Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    Souei: Odisseia

    Ed Araújo
    Mestre Jedi
    Ed Araújo
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1171
    Reputação : 79
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2211.png

    Souei: Odisseia Empty Souei: Odisseia

    Mensagem por Ed Araújo Seg Jun 12, 2023 5:04 pm

    Mágika: Ressurreição

    Souei: Odisseia O8ejFDu


    Eu encontrei um novo caminho
    (…)
    Oh, então de repente você sabe
    Você nunca vai para casa
    (…)
    Você não é Ulisses


    – Franz Ferdinand, Ulysses

    Souei: Odisseia 7scxRRU


    Primeiro veio o túnel de luz, depois escuridão. Então Souei abriu os olhos e foi recebido pela penumbra.

    Vestia uma túnica simples, cinzenta, feita de um material que não reconhecia – pele animal, talvez. Não tinha nada por baixo. Felizmente não estava frio, exceto pelo chão onde estava deitado. Um par de sandálias e um cinto, todos de couro, completavam a indumentária. À cinta uma adaga embainhada.

    Souei: Odisseia CTb9hzX

    Ergueu-se. Não havia nenhuma fonte de luz consigo, exceto por poucos fachos de luz que entravam por buracos no teto. Era uma grande caverna natural, mas havia colunas em ruínas e um piso – um tipo de templo subterrâneo, talvez, mas abandonado há um bom tempo pelas condições do lugar.

    Ele podia ouvir água caindo por uma passagem próxima. Uma cachoeira, provavelmente. Na mesma direção ele podia ver que havia mais luz – poderia ser uma saída dali.

    Off:

    Protagonista:
    Dante
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 172
    Reputação : 11

    Souei: Odisseia Empty Re: Souei: Odisseia

    Mensagem por Dante Seg Jun 12, 2023 8:07 pm

    Eu estava confuso. A ultima coisa que me lembrava é de estar na sala assistindo a final. Juiz ladrão. Inicialmente pensei que tivesse pegado no sono durante o jogo, mas lembrei da dor no peito e pensei o pior. Mas eu não queria acreditar. Melhor achar que era um sonho.

    Eu estava vestido com um tipo de roupa muito diferente e meu próprio corpo parecia diferente. Infelizmente não havia nenhum espelho para eu confirmar, mas pelo resto do meu corpo já dava pra ver que não parecia ser eu mesmo. Então só poderia mesmo ser um sonho.

    Mas era um sonho bem estranho. Normalmente eu sonhava correndo. Vencendo corridas, fazendo manobras audazes e me sagrando campeão.

    As vezes tinha pesadelos também. Principalmente da guerra. A guerra é um inferno.

    Mas esse sonho era diferente estava com roupas estranhas, em um corpo estranho, em um lugar estranho. O lugar parecia ser algum tipo de caverna ou algo parecido. Resolvi seguir a luz e o barulho de água. Eu queria ver o que me aguardava...
    Ed Araújo
    Mestre Jedi
    Ed Araújo
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1171
    Reputação : 79
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2211.png

    Souei: Odisseia Empty TEMPLO ABANDONADO

    Mensagem por Ed Araújo Qui Jun 15, 2023 12:47 pm

    Souei: Odisseia UvJThIE


    Souei seguiu por uma longa caverna iluminada por estranhas formações no teto irregular – musgo, talvez? Em formato cristalino, elas cobriam quase toda a extensão da estrutura até terminar em um vasto fosso natural. Havia restos de uma escada à direita que levavam a um largo pórtico, mas o túnel além havia colapsado e toneladas de pedras cobriam a passagem. Talvez fosse a entrada e saída original, mas era impossível saber. Água descia do outro lado, em forma de várias cachoeiras, emergindo da parede no alto – um rio subterrâneo. O lago era uma piscina natural e havia até mesmo peixes nadando ali, mas não havia sinal de grandes predadores aquáticos. O sol estava alto no céu, devia ser meio-dia, e era possível ver o fundo – o lago tinha poucos metros de profundidade. Se provada, a água se revelava levemente salgada, como água do mar.

    Havia colunas brilhando vermelhas em um canto do lago, ladeando a entrada de uma passagem subaquática – talvez no passado o lago não existisse e aquele fosse outro nível daquela estrutura parcialmente natural e artificial. De fato, havia degraus que entravam na água, cobertos por limo e pequenos crustáceos, corroídos pela água salgada e o tempo. O que haveria ali? Tesouros? Armadilhas? Talvez uma rota de fuga alternativa? Era impossível saber.

    A única saída claramente visível era escalando o paredão até o topo, de modo a escapar por cima. O fosso curvava-se para dentro na parte mais superior, mas não era impossível agarrar-se nas diversas reentrâncias da rocha e conseguir chegar à borda.

    Off:

    Protagonista:
    Dante
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 172
    Reputação : 11

    Souei: Odisseia Empty Re: Souei: Odisseia

    Mensagem por Dante Qui Jun 15, 2023 3:39 pm

    “Cada vez mais começo a duvidar que isso seja um sonho. Como posso sonhar com um lugar que sequer imaginei um dia? Cavernas nunca foi de meu interesse. Na verdade, nunca fiz o tipo esportivo, exceto pelos carros. Ah os carros... Enfim, vamos tentar escalar. Não vejo outra saída mais fácil. Quanto mais rápido sair desse buraco melhor. Nunca gostei de lugares apertados. Já estou ficando claustrofóbico aqui.

    Isso me faz lembrar dela... Ela gostava de aventuras... Não parava em casa. Penso se isso não foi um motivo determinante para ela ir embora. Seguir seus sonhos. Talvez eu estivesse prendendo ela... Mas não foi isso. Eu sei que não foi. Mas não pode me culpar por tentar me enganar certo?

    Talvez ela apareça por aqui hein? Se é meu sonho então ela realmente deveria aparecer. Do jeito que lembro dela. Não do jeito que tudo acabou... Enfim, quem pensa não casa. Vamos embora

    Eu sigo pelo que acredito ser a saída. E vou tentar escalar o paredão na esperança de sair por cima. Como disse antes nunca fui do tipo atlético, mas quem não tem cão caça com gato. Vamos em frente. Ou melhor, a cima.”
    Ed Araújo
    Mestre Jedi
    Ed Araújo
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1171
    Reputação : 79
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2211.png

    Souei: Odisseia Empty TEMPLO ABANDONADO

    Mensagem por Ed Araújo Ter Jun 20, 2023 6:41 pm

    Souei: Odisseia UvJThIE


    Para sua própria surpresa, Souei tem poucas dificuldades para escalar o paredão – seu corpo é de um atleta quase sobre-humano, do nível de um Usain Bolt. Ele emerge pela passagem superior, vendo-se sobre uma enorme montanha em uma ilha cercada pelo mar azul.

    Souei: Odisseia CHYrQh5

    Era possível ver que havia estruturas na ilha – a parte externa do templo subterrâneo. Lá, na praia, ele via um veleiro. Com uma única vela, ele parecia encalhado, mas havia algumas pessoas perto. Outro navio, maior, em cores verdes, estava fundeado nas proximidades e um escaler estava também parado na praia, perto do barco encalhado.

    Era possível descer a montanha, mas exigiria algum cuidado para não rolar morro abaixo.

    Off:

    Protagonista:
    Dante
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 172
    Reputação : 11

    Souei: Odisseia Empty Re: Souei: Odisseia

    Mensagem por Dante Ter Jun 20, 2023 9:24 pm

    Ora ora, nada mal. Não foi tão difícil quanto pensei. Eu nunca conseguiria escalar algo assim normalmente.

    Bom parece que estou realmente em um lugar que nunca vi antes. Eu lembro da pequena cidade onde morava e lembro mais uma vez o quanto ela queria viajar e conhecer o mundo. E vejam agora onde eu estou. Com certeza em um lugar bem diferente.

    Ao ver as pessoas resolvo ir até elas. Talvez elas consigam me explicar o que está acontecendo ou ao menos onde estou.

    O caso é que por alguma razão começo a me excitar com a situação e o medo inicial vai dando lugar a curiosidade e ansiedade de explorar. Me sinto bem. Talvez eu devesse ter viajado mais com ela. Mas estou divagando. Resolvi descer cuidadosamente e ir ter com aquelas pessoas.

    Ed Araújo
    Mestre Jedi
    Ed Araújo
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1171
    Reputação : 79
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2211.png

    Souei: Odisseia Empty ILHA PERDIDA

    Mensagem por Ed Araújo Dom Jun 25, 2023 12:16 pm

    Souei: Odisseia CHYrQh5


    Souei desce a montanha sem dificuldades, com uma agilidade impressionante, uma velocidade bem acima da média de um escalador normal. Aquele corpo era uma máquina!

    Uma mulher avança, armada com uma lança e um falcão sobre o ombro.

    Souei: Odisseia NpgrW5T

    Kassandra
    Souei: Odisseia T4uTeqY
    Alto! Sou Kassandra, Capitã do Adrasteia. Quem é você, estranho?

    Off:

    Protagonista:
    Dante
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 172
    Reputação : 11

    Souei: Odisseia Empty Re: Souei: Odisseia

    Mensagem por Dante Seg Jun 26, 2023 5:05 pm

    — Olá Kassandra! Pergunta difícil essa sua. Eu não tenho certeza. Acordei agora a pouco ali em cima e não sei onde estou.

    Eu penso em um nome interessante e lembro de ter vistou Souei – ou algo assim – em algum lugar.

    — Meu nome é Souei, mas acho que bati a cabeça. Não lembro como cheguei aqui. Aliás. Onde estamos?

    Não quero dar muitos detalhes ainda. Espero não arranjar problemas e finalmente começar a entender o que está acontecendo.

    Cada vez mais vejo que não é um sonho, apesar de pensar na minha morte é algo que tento me distanciar o máximo possível. Tomara que haja outra resposta. Tomara...
    Ed Araújo
    Mestre Jedi
    Ed Araújo
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1171
    Reputação : 79
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2211.png

    Souei: Odisseia Empty ILHA PERDIDA

    Mensagem por Ed Araújo Qua Jun 28, 2023 3:12 pm

    Souei: Odisseia CHYrQh5


    Havia outras pessoas junto com Kassandra. Todos eram pretos, alguns estavam armados, outros não.

    Kassandra
    Souei: Odisseia T4uTeqY
    Souei? Que nome diferente. De onde você é? Esta ilha é um antigo templo pagão, nós o usamos como entreposto para repor nossa água e fazer reparos no navio, tem uma fonte de água doce aqui perto. Nosso navio veio de Subupira e está indo para Macaco, transportando mercadorias. Quer ir conosco?

    Off:

    Protagonista:
    Dante
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 172
    Reputação : 11

    Souei: Odisseia Empty Re: Souei: Odisseia

    Mensagem por Dante Qua Jun 28, 2023 3:26 pm

    — Bom eu não lembro bem de onde eu sou. Como lhe disse antes acho que bati a cabeça. Tudo está muito confuso. Eu adoraria ir com vocês, mas não sei se posso lhe pagar. Talvez eu tenha sido roubado ou algo assim. De toda forma, posso lhe pagar com trabalho. O que me diz Kassandra?

    Eu estava cada vez mais confuso, porém não acho que tinha muita opção a não ser tentar pegar carona e conhecer mais daquele lugar e falando em lugar, talvez eu entendesse meu lugar no mundo aqui, pelo menos nesse mundo...
    Ed Araújo
    Mestre Jedi
    Ed Araújo
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1171
    Reputação : 79
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2211.png

    Souei: Odisseia Empty MAR DE JANGA

    Mensagem por Ed Araújo Sáb Jul 01, 2023 7:59 pm

    Souei: Odisseia DgDPJOz


    Após obterem água fresca, os tripulantes e mercadores retornam ao navio, com Souei os acompanhando. A viagem é tranquila, o céu tem poucas nuvens. O reencarnado percebe que tem grande traquejo com as atividades náuticas, como se tivesse feito aquilo por toda sua vida – era como escalar o fosso, algo natural para ele.

    Kassandra
    Souei: Odisseia T4uTeqY
    Talvez não lembre quem é, mas com certeza é um homem do mar. Isso é bom.

    Ele tinha um tempo para conversar com as pessoas do navio e tentar obter alguma informação.

    Off:

    Protagonista:
    Dante
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 172
    Reputação : 11

    Souei: Odisseia Empty Re: Souei: Odisseia

    Mensagem por Dante Ter Jul 04, 2023 8:48 pm

    “Homem do mar?” Pensei com um sorriso no rosto por lembrar que nem sabia nadar.

    — Talvez eu seja. Quem sabe não? Eu gostaria de saber mais sobre este mundo e tudo que o cerca. Me parece que sou agora como um recém nascido se puder me dar mais informações talvez eu me recorde de algo.

    Se Kassandra não se dispor a me responder, procurarei outros tripulantes e perguntarei sobre o mundo e como as coisas funciona.

    Procurarei sempre me entrosar com quem me for amistoso, talvez beber algo e jogar com os marinheiros.

    Aproveito para perguntar se algum deles lembra de mim ou me conhece de alguma forma ou ainda se podem indicar algum tipo de hospital que pudesse, talvez, me esclarecer o ocorrido.

    Apesar de toda a situação surreal eu quase me esqueço que já tive outra vida...
    Ed Araújo
    Mestre Jedi
    Ed Araújo
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1171
    Reputação : 79
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2211.png

    Souei: Odisseia Empty MAR JANGA

    Mensagem por Ed Araújo Qui Jul 06, 2023 8:08 pm









    Souei (???)

    • Classe: Assassino 5.

    • Atributo: P6, H8, R6; Dano 30, PV 40, PM 12.

    • Elemento: Fogo.




    Souei: Odisseia DgDPJOz

    Na primeira noite de sono no navio, dormindo em uma rede, Souei tem um sonho curioso – na verdade uma memória:

    Ele se lembrava da morte por ataque cardíaco enquanto assistia a um jogo. A dor no peito, a paralisia, a incapacidade de resistir. Então vagava pelo espaço, flutuando no vazio. Viu um ponto de luz que foi aumentando. Então uma pequena chama surgiu ao seu lado e, ao se aproximar, revelou-se ser um tipo de iguana em chamas que volteou ao seu redor e subiu em seus ombros. Juntos, atraídos por uma força poderosa, seguiram em direção à luz que agora ampliava-se em um enorme túnel.

    Caía do céu e percebeu que encarava a ilha de onde havia partido. Caía mais e mais.

    Lutava. Uma estranha criatura, com uns três metros de altura, disforme, golpeou-o com força usando um cajado de metal. Enquanto agonizava, a criatura arrancou sua armadura, tomou suas armas e terminou com ele com um último golpe na cabeça.

    Acordou suando frio.

    Nos dias seguintes aprendeu alguma coisa sobre o mundo onde estava. Os marujos o chamavam Obatalá, mas também havia que o chamasse Veles no continente mais ao norte ou Nuwa no oriente.

    Aqueles marinheiros, de pele preta, eram de Dongo, um reino que ocupava um grande arquipélago, com vasta extensão territorial. Navegavam pelo Mar de Janga, como chamavam o mar entre as ilhas. A origem era curiosa: "janga" eram pequenas embarcações a remo que os antigos nativos usavam para se locomover entre as ilhas, algo possível porque o mar era calmo na maior parte do tempo, bastante acessível à locomoção marítima mesmo em condições rudimentares. Além das ilhas estava o Mar Exterior ou Grande Mar, que seria o oceano. Os dongoleses eram navegadores e mercadores experientes, segundo os próprios sua marinha tanto militar quanto mercante era a maior e mais poderosa do mundo. As maiores ilhas produziam minérios e gemas que eles vendiam para os habitantes do continente ao norte – o único conhecido –, que era conhecido como Volgia. Volgia e Dongo compunham o mundo conhecido, sendo que expedições enviadas para explorar o resto do mundo nunca haviam retornado.

    Não tinham deuses, ao invés disso cultuavam os espíritos elementais e reverenciavam a memória de seus ancestrais, mantendo contato com eles por meio de sacerdotes especiais (médiuns). Tinham uma conexão especial com a Luz e rejeitavam os espíritos das Trevas como malignos. Sua religião é organizada ao redor de uma igreja com hierarquia bem definida e eles são muito devotos.

    Kassandra não era dongolesa, havia vindo de um país chamado Minsk, em Volgia – sua nação era muito longe dali. Era uma mercenária que há anos trabalhava na segurança de navios mercantes do reino, protegendo-os contra os piratas que assolavam as ilhas, se aproveitando do governo descentralizado. Embora Dongo tivesse um rei e seguisse basicamente as mesmas leis, costumes e idioma, cada ilha era sede de uma murinda (província) e tinha seu próprio governo, com alto grau de autonomia, e isso permitia que criminosos marítimos pudessem escapar de uma caçada mais organizada. Claro, quando eram capturados, costumavam ser presos e, em muitos casos, condenados ao julgamento da água: eram presos nus em gaiolas e mergulhados no mar por um dia – se sobrevivessem recebiam o perdão, mas ninguém contava que isso fosse acontecer algum dia. Mas era visto como um ordálio divino (se os espíritos quisessem salvá-lo, assim seria).

    Subupira, a origem do Adrasteia (o nome do navio havia sido dado por Kassandra, que era proprietária do mesmo, e era o nome de sua avó), era a capital de Matamba, uma das maiores ilhas. Macaco, o destino, era a capital do reino e ficava em uma ilha central chamada N'gola.

    Havia alguns brancos nativos em Dongo, isso Kassandra ressaltou. Souei conseguia falar dongolês muito bem, mas também falava Minsk, inclusive no koiné, o dialeto falado ao sul daquele país. Mas ele tinha sotaque e a minskiana apontou que ele era provavelmente de Alba, onde também se falava koiné, assim como o próprio idioma albi.

    Alba era uma confederação de cidades-estados que também existiam em Volgia, assim como os reinos de Lúsia, Gália e treze países menores chamados de Reinos Centrais, assim como uma região setentrional chamada Ânglia Oriental e uma grande ilha ao norte do continente, denominada Ânglia Ocidental. As Ânglias eram divididas em reinos menores e eram um povo agressivo e, segundo os dongoleses, pagão (ou seja, cultuava todos os espíritos, incluindo os das trevas).

    Off:
    Protagonista:

    Dante
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 172
    Reputação : 11

    Souei: Odisseia Empty Re: Souei: Odisseia

    Mensagem por Dante Qui Jul 06, 2023 9:09 pm

    Souei acordou suando frio no meio da noite e quase caiu da rede. “Que sonho esquisito” ele pensou. “Seria mesmo apenas um sonho?” As memorias de sua morte agora pareciam como um sonho também e ele se perguntava se poderia sonhar dentro de um sonho...

    Não conseguiu voltar a dormir naquela noite, mas logo as conversas com a tripulação lhe fizeram esquecer o ocorrido. Souei podia falar com todos habilmente, institivamente na verdade. No inicio ele até achou que todos falavam a mesma língua – português -, mas depois foi alertado que não era esse o caso.

    Ele começava a se apaixonar pela cultura daquele lugar e pela camaradagem encontrada naquela embarcação. Pensou em tentar uma vaga definitiva como marinheiro, mas ao ouvir que talvez seja de Alba resolveu encontrar o lugar.


    — Preciso ir até Alba! Como faço para chegar lá Kassandra?

    Ed Araújo
    Mestre Jedi
    Ed Araújo
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1171
    Reputação : 79
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2211.png

    Souei: Odisseia Empty MAR JANGA

    Mensagem por Ed Araújo Dom Jul 09, 2023 6:23 pm









    Souei (???)

    • Classe: Assassino 5.

    • Atributo: P6, H8, R6; Dano 30, PV 40/40, PM 12/12.

    • Elemento: Fogo.




    Souei: Odisseia DgDPJOz

    Kassandra
    Souei: Odisseia B8O9ULT
    Bom... em Macacos pode tentar procurar emprego em um navio que vá para Volgia e encontrar seu caminho até Alba.

    Não havia muito a fazer além de esperar por isso. A rota não era direta, o navio fazia paradas em diversas ilhas e comunidades de diferentes tamanhos, fazendo trocas e comercializando produtos. Em uma delas ele teve a oportunidade de comparecer a um tipo de festival local.

    Ao pé de uma montanha o povo iniciava uma procissão carregando tochas acesas e entoando orações ao som de percussão. Dançarinos iam à vanguarda e retaguarda do grupo enquanto no centro um palanque trazia uma imagem de uma mulher negra e nua que segurava um balde em uma mão e um grande pedaço de pão na outra.


    Boma se aproximou de Souei. Não era um soldado, mas já havia passado por situações arriscadas e o lado esquerdo de seu rosto trazia as cicatrizes do ataque de uma pantera que também havia arrancado seu olho. A tatuagem azul na sua testa indicava que ele era um olwó, um sacerdote iniciado nas artes da leitura dos búzios, um sistema divinatório. Sua capacidade de entender as intenções dos espíritos lhe tornavam muito importante para a navegação.

    Boma, o Olwó
    Souei: Odisseia IypnnZY
    Eles relembram quando a Virgem Sagrada teria vindo aqui e trazido aos nativos água potável e comida.

    A Virgem Sagrada ocupava um papel importante na religião. Não era apenas uma, mas uma sucessão de mulheres escolhidas pelos espíritos superiores da Luz para servir como um canal entre estes e os mortais. Quando uma morria, outra assumia. Perdiam seus nomes de origem e se tornavam apenas "A Virgem Sagrada". E, ao contrário do que poderia indicar o nome, não eram virgens no sentido da Terra – o termo significava "pureza espiritual" e não tinha relação com atividade sexual, que para os locais era apenas uma atividade divertida e prazerosa, sem nenhuma sacralidade ou profanação.

    Mas uma Virgem uma vez liderou um grupo de guerreiros de Volgia de volta ao seu continente e desde então nenhuma Virgem Sagrada havia voltado a surgir em Dongo. Ao que se dizia no navio, os volgianos adotaram a Religião da Luz, mas a corromperam e a última Virgem (que eles chamavam de Oitava Virgem, embora tivessem havido muito mais) havia sido morta pelos membros da Ordem da Cruz. Desde então os dongoleses acreditavam que os Espíritos da Luz enviaram uma nova Virgem diretamente para eles e aguardavam fervorosamente.

    Chegaram à praia, onde o altar, feito de bambu e tábuas, foi colocado na água e enviado ao mar, junto com diversas oferendas. O povo acendeu fogueiras, dançou, bebeu e celebrou. O festival duraria até o amanhecer. Kassandra veio até Souei e sussurrou em sua orelha.

    Kassandra
    Souei: Odisseia B8O9ULT
    Ei, Souei, vamos celebrar na minha cabine?

    Off:

    Dante
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 172
    Reputação : 11

    Souei: Odisseia Empty Re: Souei: Odisseia

    Mensagem por Dante Ter Jul 11, 2023 9:47 pm

    Eu estava no mínimo surpreso. Toda aquela riqueza cultural e história deixou claro como o sol: eu não estava sonhando. Eu não podia. Como poderia meu subconsciente criar todo um mundo rico e profundo como esse? Impossível.

    Entretanto, eu estava confuso. Começo a achar que minha memorias de uma vida passada é que mais parecem um sonho. Pelos céus! O que afinal aconteceu comigo?

    Muito bem. Estava decidido. Aceitaria o conselho de Kassandra e iria procurar emprego em Macacos. Pelo visto, Volgia deveria ser o meu destino.

    Em uma de nossas paradas tudo parecia ainda mais rico: cultura, costumes, história... Era fabuloso. Aquele ritual ou festival era impressionante e inédito.

    Boma, um dos tripulantes em que estive chegado – depois de vencer o preconceito criado por seu rosto desfigurado, achava que era um brutamontes – me explicou sobre o tal ritual e em verdade pouco entendi, mas ainda assim fiquei fascinado.

    Meu fascínio só foi interrompido por algo que me deixou ainda mais surpreso. Um convite de Kassandra feito ao pé do meu ouvido.

    — Ei, Souei, vamos celebrar na minha cabine?

    Não sabia o que dizer, nem como agir. Será que aquela mulher estava mesmo sugerindo o que eu estava pensando? Esse mundo era tão diferente... Não devo me precipitar, mas... Vamos ver o que acontece.

    — Bem... Claro. Espero que seja paciente, pois não sei como devo celebrar...

    E a acompanhei.
    Ed Araújo
    Mestre Jedi
    Ed Araújo
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1171
    Reputação : 79
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2211.png

    Souei: Odisseia Empty MAR JANGA

    Mensagem por Ed Araújo Qui Jul 13, 2023 10:40 am









    Souei/Belmiro (Alexios)

    • Classe: Assassino 5.

    • Atributo: P6, H8, R6; Dano 30, PV 40/40, PM 12/12.

    • Elemento: Fogo.




    Souei: Odisseia DgDPJOz

    Kassandra arregala os olhos, um pouco surpresa. Bom não parecia ter ouvido.

    Kassandra
    Souei: Odisseia B8O9ULT
    Você... esqueceu isso?

    Ela abre um sorrisinho e puxa Souei pelo braço. Logo estão na cabine...

    . . .
    . . .
    . . .

    O salão era de pedra, largo e de pé direito alto, sem janelas. Bandeiras rubras estavam penduradas nas paredes, trazendo um círculo com cruzes em dourado.

    Souei: Odisseia NZxWPSJ

    Ele estava vestido de forma diferente, usando um manto e uma armadura e tendo uma espada à cinta. Outro homem conversava com ele. "Adewalé" era seu nome, sabia.

    Adewalé
    Souei: Odisseia U7Sd8a0
    Escute, Alexios. Nós acreditamos que a relíquia está em uma ilha no Janga. Você deve ir lá com alguns dos nossos. Não é muito longe. Retorne quando recuperá-la. Boa sorte, irmão.

    E assim Alexios partiu em um pequeno barco com uma tripulação mínima. Encalharam o barco na praia – não seria difícil aproveitar a maré alta para tirá-lo depois – e seguiram todos rumo às ruínas. E então... o desastre.

    Entravam por um longo túnel quando o solo ruiu sob os pés dos vinte e poucos que passavam por ele, Alexios incluso. Caíram. Quando acordou, ele percebeu que todos estavam mortos e ele estava sozinho. Sem saber como agir, decidiu que primeiro encontraria a relíquia, depois pensaria em como deixar a ilha – havia muitos navios passando pelo Janga, então ele podia ter esperanças de que algum parasse por ali e lhe desse uma carona de volta a Macacos.

    O caminho tinha outras armadilhas, mas ele com sorte conseguiu evita-las. Por fim chegou a uma caverna natural que também era um amplo salão, muito similar a um templo. E então algo gritou – ou rosnou – em fúria e ele viu o gigante...


    . . .
    . . .
    . . .

    A luz do sol entra por uma escotilha, atingindo o rosto do reencarnado em cheio e despertando-o. Não é mais Alexios, é um homem idoso de outro mundo ocupando um corpo que não é seu. Está nu sob uma coberta fina, sozinho na cabine da capitã. A manhã já ia alta e ele percebeu que o navio já estava em movimento.

    Kassandra
    Souei: Odisseia B8O9ULT
    Ei, quanto tempo mais vai dormir, Souei?

    Kassandra entrou na cabine sem cerimônias, já vestida. O sol veio com ela e ele pode ver a agitação do lado de fora. O navio avançava a plena vela.

    Off:

    Dante
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 172
    Reputação : 11

    Souei: Odisseia Empty Re: Souei: Odisseia

    Mensagem por Dante Seg Jul 17, 2023 8:02 pm

    Foi uma noite como a muito tempo não tive. Ou melhor, acho que nunca tive uma noite assim. Essa mulher acabou por me despertar mais do que admiração e desejo. Agora nutria um afeto verdadeiro o que me deixou confuso quanto a minha jornada. O que me consumia era saber o que ela nutria por mim...

    A noite foi turbulenta. Tive um sonho bem estranho e perturbador – os sonhos parecem estar me pregando peças ultimamente. Era uma outra pessoa. Em uma jornada. E agora parece que vislumbrei meu destino. “Macacos”.

    — Olá Kassandra! Me desculpe. Foi uma noite... Incomum. Acredito que meu destino seja Macacos, porém... Eu não gostaria de deixa-la. O que pensa disso Kassandra?
    Ed Araújo
    Mestre Jedi
    Ed Araújo
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1171
    Reputação : 79
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2211.png

    Souei: Odisseia Empty MAR DE JANGA

    Mensagem por Ed Araújo Qua Jul 19, 2023 9:27 pm









    Souei/Belmiro (Alexios)

    • Classe: Assassino 5.

    • Atributo: P6, H8, R6; Dano 30, PV 40/40, PM 12/12.

    • Elemento: Fogo.




    Souei: Odisseia DgDPJOz

    Kassandra fica surpresa com a... "declaração"... de Souei. Ela pensa um instante antes de responder.

    Kassandra
    Souei: Odisseia B8O9ULT
    Não se complique. Foi gostoso, de fato, e podemos passar mais noites juntos, mas uma capitã é casada com seu navio e não sou mulher de me amarrar em um homem só. Mas tem outras tripulantes que se interessaram por você, então pode querer repensar sua decisão. Outros tripulantes também, os dongoleses são muito versáteis em relação ao desejo.

    Os dias e noites se passam. Kassandra não rejeitaria a companhia do reencarnado, mas de forma alguma restringiria sua cama somente a ele. O único que não se envolvia em encontros românticos era Boma, que não demonstrava interesse por sexo. Era possível identificar "casais", mas a maioria dos marujos e comerciantes eram bem abertos em suas preferências, como a própria minskiana havia sugerido – ela mesma às vezes se fazia acompanhar por uma guarda, mercadora ou até por uma dupla.

    Souei: Odisseia 81kaMRX

    Por fim eles avistaram Macacos. O navio gritou em festa enquanto passavam por uma enorme estátua feminina de uma mulher nua de pele tão preta quanto a noite, construída sobre um rochedo, e que erguia os braços em direção ao mar – a "Virgem À Espera" era enorme e representava tanto acolhida para aqueles que chegavam como uma despedida esperançosa para os que partiam. Seus olhos tinham um brilho potente visível mesmo durante o dia e Boma informou que eram feitos de ouro puro e serviam como um farol durante a noite, pois eram abençoados pelos Espíritos de Luz.

    Eles desembarcaram no porto e houve despedidas e promessas de reencontro. Kassandra permaneceu em sua cabine, lidando com alguma papelada referente à burocracia do porto.

    Kassandra
    Souei: Odisseia B8O9ULT
    Devemos partir novamente em três meses, se quiser navegar conosco ao invés de ir para Alba – será muito bem vindo. Aqui está seu pagamento. Se quer mesmo ir para a "Terra dos Brancos", procure pela Acaia Ocidental, que é a região de lá onde seu sotaque é mais comum. Mas tem muitas cidades e vilarejos, então pode levar muito tempo até encontrar suas origens.

    Kassandra contara que Alba foi habitada em tempos primordiais por um povo selvagem que era conhecido por pintar-se com tinta branca, por isso "povo branco". Assim que "Terra dos Brancos" era um apelido antigo para aquele país. Os "brancos" haviam sido praticamente extintos há muito tempo por invasores ânglios que ocuparam a região. Os sobreviventes foram assimilados.

    Já a Acaia era uma vasta região que ocupava todo o sul de Minsk (Acaia Oriental), incluindo o arquipélago que havia ao sul daquela terra (Acaia Pelágica) e também uma faixa de terra paralela ao litoral ocidental do Mar Interior (Acaia Ocidental). Os acaios compartilhavam o idioma (koiná), embora com sotaques distintos, e algumas tradições em comum que os diferenciavam dos seus vizinhos.

    Off:

    Dante
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 172
    Reputação : 11

    Souei: Odisseia Empty Re: Souei: Odisseia

    Mensagem por Dante Qui Jul 20, 2023 3:05 pm

    O que eu estava pensando? É claro que uma mulher como aquela não iria querer nada demais comigo, mas sabe como é. Sou das antigas e achei que deveria deixar as coisas claras.

    — Eu agradeço a acolhida Kassandra. Tentarei encontrar pistas de quem eu sou durante esse tempo. Se não conseguir nada, estarei de volta em três meses para partir com vocês. Obrigado.

    Admito que fiquei um pouco decepcionado com a negativa da Kassandra, mas de fato não era nenhuma surpresa. Logo superei o “luto” e mantive firme na tentativa de ser um tripulante útil.

    Bom, agora só me resta buscar mais pistas. Vou explorar o lugar em busca de respostas. Talvez deva começar por um lugar para ficar essa noite e algum lugar que sirva comida. Melhor ser precavido.
    Conteúdo patrocinado


    Souei: Odisseia Empty Re: Souei: Odisseia

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Qui Fev 22, 2024 1:45 am