Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).

Links úteis Anúncios Redes Sociais
31/03 - Novo quadro de anúncios.
31/03 - Mesas com mais de 2 meses SEM postagens serão automaticamente arquivadas.

ATUALIZAÇÃO DO MÊS DE MAIO
Mesas que forem abertas para serem jogadas em outras plataformas
serão excluídas do fórum.

ATUALIZAÇÃO DO MÊS DE JUNHO
A partir de agora somente mestres com mesas ativas no fórum terão o nick laranja
para ficar mais fácil a distinção. Fiquem atentos que em breve teremos
um novo modelo de pedido de mesa!




 

    Bellatrix Delarosa

    DariusNovadek
    Mestre Jedi
    DariusNovadek
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1136
    Reputação : 20

    Bellatrix Delarosa Empty Bellatrix Delarosa

    Mensagem por DariusNovadek Dom Jan 15, 2023 1:17 am

    GÅRD



    GÅRD:

    GÅRD era uma pequena vila de camponeses, localizada aos pés de Vegheim, a grande floresta de Nilfhein. Suas grandes arvores começavam a poucos metros do final da vila, e dependendo da posição do sol, as sombras das arvores cobriam quase todas as casas. Era lá que vivia Bellatrix e sua família, mesmo após a morte de seu pai. A vila era o lar de sua mãe e seus irmãos, então mesmo com a dificuldade de ter perdido o principal progenitor da família, todos arrumaram um jeito de se virar na vida e sobreviver. Os irmãos de Bellatrix assumiram o papel do pai, fazendo os trabalhos mais árduos na plantação de abóboras e outras culturas.. Já Bellatrix ajudava sua mãe nos afazeres de casa, o que não tornavam seus serviços menos árduos do que os de seus irmãos.

    Na época de colheita, a família dividia funções. Alguns irmãos ficavam na colheita, outros partiam para Sjøstrand, onde por ser uma cidade portuária, conseguiam vender mais, e Bellatrix e sua mãe ficavam no comércio local da vila, vendendo para clientes conhecidos.

    Estando perto do Solstício de verão, as colheitas já tinham começado, e as vendas tinham que dar uma alavancada no capital da família, para que pudessem começar outra produção assim que o verão começasse. Infelizmente a produção daquele inverno não tinha sido tão boa, gerando poucos frutos, e abóboras não tão grandes como as que costumavam produzir. Mas ainda sim tinham produtos para vender, e seu irmão mais velho Obelix tinha ido já alguns dias a cidade portuária vender seus produtos. Bellatrix seguia com sua mãe no comércio local.

    O dia estava ameno, e o local que escolheram para montar sua tenda ficava a mercê das sombras das arvores de Vegheim. Então passar a manhã inteira, quase sem nenhum movimento, apesar de tedioso não foi ao menos incomodo. O dia parecia continuar nesse tédio, até que sua mãe levanta de supetão.

    - Filha, aquela carroça chegando.. Não é a do seu irmão?

    Bellatrix não precisava nem responder, a carroça ja adentrava a pequena vila. Seu irmão vinha pilotando, e um homem trajado de roupas finas vinha ao seu lado. Obelix estava voltando mais cedo do que o costume, ou as vendas tinham sido muito boas, ou algo devia ter acontecido. Os olhos aguçados de Bellatrix percebem que a primeira suposição deveria ser descartada, pois ainda haviam algumas abóboras atrás dele. No entanto, ele vinha até vocês com um grande sorriso no rosto. Sua mãe logo foi ao encontro dele, preocupada.

    - Obelix, meu filho! O que aconteceu para voltar tão cedo? *Neste momento só que ela vê as aboboras na parte de trás da carroça, e com um tom desanimado, ela complementa* - As vendas não foram boas?

    Obelix responde ao cumprimento de sua mãe abraçando-a, mas logo coça a cabeça, desconcertado pela pergunta.

    - Não minha mãe.. Não é isso, as vendas não estavam ruins.. Bem, também não estavam boas.. Mas vim trazer este homem até a nossa vila, ele trás ótimas notícias.

    Antes que sua mãe pudesse ter qualquer reação, o homem se pôs a frente de Obelix, pegando graciosamente a mão dela, fazendo um cumprimento formal. Ele repete o mesmo com Bellatrix.

    - Senhora. Senhorita. Permitam-me apresentar, sou Sir Jenry Valero, e faço parte da guarda da Capital. Seu filho é um homem muito bondoso ao me dar uma carona até sua vila, que por sinal eu desconhecia da existência dela.

    Sir Jenry Valero:

    Obelix estava impaciente ao seu lado.

    - Vamos, conta logo!

    O cavaleiro riu com a inquietude do jovem, e colocando a mão em seu ombro, o respondeu sorrindo:

    - Eu te disse que vim aqui para anunciar a todos, garoto. Não só a sua família.. Mas de qualquer jeito, vamos resolver isso de uma vez?

    E indo até o centro da praça onde estavam fazendo comércio, Sir Valero tirou de suas vestes uma espécie de pequena corneta. Ele a tocou muito bem, dando a entender, mesmo a Bellatrix, que nunca tinha visto alguém tocar uma corneta antes de falar, que aquele pronunciamento seria importante.

    - Cidadãos de Ga.. Ga.. *O cavaleiro olha para Obelix, que fala o nome da vila para o soldado, sem que saia voz de sua boca* - GÅRD! Cidadãos de GÅRD, sou Sir Jenry Valero, membro da guarda da capital, e hoje venho passar a vocês um comunicado das Rainhas Astrid II e Sheea! Peço por favor que todos prestem atenção.

    Ele dá um tempo para que as pessoas se aproximem, e que novas pessoas cheguem ao local. Enquanto isso, ele pega um pergaminho e se prepara para lê-lo.

    - Cidadãos de todo o reino de Nilfhein, a Rainha Astrid II e a Rainha dragão Sheea vem, por meio deste comunicado, informa-los que uma nova ninhada de ovos, muitos deles proveniente da própria Rainha Dragão, estão prontos para serem chocados. E para isto, convocamos todos os jovens de 14 a 20 anos de todo o reino para que compareçam a Capital no Solstício de verão, onde poderão tentar a sorte para encontrar o ovo certo. Uma nova geração de Riders está por vir!

    As poucas pessoas do vilarejo ficaram espantadas com a notícia boa. Bellatrix pôde ver vários jovens comemorando com seus pais, até os mais velhos estavam comemorando. O cavaleiro então começou a distribuir panfletos pela vila, e enquanto uma salva de palmas ressoava de forma humilde, Oberix tirou do bolso um dos panfletos, que provavelmente já tinha pego com o cavaleiro, e falou com sua mãe:

    - Viu mãe? Não valeu a pena? Se eu não estivesse por lá, provavelmente nem saberíamos dessa boa nova! Infelizmente meu tempo já se foi, mas Bellatrix ainda pode ter uma chance!

    A cara de sua mãe não mostrava muita reação, Bellatrix não sabia dizer se era de alegria pela notícia tão de repente, ou por algum outro motivo..
    Pikapool
    Sacerdote de Cthulhu
    Pikapool
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2840
    Reputação : 81

    Bellatrix Delarosa Empty Re: Bellatrix Delarosa

    Mensagem por Pikapool Seg Jan 16, 2023 10:04 pm



       
       


           

           
    Informações

    • Mote: Não é da morte que temos medo, mas de pensar nela!

    • Controle de Itens: Grimório.


       

           

               

    O clima estava agradável e toda aquela monotonia não era de toda ruim. Usava daquele momento de calmaria para estudar. Está certo que já havia lido aquele livros diversas vezes e já quase o tinha decorado em minha mente. Mas, era difícil encontrar livros sobre misticismo, magia ou ocultismo. Era muita sorte quando um de meus irmãos me traziam algum livro velho que encontravam em Sjøstrand. E muitas das vezes eram só histórias de terror...



    Estava distraída lendo quando mamãe em um salto quase me fez cair da cadeira com o susto. Diante suas palavras, cerrei os olhos para ter certeza. Afinal, ele havia ido sozinho para Sjøstrand e estava a retornar acompanhado?! Ainda não era a hora de retornar a vila, ainda mais com as abóboras na carroça. Apesar que podia considerar que talvez aquele homem de roupas finas poderia estar pagando meu irmão pelo transporte. Se fosse isso, esperava que ele cobrasse o justo. Pois, aquele homem certamente poderia pagar.



    - Ele mesmo, mamãe! - Respondi ao me levantar abraçando meu livro.



    Bem, não sabia o certo o que estava acontecendo, mas ao ver meu irmão saltar da carroça animado já me fazia presumir que logo o mistério seria revelado. Claro, se mamãe o deixasse falar.



    Fiquei sem jeito assim que Sir Jenry pegou minha mão. Não estava acostumada a tanta formalidade. Ainda sim, fiz uma mesura na tentativa de responder a altura. Contudo, não era o forte de uma pobre camponesa como eu.



    O entusiasmo de Obelix e o mistério sobre o que Sir Jenry estava fazendo no nosso vilarejo despertava minha curiosidade. E suas palavras sobre um anuncio só faziam aguçar mais meu interesse. Ao ponto de me fazer segui-lo até o centro da praça. Sua corneta fazia parecer como um pronunciamento da corte que eu havia lido em um livro a algum tempo. E não era para menos. Além de estar em nossa vila a mando da própria rainha, ele tinha um pergaminho em mãos igual na história. O que me deixava ainda mais animada para ouvi-lo.



    Após ouvir a noticia, eu aplaudi junto aos demais. Até ouvir Obelix dizer meu nome. Virei-me para eles, e diante da expressão de mamãe, não soube como reagir. Então apenas me dirigi ao meu irmão.



    - Mas, se eu for pra Capital e não encontrar o ovo certo? Talvez eu não esteja destinada a ser uma Rider. - Faço uma pequena pausa pensativa. - E a mamãe irá precisar de mim. Quem irá realizar meus afazeres? Precisamos de dinheiro e não sonhos para sobreviver, Obelix. Além de não ser a única abaixo dos vinte anos. Acho que um dos meninos se sairiam melhor do que eu... - Completo em um tom melancólico.



    Não podia negar que era uma boa oportunidade. Entretanto, não achava certo deixar a mamãe por causa de um sonho que propavelmente se mostraria infrutifero.


           

       
    DariusNovadek
    Mestre Jedi
    DariusNovadek
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1136
    Reputação : 20

    Bellatrix Delarosa Empty Re: Bellatrix Delarosa

    Mensagem por DariusNovadek Ter Jan 17, 2023 12:14 am

    Obelix estava muito animado para notar qualquer reação de sua mãe.

    - Se você for pra Capital e não for escolhida por um ovo, é só voltar uai. Aproveita e faz uma propaganda das nossas abóboras para vendermos mais delas. E outra, lá com certeza encontrará mais desses livros que você tanto gosta.

    Após o comentário melancólico da irmã caçula, Obelix a abraça, consolando-a. Sua mãe voltou a arrumar a tenda de vendas da família, como se não fizesse parte da conversa.

    - E eu, mais do que você, sei disso, irmã. Eu e a mamãe sabemos nos virar, e vão ser menos bocas para alimentar. Eu sei que já passamos por muitas coisas.. Mas se eu tivesse a oportunidade que vocês estão tendo, não a deixaria escapar, não é mesmo, mamãe?

    Só então sua mãe pareceu ouvir que estavam conversando, numa clara atuação mal feita. Dava pra perceber que era um assunto delicado para ela, mas, com uma força vindo de dentro dela, forçou-se a dizer:

    - Ahn?.. É.. Lembro-me da última vez que ovos chocaram, eu e seu pai estávamos namorando, e ambos tinham 25 anos.. Vlatugni esbravejava por ter ficado velho demais para ser um Rider.. Até eu fiquei um pouco incomodada.. *Um leve sorriso aparece no rosto da matriarca camponesa, já com seus 50 anos, ao se lembrar do seu falecido marido.* - A muito tempo atrás, esse tipo de coisa acontecia todo ano.. Então se não pudesse ir num ano, você deixava pro ano seguinte.. Mas hoje.. Quem sabe quando ovos de dragão vão chocar novamente?

    Um silêncio melancólico instaurou no meio dos três familiares, mas Obelix não demorou muito para quebra-lo, com sua animação de sempre.

    - E quem disse que você iria sozinha? Você é a caçula, mas não é o último gole do odre! Vrittakos e Litauus devem ir também! Claro, isso tudo se a mamãe permitir.. Falando nisso, mãe, vamos arrumar a tenda e ir para a casa, com essa notícia ninguém vai sair para comprar legumes mais hoje. E os irmãos ficarão loucos com o que temos para falar!

    Com a ajuda de Obelix, vocês três logo arrumam a tenda e colocam as coisas na carroça do primogênito. Obelix pega as rédeas e se coloca ao caminho da casa da família.

    Enquanto estavam no caminho, Bellatrix sente sua mão ser envolta pelas mãos surradas de sua mãe, ela estava claramente afetada com tudo isso. Acariciando o rosto da caçula, ela gentilmente fala.

    - Oh minha querida. Não pense que sua mãe não gostou da notícia. É que.. Sabe o que acontece com as pessoas que viram Riders? Eles devem abdicar da família para seguir seu dever.. E pensar em não ter mais vocês aqui por perto.. *A pobre mãe se emociona, mas segura as lágrimas, deixando apenas algumas escorrerem pelo rosto* - Então, não se preocupe com os medos de uma velha camponesa. Se é sua vontade ir testar sua sorte, vá e tente!
    Pikapool
    Sacerdote de Cthulhu
    Pikapool
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2840
    Reputação : 81

    Bellatrix Delarosa Empty Re: Bellatrix Delarosa

    Mensagem por Pikapool Ter Jan 17, 2023 1:31 am



       
       


           

           
    Informações

    • Mote: Não é da morte que temos medo, mas de pensar nela!

    • Controle de Itens: Grimório.


       

           

               

    Confesso que a animação de Obelix chegava a ser irritante, mas ele tinha um bom ponto. No mínimo, eu poderia encontrar algum livro interessante. Mesmo que isso ocorresse, eu duvido que teria dinheiro para poder comprá-lo. Antes que a tristeza se abatesse mais sobre mim, fui envolta dos braços de Obelix. Apesar de um idiota entusiasmada, seu abraço era reconfortante.



    Já mamãe não parecia feliz com aquela historia. E o silêncio após partilhar de suas lembranças com o papai deixava ainda mais claro seu desconforto. Eu só não conseguia compreender se Obelix era um tapado ou apenas tentava amenizar toda aquela atmosfera pesada.



    - Eu acho que eles não vão acreditar. - Esboço um sorriso constrangido. - Vão dizer que você está inventando história para engana-los. - Digo enquanto começo a juntar as coisas e por na carroça.



    Assim que terminamos de guardar nossas coisas, sigo até onde Sir Jenry possa me ver e aceno em despedida. Talvez essa atitude pudesse parecer estranha, não sabia ao certo. Mas, talvez ele pudesse nos ajudar caso fôssemos com ele para a Capital. Nunca se sabe como tudo se seguiria dali para frente.



    Estava pensativa durante todo o trajeto, quando senti as mãos da mamãe. Só o acariciar em meu rosto por algum motivo me abalou. Não era algo costumeiro de se acontecer. Isso seguido de suas palavras e ao me deparar com alguns lágrimas singelas, não pude me conter. Lancei-me em seus braços chorando feito criança.



    - E-eu nunca faria isso, mamãe! Eu jamais abandonaria vocês! Principalmente, a senhora! = Deito a cabeça em seu ombro. - Se eu conseguir, talvez eu ganhe um bom dinheiro e vocês possam ir morar comigo na capital. Você não teria mais que se esforçar demais trabalhando debaixo de um sol escaldante. Teríamos uma mesa farta. Uma vida confortável para senhora. Sem dizer que com Vrittakos e Litauus, nossas chances aumentam. - Levanto a cabeça e mesmo em meio as lágrimas, sorrio. - Quem sabe assim o Obelix possa arranjar uma esposa e para de atazanar a senhora. - Olho para ele. - Mamãe não vê a hora de ter netos. Ouviu, Obelix? - Completo em tom de zombaria tentado aliviar o clima.



    Estava disposta a ir. Porém, ainda haviam muitas dúvidas em minha mente. Além do medo de ir sozinha para a Capital. Torcia para que Vrittakos ou Litauus decidissem ir. Assim, eu me sentiria mais tranquila para seguir adiante.


           

       
    DariusNovadek
    Mestre Jedi
    DariusNovadek
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1136
    Reputação : 20

    Bellatrix Delarosa Empty Re: Bellatrix Delarosa

    Mensagem por DariusNovadek Sab Jan 21, 2023 5:58 pm

    - Eu acho que eles não vão acreditar. - Esboço um sorriso constrangido. - Vão dizer que você está inventando história para engana-los. - Digo enquanto começo a juntar as coisas e por na carroça.

    - Podem até não acreditar em mim. Mas nunca duvidariam da estudiosa e doce Bellatrix!

    - E-eu nunca faria isso, mamãe! Eu jamais abandonaria vocês! Principalmente, a senhora! = Deito a cabeça em seu ombro. - Se eu conseguir, talvez eu ganhe um bom dinheiro e vocês possam ir morar comigo na capital. Você não teria mais que se esforçar demais trabalhando debaixo de um sol escaldante. Teríamos uma mesa farta. Uma vida confortável para senhora. Sem dizer que com Vrittakos e Litauus, nossas chances aumentam.

    Enquanto Bellatrix falava, as lagrimas da pobre mãe desciam pelo rosto. Com um abraço, ela acalentou sua filha, dizendo apenas:

    - Te amo Bella!

    Quem sabe assim o Obelix possa arranjar uma esposa e para de atazanar a senhora. - Olho para ele. - Mamãe não vê a hora de ter netos. Ouviu, Obelix? - Completo em tom de zombaria tentado aliviar o clima.

    O tom de zombaria de Bellatrix foi a deixa para Obelix entrar na conversa.

    - Pelo jeito não vai demorar muito. As mulheres são loucas por mim em Sjøstrand, sou bem conhecido por la. *Só foi interrompido por um safanão de sua mãe vindo por trás* - Ei!

    Chegar na roça da família, Obelix já vai direto para as plantações, onde seus irmãos se encontravam. Bellatrix ficou com sua mãe arrumando as coisas de casa, e ao chegar na casa, Obelix não se conteve e contou a novidade para seus irmãos, sendo confirmado pela mãe da família. Foi uma festa só, todos comemoraram, se abraçando e cantarolando.

    ...

    O dia passou mais rápido com a alegria de todos sendo emanada pelo ar. Parecia até um dia de férias, que não tinham a anos. A começar o entardecer, sua mãe começou a preparar um grande caldo de abóbora, e pediu para Bellatrix separar alguns pães, no intuito de fazer um jantar comemorativo, ainda que humilde. Com o tempo, todos os outros irmãos já estavam na cozinha, cada um ajudando no que podia.

    Obelix então, ajudando a arrumar a mesa, começou a tentar organizar o plano de viagem dos irmãos mais novos.

    - Ae cambada! O irmão mais velho aqui vai ajudar vocês a se organizarem pra irem até a capital. O solstício de Verão é exatamente daqui a três semanas e dois dias. Eu nunca fui para a Capital, mas acredito que daqui até lá vocês vão demorar de uma semana e meia a duas semanas e meia, dependendo do caminho que escolherem. *Obelix poderia estar longe de ser um homem inteligente, mas como um bom fazendeiro, sabia as datas exatas das mudanças de clima, então se ele dizia que o solstício de verão seria em um determinado tempo, Bellatrix sabia que ele estaria correto.*

    Obelix então tenta pegar um pedaço de estopa velha, e com um carvão tenta desenhar o mapa de Nilfhein, de uma forma bem grotesca, infelizmente a família não tinha mapa, então tinha que virar com o que dava. Obelix tenta sugerir uns caminhos, mas com a ilustração bem ruim dele, e com explicações desconexas, não dava para entender muito. Vittrakos e Litauus estavam do lado dele, com uma cara bem confusa, tentando entender o mapa.

    Mas a explicação de Obelix é interrompida por toques na porta de casa, Litauus abre a porta, revelando Sir Jenry na entrada da casa, já predominando a noite la fora.

    Obelix então vai receber o "novo amigo".

    - Ah, esqueci de avisar você mãe, mas convidei Sir Jenry para passar a noite aqui em casa, já que amanhã ele continuará sua jornada. Vittrakos, Litauus, esse é o cavaleiro de quem falei.

    O cavaleiro então entra na casa, visivelmente desconcertado por ter visto que Obelix pegou a família de surpresa. Os irmãos vão até ele cumprimentar, com os olhos arregalados, nunca tinham visto um cavaleiro antes. Samianta vai recebe-lo também, tirando ele do constrangimento de forma bem educada

    - Entre, nobre cavaleiro, aqui sempre temos lugar pra mais um, só não se importe com nossa casa, ela é humilde, mas tem muito amor.

    - Não se preocupe com isso senhora, e por favor, me chame de Jenry, não precisamos de formalidades por aqui.

    - Estou quase terminando o jantar, logo você comerá o melhor caldo de abóbora da sua vida. Obelix e as crianças estavam decidindo como farão para irem até a Capital.

    Jenry então adentra na casa, vendo as anotações de Obelix, ele claramente faz uma cara de [i]"O que é isso?!?" e pergunta a Obelix o que ele tinha preparado pros irmãos. Ao ouvir o que Obelix tinha a dizer, ele educadamente discorda de tudo. Tira um mapa de sua bolsa, e colocando em cima da mesa, começa a explicar a todos. *Veja o mapa no tópico da enciclopédia.*

    - Se seguirem os planos de seu irmão, mais fácil chegarem a Tønsberg do que a Capital. Vejo pra vocês aqui duas opções:

    - Podem ir até Sjøstrand com seu irmão de carroça, depois lá no porto arranjariam um barco até Befolk. Ai de Befolk até a Capital, seria uma caminhada de uma semana mais ou menos. Essa opção seria mais segura, porém mais demorada, podendo chegar até duas semanas e meia. E mais cara também, por terem que arrumar lugar em algum barco no porto.

    - Também podem ir a pé e cortarem caminho pela Vergheim. Não encontrarão provavelmente nenhum povoado, mas chegarão mais rápido até a Capital, podendo fazer todo o caminho em uma semana e meia no máximo.. É mais rápido e mais barato, mas claramente mais perigoso, vocês sabem os perigos que essa floresta guarda.

    - Eu não fui designado para dar o recado em Indisk, mas meus planos incluem adentrar na floresta e visitar algumas cidades élficas, as vezes tem alguns humanos vivendo por lá que podem se interessar em ir até a capital, e meu dever é transmitir essa notícia ao máximo de humanos que conseguir. Se escolherem a segunda opção, podem ir comigo para dentro da floresta. Mas nossos caminhos se separarão logo nos primeiros dias da viagem.
    [/quote]
    Pikapool
    Sacerdote de Cthulhu
    Pikapool
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2840
    Reputação : 81

    Bellatrix Delarosa Empty Re: Bellatrix Delarosa

    Mensagem por Pikapool Dom Jan 22, 2023 2:47 am



       
       


           

           
    Informações

    • Mote: Não é da morte que temos medo, mas de pensar nela!

    • Controle de Itens: Grimório.


       

           

               

    - Também te amo, mãe! - Respondi em prantos.



    Não pude evitar de rir ao ver Obelix levar um cascudo da mamãe



    Obelix estava animado como nunca. Só me lembro dele feliz assim quando papai trouxe o Jabbo para casa. Acho que o Obelix nunca teve um amigo mais querido que aquele labrador babão. Seria tão bom se Jabbo e papai estivessem aqui para celebrar a notícia com os meninos.






    Estava com o cesto de pães em mãos quando Obelix nós chamou. Sei que ele tinha a melhor das intenções, mas pelos deuses, como desenhava mal. Pela expressão de meus irmãos eu não era a única a confusa por ali. Felizmente, as batidas na porta interrompiam as explicações. Isso nos dava algum tempo para pormos as ideias no lugar, antes que Obelix retomasse com as explicações. Embora, fosse curioso alguém à porta durante a noite.



    No entanto, o mais curioso era descobrir que era sir Jenry à porta e que Obelix o havia convidado para pernoitar em nossa casa. Sua sorte era que mamãe não iria destratar a visita, mas aposto que ele ouviria um sermão por não contar-lhe nada.



    Segurei-me para não rir ao ver sir Jenry discordar de Obelix. Provavelmente, ele não devia ter gostado, mas não fez objeções. Agora era a vez de ouvirmos sir Jenry. O mapa que ele depositou sobre a mesa era incrível. Bem, talvez seja por eu nunca ter visto uma antes. Porém, ao fim das explicações de sir Jenry, eu não via como meu irmão poderia estar errado na explicação. O tempo de viagem coincidia. O problema, creio eu, era a péssima qualidade de seu mapa improvisado.



    - Era exatamente o que eu iria sugerir, sir Jenry. - Disse diante a sugestão do cavaleiro. - Afinal, o senhor deve conhecer o reino e como evitar seus perigos. - Sorrio embaraçada. - E como pode notar. Alugar um barco talvez não seja algo que caiba no nosso orçamento.



    Ainda ruborizada olho para meus irmãos animada.

    - O que me dizem meninos, vamos juntos com sir Jenry pela floresta? - Aguardei pacientemente pelas respostas.

    Pela animação, acho que eles concordariam em seguir viagem de qualquer maneira possível só para poderem ter a chance de se tornarem Riders. E esse prévio momento de viagem ao lado de sir Jenry poderia nos render algumas dicas valiosas sobre os dragões e os Riders.
           

       
    DariusNovadek
    Mestre Jedi
    DariusNovadek
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1136
    Reputação : 20

    Bellatrix Delarosa Empty Re: Bellatrix Delarosa

    Mensagem por DariusNovadek Sab Jan 28, 2023 6:12 pm

    DIAS PARA O SOLTÍCIO: 3 SEMANAS E 2 DIAS


    - Era exatamente o que eu iria sugerir, sir Jenry. - Disse diante a sugestão do cavaleiro. - Afinal, o senhor deve conhecer o reino e como evitar seus perigos.

    Bellatrix consegue ver o cavaleiro se enchendo de orgulho, mas quase que ao mesmo tempo fica desconcertado com isso.

    - É.. Posso te dizer que tive minhas aventuras.. Mas estou longe de conhecer todo o reino, a não ser sobre o que é ensinado na academia de Soldados da Capital. Como soldados da Capital, ficamos muito mais cuidando da segurança da cidade do que do reino. Os Riders que realizam as missões mais longínquas, só nos mandam para longe quando acreditam que a missão não é digna de um Rider..

    Sir Jenry olha o vazio, como se estivesse vivenciando memórias.

    - Como nasci na Capital, fui conhecer o resto de Nilfhein só depois de me tornar soldado. E ainda fiquei por lá por muitos anos.. Mas nesse meio tempo perseguimos um grupo de contrabandistas até ørken, e em outra ocasião acabamos por ajudar algumas cidades élficas a se defender de ataques de Ettercaps aqui na Vergheim. Foram semanas tentando mandar eles de volta ao seu ninho.. Foi uma missão inusitada, já que um Ettercap normalmente só ataca um alvo imobilizado.. Mas algo aconteceu para que centenas deles resolvessem atacar algumas cidades élficas.. Perdi alguns bons amigos envenenados nessa missão..

    O cavaleiro fica com um olhar vago por alguns segundos.. Obelix, Vrittakos e Litauus estavam boquiabertos, fascinados com a história de combate do cavaleiro. Por fim, o combatente voltou a si, continuando.

    - Enfim, acredito que foi por causa dessa missão que me mandaram para cá. Não é qualquer um que sabe a localização exata da maioria das cidades élficas. Porém, para poupar soldados, acabei sendo designado para dar a boa nova em Sjøstrand, já que ficaria no caminho, como eu vim de Belfok..

    Dava para ver que Sir Jenry era humilde, não vangloriando de suas ações, mas mesmo assim, Bellatrix conseguia ver que fora da Capital, provavelmente as duas experiências que ele teve foram as únicas. Com a sugestão de Bellatrix em acompanhar o soldado, sir Jenry apenas olhou os irmãos, esperando uma resposta.

    Vrittakus, mais forte e destemido, prontamente respondeu:

    - Com certeza! Já iria dizer que esse é o caminho mais óbvio!

    Já Litauus, mais contido e acuado com a ideia de adentrar na enorme floresta, disse:

    - Ah.. Eu não sei não, temos que pensar em chegar lá, e não chegar rápido lá.. De que adianta tudo isso se nos perdermos na floresta e não chegarmos a tempo?

    - Sem contar os perigos, existem muitos animais na floresta, animais selvagens. Como irão se defender?

    - Larga disso mãe, como vão virar Riders se morrerem de medo de animaizinhos?

    Vrittakus e Jenry riram da piada de Obelix, mas Litauus e sua mãe permaneceram quietos.. De qualquer forma, a maioria já tinha decidido ir pela floresta, e depois de algumas objeções, Litauus deu o braço a torcer e decidiu ir com a trupe. Jenry então disse que no dia seguinte iria visitar algumas vilas próximas a GÅRD, e que voltaria no final do dia para que viajassem no próximo amanhecer. Então isso significava que a aventura de Bellatrix começaria depois de amanhã.

    A noite seguiu tranquila, com Jenry adorando o caldo de abóbora de sua mãe, Obelix fazendo suas piadas, e Litauus e Vittrakus perguntando ao cavaleiro como ser um bom cavaleiro. Foi uma ótima noite até que todos foram dormir.


    DIAS PARA O SOLTÍCIO: 3 SEMANAS E 1 DIA


    Quando Bellatrix acordou, Sir Jenry já tinha partido dar a boa nova para outras vilas, sua mãe lhe informou que ele voltaria só para a janta, querendo mais caldo de abóbora. O dia era o dia de preparação da viagem, seus dois irmãos passaram o dia fazendo as malas, e ouvindo as falas de cuidado de sua mãe.

    OFF:

    DIAS PARA O SOLTÍCIO: 3 SEMANAS


    No próximo dia, Bellatrix foi acordada por sua mãe, que por mais que se mostrava feliz com a oportunidade dos filhos, não conseguia esconder a angústia da probabilidade de ser a última despedida. Ela estava bem mais carinhosa do que já era, abraçando-a várias vezes. Sir Jenry já estava pronto para a viagem, e não queria perder tempo, fazendo os filhos da família camponesa apressarem em suas despedidas.

    Após as despedidas (pode descreve-las), o grupo de quatro viajantes, se pôs a ir em direção a grande floresta de Vergheim. A floresta ficava a menos de cinquenta metros da vila, então logo já estavam a beira das enormes árvores. Bellatrix deu uma última olhada para a vila, e viu sua mãe e Obelix abraçados, acenando para Bellatrix e os irmãos.

    - Se despeçam do sol, meus amigos. Não o verão por pelo menos uma semana.

    Vegheim:

    Bellatrix já tinha adentrado na floresta algumas vezes, mas nunca mais do que alguns metros. Todos sabiam dos perigos dela, e sua mãe os proibia veemente de ir mais para as profundezas da floresta. Em poucas horas, Bellatrix já tinha ultrapassado a parte que conhecia, as árvores, que ja eram altas, começavam a ficar mais altas ainda, e como prometido por Sir Jenry, o sol cada vez menos aparecia entre as copas, até que foi impossível encontra-lo. Sua luz ainda passava pelas folhas, mas com muita dificuldade, tornando o dia em uma quase penumbra.

    Mas ainda era dia, e tinham muitas horas de caminhada pela frente. Por vezes o cavaleiro pegava seu mapa e fazia uma espécie de conta para saber o quão dentro estavam da floresta. Já tinha passado do meio dia, quando Sir Jenry quebrou o silêncio da viagem.

    - Bom, meus caros companheiros. O que pretendem fazer caso virem um Rider?
    Pikapool
    Sacerdote de Cthulhu
    Pikapool
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2840
    Reputação : 81

    Bellatrix Delarosa Empty Re: Bellatrix Delarosa

    Mensagem por Pikapool Seg Jan 30, 2023 6:14 am



       
       


           

           
    Informações

    • Mote: Não é da morte que temos medo, mas de pensar nela!

    • Controle de Itens: Grimório.


       

           

               

    DIAS PARA O SOLSTÍCIO: 3 SEMANAS E 2 DIAS



    Mal o cavaleiro terminava sua frase e eu o interrompia.



    - Discordo do senhor, sir Jenry. - Digo gentilmente. - A dignidade de uma missão não está na sua aparência ou na opinião dos outros, mas sim no significado e propósito que damos a ela. Se enfrentamos uma tarefa com paixão e determinação, mesmo que pareça pequena ou sem importância, ela se torna digna e nos permite crescer e alcançar nossos objetivos. - Esboço um sorriso tímido e singelo.



    No mais, segui em silencio ouvindo a história de sir Jenry junta aos meus irmãos.



    As opiniões ainda eram meio divididas e mesmo que fôssemos maioria, eu dava importância para a opinião de mamãe. Não era difícil deduzir que por ela os filhos esqueciam essa bobagem de Riders e ficavam por ali mesmo. Mas, não estava errada em se preocupar com os perigos da floresta.



    - É... Bem, e se formarmos um grupo maior com quem se dispor a seguir conosco pela floresta? - Não tinha certeza de minhas palavras. - O numero de pessoas pode ajudar na segurança de todos, não pode? - Olhei para face de cada um esperando por uma resposta.



    DIAS PARA O SOLSTÍCIO: 3 SEMANAS E 1 DIA



    O dia mal começava e Vrittakos e Litauus já estavam a se preparar para a viagem. Eu também não deveria fazer algo diferente, senão acabaria por atrasar os demais.



    Peguei uma velha mochila e guardei uma muda de roupas, além de meu melhor vestido. Na realidade, ele era bem simples, mas eu queria estar bonita caso um de nos conseguisse se tornar um Rider. Também guardei lá meu velho livro. Era bom não carregar muito peso e ainda devia deixar espaço para alguma comida e água. Afinal, a viagem era longa e meus irmãos não eram os melhores caçadores. Peguei também algumas ataduras, uma pomada e um pouco de antisséptico. Um velho lampião e uma pederneira. Por fim, peguei um velho punhal. Se a floresta era realmente perigo, era bom ter uma forma de me defender.



    No mais, passei o dia ajudando mamãe com os afazeres. Mas em vários momentos me peguei distraída. Nem ao mesmo tinha saído para ir para a Capital e já estava com saudades de casa.



    A noite pretendia emprestar o mapa de sir Jenry para tentar rascunhar uma copia para nós. Principalmente, porque sir Jenry já havia dito que em algum momento seguiríamos caminhos diferentes. Então era bom estarmos preparados.



    DIAS PARA O SOLSTÍCIO: 3 SEMANAS



    Apesar de tudo, a tristeza parecia reinar naquele dia. Assim, que mamãe me acordou, vesti-me rapidamente e peguei minha mochila. Todos já estava a espera. Principalmente, pela cobrança de sir Jenry.



    Não consegui conter as lágrimas ao despedir-me de mamãe. Acho que nunca havia me separado dela antes. Seriam longos dias triste até que eu pudesse revela. Pelos céus, eu quase desisti da viagem.



    Acenei uma ultima vez antes de adentrar a floresta. Minhas lágrimas vinham de um misto de sentimentos, eram como saudade, medo, alegria, antecipação e incerteza juntos em um só sentimento. Contudo, enxuguei as lágrimas e segui adiante. Alguém tinha que cuidar dos dois cabeças-de-vento para que não se metessem em encrencas. Já que mamãe não estava aqui pra isso, eu teria que tomar para mim essa responsabilidade.



    Fiquei em silencio durante todo o caminho, deixando que seguissem a uns quatro ou cinco passos a minha frente. Pelo menos até sir Jenry nos questionar sobre nos tornarmos Riders.



    - Eu diria que usaria disso para encontrar soluções para poder ajudar e proteger pessoas. Mas, eu estaria mentindo, sir Jenry. - Digo em tom tristonho. - Não sei ao certo o que um Rider faz. Porém se me tornar uma, prometo fazer o meu melhor para atender com minhas obrigações. - Suspiro antes de concluir. - Contudo, tudo que mais desejo é voltar para casa e poder rever a mamãe e o Obelix.


           

       
    Conteúdo patrocinado


    Bellatrix Delarosa Empty Re: Bellatrix Delarosa

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Sex Fev 03, 2023 3:39 am