Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    Livro 1: Dívidas e Pagamentos

    JTaguchi
    Cavaleiro Jedi
    JTaguchi
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 179
    Reputação : 2

    Livro 1: Dívidas e Pagamentos - Página 2 Empty Re: Livro 1: Dívidas e Pagamentos

    Mensagem por JTaguchi em Qui Set 24, 2020 11:16 am

    Charles escutou a Theurge falando sobre a Tríade e sobre a visão filosófica da seita. Sentiu-se novamente durante o seu aprendizado, quando tio Collin lhe contava sobre a origem do mundo e o papel dos Garou no universo. Como um Philodox, ele era muito mais direto e pragmático sobre aqueles temas e, apesar de já ter ouvido outros Luas Crescentes de sua tribo discorrerem sobre o assunto, Estrela-Gélida falava daquilo de uma forma diferente. Ela soava muito mais... didática? Sim, essa era a palavra.

    Então veio a parte da missão. Apesar de tudo, ele precisava admitir que sua situação era complicada, ainda mais levando em conta a fama dos Presas de Prata. Não questionou nem fez menção de rebater a alfinetada de Estrela-Gélida e prestou atenção em cada detalhe. Basicamente, eles tinham ordens para entrar num prédio, descobrir a localização de um escritório de advocacia que estava cuidado da abertura de um restaurante de fachada, descobrir o refúgio do vampiro, destruí-lo e depois destruir o humano. E precisavam dar um jeito de agirem como uma matilha e pegar o jeito da coisa.

    Estrela-Gélida escreveu:-- Pois bém... alguem tem alguma dúvida??

    - Sim. - disse ele. - Temos algum tipo de prazo para cumprir? E, como foi falado mais cedo, vamos nos reportar a você. Haverá um canal de comunicação ou algum tipo de monitoramento remoto? Algum ponto de apoio para o caso de emergência? Algum contato ou Parente que devemos contatar?
    Alexyus
    Mutante
    Alexyus
    Mutante

    Mensagens : 664
    Reputação : 36

    Livro 1: Dívidas e Pagamentos - Página 2 Empty Re: Livro 1: Dívidas e Pagamentos

    Mensagem por Alexyus em Sex Set 25, 2020 10:43 pm

    Arthur gostava cada vez menos daquela theurge Estrela-Gélida à medida que ela falava.

    "Se ela quer seguir um passo-a-passo, por que fez todas as perguntas de uma vez? Theurge esquisita..."

    Ele não era um Lua Crescente, mas também não era exatamente leigo sobre as diversas filosofias cosmológicas dos garous, e sua mente era plenamente capaz de compreender as complexidades que as palavras simples dela ocultavam. As relações da Tríade eram objeto de intenso debate mesmo entre os anciãos mais experientes, bem como o papel  desempenhado pelos garous nesse drama universal, e Arthur apenas registrou a crença de Estrela-Gélida (que não era necessariamente a da seita só porque uma fostern afirmava isso!), sem julgá-la.

    Não entendia muito de profecias, mas admitiu que ela se encaixava bem nos quatro cliaths ali... ou a andarilha do asfalto estava forçando a mão para interpretá-la a seu modo.

    O Vigilante da Meia-Lua era um phillodox que vivia no mundo real, e se concentrava nas ações que estavam ao seu alcance. Gostava de problemas definidos e soluções concretas. Então continuou esperando (im)pacientemente que Estrela-Gélida chegasse ao ponto realmente importante.

    Vampiros. Mais vampiros chegando em Toronto. Um escritório de advocacia. Um restaurante de fachada. Agora já tinham os elementos do problema para começarem a agir. Faltava o endereço.

    O Presas de Prata fez as perguntas que ele gostaria de fazer (e algumas que já fizera, mas que a theurge tergiversara), então aguardou em silêncio que Estrela-Gélida respondesse.
    ze_lokao
    Neófito
    ze_lokao
    Neófito

    Mensagens : 18
    Reputação : 0

    Livro 1: Dívidas e Pagamentos - Página 2 Empty Re: Livro 1: Dívidas e Pagamentos

    Mensagem por ze_lokao em Dom Set 27, 2020 5:30 pm

    Cabeça ouvia a explicação de Estrela Gélida com uma expressão de atenção fixa.
    -- A missão soa simples à primeira vista. Encontrar e destruir um vampiro. Encontrar e purificar um humano. Tudo isso com o máximo de discrição.
    -- Porém não sabemos se é realmente um vampiro e apenas um. Temos fenômenos na cidade indicando uma possível conexão espiritual. E "purificar" um humano não é tarefa fácil... Não sei se meus ritos de purificação serão o suficiente, talvez tenhamos de eliminar o mesmo.
    -- Além de tudo isso a profecia fala algumas características da matilha a ser formada, o que já dá algumas dicas sobre seus possíveis propósitos... porém só ouvimos o primeiro verso. Como a profecia continua?
    Xafic Zahi
    Neófito
    Xafic Zahi
    Neófito

    Mensagens : 15
    Reputação : 0

    Livro 1: Dívidas e Pagamentos - Página 2 Empty Re: Livro 1: Dívidas e Pagamentos

    Mensagem por Xafic Zahi em Dom Set 27, 2020 6:14 pm

    O entusiasmo do Ragabash diminui à medida que a reunião se prolonga. Ethan havia aceitado o convite de imediato, na expectativa que, uma vez que estivesse entre os seus, as coisas seriam mais pragmáticas.

    Mas ao que tudo indicava, ele estava errado. Aquele encontro estava tão prolixo e extenso quanto a reunião que havia abandonado pouco antes.

    No entanto, não queria arranjar atritos, fossem com seus futuros companheiros, fossem com Estrela-Gélida.

    Sentindo-se amarrado àquela situação, sem nada poder fazer, coloca uma perna sobre a outra e começa a balançar repetidamente os pés, em um claro sinal de ansiedade.
    Alexwalker
    Investigador
    Alexwalker
    Investigador

    Mensagens : 55
    Reputação : 0

    Livro 1: Dívidas e Pagamentos - Página 2 Empty Re: Livro 1: Dívidas e Pagamentos

    Mensagem por Alexwalker em Seg Set 28, 2020 5:32 pm

    * Ouvia o comentário do Presa de Prata e olhava em volta, visto o silencio dos demais se levantava *

    -- Bem, respondendo a perguntas...

    1° - Prazo: vocês tem 48 horas para finalizarem as buscas e encontrar os responsáveis...
    2° - Iremos fazer uma conference neste mesmo horário daqui a 24 horas... e na seguinte...
    3° - Vocês receberão novos celulares da seita e neles tem o meu contato e devemos interagir só por ele...
    4° - Em caso de emergência ligue 911 pelo celular da seita e com isso serão atendidos pelo time de segurança que irão avaliar o plano de ação e resgate...

    5° - Sobre o monitoramento, como eu disse antes, 3 espíritos se voluntariaram a vigiar o seu progresso... eles tb irão nos reportar, com uma frequência maior. Afinal, são espíritos e adoram falar... Mas ele não irão se manifestar para vocês e nem irão prestar qualquer auxilio.


    *Se levantava e batia na parede abaixo do nicho onde estavam os celulares e via-se abrir um compartimento com 4 celulares novos.*

    -- Com isso, Peguem o seus celulares e me façam um favor... aprendam a investigar sozinhos, pois seu eu tivesse que dar as respostas de localização, por exemplo, sem antes vocês tivessem sequer feito um busca básica na internet... seria constrangedor para vocês...

    Mas... mesmo assim foi pedido, certo??


    * Pegava o próprio celular e enquanto manuseava o aparelho falava em voz alta *
    -- Bloor street prédio da TD e mandando para os investigadores que não usam google maps

    -- A partir de agora para se reunirem como grupo, façam na área do refugío ou onde se sentirem mais confortáveis... acho que a sala deve estar livre por mais uns 15 minutos.

    -- Bem, aguardo a ligação de vocês amanhã... até mais.


    * Simplismente saia da sala e deixava vocês *

    * Alguns segundos depois ouvia-se os celulares acusarem o recebimento da mensagem *

    Código:
    https://www.google.com/maps/@43.6693952,-79.3907352,3a,75y,117.88h,116.88t/data=!3m6!1e1!3m4!1sJ2MRmdKwqrtG0oXiZRZ_oQ!2e0!7i16384!8i8192

    JTaguchi
    Cavaleiro Jedi
    JTaguchi
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 179
    Reputação : 2

    Livro 1: Dívidas e Pagamentos - Página 2 Empty Re: Livro 1: Dívidas e Pagamentos

    Mensagem por JTaguchi em Ter Set 29, 2020 11:32 am

    Charles sentiu-se estúpido ao se lembrar da existência do Google Maps. Embora soubesse onde ficava a Bloor St, não lhe ocorrera que pudesse existir alguma dúvida sobre aquilo. Lembrou-se que estava num caern predominantemente Andarilho. Para eles, tecnologia era a coisa mais óbvia do mundo. A ideia de servir como investigador não o agradava muito - era um soldado até o tutano. No entanto, também aprendera a se adaptar a cada ocasião conforme a necessidade.

    Assim que Estrela-Gélida saiu da sala, ele se levantou e abotoou os botões de seu paletó.

    - Creio que esta seja a nossa deixa, senhores. - disse. - Que tal irmos para a área do refúgio? Lá teremos mais espaço e tempo para conversarmos. Não sei vocês, mas esse lugar não me agrada nem um pouco.

    Uma vez fora dali, o Ahroun respirou com alívio. A sensação de esterilidade tinha passado e ele se sentia muito mais à vontade ali. Assim que todos se acomodaram, ele começou novamente a conversa.

    - Agora que vamos partir para a missão, acredito que seja uma boa oportunidade de nos conhecermos melhor. Assim, estaremos a par das habilidades de cada um. - falou, num tom mais ameno. - Começando por mim, tenho treinamento militar básico e um domínio razoável sobre armas de fogo, armas brancas e combate desarmado. - então ele indicou os dois Filhos de Gaia. -  Vocês dois certamente são bem mais sutis do que eu, já que a lida constante com humanos exige isso. E temos aqui um companheiro que pode falar com espíritos e fazer muitos ritos para o nosso auxílio.

    Ouviu com atenção as respostas dos companheiros e ponderou cada uma delas. Quando todos terminaram, ele retomou a palavra.

    - Podemos concluir essa investigação de duas formas, talvez mais. - disse, e indicou novamente Arthur e Ethan. - Uma delas é um de vocês entrar no prédio e fazer algumas perguntas sobre um novo escritório que está cuidando da abertura de um novo restaurante na cidade. Eu também poderia fazer isso e me disfarçar como investidor, mas vocês provavelmente iriam se sair melhor nisso.

    Então ele indicou Cabeça nas Nuvens.

    - A outra abordagem é mais discreta. Nós nos aproximamos do lugar pela Umbra e o nosso amigo Theurge negocia com os espíritos para pedir as informações que precisamos. Uma vez que conseguirmos isso, fazemos o reconhecimento no refúgio do vampiro e do humano e concluímos a missão.

    "O que vocês acham?"
    Xafic Zahi
    Neófito
    Xafic Zahi
    Neófito

    Mensagens : 15
    Reputação : 0

    Livro 1: Dívidas e Pagamentos - Página 2 Empty Re: Livro 1: Dívidas e Pagamentos

    Mensagem por Xafic Zahi em Ter Set 29, 2020 5:19 pm

    Ethan se sentiu aliviado com o término da reunião. Depois da saída da Theurge, Charles é o primeiro a tomar a palavra e Ethan maneia positivamente com a cabeça, concordando com a sugestão de irem para a área do refúgio.

    Uma vez no novo local, o Presas de Prata começa a estabelecer as diretrizes para o grupo e Ethan se sente confortável com a situação. Um alfa era necessário e o posto ser assumido de forma natural, sem nenhum desafio ou conflito, era perfeito.

    - Tenho alguns contatos na prefeitura. Falando com as pessoas certas e com um pouco de sorte, acredito que seja possível conseguir as informações sobre o dono do restaurante. Dessa forma pulamos a etapa de falar com o advogado.
    Alexyus
    Mutante
    Alexyus
    Mutante

    Mensagens : 664
    Reputação : 36

    Livro 1: Dívidas e Pagamentos - Página 2 Empty Re: Livro 1: Dívidas e Pagamentos

    Mensagem por Alexyus em Ter Set 29, 2020 6:16 pm

    Arthur sentia a antipatia pela fostern andarilha crescer a cada frase dela.

    "Ela chama adivinhar de investigar? Com tão poucas informações dadas de má vontade, parece que vamos ter trabalho em dobro para cumprir essa demanda..." 

    Ele pegou o celular e deu graças a Gaia quando a theurge se foi em definitivo.

    Charles escreveu:- Creio que esta seja a nossa deixa, senhores. - disse. - Que tal irmos para a área do refúgio? Lá teremos mais espaço e tempo para conversarmos. Não sei vocês, mas esse lugar não me agrada nem um pouco.

    Charles, o Presas de Prata padrão, tomou a iniciativa no planejamento. Seguiu-o para a área de refúgio de bom grado, notando o gesto de aprovação com a cabeça que Ethan fizera.

    As sugestões de Charles pareciam abordagens razoáveis, e Ethan concordou. Mas Arthur tentou aprimorar a sugestão:

    - Visto a premência do nosso prazo, posso sugerir tentarmos todas as táticas? Allan poderia tentar conversar com os espíritos da área enquanto Charles faz uma avaliação do perímetro físico. E enquanto Ethan vai tentar seus contatos na prefeitura, eu posso redigir uma notificação extrajudicial com um pedido para uma "avaliação ambiental de urgência no local" para validar a licença dos bombeiros; acho que isso certamente vai atrair o nosso alvo para o bar.

    Lembrando-se do que Charles dissera, Arthur acrescentou:

    - Ah, sim, eu sou advogado licenciado pela Universidade de Toronto, e tenho um bom nível de conhecimentos acadêmicos. Sou plenamente capaz de me virar numa situação de combate. Além disso, os dons de Gaia me permitem curar os ferimentos de outros e saber com certeza absoluta quando alguém está mentindo.

    Olhou ao redor para ver se Charles, o alfa natural, e os outros concordavam com seu raciocínio.
    ze_lokao
    Neófito
    ze_lokao
    Neófito

    Mensagens : 18
    Reputação : 0

    Livro 1: Dívidas e Pagamentos - Página 2 Empty Re: Livro 1: Dívidas e Pagamentos

    Mensagem por ze_lokao em Sab Out 03, 2020 10:43 am

    Allan pega o celular oferecido e segue os outros até a área de refúgio. Lá ele ouve as sugestões de cada um e gosta do que ouve.

    -- Eu sou estudante de engenharia química, sei me defender razoavelmente e aprendi a sentir o fedor da Wyrm desde cedo.

    -- Eu me preocupo com o quão vaga Estrela Gélida foi sobre a natureza de nossa presa. Pode ser um Vampiro, podem ser vários, ou pode ser outra coisa.

    -- Nos dividindo temos mais chances de obter informação, mas ficamos mais vulneráveis... o conselho de Estrela Gélida de agirmos como matilha me parece útil nessa decisão.
    -- Que tal nós dividimos em duas duplas? A umbra é perigosa e ter alguém comigo ajuda caso um maldito tente me emboscar. Talvez Ethan e Arthur possam ir juntos ao prédio e/ou a prefeitura e um apoiar o outro em caso de problemas?
    Alexyus
    Mutante
    Alexyus
    Mutante

    Mensagens : 664
    Reputação : 36

    Livro 1: Dívidas e Pagamentos - Página 2 Empty Re: Livro 1: Dívidas e Pagamentos

    Mensagem por Alexyus em Dom Out 04, 2020 10:53 pm

    Arthur aprovou a ideia de Allan com um aceno de cabeça.

    - Tem razão, Allan, é melhor mesmo não nos dividirmos muito. Então, eu me proponho a acompanhar Ethan até a prefeitura e depois ele vem comigo até o escritório do advogado. Enquanto isso, Charles pode te dar cobertura na Umbra. Acho que esses celulares não funcionarão no mundo espiritual, mas mandem notícias assim que puderem, nós também vamos mantê-los informados tanto quanto possível. Bem, se todos estiverem de acordo, acho que já podemos partir...

    *olha em volta para ver se todos concordam antes de se separarem*
    Xafic Zahi
    Neófito
    Xafic Zahi
    Neófito

    Mensagens : 15
    Reputação : 0

    Livro 1: Dívidas e Pagamentos - Página 2 Empty Re: Livro 1: Dívidas e Pagamentos

    Mensagem por Xafic Zahi em Ter Out 06, 2020 2:06 pm

    -- Não me parece uma boa ideia nos dividirmos, ainda que seja em duplas - Ethan falava gentilmente -- Caso tenhamos a informação com a prefeitura, ir para a umbra será um risco desnecessário nesse momento. Devemos colocar em prática os planos por ordem de menor periculosidade e executarmos todos juntos.

    Ethan respira, avaliando como suas palavras estavam sendo recebidas pelos demais.

    -- Primeiro tentamos contato com a prefeitura. Se não der certo, Arthur faz a visita ao escritório de advocacia, com a gente esperando na esquina mais próxima. Caso a visita também não dê resultado, ai sim partimos para a umbra. Todos juntos.
    ze_lokao
    Neófito
    ze_lokao
    Neófito

    Mensagens : 18
    Reputação : 0

    Livro 1: Dívidas e Pagamentos - Página 2 Empty Re: Livro 1: Dívidas e Pagamentos

    Mensagem por ze_lokao em Ter Out 06, 2020 3:11 pm

    -- Esse é sem dúvidas o plano mais prudente. Porém também o mais lento. Teremos tempo de fazer isso, descobrir como "purificar" o humano, achar o covil do mestre e lidar com o mesmo de forma discreta?

    Allan faz uma expressão mais pensativa com suas pesadas sobrancelhas e seu enorme rosto peludo de crinos. Ele se mantém sentado de forma a ficar com a cabeça no mesmo nível que os demais. -- Além disso as informações que podemos obter da umbra quase certamente serão diferentes das obtidas por aqui. Espíritos prestam atenção em coisas diferentes... creio que uma fonte complementar a outra é bem mais provável do que um repetir o outro.

    Allan pensa mais um pouco e fala -- Pela hora acho que a prefeitura e o escritório estarão fechados... podemos ir os 4 agora para a umbra investigar o local e deixar a investigação mundana para amanhã. Que tal? 
    Alexyus
    Mutante
    Alexyus
    Mutante

    Mensagens : 664
    Reputação : 36

    Livro 1: Dívidas e Pagamentos - Página 2 Empty Re: Livro 1: Dívidas e Pagamentos

    Mensagem por Alexyus em Qua Out 07, 2020 9:37 am

    Foi só então que Arthur se deu conta do adiantado da hora.

    - Novamente, Allan tem razão! Com o fim do horário comercial, a prefeitura e o escritório de advocacia ficam inviáveis. Amanhã teremos que coordenar bem nossos horários, nosso prazo é curto! Vamos para a Umbra então!
    JTaguchi
    Cavaleiro Jedi
    JTaguchi
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 179
    Reputação : 2

    Livro 1: Dívidas e Pagamentos - Página 2 Empty Re: Livro 1: Dívidas e Pagamentos

    Mensagem por JTaguchi em Qua Out 07, 2020 10:03 am

    Charles não se surpreendeu quando seus companheiros aceitaram sua liderança e lhe deram, sem nenhum conflito, o posto de alfa. Não que se achasse melhor que os outros, mas aquele era um fardo que sua tribo carregava desde sempre e para o qual ele tinha sido treinado desde o nascimento. Com uma família rica e influente, sua educação fora direcionada para que um dia ele tomasse decisões importantes envolvendo outras pessoas. No colégio militar onde estudara, parte de seu treinamento era específico para oficiais, focado em liderança e estratégia. Apesar do leve nervosismo de principiante, ele estava animado para começar o trabalho. Faria de tudo para não decepcionar sua matilha.

    Uma das coisas que Collin lhe ensinara era que, mais do que falar, um líder precisava ouvir. A missão tinha sido traçada com poucas informações e seus companheiros ainda lhe eram desconhecidos. Ao deixar que eles falassem, Charles teve um vislumbre do que cada um poderia fazer e quais seriam as habilidades que deveria esperar de cada um. Arthur era um advogado, o que lhe dava conhecimento sobre leis humanas e, como Philodox, saberia quando alguém tentasse mentir. Ethan era um Ragabash - e dele, o Ahroun esperava mais sutileza e astúcia. Com seus contatos na prefeitura, talvez conseguisse informações mais facilmente; mas Charles duvidava que isso viria de graça. Por fim, Allan era um Andarilho, um impuro e o único membro da matilha a conhecer bem a seita, o que automaticamente o desqualificava para o tratamento com humanos da mesma forma que os dois Filhos de Gaia eram acostumados. Porém, os conhecimentos de engenharia química e o vínculo com a seita eram um recurso do qual ele não devia abrir mão. Isso sem contar os ritos e os dons que o Theurge sabia.

    Por fim, todos deram suas ideias e esperaram que Charles tomasse a decisão. Sua estratégia inicial fora aprimorada e novos recursos foram adicionados. Agora era hora de partir para ação ou a incerteza ia começar a corroer o moral de seus companheiros.

    - Muito bem. - começou. - Acredito que temos informações e recursos o suficiente para a investigação inicial. Como se diz no exército, a partir daqui a fada das boas ideias pode comprometer nossa missão com detalhes desnecessários.

    A fada das boas ideias era o terror de qualquer soldado. Por mais que planejamento fosse importante, era simplesmente impossível prever todos os desdobramentos possíveis durante uma missão e o excesso de preocupação e cautela poderiam tornar o trabalho mais difícil do que já era. Um plano de contingência era necessário - e isso eles tinham na forma dos celulares com contato direto com o time de segurança e com a superior imediata. Era o suficiente.

    - Antes de mais nada, vamos adicionar nossos números na lista de contatos. - disse, e sacou seu celular e ditou o número para os companheiros, depois anotou o de cada um deles. - Assim, teremos uma forma de contato uns com os outros. Allan, seria possível convocar algum espírito que criasse um elo empático entre nós? Caso o grupo se separe, seria ótimo ter um meio de comunicação não-convencional e imune a certas tecnologias. Se isso for possível, gostaria que você convocasse esse espírito e fizesse um acordo com ele.

    Olhou no relógio. De fato, a hora era inconveniente para visitar advogados e funcionários públicos. Provavelmente a prefeitura estaria fechada e os quatro teriam que esperar o dia seguinte para prosseguir.

    - Allan tem razão. Provavelmente a prefeitura e o escritório já fecharam a esta hora. - disse. - Além disso, prefiro visitar o vampiro durante o dia, quando ele estiver mais vulnerável. Não sabemos sua idade e eles ficam mais poderosos conforme envelhecem. Atacá-lo em seu melhor momento é algo que só uma matilha veterana poderia pensar em fazer. Então, vamos para a Umbra agora e pela manhã, Ethan e Arthur cuidam da parte mundana.

    Levantou-se e olhou para Allan.

    - Allan, poderia nos mostrar um lugar onde podemos atravessar a Película mais facilmente no caern? Receio que minha energia espiritual seja baixa demais para que eu me dê o luxo de percorrer atalhos em qualquer lugar. Partimos os quatro daqui e, assim que essa parte da investigação estiver concluída, podemos usar minha casa como base para aguardar a próxima etapa. Tenho um estoque de whisky que pode agradar muito a vocês.

    Fez uma pausa, então deu um sorriso discreto e uma leve reverência para o impuro.

    - A propósito, caro Andarilho, você é o beta.

    A decisão parecia inusitada, mas Charles via sentido nela. Precisava mostrar não apenas comprometimento com a seita como tinha que provar, através de suas ações, que não era um aristocrata arrogante e afetado. Dar o cargo de beta para um Andarilho impuro era garantir que o único membro da matilha com ligação prévia com a seita estivesse mais próximo dele (e portanto, capaz de aconselhá-lo sobre a política local) e também mostrava aos Filhos de Gaia que ele não ia se apegar a preconceitos a ponto de comprometer a unidade da matilha e o cumprimento da missão. Um impuro era um impuro - mas se Gaia o trouxera até ali, Charles não pretendia questionar.
    Alexyus
    Mutante
    Alexyus
    Mutante

    Mensagens : 664
    Reputação : 36

    Livro 1: Dívidas e Pagamentos - Página 2 Empty Re: Livro 1: Dívidas e Pagamentos

    Mensagem por Alexyus em Qua Out 07, 2020 4:15 pm

    Arthur viu Charlie tomar a frente e aprovou com um aceno de cabeça a postura dele.

    " É melhor que o presa de prata seja o alfa. Se for um bom líder, desempenhará o papel natural de sua tribo. Ele aceitou as sugestões oferecidas em vez de sufocar o debate. Escolher Allan como beta faz sentido, afinal ele conhece a seita e é o theurges, nada mais natural que dar-lhe o valor merecido. Como Filho de Gaia, tenho que reconhecer o tratamento justo dado ao Métis.

    Mas enquanto falavam, Arthur lembrou-se de algo. Enquanto os outros estavam salvando os números e combinando estratégias, ele entrou no site de documentos da prefeitura e solicitou uma lista dos restaurantes em processo de autorização de funcionamento. 

    Quando terminou, ele explicou:

    - Acabei de peticionar um pedido para uma lista de restaurantes que estão atualmente com processos de autorização de funcionamento para a prefeitura. Essas solicitações podem ser feitas online, e embora tenham prazo de 24 a 48 horas para ser atendidas, geralmente são respondidas no mesmo dia. Com um pouco de sorte, receberemos a informação amanhã de manhã! Mas nossos outros planos ainda podem funcionar também. Acho que já estamos prontos para investigar a Umbra então!
    ze_lokao
    Neófito
    ze_lokao
    Neófito

    Mensagens : 18
    Reputação : 0

    Livro 1: Dívidas e Pagamentos - Página 2 Empty Re: Livro 1: Dívidas e Pagamentos

    Mensagem por ze_lokao em Qui Out 08, 2020 9:45 am

    Allan é surpreendido pelas palavras finais do Presas de Prata. Um calafrio percorre sua espinha e ele se lembra das palavras de 3 de 5:
    3 de 5 escreveu:-- Mostra pra eles como se vence uma guerra...
    Pela primeira vez ele se coloca em pé diante dos outros, ficando muito maior que todos em suas formas humanas. Ele inclina a cabeça para o alfa, num gesto muito humano de aceitação, ao mesmo tempo ele abaixa a calda indicando obediência.

    Charles escreveu:   --Allan, seria possível convocar algum espírito que criasse um elo empático entre nós? Caso o grupo se separe, seria ótimo ter um meio de comunicação não-convencional e imune a certas tecnologias. Se isso for possível, gostaria que você convocasse esse espírito e fizesse um acordo com ele.
    Sem perder mais tempo, e pra disfarçar que não sabe ao certo como reagir, ele puxa o celular que recebeu da seita e o fareja profundamente. Depois de alguns instantes assim ele revela que próximo a sua pata dianteira esquerda, há vários objetos presos em seus fios de pelo. Um pente de memória RAM de um computador, uma caneta, ossos de aves, um pedaço de metal retorcido, uma folha e talvez algo mais...Cabeça nas Nuvens passa esses objetos pendurados suavemente por cima do telefone, sem tocá-lo. Sem nenhum vento ou movimento brusco dele os objetos chacoalham de leve e se tocam, fazendo pequenos sons.
    -- Esse elo que você pede é possível, porém costuma ser um direito reservado às matilhas já reconhecidas e acolhidas por um totem. Recebê-lo adiantado terá um preço considerável e imprevisível, dependendo do espírito que responda ao meu chamado.  Ele indica o celular com uma garra--Alternativamente, posso garantir que esses aparelhos fornecidos pela seita não são inteiramente mundanos, possuem proteções espirituais além de qualquer habilidade que eu tenha. Vai ser difícil fazer muito melhor que isso. Eles inclusive vão funcionar na umbra. 

    Arthur escreveu:- Acabei de peticionar um pedido para uma lista de restaurantes que estão atualmente com processos de autorização de funcionamento para a prefeitura. Essas solicitações podem ser feitas online, e embora tenham prazo de 24 a 48 horas para ser atendidas, geralmente são respondidas no mesmo dia. Com um pouco de sorte, receberemos a informação amanhã de manhã! Mas nossos outros planos ainda podem funcionar também. Acho que já estamos prontos para investigar a Umbra então!
    Allan faz um gesto afirmativo com a cabeça, eles nem saíram e a investigação já está em andamento.

    Charles escreveu: -- Allan, poderia nos mostrar um lugar onde podemos atravessar a Película mais facilmente no caern? Receio que minha energia espiritual seja baixa demais para que eu me dê o luxo de percorrer atalhos em qualquer lugar. Partimos os quatro daqui e, assim que essa parte da investigação estiver concluída, podemos usar minha casa como base para aguardar a próxima etapa. Tenho um estoque de whisky que pode agradar muito a vocês.
    -- Formando uma matilha eu poderei guiar a todos através da película, assim poderemos atravessar todos juntos em quase qualquer lugar. Mas por hora creio que os jardins são nossa melhor opção, me sigam. O andarilho se vira e começa a andar. Logo todos chegam em um jardim amplo com uma varanda envidraçada com vista para as melhores partes da cidade. Várias plantas podadas em formatos imitando animais e formas geométricas. Pequenos riachos artificiais cortando precisamente os jardins dividindo as regiões de acordo com seus temas: jardim japonês, jardim inglês...
    Há no centro de tudo um gramado bem aparado, com um estreito caminho de pedras polidas no meio e um lago raso e sem peixes, com águas que refletem muito bem qualquer um que olhe nelas.

    -- Esse é o melhor lugar para atravessarmos. Falando isso o theurge aguarda os outros para ser o último a cruzar a película caso alguém tenha dificuldades e espera pela decisão do alfa quanto a barganhar com algum espírito pelo privilégio do elo de matilha antes do tempo.
    JTaguchi
    Cavaleiro Jedi
    JTaguchi
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 179
    Reputação : 2

    Livro 1: Dívidas e Pagamentos - Página 2 Empty Re: Livro 1: Dívidas e Pagamentos

    Mensagem por JTaguchi em Sex Out 09, 2020 11:38 am

    Charles ouviu a explicação de Allan, depois recebeu as novidades de Arthur. O Theurge garantira que os celulares da seita funcionariam na Umbra e o Philodox usara as ferramentas do serviço público para saber se algum restaurante tinha sido aberto recentemente. Com o prazo para a resposta ainda correndo e a possibilidade dos quatro irem pela Umbra, descartou completamente um acordo imprevisível e caro com algum espírito. Era melhor esperar para quando tivessem um totem.

    Foram todos para o jardim, onde Allan esperou que todos percorressem atalhos para garantir que estava tudo bem. Assim que se viu do outro lado, ele olhou para os companheiros e anunciou sua decisão:

    - Vamos testar os celulares aqui. - disse. - Se eles funcionarem, vamos descartar o elo empático até que tenhamos um totem. Se o preço por um benefício desses é alto e imprevisível, prefiro não comprometer a matilha agora.

    Ele discou para o número de Allan para ter certeza de que teriam um meio de comunicação caso se separassem. Assim que o celular mostrou funcionamento, sorriu.

    - Fascinante. - admitiu. Bizarro, também. Mas o importante é que funcione e nos coloque e contato remoto. Sendo assim, vamos usa-los.

    Olhou para os companheiros e começou a traçar o plano a partir dali.

    - Allan, pretendo usar seus conhecimentos de Theurge a partir daqui. - falou. - O que me diz de convocar alguns espíritos que possam servir como drones de reconhecimento? Se tivermos pelo menos um ao nosso lado, vamos cobrir mais terreno na hora de colher informações do local.

    "Ethan, você será nosso batedor. Assim que Allan convocar os espíritos, você irá com eles cobrir a área e retornar para nos trazer uma visão mais detalhada do nosso alvo. Por enquanto, nada de entrar em combate. Mas, caso você e Allan sejam emboscados, devem nos alertar. Eu e Arthur ficaremos a uma distância segura e vamos resgatá-los se for necessário.

    Alguma dúvida?"


    A ideia era chegar o mais próximo possível do prédio e então enviar os batedores para recolher informações. Quando eles voltassem, pensaria no que fazer.
    Alexwalker
    Investigador
    Alexwalker
    Investigador

    Mensagens : 55
    Reputação : 0

    Livro 1: Dívidas e Pagamentos - Página 2 Empty Re: Livro 1: Dívidas e Pagamentos

    Mensagem por Alexwalker em Sex Out 09, 2020 8:11 pm

    Toronto – 19:30 – Ao migrarem para a umbra a paisagem mudava completamente, ao saírem para a área externa da C Tower era possível ver em sua ponta como se fosse um ancorado e acima ainda mais construções visíveis apenas na umbra.

    Algo estranho na paisagem como um embaçado em certas áreas davam a mensagem que vcs ouviram da Luz gélida

    Luz Gélida escreveu:A seita está em crescimento... outras coisas estão em acontecendo...


    Saindo da Front Street e seguindo para a John Street rapidamente vcs sentem com se atravessassem uma barreira e o sentimento de estar num Caern simplesmente desaparece.

    Olhando em volta, a paisagem umbral é como se estivessem vendo uma briga entre os prédios ter tornando visíveis e as casas sendo apenas sombras de onde estavam.
    A estação central era uma força presencial na umbra, onde vcs podiam ver as entradas do TTC.

    As aranhas estavam em todos tamanhos e formas, elétricas e padrão de todos os tamanhos.
    Mas conformem iam caminhando até o Queen park, viam que a cidade vibrava com todos os tipos de espíritos que olhavam a distância, escondidos... desde ancestrais humanos felizes com o crescimento, quanto ancestrais tristes com as mudanças...

    A vegetação era algo bastante forte na penumbra. Enquanto caminhavam viam a distancias alguns parques bem vivos.

    No centro era possível ver os prédios bem materializados deste lado da película, mas ao chegarem na área do College, tudo fica completamente futurístico, vocês tinham andado cerca de 2KM e a paisagem mudava a cada quadra, onde ficava no mundo físico a Universidade, o MARS tudo brilhava em azul vívidos, aranhas e espíritos da inspiração trabalhando juntos dando forma a uma miríade de luzes e inspirações de trabalhos dos alunos e profissionais que lá ficavam.
    Podiam notar tb alguns malditos menores, fugiam qd viam a sua presença, a vida umbral era forte ali...

    Ao chegarem na quadra do Queen park, era um contraste tamanho. Tudo ali estava como s estivesse em 1800, a imagem bela do palácio do governo, os jardins perfeitamente alinhados. A rua principal que cruzava, brigava para se manifestar ante a forte imagem umbral do antigo jardim que fora separado no mundo físico, mas o castelo... era uma imagem e tanto.

    Chegando na área do jardim, vários espíritos se afastavam ao verem tantos “lobos” no local, fazendo surgir uma “paz”, mesmo assim, a distância, vcs sentiam que tinham olhos em vocês, mas nenhuma presença que chamasse atenção aos seus instintos garous.

    Caminham atravessando o parque até a sua parte superior. A distância, uns dois quarteirões, estava a Bloor street, e olhando para a sua direnta, viam um prédio que seria a imagem umbral do seu objetivo. Já completamente formado, todas as janelas espelhadas refletindo a luz de Luna que começava a ganhar um pouco de forma em comparação a grande presença de Hélios que ainda iluminava forte, começando sua despedida no mundo físico.
    Alexyus
    Mutante
    Alexyus
    Mutante

    Mensagens : 664
    Reputação : 36

    Livro 1: Dívidas e Pagamentos - Página 2 Empty Re: Livro 1: Dívidas e Pagamentos

    Mensagem por Alexyus em Dom Out 11, 2020 3:02 pm

    Charlie escreveu:"Ethan, você será nosso batedor. Assim que Allan convocar os espíritos, você irá com eles cobrir a área e retornar para nos trazer uma visão mais detalhada do nosso alvo. Por enquanto, nada de entrar em combate. Mas, caso você e Allan sejam emboscados, devem nos alertar. Eu e Arthur ficaremos a uma distância segura e vamos resgatá-los se for necessário.

    Alguma dúvida?"

    Arthur negou com a cabeça, concordando com o plano do ahroun.

    Uma vez na Umbra, ele ficou atento aos arredores, observando os movimentos da paisagem.

    Assim que se cretificou do perímetro, o Vigilante ficou de prontidão enquanto vigiava os dois companheiros, ao lado do presa de prata.
    ze_lokao
    Neófito
    ze_lokao
    Neófito

    Mensagens : 18
    Reputação : 0

    Livro 1: Dívidas e Pagamentos - Página 2 Empty Re: Livro 1: Dívidas e Pagamentos

    Mensagem por ze_lokao em Qua Out 14, 2020 4:35 pm

    Allan conhece muito bem uma família de espíritos especialistas em entrar sorrateiramente em qualquer lugar criado por humanos: baratas! O bom relacionamento com sua tribo e o fato de poderem voar vai ajudar a atuar como "drone" como Charles pediu. Um bom theurge anda sempre pronto pra agradar o totem de sua tribo, e Allan logo esmaga uma barra de cereal e deposita uns objetos mundanos em um círculo desenhado com uma garra no chão. O theurge prossegue com alguns cânticos prometendo mais oferendas para algum espírito que venha lhe ajudar a servir Gaia.
    Conteúdo patrocinado


    Livro 1: Dívidas e Pagamentos - Página 2 Empty Re: Livro 1: Dívidas e Pagamentos

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Sex Out 23, 2020 8:08 am