Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).

Links úteis Anúncios Redes Sociais
31/03 - Novo quadro de anúncios.
31/03 - Mesas com mais de 2 meses SEM postagens serão automaticamente arquivadas.

ATUALIZAÇÃO DO MÊS DE MAIO
Mesas que forem abertas para serem jogadas em outras plataformas
serão excluídas do fórum.

ATUALIZAÇÃO DO MÊS DE JUNHO
A partir de agora somente mestres com mesas ativas no fórum terão o nick laranja
para ficar mais fácil a distinção. Fiquem atentos que em breve teremos
um novo modelo de pedido de mesa!




 

    O Jogo dos Tronos - Felinight

    Izanami
    Semi-Deus
    Izanami
    Semi-Deus

    Mensagens : 7075
    Reputação : 76
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por Izanami Dom Set 11, 2022 6:01 pm

    Levantava os braços comemorando algo sem sentido e sorria como sempre.
    -Já é uma grande habilidade e agora vamos aprimorar ela, mas isso vamos deixar de lado por enquanto até retornarmos para o norte, tenho muitas coisas em mente e queria um tempo mais longo com você para por elas em pratica... Obrigada!
    -Incrível, me lembrei de mais uma coisa, vamos ter que reservar um horário pela parte da madrugada e treinar arquearia ou esgrima, depois dos ataques que sofremos na estrada eu me sentiria mais segura se todos os meus funcionários tivessem o mínimo de conhecimento no uso de alguma arma para se defender em qualquer situação...
    Acenava se despedindo da jovem e seguiu para a tenda do seu irmão na entrada novamente curva-se perante ao herdeiro.
    -Meu senhor, venho dar minha humilde opinião sobre suas criações se me permite...
    Voltava-se a Inês.
    -Minha senhora, se me permite podemos discutir sobre suas ideias de construção, não estou questionando, apenas quero deixa-la atualizada sobre os fatos e possíveis acontecimentos futuros em nossas terras para adaptar suas construções da melhor forma possível evitando desperdício...
    Retornou a sua postura normal e ficou esperando o dialogo de ambos para começar a dar sua opinião, pois queria encontrar o pai da Inês também.


    Reunião com papai.

    Acordou quase de madrugada sem saber o que estava acontecendo, mas se preparou para o desjejum, junto com seu pai e sua mãe, temia receber mais um castigo e isso já estava ficando normal em sua vida. Mas apenas chegou na tenda principal novamente comportou-se como uma dama por todo o tempo possível até descobrir que seu pai estava espalhando todos e não gostava da ideia de espalhar seus familiares aquilo era muito perigoso principalmente para ela.
    -Se é isso que o meu senhor deseja, que assim o seja... Se me permite a palavra senhor, eu queria levar alguns empregados, se não for possível levar minhas damos de companhia, mas acho difícil pois elas estão cuidando da minha senhora Maria Felinight, qualquer empregado a minha escolha para os ofícios que fui designada,, tenho que ver quais empregados tem mais facilidade e habilidades para enfrentar meus futuros desafios, Olac Olms como meu segurança pessoal e Lu Mei que tem inúmeras habilidades fora do normal e sem contar que para atuar nas sombras do porto ela seria perfeita... Mas meu senhor tenho que ver direito o que vou enfrentar para selecionar os empregados certas para as tarefas futuras, e evitar o desperdício de talentos que nossa casa tem, pois encontrei muitos empregados com ótimas habilidades que não estão sendo usadas de forma efetiva...
    Calou-se esperando alguma resposta de seu senhor, teria muito mais trabalho...
    Sandinus
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo
    Sandinus
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo

    Mensagens : 11854
    Reputação : 92
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/111.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por Sandinus Dom Set 11, 2022 8:39 pm

    A Autópsia do garoto não revela muito para Asdulfor, porém, ele decide analisar com mas atenção a cabeça do garoto, pois em sua mente caso tenha alguma lesão que possa ter resultado na quebra do pescoço as chances de Neil River ter sido morto ao ser arremessado com violência no poço e com isso ter quebrado o pescoço e se afogado eram grandes, porém, caso não houvesse, tudo indicaria que ele teve o pescoço quebrado antes de ser jogado no poço. Não ajudaria muito para levar até o assassino, mas era algo intrísseco de ser um Mesitre.

    Por outro lado, ele aguardaria a meretriz ir na tenda Fenlinight como combinado para tentar obter alguma informação dela. Por fim, sem mais nada para acrescentar, apenas agradeeceu a moça e saiu.

    No torneio...

    No caminho, Asdulfor compra uma cerveja para Krotalus e ambos seguem até a arena, lá o velho chega lentamente e observa atentamente o lugar, ele vê Beron, Mahera e um jovem visivelmente valiriano como ela. O meister franze a testa e dirigi-se apressadamente até onde eles estão, sentando ao Lado de Beron. Ele assiste a vitória de Esdres ao mesmo tempo que fingia não prestara atenção no que Beron, Mahera e o Jovem sussurravam. -Excelente plano...não é algo a se desperdiçar, senhorita... -sussurrava também Asdulfor enquanto já se levantava- Ele desce até a arena para cumprimentar Esdres pela vitória acachapante. Por um momento passa em sua mente que talvez Esdres não necessitasse de sua ajuda como fez no embate com o jovem Dannet. O Mesitre dá dois tapinhas nas costas de Esdres.

    -Uma vitória assutadora eu diria! Talvez eu devesse me preocupar menos com o senhor neste torneio... Aliás, fazia tempo que não via um cavaleiro ser desmontado e arremessado dessa forma, você está evoluindo bastante Esd... Lorde Esdres. -lembrava que não estava nas tendas da família- Seu pai sem dúvidas está orgulhoso! Encerrava olhando para Beron.

    Na reunião...

    Asdulfor não se opõe a nenhum direcionamento de Beron a não ser quanto a Lícia, porém, antes que tomasse a p-alavra a jovem se pronuncia.

    -Se é isso que o meu senhor deseja, que assim o seja... Se me permite a palavra senhor, eu queria levar alguns empregados, se não for possível levar minhas damos de companhia, mas acho difícil pois elas estão cuidando da minha senhora Maria Felinight, qualquer empregado a minha escolha para os ofícios que fui designada,, tenho que ver quais empregados tem mais facilidade e habilidades para enfrentar meus futuros desafios, Olac Olms como meu segurança pessoal e Lu Mei que tem inúmeras habilidades fora do normal e sem contar que para atuar nas sombras do porto ela seria perfeita... Mas meu senhor tenho que ver direito o que vou enfrentar para selecionar os empregados certas para as tarefas futuras, e evitar o desperdício de talentos que nossa casa tem, pois encontrei muitos empregados com ótimas habilidades que não estão sendo usadas de forma efetiva...

    -Estou de acordo com Lícia... Inrrompeu Asdulfor. Não confio em seu irmão e meu sobrinho neto, Beron. Acrediro que mais alguém deva ir com Lícia, a Lu-Mei seria minha indicação, assim como alguém também deveria ir comigo como segurança pessoal, além do Rakashar e do Balerion. iria sugeirir o Gaspar, mas de fato seus conhecimento serão mais úteis no trato com os clãs das montanhas. Queria se possivel, levar o Krotalus comigo, caso ele aceite.

    Encerrava Asdulfor aguardando as reações dos demais.
    DariusNovadek
    Troubleshooter
    DariusNovadek
    Troubleshooter

    Mensagens : 923
    Reputação : 16

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por DariusNovadek Seg Set 12, 2022 1:01 am

    Esdres viu que Wynafryd, apesar da discrição, tinha gostado do modo em que Esdres comemorou, e isso acalentou seu coração.

    Ao descer do cavalo, logo seu tio-avô veio cumprimenta-lo pela vitória, Esdres sorriu ao vê-lo.

    -Uma vitória assutadora eu diria! Talvez eu devesse me preocupar menos com o senhor neste torneio... Aliás, fazia tempo que não via um cavaleiro ser desmontado e arremessado dessa forma, você está evoluindo bastante Esd... Lorde Esdres. -lembrava que não estava nas tendas da família- Seu pai sem dúvidas está orgulhoso! Encerrava olhando para Beron.

    - Agradeço pela preocupação Meistre Asdulfor! Você sabe muito bem que foram anos treinando no Castelo dos Sussurros, e tenho certeza que suas preces aos deuses antigos estão me ajudando também. *quando o tio avô menciona seu pai, Esdres também olha para Beron, e com um sorriso acena para ele* - Ele não é muito bom em mostrar que sente orgulho pela gente, mas saber que eu estou fazendo meu papel para o bem de nossa casa ja me conforta.

    Quando Esdres anuncia a plebe que irá pagar as bebidas, eles entram em alvoroço, Esdres sabia que uma bebida poderia comprar qualquer um. Logo Lorde Tygor vem tmbém parabeniza-lo pela sua vitória, Esdres o recebe com alegria:

    - Querido Lorde Tygor! Fico feliz em te ver, é agora que sairemos para beber em comemoração ao retorno de sua espada, e de quebra pela minha nova vitória também?

    Ele não teria escolha, Esdres o levaria de qualquer maneira. Deixou Tarso para levar o cavalo e volta aos acampamentos, e junto com Lorde Tygor, Sor Ruud e Olac, adentrou no festival. E quis adentrar o máximo que pôde, não queria outros nobres metendo o bedelho ou bisbilhotando sua comemoração. No local determinado, Esdres comemorou com todos os plebeus e plebeias como se fossem seus amigos, dançava com as plebeias, brindava com os plebeus, cantava com os bardos.

    - Meus irmãos e minhas irmãs! É isso que terão no norte! Juntem-se a mim na comitiva Felinight ao final do torneio, e terão uma vida digna e alegre! E de quebra irão beber comigo com uma certa frequência!

    Mas por hoje, vamos comemorar! Bardo, não tem nenhuma canção sobre o "Cavaleiro Gato do Norte"?


    Quanto as plebeias, Esdres aproveitou um pouco delas no começo da noite, mas nada muito explícito, dançava, passava a mão, deixava-as sentar em seu colo quando estava bebendo, e deixava elas aproveitarem também, mas iria deixar o rale rola pro final da noite. Finalmente depois de um tempo, se sentou com Lorde Tygor para conversar mais afundo.

    - Diga-me, Lorde Tygor, como tem sido seu dia, agora que não anda mais nas sombras e esta com sua espada na bainha? E sua amada Linda, teve algum progresso com ela?

    Iria aproveitar o álcool no corpo de Tygor para ver se ele dava algumas boas informações.

    Depois do dornês ir embora, Esdres pegaria um quarto em alguma taverna, ou em algum quarto cedido por algum plebeu, e convidaria as plebeias mais atiradas, para fazer... você sabe o que né? surubão

    Mas não dormiu por la, queria acordar no acampamento, então assim que terminou, voltou para sua tenda.
    DariusNovadek
    Troubleshooter
    DariusNovadek
    Troubleshooter

    Mensagens : 923
    Reputação : 16

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por DariusNovadek Seg Set 12, 2022 2:19 am

    Esdres foi acordado no dia seguinte de manhã, e antes que partissem, pediu uma jarra de agua, para tentar curar a ressaca de ontem. Esdres estava acostumado com isso, então depois do desjejum provavelmente já estaria novo em folha. Se arrumou rapidamente, era seu pai que o chamava para o desjejum, deveria ser um assunto importante, e não queria o deixar esperando.

    O sol ja estava quente logo de manhã, e Esdres já começava a sentir saudades do frio de sua terra. O caminho foi rápido até o destino, provavelmente foi o último a chegar, mas não prestou atenção nisso, apenas sentou no seu local, e já começou a se servir de café e frutas com mel. Cumprimentou a todos com um gesto na cabeça, como alguém que não quer quebrar o silencio antes de alguma reunião.

    E o assunto foi mais importante do que Esdres esperava, finalmente seu pai iria lhe conceder um espaço para governar, e Esdres sentiria na pele o que é ser um Lorde de verdade. Ficou pensando se seria chamado de Lorde Esdres de Lago Longo, ou Lorde Esdres de Faca Branca.. Se perdeu tanto nos pensamentos, que não falou nada quando Lorde Beron deu a palavra, deixando sua irmã falar primeiro.

    Porém, depois que Lícia e Asdulfor terminaram de falar, Esdres viu sua deixa, e terminando de dar um gole no café, disse:

    - Primeiramente, senhor meu pai, muito me honra sua confiança em minha pessoa para guarnecer proteção a nossas terras, em um local tão importante para nossa casa. *Esdres sabia ser formal quando queria* - Concordo com tudo o que o senhor disse, e acatarei minha missão para executa-la da melhor forma.

    - Quanto a Lícia solicitar Olac, apesar de ele ser meu guarda pessoal, ficaria feliz em cede-lo a minha querida irmã. Não estarei perto dela para protege-la, e isso corta meu coração, e ter um soldado de confiança junto dela me acalma muito mais.

    - Mas, já que estamos todos reunidos aqui, e os dias aqui na capital estão nos dificultando de ter uma reunião como essa, acredito que devemos já fazer um planejamento de nossas ações por agora mesmo. Sobre o pessoal que seria bom estar comigo, acredito que o Sivon Simms já estará comigo, já que Gylen também estará la. Mas com Sor Rodick morto e Olac com lícia, vou precisar de mais homens de confiança. O torneio me trouxe Sor Ruud, e também me trará um novo escudeiro, o que era de Sor Langley Woods, mas ainda acho melhor levarmos mais soldados, já que será um posto avançado.. Talvez podemos levar Sor Andy Anx e os irmãos Arrow.


    Esdres se ajeitou na cadeira, e pediu um mapa de suas terras e um papel, e fez algumas anotações.

    - Em uma conversa com Arthur nessa semana, conversamos sobre o futuro de nossas terras, e tivemos várias ideias, e depois disso fiquei pensando nelas e vi o que pode ser mudado ou não, vou partilhar aqui com vocês.

    Esdres entregou o desenho que tinha feito a todos:

    Rascunho:

    Enquanto olhavam, Esdres continuava a falar.

    - Apesar de ser um posto avançado para nos proteger dos Bolton, e um entreposto comercial para os navios navegarem pelo Faca Branca, acredito que podemos fazer mais. Ali a estrada do rei cruzará o que quer que formos fazer. Isso quer dizer que podemos comercializar por terra também, por todo o norte, já que teremos ali o encontro de mercadorias do mundo inteiro, uma vez que receberemos navios que vão vir das cidades livres, e matérias primas e mais mercadorias obtidas no porto de Break Stone Hills. Isso tornaria não um simples centro comercial, mas talvez até uma pequena cidade em ascensão.

    - Mas vamos lá, vou separar por tópicos para me entenderem bem. No quesito militar, Acredito que temos que construir torres de vigia em toda a extensão do lago, para proteger os navios de saques, e para proteger também nossas terras, é claro. No topo do lago, onde ele se transforma em um rio, deveríamos ali construir um Forte, como se fosse um pequeno castelo. Lá seria onde eu e Gylen se instalaríamos, e boa parte da nossa força militar, é claro.

    - Aqui no ponto mais alto do nosso terreno, pensei em construir muralhas para impedir a passagem de tropas inimigas para o Castelo dos Sussurros, já que no restante, não vamos precisar criar muitas muralhas, pois usaremos o lago e os rios como barreiras naturais.

    - No quesito comida, podíamos incentivar a construção de fazendas no caminho do Lago longo para o Castelo dos Sussurros, e usar o ramo do rio, que poderíamos chamar de "Cauda do Gato", para enviar Suprimentos tanto para o castelo, quanto para a comunidade do Lago Longo. Obviamente poderíamos usar o porto do Lago para incentivar a pesca de peixes, mais uma fonte de comida.

    - Já na constituição da cidade em si, Acredito que deveríamos construir Tavernas para instalar viajantes mercadores, e guildas para transformar as matérias primas de nossas montanhas ou as adquiridas no porto de Break Stone em produtos ainda mais valiosos.

    - A Cauda do Gato também serviria para mandar soldados mais rapidamente em caso de invasão. Mas com tudo o que disse, ficaria quase impossível uma invasão rápida.

    - Por último, é nossa relação com os Manderly, estaremos criando um porto que, inevitavelmente, será rota de Caminho de Porto Branco. Isso tem um lado bom, que aumentará ainda mais o comércio e o fluxo de pessoas lá. Mas pode ser visto de forma negativa, caso eles pensem que estamos querendo "roubar" o ponto comercial deles. Devemos mostrar e propor a eles uma aliança, mesmo que comercial. Para eles já verem nosso avanço como algo pródigo.


    Esdres teria mais coisas para acrescentar, mas esperaria os outros se manifestarem sobre suas falas.

    ....


    Lorde Beron escreveu:- Quais são seus planos para hoje?

    - Meus planos para hoje, senhor meu pai, se consistem em ganhar mais uma etapa do torneio, e depois me dedicar em estreitar minhas relações com Wynafryd Manderly, ontem pedi o favor dela para a justa e ela me concedeu, e pelos olhares lançados a mim por ela, acredito que seja um momento para uma aproximação. Se me permitir, é claro, meu pai.
    Pikapool
    Sacerdote de Cthulhu
    Pikapool
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2636
    Reputação : 73

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por Pikapool Seg Set 12, 2022 8:38 pm


       
           
           
       

               

               
    Informações

    • Mote: Sou a última da minha casa, e cabe a mim garantir que seus nomes se tornem lendas!

    • Itens Carregados: Todos meus pertences.

    • Vestimentas: Vestido curto de seda preto, casaco com capuz preto, gargantilha, braçadeira de ouro, pulseiras de ouro e botas altas pretas de couro com salto alto.


           

               

                   

    - Compreendo. - Disse ao ouvir as palavras de Beron.



    Segui em silencio ouvindo atentamente os sussurros de Beron. Me perguntava de onde o Lorde Felinight havia obtido tais informações. Mesmo em meio ao conflitos dentro de sua própria família e os infortúnios ocorridos durante do torneio, ele se mostrava astuto.



    Foi diante de seu sorriso felino que Beron realmente demonstrou suas verdadeiras intenções. E Auranne parecia confabular com o Lorde Felinight. Contudo, as verdadeiras intenções do rapaz pareciam nubladas. Ainda não conseguia ver a verdade, mas por algum motivo eu desconfiava de Auranne.



    Felizmente, Beron não estava determinado a fazer-me casar com o bastardo bonitão.



    - Agradeço por respeitar minhas escolhas, Lorde Beron. Porém, não acredito que seja possível restaurar minha casa. - Repouso minha mão sobre a dele e o olho diretamente nos olhos. - Ainda tem alguns pontos nessa historia que não ficaram claros, Lorde Beron. - Sorrio gentilmente. - Então peço que me conceda um tempo para analisar tudo com calma.



    Volto-me seria para Auranne e o encaro.



    - Há algo em suas intenções que estão a me incomodar, senhor Auranne. E agora como parte da casa Felinight, eu devo visar pelo melhor para ela. - Analisava o valyriano franzindo o cenho. - Tens até o baile da rainha para sanar minhas duvidas sobre alguns pontos. Espero poder conversar sobre esses pontos em um momento propicio. - Dou uma rápida olhada para Beron. - A não ser que eu ainda não esteja a par de todos os detalhes. - Volto-me para Auranne e esboço um sorriso malicioso. - Em todo caso. É um prazer conhecê-lo, Auranne Waters.



    Recostei-me relaxada acariciando meu violino dirigindo minha atenção à arena.






    O sol mal nascera e a agitação na tenda Felinight já se mostrava alvoroçado. Desejava ficar na cama mais um pouco, mas não era sensato deixar Lorde Beron e Lady Maria esperando.



    Cumprimentei a todos assim que adentrei a tenda de reuniões e logo sentei-me aguardando os demais. Depois que todos chegaram, Beron se pôs a falar. E quando pude ter a palavra, proferi:



    - Se me permitir, Lorde Beron, eu gostaria de seguir para Derivamarca. - Sorri sem jeito. - Gostaria de conhecer o local para ter uma melhor ideia dos planos de milorde. Contudo, eu gostaria de tratar de alguns pontos sobre isso com milorde. - Tomei um pouco de leite antes de continuar. - Se milorde tiver algum tempo disponível mais tarde. Ficaria a vossa disposição para discutirmos.



    Ao questionamento de Beron no fim do desjejum, apenas respondi:



    - Não planejei nada para a manhã, Lorde Beron. Então se tiver algum tempo livre, talvez possamos alinhar nossos planos? - Aguardei calmamente pela resposta do senhor Felinight.


               

           
    DariusNovadek
    Troubleshooter
    DariusNovadek
    Troubleshooter

    Mensagens : 923
    Reputação : 16

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por DariusNovadek Seg Set 12, 2022 9:59 pm

    Planejamento de Esdres:
    Claude Speedy
    Semi-Deus
    Claude Speedy
    Semi-Deus

    Mensagens : 5233
    Reputação : 82
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por Claude Speedy Qua Set 14, 2022 8:34 am

    —Meu plano manhã é ver a justa...Resolver a questão que lhe falamos há alguns dias.

    A fala poderia polemizar, a covardia de Beron ao agredir Lícia ainda não tinha sido esquecida. não havia sido acertada a ida vou me furtar da questão dos clãs que Arthur tanto insiste e que certamente influenciou o lorde, mesmo por várias vezes nas tentativas de dizer que poderia ser feita por qualquer outra pessoa muito melhor...

    Era fundamental terminar as questões sobre religião ali e agora, como eu já havia explicado para Asdulfur e Lícia que o que foi pedido fosse colaborado por eles, mas parecia que tudo que acontecia era tentar correr quase sozinho. a prisão do Cavaleiro Raposa foi completamente uma total perda de tempo e apenas serviu para despistar os inimigos na cidade e saber deles.

    Agora era fundamental criar um medo reverencial que fizesse todos se afastar, enquanto se chafurdava no mesmo sangue dos clérigos vermelhos.
    Sandinus
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo
    Sandinus
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo

    Mensagens : 11854
    Reputação : 92
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/111.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por Sandinus Qui Set 15, 2022 10:51 am

    - Quais são seus planos para hoje?

    Asdulfor Pondera e logo toma a palavra novamemte.

    -Bem, pretendo oficializar de vez a adesão do Meistre, preciso apenas da quantia e se possivel já traze-lo hoje para cuidar de Arthur e Lady Maria, afinal, temos uma investigaçã em curso apesar das coisas aparentemente se acalmarem nada concreto ainda foi descoberto, e a ameaça ainda nos ronda, afinal, o garoto que tentaram empurrar como meu filho bastardo provavelmente para nos espionar, que eu o converti para nosso espião, morreu misteriosamente... Fui nas irmãs silenciosas para avaliar o corpo e a morte foi muito suspeita. Provavelmente, quem o enviou decidiu o matar talvez por se considerar traido... No entanto, com a vinda do novo Meistre terei mais liberdade para ajudar na investigação. Encerrava olhando para Gaspar e Lícia que estão mais a frente disso.

    Logo em seguida ele encara Arthur e Beron

    -O novo Meistre tem habilidades em Engenharia, Alquimia, Guerra e Medicina. Exatamente para o que precisamos em nosso futuro com as obras propostas por Lady Inês, numa possivel ameaça dos Boltons, no tratamento da família e na criação de armas de cerco e quem sabe fogo-vivo e outros elementos alquímicos que poderão ser utilizados para apoio e até com armas ou aperfeiçoamento delas. Aliás, Esdres, quele Dayne que desmontou o Montanha é um perigo para nosso interesse em crescer o nome Fenlinight nas justas, queria se possivel, que me informasse com antecedência seus adversários para orar aos antigos para sua vitória e obter a benção deles.

    Terminava o Mesitre aguardando mais poderações.
    DariusNovadek
    Troubleshooter
    DariusNovadek
    Troubleshooter

    Mensagens : 923
    Reputação : 16

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por DariusNovadek Qui Set 15, 2022 12:46 pm

    Assim que teve um tempo entre as falas dos outros, Esdres acrescentou mais informações.

    - Também planejo construir três torres de vigia bem altas em cima desse terreno elevado aqui, elas se chamariam "As Garras". Serviriam para avistar um exercito Bolton chegando com muita antecedência, já que eles poderiam usar desse terreno elevado justamente para fazer uma emboscada também. E sendo altas, poderiam cobrir uma visão bem grande, inclusive para outras direções.

    - Quanto ao pessoal que falei, obviamente foquei nos necessários para combate. Mas acredito que minhas aias de companhia também me acompanharão.. Também preciso de um cozinheiro, um ferreiro também.. Se puder solicitar a Linda Snow, seria bom para ela ensinar o ofício da costura, vestidos também podem ser vendidos no porto. Caso a Daise Wull não for para lugar algum, ela também seria uma ótima batedora. Mas acho que ela se encaixa melhor nos planos de Gaspar.


    Esdres queria demonstrar que estava animado com os planos de seu pai.

    - Eu sei que são muitas coisas, mas já estou pensando em longo prazo... Sobre ter informações sobre o que passa na capital, já que Maehra não ficará aqui, tenho uma outra sugestão, senhor meu pai. Se me permite dizer, podíamos comprar uma taverna aqui. Onde o pessoal bebe, sempre é onde mais se falam os podres. Eu poderia ir atrás disso para o senhor.

    ....

    Aliás, Esdres, quele Dayne que desmontou o Montanha é um perigo para nosso interesse em crescer o nome Fenlinight nas justas, queria se possivel, que me informasse com antecedência seus adversários para orar aos antigos para sua vitória e obter a benção deles.

    Esdres respondeu ao seu tio-avô.

    - Tio, os adversários são anunciados logo antes das justas, porém, agora que restam poucos cavaleiros, com certeza da para fazer uma lista e te passar. Vou pedir para uma de minhas aias para fazer isso, e tentar ver se descobrem quem é o próximo.

    - Sobre quem derrubou o Montanha, eu não reparei direito, pois estava comemorando minha vitória, mas não foi um cavaleiro de sobrenome Rowan?


    Saindo de la, Esdres já iria passar essa ordem para as três damas de companhia dele.
    Sandinus
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo
    Sandinus
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo

    Mensagens : 11854
    Reputação : 92
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/111.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por Sandinus Qui Set 15, 2022 12:57 pm

    - Sobre quem derrubou o Montanha, eu não reparei direito, pois estava comemorando minha vitória, mas não foi um cavaleiro de sobrenome Rowan?

    Asdulfor ouve confuso e franzi a testa:

    -Ah...verdade, minha memória está me traindo...De toda forma, tome cuidado com ele.
    Izanami
    Semi-Deus
    Izanami
    Semi-Deus

    Mensagens : 7075
    Reputação : 76
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por Izanami Qui Set 15, 2022 10:36 pm

    Em silencio permanecia olhando para a mesa, trabalhava sobre o que era dito entre os seus parentes, esperava o termino da ultima grande ideia de criação, não entendia como sua família tinha um incrível dom de gastar dinheiro construindo coisas, no final a papelada toda dos gastos ficaria a cargo dela como sempre, não questionou mais ninguém até porque não queria incomodar sua mãe e pior ainda enfurecer o Beron ainda mais do que ele já estava com ela.
    -Se meu senhor me permitir desejo falar algo que está me deixando um pouco nervosa em relação a nossa separação. Recomendo que devemos avaliar os nossos empregados e funcionários com mais calma em outra hora, novamente com todos reunidos para este proposito, ver para qual individuo entre nós as suas habilidades serão mais uteis para cumprir com nossas funções... Sem contar que não podemos deixar o Nosso senhor e senhora desguarnecidos dos melhores empregados e soldados para sua segurança e bem estar em sua moradia... Quero evitar o desperdício de recursos, criar algo desnecessário para o momento ou dispensar empregadas para desejos íntimos e particulares... Reforço que devemos ver com calma a situação de cada um de nós e o lugar que estamos sendo despachados para tomas alguma decisão sobre quem levar ou o que fazer...
    Calou-se novamente e encarou o Gaspar e seu tio avô, apenas acenou com a cabeça para o Gaspar mais tarde teria que colocar sua conversa em dia com ele.


    OFF: Só para organizar o leilão de npcs e criações como o @Dycleal e o @DariusNovadek
    Izanami
    Semi-Deus
    Izanami
    Semi-Deus

    Mensagens : 7075
    Reputação : 76
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por Izanami Qui Set 15, 2022 10:40 pm

    -Devemos também tentar compensar a perda da sabedoria do nosso Senhor tio avô, que vai sair em busca de mais conhecimento, mesmo não gostando da ideia de deixa-lo sozinho pelo Norte, pois a sabedoria é algo mais precioso que o ouro, por isso devemos pensar muito bem nas nossas ações futuras...


    OFF: como isso do post ( desculpa)
    Alexyus
    Antediluviano
    Alexyus
    Antediluviano

    Mensagens : 3086
    Reputação : 161

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por Alexyus Sex Set 16, 2022 1:07 am

    SEXTO DIA DO TORNEIO

    ASDULFOR

    O meistre não teve sorte em esperaar pela meretriz da BAixada das Pulgas, pois ela nunca apareceu.

    Comprar cerveja para Krotalus mostrou-se o modo mais fácil para alegrar o gigantesco cavaleiro, e imediatamente ele parou de reclamar.

    Auranne Waters olhou detidamente para o meistre, como se visse algo que ninguém mais percebia, mas nada disse.

    ESDRES

    - Querido Lorde Tygor! Fico feliz em te ver, é agora que sairemos para beber em comemoração ao retorno de sua espada, e de quebra pela minha nova vitória também?

    - Será um prazer, Lorde Esdres!

    Juntamente com o Lorde Wyl, a multidão de plebeus acompanhou Esdres para as barracas de bebida, e ficaram exultantes quando ele pagou uma segunda rodada.

    - Meus irmãos e minhas irmãs! É isso que terão no norte! Juntem-se a mim na comitiva Felinight ao final do torneio, e terão uma vida digna e alegre! E de quebra irão beber comigo com uma certa frequência!

    A multidão urrou em aclamação, e alguém gritou:

    - Três vivas para Lorde Esdres!!! Viva! Viva! Viva!!!

    Bardo, não tem nenhuma canção sobre o "Cavaleiro Gato do Norte"?

    O bardo a quem Esdres se dirigira, intimado desse modo, tentou improvisar uma canção, mas como não era tão talentoso quanto Maehra, a letra não combinava com a melodia e nada pareceu fazer sentido. Mas a multidão plebeia estava exultante demais para se incomodar com isso.

    - Diga-me, Lorde Tygor, como tem sido seu dia, agora que não anda mais nas sombras e esta com sua espada na bainha? E sua amada Linda, teve algum progresso com ela?

    Lorde Tygor ergueu sua caneca de cerveja, dando um gole e respondendo após um momento:

    - Verdade seja dita, eu já deveria ter partido daqui, mas me distraio com o torneio e com as tavernas. Quanto a Linda, eu fui à Fonte de Jade, mas ela não está mais lá. Só o que me disseram foi que um nobre requisitou a companhia dela, mas não me disseram qual nobre, nem por quanto tempo...

    Já era noite avançada quando Tygor encerrou sua bebedeira, mas Esdres ainda queria companhia feminina. Chamando as plebeias mais atiradas para uma tenda de meretriz, o segundo filho Felinight entregou-se à alegre devassidão até não ter mais forçaas para ficar acordado.

    MAEHRA

    - Agradeço por respeitar minhas escolhas, Lorde Beron. Porém, não acredito que seja possível restaurar minha casa. - Repouso minha mão sobre a dele e o olho diretamente nos olhos. - Ainda tem alguns pontos nessa historia que não ficaram claros, Lorde Beron. - Sorrio gentilmente. - Então peço que me conceda um tempo para analisar tudo com calma.

    Beron acenou generosamente:

    - Tome o tempo que precisar, senhorita.

    - Há algo em suas intenções que estão a me incomodar, senhor Auranne. E agora como parte da casa Felinight, eu devo visar pelo melhor para ela. - Analisava o valyriano franzindo o cenho. - Tens até o baile da rainha para sanar minhas duvidas sobre alguns pontos. Espero poder conversar sobre esses pontos em um momento propicio. - Dou uma rápida olhada para Beron. - A não ser que eu ainda não esteja a par de todos os detalhes. - Volto-me para Auranne e esboço um sorriso malicioso. - Em todo caso. É um prazer conhecê-lo, Auranne Waters.

    Auranne Waters respondeu:

    - Pode me perguntar o que quiser, Maehra! Não tenho nada para esconder! Me procure a hora que desejar!


    SÉTIMO DIA DO TORNEIO

    ASDULFOR, ARTHUR, ESDRES, LÍCIA, GASPAR, MAEHRA

    Lícia escreveu:-Se é isso que o meu senhor deseja, que assim o seja... Se me permite a palavra senhor, eu queria levar alguns empregados, se não for possível levar minhas damos de companhia, mas acho difícil pois elas estão cuidando da minha senhora Maria Felinight, qualquer empregado a minha escolha para os ofícios que fui designada,, tenho que ver quais empregados tem mais facilidade e habilidades para enfrentar meus futuros desafios, Olac Olms como meu segurança pessoal e Lu Mei que tem inúmeras habilidades fora do normal e sem contar que para atuar nas sombras do porto ela seria perfeita... Mas meu senhor tenho que ver direito o que vou enfrentar para selecionar os empregados certas para as tarefas futuras, e evitar o desperdício de talentos que nossa casa tem, pois encontrei muitos empregados com ótimas habilidades que não estão sendo usadas de forma efetiva...

    Lady Maria interveio nesse momento:

    - Alice e Isabella estão me ajudando, e assim devem ficar, na minha companhia, até que eu consiga bons casamentos para elas. 

    Lorde Beron assentiu e acrescentou:

    - É verdade, e Lu Mei é uma protegida de nossa casa. Quanto aos soldados, podem ser divididos como quiserem, desde que seja justa. Gylen?

    Ele dirigiu-se ao bastardo, que entendeu de imediato:

    - Olac parece fazer Lícia se sentir segura, então pode ser o comandante dos soldados que a acompanharem para o porto. Não tenho objeções.

    A autoridade do bastardo como comandante dos soldados Felinight ficava cada vez mais evidente.

    Asdulfor escreveu:-Estou de acordo com Lícia... Interrompeu Asdulfor. Não confio em seu irmão e meu sobrinho neto, Beron. Acrediro que mais alguém deva ir com Lícia, a Lu-Mei seria minha indicação, assim como alguém também deveria ir comigo como segurança pessoal, além do Rakashar e do Balerion. iria sugeirir o Gaspar, mas de fato seus conhecimento serão mais úteis no trato com os clãs das montanhas. Queria se possivel, levar o Krotalus comigo, caso ele aceite.

    Beron fez um sinal afirmativo para o meistre:

    - Nunca disse que Jone é confiável, mas a utilidade dele é como guerreiro, então podemos muito bem tirar vantagem disso. Lícia pode levar Olac consigo, mas precisamos pensar melhor na melhor utilidade de Lu Mei. E se Krotalus acompanhá-lo até a Muralha, ele precisaria permanecer por lá? É um dos meus soldados mais úteis...

    Esdres escreveu:- Primeiramente, senhor meu pai, muito me honra sua confiança em minha pessoa para guarnecer proteção a nossas terras, em um local tão importante para nossa casa. *Esdres sabia ser formal quando queria* - Concordo com tudo o que o senhor disse, e acatarei minha missão para executa-la da melhor forma.

    Lady Maria sorriu para a atitude responsável de Esdres, e até mesmo Lorde Beron deu um raro sorriso de satisfação.

    Esdres escreveu:- Mas, já que estamos todos reunidos aqui, e os dias aqui na capital estão nos dificultando de ter uma reunião como essa, acredito que devemos já fazer um planejamento de nossas ações por agora mesmo. Sobre o pessoal que seria bom estar comigo, acredito que o Sivon Simms já estará comigo, já que Gylen também estará la. Mas com Sor Rodick morto e Olac com lícia, vou precisar de mais homens de confiança. O torneio me trouxe Sor Ruud, e também me trará um novo escudeiro, o que era de Sor Langley Woods, mas ainda acho melhor levarmos mais soldados, já que será um posto avançado.. Talvez podemos levar Sor Andy Anx e os irmãos Arrow.

    Beron olhou para Gylen, que novamente tomou a palavra:

    - É claro que Sivon virá comigo, e Tarso também. É ótimo que você já tenha um cavaleiro e um escudeiro, mas podemos dispôr de algumas das tropas estacionadas no Castelo dos Sussurros, não acha, Lorde Felinight?

    Beron pensou por um momento prolongado antes de falar:

    - Leve nossa cavalaria para o lago com você. Pode levar Anx com vocês também, mas leve apenas um dos irmãos Arrow. Use os plebeus que conseguirmos recrutar para formar um destacamento de arqueiros para o Arrow treinar, e aproveite a mão de obra deles para fazer o trabalho necessário.

    Esdres escreveu:- Em uma conversa com Arthur nessa semana, conversamos sobre o futuro de nossas terras, e tivemos várias ideias, e depois disso fiquei pensando nelas e vi o que pode ser mudado ou não, vou partilhar aqui com vocês.

    Todos se inclinaram para ver o desenho que Esdresw fazia sobre um dos mapas de Asdulfor, e ficaram ansiosos pela explicação. Todos ouviram as ideias de Esdres com atenção, talvez sem entender totalmente todos os pontos, mas com bastante interesse. Ao final, Beron disse:

    - Você tem pensado bastante nisso, e é bom que faça isso. Seu plano está bem avançado, mas há algumas falhas nele:


    - Primeiro, nenhuma muralha que não esteja ligada a um castelo é útil. E mesmo que possamos construir torres de vigia nas margens da Estrada do Rei, não podemos colocar muros ou portões sobre ela. Se for fazer uma muralha, faça ao redor do forte, e apenas lá.


    - Segundo, as fazendas e pesca são boas atividades para incentivarmos, mas aconselho a fazer isso mais perto do lago e mais distante das montanhas. E construir tavernas e estalagens no meio do nada é um mau negócio, principalmente se você não tem alguém confiável para gerenciar o negócio.


    - Terceiro, com certeza devemos falar com a casa Manderly para que sejam nossos aliados e não opositores. Por isso, aja muito respeitosamente com a filha dele, e não dê de modo algum motivo para que ela desgoste de você, entendeu?

    Maehra escreveu:- Se me permitir, Lorde Beron, eu gostaria de seguir para Derivamarca. - Sorri sem jeito. - Gostaria de conhecer o local para ter uma melhor ideia dos planos de milorde. Contudo, eu gostaria de tratar de alguns pontos sobre isso com milorde. - Tomei um pouco de leite antes de continuar. - Se milorde tiver algum tempo disponível mais tarde. Ficaria a vossa disposição para discutirmos.

    - Após o  desjejum e antes do torneio, terei todo o tempo para conversar com você, senhorita Maehra.

    Gaspar escreveu:—Meu plano manhã é ver a justa...Resolver a questão que lhe falamos há alguns dias

    - Como eu já lhe disse, fique perto dos nossos guardas para não se arriscar.

    Esdres escreveu:- Também planejo construir três torres de vigia bem altas em cima desse terreno elevado aqui, elas se chamariam "As Garras". Serviriam para avistar um exercito Bolton chegando com muita antecedência, já que eles poderiam usar desse terreno elevado justamente para fazer uma emboscada também. E sendo altas, poderiam cobrir uma visão bem grande, inclusive para outras direções.

    Gylen questionou Esdres primeiro:

    - Você sabe que não tem nenhuma grande elevação a leste do Lago Longo até chegar nas florestas da Última Lareira, né? Essas torrres de garras poderiam ser úteis, mas estariam num campo aberto com pouca elevação contra qualquer inimigo.

    Lorde Beron concordou com seu bastardo:

    - Ele tem razão, Esdres. Tome cuidado para não abraçar mais do que pode segurar. Primeiro guarneça as imediações do Lago, começando pela costa ocidental, para só depois tentar outras empreitadas.

    - Quanto ao pessoal que falei, obviamente foquei nos necessários para combate. Mas acredito que minhas aias de companhia também me acompanharão.. Também preciso de um cozinheiro, um ferreiro também.. Se puder solicitar a Linda Snow, seria bom para ela ensinar o ofício da costura, vestidos também podem ser vendidos no porto. Caso a Daise Wull não for para lugar algum, ela também seria uma ótima batedora. Mas acho que ela se encaixa melhor nos planos de Gaspar.

    Lady Maria fechou a cara numa expressão de desagrado e disse:

    - Se pretende realmente cortejar a filha do Manderly, deveria parar de tratar as servas como aias de companhia, porque ela com certeza não vai gostar disso.

    Beron assentiu, concordando.

    Esdres escreveu:- Eu sei que são muitas coisas, mas já estou pensando em longo prazo... Sobre ter informações sobre o que passa na capital, já que Maehra não ficará aqui, tenho uma outra sugestão, senhor meu pai. Se me permite dizer, podíamos comprar uma taverna aqui. Onde o pessoal bebe, sempre é onde mais se falam os podres. Eu poderia ir atrás disso para o senhor.

    Beron sacudiu a mão negativamente:

    - Como já lhe disse, sem alguém de confiança para cuidar do negócio, seria inútil gastar ouro com isso. Vamos nos concentrar no que podemos fazer.

    Lícia escreveu:-Se meu senhor me permitir desejo falar algo que está me deixando um pouco nervosa em relação a nossa separação. Recomendo que devemos avaliar os nossos empregados e funcionários com mais calma em outra hora, novamente com todos reunidos para este proposito, ver para qual individuo entre nós as suas habilidades serão mais uteis para cumprir com nossas funções... Sem contar que não podemos deixar o Nosso senhor e senhora desguarnecidos dos melhores empregados e soldados para sua segurança e bem estar em sua moradia... Quero evitar o desperdício de recursos, criar algo desnecessário para o momento ou dispensar empregadas para desejos íntimos e particulares... Reforço que devemos ver com calma a situação de cada um de nós e o lugar que estamos sendo despachados para tomas alguma decisão sobre quem levar ou o que fazer...

    Beron e Maria olharam para Lícia e acenaram positivamente, e o Lorde Felinight disse:

    - Lícia está correta, em dois pontos: não precisamos dividir os servos agora, isso pode esperar para depois, e enquanto isso vocês podem observar os que mais lhe agradam e seriam úteis. E ela também tem razão quando fala que devemos gastar nosso ouro com sabedoria, sem esbanjar demais. Quais os recursos que precisaríamos, Gylen?

    O bastardo respondeu, pensando:

    - Madeira, é claro, e para isso precisamos de lenhadores. Pedra também é importante, e pedreiros seriam fundamentais. Construtores de edifícios e ferreiros para as ferramentas. E essas pessoas precisam de casa e comida também, já que não são do Norte...  
    DariusNovadek
    Troubleshooter
    DariusNovadek
    Troubleshooter

    Mensagens : 923
    Reputação : 16

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por DariusNovadek Sab Set 17, 2022 2:40 am

    O bardo a quem Esdres se dirigira, intimado desse modo, tentou improvisar uma canção, mas como não era tão talentoso quanto Maehra, a letra não combinava com a melodia e nada pareceu fazer sentido. Mas a multidão plebeia estava exultante demais para se incomodar com isso.

    Discretamente Esdres chegou para o Bardo e disse:

    - Tudo bem amigo, te peguei desprevenido, mas saiba disso e diga aos seu colegas de profissão: Quem fizer uma boa canção sobre o Cavaleiro Gato do Norte, vai ser bem recompensado por mim.

    Na mesa conversando com Lorde Tygor:

    - Verdade seja dita, eu já deveria ter partido daqui, mas me distraio com o torneio e com as tavernas. Quanto a Linda, eu fui à Fonte de Jade, mas ela não está mais lá. Só o que me disseram foi que um nobre requisitou a companhia dela, mas não me disseram qual nobre, nem por quanto tempo...

    Esdres fez uma expressão séria.

    - E cadê aquele homem determinado que veio ao meu encontro ontem? Aquele homem que saiu de Dorne para buscar o que era seu por direito, ele não pararia de ir atrás de seu grande amor, só por algumas atendentes o impossibilitarem. Ele descobriria com quem ela estivesse, e correria ao encontro dela para confessar o seu amor.

    - Mas me diga, Lorde Tygor, você me diz que está apaixonado por ela, esse é um amor platônico, ou ja esteve em companhia dessa dama, nem que seja conversando?


    Tentou insistir mais um pouco com Lorde Tygor, tentando tirar-lhe algumas informações, mas logo estaria de volta para aproveitar a gandaia.

    ...

    No café da manha

    Esdres continuou comendo suas frutas com mel e tomando seu café. Até já tomaria um vinho, mas estava cedo demais pra começar, e logo teria o torneio, sem contar a bebedeira de ontem. Foi ouvindo a conversa de seus parentes até chegar sua vez.

    Ficou feliz enquanto falava, vendo a reação de seus pais, porém seu pai veio com algumas ressalvas em relação ao plano do Jovem Lorde.

    - Você tem pensado bastante nisso, e é bom que faça isso. Seu plano está bem avançado, mas há algumas falhas nele:


    - Primeiro, nenhuma muralha que não esteja ligada a um castelo é útil. E mesmo que possamos construir torres de vigia nas margens da Estrada do Rei, não podemos colocar muros ou portões sobre ela. Se for fazer uma muralha, faça ao redor do forte, e apenas lá.

    - Obrigado senhor meu pai, como disse, é um planejamento, estou justamente expondo aqui para que possamos aperfeiçoa-lo.

    - Não podemos colocar portões mesmo que a Estrada do Rei passe por nossas terras? Não sabia disso. E sobre a muralha, você diz de fazer uma pequena fortaleza? Entendi.


    - Segundo, as fazendas e pesca são boas atividades para incentivarmos, mas aconselho a fazer isso mais perto do lago e mais distante das montanhas. E construir tavernas e estalagens no meio do nada é um mau negócio, principalmente se você não tem alguém confiável para gerenciar o negócio.

    - Pensei em colocar as fazendas aqui para não ficar um espaço muito vago entre o Lago Longo e o Castelo dos Sussurros, e de quebra fornecer alimento para os dois centros. Mas realmente, não tinha colocado a escala aqui, e o espaço é muito grande, muito maior do que eu imaginava. De qualquer forma, podemos descer elas mais pra perto do Lago, chegando mais perto do Forte.

    - Quanto a Taverna, me refiro mais como lugar de repouso. Viajantes chegarão de todos os lados, seja pelo chão, seja pelas águas, eles vão querer pernoitar em algum lugar, quanto mais tempo passarem no local, mais mercadoria vão comprar ali, consequentemente, mais dinheiro entrando.


    - Terceiro, com certeza devemos falar com a casa Manderly para que sejam nossos aliados e não opositores. Por isso, aja muito respeitosamente com a filha dele, e não dê de modo algum motivo para que ela desgoste de você, entendeu?

    - Isso pode ter certeza, senhor meu pai, eu e ela temos nos aproximado cada vez mais, viu que ela me concedeu seu favor na justa de ontem? Serei o mais cortes possível.

    Logo depois Esdres fez mais algumas ressalvas, que foram respondidas pelo seu pai e por Gylen.

    Gylen questionou Esdres primeiro:

    - Você sabe que não tem nenhuma grande elevação a leste do Lago Longo até chegar nas florestas da Última Lareira, né? Essas torrres de garras poderiam ser úteis, mas estariam num campo aberto com pouca elevação contra qualquer inimigo.

    Lorde Beron concordou com seu bastardo:

    - Ele tem razão, Esdres. Tome cuidado para não abraçar mais do que pode segurar. Primeiro guarneça as imediações do Lago, começando pela costa ocidental, para só depois tentar outras empreitadas.

    - Como não? Olhe aqui.. Ah, não, esse terreno elevado fica mais pra baixo. *Esdres diz apontando onde se localizam as "Lonely Hills"*- Me perdoem, foi muita empolgação, e não estou muito habituado com cartografia. De qualquer modo, tudo o que eu apresentei aqui, obviamente, não seria para ser construído de uma vez, e as Garras seriam a última parte de todo o planejamento.

    - Aproveitando, concordo em pegar apenas um Irmão Arrow, a sua escolha, senhor meu pai. Tinha pensado em um ficar no destacamento e outro nas Garras, mas agora não será necessário.


    Off: Foi falha minha mesmo kkkk

    Depois fez algum comentário que desagradou sua mãe.

    Lady Maria fechou a cara numa expressão de desagrado e disse:

    - Se pretende realmente cortejar a filha do Manderly, deveria parar de tratar as servas como aias de companhia, porque ela com certeza não vai gostar disso.

    Beron assentiu, concordando.

    Esdres se remexeu na cadeira, iria falar algo, mas ja tinha falado demais naquela manhã, talvez a conversa mais longa que ja havia feito com seu pai. Apenas, depois de um gole seco, consentiu com a cabeça com a fala de sua mãe.

    - Como já lhe disse, sem alguém de confiança para cuidar do negócio, seria inútil gastar ouro com isso. Vamos nos concentrar no que podemos fazer.

    Ainda na linha de ter falado demais, Esdres apenas respondeu seu pai para que o mesmo não ficasse sem resposta.

    - Sem problemas, senhor meu pai.

    Esdres continuou ouvindo o restante da conversa, engolindo seco mais uma vez, quando ouviu a frase:
    E ela também tem razão quando fala que devemos gastar nosso ouro com sabedoria
    Lembrando que ainda aquele dia deveria pedir mais dinheiro para sua irmã ou para o seu pai.

    Não deixou de pedir para uma de suas servas para procurarem os nomes dos cavaleiros ainda presentes no torneio, e se possível qual seria o seu próximo adversário, e assim que pudessem, entregar para Asfuldor.
    Sandinus
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo
    Sandinus
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo

    Mensagens : 11854
    Reputação : 92
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/111.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por Sandinus Qui Set 22, 2022 11:30 pm

    - Nunca disse que Jone é confiável, mas a utilidade dele é como guerreiro, então podemos muito bem tirar vantagem disso. Lícia pode levar Olac consigo, mas precisamos pensar melhor na melhor utilidade de Lu Mei. E se Krotalus acompanhá-lo até a Muralha, ele precisaria permanecer por lá? É um dos meus soldados mais úteis...

    Asdulfor coça a cabeça pensativo, mas logo responde:

    -Não precisa ser o Krotalus, porém eu queria se possivel levar um dos nossos que seja um combatente de confiança e ao mesmo tempo esperto e focado como o Sivon Simms... -Olhava Asdulfor para Gyllen- Sei que ele é de sua total confiança Gyllen, e confesso que pensei no Albrey, mas sei de sua importância para a guarda de Lorde Beron e Lady Maria, portanto me soboru o Sivon, os demais são muito jovens e não busco apenas habilidades de combate, experiência de vida também é importante para assegurar minha segurança com mais tranquilidade. Claro que uma escolta me levaria para lá e voltariam, ficando apenas Balerion, Rakashar e Sivon. Além disso...-Virava-se para Beron- Já que estou indo por questões diplomáticas e comigo seriam mais quatro bocas para alimentar, sugiro enviar no comboio também comida, para não dar brechas para falacias sobre estar lá comendo da comida deles de favor e ao mesmo tempo demonstrar nossa boa vontade para com eles com esses presentes. Ou qualquer outra coisa que seria bem recebida.

    O meister observa a empolgação de Esdres e o comportamento mais centrado de Lícia e parece satisfeito.

    -Esdres e Lícia, fico feliz com seus planos, mas principalmente quanto a você Esdres! Parece que você está começando a dividir seus pensamentos entre seus atos libidinosos e seu futuro. Um sinal de Amadurecimento. Porém, tenha em mente que tudo isso só poderá ser feito a longo prazo. Teremos que ao voltar para ao Castelo dos Sussuros, consultar o nosso novo meistre com sua especialidade em engenharia somados a habilidade financeira e administrativa de Lícia, bem como, os interesses de Lorde Beron e Arthur para a partir daí, traçar um plano estartégico para as prioridades e ações em nossas empreitadas.

    A reunião prosseguiu até que após a ultima fala de Gyllen, Asdulfro também interveio, tinha ideia do que precisava ser feito:

    - Madeira, é claro, e para isso precisamos de lenhadores. Pedra também é importante, e pedreiros seriam fundamentais. Construtores de edifícios e ferreiros para as ferramentas. E essas pessoas precisam de casa e comida também, já que não são do Norte...

    -Pois bem, temos três dias para resolver essa questão, precisamos planejar nossa volta e quanto poderemos levar para o norte desde já.
    Izanami
    Semi-Deus
    Izanami
    Semi-Deus

    Mensagens : 7075
    Reputação : 76
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por Izanami Sex Set 23, 2022 11:16 am

    -Se o senhor me permite, a Lu Mei seria meu braço direito no qual poderia confiar meus mais específicos planos, ela pode me alertar dos perigos de terceiros já que não terei a Alice e Isabella comigo, não sou muito boa e perceptiva em relação as pessoas desconhecidas que me cercam e ambas me ajudavam em muito com o trato a outras pessoas... sem contar que Lu Mei pode ensinar arquearia aos demais soldados ou empregados em seu tempo de folga...Olac realmente me passa a sensação de segurança...
    Ficava em silencio a espera do parecer dos demais, no entanto quando seu tio mencionou seu nome ela ficou paralisada e sorria sem jeito, tinha sorte de que o mesmo ainda não havia jogado ela para seus animais de estimação, mais seria que o normal o respondia.
    -Agradeço pela confiança, senhor meu tio, realmente devemos focar mais nos afazeres para o nosso retorno ao Norte, o Senhor Arthur continua acamado e deve ter todo o tempo para pensar em mais detalhes dos nossos afazeres, quanto ao Senhor Esdras continua se destacando nos torneios é melhor ele se concentrar só nisso devido ao fato de mostrar-se competente nesta função, agora em relação a noivados com  Wynafryd Manderly ele deve realmente a começar a mudar suas atitudes se possivel me permite levar algumas de suas aias também para afasta-lo da tentação em trair sua futura noiva, pelo visto aquela jovem é muito correta e eu gosto de pessoas assim. No demais se me permitirem usarei os meus três dias para completar nossa tarefa da melhor forma possível, no entanto tenho que encontrar o Senhor Henry Allafante para me ajudar com os mercantes conhecidos dele nesta cidade... Sei que temos dois ferreiros se ninguém for usar o ferreiro avulso, vou leva-lo para o porto comigo, se tivermos mesmo um competente miestre especialista em engenharia ele deve ser auxiliado pelo outro ferreiro da nossa casa, vou precisar da Linda Snow aprimorar suas habilidades em costura para trabalhar em couro... Preciso de alguém competente com embarcações e com uma embarcação se possível, este custo extra eu mesma posso tirar do meu bolso para não incomoda-los financeiramente, mas preciso ir ao porto da cidade procurar por um...Prometo transformar o nosso porto em uma mina de ouro mas antes devo tornar o lugar impenetrável contra assaltantes, bandidos e possíveis ataques vindo dos piratas polvo/ Kraken/ não lembro o nome daqueles saqueadores do mar...
    Terminava de expor suas ideias e voltava sua atenção ao seu pai.
    -Meu Senhor, meu ultimo pedido é que a Senhora Maehra venha comigo para o porto, isso é mais como um pedido de retratação pelas atitudes infantis que tive contra a senhora Maehra, quero reforçar seu status e influencia aos poucos no Norte para que ela consiga a proposta de casamentos das melhores casas nobres do Norte... Claro meu senhor a não ser que já tenha planos para o futuro da senhora Maehra, no caso esqueça e perdoe minha ousadia em fazer este tipo de pedido não quero ofende-lo e muito menos passar por cima da sua autoridade como nosso senhor...
    Pikapool
    Sacerdote de Cthulhu
    Pikapool
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2636
    Reputação : 73

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por Pikapool Sex Set 23, 2022 4:41 pm


       
           
           
       

               

               
    Informações

    • Mote: Sou a última da minha casa, e cabe a mim garantir que seus nomes se tornem lendas!

    • Itens Carregados: Todos meus pertences.

    • Vestimentas: Vestido curto de seda preto, casaco com capuz preto, gargantilha, braçadeira de ouro, pulseiras de ouro e botas altas pretas de couro com salto alto.


           

               

                   

    Apenas apreciei meu café enquanto ouvi todo aquele planejamento da casa Felinight. Não tinha a menor intenção de dar sinais de minha presença ali na mesa. Embora, muitas das informações fossem curiosas.



    Um ponto que chamou de minha atenção foi a necessidade de encontrar alguém que pudesse vir a ser meu braço direito em minha nova aventura. Mas, diferente dos demais, eu preferia não reivindicar ninguém, apesar de ter criado afeição por sor Aubrey. Bem, talvez eu pudesse...



    Enfim, preferia procurar por alguém entre o povo local, uma pessoa desconhecida, um coringa. E se no fim das contas ele se demonstrasse inconveniente. Bem, talvez isso pudesse ser algo resolvido por Auranne e uma prancha.



    Perdida em meus devaneios, me surpreendi ao ouvir Lícia citar meu nome. Encarei-a curiosa. Talvez ela tivesse tido a mesma ideia que tive. Apesar de pouco provável que ela me atirasse aos peixes. Contudo, não podia evitar de pensar que ela estava tramando algo.


               

           
    Alexyus
    Antediluviano
    Alexyus
    Antediluviano

    Mensagens : 3086
    Reputação : 161

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por Alexyus Sab Set 24, 2022 2:20 pm

    SEXTO DIA DO TORNEIO

    ESDRES

    - E cadê aquele homem determinado que veio ao meu encontro ontem? Aquele homem que saiu de Dorne para buscar o que era seu por direito, ele não pararia de ir atrás de seu grande amor, só por algumas atendentes o impossibilitarem. Ele descobriria com quem ela estivesse, e correria ao encontro dela para confessar o seu amor.

    Sor Tygor pareceu pesaroso ao responder, enquanto entornava mais um caneco de cerveja:

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 Bryan_10- Creia-me, eu já tentei tudo que imaginei, sor! Os Sete sabem como as meretrizes conseguem guardar segredos! E com os leões-de-chácara na Fonte de Jade sempre por perto, nem mesmo ameaças deram qualquer resultado... Já andei por todos os lugares da Rua da Seda e também procurei sinais nas estalagens que conheço, mas não vi nem sinal da bela Linda...

    - Mas me diga, Lorde Tygor, você me diz que está apaixonado por ela, esse é um amor platônico, ou ja esteve em companhia dessa dama, nem que seja conversando?

    Lorde Wyl riu e respondeu:

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 Bryan_10- Posso estar apaixonado por ela, mas não sou tolo, Sor Esdres! Enquanto tive ouro suficiente, eu a possuí, muitas e muitas vezes, mas nunca me cansei dela! Nunca conheci mulher como ela, tão hábil na cama, tão bela e tão misteriosa! Se um castelo em Dorne não é o suficiente para atraí-la, não sei o que mais fazer para conquistar o favor dela...


    SÉTIMO DIA DO TORNEIO

    Café da manhã

    Esdres escreveu:- Não podemos colocar portões mesmo que a Estrada do Rei passe por nossas terras? Não sabia disso. E sobre a muralha, você diz de fazer uma pequena fortaleza? Entendi.

    Gylen sorriu, comentando:

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 Gylen_10- Por isso é a Estrada do Rei, e não a estrada dos Felinight! É um longo caminho de Porto Real até o Castelo Negro da Muralha do Norte, sem nada para interrompê-la...

    - Pensei em colocar as fazendas aqui para não ficar um espaço muito vago entre o Lago Longo e o Castelo dos Sussurros, e de quebra fornecer alimento para os dois centros. Mas realmente, não tinha colocado a escala aqui, e o espaço é muito grande, muito maior do que eu imaginava. De qualquer forma, podemos descer elas mais pra perto do Lago, chegando mais perto do Forte.

    - Quanto a Taverna, me refiro mais como lugar de repouso. Viajantes chegarão de todos os lados, seja pelo chão, seja pelas águas, eles vão querer pernoitar em algum lugar, quanto mais tempo passarem no local, mais mercadoria vão comprar ali, consequentemente, mais dinheiro entrando.

    Lorde Beron explicou pacientemente:

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 RLDn6AH- Nas margens da estrada real, o ideal seria ter estalagens, tavernas, armazéns e outros estabelecimentos. À meia distância, as casas dos comerciantes e fazendeiros, agrupados em pequenas vilas. Mais próximo do lago seria uma região ideal para instalar fazendas, com água fresca próxima e com estruturas para suportar as neves do Norte; deixarei as culturas a seu critério, dentro do que for possível. Tavernas e estalagens são boas quando já houver tráfego de viajantes na região, o que não será o caso até conseguirmos fazer o porto no lago funcionar.

    O patriarca Felinight começou a apontar os pontos no mapa ao redor do Lago Longo onde Esdres marcara as torres de vigia a serem erigidas:

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 RLDn6AH- Quando eu falo sobre não abraçar mais do que consegue segurar, me refiro ao que é necessário para formar um povoamento. Quando você chegar ao local, precisará ter homens para trabalhar, materiais para construir o forte, o porto, as casas dos plebeus. O mesmo deve ser feito para cada torre de vigia, o ideal é que houvesse pelo menos uma casa ou até aldeia próxima de cada uma. Com tudo isso para fazer, construir tavernas será um luxo que talvez só seja possível daqui a anos.

    - Isso pode ter certeza, senhor meu pai, eu e ela temos nos aproximado cada vez mais, viu que ela me concedeu seu favor na justa de ontem? Serei o mais cortes possível.

    Lorde Beron e Lady Maria acenaram com aprovação e ele disse:

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 RLDn6AH- Quando partirmos de Porto Real, você precisa ir à Mata de Lobos para entregar o corpo de Langley Woods e manter a paz com a casa Woods, mas depois disso pode ir à Porto Branco e propôr casamento ao Lorde Manderly. Enquanto isso, Gylen fará o seu trabalho no Lago Longo.

    - Aproveitando, concordo em pegar apenas um Irmão Arrow, a sua escolha, senhor meu pai. Tinha pensado em um ficar no destacamento e outro nas Garras, mas agora não será necessário.

    Beron indicou Gylen:

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 RLDn6AH- Gylen vai coordenar nossas forças até voltarmos ao Castelo dos Sussurros. Ele vai decidir isso.

    O bastardo Snow fez um sinal de aceitação.

    Asdulfor escreveu:-Não precisa ser o Krotalus, porém eu queria se possivel levar um dos nossos que seja um combatente de confiança e ao mesmo tempo esperto e focado como o Sivon Simms... -Olhava Asdulfor para Gyllen- Sei que ele é de sua total confiança Gyllen, e confesso que pensei no Albrey, mas sei de sua importância para a guarda de Lorde Beron e Lady Maria, portanto me soboru o Sivon, os demais são muito jovens e não busco apenas habilidades de combate, experiência de vida também é importante para assegurar minha segurança com mais tranquilidade. Claro que uma escolta me levaria para lá e voltariam, ficando apenas Balerion, Rakashar e Sivon. Além disso...-Virava-se para Beron- Já que estou indo por questões diplomáticas e comigo seriam mais quatro bocas para alimentar, sugiro enviar no comboio também comida, para não dar brechas para falacias sobre estar lá comendo da comida deles de favor e ao mesmo tempo demonstrar nossa boa vontade para com eles com esses presentes. Ou qualquer outra coisa que seria bem recebida.

    Gylen sorriu, dizendo troceiramente:

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 Gylen_10- Está querendo tirar o meu braço direito, meistre Asdulfor? Aha! Bem... podemos encontrar alguém capaz para lhe acompanhar e escoltar, além dos prisioneiros que vamos mandar para lá também. Já sobre comida e recursos, isso é a Lícia que tem que responder o que é possível...

    Ele olhou inquisitivamente para a filha Felinight.

    Lícia escreveu:-Se o senhor me permite, a Lu Mei seria meu braço direito no qual poderia confiar meus mais específicos planos, ela pode me alertar dos perigos de terceiros já que não terei a Alice e Isabella comigo, não sou muito boa e perceptiva em relação as pessoas desconhecidas que me cercam e ambas me ajudavam em muito com o trato a outras pessoas... sem contar que Lu Mei pode ensinar arquearia aos demais soldados ou empregados em seu tempo de folga...Olac realmente me passa a sensação de segurança...

    Gylen comentou:

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 Gylen_10- Ensinar arquearia não é uma coisa que se faça em tempo de folga, minha senhora! É preciso muita dedicação e treinos diários. Acho que se Esdres vai levar um dos irmãos Arrow, você deveria levar o outro, assim teríamos dois pelotões de arqueiros em treinamento em cada extremo dos domínios Felinight.

    Beron ouviu aquilo e aprovou:

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 RLDn6AH- É verdade, Lícia! Os gêmeos Arrow são os melhores arqueiros que temos, e seriam mais respeitados pelos soldados como mestres arqueiros do que Lu Mei, afinal ela nem é um soldado! Sobre a utilidade dela como... conselheira... depois que Maria der à luz, podemos deslocar o meistre te ajudar na administração do porto. De qualquer forma, você terá muitos servos de confiança para ajudá-la nisso.

    Lícia escreveu:quanto ao Senhor Esdras continua se destacando nos torneios é melhor ele se concentrar só nisso devido ao fato de mostrar-se competente nesta função, agora em relação a noivados com  Wynafryd Manderly ele deve realmente a começar a mudar suas atitudes se possivel me permite levar algumas de suas aias também para afasta-lo da tentação em trair sua futura noiva, pelo visto aquela jovem é muito correta e eu gosto de pessoas assim.

    Beron comentou:

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 RLDn6AH- O lugar de mulheres não é no trabalho pesado, e só vai haver isso lá no porto até que você construa um forte para supervisionar o porto. Elas serão mais úteis no Castelo dos Sussurros, ajudando na gestação e no parto de Maria, ou servindo na Torre Myrella com Arthur. Vamos decidir isso quando chegarmos em casa, mas elas não irão com Esdres, isso é certo.

    Lícia escreveu:No demais se me permitirem usarei os meus três dias para completar nossa tarefa da melhor forma possível, no entanto tenho que encontrar o Senhor Henry Allafante para me ajudar com os mercantes conhecidos dele nesta cidade...

    O Lorde Felinight explicou, com um ar soturno:

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 RLDn6AH- Henry Allafante está cuidando de seus negócios em Porto Real, e também de assuntos do Banco de Ferro. Precisamos aproveitar bem o tempo dele quando ele estiver aqui, mas acho que Arthur não fez um bom trabalho nesse campo...

    O olhar do lorde caiu sobre seu primogênito de modo severo.

    Lícia escreveu:Sei que temos dois ferreiros se ninguém for usar o ferreiro avulso, vou leva-lo para o porto comigo, se tivermos mesmo um competente miestre especialista em engenharia ele deve ser auxiliado pelo outro ferreiro da nossa casa, vou precisar da Linda Snow aprimorar suas habilidades em costura para trabalhar em couro... Preciso de alguém competente com embarcações e com uma embarcação se possível, este custo extra eu mesma posso tirar do meu bolso para não incomoda-los financeiramente, mas preciso ir ao porto da cidade procurar por um...Prometo transformar o nosso porto em uma mina de ouro mas antes devo tornar o lugar impenetrável contra assaltantes, bandidos e possíveis ataques vindo dos piratas polvo/ Kraken/ não lembro o nome daqueles saqueadores do mar...

    Gylen fez uma piada:

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 Gylen_10- Sobre os ferreiros, você prefere o velho ou o pai da vadia?

    Apesar do chiste, nem Beron nem Maria riram, e o lorde Felinight disse:

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 RLDn6AH- Escolha um ferreiro e leve consigo, o outro vai ficar com Esdres. Arthur pode manter o nosso ferreiro residente na Torre Myrella. Até onde sei, trabalho em couro é bem duro, e não sabia que Linda Snow era capaz disso. Mas leve-a se quiser. Sobre barcos, nós Felinight estamos sem ninguém assim no momento, então pode se concentrar em encontrar alguém para a posição. Sobre ataques marinhos, concentre-se em construir um bom porto e talvez um estaleiro, deixe que Jone se encarregue da parte marcial.

    -Meu Senhor, meu ultimo pedido é que a Senhora Maehra venha comigo para o porto, isso é mais como um pedido de retratação pelas atitudes infantis que tive contra a senhora Maehra, quero reforçar seu status e influencia aos poucos no Norte para que ela consiga a proposta de casamentos das melhores casas nobres do Norte... Claro meu senhor a não ser que já tenha planos para o futuro da senhora Maehra, no caso esqueça e perdoe minha ousadia em fazer este tipo de pedido não quero ofende-lo e muito menos passar por cima da sua autoridade como nosso senhor...

    Beron fitou Lícia detidamente, adivinhando as intenções dela, enquanto respondia lentamente:

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 RLDn6AH- A senhorita Maehra vai conversar comigo após a refeição e então estará livre para ir onde quiser. Embora eu a patrocine no momento, não estou em posição de ordenar que ela se case com quem quer que seja, então não direi nada sobre isso.


    *@*@*@*@*@*@*@*

    MAEHRA

    Com o fim da refeição, Beron se levantou e dispensou todos, exceto Maehra, a quem indicou com um gesto:

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 RLDn6AH- Acompanhe-me à tenda de reunião, senhorita.

    O lorde deixou que Maehra se sentasse numa cadeira à frente de uma pequena mesa, e ele mesmo se sentou no lado oposto.

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 RLDn6AH- Muito bem, minha cara, sobre o que deseja falar?

    ESDRES

    Após sair da tenda de refeições, Esdres foi assistido pelo escudeiro de Arthur, Alvin Tooly, o cavaleiro juramentado, Sor Ruud GreyIron, e o cavalariço aprendiz de Gylen, Tarso.

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 Alvin_10O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 Tarso10O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 Ruud_g10

    O dia estava quente e ensolarado na capital. Antes do meio-dia, eles o acompanharam à arena do torneio para conhecer o próximo desafiante dele. Com tão poucos cavaleiros restantes no torneio, os duelos de justa tinham apresentações cada vez mais elaboradas e eram entremeadas pela apresentação de bardos e outros artistas circenses para entreter a família real, os nobres e a multidão da plebe. A multidão de plebeus parecia aumentar de tamanho a cada dia, ansiosa para ver os cavaleiros restantes se digladiando, enquanto os intervalos eram dedicados a encher as vias da feira do festival, gozando os últimos dias da festança.

    Sor Ruud chamou a atenção de Esdres para o chaveamento do torneio:

    - Parece que você vai enfrentar o último cavaleiro do Norte restante... a menos que... esse Cornell é parente de sua casa?

    Esdres seria o primeiro a combater naquele dia, e enfrentaria Daryn Hornwood.

    DARYN HORNWOOD:

    Logo após as boas vindas do mestre de cerimônias e uma peça teatral musicada encenando a vitória do Rei Robert sobre os Targaryen, o arauto convocou os cavaleiros:

    - À minha direita, o herdeiro do castelo Hornwood, o Alce Negro, a Fúria Justa, campeão das florestas do Norte, SOR DARYN HORNWOOD!!!

    A multidão aplaudiu o cavaleiro trajado em armadura negra e vestes laranja, montando um cavalo de guerra marrom. Ele fez uma saudação humilde ao Rei Robert, umma inclinação respeitosa para a bancada de nobres, um aceno altivo para a multidão e finalmente um menear com a cabeça na direção de Esdres, antes de colocar seu elmo negro.

    O arauto voltou a falar:

    - À minha esquerda, o segundo filho do Castelo dos Sussurros, o cavaleiro gato do Norte, desmascarador de bandidos, campeão das montanhas geladas, SOR ESDRES FELINIGHT!!!

    A multidão foi ao delírio, com ovação e gritos prolongados, com mulheres fazendo acenos sensuais para Esdres enquanto homens faziam sinais para ele espetar com força.

    O arauto deu o sinal e os intendentes levantaram as bandeiras, liberando o início do duelo.

    O cavalo marro de Sor Daryn partiu, ganhando velocidade lentamente enquanto ele se mantinha inclinado sobre o escudo e lutando para apontar a lança contra Esdres.

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 E8c8c29408cef76c215dcc5223c9e1b5

    OFF: Pode fazer a rolagem de ataque e a de defesa.
    Dycleal
    Wyrm
    Dycleal
    Wyrm

    Mensagens : 9166
    Reputação : 162
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh14.png

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por Dycleal Sab Set 24, 2022 4:19 pm

    Arthur se surpreende com o rápido retorno da sua irmã e com um misto de alegria com este retorno e desconfortável com a sua caricata submissão, a saúda com alegria e diz: - Que feliz e rápido retorno minha irmã, aqui nesta tenda você não tem nenhum senhor e sim seu legítimo irmão que lhe ama, e deseja ouvir sua opinião que pode agregar melhorias no excelente projeto da minha amada Inês. Vamos nos aproximar da maquete que fiz do projeto e lá podemos ouvir a sua explanação. Convido Inês para ouvi-la e lhe explicaremos qualquer dúvida que você tiver sobre o maravilhoso e engenhoso projeto de Inês. E com um pouco de esforço, se encaminha em direção a Inês e lhe oferece a mão para irem juntos em direção a maquete.

    No café da manha:


    Arthur chega ao café da manhã com a família no horário estipulado e para isso acordou mais cedo devido a dificuldade de locomoção, porém foi vestido de forma magnífica e sentou-se no lugar destinado ao Herdeiro, próximo ao seu pai. Antes de sentar-se cumprimenta seus pais com respeito e cerimônia, embora beije sua mãe e fala que está feliz e reconfortado em vê-la ali com todos. Ouve atentamente a fala do seu pai e come e bebe com moderação. Fica satisfeito em ouvir seu plano da boca do próprio pai já com as adaptações feita por Inês e fica desconfortável com a forma crítica que fala sobre seu relacionamento com Inês e as prováveis repercussões da sua conversa com o sogro, mas ele sabe que ainda tem muito a aprender sobre esse tipo de conversa entre nobres e comerciantes e está disposto a humildemente aprender.

    Ao final da fala do seu pai, e em respeito a ele, não faz nenhum comentário sobre o plano ser seu e apenas parabeniza o pai pelas sus palavras e pede: - Nobre Lorde Beron, meu pai, peço que me dê uma audiência privada para falar sobre o meu noivado e sobre o plano após este desjejum e que seja no seu tempo se for possível. E volta a ouvir a fala do seu pai, acatando as críticas em silêncio, deixando claro que comentará qualquer coisa, apenas na audiência solicitada.

    Após o desjejum, procura o seu irmão Esdres, para pessoalmente se informar das suas lutas e das novidades, como homens de idade próximas fariam. Ao ouvir os seus relatos exitosos, o parabenizará efusivamente, deixando um largo sorriso de orgulho evidenciar seus sentimentos para o irmão e o abraça deveras feliz e diz para ele do seu desejo que ele chegue a final do torneio com êxito.
    Izanami
    Semi-Deus
    Izanami
    Semi-Deus

    Mensagens : 7075
    Reputação : 76
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por Izanami Dom Set 25, 2022 12:23 pm

    @Tenda

    Permanecia seria em seus pensamentos educadamente esperava sua vez para falar, no entanto seguia caminhando de um lado para outro.

    -Nosso pai me ordenou servir meus irmãos da melhor forma possível e trata-los com respeito e superioridade...Não sou muito boa em maquetes, terei que estudar um pouco sobre isso em livros e visitas a construções mais uma tarefa junto a livros de medicina...

    Parava frente a maquete pensativa.

    -No que eu poderia ajudar Senhora Inês e meu senhor Arthur? Poderiam me explicar de forma resumida a verdadeira intenção e significado de cada construção? falo de algo simples no que seria sua utilidade para evitarmos o desperdício de ouro estou disposta a ajudar da melhor forma possível, vocês não podem dividir o poder em nossas terras se algo for criado tem que ser muito bem planejado, o Senhor Esdras também tem ambições e o Senhor Berom acata cada desejo de seus filhos meu medo é dividir demais nosso poder entre as vastas terras da nossa família... Meu dever é manter o controle do nosso ouro e financiar pontos estratégicos que servem tanto para defender nossos domínios quanto gerar lucro...

    Permanecia sem expressão nenhuma frente a maquete, estava pensando nos gastos futuros naquele planejamento, estava acostumada em ficar sentada em sua sala contabilizando e atualizando os livros, mas não era muito boa com as pessoas, pois confronta-las com diálogos envolvendo dinheiro era confrontar seus sonhos e desejos da pior forma possível levando a um raciocínio de estarem certas em gastar o dinheiro em seus devaneios esperando a justificativa do futuro casal que herdaria as terras de sua família.


    @Reunião ou café da manhã?

    Apenas abaixou a cabeça.
    -Se meu senhor permitir estarei separando o que me for pedido para sua viagem a muralha...

    Permaneceu calada esperando por mais argumentos e pedidos, entre eles respondia a alguns direcionados para si, claro esperou os demais para responder ao seu senhor.

    - Se for do desejo do senhor levarei um dos gêmeos, fico em desagrado em relação a Lu Mei, quanto ao pai da vadia, não vejo motivos para denegrir as pessoas que pertencem a nossa casa seja familiares ou empregados devemos respeita-los...Então Senhor Gylen se for possível prefiro que não use mais este linguajar ao se referir aos empregados da casa do nosso senhor, lembre-se respeite para ser respeitado...

    Suspirava pesadamente já mostrando cansaço em continuar com aquela conversa, pois já estava quase tudo definido, não tinha mais motivos para ficarem interferindo com seus planos pessoais.

    -Meu Senhor, respeito sua forma de agir e pensar, mas continuar assim pode ser nossa ruina, eu vejo todos como peças de uma grande engrenagem seja homem, mulher, criança velho não importa, todos devem ou tem alguma utilidade e proposito, quanto ao treinar lutadores ou arqueiros independente do tempo que levam é o que devemos fazer, assim quando formos atacados o senhor terá em suas mãos plebeus com o mínimo de conhecimento no manejo de tais armas, diferente de ter plebeus sem nenhum conhecimento básico...

    Pela primeira vez tomava um gole do que estava sendo servido a mesa, logo segurava a mesma na mão.

    -Essa é a nossa diferença o senhor pensaria muito bem ao invadir o porto sabendo que qualquer cidadão pode ser mobilizado e integrado a uma força extra no exercito, eu os usaria para matar o máximo possível dos seu soldados treinados tentando evitar ou ter o mínimo de perda entre os plebeus, por fim acabaria com seu exercito com meus soldados treinados ou apenas usaria os plebeus como uma segunda linha de defesa ou apoio sustentada pela  primeira linha de soldados treinados... Então se eu estou pedindo pequenos favores estranhos, isso não quer dizer que é algo impensado ou apenas um desejo infantil de exibição, tudo tem um proposito...
    Conteúdo patrocinado


    O Jogo dos Tronos - Felinight - Página 38 Empty Re: O Jogo dos Tronos - Felinight

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Sab Out 01, 2022 2:52 pm