Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    RP: Segunda Onda

    GodsCorpse
    Sacerdote de Cthulhu
    GodsCorpse
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2704
    Reputação : 74
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    RP: Segunda Onda Empty RP: Segunda Onda

    Mensagem por GodsCorpse Seg Fev 22, 2021 12:52 am



    O mesmo brilho que revela também pode cegar, você só enxerga o que quer, só enxerga se quiser


    "Temos notícias que um combate entre a heroína dos Sete..." - canal de notícias urgente.
    "... Enchantress, identidade pública..."
    "... está desaparecida. Nós do Sete estamos a frente nessa investigação contra um dos nossos após esse ataque sinistro dos indivíduos..." - Ultraman para TV.
    "... Gravação mostra o momento que o indivíduo até agora identificado como Claude Speedy agride Harman Summerfield no topo do arranha-céu do bilionário...
    "... Identificado até agora como 'Phanael', parece ter poderes de origem de luz ou divina, se é que dá para chamar isso alguém que ataca nossos queridos..." - youTuber "SaveTheSeven".
    "... Dá para acreditar num cara desse? Outro pirado que deixa a identidade de herói subir a cabeça. É assim que os heróis ganham lugar nos Sete? Promoção Klingon?" - podcast "Fly High".
    "... Se existe Hércules e ele é quem diz que é, o que dizer sobre os outros deuses? São metahumanos? Devemos mudar como entendemos religião? Será que Nitz não estava certo quando falou que Deus Está Morto?"
    "... Minhas fontes falam que a China e o Iraque estão com próprio programa de Super-heróis para contra-atacar esse exército americano de metahumanos..." - podcast de Alex Jones.
    "... Com a morte de uma dos Sete por outro herói, seu poder foi absorvido. A humanidade está sendo subjulgada pelos heróis e devemos tomar de volta o fogo dos Deuses para Humanidade. Viva Prometeus!! - vídeo viral do grupo "Prometeus".
    "... Reportagem de super-heróis atuando no oriente médio tem aumentado e com isso, a relação com outros países tem ficado mais estreita..." - notícias na internet.
    "... Quantos heróis existiam antes dos Sete? Hã? Segunda-Guerra Mundial? Era apenas propaganda! Quantos existiam antes do Sete? E depois? Quantos não são americanos? O nosso governo está criando esses heróis para manter seu controle global..." - 4chan.
    "... Os Sete lideram. Quando há uma crise, os outros heróis - e o mundo - olham para nós primeiro para lidar com ele, para reunir outros. Eles são o exemplo."

    O mundo está chocado com o desaparecimento de uma das maiores heroínas dos Sete. Pessoas fazem aglomerações a frente da torre do Harman para deixarem suas preces para Enchantress. Os nomes "Claude Speedy" e "Phanael" estão entre os "novos vilões" e vídeos com teorias de quem são estão estourando. Foto de Frenesi rola por aí, acusando mais uma colaboradora "do mal". No Brasil, Mari Shigarai está sendo procurada pelo seu envolvimento em assassinatos e resistir a prisão. Kachen está sofrendo de algo que arde seu sangue. Elanne está perdida no Mundo dos Mortos.

    E os Deuses estão entre nós.


    Primeiro, resolvi fechar arco, já que todo mundo está em uma situação que permite um pouco de quietude e separação.
    E também para um pouco mais de liberdade para vocês decidirem um pouco o que fazer e como vai decorrer... até eu começar por fogo no parquinho novamente.

    Vocês estarão escrevendo a próxima semana dos personagens



    Pontuações:

    Claude Speedy/@Claude Speedy: 4 pontos.
    Elanne Prince/@Scorpion: 2 pontos
    Frenesi/@Erishk: 2 pontos.
    High School Girl/@Nimaru Souske: 3 pontos.
    Kamen Rider Kiva/@Katerine Le Blanc: 2 pontos.
    Impulse/@Pikapool: Definiremos após o conflito com o auto-intitulado Deus dos Mensageiros. A semana aqui será após o evento ocorrido.
    Phanael/@Sandinus: 3 pontos.

    Esse é um momento bom para vocês combinarem em OFF, e transformarem isso em texto, uma união dos personagens, se tiverem interesse, claro.
    Sandinus
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo
    Sandinus
    Mefistófeles, Lorde do Oitavo

    Mensagens : 10631
    Reputação : 80
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/111.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    RP: Segunda Onda Empty Re: RP: Segunda Onda

    Mensagem por Sandinus Qui Fev 25, 2021 6:20 pm

    Após visitar a delegacia e a prefeitura para informar o que aconteceu e pedir ajuda para reconstrução na Catedral, O Bispo pediu que os objetos de valor fossem guardados e protegidos no convento anexo a catedral e depois de tudo reformado seriam devolvidos a seus devidos lugares. Ele passou a semana visitando instituições e se reunindo com as pessoas da alta sociedade durante as manhãs, inclusive buscou Ellane Prince onde teria dois objetivos, pedir auxilio para a igreja e explanar a reunião com o Phanael contra os Olimpianos, porém a bilionária não foi encontrada, mas ainda assim, não deixou de pedir nas empresas pertencentes a ela os quais visitou garantindo que em eventos e missas mencionaria o auxílio da Bilionária.

    Passou a enviar minúsculos elementais da luz espalhando-os por toda a cidade para buscar meta-humanos, além de informações dos Olimpianos.
    (Novo poder do Phanael que farei ainda)

    Ao mesmo tempo ainda passou maior parte de seus dias pesquisando sobre aparições de meta-humanos e também sobre meta-humanos, com foco naqueles que ele encontrou na mesma mesa no Bar dos esquecidos. Ele buscava novos aliados e quem sabe encontrar pistas dos Olimpianos, claro com o suporte de seus contatos ele também pediu que informações sobre O bispo e Phanael fossem apagadas ou escondidas na internet, dificultando que descobrissem mais sobre eles já que agora Phanael era considerado um vilão.

    (Esse trecho é para justificar duas vantagens que vou pegar com o Phanael: Benefício: Cifrado: "Sua história verdadeira é bem escondida, fazendo difícil buscar informações sobre você. Testes de Investigação relacionados a você são feitos com uma penalidade circunstancial de -5 por graduação no benefício." e a vantagem Bem relacionado. [Por seu um Bispo, Phanael conhece muitas pessoas tanto na cidade como no país e no vaticano.].

    Phanael também procurou o homem de preto e a moça que o ajudou tentando conversar com ambos sobre a ameaça dos olimpianos, dessa vez com mais calma. E por fim foi até a casa de Josephh Hellstar para conversar com ele sobre o resgate de sua filha, esperando não ter que confronta-lo outra vez. Enquanto aguardava noticias de Mabiri e Spectro.
    scorpion
    Mestre Jedi
    scorpion
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1138
    Reputação : 71

    RP: Segunda Onda Empty Re: RP: Segunda Onda

    Mensagem por scorpion Sex Fev 26, 2021 3:21 am

    No Mundo dos Mortos, o tempo passava bem mais devagar que no Mundo dos Vivos. Sendo assim, 1 semana no mundo dos vivos foi quase 1 mês no Erebo.

    Elanne estava cansada. Ela caminhou por planícies acinzentadas e pedregosas até seus pés arderem dentro das botas. Ao seu lado, aquela bruxa que flutuava como uma sombra pegajosa, sempre com seus conselhos insuportáveis e sua voz esganiçada... como uma gralha em cima de uma árvore retorcida, Dora Blake, a bruxa de salém - talvez a única de verdade - acompanhava Elanne naquele mundo onde quer que ela fosse.

    O problema do Mundo dos Mortos é que se há muito pouco para comer ou beber. Elanne dependeu da magia de Dora para manter-se minimamente hidratada e alimentada, mas afinal... aquele era o interesse de Dora também, certo?

    Elanne: Nós já estamos chegando? Eu estou caminhando há 3 dias já.

    Mas aqueles 3 dias eram quase horas no mundo dos vivos... e o cansaço também era relativo. Como se fica cansada se você não precisa respirar ali.
    Foi quando elas avistaram... a cidade do Rei dos Mortos.

    Elanne: Você tem certeza que ela está aqui?

    A bruxa meneou com a cabeça positivamente.

    Elanne: E você achou alguém compatível?

    A bruxa sorriu e respondeu que em poucas horas a dona do corpo estaria desfalecida.... que a oportunidade era aquela.
    A ruiva engatilhou as pistolas espectrais.

    Elanne: Então vamos acabar logo com isso!

    E seguiu em frente...

    Nota sobre o post da Elanne:
    - A Elanne descobriu que a alma de Maria Helena está presa na cidade do Rei dos Mortos. Elanne vai entrar lá, metendo bala, lutando, se infiltrando e usando as habilidades de Dora Blake para resgatá-la.
    - Quando conseguir resgatar Maria Helena, Elanne vai abrir um portal para levá-las direto para o mundo dos vivos.
    - Como está sem o corpo de Maria Helena, Dora descobriu um corpo que estava prestes a morrer, mas que era espiritualmente compatível com Maria Helena.
    - Elanne vai resgatar Maria Helena e usar as habilidades dela e de Dora (vantagem ritualista) para unir a alma de Maria Helena no corpo de uma menina de 6 anos Coreana (acho que vai gerar umas interações bem interessantes, afinal, ela ainda teria a personalidade de Maria Helena, mas no corpo de uma menina coreana de 6 anos com a voz fina)
    - Depois, Elanne levaria "Maria Helena" para a sua Mansão em Nova York e usará seus contatos para localizar e trazer Mari.... mas só vai contar pra ela lá, no roleplay
    - Sinta-se a vontade para colocar o rei dos Mortos como inimigo d Elanne, afinal, ela vai trapacear ele.

    Isso é o que pensei para a personagem. Você pode ficar à vontade para mudar o que achar melhor para a história.
    Nimaru Souske
    Garou de Posto Cinco
    Nimaru Souske
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2126
    Reputação : 86
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    RP: Segunda Onda Empty Re: RP: Segunda Onda

    Mensagem por Nimaru Souske Sex Fev 26, 2021 3:59 pm

    Após chegar na casa do seu professor de Kendo, Mari é bem recebida e acolhida como sempre fora quando procurara sua ajuda. Até agora, tentara evitar que Ricardo tivesse contato com esse lado sobrenatural de sua vida, mas agora que até mesmo sua mãe estava envolvida, não conseguira pensar em outra escolha.

    Após se acalmar um pouco e descansar, algo que até mesmo Ricardo havia notado que Mari não havia feito a um tempo, a menina ponderou sobre o que poderia falar para ele. Contou do desaparecimento de sua mãe, mas todos os detalhes "mágicos" eram difíceis de serem ditos sem que causasse alguma dúvida sobre seu estado mental e também, provavelmente, ofereceria riscos ao professor. Mari então fala sobre o envolvimento da famosa Elanne Prince com o sumiço de sua mãe e conta da situação em que fora até a polícia e que lá lhe acusaram de coisas infundadas e quase a prenderiam se ela não tivesse fugido até ali.

    Ela pede desculpas por estar levando problemas até ele e lamenta que ele esteja recebendo uma foragida em casa. Ele, por outro lado, não faz muitas perguntas. Prático, ele pensa em um modo de ajudar e sugere a utilização de redes sociais que, mesmo que Mari não acreditasse muito na eficácia, poderia surtir algum efeito.

    Passam-se alguns dias, Mari permanece na casa de Ricardo tentando descansar e se recuperar de tudo que havia acontecido enquanto sua cabeça borbulhava de preocupações sobre sua mãe. Ao mesmo tempo, ambos professor e aluna, mandavam mensagens em redes sociais e marcavam Elanne com posts com o nome de Mari e Maria Helena. Eles tentavam evitar o uso de contas pessoais e basicamente criaram "fakes" pra criar esses "spams".

    Ricardo havia aceitado fácil e rápido a situação de Mari, o que lhe causava até uma estranheza devido ao tamanho da situação, mas em si não era algo que não fizesse sentido tendo em vista que ele sempre a ajudou como um grande amigo e protetor. Ele, por estar em período de férias, ficava a maior parte do tempo em casa, sozinho, e pelas tarde treinava kendo.

    Foi um período estranho para a garota já que ao mesmo tempo que tudo estava calmo e tranquilo ao seu redor, sua cabeça não parava de pensar em onde estaria sua mãe e na possibilidade da polícia estar por perto.

    Um dia, então, Mari se lembrou de algo que estava com ela o tempo todo e que não havia percebido a sua possível importância. O cachecol que a bruxa lhe dera quando entraram no mundo dos mortos. Ele ainda estava em sua posse desde que saíram pelo portal e, por tudo ter acontecido tão rápido, la não notara que ainda tinha aquela ligação com a ruiva e que talvez, de alguma forma parecida com qual a espada lhe levara até aquele bar, aquele cachecol pudesse servir para algo. Então, em uma das tarde que Ricardo fora treinar com sua espada, a garota se sentara no gramado do quintal da casa do professor e, então, amarrou o cachecol no cabo da sua espada. Em seguida, Mari colocou a espada sobre suas coxas, dispondo a lâmina sobre uma de suas mãos e segurando o cabo com a sua outra mão.

    Sonzaishinai descansava no colo da garota enquanto ela, meditando, tentava algum contato com a Luz e de alguma forma com a dona daquele cachecol.
    Katerine Le Blanc
    Mestre Jedi
    Katerine Le Blanc
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1454
    Reputação : 19
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1011.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png

    RP: Segunda Onda Empty Re: RP: Segunda Onda

    Mensagem por Katerine Le Blanc Sab Fev 27, 2021 11:23 am

    — Eu sei que eu acabei sendo grosso Kivat, mas as pessoas também tem o direito de serem salvas mesmo que tenha feito alguma coisa, mas eu prefiro não falar mais sobre isso, eu vou tomar um banho e dormir. — Dizia de modo amistoso enquanto colocava a bolsa em cima do sofá do hotel e em seguida ia tomar um banho.

    Não demorou muito para eu eu estivesse na cama e Kivat estivesse na cabeceira parecendo um brinquedo que não se mexia, além do mais ele também precisava de um descanso depois de tudo o que passamos.

    Em meus sonhos eu conseguia ver o aeroporto e logo o meu reflexo, ele me parecia um pouco estranho e logo comecei a segui-lo até eu parar e ver que todos haviam embarcado o avião. Eu não conseguia dominar meus sentimentos e logo começava a chorar, o reflexo então começa a falar comigo e me dizia de meus fracassos, sem que eu conseguisse falar algo eu então via o avião cair e mais uma vez meu reflexo falava de meu fracasso e também da minha vingança.

    Eu ficava em silêncio por alguns minutos até finalmente encarar meu próprio reflexo, desta vez eu me via como um defensor e também como alguém que acredita na vida das pessoas.

    —Você é tão hipócrita, eu não sou um perdedor ao contrário de você eu luto pelas pessoas e se eu tiver uma oportunidade e ver que meu oponente está machucado ou algo do tipo eu vou ajudar e vou entregá-los as autoridades, isso não é ser um perdedor e sim ser alguém com uma honra e caráter. — Dizia ao meu reflexo de cabeça erguida encarando o reflexo em minha frente.
    Claude Speedy
    Antediluviano
    Claude Speedy
    Antediluviano

    Mensagens : 3663
    Reputação : 71
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    RP: Segunda Onda Empty Re: RP: Segunda Onda

    Mensagem por Claude Speedy Sab Fev 27, 2021 1:03 pm

    No topo da cobertura de Kid Utopia ninguém desconfia de Claude e as prostitutas que entram e saem nos próximos dias meramente viram uma desculpa fácil ao hedonismo do rapaz, elas iriam conversar com o novo dono do 7-Club e Luigi que em um retorno do próprio do "Mundo dos Mortos" sabido apenas por Claude iria dizer que estava vendendo a boate.

    Com algumas ilusões bem aplicadas deixarão todos felizes e ajudaram ainda mais a conseguir dinheiro que antes era do patrão. Afinal quem faria negócios com cartões e cheques em um espaço de prostituição?

    Para Claude segurança das garotas resgatadas vinha do fato que agora tentativas de retaliação chamariam mais atenção de policiais. Há um velho ditado nos Estados Unidos do presidente Abraham Lincoln: "Você pode enganar todas pessoas por algum tempo, algumas o tempo todo, mas não consegue enganar todas por todo o tempo." Por mais do que a Enchantress seja a queridinha da mídia, é certeza que algum policial não é fã do "vigilantismo" e nem cai nesse conto de "boa moça do inferno"... Certeza que algum bom detetive vai tentar saber quem são as garotas e saber quem é o Claude.

    Ficava no ar a dúvida se Enchantress sobreviveu sem um corpo, ou se o anjo a salvou no final ou a matou. Se ela escapou era fundamental arruinar o império de assassinatos deles. E agora tinha mais uma mulher na lista de desaparecidos além da feiticeira: Maria Helena.

    Nos próximos dias também teria de recrutar as pessoas mais engajadas politicamente da lista de opositores aos Sete, mas antes o Fantasma teria de conversar com a única pessoa que exigiu que Maria Helena fosse abandonada: Éris.

    E no final daquela mesma noite conversar com Leslie, a irmã do Kid Utopia... Ela provavelmente iria se surpreender em ver que o irmão foi, mas era melhor acabar logo com isso. Havia um enorme exército para recrutar e era importante saber se o mutante Anjo era ou não um aliado dos esquemas da Enchantress para iludir Claude, Elanne e Mari.

    Certamente as ações dele eram tão inconstantes que faziam com que Éris parecesse racional e lógica... era por isso que a "deusa" era primeira opção para saber sobre o que estava para acontecer.



    Notas sobre o post:
    Duas coisas vão ser interpretadas que são as conversas com Éris e Leslie, mas já adianto algumas vontades e interesses:

    -Roubar um caixa eletrônico com um pouco de telescinese, transformação ou outros meios e entregar o dinheiro que devo para Frenesi via a ilusão do Kid Utopia. Além de guardar um pouco (provavelmente muito) pro jantar com a irmã do pseudo-herói falecido.

    - Claude precisa descobrir onde Maria Helena está. A única pista é Éris, já que a meta-humana disse que tem um plano secreto que um tal de Galan iria expor e ela não queria expor diante da Maria Helena... Por que? Claude vai entrar em contato com a "deusa" pelo dispositivo que ela deu para isso para conseguir uma pista e depois de saber onde a mãe da pequena samurai esta irá lutando, se infiltrando e usando as habilidades para resgatá-la. É a mais imediata preocupação e ele acha que o grupo da Éris tem algum interesse nisso. Em off sei que uma coisa nada tem haver com a outra... em on, a única pista do desaparecimento da mulher é a deusa. Caso haja uma proposta de "arma matadora de deuses" ou outros focos, Claude vai se interessar bastante.

    -Conversar com Leslie, talvez criar uma preocupação na mente dela a preocupação com os Sete de uma forma. Mas tentar descobrir qual realmente tem sido as boas ações dela. Se é que existem...

    -Depois da conversa com as duas , a ideia é encontrar Maria Helena e fazer com que ela se reencontre com a Mari. Evitar o anjo bipolar o máximo possível até que Claude
    os opositores mais ferrenhos aos Sete, ao começar pelo Johny D. e pedir uma ajuda dele para conversar com Raul Mendez. Assim começar a planejar como conversar sobre os riscos dos Sete sobre a sociedade meta-humana. Os vídeos de Claude atacando o Harman poderão ajudar a conseguir mais aliados que odeiam o mal que os Sete representam. "Quando a  vida dá um limão..." Quando tiver conseguido falar com eles e deles com outros vigilantes, aí sim Claude irá procurar o anjo próximo da Igreja que ele sabe que é a região onde ele atua.

    -Os dias seguintes serão administrando a agenda do Kid Distopia em parcos momentos, procurando os traficantes de drogas que o financiam para chegar até nos verdadeiros fornecedores. Com essa aproximação talvez contratar alguns dos super-capangas que descobri que lutam constantemente contra os Sete para uni-los na cruzada contra esses.

    Conteúdo patrocinado


    RP: Segunda Onda Empty Re: RP: Segunda Onda

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Qua Mar 03, 2021 4:35 am