Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).

Links úteis Anúncios Redes Sociais
31/03 - Novo quadro de anúncios.
31/03 - Mesas com mais de 2 meses SEM postagens serão automaticamente arquivadas.

ATUALIZAÇÃO DO MÊS DE MAIO
Mesas que forem abertas para serem jogadas em outras plataformas
serão excluídas do fórum.

ATUALIZAÇÃO DO MÊS DE JUNHO
A partir de agora somente mestres com mesas ativas no fórum terão o nick laranja
para ficar mais fácil a distinção. Fiquem atentos que em breve teremos
um novo modelo de pedido de mesa!




 

    O Jogo dos Tronos - Felinight

    Sandinus
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo
    Sandinus
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo

    Mensagens : 11962
    Reputação : 94
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/111.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 37 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por Sandinus Qui Ago 04, 2022 10:38 pm

    - Eu só trabalho com couro, meistre! Para fazer roupas, você precisa achar alguém na Rua dos Teares. Ou então procurar a Ordem dos Meistres...

    Asdulfor acena positivamente  respora fundo e logo responde ao homem:

    -Alguns meistres são bem chatos para pedidos... Bem, se você não sabe tentarei assim que der ir na rua dos Teares, por enquanto use as medidas tiradas e prepare uma armadura para meu Gato das Sombras, assim que estiver pronta você pode se dirigir a tenda Fenlinight ou enviar algum recado que venho provar a armadura e fazer seu pagamento. Além disso, mesmo você já estando estabilizado aqui, pode ser que conheça colegas que tenham interesse em começar ou recomeçar, como já falei. Apenas reforçando que repasse a notícia para os seus. Nossas peles são excelentes! Os fenlinights agradecem.

    Com isso, Asdulfor acena e segue seu caminho e após a conversa com a meretriz chega até as irmãs silenciosas, adentrando o local e reconhecendo para sua tristeza o corpo do garoto.

    - Não sabíamos o nome dele e ninguém tinha reclamado o corpo, de modo que ele seria cremado no próximo sétimo dia. Você quer levar esse menino?

    O velho mesitre cerra os olhos e indaga:

    -Era um bom garoto... Quem o trouxe? Tenho interesse em recompensar essa pessoa por sua generosidade de trazer o corpo dele para cá...

    Asdulfor pondera aguardando a resposta e continua:

    -Mas me diga, é comum esse tipo de acidente com os garotos? Conheço garotos de rua de norte a sul de Westeros e até das periferias de Essos... Dificilmente, eles sofreriam um acidente como esse num poço. Por isso, peço a permissão para examinar minuciosamente o corpo desse garoto, mas não tenho interesse em leva-lo. Assim que entender sua morte, vocês poderão crema-lo amanhã... Tenho permissão?

    O velho então seguiu em busca do novo Meistre e após algumas conversas o encontrou e fez seu convite a resposta positiva agradou Asdulfor, mas o velho iria querer fazer mais algumas perguntas:

    -Fico feliz que tenha aceitado, diga-me Meistre Rain, pelas recomendações que tive de você entendo que deve ter recusado alguns convites ou a ordem não o liberou, estou certo? Parece que tive sorte...
    DariusNovadek
    Mestre Jedi
    DariusNovadek
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1001
    Reputação : 16

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 37 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por DariusNovadek Qui Ago 04, 2022 11:11 pm

    Educadamente, Esdres se despede de Sor Tygor, com um sentimento de dever cumprido.

    - Então tens que agradecer ao seu pai. Se ele não me convidasse, eu certamente não teria coragem o suficiente em pedir para ir e nem condições para ir sozinha. - Suspiro desanimada. - Acho que não sou de muita utilidade sem ser para o entretenimento. - Assinto com a cabeça em concordância sobre nossa amizade. Mas logo certa estranheza toma minha face. - Acho que é um pouco de exagero de sua parte, Lorde Esdres. E também acho que se você me tratar como uma irmã, sua irmã de verdade vai nutrir ainda mais rancor sobre minha pessoa. - Sorrio gentilmente e aproximo-me de Esdres. - Era tudo que eu mais queria. - Abraço-o repousando minha cabeça em seu peito. - Obrigada por isso, Esdres. Abraço-o repousando minha cabeça em seu peito. - Obrigada por isso, Esdres. - Fico nas pontas dos pés e dou-lhe um beijo na bochecha próximo a boca. Então sorrio e corro para dentro da tenda.

    Esdres Sorri amigavelmente para a violinista, e responde:

    - Tenha certeza que, se fosse apenas para entretenimento, não seria uma protegida dos Felinight. De entretenimento nessa família, ja basta eu. *Da um sorrisinho com o canto da boca* - E sobre minha irmã, ela nutrirá rancor por você de uma forma ou de outra. Mas uma coisa me diz que não é esse o motivo de não querer ser tratada como minha irmã..

    Quando ela da um beijo próximo a boca e corre para a tenda. Esdres tem um estalo mental.

    Espera ela adentrar na tenda, mas vai até ela e apenas coloca metade de seu corpo para dentro da tenda da violinista.

    - Deste modo, não pareceu uma despedida, mas um convite para adentrar aqui.. Ou foram as horas de prisioneiro que me deixaram vendo coisas irreais?

    ...

    Esdres agradeceu a prontidão de Sor Ruud. E para seu caminho para a arena pediu que além dele, também pediu para Olac e Andy Anx o acompanhar, Além dos irmãos Arrow. Seria bom arqueiros no caso de uma emboscada. Além disso, também teria mais torcida para ele.
    Dycleal
    Wyrm
    Dycleal
    Wyrm

    Mensagens : 9226
    Reputação : 162
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 37 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por Dycleal Dom Ago 07, 2022 12:28 am

    Arthur estava entediado com aquele isolamento forçado, mas em nenhum momento lhe passara pela mente desobedecer seu pai e fica passando o tempo, lendo assuntos correlacionados com o projeto de Inês para quando conversar com ela mostrar que valoriza as suas ideias e que apresentará sugestões de aperfeiçoamento. Ficara animado com a notícia que seu pai lhe dera, que receberia a visita do seu tio, mestre, amigo e instrutor Jason Mallister. Seria uma conversa interessante e dura ao mesmo tempo. Ele cobraria os erros que cometera na luta em que se machucou, porém depois elogiaria os acertos, a melhora na performance que Arthur apresentou e as notícias e novidades do torneio e da politica da capital do reinado.

    Enquanto estava absorvido nestes pensamentos, chega sua irmã Lícia com seu brilho apagado, o chamando de meu senhor e pedindo com excessiva subserviência e isso o incomoda e ele se levanta com cuidado e a abraça. E fala no seu ouvido: - Eu não sou seu senhor, sou seu irmão que lhe ama. E dá um momento de pausa reflexiva e volta a falar, inquirindo-a: - Foi o nosso pai, não foi? Ouça bem, obedece-lo, é fundamental, ele é de uma geração antiga, onde os filhos são peões de um jogo de xadrez, treinados para trazer a glória da nossa casa. Temos que entender que ele foi criado assim e sou um pouco diferente, porque tive o meu tempo de aprendizado em Braavos, que é outro mundo e consegui abrir a minha visão, embora ainda seja um legitimo Felinight. Tenha calma, aja com a razão e não exagere nessa sua tentativa de aparentar submissão. Alguns podem achar que é uma provocação. Apenas aja com moderação e conforme o nosso pai espera. Tentei interceder por você, mas fui podado.

    Olha para a irmã, avaliando a sua reação e continua: - Querida, quanto ao Henry Allafante, eu não sei onde ele está, mas estou certo que meu pai sabe, mas fique um pouco comigo, estava sentindo muito a sua falta aqui e logo deve chegar o nosso tio, meu instrutor Jason Mallister, lembra dele? Mas fique a vontade para me fazer companhia ou ir procurar o senhor Allafante. E se senta, um tanto ofegante.
    Izanami
    Semi-Deus
    Izanami
    Semi-Deus

    Mensagens : 7246
    Reputação : 81
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 37 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por Izanami Dom Ago 07, 2022 12:14 pm

    Posicionou-se da melhor forma possível para ser abraçada, evitando algum esforço extra de seu irmão mover-se.
    -Eu sei. Também amo vocês, isso é para o nosso bem devemos agradar o nosso pai, então é melhor seguir desta forma meu senhor...
    Afastou-se e prestou atenção no que ele falava tinha muita coisa para fazer, muitas tarefas que deveria realizar naquele dia, curvou-se em respeito novamente.
    -Perdoe senhor, mas tenho muita coisa para fazer no acampamento, ver como está os servos e se não foram desviados de suas funções no acampamento, rever a carga horaria e dispersão de serviço dos soldados não quero que estejam cansados para defenderem com eficiência nosso acampamento ou até mesmo nossa partida ... ver os novos membros e servos da casa e designa-los a funções conforme suas habilidades, sem contar que teria que procurar pelo Henry Allafante para me ajudar com a compra de mantimentos para levar em retorno a nossa casa em segurança... São muitos afazeres no qual ficarei livre apenas a noite para lhe fazer companhia senhor. No mais mande lembranças minhas para o Senhor Jason Mallister, queria ter tempo para vê-lo, mas tempo é o que não tenho mais a disposição para desperdiçar... Espero que o senhor descanse, mais tarde vou falar com a Senhorita Inês, rever os detalhes do seu projeto e deixar ela em dia com os acontecimentos em nossos domínios, assim ela terá mais clareza no que pode ou não fazer, devo continuar a servir como um apoio aos senhores como me foi pedido por nosso pai... Se me der licença estou indo, não se preocupe ficarei bem, apenas trate de descansar e curar-se do seu machucado a noite verei uma forma de recuperação rápida e eficiente...
    O Reverenciou novamente e saiu da tenda, não tinha motivos para ficar ali, desperdiçando seu tempo, foi ao encontro dos soldados da casa queria ver como estavam sendo usados e dispersos em sua guarda e folga, começaria corrigindo isso além de perguntar sobre o desaparecido Henry Allafante.



    OFF: Seguir meu caminho ninja, vamos focar nos soldados quero resolver de forma permanente cada situação que está me incomodando no jogo. Claro sempre perguntar sobre o Henry onde este distinto senhor está.  
    Pikapool
    Sacerdote de Cthulhu
    Pikapool
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2707
    Reputação : 74

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 37 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por Pikapool Qui Ago 11, 2022 9:36 pm


       
           
           
       

               

               
    Informações

    • Mote: Sou a última da minha casa, e cabe a mim garantir que seus nomes se tornem lendas!

    • Itens Carregados: Todos meus pertences.

    • Vestimentas: Vestido curto de seda preto, casaco com capuz preto, gargantilha, braçadeira de ouro, pulseiras de ouro e botas altas pretas de couro com salto alto.


           

               

                   

    Sorri ao ver Esdres apontar na entrada da tenda.



    - Você é um bobo, Esdres. Fofo, mas um bobo. - Aproximei-me dele. - Deves ir descansar ou não ira se sagrar campeão do torneio. - Pouso minha mão gentilmente sobre sua face. - Também não quero dar motivos para aborrecer Lorde Beron.



    Encaro-o amavelmente por alguns instantes antes de recuar um passo.



    - Deve ir agora, Esdres. - Aceno em despedida.



    No entanto, mantive-me ali observando o jovem Felinight. E antes que se retirasse totalmente da tenda:



    - Esdres, quando se tornar o campeão, quem sabe não poderá vir a minha tenda reivindicar o premio que tanto queres. - Dou uma piscadela e dou-lhe as costas indo me preparar para dormir.


               

           
    DariusNovadek
    Mestre Jedi
    DariusNovadek
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1001
    Reputação : 16

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 37 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por DariusNovadek Qua Ago 17, 2022 9:55 pm

    - Você é um bobo, Esdres. Fofo, mas um bobo. - Aproximei-me dele. - Deves ir descansar ou não ira se sagrar campeão do torneio. - Pouso minha mão gentilmente sobre sua face. - Também não quero dar motivos para aborrecer Lorde Beron.

    Esdres pega a mão de Maehra que estava em sua face, e beijou as costas da mão.

    - Motivos para aborrecer Lorde Beron é? Não sei se você sabe, mas esse tal de Lorde Beron é também conhecido como meu pai.

    Um sorriso brincalhão permanece um tempo no rosto de Esdres, mas seu charme não foi o suficiente para convencer a jovem violonista. Sua noite se encerrava ali.

    - Esdres, quando se tornar o campeão, quem sabe não poderá vir a minha tenda reivindicar o premio que tanto queres.

    - Hehe, espero que não tenha que ganhar um torneio toda vez que quisermos reivindicar esse premio.. Você é um mistério Senhorita Maehra, alguns jantares atrás quis me dar uma aula de montaria, hoje, quer esperar o fim do torneio.. Enfim.. Só me resta esperar não é mesmo? Boa noite, Querida Maehra

    E saiu da tenda dela, rindo de si mesmo.


    ....



    Na comitiva para o torneio, Esdres pediu para que todos os soldados usassem roupas e armaduras das cores de sua casa, criando uma caminhada rubro negra.
    Claude Speedy
    Semi-Deus
    Claude Speedy
    Semi-Deus

    Mensagens : 5236
    Reputação : 82
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 37 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por Claude Speedy Seg Ago 22, 2022 11:34 am

    Alexyus escreveu:

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 37 Linda_10

    - Aqui está, Gaspar! Quer dizer, a primeira, porque ainda não sei quantas você vai querer. Ah, e Gylen Snow me mandou dizer que um homem chamado Touro de Mimir seria uma boa companhia para beber... mas eu te aconselho a não beber!

    Gylen havia sido bem sucedido em obter informações...
    Não eu...

    Tudo que eu tinha era que o contato do Touro talvez pudesse ajudar no processo que eu buscava de oficializar o domínio da casa sobre as religiões.
    Precisaria ir diretamente até o Touro para descobrir a razão.

    Rapidamente vesti meu manto avermelhado...

    Simbolo do deus do fogo e antes me dirigi até ele, falei com Mary.

    —Avise Lícia que precisarei falar com ela em breve.


    Alexyus
    Antediluviano
    Alexyus
    Antediluviano

    Mensagens : 3348
    Reputação : 182

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 37 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por Alexyus Ter Ago 23, 2022 9:20 pm

    SEXTO DIA DO TORNEIO

    ARTHUR

    O herdeiro Felinight viu sua irmã sair de sua tenda e teve que aguardar.

    A próxima visita que ele recebeu foi Lorde Jason Mallister.

    O senhor de Guardamar não se demorou muito e partiu para assistir as justas.

    Cerca de duas horas após o almoço, Inês Allafante entrou na tenda, olhando para Arthur com uma expressão muito séria.

    - Como você está?


    ASDULFOR

    -Era um bom garoto... Quem o trouxe? Tenho interesse em recompensar essa pessoa por sua generosidade de trazer o corpo dele para cá...

    -  Foi um dos guardas da patrulha, meistre. Ele não esperou, apenas deixou o corpo aqui e foi embora.

    -Mas me diga, é comum esse tipo de acidente com os garotos? Conheço garotos de rua de norte a sul de Westeros e até das periferias de Essos... Dificilmente, eles sofreriam um acidente como esse num poço. Por isso, peço a permissão para examinar minuciosamente o corpo desse garoto, mas não tenho interesse em leva-lo. Assim que entender sua morte, vocês poderão crema-lo amanhã... Tenho permissão?

    - Faça como desejar, meistre. Examine-o aqui, e uma das irmãs silenciosas o auxiliará no que precisar.


    Mais tarde, com Meistre Rain

    -Fico feliz que tenha aceitado, diga-me Meistre Rain, pelas recomendações que tive de você entendo que deve ter recusado alguns convites ou a ordem não o liberou, estou certo? Parece que tive sorte...

    Meistre Rain mostrava-se cético às insinuações de Asdulfor:

    - Na Ordem dos Meistres, não fazemos o que desejamos, meistre Asdulfor, mas o que a ordem assim determina. Se acredita em coisas tais como Sorte, faz jus aos elos de mistério em sua corrente; já eu prefiro assuntos mais concretos e palpáveis.

    Asdulfor sabia que os trâmmites da ida de Meistre Rain envolveriam um pagamento à ordem por parte da casa Felinight, e a autorização para a partida de Rain estaria sujeita aos desígnios dos arquimeistres, mas não parecia haver nenhum motivo para que eles recusassem um pedido razoável... ou havia?


    ESDRES

    Esdres Felinight marchou para a arena de justas escoltado por Sor Ruud, Olac, Andy Anx e pelos gêmos Arrow. Um pequeno batalhão, mas bastante intimidador.

    Os duelos de justas dessa etapa já eram disputados um de cada vez, sem as divisórias para vários cavaleiros simultâneos. Mas Esdres estava tão ansioso pelo combate, e tão ocupado em preparar seu equipamento, que nem sequer deu atenção às demais lutas.

    Quando finalmente foi convocado para seu duelo, Esdres viu quem era seu oponente: Edmure Tully, primeiro e único filho homem de Riverrun, herdeiro do Tridente e futuro senhor das Terras Fluviais. Edmure era de estatura mediana, tinha cabelo rebelde e uma barba curta cheia, ambos na cor ruiva pelos quais os Tully eram famosos.

    Edmure Tully:

    A armadura de Edmure Tully tinha um tom azulado como se estivesse emergindo do fundo do rio, e seu cavalo tinha uma capa vermelha com efeites azuis em forma de ondas.

    O herdeiro Tully acenou com a cabeça para Esdres, fechou a viseira, e aguardou o sinal do intendente.

    Quando houve o sinal, ele disparou com seu cavalo.

    OFF: Pode fazer a ação de ataque e fazer as rolagens. 


    GASPAR

    —Avise Lícia que precisarei falar com ela em breve.

    Mary assentiu para ele e deixou que Gaspar partisse.

    Vestido com sua nova toga vermelha, Melchior caminhava entre as pessoas de uma forma que ele nunca fizera antes. As pessoas o olhavam com assombro, mesmo quando não o reconheciam como um fiel de R´llor. O brillho do tecido vermelho fazia com que ele se destacasse na multidão.

    Saindo do acampamento Felinight, Gaspar tinha agora que decidir onde ele iria procurar o tal Touro de Mimir. Não fazia ideia de quem ele seria, nem Gylen lhe descrevera a fisionomia do homem nem lhe dera qualquer pista maior.

    Onde Gaspar iria procurá-lo?


    GYLEN

    O acampamento estava bem organizado, graças ao comando vigilante de Gylen.

    Mesmo depois de seu pai retornar da Fortaleza Vermelha com seu meio-irmão Esdres resgatado, ele não fez menção de revogar os poderes que outorgara a Gylen.

    Agora o bastardo podia implementar novos ajustes  na rotina ou liberar mais servos para assistirem as justas que Esdres disputaria à tarde.


    LÍCIA

    Quando Lícia saiu da tenda de Arthur, Mary Snow veio falar com ela:

    - Senhorita Lícia! Gaspar Melchior pediu que lhe informasse de que em breve precisará falar com você. Ele saiu logo depois que lhe entreguei o manto vermelho que ele queria.

    O resto do acampamento estava funcionando tranquilamente, sob o comando de Gylen Snow. O bastardo dos Felinight tinha assumido a função e fazia um bom trabalho até o momento.

    Pouco depois do almoço, Inês Allafante chegou ao acampamento e foi direto à tenda de  Arthur, com tanta naturalidade que nem precisou pedir licença a ninguém.


    MAEHRA

    Maehra estava sentada na tribuna reservada aos Felinight quando o Lorde Beron chegou.

    Mas ele não estava sozinho.

    Junto com Beron Felinight, vinha um homem magro, de cabelos louro-prateados e olhos verdes acinzentados; ele tinha uma fenda charmosa no queixo, e seu cheiro trazia um toque sutil de maresia. Era um dos homens mais bonitos que Maehra já vira, e o primeiro que parecia ter herança valyriana como ela.

    - Senhorita Maehra, este é Auranne Waters, o bastardo de Derivamarca.

    Auranne Waters:

    Ele pegou a mão de Maehra num cumprimento e fez menção de beijá-la, mas seus lábios úmidos tocaram as costas da mão dela de um jeito diferente que ela nunca sentira antes. 

    Ele levantou os olhos para o rosto dela com um sorriso matreiro, e disse:

    - Me disseram que você toca bem; é verdade?
    Claude Speedy
    Semi-Deus
    Claude Speedy
    Semi-Deus

    Mensagens : 5236
    Reputação : 82
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 37 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por Claude Speedy Qui Ago 25, 2022 9:52 am

    Apesar de não ter sido dito onde estava o tal Touro ...

    Touro...De...

    Touro de Mitra?

    Era isso?

    Realmente não seria difícil encontrar um homem que gosta de beber em meio a torneios era só ir até a Taverna mais cheia, vestindo as roupas dos clérigos de R´lhor.

    Se o sujeito que tem vínculo com o tal Deus Único que Snow achou era esse, então ele saberia que trajes estou usando, se não era eu partiria das Tavernas até a biblioteca dos Meistres.
    DariusNovadek
    Mestre Jedi
    DariusNovadek
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1001
    Reputação : 16

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 37 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por DariusNovadek Qui Ago 25, 2022 9:43 pm

    Esdres caminhou com seu mini batalhão rubro negro em direção a arena, apesar de intimidador, Esdres também queria que fosse um chamarisco de atenção, onde ele acenava para os plebeus por quem passava.

    Durante as justas, Esdres ficou focado em suas armas e equipamentos, e acabou por não prestar atenção nas demais justas.

    Quando finalmente foi convocado para seu duelo, Esdres viu quem era seu oponente: Edmure Tully, primeiro e único filho homem de Riverrun, herdeiro do Tridente e futuro senhor das Terras Fluviais. Edmure era de estatura mediana, tinha cabelo rebelde e uma barba curta cheia, ambos na cor ruiva pelos quais os Tully eram famosos.

    Esdres ficou animado e assustado ao mesmo tempo com seu oponente. Seria o primeiro oponente de uma casa grande que iria enfrentar, isso significava uma dificuldade maior, mas também um prestígio maior em caso de vitória.

    Ouviu atentamente chamarem seu nome, queria saber se o Lorde mão teria cumprido com seu combinado *OFF: Sim mestre, queria que você narrasse isso kkkk*

    Antes de começar a justa, Esdres, com seu elmo de gato no braço, foi cavalgando perto da arquibancada dos nobres até encontrar Wynafryd Manderly, e com seu ar charmoso, disse a ela:

    - Lady Wynafryd, ficaria muito agraciado se pudesse lutar com seu favor, eu teria a graça de me conceder?

    Após isso voltaria para o seu local, e devolveria o aceno para o Tully, colocaria seu Elmo, e partiria para o ataque, tentando desmonta-lo na primeira investida já.
    Pikapool
    Sacerdote de Cthulhu
    Pikapool
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2707
    Reputação : 74

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 37 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por Pikapool Sab Ago 27, 2022 4:30 pm


       
           
           
       

               

               
    Informações

    • Mote: Sou a última da minha casa, e cabe a mim garantir que seus nomes se tornem lendas!

    • Itens Carregados: Todos meus pertences.

    • Vestimentas: Vestido curto de seda preto, casaco com capuz preto, gargantilha, braçadeira de ouro, pulseiras de ouro e botas altas pretas de couro com salto alto.


           

               

                   

    Era enfadonho aguardar a chegada de Lorde Beron na tribuna. Sem duvidas, eu preferia estar zanzando dentre os plebeus. Lá sim se encontrava o divertimento. Aqui o máximo que eu conseguia era um olhar curioso de pessoas pomposas que deveriam estar se perguntando o que eu fazia por ali.



    Recostei minha cabeça enquanto acariciava meu violino quando notei a aproximação de Lorde Beron e um estranho bonitão. Levantei-me rapidamente.



    - Bom dia, Lorde Beron!  - Disse ao fazer uma mesura.



    Encarei o homem enquanto a palavra "bastardo" ressoava em minha mente. De antemão já havia compreendido a intenção de Lorde Beron. Mas, um bastardo? O que ele poderia trazer de bom para os Felinight?



    Algo nele parecia familiar. Parecia algo ainda recente em minha memória. Perdida em meus pensamentos vi ele segurar minha não e beijá-la. E só diante de suas palavras, eu finalmente esbocei alguma reação e reconheci a familiaridade de seu odor.



    - Dizem que assim que começo a tocar o prazer percorre cada molécula de seu ser, comandante do mar. - Devolvi o sorriso matreiro. O odor de maresia e o fato de estar ao lado de Lorde Beron faziam-me crer em um alto posto marítimo para aquele homem. - Que tal uma amostra de meus talentos? - Questionei levantando uma sobrancelha e já elevando meu violino e arco que empunhava.



    Com o consentimento de Lorde Beron eu iniciava uma palinha.


               

           
    Sandinus
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo
    Sandinus
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo

    Mensagens : 11962
    Reputação : 94
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/111.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 37 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por Sandinus Dom Ago 28, 2022 1:21 pm

    A primeira informaçãos que Asdulfro queria sobre quem trouxe o corpo do garoto é um tanto frustrada, guardas existem aos montes e devido a vestimenta eles poderiam parecer todos iguais. O velho para um pouco pensativo e volta sua atenção para a segunda resposta. A jovem se esquiva e pula direto para a autorização para examinar o garoto. Ele sorri para a jovem.

    -Agradeço a permissão... Mas você não respondeu a primeira pergunta. É comum esses garotos chegarem aqui nestas circunstâncias? Indagava ele quase que despretenciosamente, enquanto retirava os materiais de sua mochila para examinar o garoto.

    Mais para frente já na conversa com Meistre Rain, este foi bem incisivo em sua resposta. Asdulfor apenas acena positivamente.

    -Ah...de fato, dois de meus focos são magia -mostrava a argola de aço valiriano- Mistérios e lendas... Ambos se conectam e muitos desprezam esse meu estudo é por isso que escolhemos você, suas especialidades serão de mais valia para o momento atual dos Fenlinights do que as minhas. Mas me diga, Meistre Rain, sendo você das Ilhas de Ferro deve cultuar o Deus Afogado não? Como especialista em lendas e magia, tenho curiosidade em saber se antigamente e até atualmente existe algum tipo de culto que envolva ocultismo e rituais que possam remeter o resquício da magia antiga na ilha. Sabe de algo?Algum manuscrito, pesquisa ou estudo? Vamos sente-se... Dizia enquanto apontava uma cadeira próxima onde ambos poderiam ficar mais a vontade.
    Sandinus
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo
    Sandinus
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo

    Mensagens : 11962
    Reputação : 94
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/111.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 37 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por Sandinus Seg Ago 29, 2022 7:38 pm

    -Agradeço a permissão... Mas você não respondeu a primeira pergunta. É comum esses garotos chegarem aqui nestas circunstâncias?

    Asdulfor por um momento parece lembrar de algo e da mesmo aforma que indagou a moça ele continuou:

    ...mais uma coisa, vocês também prepararam o corpo do criminoso, o Cavaleiro Raposa? Analisaram o corpo? Chegaram a alguma conlusão acerca de sua morte? Nós meistres comentamos bastante a morte misteriosa desse criminoso, disseram que foi um afogamento no seco? Já ouviu falar de algo assim? Tiveram outros corpos que chegaram aqui nestas circunstâncias? Asdulfor para um pouco e abre um sorriso amistoso.

    -Me desculpe as perguntas, mas como pôde ver -mostrava a corrente de aço valiriano-, eu sou um estudioso dos mistérios e algo assim é de meu interesse... Aliás, pelo bom tratamento no trato do corpo deste garoto, elogiarei vocês ao Lorde Beron Fenlinight e quem sabe consiga alguma ajuda financeira para que vocês façam seu trabalho de modo ainda mais qualificado...

    Encerrava ele fazendo uma leve curvatura com seu corpo para a moça como se estivesse agradecendo as informações, antes de recebe-las.
    Alexyus
    Antediluviano
    Alexyus
    Antediluviano

    Mensagens : 3348
    Reputação : 182

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 37 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por Alexyus Qua Ago 31, 2022 11:15 pm

    SEXTO DIA DO TORNEIO

    GASPAR

    Trajando sua nova toga vermelha, Gaspar vagou para as tavernas que imaginava estarem mais cheias.

    Ainda era manhã, e as ruas apenas começavam a encherem. Melchior vivera anos nas Cidades Livres, e agora já passara mais alguns no Norte dos Felinight, mas Porto Real era diferente de tudo que ele já conhecera. Não era uma cidade antiga e decadente como as de Essos, muito menos ermas e pouco povoadas como Breakstone Hill. A capital de Westeros era superlotada, com até mesmo suas ruas mais largas sendo ocupadas por um mar de gente.

    Nas tavernas, não demorou até que alguém notasse a túnica rubra de Gaspar e lhe perguntasse:

    - Ei, você é um daqueles sacerdotes vermelhos, igual o Thoros de Myr? Não vai ver ele lutar no torneio?

    Com poucos minutos de conversa, Gaspar descobriu tudo que o homem podia informar, o que não era muito: Thoros de Myr era um sacerdote de um tal deus vermelho e chegara a Porto Real vindo de Essos na esperança de converter o Rei Robert à sua fé; a conversão não aconteceu, mas o clérigo beberrão que costumava recobrir sua espada com chamas ganhara o favor do monarca e estabelecera-se na capital em definitivo. E Thoros estava disputando o torneio de justas. 

    ASDULFOR

    As Irmãs Silenciosas


    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 37 Tristan_Denecke_Silent_Sisters


    -Agradeço a permissão... Mas você não respondeu a primeira pergunta. É comum esses garotos chegarem aqui nestas circunstâncias?

    A representante das Irmãs Silenciosas respondeu, de modo quase casual:

    - Muito comum, meistre. Crianças pobres morrem frequentemente na capital, e regularmente temos que velá-los sem saber sequer sseus nomes ou de suas mães.

    ...mais uma coisa, vocês também prepararam o corpo do criminoso, o Cavaleiro Raposa? Analisaram o corpo? Chegaram a alguma conlusão acerca de sua morte? Nós meistres comentamos bastante a morte misteriosa desse criminoso, disseram que foi um afogamento no seco? Já ouviu falar de algo assim? Tiveram outros corpos que chegaram aqui nestas circunstâncias?

    A moça negou com a cabeça a cada pergunta de Asdulfor:

    - Não, meistre. Criminosos geralmente são colocados em gaiolas de corvos, ou tem suas cabeças espetadas em lanças e seus corpos atados às muralhas para exibição pública. Não soubemos de detalhes da morte desse tal cavaleiro, mas essa história de afogamento no seco parece coisa de fábula, nunca ouvi falar de nada disso.

    -Me desculpe as perguntas, mas como pôde ver -mostrava a corrente de aço valiriano-, eu sou um estudioso dos mistérios e algo assim é de meu interesse... Aliás, pelo bom tratamento no trato do corpo deste garoto, elogiarei vocês ao Lorde Beron Fenlinight e quem sabe consiga alguma ajuda financeira para que vocês façam seu trabalho de modo ainda mais qualificado...

    A moça apenas fez um aceno de graciosa aceitação, sem comentar a oferta de Asdulfor.

    O Meistre Rain

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 37 Meistr12

    -Ah...de fato, dois de meus focos são magia -mostrava a argola de aço valiriano- Mistérios e lendas... Ambos se conectam e muitos desprezam esse meu estudo é por isso que escolhemos você, suas especialidades serão de mais valia para o momento atual dos Fenlinights do que as minhas. Mas me diga, Meistre Rain, sendo você das Ilhas de Ferro deve cultuar o Deus Afogado não? Como especialista em lendas e magia, tenho curiosidade em saber se antigamente e até atualmente existe algum tipo de culto que envolva ocultismo e rituais que possam remeter o resquício da magia antiga na ilha. Sabe de algo?Algum manuscrito, pesquisa ou estudo? Vamos sente-se...

    Rain sentou-se, e de modo duro e carrancudo, ouviu o que Asdulfor dizia. Após um momento de silêncio constrangedor em que Rain encarou o meistre Felinight, ele finalmente falou:

    - Meistre Asdulfor, como cavaleiro da Mente, eu cultuo apenas a ciência, não tenho qualquer coisa que se convenciona chamar de religião. Eu estou superficialmente familiarizado com o Deus Afogado e os cultos relacionados a ele, mas nunca reverenciei essa deidade nem tomei parte em qualquer dessas seitas. Como já sabe, minhas áreas de estudo não abrangem religião, magia, ocultismo ou rituais, então é infrutífero me indagar sobre qualquer coisa nisso; o seu conhecimento desses campos deve sobrepujar em muito o meu. Há algo que queira me informar ou indagar no tocante às atividades da casa Felinight?

    MAEHRA

    - Dizem que assim que começo a tocar o prazer percorre cada molécula de seu ser, comandante do mar. Que tal uma amostra de meus talentos?

    Beron assentiu, e Maehra começou uma rápida canção, visto que as disputas de justas ainda continuavam a espaços regulares.

    Quando ela terminou, Beron acenou para que se sentasse entre ele e Auranne, a fim de conversarem.

    Beron disse a Water:

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 37 RLDn6AH- Maehra cresceu em Essos e essa é sua primeira viagem a Westeros. Creio que ela não sabe muito sobre Derivamarca. Por que não lhe conta, Auranne?

    O bastardo suspirou e começou a falar em tom enfadado, como se narrassse algo de que não gostasse muito:

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 37 Aurann10- Derivamarca é uma ilha a oeste de Pedra do Dragão, na Baía da Água Negra. É controlada pela Casa Velaryon. Ela possui uma longa ponta e está separada pelo Gancho de Massey pela Goela. Durante o reinado do Rei Viserys I Targaryen, havia pelo menos três assentamentos em Derivamarca: Maré Alta, Casco, e Vila das Especiarias.

    A narrativa dele começou a ficar mais divertida nessa parte:

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 37 Aurann10- Quando o Rei Viserys I Targaryen levou sua corte para Derivamarca para o funeral de Sor Laenor Velaryon em 120 DC, o número de dragões que se reuniram na ilha levou o Septão Eustace a chamá-lo de Nova Valíria. Mais tarde, durante a Dança dos Dragões, Lorde Corlys Velaryon, a Serpente do Mar, mandou os navios de Casco e Vila das Especiarias para bloquear o acesso a Baía da Água Negra. Maré Alta e Vila das Especiarias foram queimados na Batalha na Goela, e esta última de forma tão severa que não foi reconstruída... até hoje.

    As últimas palavras foram ditas com um tom significativo, e o Lorde Felinight acenou com a cabeça afirmativamente, com um ar conspiratório. Mas nenhum dos dois explicou nada, e Beron apenas disse à Maehra:

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 37 RLDn6AH- Os Velaryon são uma casa de sangue valyriano e casaram-se várias vezes com os Targaryen, mas o poder da casa decaiu um pouco, e seus domínios não são mais o que já foram. O que acha de tudo isso, senhorita Maehra? 

    ESDRES

    O desfile de Esdres e seus escoltadores não passou despercebido aos plebeus, e muitos saudaram o "cavaleiro gato do norte", e ficaram satisfeitos com a resposta dele.

    Quando o arauto anunciou Edmure, Esdres ouviu com atenção, e logo depois foi a vez dele ser apresentado:

    - Vindo do Norte, o segundo filho do Castelo dos Sussurros, campeão de Breakstone Hill, desmascarador de cavaleiros dorneses patifes, o cavaleiro gato do Norte: Sor Esdreeees Feliiiiiniiiiight!!!

    A multidão aplaudiu ambos os cavaleiros, mas Esdres foi ligeiramente mais ovacionado do que Edmure.

    Esdres levou seu cavalo perante Lady Wynafryd Manderly, que o olhou com curiosidade.

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 37 Tumblr_inline_ort98tphmZ1rifr4k_540

    - Lady Wynafryd, ficaria muito agraciado se pudesse lutar com seu favor, eu teria a graça de me conceder?

    Wynafryd sorriu com dentes brancos como a neve que iluminaram ainda mais o dia.

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 37 Tumblr_inline_ort92tVzDM1rifr4k_540

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 37 8a993ec7241ca3910c45ef53db57e64a- Certamente, Sor Esdres.

    Ela apanhou um lenço de tecido azul escuro com brilhantes em forma de pó de diamante, adornos refinados moldados como os cristais de gelo típicos das nevascas do Norte. 

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 37 4989259-snowfall-seamless-vector-pattern-desenhado-a-mao-branco-flocos-de-neve-em-um-fundo-azul-esboco-de-cristais-de-gelo-nevasca-festivo-modelo-para-decoracao-design-de-cartoes-embrulho-tecido-de-impressao-de-papel-vetor

    Esdres curvou sua lança para que Wynafryd amarrasse cuidadosamente o lenço ao redor da ponta da arma.

    Finalmente, o arauto deu o sinal para o início das justas. Tully e Felinight avançaram um contra o outro.  

    MECÂNICA:

    A lança de Edmure acertou fracamente o escudo de Esdres, mal quebrando sua ponta, enquanto a lança do Felinight chocou-se com tanta força que o escudo despedaçou-se junto com a lança, dobrou o braço de Edmure num ângulo doloroso e por fim explodiu até o punho contra a couraça do Tully, que foi bruscamente arrancado de sua sela, fazendo um arco pelo ar até cair pesadamente de costas no chão de terra batida.

    Com Edmure Tully remexendo-se atordoado no chão, a multidão aclamou Esdres pelo golpe bem dado, os nobres aplaudiram com um pouco mais de moderação com exceção dos nortenhos restantes: Lorde Beron, Maehra e... Wynafryd, cujo lenço saíra voando durante o impacto de lanças e escudos e vindo a pousar placidamente no ponto onde a vitória fôra selada.
    DariusNovadek
    Mestre Jedi
    DariusNovadek
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1001
    Reputação : 16

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 37 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por DariusNovadek Qui Set 01, 2022 3:01 pm

    Esdres ouviu com atenção o arauto chamando seu nome, e ficou feliz em perceber que o Lorde Mão tinha cumprido com sua promessa, Esdres estava "adquirindo títulos". Ficou feliz de ser bastante aplaudido também, aquilo alimentava o ego dele. Adentrou na arena acenando a todos antes de ir até Lady Manderly.

    E para alegria de Esdres, Wynafryd concedeu a ele seu favor, soltando um lindo e estonteante sorriso.

    - Estou muito honrando, Milady!

    Com isso, Esdres voltou ao seu posto para iniciar a justa, muito mais confiante e animado que já estava. Tanto que quando o arauto deu o sinal para iniciar as justas, Esdres disparou sobre o herdeiro de Riverrun apoiado nos estribos, para ele, não teria outra opção além de ganhar.

    Sua confiança, combinado com seu talento, se resultou no escudo Rubro celeste partindo ao meio, obrigando o braço do adversário dobrar em um ângulo doloroso. A lança estourou até o punho contra a couraça, fazendo o jovem Tully voar pelo ar antes de encontrar o chão. O povo foi a loucura, Esdres estava inteiro, pois a lança do adversário mal tinha raspado em seu escudo.

    Sua primeira comemoração foi olhando para Wynafryd Manderly, como se estivesse comemorando com ela. Depois foi até os plebeus comemorar junto com eles, dizendo a todos:

    - Em comemoração a minha vitória, pagarei uma rodada de cerveja a quem for comemorar comigo!

    Depois, desceu do seu cavalo, e deu a Sor Ruud ou a Olac o cavalo para levarem, e a pé mesmo, foi buscar o lenço de Wynafryd que delicadamente tinha pousado no chão. Antes de sair da arena, com o lenço na mão, olhou sorrindo para os olhos da jovem nobre, e levou o lenço até o seu coração.
    Izanami
    Semi-Deus
    Izanami
    Semi-Deus

    Mensagens : 7246
    Reputação : 81
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 37 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por Izanami Sex Set 02, 2022 11:26 am

    -Obrigada! Você poderia fazer um favor? Avise as demais empregadas que mais tarde vou falar com cada uma delas em separado não é nada em especial só quero saber como anda as coisas no acampamento e se precisam de algo, além de algumas melhorias que estou planejando... Claro caso você as encontre pelo caminho ao retorno de suas tarefas...
    Encarava o céu pensativa, seu irmão estava saindo muito bem na sua nova função, no entanto teria que ver com os empregados e soldados quem estava mais sobrecarregado ou folgando em desarmonia com a ordem natural que ela planejava as coisas deveria existir um equilíbrio em tudo.
    -Senhorita Mary Snow, perdoe por dar tanto trabalho a você, mas suas habilidades são algo incrível, saberia trabalhar em couro? Saberia me dizer se existe outra empregada com afinidade para costura, pois se tiver ela vai ser tua ajudante ou pode treinar alguma caso queira... Perdoe minha falta de tempo para este assunto, assim que eu terminar meus afazeres vou tratar com mais zelo nosso assunto do que trivialmente estamos a tratar agora... Mais tarde venha a minha tenda se eu não tiver lá pode me esperar... Se possível tente descobrir como está minha mãe com a Isabella ou Alice meu pai me proibiu de visitar a minha mãe ou falar com elas, poderia fazer mais este pequeno favor...
    Sorria acenando para ela, retornava para a tenda do seu irmão Arthur tinha outros assuntos para por um fim logo, não queria ficar acumulando afazeres futuros de terceiros com seus próprios objetivos pessoais.


    OFF: Retornar a tenda do Arthur e terminar de falar com a Inês colocar um ponto final nas construções dela. Quero usar as pericias sociais para mudar a vontade dela pelas regras do jogo mesmo.
    Pikapool
    Sacerdote de Cthulhu
    Pikapool
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2707
    Reputação : 74

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 37 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por Pikapool Qua Set 07, 2022 3:53 pm


       
           
           
       

               

               
    Informações

    • Mote: Sou a última da minha casa, e cabe a mim garantir que seus nomes se tornem lendas!

    • Itens Carregados: Todos meus pertences.

    • Vestimentas: Vestido curto de seda preto, casaco com capuz preto, gargantilha, braçadeira de ouro, pulseiras de ouro e botas altas pretas de couro com salto alto.


           

               

                   

    Fiz uma discreta e breve apresentação que me deixou inquieta. Certamente, eu deveria ter aproveitado para atrair todos os olhares para mim. Não sabia ao certo o que deu em mim para simplesmente fazer aquela performance medíocre.

    Incomodada, sentei-me entre Beron e Auranne. Repousei meu violino em meu colo e apenas ouvi atentamente o pedido de Beron e a história enfadonha de Auranne. Apesar que a narrativa ficou interessante a partir de um ponto mais adiante.

    Ao fim, fiquei confusa sem entender bem o que se passava. Encarei Auranne curiosa deixando a cabeça cair para direita enquanto fazia biquinho inflando as bochechas como se tivesse aborrecida por não ouvir o desfecho. Logo voltei-me a Beron que apenas acenou com a cabeça pouco antes de tomar a palavra.

    - Eu acho normal o enfraquecimento deles. Afinal, até os valyrianos que só queriam viver em paz com suas famílias tiveram um final trágico... - Murmuro em tom entristecido até relembrar onde estava. Sem jeito, olhei de canto de olho em Beron e depois em Auranne. Então abri um largo sorriso tentando disfarçar aquele momento. - Bem, senhor Auranne Waters. Então é fácil dizer que apesar do sobrenome Waters, o senhor provém da casa Velaryon? - Agora demonstrando um sorriso verdadeiro, prossigo. - O senhor também acha interessante manter a pureza do sangue valyriano? A principio, posso deduzir o porque de estar aqui com Lorde Beron. Apesar de ainda não ter compreendido suas verdadeiras intenções. - Dou uma rápida olhada para Beron. - Porém, acho que esse "até hoje" no fim de vossa história tenha algo a ver com estarmos aqui.

    Aguardo até que eles se manifestem e só após isso prossigo.

    - Senhores, que tal passarmos a agir às claras? - Indago esperando que eles me contem suas verdadeiras intenções.


               

           
    Dycleal
    Wyrm
    Dycleal
    Wyrm

    Mensagens : 9226
    Reputação : 162
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 37 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por Dycleal Qui Set 08, 2022 12:33 am

    Arthur não consegue segurar a sua irmã para que lhe contasse as novidades e logo após a sua partida, chega o seu tio, O Lorde Jason Mallister, que era esperado, mas o surpreende que ele passe antes de ir as justas, o que seria mais usual e Faz questão de olhar seu ferimento e ver Arthur caminhar, para avaliar os danos e o nível de recuperação e enquanto olha com seu olhar profissional acostumado com a recuperação de ferimentos graves de batalha, o jovem herdeiro pergunta se ele tem notícias da sua mãe, pois avalia que a tenha visitado em primeiro lugar e pede que ele volta após as justas daquele dia para lhe contar as novidades dos combates, principalmente o do seu irmão e que comente a sua luta e que analise os seus erros e acertos, para seu aprendizado e o abraça como fazia quando era criança ao se despedirem daquela breve visita.

    O futuro Lorde Felinight, se deita e começa a ler um livro sobre comércio das cidades livres e quando está bem envolvido ouve a voz melodiosa e neste momento, um tanto inflexível de sua amada Inês, ele a olha e encontra o seu semblante emoldurado por uma expressão muito seria enquanto ouve ela perguntar: - Como você está? Arthur está feliz em vê-la, embora saiba que ela deve estar um tanto zangada, devido a última conversa, porém essa perspectiva se torna pequena em relação a sua felicidade em ver a mulher que ama e olha para ela com um sorriso e diz: - Agora eu estou muito melhor! E sentando-se na cama, com um pouco de dor no movimento, abre os braços para recebe-la e continua: - Estava contando os segundos para poder voltar a abraça-la e mostrar a maquete que construí para que visualize, o seu maravilhoso projeto da mais bela cidade de toda Westeros. E seu rosto reflete amor e alegria.
    Sandinus
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo
    Sandinus
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo

    Mensagens : 11962
    Reputação : 94
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/111.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 37 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por Sandinus Qui Set 08, 2022 11:56 am

    As indagações feitas por Asdulfor a moça das Irmãs Silenciosas não foram frutíferas, nada de novo ou útil para sua investigação. Um pouco frustrado ele pericia o corpo do garoto fazendo suas anotações sobre a descoberta.

    Com Meister Rain...

    As perguntas feitas por Asdulfro parecem irritar um pouco Mesiter Rain, afinal, as vezes era imperceptivel para o próprio Asdulfor o quanto ele tinha se desviado das normas da ordem dos Meisters. Diferente dos demais ele Seguia os antigos fevorosamente, não esquecia sua família a ponto de voltar a sua casa onde pretendia encerrar sua vida como Mesiter agindo sem a indiferença pregada pela ordem. Claro, de fato poderiam sim eistir outros que agissem como ele, mas conseguiam disfarçar melhor, o próprio Asdulfor não fazia tanta questão de esconder. Por outro lado, a indiferença aparente explanada por Meister Rain o agrada. Ele ouve um contra ponto e também é indagado respondendo em seguida.

    -De fato, discutir com outros meisters que não tem mesmo foco de estudo que tenho é contraproducente... Mas vamos lá, sobre os Fenlinights. Só queria informa-lo que temos um plano de desenvolvimento que envolve construções para principalmente atrair pessoas para nosso território. Ao fim do torneio pretendemos levar pessoas para povoar o norte, provavelmente seus conhecimentos em engenharia serão de grande valia nessa empreitada. Caso a Ordem confirme o senhor como o novo Mesiter dos Fenlinights, entraremos em mais detalhes quando se reunir com Lorde Beron e os demais membros da família, meu interesse é que o senhor já comece a nos auxiliar ainda durante o torneio para essas ideias serem trabalhadas desde já. Na volta ao norte pretendo ir a muralha para enriquecer meus conhecimentos com Mesiter Aemon e o senhor será o responsável pelos Fenlinights sozinho, enquanto eu estiver lá. Mas pretendo voltar ao Castelo dos Sussurros vivo, assim espero.

    Asdulfor espera Mesiter Rain dizer algo e assim que responde levanta-se:

    -Bem, irei até o Grande Meistre Pycelle para  oficializar o interesse dos Fenlinights no senhor e ainda hoje ou amanhã se for autorizado, o senhor já poderá se instalar em nossas tendas.

    Asdulfro faz uma menção e volta-se para Krotalus:

    -Vamos Krotalus, assim que conversar com o Grande Meistre Pycelle, iremos passar no torneio para asistirmos algum embate nas justas, talvez o anime um pouco, no caminho compraremos alguma bebida para você. Com sua licença, Meister Rain.

    Encerrava Asdulfor e seguia para encontrar o Grande Meistre Pycelle.
    Alexyus
    Antediluviano
    Alexyus
    Antediluviano

    Mensagens : 3348
    Reputação : 182

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 37 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por Alexyus Dom Set 11, 2022 10:37 am

    SEXTO DIA DO TORNEIO

    ASDULFOR

    A Autópsia

    Com um exame atento, Asdulfor conseguiu achar algumas causas prováveis da morte: o corpo do menino tinha um pescoço quebrado, além de fraturas em duas partes da perna e uma no braço, e seus pulmões tinham enchido de água. Havia duas hipóteses: ou ele fôra lançado vivo no poço e quebrara o pescoço na queda, ou já tinha tido o pescoço quebrado antes de ser lançado ao poço. O certo é que ele não morrera pelo afogamento.

    Os Meistres

    Meistre Rain assentiu para as informações de asdulfor, sem expressar opiniões, apenas registrando os dados que obtinha.

    Asdulfor ainda se lembrava dos trâmites para que uma casa nobre obtivesse os serviços de um meistre, e isso não devia apresentar dificuldades. Haveria uma troca de mensagens entre o Grande Meistre Pycelle e a Cidadela dos Meistres em Vilavelha, mas provavelmente seriam apenas protocolos burocráticos.

    E Asdulfor estava certo. O secretário de Pycelle disse que ele estava muito ocupado com o Conclave, mas anotou o pedido de Asdulfor e prometeu que logo o notificaria sobre o andamento do processo.

    Krotalus animou-se com a perspectiva de ir assistir ao torneio.

    O Torneio

    Asdulfor chegou a tempo de ver a vitória de Esdres, e também a zebra do herdeiro Rowan desmontando a Montanhaa que cavalga, Sor Gregor Clegane.

    Beron Felinight estava nas tribunas com Maehra e um homem de cabelos prateados, provavelmente de sangue valyriano, que certamente não pertencia à nobreza.

    ARTHUR & LÍCIA

    -Obrigada! Você poderia fazer um favor? Avise as demais empregadas que mais tarde vou falar com cada uma delas em separado não é nada em especial só quero saber como anda as coisas no acampamento e se precisam de algo, além de algumas melhorias que estou planejando... Claro caso você as encontre pelo caminho ao retorno de suas tarefas...
    Encarava o céu pensativa, seu irmão estava saindo muito bem na sua nova função, no entanto teria que ver com os empregados e soldados quem estava mais sobrecarregado ou folgando em desarmonia com a ordem natural que ela planejava as coisas deveria existir um equilíbrio em tudo.
    -Senhorita Mary Snow, perdoe por dar tanto trabalho a você, mas suas habilidades são algo incrível, saberia trabalhar em couro? Saberia me dizer se existe outra empregada com afinidade para costura, pois se tiver ela vai ser tua ajudante ou pode treinar alguma caso queira... Perdoe minha falta de tempo para este assunto, assim que eu terminar meus afazeres vou tratar com mais zelo nosso assunto do que trivialmente estamos a tratar agora... Mais tarde venha a minha tenda se eu não tiver lá pode me esperar... Se possível tente descobrir como está minha mãe com a Isabella ou Alice meu pai me proibiu de visitar a minha mãe ou falar com elas, poderia fazer mais este pequeno favor...

    Mary Snow respondeu:

    - Não, senhorita Lícia, sinto muito, mas eu sou apenas uma costureira prática. Trabalhar em couro exige habilidades que eu não tenho. acho que não é o mesmo que costurar tecidos... Bem, vou avisar os outros servos que a senhorita vai falar com eles.

    Lícia enntão foi à tenda de Arthur, seguindo Inês Allafante, e ainda teve tempo de ouvir a saudação do herdeiro:
     
    Agora eu estou muito melhor! E sentando-se na cama, com um pouco de dor no movimento, abre os braços para recebe-la e continua: - Estava contando os segundos para poder voltar a abraça-la e mostrar a maquete que construí para que visualize, o seu maravilhoso projeto da mais bela cidade de toda Westeros.

    Antes que Inês pudesse responder a Arthur, Lícia entrou na tenda, e a Allafante virou seu olhar para ela.

    MAEHRA

    - Senhores, que tal passarmos a agir às claras?

    Auranne ergueu as sobrancelhas ironicamente e Beron sorriu ao responder:

    - Devemos falar discretamente para não sermos ouvidos por ouvidos curiosos. 

    A voz dele caiu para um sussurro quase inaudível:

    - O irmão do rei, Stannis Baratheon, isolou-se na ilha de Pedra do Dragão, e os rumores dizem que as relações entre ele e Robert não estão boas. Todavia, os lordes da Baía do Água Negra tradicionalmente juram lealdade ao senhor de Pedra do Dragão, e entre estes estão o senhor da Casa Velaryon.

    - Meu pai - disse Auranne - mas é claro que a esposa dele não é a minha mãe.

    Beron prosseguiu:

    - Derivamarca é uma ilha de bom tamanho e com uma localização privilegiada para o comércio e também estratégica para defesa em caso de guerra. Mas a casa Velaryon não tem mais os meios para explorá-la em sua totalidade.

    O sorriso de Beron abriu-se mais, como um felino mostrando os dentes:

    - Os domínios Felinight ficam de frente para o Mar do Poente, na Baía das Focas, e não há muito comércio por lá até chegar a Lannisporto. O continente de Essos fica muito distante de nós, e há tempos eu estudo meios de contornar isso. Uma das alternativas é criar um entreposto na Baía do Água Negra, que possa tirar proveito do tráfego de navios que vêm para Porto Real. E a Vila das Especiarias seria um ótimo local para isso.

    Auranne falou então:

    - A ideia que estamos discutindo aqui é que Lorde Felinight iria financiar a criação desse entreposto, que ficaria sob a minha supervisão, para não ofender o Lorde Velaryon, já que sou o bastardo dele. Assim, embora nossa aliança formal seria como vassalos de Monford Velaryon, eu seria uma espécie de espião de Lorde Beron para proteger os interesses da Coroa contra qualquer armação de Stannis, enquanto parte dos lucros seria remetida para os Felinight. Mas como obviamente eu sou um bastardo suspeito e não muito confiável, Lorde Beron achou que você, Maehra, poderia ser minha esposa para garantir que eu continue no curso certo.

    Beron acrescentou:

    - É um projeto possível, mas não uma imposição, senhorita Maehra. Se fizermos isso, pode ser o primeiro passo para restaurarmos sua casa nobre, ou mesmo criar uma nova casa. Mas se não estiver disposta, continuará a ter meu favor, e acharemos alguma outra ideia para progredirmos.

    ESDRES

    Sua primeira comemoração foi olhando para Wynafryd Manderly, como se estivesse comemorando com ela

    O olhar de Wynafryd manteve-se baixo, mas Esdres viu um sorriso discreto que não deixava os lábios dela.

    Spoiler:

    Depois foi até os plebeus comemorar junto com eles, dizendo a todos:

    - Em comemoração a minha vitória, pagarei uma rodada de cerveja a quem for comemorar comigo!

    A multidão de plebeus aclamando Esdres aumentou mais ainda, e eles quase o carregaram para o festival, onde algumas barracas serviam cerveja. Sor Ruud estava com ele, enquanto Olac o escoltava, deixando ao cavalariço Tarso a tarefa de recolher seu cavalo ao abrigo.

    A aglomeração no festival foi gigantesca, e havia centenas de plebeus querendo beber em honra de Esdres e também às custas dele.

    Lorde Tygor Will foi ao encontro dele para parabenizá-lo pela vitória, mas quem realmente disputava as atenções de Esdres eram as mulheres da plebe, ansiosas para fazer tudo para agradá-lo.

    Spoiler:

    O gasto de Esdres naquela comemoração jáa chegara a um dragão de ouro, e ainda poderia aumentar conforme a vontade dele para novas extravagâncias.


    SÉTIMO DIA DO TORNEIO

    ASDULFOR, ARTHUR, ESDRES, LÍCIA, MAEHRA, GASPAR

    O sétimo dia do torneio mal amanhecera com um sol promissoramente quente quando os servos dos Felinight acordaram cada um dos membros da família para informá-los que Lorde Beron e Lady Maria os aguardavam na tenda de reuniões para tomarem o desjejum juntos.

    Beron e Maria estavam vestidos com formalidade e bastante compenetrados, e esperaram que todos tivessem se sentado para começar a refeição. Havia pães, manteiga, mel, leite, café e várias frutas locais.

    Enquanto comiam, Lorde Beron começou a falar:

    - Acho que é hora de inteirar todos vocês sobre os meus planos para a casa Felinight. Então prestem atenção:


    - O Castelo dos Sussurros continuará a ser a minha residência até a minha morte, e será herdado pelo meu primeiro herdeiro que estiver vivo. Mas enquanto isso, todos vocês estarão ocupados com partes menores dos domínios Felinight, comandando-os como se fossem casas cavalheirescas vassalas da casa Felinight.


    - Arthur vai morar na Torre Myrella e reger Breakstone Hill. Quando, e se, casar-se com Inês Allafante, sua sede estará naquela pequena cidade, para onde pretendemos atrair a maior parte de nossos plebeus. Será o nosso principal centro comercial.


    - Lícia vai ficar responsável pelo porto, e deverá formar ali uma vila comercial, que sirva de entrada e saída de mercadorias para todos os nossos domínios. Junto com ela, enviarei Jone Felinight, para supervisionar uma guarnição de soldados e garantir a ordem e nosso poder ali. Para esse fim, Lícia já está ajuntando mantimentos para navegar para casa na frente de nossa comitiva.


    - Esdres vai criar um posto avançado na margem do Lago Longo, guarnecendo nossas defesas ali contra invasões dos Bolton e também criando um entreposto comercial para navios mercantes fazerem o trajeto dali até Porto Branco pelo rio Faca Branca. Gylen vai ajudá-lo com isso e ficará responsável pelos soldados enquanto Esdres efetivamente governar.


    - Assim que o novo meistre chegar ao Castelo dos Sussurros, Asdulfor irá à Muralha para parlamentar com a Patrulha da Noite. Espero que entre outras coisas ele consiga resolver as controvérsias sobre nossas fronteiras com a Nova Dádiva e que possamos criar uma relação amistosas com quem quer que seja o atual comandante por lá.


    - Gaspar será nosso mensageiro para os clãs das montanhas, levando nossa oferta de aliança e informando sobre o progresso nas terras Felinight. Faça todos os amigos que puder entre eles, para que possamos contar com sua ajuda se houver novos confrontos com os Boltons.


    - Maehra não é uma serva de nossa casa e pode escolher seu caminho, mas espero que ela fique nas Terras da Coroa como nossa embaixadora e informante, já que seus talentos seriam desperdiçados no Norte no atual estado de nossos domínios.

    Beron fez os anúncios pausadamente, permitindo que cada um pudesse opinar sobre as decisões do Lorde Felinight.

    Quando o debate terminou, ele perguntou:

    - Quais são seus planos para hoje?
    Conteúdo patrocinado


    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 37 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Qui Dez 01, 2022 7:35 am