Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca

    Caelestia
    Observadores
    Caelestia
    Observadores

    Mensagens : 577
    Reputação : 101

    ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca  Empty ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca

    Mensagem por Caelestia Sab Abr 24, 2021 6:56 pm

    ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca  Screen10


    O relógio pendurado na parede alva da recepção marcava 16h37min.

    Duas recepcionistas muito educadas se mantinham atrás do balcão recebendo quem chegava, enquanto algumas pessoas aguardavam sentadas a vez de serem chamadas para atendimento nos ambulatórios.

    Pelos corredores, impecavelmente limpos, médicos e enfermeiras cruzavam de um lado para o outro atendendo pacientes, realizando exames e preenchendo prontuários médicos.

    Qualquer pessoa que visse essa cena diria que era mais um dia normal na rotina do hospital e estaria absolutamente certo.

    Era mergulhada no meio dessa rotina que Ayaka se encontrava naquele momento, preenchendo muitos e muitos papeis sobre pacientes.

    Sim, como estudante de medicina aquele era mais um dia de aulas práticas onde ela acompanhava seu professor nos atendimentos, fazendo relatórios sobre procedimentos acompanhados e dando seu parecer sobre eles enquanto aluna.

    Ayaka estava sentada em uma das muitas cadeiras azuis espalhadas pelo corredor. Faltava pouco, na verdade menos de meia hora e cerca de uma folha e meia a ser preenchida para que acabasse aquele dia de aulas. O que acontecesse primeiro.

    No entanto, Aya sabia que em se tratando de um hospital o fator “imprevisto” sempre poderia vir a alterar a rotina dos médicos. Talvez ela só não esperasse presenciar aquele tipo de imprevisto.

    Um burburinho seguido de uma grande agitação chama a atenção dela, que pode ver médicos e enfermeiras vindo pelo corredor, na direção em que estava, enquanto traziam alguém que parecia se debater na maca.

    Em se tratando de um hospital, receber pacientes que foram vítimas de acidentes mais importantes não era raro, mas ela percebeu que algo ali estava diferente.

    No início do corredor, atrás das portas que separavam a ala exclusiva para atendimentos, podia-se ver a movimentação do que pareciam ser repórteres.

    Quando a maca com o paciente passa por ela, Aya vê que se tratava de um jovem rapaz. Seus braços e pés estavam amarrados a estrutura da maca e as enfermeiras tentavam ajudar a conte-lo enquanto pressionavam o peito dele contra o colchão.

    A situação em si já seria estranha, mas o que mais chama a atenção dela é o fato de o rapaz estar com a pele em um tom azul acinzentado, fato que parecia ser ignorado pelos médicos, e um olhar extremamente raivoso. Ele literalmente rosnava, e quando por alguns poucos segundos o rapaz olha em sua direção, Aya pode sentir uma aura estranha, fria, emanando dele.

    O rapaz havia sido levado para uma sala especial, muito usada para aulas, onde um grande vidro na parede permitia que o atendimento pudesse ser acompanhado. Ela se aproxima para ver o que estava acontecendo.

    Viu que o rapaz continuou se debatendo por alguns minutos até que algo ainda mais estranho, que talvez somente Aya tenha visto, aconteceu. Em um longo e profundo suspiro uma sutil névoa de cor azulada sai pela boca do rapaz, flutuando lentamente pelo quarto, atravessando a parede para o lado de fora do hospital.

    Quando isso acontece o rapaz para de se debater, ficando estático na cama enquanto balbuciava coisas que ninguém conseguia entender e quando isso acontece Aya se lembra da tão comentada nova “droga” que causava surtos de violência seguidos de uma espécie de catatonia. Mas seria mesmo o efeito de uma droga o que ela viu?

    - Então você conseguiu ver o que aconteceu com ele, não é mesmo?

    Ayaka ouviu uma voz conhecida.


    ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca  16067610


    Se ela se virasse veria Kurama calmamente parado ali atras dela, com uma das mãos apoida no queixo, no meio da ala restrita do hospital.
    Pikapool
    Mestre Jedi
    Pikapool
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1399
    Reputação : 46

    ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca  Empty Re: ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca

    Mensagem por Pikapool Dom Abr 25, 2021 2:24 am

    A flor que chamamos de rosa se outro nome tivesse, ainda assim teria o mesmo perfume!
    Mesmo mantendo-me atenta para preencher corretamente o pouco que faltava, eu já contava os segundos para poder ir para casa e assim relaxar com um prazeroso banho de espuma. Infelizmente, um tumulto indicava que teria que deixar meus caprichos de lado. Pelo menos, por ora.

    Não sabia quem estava a se debater na mapa cercada por médicos e enfermeiras. Mas, a movimentação de repórteres ou paparazzi, sei lá, faziam-me crer se tratar de algum famoso. Contudo, logo eu descobriria do que ou de quem se tratava.

    No fim das contas, não era nenhuma celebridade. Isso deixava-me curiosa. O que diabos esse rapaz havia feito para conseguir a presença dos repórteres. O jovem estava alterado e agia com extrema violência. Certamente seria mais algum cara que resolveu entrar em uma viagem e acabou saindo dos trilho. Porém, aquela pele azul acinzentada poderia indicar não se tratar de uma simples droga. Só não compreendia porque todos pareciam ignorar tal fato.

    Entretanto, ao ser encarada pelo rapaz, senti um calafrio percorrer minha espinha. Além de sentir uma energia ruim do mesmo. Podia ser minha imaginação, mas aquilo não parecia ser algo desse lado da "fronteira". Se é que você me entende.

    Acompanhei atentamente cada segundo daquele caso. Até o momento que a névoa azulada deixou o corpo do rapaz e depois de perambular um pouco deixou o hospital. Certamente, aquilo era algo de outro mundo. Rapidamente chequei as horas em meu relógio. Lamentavelmente, eu ainda não podia deixar o hospital para então tentar seguir aquela névoa. Foi no mesmo momento que fui surpreendida pelas palavras de Kurama. Esbocei um leve sorriso antes de virar-me.

    - Sim. E o fato de você estar aqui só confirma se tratar de algo sobrenatural. Estou certa? - Antes de qualquer resposta, pego-lhe pela mão e o tiro dali. - Hey, esse lugar é restrito! Vamos sair daqui antes que alguém te veja. - Enquanto saímos continuo questionando-o. - O que era aquela névoa? Não seria melhor ir atrás dela? Sabe o que causou aquilo? Ou seria melhor perguntar "quem causou aquilo"? - Já nos corredores prosseguia. - A propósito, está aqui porque quer minha ajuda? - Encarando-o, aproximo-me com um sorriso malicioso e em seguida repouso minha mão sobre seu peito. Aproveito para tentar sentir alguma alteração em seus batimentos cardíacos.
    Caelestia
    Observadores
    Caelestia
    Observadores

    Mensagens : 577
    Reputação : 101

    ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca  Empty Re: ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca

    Mensagem por Caelestia Dom Abr 25, 2021 7:39 pm

    ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca  5b79c210


    Kurama arqueia uma sobrancelha quando Aya agarra sua mão e tenta puxá-lo para longe de onde estavam, mas antes que eles saíssem daquela área do hospital ele aperta a mão dela e faz força contraria parando com ela ainda no mesmo corredor sem, no entanto, se soltar da jovem.

    - Hey, hey. Calma aí... Sim, você tem razão. Tem a ver com algo sobrenatural e é por isso que estou aqui. Preciso me certificar de como ele está...

    Ele sorri tranquilamente diante das perguntas da mulher. Tão tranquilo que era como se ignorasse ou não se importasse com o fato de estar em uma ala restrita do hospital.

    - A névoa que você viu é parte da energia vital daquele rapaz. Ela está sendo sugada através de um parasita espiritual que está alojado no corpo dele e a envia para o seu criador. – Ele assume um tom de voz mais sério – Nesse momento não conseguiríamos mais alcançá-la. E encontrar um jeito de descobrir quem causou isso é o segundo motivo que me traz aqui.

    Por fim, Kurama solta a mão da jovem e as coloca nos bolsos da calça, voltando a sorrir, enquanto a olha, analisando a reação de Aya.

    - Mais do que sua ajuda... Vim propor um acordo. Uma chance de você pagar sua dívida e se livrar da “condicional” imposta pelo Reikai. Eu vim perguntar se você aceita se tornar...

    Nesse momento eles ouvem um barulho próximo e se virando eles veem um dos médicos do hospital, o dr Hidetaka, justamente o professor de Ayaka, saindo da sala de atendimento onde o rapaz “drogado” recebia atendimento.


    ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca  D6b46b10


    Dr Hidetaka para pôr alguns instantes, surpreso por encontrar sua aluna conversando com um estranho no meio da ala restrita.

    Ayaka pode ver seu professor olhar na direção da sala de onde havia acabado de sair e então se voltar para eles estreitando os olhos. Provavelmente tirando conclusões precipitadas sobre o que via.

    Ela vê seu professor se aproximar a passos largos, uma expressão de poucos amigos.

    - Aya? O que este homem está fazendo aqui? Você sabe que esta é uma área proibida para estranhos, mocinha. Não acredito que você deixou um curioso entrar na ala restrita só para poder assistir o que está acontecendo àquele pobre rapaz... Para o seu bem, espero que ele não seja um daqueles repórteres e que você tenha uma boa explicação para isso ou estará bastante encrencada pelo resto do semestre. – O homem diz em um tom de voz austero.

    OFF/:
    Teste de lábia. Você tem duas opções:

    Tentar me converncer, no caso o Dr Hidetaka, usando apenas a interpretação da cena ou vc pode rolar direto teste

    Lábia + Manipulação + inteligência = 6d10

    Dificuldade 4

    PS/ Lembrando que pela interpretação te dá vantagens extras na evolução do personagem e caso não consiga ainda poderá rolar o teste
    Pikapool
    Mestre Jedi
    Pikapool
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1399
    Reputação : 46

    ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca  Empty Re: ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca

    Mensagem por Pikapool Dom Abr 25, 2021 11:38 pm

    A flor que chamamos de rosa se outro nome tivesse, ainda assim teria o mesmo perfume!
    Infelizmente, Kurama exercia resistência e nos mantinha na área restrita do hospital. Tentei mais uma ou duas vezes puxá-lo para fora dali enquanto ele pedia calma e discursava. No entanto, fui desarmada quando ele sorriu calmamente e logo pareceu como se sua calmaria fosse transmitida para mim.

    As explicações prosseguiam enquanto eu assentia com a cabeça ao mesmo tempo que questionava-me. Talvez eu fosse a única ali que poderia localizar tal parasita e livrar o rapaz de tal sofrimento. Porém, não acreditava que alguém confiasse em mim a ponto de permitir-me tal ato.

    Quando Kurama soltou minha mão retomando sua postura mais serena e começou a se declarar... O que foi? Ah, me deixa. Eu não disse que era isso que você está insinuando. Bem, prosseguindo... sobre o que parecia ser um convite. Que tudo indicava vir do próprio Reikai, ou talvez não. Hidetaka-sensei nos surpreendeu.

    Foram longos segundos de silencio, entre o olhar condenador de Hidetaka-sensei e sua aproximação brusca e intransigente. Diante de suas palavras e atitude austera, involuntariamente recuei levando as mãos ao peito como se procurasse alguma proteção. Por fim, suspirei tentando recompor-me do susto e logo prossegui tentando esclarecer tudo o que se passava por ali.

    - Hidetaka-sensei, o senhor me assustou. - Suspirei profundamente antes de prosseguir. - Ele não é nenhum curioso ou repórter. Esse é o detetive Kurama. Ele está investigando sobre uma possível droga que estaria causando esse comportamento que acabamos de presenciar. Ele estava me perguntando sobre o estado do paciente. Contudo, estava dizendo que sou apenas uma estudante. Mas, já que o senhor está aqui, talvez possa informar o detetive. - Sem mais, sorri amavelmente e torci para que o sensei acreditasse em minha história. No fim das contas, eu não estava mentindo. Não totalmente.
    Caelestia
    Observadores
    Caelestia
    Observadores

    Mensagens : 577
    Reputação : 101

    ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca  Empty Re: ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca

    Mensagem por Caelestia Ter Abr 27, 2021 3:56 pm

    ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca  D61c4910

    - Detetive? – Hidetaka olha ligeiramente desconfiado de um para o outro.

    - Ah, sim. Me perdoe. Deixe me apresentar. Sou Shuichi Minamino, mais conhecido como detetive Kurama - Aya vê Kurama responder enquanto cumprimenta seu professor. Parece que ele havia decidido colaborar com a ideia dela e entrado no papel. – Na verdade meu turno já havia terminado, quando fiquei sabendo de mais esse ataque. Só essa semana este é o sexto... Então decidi dar uma passada aqui para ver como vão as coisas.

    Eles podem ver que nesse momento a expressão de Hidetaka relaxa. O Homem abaixa a prancheta enquanto ajeita os óculos.

    - Sim. É uma fatalidade. A cada dia estão ficando mais frequentes esses casos. Fico contente que minha aluna tenha ajudado o senhor. Mas, por favor me acompanhe. Poderei passar mais detalhes deste e dos outros casos que atendemos.

    Hidetaka responde enquanto começa a andar em direção ao outro extremo do corredor, gesticulando em direção a uma das salas.

    Kurama olha em direção ao quarto onde o rapaz agora parecia descansar com alguma tranquilidade e esboça uma expressão de preocupação antes de voltar a olhar para Aya e Hidetaka.


    ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca  Yu-yu-10


    - Claro! Sua aluna já me deixou a par de muitas coisas, mas será bom obter mais detalhes. Poderia me dizer se algum dos casos já chegou a óbito, Dr?

    Kurama inicia a conversa com Dr Hidetaka enquanto se põe a acompanhá-lo.

    Aya percebe que Kurama aproveita o momento em que seu sensei esta de costas para eles para se inclinar ligeiramente em sua direção ao passar por ela e falar em um tom de voz baixo.

    - Meia hora. No alto no prédio. Te espero lá.

    Ele dá um meio sorriso para a jovem e segue Hidetaka, sumindo com o doutor dentro de uma das salas.

    O relógio marcava 17h52min, com a confusão, quase uma hora já havia se passado do horário de término da aula de Aya e Kurama queria que ela esperasse ainda mais meia hora.
    Pikapool
    Mestre Jedi
    Pikapool
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1399
    Reputação : 46

    ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca  Empty Re: ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca

    Mensagem por Pikapool Ter Abr 27, 2021 11:34 pm

    A flor que chamamos de rosa se outro nome tivesse, ainda assim teria o mesmo perfume!
    A desconfiança de Hidetaka-sensei deixava-me apreensiva. Mesmo Kurama entrando na dança, não fazia-me relaxar. Felizmente, Hedetaka acreditava sem demonstrar resistência. Eu já estava gelada imaginando que ele pediria algum tipo de identificação para Kurama. Mas, não foi o caso.

    Agora relaxada por tudo parecer correr a nosso favor, apenas observei o dialogo entre eles. Já dava como concluída minha missão de conseguir as informações que Kurama procurava. Mas ao inclinar-se e sussurrar para mim indicava que ainda desejava algo. Assenti em concordância com a cabeça enquanto o observava seguir Hidetaka-sensei.

    Chequei as horas e logo suspirei entediada. Meia hora era um tempo e tanto quando não se havia o que fazer. E para variar, meu estômago alertava-me que precisava de algo para comer. Por sorte, isso daria-me algo para matar o tempo.

    Troquei de roupa, segui até uma daquelas maquinas de doce, comprei alguns chocolates e por fim, peguei um chá quente de hibisco e segui para o terraço. Enquanto comia um dos chocolates mais uma vez entediei-me. No entanto, não restava muito a se fazer. Segui até o parapeito e inclinei-me sobre o mesmo apoiando os braços com meu chá em mãos. Antes mesmo que percebesse me perdia em meus pensamentos distraída com a vista.
    Caelestia
    Observadores
    Caelestia
    Observadores

    Mensagens : 577
    Reputação : 101

    ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca  Empty Re: ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca

    Mensagem por Caelestia Qua Abr 28, 2021 1:08 am

    ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca  Lua10


    18h41min. O que era para ser meia hora, agora faltava pouco para completar uma hora de espera.

    Estavam nos primeiros dias da primavera e o sol de punha minutos antes das 18 horas. Era uma noite esplêndida.

    O céu sem nuvens permitia contemplar um bom número de estrelas. Era noite de lua cheia e ela já despontava majestosa sobre o céu da cidade, que do alto do prédio do hospital permitia que Aya pudesse aproveitar a bela vista.

    - Então, aí está você. Fiquei me perguntando se havia desistido de esperar e ido embora.

    Aya mais uma vez ouve a conhecida voz de Kurama vindo de algum ponto atrás dela.

    Ela pode vê-lo parado próximo a porta do terraço a observando por alguns instantes antes de caminhar em sua direção. Havia um leve sorriso nos lábios dele.

    - Me desculpe a demora. Mas seu sensei é bastante insistente e detalhista. Bom que como eu tenho bastante conhecimento do que está acontecendo, parece que acreditou em mim e não suspeitou de nada. – Ele olha para a bela paisagem vista do alto de prédio. – Mas eu estava te fazendo uma pergunta quando ele nos interrompeu...

    Kurama volta a encarar Aya.

    - Como eu dizia, vim propor um acordo. Creio que sei de uma forma de livrar você da condicional junto ao Reikai... Mas isso, obvio, terá um preço... Você já sabe dos ataques e que eles têm origem sobrenatural. Então eu quero saber, você aceita se tornar uma detetive espiritual e nos ajudar a descobrir e pegar quem está causando esses problemas?

    Ele leva mais uma vez as mãos aos bolsos da calça e fala tranquilamente, como se fosse algo natural de se dizer.
    Pikapool
    Mestre Jedi
    Pikapool
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1399
    Reputação : 46

    ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca  Empty Re: ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca

    Mensagem por Pikapool Qua Abr 28, 2021 6:37 pm

    A flor que chamamos de rosa se outro nome tivesse, ainda assim teria o mesmo perfume!
    A meia hora já havia excedido seu limite e o ruivo ainda não havia dado sinal de vida. Já desconfiava de um possível bolo, mas ainda sim, resolvi esperar até que se completasse uma hora.

    Aborrecida debrucei sobre o parapeito deixando os braços caírem. Nem mesmo a deslumbrante vista era o suficiente para ter minha atenção. Pelos deuses, como eu odiava esperar...

    Após mais alguns minutos maçantes de espera, finalmente a voz de Kurama soava atrás de mim. Apoiei-me no parapeito levantando-me. Dei meia volta usando meu melhor sorriso, recostei e com um leve impulso sentei-me no parapeito.

    A principio estava irritada, mas não achei boa ideia confrontá-lo pelo atraso. Algo sábio, já que o pedido de desculpas e a explicação foram suficientes para transformar aquele meu sorriso forçado em um sorriso genuíno.

    - Relaxa, da próxima você me compensa! - Respondi ao pedido de desculpas completando com uma piscadela maliciosa. - Realmente, Hidetaka-sensei é bem meticuloso. Porém, creio que isso só seja voltado a medicina. Pois, eu podia jurar que ele iria pedir alguma identificação. Não sei se ele realmente confia em mim ou foi um acaso do destino. - Dei de ombros.

    Ao encarar-me, Kurama teve toda minha atenção. Ouvi a proposta, no entanto, alguns pontos faziam-me ponderar sobre tal convite. Talvez fosse hora de tentar algumas exigências.

    - Eu aceito. - Respondi descendo do parapeito. - Mas, tenho duas condições. - Prossegui seguindo até ele. - Primeiro! - Disse mostrando-lhe um dedo. - Vou precisar de um tempo para dedicar aos meus estudos. - Agora mostrava-lhe dois dedos. - E segundo! Visto que você possui grande habilidade com plantas. - Encaro-o antes de prosseguir. - Que tal ser o meu mentor?

    Independente do que ele respondesse, aceitaria o trabalho. Estava apenas tentando obter algum beneficio extra.
    Caelestia
    Observadores
    Caelestia
    Observadores

    Mensagens : 577
    Reputação : 101

    ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca  Empty Re: ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca

    Mensagem por Caelestia Qui Abr 29, 2021 4:57 pm

    ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca  20b07711


    Kurama mantém as mãos nos bolsos da calça enquanto dá de ombros ao ouvir Aya comentar sobre a postura do professor.

    - Acredite, ele não confia. Mas e quem foi que disse que eu não me identifiquei? Eu não pulei uma janela para te encontrar no corredor, sabia? Eu me identifiquei na recepção, mas digamos que a moça estava mais interessada em olhar para mim do que para o documento que apresentei. – Kurama abre um sorriso debochado enquanto levanta um cartão de biblioteca para que Aya visse – Quando eu entrei na sala, seu sensei estava ligando para recepção para saber se eles tinham permitido a entrada de algum detetive. Mas como eu disse... Eu me identifiquei.

    Ele pisca um dos olhos para Aya e volta a esboçar uma expressão séria enquanto ouve a jovem.

    Kurama ri quando Aya enumera as condições para aceitar ser detetive.

    - Hahaha... Você sabe mesmo o que quer, não é garota? Bem, quanto as suas aulas não vejo problema. Mas esteja ciente que enquanto detetive os problemas podem surgir a qualquer momento, quando você menos espera, e muitas vezes você não terá como ignorá-los.

    Ele caminha na direção da jovem, passando por ela e indo até o parapeito, onde por alguns momentos admira a vista da cidade antes de se virar para ela, se apoiando ali enquanto cruza os braços sobre o peito.

    - Assim que o mundo espiritual tiver conhecimento sobre você e que agora é uma detetive eles poderão vir atras de você... Quanto a ser seu mentor, já imaginava algo do tipo e claro que vou te ajudar.

    Aya ouve o homem responder, concordando com seus termos e tudo parecia que ia muito bem quando a jovem ouve uma voz vindo do seu lado, em algum ponto mais abaixo.

    - Não tão rápido! Eu posso estar desesperado, mas aqui ainda não é a casa da mãe Joana, não.

    Ao lado direito de Aya um Koenma baixinho, de peito estufado, podia ser visto enquanto balançava alguns papeis na direção de Kurama.

    Ela o havia reconhecido. Já havia estado na presença dele quando Kurama interveio por ela, conseguindo que cumprisse sua pena em liberdade.


    ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca  Koenma10


    - Você está louco? Já viu o tanto de problemas que essa garota arranjou e o tanto de papel que preenchi por causa disso...  

    Koenma estreita os olhos em direção a jovem até que por fim acena para ela.

    - Certo, se ele acha que você pode ser uma detetive e vai ficar de olho no que fizer... Mas não vai ser tão simples assim. Quer mesmo se tornar uma detetive para se livrar da condicional? Pois bem, vai ter que passar em um teste – Koenma sorri.
    Pikapool
    Mestre Jedi
    Pikapool
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1399
    Reputação : 46

    ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca  Empty Re: ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca

    Mensagem por Pikapool Sex Abr 30, 2021 12:23 am

    A flor que chamamos de rosa se outro nome tivesse, ainda assim teria o mesmo perfume!
    Ri dos comentários de Kurama. Mesmo quando fez um comentário pretensioso... ou não. Afinal, havia algo de misterioso nele que parecia chamar a nossa atenção. Apenas sorri ao ser questionada. Tudo parecia correr conforme meus desejos.

    - Aposto que com o que você tem a me ensinar, não precisarei temer tais perigos. - Aproximei-me até encostar em Kurama. - Que tal comemorarmos minha promoção?

    No entanto, minha felicidade logo foi ao chão. Serio, de onde o baixinho havia surgido. Ainda me era estranho o fato daquela criança ser o mandachuva do Reikai. Provavelmente era um erro subestimá-lo, mas creio que se quisesse, poderia dar-lhe algumas palmadas sem muito esforço. Principalmente, porque fiquei incomodada com suas palavras sobre mim.

    - Não esperava que fosse fácil. - Respondi de forma convencida. - Mas pode apostar que farei o meu melhor para corrigir meus erros e... - Abri um largo sorriso. - ...de quebra, ganhar alguns pontos com o Reikai. - Posicionei-me diante o pequenino e determinada prossegui. - Então, Koenma-sama! Qual seria minha primeira missão?
    Caelestia
    Observadores
    Caelestia
    Observadores

    Mensagens : 577
    Reputação : 101

    ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca  Empty Re: ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca

    Mensagem por Caelestia Sex Abr 30, 2021 9:06 pm

    Não tinha muito tempo que Kurama a conhecia mas já estava habituado ao jeito mais expansivo de Aya porém, antes que tivesse tempo de responder a proposta da garota, foi interrompido por Koema.

    Kurama dá de ombros.

    - Foi você quem me pediu para encontrar novos detetives. Apenas achei que seria uma boa ideia.

    Koenma ouve Kurama mas não desvia os olhos de Aya

    - Hm, isso é o que nós vamos ver, Kurama. Mas esse jeitinho dela... Me lembra alguém. O que me deu uma ótima ideia... Faz tempo que não tenho a oportunidade de usar isso...

    Aya vê Koenma recolher o braço que havia estendido o levando as costas e então flutuar até a altura de seu rosto. Parando por alguns instantes antes de respondê-la de forma tranquila.

    - Tô vendo que você é muito segura de si. Vamos ver quanto tempo isso vai durar... – Koenma estende as mãos a frente do corpo, enfiando uma delas debaixo da manga da camisa e começa a vasculhar. Parecia procurar algo. – Missão? Como detetive achei que fosse obvio, uma vez que você viu o rapaz que deu entrada no hospital... Mas onde está isso, diacho... Seria descobrir quem está causando esses problemas, drenando a energia vital dessas pessoas... Cadê? Ah, achei!

    Ele continuava a mexer dentro da manga da camisa até que parou quando encontrou o que queria. Aya pode ver os olhos de Koenma brilharem e ele sorrir

    - Hum, hum... Como dizia, a missão é essa, mas para você ser aceita definitivamente como detetive e se livrar da sua pena terá de passar por um teste – Nesse momento ele retira a mão de dentro da manga da camisa e a estende em direção a Aya, mostrando um ovo de cor dourada. – Seu teste consiste em chocar este ovo enquanto tenta resolver o caso.

    ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca  Llmztm10
    Pikapool
    Mestre Jedi
    Pikapool
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1399
    Reputação : 46

    ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca  Empty Re: ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca

    Mensagem por Pikapool Sab Maio 01, 2021 1:03 am

    A flor que chamamos de rosa se outro nome tivesse, ainda assim teria o mesmo perfume!
    Ser encarada pelo baixinho só servia para deixar-me desconfortável. E acabava por ficar confusa quando comparada a alguém que ambos conheciam. Já pensava em questionar Kurama, mas era melhor eu conter minha curiosidade e deixá-la para uma hora mais apropriada.

    - Visto que eu ainda desconheço os procedimentos. Achei que seria algo como um treinamento. - Respendi sem ter certeza de minhas próprias palavras. Já que minha curiosidade mais uma vez dominava-me e fazia com que eu voltasse toda minha atenção para a procura de Koenma.

    Assenta com a cabeça as palavras de Koenma. Até que por fim, o mistério sobre a procura desenfreada do nanico tinha seu desfecho. Um ovo dourado... um ovo dourado?!

    - Chocar um ovo?! - Disse sem entender nada. - Preciso ficar sentada nele ou você quer que eu crie uma daquelas incubadoras com uma caixa e um lâmpada? - Questionei pegando e analisando aquele ovo. - Bem, voltando ao caso. Poderiam me dar mais detalhes? - Sem mais, apenas aguardei pelas instruções. Tanto do caso quanto daquele ovo.

    Caelestia
    Observadores
    Caelestia
    Observadores

    Mensagens : 577
    Reputação : 101

    ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca  Empty Re: ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca

    Mensagem por Caelestia Seg Maio 03, 2021 12:35 pm

    ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca  Koe10


    Ao ouvirem a pergunta da jovem sobre como chocar o ovo, Koenma e Kurama se entreolham caindo na gargalhada logo em seguida.

    - HAHAHAHA... Faz isso comigo não, diabo... HAHAHA... Assim vou me acabar de rir.

    Aya observa enquanto Koenma enxugava uma lágrima e aguarda que termine de rir.

    - Ai, ai essa foi ótima, mas eu tenho muito trabalho a fazer então vamos direto ao que interessa.

    Koenma diz enquanto recupera o fôlego após parar de rir. Ele passa a mão pela roupa para ajeitá-la e coloca uma mão atrás das costas, enquanto aponta o dedo indicador da outra para Aya.

    - Ayaka Hayashi... O seu teste consiste em chocar esse ovo. Para isso precisa apenas mantê-lo junto a você o tempo inteiro – Ele recolhe a mão que apontava para a jovem e o leva as costas também. – Como pode imaginar, este não é um ovo comum. Esse é o ovo de uma criatura espiritual. Atenção, o negócio é o seguinte... Essa criatura cresce alimentada pela energia do seu coração. Se a energia que alimentar o ovo for ruim, a criatura que vai nascer será um monstro que neste caso irá te devorar... E aí é beijinho, beijinho, tchau, tchau.

    Koenma flutua até kurama, parando ao lado dele, olhando a movimentação da cidade antes de voltar a falar com Aya.

    - É justamente isso que estamos precisando... De mais detalhes. Seja quem for, o demônio que está causando isso, ainda não se mostrou. O que sabemos até o momento que o hospedeiro é impregnado com parte da essência dele, que aos poucos vai drenando a energia vital de quem é infectado, levando a morte. – Koenma observa enquanto Aya analisava o ovo. – Estamos com poucos detetives...

    - Poucos? Desde quando começou a ser otimista Sr Koenma? – Kurama diz com indignação, interrompendo a explicação.

    - Não me interrompe, não, sujeito. Como eu dizia... – Koenma franze a testa e cruza os braços, contrariado. – Ok! Nós estamos sem novos detetives e os antigos estão justamente tentando recrutar alguns, como você pode perceber – Ele dá uma olhada de soslaio para Kurama – Por conta disso ainda não conseguimos rastrear os roubos de energia, que foi o que você viu sair daquele rapaz... O primeiro passo é descobrir quem está fazendo isso. E para isso você vai ter que seguir o rastro que elas deixam quando saem do corpo... Isso tudo claro, mantendo o ovo com você o tempo todo.
    Pikapool
    Mestre Jedi
    Pikapool
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1399
    Reputação : 46

    ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca  Empty Re: ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca

    Mensagem por Pikapool Seg Maio 03, 2021 8:33 pm

    A flor que chamamos de rosa se outro nome tivesse, ainda assim teria o mesmo perfume!
    - Ah, ok... - Respondi. - Sem pressão. É só aguarda o ovo chocar para saber se vou ser devorada ou não. - Suspiro tensa enquanto envolvo o ovo em meu jaleco para um proteção extra e o coloco dentro da bolsa.

    As explicações prosseguiam e até mesmo um breve conflito. No entanto, ainda ponderava se realmente era uma boa ideia tentar limpar minha ficha arriscando ser devorada por um... um... ah, sabe-se lá o que, que estava dentro daquele ovo.

    - Entendido, Capitão! Só preciso encontrar o ladrão de energia enquanto carrego o Ovito. - Ao falar tento localizar-me para encontrar a direção que a nuvem de energia havia seguido mais cedo. - Certo, acho que a energia daquele rapaz foi para esse lado mais cedo. - Para apontando. - O que acha, Kurama? A propósito, você vem comigo? Vamos resolver isso logo. Preciso de um longo banho para relaxar. E espero tomá-lo ainda hoje. - Disse seguindo para a porta.

    Parei na porta acenando em despedida para Koenma e sem demora desci o mais rápido possível para dar inicio as investigações.
    Caelestia
    Observadores
    Caelestia
    Observadores

    Mensagens : 577
    Reputação : 101

    ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca  Empty Re: ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca

    Mensagem por Caelestia Ter Maio 04, 2021 9:30 pm

    Após guardar o ovo com cuidado na bolsa, Ayaka vai até a porta do terraço se preparando para descer quando ouve a voz de Koenma, que responde antes que Kurama tenha a oportunidade de dizer qualquer coisa.

    - Vai lá, vai lá. Pode ir indo na frente. Kurama te alcança depois. Tenho umas coisinhas para resolver com ele antes – Koenma volta a olhar de soslaio e retira da manga os papeis que havia mostrado assim que chegou.

    Aya vê quando Kurama suspira ao olhar a quantidade de papeis e resolve seguir o que Koenma havia dito, descendo as escadas até o térreo do hospital sem esperar por seu mentor.

    Ela para pôr alguns instantes no pátio de entrada e observa as janelas, conseguindo identificar a do quarto onde o rapaz infectado estava internado, se lembrando do que havia visto, Aya consegue perceber que a energia que havia desprendido do rapaz tinha seguido na direção oposta a rua, provavelmente contornando o hospital até uma rua mais movimentada.

    Seguindo seus instintos Aya caminha pela rua e para quando sente algo estranho.

    Era uma energia fria e densa, semelhante ao que havia percebido no hospital. Logo acima da cabeça dela uma nova porção de energia vital passa flutuando.

    Aya consegue seguir a energia até uma rua mais deserta e vê quando uma outra porção de energia se junta a primeira ambas seguindo a mesma direção.

    Na perseguição, ao passar em frente ao beco de onde a segunda energia havia surgido, alguém tromba com ela, a derrubando no chão.


    Spoiler:

    ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca  Kirits14



    Ela vê que havia sido um homem, que vinha correndo pelo beco, que a tinha derrubado. Esse homem olhava para as energias que flutuavam se distanciando deles.

    - Mas será possível que ninguém nessa cidade olha por onde anda! – A voz dele soava irritada e parecia em dúvida se ficava para ajudar a pessoa que havia derrubado ou seguia as energias.

    Só neste momento ele olha para Aya e ela pode ser um brilho de surpresa em seus olhos ao vê-la.

    Ele estende a mão na direção de Aya, oferecendo ajuda.

    - Espera! Você também é uma detetive? – Ele pergunta enquanto olha para algo ao lado de Aya.

    A bolsa estava no chão ao lado dela e o ovo havia rolado para fora da bolsa.

    Antes que ele falasse mais alguma coisa, ambos podem ouvir uma espécie de rosnado vindo de algum ponto atras deles e ao olhar identificaram se tratar de mais um infectado.

    ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca  Posses11

    OFF/:
    Se Aya for dessas impulsivas e ataca ao menor sinal de ameaça, você pode rolar iniciativa (5D10 dificuldade 5) e ataque dela.
    Para adiantar eu já fiz a rolagem do infectado também e como em um dado eu superei a dificuldade e no outro não, dois sucessos nos dados vc já pode declarar sua ação no próximo post.

    Eles são seres humanos comuns, não tem golpes especiais mas podem carregar canivetes e facas. PV é 9

    A proposito... A doutrina Plantas Demoníacas permite que vc crie uma arma para a Aya. Vc pode escolher a aparência dela, não precisa ser igual a do Kurama. Vc vai gastar 1 pt de Ki para cria-la

    Caso queira usar a dotrina (causa dano agravado) a rolagem de ataque é:
    Dano força + nível na doutrina. Teste arma espiritual + Destreza dificuldade 6

    Beijo da serpente é 1 pt dano agravado por hora e o teste é de autocontrole dif 6
    Pikapool
    Mestre Jedi
    Pikapool
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1399
    Reputação : 46

    ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca  Empty Re: ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca

    Mensagem por Pikapool Ter Maio 04, 2021 11:11 pm

    A flor que chamamos de rosa se outro nome tivesse, ainda assim teria o mesmo perfume!
    Não havia jeito. Desci sozinha pelas escadas. Era minha missão de recrutamento e mesmo assim, fui deixada ao acaso. Felizmente, eu podia contar com minha intuição. Apesar de serem nuvens de energia, elas pareciam deixar uma espécie de rastro espiritual ou algo do tipo.

    Não demorou para um frio tomar minha espinha e uma nova energia passar por mim indicando que realmente estava no caminho certo. A segui sem importar-me com mais nada. Pelo menos, até ser lançada ao chão por alguém. Alguém que parecia tão interessado naquelas energias quanto eu.

    - Ouch! - Exprimi ao cair. Porém a principio aquele homem parecia mais preocupado em reclamar. No entanto, se demonstrou igual a todos ao ver que se tratava de uma mulher e logo prontificou-se a me ajudar.

    Já havia concluído que ele não se tratava de uma pessoa comum, já que podia ver as nuvens de energia. Mas, o que mais chamou minha atenção foi sua pergunta ao ver o ovo dourado. Tudo indicava que ele também estava a trabalho para Koenma. Contudo, eu ainda tinha minhas duvidas quanto a isso...

    - Ainda nã... - Respondia enquanto pegava o ovo e o colocava de volta na bolsa. Mas antes que pudesse concluir a frase, um rosnado interrompia-me. Parecia ser mais um pirado pelos poderes do tal "sugador de energia".

    Ajeitei a bolsa para que ela ficasse atrás de mim. Se com uma queda o ovo já havia sido exposto. Imagine em um combate... Por fim, julguei melhor utilizar uma arma de contusão ao invés de uma mais letal. Afinal, não tinha a intenção de ferir aquele rapaz de forma mortal. Não de forma evidente que pudesse me encrencar ainda mais. Optei por uma shinai e preparei-me.

    - Acho que teremos que continuar nossa conversa depois. - Disse ao suposto detetive ao tomar a frente e seguir em direção ao infectado. - AÊ, BONITÃO!! - Bradei ao começar a correr. - Se me quer. Vem pegar... - Conclui ao desferir um golpe contra o infectado.
    Caelestia
    Observadores
    Caelestia
    Observadores

    Mensagens : 577
    Reputação : 101

    ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca  Empty Re: ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca

    Mensagem por Caelestia Qui Maio 06, 2021 7:52 pm

    Assim como aquele que deu entrada no hospital mais cedo, ela conseguia perceber a pele dele levemente azulada, os olhos raivosos e uma energia espiritual extremamente negativa.

    O rapaz infectado parecia transtornado e, sem nada dizer, caminha em direção a Aya e o outro suposto detetive

    Ao perceber a intenção do infectado, ela é mais rápida, se desvencilhando do outro homem que ela vê ficar para trás surpreso com a atitude dela, e vai em direção ao infectado usando sua habilidade com perfeição fazendo surgir uma shinai para atacá-lo.

    Sem intenção de matá-lo ela mira em um ponto onde pudesse derrubá-lo e desfere um golpe forte e certeiro que derruba o rapaz imediatamente, o deixando inconsciente.

    - Impressionante...

    Aya ouve a voz do suposto outro detetive vir de algum ponto atrás dela, mas logo em seguida um outro som também chama sua atenção.


    ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca  Images13


    Olhando para frente Aya pode ver mais três infectados vindo na direção deles.

    OFF/:
    Descreve como foi ataque da Aya  

    Esqueci de comentar da outra vez... Como a defesa deles é simples, basta tirar 1 dado da rolagem de dano da arma espiritual.

    Se quiser atacar sem usar a arma espiritual, a rolagem é de 1d6+1+Modif força
    Pikapool
    Mestre Jedi
    Pikapool
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1399
    Reputação : 46

    ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca  Empty Re: ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca

    Mensagem por Pikapool Sex Maio 07, 2021 12:55 am

    A flor que chamamos de rosa se outro nome tivesse, ainda assim teria o mesmo perfume!
    Sabia que uma forte pancada em qualquer lugar da cabeça poderia desmaiá-lo. Mas o queixo era o ponto mais vulnerável, já que a força do golpe iria direto para o tronco cerebral. As células que comandam a consciência. Como a mandíbula é o único osso móvel da cabeça a movimentação do cérebro dentro da caixa craniana faria o cérebro ir para a direção oposta e fazendo ele sofrer uma lesão que o faria deixar de funcionar temporariamente.

    Enfim, o conhecimento anatômico e as funcionalidades eram fáceis, o problema seria minha precisão ao golpear o homem no queixo. E com um movimento rápido da espada de madeira fez o barulho do golpe soar alto. Juro que aquilo doeu em mim. Mas, o mais importante era que o golpe fora efetivo e o rapaz sucumbiu diante de mim.

    Ao ouvir o detetive já pensava em vangloriar-me de forma fanfarrona. Porém, outro barulho ressoava antes e logo revelava mais três pobres almas. Certamente eu teria que ser mais precavida devido ao numero de adversários. No entanto, começava a questionar-me se aquilo não era algum tipo de estratégia para cansar-me antes do real inimigo dar as caras...

    - Acho que a festa só começou, detetive! - Exclamei apontando a shinai para os infectados.

    Sem mais, apenas aguardei a aproximação em uma guarda mais defensiva. Assim que um deles estivesse ao alcance de minha espada, tentaria golpeá-lo na cabeça torcendo por um novo nocaute.
    Caelestia
    Observadores
    Caelestia
    Observadores

    Mensagens : 577
    Reputação : 101

    ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca  Empty Re: ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca

    Mensagem por Caelestia Sex Maio 07, 2021 11:00 pm

    ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca  Images13


    A energia espiritual no local estava densa, tamanha a negatividade emanada por aqueles três.

    Eles sorriam de forma maliciosa para Aya e o que estava a frente do grupo passa a língua nos lábios enquanto puxa um canivete do bolso da calça.

    Quase espumando enquanto ria, ele começa a caminhar em direção a garota e quando está a poucos passos dela avança com rapidez segurando o canivete a frente do corpo, fazendo um amplo movimento com o braço tentando com o golpe fazer um rasgo na barriga de Aya, que estava atenta e consegue evitar que ele a acertasse.

    Com o movimento ele curva o corpo ligeiramente para frente e Aya aproveita esse momento para atacá-lo, mirando na cabeça do homem, mas embora tenha conseguido manejar a shinai com alguma habilidade como ele se move para recuperar o equilíbrio, Aya acaba errando o golpe.

    Dessa vez o homem gargalha de forma histérica ao perceber que havia conseguido evitar o golpe da garota e ainda rindo volta a investir sobre ela, tentando mirando novamente da região do ventre de Aya, tentando infincar o canivete na barriga dela, mas assim como da outra vez ela consegue evitar o golpe sem que o canivete faça nenhum corte em sua pele.


    OFF/:
    Divirta-se descrevendo como ela se defendeu ^^

    Vamos tentar tornar isso mais dinâmico...

    Vc vai rolar ataque com a arma espiritual cuja dificuldade é 6 (5d10) - Se o resultado for menos de três sucessos a Aya consegue manipular a shinai com alguma dificuldade. De três a quatro sucessos ela consegue manipular com destreza e cinco sucessos ela é excepcional

    Dano... Desconta um dado porque é a defesa o inimigo, vc vai rolar 1D10 dif 6 - Menos que isso a Aya erra, acima desse valor vc pode dizer que ela acerta

    Então é só rolar os dados e declarar as ações com base nessas orientações.

    Vamos testando para ver o que torna os combates mais dinâmicos, mas nós aceitamos sugestões

    Pikapool
    Mestre Jedi
    Pikapool
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1399
    Reputação : 46

    ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca  Empty Re: ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca

    Mensagem por Pikapool Sab Maio 08, 2021 3:20 pm

    A flor que chamamos de rosa se outro nome tivesse, ainda assim teria o mesmo perfume!
    Ao ver o canivete nas mãos daquele ser infectado fez-me questionar o nível de insanidade deles. A intenção assassina daquele homem fazia-me esboçar um sorriso. Infelizmente, logo ele se desfez. Independente da situação, eu sabia que não poderia retribuir o ataque com o mesmo entusiasmo.

    Diante aquilo tudo minha mente começava a divagar. Não sabia o porque, mas sentia que algo estava errado. Aquela distração era algo perigoso diante de tal situação. Só voltei minha atenção quando o reflexo da lamina do canivete atingiu meus olhos. Para minha sorte, meu corpo respondeu sozinho ao perigo e saiu para a esquerda criando uma abertura para meu ataque. Desajeitada devido minha desatenção, tentei usar a investida do golpe do infectado para aumentar a força do impacto da shinai. Porém, como a empunhava com apenas uma das mãos. Acreditava que não havia sido tão potente quanto eu imaginava.
    Conteúdo patrocinado


    ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca  Empty Re: ON Ayaka: A alma de uma flor demoníaca

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Ter Jul 27, 2021 3:41 am