Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    João Miguel

    Askalians
    Administrador
    Askalians
    Administrador

    Mensagens : 1834
    Reputação : 186
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1312.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1911.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    2º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh48.png

    João Miguel Empty João Miguel

    Mensagem por Askalians Dom Jan 22, 2023 6:35 pm


    Day 1


    A noite era de lua cheia, bem alta e clara em pleno verão. Eram 19:00 e ainda havia uma imensa quantidade de pessoas andando pelas ruas, como se aquela cidade jamais parasse. Luminosos piscavam, música ecoava no ar, instrumentos rugindo e o falatório sem fim de pessoas era o que diariamente ecoava pelas ruas da cidade. Lojas, armazéns, bares, clubes, padarias... tudo quanto era comércio ainda estava aberto naquele horário e não precisava nem ser alta estação ou período de férias para tal. Sempre cheia de visitantes e moradores locais, as ruas estreitas não tinham descanso nunca. Os bares e casas noturnas trabalhavam já a toda velocidade naquela hora da noite na Bourbon St.

    Ainda nem era Mardi Gras e a cidade já estava ceia de pessoas e tudo funcionava a pleno vapor.

    A cidade também possuía outros tipos de atrações apreciados por muitas pessoas: a comida creoule, procurada por muitos. A fama do famoso Gumbo, Po Boy's, Jambalaya e Beignets havia cruzado o país e agora muitas pessoas desbravavam a noite da cidade procurando por algum desses práticos típicos e um bom drink para beber em meio à toda aquela agitação, música e show de luzes.
    A medida que as pessoas andavam pela cidade, os diferentes cheiros iam atraindo pessoas para as diversas diversões que poderiam imaginar, desde a comida, desde os drinks exóticos, desde as belas mulheres até o cheiro de produtos e frutos do mar frescos que vinham do grande mercado da cidade.

    Boatos do ocorrido cruzaram o país para todos os povos, desde humanos, vampiros, lobisomens e bruxos, o que acabou trazendo alguns curiosos à cidade como João Miguel...

    João Miguel 636268159043834041-GettyImages-584753934


    _____________________________
    "If you love me, good...
    If you don't, I really don't care...
    My life will keep going the same way, with or without you...
    I will never choose between my family and you because family always go first...
    We have to remain together, always and forever..."
    Mandhros
    Tecnocrata
    Mandhros
    Tecnocrata

    Mensagens : 475
    Reputação : 62
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    2º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f51/19/64/68/80/prata_11.png

    João Miguel Empty Re: João Miguel

    Mensagem por Mandhros Seg Jan 23, 2023 12:01 pm

    A noite de Nova Orleans se abria como um sorriso de criança. Mais um sorriso enfadonho, repetitivo e sem sentido.

    Do alto da janela de um hotel barato, destes em que apenas pessoas perigosas ou tolas demais se hospedam, observo o Rebanho lá embaixo. Americanos apressados, uns correndo de um compromisso para o outro ou apenas fazendo turismo, à procura da próxima atração. Havia aqueles que estavam só de passagem e, sobre todos eles, eu.

    Os humanos eram entediantes, sem graça, efêmeros. Anos de existência me tornaram um predador frio e insensível, e também me concederam a clareza de perceber que, no fim das contas, todos os mortais eram movidos por alguns instintos básicos: comer, se reproduzir, pertencer a um grupo e ter medo da solidão e da morte. Eram fáceis de ser explorados, manipulados, e direcionados. E, depois, não valiam mais do que formigas, prontas para serem esmagadas pelas botas de alguém.

    Mas não eram os humanos que garantiam minha presença ali, naquela noite. Era a cidade.

    Nova Orleans, sozinha, encerrava em si mesma oportunidades demais para ser ignorada.

    Em primeiro lugar, havia o Códice das Sombras. Hector - e que o Diabo tenha piedade de sua alma amaldiçoada - jurou que o tomo estava nesta cidade. E a experiência sempre me ensinou que as juras e ensinamentos de Hector, nos anos que estive em Caracas, mereciam ser levados muito a sério.

    Em segundo, vinha a política. Antes de vir a Nova Orleans por causa do Códice, passei por Tijuana e tive uma conversa agradável com o Arcebispo Cicatriz. Ele deixou escapar, de um jeito único, que havia um possível vácuo de poder na cidade desde que a antiga Príncipe, uma Tremere chamada Cláudia, foi abatida durante uma das festinhas da Camarilla com um tiro.

    Tanto para mim quanto para o Arcebisbo era óbvio que um Feiticeiro digno do nome, ocupante de um cargo de respeito e com algumas décadas de não-vida, no mínimo, não encontraria a morte final por um réles pedaço de chumbo. Aquilo soava verdadeiramente ridículo, na verdade. Mas as implicações disso... Os boatos que rapidamente se espalharam, a ascensão de Alec, antigo Senescal ao cargo, e a instabilidade política na cidade eram uma oportunidade de Cerco simplesmente boa demais para não ser estudada e, eventualmente, explorada. Até que o título de Bispo de Nova Orleans não cairia mal, afinal.

    Por fim, ainda havia Anya, que certamente estava nos Estados Unidos e tinha um faro excelente para qualquer confusão da qual ela pudesse tirar proveito.

    Três coelhos. Uma cajadada. Era simplesmente bom demais para ser verdade.

    No entanto, eu estava com o meu cronograma atrasado.

    Eu sabia do Códice das Sombras desde Caracas, e também sabia perfeitamente que, por mais que fosse talentoso, focado e eficiente, seria capaz de fazer pouco estrago sozinho. Era ai que entrava Cicatriz, e o bando de guerra que o bastardo me prometeu, e que até agora não tinha dado as caras. Típico de um político sujo que já se esqueceu o que é ser parte do Sabá.

    Não importava.

    A primeira coisa que um recém-chegado mal intencionado e que teria que se virar sozinho deveria ter em sua lista de tarefas era buscar informação.

    E, com isso em mente, recolho minhas coisas para deixar o quarto do hotel. Eu certamente não pretendia fazer o checkout, ainda. Não que fizesse diferença, ao menos até que alguém encontrasse e identificasse o corpo de um tal Karl Hopkins no rio, perto de um posto de combustíveis na estrada, alguns quilômetros longe daqui.

    A ideia era procurar por jornais (inclusive aqueles tablóides de má-fama) e encontrar algum lugar que tivesse uma televisão passando o noticiário local dos últimos dias e noites.

    Off: Askalians, como está minha reserva de sangue?
    Askalians
    Administrador
    Askalians
    Administrador

    Mensagens : 1834
    Reputação : 186
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1312.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1911.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    2º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh48.png

    João Miguel Empty Re: João Miguel

    Mensagem por Askalians Dom Jan 29, 2023 7:19 pm

    Um simples quarto de hotel era o que conseguiu naquela noite. Podia ter procurado um lugar melhor, mas talvez aquele se encaixasse melhor com sua aparência peculiar.

    Como um recém chegado mal intencionado, todo cuidado era pouco e o perigo poderia estar a espreita, uma vez que a cidade era regida pela Camarilla. Com ou sem a antiga regente, as leis eram mantidas, as alianças ainda existiam e ele era um Sabá na cidade.

    Seus primeiros passos ao sair de sua hospedagem naquela noite eram procurar jornais ou algum lugar com uma tv ligada no noticiário noturno. As bancas de jornal naquela hora da noite não costumavam estar abertas, pois as ruas a noite poderiam não ser tão seguras assim, mas Miguel não teria problemas em encontrar algum bar mais simples funcionando. A grande questão era: será que ele conseguiria andar tranquilamente pela cidade sem ser farejado?  

    Havia um novo senescal na cidade que pelas más línguas era pior que o anterior e nada escapava de seus olhos atentos...  

    Off: tudo certo por enquanto... kkk


    _____________________________
    "If you love me, good...
    If you don't, I really don't care...
    My life will keep going the same way, with or without you...
    I will never choose between my family and you because family always go first...
    We have to remain together, always and forever..."
    Mandhros
    Tecnocrata
    Mandhros
    Tecnocrata

    Mensagens : 475
    Reputação : 62
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    2º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f51/19/64/68/80/prata_11.png

    João Miguel Empty Re: João Miguel

    Mensagem por Mandhros Seg Jan 30, 2023 10:27 am

    E lá vou eu. Um lobo entre os cordeiros. E um lobo particularmente agressivo e velho, o suficiente para saber que mesmo um bando MUITO GRANDE de cordeiros poderia fazer estrago.

    Se, por um lado, Deus fez os cainitas monstros sanguinários que deveriam saber colocar o Rebanho em seu próprio lugar, por outro, também não criou qualquer vampiro estúpido.

    Eu era um lobo entre cordeiros, mas um lobo solitário em um porra de cidade de Camarilla. E o boato que corria, junto com o da troca de poder, era de que havia um sabujo um pouco mais capaz que o anterior farejando a cidade inteira em busca de uma canela para morder.

    Por ora, não era inteligente chamar atenção. Ao menos não até que eu soubesse bem onde estava pisando. Nada de novo.

    Naquela noite a velha batina tinha cedido lugar a roupas mais casuais - e menos chamativas - e não seria muito difícil me confundir com um desempregado no fim de mais uma busca frustrada por trabalho - uma mochila nas costas ajudava a manter as aparências, por mais simples que isso fosse.

    Não havia bancas de jornais abertas à noite, e aparentemente nenhuma daquelas caixas de jornais pegar-e-levar por perto. Restavam os noticiários.

    Procuro qualquer boteco com uma televisão ligada no noticiário, entro, vou até uma mesa mais distante, onde eu possa me sentar e colocar a mochila de lado. Tiro um livro de dentro da mochila, e começo a folhear lentamente, a atenção focada nas notícias, não nas páginas.

    No momento em que fosse abordado por qualquer funcionário - ninguém ia querer uma pessoa ocupando uma mesa sem pagar pelo tempo e pelo espaço - diria, simplemente:

    Uma cerveja, por favor.

    Mais um esquisitão com um livro e um copo em uma cidade grande e cosmopolita. O que poderia dar errado?
    Askalians
    Administrador
    Askalians
    Administrador

    Mensagens : 1834
    Reputação : 186
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1312.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1911.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    2º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh48.png

    João Miguel Empty Re: João Miguel

    Mensagem por Askalians Qua Fev 08, 2023 9:21 am

    Como ele estava em uma das regiões mais simples e modestas da cidade, não havia problemas em encontrar bares mais simples abertos, mas precisava ter cuidado pois estando em bairros pequenos existia aquela famosa ideia de que os vizinhos se conhecem e sabem quando as vezes aparece uma ou outra pessoa nova na região.

    A aparência de João Miguel lhe ajudava muito com isso na região onde estava então logo achou um bar, entrou, pediu sua cerveja e se sentando em uma mesa mais afastada, pegou um livro de sua mochila, apesar de seus sentidos estarem atentos a tv que estava ligada naquele lugar.

    Naquela hora da noite, haviam alguns velhos e até mesmo alguns adultos, que provavelmente retornavam do trabalhobe aproveitavam para mordiscar alguma coisa e beber para relaxar enquanto que os velhos desfrutavam de uma boa jogatina de dominó em 2 mesas no lado oposto de onde ele estava. Ainda era cedo para alguns idosos se retirarem para suas casas e suas famílias então aproveitavam mais uma ou duas todadas de jogo até suas esposas ligarem e os trazer de volta à realidade.

    Na TV, o noticiário da noite não pareceu muito expressivo no inicio, porque por longos minutos foi apresentado a previsão do tempo para os próximos dias, algumas informações sobre politica, situação do trânsito, alguns acidentes com animais em algumas regiões da cidade… assuntos aparentemente comuns e cotidianos do lugar…


    _____________________________
    "If you love me, good...
    If you don't, I really don't care...
    My life will keep going the same way, with or without you...
    I will never choose between my family and you because family always go first...
    We have to remain together, always and forever..."
    Mandhros
    Tecnocrata
    Mandhros
    Tecnocrata

    Mensagens : 475
    Reputação : 62
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    2º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f51/19/64/68/80/prata_11.png

    João Miguel Empty Re: João Miguel

    Mensagem por Mandhros Qua Fev 08, 2023 12:37 pm

    Em que pese eu tenha encontrado, talvez, o lugar mais tedioso e inútil de Nova Orleans para gastar mais algumas horas da eternidade, anos de não-vida me ensinaram a ser paciente.

    Curiosamente eu era muito mais velho que todas aquelas crianças enrugadas, grisalhas e rabugentas que jogavam dominó, esperando que a torturante rotina mortal as absorvesse logo depois, com um telefonema ou uma bronca de esposas, filhos, etc. Desprezível.

    Mesmo os noticiários, até ali, não tinham sido de muita ajuda. Era bastante lógico que aquelas bichinhas da Camarilla fariam de tudo para se esconder atrás da Máscara, como também não soava estranho que os noticiários não apresentassem nada de interessante - ao menos não de maneira óbvia.

    Olhos e ouvidos treinados achavam as mensagens escondidas no meio daquele monte de lixo vomitado pela TV. E era por isso que eu esperava.

    Além disso, ao menos por ora, não tinha maiores pistas sobre o Códice ou Anya, nem qualquer ideia sobre como funcionava de verdade a estrutura da Camarilla em Nova Orleans. Boatos sobre Príncipe assassinado, Príncipe sucessor, instabilidade política tanto no teatro dos sanguessugas quanto em relação aos lambedores e outras-coisas-ruins eram não mais que isso: boatos. Poderiam ter sido espalhados com finalidades específicas, e provavelmente não refletiam a verdade - no todo ou nas partes mais interessantes, com certeza.

    Por mais que a comunidade local prezasse pelo anonimato (patético), era barulho demais para simplemente não reverberar em alguns crânios rachados, movimentações políticas incomuns ou qualquer coisa fora do padrão que os mortais, certamente, não dariam importância, mas que seria o fio da meada para mim.

    O jeito era ser paciente, e atento.

    Enquanto isso, dou uma boa olhada ao redor, e começo a avaliar, também, o público daquele lugar. Os velhos não gostam de internet e tecnologia. São pérolas de um estranho mundo novo que é alienígena para eles. Eu mesmo demorei a entender o conceito dessas coisas, ainda que seja evidentemente muito mais capaz que toda a soma do público deste boteco.

    Alguém poderia trazer um jornal consigo, o que seria mais uma possível fonte de informação útil, ou apenas servir de aperitivo mais tarde.

    Além disso, também era bom saber se, naquele momento, eu estava despertando alguma atenção indesejada e, de toda forma, era um passatempo enquanto nada de valor surgisse no noticiário.
    Askalians
    Administrador
    Askalians
    Administrador

    Mensagens : 1834
    Reputação : 186
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1312.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1911.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    2º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh48.png

    João Miguel Empty Re: João Miguel

    Mensagem por Askalians Seg Fev 13, 2023 10:39 am

    As notícias da TV naquela noite podiam ser as mais simplórias possíveis para aqueles que não tem a percepção mais aguçada como João Miguel tinha. Era bem o lixo que vomitado pela TV que o lasombra esperava encontrar. Ele não sabia como funcionavaas coisas na cidade, pois apenas ouviu boatos..

    Enquanto dava uma olhada ao redor, tentando analisar o público do local, viu que tirando o rapaz do caixa, o rapaz atrás do balcão, a mulher na chapa e a garçonete, o local eram frequentado por adultos com pelo menos 40 anos de idade ou velhos que se amontoavam no dominó.

    Se ele quisesse obter algum tipo de informação, poderia simplesmente conversar com algum cliente ou até mesmo com algum funcionário enquanto pedia algo.

    Quando finalmente sua cerveja foi trazida pela garçonete até a mesa, um cheiro invadiu suas narinas quando a mulher virou as costas. Provavelmente era o cheiro de seus cabelos mas era um cheiro que Miguel reconhecia... talvez não tão bem assim mas lhe remetia a imagem de alguém em sua mente e que por sinal estava procurando...

    O cheiro não era tão forte como o de algum perfume em específico, mas era suficientemente perceptível para alguém como ele e parecia vir em parte dos cabelos, em parte do corpo, como se um resquício do cheiro do corpo de uma pessoa tivesse ficado no corpo de outra após um certo contato corporal ou quem sabe outras coisas.

    Deixando lá a cerveja sobre a mesa de Miguel, a mulher foi até onde os mais velhos jogavam dominó para entregar mais algumas bebidas e aperitivos e em seguida voltou para seu posto, junto do balcão de onde as bebidas e a comida saía...


    _____________________________
    "If you love me, good...
    If you don't, I really don't care...
    My life will keep going the same way, with or without you...
    I will never choose between my family and you because family always go first...
    We have to remain together, always and forever..."
    Mandhros
    Tecnocrata
    Mandhros
    Tecnocrata

    Mensagens : 475
    Reputação : 62
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    2º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f51/19/64/68/80/prata_11.png

    João Miguel Empty Re: João Miguel

    Mensagem por Mandhros Seg Fev 13, 2023 1:13 pm

    Permaneço em silêncio, mas atento, folheando debilmente o livro e mantendo o foco no que acontecia ao redor.

    Nada de interessante na televisão. Só o monte de porcarias que o Rebanho engolia noite após noite para se manter entretido - pelo menos, até onde eu tinha sido capaz de ver e ouvir.

    Quanto ao público do local... Entediante. Havia gado pronto para o abate no caixa, atrás do balcão e servindo as mesas. Nada mais que uma distração rápida ou um lanche casual.

    Eu já estava medindo os passos para me aproximar de um dos mais velhos do local quando, finalmente, a cerveja chegou, trazida por uma garçonete do lugar.

    Assim que ela se virou, o cheiro do malte e do lúpulo diluídos em álcool logo se misturou a uma outra fragrância, mais doce e marcante. Um perfume floral muito característico, que imediatamente desenhou uma sombra na minha mente. Uma que tinha silhueta feminina, formas atraentes, um sotaque flamengo e um apetite interminável por poder.

    Era o cheiro da minha presa.

    Aquilo poderia ser uma incrível coincidência, ou não passar de uma distração aleatória... Mas a existência dos mortos-vivos se define nos detalhes, e aquele odor, sozinho, como uma moeda lançada para o alto, poderia sugerir que eu estava prestes a ficar um passo à frente em um dos motivos que me traziam a Nova Orleans, ou estar mortalmente cego diante de um perigo palpável.

    O único jeito de descobrir era morder a isca.

    Forçando uma educação e uma cortesia que, normalmente, eu apenas guardava para quem tivesse no mínimo um século de existência, eu ergo a mão esquerda (a direita ainda segurava o livro aberto), e faço um breve aceno à garçonete, antes que ela pudesse dar três passos adiante, e chamo:

    - Moça! Eu gostaria de falar com você! Poderia me dar um minuto de atenção, por gentileza?

    Aparentemente, ainda era cedo e o lugar não estava lotado, o que provavelmente me daria uma janela de alguns minutos, breves, para tirar a garçonete de seus afazeres.

    Tão logo ela se vire, e antes que ela pudesse emendar qualquer desculpa para me dar alguma atenção mais tarde, eu emendo:

    - Por favor, qual o seu nome?

    E, chamando-a pelo nome que ela informar:

    - [FULANA], acabei de chegar aqui na cidade e estou procurando algum lugar decente para me hospedar. Por acaso você conhece algum hotel ou hospedaria que aceite um viajante de última hora?

    Independente da resposta, e ainda simulando simpatia, fecho:

    - Com todo o respeito, você é uma moça muito bonita para trabalhar em um lugar como esse... Acho que poderia, facilmente, estampar seu rosto em algum desses outdoors ou propagandas em revistas. E esse perfume... É tão agradável... Ele me lembra de uma pessoa especial.

    Uma pergunta comum para quebrar o gelo. Um elogio inesperado e evidentemente exagerado para manter a atenção. E uma pergunta sem interrogações, jogada no meio disso tudo, visando a descobrir uma possível pista a seguir.
    Askalians
    Administrador
    Askalians
    Administrador

    Mensagens : 1834
    Reputação : 186
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1312.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1911.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    2º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh48.png

    João Miguel Empty Re: João Miguel

    Mensagem por Askalians Qui Fev 16, 2023 9:57 am

    E ele havia mordido a isca talvez por conta do perfume capturado pelos seus sentidos.

    Mal a garçonete se virou para continuar servindo os outros pedidos e ele a chamou. Ela pediu um minuto, serviu os outros dois clientes e retornou para a mesa de Miguel.

    - Boa noite… em que posso ajudá-lo? - a jovem tinha longos cabelos negros presos em um rabo de cavalo e grandes olhos cor de mel.

    - Meu nome é Alicia. Você está procurando por hospedagam!? Deixa eu pensar aqui um minuto… - ela então colocou a bandeja que segurava na mesa dele, pegou o celular de dentro do bolso do avental que usava e começou a procurar algo. Depois de poucos minutos, ela disse:

    - Acho que ainda podem ter quartos disponíveis no Maison de la luz. Não é neste bairro mas é um lugar muito bonito. Dizem que se onque você busca é paz, conforto e ter momentos para uma reflexão e até mesmo inspiração, você tem que ir lá. - e lhe mostrou o instagram do lugar através de seu celular:
    https://instagram.com/maisondelaluz?igshid=YmMyMTA2M2Y=

    Quando o outro falou de sua beleza, ela agradeceu, voltou a pegar o celular e a bandeja e disse:

    - Obrigado mas neste momento preciso continuar servindo as mesas.
    Posso lhe trazer mais alguma coisa junto com a cerveja!?
    - Alicia não falou nada sobre a questão do perfume pois isso soou para ela como uma cantada e a menos que a postura dele fosse diferente do que estava demonstrando, ela não cairia tão fácil em uma…


    _____________________________
    "If you love me, good...
    If you don't, I really don't care...
    My life will keep going the same way, with or without you...
    I will never choose between my family and you because family always go first...
    We have to remain together, always and forever..."
    Mandhros
    Tecnocrata
    Mandhros
    Tecnocrata

    Mensagens : 475
    Reputação : 62
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    2º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f51/19/64/68/80/prata_11.png

    João Miguel Empty Re: João Miguel

    Mensagem por Mandhros Qui Fev 23, 2023 4:06 pm

    Ah, esses malditos sacos de sangue às vezes me davam nos nervos!

    Em uma cidade do Sabá, tranquilamente essa Alicia já teria aberto o bico e eu estaria alguns minutos à frente a minha presa. Mas, em um raio de cidade da Camarilla, cheia de almofadinhas metidos a besta que, inconvenientemente, monitoram cada milímetro de seus domínios, eu não podia servir ao Abismo decentemente sem me expor a uma destruição ridícula como decorrência disso.

    Paciência, João Miguel... Paciência.

    Abro um sorriso desanimado quando ela mostra o hotel, e finjo interesse naquilo o máximo que poderia.

    Quando a moça ameaça sair de perto da mesa ao receber o elogio e o comentário sobre o perfume, eu intervenho, imediatamente:

    Alícia, talvez eu tenha me expressado mal. Você é uma moça bonita e eu realmente acho que poderia usar isso para fazer carreira.

    Balanço a cabeça, simulando desânimo, e lanço outra cartada.

    Sabe, eu não sou da cidade e não estou familiarizado com as coisas, a gente e os costumes daqui. Na verdade, nem dos Estados Unidos eu sou... Perdoe se soei rude, ou inapropriado.

    Faço uma pausa dramática, apenas o suficiente para observar a moça e ler melhor as reações dela, e então prossigo.

    O seu perfume... É o mesmo que a minha esposa usava, antes de falecer. Quando você veio me servir, acabou avivando essa lembrança. Desculpe.

    Não consigo deixar de imaginar essa garçonete pedurada pelos tornozelos e com a garganta aberta em cima de um balde, mas isso ia ter que esperar.

    Por ora, o que havia a fazer era ver se ela morderia a isca e falaria qualquer coisa sobre o perfume e a origem dele.
    Askalians
    Administrador
    Askalians
    Administrador

    Mensagens : 1834
    Reputação : 186
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1312.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1911.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    2º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh48.png

    João Miguel Empty Re: João Miguel

    Mensagem por Askalians Ter Fev 28, 2023 10:44 am

    Realmente haviam outras regras na cidade, já que era liderada pela Camarilla e como lá estava, ou ele conseguia passar desapercebido e camuflado, ou poderia encontrar belos problemas na sua frente.

    Quando Alicia tenta sair de perto da mesa, o rapaz intervém de novo. O que será que ele queria!? A jovem não fazia ideia, mas aquele tipo de comportamento realmente condizia com o que ele falava, que nem americano era e por isso talvez que ela esteja interpretando errado as palavras dele…

    - Ah… tudo bem… sinto muito pela sua esposa…- não era bem um aceite, mas havia conseguido pelo menos que a jovem tivesse uma ligeira empatia e se sensibilizasse com a situação dele.

    Ela puxou uma cadeira na mesa onde o vampiro estava e se sentou.

    - Obrigada pelo que disse antes mas realmente estou bem trabalhando aqui e sobre o perfume, espero que pelo menos ele tenha te trazido boas memórias… - pelo sim ou pelo não, pelo menos João Miguel havia conseguido a atenção da jovem por alguns instantes…


    _____________________________
    "If you love me, good...
    If you don't, I really don't care...
    My life will keep going the same way, with or without you...
    I will never choose between my family and you because family always go first...
    We have to remain together, always and forever..."
    Mandhros
    Tecnocrata
    Mandhros
    Tecnocrata

    Mensagens : 475
    Reputação : 62
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    2º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f51/19/64/68/80/prata_11.png

    João Miguel Empty Re: João Miguel

    Mensagem por Mandhros Qui Mar 02, 2023 9:32 am

    Observo, ainda com desânimo simulado, Alicia dar meia volta, puxar uma cadeira diante de mim e se sentar, dizendo que lamentava por uma hipotética esposa morta de um estranho estrangeiro que ela nunca tinha visto antes.

    O Rebanho tinha algumas práticas que lhe eram comuns, e a noção de solidariedade era patética, mas interessante. A idéia de que unidas as presas eram mais fortes, e estavam completamente a salvo dos predadores que espreitavam na noite; a noção de que se reunir em volta de uma fogueira servia como um escudo contra todo o mal do mundo...

    Balela.

    Diante de mim estava uma presa, inevitavelmente fadada a uma existência breve e sem sentido, que terminaria com a sua alma consumida pela escuridão de um Abismo indiferente e infinito. Nem toda a solidariedade ou boa vontade do mundo serviriam para salvá-la.

    Uma vez mais, se estivéssemos em um ambiente mais favorável, Alícia talvez servisse como uma adorável cabeça-de-pá, ou não passaria de mais um lanche com gosto de nada. Mas não aqui, e não agora. Além disso, ainda valia a pena explorar um pouco mais a garota, só para ter certeza se o perfume de dama-da-noite era uma infeliz coincidência - o que a tornaria mais uma peça inútil e uma perda de tempo - ou se havia qualquer fração de interesse nela.

    Baixo a cabeça suavemente, o suficiente para que um pouco de cabelo esconda ligeiramente o rosto, exprimindo um falso pesar. Continuo a contar a história, uma paródia de uma verdade muito mais sombria, antiga e longa, um pouco por diversão e um pouco como um joguete:

    Eu sou do Brasil, sabe... Vivia lá e estudava para ser padre quando a conheci...

    Ela era uma mulher muito inteligente, jovem, bonita como você... E adorava perfume de damas-da-noite, exatamente como esse que exala de você, agora. Foi por causa dela que abandonei a Igreja.

    Faço uma pausa, tanto para olhar ao redor, discretamente, quanto para avaliar a postura da moça a toda aquela verborragia, e então prossigo.

    Eu sempre fui um acadêmico, um almofadinha estudioso. Ela, por outro lado, era negociante. Certo dia, ela se envolveu com gente muito ruim por causa do trabalho. E eles vieram atrás dela.

    Metade dos Toreador Antitribu que eu conheço chorariam sangue - de tanto rir - do desfecho da história, mas para alguém com menos de um século de idade, ela provalvemente seria tocante. Mais uma pausa, breve, e continuo:

    Eu a encontrei em um hospital, mais morta que viva. Deixei um vaso com damas-da-noite ao lado do leito. Ela, por fim, não resistiu e, sem ela, não havia nada para mim lá. E isso me traz até Nova Orleans, até este bar e até esta mesa, onde converso com você, nessa noite. Sou um estranho em terra estranha, em busca de um novo começo.

    O seu perfume me traz lembranças boas e ruins, de vida e morte...

    Levanto levemente o queixo, o suficiente para encará-la perfeitamente de frente, e arremato:

    Desculpe mais uma vez se fui desagradável, ou estranho. Ainda estou bem deslocado e não conheço ninguém por aqui. Foi muito gentil da sua parte me ceder alguns minutos do seu tempo... Também não quero atrapalhar o seu serviço, ou criar embaraços. Todavia, se você não tiver nada para fazer depois do seu turno, seria legal esticar um pouco mais essa conversa e falar de coisas boas e noites melhores. Posso te pagar uma bebida?


    Faço uma pausa, aguardando pela resposta da garçonete. Quem sabe aquele noticiário insosso, amanhã, noticiasse o desaparecimento dela...
    Askalians
    Administrador
    Askalians
    Administrador

    Mensagens : 1834
    Reputação : 186
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1312.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1911.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    2º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh48.png

    João Miguel Empty Re: João Miguel

    Mensagem por Askalians Seg Mar 13, 2023 8:48 am

    Parecia que pouco a pouco João estava conseguindo fazer com que a jovem falasse mais.

    - Eu entendo... - disse Alicia.

    A continuação da história fez com que Alicia criasse um pouco mais de empatia por ele, por ser um estrangeiro aparentemente perdido em uma cidade com uma cultura diferente, onde talvez as pessoas não fossem tão calorosas como de onde ele vinha.
    Em sinal de empatia, se as mãos de João estivessem sobre a mesa, ela colocaria uma de suas mãos quentes brevemente sobre uma dele.

    - Meu turno termina em 2 horas. Se tiver paciência, tomamos alguma coisa antes de eu encontrar minha amiga...

    Se o que ele queria era conseguir a informação da jovem e depois mata-la, o primeiro passo foi dado...



    _____________________________
    "If you love me, good...
    If you don't, I really don't care...
    My life will keep going the same way, with or without you...
    I will never choose between my family and you because family always go first...
    We have to remain together, always and forever..."
    Mandhros
    Tecnocrata
    Mandhros
    Tecnocrata

    Mensagens : 475
    Reputação : 62
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    2º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f51/19/64/68/80/prata_11.png

    João Miguel Empty Re: João Miguel

    Mensagem por Mandhros Seg Mar 13, 2023 10:56 am

    Quando Alícia faz a menção de colocar uma de suas mãos sobre a minha, imediatamente uso a vontade que apenas um monstro morto-vivo teria para forçar sangue através das veias e aquecer aquela extremidade.

    Mais uma vez, em uma cidade do Sabá eu não me daria ao trabalho de fazer isso - ou de fazer de conta que respiro - mas aqui a história era outra, e cuidado e atenção aos detalhes me permitiria servir melhor ao Abismo.

    Com os dedos dela entre os meus, sorrio levemente - ainda falso, mas agora menos desanimado - e falo.

    Tempo não é um problema que eu tenha essa noite, Alicia. Vai ser um prazer esperar por você.

    Com isso, libero a moça, e permito que ela volte ao trabalho antes de arrumar algum problema e arruinar minha oportunidade. Duas horas não era tanto tempo assim, afinal - em especial para alguém que não morre - e a paciência é a virtude dos sábios.

    Com a saída a moça, lentamente eu começo a me desfazer da bebida sobre a mesa que eu ocupava, fingindo bebericar um pouco, de vez em quando. Simular ser humano era cansativo e desgastante, mas o sacrifício traria suas recompensas, um pouco mais tarde - fosse na forma de informação, fosse na forma de um lanche, ou ambos.

    Abro o mesmo livro que eu tinha nas mãos antes, e começo a ler, repassando mentalmente todos os motivos pelos quais Nova Orleans era a minha parada atual.

    O Códice, Anya e avaliação para um cerco. Nessa ordem.

    Ainda havia muito a fazer...
    Askalians
    Administrador
    Askalians
    Administrador

    Mensagens : 1834
    Reputação : 186
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1312.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1911.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    2º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh48.png

    João Miguel Empty Re: João Miguel

    Mensagem por Askalians Ter Mar 14, 2023 10:44 am

    E as famigeradas duas horas passaram rapidamente para ele, pois enquanto bebericava a cerveja que Alicia havia lhe trazido e folheava aquele livro, o tempo passou. A jovem garçonete servia todos aqueles que entravam no bar naquelas horas da noite. João Miguel podia ver que todos no bar se conheciam e se tratavam pelos nomes. Alicia eram simpática com todos, mas entre um cliente e outro, ela voltava seus olhos para a mesa de João Miguel. Estaria ela preocupada que havia aceitado sair para beber algo com um estanho ou estaria simplesmente ansiosa?

    Será que ele teria pena ou até mesmo receio de matá-la uma vez que isso poderia colocar alguém atrás dele isto que era óbvio que como um desconhecido em um lugar onde todos se conheciam levantaria muitas suspeitas e questionamentos?

    9h30… e finalmente Alicia deixava seu avental detrás do balcão e pegando sua bolsa tira-colo, deu mais uma breve olhada para a mesa de João, que com certeza indicaria que estava saindo e que ele podia ir com ela. Não iria avisar abertamente pois poderia pegar mal, mas esperava que ele entendesse o que o olhar significava…


    _____________________________
    "If you love me, good...
    If you don't, I really don't care...
    My life will keep going the same way, with or without you...
    I will never choose between my family and you because family always go first...
    We have to remain together, always and forever..."
    Mandhros
    Tecnocrata
    Mandhros
    Tecnocrata

    Mensagens : 475
    Reputação : 62
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    2º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f51/19/64/68/80/prata_11.png

    João Miguel Empty Re: João Miguel

    Mensagem por Mandhros Ter Mar 14, 2023 2:38 pm

    Entre um beberico e outro, e algumas dúzias de páginas do livro que eu trazia a tiracolo, duas horas escoam como o arfar de um recém-nascido.

    O tempo que permaneci naquele lugar, se não serviu para indicar qualquer pista imediata sobre os meus objetivos, ao menos me deu a chance de avaliar o cenário, com frieza.

    Em que pese Nova Orleans fosse uma cidade grande, aparenemente aquele pequeno bar, de uma região periférica e sem graça, tinha seus ares de interior - as pessoas se conheciam e se chamavam pelos nomes, e a garçonete mostrava muita simpatia e engajamento com seus clientes. Isso me obrigaria, talvez, a adaptar a estratégia.

    Ninguém se importa muito quando um viciado ou membro de gangue desaparece - é algo até esperado - mas o sumiço de uma garçonete conhecida localmente talvez despertasse curiosidade indesejada. Talvez fosse tolice torturá-la e matá-la, como era meu plano original... O Abismo exigia uma abordagem mais cautelosa e criativa para que, no fim, seus planos se efetivassem.

    Sempre haveria outra oportunidade para torturar e matar, em especial se eu conseguisse me manter incógnito por tempo suficiente.

    Quando Alicia finalmente põe de lado o avental, eu sabia que era hora do show. Eu vi aquele cordeiro olhando para este lobo várias vezes entre um atendimento e outro, e entendi perfeitamente o recado quando ela me encarou, brevemente, enquanto saía do lugar.

    Dou uma última golada falsa na cerveja, e deixo uns trocados (inclusive uma gorjeta) sobre a mesa, ao mesmo tempo em que fecho o livro e recolho minha mochila. Continuo carregando o livro em uma das mãos - o que dava um ar mais inofensivo - e saio do bar, caminhando lentamente, primeiro atrás e depois até me colocar ao lado da garçonete. Solto um longo suspiro, e então falo a ela, procurando aparentar simpatia.

    E então, Alícia? Não conheço essa cidade... Há algum lugar que você goste no qual possamos conversar mais calmamente?

    Ajeito os próprios cabelos, livrando o rosto deles, e continuo:

    Acho que falei muito de mim, e me sinto meio desajeitado por isso... Poderíamos falar um pouco sobre você e sobre esse lugar? Nova Orleans parece ser uma cidade muito bonita.

    Dou todo o tempo que ela desejar para responder, e permito que ela me conduza a qualquer lugar que ela queira. Por enquanto.
    Askalians
    Administrador
    Askalians
    Administrador

    Mensagens : 1834
    Reputação : 186
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1312.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1911.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    2º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh48.png

    João Miguel Empty Re: João Miguel

    Mensagem por Askalians Ter Mar 21, 2023 8:52 am

    E quando finalmente João Miguel saiu atrás dela e a alcançou, até se posicionar ao lado da jovem, ela deu um leve sorriso e esboçando alguma timdez colocou uma mecha de seu cabelo atrás da orelha, ajeitou a bolsa a tira-colo e virando-se para ele disse:

    - Não há muito o que dizer sobre mim... eu nasci e cresci aqui e Nova Orleans é uma cidade como outra qualquer, mas tem seus charmes a noite, apesar de este ser um bairro pequeno. As grandes agitações estão no centro... Por aqui você vai encontrar aguns estabelecimento como bares, um ou outro restaurante e alumas casa de wodoo se você se interessar por esse tipo de coisa... - e como ela havia falado sobre o centro, voltou a dizer:

    - Tem uma boate há uns 10 quarteirões daqui, no centro... Não é tão longe assim quanto parece... mas se você gosta de dançar, podemos ir lá... se você quiser...


    _____________________________
    "If you love me, good...
    If you don't, I really don't care...
    My life will keep going the same way, with or without you...
    I will never choose between my family and you because family always go first...
    We have to remain together, always and forever..."
    Mandhros
    Tecnocrata
    Mandhros
    Tecnocrata

    Mensagens : 475
    Reputação : 62
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    2º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f51/19/64/68/80/prata_11.png

    João Miguel Empty Re: João Miguel

    Mensagem por Mandhros Ter Mar 21, 2023 11:27 am


    E quando finalmente João Miguel saiu atrás dela e a alcançou, até se posicionar ao lado da jovem, ela deu um leve sorriso e esboçando alguma timdez colocou uma mecha de seu cabelo atrás da orelha, ajeitou a bolsa a tira-colo e virando-se para ele disse:

    - Não há muito o que dizer sobre mim... eu nasci e cresci aqui e Nova Orleans é uma cidade como outra qualquer, mas tem seus charmes a noite, apesar de este ser um bairro pequeno. As grandes agitações estão no centro... Por aqui você vai encontrar aguns estabelecimento como bares, um ou outro restaurante e alumas casa de wodoo se você se interessar por esse tipo de coisa... - e como ela havia falado sobre o centro, voltou a dizer:

    - Tem uma boate há uns 10 quarteirões daqui, no centro... Não é tão longe assim quanto parece... mas se você gosta de dançar, podemos ir lá... se você quiser...
    As presas tem uma linguagem corporal muito específica, que é especialmente óbvia para qualquer predador experiente. Ajeitar o cabelo e a bolsa, aliados a um sorriso sutil são indicativos claros de que eu havia, de alguma forma, despertado o interesse de Alicia.

    Para um mortal, talvez isso fosse excitante. Mas eu já tinha vivido demais e visto Alicias demais por aí, em muitas cidades e décadas diferentes...

    Procuro demonstrar atenção focada à moça e ao que ela dizia, mas também presto bastante atenção ao redor - tanto ao caminho que fazemos, enquanto caminhamos (seria um tanto estúpido perder o trajeto do hotel, no fim da noite, ou ser trapaceado por qualquer taxista mal caráter) quanto se há pessoas que possam estar seguindo ou vigiando.

    Quando, por fim, ela sugere uma boate, dez quarteirões adiante, começo a avaliar as opções. Um local escuro e barulhento me daria a óbvia vantagem de me alimentar sem maiores problemas, por um lado. Por outro, não seria improvável que fosse o campo de caça de alguém na cidade. Currais da Camarilla são sobretudo desagradáveis, em especial por causa dos lambedores idiotas, territorialistas e cheios de si que não-vivem neles.

    Embora as tradições da Camarilla não fizessem a menor diferença pra mim, eu conhecia a Máscara e o Domínio. Parecia bastante claro o risco de pisar no calo de alguém.

    Havia ainda a oportunidade de avaliar melhor a estrutura da cidade, o que implicava que se eu conseguisse me manter suficientemente incógnito, ou parecer conveniente inofensivo, talvez tivesse a chance de realmente começar a me informar e atingir um dos três objetivos que me conduziam a Nova Orleans.

    Valia a pena tentar? Sim, valia. O Abismo despreza os estúpidos tanto quanto despreza os covardes.

    Era hora de levar a encenação a um novo nível.

    Voltando-me a Alicia, converso, da forma mais casual possível:

    Eu duvido que haja tão pouco assim para falar sobre você, Alicia. Acredito que outros locais passem pelo bar no qual você trabalha noite após noite e enxerguem apenas uma garçonete, ou uma menina bonita... Mas eu venho de longe, e tive tempo de ver como você trata as pessoas e como essa gente aqui gosta de você.

    Abro também um leve sorriso, e jogo a cabeça suavemente para trás, com uma distração dissimulada.

    Sabe... Hoje em dia todo mundo está com muita pressa, a vida corre muito rápido. Somos todos escravos de um relógio cruel. Mas eu gosto de prestar atenção, gosto de me sentir vivo em cada instante, seja enquanto sento em um bar e tomo uma cerveja em uma cidade que não conheço, seja quando caminho ao lado de uma moça que decidiu prestar atenção e me ouvir.

    Pisco um olho, maroto, e continuo:

    Já tive minha cota de tristeza e desespero na vida. Uma boa cota. Como eu disse, estou aqui em busca de um recomeço... Acho que seria um prazer acompanhar você até essa boate...

    E arremato:

    Quero dizer, se não for incômodo para você... Você tinha mencionado que iria encontrar uma amiga mais tarde... Não quero atrapalhar.

    Quando termino de falar, volto a cabeça à posição normal e coloco as mãos nos bolsos da calça, fazendo um leve movimento com o braço mais próximo a Alicia, que poderia sugerir que eu estava oferecendo o braço a ela, ou não. Era uma abertura, sutil, e um teste, para saber até onde a mortal estava disposta a levar aquela noite.
    Askalians
    Administrador
    Askalians
    Administrador

    Mensagens : 1834
    Reputação : 186
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1312.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1911.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2211.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    2º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh48.png

    João Miguel Empty Re: João Miguel

    Mensagem por Askalians Qua Mar 29, 2023 5:24 pm

    Alicia percebia a atenção que o outro dava para ela afinal se ela aceitou sair com o homem do bar, significava que havia lhe dado alguma abertura.

    Quando ele comenta sobre a forma como ela tratava as pessoas em seu local de trabalha e o fato de gostarem dela, Alicia da um leve sorriso e diz:

    - Eu acredito que não importa qual seja o seu trabalho, desde que você faça ele da melhor forma possível, principalmente atendendo as pessoas sempre com um sorriso no rosto e com educação.

    Quando João Miguel joga a cabeça para trás e fala sobre apreciar a vida e se sentir vivo, ela apenas o observa curiosa, pois não fazia a menor ideia do que significava o “se sentir vivo” e quando ele diz sobre uma moça que prestou atenção no que ele disse e lhe ouviu, ela ficou levemente corada e o vampiro pode ouvor que sua piscada marota rendeu algum descompasso nas batidas do coração da jovem.

    Falar que será um prazer acompanhar a jovem na boate parecia arrematar a situação de flerte em que João Miguel estava se colocando, mas a grande questão era: até onde Alicia iria com aquilo!? Até obde ela permitiria que as coisas avançassem!?

    - Se eu ver que nao vou conseguir encontrar com a minha amiga, eu mando uma mensagem para ela… - ela não ia se fazer de tão fácil assim, por mais que o gestual até pudesse indicar outras coisas.

    E por fim, quando ele foi gebtil o bastante para fazer um movimento com o braço como se fosse uma sugestão para que ela aceitasse, a jovem aceitou e aproveitou para ficar mais próxima do corpo dele e até mesmo lhe acariciar o braço.

    Até onde o vampiro queria ir naquela noite!? Será que aceitar dar o braço à ele significaria alguma coisa!?


    _____________________________
    "If you love me, good...
    If you don't, I really don't care...
    My life will keep going the same way, with or without you...
    I will never choose between my family and you because family always go first...
    We have to remain together, always and forever..."
    Mandhros
    Tecnocrata
    Mandhros
    Tecnocrata

    Mensagens : 475
    Reputação : 62
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    2º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f51/19/64/68/80/prata_11.png

    João Miguel Empty Re: João Miguel

    Mensagem por Mandhros Qui Mar 30, 2023 1:32 pm

    Tiro... E queda.

    Observo, em silêncio, quando a mortal fala sobre a possibilidade de não encontrar com a amiga, e sorrio para ela, cordial, sem dizer nada.

    Quando Alícia anui com o meu gesto, me dá o braço e até começa a fazer carícias, fica suficientemente claro que ela estava na posição que eu pretendia. O disfarce de rebanho casual em uma boate estava suficientemente montado, e qualquer um que não estivesse lendo auras ou procurando ativamente por um predador morto-vivo certamente não me notaria.

    Com isso em mente, tomo o cuidado de manter o corpo aquecido e simular respiração - em que pese o clima quente de Nova Orleans fosse muito menos propenso a denunciar um cadáver deambulante e frio do que um ambiente gelado.

    Tiro uma das mãos do bolso, a que não estava segura por Alícia, e retribuo, gentilmente, os afagos, na mão e antebraço da minha companhia.

    Aquela era a carícia da morte.

    Ando mais alguns metros em silêncio, braços dados com a moça, até ela me indicar que já estávamos mais perto do nosso destino.

    Neste momento, inclino minha cabeça em direção à dela, suavemente, de modo a ficar a meia distância do rosto, e falo:

    Você tem um sorriso muito bonito...

    Uma vez mais, aguardo a resposta dela, que poderia vir com um beijo - o que eu pretendia - ou com ela se afastando. De qualquer forma, minha intenção era de que a reação dela fosse natural, e que deliberadamente fôssemos vistos como um casal diante da boate.

    Ainda que eu fosse notado por qualquer valentão da Camarilla, era certo que eu não estaria violando o domínio e caçando no quintal alheio, se tivesse levado comigo minha própria presa. Não que isso importasse muito para qualquer sanguessuga entediado, se estivesse disposto a criar confusão, mas ao menos me daria oportunidade suficiente para conversar antes de uma briga de bar.

    Além disso, demonstrações públicas de afeto tendem a gerar um desconforto nos demais transeuntes, e também são um sinal de que, ao menos em princípio, seríamos inofensivos.

    Era hora do show.
    Conteúdo patrocinado


    João Miguel Empty Re: João Miguel

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Dom Abr 14, 2024 4:27 am