Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    Ato V: A Demoiselle d’Ys

    Claude Speedy
    Antediluviano
    Claude Speedy
    Antediluviano

    Mensagens : 4156
    Reputação : 77
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Ato V: A Demoiselle d’Ys Empty Ato V: A Demoiselle d’Ys

    Mensagem por Claude Speedy Sex Jan 15, 2021 1:05 pm

    "Mas acredito que eu
    Tenha descido até o abismo
    Tenebroso no qual dizia
    Heráclito que a verdade era oculta."
    “Gargântua e Pantagruel”, de François Rabelais
    n

    “Estas três coisas me maravilham; e quatro há que não conheço: O caminho da águia no ar; o caminho da cobra na penha; o caminho do navio no meio do mar; e o caminho do homem com uma virgem.” Provérbios: 30, 18-19
    Ato V: A Demoiselle d’Ys Images?q=tbn:ANd9GcQ0KdzxzGCZr4do-FVbYA9LyUpjk5cRM5dhIA&usqp=CAU

    A desolação absoluta da cena começou a afetar o Anônimo. Ele sentou-se para avaliar a situação e, se possível, relembrar algum ponto de referência que ajudasse a lembrar como chegou naquele momento. Ao pedir que a mulher que o acompanhava o guiasse, ela avançou por entra a mata que começava a se tornar densa e desapareceu. Isso parece que faz muito tempo...

    Se ele pudesse apenas tornar a encontrar o oceano, tudo ficaria claro, mas ele se vê preso em um labirinto verde. Ele sabia que era possível ver a praia de se achasse uma colina ou pudesse subir em alguma árvore que não essas tão escorregadias. Nem seu visor achou qualquer rastro da mulher, nada daquilo parecia fazer sentido e era como se a própria ilha não quisesse que ele achasse nada.

    Ele largou a arma pesada e, ajoelhando-me atrás de uma rocha, se apoiou para respirar um pouco. Depois, olhou para o relógio. Já tinham se passado quase quatro horas e nenhuma mensagem de Drive. Talvez ele se sentiu ignorado das últimas vezes em que falaram um com o outro.

    Enquanto caminhava, sua sombra gigantesca o conduzia, parecendo se alongar mais a cada passo. Galhos ocultos entre a grama arranhavam a roupa e quebravam sob seus pés, cobrindo a terra marrom com seus brotos, e a samambaias se curvavam e ondulavam à sua passagem.

    Coalas saíam escalando das moitas para as árvores, e, em meio à relva do pântano, se ouvia o grasnar sonolento de ornitorrincos. Uma raposa do deserto cruzou seu caminho. Era uma fauna bastante adaptada para o clima mais árido, vivendo em um ambiente de abundância de calor e vegetação que fazia Jack tentar entender como vieram parar do continente Australiano aqui.

    Talvez Drive soubesse a resposta.

    E por que ele não responde?

    Depois, quando parou para beber das águas velozes de um riacho, uma garça bateu as asas com força nos juncos atrás dele. Virou-se para ver o sol. Parecia que tocava as bordas da planície. Quando finalmente concluiu que era inútil prosseguir, e que deveria me conformar em passar pelo menos uma noite se jogando no chão, completamente exausto. A luz quente do entardecer atingia seu corpo, mas a brisa do mar que ele nunca encontrava começou a aumentar, e sentiu um frio vindo das botas molhadas.

    Gaivotas voavam muito acima, em círculos, ou arremetiam parecendo pedaços de papel branco. Em algum brejo distante piava um maçarico solitário. Aos poucos o sol se pôs na planície, e o zênite se encheu da luz do crepúsculo. Observava o céu mudar do ouro mais claro ao cor-de-rosa, depois para o fogo em brasa. Enxames de mosquitos dançavam sobre mim, e acima, no ar calmo, um morcego mergulhou depois ganhou altura.

    As pálpebras começaram a pesar.

    Então, quando espantei a sonolência, um barulho alto e repentino em meio às samambaias altas o acordou. Erguendo os olhos. Um pássaro grande pairava, batendo rapidamente as asas acima de onde eu estava. Por um instante apenas, alguma coisa passou saltando por mim entre as samambaias, e o pássaro subiu no ar, planou e mergulhou de cabeça na vegetação.

    Algum vulto o espreitava por entre as árvores.
    scorpion
    Adepto da Virtualidade
    scorpion
    Adepto da Virtualidade

    Mensagens : 1533
    Reputação : 76

    Ato V: A Demoiselle d’Ys Empty Re: Ato V: A Demoiselle d’Ys

    Mensagem por scorpion Ter Mar 23, 2021 9:33 am

    O Soldado Anonimo estava extremamente cansado... o que era algo difícil de acontecer, devido ao vigor físico. Porém, algo, de alguma forma o deixara esgotado e ele preferiu nem pensar muito sobre o que poderia vir a ser.

    Elisabeth já havia sumido há algum tempo e ele sabia que havia algo de errado naquilo tudo. A moça estava tão perdida quanto ele e pior: estava muito assustada, então se saíra andando por ali sozinha, algo de estranho deveria ter. Ele decidiu não chamá-la. Ela não ouviria e, se ouvisse, não voltaria. Na selva, quanto menos barulho você faz melhor... ainda mais na Austrália... lar das criaturas mais estranhas e perigosas do planeta.

    Jack recostou-se numa pedra... estava esgotado e até mesmo com fome. Decidiu dormir um pouco para recobrar as energias e foi o que fez. Porém... algo o acordou depois de algum tempo.... Algo que estava se mexendo no meio da mata... por entre as árvores.

    O soldado iria olhar com o visor térmico e com a visão de raios-x para identificar o que era aquilo... o tamanho e se era animal ou humano. O rifle estava postado na mão e apontando... porém, Jack já havia visto Jurassic Park. Ele sabia que aquilo poderia ser uma distração para receber um ataque pelos flancos. Então ele manteve-se atento á sua volta e somente iria focar no que estava à sua frente depois que checasse o perímetro á sua volta...

    E onde diabos estava a ruiva?
    Claude Speedy
    Antediluviano
    Claude Speedy
    Antediluviano

    Mensagens : 4156
    Reputação : 77
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Ato V: A Demoiselle d’Ys Empty Re: Ato V: A Demoiselle d’Ys

    Mensagem por Claude Speedy Qua Mar 31, 2021 12:22 pm

    A visão de raio-X varre a área, ao que parece é uma tropa de ...

    Ato V: A Demoiselle d’Ys 0*_5uKfkBjrINtnbUn

    Soldados romanos? Eles avançam falando em uma língua que lembra um rebuscado italiano enquanto parecem procurar por algo entre as árvores.
    Ao ouvirem o chamado do Anônimo, param e ficam de prontidão iniciando uma complicada formação tartaruga...

    É notória a dificuldade para manter essa formação em meio às árvores com seu aparente comandante do lado fazendo sinal para que esses se organizem.
    Também era perceptível que eles ainda não haviam visto o Soldado.

    Aquilo era completamente surreal para o vigilante e em sua mente começava a pensar onde realmente Jack havia caído.

    Ou talvez até mesmo quando...
    scorpion
    Adepto da Virtualidade
    scorpion
    Adepto da Virtualidade

    Mensagens : 1533
    Reputação : 76

    Ato V: A Demoiselle d’Ys Empty Re: Ato V: A Demoiselle d’Ys

    Mensagem por scorpion Qua Mar 31, 2021 1:19 pm

    "Domine o campo de batalha e você dominará a batalha"... Foi Sun Tzu quem disse isso e Jack sabia. Como um dos soldados mais bem treinados do mundo, Anônimo era um exército de um homem só. Ele sabia que pouca chance teria contra aquelas pessoas, muito menos sendo seu italiano tão porco quanto o de alguém que aprendeu a falar assistindo a episódios de Os Sopranos.

    Sendo assim, a melhor maneira era se camuflar e observar. Anônimo então subiria rapidamente em uma árvore, usando a faca de monofilamento para conseguir isso mais rápido e ficaria acocorado em cima de um galho. Usaria o visor tático para aproximar a visão da formação tartaruga, inclusive a visão-raio-x para penetrá-la e até mesmo a analítica para ver de que materiais eram feitas as armaduras e a visão de anti-ilusão e contra-atacar camuflagem para ver se eles eram mesmo reais ou não.

    Ficaria em silêncio, deixando que eles se acalmassem ao perceber que "deveria ser só um animal qualquer" e então iria seguí-los por cima das árvores, como um Predador seguiria os Soldados numa floresta tropical.

    Naquele momento, estava preocupado com Elisabeth e Elanne.... onde as duas estariam....ou quando?
    Claude Speedy
    Antediluviano
    Claude Speedy
    Antediluviano

    Mensagens : 4156
    Reputação : 77
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Ato V: A Demoiselle d’Ys Empty Re: Ato V: A Demoiselle d’Ys

    Mensagem por Claude Speedy Seg Abr 05, 2021 10:57 am

    Discretamente oculto , o lugar parecia não ser mais em nenhuma região australiana...

    Com isso o som de vento cortante no céu e a imagem de uma velha senhora caindo se faziam presentes...

    ...ela esta para se estatelar , quando vira uma espécie de sombra viva no meio dos exércitos romanos.

    Eles olham todos assustados para Hela.

    Do topo de uma das árvores, Jack percebe que realmente a bruxa foi capaz de sobreviver ao ataque de Vulcano.
    Sandinus
    Moderador
    Sandinus
    Moderador

    Mensagens : 11185
    Reputação : 81
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/111.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Ato V: A Demoiselle d’Ys Empty Re: Ato V: A Demoiselle d’Ys

    Mensagem por Sandinus Seg Abr 05, 2021 11:35 am

    Hela não entende nada do que aconteceu ali e mais uma vez ela se separa de Auraxianathar e do nada despenca sobre uma legião de soldados romanos, evitando o impacto da queda se tornando uma sombra. Ela agora chama a atenção da legião que olham assutado e incrédulos para ela. Rapidamente sua mene raciocina e ela desativa sua forma de sombra se jogando no chão num teatro.

    -Socorro...me ajudem, Plutão quer me levar...uma velha senhora chegou minha hora...

    De súbito ela para olha para os soldados e para sí.

    -Eu...eu estou viva!? Plutão entendeu que não era minha hora ainda, ele ouviu minhas preces...oh...nobres soldados ajudem essa velha senhora que ganhou o direito de ter mais tempo de vida com a piedade de Plutão...

    Ela não via outra alternativa a não ser bancar a vítima para que os soldados não fizessem nada com ela. Mas sua mente estava bastante preocupada e confusa. Seque sabia se eles a entenderiam.
    scorpion
    Adepto da Virtualidade
    scorpion
    Adepto da Virtualidade

    Mensagens : 1533
    Reputação : 76

    Ato V: A Demoiselle d’Ys Empty Re: Ato V: A Demoiselle d’Ys

    Mensagem por scorpion Seg Abr 05, 2021 9:56 pm

    Jack observava de cima das árvores, camuflado como um bom Boina Negra, os homens, até que viu aquilo vindo dos céus.

    Jack: What the f...?!

    Anette ou Hela caíam e a mulher virava uma sombra, apenas para amortizar a queda. Depois começava a falar de Plutão para tentar fazer com que os homens a "poupassem" de alguma forma.
    O Soldado Anônimo abaixava-se para observar mais a cena. Hela falava em inglês... uma língua que não deveria existir para aqueles homens, mas se eles a compreendessem, então alguma coisa muito errada estaria acontecendo ali.

    Jack aproveitou para analisar com seu visor se Hela estava ferida, de alguma forma... pois tecnicamente, a velha teria poder para destruir aquele pessoal todo, se havia conseguido lutar contra Vulcano... Então, ele apenas aguardou e seguiria eles caso fossem levar Hela para algum lugar. Se ele percebesse que alguém iria atacar a velha, levaria um tiro na mão.
    Claude Speedy
    Antediluviano
    Claude Speedy
    Antediluviano

    Mensagens : 4156
    Reputação : 77
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Ato V: A Demoiselle d’Ys Empty Re: Ato V: A Demoiselle d’Ys

    Mensagem por Claude Speedy Qua Abr 07, 2021 5:57 pm

    Tudo é muito assustador para os soldados, que não entendem nada quase do que a mulher esta falando com exceção do nome do Deus da Morte, apesar de seu doutorado a arqueóloga também nunca tinha feito nenhum progresso para além de sua língua materna.

    Afinal, quem precisa disso quando se consegue tomos de necromancia e pesquisas traduzidas através de décadas de artigos em inglês? E o foco mais profundo da necromante era justamente a magia da morte, por isso lhe era tão fácil lembrar de que tipo de divindade teria haver com as sombras das quais a mulher emanava.

    Os lanceiros então apontaram suas armas tentando entender de quem se tratava.

    Um deles começou a falar em latim para outros homens, um então respondeu algo que nem Jack ou Anette entenderam.
    Então um deles se aproximou e comentou.

    —Vejo que fala a língua ao norte da Muralha, é uma anciã bárbara. Que razões teriam o deus dos mortos de te levar além de sua velhice, mulher?

    E então ele virou e comentou algo para os demais soldados, alguns riram e outros ainda estavam tomados de medo pela presença daquela em sua frente. Hela sabia que ao norte da muralha do imperador romano Adriano é onde ficava a antiga formação da Inglaterra durante os anos 100 da Era Cristã.

    Ela tinha então mudado de lugar e de época durante a queda?

    Ao que parece todos estão ameaçando, mas não são hostis.
    Sandinus
    Moderador
    Sandinus
    Moderador

    Mensagens : 11185
    Reputação : 81
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/111.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Ato V: A Demoiselle d’Ys Empty Re: Ato V: A Demoiselle d’Ys

    Mensagem por Sandinus Qua Abr 07, 2021 9:20 pm

    Hela percebe que eles não falam a língua dela, mas um deles reconhece como a língua falada pelos bárbaros além da muralha. Por um momento, ela pensou na muralha que era falada na época que estava no abismo, mas ao olhar o ambiente e perceber o local, logo conecta com todo seu conhecimento em história e percebe que a muralha falada é a muralha do Imperador Adriano mais ou menos em 100 depois de Cristo onde ficava a antiga formação da Inglaterra.

    Ela para por um momento, analisando que poderia estar no passado depois de tudo que ocorreu e sem saber como sair dali e onde estariam os demais. A velha levanta-se, bate suas roupas e responde ao homem:

    -Não sei...estou procurando meus três filhos...duas mulheres e um homem que desapareceram... Talvez o Deus da Morte de vocês tentou me intimidar e mostrar seu poder para me revelar que seus deuses são os verdadeiros e não os meus... Mas eu peço a vocês, não façam nada conosco caso os encontre...quero apenas acha-los e voltar para minha região...

    Hela não queria usar seus poderes ainda, só se fosse necessário, mas dificilmente eles cooperariam em procurar os demais do grupo, mas ela se manteria fingindo ser uma babara, afinal quando teria a oportunidade de voltar no passado outra vez? Era quase uma realização para uma historiadora. Quanto tempo ela seguraria isso até encontrar os demais ela não saberia.

    scorpion
    Adepto da Virtualidade
    scorpion
    Adepto da Virtualidade

    Mensagens : 1533
    Reputação : 76

    Ato V: A Demoiselle d’Ys Empty Re: Ato V: A Demoiselle d’Ys

    Mensagem por scorpion Qui Abr 08, 2021 6:19 pm

    Jack apenas ouve e observa de longe, furtivamente. Não havia nada para ser feito, a não ser esperar. Talvez Hela tivesse perdido seus poderes, por isso estava dialogando com aqueles homens.... ele não sabia. Mas quanto mais se mantivesse escondido, mais tempo poderia dar algum trunfo à Anette caso ela precisasse.
    Continuava em prontidão.

    [OFF] Narrador, eu estou sempre de prontidão ali. Se puder observar qualquer coisa incomum, me avise. Abs!
    Claude Speedy
    Antediluviano
    Claude Speedy
    Antediluviano

    Mensagens : 4156
    Reputação : 77
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Ato V: A Demoiselle d’Ys Empty Re: Ato V: A Demoiselle d’Ys

    Mensagem por Claude Speedy Sex Abr 16, 2021 10:18 am

    O centurião a frente, que não entende nada do que Hela fala começa a ficar com asco de ver uma anciã bárbara pronunciar várias vezes o nome Plutão, mas o pior é que a história dela ainda é mais grotesca, especialmente porque cita as ações do Deus do Submundo como sendo algum tipo de canonização para converte-la.

    Assim que ela continua falando, o tradutor segura o riso da história absurda que esta ouvindo. Mesmo as sombras que ela gerou ao chegar não lhe soavam possível que um dos grandes senhores entre os deuses parasse para buscar pessoalmente pessoas saudáveis e deixasse uma senhora idosa... De fato há mistérios sobre a morte, mas o império é a representação de um poder de conquista. A fala daquela senhora parecia vinda de uma escrava que se achava especial por ser inferior e soava parte como ofensa e parte como piada para o tradutor.

    Porém o comandante das tropas, o mais enojado com o que viu ali ainda estava curioso, afinal a visão daquelas sombras ainda fazia com que ele tivesse de pensar no que houve. Mas a verdade é que ao tentar incitar algum tipo de temor religioso, a mentira da historiadora soou quase ao contrário. Eles até ficaram sem entender aquela queda no início e com medo, porém como várias falas falsas foram inseridas e percebidas no meio da conversa a curiosidade e até mesmo a visão de insanidade se tornaram uma afronta.

    Diante das tropas, o líder fala mais algumas palavras em latim e dez homens preparam lanças para agir.
    Do alto das árvores Jack nota que pode fazer alguma coisa, mas são muitos soldados.
    Sandinus
    Moderador
    Sandinus
    Moderador

    Mensagens : 11185
    Reputação : 81
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/111.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Ato V: A Demoiselle d’Ys Empty Re: Ato V: A Demoiselle d’Ys

    Mensagem por Sandinus Sex Abr 16, 2021 11:56 am

    Hela percebe as movimentações e vê que suas palavras não soavam bem o que indicava que as negociações não iriam funcionar, ela ergue-se e sua expressão agora era fechada encarando os soldados e a velha frágil e perdida parece se enrijecer e se tornar ameaçadora. Ela pronuncia alguma palavras o céu acima deles escurece e de lá várias criatura sespectrais começama surgir e entrar no corpo dos inimigos para controla-los.

    Teste necromancia contra CD 22: +20

    Sandinus efetuou 1 lançamento(s) de dados Ato V: A Demoiselle d’Ys 1139504.7c7e302e16a24865f62067a0b289ee5e (d20.) :
    5

    Cao consiga Hela conjura Evocação dos espíritos vingativos para dominar a maior quantidade de soldados possível.

    OFF
    Evocação dos Espíritos Vingativos: 1 Ponto
    Spoiler:


    *ALTERNATE EFFECT: Afflição / TYPE: Darkness, Divine, Sobrenatural, Necromancia
    *ACTION:padrão / RANGE: area-perception / DURATION: Instant
    -Flats:Incurável, Affect Incorpóreo 2, Chek Requer (Necromancia CD 22[-11])
    -Extras: Area-perception (audição), Selective,
    -Flaws:
    RANK: 11 [Transe, compulsão e controlado] Resistido por Vontade.
    DESCRIPTION: Hela traz para o mundo dos vivos os espíritos dos inimigos de Dopu, mortos que gritam e gemem desesperadamente para satisfazerem seu desejo de vingança contra os alvos que ela determinar, tomando o controle de seus corpos sob o comando dela, aqueles que ouvirem os gritos e gemidos estão fadados ao fracasso.
    scorpion
    Adepto da Virtualidade
    scorpion
    Adepto da Virtualidade

    Mensagens : 1533
    Reputação : 76

    Ato V: A Demoiselle d’Ys Empty Re: Ato V: A Demoiselle d’Ys

    Mensagem por scorpion Sex Abr 16, 2021 3:35 pm

    A chapa havia esquentado para a velha, porém, Anette parecia bem confiante e sabia o que fazer. Jack iria se limitar a dar cobertura para a velha.

    Ele ajoelhou-se sobre o galho, apoiou a coronha do rifle no seu ombro e apertou o botão do visor tático para a automira. Neste turno iria mapear os alvos e no próximo iria meter chumbo nos que parecessem ser o maior perigo.

    Ação Simples: NENHUMA (ou manter-se escondido)
    Ação Padrão: Mira Aprimorada.
    Claude Speedy
    Antediluviano
    Claude Speedy
    Antediluviano

    Mensagens : 4156
    Reputação : 77
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Ato V: A Demoiselle d’Ys Empty Re: Ato V: A Demoiselle d’Ys

    Mensagem por Claude Speedy Ter Maio 04, 2021 1:15 pm

    Poucas vezes na história o exército do poderoso império romano foi visto em fuga...

    Essa foi uma delas...

    Com o desespero visível nos olhos dos soldados diante das almas e sombras que surgiam do chão como saídas diretamente do Hades, o que de fato para Hela era de onde vinham esses seres, Jack assistiu incrédulo à aparição de cadáveres que passavam a possuir os corpos dos que não foram ágeis o bastante para correr...

    Em tropeções assustadores, os que fugiam eram perseguidos por seus colegas cujos espíritos estavam confusos se estavam em um corpo ou se deveriam possuir um outro.

    Tudo aquilo fez o Anônimo do alto de sua árvore se ver diante de forças sobrenaturais que ele não conseguia explicar...

    (off: @scorpion, faz um teste de Vontade CD 11 pela visão de algo inexplicável de imediato pra você. Se falhar ficará pasmo por uma rodada. Desculpem a demora... Eu falhei no meu teste de vontade na vida real com alguns problemas pessoais)
    Sandinus
    Moderador
    Sandinus
    Moderador

    Mensagens : 11185
    Reputação : 81
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/111.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Ato V: A Demoiselle d’Ys Empty Re: Ato V: A Demoiselle d’Ys

    Mensagem por Sandinus Ter Maio 04, 2021 1:34 pm

    Hela afasta as hostes inimigas o suficiente e assim que se afastaram num grito ela comanda os possuídos para que voltem para receber ordens dela.

    -É O SUFICIENTE! VENHAM ATÉ MIM, TENHO ORDENS PARA VOCÊS!

    Assim que os possuídos retornam, Hela descreve as características dos que ela procura, sua amiga, a milionária e o soldado que vieram com eles no avião até a ilha.

    -...é isso, espalhem-se encontre-os e retornem com eles até mim.

    A velha deixa dois deles com ela como proteção.
    scorpion
    Adepto da Virtualidade
    scorpion
    Adepto da Virtualidade

    Mensagens : 1533
    Reputação : 76

    Ato V: A Demoiselle d’Ys Empty Re: Ato V: A Demoiselle d’Ys

    Mensagem por scorpion Seg Maio 10, 2021 11:57 pm

    Vontade +6

    scorpion efetuou 1 lançamento(s) de dados Ato V: A Demoiselle d’Ys 1139504.7c7e302e16a24865f62067a0b289ee5e (d20.) :
    18

    [posto logo abaixo dependendo do resultado]
    scorpion
    Adepto da Virtualidade
    scorpion
    Adepto da Virtualidade

    Mensagens : 1533
    Reputação : 76

    Ato V: A Demoiselle d’Ys Empty Re: Ato V: A Demoiselle d’Ys

    Mensagem por scorpion Ter Maio 11, 2021 12:10 am

    Aquilo era de veras impressionante... mas Jack já havia conhecido diversas formas de inferno e de seres super poderosos para se deixar tremer nas bases pela demonstração dos poderes da velha. Mesmo assim, era BEM impressionante mesmo, ainda mais para um humano, como Jack Morrison.
    Depois que os outros sumiram e foram seguir as ordens da velha e que apenas dois ficaram, Jack chamou a atenção de Anette, ainda de cima da árvore, para manter um melhor campo de visão.

    Soldado Anonimo: Demorou, mas finalmente você mostrou seus poderes, Sra. O'Tootle...

    Iria se manter em prontidão, enquanto explicava pra ela o que aconteceu.

    Soldado Anonimo: Eu caí de para quedas com as garotas e assim que começamos a caminhar, misteriosamente elas sumiram.... é como se essa ilha as tivesse tragado de alguma forma. Nós nos perdemos sem perceber que estávamos nos separando.

    Jack saltou para o chão, fazendo aquela queda de joelho "super hero landing". Ele se levanta e engatilha a arma.

    Jack: Aquelas meninas devem estar em apuros. A sua parece saber de alguma coisa, mas a minha é tão útil quanto um cavalo de três patas.
    Sandinus
    Moderador
    Sandinus
    Moderador

    Mensagens : 11185
    Reputação : 81
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/111.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Ato V: A Demoiselle d’Ys Empty Re: Ato V: A Demoiselle d’Ys

    Mensagem por Sandinus Ter Maio 11, 2021 1:49 pm

    Soldado Anonimo: Demorou, mas finalmente você mostrou seus poderes, Sra. O'Tootle...

    Annete ouve a voz e volta-se para ela, seus guarda-costas já tomavam posição de combate, mas avelha reconhece o homem e com um aceno faz eles retomarem a posição de guarda anterior, ela tinha uma expressão de surpresa inicialmente, mas logo parece um pouco mais aliviada.

    -Não sou de esconder meus poderes, mas prefiro usa-los quando julgo necessário... O que aconteceu? Onde elas estão?

    Soldado Anonimo: Eu caí de para quedas com as garotas e assim que começamos a caminhar, misteriosamente elas sumiram.... é como se essa ilha as tivesse tragado de alguma forma. Nós nos perdemos sem perceber que estávamos nos separando. Aquelas meninas devem estar em apuros. A sua parece saber de alguma coisa, mas a minha é tão útil quanto um cavalo de três patas.

    Hella suspira e o ar de preocupação toma sua face:

    -Esta ilha...é obra daquele ser que nos atacou no avião, ele tem varias formas, são muitos em um, quase como uma legião de personalidades que vivem disputando entre si quem vira a dominante e por quanto tempo. Ele pode ser um grande aliado se estiver sob controle, mas pode ser uma grande ameaça também caso fique descontrolado como você já viu. Ele já tentou me atacar mais de três vezes quando perde o controle, tivemos uma desavença a algumas semanas, fomos pegos numa magia de selamento, onde uma espécie de clone minha se sacrificou para me selar dentro da mente dele.

    Só não fui selada porque tive que ataca-lo e acabei desacordando ele antes disso, porém, matei inúmeras personalidades que residiam nele, pois a essência de meus poderes não atingem apenas o corpo, mas a alma de meus alvos. Esse poder que você viu agora, apenas subjuga a alma do alvo enquanto eu estiver no controle, os outros porém a destroem. Por este motivo, quase todas estas facetas querem vingança contra mim, se não todas, com exceção da consciência primordial dele.

    A velha baixa a cabeça e balança em sinal negativo, então continua:

    -Eu não tenho ideia de como me portar aqui na ilha e como encontrar as meninas, mas, minha amiga tem habilidades especiais que podem garantir a sobrevivência delas, até que as encontremos. Você tem alguma sugestão? Não faço o tipo, investigadora, você parece ser mais capacitado para isso.



    scorpion
    Adepto da Virtualidade
    scorpion
    Adepto da Virtualidade

    Mensagens : 1533
    Reputação : 76

    Ato V: A Demoiselle d’Ys Empty Re: Ato V: A Demoiselle d’Ys

    Mensagem por scorpion Ter Maio 11, 2021 5:11 pm

    O Anônimo ouve tudo que Hela tem a dizer.

    Anonimo: Destruir a alma? Jeez, O'Tootle... você é mais macabra do que parece. Melhor morrer seu amigo.

    O Soldado se ajoelha no chão, procurando pistas.

    Anonimo: Se este lugar ainda existe de alguma maneira, fisicamente e não necessariamente na mente deste.... cara, então as leis físicas ainda se aplicam. Significa que nossas mentes podem ter sido enganadas, mas não a natureza. E agora que estamos focados, podemos observar melhor o ambiente.

    O Soldado procurava por pegadas no chão e qualquer coisa que pudesse ser uma pista das garotas. Todos os soldados romanos calçavam galochas e pareciam ter um porte parecido, mas Elane estava usando slato-alto e a outra menina calçados que certamente teriam alguma sola industrial e, possivelmente, a logo da marca.

    Ele apertou seu visor iluminando-o de laranja e tentando analisar as pegadas que fossem diferentes ali.
    Claude Speedy
    Antediluviano
    Claude Speedy
    Antediluviano

    Mensagens : 4156
    Reputação : 77
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Ato V: A Demoiselle d’Ys Empty Re: Ato V: A Demoiselle d’Ys

    Mensagem por Claude Speedy Ter Maio 11, 2021 9:05 pm

    A luz brilhante do óculos especial de Jack reluz enquanto pensa sobre o poder de "matar almas" de Hela, aliás naquele instante ele se sentia feliz por tê-la ao seu lado...

    Os rastros mostram pegadas, finalmente de duas mulheres.

    Isso motiva ambos a caminharem, seguidos por soldados romanos dominados.
    O céu muda, as nuvens parecem correr pelo céu como barcos em alta velocidade.

    A trilha chega até um pântano e diante dele vocês veem o que parece ser um cadáver animado que lhes sorri.

    Ato V: A Demoiselle d’Ys O-Morto-do-P%C3%A2ntano-2-plano-critico-o-morto-do-pantano-colonnese-eugenio
    —Então é como pensei. Vocês estão viajando pelo tempo...É uma honra encontrar a poderosa senhora do Submundo... Mas ainda não é meu tempo de retornar.
    Conteúdo patrocinado


    Ato V: A Demoiselle d’Ys Empty Re: Ato V: A Demoiselle d’Ys

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Ter Jul 27, 2021 3:24 am