Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    Sombras na manhã escolar

    Nazamura
    Mutante
    Nazamura
    Mutante

    Mensagens : 594
    Reputação : 74
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Sombras na manhã escolar Empty Sombras na manhã escolar

    Mensagem por Nazamura Ter maio 28, 2024 9:48 am

    Enquanto Hana esperava pelo Uber, ela notou um grupo peculiar de pessoas: homens e mulheres vestidos com ternos pretos e óculos escuros. Eles estavam espalhados pela rua, nas esquinas, conversando ao telefone, apontando para prédios e andando de um lado para o outro. Algo neles parecia deslocado, parece que eles estavam procurando por algo, mas, curiosamente, nenhum deles parecia notar a presença de Hana a excessão de um calario que algo não estava certo.

    Finalmente, o Uber chegou.
    (Descrevam como todos chegam no pátio da escola e o que fizeram)



    Uma mensagem chega no celular de Alex antes do sinal da escola começar "Quando voltar pra casa, vamos ter uma conversa (Bruce Harper)



    As aulas transcorreram de forma tediosa e chegou o intervalo para o lanche (aprox. 9h30) e nenhum sinal da Mi'larhys.
    shamps
    Sacerdote de Cthulhu
    shamps
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2990
    Reputação : 242
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Sombras na manhã escolar Empty Re: Sombras na manhã escolar

    Mensagem por shamps Qua maio 29, 2024 12:22 am






    Assim que Alex mencionou outra casa, Kima piscou algumas vezes. "Outra casa? Hypercidade? A família dele tem uma cidade? Quem no mundo tem uma cidade?" Logo imagens de uma cidade falsa voltaram à sua mente. "Os pais dele não ficarão felizes com uma visita... Ele deve estar de castigo", para Kima era perfeitamente natural a ideia de crianças travessas ficarem de castigo, mesmo Alex não sendo mais uma criança. "Bem, para nossos pais sempre somos crianças... seria estranho mesmo uma esquisita como eu ir até lá. Minha altura é esquisita, meu cabelo é colorido, talvez eu seja feia... Ai..." Ela suspirou e só conseguiu responde-lo com um simples:

    - Tá... - "por que não consigo agir como uma pessoa normal?" - e deu um sorriso sem graça.

    Logo suas dúvidas e anseios se fizeram presente e com doçura Alex tentou ameniza-las com respostas. Ela foi até o sofá esperando as respostas e o que recebeu foi aquele garoto lindo sentado à sua frente, seu rosto queimou, ela precisava se acalmar, já tinha quebrado a vassoura da mãe dele. "Que vergonha!" A simples menção dos mortos e feridos trouxeram dor ao peito de Kima e seus olhos marejaram, ela desviou o olhar e buscou o teto, sentia-se culpada. Ela fungou. A simples menção ao nome de seu pai, Vince, fazia a garota sentir arrepios e ela esfregou o rosto para espantar aquela sensação funesta que lhe corroía a alma toda vez que lembrava dele, o que fez o band-aid sair do lugar. Seu pai era o vilão, agora ela não tinha mais dúvidas. Sentiu-se vazia. Ela só acenava com a cabeça, comprovando que entendia as explicações dele.

    - Então somos um grupo porque estávamos todos no mesmo lugar... entendo - ela encarou as mãos e depois encarou os demais - então vamos todos ficar juntos e sermos uma equipe? - as luvas sem dedos permitiram que a unha fosse parar entre os dente, pura preocupação - eu não tenho noção real do que eu tenho... desde que meus cabelos começaram a mudar de cor, eu me sinto forte, com super força... fora isso não sei mais nada sobre as experiências do Vince, não sei nem se isso é permanente... Eu... - ela escondeu as mãos novamente - eu não quero ser um peso para ninguém.

    A ideia de ajudar as pessoas parecia agradar a jovem, o que a fez emitir um sorriso tímido, para ninguém específico, a não ser para ela mesma. O hiper garoto sabia como convencer alguém e falar que eles poderiam ser amigos aquecia aquele vazio que ela sentia, ouvir que ele se importava a encheu de esperanças. "Ele quer ser meu amigo! E os demais?" Olhou novamente para o restante da equipe buscando aprovação. Sentiu-se culpada por ter julgado a Mila, elas seriam da mesma equipe agora e poderiam ser amigas. "Eu sou uma pessoa horrível".

    - Eu não quero ser nenhum incomodo, eu não tenho como pagar a minha estadia aqui, no momento... Minha mãe pagou para mim alguns dias em um albergue no centro da cidade. As minhas coisas estão lá.

    Os segundos em que ele a ficou encarando pareceram uma eternidade, um filme da Disney todo rosa e florido, ela podia ouvir os passarinhos cantando atrás dela e o cheiro de algodão doce parecia adocicar o ar ao redor deles. Até brilhos principescos ela via ao redor dele, tudo em câmera lenta. "Eu devo estar parecendo um idiota!"

    - T... Tenho certeza que será - ela parou de falar quando ele ajeitou aquele maldito curativo em sua bochecha. Ela piscou mais algumas vezes - um... ótimo... líder - as palavras saíram tão lentas quanto seus pensamentos. Ela engoliu pesado mais uma fez para se recompor e balançou a cabeça rapidamente -  estou... estou melhor sim. Obrigada! "Isso, aja normalmente!" Escola? Ah... sim, claro... - ela olhou o cabo quebrado da vassoura e arriscou uma fala mais descontraída - acho que te devo uma vassoura - e riu de leve.


    *******

    Antes de sair para a escola, Kima pegou uma maçã para não ir de barriga vazia. Acabou indo com Alex, de carro, para o colégio, já que cada um tinha arranjado a sua própria maneira. Achou estranho ir só ela e o rapaz de carro, o certo seria todos irem, mas cada um seguiu o seu caminho. Ela não queria deixar um silencio constrangedor no carro e decidiu iniciar uma conversa. "Apenas aja normalmente."

    - Que bom que os meninos já estão amigos - se referiu à John e Jack - a Hana e a Milarhys também se deram bem. Acho que comecei errado com ela depois que ela tentou te bater - ela sentia vergonha daquilo - você... você acha a gente vai ser amigos depois de hoje? - ela mordeu o lábio inferior enquanto encarava as mãos apoiadas na mochila - encher todo mundo de perguntas e desconfiança não parece uma boa maneira de se iniciar amizades - ela olhava pela janela também - eu quero ter amigos de verdade, não um monte de ator contratado pelo meu pai - suspirou.

    Viu as mãos simplórias, unhas curtas e sem esmalte, decidiu esconde-las. Sua vaidade havia ficado para trás, uma vida de fugas não deixava espaço para as trivialidades, por isso tinha ficado feliz ao ver o estojo de maquiagem. Ficou feliz ao ver que ainda conseguia fazer uma make decente. As roupas agora eram básicas, coisas que facilitassem correr se preciso "Que péssima imagem eu devo estar passando..."

    - P... posso ligar o rádio? - ela queria manter-se ocupada - Harper, como é ter uma família de heróis? Como é ter um pai de verdade? - ela sentia falta de sua mãe e achou que conversar sobre a família de Alex poderia distrai-la daquela saudade, além de ajuda-la a conhece-lo melhor - se não quiser falar não precisa, claro - apressou-se em se corrigir.

    Ela encarou o céu pela janela enquanto pensava como seria viver numa casa cheia de pessoas, aqueles adolescentes todos seriam uma equipe. Ela se adaptaria? Ela estaria segura entre eles, assim como sua mãe sempre sonhou.

    - Posso te perguntar uma coisa - arriscou encara-lo de vez - você disse que somos jovens e inexperientes, mas o que vocês estavam fazendo naquele lugar - a lembrança daquele laboratório lhe causava arrepios - eu agradeço muito por você ter me tirado de lá... eu tenho medo do meu pai... do Vince ser uma sombra entre nós... ele não vai me deixar livre... - voltou a olhar para a frente.

    Ela queria sair daquele assunto, queria falar de coisas legais, mas o que seria legal?


    Escolas sempre eram um universo à parte e para Kima não foi diferente avistar aquele prédio enorme, não muito diferente do que o que frequentava na sua antiga "cidade". Esse era de verdade e ela não teve muito tempo para conhecer lugar, Vince a sequestrou tão logo ela se matriculou. Kima agora devia ser considerada "uma delinquente juvenil que não frequentava o colégio" Que vergonha.

    - Me apresenta o colégio? - "Que tipo de pergunta foi essa?" - ah, mas você pode ficar com seus amigos - ela ficou envergonhada e decidiu mudar de assunto - acho que não temos muito tempo, né... a aula já vai começar.

    Ela estava empolgada com as aulas e anotava tudo que os professores falavam, mesmo com fome e sono, tudo ali era tão novo que ela sorria feito boba. Kima era alta e por isso sentava na última fileira, não tinha muita opção, mas isso não foi um problema para ela.
    Ao fim da aula, seguiu os demais até o o refeitório. Esperava ver Mila entre eles, mas nada da alienígena. Será que Hana não a encontrou? Mas ela estava com o Sentinel que queria que fossem para a aula. "Agora já estamos na escola".

    - A Mila apareceu? - perguntou preocupada.


    vontheevil
    Elder God
    vontheevil
    Elder God

    Mensagens : 5199
    Reputação : 133
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/711.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/612.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/512.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png
    1º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh25.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh30.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh20.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh15.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh35.png
    2º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh34.png

    Sombras na manhã escolar Empty Re: Sombras na manhã escolar

    Mensagem por vontheevil Qua maio 29, 2024 8:31 am

    John Pablo

    A situação parecia quase cômica se eu não tivesse ficado nervoso o tempo todo. Mas agora que estava tranquilo e saíndo da "casa dos outros" a vontade de rir tinha aparecido

    Jack era um cara muito legal, e me defendeu inclusive para eu não ficar feio perante as meninas.

    — O Jack esta preocupado com a garota de Marte, mas não posso deixar você ir nessa sozinho... Vamos lá mom ami O Jack estará ao seu lado.
    Você não vai me deixar ir sozinho porque quer matar aula também, mas posso assumir a culpa pela nossa desobediência se a supermãe do nosso amigo playboyzinho brigar — rio — aliás posso te fazer uma pergunta? Não tire sarro de mim, eu sou meio desconfortável com isso, mas como é que você consegue ser tão legal na frente das meninas? ainda mais essas meninas que são tão... bonitas?

    E vou caminhando ao lado do cara até o lugar onde o estão todos os supers inaugurando essa hypercélula

    — O que você acha que é essa hypercélula? tem algo a ver com os hyperboys e seu hyperpapai e hyperfamília? —Pergunto rindo novamente
    Dante
    Cavaleiro Jedi
    Dante
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 271
    Reputação : 29

    Sombras na manhã escolar Empty Re: Sombras na manhã escolar

    Mensagem por Dante Qua maio 29, 2024 8:54 am




    Jack – O Sombra

    Jack acompanha John, enquanto brinca com cartas, e quando se distanciam da casa ele escuta o amigo iniciar uma conversa. John acha que Jack está só arrumando uma desculpa para faltar aula. — Você me pegou mon ami, nada vai bem quando o Jack está na escola.

    John agora se espanta com a habilidade de Jack com as garotas. Jack responde descontraído. — É o superpoder do Jack.
    Sombras na manhã escolar 1f609
    Depois questiona sobre o evento e a hipercelula. — Eu não faço ideia, vamos ver se descobrimos algo por aqui.






    thendara_selune
    Antediluviano
    thendara_selune
    Antediluviano

    Mensagens : 3183
    Reputação : 145
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    2º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f51/19/64/68/80/prata_10.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh27.png

    Sombras na manhã escolar Empty Re: Sombras na manhã escolar

    Mensagem por thendara_selune Qua maio 29, 2024 11:13 am

    Hana.Ah, don't be afraid of the chaos.


    Falas
    Pensamentos/FalasNPCS





    Fui enviada para uma escola formal, só para os riquinhos. Até os vilões querem que seus filhos estudem com a "ralé". Minha mãe chama assim as pessoas que não têm poderes. Mesmo que sejam ricos, se você é comum, não é importante para a Imperatriz e seus asseclas malvados.

    Mando uma mensagem para ele enquanto o carro se move:

    @Alexyus ,
    "HB, sua família mandou gente pra aí? Tem uns caras engravatados na rua, me deu uma bad vibe. Mas tô supondo que é gente ligada a você. Tô indo pra escola tentar achar a Mila. Encontro todos vocês por lá."

    Ao chegar na escola, a sensação ruim só aumenta. Não foi só uma vibe de momento. Escuto risos, conversas e neuras juvenis sussurradas aqui e ali. É como uma sinfonia teen que incomoda os adultos, mas prefiro isso do que estar preocupada com a Mila.

    @shamps e  @Alexyus Depois de um tempo, ainda não a encontro. Espero o HB e a Kima saírem de suas aulas, mas acabo esbarrando com eles a caminho do refeitório. Respondo à pergunta de Kima com um semblante tenso estampado no rosto:

    "Mila, não acho ela em lugar algum..." Meu tom é preocupado, meus olhos brilhando em um vermelho escuro. "Será que rolou algo com ela? Vai ver ela tá com o Sentinel ainda?!"

    Respiro fundo, esperando o que HB e Kima diriam. "Hey! Cadê o Jack e o Pablo?" Cruzo os braços e um dos meus pés bate em um compasso nervoso. "Aqueles dois mataram aula? Eles podem estar correndo perigo e a gente nem sabe..." Reviro os olhos e tenho uma ideia.

    @vontheevil e  @Dante

    "Deixa eu mandar uma mensagem pro Pablo." Digito rapidamente: "Cê tá onde, Fantasminha? Jack está contigo, cuidado com esse delinquente, hein? Ele tem cara de arrumar confusões.Estamos na escola, se a Mila aparecer me manda uma mensagem ou pro HB. 💚"


    Visual da Hana do dia: Adoro montar um outfit em toda a mesa que jogo HAHA.:


    Informações sobre a Hana:

    OFF:  @Alexyus ,  @Dante ,  @Nazamura@vontheevil e  @shamps Onde eu marquei um de vocês, é porque deduzi que fossem coisas que vocês poderiam ler, quem sabe até gere aquela coisa de "Hum, entendi porque a Hana me olha assim ou porque ela revirou os olhos." Ou simplesmente para garantir que não esqueci de reagir a ninguém e tem a questão das influências e escolhas que colocamos na ficha Cool . Depois ajusto se errei em algo Cool


    Alexyus
    Semi-Deus
    Alexyus
    Semi-Deus

    Mensagens : 5357
    Reputação : 419
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2211.png
    1º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh43.png
    2º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f51/19/64/68/80/dourad10.png
    • https://i.servimg.com/u/f51/19/64/68/80/bronze13.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh40.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh20.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh18.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh39.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh45.png

    Sombras na manhã escolar Empty Re: Sombras na manhã escolar

    Mensagem por Alexyus Qua maio 29, 2024 5:47 pm

    Fim da Cena no Esconderijo
    Sombras na manhã escolar Oig3_10


    Kima escreveu:- Então somos um grupo porque estávamos todos no mesmo lugar... entendo - ela encarou as mãos e depois encarou os demais - então vamos todos ficar juntos e sermos uma equipe?

    Alex sorriu, concordando:

    - É uma das ideias, mas podemos pensar em outras!

    Kima escreveu: - eu não tenho noção real do que eu tenho... desde que meus cabelos começaram a mudar de cor, eu me sinto forte, com super força... fora isso não sei mais nada sobre as experiências do Vince, não sei nem se isso é permanente... Eu... - ela escondeu as mãos novamente - eu não quero ser um peso para ninguém.

    O jovem Harper fez um sinal com a mão negando o que Kima tinha dito:

    - Você só pode ser um peso à favor da justiça, Kima. Pode usar seus poderes para ajudar as pessoas. Podemos tentar entender como as experiências do seu pai estão afetando o seu corpo e te ajudar a se ajustar a isso. E se toda essa situação chegar à polícias ou aos tribunais, você seria uma testemunha-chave para provarmos tudo que seu pai fez de mal e como estávamos tentando detê-lo. Você é especial em mais maneiras do que consegue perceber... 

    Kima escreveu:- Eu não quero ser nenhum incomodo, eu não tenho como pagar a minha estadia aqui, no momento... Minha mãe pagou para mim alguns dias em um albergue no centro da cidade. As minhas coisas estão lá.

    Alex sacudiu a cabeça, rindo:

    - Isso aqui não é um hotel, Kima! Ninguém vai te cobrar nada por ficar aqui! Na verdade, acho que aqui é o melhor lugar pra você e pra todos nós nesse momento...

    Kima escreveu:- T... Tenho certeza que será - ela parou de falar quando ele ajeitou aquele maldito curativo em sua bochecha. Ela piscou mais algumas vezes - um... ótimo... líder - as palavras saíram tão lentas quanto seus pensamentos. Ela engoliu pesado mais uma fez para se recompor e balançou a cabeça rapidamente -  estou... estou melhor sim. Obrigada! "Isso, aja normalmente!" Escola? Ah... sim, claro... - ela olhou o cabo quebrado da vassoura e arriscou uma fala mais descontraída - acho que te devo uma vassoura 

    Alex deu de ombros enquanto ajudava Kima a se levantar:

    - Não esquenta com a vassoura! Eu comecei a desenvolver os meus poderes bem mais jovem que você e fiz estragos muito piores até me acostumar! Quando tivermos um tempo, eu posso te ajudar a treinar sua superforça pra você ter mais controle com coisas frágeis assim, mas pensamos nisso depois. Agora, bora pra aula!


    Cena À Caminho da Escola de Carro
    Sombras na manhã escolar Oig313

    Alex entrou em seu utilitário SUV para ir à escola. 

    O veículo era grande e espaçoso para que ele coubesse dentro, e isso foi bom para acomodar confortavelmente a altura de Kima também.

    Ele ligou o motor e saiu cuidadosamente para o trânsito da cidade, respeitando todas as leis de trânsito, parando nos semáforos e permanecendo atento para não ultrapassar o limite de velocidade de cada rua.

    Kima escreveu:- Que bom que os meninos já estão amigos - se referiu à John e Jack - a Hana e a Milarhys também se deram bem. Acho que comecei errado com ela depois que ela tentou te bater - ela sentia vergonha daquilo - você... você acha a gente vai ser amigos depois de hoje? - ela mordeu o lábio inferior enquanto encarava as mãos apoiadas na mochila - encher todo mundo de perguntas e desconfiança não parece uma boa maneira de se iniciar amizades - ela olhava pela janela também - eu quero ter amigos de verdade, não um monte de ator contratado pelo meu pai - suspirou.

    Alex ouvia com atenção cada palavra de Kima enquanto se mantinha também concentrado na direção. 

    Foi só quando ela suspirou que ele disse:

    - Jack e John tem muitas coisas em comum. Pelo que entendi, os dois têm famílias "normais", diferente do resto de nós; os dois são os mais jovens e vivem uma realidade social que é um pouco distante da nossa. Eles vão se dar muito bem, e com o tempo serão nossos amigos também. A Mila está deslocada do planeta dela, então eu relevo todas as estranhezas dela; ela ainda está se adaptando à Terra. A Hana é brincalhona e finge que está tudo bem, mas nós sabemos que a origem sobrenatural dela é um fardo pesado; pelo jeito, ela não gosta de falar disso. Espero que ela se abra mais com a gente e aceite nossa ajuda se estiver precisando. E quanto a você... Bom, nós já somos amigos, pelo que me consta!

    Kima escreveu:- P... posso ligar o rádio? - ela queria manter-se ocupada - Harper, como é ter uma família de heróis? Como é ter um pai de verdade? - ela sentia falta de sua mãe e achou que conversar sobre a família de Alex poderia distrai-la daquela saudade, além de ajuda-la a conhece-lo melhor - se não quiser falar não precisa, claro - apressou-se em se corrigir.

    Ele acenou positivamente para ela:

    - Pode ligar, sim, mas ponha música, não notícias! E eu não me importo de falar da minha família, não! Eu acho que você é uma das poucas pessoas com quem eu posso falar disso abertamente... Bom, eu tenho orgulho, muito mesmo, de cada membro da minha família e do legado que nós carregamos. Eu amo todos eles, e acho que eles me amam também... Ás vezes, é difícil me manter à altura das expectativas de todo mundo, mas eu tento me concentrar no bem que eu posso fazer. Para as pessoas que eu salvo, não importa de quem eu sou filho, só importa que elas foram protegidas!


    Kima escreveu:- Posso te perguntar uma coisa - arriscou encara-lo de vez - você disse que somos jovens e inexperientes, mas o que vocês estavam fazendo naquele lugar 

     - Algumas pessoas diriam que foi acaso, outras chamariam de destino, mas todos nós estarmos juntos lá naquele lugar e naquele momento... Bom, eu só posso falar por mim mesmo: minha mãe mandou um alerta de que tinha rastreado o Omniman, e eu fui ajudar. O chamado telepático chegou enquanto eu já estava a caminho. Quando eu encontrei você e a Hana, o meu instinto natural foi me propôr a ajudar vocês. E o resto você viu pessoalmente...

    Kima escreveu: - eu agradeço muito por você ter me tirado de lá... eu tenho medo do meu pai... do Vince ser uma sombra entre nós... ele não vai me deixar livre... - voltou a olhar para a frente.

    Alex também olhou para frente enquanto falava num tom filosófico:

    - Dizem que por mais que a gente cresça, nunca nos livramos completamente de nossos pais... Você ainda não conheceu o meu pai. Ele é um dos maiores heróis ativos em N.A., mas eu confesso... às vezes também tenho medo dele... de um jeito diferente de você e do seu pai, mas medo mesmo assim... Aumenta essa música aí!


    Cena Chegada na Escola
    Sombras na manhã escolar Oig413

    Ao chegar na escola, Alex estacionou cuidadosamente e abriu a porta para Kima.

    Com 16 anos, Alex Harper já era um dos rapazes mais altos do colégio, na mesma altura dos veteranos do 3° ano, e positivamente mais alto que qualquer um em sua turma. Além de habilidades atléticas superiores (mantidas em segredo, obviamente), ele também era um dos melhores alunos, com notas máximas rotineiras, outra exigência de seus exigentes pais. Poderia se dizer que ele era popular tanto com as garotas românticas quanto com os camaradas atletas, mas Alex aprendera a esconder muito bem a sensação de solidão dentro de si.

    Mas agora, ao caminhar com Kima para dentro do prédio do colégio, ele se sentia à vontade, de uma forma inédita. Estar ao lado de uma garota linda, da mesma altura que ele, que também possuía superpoderes, e que estava morando na mesma casa que ele, trouxe-lhe uma sensação de relaxamento e pertencimento que ele não se lembrava de já ter experimentado num ambiente escolar.

    Kima escreveu:- Me apresenta o colégio? - "Que tipo de pergunta foi essa?" - ah, mas você pode ficar com seus amigos - ela ficou envergonhada e decidiu mudar de assunto - acho que não temos muito tempo, né... a aula já vai começar.

    Alex deu um pequeno apertão carinhoso no braço de Kima e sorriu para ela:

    - Você é minha amiga! Pode ficar comigo o tempo que quiser! 

    Logo antes de entrar na aula, Alex recebeu uma mensagem. De seu pai.

    Mensagem de celular escreveu:"Quando voltar pra casa, vamos ter uma conversa (Bruce Harper)

    Ele digitou rapidamente uma resposta:

    Com certeza! Tenho muitas coisas para contar. E também preciso de alguns conselhos seus...

    Era tudo verdade, já que além de ouvir as broncas, Alex teria que relatar o comportamento abominável do Sentinel e de quebra ainda reclamar por não ter sido avisado sobre o "babá". 

    Ele esperava que o pedido de conselhos aliviasse a bronca do pai, pois se tinha uma coisa que o Hyperman gostava de fazer era dar conselhos!

    Também havia uma mensagem da Hana.

    Mensagem de Hana escreveu:"HB, sua família mandou gente pra aí? Tem uns caras engravatados na rua, me deu uma bad vibe. Mas tô supondo que é gente ligada a você. Tô indo pra escola tentar achar a Mila. Encontro todos vocês por lá."

    Ele respondeu rapidamente, pois já precisava entrar na classe.

    Ninguém me disse nada, mas não parece o estilo dos meus pais. Tome cuidado e informe se precisar de ajuda. Ainda estamos em perigo.


    Cena Em Aula
    Sombras na manhã escolar Oig213

    Apesar do atraso, Alex procurava se concentrar nas aulas e ignorar tudo o mais que estava ocorrendo em sua vida.

    Ele também procurava ignorar as brincadeiras infantis dos garotos imaturos e os bilhetinhos das meninas apaixonadas, se concentrando no seu objetivo na escola: estudar para ser sempre o melhor que poderia ser.

    Apenas ao término de cada aula é que ele pensava novamente em seus novos superamigos.


    Cena Intervalo das Aulas
    Sombras na manhã escolar Oig3_q10


    Ao sair para o intervalo, Alex rapidamente localizou Kima numa mesa do refeitório.

    - Então, como foram as aulas?

    Kima escreveu:- A Mila apareceu?
    Hana escreveu:"Mila, não acho ela em lugar algum..." Meu tom é preocupado, meus olhos brilhando em um vermelho escuro. "Será que rolou algo com ela? Vai ver ela tá com o Sentinel ainda?!"

    Respiro fundo, esperando o que HB e Kima diriam. "Hey! Cadê o Jack e o Pablo?" Cruzo os braços e um dos meus pés bate em um compasso nervoso. "Aqueles dois mataram aula? Eles podem estar correndo perigo e a gente nem sabe..." Reviro os olhos e tenho uma ideia.

    Alex fez um facepalm, voltando a encarar o desastre que era aquela situação.

    Falou para  @thendara_selune Hana:

    - Achei que você tinha ido encontrar a Mila! Você não encontrou ela antes da aula...?

    Suspirando profundamente, ele disse:

    - Eu já imaginava que o JP e o Jack iriam matar aula... Eles têm suas próprias famílias e ainda precisam ajustar suas identidades civis com essas atividades de super-herói... Acho que não podemos forçá-los a nada, isso seria até ilegal... Eu prefiro dar o exemplo e deixar que eles façam suas próprias escolhas. Espero que cada um de nós peça ajuda dos outros quando precisar.
    Nazamura
    Mutante
    Nazamura
    Mutante

    Mensagens : 594
    Reputação : 74
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Sombras na manhã escolar Empty Re: Sombras na manhã escolar

    Mensagem por Nazamura Sex maio 31, 2024 7:59 am

    Nazamura
    Mutante
    Nazamura
    Mutante

    Mensagens : 594
    Reputação : 74
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Sombras na manhã escolar Empty Re: Sombras na manhã escolar

    Mensagem por Nazamura Sex maio 31, 2024 8:43 am



    Durante a aula de geografia, enquanto o professor explicava uma seção particularmente tediosa do conteúdo, Hana (@thendara_selune) teve um vislumbre perturbador. Ela podia jurar que viu o professor desenhando um pentagrama na lousa, mas assim que ele apagou a seção chata da aula, o desenho sumiu.

    Às 9h30, o trio se reuniu no refeitório para o intervalo de lanche. O ambiente estava animado, cheio de estudantes conversando e aproveitando a pausa nas aulas. Contudo, para Hana , seus olhos encontraram os de um aluno com longos cabelos prateados. Ele estava olhando diretamente para ela, um sorriso enigmático no rosto. Para Alex (@Alexyus) e Kima (@Shamps), ele era loiro, usava boné preto e jaqueta branca do time da escola
    O que Hana vê:
    O que Alex e Kima vêem:

    Mi'larhys, a alienígena também conhecida como Vênus, ainda não havia dado sinal de vida, o que preocupava Alex. Quando surgem três garotas na mesa proximos de Kima e Alex
    - Ei Alex, não vai me apresentar a garota nova? -  disse uma delas, seus olhos brilhando de curiosidade ao olhar para Kima.
    A segunda garota, com um sorriso caloroso, comentou: - Gostei do seu cabelo! é lindo! - Seus dedos brincavam com as pontas dos próprios cabelos, enquanto ela admirava Kima.
    - Não quer entrar pras lideres de torcida? logo vai ter jogo e o gato do Jason Brooks - a terceira garota adicionou com um suspiro sonhador. - Além de influencer ele é capitão do time, ele é um sonho!

    As três garotas suspiraram em uníssono, claramente encantadas com Jason Brooks.

    Observaçõs visuais:
    - Ele está sentado em uma mesa do outro lado do refeitório, com vista direta para Hana e seus amigos. Está acompanhado de outros jogadores de futebol
    - A maioria dos alunos está ocupada com suas próprias conversas, mas alguns olhares curiosos são lançados na direção de Hana, Alex e Kima devido à fama de Alex na escola.




    @thendara_selune A Inquietação constante ao longo da manhã está chegando em um nivel critico, marque uma condição a escolha, caso decida manter segredo disso
    A mensagem enviada pelo whatsapp de @Alexysus para o pai com os dizeres
    "Com certeza! Tenho muitas coisas para contar. E também preciso de alguns conselhos seus..."
    ainda está marcada só com um tick cinza (ou seja, não dá pra saber se ele recebeu ou se leu) - Lembrando que sua condição de irritado não foi removida.
    @Shamps pode inventar a aparencia e nome das meninas se quiser. Lembrando que sua condição de Insegura ainda não foi removida
    shamps
    Sacerdote de Cthulhu
    shamps
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2990
    Reputação : 242
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Sombras na manhã escolar Empty Re: Sombras na manhã escolar

    Mensagem por shamps Sex maio 31, 2024 6:42 pm





    Sombras na manhã escolar Th?id=OIG4
    Com paciência, Alex explicava as coisas para Kima e a jovem começava a criar confiança naquelas pessoas que agora seriam próximas a ela de verdade. "Tomara que ele não me ache uma chata perguntadeira". Fazia sentido os meninos mais novos se darem bem e as meninas "estrangeiras" igualmente, Kima passaria a se sentir deslocada se não fosse a frase chave dita por ele: eles eram amigos.

    - Isso me deixa muito feliz - ela virou para encara-lo, dessa vez sem medo ou vergonha, ela exibia o sorriso mais caloroso que ela já tinha revelado nesses últimos momentos, alvo e radiante.

    Com a permissão dele, Kima apertou com delicadeza o botão do rádio e ele nem precisou falar que queria música, porque ela também não queria ouvir notícias. Com atenção ouviu ele falar de sua família, o orgulho com que ele se referia a eles o deixava ainda mais lindo. Kima via a aura angelical em torno dele. Pensou no tempo em que também falava assim da sua, de seu pai e sua mãe. Com sua mãe nada tinha mudado, ela ainda era a mulher forte, gentil, artista, sensível e linda que conhecia, também uma vítima de Vince. Já ele foi o castelo de cartas desmoronando, o pesadelo repleto de dor, daquele que causava falta ar de e medo.

    - Espero conhece-los em breve. Quase não conversei com Alethea e a senhora Hunter. Ela foi muito gentil em nos abrigar, gostaria de agrade-la por isso.

    Ela achou interessante a forma como aquele grupo tão heterogêneo se reuniu, pessoas tão diferentes num mesmo lugar e ela sorriu mais uma vez com a explicação dele.

    - Omniman parece nome de comida amarga - e fez uma careta.

    Ela suspirou e olhou para o teto do carro enquanto ele falava dos medos que eles sentiam de seus pais. Kima sempre foi uma boa menina, mas é impossível dizer que ela nunca tinha levado broncas dos pais, mas ela amava quando o pai estava em casa, agora ela sabe que era uma fachada para permanecer longe delas, apenas focado em seus estudos científicos. Agora seu medo era de reencontra-lo, mas evitou falar de algo chato com Alex e aumentou o rádio como pedido por ele. Ela também queria apreciar a música, mas achou engraçado que eram músicas que não conhecia, o que ela ouvia e via eram tudo coisas falsas, friamente criadas para a ilusão da falsa cidade que abrigava Kima. Agora ela estava ouvindo músicas reais, abriu a janela do carro para sentir o vento em seu rosto. Pela primeira vez estava se locomovendo sem precisar se esconder, sem andar com capuz e cabeça baixa se esgueirando por becos escuros e fedidos no meio da noite. Ficou observando os transeuntes, pessoas reais vivendo suas vidas, ficava imaginando o que cada uma fazia e até comentou alto com Alex suas impressões.

    E mais uma vez ouviu que ela e Alex eram amigos. Aquilo enchia o seu estômago de borboletas e ela sorriu feito boba. "Mas o que é isso que está acontecendo?"
    Sombras na manhã escolar Th?id=OIG2.ErinhVy1NkiHtJotCm
    Ficou preocupada que Hana não tinha notícias de Mila, logo que se encontraram no refeitório. Alex chegou em seguida.

    - Eu esperava que ao menos você tivesse uma mensagem dela, Choi - olhou preocupada de Hana para Alex, que também não tinha nenhuma informação sobre ela. E ela olhou em volta - cadê os meninos? - e ouviu a explicação de Alex sobre eles - mas não é perigoso deixa-los sozinhos nas ruas? Afinal, viemos para escola pela nossa segurança - ela deu gole no suco para conter o nervosismo - ai, o Dawson pode ser uma má influencia para o Pablo. Se bem que... o Pablo queria muito ir... - ela esfregou as têmporas - vocês conseguem ver o que está acontecendo lá na inauguração?
    Sombras na manhã escolar Th?id=OIG2
    Enquanto ela conversava com seus novos amigos, ela viu três garotas em sua mesa, falavam com Alex com muita naturalidade. Mas o mais surpreendente foi que elas queriam saber sobre Kima, ela piscou algumas vezes e olhou para Alex. Em poucas horas no colégio ela já tinha observado muita coisa e já sabia que elas eram Amber, Tiffany e Madson e foi Amber que quis saber sobre a novata. Madson elogiou o cabelo da garota, aquele cabelo que achava que podia ser um problema. E Tiffany fez o surpreendente convite.

    - L... líder de torcida? - ela não esperava por aquilo e olhou outra vez para Alex e dessa vez para Hana também - eu... sou um pouco desajeitada e grande.... eu agradeço o convite... "isso está mesmo acontecendo? Estão me convidando para um grupo?". Eu vou pensar com carinho, o convite é muito tentador - ela sorriu. Kima ainda se sentia desconfortável com certas situações. "Vai com calma, garota, você nem sabe quem são essas meninas. E se elas forem espiãs? Por que as populares iriam querer conversar com você? Eu poderia até dizer que é por causa do Alex... ah não... calma, tem a Hana, que é bonita." Olhou na direção que as três olharam e viu o tal Brooks. Era realmente bonito "mas Alex é mais". De certa forma, foi um alívio vê-las suspirando pelo outro carinha e não pelo Alex. Ainda com várias preocupações rondando sua cabeça, institivamente Kima buscou proteção e segurou a mão de Alex, soltando em seguida assim que se virou para ele - você vai jogar também, Harper? É que jogo? - e olhou para Madson.


    Alexyus
    Semi-Deus
    Alexyus
    Semi-Deus

    Mensagens : 5357
    Reputação : 419
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2211.png
    1º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh43.png
    2º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f51/19/64/68/80/dourad10.png
    • https://i.servimg.com/u/f51/19/64/68/80/bronze13.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh40.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh20.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh18.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh39.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh45.png

    Sombras na manhã escolar Empty Re: Sombras na manhã escolar

    Mensagem por Alexyus Sáb Jun 01, 2024 10:32 am

    Fim da Cena da Viagem de Carro para a Escola

    Alex ficou mais tranquilo ao ouvir música e ver como Kima estava relaxando, mostrando uma curiosidade por aquele novo mundo, o que ele achava muito saudável, dado o histórico dela.

    Kima escreveu:- Omniman parece nome de comida amarga - e fez uma careta.

    Ele não conteve a gargalhada, rindo com gosto da observação inesperada de Kima.

    Quando finalmente recuperou o fôlego, ele disse:

    - Ele é a coisa mais amarga que você poderia experimentar! Se tem alguém que mete medo até no Hyperman, esse é o Omniman...

    Ele mudou de assunto rápido, pois não queria falar de assuntos ruins. E nada era mais ruim que seu tio, a grande decepção de seu avô e o maior rival de seu pai. E também o único que poderia causar pânico no Hyperboy. No dia da explosão, ele voara em velocidade total para ajudar sua mãe quando ela informou que estava rastreando o Omniman, com pressa mas também com um aperto no peito. Se ele não estivesse lá para ajudar a Hyperwoman, o Omniman poderia ter feito algo que ele não gostava nem de pensar...


    Cena Intervalo das Aulas, no Refeitório

    Kima escreveu:- Eu esperava que ao menos você tivesse uma mensagem dela, Choi - olhou preocupada de Hana para Alex, que também não tinha nenhuma informação sobre ela. E ela olhou em volta - cadê os meninos? - e ouviu a explicação de Alex sobre eles - mas não é perigoso deixa-los sozinhos nas ruas? Afinal, viemos para escola pela nossa segurança - ela deu gole no suco para conter o nervosismo - ai, o Dawson pode ser uma má influencia para o Pablo. Se bem que... o Pablo queria muito ir... - ela esfregou as têmporas - vocês conseguem ver o que está acontecendo lá na inauguração?

    Alex pousou uma mão no ombro de Kima ao responder:

    - Estamos em perigo o tempo todo, mas pelo menos na escola estaríamos juntos uns com os outros e misturados com uma multidão de pessoas normais, acho que foi essa a ideia da minha mãe. Mas eu realmente acho que é uma escolha deles a ser feita por eles por vontade própria, não imposta por outros. Nós damos o exemplo, mas segui-lo depende de cada um. Meu pai ainda não visualizou a mensagem que eu mandei para ele, então as coisas devem estar corridas no evento da Hypercélula. Só espero que os dois não tenham ido para lá...

    Enquanto Hana mandava mensagem para o JP, Alex mandou uma mensagem para sua mãe:

    Vênus, Fantasma e Sombra não vieram para a escola. Ela saiu de carro com o Sentinel. Os dois garotos saíram juntos, talvez para o evento da Hypercélula. Houve uma discussão com o Sentinel que quase acabou em briga. Por que vocês não me avisaram de que teríamos um babá? E não podiam ter escolhido alguém mais gentil que ele?

    Enquanto ele terminava de enviar, três garotas se aproximaram da mesa deles. 

    Alex já as conhecia. Eram Amber, Tiffany e Madson. Como um dos garotos populares da escola, Alex estava acostumado com as popularetes orbitando perto dele e tratando-o com uma familiaridade que ele não sabia de onde surgira. Mas nesse dia o interesse delas não era nele, e sim em Kima.

    Amber escreveu:- Ei Alex, não vai me apresentar a garota nova? -  disse uma delas, seus olhos brilhando de curiosidade ao olhar para Kima.

    Acostumado a manter seu disfarce, Alex se recobrou rapidamente da surpresa e respondeu quase imediatamente:

    - Ah, claro! Esta é Kima Brown! Ela é nova na cidade!

    Madson elogiou o cabelo de Kima, numa frase que poderia ser tanto uma aceitação no círculo social delas quanto uma ironia desdenhosa:

    Madison escreveu:A segunda garota, com um sorriso caloroso, comentou: - Gostei do seu cabelo! é lindo! - Seus dedos brincavam com as pontas dos próprios cabelos, enquanto ela admirava Kima.

    Ele se absteve de falar, mas seus pensamentos responderam dentro de sua mente:

    "Sim, um lindo cabelo... Ela é toda linda..."

    Tiffany então fez o convite surpreendente:

    Tiffany escreveu:- Não quer entrar pras lideres de torcida? logo vai ter jogo e o gato do Jason Brooks - a terceira garota adicionou com um suspiro sonhador. - Além de influencer ele é capitão do time, ele é um sonho!

    Alex observou Jason Brooks, o garoto que chamara a atenção de Hana e que era o galã dos veteranos, provavelmente o único rapaz da escola mais alto que Alex. Por uns dois centímetros. Mas tudo bem, afinal Alex era dois anos mais novo que ele. 

    Kima até que reagiu com bastante naturalidade, mostrando um nervosismo que seria razoável em qualquer garota normal.

    Kima escreveu:- L... líder de torcida? - ela não esperava por aquilo e olhou outra vez para Alex e dessa vez para Hana também - eu... sou um pouco desajeitada e grande.... eu agradeço o convite... "isso está mesmo acontecendo? Estão me convidando para um grupo?"Eu vou pensar com carinho, o convite é muito tentador - você vai jogar também, Harper? É que jogo?

    Alex sorriu, achando que aquela era uma ótima oportunidade para Kima experimentar uma vida normal.

    -  Futebol americano no verão, basquete no inverno. Eu sou calouro, então mesmo que eu consiga uma vaga, provavelmente vou ficar na reserva... - ele falava aquilo sabendo que era apenas um disfarce, pois com sua força e velocidade, seria preciso limitar seus esforços para não levantar suspeitas com jogadas além das capacidades humanas - Você com certeza deveria pelo menos fazer o teste para as líderes de torcida, Kima! Garotas altas e fortes são importantes, principalmente para formar a base das pirâmides, pelo que eu entendo, certo, Tiffany?

    Eles estava procurando encorajar Kima, mas em seu íntimo já tinha decidido. Se Kima entrasse para as líderes de torcida, Alex com certeza entraria tanto para o time de futebol americano quanto o de basquete. E torceria para o tal Jason Brooks chamar tanta atenção para si mesmo que fizesse Alex passar despercebido e manter sua identidade secreta...
    thendara_selune
    Antediluviano
    thendara_selune
    Antediluviano

    Mensagens : 3183
    Reputação : 145
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    2º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f51/19/64/68/80/prata_10.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh27.png

    Sombras na manhã escolar Empty Re: Sombras na manhã escolar

    Mensagem por thendara_selune Seg Jun 03, 2024 10:03 pm

    Hana.Ah, don't be afraid of the chaos.


    Falas
    Pensamentos/FalasNPCS







    Na escola

    Assisti a uma aula por mera curiosidade, querendo entender a rotina de quem não se preocupava com vilões demoníacos que devoram mundos. Nada me chamou a atenção até perceber que o professor parecia desenhar um pentagrama no quadro. Pisquei várias vezes, tentando negar o que via. Quando ele apagou o desenho, realmente não havia nada lá. Quando a aula terminou, fiquei sentada por um tempo antes de me levantar. Aquilo me abalou, por mais durona que eu tentasse ser.

    @Alexyus e  @shamps
    Às 9h30, estávamos reunidos no refeitório. HB e Kima estavam tão próximos que me deu vontade de rir; era adorável ver como eles se apegavam a qualquer sentimento que nutrissem um pelo outro. Para mim, ia além da amizade, talvez os dois ainda não tivessem percebido. Comi uma maçã; não consumia nada de origem animal há uns cinco anos, mas não ficava pregando isso aos outros. Cada um se alimenta do que achar melhor. O ambiente estava animado, cheio de estudantes conversando e aproveitando a pausa nas aulas. Contudo, ao morder o primeiro pedaço da maçã, ouvi HB falar incessantemente e senti um leve incômodo quando ele disse: "Achei que você tinha ido encontrar a Mila! Você não encontrou ela antes da aula...?" Kima demonstrou preocupação e respondia enquanto ainda parecia ser observada. Meus olhos vagavam pelo lugar. "Não recebi nada dela e concordo que não é seguro para os meninos nem pra gente..." Ia continuar quando vi um garoto com longos cabelos prateados e olhos gélidos. Por alguma razão, aquilo não foi nada divertido, nossos olhares se fixaram um no outro. Em outra ocasião, teria achado ele uma gracinha, mas o sentimento crescente dentro de mim era medo, arranhando as paredes do meu semblante quase sempre desdenhoso ou impassível.

    O tópico da conversa mudou e ouvi risadinhas tímidas das garotas que se aproximavam da mesa. Não queria parecer louca, então me levantei subitamente e dei um sorriso sem graça, apressando o passo. "Vou ver o que posso fazer sobre a Mila... Depois nos falamos..." Minha voz soou baixa e nem dei tempo de me perguntarem nada. Saí de cena, indo para o santuário.Repetia pra mim mesma que não tinha tempo para asneiras adolescentes nem para aquele cara, querendo me blindar do medo dentro de mim. Os olhos dele me perseguiam a cada passo que eu dava, afastando-me do refeitório, mas era como se passos pesados me deixassem zonza. Que porra é essa, praguejei mentalmente, apoiando-me em um canto qualquer para chamar um Uber e depois seguir sozinha pela trilha na floresta perto da praia.



    Sombras na manhã escolar Oig2_410


    Indo para o santuário.


    Quando o Uber chega, ele me leva até o velho parque, uma reserva florestal que dá para um lago de águas rasas e tranquilas. Apesar de haver um bar estilo havaiano por perto, era apenas no alto verão que o lugar se enchia de gente e de famílias em busca das piscinas construídas para atender crianças. As leis ambientais funcionavam bem naquele ponto, até porque o lugar era um cartão postal bonito. Nas demais estações, o lugar ficava solitário, com um ar nostálgico.


    Sombras na manhã escolar Oig4_310

    Seguindo a trilha que conhecia, passei por arbustos mais grossos e perdi um pedaço de roupa. Após umas duas horas de caminhada cansativa, podia me mover mais livremente. Embora fosse muito forte e ágil, não dava para sair quebrando tudo ali para chegar na caverna, pois chamaria atenção demais e destruiria o lar de muitos bichinhos. Para chegar lá, tinha que descer uma escadaria de pedra onde havia uma queda d'água que formava um véu, escondendo a passagem até meu santuário.


    Sombras na manhã escolar Oig2_q10

    Depois de alguns minutos, alcanço a entrada e vou caminhando. Tochas velhas, ainda utilizáveis, estão ali. Achei aquele lugar guiada pela minha voz interior, aquela que sempre acerta e me guia de vez em quando.
    Tudo parecia tão velho quanto a cidade, com runas entalhadas em suas paredes e constelações desenhadas em cores vivas. Depois de passar por estalactites, cristais brilhantes iluminam o resto do caminho. Uma pequena fonte termal borbulha em rosa cintilante; aquilo era um pequeno templo.
    Algumas flores cresciam ali, mesmo sem a luz do sol. Dentro dele, tomos antigos revestem as paredes. Em seu centro, um tapete em forma de estrela e estatuetas de divindades femininas desconhecidas por mim. O lugar transborda poder; não era algo que pessoas comuns pudessem achar. Ele vibra, pulsa e sussurra como se vozes de toda uma ancestralidade estivessem prontas para despejar conhecimento.


    Sombras na manhã escolar Oig4_m10

    Havia roupas leves ali que deixei assim que cheguei na cidade. Aquele lugar chamou por mim; um colchonete, além de mantimentos e enlatados em um canto. Apesar de ser um lugar místico, ele conseguia ser acolhedor, como se estivesse pronto para cuidar daqueles que tinham dores físicas e espirituais. Alguns travesseiros espalhados, cristais de quartzo decorando alguns pontos, incenso antigo que acendi assim que entrei. Tecnologia mundana não funcionava ali; se eu precisasse mandar uma mensagem, tinha que sair do lugar para isso.

    Eu tiro minhas roupas mundanas e vou até a fonte. Deixo a água lavar tudo que intoxica minha mente e bloqueia minhas ideias. O medo bate com força, querendo silenciar minha vontade. Fecho os olhos e deixo a água, com suas borbulhas acolhedoras, relaxar cada parte de mim. Mentalizo a imagem de Mila, dos pensamentos que ela me mostrou sobre seu lar, e depois repito para mim mesma: “Onde você está, Vênus?” A água aquece meu corpo e continuo a mentalizar, livre de amarras físicas, da segunda pele feita de tecido, permitindo-me crer que, mesmo com os riscos de usar meus poderes, eu encontraria Mila.

    Sombras na manhã escolar Oig2_i10

    A água é um elemento de poder; o lugar todo é cercado por ela, que se infiltra nas paredes de pedra fora do templo, que goteja, que se conecta com a cachoeira ali fora e enraíza-se por toda a reserva até o lago. Eu tinha esperança de que a energia ali conseguiria me mostrar onde achar a venusiana.


    @Nazamura Atual estado da Hana é de assustada.




    Visual da Hana do dia: Adoro montar um outfit em toda a mesa que jogo HAHA.:


    Informações sobre a Hana:

    OFF:  @Alexyus ,  @Dante ,  @Nazamura , @vontheevil e  @shamps Onde eu marquei um de vocês, é porque deduzi que fossem coisas que vocês poderiam ler, quem sabe até gere aquela coisa de "Hum, entendi porque a Hana me olha assim ou porque ela revirou os olhos." Ou simplesmente para garantir que não esqueci de reagir a ninguém e tem a questão das influências e escolhas que colocamos na ficha Cool . Depois ajusto se errei em algo Cool


    Nazamura
    Mutante
    Nazamura
    Mutante

    Mensagens : 594
    Reputação : 74
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Sombras na manhã escolar Empty Re: Sombras na manhã escolar

    Mensagem por Nazamura Ter Jun 04, 2024 4:18 pm

    Ao banhar-se na fonte curativa, restaurando o vigor após a caminhada exaustiva, Hana (@thendara_selune) chama por Mi'larhys (@Mellorienna) e tem uma visão...


    Visão de Hana:
    Mi'larhys está em algum lugar em Nova Aetérnia, ela está irritada, você consegue ve-la e sua voz parece chegar nela. Um helicoptero está a caminho e tem alguem de braços cruzados, uma mulher, abordo do helicoptero, a imagem se afasta, mas ela continua olhando para você , ela usa uma máscara, e você vê Azatoth ao lado dela, em sua forma humana, ela sorri pra vc e transmite "Eu serei a escolhida!"
    Imagem dela:

    A trilha avança 1 ponto


    Se quiser falar telepaticamente com Mi'larhys, siga para o post: https://www.novaerarpg.com/t7118-indo-para-o-evento-da-hypercelula. Mi'larhys tem +1 para liberar poderes para extender o alcance de sua telepatia

    ou pode continuar aqui.
    Nazamura
    Mutante
    Nazamura
    Mutante

    Mensagens : 594
    Reputação : 74
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Sombras na manhã escolar Empty Re: Sombras na manhã escolar

    Mensagem por Nazamura Ter Jun 04, 2024 4:29 pm

    Amber, uma das líderes de torcida mais populares da escola, se aproximou pela lateral, com um sorriso radiante no rosto. Ela não hesitou em se aproximar de Kima, praticamente "empurrando" Alex (@Alexyus) de leve para o lado para poder encostar no braço de Kima. (@Shamps)

    — Mas é claro que você será um sucesso, garota — disse Amber, com entusiasmo. — Olhe como você é forte! Poderá segurar nós três na pirâmide humana e vamos terminar com um espetáculo chamando a atenção de todos os garotos!

    Antes que pudesse responder, Tifany e Madson chegaram também, se juntando à animação.

    — Qual é a sua cor favorita? Temos que fazer os pompons combinarem! — exclamou Tifany.

    — Você já balançou um pompom? — perguntou Madson, curiosa. — Vai ser tão divertido! Você vai adorar estar no centro das atenções!

    Kima se viu envolta em elogios e planos das líderes de torcida, cada uma delas ansiosa para integrá-la ao time e aproveitar sua força e presença imponente.

    --

    Enquanto isso, do outro lado do refeitório, Jason Brooks, o capitão do time de futebol e influenciador popular, observava Hana Choi com um olhar curioso. Ele a seguiu discretamente com os olhos enquanto ela saía do refeitório. Percebendo a oportunidade, ele decidiu ir na mesma direção.



    um teste de perfurar a mascara é necessário se quiserem saber as reais intenções das lideres de torcida.
    Lembrando que Alex está com a condição "Irritado" e "Assustado" e Kima ainda está "Insegura"
    Alexyus
    Semi-Deus
    Alexyus
    Semi-Deus

    Mensagens : 5357
    Reputação : 419
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/411.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/212.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2211.png
    1º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh43.png
    2º Concurso :
    • https://i.servimg.com/u/f51/19/64/68/80/dourad10.png
    • https://i.servimg.com/u/f51/19/64/68/80/bronze13.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh40.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh20.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh18.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh39.png
    • https://i.servimg.com/u/f89/19/67/13/04/medalh45.png

    Sombras na manhã escolar Empty Re: Sombras na manhã escolar

    Mensagem por Alexyus Qua Jun 05, 2024 4:52 pm

    Amber começou a empurrar Alex para conversar com Kima, numa demonstração de intrometimento e falta de educação que irritou o jovem Harper.

    Verdade seja dita, ele já estava irritado desde a visita do Sentinel naquela manhã. Além da irritação, a desunião dos jovens supers o preocupava. Mais do que isso, o assustava. Ele tinha como modelo seu avô Hyperion e seu pai Hyperman, que haviam liderado outros heróis diversas vezes em lutas contra o Mal, e tinha tido a expectativa de um dia seguir os passos daquele legado. Mas agora os seus companheiros de infortúnio pareciam desagregados, tendendo a individualismos e ações pouco heróicas, sem demonstrar qualquer intenção de manter a união que uma superequipe necessitava.

    Alex levantou-se bruscamente, falando com um tom frio e ofendido:

    - Com licença! Vou deixar as garotas com seus assuntos "femininos"!

    Ele marchou rapidamente para fora do refeitório, procurando um lugar onde pudesse respirar. Ele cruzou o corredor com pressa, trombando com outros alunos, o que era mais perigoso para os outros que ele, dado sua altura, porte e superforça comumente ocultada. Sem pensar, ele se dirigiu para o campo esportivo, mas não entrou no gramado. Ele queria ficar sozinho. Achou um lugar reservado embaixo das arquibancadas, onde se sentou no chão, abraçando as pernas com os braços e curvando sua cabeça.

    Ele era responsável, maduro e sensato. Ou procurava ser. Mas muitas pessoas haviam morrido em sua última missão, e mais ainda haviam se ferido. E isso era culpa dele. Não importava que fossem o Fantasma ou o Sombra a detonar aquela autodestruição, a culpa era do Hyperboy. Ele deveria ter sido mais rápido, mais sábio, mais esperto, mais forte. Ele era o mais experiente deles, o mais poderoso e resistente, e carregava todo o legado de sua família. 

    Ele tinha envergonhado o legado.

    Não havia como negar isso para si mesmo, embora pudesse justificar isso para sua família, para outros heróis, para a polícia ou os tribunais, e até para os seus amigos. Ele insistia em chamar jovens que ele acabara de conhecer de amigos, mas ele mal os conhecia, e parecia cada vez mais claro que nenhum deles gostava de Alex. Nem mesmo Kima poderia gostar dele, sabendo como ele havia sido incompetente; até ela, que não tinha amigos ou conhecimento do mundo real, fizera amigas rapidamente na escola. Todos pareciam se ajustar mais rapidamente àquela vida do que ele conseguira em todos os seus anos de identidade secreta.

    Frustrado com tudo aquilo, Alex bateu um dos punhos no chão, descarregando toda a sua força junto com sua tristeza.

    O  impacto causou um pequeno terremoto, fazendo toda a estrutura do colégio sacudir. 

    Em N.A., os prédios já eram construídos com alicerces reforçados e armações flexíveis para resistir a grandes tremores, uma medida necessária numa cidade onde batalhas de superseres eram uma constante quase cotidiana. Era provável que os alunos no interior do colégio tivessem se assustado ao mínimo com aquele pequeno tremor que o Hyperboy provocara inadvertidamente.

    Mas ele sabia o que fizera, e isso era apenas mais um prego no caixão de seu amor-próprio.
    shamps
    Sacerdote de Cthulhu
    shamps
    Sacerdote de Cthulhu

    Mensagens : 2990
    Reputação : 242
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1811.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/712.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/410.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1511.png
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Sombras na manhã escolar Empty Re: Sombras na manhã escolar

    Mensagem por shamps Qua Jun 05, 2024 10:22 pm





    Que sensação estranha era receber tanta atenção, pelo menos de pessoas reais, algo que deixava Kima num misto de emoções como a felicidade de estar bem recebida e o medo de ser tudo falso. Kima se culpava por abrigar essa desconfiança em seu coração, ela precisava superar aquele medo. Mas como? Seu último ano em terras "reais" não foi muito bom e agora que experimentava a vivência com pessoas reais, e o melhor, pessoas especiais como ela. Kima não queria passar uma má impressão e aquilo a afligia. "Ai, céus. O que eu faço?"

    - Bem... minha academia está em dia - e sorriu - acho que eu consigo sim aguentar vocês - ela não tinha real noção das dimensões de sua força, mas sabia que conseguia erguer a sua mãe sem o menor esforço.

    Constantemente ela olhava para Alex buscando aprovação para seus gestos, não queria fazer algo muito oposto ao que as pessoas normais faziam no mundo real. Ela se sentia tão inferior, como um alien. "E eu sendo cruel com a Mila". Ela sabia bem como era se sentir um peixe fora da água. "Eu sou uma pessoa horrível... Ai não... será que o Vince começou assim?" Odiou a ideia de se parecer com o pai um milímetro que fosse. "Eu quero sumir daqui...". Sentiu um nó na garganta.
    As meninas continuavam animadas e Kima tentava manter a fachada de tranquilidade. "Calma, Alex e Hana estão aqui."

    - Rosa... Pompons? Só no jardim de infância... atenções? - eram tantas informações para Kima processar por vez "Eu não quero chamar atenção dos outros garotos... só de um... queria estar na atenção do Alex" Ela piscou algumas vezes para espantar aquelas ideias - eu agradeço muito. Parece muito legal, mas vocês não tem que fazer uma audição para saber se eu me saio bem? A Hana pode ir também? Ela é tão bonita... - no desespero ela clamou pela nova amiga "Tomara que ela não me odeie por isso" Um frio nervoso escalou a espinha da garota. No entanto, Hana saiu correndo sem nada dizer, um pouco desesperador para Kima.

    - O que voc... ? - ela se assustou com a atitude repentina de Alex - Harper? - ele saiu de lá tão depressa que ela mal conseguiu raciocinar - Harper... Meninas, com licença - ela se levantou e foi se afastando delas - eu vou pensar com carinho... ESPERA.... HARPER...

    Ela o seguiu pelo corredor, mas a movimentação intensa de jovens indo e vindo fez com que ela o perdesse de vista. "Ah não... pra onde ele foi?" Ela seguiu até sair do prédio.

    - HARPEEEER... - ela chamava pelo garoto e nem sinal dele "por que ele saiu daquele jeito? Será que ele não gosta daquelas meninas? Ele tem o coração puro e deve saber quem é bom ou não" ela olhava para os lados, preocupada e nada dele. "Ele deve se sentir pressionado talvez... estava bravo desde cedo... deve querer ficar sozinho" todos os rostos jovens traziam a imagem de Alex até ela. Seu coração estava aflito "mas se ele se sente inseguro talvez ele precise de alguém para escuta-lo" - Harpeeeeer! - "e por que seria você essa pessoa?" seu coração tremeu em seu peito "Hana saiu de perto, depois ele.... quem vai querer ser amigo de uma esquisita?" Ela caminhava pelo gramado, viu ao longe a quadra, mas não tinha certeza se ele iria para lá "mas ele é atleta... talvez" rumou para lá. "Ele disse que nós erámos amigos... não, ele foi gentil, ele é muito gentil" - Harpeeeeer... - o desespero por não encontra-lo fez lágrimas surgirem em seus olhos - por favor... "pensa Kima... para onde você iria se quisesse sumir?... O banheiro! Mas eu não simplesmente entrar no banheiro masculino" Parada no gramado, ela bateu o pé no em sua frustração, segurou o cabelo entre os dedos, nervosa "eu não aguento mais isso... que quero a minha mãe... vou voltar para as sombras" - Harpeeer.... - ela secou os olhos. Pensou em socar uma árvore ou uma lixeira, mas aquilo decepcionaria quem confiou nela.

    Ela sentiu o leve tremor e seu coração foi à boca, sabia que tinha sido ele, mas onde ele estava? Ela tinha que encontrá-lo, deveria quebrar aquela escola inteira, para acha-lo. Ela não podia desistir assim. "MAS ELE NÃO QUER TE VER, SUA IDIOTA. PARE!"
    Sombras na manhã escolar 53772567148_d0941babc4_n
    - Har... per... "ele tá perto, mas onde?" - passou a manga do casaco nas bochechas para secá-las e olhou para as arquibancadas. Será? - Harper... se você não quiser conversar eu vou embora, eu prometo - se aproximou devagar da estrutura, sua vontade era de segurar e jogar aquilo longe, mas ela jamais faria algo assim. Vendo o rapaz, ela engole pesado e se aproxima - você quer conversar? - todos os tipos de medos passaram por coração naquele instante "ele saiu correndo, claro que ele não quer". - Eu... me desculpe, não devia ter vindo... mas... foi muita coisa numa só manhã, não é mesmo? - ela decide ir embora, mas acaba ficando, ainda com medo de se aproximar demais. E ela não nem imaginava o que o atormentava, então deduziu ter sido algo com o Sentinel, a única coisa que conseguia pensar e talvez, um bando de garotas estridentes fossem um incômodo para alguém fragilizado. "Talvez ele nem quisesse vir para escola... mas jamais desobedeceria a mãe... Ah... Kima sua burra! O garoto que não decepciona ninguém... é isso... imagine o peso nos ombros" - pessoas dão trabalho... minha mãe sempre me disse que as pessoas são as cores do mundo e que sem elas o mundo não teria graça... ah, mas que besteira eu estou falando... acho que pessoas são a última coisa que você ia querer saber... "não estrague tudo"... ela é bem melhor nisso do que eu, com pessoas, sabe... não sou a melhor pessoa para falar, mas posso ser uma boa ouvinte... mas só se você quiser, é claro...

    Nazamura
    Mutante
    Nazamura
    Mutante

    Mensagens : 594
    Reputação : 74
    Conquistas :
    • https://i.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Sombras na manhã escolar Empty Re: Sombras na manhã escolar

    Mensagem por Nazamura Sex Jun 07, 2024 8:54 am

    Resoluções


    Kima não teve sucesso em tomar um golpe poderoso e as ações de Alex de deixa-la sozinha com as lideres de torcida e se refugiar podem ter limpado a condição dele de Raiva, mas deixou Kima ainda mais se sentindo culpada e desesperançosa, ela superou e seguiu em frente, mas ainda está afetada apesar de tentar conversar com ele


    Enquanto Alex e Kima estavam do lado de fora do gramado eles novamente sentem o pulso telepático de Mi'larhys ordenando a retirada
    O que farão?
    Rodadas liberadas
    Conteúdo patrocinado


    Sombras na manhã escolar Empty Re: Sombras na manhã escolar

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Seg Jun 17, 2024 6:16 am