos ao se aproximar dos companheiros e diz: - Acho melhor descansarmos após a segunda estrela, estou um tanto cansado, a magia nos drena força, mas acho que valeu a pena o esforço...Vamos agilizar para aproveitar a vantagem que ganhamos.
    Leomar
    Adepto da Virtualidade
    Leomar
    Adepto da Virtualidade

    Mensagens : 1692
    Reputação : 28
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh26.png

    Em Ĵevurá - Página 12 Empty Re: Em Ĵevurá

    Mensagem por Leomar Ontem à(s) 10:08 pm

    Já sem muita paciência, Camaal passa não importar mais com a etiqueta angelical, embora não responda gritando, sua resposta é seca:

    - Não sei que aĉa (aĉa é expressão de qualquer porcaria em Esperanto, não tem palavra que diga a mesma coisa em Yrdok, então ele enfiou a expressão de um idioma no outro) estão ensinando para os anjos neste continente, mas só mostra que é mesmo uma terra perdida e que tudo que é tocado pelas doutrinas de Piro se corrompe. Pois saiba, CRIANÇA, que duas coisas são básico do básico para os Guardiães: levar justiça aos culpados e proteger os inocentes, e isto não tem nada a ver com nossos desejos, pois se realmente dependesse do que eu DESEJO, deixaria este continente continuar se separando de Ajros* e anjo nenhum jamais poria os pés aqui! Sendo assim não desejo proteger nenhum grupo cujos membros são, no mínimo inconsequentes, mas esta é minha FUNÇÃO. Se estes batedores não foram mortos por humanos, a menos que eles tivessem montados em dragões, então suponho que os assassinos não vieram do seu grupo, ou por acaso os anjos daqui estão andando junto com os demônios? - No orgulho dele dava para ver que esta possibilidade é impensável. - Mas se diz que vocês estão preparados para lidar com os malditos, isto nos deixa livres para caçar estes demônios sem precisar preocupar com humanos ou crianças. E se está enfadada, então pode ir embora.

    Neste momento Ruiŝit terminava de degolar o cadáver e tirar dele o pequeno símbolo de madeira que Mortalha tinha enfiado na garganta dele, além da magia negra o objeto estava cheio de sangue, enquanto Azriel vira para o outro lado, tentando não devolver o último almoço, escuta a última advertência de Camaal:

    - É bom não esquecer que isto é o que acontece com quem se aproxima demais das trevas!

    Se ele fosse um humano, a frase teria sido tida com sarcasmo, mas anjos não são do tipo bom com sarcasmo, então era só uma advertência mesmo, quase uma ameaça. Ele volta a atenção para Ruiŝit:

    - O que está marcado no objeto?

    - Não parece uma palavra, é apenas um símbolo, uma marca do responsável.

    Eles passam a falar como se não importassem mais com Azriel.

    - Então não ajudará muito para descobrirmos quem é o responsável, a menos que tenhamos sorte de encontrar o responsável, e o símbolo será prova do crime.

    - Creio que sim, Hanät. Mas é provável que o demônio tenha sido atingido antes de ter conseguido matar o humano, estão faltando flechas, e tem sinais de sangue ali...




    Como Mortalha não deve ficar mesmo para ajudar Azriel, estou adiantando o lado da Azriel para não ter que narrar os grupos em tempos separados.

    No turno do resto do grupo é vez da Mortalha, quanto o ferimento, pretende fazer algo ou só colocar uma faixa na ferida e esperar curar sozinha? O Nadhull não pode ajudar, pois a magia branca dele pode reagir com o zirve e dar mais merda, vai tentar ser cobaia dos humanos ou não quer arriscar uma amputação? Não que exista muita coisa inteligente para se fazer, mas sempre tem um ou outro doido com ideias tipo cauterizar ou algo menos drástico como costurar...

    Hélius Blua promove iluminação suficiente para afastarem das montanhas, como não há tanta cobertura, você tem quase certeza que os anjos ainda não conseguiram rastrear vocês, pelo menos não pelo leste ou oeste. Para o grupo de vocês, montar acampamento será algo bem simples, até porque vocês só precisam de um acampamento bem simples mesmo, sendo assim, até a hora que começa esfriar e escurecer vocês não passam por nenhuma dificuldade.
    Dycleal
    Semi-Deus
    Dycleal
    Semi-Deus

    Mensagens : 7289
    Reputação : 151
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png

    Em Ĵevurá - Página 12 Empty Re: Em Ĵevurá

    Mensagem por Dycleal Ontem à(s) 11:05 pm

    OFF:
    Alguma erva de Nadhull ajudaria a Mortalha?
    Pikapool
    Troubleshooter
    Pikapool
    Troubleshooter

    Mensagens : 781
    Reputação : 35

    Em Ĵevurá - Página 12 Empty Re: Em Ĵevurá

    Mensagem por Pikapool Ontem à(s) 11:19 pm

    A alegria só pode brotar de entre as pessoas que se sentem iguais!
    O ego do guardião era frágil e ser confrontado por uma "criança" realmente o irritava. O irritava tanto que o mesmo cansava de mim e por fim liberava-me de toda aquela chatice. Ouvi seu sermão e mesmo sem virar-me assenti com a cabeça e segui voando para o ultimo lugar onde havia estado com o grupo.

    O anjo lanceiro estava próximo, mas procurei manter distancia. Olhei a volta e logo alcei voo. Certamente teria vantagem para encontrar os camelos e lagarto voando alto para poder observar a maior distancia que pudesse.

    Segui em direção a Heséd. Mesmo que não os encontrasse durante o caminho, provavelmente os encontraria lá. No entanto, mantive-me cautelosa e de tempos em tempos dava uma volta a esmo e ate mesmo retornava para checar se não estava sendo seguida.

    Agora era tudo questão de tempo.
    Conteúdo patrocinado


    Em Ĵevurá - Página 12 Empty Re: Em Ĵevurá

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Qui Set 24, 2020 12:24 pm