Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    Pallando
    Mestre Jedi
    Pallando
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1042
    Reputação : 35
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png

    PHOTON Empty PHOTON

    Mensagem por Pallando Seg Dez 18, 2023 7:42 pm

    INTRODUÇÃO:
    PHOTON Kak_110

    09 de Fevereiro de 2107
    Hamburgo, Alemanha. Distrito Municipal de Wandsbek

    Nas ruas logo abaixo, várias pessoas corriam em desespero por todos os lados, sendo derrubadas, empurradas e em alguns casos atropeladas por alguém que havia conseguido ligar seu carro para fugir. Os diversos gritos de pânico e histeria podiam ser ouvidos até ali próximo ao topo do pequeno edifício onde o herói sobrevoava. O céu escuro da noite era tomado pelo avermelhado da luz das chamas e pela fumaça inacabável, cujo cheiro de queimado podia ser sentido à quilômetros de distância. À sua frente, apenas uma esquina de distância, estava o enorme prédio incendiado e cada vez mais inclinado para frente, enquanto explosões continuavam a acontecer em alguns andares e os escombros e pedaços de vidro continuavam a cair sobre as pessoas desesperadas.

    O prédio em questão era um dos mais robustos edifícios da Europa, construído em 2085 por um projeto bilionário e considerado também um dos mais luxuosos e bem equipados do mundo algumas décadas atrás, mundialmente conhecido como Eroberer World Tower. Para quase qualquer alemão, a simples ideia de vê-lo caindo e explodindo daquela forma era simplesmente surreal, mas naquele momento era exatamente isso que Photon
    enxergava.

    Apenas alguns minutos antes daquilo, Axel estava em companhia de autoridades alemãs que conduziam o interrogatório de um suspeito de crimes como terrorismo e envolvimento com a fabricação de armas biológicas, mas não era por nenhum desses crimes que ele era questionado. Aquele homem era suspeito de envolvimento com supostas entidades que de alguma forma estariam por trás de um terremoto de magnitude 7.2 na escala Richter, ocorrido em Berlim vinte e quatro dias atrás. Tudo aquilo era altamente confidencial, uma vez que para todos os efeitos a mídia havia noticiado que o terremoto foi devido a causas naturais.

    Sobre aquele caso, Axel sabia que era possível que o incidente e aquele homem tivessem alguma relação com uma certa organização criminosa. Por isso era uma questão de preocupação.

    No fim, o interrogatório já vinha durando quase uma hora sem que nenhuma informação fosse arrancada do suspeito, que de certa forma tratava todas as acusações como loucuras conspiracionistas. Porém, em um dado momento, os celulares dentro da sala começaram a tocar quase que ao mesmo tempo e uma agitação foi ouvida pelos corredores, gente indo e vindo. Algo estava acontecendo. Então de repente uma agente entrou na sala onde estavam assistindo o interrogatório. Ela ainda segurava o celular próximo à sua orelha e tinha no rosto pálido uma expressão perplexa e um olhar repleto de medo. Quando conseguiu falar algo, ela anunciou o principio de um novo terremoto em uma região especifica do distrito de Wandsbek.

    A partir daquele momento, a ajuda de Photon foi requisitada com urgência. O que o levou para sua atual situação. E agora, lá estava Axel em frente ao resultado direto do terremoto que em certa escala ainda estava acontecendo. Não havia muito tempo para pensar ou planejar, pois o caos já estava instaurado e era possível que a queda completa do Eroberer World Tower fosse apenas uma questão de tempo.




    Conforme os gritos e choros de centenas ficavam mais agudos e as estrelas do céu eram cobertas pela fumaça, um vislumbre do apocalipse se revelava bem diante de seus olhos.


    ______________
    OFF:
    Alexyus
    Semi-Deus
    Alexyus
    Semi-Deus

    Mensagens : 5044
    Reputação : 374
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2211.png

    PHOTON Empty Re: PHOTON

    Mensagem por Alexyus Sáb Dez 23, 2023 5:05 pm

    PHOTON
    Axel Astrum

    Data:9 de Fevereiro de 2107
    Lugar:Hamburgo, Alemanha


    Interrogar bandidos terroristas era algo que os policiais poderiam fazer mesmo sem ajuda. Mas aquele incêndio no Eroberer World Tower era bem diferente. Ali a ação de Photon era realmente necessária.


    Sobrevoando o local, Axel Astrum analisou a situação, ouvindo os sons das pessoas desesperadas e sentindo o cheiro da fumaça sobrecarregando seus sentidos. A visibilidade era um problema grave que atrapalharia tanto a sua atuação quanto a dos bombeiros e socorristas. Portanto, esse era o primeiro problema a ser resolvido.


    Concentrando-se no espectro luminoso, Photon projetou uma barreira de luz e foi expandindo-a de modo a preencher todos os corredores e escadas do prédio. Astrum calculou a dosimetria exata de solidificação da luz para que a barreira fosse resistente o bastante para isolar o fogo e a fumaça e maleável o suficiente para que qualquer humano pudesse atravessá-la como uma película. Qualquer pessoa em condições físicas normais seria capaz de seguir com sua evacuação pelo interior da barreira de luz sem ser incomodada pela fumaça e pelo fogo. Photon poderia até manipular o espectro cromoluminoso para criar sinalizações para as rotas de fuga e transmitir informações para orientar as pessoas.


    Dentro de minutos, aquela projeção de Photon preencheria todo o prédio, ocupando todas as áreas. Embora precisasse se concentrar nisso, Axel já estava se antecipando ao próximo passo: absorver a luz infravermelha para diminuir o calor gerado pelo fogo. Isso não extinguiria o incêndio, mas evitaria que as chamas causassem mais dano estrutural ainda.


    A terceira etapa consistia em garantir a integridade estrutural do Eroberer World Tower. Para isso, Photon aproveitaria sua barreira luminosa, enrijecendo-a com resistência suficiente para apoiar qualquer área comprometida, mantendo-a estável até que todas as pessoas pudessem ser resgatadas e colocadas em segurança.


    O último passo era mais fácil: criar bolhas de ar ao redor das chamas para cortar seu suprimento de comburente, o oxigênio do ar, impedindo que as reações químicas que causavam o fogo continuassem. Uma vez que cada foco de incêndio fosse extinto, era improvável que voltasse a queimar. Como certamente havia mais de um foco de chamas, essa operação teria de ser feita com atenção e método, provavelmente acompanhado dos bombeiros. Seria demorado, mas se as etapas anteriores tivessem tido sucesso, deveria ser seguro e tranquilo.


    OFF:  @Pallando , descrevi várias ações que ele pretende fazer, sem considerar se seria necessário ele se deslocar para cada área do edifício para conseguir fazer o que quer. Se ele puder fazer cada coisa sem entrar no prédio, ele vai fazer, mas se precisar entrar, ele entra também. Se precisar de testes, manda aí que eu rolo!  

    Emme


    Pallando
    Mestre Jedi
    Pallando
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1042
    Reputação : 35
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png

    PHOTON Empty Re: PHOTON

    Mensagem por Pallando Qua Dez 27, 2023 7:48 pm

    Diante daquela situação dramática, Photon logo inicia suas primeiras medidas para tentar impedir a iminente tragédia. Sua barreira de luz projetada nasceu e foi se expandindo rapidamente até certo ponto, mas em dado momento, devido a todo o contexto de empecilhos que atrapalhava o foco do herói e aos tremores no prédio, ela parou de crescer antes que pudesse alcançar todos os corredores. Felizmente, ainda assim a barreira era suficiente para isolar parte da fumaça e até retardar o avanço das chamas.

    Sua próxima ação foi tentar absorver a luz infravermelha para diminuir o calor. Nessa tentativa Photon foi extremamente bem sucedido, logo sendo capaz de perceber os primeiros indícios de que o calor emanado também pelas chamas próximas às pessoas que ainda deixavam o prédio havia diminuído. Não deveria mais haver danos no prédio, pelo menos não por conta do fogo.

    Em seguida, os esforços de Axel se voltaram para garantir a integridade da estrutura por meio de sua barreira gerada anteriormente. Aumentando a resistência de sua barreira, Photon tentou utiliza-la para servir como apoio para quaisquer áreas comprometidas e estabiliza-las por algum tempo. Infelizmente, como a barreira acabou não sendo gerada da forma que idealmente poderia, nem todas as áreas comprometidas foram contempladas pelo suporte da barreira. A situação do prédio ficou mais estável, mas sua possível queda nos próximos minutos ainda era uma ameaça. E então Photon colocou em ação a última etapa de seu plano inicial, para a qual foi necessário que o mesmo adentrasse no prédio e começasse a agir, criando bolhas de energia ao redor de pontos específicos que estavam envoltos em chamas, cortando o suprimento de comburente que tornava possível a continuidade do fogo. Nesses pontos, o fogo se extinguia conforme planejado.


    Foi nesse momento, enquanto seguia atravessando o prédio por dentro, mais especificamente em um espaço repleto de mesas e computadores no vigésimo oitavo andar, que o herói se deparou com o inesperado.

    Tudo aconteceu em pouquíssimos instantes: movendo-se como uma gota d'água que escorre velozmente pela parede, um rastro de chamas seguiu velozmente e de maneira incomum por entre as cadeiras e mesas do local. Inicialmente, era uma chama pequena que chamava a atenção por sua movimentação rápida e inteligente, mas ela começou a crescer exponencialmente conforme seguiu na direção de Photon.

    Quando o herói percebeu que aquilo era um ataque, não conseguiu reagir para evita-lo a tempo.

    Porém, algo aconteceu e Axel não foi atingido diretamente. Nos últimos instantes possíveis, um bloco de parede dos escombros surgiu na sua frente como se tivesse sido lançado. O objeto serviu como escudo contra o enorme punhado de fogo, que explodiu no bloco e o despedaçou. Devido a explosão, o trajeto de Axel foi interrompido e o mesmo caiu sobre uma mesa de vidro que se estilhaçou em vários pedaços.


    O herói então ouviu bem próximo de si o som de passos sobre os pedaços de vidro no chão. Uma pessoa encapuzada se colocava à sua frente, de costas para ele e sem tirar os olhos dos arredores, como se ainda esperasse um novo ataque. A pessoa então falou. Sua voz era feminina, gentil e falava em uma língua que Axel não entendia. Assim que ela terminou de falar, uma voz robótica foi emitida de algum aparelho que ela carregava e traduziu suas palavras.

    PHOTON Op211

    O prédio voltou a tremer. Não havia muito mais tempo antes que ele chegasse a um ponto sem retorno, e então seria questão de tempo para o desabamento. Em alguns minutos, provavelmente os agentes alemães enviariam drones de apoio, mas era preciso que o prédio resistisse de pé até lá.


    ______________
    OFF:
    Alexyus
    Semi-Deus
    Alexyus
    Semi-Deus

    Mensagens : 5044
    Reputação : 374
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2211.png

    PHOTON Empty Re: PHOTON

    Mensagem por Alexyus Qui Jan 04, 2024 2:55 pm

    PHOTON
    Axel Astrum

    Data:9 de Fevereiro de 2107
    Lugar:Hamburgo, Alemanha


    Astrum constatou que a barreira não se expandiu o suficiente para alcançar o efeito que ele tinha desejado, mas ainda assim ajudou a abafar a fumaça, o que já era um efeito bastante útil em si mesmo.


    A absorção do espectro infravermelho da luz foi feita de modo mais bem-sucedido, e isso ajudou a tornar as emanações de calor menos ameaçadoras. Agora os civis estavam em melhor segurança do que antes, mas ainda restava garantir a segurança estrutural do Eroberer World Tower.


    Ao se concentrar nisso, Photon fortaleceu sua barreira para garantir que o edifício continuasse de pé. Sua projeção de luz sólida envolvera a estrutura por todo o lado exterior, mas o interior não estava plenamente assegurado. Axel iria tentar consertar isso enquanto voava para dentro, juntando os reparos na estrutura ao seu trabalho de extinguir os focos de chama remanescentes. Percorrendo o interior do Eroberer World Tower, enquanto seguia atravessando o prédio por dentro, mais especificamente em um espaço repleto de mesas e computadores no vigésimo oitavo andar,  um rastro de chamas seguiu velozmente e de maneira incomum por entre as cadeiras e mesas do local. Inicialmente, era uma chama pequena que chamava a atenção por sua movimentação rápida e inteligente, mas ela começou a crescer exponencialmente conforme seguiu na direção de Photon. Ele não conseguiu reagir a tempo para evitar ser atingido, mas nos últimos instantes possíveis, um bloco de parede dos escombros surgiu na sua frente como se tivesse sido lançado. O objeto serviu como escudo contra o enorme punhado de fogo, que explodiu no bloco e o despedaçou. Devido a explosão, o trajeto de Axel foi interrompido e o mesmo caiu sobre uma mesa de vidro que se estilhaçou em vários pedaços.


    Enquanto tentava se levantar, Axel se esforçava para compreender o que agora com certeza era um campo de batalha. Havia uma figura feminina de pé à frente dele, e falando num idioma que não lhe foi familiar, sendo traduzida por uma voz robótica logo em seguida.


    PHOTON Op211


    Photon era super-herói há tempo suficiente para saber como trabalhar em equipe. Mesmo não conhecendo a recém-chegada, ele tinha que confiar nela e fazer a sua parte. Ele tinha que sustentar o prédio para manter todos vivos até que a evacuação estivesse completa, e para isso tinha que confiar sua própria segurança à desconhecida.


    Erguendo-se e se concentrando, ele focou-se em sua projeção de luz sólida para estabilizar o Eroberer World Tower. Assim que teve certeza de ter retomado o controle da situação, ele arriscou conversar com a companheira:


    - Já encontrou a fonte do ataque? Não nos conhecemos, mas vejo que você é bem experiente nisso! Eu sou Photon, e você?

    Emme


    Pallando
    Mestre Jedi
    Pallando
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1042
    Reputação : 35
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png

    PHOTON Empty Re: PHOTON

    Mensagem por Pallando Dom Jan 07, 2024 5:55 pm

    Como o herói experiente que era, Photon rapidamente decidiu confiar na inesperada aliada que havia surgido e redirecionou seu foco para a projeção de luz sólida que visava estabilizar o Eroberer World Tower. E enquanto retomava o controle da situação, alguns detalhes sobre o que acontecera há pouco começavam a ficar mais claros, como o idioma de sua nova aliada: mandarim. Porém, haviam alguns aspectos estranhos em sua pronuncia e ritmo, indicando que não era fluente. Outra análise que conseguiu fazer nesse meio tempo foi com relação ao ataque de fogo, mas infelizmente ainda não conseguia dizer de onde poderia ter partido.

    Assim que sentiu a situação se estabilizar, a encapuzada voltou sua atenção para Photon e o encarou de canto de olho por alguns segundos. O herói conseguiu identificar uma certa admiração em seu olhar, parecida com a que as pessoas tem quando encontram uma celebridade na rua. Então, mais uma vez, ela falou baixo com seu mandarim enroscado e a voz eletrônica traduziu.


    PHOTON F2407010

    Quase no mesmo instante que ela terminou de falar, outro disparo de chamas aconteceu na direção de Photon vindo de trás dessa vez, pela porta da escadaria. Mas de novo, antes que o fogo tocasse no herói duas mesas voaram no caminho e serviram como escudo, explodindo há poucos metros dos dois. Hien permanecia ao seu lado, mas havia se movido um pouco enquanto "atraía" os objetos que foram usados na defesa. Talvez sua habilidade dependesse de seu posicionamento.

    No momento seguinte, o prédio voltou a tremer um pouco. Aquela primeira falha na geração da barreira voltava a ter consequências, uma vez que ela não havia se expandido por toda área desejada. Foi quando o herói finalmente ouviu o comunicador em sua orelha emitir algum som, com os reforços entrando em contato.


    Comunicador escreveu:- Photon!! Aqui é o tenente Ernst Gruber. Os drones chegaram. Já estamos prontos para iniciar o processo de implantação das próteses na estrutura para mantê-la de pé até evacuarmos todos. Só precisa manter o prédio estável durante mais algum tempo!

    ______________
    OFF:
    Alexyus
    Semi-Deus
    Alexyus
    Semi-Deus

    Mensagens : 5044
    Reputação : 374
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2211.png

    PHOTON Empty Re: PHOTON

    Mensagem por Alexyus Seg Jan 15, 2024 2:04 pm

    PHOTON
    Axel Astrum

    Data:9 de Fevereiro de 2107
    Lugar:Hamburgo, Alemanha


    O novo disparo de fogo contra Photon o surpreendeu, mostrando-lhe que não estava em segurança ainda.

    Hien parecia ter percebido detalhes que Astrum não captara.

    Hien...meu nome é Hien.
    Os ataques... Acho que podem vir de qualquer lugar que estiver em chamas... eles as controlam, mas não as criam.

    - Interessante... Hien, conseguiu ver quem eles eram? Precisamos detê-los, mas estou concentrado em apagar as chamas. Acha que pode contê-los?

    Photon não via outra saída a não ser continuar criando vácuos onde as chamas não tivessem mais oxigênio para consumir. Se o atacante não tivesse mais fogo para controlar, ficaria indefeso, de acordo com a teoria de Hien.

    O comunicador fixado no interior de sua orelha acionou-se com a transmissão dos reforços.

    - Photon!! Aqui é o tenente Ernst Gruber. Os drones chegaram. Já estamos prontos para iniciar o processo de implantação das próteses na estrutura para mantê-la de pé até evacuarmos todos. Só precisa manter o prédio estável durante mais algum tempo!

    Axel acionou seu microfone e respondeu:

    - Tenente Gruber, proceda com cuidado. Estou mantendo o prédio estável, mas há atividade hostil aqui dentro. Estou tentando localizar a fonte dos ataques. Comece o processo quando determinar que é seguro, e foque em evacuar o máximo de pessoas.

    Com a transmissão terminada, Photon concentrou-se em manter sua barreira o mais estável possível e usá-la para criar vácuos nos pontos onde houvesse chamas. Outros ataques poderiam chegar a qualquer momento, mas mesmo com sua atenção no máximo de prontidão, teria que contar com Hsien para dar-lhe cobertura.

    Emme


    Pallando
    Mestre Jedi
    Pallando
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1042
    Reputação : 35
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png

    PHOTON Empty Re: PHOTON

    Mensagem por Pallando Sáb Jan 27, 2024 2:37 pm

    PHOTON D-hien11

    Enquanto os dois continuavam trabalhando juntos, do lado de fora do Eroberer World Tower os drones DKIR-98 começavam a chegar para dar inicio ao processo de estabilização temporária da estrutura com o suporte de Photon. Depois de ouvir as orientações do herói, o Tenente Gruber confirmou seu entendimento e assegurou que a análise da situação já estava em andamento e seguiriam com as ações assim que possível. Infelizmente, não seria possível enviar reforços militares para onde Alex e Hien estavam naquela situação, então durante aquele tempo precisariam lidar com tudo sozinhos.

    Mantendo-se focado em sua barreira, Photon conseguia mantê-la sem problemas e, enquanto não precisava dividir sua atenção com nenhuma outra ação, era capaz de criar os vácuos para cessar as chamas sem qualquer dificuldade. Naquele momento confiava sua cobertura para a nova aliada, que até então não decepcionava. Nos próximos dois ou três minutos, outros três ataques vieram de diferentes direções e mais dois em sequência, totalizando cinco. Hien movia-se de um lado para o outro, atraindo objetos e escombros para bloquear o fogo e não deixou que nenhum deles passasse. Teve dificuldade em certos momentos, pois apesar de ter bons sentidos e velocidade, seus poderes pareciam ser bem limitados. De qualquer forma, quanto mais o tempo passava e mais as chamas eram extinguidas por Photon, os ataques vinham se tornando mais fracos e o intervalo entre eles mais espaçado.

    Então, mais uma vez o comunicador em sua orelha apitou.

    Tenente Ernst Gruber escreveu:- Photon! Estamos iniciando o processo de estabilização do prédio. Dentro de pouco tempo acredito que será seguro liberar a barreira! Estamos conduzindo socorro e resgate, mas ainda há pessoas em risco. Sobre os inimigos e incidentes, por favor me encontre na unidade móvel de monitoramento aqui fora assim que possível! Preciso saber o que houve.

    A partir daquele momento, a situação começou a melhorar rapidamente. Mais dois ataques vieram num curto intervalo de segundos, mas eram extremamente fracos em relação aos anteriores e mais lentos. Talvez fossem apenas ultimas tentativas desesperadas de parar o herói, e também foram bloqueadas por Hien. Seguindo a risca o que havia dito o Tenente Gruber, Photon começava a sentir seu esforço com a barreira ser cada vez menos necessário, pois a estrutura começava a ser estabilizada pelos drones de prótese. Depois disso, bastaram alguns segundos para que Hien relaxasse. Nenhum outro ataque parecia estar a caminho, e àquela altura já não faria mais diferença.

    Hien virou-se para Photon. Havia certo alivio em seu olhar, e sem dizer nada em um primeiro momento, ela sinalizou com as mãos para o herói um tímido "jóia". Ela acreditava que os inimigos haviam deixado o local.


    PHOTON 310

    Se não houvesse objeção por parte de Photon, Hien partiria naquele momento, sumindo por entre os corredores daquele andar e deixando para trás apenas um pedaço de papel com as coordenadas de um local para encontra-la depois. Por alguma razão, ela não parecia nenhum pouco disposta a lidar com as autoridades alemãs.

    Momentos depois, o prédio estaria completamente estável e os agentes de resgate atuando. O Tenente Gruber aguardava informações.
    Alexyus
    Semi-Deus
    Alexyus
    Semi-Deus

    Mensagens : 5044
    Reputação : 374
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2211.png

    PHOTON Empty Re: PHOTON

    Mensagem por Alexyus Seg Fev 12, 2024 8:53 pm

    PHOTON
    Axel Astrum

    Data:9 de Fevereiro de 2107
    Lugar:Hamburgo, Alemanha


    Photon teve que se concentrar ao máximo para manter a barreira e depositar toda a sua confiança em Hien para cobrir a sua retaguarda.

    A cada vez que um ataque surgia e era bloqueado por ela, sua concentração era posta à prova, mas ele não vacilava e continuava focado em extinguir cada foco de chamas. O mistério de quem eram os incendiários que o atacavam era uma sombra em seus pensamentos à qual ele esforçava-se para ignorar até terminar a tarefa que tinha em mãos. Mesmo a revelação de que Hien já lidara com eles era apenas mais um dado para ser examinado mais tarde, quando todo o perigo estivesse sido dissipado.

    Quando a estrutura estabilizou-se e a barreira deixou de ser necessária, Astrum viu o tímido sinal de "joia" que Hien fez e respondeu-a da mesma maneira, acrescentando um sorriso simpático de satisfação.

    Quando ela pediu para que sua presença não fosse revelada às autoridades, Axel assentiu. Ele tinha experiência suficiente para imaginar uma dúzia de motivos para que ela quisesse permanecer incógnita. Se ela estava trabalhando a favor do lado certo, era o bastante para ele.

    Photon pegou o papel da localização deixada por Hien enquanto ela desaparecia pelos corredores do andar.

    Ele voou ao encontro do batalhão do Tenente Gruber para apresentar seu relatório.

    - Boa noite, tenente! O incêndio foi terrorista, sem nenhuma dúvida. Fui atacado por destroços algumas vezes enquanto tentava controlar o fogo, mas ainda não consegui determinar a identidade dos perpetradores. Vou continuar investigando e informarei se descobrir algo.

    Após responder qualquer outra pergunta do tenente que não expusesse a presença de Hien, Photon voaria para o local onde ela pretendia encontrá-lo.
    Emme


    Pallando
    Mestre Jedi
    Pallando
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1042
    Reputação : 35
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png

    PHOTON Empty Re: PHOTON

    Mensagem por Pallando Dom Fev 25, 2024 10:43 pm

    Assim que chegou nas proximidades da unidade móvel de monitoramento onde se encontraria com o Tenente Gruber, Photon foi recebido com alguns aplausos cansados (mas agradecidos) dos agentes próximos que não estavam ocupados e também pelos agradecimentos de alguns civis um pouco mais distantes, aqueles que não estavam em estado de choque pelo ocorrido. De imediato um dos agentes que estava ao telefone parou tudo que estava fazendo e correu para dentro da unidade para chamar o Tenente, que não demorou para aparecer com um sorriso vitorioso no rosto.

    Mancando, o tenente caminhou por entre seus agentes sendo seguido por alguns e quando chegou até o herói, estendeu a mão em cumprimento. O Tenente era um homem pequeno com alguns poucos fios de cabelo, todos grisalhos, costa um pouco curvada pela idade e com o corpo e andar marcados por uma vida dura. Depois dos cumprimentos e de o herói lhe passar as informações que possuía, com exceção da presença de sua misteriosa aliada, foi a vez do tenente retribuir em ato de boa vontade com o que sabiam.

    - Entendo, agradeço pelas informações... e por impedir que o prédio caísse e nos transformasse em geleia. - Riu brevemente de sua própria piada duvidosa, deixando uma tosse seca  causada pelos resquícios de fumaça no final. O velho homem tomou algum tempo para pensar no que diria a seguir, provavelmente filtrando as informações mais úteis para compartilhar. - Até o momento, sabemos apenas que o incêndio foi iniciado no quarto andar. Não se sabe como. As imagens em nuvem das câmeras do Eroberer só nos mostram o que houve no prédio até trinta minutos antes do ocorrido.. algo ou alguém fez isso para nos deixar no escuro. Normalmente, as chamas teriam sido contidas facilmente antes que se espalhassem, mas as testemunhas que já ouvimos nos disseram que o fogo se alastrou rápido demais, de forma incomum... quase como se tivesse vida própria. Enfim, continuaremos investigando.


    Depois da troca de informações, Photon partiu dos arredores do quase demolido Eroberer World Tower e seguiu rumo ao local indicado como ponto de encontro com aquela que havia sido sua aliada há pouco.


    Conforme se aproximava da localização destino, começava a ficar claro para o herói qual era o lugar apontado pelas coordenadas: FanBlue Magic Land. Outro antigo ícone alemão que no passado já havia sido um dos principais pontos turísticos da região, figurando entre os maiores parques aquáticos da Europa quando estava em atividade. Foi fechado em 2105 em decorrência de uma série de acontecimentos infelizes, entre eles um embate de superpoderosos um ano antes e principalmente a crise econômica que atingiu o país inteiro. Nos dias atuais, era apenas um parque abandonado e um cemitério de lembranças felizes para vários alemães.


    Assim que chegou ao local, ainda enquanto sobrevoava conseguiu localizar quem viera encontrar. Hien estava sentada no telhado de um pequeno edifício, talvez um antigo restaurante, no começo do que um dia já foi a praia artificial do parque. Ela segurava as pernas próximas ao corpo e olhava fixamente para o céu, aparentemente um pouco distraída. Porém, ela não o esperava sozinha: outras três pessoas estavam na praia. Um era visivelmente um senhor de idade sentado em uma moderna cadeira móvel para deficientes físicos, acompanhado de um homem alto vestindo o que parecia ser um uniforme preto, semelhante ao traje de Hien. E por último, havia uma mulher morena um pouco distante dos demais e concentrada no computador em suas mãos.

    Conforme surgiu nos céus ainda um pouco distante, Hien foi a única a percebe-lo pois já encarava o céu a sua espera. Ela levantou timidamente a mão, como se não soubesse se deveria acenar ou não, mas por fim acenou cumprimentando. Os outros aparentemente ainda não haviam notado a presença do herói.
    Conteúdo patrocinado


    PHOTON Empty Re: PHOTON

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Sáb Mar 02, 2024 1:23 pm