Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).

Links úteis Anúncios Redes Sociais
31/03 - Novo quadro de anúncios.
31/03 - Mesas com mais de 2 meses SEM postagens serão automaticamente arquivadas.

ATUALIZAÇÃO DO MÊS DE MAIO
Mesas que forem abertas para serem jogadas em outras plataformas
serão excluídas do fórum.

ATUALIZAÇÃO DO MÊS DE JUNHO
A partir de agora somente mestres com mesas ativas no fórum terão o nick laranja
para ficar mais fácil a distinção. Fiquem atentos que em breve teremos
um novo modelo de pedido de mesa!




 

    DariusNovadek
    Mestre Jedi
    DariusNovadek
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1136
    Reputação : 20

    Aleessa Empty Aleessa

    Mensagem por DariusNovadek Sab Jan 21, 2023 11:26 pm

    Ørken





    Spoiler:

    Ørken é uma cidade movimentada, localizada em um dos vários Cânions das terras áridas do extremo sul de Nilfheim. A cidade foi construída verticalmente, de modo que parece um cortiço. Ficando localizada apenas em um dos lados da cratera, o chamado "lado sombra", a cidade evita o sol escaldante da região a maior parte do dia, pegando ele somente no final da tarde, quando ele já está um pouco mais ameno.

    Mas não se engane, mesmo não ficando abaixo do sol, o calor continua excruciante, tornando aquele lugar para poucos. E Aleessa era um desses poucos. Com certeza deveria ser a única, ou praticamente a única albina a morar lá, por causa do grande mormaço e sol constante, muitos ali tinham a pele já mais queimada.

    Quem chegasse pela primeira vez na cidade, poderia achar que Ørken não passava de um emaranhado de "favelas" e mercados amontoados um em cima do outro, mas ao adentrar no conglomerado, perceberia que essa pilha de construções, apesar de não muito bonita, formavam caminhos eficientes, e somando aos vários túneis escavados em todos os andares, com ligações infinitas, tornava Ørken um verdadeiro labirinto.

    Aleessa morava em um desses túneis, no "apartamento" de seu pai, esculpido em meio as pedras dos túneis, a maioria das casas da cidade eram assim, com exceções de alguns mercadores que faziam de suas lojas suas próprias casas. Aquela manhã Aleessa tinha saído de seu apartamento para ir até a loja de Fallguk Chaosstone, um anão que seu pai frequentemente vendia seus "artefatos", ele não questionava da onde viria os artefatos, e seu pai também não queria explicar, um casamento perfeito.

    A cidade estava lotada como sempre, com mercadores vendendo os mais diversos itens em todo o canto. Mercadorias que Aleessa sabia que era difícil encontrar em outro lugar, tinha de tudo: desde cabelos de fungo pigmeu até tentáculos de Grick, e Aleessa sabia que quanto mais adentrasse nos túneis mais proibidas e raras as mercadorias que lá vendiam.

    Chegar até a loja do anão mercador não estava sendo fácil, era muito movimento, e por vezes ficava empacada em alguma fila ou congestionamento de pessoas. Mas a jovem albina foi pegando alguns atalhos, até que por fim chegou até a loja.. Só para descobrir que o mesmo tinha saído de Ørken para uma viagem, e não voltaria nos próximos dias. Frustrada por não conseguir encontrar Fallguk, Aleessa começou a voltar para sua casa, dessa vez com menos pressa do que a ida. Já era por volta das 11 horas da manhã, com o sol quase a pico, que Aleessa ouviu um barulho diferente, esse barulho foi aumentando, e algumas pessoas começaram a ir para a borda das passarelas ver do que se tratava.

    Aleessa não fez diferente, e ao se debruçar no parapeito da passarela, Aleessa viu que se tratava de um dragão chegando na cidade. E não era somente um dragão, era um Rider! O cavaleiro de dragão fez algumas manobras no ar, até que adentrou em meio ao Cânion e fez seu dragão se prender nas paredes opostas a cidade, parecendo uma aranha gigante. O dragão era de uma cor laranja acobreada, quase se camuflando com as paredes do Cânion, e em seu dorso estava ele, o Rider Keald Falone.

    Keald Falone era conhecido na cidade, justamente por ter nascido nela. Sua família era uma família de mercadores bem pobres, vendendo pequenas bugigangas para sobreviver, até que seu Keald foi tentar a sorte na Capital a 25 anos atrás e voltou anos depois montado em um dragão. Coincidência ou não, hoje os Falones são umas das famílias mais ricas e importantes da cidade, sendo dona de quase um andar inteiro.

    Keald Falone:

    Apesar disso, Keald não era tão glorificado na cidade, porém também não era odiado. Ele não visitava com tanta frequência a cidade, e quando visitava normalmente era para ver sua família. E ele também sempre fez vista grossa com os mercadores de "coisas ilegais", tanto que ao ver um Rider chegando, Aleessa viu vários mercadores escondendo certos produtos rapidamente, mas ao verem que se tratava de Keald, voltaram ao normal.

    Após Keald estacionar seu dragão verticalmente na parede oposta do Cânion, a vida de Ørken continuou normalmente, mas Aleessa viu que Keald tinha algo a falar, não era atoa que tinha parado ali. Seu dragão esticou sua asa esquerda, de modo que ele pudesse andar por ela e chegar mais perto da população. Ele pegou uma corneta, mas antes de toca-la, a olhou com desprezo e a jogou no abismo.

    - Cidadãos de Ørken! Venho aqui..

    Mas o Rider viu que menos da metade do pessoal estava prestando atenção, a maioria continuou suas compras ou vendas sem ao menos notar ele. Se recompondo, ele tenta começar outra vez.

    - Uhn, Uhn.. Bem, como ia dizendo: Cidadãos de Ørken! Venho aqui dar uma..

    Mais uma vez viu que não conseguiria falar, o barulho da cidade tampava a sua voz. Foi então que o Rider olhou para seu Dragão e fez um sinal, imediatamente o dragão, que era conhecido por não conseguir falar como os humanos, soltou um rugido ensurdecedor.

    AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAARRRRRRRRRRRRRRRRRRGGGGGGGGHHHH!!!!!!!!!!!

    Só então Ørken ficou quieta, como nunca Aleessa tinha visto.

    - Agora sim! A atenção de que preciso! É o seguinte, caros cidadãos de Ørken! Venho aqui dar um recado muito importante para todos: a Rainha Astrid II e a Rainha dragão Sheea mandou a minha pessoa aqui, para informa-los que uma nova ninhada de ovos de dragão estão prontos para serem chocados. Então os jovens de 14 a 20 anos que queiram se tornar como eu, é só comparecer na Capital no solstício de verão e tentar a sorte! Vamos mostrar a Nilfhein que Ørken está no mapa e não é atoa!

    A multidão então se explodiu em aplausos e gritarias comemorativas, e Keald alçou voo com seu dragão, jogando vários panfletos que diziam, de forma bem mais formal, o que ele acabara de anunciar.
    nahna
    Mutante
    nahna
    Mutante

    Mensagens : 697
    Reputação : 23
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Aleessa Empty Re: Aleessa

    Mensagem por nahna Seg Jan 23, 2023 11:31 pm


     
         
         
     

             
    Frame-2-1
             

      Características:
      Alessa é uma jovem de 16 anos, natural de Ørken. Nasceu albina e com olhos cinzentos, com longos cabelos brancos. Anda sempre bem protegida do sol.

      Vestimentas:
      Mantos de cor creme e marrom, simples, além de sandálias, capuz e sobretudo. Também carrega consigo uma bolsa pequena e um odre de água.


         

             


      Aleessa descia apressada pelas ruelas e túneis emaranhados, desviando de pessoas e animais, até a pequena loja de Fallguk, como fazia com bastante freqüência.

      Perdeu-se brevemente em seus pensamentos… Tinha uma agitação que era típico dela quando não estava se esgueirando em ruínas com seu pai… como se vivesse em um hiato tedioso, e de preparação para uma nova empreitada… Diferente de seu pai, que há cada dia parecia dar mais valor ao sossego.

      Quando virou a última esquina, deu de cara com a porta do anão trancada e com cadeados pesados…

      “- Ah, desgraçado!” - Praguejou, chutando a porta com uma expressão severa no rosto. Isso significava que demorariam ainda mais para partir daquele fim de mundo, para qualquer lugar mais interessante que aquilo. Vencida, apenas tomou seu rumo de volta para o centro, onde perambularia por um tempo até voltar para casa…

      Ao se aproximar dos terraços, no entanto, percebeu a grande agitação que estava acontecendo… “Um dragão!!” - Se admirou. Era Keald Falone… um maldito sortido, pelo que sabia, e que viu sua sorte mudar ao se tornar um montador de dragão.

      Viu que ele parecia querer fazer um anúncio, então foi se acotovelando entre as pessoas, até conseguir se aproximar… mas quase se arrependeu quando ficou atordoada pelo rugido do dragão. Escutou, perplexa, e ainda ficou imóvel por um minuto quando os dois voltaram ao céu.

      Pegou um dos panfletos jogados aos ventos.

      “- É isso!!” - Enrolou e colocou em uma dobra de sua roupa, sorrindo, quando saiu correndo de volta para casa. Avisaria seu pai que deveria ir à capital!


         
    DariusNovadek
    Mestre Jedi
    DariusNovadek
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1136
    Reputação : 20

    Aleessa Empty Re: Aleessa

    Mensagem por DariusNovadek Dom Jan 29, 2023 5:19 pm

    Aleessa pegou um dos panfletos, colocou em uma dobra de roupa e partiu para o apartamento, adentrando nos túneis da cidade vertical. Depois de mais um tempo desviando dos comerciantes e compradores, Aleessa finalmente chegou no complexo de túneis em que ficavam "apartamentos", um deles era onde morava com seu pai. Pra quem olhava de fora, era só uma parede de pedra com uma porta de ferro nela. Pra quem olhava de dentro, não era muito diferente.

    Aleessa não sabia onde seu pai estava, por vezes ele saia sem um destino definido e ficava quase o dia todo fora. Mas Aleessa sabia que uma hora ou outra ele ia chegar. Esperou algumas horas até que ouviu a porta de seu apartamento abrindo, revelando seu pai adentrando.

    Pelo jeito ele devia estar explorando um dos milhares túneis presentes no cânion. Muitos deles tinham sido feitos por dragões de cobre, outros por Kobolds, outros por centopeias gigantes, enfim, muitos são os motivos dos inúmeros túneis. Aleessa não esperou ele entrar direito para contar a boa nova, e seu pai prontamente correu ao seu encontro, a abraçando e a levantando no ar. Com um tom de brincadeira, disse:

    - E onde vamos enfiar seu dragão quando formos visitar novas ruínas?

    Ele comemorou com sua filha, e logo começou a preparar o jantar, com alguns temperos que tinha arrumado pelo caminho. No jantar, ele continuou a conversa:

    - E ai Aleessa, como e quando pretende ir até a Capital? Eu te acompanharia, mas fiquei sabendo de um novo complexo de túneis aqui por perto, tenho que ser um dos primeiros a explorar, quem sabe o que podemos achar lá?

    *Em meio as colheradas, ele ia adicionando*

    - Dá pra ir até a Capital por dois caminhos: Um, é o único conhecido, pelo deserto, quase que em linha reta, em duas semanas de sol ardente se chega até lá.

    - O outro caminho só sabe quem tem o benefício de ser minha filha.


    Ele tirou do bolso um mapa, feito por ele mesmo, com alguns rabiscos com detalhes e informações.

    - É uma série de túneis, que se dão a partir de uma fenda nesse túnel aqui olha. Com ele, você chega na capital em uma semana e meia, sem contar que uma semana desse tempo seria escondida do sol, até que sairá das cavernas para o final do deserto. É mais rápida e menos calor, mas claramente mais perigosa.. A última vez que estive por lá, fui atacado por alguns Kobolds, nada demais para uma filha minha. Além do mais, teria que ir sozinha, não divido essa informação com mais ninguém.
    nahna
    Mutante
    nahna
    Mutante

    Mensagens : 697
    Reputação : 23
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Aleessa Empty Re: Aleessa

    Mensagem por nahna Ter Jan 31, 2023 4:15 pm


     
         
         
     

             
    Frame-2-1
             

      Características:
      Alessa é uma jovem de 16 anos, natural de Ørken. Nasceu albina e com olhos cinzentos, com longos cabelos brancos. Anda sempre bem protegida do sol.

      Vestimentas:
      Mantos de cor creme e marrom, simples, além de sandálias, capuz e sobretudo. Também carrega consigo uma bolsa pequena e um odre de água.


         

             


      Estava impaciente esperando seu pai, andando pelo pequeno apartamento, colocando algumas coisas no lugar, e tendo pensamentos sobre o futuro.

      “Ah, se tudo der certo…” - Pensava ela, sobre ter a mesma sorte de Keald. Se tornar alguém… Ter seu nome lembrado… Cavalgar um dragão!

      Quando seu pai entrou pela porta, não perdeu tempo e contou-lhe tudo sobre o ocorrido mais cedo, sobre Keald, e sobre a viagem para a capital, quase que de um fôlego só. Tamanha era a sua empolgação.

      Comemoraram juntos, e durante o jantar continuaram a conversa.

      “- Pelo que foi dito, devo estar na capital no solstício de verão… Mas gostaria de garantir estar lá no tempo certo, independente de contra-tempos no caminho…” - Disse enquanto comia.

      Observava seu pai enquanto ele falava sobre as opções de caminho, e logo seu rosto se iluminou. Poderia poupar bastante tempo e ainda não depender de caravana alguma. Sorriu agradecida.

      “- Poderia muito bem usar algum tempo de solidão! Sou sua filha… sabe muito bem que caminho eu escolheria…” - Sorriu novamente.

      Procurou descansar bem naquela noite... no dia seguinte já iniciaria os preparativos para a viagem que faria. Seria a primeira vez que não contaria com a segurança de seu pai, mas estava bastante confiante de que seria capaz.


         
    Conteúdo patrocinado


    Aleessa Empty Re: Aleessa

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Sex Fev 03, 2023 3:56 am