Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    Revelações

    Elminster Aumar
    Administrador
    Elminster Aumar
    Administrador

    Mensagens : 8708
    Reputação : 50
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1012.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/711.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1911.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/512.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/312.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2211.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh16.png

    Revelações Empty Revelações

    Mensagem por Elminster Aumar em Ter Jan 14, 2020 10:47 pm

    O circo estava fazendo o seu tour pelo leste europeu. As apresentações levavam o público ao delírio, especialmente as atrações especiais com pitadas de terror. Era contraproducente como as pessoas gostavam de sentir medo.

    Fazia poucas semanas que Crystal Cavanaugh entrou para o circo. Ela foi trazida por Lazarus, um homem que a tirou do orfanato prometendo uma vida honesta e prospera em muitos sentidos. Ele era o chefe dos malabaristas, e cada dia se mostrava mais encantado com Crystal, seja pelos truques que ela fazia em palco ou seja pela pessoa que ela era, o fato é que ambos se aproximavam a cada dia que passava.




    - Você se recorda de algo de ontem a noite?

    Crystal acabara de acordar. Ao abrir os olhos, se viu no aposento de Lazarus, deitada em sua cama. Ele estava sentado numa poltrona, com uma perna sobre a outra e um copo de vinho na mão. Seus olhos a fitavam com genuína curiosidade. Ainda zonza por ter recém-acordada, Crystal tentou lembrar da noite anterior e como ela havia parado ali.

    - Espero que não a tenha assustado ou passado dos limites... - ele comentou, balançando o copo em sua mão. - Foi uma noite e tanto para mim, e espero que para você também tenha sido.

    Aos poucos algumas lembranças foram voltando à sua mente, mas de modo espaçado. Havia algumas lacunas nessas memórias. Crystal recordou que após a sua apresentação, Lazárus a havia chamado em seu quarto, onde os dois brindaram e comemoraram por mais um dia bem-sucedido no circo. Os detalhes a escapavam, provavelmente por conta da bebida consumida naquela noite, mas ela tinha a intuição de que os dois haviam se beijado. Ela se lembra de Lázarus se aproximando e beijando o seu pescoço… mas não se recorda exatamente de tudo o que aconteceu depois.

    Lazarus era bonito, embora um pouco pálido, e sua aparência jovem não condizia com a maturidade e sabedoria que ele aparentava possuir. Algo inquietava Crystal sobre o que os dois haviam conversado no dia anterior, e ao mesmo tempo, ela se sentia intrigada e interessada em conhecê-lo melhor.
    Bastet
    Mutante
    Bastet
    Mutante

    Mensagens : 682
    Reputação : 43
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Revelações Empty Re: Revelações

    Mensagem por Bastet em Qua Jan 15, 2020 12:15 am

    Lázarus



    Dizem que quando você é jovem e esquisita, a esquisitice pode ser a sua melhor arma... E ela foi, durante a dura infância de Crystal, na época chamada pelo seu nome de registro: Regina Cavanaugh. Ela fora uma criança franzina, com dentes grandes e separados, a pele muito escura para o local onde vivia e os olhos que pareciam desvendar almas... Ou seja, era a criança que não possuía amigos no orfanato onde vivia.

    Começou a chamar a atenção quando a puberdade chegou: junto com as curvas femininas e a beleza ancestral dentro de seus traços tão incomuns, chegou o que ela chamava de “dons”. Conseguia ver além do mundo dos vivos... E usar a energia vinda dali para criar ilusões. Isso a fez perder o posto de esquisitinha e ganhar o de “bruxa esquisita”.

    Não que ela usasse tudo aquilo que via... Tinha medo, na verdade. Usava uma centelha (ainda sim tinha dificuldade de controlar) e somava isso ao seu lado observador. Sabia o que dizer para uma jovem apaixonada que queria um amor duradouro... Ou pra uma criança enfurecida, que queria sua vingança.

    [...]

    Quando foi retirada do orfanato, por Lazarus, com a promessa de que ela era especial por ter aqueles poderes, ela acreditou... Mas não tinha certeza se confiava nele. Talvez só quisesse, realmente, sair daquele lugar.

    ***

    Naquela manhã (?????), ela abriu os olhos, confusa com tudo. Não estava em seu quarto, nem em sua cama. A luz incomodava seus olhos e a cabeça parecia pesada a princípio, como se pudesse perder, novamente, no mundo dos sonhos, a qualquer momento. O que fez ela, de fato, acordar, foi a voz de Lazarus... Perigosamente perto.

    Virou os olhos cor de mar para ele, estreitando os mesmos para enxergar melhor a sua figura. Ele parecia como sempre: bonito demais e perigoso demais... Uma mistura que parecia atrair e repelir a jovem Crystal. As palavras dele a deixavam preocupada.... O que estava acontecendo ali? Não se lembrava de ter bebido para perder a memória daquela forma.

    - Lazarus.... O que está acontecendo? – perguntou, coçando os olhos para poder o olhar melhor. Nesse movimento, sentiu o pano do lençol escorregar, tocando em sua pele nua... A bruxa deu um pulo, o agarrando antes que caísse completamente e revelasse toda a sua nudez.

    - Você me embebedou,é? – perguntou, sem parecer realmente brava, apenas confusa. Prendeu o lençol sob as axilas para ele não cair e voltou a encará-lo. Era boa em ler pessoas, se ele mentisse provavelmente Crystal iria perceber.

    Tentava lembrar... Mas tudo era um borrão depois do espetáculo. Se lembrava de estar no palco, de fazer truques convincentes e de “desaparecer” em meio à fumaça, usando o alçapão.... Depois disso tinha uma lacuna... Em seguida um beijo... Outra lacuna... Uma discussão, era a voz de Neil, o contorcionista? Ele parecia preocupado.... Outra lacuna... E aquela manhã.

    Finalmente respondeu a pergunta dele – Acho que muitos limites foram passados aqui... – disse, olhando por baixo do lençol e suspirando – O que foi que aconteceu?

    Tentava entender aquele homem... Mas entendia porquê de os limites terem sido passados, com a ajuda de um pouco de bebida. Se levantou, ainda segurando o lençol no corpo e pegou a taça de vinho da mão dele e dando um gole, torcendo pra enganar a ressaca.
     


    Elminster Aumar
    Administrador
    Elminster Aumar
    Administrador

    Mensagens : 8708
    Reputação : 50
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1012.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/711.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1911.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/512.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/312.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2211.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh16.png

    Revelações Empty Re: Revelações

    Mensagem por Elminster Aumar em Qua Jan 15, 2020 9:45 pm

    Lázarus



    Crystal não sabia que horas eram do dia. O quarto estava numa meia-luz, e as janelas e portas fechadas. Ela se percebeu totalmente despida, com a exceção do lençol que agora ela usava para cobrir sua timidez. Então havia rolado algo mais sério entre os dois. Lazarus esboçou um leve sorriso com a confusão de Crystal sobre aquela situação.

    - Desculpe, eu não queria te embebedar. Tampouco usei qualquer outro subterfúgio. Nós dois simplesmente estávamos nos divertindo, comemorando por mais uma atuação de gala sua... as horas passaram particularmente rápidas para mim, e imagino que para você também, e quando tentamos se dar conta... já tinha acontecido.

    Algo dizia à Crystal que o que ela estava ouvindo era verdade. Ele podia ter oferecido a bebida, mas ela aceitou de bom grado, agora que algumas lembranças começavam a voltar isto ficava mais claro. Ela se levantou e caminhou em direção a ele, atraindo o seu olhar a cada passo seu. Ela segurava o lençol com uma delicadez que contornava o seu corpo esguio e exalava sensualidade. Lazarus só desviou o olhar de seu corpo quando ela lhe tomou o copo de sua mão e bebeu o vinho. Estava com um gosto bom, apesar de não ser a sua bebida favorita. Ela, então, lhe perguntou sobre o que realmente havia ocorrido.

    - Eu estava bastante falante ontem a noite, mais do que o comum... falei sobre muitas coisas, as quais me pergunto quais dela você se recorda... Eu... - ele se levantou, contornou para ficar às costas de Crystal e pegou a sua mão. Com delicadeza, ele levou a sua mão até o seu próprio pescoço. - Eu a beijei bem aqui... - sussurrou Lazarus em seu ouvido. - Foi o melhor de todos os nossos beijos... - De fato havia parecia haver uma marca ali, como se ele tivesse mais do que beijado, mas lhe dado um belo chupão. - As coisas que falei... espero que não a tenha assustado... como disse antes, eu também estava um pouco fora de si, mas posso garantir que os meus sentimentos... o meu desejo por você... só aumentaram.

    Quando Crystal menos esperava, ele estava novamente beijando o seu pescoço.  


    Bastet
    Mutante
    Bastet
    Mutante

    Mensagens : 682
    Reputação : 43
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Revelações Empty Re: Revelações

    Mensagem por Bastet em Qua Jan 15, 2020 10:17 pm

    Crystal



    Era visível que Lazarus gostava da posição em que estava: altivo em sua poltrona, podendo observar cada movimento de Crystal. Isso não chegava a incomodar a garota, afinal, estava acostumada a ser o centro das atenções nos espetáculos e nas leituras de tarot nas tendas do circo... Mas era estranho. Talvez pelo fato de ela não entender bem a situação.

    Quando ele deu a primeira explicação, aquilo a aliviou um pouco. Foi uma noite de bebedeira para ambos, nada muito além... Sentia que era verdade e não costumava duvidar de seus instintos... Mas algo estava faltando. Algo grande.

    Quando ele se levantou, a rodeando, o seguiu com os olhos, até onde sua anatomia permitisse. O sentiu logo atrás de si, tomando sua mão livre e a levando até o pescoço. Suspirou de forma audível, a respiração ficando mais rápida. O seu corpo certamente se lembrava do que ele dizia em suas frases sussurradas. – Hm... Parece que nos divertimos mesmo, então... Perdi a lembrança de você falante... é uma... – pausou a frase, sentindo o beijo no pescoço e aproveitando por um instante. Se virou de frente pra ele com um movimento leve e continuou, se esticando levemente, pra falar perto dos lábios do homem  – uma pena... – sorriu, dando um passo, de modo que ele tivesse de começar a andar pra trás também, sentindo a cama logo atrás de suas pernas.

    - E o que você me disse, Lazarus? – pousou a taça no criadinho ao lado da cama, o empurrando de leve para que ele se sentasse, sentando em uma de suas pernas – Eu posso parecer boba, mas não gosto de ser manipulada... Você parecia ter uma certeza perigosa de que eu não me lembraria... – a voz ia de sua boca até o seu ouvido, como um beijo longo e molhado – Ou estou enganada? – terminou com uma mordida em seu ouvido, aguardando a resposta.

     


    Elminster Aumar
    Administrador
    Elminster Aumar
    Administrador

    Mensagens : 8708
    Reputação : 50
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1012.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/711.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1911.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/512.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/312.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2211.png
    Premiações :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh16.png

    Revelações Empty Re: Revelações

    Mensagem por Elminster Aumar em Qua Jan 15, 2020 10:41 pm

    Lázarus



    Crystal correspondeu do seu jeito aos beijos em seu pescoço... primeiro sentindo um inconfundível prazer no recebimento daquelas carícias, mas em seguida, lembrando de sua posição e de suas memórias que ainda não estavam restauradas, ela aproveitou para começar a tomar a dianteira da relação. Não iria entregar tão fácil assim pro Lázarus o que ele queria, não sem antes que ele começasse a falar o que estava escondendo...

    Ela se virou de frente para ele, e aos poucos o seu corpo foi empurrando o dele, até que ele se deixasse cair na cama.

    - Uou... - arquejou ele, aprovando a atitude de Crystal.

    Ela, então, lhe fez uma pergunta, aproveitando para lhe provocar ainda mais com uma mordida em sua orelha... Lazarus fechou os olhos, sorrindo de prazer...

    - Eu te contei muitas coisas... e tenho muito mais coisas para te falar... - ele sussurrava, sem pressa em dizer as palavras. - Tem um mundo inteiro que eu quero que você descubra ao meu lado...

    Lázarus passou sua mão pela nuca de Crystal, e trouxe sua boca para perto da sua, até que os lábios se encostassem. Os dois estavam num jogo de sedução, e ambos sabiam das consequências de perdê-lo.

    - Ontem a noite... sabe... eu me revelei para você... minha verdadeira natureza... - ele dizia entre um beijo e outro. - Eu, minha linda Crystal, sou um predador... sou uma criatura da noite... sou o que vocês chamam de vampiro. Um instante atrás estava com medo de que você lembrasse... mas eu sinto que você entende... você também é especial... muito especial... e o gosto do seu sangue é magnífico...

    Crystal sentia as presas na boca de Lázarus como nunca havia sentido isso... era um toque a mais que podia tanto assustá-la quanto atiça-la ainda mais... No fundo, ela sabia que havia algo de diferente em Lázarus, não só em Lázarus, mas muitos componentes do circo... não era difícil para ela acreditar nessa história... e talvez, naquele momento de crescente hesitação, nem faria sentido refletir tanto sobre o assunto... Vampiro ou não, o corpo de Lázarus emanava calor como qualquer outro... E ela percebia a sua excitação por baixo da calça presa com um cinto.

    Lázarus vestia uma jaqueta, mas ela estava desabotoada e com os movimentos dos corpos dos dois, ela estava cada vez mais solta, sendo possível ver o seu tórax.


    Bastet
    Mutante
    Bastet
    Mutante

    Mensagens : 682
    Reputação : 43
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Revelações Empty Re: Revelações

    Mensagem por Bastet em Qua Jan 15, 2020 11:20 pm

    Crystal



    A jovem se surpreendeu quando aquele movimento funcionou com Lázarus.  Apesar de ele aparentar ser só um pouco mais velho que ela, ele parecia um homem muito experiente... Até o jeito dele falar era diferente... Não imaginou que fosse cair em seus encantos de forma rápida. Devia ser o vinho.

    Quando ele veio com o papo de “descobrir o mundo inteiro ao lado dele” ela recuou um pouco, achando aquela comoção um tanto estranha. Com uma noite ele já tinha apaixonado? Ela nem lembrava da noite, aliás... Mas, em seguida, veio toda a explicação, que deixou Crystal desconcertada.

    Ela imaginava que existissem pessoas com dons, como ela, mas nunca havia cogitado a possibilidade de existirem seres sobrenaturais folclóricos, como vampiros, lobisomens e coisas do tipo. Então, cada uma das coisas estranhas que via ali no circo tinham uma explicação sobrenatural? Todos tinham segredos para além dos truques?

    Ela parou o que ele fazia, muito confusa com todas aquelas informações. Ia perguntar algo, mas a última frase de Lázarus chamara a atenção aos seus ouvidos. O segurou pelo ombro, impedindo que a boca dele chegasse perto de seu pescoço novamente.

    - Meu sangue? Você bebeu o meu sangue? – não se lembrava de ter permitido aquilo. Provavelmente havia permitido sim, mas a memória a traia naquele momento. Se levantou, tentando manter o lençol envolto do corpo, sem muito sucesso.

    - Eu preciso de ar... E vinho – falou pra si mesma, um pouco envergonhada pela nudez, procurando as roupas pelo chão do quarto.

    Ela parecia tentadora, mesmo de longe. Lázarus podia lembrar do toque da pele, do gosto dos lábios, do cheiro forte e atrativo. Vê-la nua, de costas, com os longos cabelos exalando o odor do pecado da noite anterior... Talvez fosse um gatilho perigoso para a sua besta interior, que parecia querer se saciar de alguma forma, após aquela investida inicial da garota.  

     


    Conteúdo patrocinado


    Revelações Empty Re: Revelações

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Qui Abr 09, 2020 7:46 am