Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    Chloe Moore

    Wordspinner
    Garou de Posto Cinco
    Wordspinner
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2282
    Reputação : 127

    Chloe Moore Empty Chloe Moore

    Mensagem por Wordspinner Sab Out 03, 2020 8:37 am

    Aqui está o espaço para sua ficha
    thendara_selune
    Mutante
    thendara_selune
    Mutante

    Mensagens : 744
    Reputação : 56

    Chloe Moore Empty Re: Chloe Moore

    Mensagem por thendara_selune Ter Out 06, 2020 11:05 am

    O que aconteceu ao longo do tempo.



    Chloe após fugir chega a Dover, sem conhecer ninguém e as coisas acabam sendo diferentes do que ela esperava. Ao lidar com os lobos da cidade questiona-se inúmeras vezes porque a família lhe escondeu tantas coisas. Vê os sangue do lobo dos uivadores pela primeira vez no estacionamento de Corona inegavelmente o homem com as crianças lhe chama atenção de um jeito intenso.

    Passa a ver o sobrenatural, o impacto lhe deixa assustada e ao mesmo tempo mais aberta ao que a cidade pode ser por trás do véu. Ao conhecer Sebastian e Asia acaba nutrindo carinho por eles.  Impulsivamente aceita tentar algo com James. O evento no clube abre os olhos de Chloe, ver aquelas criaturas a faz imaginar o que mais existe no mundo?!
    Mais adiante comete dois erros que a fazem repensar se realmente merece sentir algo verdadeiro por alguém. Não nega que fazer o que fez  a permitiu se sentir livre e viva como nunca se sentiu antes.

    O sequestro acaba ajudando Chloe a saber a verdade da pior maneira, ninguém além dela entenderia como é ver a família que tanto ama se tornar algo tão vergonhoso. Vez ou outra o nome de Devon ecoa enquanto tenta se recuperar de tudo que viu. Pesadelos a assombram, a moça no equipamento faz seu estômago revirar e calmantes se tornam uma companhia durantes alguns dias.

    Decide após os últimos eventos confiar em Axel e Shaw de vez, sozinha era presa fácil, mas com alcateia teria uma chance de criar os próprios planos para atingir seus objetivos no futuro.  Revela o que sabe, conta sobre a loira e agora depois do que aconteceu a James sente que o elo com a família pode ser impossível de se manter ou uma luta perdida porque talvez eles jamais aceitem buscar redenção.
    thendara_selune
    Mutante
    thendara_selune
    Mutante

    Mensagens : 744
    Reputação : 56

    Chloe Moore Empty Re: Chloe Moore

    Mensagem por thendara_selune Ter Out 06, 2020 11:44 am

    Chloe Moore:
    Chloe Moore Whatsa14


    Quem é Chloe?:

    Chloe é uma mulher de 1,60, dotada de um corpo chamativo, a pele alva tem sardas espalhadas que ela nunca gostou em si, o cabelo ruivo é ondulado e cheio. Emana uma mistura suave de lavanda e rosas. Os olhos são puro âmbar  e os lábios bem marcados.  Ela sempre está disposta a ajudar, pode ser ácida se provocada, mas geralmente prefere agir com cautela e civilidade. Seu sorriso é sincero, os  gestos são delicados e sabe usar de seus atributos para transitar pelos ambientes e ser notada. Uma médica bem jovem, com pouca experiências em situações críticas, em Dover pretende continuar estudando, montar uma clínica e atuar em prol da sociedade de maneira humanistica. O problema com o ex-marido é uma sombra em sua vida, se se sentir ameaçada pode ser arisca e vingativa. Ela é justa na maior parte do tempo, mas é impiedosa no que se trata de lidar com uma traição e nem perdoaria facilmente alguém que venha ferir-lhe intimamente ou se aproveite dela em prol de si mesmo.Tem 24 anos e ficou casada por quase um ano inteiro, é uma criatura que tenta se prender ao racional para explicar aquilo que seus olhos conseguem ver, mas na verdade é mais dada acreditar no inexplicável para saciar a própria curiosidade sobre o mundo sobrenatural que acerca desde criança. Sua família sempre lhe falou entre linhas, mas a noção de ocultismo que ela tem é baseada na leitura e mitos que cercam os lobisomem pelo mundo.
    FICHA

    ATRIBUTOS

    Mentais
    - Inteligência: ●●●
    - Raciocínio: ●●
    - Perseverança: ●●

    Físicos
    - Força: ●●
    - Destreza: ●●
    - Vigor: ●●

    Sociais
    - Presença: ●●●
    - Manipulação: ●●
    - Autocontrole: ●●●

    HABILIDADES

    Ciências: ●●(Química)
    Erudição: ●●●
    Informática: ●
    Medicina: ●●
    Ocultismo: ●
    Ofícios: ●●


    Físico
    Briga: ●
    Condução: ●
    Esportes: ●
    Furtividade: ●

    Social

    Empatia: ●●●
    Expressão: ●●●(Piano)
    Socialização: ●●●(Alta Sociedade)

    MÉRITOS
    Striking Looks (Stunning): ●●
    Recursos: ●●●●
    Good Time Management: ●
    Staff (Medicine/Crafts/Socialize):●●●

    Aspirações:
    Montar uma sala médica para alcateia
    Seduzir um Uratha com intuito de ter proteção

    MÉRITOS
    PIERCING EYES






    Atualização depois do XP


    TOTAL EXP = (postagens) + (cenas) + (falhas +surras) + (traumas) 6 ela ainda não realizou sua aspiração.


    Compra de : EXCITING(Gastos 3 de XP)
    The Wolf-Blooded gives off a sort of invigorating scent
    when he sweats that is as compelling as it addictive. The
    character is often physically attractive, but these two things
    are not necessarily synonymous.
    Boon: Once per scene, engaging with the Wolf-Blooded
    in any physically exhausting activity (so long as skin to skin
    touching happens between Wolf-Blooded and the other character)
    has a euphoric quality for both. This can be anything
    from willing sexual contact to a rough game of basketball. The
    moment that sweat is exchanged, both characters gain a point
    of Willpower.
    However, the scent and feeling is addictive. The next time
    the character who isn’t the Wolf-Blooded can share the same
    experience, no matter how inconvenient it might be, they
    must, or lose a point of Willpower until the Wolf-Blooded
    again willingly engages in the activity.

    Totem (1 ponto de XP )

    1 ponto gasto em idioma- Francês


    @Wordspinner pode verificar  Wink

    Sobram 2 pontos que vou usar em outro momento  Cool
    thendara_selune
    Mutante
    thendara_selune
    Mutante

    Mensagens : 744
    Reputação : 56

    Chloe Moore Empty Re: Chloe Moore

    Mensagem por thendara_selune Seg Set 20, 2021 11:17 am

    Ao narrador:
    @Wordspinner
    Não alterei ficha,apenas tava arrumando o Bg e no final dele você pode ver que coloquei uma informação extra que não tinha, mas creio que não afeta nada de maneira impactante. Fiquei imaginando como ela fugiu sem ninguém a impedir, como o gerente teria liberado o valor e especialmente como a Chloe escapa de uma cidade que a família praticamente domina há mais de cem anos. Como quero que ela tenha um sangue do lobo Moore deixei esse final em aberto para dar sentido a isso mais adiante se não houver problemas estou construindo meu primo com muito carinho e maldade no coração  hahaha quando tiver prontinho passo por MP e você bate o martelo se está de acordo.


    BG CHLOE:
    Chloe é uma jovem chamativa, os seus modos são impecáveis, a graciosidade emana dela e sua beleza transborda como se fosse moldada pelo sopro de um verão. Nascida no seio de uma família tradicional de Durham desde pequena sabia que sua vida seria programada desde seus primeiros passos. Os Moore e Byrne têm um enlace antigo e mantido como manda a tradição entre eles. Não é estranho esbarrar com um Byrne na delegacia, conhecer um Moore que é assessor político ligado aos bastidores de poder.
    Aquele lugar era território deles, que chegaram ali há muito tempo, carregados de uma história que hoje reside livros amarelados pelo tempo, mas que ainda assim povoava o imaginário popular em algumas datas dos anos.

    Para Chloe o sobrenatural era algo natural, embora não tivesse acesso às informações e segredos compreendia que além dos portões de sua casa o mundo mantinha um véu que separava o mundo dos lobos do rebanho servil que mantém as engrenagens funcionando.
    Os sangue do lobo eram divididos de maneira a serem úteis aos desígnios de ambas as famílias e questionar as regras era impensável.

    Chloe nasceu com a capacidade ver o véu entre mundos como se fosse uma camada mais fina e quase palpável, mas seus pais temiam que isso lhe trouxesse grandes problemas. O mais velho da família Byrne veio até a casa dos Moore em uma noite de inverno, os olhos verdes do homem de meia idade enxergavam que a pequena Moore teria um caminho árduo e envolto em brumas sombrias ligadas ao passado. Pelo bem dela, algo foi feito impedindo  que Chloe enxergasse o mundo além do véu. Algumas vezes dependendo do ambiente, especialmente se fosse um local antigo ela acabava vendo um vulto, mas este por sua vez não conseguia alcançar Chloe.

    Ela teve educação tradicional em uma escola para meninas. Sua mãe a arrogante Eliza sempre desejou gerar um menino, mas por algum motivo nunca conseguiu dar um irmão a Chloe, inicialmente Adam Moore ficou insatisfeito, mas com o passar do tempo a menina se tornou uma jóia brilhante e que assim como todo sangue de lobo teria seu papel para desempenhar.  

    Aos dezessete ela ingressa no curso de medicina, aquilo foi um pedido feito pela mãe para que Chloe fosse útil a família, mas também que pudesse amadurecer e ter autonomia. O curso lhe encheu os olhos, adorava a ideia de ajudar, mas com o tempo sentia-se muito oprimida. Não  podendo se relacionar com pessoas fora do círculo de sua família. Ninguém entenderia que o mundo dos Moore era secreto demais para ser exposto a estranhos. A vida confortável, pequenas viagens acompanhadas de primos e primas três vezes ao ano. O mundo dela era cetim, rosas, óleos que a mãe fazia como passa tempo, aprendia com Elize a tocar piano e tinha aulas de francês também pelo incentivo da mãe que apesar de distante fazia questão que a filha fosse perfeita aos olhos de todos.

    Quando tinha dezenove começaram a falar de casamento, festas pequenas, conversas e alguns raros olhares a faziam pensar quem poderia ser seu futuro marido. Até que o pai ao regressar de uma viagem, disse que tinha escolhido Ian Byrne que embora mais velho que Chloe seria um marido que lhe faria amadurecer e entender o mundo que eles pertenciam. Os lobos em sua família tinha um ar aristocrático, uma coisa que emanava mesmo que não quisessem deixar transparecer, não tinha como não notar um Moore ou Byrne que por obra do destino cruzasse o caminho das pessoas comuns pela cidade.

    Eles não casavam com pessoas de fora, as famílias primavam pela pureza da linhagem que assim garantiria que sua história e força ecoassem através do tempo. Ela conheceu o noivo no aniversário de vinte e três anos. Ian já tinha seus vinte e nove na época, os dois conversaram e mesmo achando que casar naqueles moldes era antiquado, ela se rendia aos encantos dele. O cavalheirismo, a gentileza, os olhos escuros que escondiam muito mais. Um ano de noivado para que Chloe concluísse a faculdade, em seguida uma cerimônia íntima na capela dos Byrne e para que demais transmites ocorressem como mandam as leis dos homens.

    Um evento incomum aconteceu na festa de noivado foi a primeira vez que Chloe viu uma mulher translúcida vestida de azul, ninguém mais parecia notá-la e enquanto a ruiva a seguia podia sentir que algo emanava da mulher que nem tocava o chão. Os cabelos loiros longos, os olhos azuis frios e uma beleza cheia de melancolia.  Depois disso, Chloe passou dias doentes, até que mais uma vez chamaram o velho Byrne, conhecido pelo nome humano de Noan. Ele cuidou de Chloe, tratou dela por sete dias e noites sem pregar os olhos. Por fim ela ficou bem e o assunto foi trancafiado. Ela nem conseguia lembrar direito o que viu, apenas teve sonhos confusos ao longo dos meses, mas nada que lhe afetasse a rotina.


    Quando casaram, Chloe descobriu um mundo mais adulto e ser dominada pelo marido lhe soava muito natural. A lua de mel foi curta e quando chegaram mesmo com seu conhecimento médico não conteve a ansiedade por pensar que poderia estar grávida. Os meses se arrastavam, nenhuma semente crescia dentro dela, Ian ficava cada vez mais distante, então as coisas começaram a ruir. No começo eram discussões tolas, os segredos que ele mantinha a faziam se sentir excluída do mundo a qual ele pertencia. Então havia o tédio em se manter perto dela, nenhuma emoção, o sangue nas veias dele a via como uma cláusula de contrato e isso o cansava de tal maneira que já não mantinha a postura gentil perto dela. Porém jamais a deixaria livre, mantinha sempre a mulher submissa, mesmo quando se ausentava garantia que todos os passos dela fossem vigiados. Chloe tem uma personalidade forte apesar da voz baixa que usa mesmo em uma discussão calorosa.


    Movido pelos instintos ele começou a trair Chloe, embora para ele aquilo lhe fosse um direito, ela representava tudo que não aceitaria. Não gerar um filho não era desculpa para ser tratada como esposa decorativa. Uma tarde ela voltava da casa dos pais, após uma longa conversa com Elize, que dizia que a filha precisava ser uma bainha para o marido, entendê-lo pois a vida dupla que ele levava afetava muito de sua natureza e por isso precisava que ela o acalmasse. Embora contrariada prometeu à mãe que seria mais doce, gentil, mas Ian tinha outros planos. Assim que ela caminhou pelos corredores notou que os empregados não estavam em seus afazeres corriqueiros. Não demorou muito para entender que o marido havia dispensado a presença deles para se divertir com uma prima, de cabelos escuros e ar desdenhoso quando viu Chloe entrar no quarto. A mulher nem se deu o trabalho de ter pressa em sair. A ruiva tomada pela raiva queria arrancar do marido o sorriso arrogante, a briga tomou proporções maldosas, os dois movidos por um sentimento denso e maldoso. Ele quase a matou,  bastava apertar mais o pescoço e encerraria a existência dela no mundo.

    Quando percebeu o fio de vida a largou, foi embora por dias e ela apenas convivia com o fato que ele tinha o poder de decidir se ela ficaria viva ou não. O amor dentro dela era confuso, sentia-se pequena, estúpida e desesperada foi quando viu a tal loira de novo. Flutuando pela casa, movendo-se como se fosse feita de vento e inverno. Noite após noite como se fosse um sonho esquizofrênico a mulher a observava na penumbra do quarto.


    (É aqui que foi alterado, mas só pra embasar a possibilidade de ter esse primo caso você aceite)

    Até que movida por uma coragem desconhecida pensou em ir embora, no fundo quem sabe isso afetasse o marido ao ponto de fazê-lo mudar ou fosse uma ilusão que lhe aquecia a alma para confortar-lhe diante da verdade que não queria aceitar. Talvez aquela estranha mulher a estivesse influenciando. Até que uma noite após beber mais do que devia a tal loira que assombrava os seus sonhos a guiou até a biblioteca, um mapa exposto em uma mesa de carvalho escuro, cidades marcadas com um “X” e apenas uma com um círculo azul. Ela leu o nome e ficou presa a ele. No dia seguinte Chloe pegava tudo que tinha de valor, o gerente era da família, não perguntou de imediato, mas horas depois ligaria para relatar que a jovem senhora Byrne tinha sacado uma alta soma. Alguém da família havia dado permissão para isso, do contrário ela jamais conseguiria o dinheiro, mas quem foi ela nem imaginaria.  Horas depois sem contratempos ela fugia, ninguém em seu rastro e talvez tivesse sido ajudada por outra pessoa ou quem sabe fosse a loira maquinando a viagem de Chloe para um lugar chamado Dover.




    Chloe Moore 2bb95110


    Sobre Ian um homem de 1,90, boa constituição física mais velho dos seus irmãos e com uma personalidade forte. Não faz ameaças, ele arquitetas as possibilidades ao seu favor e sempre consegue aquilo que quer cedo ou tarde. Tem um humor cheio de acidez, galanteador por natureza, mas é educado o suficiente para seguir a etiqueta necessária dentro da sociedade humana e aparenta ter seus trinta anos. Chloe é seu brinquedo pessoal, nutre por ela o sentimento de posse, ciúmes e a violência brindaram o casamento dos dois. Agressivo naquilo que se diz respeito a esposa, mas contido diante do caos que o cerca é uma criatura meticulosa, mas arisco se sentir que querem passar-lhe a perna. A ruiva lhe pertence, prefere vê-la em uma cova do que sendo livre ou sendo tocada por outro.



    "Nós somos os predadores e a nossa sagacidade nos faz distinguir quem é a presa!"

    Ian Byrne

    ***************

    Adam Moore o pai da Chloe  I love you


    Adam Moore aparenta seus quarenta e poucos anos. Tem 1,80 e um corpo forte que atende as suas vontades quando a fúria clama por uma ação mais violenta. Um homem distinto, educado e de postura austera. Lidar com ele é sentir uma vibração de dominância que o cerca e alcança tudo à sua volta.

    O espírito humano é fraco e submete-se do bom grado aos dominadores e nós somos os predadores que devem manter o controle!


    Chloe Moore 20200910

    *********************************

    Elize B. Moore


    Criada desde sempre para servir as famílias, têm parentesco com os Byrne, casando cedo com Adam e visando no casamento o status entre as famílias. Uma mulher com um sorriso encantador, meticulosa, astuta e que adora transitar pelos ambientes de poder captando os movimentos das peças que levam a vitória.
    Elize é capaz de muitas coisas pela família, nada a impede de chegar onde deseja e talvez seja por isso que ainda consegue manter  o interesse do marido nela mesmo após tanto tempo. Para ela quando a diplomacia não resolve sempre existe outro caminho para se mandar um recado preciso!

    "As mulheres belas surpreendem e atraem, mas as belas e sagazes surpreendem pela vida inteira sem que ninguém perceba onde escondem suas artimanhas!"

    Chloe Moore Tumblr11





    [/spoiler]












    POSSES:

    Sala em Corona que ela comprou e colocou para alugar:  
    Chloe Moore Sala_e11


    Prédio da Clínica em território neutro :


    Chloe Moore 4b3c5a10

    Casa

    Chloe Moore 3f517b10[/quote]
    Conteúdo patrocinado


    Chloe Moore Empty Re: Chloe Moore

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Qui Out 21, 2021 5:14 pm