Um fórum de RPG online no formato de PBF (Play by Forum).


    23/12 - Sábado

    Compartilhe
    Bravos
    Garou de Posto Cinco
    avatar
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2303
    Reputação : 166
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1411.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1312.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1911.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Re: 23/12 - Sábado

    Mensagem por Bravos em Sex Fev 02, 2018 2:25 pm

    23/12, sábado, 20h13
    Samuel, Ghost e Snake


    O ex-militar da gangue estava emputecido com a traição de Jack. Ficar em cima do muro daquela forma quando um colega de caserna pedia auxílio era algo que não toleraria. Snake também tentou acalmá-lo. Por um momento, Samuel pareceu acatar. Porém, de dentro do bar, ainda com a porta aberta, Jack assistia a cena. Eles trocaram olhares penetrantes que deixaram tanto Ghost quanto Snake temerosos. A respiração suspensa e a chuva caindo leve, começando a escorrer pelo rosto. Samuel guardou a arma e virou-se. Os outros dois respiraram pela primeira vez. Já davam os primeiros passos se virando quando a voz veio, como um detonador de bomba da Segunda Guerra Mundial. - É melhor que saia com o rabo entre as pernas mesmo, seu viado!


    O que se passou em seguida foi rápido. Logo a arma estava de novo na mão de Samuel que com um giro rápido já estava de frente para Jack de novo. Ele não foi rápido o bastante, pois enquanto virava veio o estrondo de um tiro. Segundos depois e Samuel estava caindo no chão, sua cabeça sendo projetada para trás pelo impacto da bala. Quando os dois deram-se conta o sangue já estava misturado com a chuva. - Fodeu! Porra, fodeu o plano todo! - Era Ghost, que reagiu antes que Snake. Ele ergueu as mãos em sinal de rendição e se abaixou devagar pegando a chave do carro que estava com o ex-militar e agora defunto. - Vamos embora, Snake. Ficar aqui é só perder tempo e botar em risco o Larry e todos os outros.


    E empurrando e tirando Snake dali, entraram no carro, deu partida e saíram. Era preciso um novo plano.


    23/12, sábado, 20h13
    Maze


    Os pingos de água começavam a molhar a roupa dos dois. Erika era uma mulher especialmente bonita e aquela água ensopando sua blusa branca e nenhum sutiã tinha um forte apelo para qualquer homem. - Não vim te recrutar hoje, não... Mas não vou poder deixar você ir embora com esse arsenal todo. - Ela sorriu de um modo provocativo. - A conjuntura atual não permite... - Maze viu ela tirando do bolso um alicate e observou que ela já tinha mexido em alguma coisa na moto, pois o motor estava muito mais exposto que normalmente. - Ou você me entrega esses explosivos, ou eu corto a corrente da moto e você terá que ir andando e aí pode ser que a polícia te pare no caminho e você fique em cana. - Os olhos daquela mulher pareciam os do próprio diabo.




    @Akugam @Sllaker dando prosseguimento com a mesa. E com os plot twish.



    Sllaker
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 241
    Reputação : 19

    Re: 23/12 - Sábado

    Mensagem por Sllaker em Sex Fev 02, 2018 9:30 pm

    — Jane ontem. Samuel hoje. Quem será amanhã? — Snake refletia, enquanto olhava pela janela e observava o bar afastando-se cada vez mais rápido. A iluminação vermelha em neon e a chuva, que caiam sob o corpo do pobre Samuel, estendido ao chão, davam contornos lúgubres para a cena. Snake percebeu que haviam subestimado o velhote. E aquilo custou caro. Muito caro. — Samuel merecia algo digno. — Falou — Mas quando essa cidade teve alguma dignidade? Quando? — Perguntou, retoricamente. — Ao menos ele se encontrará com sua esposa. E com Jane. — Ele fez o sinal da cruz. — Que Deus o tenha. — Snake não era um cara tipicamente religioso e ele sabia que Samuel riria, como se fosse uma piada, de qualquer menção de sua alma ir para o céu. Mas aquilo permitia que ele controlasse sua raiva e que pudesse se manter concentrado no plano — ou o que tivesse sobrado dele.

    — Maze já deve estar pronto com sua parafernália e o Denis já deve estar tumultuando no cassino. Vou ligar para o Clive. — Falou, enquanto pegava o celular e discava alguns números. Clive sempre sabia o que fazer. Mesmo que isso significasse fazer nada. Quando havia sido preso, foi para o Clive que Snake havia ligado. Ele o parabenizou, como se tivesse acabado de entrar para a faculdade, e ordenou que ele não fizesse nada e que ficasse quieto, enquanto esperava pelos advogados. Após chamar algumas vezes, uma voz rouca atendeu. — Clive, é o Snake. — Falou. — Tenho más notícias.
    Claude Speedy
    Mestre Jedi
    avatar
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1012
    Reputação : 21

    Re: 23/12 - Sábado

    Mensagem por Claude Speedy em Qua Fev 07, 2018 7:25 am

    Assim que ouço que será chamado em breve, me animo sorrio e observo o balcão, as pessoas sentadas e em toda parte. Fico torcendo para os próximos virem em direção de forma amistosa ou violenta, tenho de jogar toda atenção para o palco até que eles venham fazer o serviço. Temos tempo.

    Dizem que a vingança é um prato que se come frio, nada mais gelada que uma bebida enfiada goela abaixo. Eu espero sinceramente que uma pulga atrás da orelha dos donos do lugar coce fundo e certamente vai ser justamente depois do show que vão me atacar... Nessa hora meus colegas já estarão aqui com certeza.Meu plano estava indo bem, antes que eu suba eu já rapidamente converso com duas das mulheres que trabalham aqui para me encontrarem depois do show e pergunto já quanto é o preço com o quarto incluso. Assim, é um jeito de antes dos capangas chegarem, os negócios viram em primeiro lugar. Provavelmente vão achar que podem me pegar não depois do show e sim depois do quarto...

    Converso rapidamente com elas, então volto a relembrar as piadas do meu número.
    Tenho dois momentos para ficar manifesto de forma tão extravagante que eu fico secreto.
    Depois de combinar tudo com as três garotas, eu pego apenas alguns amendoins e fico no aguardo de ser chamado...
    Akugam
    Tecnocrata
    avatar
    Tecnocrata

    Mensagens : 337
    Reputação : 8

    Re: 23/12 - Sábado

    Mensagem por Akugam em Qua Fev 07, 2018 1:33 pm

    Maze engole seco e olha discretamente para todos os lados procurando uma solução. Seus olhos passam pela corrente, a mesma que Erika ameaçou cortar, e param ao ver o tanque de gasolina da moto, Erika ainda estava em cima do veiculo, e isso da uma ideia para ele. Um sorriso perverso se abre no rosto dele. -Fique a vontade para cortar esta corrente, já faz um bom tempo que não faço uma caminhada na chuva.
    Bravos
    Garou de Posto Cinco
    avatar
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2303
    Reputação : 166
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1411.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1312.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1911.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Re: 23/12 - Sábado

    Mensagem por Bravos em Sex Fev 09, 2018 11:24 am

    23/12, sábado, 20h17
    Snake e Ghost


    O companheiro de gangue permaneceu calado diante dos comentários de Snake sobre Samuel ter ido para um lugar melhor e todas essas porras que se dizem quando alguém morre. - Porra... - Deixou que o xingamento saísse sem muito motivo. Era apenas uma expressão do sentimento ruim que lhe tomava. A chuva parecia começar a engrossar. Pela cabeça de ambos passava a quantas andava os planos. Discou o número de Clive. Tocou uma, duas, três vezes antes daquela voz conhecida atender do outro lado: - Alô? - Ouve um silêncio quando Snake disse que tinha más notícias. - O que diabos aconteceu?


    23/12, sábado, 20h17
    Maze


    Os planos de Maze eram perversos. Ele ia explodir a moto e Erika num movimento só. Já caminhava em direção a ela enquanto a chuva engrossava e começava a deixar ambos realmente encharcados. Ela levantou devagar da moto e com as mãos jogou os cabelos molhados para trás. Naquela altura seus seios estavam marcados e enrijecidos por conta do frio e da chuva. Maze não era o tipo de cara tarado que anda por ai, mas não dava simplesmente para ignorar aquilo. Ainda mais quando ela foi andando na sua direção com um passo propositalmente provocativo. Antes que Richard pudesse fazer alguma coisa, o corpo esguio dela estava em contato com o seu. - Você sabe que poderia muito mais conosco... - Foi o que ela disse, contudo, seu tom de voz dizia outras coisas mais impronunciáveis. De repente o plano que Maze tinha na cabeça se esvaiu e a única coisa que ele conseguia pensar era nos lábios quentes de Erika que encontravam os seus.


    Já não lembrava de plano ou de vingança nenhuma enquanto aquele beijo acontecia e ele sentia as mãos pequenas, mas firmes, de Dynamite percorrendo seu peito, abdômen até chegar próximas à virilha. Sentiu o sangue bombear. E em seguida, sua mão leve. O beijo terminou e ela se afastou empurrando-o delicadamente com a mão quase lá... - Mas sem explosivos hoje, garotão. - E sem ação Maze viu ela se afastando, entrando no carro e partindo. Com todo o equipamento que ele comprara.


    23/12, sábado, 20h26
    Denis


    Bebeu a cerveja que lhe deram e combinou com duas das garotas de programa para logo após sua entrada no palco, ele tivesse seu serviço no quarto. Denis era engenhoso e sabia que assim estaria ganhando tempo em cima das ganâncias próprias de quem tem um prostíbulo. July, a garota da maquiagem, passou uma base na sua cara de qualquer jeito e outras coisas mais que ele não sabia nem se importava do que fosse. - Prontinho, baby. Vou avisar que você está no ponto. - Ela deixou-o sozinho no camarim. Momentos depois voltou. - Ok, pode subir. As garotas pediram para lhe avisar que estarão esperando no quarto 201. Fica no segundo andar, claro. Aqui o cartão de acesso. - Ela lhe entregou um cartão daqueles de hotel, já quase apagado pelo uso contínuo para destravar as portas. Pela sua cabeça passou como estariam esperando as duas garotas quando chegasse. Talvez valesse a pena comandar muita bebida. Só para colocar a cereja do bolo. - O palco é seu! - Aquela frase, agora vinda do responsável pelo palco, o chamou de volta. Era hora de brilhar.




    @Sllaker dê prosseguimento ao diálogo com o Clive, tentarei te responder com mais agilidade. @Akugam e agora, José? Maze ficou com os pneus arriados por Erika. @Claude Speedy pode interpretar um pouco no palco e depois já subir pro quarto, vamos acelerar um pouco as coisas. Gogo, amigos, o jogo há de pegar fogo a partir de agora.



    Sllaker
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 241
    Reputação : 19

    Re: 23/12 - Sábado

    Mensagem por Sllaker em Qui Fev 15, 2018 6:08 pm

    — O que diabos aconteceu? — perguntou Clive, do outro lado da linha telefônica. Outro silêncio perdurou por alguns segundos, ouvindo-se apenas a chuva que persistia em cair lá fora, enquanto Snake procurava uma forma de anunciar o acontecido. Sem muito sucesso, resolveu falar sem muitas delongas. — O Samuel morreu. — As palavras deixaram um gosto amargo em sua boca. Três palavras curtas e simples, para algo tão grande e complexo. — O velho não cedeu o bar. E no fim, o covarde atirou pelas costas matando o Samuel. Não tivemos o que fazer. — Lamentou. — Mas ele não morreu em vão. Como anda o plano? — Perguntou, esperançoso por alguma notícia que fosse boa.
    Bravos
    Garou de Posto Cinco
    avatar
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2303
    Reputação : 166
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1411.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1312.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1911.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Re: 23/12 - Sábado

    Mensagem por Bravos em Qui Fev 15, 2018 11:56 pm

    23/12, sábado, 20h19
    Snake e Ghost


    Clive ficou calado por quase um longo minuto. Quando falou sua voz parecia quebrada. - Eu não faço a menor idéia... - Snake ouviu o som de algo batendo com força num plano duro, possivelmente uma parede, junto com uns grunidos de Clive. - Mas que caralhos! Eu não sei se Maze conseguiu os explosivos. Só sei que Denis já está no Oasis. Precisamos abortar agora o plano. É arriscado demais tentar alguma coisa hoje. - Agora um golpe seco, o som de algo se partindo.  - Encontrem o Maze e vamos pensar numa forma de tirar Denis daquele puteiro. Você sabe onde encontrá-lo. - E na verdade, Snake sabia. Ou estaria na sua oficina, ou na loja de conveniência onde ele comprava o material que precisava.



    Claude Speedy
    Mestre Jedi
    avatar
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1012
    Reputação : 21

    Re: 23/12 - Sábado

    Mensagem por Claude Speedy em Sex Fev 16, 2018 12:50 pm


    -Oi, para quem me conhece meu nome é Denis Wilson... E pra quem não me conhece também...
    Ah, certo... Oh, difícil controlar isso daqui... Ah, não é a primeira vez que algo nesse formato me f#&$...
    Eu vou explicar isso para aquelas duas garotas daqui a pouco.! É... eu pago por sexo... quem nunca...?
    Sem dúvida que vieram aqui só para me ver, mas deêm uma força para mulherada...
    Eu ia começar com um material típico de comédia dizendo que aconteceu algo engraçado vindo pra cá...
    Mas não acontece nada engraçado quando você vai para um lugar... Exceto hoje... quando eu vinha pra cá...
    Tinha duas loiras lésbicas atacando um médico... Sim, parece que era isso que ele pensou que fosse antes de ser condenado...
    Pena, se tivesse vindo para o Oásis ver meu show isso não teria acontecido... Parece que ele estava se passando por uma delas...
    Aliás, isso é uma igreja ou um bar? Cada aviso de fim do mundo eu corro para um lugar diferente. Já notaram isso?
    É só um crente ficar triste que ele vem beber e um bêbado fica triste e ele vai para igreja...

    Por isso Cristo é o que tem mais seguidores, ele fazia a água virar bebida!
    Isso sim é que era Oásis, hein?
    Por isso os tiras meteram ele na cruz, porque bêbado chato o povo castiga...
    Jesus era foda! O cara bebia tanto que o sangue dele era vinho!
    isso é que um Deus que se pode confiar!

    Foi mal, garoto judeu da terceira! Foi mal! Mas a verdade é que você tem de se converter também, assim não teriam cortado seu pinto!

    Eu até já confiei em Jesus, além de lidar com público eu sou um lutador...É, isso mesmo... eu era um fiel cristão... Até que um dia...
    Eu fui para uma luta de Vale Tudo e perdi! Pensei eu perdi? Onde estava o milagre...? Rapidamente culpei Deus para o público... Claro! Afinal, quando ganham falam que Jesus teve haver com isso, mas quando perde a gente tem de reconhecer que ele teve haver com isso. Estava ele aí ajudando o meu adversário a bater na minha cara...
    Por quê? Eu não sei...

    Vai ver tava chapado de vinho, esse filho da p%¨¨@...


    Mas para quem ficou ofendido com brincadeiras com religião, lembrem que vocês nos ensinam amor...
    ...e hoje vou tentar aprender desse amor para aquelas duas ali.

    Vocês podem tentar aprender com a mulherada do Oásis a mesma lição que Maria Madalena ensinou para Cristo!

    Amém, seus bastardos!


    Subo para o quarto. Sei que em breve vou ter de sair dele com gente pela minha porta. Mas que se dane, vai ser de arrebentar.
    Bravos
    Garou de Posto Cinco
    avatar
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2303
    Reputação : 166
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1411.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1312.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1911.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Re: 23/12 - Sábado

    Mensagem por Bravos em Sab Fev 17, 2018 11:57 am


    23/12, sábado, 20h40
    Denis


    Se você quer saber como tirar umas risadas de uns desgraçados, misture um pouco de religião com sacrilégio, chacoalhe bem e sirva gelado. Denis sabia a receita e fez. Durante treze minutos e uns segundos ele atraiu a atenção dos espectadores e sem dúvida dos donos do negócio. De cima do palco, ele viu a movimentação dos seguranças e os rádios sendo passado, pequenos olhares e gestos. Tudo indicava que eles triangulavam seu próximo passo. Lançou sua última piada arrancando o aplauso efusivo da platéia. Abaixou-se numa reverência de agradecimento e quando voltou a cortina já tinha fechado. Sentiu-se satisfeito consigo e saiu do palco, já procurando o caminho até o quarto 201, onde ele estaria sendo esperado.


    Seguindo os corredores dos camarins, alguém lhe indicou o caminho até os elevadores. Entrou num e apertou o botão para o segundo andar. A porta se abriu instantes depois colocando-o de cara com um corredor genérico de hotel. Paredes muito brancas e lisas até o roda-teto, onde terminavam com motivos ecléticos. Chão coberto por um carpete bordô e um tapete vermelho vivo. Uma ou outra mobília com vasos e flores de plástico. Seu quarto era o primeiro. Bateu a porta. Lá de dentro uma voz feminina sensualmente forçada responde. - Pode entrar, bonitão. Nós estamos nos preparando aqui.




    @Claude Speedy 1 ficha pelo empenho na escrita da performance no palco What a Face



    Claude Speedy
    Mestre Jedi
    avatar
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1012
    Reputação : 21

    Re: 23/12 - Sábado

    Mensagem por Claude Speedy em Dom Fev 18, 2018 2:33 pm

    Diante da porta penso que...

    É claro que ela mesmas podem fazer parte da cilada...

    Mas é claro também que eu também estava pronto para chamar atenção, os sujeitos são negociantes e também sabem que eu sou membro de rivais...

    Mas podem pensar que sou meramente um cabeça de vento, um idiota frustrado com a morte de uma garota e por isso estou tão irresponsável hoje. Eu não citei que sei da culpa deles, nem tentei agitar o bar para o povo ficar contra seus donos... A voz da garota me faz tremer por um instante. Eu fiz tudo por elas...

    Saco... Será que é essa a saída?

    -Garotas, podem vir aqui um instante... Tenho um presente.

    Nisso vou até o quarto do lado e bato na porta também para saber se tem mais alguém.

    Vou precisar me preparar... Se a galera não agir logo, eu vou ser frito...

    Cara... garotas...

    Tenho de ter um lugar pra isso!
    Bravos
    Garou de Posto Cinco
    avatar
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2303
    Reputação : 166
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1411.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1312.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1911.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Re: 23/12 - Sábado

    Mensagem por Bravos em Seg Fev 19, 2018 8:09 pm


    23/12, sábado, 20h41
    Denis


    Dennis ficou num impasse diante da porta ao ouvir a voz de uma das garotas lá de dentro. Será que haviam armado para ele já? Ele as queria. Seu corpo já estava ardendo só de pensar naquelas duas e ele nem tinha chegado a vê-las 'preparadas'. Decidiu bater no quarto ao lado. Duas batidas. Não pareceu haver resposta. As garotas também não responderam mais. Já pensava em sair dali quando ouviu o trinco da porta do quarto que havia batido abrir. Virou-se de sopetão. A porta se entreabriu o bastante para ver o meio corpo gigante que olhava para ele com um olhar vazio.


    - Entre. - A voz grave e desprovida de vida de Henry pareceu ecoar naquele corredor. Talvez ele já estivesse muito mais fodido do que imaginava.



    Sllaker
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 241
    Reputação : 19

    Re: 23/12 - Sábado

    Mensagem por Sllaker em Ter Fev 20, 2018 11:51 pm

    — Encontrem o Maze e vamos pensar numa forma de tirar Denis daquele puteiro. Você sabe onde encontrá-lo. — Clive falou. — Certo. — Snake respondeu antes de desligar. A julgar pelo tempo, é bem provável que Maze ainda estivesse na loja. Se tratando de comprar explosivos, ele era como uma criança visitando a Disneylândia. De qualquer forma, a oficina só ficava a alguns quarteirões da loja. — Vamos atrás do Maze. Vá para a loja. — Falou secamente para o Ghost, que não tardou em acelerar, cantando pneu pela rua.

    — Denis tá no Óasis. — Snake falou, preocupando-se, enquanto Ghost cortava entre alguns carros. — Ele sabe se virar. — O rapaz retrucou, sem tirar o olho da pista. E era verdade. Poucos são aqueles capazes — ou burros — de tentarem bater de frente com Denis. Ele é forte e, se isso não bastasse, ainda possuí experiência em lutas que o faz se sobressair em qualquer briga. Lutar com ele é como bater numa porta, só que essa porta te bate de volta — 2 vezes mais forte. Mas é uma pena que ele não tenha tanta força em controlar a libido. Talvez tivesse sido um grande lutador famoso e morado em alguma mansão milionária bem longe dessa cidade. Mas hoje ele estava no Óasis e, bem... era melhor que chegássemos a tempo.
    Claude Speedy
    Mestre Jedi
    avatar
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1012
    Reputação : 21

    Re: 23/12 - Sábado

    Mensagem por Claude Speedy em Seg Fev 26, 2018 12:59 pm

    A primeira coisa é fingir-se de bêbado deprimido

    -Ei, eu acho que você esta no meu quarto! Eu ia pagar por duas garotas pra mim, qualé a sua? Eu vim aqui no quarto 201... não você.

    Comento isso pelo simples motivo que estou no quarto errado e as meninas ainda não saíram... de fato, eu vou tentar me esgueirar para o quarto do lado, olhando como se eu estivesse confuso sobre o que estou fazendo...

    ...mas sem perder Henry de vista.


    Bravos
    Garou de Posto Cinco
    avatar
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2303
    Reputação : 166
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1411.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1312.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1911.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Re: 23/12 - Sábado

    Mensagem por Bravos em Qua Fev 28, 2018 11:04 am


    23/12, sábado, 20h30
    Snake e Ghost


    Eles finalmente chegaram à loja onde Maze comprava suas bugigangas. Ainda chovia e forte. Estacionaram o carro na frente. Botando o pé no estacionamento e sentindo a chuva cair gelada no rosto eles viram a moto de Maze que estava parada ali. Talvez ele tivesse se demorado nas compras. Snake já estava com a mão na porta quando Ghost comentou em alta voz, olhando para o chão: - Parece que tinha outro carro aqui e que saiu apressado. Olha as marcas de pneu. - De fato, surgindo bem próximo da moto, o piso estava marcado com o rastro de borracha de um carro que dava a partida bruscamente e em velocidade. - Deve ter saído antes da chuva começar a engrossar... . - Dizendo aquilo, Ghost virou-se para Snake, acenando com a cabeça para que abrisse a porta e entrassem.


    23/12, sábado, 20h42
    Denis


    Talvez a melhor saída para a situação era se fazer de doido e isso Denis estava fazendo desde que entrou naquele puteiro. Fingiu-se de bêbado confuso que mal sabe qual é a porta do quarto que vai entrar. Porém, o truque pareceu não enredar o guarda-costas-mor do local. Ele viu quando a mãozarra de Henry veio devagar em direção do seu ombro e sentiu o peso dela quando tocou-o. - Eu sei exatamente quantas bebidas você bebeu, idiota. Não vai me enganar. - Aquele toque no ombro era pesado e era quase um aviso. Um aviso bem veemente. - Vai entrar por bem ou por mau?



    Sllaker
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 241
    Reputação : 19

    Re: 23/12 - Sábado

    Mensagem por Sllaker em Sex Mar 02, 2018 2:04 am

    Snake questionou-se por que diabos o Maze sairia as pressas e deixaria a moto lá fora, na chuva. — Talvez não tivesse chovendo quando ele saiu. Não, não. Ele não largaria a moto assim. Não aqui. — Um frio na espinha congelou-o por alguns segundos enquanto sua mente remoía o fato. O som crescente de uma sirene chamou-lhe a atenção e, ao virar-se para a rua, observou uma viatura policial deslocar-se velozmente na direção da qual haviam acabado de vir. Ghost e Snake trocaram olhares antes de finalmente empurrarem e abrirem a porta da loja. Dando alguns passos Snake encontrou-se dentro do que parecia ser uma loja de conveniência comum, apesar da aparência desgastada do local. Sentada atrás de um balcão uma senhora analisou-lhes da cabeça aos pés e, sem dirigir-lhes a palavra, balançou a cabeça para o lado tentando mostrar-lhes algo. Snake se virou na direção indicada e logo percebeu o quê.

    No canto da loja um homem corpulento concentrava-se em organizar alguns produtos numa prateleira. Snake perguntou-se como não havia notado sua presença antes. Ele era alto e de grande estatura e, ao perceber a chegada dos visitantes, mancou compassadamente enquanto aproximava-se. Uma tarja branca no avental identificava-o como Angus. — Até onde eu sei esse cara pode muito bem ser do Sindicato. Os materiais que ele vende... hm, não é qualquer um que tem acesso. Maze definitivamente não era burro, mas também não era muito cauteloso. Qualquer bobeira que ele desse... já era. Bastaria uma ligação e o Sindicato daria conta dele... do plano... de tudo. — Pensar sobre isso era angustiante, mas era necessário ter cuidado.

    O homem havia se aproximado e manteve um rosto sem expressão quando, numa voz igualmente inexpressiva, perguntou. — Como posso ajudá-los? — Snake encarou os olhos estranhamente pálidos e profundos do homem. — Bem... ajudaria muito se nos dissesse como fazer essa chuva parar. — Falou sorrindo com uma falsa simpatia. O homem ignorou, dando de ombros. — Tô brincando grandão. — Snake deu uma gargalhada falsa e continuou. — Basta que nos dê... hmm, duas vodcas e... — Coçou a cabeça enquanto fazia-se de desentendido. — Acho que um maço de cigarros e... ah, um isqueiro também. O meu já era. — O homem moveu-se até uma prateleira e pegou as duas garrafas de vodca, indo agora em direção ao caixa. — Aquela moto lá fora é sua? — Snake perguntou, enquanto acompanhava o homem. Ao olhar para o balcão do caixa notou que a senhora já não se encontrava lá. Trocou olhares com Ghost, mas ele parecia tão confuso quanto.
    Claude Speedy
    Mestre Jedi
    avatar
    Mestre Jedi

    Mensagens : 1012
    Reputação : 21

    Re: 23/12 - Sábado

    Mensagem por Claude Speedy em Sex Mar 02, 2018 8:41 am

    Uma única pergunta vinha na minha cabeça quando a mão dele tocava minha roupa me puxando com força e eu por hora me deixava levar como um boneco de pano...

    "Mas por que diabos meu pessoal ainda não chegou?"

    ... a tática era simples no momento que eu sou tocado, não vou mais usar força para que ele se sentisse confortável e me pondo de volta, eu realmente tinha bebido pouco e até esperava que eles fossem perceber só que depois de fazer um show noturno e enrolar por horas no bar, para finalmente entrar na outra porta... Mas não contava que eles esperariam justamente em um quarto do lado e sim pelo menos no final do corredor. A ideia era eu enrolar e chamar atenção meramente até o começo do ataque deles... Mas nem sinal deles... Pelo visto vai sobrar o de sempre na vida, eu fazer todo trabalho grosso...

    -Tá cara... que você quer...? Me zoar também pelo minha tristeza, é isso? Depois de tudo que me aconteceu?

    Ainda me finjo de bêbado, mesmo com a afirmação dele essa noite ainda vou confirmar meu disfarce. Conforme ele continuar a insistir, se ele me puxar para dentro eu mantenho meu corpo leve e sigo até ficar de costas pra ele, nessa hora eu vejo o que tem lá dentro, se ele tiver mais amigos eu torço o pulso e o projeto com uma chave de cotovelo para o jogar na minha frente fazendo um muro. Se não eu deixo ele me colocar lá no quarto e só torço a mão dele quando ele estiver fechando a porta atrás de nós e aí o jogo direto no chão.



    Bravos
    Garou de Posto Cinco
    avatar
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2303
    Reputação : 166
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1411.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1312.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1911.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Re: 23/12 - Sábado

    Mensagem por Bravos em Ter Mar 06, 2018 9:01 pm


    23/12, sábado, 20h34
    Snake e Ghost


    Angus acompanhava com o olhar a movimentação de Snake dentro da loja. Não parecia especialmente feliz de vê-lo ali. Mas pelo que Snake via talvez ele nunca esteve especialmente feliz... Quem queremos enganar? Talvez ele nunca tivesse estado minimamente feliz com aquela cara de cu o tempo todo. - Aquela moto é de um cara que veio aqui há pouco. Talvez ele queira ser roubado deixando ela aí. Vamos fechar mais cedo hoje. - Com a mãozarra ele pôs sobre o balcão o isqueiro. - Escolha seu cigarro. - Acenou com a cabeça, indicando o mostrador cheio de maços demonstrativos com cigarros bons, cigarros ok e cigarros que é melhor você nunca por na boca se não quiser ser o Mister Câncer.



    Sllaker
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 241
    Reputação : 19

    Re: 23/12 - Sábado

    Mensagem por Sllaker em Qui Mar 08, 2018 10:42 pm

    Snake pegou uma caixa de cigarros branca com detalhes em vermelho cor sangue. Num dos lados, lia-se a marca do produto e, do outro, via-se uma foto de um pulmão destruído pelo tabaco seguido por alguns avisos. — Isso é engraçado, sabe. Eu tô encarando a possível causa da minha morte, aqui, bem na palma da minha mão. Essa pequena caixinha, quem diria que ela seria tão terrível? — Falou, mas dessa vez continuou com um tom de voz mais ameaçador. — A verdade é que encaramos a morte todos os dias... e as vezes escapamos sem nem perceber, por detalhes. — Seus olhos encaravam os do homem. — Vou te fazer uma pergunta e quero que me responda a verdade. — Ele olhou para o Ghost, esperando que ele estivesse preparado para qualquer desdobramento que aquilo pudesse ter. — A verdade é que nunca estamos. Até que... — Ele voltou a encarar o homem. — O “cara” da moto. O nome dele é Maze. E você vai me dizer, com detalhes, o quê aconteceu com ele.

    Snake não sabia como o homem iria reagir. Ele podia mentir, negar, ocultar informações ou partir logo para uma briga. Qualquer que fosse a reação, eram dois contra um e, com ambos armados, era difícil prever uma situação em que o homem sairia vivo. — Também fora assim no bar. — Percebeu, de imediato. — E não acabou bem...
    Bravos
    Garou de Posto Cinco
    avatar
    Garou de Posto Cinco

    Mensagens : 2303
    Reputação : 166
    Conquistas :
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/311.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1411.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1112.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/912.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1312.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1711.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1413.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1611.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/1911.png
    • https://i11.servimg.com/u/f11/17/02/65/26/2111.png

    Re: 23/12 - Sábado

    Mensagem por Bravos em Seg Mar 12, 2018 2:05 pm


    23/12, sábado, 20h34
    Snake e Ghost


    - É... era a resposta de Angus para o desenho na caixa de cigarros. Sua voz saiu tão sem emoção quanto um bloco de concreto. Isso chegou a impressionar Snake, mas continuou com sua fala ameaçadora. O homem continuava a olhar para ele impassível, como um boi. - Eu sei quem é. E eu acho melhor você baixar sua bola. - Aquela mesma voz morta agora tomava um ar intimidador. A troca de olhares entre os dois pesava mais que qualquer arma que tivessem nos bolsos. Quem quebrou o silêncio foi o próprio Angus. - Ele foi embora com uma mulher que o estava esperando do lado de fora.



    Sllaker
    Cavaleiro Jedi
    avatar
    Cavaleiro Jedi

    Mensagens : 241
    Reputação : 19

    Re: 23/12 - Sábado

    Mensagem por Sllaker em Qua Mar 14, 2018 9:12 pm

    — Uma mulher? — Snake perguntou-se, sem desviar o olhar do homem. Ele parecia falar a verdade, apesar da dificuldade de fazer qualquer leitura sobre o estranho. Sua postura corporal, sua expressão, seu tom de voz e seus olhos não mudavam. Era com indiferença que respondia às ameaças. Snake trocou olhares com Ghost mais uma vez. O rapaz vigiava discretamente a porta, enquanto acompanhava com uma expressão de incerteza toda a conversa. — Que mulher era essa? Para onde eles foram? — Snake pôs-se a perguntar, voltando-se para encarar os olhos pálidos de Angus. Sua voz era séria e as palavras saiam como se tivesse proferindo ordens. — Espero que as cumpra — Pensou. — Se não terei que o encará-lo através da mira de uma 9mm. E quem não se intimida com a cobra acaba morrendo no primeiro bote.
    Conteúdo patrocinado


    Re: 23/12 - Sábado

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Sab Jul 21, 2018 8:52 am