Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).

Links úteis Anúncios Redes Sociais
31/03 - Novo quadro de anúncios.
31/03 - Mesas com mais de 2 meses SEM postagens serão automaticamente arquivadas.

ATUALIZAÇÃO DO MÊS DE MAIO
Mesas que forem abertas para serem jogadas em outras plataformas
serão excluídas do fórum.

ATUALIZAÇÃO DO MÊS DE JUNHO
A partir de agora somente mestres com mesas ativas no fórum terão o nick laranja
para ficar mais fácil a distinção. Fiquem atentos que em breve teremos
um novo modelo de pedido de mesa!




 

    Dizimação

    Dovahkiin
    Mutante
    Dovahkiin
    Mutante

    Mensagens : 721
    Reputação : 23

    Dizimação Empty Dizimação

    Mensagem por Dovahkiin Sab Mar 06, 2021 10:39 pm

    Apenas alguns detalhes antes de ler: Logo após assistir ao filme "Vingadores: Guerra Infinita" creio que assim como eu, muita gente saiu do cinema com a sensação de que o filme não havia acabado por completo, tipo: Como assim, metade da população de todo o universo simplesmente sumiu? Isso é algo extremamente drástico!
    Em busca de respostas sobre o que aconteceu, eu saí á procura de teorias em sites de discussão por toda a internet. O tempo passava a a Marvel Studios parecia não querer dar detalhe nenhum, até que veio a continuação "Vingadores: Ultimato" que não mostrou praticamente nada do ocorrido nem mesmo na terra. OK, haviam mais baleias no mar, menos poluição e algum ou outro detalhe revelado em poucos diálogos, mas alguém já parou para pensar no que realmente teria acontecido caso metade da população mundial realmente desaparecesse? Pois logo abaixo fiz um compilado do que eu imaginei (temperado com muitas teorias que achei procurando por aí). Não levem nada muito a sério, é apenas um aglomerado de ideias sobre um cenário fictício.


    O ESTALO:



    Dizimação Scientists-explain-what-would-really-happen-to-world-following-thanos-snap-infinity-war-1556173702




    Muito mudou no mundo desde o último século. Guerras mundiais, super soldados, monstros verdes destruindo cidades, deuses nórdicos, alienígenas atacando Nova York. O planeta definitivamente não era mais o mesmo...Até que em 23 de abril de 2018, repentinamente bilhões de pessoas no mundo todo simplesmente desapareceram num abrir e fechar de olhos, sem a menor explicação ou aviso, deixando outros bilhões de pessoas que viram seus entes queridos desaparecerem, completamente perdidas e confusas.
    Os desaparecimentos atingiram todas as áreas da sociedade. Ricos e pobres, brancos, negros, doentes e saudáveis, homens e mulheres, pessoas de todas as profissões, cidades e nações, jovens, velhos e crianças, inclusive aquelas que ainda não haviam nascido, mulheres grávidas por todo o mundo viram seus filhos e filhas desaparecerem de seus ventres, sem sofrerem nenhum tipo de intervenção cirúrgica. O oposto também ocorreu, com mães grávidas desaparecendo, e seus fetos ainda vivos sendo deixados para morrer no mesmo lugar. Aviões e outros veículos perdiam seus condutores ficando desgovernados, causando ainda mais acidentes no processo. O choque para aqueles que ficaram e o caos que se instaurou nos momentos seguintes era incalculável. Todo mundo conhecia alguém que havia desaparecido, e muitos lamentavam a perda de seus entes queridos. Aqueles que não estavam com seus conhecidos tentavam desesperadamente ligar ou estabelecer contato com estes, para descobrir se estavam bem e muitos se viram sozinhos no mundo, sem saber o que fazer ou a quem recorrer, pois seus parentes e amigos haviam simplesmente desaparecido ou morrido em algum acidente entre os muitos causados pelos desaparecimentos.
    As Consequências:


    Os desaparecimentos aconteceram de uma hora para outra, num piscar de olhos, e sem nenhum aviso ou previsão, o que tornou a catástrofe ainda maior, já que além dos desaparecidos o número de mortos e feridos em decorrência dos muitos acidentes ocorridos pelo fato de as pessoas desaparecerem enquanto estavam em pleno exercício de suas atividades também foi muito alto, além disso, o número de pessoas que se suicidava ao perceber o que havia acontecido também era muito grande. Animais cujos donos desapareceram enquanto passeavam ficaram livres e alguns acabaram atacando outras pessoas, em alguns lugares animais ferozes escaparam de suas jaulas quando os tratadores desapareceram no exato momento em que abriam as jaulas para cuidar dos animais.
    Diversos aeroportos foram fechados em todo o mundo, devido à falta de operadores das torres de controle. Faltavam bombeiros para dar apoio aos pousos de emergência, que também foram muitos nos minutos seguintes aos desaparecimentos. O trânsito nas grandes metrópoles tornou-se caótico, os congestionamentos atingiram proporções sem precedentes na história. Foram relatados vários acidentes de navios e trens, muitos incêndios causados por panelas deixadas no fogo, ferros de passar roupa ligados e muitos outros acidentes domésticos. O caos tomou conta de todo o planeta, em alguns lugares era praticamente impossível a locomoção pelas ruas ou estradas. As linhas telefônicas também foram afetadas, e durante algum tempo, nenhum telefone funcionou. Nos locais onde eles funcionavam, as linhas estavam completamente congestionadas pelo excesso de ligações, pois todos queriam obter informações de seus entes queridos, de outro lado por falta de operadores de telefonia, já que este setor também foi atingido pelos desaparecimentos. Os hospitais estavam cheios e cada vez chegavam mais pessoas feridas em acidentes ou passando mal devido à perda de seus entes queridos, além disso, não haviam médicos suficientes para atender a todos já que muitos destes também desapareceram. O mesmo problema atingia a polícia e os bombeiros, por isso o número de incêndios, saques, pilhagem e baderna aumentara vertiginosamente nos dias seguintes aos desaparecimentos. As pessoas passaram a matar outras por pequenas quantidades de alimentos. Houve rebelião e fuga em diversas cadeias e penitenciarias e a criminalidade crescia a cada minuto, forçando a polícia a agir de forma extrema para conter os recentes crimes. Os meios de comunicação pediam a todo o momento para que a população não saísse de casa até que a situação se normalizasse, o que devido às circunstancias parecia impossível.
    O pânico tomou conta de muita gente, o medo de ataques alienígenas era cada vez maior, muitos se refugiaram em bunkers e abrigos subterrâneos. As pessoas não sabiam se o que aconteceu iria repetir-se, ou se algo pior iria acontecer. As consequências econômicas foram terríveis, nas semanas seguintes houve falta de alimentos pois muitas pessoas compraram muito mais do que o necessário para fazer estoques, com medo de uma guerra interplanetária ou alguma outra catástrofe mundial. Muitos estocavam também gasolina e outros combustíveis, e com isso a inflação mundial disparou e atingiu níveis absurdos, resultando mais fome e miséria.
    As Teorias:


    Era uma situação impar o que estava acontecendo, ninguém jamais poderia imaginar tal acontecimento e logo começaram a surgir especulações e teorias sobre o que teria causado esse fenômeno. A cada instante surgia alguém com uma ideia diferente e tentando provar que sua teoria era a verdadeira.
    Porém, uma nação pouco conhecida se levanta para explicar o ocorrido: Wakanda. Os líderes da nação africana explicam todo o ocorrido. Em resumo, Thanos, uma espécie de “Gengis Kahn” das galáxias havia criado um tipo de arma que ceifou a vida de 50% dos seres vivos do universo. Os Vingadores o confrontaram e conseguiram matá-lo (eles até mesmo trouxeram o crânio do suposto Thanos como prova) mas o dano causado por ele parecia irreversível. Após seu pronunciamento, Wakanda volta a se fechar para o resto do mundo e os programas sociais que havia iniciado há alguns anos por seu antigo rei T’Challa foram cancelados.
    A explicação era estranha, principalmente vinda de uma nação quase desconhecida, e o fato deles se fecharem para o mundo apenas serviu para lhes dar ainda menos credibilidade.
    Com o tempo, diversas pessoas passaram a acreditar, mas as teorias continuavam:
    Uma das mais difundidas no primeiro momento dos desaparecimentos foi a de que os EUA ou alguma outra potência bélica tivesse desenvolvido uma arma secreta capaz de desintegrar somente a matéria orgânica das pessoas, mas essa teoria logo foi descartada, pois todas as potências mundiais foram atingidas e tal arma afetaria a todos no local, e não apenas alguns.
    Uma das teorias cientificas mais aceita atribuía o fenômeno a um distúrbio gerado pelo excesso de radiação nuclear, associada a uma anomalia eletromagnética na atmosfera, que ocasionou uma espécie de aceleração da seleção natural em nível atômico, literalmente desintegrando aqueles que possuíam alguma característica genética e molecular que os tornava mais fracos, permitindo que somente os mais fortes e capazes fossem poupados da extinção.
    Grupos religiosos tinham suas próprias teorias, como o arrebatamento do apocalipse bíblico, entre outras. Com a recente catástrofe, cada vez mais pessoas buscavam a religião para compreenderem o que vinha acontecido no mundo.
    A Reconstrução:


    Após o trauma inicial causado pelos desaparecimentos, começava o trabalho de reconstrução. As pessoas que tinham condições físicas e psicológicas se juntavam em cooperativas para desobstruir o trânsito, organizar grupos de busca, providenciar abrigo para aqueles que perderam mais do que seus entes queridos, e iniciar o trabalho de reconstrução e reorganização dos serviços essenciais. Em alguns lugares, principalmente os grandes centros urbanos, o estrago foi tão grande que a previsão para a normalização do trânsito e de outros serviços era de vários meses dependendo do tamanho da cidade. A previsão para que o mundo todo voltasse a funcionar normalmente era de onze a vinte meses.



    Dizimação E047c722d275744db319ed2cf2250227





    Subitamente os ex Vingadores Steve Rogers e Natasha Romanov se revelam para o mundo e explicam que Wakanda dizia a verdade. Inicialmente o governo americano decide prender os foragidos, mas mudam de ideia, pois acreditam que a fama e o carisma do Capitão América serviriam para acalmar a população. Steve concorda em se tornar um porta-voz do governo com algumas condições: que o governo oferecesse asilo para ele, Natasha, Banner e Rhodes.
    A economia mundial ameaçava entrar em colapso, porém, alguns empresários viram grandes oportunidades no ocorrido. Tony Stark decidiu se isolar do mundo, mas sua empresa foi ordenada a auxiliar a população no que fosse possível. Diversas empresas faliram, apenas para em seguida serem compradas por um novo conglomerado que surgia, a Oscorp.



    Dizimação Main-qimg-9192bf0e8f49b2b59c9f8f36c174d891






    Grandes banqueiros viram a catástrofe econômica como uma oportunidade para a implantação da moeda única, pois a queda vertiginosa das bolsas de valores acabou aniquilando as moedas fortes que ainda tinham algum valor. O Euro, o Dólar e o Iene perderam rapidamente seu valor e a procura por ouro e pela nova moeda mundial aumentaram rapidamente o valor dos Bitcoins. Logo tudo o que se comprava ou vendia no mundo tinha seu valor estipulado na moeda virtual. Dessa forma, os governos mundiais decidem criar sua própria versão dos Bitcoins. A nova moeda estava finalmente implantada, agora era só uma questão de meses até que todo o dinheiro circulante fosse substituído por criptomoedas.
    Na Noruega, o ex Vingador Thor surgia com um acampamento de refugiados asgardianos exigindo um local para seu povo chamar de lar. Os governos mundiais não viam alienígenas com bons olhos desde que um alien dizimou 50% dos humanos, mas com os apelos de Steve Rogers, um local foi cedido para o deus nórdico, que passou a ser chamado de Nova Asgard.





    Dizimação 2jz7zhh3si


    A Nova Ordem Mundial:


    O mundo ainda estava traumatizado, a economia global custava a se estabilizar, conflitos locais pipocavam por todo o globo, parecia que a situação ainda ia demorar um pouco para voltar ao normal.
    Nos Estados Unidos se sugeriu que a ONU recebesse mais autonomia e poder para agir nas áreas que ainda não estavam participando do esforço de paz mundial. As ideias foram aceitas, Steve Rogers foi escolhido como porta-voz, até que discordâncias com as políticas adotadas pela ONU fizessem com que ele se retirasse. A ONU não se abalou com a retirada súbita do Capitão América e seu primeiro ato foi instituir o Conselho Decano, formado por líderes de dez nações sendo duas de cada continente. Para facilitar o trabalho, o mundo foi dividido em dez regiões administrativas, ficando cada líder participante do Conselho responsável pela manutenção da paz em sua região, mas todas as ações deveriam ser tomadas com a aprovação dos membros do conselho. Firmou-se um tratado de desarmamento mundial, onde cada nação deveria destruir 99% do seu arsenal e transferir o 1% restante para a ONU. Em questão de dias, a ONU passou a ser a organização mais poderosa do mundo sem que ninguém percebesse. Porém, alguns países se recusaram a adotar a medida, como China, Rússia, Coréia do Norte, Emirados Árabes e Latvéria.
    Aos poucos a ONU adquiriu o controle da maioria dos meios de comunicações de massa do mundo e iniciou boicote aos países que se negassem a seguir sua agenda.
    Com a população mundial drasticamente reduzida e com um novo modelo econômico e social vigente, cidades inteiras foram abandonadas e lugares férteis se transformaram em verdadeiros desertos. Os sobreviventes foram “enclausurados” em pequenas comunidades protegidas como fortalezas, vivendo da agricultura e compartilhando um modo de vida que alguns poderiam considerar como autoritário. Os moradores destas cidades são organizados de acordo com suas capacidades, e como tal, cada grupo recebe funções como plantar, colher e criar animais em prol do bem geral, enquanto membros da ONU recebem cargos de administração e governo.
    Porém, muitos indivíduos acabaram literalmente vivendo às margens da sociedade, seja por escolha própria por não concordarem com as políticas da ONU ou por serem considerados indivíduos perigosos para viver em sociedade, sendo então abandonados para fora dos muros das cidades-fortalezas.
    Estes homens marginalizados foram obrigados a viver por conta própria do lado de fora dos muros, organizando-se como novos bárbaros, vivendo dos saques, dos roubos, dos assassinatos e da destruição de qualquer forma de vida diferente daquela que compartilha sua visão de caos, desordem e anarquia. Este grupo vive em motocicletas, carros e outras máquinas, destruindo e desafiando todos aqueles que possuam uma filosofia diferente da deles, especialmente os “covardes” enclausurados em feudos modernos. Fora dos muros da civilização, a força é a lei.

    Dizimação 290216-figurino-mad-max-01




    A Nova Religião Mundial:



    Dizimação 1200px-Great_Seal_of_the_United_States_%28reverse%29.svg





    Para a ONU havia ainda um problema: mesmo tendo resolvido as disputas étnicas, ainda restava uma fonte de conflitos que eram as diversas vertentes religiosas existentes no mundo. Diversidade de religiões era a única coisa que atrapalhava o progresso da paz mundial aos olhos da ONU.
    O conselho Decano Começou a estabelecer ligações com representantes de todas as religiões, e a estudar seus pontos em comum. Em pouco tempo conseguiu convencer todos a participarem de uma reunião ecumênica na sede da Nova Ordem Mundial. Aproveitando-se da confusão causada nas bases da igreja Católica Romana, que acabara de perder seu recém eleito Papa nos desaparecimentos, conseguiu convencer a todos os participantes do 1º Concilio Mundial de Religiões, uma versão fortalecida do movimento ecumênico do início do século passado, da necessidade de se fundir todas as religiões em uma única fé para todo o planeta. Uma comissão foi nomeada para formular as bases do que seria a nova fé mundial.
    Após seis meses de reuniões e estudos a comissão chegou a conclusão do estatuto da nova fé mundial, convenientemente chamada de Real Unicismo da Nova Era que pregava que todos os caminhos levam a Deus, pois todos nós somos parte de uma força superior, e que, portanto todos temos uma parte divina que pode ser contatada através da meditação transcendental. A ideia demorou um pouco para ser aceita, mas logo com auxílio de propaganda e ampla divulgação na mídia através de testemunhos de pessoas que diziam ter alcançado sua porção divina, a ideia passou a ser aceita com mais facilidade e a ganhar cada vez mais adeptos. Apesar disto existiam ainda vertentes que resistiam firmemente ao Real Unicismo, uma era o recente culto pagão que surgia em torno da Nova Asgard, outro era o das alas mais militantes do Islã, que não aceitavam unir-se a pagãos de outras religiões. Além destas, haviam pequenos grupos de cristãos protestantes, ortodoxos e católicos tradicionalistas que não viam com bons olhos o recente movimento ecumenista. Estes indivíduos foram ameaçados de serem expulsos da sociedade se mantivessem suas “crenças radicais”, o que fez com que os Vingadores cortassem qualquer tipo de laço com a ONU.
    Embora ainda existissem as outras religiões, o Real Unicismo era a única que recebia apoio do governo mundial e era considerada a Nova Fé Oficial do Mundo.


    O "BLIP"



    Dizimação Blip-avengers-endgame-hulk-mark-ruffalo-marvel-disney





    O mundo finalmente estava voltando aos eixos (na medida do possível, com um modelo econômico, político e religioso completamente novo), então, subitamente todas as pessoas desaparecidas na dizimação surgem novamente (curiosamente, nem todos aonde estavam ao desaparecer). O choque inicial foi muito grande. Caos e confusão seguiram-se novamente, até que os próprios Vingadores surgiram para explicar o ocorrido.
    A maioria das pessoas ressurgiu em zonas agora desabitadas e um longo processo teria de ser iniciado para resgatá-las. Porém, esse era o menor dos problemas, o atual modelo econômico não suportaria tantas pessoas novamente. A grande maioria da população que retornou não teria residência ou mesmo dinheiro (pessoas pagando hipoteca durante o estalo, pessoas que moravam em zonas agora abandonadas ou que tiveram suas antigas casas tomadas por novos moradores, bancos e empresas que faliram, heranças que foram dadas a filhos e parentes após a “morte” do indivíduo, etc...) Obviamente não haveria empregos para todos, porém, novas demandas surgiriam. Com fazendas abandonadas e escassez de trabalhadores, não haveria produção de soja, arroz e produtos agrícola para todos, porém, com a diminuição populacional, animais selvagens teriam se multiplicado em grandes números e tomado conta de regiões agora desabitadas. Isso obrigaria ao menos inicialmente os humanos a uma nova dieta envolvendo muito mais carne e menos produtos agrícolas.




    Dizimação Nycdestroyed






    Com menos pessoas pagando impostos ou podendo pagar serviços privados, haveria menos dinheiro para a nova demanda de serviços essenciais que surgiam, como maior produção e distribuição de alimentos, coleta de lixo, médicos, polícia, administradores e advogados. Era até mesmo esperado que no meio desta confusão e com menos policiais atuantes, o crime aumentasse de uma forma não vista desde o estalo.
    Um lento trabalho de repovoação deveria ser feito o mais rápido possível para abrigar os novos habitantes e doações eram necessárias para arcar com os gastos que o governo não poderia pagar. Novamente, foi um tempo difícil e governos entram em colapso, forçando a própria população a organizar comunidades locais para dar conta dos novos problemas.
    OFF: Como podem ver, este cenário hipotético está muito longe do que pudemos ver no início de Vingadores Ultimato, pois parece que os diretores esqueceram de pensar nas consequências dominó do ocorrido no estalo. Como mencionado logo no início, não levem nada muito a sério, é apenas uma visão que tentei construir sobre as possíveis mudanças que o estalo acarretaria no planeta!

      Data/hora atual: Qui Ago 18, 2022 2:49 pm