Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    Chloe Moore

    Wordspinner
    Garou de Posto Cinco
    Wordspinner
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2291
    Reputação : 127

    Chloe  Moore - Página 8 Empty Re: Chloe Moore

    Mensagem por Wordspinner Qua Jul 07, 2021 2:31 am

    "de novo Dimitri."

    "Certamente, não posso imaginar o resto da vida sem esse calor." A voz calma e profunda.

    "Você merece ser chamada de  Rainha, estou agradecida genuinamente pelo presente…"

    "Eu mereço. Eu sou e o presente é você. Nada mais que você." A voz leve e cheia de riso que faz seu rosto iluminar.

    "Uma fada madrinha..."

    "Não sou algo que se compare a histórias para crianças, eu escapei delas e forjei no mundo lugar para mim e para os meus. As fadas madrinhas são o verdadeiro horror." A voz dela começa com uma brincadeira afiadas e termina com ódio quente e luminoso. "Melhor não mergulhar de cabeça em todo mistério que toca sua vida, alguns deles podem te puxar pro fundo com eles." Não parecia uma ameaça mas dava medo mesmo assim.

    "controlar os sentimentos de alguém ou instigá-los como tamanho poder…-"

    "Controlar é sempre mais difícil que libertar. As vezes as pessoas só precisam de um empurrãozinho" Ela sorri travessa. "Não negue seus sentimentos aqui." Ela faz uma expressão exagerada de recriminação. "Eles são tão faceis de ver."

    "o que aconteceu na noite em que nos conhecemos?-"

    "Os lobos não são os únicos com inimigos. Não são os donos da violência." O rosto de Dione se inflama com raiva, mas sua voz se mantém serena. "Sempre ha alguém disposto a tomar o que não pode ter. " A coroa gira e se tornando mais sensa e real em resposta as palavras dela. "Tentaram tomar o que é meu e você se feriu, fui generosa o bastante para oferecer um raro fruto da Sebe. Asia a levou embora no colo depois de ajudar a transformar meus inimigos em corpos." Ela dá de ombros.

    Ela ouve Chloe falando e tocando o próprio peito, a atenção da rainha na outra mulher como o sol da manhã. "Chloe, aqui é você. Seu sonho. Seu mundo particular. Seus sentimentos e medos e planos e pensamentos fazem esse lugar. Eu só te mantive acordada e a levei por um passeio, agora estamos de volta em você. Nos seus sonhos. " Ela pausa e ouve com a expressão vazia a observação sobre Asia. "Todas somos peças e todos somos úteis e gostamos daquilo que nós é. Não aprecia meu poder de te libertar? O serviço de Dimitri? Asia é para mim uma amiga querida que sangrou mais de uma vez por sua dedicação. Não faria a atrocidade de querer que ela fosse algum tipo de santidade perfeitamente encaixada no meus devaneios sobre moralidade. Não me importa ou interessa sua gratidão." Ela move a mão como se não fizesse qualquer diferença enquanto ela fala entediada, novamente com ar de professora. "Ela fez um pedido Chloe. Um pedido simples para confortar uma amiga. Se sente melhor? Agora que viu quem pode ser, que pode ser forte, acha que está pronta para acordar?" Ela sorri radiante e empatica. O mundo se reduz de novo a nada além das duas. Duas silhuetas cercadas pelas brumas vivas de Dione.
    thendara_selune
    Mutante
    thendara_selune
    Mutante

    Mensagens : 747
    Reputação : 56

    Chloe  Moore - Página 8 Empty Re: Chloe Moore

    Mensagem por thendara_selune Qua Jul 07, 2021 10:33 am

    —⁠Sabe...— disse Chloe ao refletir um pouco — Você me lembra um enigma, uma vontade imensa de desvendar a resposta, mas ao mesmo tempo tem um alerta que diz para ter cuidado. — Um sorriso toma conta do rosto  de Chloe e a curiosidade fica flutuando discreta.  
    — Nunca fui de mergulhar fundo em nada, ainda pergunto-me porque vim parar nessa cidade de tantas outras, mas uma coisa é certa não quero ter meus pés puxados por uma força que não posso entender e muito menos ser tomada por algo muito maior que minha existência aqui...— Dione jamais se perde, responde e expressa muito, mas nem tudo é simples de entender falando entre linhas e com aquela dose de calor que faz Chloe a admirar, mas também manter os olhos presos aos dela com certo receio de estar perto demais das chamas que ardem na outra. — Sou a única filha de uma família velha, com aquelas tradições que ecoam por corredores de construções severas e imponentes...Nunca me foi permitido sentir tudo como senti aqui, sexo é meramente um jogo de poder, passei tempo demais sendo dominada e atendendo expectativas...A liberdade breve que senti aqui foi um passo  fora dos meus limites e não posso negar que gostei de cada segundo. — Os olhos ardem com nostalgia e uma pequena dose de arrependimentos confusos que apenas Chloe entendia. Ela se move um pouco como se sentisse algo tentando alcançá-la, mas prefere se prender a resposta da noite que conheceu Dione. — Há riqueza  proibida sobre posse de outro atrai a ambição desmedida e desenfreada de inimigos famintos, mas você sempre vai escapar das garras presunçosas de seus desafetos e dos malfeitores sedentos… — Uma mesura delicada e Chloe a olha com respeito genuíno. — Afinal você é a rainha, quem ousar ir de encontro ao poder do sol acabará ardendo diante dele! — A voz de Chloe tem o tom de seriedade que combina com seu ar aristocrático ao olhar para mulher diante dela, detentora de influência e conhecimentos que a ruiva nem sonha em possuir.  —Meu pequeno mundo feito de sonhos é muito agradável e a guia que me apresentou a ele generosa como se fosse feita de um verão inesquecível. — Ela olhou em volta como um sorriso quente nos lábios. — Estou agradecida pelo que senti hoje, você afrouxou um dos tantos nós que tenho e não vou esquecer disso...Dimitri foi uma doce e marcante surpresa.—  Excitação suave como uma brisa quente a inunda ao pensar no que fez e sorri satisfeita com seu sonho. — Um brinde a realidade cinza e aos sonhos entorpecentes que oferecem uma dose intensa de liberdade...— A ruiva fazia um brinde imaginário a voz cheia carregada de calor que talvez sumisse ao acordar. —

    Falas em branco
    Wordspinner
    Garou de Posto Cinco
    Wordspinner
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2291
    Reputação : 127

    Chloe  Moore - Página 8 Empty Re: Chloe Moore

    Mensagem por Wordspinner Sex Jul 09, 2021 3:53 am

    Chloe escreveu: Você me lembra um enigma, uma vontade imensa de desvendar a resposta, mas ao mesmo tempo tem um alerta que diz para ter cuidado.

    "É difícil desvendar a si mesmo não é? Especialmente pessoas complexas como nós." Ela age como se tivessem um segredo entre elas.

    Chloe escreveu:muito menos ser tomada por algo muito maior que minha existência aqui...

    "Ninguém entende, a grande questão é até que ponto podemos avançar no escuro sem ver onde colocamos os pés." Ela dá um passo bem pequeno e se aproxima de Chloe. "Mas não tem o que temer de mim."

    Chloe escreveu:A liberdade breve que senti aqui foi um passo fora dos meus limites e não posso negar que gostei de cada segundo.

    Ela sorri travessa imediatamente. "Não foi o primeiro, foi?" Ela James nas brumas atrás de Dione, na luz do sol que entrava no dia que ele mostrou o apartamento para ela. Ele se desfaz na imagem do pai olhando para ela como ele tinha olhado na clínica de entre as suas pernas. Ela ri como um sino e eles se desfazem como se nunca estivessem ali.

    Chloe escreveu:Afinal você é a rainha, quem ousar ir de encontro ao poder do sol acabará ardendo diante dele!

    "Você é muito lisonjeira senhorita, espero que esteja certa. Até o momento tem estado. Tenho visto eles queimar bem de perto." Novamente ela fala como se tivesse um segredo entre elas.

    Chloe escreveu:Dimitri foi uma doce e marcante surpresa

    "E você vai desfazer os outros? Desatar? Cortar? Arrebentar?" Ela uma palavra depois da outra cada vez mais agressiva como se pudesse ela mesmo cortar as amarras morais e mentais de Chloe.

    O brinde da ruiva tem o gosto de mel e é quente como o sol. Dione faz as brumas apertarem em volta delas. De novo. De novo. De novo.

    Tap! Tap! Tap!

    Tap! Tap! Tap!

    A respiração enche o peito de Chloe. O ar fresco da noite carregado do aroma rico de queijo e molho de tomate. Os olhos piscam rápido tentando ver e se achar. Onde ela deveria estar? Ela se move e percebe que acordou sentada. Sentada em um carro com as portas abertas. Som de pessoas falando. O céu ainda escuro, mas com a sugestão de cores onde o sol iria nascer. Ela respira de novo, mais normal dessa vez. Ela não lembra do carro, estava sozinha nele. Uma batida no vidro que estava meio aberto na porta totalmente aberta. Uma silhueta emoldurada por uma luz forte.



    thendara_selune
    Mutante
    thendara_selune
    Mutante

    Mensagens : 747
    Reputação : 56

    Chloe  Moore - Página 8 Empty Re: Chloe Moore

    Mensagem por thendara_selune Sex Jul 09, 2021 11:00 am

    Os olhos dela vagueando pela presença de Dione e podia sentir o ar tornar-se denso naquela atmosfera que insinuava um segredo entre as duas. –  Difícil e caótico...Na maior parte do tempo todo mundo prefere se manter na superfície previsível de si mesmo...–  Ela mordia o lábio inferior e exibia em seguida um sorriso pequeno como se pensasse cada vez mais no que devia fazer sobre si mesma e tudo mais que a cercava. – Meu pai diz que às vezes uma súbita lufada de ar é o suficiente para nos empurrar em direção ao escuro e que devemos ter cuidado com que vamos encontrar lá...– Um sorriso alargou-se em todo o rosto dela com uma vaga lembrança dos dias que esperava ansiosa o pai voltar e sua mãe a deixava dormir tarde para que pudesse desfrutar da presença dele antes que sumisse por um longo tempo. –Por agora prefiro me prender no pontinho luminoso que posso ver diante de mim e não na escuridão que pode me morder se fizer a escolha errada.– Chloe abriu as duas mãos e fechou como se tivesse agarrado algo frágil. Depois o corpo dela parecia relaxar sem precisar se preocupar em manter uma pose impecável e contida.
    A travessura aflora com naturalidade no sorriso de Dione, quando vê James nas brumas sente-se inquieta ao lembrar de como se jogou nele e foi rejeitada porque o homem é daqueles raros que você só encontra em livros perdidos na prateleira, mas com aqueles títulos que fazem você se sentir com dezessete outra vez. Ela leva um dedo a bochecha de maneira inocente e franze o cenho pensando que jamais deveria ter colocado os olhos nele e no fundo torcia que ele nunca soubesse o que ela fez. – Não tinha como resistir.–  A imagem daquele presunçoso a deixa irritada consigo mesma, um erro que não se repetiria nem que tivesse uma faca no pescoço, aquilo a fez arquear uma das sobrancelhas com raiva que faz o rosto delicado ficar vermelho. – Esse é um erro...Presunçoso, trapaceiro e perigoso demais para que cruze com ele de novo...O detesto!– A voz cheia de antipatia, não por moralidade, mas por saber que ele é capaz de qualquer coisa para obter algo e por ter sido estúpida de deixar o corpo escolher um caminho de prazer quando devia ter se contido.

    ***

    – A verdade tem que ser dita e torço genuinamente que seu caminho mantenha-se alinhando com os seus desejos Dione. – A voz dela volta a ser calma e a raiva é trancafiada dentro dela ouvindo agora as palavras da rainha e deixando as páginas que envolvem os dois homens perdidas em algum lugar . –Quem sabe o que vou fazer amanhã? Desejar tudo de uma vez pode trazer à tona coisas que não sei lidar ou entender agora. – Ela parecia falar consigo mesma e Chloe nem nota como o mundo ali apertava-se ao redor delas como um laço de seda escura que comprime e solta-se ao mesmo tempo.  Havia uma voz, o ar enchendo-lhe o peito e a realidade chegando devagar tocando seus pés para depois a fazer piscar sentir aquela dor insistente que estava enraizada nas verdades irrefutáveis oferecidas em uma bandeja de vidro que estilhaçou-se trazendo de volta todas as imagens quando escutou a batida no vidro.
    Wordspinner
    Garou de Posto Cinco
    Wordspinner
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2291
    Reputação : 127

    Chloe  Moore - Página 8 Empty Re: Chloe Moore

    Mensagem por Wordspinner Qui Jul 15, 2021 2:44 am

    O grito estridente dizia seu nome e lançava calafrios na espinha. Chloe se vira e vê Alicia correndo com a boca cheia de dentes brancos, logo atrás dela o irmão mais novo da prima. Seu sobrenome igual ao dela, filhos de um irmão de seu pai, o homem que morreu lutando na guerra. Alguma guerra lá fora que não é assunto de crianças e qual guerra seria?

    Os dois correm para ela com os pés estalando alto no chão de madeira polida e ecoando nas paredes altas da sala enorme. O lugar era claro e limpo e durante o dia reluzia a ponto de fazer eles parecerem sujos em suas roupas desajustadas. Eles se vestiam quase da mesma forma, com calças jeans e camisas cinzas. A diferença vinha por fora e era feita de lã, os casacos coloridos e feitos a mão pareciam bagunçados e não tinham o ar imaculado do vestido de Chloe. Alicia tambem tinha duas tranças balançando uma de cada lado da cabeça onde seu irmão tinha uma boina quase vermelha, mas quase marrom também que ele ficava ajeitando na cabeça o tempo todo. "Minha querida prima." Ela diz com uma mesura comportada e falsa como uma nota de sete. "A gente pode brincar com os cavalos?" Ele pergunta direto e sem nenhuma vergonha. Os olhos correndo pela grama do outro lado das janelas enormes. A voz nem tentava conter a ansiedade.

    Chloe sabia que seu pai não estava em casa. Não ainda. Sabia também que ele só aceitava o melhor. Sua mãe estava em algum lugar da casa enorme fazendo algo de adultos. Um sino numa bandeja chamaria um dos empregados. Um sino pequeno, mas potente que era dourado como bronze polido. O chão de madeira escura coberto as vezes por algum tapete. As esdacas no salão de entrada onde tinha esperado os primos circulavam o lugar escalando para os dois pisos superiores. No alto o vitral que seu pai dizia ter feito sozinho e sempre mostrava Chloe algum detalhe nas estrutura intrincada de ferro escuro ou nos pedaços coloridos de vidro que não faziam qualquer sentido.

    Ela ouve a brisa passando pelas portas duplas que seus primos tinham acabado de cruzar. Lá fora o dia já era claro e quente.
    thendara_selune
    Mutante
    thendara_selune
    Mutante

    Mensagens : 747
    Reputação : 56

    Chloe  Moore - Página 8 Empty Re: Chloe Moore

    Mensagem por thendara_selune Qui Jul 15, 2021 9:38 pm


    Ela estava sentada em um banco de madeira antiga, com entalhes bonitos e o tecido que o recobria cheio de flores. O grito da outra lhe faz saltar no lugar e quando os reconhece abre um sorriso caloroso. Sua mãe dizia para manter os sorrisos contidos, evitar tagarelice desnecessária e agir como uma dama. Porém, que criança de fato quer isso? A presença de primos e primas ali não era novidade, alguns eram polidos demais, educados demais e às vezes adultos demais, mesmo sendo crianças ou adolescentes. Ao que parece Alicia fazia parte do grupo que apreciava a verdadeira infância e Chloe gostou da presença dela assim como do primo. A mesura a deixou um tanto irritada, mas disfarçava bem e sabia se esquivar de alfinetadas infantis ou provocações.  O dia convidativo, com ares do tipo dia que arrasta-se devagar para os adultos, mas que passa ligeiro como as passadas dos primos e faz Chloe sentir vontade de ir lá fora como eles. - Olá Alicia, espero que esteja bem.- A voz sempre baixa, contida e doce. Chloe não grita como as outras crianças, mas vez ou outra longe dos adultos se permitia ser mais livre, mas com a mãe ou o pai perto mantinha aquele jeito de menina feita de mármore. - Sim, podemos ir…- Aquela era uma resposta infantil que toda criança gosta de dar. O sim parecia sempre mais doce, enquanto o não trazia aquela frustração irritante. O vitral ficando para trás e a luz do mundo além da porta se tornando mais convidativo a cada passo. O vestido um inconveniente, o cabelo dela fora tão bem penteado pela mãe, que mantinha as os cachos e ondas presos com ajuda de laços delicados em uma trança única até altura do ombro “Quando for mais velha é melhor domar esse cabelo, esse desalinho é desconfortável aos meus olhos, cachos e ondas que ficam emaranhadas-se não combinam com você." Elize fazia questão de ter os cuidados necessários com a filha, detestava aquele cabelo que encaracolar-se desafiando-a constantemente e as tias mais velhas diziam que a menina tinha herdado aquilo do lado do pai de Elise que Chloe só tinha visto em fotos um homem forte, cabelos vermelhos e olhos de verde muito intenso com um sorriso largo nos lábios emoldurados por uma barba bonita.
    Falas em branco
    Wordspinner
    Garou de Posto Cinco
    Wordspinner
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2291
    Reputação : 127

    Chloe  Moore - Página 8 Empty Re: Chloe Moore

    Mensagem por Wordspinner Dom Jul 18, 2021 4:46 am

    Os primos não esperam nada. Só correm assim que ela concorda. O garoto escorrega na grama e grita rindo. A luz lá fora fazia eles parecerem limpos e felizes. Mais felizes. Os minutos vão se amontoando uns nos outros. Escolher um cavalo é algo muito díficil. Eles querem todos e o cuidador não deixa. Um homem simples com roupas feitas a mão e uma cara magra e calma. Os animais se agitavam com a energia dos jovens, mas um toque do homem e eles se acalmavam. As vezes ele não precisava de mais que um barulho estalado na boca ou um olhar sério. Ele tratava os primos e Chloe como se fossem convidados, mas não como se ele fosse um empregado. Senhor Rikker era como ele se chamava, nada mais. Nada menos.

    "Chloe! Mamãe veio com a maleta e o caminhão fechado." Isso queria dizer sorvete. Bastante sorvete. "Será que a gente vai ficar mais uns dias?" O menino diz com os dedos no pelo do cavalo pequeno cor de caramelo. O carinho e a adimiração eram claros nos olhos dele. Mais claros ainda quando ele afunda o rosto na crina do animal. "A gente pode apostar corrida?" Ela olha para o cavalo de Chloe que era mais alto e malhado de preto e branco. As patas compridas e graciosas. Chloe se senta de lado no animal olhando a trança que foi cuidadosamente escovada e feita a mão pelo Senhor Rikker. Ele estava olhando de longe as crianças no gramado enorme.

    O casarão enorme estava lá olhando para eles também com suas janelas. Olhos de carne e osso podiam estar ali atrás, olhando também.
    thendara_selune
    Mutante
    thendara_selune
    Mutante

    Mensagens : 747
    Reputação : 56

    Chloe  Moore - Página 8 Empty Re: Chloe Moore

    Mensagem por thendara_selune Dom Jul 18, 2021 4:53 pm

    Chloe os seguiu, uma menina rechonchuda, com olhos ambar nada sérios bem diferente do pais em muitos aspectos o cabelo acobreado preso soltou-se da fita que prendia a trança única e o sorriso largo nos dentes alinhados com um aparelho incômodo. Ela não ligava para aquilo, só queria correr sem se preocupar e qualquer que fosse a brincadeira parecia digna de toda uma atenção meticulosa. Os animais são lindos aos olhos, aquela imponência, uma dose de arrogância e alma limpa observando toda agitação que os três provocavam ali. Senhor Rikker faz Chloe recuar um pouco de volta a um comportamento mais contido até que ela chega ao animal que lhe pertence e como aquilo era estranho a vida de outro ser lhe pertencer se ela não tinha nem controle sobre a própria vida.

    – Vocês devem ficar, mamãe com certeza convidou a titia para ficar, está perto do aniversário da Tia Margot... – A voz com a típica animação infantil. Ela muda de lugar com Alicia, deslizando para o chão para dar lugar a outra. - Eu o chamo de Nata, nome bobo, mas combina tanto com ele...Muito fofo e bonzinho. - Havia muito carinho na voz de Chloe que depois olhou o primo encantado com Caramelo. - Apostar? - indagou Chloe, surpresa, jogando os cabelos alaranjados para trás. Os fios soltos, cachos e ondas misturadas agora, Nata estava mais apresentável do que Chloe.- Quer correr com essas perninhas?- O sorriso meio bobo olhando o primo.- Apostar corrida coms os cavalos não é uma boa ideia, conhecendo o senhor Rikker ele vai dizer que crianças não sabem se alinhar aos cavalos e nem compreende-los. - Ela tira a boina do primo experimentando o acessório. - Ficou bom?- Ela riu alto dando se conta agora das janelas atentas que pareciam observar os três. - Vamos explorar por aí e comer alguma coisa depois…-


    Falas em branco
    Wordspinner
    Garou de Posto Cinco
    Wordspinner
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2291
    Reputação : 127

    Chloe  Moore - Página 8 Empty Re: Chloe Moore

    Mensagem por Wordspinner Ter Jul 20, 2021 9:15 pm

    "Nata" ela repete séria. "Nata... e esse?" A voz ainda aguda e cheia de encanto do menino.

    Quando Chloe fala sobre a opinião de Rykker os dois não parecem nada impressionados. "Parece que ela tá com medo John. Acho que nossa prima é covarde." Ela diz com a crueldade que só as crianças conseguem. O garoto se aperta no cavalo de novo. "Não sei, ela pode ser o que quiser se eu puder andar no cavalo." Ele suspira contra o animal ainda com o rosto colado. A irmã ri e faz um afago na cabeça dele sem apressar o passo do cavalo. "Já que não vamos correr, por que não mostra seu lugar favorito?" A expressão calma já tinha abandonado a provocação e a menina olhava em volta absorvendo cada aspecto da vista. "Aqui é bem verde. Nossa casa é tão branca e sem graça." Os lábios se torcem com desgosto da casa que ela vê na memória.

    Então Chloe tira a boina do menino que se assusta e fica vermelho de raiva, ainda mais vermelho quando a irma gargalha algo alto estridente e sem controle atrás dele. "Muito bonita Chloe. Parabéns. " o menino olha para ela traído e depois para Chloe. "Muito feia, não combina com seu vestido." A mão esticada como que para pegar de volta enqusnto seguem Chloe.
    thendara_selune
    Mutante
    thendara_selune
    Mutante

    Mensagens : 747
    Reputação : 56

    Chloe  Moore - Página 8 Empty Re: Chloe Moore

    Mensagem por thendara_selune Ter Jul 20, 2021 11:56 pm

    Chloe não cedia a provocação da prima. Os olhos dela observaram o animal que o primo admirava.  
    –  Não sou covarde, mas podemos nos machucar e nossas mães não aprovariam esse tipo de brincadeira. – Ela suspirou achando-se a mais adulta ali. – Caramelo...– A mão dela tocou o animal. – Eu gosto de doces, mas nem posso comer montanhas deles, um dia ele chegou e parecia um doce adorável, os demais não dei os nomes são do papai, embora quase não o veja perto de nenhum deles, mas a mamãe antes de mim gostava de cavalgar além do vale...– Ela lembra de uma das tias elogiando Elize, chamando-a de "amazona indomável", mas isso foi muito antes de Chloe existir ou mesmo casar com Adam. Os dois são primos, naturalmente Elize frequentava o casarão Moore com grande frequência. – Não sou feia, seus olhos que devem estar embaçados.– Chloe devolvia a Boina e apontava para uma trilha por trás do estábulo. – Gosto de ir ao riacho, passo os dias de sol sozinha lá, não é fundo, as pedrinhas fazem cócegas nos pés, mas meus pais não gostam quando vou longe, se tivesse um irmão mais velho o faria me levar por aí...Ou podemos brincar de esconde-esconde no labirinto verde.– Elas parou de correr para mostrar as paredes verdes que formavam o jardim cheio de caminhos silenciosos onde a brisa raspava por entre rosas, flores e trepadeiras podadas harmoniosamente. –Vocês escolhem, quase não tenho ninguém da minha idade aqui para brincar...Então vocês escolhem. –Ela ri de maneira cristalina.

    Falas em branco
    Wordspinner
    Garou de Posto Cinco
    Wordspinner
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2291
    Reputação : 127

    Chloe  Moore - Página 8 Empty Re: Chloe Moore

    Mensagem por Wordspinner Seg Jul 26, 2021 2:42 am

    A prima imita Chloe quando ela fala das mães com tédio genuíno. "Sabe, aqui é tão pacífico." Ela diz logo depois. "Caramelo!" O menino lambe o animal e faz uma careta coçando a língua com as duas mãos.

    "Eka, não é de caramelo." Ele reclama e a irmã ri bem alto abraçando ele. "Prima..." A voz dela ainda infectada pelas risadas. "Sua mãe que te ensinou a cavalgar?" Ela luta para terminar cada palavra.

    "Esconde-esconde!" Ele grita. A irmã concorda com a cabeça.

    --

    Os três brincam de tudo que conseguem pensar depois do esconde esconde e quando os adultos chamam já passou dá hora. Já passou até do por do sol.

    A mulher caolha que servia a casa como uma espécie de pirata do mato. Ela que encontra os três. "Vamos lá crianças, é perigoso no escurdo. Você não vê um buraco e logo quebra o pé. Horrível. Dói muito. Foi assim que eu perdi o olho." Diferente de Rikker a senhora Randall era bonita e divertida, mesmo com o tapaolho que usava o tempo todo. Ela sempre dizia que tinha perdido o olho de um jeito diferente. Mas diferente de Rikker ela tratava todos com a devida deferência quando na frente dos adultos. Especialmente do senhor Moore.

    "Aposto que tem comida boa na mesa e banho quente para três na casa grande." Ela sorri com dentes alinhados e brancos.

    Os dois olham para Chloe com expectativa como se estivessem esperando um sinal para fugir.
    thendara_selune
    Mutante
    thendara_selune
    Mutante

    Mensagens : 747
    Reputação : 56

    Chloe  Moore - Página 8 Empty Re: Chloe Moore

    Mensagem por thendara_selune Seg Jul 26, 2021 11:59 am

    -Não era pra lamber seu bobo!- Ela riu de maneira tão solta e sem nenhum modo contido.  A prima perguntou sobre a mãe e Chloe respondia escolhendo as palavras. - Minha mãe é muito ocupada, quem me ensinou foi um dos primos…- Os olhos vagueando.- Malcolm, ele é primo da mamãe, ele me ensinou e ela ficava observando de longe. - Ela soltou o cabelo de vez e parecia sentir saudade do primo mais velho. - Ele é bom em contar histórias também e sempre trazia um presente bonito, da última vez foi uma caixinha de música...Quando crescer quero casar com ele! -  Cheia de orgulho afirmava aquilo como se tivesse uma escolha. - Não quero um bobinho como você…- Chloe correu até o primo e depois o encarou como se o examinasse igualzinho ao que a mãe fazia quando estava observando as crianças das parentes. - Vou ser igualzinha a mamãe, um dia serei uma grande lady, quero morar em Glastonbury  e ir ao festival…- Toda adulta falando como se tudo pudesse ser concretizado apenas por estar falando em voz alta. - A gente pode ir juntos ao festival quando tivermos idade, o primo cuida da gente!- Ela apertou o braço dele com delicadeza e depois riu de novo olhando Alicia. Depois tudo foi riso, sujeira, uma corrida sem fim até que a senhora Randall chega assim como o sol parecia ir embora para dar lugar ao anoitecer.       -Será que podemos dormir tarde hoje?- Chloe tocou na mão da mulher e olhou para os primos.- Venham, não é educado se atrasar e mamãe não gosta quando as coisas não seguem a rotina da casa…- Para ela obedecer, ter rotina e modos quase mecânicos quando necessário era algo corriqueiro. Os primos quebravam a monotonia de ser uma adulta em corpo de criança. Ela solta a mão da senhora Randall e corre até os primos os puxando pelas mãos. - Vamos comer e depois podemos dormir juntos...Eu não ligo se esse bobo dormir conosco!- Chloe soltou outra risada cheia de alegria tão palpável que podia tingir o céu acima deles de maneira multicolorida.
    Wordspinner
    Garou de Posto Cinco
    Wordspinner
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2291
    Reputação : 127

    Chloe  Moore - Página 8 Empty Re: Chloe Moore

    Mensagem por Wordspinner Sex Jul 30, 2021 2:06 am

    "Agora eu sei..." ele diz desolado ainda raspando a língua. Chloe logo fala de Malcolm e Alicia fica vermelha e risonha. "Cê não vai casa com ele prima. Sua mãe vai querer alguém melhor, mais rico também." Ela fala sem jeito, mas adorando a fofoca. "Malcolm não tem chance." Ela diz bagunçando o cabelo do irmãozinho que tinha ficado paralizado pela análise de Chloe.

    A gente pode ir juntos ao festival... as palavras de Chloe animaram os dois a um outro nível de excitação em que só podiam falar um por cima do outro. "Eu quero! Vai ser amanhã?" A voz do menino aguda e desesperada. "A gente pode mesmo ir juntas? Nós dois com vocês?" A esperança tão óbvia na voz.

    --

    "Quem sou eu pra dizer que horas vai dormir pequena dama? Hein?" Ela mostra os dentes em algo que é quase um sorriso. A mão aperta com cuidado e carinho a pequena maozinha de Chloe.

    Os dois primos derrotados seguem as duas para casa sem reclamar.

    --

    As três crianças seguem juntas para a casa e encontram uma situação inusitada. Nenhum adulto presente exceto pelo mordomo dos Moore. Ele e uma enorme mesa coberta com uma intrincada toalha branca e bandejas cor de bronze polido cobertos por domos da mesma cor e com desenhos cuidadosos em alto relevo.

    A comida cheirava mesmo tapada. O menor dos três tenta correr para começar a devorar, mas é segurado pela irmã.  "Ela primeiro. Pra mostrar como é.
    thendara_selune
    Mutante
    thendara_selune
    Mutante

    Mensagens : 747
    Reputação : 56

    Chloe  Moore - Página 8 Empty Re: Chloe Moore

    Mensagem por thendara_selune Dom Ago 01, 2021 12:28 am

    – Não me sinto desencorajada a sonhar com isso...– foi a resposta que tinha uma pitada de melancolia ao responder Alicia. Depois Chloe ficou com o rosto brilhando de alegria por causa da possibilidade de ir ao festival. Talvez se implorasse muito, se achasse uma prima ou primo mais velho que estivesse livre podiam ir durante a tarde, mas ficar até a noite seria impossível. Lembrou-se de sua tia Margot em um de seus momentos explosivos, os olhos castanhos arrogantes, a cabeleira cinza sempre em um coque sóbrio que contrastava com sua aparência aristocrática como se tivesse saído de um livro antigo.

    “ Essas meninas enfiadas em cursos superiores, qual finalidade de tal balbúrdia? Vão virar comunistas, radicais e assassinas de bebês! Sem falar dessas malditas músicas modernas que incentivam a vadiagem e fornicação? Em uma década a nossa família estará perdida, se o falecido senhor Duncan  estivesse entre nós, as coisas seriam como nos velhos e bons tempos! Toda libertinagem medonha que mordisca a plebe seria transformada em um vale verdejante puro e perfeito! ’’

    Quando a tia começava com isso prontamente um dos empregados surgia para levá-la para um passeio no jardim e sempre lhe ofereciam licor de amora.  As memórias da tia era antigas, ligadas a outro tempo que era escondido de Chloe

     –Depende se acharmos um primo ou prima dispostos a isso, nossas mães devem acordar sobre e devemos ficar apenas até o entardecer, depois não seguro andar a noite tão longe de casa... – Ela fala com a desenvoltura de uma pequena adulta, sua mãe lhe alertava sobre nunca sair sozinha, manter-se sempre perto de alguém de família e não confiar em estranhos.  – Um passeio desses seria incrivel. – Ela riu baixinho.



    –A senhora é sempre gentil comigo. – A mão pequena dentro da mão adulta a deixam feliz. Qualquer contato que emanasse uma gota de calor fazia Chloe vibrar intimamente.  Ela soltou-se da senhora Randall em um gesto lento, os passos delicados e a graciosidade que lhe fora entregue através de lições rígidas que fazem parte de sua rotina transbordam enquanto se move. Depois cumprimentou o mordomo com um leve inclinar de cabeça e aproximou-se dos primos. –Vamos nos lavar primeiro, mãos sujas depreciam o sabor e não é nada educado sentar-se à mesa de tal maneira.– Ela os guiou para que lavassem as mãos, sendo amável com os dois. Tomando cuidado em ajudar os dois a lavarem bem as mãos. – Nada de sujeira nas unhas, vocês devem sempre manter as mãos limpas, minha mãe é observadora, mas acho que por hoje estamos livres dos adultos, vamos comer e depois podemos seguir a rotina noturna.– Ela os leva de volta, sentando-se entre os dois no meio da mesa.

    – O chefe da família costuma ocupar a cabeceira da mesa, por isso vamos sentar aqui, as regras da casa não se fazem necessárias hoje, vamos comer e depois devemos nos organizar para dormir, mas geralmente costumo ler uma história antes  e depois de luzes apagadas. –
    Virou-se para Alicia com seu sorriso doce.  – Um banho morno, vai ser divertido Alicia, posso pentear seu cabelo, depois uma trança e você vai acordar parecendo uma princesa... – Olhou o primo com um ar desafiador. –  Espero que não tenha medo de dormir no escuro, você é tão bobinho, achou que o Caramelo teria gosto de Caramelo... – O sorriso morno de Choe desabrocha olhando os primos cheia de entusiasmo.
    Wordspinner
    Garou de Posto Cinco
    Wordspinner
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2291
    Reputação : 127

    Chloe  Moore - Página 8 Empty Re: Chloe Moore

    Mensagem por Wordspinner Seg Ago 09, 2021 2:57 am

    Os dois parecem vibrar prestes a explodir quando Chloe fala de irem com primos no festival. Mas logo depois a situação muda e eles esquecem como as crianças sempre esquecem.


    No jantar eles se comportam com sofisticação inesperada. Na frente dos adultos na parte de dentro da casa eles agem como Chloe tinha aprendido a agir.

    "Eu adoro tranças. Robert tenta fazer as vezes. Elas ficam muito boas, os dedos pequenos dele são muito rapidos." Ela fala com orgulho. "Se quiser ele pode trançar o seu cabelo enquanto você trança o meu." O menino faz que sim ainda abalado pela história do cavalo sem gosto de caramelo.

    "Eu gosto do escuro." a voz dele é pequena e frágil. "É tão vazio e calmo. Bonito também. Tudo fica igual." Ele diz fechando os olhos para demonstrar.

    Nessa noite nenhuma das mães apareceu. Nenhum Moore deu o ar da graça. Mas quando Chloe acordou assustada com um barulho estranho e alto a senhora Randall estava parada na porta do seu quarto. Imóvel. Ela ficou ali sem falar nada e olhando para corredor até Chloe dormir de novo.

    O café da manhã foi especial e levado no quarto. Pela janela eles viam que a chuva tinha castigado a propriedade doa Moore durante a noite e agora brilhava nas folhas com o sol da manhã. Os bolinhos eram uma novidade. Tanto os de carne quanto os de chocolate. Assados e decorados. As frutas eram as de costume, morangos, mirtilos e amoras. Leite batido com mel para ficar doce e cremoso. No fim um bule delicado com água quente, outro com leite e xícaras com as folhas do chá.

    Eles brincaram o dia todo e dia seguinte também e em nenhum momento os Moore apareceram. Quando vieram levaram os primos de Chloe embora e não explicaram nada. Semanas depois ela recebeu uma carta de Alicia dizendo que ela e Robert estavam em um colégio novo e distante. A carta parecia fria e impessoal. Uma semana depois e sempre uma semana depois outra carta chegava. O humor melhorou, mas ainda parecia distante.


    --

    No verão Alicia apareceu de novo sem o irmão. Vestida muito formal e séria. Quase sem vida. A noite quando finalmente ficaram sozinhas ela se tranaformou. "Eles lêem tudo que eu escrevo." Ela diz olhando por debaixo da porta. "Eu não sei onde a mamãe tá e o Rob... eu não posso ver o Rob nunca. Só de longe sem ninguém saber." Não tinha raiva na voz. Só tristeza.



    thendara_selune
    Mutante
    thendara_selune
    Mutante

    Mensagens : 747
    Reputação : 56

    Chloe  Moore - Página 8 Empty Re: Chloe Moore

    Mensagem por thendara_selune Seg Ago 09, 2021 9:40 am

    Chloe divertiu-se tanto que até seu olhar parecia mais vívido. Os primos eram uma brisa fresca. Porém naquela noite ao despertar assustada sentia-se acordar em meio a algo que devia esquecer. Então seus olhos fixaram-se na senhora Randall e seu silêncio penumbral a fizeram fechar os olhos com esforço buscando de novo o sono. Chloe não questionava os segredos barulhentos que habitavam os corredores de seu lar.

    ***
    No dia seguinte a partida dos primos a fez chorar. Ela entregou à prima uma presilha em forma de borboleta com pequenas pedrinhas. Era como se perdesse um pedaço do calor que sentiu estando com eles. Os abraçou com força e no auge de sua inocência não concordava com a maneira que os adultos agiam. Passou dias melancólica, mas evitava que a mãe a visse assim e enterrava o nariz nos livros, cumpria com sua a rotina de estudos e a melhor parte do dia era permitir que o piano lhe desse uma liberdade que poucos entenderiam. Então quando os dedos dela pareciam em sinergia ela via a mãe entrar com um livro na mão e sentar-se perto da janela. A música irradiando intensamente por todo lugar.

    ***

    Após uma semana recebeu a carta de Alicia, sem cor ou emoção. Ela lia inquieta e escrevia uma resposta emotiva.
    Falando sobre bolinhos, o chá derramado em um livro de poesia ou a expectativa de ver os primos no verão. As cartas de Alicia não pareciam sinceras,mas Chloe respondia cheia de saudades e carinho torcendo que aquilo levasse algum sentimento quente à prima. Não recebeu nada de Robert, preocupou-se por não obter respostas e forçou-se a imaginar que os garotos eram sem tato com sentimentos.

    ***

    No verão a prima vinhera. Chloe notou aquela sobriedade em Alicia. Assim como ficou sobressaltada quando a outra olhava por baixo da porta. Depois de ouvi-la a puxou para varanda para que se sentassem aproveitando a brisa e o sol pálido. Servindo chá a prima e oferecendo biscoitos.

    - Não entendo porque fazem isso… Sabia que suas cartas pareciam contrariar sua personalidade enérgica.-  A voz de Chloe é baixa e depois a tristeza veio ao pensar sobre a mãe e o primo. - Robert...Como ele está? Não me falam nada sobre assuntos adultos…- Os olhos marejados e a voz era um murmúrio. - Eu sinto muito Alicia, gostaria de fazer mais por vocês!  -  Ela abraça a outra com carinho. -Venha, vamos escolher um vestido bonito pra você, tenho uma presilha tão fofa e podemos pedir para ir a confeitaria nova.- Ela fungou umas duas vezes e com um sorriso puxava Alicia para escolherem um vestido bonito. Deixou a prima escolher o que quisesse. Penteou o cabelo de Alicia, em seguida colocou uma presilha delicada em forma de rosas entrelaçadas  e ficou satisfeita ao ver o resultado final. Depois foi até a senhora Randall segurando a mão de Alicia em todo caminho.

    -Senhora Randall estamos bonitas?!-
    A pergunta vinha com um tom doce,mas também já conhecido quando Chloe queria algo.
    - Seria um desperdício não nos exibirmos na confeitaria nova, acredito que uma jovem dama deve vez ou outra desfrutar de atividades que permitam-lhe aperfeiçoar seus modos em público!- Ela falava cheia de doçura e com aquele ar de pequena dama.
    Wordspinner
    Garou de Posto Cinco
    Wordspinner
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2291
    Reputação : 127

    Chloe  Moore - Página 8 Empty Re: Chloe Moore

    Mensagem por Wordspinner Qui Ago 12, 2021 8:24 pm

    "Eu não sei!" Ela respondia com raiva. "Eu não sei. Não sei..." Cheia de medo. "Ele vai esquecer de mim?" Cada palavra mais fraca que a anterior. "Roubaram meu irmãozinho Chloe e eu não sei porque. Você sabe? Sabe onde tá minha mãe? Ela não vai deixar isso ficar assim... Não é?" Ela não parecia nada interessada em se vestir.

    Porém Chloe acorda antes do sol e prepara tudo na varanda para as duas se arrumarem sob o céu quase limpo com nuves que por um breve momento são rosas e douradas. O cabelo escuro de Alicia e sua pele corada ficavam bem com os tons que Chloe tinha no armário. Ela estava mais magra que antes e um tantinho mais alta. Eventualmente Chloe está satisfeuta com o que fez com as duas. Pareciam prontas para um baile de verão.

    "Estão as duas encantadoras..." ela dizia desconfiada. "Arrancariam suspiro dos marinheiros." Ela diz como se fosse rir, mas não o faz. Então ela finalmente ri quando ouve sobre a confeitaria. "Sorte sua que estou com vontade de ir. Vamos." Ela diz sem rodeios e os seus calcanhares começam imediatamente a fazer barulho no piso de madeira. Alicia chocada começa a ir atrás dela.

    Logo as três estão na frente do casarão e a senhora Randall chama um dos motoristas que vem com um dos carros de serviço, mas corre para trocar assim que vê a expressão no rosto da mulher caolha.

    O carro preto e discreto era para passeios, tinha telas nos bancos e cheiro de morango. O pai odiava aquele carro, mas o pai não estava ali agora.

    A viagem dura alguns minutos onde a aenhora Randall conta histórias e revisa as regras de estarem fora de casa. Era perigoso lá fora. E ela lembra disso em cada regra repetida a exaustão. Quando finalmente chegam é uma surpresa e senhora Randall deixa as duas livres aasim que entram no lugar maravilhoso.
    thendara_selune
    Mutante
    thendara_selune
    Mutante

    Mensagens : 747
    Reputação : 56

    Chloe  Moore - Página 8 Empty Re: Chloe Moore

    Mensagem por thendara_selune Qui Ago 12, 2021 11:26 pm

    O medo na voz da prima, fazia Chloe sentir terrivelmente pequena. Ela abraçou Alicia era tudo que podia fazer. Quando o dia chegou, apenas queria um pouco de luz na vida da outra, mesmo sem grande entusiasmo ela queria deixar a prima perfeita e foi o que fez.

    ****

    Quando a senhora  Randall concorda a risada de Chloe, tão alegre e irresistível ecoou através do lugar. Não tinha como se conter, pegando a mão da prima e dando passos largos. Sair era uma raridade, passava todo o tempo ali, as viagens eram curtas e geralmente para casa  de parentes.  
    O cheiro de morango era adorável, Chloe sentou-se colada a Alicia, olhando a senhora Randall com suas recomendações que ela ouvia desde o berço e assentiu com tudo.
    ****

    Chloe  Moore - Página 8 11a52010


    Chloe ficou encantada com o lugar, os olhos brilhando entusiasmados, pela possibilidade de ver pessoas e de não estar sob a vigilância imposta em casa. Já do lado de fora o cheiro de canela no ar, mesclando-se a chocolate, morangos e toda infinidade de doces possíveis fazia a pequena ruiva exibir um sorriso delicado. Ao entrar podia ver os cremes coloridos, o véu açucarado que os vestia, o borbulhar caloroso e quente dos chás perfumando tudo de maneira tão marcante. Era uma espécie de baile doce, que enfeitiça qualquer um, as paredes em tons de rosa, lilás e azul. Tudo tinha um requinte romântico que era adorável de se olhar. Cadeiras antigas e mesinhas ornamentadas com flores estavam espalhadas, bancos fofinhos nos cantos e tudo parecia inspirar doçura no coração de Chloe.



    Embora extasiada, ela se portou como uma pequena dama.   Chloe parecia uma boneca, graciosa e silenciosa demais para uma criança. Então tomou a mão de Alicia dentro da sua e a guiou para a vitrine e a sua voz era baixa.

    -Oh, Alicia, qual escolher?- Segurou a mão da prima com carinho. Ficando ao lado dela e parecia assim querer garantir que a prima não sumisse no ar algo que seria impossível, mas as palavras ditas  sobre o irmão e a mãe fizeram Chloe temer que algo assim pudesse acontecer. - Eu gosto de todos, veja é tão bonitinho e esse aqui deve ser delicioso ou que chá escolher?-  O sorriso dela iluminou-se olhando aqueles pequenos caminhos doces, cheios de sabor e imaginando o chá que escolheria. Na verdade, o sentimento mais forte era o de manter a prima consigo. Não entendia porque separam o primo da irmã ou porque a tia não estava cuidando deles? -Qual será sua escolha Alicia?- A pergunta vinha fazendo então os questionamentos evaporarem por agora.
    Wordspinner
    Garou de Posto Cinco
    Wordspinner
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2291
    Reputação : 127

    Chloe  Moore - Página 8 Empty Re: Chloe Moore

    Mensagem por Wordspinner Seg Ago 16, 2021 11:21 am

    Alicia não parecia se importar com o carro ou a viagem, mas a proximidade com a prima a fazia reagir se colando a ela durante todo o percurso. Os olhos da prima fixos no horizonte.

    A menina lentamente se solta no lugar, mas se deixa ancorar na mão de Chloe. Os dedos apertando os dela. "Eu quero esse escuro aqui, com a coisa vermelha." Ela coloca a cara no vidro quase babando. Chloe identifica o doce, um cheese cake com borda amarga de chocolate e cobertura de amora com morango.

    Um rosto sorridente aparece em cima delas do outro lado do balcão. "Ora ora, minhas caras damas, o que desejam?" As palavras que Chloe tinha ouvido tantas vezes... o que deseja... "Esse!" A prima diz com a confiança de antes. Os olhos desafiadores são até cômicos em uma crianca vestida daquela forma. Uma faísca da sua antiga energia de volta.

    Senhora Randall estaria olhando de algum lugar com o único olho. Silenciosa e invisível em alguma sombra.
    thendara_selune
    Mutante
    thendara_selune
    Mutante

    Mensagens : 747
    Reputação : 56

    Chloe  Moore - Página 8 Empty Re: Chloe Moore

    Mensagem por thendara_selune Seg Ago 16, 2021 12:45 pm

    Chloe olhava a prima extasiada. - Uma boa escolha é um cheese cake com borda amarga de chocolate e cobertura de amora com morango.-O sorriso da pequena ruiva era contido em uma linha delicada quando acaba de falar. Escutando a voz e vendo o sorriso sorridente respondeu educada. - Quero um Eton Mess por favor e minha prima quer o Chesse Cake. - Aquela é a sobremesa preferida de Chloe  porque a mãe colhia morangos frescos, misturando delicadamente, merengue e chantilly. Ela só fazia isso quando estava de bom humor e em seguida ficava com Chloe na estufa remexendo a terra cantarolando Françoise Hardy - Tous Les Garçons Et Les Filles.


    Olhando a alegria da prima pensou muito sobre como seria divertido tê-la sempre consigo, parece um tanto egoísta, mas para Chloe soava tão certo. instintivamente ela olha ao redor procurando um lugar para sentar, mas também observando os adultos com alguma curiosidade e depois que acha um lugar o mostra a Alicia.
    -Você não acha que esta tarde se parece com um sonho, Alicia?- Ela esperava os doces e quando são entregues Chloe se move com a prima para uma mesa. -Sou bem boba, mas  sempre acho que não há nada melhor do que as manhãs, mas eu acho ainda mais maravilhoso quando o entardecer chega suavemente e fico olhando da varanda tudo mudar de cor.- Experimentava o doce sentindo o sabor espalhar-se lento e causar aquele gritinho interno de satisfação infantil. -Oh, que sabor incrível, adoro morangos e tudo que for de morango é delicioso!- Oferecia um pouco a prima e depois olhou o mundo além da vitrine. As pessoas indo e vindo. Uma dose de inveja quando viu crianças mais livres, com sorrisos soltos e sem a pressão de ser como elas duas ali. - Um dia quando for adulta quero um namorado que me traga aqui e depois me leve para ver o entardecer…- Ela corava era uma romântica, lia Jane Austen com prazer. A mãe não a repreendia manter a filha em uma bolha era útil e piedoso aos olhos de Eliza.


    - Não consigo imaginar como vai ser quando for adulta.
    -Disse Chloe olhando a prima com um ar de quem tinha que pensar sobre tudo, mas era uma criança de todo modo. Lembrou do Robert, gostaria que ele estivesse ali com elas e quando deu uma nova colherada suspirou pensando nele por um tempo. - Uma das primas deve casar no fim do mês, com Thomas  Byrne, é a Sophie e depois se muda para casarão com ele.- A mãe dela Elizabeta se gabava incansavelmente da beleza da filha e de seus dotes como dama.  Comendo o doce ela lembra das reuniões das senhoras, uma coisa que Chloe não gostava. Não entendia como a morte rondava essas mulheres que logo casavam de novo. Os Moore e os Byrne mantinha as coisas através de casamentos que já ocorriam há muitos anos. Chloe por vezes ia a casa de campo deles. Tinha que tratá-los bem, ser gentil, doce, boazinha e mãe exigia que fosse perfeita. - Você deve ir também, faz tempo que não temos um casamento e vai ser divertido, os adultos quase nem olham pra gente ou se trancam longe dos olhos.- Ela dava com ombros.  -Lidar com os primos Byrne exige paciência, mas são bonitinhos e…- Chloe sussurra como se fosse um segredo muito valioso.- Eu acho os mais velhos bonitos, mas eles nem olham pra mim.-  O riso foi baixinho, qualquer conversa mais amena seria melhor que deixar Alicia pensando no irmão ou na mãe.
    Conteúdo patrocinado


    Chloe  Moore - Página 8 Empty Re: Chloe Moore

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Ter Out 26, 2021 3:36 am